Page 1

AS MELHORES FOTOS DO PORTAL INTERBUSS, CONFIRA

interbuss PORQUE TRANSPORTE É VIDA | ANO 7 | N° 331 | 12 DE FEVEREIRO DE 2017

NOVAS SOLUÇÕES PARA O TRÂNSITO

Fujitsu desenvolve tecnologia que possibilita monitoria de trânsito por reconhecimento de imagens com precisão de 95% e baixo custo EUCATUR APRESENTA OS PRIMEIROS 15MT. DO PAÍS


UMA REVISTA

PARA QUEM QUER

SABER TUDO SOBRE TRANSPORTE

NO BRASIL

E NO MUNDO. TODO DOMINGO,

UMA NOVA EDIÇÃO.

interbuss PORQUE TRANSPORTE É VIDA

CONTEÚDO DE QUALIDADE COM RESPONSABILIDADE


PEÇAS PARA

BUSSCAR CONFIRA NOSSAS PROMOÇÕES!

TORNEIRA SANITARIO BUSSCAR ESPELHO RETROVISOR EXTERNO LE BUSSCAR MARTE MANUAL R$

1309,73

LANTERNA PISCA AMARELA BUSSCAR >01 R$

37,23

R$

170,00

PORTA DIANTEIRA PANTOGRAFICA LD BUSSCAR JUMBUSS 360 R$

7419,00

Linha completa de peças de reposição Busscar. Confiram em nossa loja virtual. Compre pela internet! www.apolloonibus.com.br

RUA MÁRIO JUNQUEIRA DA SILVA, 1580 JARDIM EULINA - CAMPINAS/SP

FONE: (19) 3395-1668 NEXTEL: 55*113*14504


NESTA EDIÇÃO A GRANDE MATÉRIA

Fujitsu desenvolve solução de

Controle ocorre por meio de imagens e tem 95% de precisão, além SUMÁRIO

6 NOSSA OPINIÃO

12 PÔSTER

7 A IMAGEM MARCANTE

14 DEU NA IMP

8 A GRANDE MATÉRIA

16 REDE SOCIA

Os graves problemas de segurança em Vitória

A foto que marcou a semana no setor de transportes

Os primeiros DDs de quinze metros do Brasil

10 ADAMO BAZANI

Caio está próxima de comprar a Busscar

Caio Millennium, por Norb

As notas da imprensa espe

O seu espaço na InterBuss

18 O MELHOR D

As melhores fotos publicad


ANO 7 | Nº 331 | DOMINGO, 12 DE FEVEREIRO DE 2017 | 1ª EDIÇÃO | CONCLUÍDA ÀS 21h07 (5ª) EDIÇÃO COM 24 PÁGINAS

e trânsito

de baixo custo

berto dos Santos Künzli

PRENSA ecializada

AL s

DA INTERBUSS das no Portal InterBuss

09

O MELHOR DA INTERBUSS

Confira o que já saiu de melhor nas galerias do Portal InterBuss

As melhores fotos já publicadas no antigo Portal InterBuss

18

A GRANDE MATÉRIA

Volvo vende os primeiros DDs de quinze metros do Brasil

Ônibus foram comprados pela empresa Eucatur, de RO

08

DEU NA IMPRENSA

Caminhão Iveco movido a GNC é apresentado na França

Veículo irá ser testado nas ruas para fins de coletas de lixo

15

REDE SOCIAL

Confira as melhores fotos que foram publicadas no Facebook

As melhores fotos da semana saem aqui na Interbuss!

16


EXPEDIENTE

Uma publicação da InterBuss Comunicação Ltda. DIRETOR-PRESIDENTE / EDITOR-CHEFE Luciano de Angelo Roncolato JORNALISTA RESPONSÁVEL Luciano de Angelo Roncolato REVISÃO Luciano de Angelo Roncolato ARTE E DIAGRAMAÇÃO Luciano de Angelo Roncolato AGRADECIMENTOS DESTA EDIÇÃO Agradecemos à todos os colaboradores de todo o país pelas fotos enviadas esta semana para capa, matérias e pôster. SOBRE A REVISTA INTERBUSS A Revista InterBuss é uma publicação semanal do site Portal InterBuss com distribuição on-line livre para todo o mundo. Seu público-alvo são frotistas, empresários do setor de transportes, gerenciadores de trânsito e sistemas de transporte, poder público em geral e admiradores e entusiastas de ônibus de todo o Brasil e outros países. Todo o conteúdo da Revista InterBuss provenientes de fontes terceiras tem seu crédito dado sempre ao final de cada material. O material produzido pela nossa equipe é protegido pela lei de direitos autorais e sua reprodução é autorizada após um pedido feito por escrito, e enviado para o e-mail revista@ portalinterbuss.com.br. As fotos que ilustram todo o material da revista são de autoria própria e a reprodução também é autorizada apenas após um pedido formal via e-mail. As imagens de autoria terceira têm seu crédito disponibilizado na lateral da mesma e sua autorização de reprodução deve ser solicitada diretamente ao autor da foto, sem interferência da Revista InterBuss. A impressão da revista para fins particulares é previamente autorizada, sem necessidade de pedido. PARA ANUNCIAR Envie um e-mail para contato@portalinterbuss.com. br ou ligue para (19) 99483-2186 e converse com nosso setor de publicidade. Você poderá anunciar na Revista InterBuss, ou em qualquer um dos sites parceiros do grupo InterBuss, ou até em nosso site principal. Temos diversos planos e com certeza um deles se encaixa em seu orçamento. Consulte-nos! PARA ASSINAR Por enquanto, a Revista InterBuss está sendo disponibilizada livremente apenas pela internet, através do site www.revistainterbuss.com.br. Por esse motivo, não é possível fazer uma assinatura da mesma. Porém, você pode se inscrever para receber um alerta assim que a próxima edição sair. Basta enviar uma mensagem para revista@portalinterbuss.com.br e faremos o cadastro de seu e-mail ou telefone e você será avisado. CONTATO A Revista InterBuss é um espaço democrático onde todos têm voz ativa. Você pode enviar sua sugestão de pauta, ou até uma matéria completa, pode enviar também sua crítica, elogio, ou simplesmente conversar com qualquer pessoa de nossa equipe de colunistas ou de repórteres. Envie seu e-mail para revista@ portalinterbuss.com.br ou contato@portalinterbuss. com.br. Procuramos atender a todos o mais rápido possível. A EQUIPE INTERBUSS A equipe do Portal InterBuss existe desde 2000, desde quando o primeiro site foi ao ar. De lá pra cá, tivemos grandes conquistas e conseguimos contatos com os mais importantes setores do transporte nacional, sempre para trazer tudo para você em primeira mão com responsabilidade e qualidade. Por conta disso, algumas pessoas usam de má fé, tentando ter acesso a pessoas e lugares utilizando o nome do Portal InterBuss, falando que é de nossa equipe. Por conta disso, instruímos a todos que os integrantes oficiais do Portal e Revista InterBuss são devidamente identificados com um crachá oficial, que informa o nome completo do integrante, mais o seu cargo dentro do site e da revista. Qualquer pessoa que disser ser da nossa equipe e não estiver devidamente identificada, não tem autorização para falar em nosso nome, e não nos responsabilizamos por informações passadas ou autorização de entradas dadas a essas pessoas. Qualquer dúvida, por favor entre em contato pelo e-mail contato@portalinterbuss.com.br ou pelo telefone (19) 99483.2186, sete dias por semana, vinte e quatro horas por dia.

NOSSA OPINIÃO

Editorial

A população prejudicada sem transporte em Vitória O transporte coletivo da Grande Vitória está passando por uma grande crise nos últimos dias por conta da onda de violência que toma conta de todo o estado do Espírito Santo. Apesar de ser um dos melhores e mais eficientes sistemas de todo o país, a falta de segurança não permite que os veículos vão às ruas. Para agravar a situação, o presidente do sindicato dos rodoviários de Guarapari foi assassinado na quinta-feira, fazendo com que os ônibus, que estavam voltando a circular aos poucos, voltassem a ser recolhidos às garagens. Essa situação extrema e de exceção mostra o quanto os sistemas de transporte coletivo pelo Brasil sofrem com a violência. Vários veículos são queimados todos os anos e acaba por chamar a atenção da imprensa. Os bandidos querem exatamente isso: que a imprensa mostre o que eles fizeram, ou seja, destruíram ônibus, causaram acidentes, saques e tudo o que a polícia, extremamente enfraquecida e desmotivada por incompetência dos governos, não consegue evitar com grande eficiência. Nos sistemas de transporte público a única coisa a ser feita é recolher as frotas às garagens, único local onde há o mínimo de segurança para o patrimônio das empresas e para os próprios funcionários, que não ficam expostos às situações extremas do lado de fora dos muros. A população, mais uma vez, é a maior prejudicada pois fica sem o transporte necessário para chegar às escolas, aos trabalhos, ao lazer, ou até à própria casa. O povo tem que se virar sem ônibus, não tem como ir a lugar algum honrar com seus compromissos por conta da ação de criminosos que deveriam ser combatidos pelos policiais que estão de braços cruzados. Os policiais não estão totalmente errados já que o governo estadual é o grande responsável pela crise institucional. Imagine você na mesma situação: expondo-se aos perigos da criminalidade das ruas e ganhando um dos piores salários do país além de não receber aumentos há anos. No ano passado a situação se agravou pois a inflação foi alta e mesmo assim não houve sequer a reposição salarial para esses profissionais que arriscam a própria vida em prol dos demais. Os familiares desses policiais tomaram à frente das manifestações pois de acordo com a lei a polícia não pode parar em hipótese alguma, nem para exigir melhores condições de trabalho. Dessa forma, os familiares foram para a frente dos quartéis e impediram a saída dos carros da polícia, praticamente zerando o policiamento nas ruas. De quebra, o transporte coletivo segue parado por total falta de segurança. Um ônibus de última geração, articulado, pode chegar a custar mais de R$ 600 mil, o que sua possível destruição acabaria gerando um grande prejuízo à empresa proprietária e quem pagaria por isso seria o usuário, que não tem nada a ver com a história mas seria onerado num eventual próximo reajuste de tarifa, já que tudo isso que acontece acaba entrando na conta das empresas para o aumento das passagens. A situação deve ser resolvida o quanto antes para que a população não continue sendo prejudicada sem duas coisas que são primordiais para a vida urbana: a segurança e o transporte público, mas obviamente sem que ambos sigam prejudicados pela ingerência do governo estadual capixaba.


A IMAGEM MARCANTE

Garanhuns, PE

Segunda-feira, 30 de Janeiro de 2017

Um acidente com um ônibus lotado, com pacientes que fazem hemodiálise, deixou uma pessoa morta e 19 feridas na BR-424 em Garanhuns. De acordo com a Polícia Militar (PM), o veículo transportava pacientes que tinham ido para o município fazer hemodiálise. A PM informou que tinham 20 pessoas no ônibus. O motorista perdeu o controle do veículo e capotou. A vítima do acidente tinha 46 anos, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A foto é da PMPE e foi publicada no site 7 Segundos.


A GRANDE MATÉRIA

Mercado

Volvo vende primeiros rodoviários de 15 mts. Veículos foram comprados pela Eucatur e encarroçados no Sul

Da Volvo | assessoria A Volvo é a primeira montadora do país a comercializar ônibus rodoviários 8x2 de 15 metros, uma tendência do segmento. A Eucatur, empresa de transporte rodoviário com sede em Cascavel, interior do Paraná, adquiriu 20 veículos modelo B450R. Os novos ônibus serão utilizados em rotas estaduais e interestaduais de médias e longas distâncias. “Optamos pelo veículo de 15 metros por sua maior capacidade, devido ao aumento da demanda por viagens de ônibus. Além disso, os veículos possuem alta tecnologia embarcada, o que permite oferecer conforto e segurança aos nossos passageiros, um diferencial que prezamos nas viagens realizadas pela nossa empresa”, afirma Assis Marcos Gurgacz, diretor executivo da Eucatur. Os veículos possuem carroceria double decker, e a configuração maior permitiu um aumento de sete lugares, passando de 53 para 60 passageiros por veículo. Os novos modelos possuem ainda um espaço

08 interbuss | 12.02.2017

pet-friendly e são equipados com internet wi-fi 4G e com dispositivos para carregamento de smartphones e tabletes via USB. Os veículos maiores, como esta nova versão do 8x2, oferecem um aumento da rentabilidade para as empresas de transporte rodoviário, devido ao maior número de passageiros. “Estamos atentos às demandas do mercado para oferecer aos nossos clientes soluções de transporte que aumentem a eficiência e a produtividade da operação”, diz Gilberto Vardânega, diretor comercial de ônibus Volvo no Brasil. As linhas atendidas pelos novos ônibus da Eucatur serão: São Paulo Tubarão, Porto Alegre - Florianópolis, Porto Velho – Cerejeiras, e Manaus - Boa Vista. “Com o aumento das tarifas pelas companhias áreas, os passageiros estão voltando a optar por viagens de ônibus, especialmente nas rotas de médias e longas distâncias. Além disso, o ônibus chega a cidades que não têm aeroporto”, argumenta Tiago Mondoni, representante regional de vendas da Volvo Bus Latin América.

Tecnologia embarcada O Volvo B450R, é o ônibus rodoviário mais potente do mercado, com 450cv de potência. O veículo é equipado com o que há de mais avançado em tecnologia para o transporte de passageiros do mercado. O modelo é equipado, de série, com a caixa de câmbio eletrônica da Volvo, a I-Shift; suspensão eletrônica; sistema de freios inteligentes EBS; e o sistema de freio motor Volvo (VEB), com 390cv de potência. Outro diferencial é o ESP (Controle Eletrônico de Estabilidade), moderno sistema de segurança ativa que evita o risco de derrapagem e capotagem em curvas. O equipamento ativa os freios de forma automática e independente por roda, além de cortar a aceleração do veículo. “São itens que asseguram conforto e segurança aos passageiros, características fundamentais para a qualidade do transporte de passageiros”, explica Idam Stival, coordenador da engenharia de vendas da Volvo Bus Latin America.


Trânsito

Fujitsu e a tecnologia de análise de trânsito

Baseada em reconhecimento de imagens tem precisão de 95%

Da Fujitsu | assessoria O Fujitsu Laboratories – centro de pesquisa subsidiário da Fujitsu – e o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Fujitsu anunciam a criação de uma tecnologia que utiliza processamento de imagem e aprendizado de máquina para analisar as imagens de câmeras de vigilância de tráfego. A novidade possui alta precisão e realiza análises em tempo real para reconhecer congestionamentos, acidentes e violações de trânsito. A análise feita pela inovação da Fujitsu é possível devido à combinação de duas tecnologias. A primeira verifica as imagens das câmeras de vigilância instaladas em rodovias e ruas, agrupando automaticamente características que podem reconhecer erros, como mudanças na iluminação e fatores ambientais. Dessa forma, é possível realizar a aprendizagem eficiente da máquina e aumentar a precisão do reconhecimento. Já a segunda tecnologia analisa objetos em movimento, como veículos e pessoas. Além disso, ela identifica de forma

eficiente incidentes complexos como acidentes e assim minimiza simultaneamente as demandas computacionais. Em testes de campo realizados em colaboração com o Instituto de Pesquisa de Automóveis de Suzhou da Universidade de Tsingha (TSARI), foi possível verificar, com uma precisão entre 90 a 95%, 11 tipos de incidentes como acidentes e violações de trânsito. Mesmo quando utilizada com câmeras que não possuem recursos avançados de correção de imagem, a novidade da Fujitsu pode fornecer um sistema de monitoramento altamente preciso e com baixo custo. Nesse sentindo, é possível avaliar automaticamente as condições do trânsito, aplicar controles de fluxo de tráfego e realizar uma análise para reduzir o congestionamento. Sendo assim, é possível executar uma ação rápida em resposta a acidentes e violações de trânsito. A Fujitsu está trabalhando para aumentar a precisão e o reconhecimento das ocorrências e planeja continuar os testes de campo em conjunto com a TSARI. Adiciona-

lmente, pretende implementar o serviço na China em abril de 2017, ao associar a novidade à solução inteligente Spatiowl, serviço em cloud da Fujitsu que utiliza informações de localização. Dessa forma, será possível reconhecer incidentes que ocorrerem em uma ampla área em tempo real. Com isso, o próximo passo da Fujitsu será ampliar a oferta da tecnologia para outras regiões, incluindo o Japão. Sobre a Fujitsu A Fujitsu é a empresa japonesa líder em tecnologia da informação e da comunicação (TIC), oferecendo uma gama completa de produtos tecnológicos, soluções e serviços. Aproximadamente 156 mil colaboradores prestam suporte a clientes em mais de 100 países. Utilizamos a nossa experiência e o poder das TICs para construir o futuro da sociedade com os nossos clientes. A Fujitsu Limited (TSE:6702) divulgou receita consolidada de 4,7 trilhões de ienes (US$41 bilhões) no ano fiscal encerrado em 31 de março de 2016. Para mais informações, acesse: www.fujitsu.com.br 12.02.2017 |

interbuss 09


COLUNAS

NOSSO TRANSPORTE ADAMO BAZANI | adamobus@gmail.com

Caio está a um passo de comprar a Busscar

O juiz da 5ª Vara Cível da Comarca de Joinville, Walter Santin Júnior, confirmou ao jornalista Claudio Loetz, do Diário Catarinense, que a Busscar pode ser comprada pela Caio Induscar, encarroçadora de ônibus de Botucatu, interior de São Paulo. Inicialmente a Caio tinha negado a informação, mas agora, segundo o juiz, a empresa do Grupo Ruas manifestou interesse oficial em comprar as instalações, equipamentos e tecnologia. A Caio é líder no segmento de ônibus urbanos, mas tem presença inexpressiva no mercado de rodoviários. A encarroçadora paulista pediu informações sobre a tecnologia empregada no modelo rodoviário Double Decker (de dois andares) da Busscar, o Panorâmico DD. Se a Caio contatar a viabilidade do processo industrial deve oficializar a compra. A empresa deve ter o pedido acatado desde que mantenha o sigilo industrial. Advogado da Caio esteve ontem, quarta-feira, 8 de fevereiro 2017 , no Fórum de Joinville e confirmou o valor proposto de

10 interbuss | 12.02.2017

R$ 67,5 milhões. A Caio está entre o grupo de investidores que apresentou esta proposta oficialmente, entretanto, o nome da compradora é mantido em sigilo. A homologação da proposta da compra da Busscar pela Caio deve ocorrer até o final do mês. “Desejo fazer a homologação até o Carnaval. A partir da próxima segunda-feira, dia 13, encaminharei para o administrador judicial Rainoldo Uessler se manifestar no prazo de cinco dias úteis. E, na sequência, o Ministério Público também terá igual tempo para se pronunciar.” – disse o juiz ao jornalista. EMPRESAS ESTRANGEIRAS DECLINARAM Terminou na última terça-feira dia, 7, o prazo para as empresas estrangeiras apresentarem a documentação e oficializarem o interesse na Busscar. Nenhuma delas conseguiu cumprir o prazo. O grupo chinês Liaoyuan Group pediu seis meses para evoluir com projeto de

Valor será de R$ 67,5 milhões. Grupos estrangeiros desistiram

compra. Já o grupo português Imparável Epopeia UniPessoal Ltda disse que tinha apenas um projeto que não tinha sido aprovado. O grupo tentava vender a ideia de compra para investidores suíços. Já um grupo de investidores imobiliários de Joinville teve proposta negada por não se enquadrar nas exigências judiciais. Conforme mostrou o Diário do Transporte, a Justiça aceitou o prosseguimento da proposta de R$ 67,15 milhões do grupo brasileiro pelas três unidades fabris da Busscar. O valor compatível aos 49% da avalição inicial exigidos pela Justiça – (R$ 133.151.088,11). A compra se daria em 52 parcelas: entrada de 14%, o que equivale a R$ 9,4 milhões, e o restante, R$ 57,74 milhões corrigidos por índice determinado pelo Tribunal de Justiça. Em 2016, houve três tentativas de leilão de todo o conjunto dos bens e plantas e com a possibilidade também de aquisição de forma isolada, mas não houve apresentação de propostas.


Passageiros podem simular tarifa de ônibus e enviar sugestões sobre transporte em Porto Alegre

Dependendo das escolhas, passagem pode ter valor maior ou menor

A Prefeitura de Porto Alegre lançou uma iniciativa não muito comum para explicar aos passageiros como é composta a tarifa de ônibus e também receber sugestões de valores. Nas sugestões, os passageiros não citam o preço da passagem que querem, mas apontam se desejam itens e serviços como a manutenção ou não da integração gratuita na segunda passagem, permanência de cobradores, instalação de GPS e continuação da gratuidade para idosos entre 60 e 64 anos. Desta forma, o valor será apresentado de acordo com as escolhas dos internautas. Por exemplo, se a gratuidade para idosos entre 60 e 64 anos for mantida, a

tarifa pode ficar até R$ 0,13 mais cara. Se a idade máxima da frota passar de 10 anos para 12 anos, a tarifa poderia ficar R$ 0,025 menor. A proposta inicial no site é uma tarifa de R$ 3,95, sem ainda contar com o aumento dos salários de motoristas e cobradores. Os valores foram atualizados com base nas planilhas reais do sistema de transportes, segundo a prefeitura. Segundo o site, atualmente 35% dos passageiros não pagam as tarifas de ônibus. Sem as gratuidades, de acordo com a ferramenta, a tarifa poderia ser de R$ 2,68 Acompanhe o site: SIMULADOR TARIFA

PORTO

ALEGRE:

https://tarifa2017.portoalegre.rs.gov.br/#!/ A publicação ainda traz a relação dos pesos das gratuidades entre os principais sistemas de transportes do País. De acordo com a Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU), Porto Alegre possui um dos mais elevados índices de gratuidade. Enquanto a média nacional é de 22%, a capital gaúcha tem 35% do valor total das passagens relativo às isenções. Confira: Cidade Gratuidade São Paulo (SP) 51%* A cidade de São Paulo subsidia o valor da tarifa pública. A previsão para o ano de 2017 é que a prefeitura tenha que investir R$ 3,3 bilhões, cerca de 40% do valor do custo do sistema. 12.02.2017 |

interbuss 11


interbuss

NORBERTO DOS SANTOS KĂœNZLI Caio Millennium Mercedes-Benz, em Belo Horizonte/MG


DEU NA IMPRENSA

Transpo Online

RESUMO DAS PRINCIPAIS NOTÍCIAS DA IMPRENSA ESPECIALIZADA

Entidades discutem novas fases do Controle de Emissão

Do site | notícias

O secretário do Meio Ambiente do Estado de São Paulo, Ricardo Salles, e o presidente da Cetesb, Carlos Roberto dos Santos, receberam, na última semana (01/02), representantes do setor automotivo, do CONAMA e de ONG’s ambientalistas para debater a proposta de implementação de novas fases dos programas: PROCONVE (Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores) e PROMOT (Controle da Poluição do Ar por Motociclos e Veículos Similares). Pelo setor automotivo participaram a AFEEVAS (Associação dos Fabricantes de Equipamentos para Controle de Emissões Veiculares da América do Sul), a Anfavea (Associação dos Fabricantes de Veículos) e a Abraciclo (Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares). Um dos objetivos principais do projeto é reduzir as emissões de NOx (Óxidos de Nitrogênio) em até 80%, em comparação ao cenário atual. A proposta deverá ser submetida à aprovação do Conama (Conselho Nacional do Meio Ambiente) e, caso seja aprovada, a ideia é que a nova regra passe a valer para veículos pesados a partir de 2019, para motos em 2020 e para veículos leves, em etapas progressivas, até 2026. “A iniciativa do secretário Ricardo Salles e do presidente da Cetesb, Carlos Roberto dos Santos, é oportuna, sendo fundamental para que possamos avançar de maneira responsável e decidida no controle das emissões de poluentes dos veículos automotores, que são a principal fonte de poluição do ar no Estado de São Paulo. Ainda que o atual cenário econômico do país seja delicado, é preciso que ações como essa, sejam planejadas desde já e implementadas progressivamente para que possamos, de forma previsível e estruturada, estar em conformidade com os melhores padrões internacionais”, disse Elcio Farah, diretor adjunto da AFEEVAS. Além disso, o governo do Estado também vem trabalhando com uma proposta para a implantação, em escala estadual, da inspeção ambiental para veículos a diesel. Durante os seus cinco anos de operação, o programa de Inspeção e Manutenção

14 interbuss | 12.02.2017

de veículos em uso da cidade de São Paulo proporcionou a redução de 50% da emissão de monóxido de carbono, 40% da emissão de hidrocarbonetos e 30% das partículas nos veículos inspecionados. Outro importante benefício da ação foi a redução média de 3% no consumo de combustível em virtude de uma melhor calibração dos motores nos veículos submetidos à manutenção, o que também reduziu a emissão do dióxido de carbono, principal gás participante no processo de aquecimento global. A inspeção veicular periódica dos

veículos em circulação é uma estratégia de controle ambiental adotada há décadas com sucesso em dezenas de países. No Brasil, foi introduzida em 1986 na legislação ambiental do CONAMA, no âmbito do Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores (PROCONVE). “Iniciada em 2009 na cidade de São Paulo, foi equivocadamente extinta em 2014, deixando uma importante lacuna no controle da poluição do ar na principal cidade do país, que o programa estadual poderá corrigir”, conclui Elcio Farah.


Transpo Online

Iveco movido a GNC é apresentado na França

Do site | notícias O Iveco Eurocargo 120EL21 P, menor caminhão movido a gás natural da França para a coleta de lixo, fez sua estreia no estande da Allison Transmission durante a realização da Pollutec, no Lyon Eurexpo. Como alternativa mais viável e econômica em relação ao combustível tradicional, o interesse pelos veículos movidos a gás natural aumentou em toda a França. Várias grandes cidades estão adotando ou considerando o uso do gás natural para reduzir emissões, ruídos e custos operacionais do setor municipal. O caminhão Eurocargo vem equipado com motor Euro 6 a gás natural comprimido (GNC) com 204 cv e transmissão Allison 2500 automática com tecnologia FuelSense. Incorpora ainda carroceria Farid PN10 Mini Compactor, otimizada para recolhimento de resíduos orgânicos e um tanque

de GNC de 480 litros/80 kg. A associação desses componentes permitiu uma perfeita combinação entre tamanho e capacidade de carga, resultando em um veículo ideal para operações ambientalmente amigáveis em áreas urbanas congestionadas e nas ruas estreitas do centro histórico da cidade. “A Iveco é muito ativa no segmento de veículos movidos a gás natural. E o mercado está em um período de forte crescimento”, disse Steve Giguet, gerente de desenvolvimento de vendas da linha NGV da Iveco França. “Grandes cadeias de distribuição estão mostrando que esse é o caminho para o País. Hoje, usuários finais e proprietários de frotas de veículos pesados do setor municipal estão depositando sua confiança nessa tecnologia “. As transmissões automáticas Allison são adequadas para caminhões movidos a gás natural. O conversor de torque multiplica suavemente a força do motor,

proporcionando maior tração às rodas. Ao multiplicar a potência do motor, os motoristas obtêm maior desempenho, aceleração mais rápida e maior flexibilidade operacional. Uma transmissão Allison acrescenta potência enquanto uma transmissão manual ou automatizada (AMT) perde força a cada mudança de marcha. As automáticas Allison eliminam interrupções de potência e proporcionam maior produção, mesmo com um motor menor. Ao mesmo tempo, o FuelSense Allison — um conjunto de software e controles eletrônicos — pode melhorar a economia de combustível em até 20%. Na Pollutec, os participantes também puderam ver uma varredora SCARAB MAJOR 5001, construída sobre um chassi Eurocargo ML160E21 GNC, um Renault DWide, um Daimler Econic, também com motor GNC e um Scania P340 — todos equipados com transmissões Allison totalmente automáticas. 12.02.2017 |

interbuss 15


REDE SOCIAL

AS MELHORES FOTOS DA SEMANA NO FACEBOOK

Manuel Felipe | Marcopolo Paradiso G7

Manuel Felipe | Marcopolo Paradiso G7

Rafael Ferreira | Comil Versรกtile Gold

Manuel Felipe | Marcopolo Paradiso G7

Adriano Minervino | Caio Foz Super

Heron Junior | Neobus Spectrum City

16 interbuss | 12.02.2017


Rafael Xarão | Caio Amélia

Adriano Minervino | Caio Alpha

José Geyvson da Silva | Busscar Jum Buss 360

Rafael Xarão | Marcopolo Viale

Willian Schmitt | Caio Top Bus

José Franca Neto | Marcopolo Torino

12.02.2017 |

interbuss 17


O MELHOR DA INTERBUSS

UMA SELEÇÃO DAS MELHORES FOTOS PUBLICADAS NAS GALERIAS DO PORTA

Rafael Caetano Ferreira CMA Estrelão Scania K124IB | Viação Cometa

Rafael Caetano Ferreira Busscar Urbanuss Pluss MBB OF-1722 | Benfica BBTT

Matheus Novacki Marcopolo Viale Scania K310 | Auto Viação Redentor

Matheus Novacki Irizar Century Scania K124IB | Viação Jóia

Matheus Novacki Marcopolo Torino MBB OF-1721 | Auto Viação Marechal

Matheus Novacki Marcopolo Viale Volvo B12M | Viação Cidade Sorriso

18 interbuss | 12.02.2017


S JÁ TAL INTERBUSS

Norberto dos Santos Künzli Marcopolo Paradiso G6 1200 Scania K124IB | Viação Cometa

Norberto dos Santos Künzli Comil Svelto Volksbus 16 210 CO | Petitto Transp. Turística

Michel S. Carmo Caio Mondego MBB O-500UA | Gatusa

Norberto dos Santos Künzli Neobus Mega MBB OF-1418 | Viação Luwasa

Mauricio Alves Borges Caio Alpha MBB OF-1620 | Viação Urubupungá

Michel S. Carmo Marcopolo Viale MBB OF-1722M | Benfica BBTT 12.02.2017 |

interbuss 19


O MELHOR DA INTERBUSS

Marisa Vanessa N. Cruz Caio Apache Vip MBB OF-1722M | Tupi Transportes

Marcos Viegas Caio Apache Vip Volvo B7R | Viação São Raphael

Maicon Igor Barbosa Caio Amélia MBB OF-1113 | TCA Araras

Mauricio Alves Borges Marcopolo Paradiso G7 MBB O-500RS | Expresso Brasileiro

Mauricio Alves Borges Caio Millennium Volksbus 17 260 EOT | Viação Paratodos

Mauricio Alves Borges Marcopolo Viaggio GV1000 Scania F113 | JWA Turismo

20 interbuss | 12.02.2017


Marcos André Lisboa Busscar Urbanuss Scania F94 | Piedade

Marcos André Lisboa Ciferal Citmax MBB OF-1722 | Piedade

Marcio Douglas R. Venino CMA Flecha Azul Scania K113CL | Expresso do Sul

Marcio Douglas R. Venino Caio Apache Vip MBB OF-1418 | Viação Bertioga

Marcio Douglas R. Venino Marcopolo Paradiso G6 1200 Scania K124IB | Expresso União

Marcio Douglas R. Venino Comil Galleggiante Volvo B10M | Viação Sampaio 12.02.2017 |

interbuss 21


COLUNAS

VIAGENS & MEMÓRIA

NOVA INTERBUSS.

MARISA VANESSA N. CRUZ | ideiaselembrancas@gmail.com

GATUSA: A história de uma das empresas independentes que operam em São Paulo (parte II) Um pequeno resumo da Gatusa nos anos 80 até a implantação do novo sistema da SPTrans em 2003: A linha 576P foi criada no final de 1981 como derivação da 675N. Ambos eram Vila Olímpia – Metrô Ana Rosa, sendo que a 576P era Via Brigadeiro Luiz Antônio e Paraíso, e a 675N era via Moema. Mas a linha foi cancelada no começo de 1983 devido à baixa procura. Extinção da 5104 (Vila Olímpia – Rodoviária via Vila Uberabinha), por volta de 1984. Visto que após a saída da rodoviária Júlio Prestes, a linha não teve mais sentido algum de permanecer, pois a região tinha a linha 675N que fazia quase o mesmo percurso até o Metrô Ana Rosa. Essa linha era da Auto Viação Caribe, que fazia a linha 77 Uberabinha-Rodoviária, até a linha ser incorporada pela Gatusa em 1978. Nos anos 80, as linhas da Gatusa eram as seguintes: 675C – Shopping Morumbi – Metrô Ana Rosa (já extinta) 675N – Vila Olímpia – Metrô Ana Rosa (hoje a linha sai do Terminal Santo Amaro) 675P – Santo Amaro – Metrô Conceição (a linha sempre saiu da Estação Jurubatuba, com intervalos de 3 minutos no horário de pico nos anos 80, e sai até hoje mas com o itinerário Shopping SP Market desde os anos 90) – hoje a linha é operada pela Mobibrasil. 5121 – Santo Amaro – Praça da República via Vila Olímpia, hoje extinta 5154 – Santo Amaro – Estação da Luz, hoje Terminal Santo Amaro – Terminal Princesa Isabel 6401 – Vila Olímpia – Estação da Luz via Rua Estados Unidos, hoje substituída pela 7600 Berrini – Metrô Armênia 6404 – Vila Olímpia – Estação da Luz, hoje extinta 6414 – Shopping Morumbi – Praça da Bandeira, hoje Socorro - Terminal Bandeira. Já nos anos 90, foram criadas as linhas 6200 (Terminal Santo Amaro – Terminal Bandeira via Marginal Pinheiros), com a vinda dos 15 ônibus articulados Caio Alpha MBB O-400 UPA, e a 7245 (Shopping Morumbi – Estação da Luz) com a chegada dos cerca de 59 ônibus a gás, encarroçados em Caio Alpha sobre chassi Mercedes-Benz OH-1623LG, com a pintura externa azul claro. Até 1982, a sede administrativa

NOVO CONTEÚDO

NOVA VISÃO TUDO NOVO TUDO POR VOCÊ interbuss ficava na Rua Hugo Vítor da Silva, 270, em Americanópolis, apesar que no começo dos anos 80 nenhum ônibus guardava nesse local, e também há tempos que a Gatusa não operava linhas naquela região. Já em 1983, a sede mudou para a Rua Fidêncio Ramos, 195, na Vila Olímpia. E a partir de 1985, sua sede administrativa mudou para Rua da Paz, 2150, na Chácara Santo Antônio. Essa sede da Rua da Paz permaneceu por muitos anos como garagem da empresa, até se situar, após 2003, em parte do terreno que era da Garagem Santo Amaro

da CMTC, na Avenida Guido Caloi, e após a reorganização do sistema, a Gatusa faz parte do Consórcio 7 até hoje. De 2003 pra cá, a Gatusa adquire três linhas que eram da Viação Tânia, a 5300 (Terminal Santo Amaro – Terminal Pq. D. Pedro II via Av. Ibirapuera e 23 de maio), a 6291 (Inocoop Campo Limpo – Terminal Bandeira) e a 6422 (Vila Cruzeiro – Terminal Bandeira). Adquiriu também a 637P (Terminal Santo Amaro – Pinheiros) que era uma linha de trólebus que foi operada pela CMTC, Viação Santo Amaro e EletroSul.

PORQUE TRANSPORTE É VIDA

22 interbuss | 05.02.2017


ANUNCIE NA

INTERBUSS E FIQUE PERTO DO SEU PÚBLICO E DOS SEUS POTENCIAIS

CLIENTES CONTACTE-NOS E FAÇA UM BOM NEGÓCIO

revista@portalinterbuss.com.br

interbuss PORQUE TRANSPORTE É VIDA


NOVA INTERBUSS. NOVO CONTEÚDO

NOVA VISÃO TUDO NOVO TUDO POR VOCÊ interbuss PORQUE TRANSPORTE É VIDA

Revista InterBuss | Edição 331 | 12.02.2017  

Edição com 24 páginas | Concluída na quinta, 09/02 | Confira as melhores fotos de ônibus da semana e também mais um lote de fotos já publica...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you