Page 1

AS MELHORES FOTOS DO PORTAL INTERBUSS, CONFIRA

interbuss PORQUE TRANSPORTE É VIDA | ANO 7 | N° 346 | 28 DE MAIO DE 2017

O AVANÇO RUSSO NA MOBILIDADE Várias ações na área de mobilidade implementadas pelo governo russo foram reconhecidas na Cúpula da UITP, que aconteceu em Montreal

PRIMEIRO BARCO AUTÔNOMO SAIRÁ DO PAPEL


UMA REVISTA

PARA QUEM QUER

SABER TUDO SOBRE TRANSPORTE

NO BRASIL

E NO MUNDO. TODO DOMINGO,

UMA NOVA EDIÇÃO.

interbuss PORQUE TRANSPORTE É VIDA

CONTEÚDO DE QUALIDADE COM RESPONSABILIDADE


PEÇAS PARA

BUSSCAR CONFIRA NOSSAS PROMOÇÕES!

TORNEIRA SANITARIO BUSSCAR ESPELHO RETROVISOR EXTERNO LE BUSSCAR MARTE MANUAL R$

1309,73

LANTERNA PISCA AMARELA BUSSCAR >01 R$

37,23

R$

170,00

PORTA DIANTEIRA PANTOGRAFICA LD BUSSCAR JUMBUSS 360 R$

7419,00

Linha completa de peças de reposição Busscar. Confiram em nossa loja virtual. Compre pela internet! www.apolloonibus.com.br

RUA MÁRIO JUNQUEIRA DA SILVA, 1580 JARDIM EULINA - CAMPINAS/SP

FONE: (19) 3395-1668 NEXTEL: 55*113*14504


NESTA EDIÇÃO DEU NA IMPRENSA

Rússia cresce na área de mo

Várias ações que estão sendo feitas de 2010 foram reconhecida SUMÁRIO

6 NOSSA OPINIÃO

12 PÔSTER

7 A IMAGEM MARCANTE

14 DEU NA IMP

Mais deboche com a cara dos campineiros

A foto que marcou a semana no setor de transportes

Marcopolo Paradiso G6, p

As notas da imprensa espe

10 A GRANDE MATÉRIA

16 REDE SOCIA

11 ADAMO BAZANI

18 O MELHOR D

ZF firma parceria para produzir veículos autônomos

Licitação dos transportes em São Paulo é adiada

O seu espaço na InterBuss

As melhores fotos publicad


ANO 7 | Nº 346 | DOMINGO, 28 DE MAIO DE 2017 | 1ª EDIÇÃO | CONCLUÍDA ÀS 19h37 (6ª) EDIÇÃO COM 24 PÁGINAS

obilidade

as pela UITP

por Gustavo Campos

PRENSA ecializada

AL s

DA INTERBUSS das no Portal InterBuss

09

O MELHOR DA INTERBUSS

Confira o que já saiu de melhor nas galerias do Portal InterBuss

As melhores fotos já publicadas no antigo Portal InterBuss

18

A GRANDE MATÉRIA

ZF firma parceria para iniciar produção de veículo autônomo

Produção deverá começar já em meados do ano que vem

10

DEU NA IMPRENSA

Primeiro navio autônomo e elétrico sairá breve do papel

Modelo foi criado pela fabricante de fertilizantes Yara

14

REDE SOCIAL

Confira as melhores fotos que foram publicadas no Facebook

As melhores fotos da semana saem aqui na Interbuss!

16


EXPEDIENTE

Uma publicação da InterBuss Comunicação Ltda. DIRETOR-PRESIDENTE / EDITOR-CHEFE Luciano de Angelo Roncolato JORNALISTA RESPONSÁVEL Luciano de Angelo Roncolato REVISÃO Luciano de Angelo Roncolato ARTE E DIAGRAMAÇÃO Luciano de Angelo Roncolato AGRADECIMENTOS DESTA EDIÇÃO Agradecemos à todos os colaboradores de todo o país pelas fotos enviadas esta semana para capa, matérias e pôster. SOBRE A REVISTA INTERBUSS A Revista InterBuss é uma publicação semanal do site Portal InterBuss com distribuição on-line livre para todo o mundo. Seu público-alvo são frotistas, empresários do setor de transportes, gerenciadores de trânsito e sistemas de transporte, poder público em geral e admiradores e entusiastas de ônibus de todo o Brasil e outros países. Todo o conteúdo da Revista InterBuss provenientes de fontes terceiras tem seu crédito dado sempre ao final de cada material. O material produzido pela nossa equipe é protegido pela lei de direitos autorais e sua reprodução é autorizada após um pedido feito por escrito, e enviado para o e-mail revista@ portalinterbuss.com.br. As fotos que ilustram todo o material da revista são de autoria própria e a reprodução também é autorizada apenas após um pedido formal via e-mail. As imagens de autoria terceira têm seu crédito disponibilizado na lateral da mesma e sua autorização de reprodução deve ser solicitada diretamente ao autor da foto, sem interferência da Revista InterBuss. A impressão da revista para fins particulares é previamente autorizada, sem necessidade de pedido. PARA ANUNCIAR Envie um e-mail para contato@portalinterbuss.com. br ou ligue para (19) 99483-2186 e converse com nosso setor de publicidade. Você poderá anunciar na Revista InterBuss, ou em qualquer um dos sites parceiros do grupo InterBuss, ou até em nosso site principal. Temos diversos planos e com certeza um deles se encaixa em seu orçamento. Consulte-nos! PARA ASSINAR Por enquanto, a Revista InterBuss está sendo disponibilizada livremente apenas pela internet, através do site www.revistainterbuss.com.br. Por esse motivo, não é possível fazer uma assinatura da mesma. Porém, você pode se inscrever para receber um alerta assim que a próxima edição sair. Basta enviar uma mensagem para revista@portalinterbuss.com.br e faremos o cadastro de seu e-mail ou telefone e você será avisado. CONTATO A Revista InterBuss é um espaço democrático onde todos têm voz ativa. Você pode enviar sua sugestão de pauta, ou até uma matéria completa, pode enviar também sua crítica, elogio, ou simplesmente conversar com qualquer pessoa de nossa equipe de colunistas ou de repórteres. Envie seu e-mail para revista@ portalinterbuss.com.br ou contato@portalinterbuss. com.br. Procuramos atender a todos o mais rápido possível. A EQUIPE INTERBUSS A equipe do Portal InterBuss existe desde 2000, desde quando o primeiro site foi ao ar. De lá pra cá, tivemos grandes conquistas e conseguimos contatos com os mais importantes setores do transporte nacional, sempre para trazer tudo para você em primeira mão com responsabilidade e qualidade. Por conta disso, algumas pessoas usam de má fé, tentando ter acesso a pessoas e lugares utilizando o nome do Portal InterBuss, falando que é de nossa equipe. Por conta disso, instruímos a todos que os integrantes oficiais do Portal e Revista InterBuss são devidamente identificados com um crachá oficial, que informa o nome completo do integrante, mais o seu cargo dentro do site e da revista. Qualquer pessoa que disser ser da nossa equipe e não estiver devidamente identificada, não tem autorização para falar em nosso nome, e não nos responsabilizamos por informações passadas ou autorização de entradas dadas a essas pessoas. Qualquer dúvida, por favor entre em contato pelo e-mail contato@portalinterbuss.com.br ou pelo telefone (19) 99483.2186, sete dias por semana, vinte e quatro horas por dia.

NOSSA OPINIÃO

Editorial

A prefeitura de Campinas continua debochando A prefeitura de Campinas mais uma vez debochou da população. Ao assinar o convênio com a Caixa Econômica Federal, que garante os R$ 100 milhões que faltavam para toda a obra do sistema BRT da cidade, o “secretário” de transportes Carlos José Barreiro disse que as obras vão começar apenas em agosto, mas ainda sem data definida pois ainda está sendo feita a parte correspondente ao projeto executivo, sendo comparado com o projeto básico para validar o que é viável e o que não é viável fazer. O prazo inicial venceria no final de junho e até uma contagem regressiva estava sendo feita nas redes sociais, já que ninguém mais acredita que essa obra irá sair do papel um dia de tão enrolada que está. Já se passaram quatro prefeitos desde que a obra foi anunciada e até agora nem uma pedra foi colocada em algum dos locais da obra. Cada hora o senhor Barreiro arruma uma desculpa esfarrapada para adiar mais uma vez a obra, simplesmente debochando da cara dos campineiros que precisam de um modal mais eficiente para poderem se deslocar pela cidade cada vez maior e mais desorganizada, sobretudo na área do trânsito que não recebe um investimento de grande envergadura há pelo menos vinte anos. Quando foi assinada a liberação da primeira parte da verba, que é a federal, no mês retrasado, houve a esperança de que realmente a obra fosse sair do papel, uma vez que com o dinheiro liberado, que geralmente é a parte mais difícil e a que mais se reclama de todas as partes, sempre pedindo mais e mais para que as obras sejam concluídas, mas foi um novo engano. A população ainda terá que esperar por mais dois meses para talvez ver as obras começando. De acordo com o cronograma (se é que realmente há um cronograma pois tudo é duvidável depois de tanta enrolação desse governo atual da cidade) as obras deveriam começar pelo início da Avenida John Boyd Dunlop, na região da Vila Teixeira, e de lá seguir até o final do distrito do Campo Grande que é onde terminará o corredor desse eixo. Alguns trabalhos de topografia já estão sendo feitos em toda a avenida mas também não saiu disso. Já foi falado aqui várias vezes que o trabalho do senhor Barreiro é altamente fantasioso e ruim, levando todos a crer que estamos diante de um dos piores secretários de transporte que Campinas poderia ter. Apesar da ampla formação acadêmica dele na área de engenharia (elétrica, mas é engenharia...), o senhor Barreiro tem se mostrado cada vez mais incompetente e ineficiente para uma cidade que demanda tantas melhorias no setor de transportes. A impressão que fica é que a cidade tem apenas os problemas de trânsito para serem resolvidos (sendo que nem isso está sendo solucionado), ficando o transporte público para trás. Em breve voltaremos a nos pronunciar neste mesmo espaço sobre as obras do BRT de Campinas, que está mais virando uma obra de ficção do que realidade. Cada vez mais distante, sempre por motivos cada vez mais estapafúrdios, mas ainda como promessa do senhor prefeito Jonas e do senhor Barreiro. Esperamos que um dia estejamos todos vivos para ver tal obra pronta, já que até agora, nada.


A IMAGEM MARCANTE

São José dos Campos, SP Quinta-feira, 25 de Maio de 2017

Um ônibus da empresa CS Brasil perdeu o controle e invadiu um condomínio na zona leste de São José dos Campos. O ônibus estava parado no ponto final. Segundo testemunhas, o motorista teria saído no horário de lanche e o cobrador acabou soltando acidentalmente o freio do veículo. Apesar da gravidade do acidente, não há informações de vítimas. A foto é de Hélio Duarte.


A GRANDE MATÉRIA

Consórcio

Scania leva 700 clientes para conhecer Roma Clientes do Consórcio Scania foram conhecer o coração da Itália Da Scania | assessoria Um passeio pela cultura italiana, muita massa, música, visita a clientes locais e conhecimento do negócio. Foi esse o roteiro que o Consórcio Scania proporcionou para cerca de 700 clientes, que estiveram nas últimas semanas em Roma, como parte do seu programa de relacionamento, o Família Scania. “Muitos clientes já participaram de eventos anteriores conosco, e confiam no nosso trabalho, seja administrando seus investimentos ou proporcionando uma viagem tranquila e prazerosa. E quem vem pela primeira vez é contagiado por esse clima familiar!”, diz Suzana Soncin, diretora-geral do Consórcio Scania. A programação da viagem contou com uma visita ao cliente La Costiera, de distribuição de limão siciliano, produto típico da região, e sua estrutura de logística na cidade de Fondi. A empresa utiliza uma frota exclusiva de caminhões Scania equipados com motor V8. Na busca para sempre melhorar o Família Scania, o Consórcio incluiu a visita ao transportador após demandas de outros participantes do programa. Para um maior entendimento sobre o sistema de transporte na Itália, Paolo Carri, diretor de vendas da Scania Itália, fez uma explanação geral e também elencou as dificuldades e desafios enfrentados pelos transportadores, além de detalhar a estrutura de atendimento da marca naquele país. “Depois de anos de crise muito forte, com sérios impactos no setor de transporte rodoviário de cargas, a economia da Itália começa a dar sinais de recuperação, que são percebidos com o aumento da venda de caminhões. Em 2016, a Scania Itália se tornou líder de mercado com 15,4% de participação na categoria”, salienta Carri. Os clientes ainda puderam ver a cabine S, da nova geração de caminhões Scania, equipado com motor V8 de 730 cavalos. “Pensamos em todos os detalhes para transformar a viagem em uma experiência inesquecível, e que gere valor para os clientes”, explica Suzana. “Mas, sabemos que o principal diferencial dessa ação

08 interbuss | 28.05.2017

é o sentimento de acolhimento e amizade, que faz com que todos se sintam como uma família.” Outro destaque da programação foi a participação do jornalista Gianenrico Griffini, organizador do prêmio “Truck of the Year”, que explicou os motivos que levaram a Scania à conquista da edição 2017 com sua nova geração de caminhões. Segundo ele, três fatores principais foram levados em consideração: a rede de serviços conectados para os clientes, a performance e a cabine, onde o motorista tem mais conforto, ergonomia e visibilidade. O júri é composto por 25 jornalistas das principais revistas de transporte da Europa. De acordo com Victor Carvalho, diretor de Vendas de Caminhões da Scania no Brasil, a fabricante sueca é, e sempre foi, referência em relacionamento com os clien-

tes e o Família Scania tem sido fundamental para manter essa proximidade. “Em 2017, quando completamos 60 anos de presença no Brasil, continuamos trabalhando com foco na parceria com nossos clientes, oferecendo soluções de produtos, serviços e financeiras que resultem no menor custo por quilômetro rodado e na obtenção dos melhores índices de economia de combustível, disponibilidade e rentabilidade da operação”, destaca. O Família Scania, em 15 anos de existência, já proporcionou viagens a 55 mil pessoas. Em 2017, haverá mais dois eventos: ida ao Rio de Janeiro e um segundo grupo para Roma, com 210 pessoas. Ambos em agosto. O Consórcio Scania ainda tem cotas disponíveis para as duas viagens. No site www.consorcioscania.com.br é possível obter mais informações.


Mobilidade

Rússia é a premiada na Cúpula da UITP

Ações na área de mobilidade urbana foram reconhecidas no Canadá Da Gazeta Russa | notícias A paisagem urbana e a infraestrutura de transportes de Moscou passaram por várias mudanças nos últimos seis anos. Alguns desses desenvolvimentos foram reconhecidos durante a Cúpula Mundial de Transportes Públicos da UITP (União Internacional de Transporte Público), que aconteceu em Montreal, entre 15 e 17 de maio. No evento, a capital russa recebeu um dos mais prestigiados prêmios de mobilidade, apelidado de ‘Oscar do transporte’, por suas evoluções no planejamento urbano, e foi capaz de ultrapassar grandes centros da Índia, da China e da Europa. Em discurso durante a premiação, o secretário-Geral da UITP, Alan Flausch, aproveitou para destacar que o prêmio de Reconhecimento Especial seria concedido não apenas para um projeto, mas para uma série de iniciativas. “Pela primeira vez, o prêmio vai para Moscou, que tem mostrado uma abordagem completamente diferente para o desenvolvimento de transportes públicos urbanos nos últimos anos. As conquistas foram enormes”, ressaltou Flausch. A Gazeta Russa selecionou cinco inovações que contribuíram para a vitória. Anel Central de Moscou Lançado em setembro passado, o Anel Central de Moscou é uma nova linha de superfície do sistema metroviário de Moscou. Transporta cerca de 350 mil passageiros por dia e ajuda a desafogar as estações de metrô mais lotadas e os terminais ferroviários na cidade e seus arredores. Além disso, o novo meio de transporte cumpre os mais elevados padrões ambientais, técnicos e sociais: as estações têm acesso para passageiros com mobilidade reduzida, e os trens são equipados com painéis eletrônicos de informação, sistemas de controle da temperatura, acesso Wi-Fi gratuito e tomadas para carregar dispositivos móveis. Renovação de frotas Desde 2010, a Prefeitura de Moscou

vem renovando a frota de transportes, com investimento total de US$ 210 milhões. Até o final do ano passado, 95% dos ônibus, bondes e trens de metrô haviam sido substituídos. Os novos veículos seguem os mais recentes padrões ambientais, e sua implantação, associada a outras medidas municipais, ajudaram a reduzir a poluição do ar em Moscou em 11% nos últimos cinco anos. O governo da capital planeja agora investir anualmente cerca de US$ 87 milhões na compra de novos veículos de transporte ecológicos. Prova disso é a nova geração de bondes elétricos e trólebus (ambos fabricados na Rússia) recentemente incorporados. Além disso, o departamento responsável revisou as rotas de transporte público e integrou os mini-ônibus (antes de propriedade privada e independentes) ao sistema. Trem para todo lado Desde o início do programa de modernização, em 2010, as autoridades municipais compraram mais de 700 vagões novos e reconstruíram 764 estações ferroviárias em Moscou e seus arredores. No total, 35 trens antigos foram modernizados, e 41 novos trens de geração se juntaram à frota. Há rede Wi-Fi disponível em todos os trens, e o tempo médio entre os serviços na hora de pico caiu de 7,3 para 6,6 minutos. Como resultado dessas mudanças, o tráfego de passageiros aumentou em 31%, para 1,9 milhão de pessoas ao dia, em 2016. Monitoramento e vagas na rua Nos últimos anos, o mapa da

capital russa também vem sofrendo alterações, com a construção de novas vias e a manutenção das antigas. O sistema de monitorização do tráfego e sua integração em um chamado “sistema de transporte inteligente” também ajudaram a reduzir o número de engarrafamentos e acidentes – o número de desastres, por exemplo, caiu 46%, de 609 mil em 2010 para 329 mil em 2016. Paralelamente, a velocidade média no trânsito aumentou em 13% no mesmo período. Somado a isso, as autoridades municipais reorganizaram os espaços para estacionamento na cidade e introduziram um sistema de pagamento mais conveniente. Agora, existem 81 mil vagas de estacionamento pagas, cobrindo as áreas mais movimentadas perto de shopping centers, centros empresariais, estações de metrô, terminais ferroviários e parques. O preço para estacionar no centro da cidade – geralmente apinhado de gente – vai até 200 rublos (US$ 3,5) por hora. Moscou sobre duas rodas Uma das mudanças mais significativas dos últimos tempos para os moradores da capital russa foi a introdução de pontos de aluguel e estacionamentos para bicicletas, o que facilitou a movimentação pelo centro de Moscou. Só em 2016 foram criadas 19 mil vagas de estacionamento para bicicletas e mais de 330 pontos de aluguel. Todos os anos, a cidade promove ainda a iniciativa “Pedale para o Trabalho”, por meio da qual oferece descontos e prêmios para os participantes. Este ano, a ação, que ocorre em mais de 60 cidades, foi iniciada na última sexta (19) e vai até hoje. 28.05.2017 |

interbuss 09


A GRANDE MATÉRIA Tecnologia

ZF e e.GO firmam JV para fabricar veículos

Objetivo é a produção e comercialização de veículos autônomos

Da ZF | assessoria A ZF acaba de fechar um contrato de joint venture com a empresa e.GO Mobile AG através da sua subsidiária Zukunft Ventures. As metas da nova joint venture e.GO Moove, sediada em Aachen, consistem em desenvolver, produzir e vender veículos transportadores autônomos de pessoas e cargas. O primeiro protótipo foi apresentado recentemente no campos da RWTH Aachen University. A ação está baseada na premissa de que a eletromobilidade autônoma tornará o trânsito em áreas metropolitanas mais limpo, seguro e eficiente. Com a joint venture será possível promover o estabelecimento desses sistemas e inspirar outras inovações tecnológicas. “Veículos e-shuttle autônomos, conectados e assim altamente flexíveis desempenharão um papel significativo em áreas urbanas e metropolitanas do futuro como modalidades de transporte seguras, confortáveis, eficientes e ambientalmente corretas”, explica o Dr. Stefan Sommer, CEO da ZF Friedrichshafen AG. “Estes veículos nos colocam a um importante passo, cada vez mais próximos da nossa Vision Zero.” A ZF é um dos principais fornecedores automotivos de driveline eletrificado, que são elementos básicos fundamentais no compromisso da ZF para com a joint venture idealizada, a empresa e.GO Moove, por serem caracterizados pela durabilidade, economia e alto nível de eficiência. Além disso, a ZF também disponibilizará suas tecnologias de ADAS, chassis e de fusão de sensores para a joint venture. A caixa de controle de supercomputação escalável ZF ProAI desempenhará um papel central como um sistema de veículo integrado que pode ser atualizado na nuvem. A caixa de controle baseia-se em algoritmos de inteligência artificial para aplicações na infraestrutura do veículo, sendo inclusive capaz de aprender. Ela pode se comunicar com outros veículos e com o seu ambiente ao redor, e, na forma de inteligência de enxames, torna as frotas de veículos mais seguras e mais eficientes. A ZF, a e.Go Mobile AG e a Nvidia trabalham em conjunto para desenvolver e testar fun-

10 interbuss | 28.05.2017

ções de condução autônoma para o e.GO Mover. “Novos conceitos de veículo como, por exemplo, veículos transportadores de pessoas e cargas acionados eletricamente devem ser desenvolvidos de forma a ser altamente interativos e, ao mesmo tempo, produzidos a um baixo custo”, explica o prof. Dr. Günther Schuh, fundador e CEO da e.Go Mobile AG. Sua empresa já instalou uma infraestrutura de Indústria 4.0 amplamente conectada no campus da Universidade RWTH Aachen, a qual pode ser utilizada para construir com eficiência veículos aptos a homologação, e desenvolvê-los para uma produção em larga escala. “Cooperar com um sólido parceiro como a ZF nos permite fornecer rapidamente para as cidades e condutores de novas frotas em teste de mobilidade apropriadas para o registro de veículo, pois combinamos o nosso dinamismo de start-up com a expertise da ZF em industrialização e acesso ao mercado”, acrescenta. A joint venture prevista será sediada em Aachen. Nesse local, engenheiros e especialistas em produção e vendas já começaram a trabalhar na organização de um rápido lançamento no mercado. A ZF vê um grande potencial no futuro, no mundo todo, para veículos elétricos e autônomos a serem utilizados para transportar pessoas e cargas. O “ZF Future Study”,

publicado em novembro de 2016, já previa um enorme crescimento, principalmente na indústria de logística de centros urbanos até 2030. A joint venture estabelecida pela e.GO Moove será um ótimo acréscimo a este mercado. Conforme informa o Dr. Stefan Sommer, “juntos com a e.GO estamos combinando o poder de inovação, velocidade e know-how de produção global na indústria da mobilidade com vendas de primeira classe e expertise em serviço. Os veículos transportadores de pessoas e cargas da e.GO demonstrarão a nossa expertise em sistemas mecânicos inteligentes, bem como em condução autônoma e, assim, nas soluções de mobilidade do futuro.” Portanto, a ZF continua a estabelecer acordos de cooperação com parceiros externos e outros especialistas neste campo, motivo este pelo qual ela fundou a Zukunft Ventures GmbH em setembro de 2016. Sediada em Friedrichshafen, esta nova empresa tem uma missão bem clara, ou seja, investir em empresas que estejam ativamente desenvolvendo tecnologias que são relevantes para a ZF. E, por parte da ZF, essas empresas de menor porte, porém já bem estabelecidas, recebem o apoio de um sólido parceiro. Em contrapartida, a ZF está expandindo o seu portfólio para incluir tecnologias sustentáveis que a manterá um passo à frente da concorrência.


COLUNAS

NOSSO TRANSPORTE ADAMO BAZANI | adamobus@gmail.com

Alckmin e Doria firmam acordo para privatização de Bilhete Único

Convênio reúne secretarias de desestatização e de transportes da cidade de São Paulo, SPTrans CPTM e Metrô

O plano de privatização do Bilhete Único, apresentado pelo prefeito de São Paulo, João Doria, dentro do pacote de 55 equipamentos e serviços concedidos ou vendidos para iniciativa privada, deu mais um passo nesta terça-feira 23 de maio de 2017. As secretarias de Desestatização e de Mobilidade e Transportes; e a SPTrans – São Paulo Transporte, gerenciadora do sistema de ônibus, da gestão do prefeito João Doria, assinaram um convênio com o Metrô e a CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos, da gestão do Governado Geraldo Alckmin, para estruturar a concessão da operação de vendas de tarifas à iniciativa privada. De acordo com publicação nesta quarta-feira no Diário Oficial da Cidade de São Paulo, o convênio não vai envolver transferência de recursos entre Governo do Estado e prefeitura; apenas transferências técnicas e de conhecimento. Modelos de concessão semelhantes em outros países farão parte dos estudos previstos neste convênio. Conforme adiantou o Diário do Transporte, em 13 de março de 2017, já houve interessados nos serviços do Bilhete Único e, principalmente no banco de dados de 15 milhões de cartões cadastrados , que já consultaram a prefeitura, entre eles internacionais, como empresas dos Estados Unidos, da Europa e do Japão: https://diariodotransporte.com.br/2017/03/13/privatizacao-do-bilhete-unico-ja-tem-ao-menosdez-interessados/ De acordo com o poder público, a gestão e operação do Bilhete Único têm um custo anual completo de R$ 430 milhões ou R$ 250 milhões apenas para a comercialização. No entanto, a alta movimentação de recursos, com quase 9 milhões de clientes cativos, tem chamado a atenção da iniciativa privada. A ideia da prefeitura, além se livrar do custo anual de Bilhete Único, é transformar o cartão em multiuso. Assim, o bilhete poderia ser usado como crédito, débito e para pagar refeições e atividades culturais. Empresas nacionais e estrangeiras dos segmentos de aplicativos, bilhetagem eletrônica de outros sistemas de ônibus, e do ramo financeiro estão entre as interessa-

das no sistema de cartões de ônibus, também usado no Metrô e na CPTM, segundo a administração. A prefeitura garante que a forma de uso dos créditos não vai mudar, assim como as gratuidades para estudantes e idosos. Com a privatização, o prefeito João Doria também pretende que até o final de sua gestão, o cartão do Bilhete Único não seja a única forma de pagar a tarifa de ônibus, com uso, por exemplo, de celulares. Testes com a empresa sul-coreana Samsung devem começar no segundo semestre para determinar a tecnologia para o uso desta

forma de pagamento. Relembre: https:// diariodotransporte.com.br/2017/04/14/ prefeitura-de-sao-paulo-firma-parceriacom-samsung-para-testar-pagamento-detarifa-onibus-por-celular/ Até o final do ano a prefeitura deve formalizar um PMI – Procedimento de Manifestação de Interesse para colher informações e impressões do mercado sobre como viabilizar a atuação da iniciativa privada no Bilhete Único e como será o processo de concessão. A prefeitura acredita que o contrato de concessão do Bilhete Único será assinado no início de 2018. 28.05.2017 |

interbuss 11


interbuss

GUSTAVO CAMPOS

Marcopolo Paradiso G6 1200 Expresso Gardenia, em Ouro Fino/MG


DEU NA IMPRENSA

Transpo Online

RESUMO DAS PRINCIPAIS NOTÍCIAS DA IMPRENSA ESPECIALIZADA

Primeiro navio autônomo e elétrico estreia em 2018

Do site | notícias O primeiro navio autônomo – e, além disso, totalmente elétrico – já tem data marcada para começar a navegar. O Yara Birkeland deverá começar a operar na segunda metade de 2018, levando produtos da fábrica de fertilizantes da Yara, em Porsgrunn, até as cidades de Brevik e Larvik – todas na Noruega. O navio elétrico e autônomo deverá substituir 100 caminhões, que fazem 40.000 viagens por ano. Ele operará exclusivamente nessa rota, um trajeto de 12 milhas náuticas, pouco mais de 22 km. O nome do navio é uma homenagem ao cientista norueguês Kristian Birkeland, que também dá nome à corrente de plasma supersônicas na porção superior da nossa atmosfera, descobertas por ele. Manual, remoto e autônomo – O

14 interbuss | 28.05.2017

navio passará por uma etapa de testes, com marinheiros e comandante a bordo, para validação de seus sistemas e avaliação de segurança. A intenção dos engenheiros dos estaleiros Kongsberg, responsável pela construção do navio, é que o YARA Birkeland passe para uma operação remota em 2019 e se torne totalmente autônomo em 2020. “Como uma empresa líder mundial de fertilizantes com uma missão para alimentar o mundo e proteger o planeta, investir neste navio de emissão zero para transportar nossas soluções de nutrição das plantações se encaixa bem na nossa estratégia. Estamos orgulhosos de trabalhar com a Kongsberg para fazer o primeiro navio autônomo e totalmente elétrico do mundo entrar em operação comercial,” disse Svein Tore Holsether, da Yara. Navio autônomo e elétrico – Com 70 metros de calado e 4.500 toneladas de

porte bruto, o navio autônomo poderá atingir até 18,5 km/h (10 nós), mas deverá operar em velocidade de cruzeiro de 11 km/h (6 nós). Ele será impulsionado por dois mecanismos azimutais, em que o motor inteiro se movimenta para fazer o navio virar. Seu conjunto de baterias pode prover até 4 MWh. As baterias serão recarregadas enquanto o navio permanece nos terminais para carga e descarga – o carregamento e descarregamento também serão automatizados. A navegação autônoma será baseada em um extenso conjunto de sensores redundantes, incluindo câmeras no visível e no infravermelho, radar, lidar e AIS, sigla em inglês para Sistema de Identificação Automática, um sistema de monitoramento de curto alcance já utilizado em navios e serviços de tráfego de embarcações.


Transpo Online

MWM comemora 100 mil motores entregues à MAN

Do site | notícias A MWM, fabricante independente de motores diesel líder no Mercosul, celebra a produção de 100.000 motores MAN D08 entregues à MAN Latin America, uma das maiores fabricantes de caminhões e ônibus do Brasil. As empresas são parceiras há mais de 30 anos. A MWM conta com uma linha de produção de 2.500 metros quadrados, dedicada e exclusiva à MAN Latin America dentro da companhia, na planta de Santo Amaro, para a produção do motor MAN D08 de 4 e 6 cilindros, destinados aos caminhões e ônibus da montadora para o mercado local e para a exportação. Classificada como fornecedor diferenciado pela MAN Latin America, a MWM Motores está atingindo 100% de satisfação do cliente com eficiência logística e com

diferenciado patamar de qualidade. O Presidente da Navistar Mercosul, detentora das marcas MWM Motores Diesel e INTERNATIONAL Caminhões, José Eduardo Luzzi, afirma que é mais uma valiosa conquista com este grande parceiro da MWM. “Ao longo de mais de três décadas, a MWM e a MAN Latin America promoveram, juntas, inovações e avanços para a indústria automotiva nacional e mundial. Temos grande orgulho deste marco de 100.000 motores MAN D08 produzidos e desta parceria de sucesso. Que possamos renovar a cada conquista a nossa determinação em fortalecer esse relacionamento e nosso compromisso em produzir propulsores com a qualidade e confiabilidade, já conhecidas, dos motores MWM ”. Pesados com motor MAN D08 superam as 100 mil unidades – Mais de cem

mil motores MAN D08 já circulam nas estradas latino-americanas, gerando ganhos operacionais nas frotas que compõem, desde seu lançamento na linha 2012 da Volkswagen Caminhões e Ônibus. Além dos motores produzidos pela MWM no Brasil, Unidades também são importadas da Alemanha, a fim de equipar veículos exclusivos para o mercado mexicano. O maior volume desses componentes se concentrou no Brasil, mas também há vendas internacionais expressivas. Equipando cerca de 45% do portfólio da Volkswagen Caminhões e Ônibus, esses componentes carregam todo o know-how de uma unidade de negócios da MAN focada exclusivamente no desenvolvimento de motores. Ao longo desses cinco anos desde seu lançamento no mercado latinoamericano, a robustez do motor se comprova no dia a dia da operação. 28.05.2017 |

interbuss 15


REDE SOCIAL

AS MELHORES FOTOS DA SEMANA NO FACEBOOK

André Luiz | Marcopolo Paradiso G7

João Silva | Nielson Diplomata

José Franca Neto | Marcopolo Paradiso G6

José Franca Neto | Marcopolo Paradiso G6

Bruno Viajante Fla | Marcopolo Paradiso GV

Tôni Cristian | Iveco Bus Urbanway

16 interbuss | 28.05.2017


Almir Correia | Mascarello Roma

Cleber Nascimento | Marcopolo Paradiso G7

Rafael Xarão | Comil Campione

Diego Almeida Araújo | Neobus Mega

Alex de Souza | Marcopolo Torino

Rafael Xarão | Busscar El Buss 340

28.05.2017 |

interbuss 17


O MELHOR DA INTERBUSS

UMA SELEÇÃO DAS MELHORES FOTOS PUBLICADAS NAS GALERIAS DO PORTA

Isaac Matos Preizner Caio Millennium MBB O-500M | Cidade Sorriso

Isaac Matos Preizner Caio Millennium Volvo B12M | Transporte Coletivo Glória

Isaac Matos Preizner Caio Apache Vip MBB OF-1418 | Camboriú Transporte-Turismo

Isaac Matos Preizner Caio Padron Vitória Volvo B58 | Viação Curitiba

Higor Borges Busscar Vissta Buss MBB O-400RSD | Viação Itapemirim

Higor Borges Busscar Panorâmico DD Scania K380 | Açaí Turismo

18 interbuss | 28.05.2017


S JÁ TAL INTERBUSS

João Paulo Castro Cordeiro Marcopolo Paradiso G6 1550LD MBB O-500RSD | Xavante

João Paulo Castro Cordeiro Irizar New Century Scania K360 | Rápido Girassol

João Paulo Castro Cordeiro Marcopolo Paradiso G6 1200 Scania K420 | São Cristovão

João Paulo Castro Cordeiro Busscar Jum Buss 360 Scania K420 | Gontijo

Jair Fernando Busscar Jum Buss 340 MBB O-400RSE | Auto Viação Cambuí

Jair Fernando Busscar Vissta Buss LO MBB O-500RS | Auto Viação Ouro Verde 28.05.2017 |

interbuss 19


O MELHOR DA INTERBUSS

Gustavo César Marcopolo Paradiso G6 1550LD Scania K124IB | Horizonte Tur

Gustavo César Busscar Jum Buss 360 Volvo B12B | Saritur

Gustavo César Busscar El Buss 340 Scania K94IB | Univale

Gustavo César Marcopolo Paradiso GV 1150 Scania K124IB | Ednantur

Gustavo Campos Busscar Vissta Buss LO Volvo B7R | Fábio Turismo

Gustavo Campos Busscar Vissta Buss LO Volvo B7R | Fábio Turismo

20 interbuss | 28.05.2017


Henrique Sim천es Caio Apache Vip MBB O-500M | Metropolitana

Henrique Sim천es Caio Apache Vip MBB O-500M | Metropolitana

Henrique Sim천es Ciferal Turquesa MBB OH-1621 | Metropolitana

Henrique Sim천es Caio Gabriela MBB LPO-1113 | Nova Guarapari

Helgrim Andrade Marcopolo Paradiso G6 1200 MBB O-500RSD | Itapemirim

Helgrim Andrade Comil Campione 3.80 Volvo B12B | Nacional Expresso 28.05.2017 |

interbuss 21


COLUNAS

VIAGENS & MEMÓRIA

MARISA VANESSA N. CRUZ | ideiaselembrancas@gmail.com

2007: Relembrando o encontro nacional de busólogos em BH

No dia 26 de maio de 2007, foi realizado um dos primeiros encontros de busólogos em grandes proporções, na cidade de Belo Horizonte. Foram ao todo mais de 80 participantes, com direito a City Tour, fotografia no centro da cidade e visita às garagens de ônibus da Cia Atual e da Transvia/São Gonçalo/Santa Clara Turismo de Contagem, com almoço em um restaurante na BR-040. Foi denominado “Primeiro encontro nacional de busólogos”, com o objetivo de integrar busólogos de todo o Brasil. E antes dessa data já haviam encontros em exposições de ônibus em grandes cidades, como a Exponi no Paraná e o Bus Brasil Fest em São Paulo. Naquela época, eu fui de avião na ida (de Varig, meu primeiro voo) e de Gontijo na volta, e foi até interessante conhecer a cidade e o público, já que era minha primeira visita à capital mineira. Dez anos se passaram, e de lá pra cá os grandes encontros têm sido espalhados por todo o país, seja em Fortaleza, Londrina, Porto Alegre e demais capitais.

22 interbuss | 28.05.2017


ANUNCIE NA

INTERBUSS E FIQUE PERTO DO SEU PÚBLICO E DOS SEUS POTENCIAIS

CLIENTES CONTACTE-NOS E FAÇA UM BOM NEGÓCIO

revista@portalinterbuss.com.br

interbuss PORQUE TRANSPORTE É VIDA


NOVA INTERBUSS. NOVO CONTEÚDO

NOVA VISÃO TUDO NOVO TUDO POR VOCÊ interbuss PORQUE TRANSPORTE É VIDA

Revista InterBuss | Edição 346 | 28.05.2017  

Edição com 24 páginas | Concluída na sexta, 26/05 | Confira as melhores fotos de ônibus da semana e também mais um lote de fotos já publicad...

Advertisement