Issuu on Google+

Agosto de 2010 - Hoje | 1


2 | Hoje - Agosto de 2010


Editorial

Ao leitor Ao Leitor Chegamos à edição de HOJE número 58 e o entusiasmo é crescente. Esta Revista, caro Leitor, está consolidada. A nossa proposta se vincula à região Centro Oeste do Brasil, bela, rica em clima, solo, subsolo e em recursos humanos. Chegamos regularmente a todas as cidades da região, em especial aos municípios goianos e tocantinenses e ao DF e suas cidades satélites, em número de 17. Em quantidade menor de exemplares, HOJE é lida em todas unidades da Federação. Editorialmente, temos buscado preservar uma linha capaz de gerar interesse ao Leitor, pelo equilíbrio, o compromisso com a verdade e a independência. Assim tem sido e assim será. Amem. O Editor

a revista do Centro-Oeste e tocantins

Diretores

Contato publicitário

Tarzan de Castro e Valterli Guedes

Carla Poiani

Diretor administrativo

Colaboradores

Joari Sousa Barreira

Iram Saraiva, Pedro Guedes e Valterli Filho

Diretor de Projetos Especiais

Correspondente em Palmas

Eliezer Penna

Roberta Tum

Editor-Geral

Sucursal de Brasília

Valterli Guedes (guedesvalterli@gmail.com)

Adriana Ferraz (adriana@juridiconet.com.br)

Edição

Sucursal de São Paulo (Capital)

Karla Rady (karlarady@gmail.com)

Maria de Fátima Vital (fatvital@gmail.com)

Reportagens

Impressão

Andréa Fassina, Cláudio Curado, Janaina Gomes,

Gráfica e Editora Elite

Jordana Rodrigues e Marcus Vinícios

62) 9106-7883

Design e Diagramação

Tiragem: 20.000 exemplares

Gustavo Nascimento (gustavomorc@gmail.com)

EDITORA CARAÍBA LTDA. - CNPJ: 08629243/0001-03, Rua 103, nº 46, Setor Sul -Goiânia-GO CEP 74.080-200 Fone - 62 3091-5959/Fax: 62 3293-1454 CONTATOS REVISTA HOJE - Administração: administracao@revistahoje.com.br Redação: redacao@revistahoje.com.br - Comercial: comercial@revistahoje.com.br Rua 261 nº 438 Setor Coimbra - Goiânia - GO - CEP: 74.533-050

Agosto de 2010 - Hoje | 3


índice Justiça Mensalão: as razões do Direito e o clamor do vox populi

Brasília Investimento imobiliário: o metro quadrado mais caro do País

Legislativo Brasil mais próximo da Comissão da Verdade

Meio ambiente Expedição pelo Rio dos Bois promovida por prefeitura conscientiza população

Tocantins Eleições 2012: nomes se afunilam nas principais cidades. Com base grande, governo promete não interferir

Personalidade Conheça as ações de Edivaldo Cardoso, o homem à frente do Dentran-GO

Senai

4 | Hoje - Agosto de 2010

Com incentivo do Pró-vida, instituição inaugura unidade em Aparecida de Goiânia

12

16 20 23 32 38 42

Reportagem de capa O Brasil vai à luta. A população começa a se rebelar diante da corrupção e da impunidade

24


Marli Vinhadeli Entrevista

Colunistas

10 14 bsbhoje Andréa Fassina Adriana Ferraz

Marli Vinhadeli, ex-presidente do Tribunal de Contas do Distrito Federal

06

18 28

Plamas OnLine Roberta Tum

30 40 44 46 48 50 53 MAIS

Literatura Originalidade é marca do livro de contos de Hugo Brockes, Penas Confusas

52

Cenários

34

Decorart

37

Agosto de 2010 - Hoje | 5


Entrevista/ Marli Vinhadeli

As complicadas contas governamentais Andréa Fassina

N

a vanguarda das conquistas femininas, Marli Vinhadeli foi a primeira e até agora a única mulher a ocupar a presidência do Tribunal de Contas do Distrito Federal. O ano: 1994. Sua escolha foi o ápice de uma carreira iniciada em 23 de novembro de 1973, quando foi empossada, depois de aprovada em concurso público, no cargo de Analista de Finanças e Controle Externo. Depois, também por concurso, tomou posse como auditora, posição que lhe ensejou a oportunidade de atuar como conselheira, em substituição, sendo mais terde efetivada na cota destinada à categoria a que pertencia. Sobre os seus quase 40 anos de atuação no órgão encarregado de julgar as contas governamentais do Distrito Federal, contas muito complexas, intrincadas mesmo a julgar pelo noticiário da mídia nos últimos tempos, a conselheira falou a HOJE. Seguem as perguntas da revista e suas respostas:

HOJE – Qual a importância de ter ingressado no Tribunal por meio de concurso e hoje estar presidindo o TCDF? Marli Vinhadeli – Independência total. O caminho é árduo, o concurso é dificílimo. É uma honra pertencer ao corpo de auditores do tribunal nos serviços auxiliares e dá uma segurança muito grande no desempenho da função, tendo em conta os conhecimentos na habilitação do concurso público e também a facilidade que se tem pra enfrentar os desafios de matérias novas.

6 | Hoje - Outubro de 2011


Não é comum termos no comando de tribunais servidores concursados, mas já temos um exemplo do presidente do Tribunal de Contas da União, ministro Zimler. Fui sabatinada pelos senadores e aprovada. À época, não conhecia o governador, o Vallim (ex-governador Wanderley Vallim da Silva). Ele pinçou meu nome da lista tríplice por indicação dos próprios conselheiros do tribunal. E isso assume pra mim uma importância, sinal de que, enquanto desempenhava o cargo de conselheira substituta, atendi ao aspecto técnico. É um caminho trilhado no sistema de mérito, não há vinculação política e sempre primo por meu trabalho, buscando atender aos princípios constitucionais, bons aspectos sociais e ao interesse público. Vale a pena trilhar esse caminho; é muito honroso. Você deve apenas ao reconhecimento do seu trabalho e não a eventuais indicações ou comprometimento de ordem político-partidária. HOJE – Quais mecanismos anticorrupção o Tribunal tem aplicado após o escândalo da Caixa de Pandora? Marli Vinhadeli – Em um primeiro momento, o Tribunal tomou medidas para apurar as responsabilidades com a maior urgência e punir os responsáveis, com o objetivo de inibir novos fatos. Além disso, temos determinado a instauração de tomadas de contas nos órgãos públicos, que são investigações especiais; fazemos auditorias, analisamos editais de concorrência pública com maior rigor e fiscalizamos a aplicação de recursos públicos permanentemente. Também passamos a exigir procedimentos específicos para determinadas contratações como, por exemplo, a comprovação de vantagem na locação de equipamentos, em vez da aquisição. O Tribunal de Contas do DF ainda fortaleceu a fiscalização das obras públicas, ao aprimorar o sistema de acompanhamento das obras (Sisobras), que permite ao cidadão acompanhar no site do TCDF o andamento das obras públicas do seu interesse. HOJE – O que foi investigado no escândalo do governo anterior e quais as punições aplicadas até o presente? Marli Vinhadeli – O Tribunal priorizou

a fiscalização dos contratos que são objeto da Operação Caixa de Pandora, tendo constatado a ocorrência de irregularidades diversas, como dispensas de licitação não justificadas, preços acima dos praticados no mercado, a realização de despesas sem amparo contratual, entre outras. Como conseqüência, foram aplicadas multas e imputados débitos a servidores e empresas. O TCDF também proibiu que os responsáveis pelos prejuízos pudessem exercer cargos públicos no período determinado pela Lei.

“O controle social é importantíssimo, cabendo destacar a utilização dos novos recursos de tecnologia da informação. O brasileiro está mudando; está mais atento ao estabelecimento das políticas públicas”

HOJE – O que a senhora acha do movimento organizado da sociedade se mobilizando contra a corrupção? O brasileiro está mudando? Marli Vinhadeli – Acho ótimo. O controle social é importantíssimo, cabendo destacar a utilização dos novos recursos de tecnologia da informação, a exemplo das redes sociais, como meio mais inteligente de mobilização social. O brasileiro está mudando, felizmente. Ele está mais atento ao estabelecimento

das políticas públicas e consciente do seu direito de fiscalizar a aplicação dos correspondentes recursos públicos. É o exercício da cidadania. HOJE – Como tem sido a fiscalização no Governo atual (Agnello)? Marli Vinhadeli – Os procedimentos de fiscalização do atual governo têm observado os mesmos critérios e procedimentos adotados em outros governos, mantendo-se a necessária cordialidade e cooperação entre as instituições, mas sem descuidar do rigor na fiscalização da aplicação dos recursos públicos. HOJE – E na área da Saúde, os investimentos estão sendo aplicados corretamente? Marli Vinhadeli – Sabemos das dificuldades enfrentadas pelo atual governo na gestão da Saúde pública distrital. No entanto, a correta aplicação dos recursos passará, entre outras, pela regulamentação de procedimentos e atribuições no âmbito do Poder Executivo, cuja efetividade vem sendo acompanhada pelo TCDF. Na área da Saúde, ainda é cedo para fazermos uma avaliação global quanto às medidas implementadas pelo Governo. Observamos, em princípio, um esforço do Executivo para a melhoria do sistema de saúde pública. Identificamos, por exemplo, a normatização referente aos procedimentos licitatórios e à execução de contrato. HOJE – As obras para a Copa realizadas pelo GDF terão o mesmo prazo de fiscalização que as demais? Há uma forma de fiscalizar sem atrasar as obras? Marli Vinhadeli – O TCDF vem acompanhando as obras destinadas à Copa 2014 em uma auditoria permanente, desde o lançamento do edital de licitação. Com isso, privilegiamos a função preventiva do controle externo, de maneira a impedir a ocorrência de eventuais irregularidades e, dessa maneira, evitando o atraso nas obras. HOJE – É um desafio ser mulher no comando de um Tribunal? A senhora já enfrentou algum tipo de preconceito? Marli Vinhadeli – É um desafio ser mulher e já enfrentei preconceito. Mas, Outubro de 2011 - Hoje | 7


Entrevista/ Marli Vinhadeli acontece que vejo isso com muita naturalidade porque o preconceito é muito sutil nesse meio. É preciso observar bem pra sentir que está sendo alvo de algum preconceito. Depende muito da postura de quem

é alvo. Se a pessoa percebe e não se posiciona, o preconceito é consumado. É um desafio que diuturnamente a mulher enfrenta. A mulher tem que se desdobrar pra conseguir o mesmo resultado que um homem consegue

com mais facilidade. E tem que estar muito atenta porque é uma armadilha constante. A mulher tem que estar vigilante pra não se deixar intimidar por este tipo de visão que felizmente ainda assume a forma de exceção, mas existe sim. A mulher deve deixar vigorar toda sua competência porque é através da sua firmeza que ela vai superando esse tipo de ranço social. HOJE – Na sua opinião, as ações de controle externo estão evoluídas no Brasil? O que precisa melhorar? Marli Vinhadeli – Não tenho dúvidas em afirmar a evolução das ações de controle externo, inclusive com a utilização dos novos recursos de tecnologia da informação para, por exemplo, realizar a combinação de informações de diferentes bancos de dados para identificar eventuais desvios de recursos e de conduta. O Tribunal também adotou um padrão para as auditorias. Elas passaram a ter controle de qualidade, mais transparência e segurança para os auditados, pois utilizamos os critérios internacionalmente aceitos. O TCDF também foi recentemente credenciado pelo Banco Mundial para realizar auditoria dos recursos repassados pelo BIRD para o GDF. Para dar um exemplo, só no ano passado, o Tribunal identificou um prejuízo de quase R$ 350 milhões e condenou os responsáveis a devolverem esse valor aos cofres públicos. O TCDF também evitou um prejuízo potencial de aproximadamente R$ 20 milhões em 2010, ao determinar a revisão nos editais de concorrência pública. Passamos a avaliar com mais rigor a eficiência e efetividade das políticas e dos programas governamentais em áreas como saúde, educação, transporte e meio ambiente. Finalmente, os tribunais de contas do País têm procurado atuar de forma mais colaborativa e harmônica, por intermédio de programa de modernização comum. Reconhecemos que ainda podemos fazer mais e melhor e para isso temos recorrido às boas práticas de outras instituições, além de procurar a integração com os demais órgãos de controle e com a sociedade.

8 | Hoje - Outubro de 2011

Outubro de 2011 - Hoje | 8


O Conselho Deliberativo da Associação Goiana de Imprensa decidiu por unanimidade apoiar o movimento contra a corrupção. A AGI é a mais antiga entidade representativa dos integrantes da mídia em Goiás, tendo sido fundada há 77 anos. O apoio está materializado através de manifesto aprovado durante reunião extraordinária realizada em Goiânia às 12 horas do dia 17 de outubro de 2011. O documento é o seguinte: Manifesto da AGI A Associação Goiana de Imprensa (AGI), representativa dos que exercem atividades na área de Comunicação em Goiás, por decisão de seu Conselho Deliberativo vem a público proclamar integral apoio às manifestações de brasileiras e brasileiros no combate à corrupção. Ao mesmo tempo, conclama toda a Sociedade a participar do movimento iniciado pelas redes sociais, com apoio da mídia e de outros segmentos, que chegou às ruas, nos dias 7 de setembro e 12 de outubro, reunindo milhares de pessoas em dezenas de cidades. Depois de importante conquista no campo da cidadania, simbolizada pela Constituição democrática cuja vigência completou 23 anos neste 5 de outubro, é mais que chegada a hora de novo esforço em favor do Brasil. A História das últimas décadas demonstra que quando a Sociedade se mobiliza, vai às ruas e toma posição, transformações positivas se concretizam. Exemplo eloquente, para mencionar somente um, é o movimento por eleições, o “Diretas Já”. A Liberdade conquistada é um bem inquestionável. Ela deve ser usada para conquistar novos degraus no aprimoramento democrático. Para isto, é fundamental combater as mazelas

que deterioram a Nação e constituem ameaça às Instituições, comprometendo a própria vida democrática. O Movimento Contra a Corrupção não tem dono. Nasceu da Sociedade, de pessoas anônimas, e virou multidão. Assim deve prosseguir, crescendo e ganhando amplitude, até alcançar seu superior objetivo: drástica redução da sangria que faz esvairem-se as forças de todo um País. Eliminando a roubalheira dos de cima, isto servirá de exemplo e por certo a marginalidade que comete violências nas ruas, matando e roubando, deixando a todos com medo e tornando o Brasil um dos países com maior índice de criminalidade, também terá seu ânimo arrefecido. Eliminar a corrupção significa também mais recursos para setores essenciais como Saúde, Educação e Infra-Estrutura, entre outros itens propulsores do Desenvolvimento. Os Comunicadores goianos, empregados, autônomos e empresários, congregados em torno de sua Entidade Mater, com História de 77 anos de defesa da Liberdade de Expressão e dos interesses de Goiás e do Brasil, acredita no Movimento Popular recentemente iniciado, certos de que a vitória será alcançada, representada pela conquista de uma Nova Etapa, capaz de deixar para trás, definitivamente, uma condição que envergonha a todos: a de habitarmos um país classificado por entidades internacionais sérias, entre os mais corruptos da Terra. Compareça às próximas manifestações populares contra a corrupção. Contribua na construção de um Brasil melhor em favor das gerações do presente e do futuro! Goiânia, 17 de outubro de 2011.

Associação Goiana de Imprensa

Empunhe esta bandeira


PRIMEIRO PLANO

Adeus de Meirelles Campeão de votos para deputado federal pelo PSDB de Goiás em 2002, Henrique Meirelles sequer assumiu o mandato porque foi nomeado presidente do Banco Central por Lula. O mais longevo no posto (oito anos), desde que o BC foi criado em substituição à antiga Sumoc (Superintendência da Moeda e do Crédito). Cresceu tanto, politicamente, que chegou a se filiar ao PMDB visando ser o vice de Dilma. Tudo sob estímulo de Lula que, de tão forte, achava poder escolher a chapa toda. As raposas do PMDB sentiram o golpe e preferiram, elas próprias, fazer a escolha de

Força de Marconi Aliados do governador Marconi Perillo na disputa de 2012 são considerados muito fortes nas seguintes cidades importantes: Rio Verde, com Juraci Martins; Itumbiara,

com Chico Bala; Luziânia, com o candidato que o prefeito Célio Silveira (PSDB) apoiar; Minaçu, com Cícero Romão Rodrigues; Trindade, com Jânio Darrot; Morrinhos, professor Cleumar; Quirinópolis, Odair Rezende; Posse, com Paulo Roberto, atual prefeito, ou, principalmen-

Michel Temer. Uma candidatura em Goiás, em 2010, a governador ou a senador, tornou-se impossível, ao que parece, por falta recíproca de confiança. Agora no PSD de São Paulo, a convite do prefeito Gilberto Kassab, Meirelles tem o nome cogitado para concorrer à prefeitura. Vai enfrentar profissionais da política, como os que o derrubaram de uma suposta coordenação geral das obras relacionadas à Copa do Mundo de 2014. O posto de autoridade olímpica, que hoje ocupa, é pouco mais que uma ficção. Talvez Meirelles sinta saudades de tempos idos e vividos.

te, José Éliton Figueiredo, advogado atuante, pecuarista e ex-prefeito. No entorno do Distrito Federal, os candidatos apoiados por Marconi são favoritos na maioria das cidades. Pedreiras,mesmo, estão em Goiânia, Aparecida de Goiânia e Anápolis, por sinal as três com maior número de eleitores.

Senador Canedo O governador Marconi Perillo (PSDB), quer vitórias, e muitas, de seu partido e dos aliados, em todas as regiões. Mas tem maior preocupação com algumas cidades estratégicas. Como Senador Canedo, base de seu provável adversário Vanderlan Cardoso (PMDB), em 2014. Daí o esforço para atrair um nome considerado promissor, o ex-secretário Zélio Cândido, de Indústria e Comércio, para o PSDB, visando à disputa da prefeitura. Marconi mais uma vez atraiu para seu lado até o ex-prefeito e ex-deputado Divino Lemes, pré-candidato à Câmara Municipal.

Misael para prefeito Deputado estadual que já foi vereador de Goiânia, portanto político experiente, Misael Oliveira transferiu domícílio eleitoral para Senador Canedo. Está à disposição dos companheiros para, se for preciso, ser candidato a prefeito. Foi incentivado por correligionários e amigos sob o argumento de que o atual prefeito, Tulio Servio Barbosa (PSB), que sucedeu Vanderlan Cardoso para que este disputasse o governo em 2010, não vem demonstrando disposição para a disputa da reeleição. 10 | Hoje - Outubro de 2011


Caiado X Juraci

Ronaldo

O presidente regional do DEM, Ronaldo Caiado, não gostou de quase todas as desfiliações de integrantes de seu partido. Mas, ao que parece, a que mais o desagradou foi a do prefeito de Rio Verde, Juraci Martins, contra quem fez ataques pessoais, ao que parece infundados. Exemplo: acusou o prefeito, que é abstêmio, de agir sob efeito de bebida alcoólica. Na verdade, Juraci Martins não morria de amores pelo DEM, mas dele não sairia, até por conveniência relacionada à pretendida reeleição no ano que vem.Seria um partido a mais, mais tempo de rádio e TV, essas coisas. Mas ao saber da dissolução do DEM de Rio Verde, depois que o deputado Heuler Cruvinel (aliado e afilhado político do prefeito), foi para o PSD, Juraci sentiu-se desconfortável. Achou que correria o risco de não ter o nome homologado em convenção, garantia que lhe foi assegurada pelo PSD, seu novo partido.

PC do B revigorado

O PC do B tem agora representação na Assembléia Legislativa de Goiás. A deputada Izaura Lemos deixou o PDT e filiou-se a seu antigo partido, tendo sido recebida com festa na sede estadual, na praça do Botafogo, setor Universitário. Sua filha, a vereadora goianiense Tatiana Lemos (mais de 10 mil votos em 2008), assinou ficha de filiação na mesma oportunidade, dobrando a representação comunista na Câmara Municipal de Goiânia, onde já estava Fábio Tokarsky. O presidente do PC do B goianiense, Euler Ivo, um dos oradores da festa, anunciou que mais de 100 filiados se acham inscritos como pré-candidatos a vereador em 2012. Além das novas filiadas, falaram também os ex-deputados Aldo Arantes e Denise Carvalho.

Juraci

A conferir José Francisco das Neves (foto), o Juquinha, não comparece a eventos, conversa com poucos, mas está ativo e busca dois objetivos, nos quais diz acreditar: quer provar sua inocência e lisura na direção da Valec, que toca a construção de ferrovias projetadas pelo governo federal, e revigorar seu partido político, o PR, cuja direção regional lhe foi confiada por Valdemar Costa Neto.

Itumbiara Francisco Domingues e Rubens Augusto devem polarizar em Itumbiara, na disputa pela sucessão do prefeito José Gomes da Rocha. Domingues vem a ser o Chico Bala, atual vice- prefeito, que cogitou trocar o PTB pelo PSDB do governador Marconi, mas ficou quieto. Motivo: o PSDB proibiu aos seus diretórios, nacionalmente, fazer coligações com o PT, com o qual Chico Bala quer coligar. Rubens Augusto (sócio da Localiza em Itumbiara), é o vereador Gugu Nader do PMDB. Dione Araújo, que já foi candidato a prefeito e até a senador, é a esperança do DEM. Mas permanece calado. Outubro de 2011 - Hoje | 11


Delúbio Soares

STF entre as razões do Direit O espetáculo midiático e o julgamento dos 38 réus do mensalão: um embate entre verdades e mentiras ou mais um caso onde os julgamentos políticos contaminam a essência do Direito na sua busca pela Justiça Marcus Vinícios / mvfelipe.67@gmail.com Especial para a Revista HOJE

‘‘O

s tribunais são frequentemente os palcos onde as tragédias, os dramas ou as farsas da História encontram o seu desfecho natural. Mas, a sentença, não representa, muitas vezes, mais do que um provisório descer de pano. Quando o palco volta a abrir-se, o espectador depara com uma nova cena sobre o mesmo cenário: os réus tornaram-se em juízes e os juízes em réus”, o trecho é o prefácio da obra Os grandes processos da História, do juris-consulto francês Henri Robert. Nos dez volumes, o autor analisa 40 casos famosos na história, entre eles, os julgamentos de Delúbio Soares: para o PT, “o homem que seguraou a República”

12 12 ||Hoje Hoje-- Outubro Outubro de de 2011 2011

Camile Desmoulins, Maria Antonieta, Luis XVIII, nos quais conclui que os julgamentos políticos contaminam a essência do Direito: a busca da Justiça. Fraudes em julgamentos não são tema apenas de livros, o cantor norte-americano Bob Dylan tornou conhecida a injustiça cometida contra o boxeador Rubin Carter, conhecido como Hurricane. Preso em 1966, acusado de assassinato em primeiro grau. Foi libertado, após 19 anos de prisão, em 85. No refrão, da letra “Hurricane”, Bob Dylan denuncia: “Aí vem a história do Furacão, o homem que as autoridades acabaram culpando por algo que ele nunca fez” . No Brasil do espetáculo midiático, o julgamento da Ação Penal no 470, cujos autos se encontram no Supremo Tribunal Federal, pode condenar homens por aquilo que não fizeram. O processo que a imprensa do RioSão Paulo convencionou chamar de mensalão está contaminado de préjulgamentos e interesses outros que passam longe do conceito de Justiça. A principal testemunha de acusação, o deputado-cassado Roberto Jefferson (PTB), admite que mentiu ao afirmar que o governo do ex-presidente Lula comprava votos de deputados no Congresso Nacional. Na defesa que apresentou ao STF, Jefferson foi taxativo: “Não houve cooptação de deputados do PTB para votar em projetos do governo Lula. O PTB apoiou a candidatura de Lula no segundo turno de 2002, portanto fazia parte da base do governo”, ressalta.

Julgamento nos autos

O ex-ministro da Secretaria de Comunicação da Presidência Luiz Gushiken reforça as palavras de Jefferson. Ele responde no STF pelo crime de peculato no processo do mensalão. No entanto, segundo documento final sobre o processo que o Procurador-Geral da República, Roberto Gurgel, entregou ao Supremo, o ex-ministro deve ser absolvido, pois não foram encontrados elementos nem “sequer indiciários” de sua participação no suposto esquema. Em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo (10/10), Gushiken diz que espera que “os ministros do Supremo não sejam pressionados por outras forças políticas”. Para ele, se os ministros basearem sua decisão na lei, as acusações “cairão por terra”. “Eles vão perceber que a acusação que ficou conhecida como mensalão – ou seja, o crime que ficou tipificado como compra de votos de parlamentares – não tem sustentação”, afirmou. Para o ex-ministro, o PT cometeu, na verdade, o crime eleitoral conhecido como caixa dois. “O que era de praxe na época.”

O Livro

“José Alencar, amor à vida”, da jornalista da Folha, Eliane Catanhêde, corroborra com as versões de Jefferson e Gushiken. Num dos trechos ela narra a reunião entre o presidente Lula e seu vice, José Alencar, para tratar da arrecadação de recursos para a aliança PT-PL, nas eleições de 2002. “Foi seu assessor Adriano (o grande Adriano Silva, braço direito de José Alencar). E era simples: os dois partidos trabalhariam para levantar os recursos e depois distribuiriam toda a verba de campanha proporcionalmente ao número de deputados de cada um. (...) Para simplificar, o PT ficaria com três quartos da verba, enquanto o PL ficaria com o quarto restante”, relata a jornalista.


to e o clamor do vox populi Reforma política

O processo eleitoral brasileiro não é perfeito, mas foi ele que permitiu que um governador de Alagoas (Fernando Collor), um sociólogo (Fernando Henrique) e um metalúrgico (Lula) chegassem à presidência da quinta maior economia do planeta. Mas, desde a Constituição de 1988, não há consenso sobre as regras para financiamento de campanhas. E a cada eleição nosso sistema político produz embates cada vez maiores entre Legislativo e Judiciário, criando um clima de insegurança, onde tem prevalecido a judicialização das campanhas, a tal ponto de interferir no conceito primal da democracia: o poder soberano do povo escolher pelo voto os seus representantes. O processo rotulado com a alcunha de “mensalão” reproduz fielmente esta contradição do sistema político brasileiro. Os partidos que venceram as eleições presidenciais de 2002, articularam alianças eleitorais, com sua respectiva co-responsabilidade financeira, ou seja, divisão de gastos de campanha. A peça de defesa do ex-tesoureiro do PT, Delúbio Soares, apresentada pelos advogados Arnando Malheiros Filho e Celso Villardi, mostra que nos 394 depoimentos transcritos nos autos, envolvendo os 38 réus do processo, nenhum dos depoentes afirma ter falado com Delúbio sobre compra de votos de deputados. Dos 79 senadores e deputados ouvidos nenhum deles tratou com o ex-tesoureiro do PT sobre o aludido esquema denunciado à época por Roberto Jefferson.

Chega-se aqui à máxima de Henri Robert, onde o réu é acusado de crimes que não cometeu, ou seja, conforme confessa Jefferson, não houve compra de votos de deputados, ou pagamento mensal a estes para apoio em matérias de interesse do governo. E é justamente esta a principal acusação que a Procuradoria Geral da República imputa a Delúbio e aos deputados José Dirceu e José Genoíno.

Defesa

Na última semana Delúbio foi homenageado na abertura da 13a Plenária Nacional da CUT (Central Única dos Trabalhadores). Um dos fundadores da entidade e do PT, ele foi aplaudido de pé pelos participantes ao apresentar sua defesa. O livreto com 80 páginas reproduz cada linha da peça apresentada ao STF, que está disponível também no site do sindicalista: www. delubio.com.br. Delúbio divide seu o tempo entre a implantação de sua empresa – um site de busca de imóveis na internet (www.geralimoveis.com.br) e a defesa das acusações no processo do STF. Desde que foi reintegrado ao PT, por 80% dos votos no Diretório Nacional (60 a favor e 15 contra), o professor Delúbio tem recebido reiteradas manifestações de solidariedade de seus pares no PT, no movimento sindical

e de entidades classistas. O advogado Sebastião Ferreira Leite, que assiste Delúbio em processos no Estado, diz que tudo que os defensores querem é que o ex-tesoureiro seja julgado nos autos. “Os holofotes de setores mais exaltados da imprensa não podem contaminar a decisão da Corte Suprema do país”, analisa. Com sua obra, Henri Robert advertiu seus pares do Direito da nociva contaminação dos julgadores pelo vox populi, ou seja, a voz rouca das ruas, que tem por detrás, interesses políticos difusos daquilo que se propõe a Justiça. As denúncias que geraram a Ação Penal no 470 são, em essência, a tentativa de setores da oposição de esvaziar o governo do presidente Lula, barrando-lhe a chance de reeleição, que o povo veio a confirmar em 2006. José Dirceu, José Genoíno e Delúbio Soares foram artífices da vitória em 2002, e tudo que os adversários do presidentemetalúrgico queriam é barrar este trio, privando o “general” Lula de seus principais tenentes. Essa é a verdadeira trama. Caberá ao Supremo trazer à luz a verdade ou convalidar a farsa.

Outubro Outubrode de2011 2011--Hoje Hoje|| 13 13


Resenha

Renato Dias | renatodias67@gmail.com

“O PSD é o partido do momento ” (De Vilmar Rocha a resenha)

TCE

O tempo conspira contra Edson Ferrari.

Foice e martelo

Deusmar Barreto, jornalista, se filiou ao PC do B.

Estratégia

1 - O PC do B lançará 15 candidatos a prefeito em Goiás. O Estado possui 246 municípios. 2 - Os comunistas apoiarão os projetos de reeleição de

Além de 1964

Vi l m a r R o c h a (PSD) lê, hoje, a biografia de Jango (2011), de Jorge Ferreira, da Civilização Brasileira.

O retorno

Nédio Leite amarga volta à suplência.

Troca-troca

Linha direta Wagner Siqueira Jr., Luís Cesar e Francisco Gedda comandam o bloco de oposição PMDB, PT e PTN, na Assembleia.

14 | Hoje - Outubro de 2011

Fábio Caixeta (PMN) reassumiu, após 125 dias, o seu mandato na Câmara Municipal de Goiânia. Saiu Paulo Magalhães, do PSL.

Paulo Garcia, Antônio Roberto e de Maguito Vilela. 3 – Quem revela é o presidente do PC do B em Goiás, o vereador Fábio Tokarski.

Resenha Líder do PSDB, Maurício Beraldo diz ter um relacionamento tranqüilo com Iram Saraiva e nega mal-estar.

Jogo do Poder Segundo suplente do PT, Jorge Carneiro filiou-se ao PSDB, informa Maurício Beraldo.

Xeque mate O PMDB tentará tomar o mandato de Santana Gomes.

Manda brasa Santana Gomes e Luciano Pedroso deixaram o PMDB.

Nova data

O 12º Canto da Primavera, em Pirenópolis, foi transferido para 22 a 27 de novembro.

Outubro de 2011 - Hoje | 14


PSD O retorno

D e n i s e C a r va l h o , musa comunista, retornou ao PC do B. Com Itamar Pires e Osmar Pires.

2012

Isaura Lemos é pré-candidata à Prefeitura de Goiânia.

Xeque mate Ademir Menezes quer PSDB e DEM, em Aparecida de Goiânia, como aliados para as eleições de 2012.

O deputado estadual Ademir Menezes quer o PSD sob o guarda-chuva de Dilma Rousseff & de Marconi Perillo. Ele não descarta a possibilidade de ocupar o cargo de líder da bancada na Assembleia Legislativa, a terceira maior da atual legislatura.

PC do B

Cantora, Maíra deve ser candidata a vereadora em 2012. No lugar de Tatiana Lemos.

Linha dura

1 - A promotora Fabiana Zamalloa do Prado propôs ação civil pública contra o Governo de Goiás e Carla Cíntia Santillo 2 - Ela quer a nulidade do Decreto n° 19.859/06, que a nomeou como conselheira do Tribunal de Contas do Estado de Goiás

Tudo certo

1 - O homem das bolachas, deputado federal Sandro Mabel, filia-se ao PMDB dia 20. 2 - Com Michel Temer como testemunha.

Mudanças

1 - O deputado estadual José Vitti filiou-se ao Democratas. 2 - Juraci Martins trocou o DEM pelo.

Diário Oficial

Quem deixou a Secretaria Extraordinária de Obras para a Copa do Mundo de 2014 foi o democrata Nilo Resende.

PR

Agenda parlamentar

Alfredo Bambu, vereador, permaneceu no PR.

Esquerdas

1 - O agrupamento político de Martiniano Cavalcante e Elias Vaz corre o risco de perder o controle do PSOL, em Goiás. 2 - Para as tendências Coletivo Socialismo e Liberdade, Ação Popular Socialista e Liga Socialista Revolucionária. 3 - Ainda em 2011.

1 - Carlos Alberto Leréia (PSDB-GO) participou de fórum da ONU, em Nova Iorque. 2 - Ele é presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara Federal.

Luta armada

1 - Sai, até o dia 30 de outubro, o livro O Cofre do Dr. Rui, de Tom Cardoso. 2 - Mais badalação sobre a ação de expropriação da VAR-Palmares, em 1969, no Rio de Janeiro, dos 2,5 milhões de dólares.

Aqui, não!

22 de novembro É a data da audiência de instrução criminal da ação judicial que Leon deniz move contra Henrique Tiburcio

Virmondes Cruvinel fechou o PSD para os vereadores.

Bastidores Harlei e Raimundo Queiróz, neoconvertidos ao tucanato, são candidatos a vereador em 2012.

Trindade 1 - O deputado estadual Jânio Darrot (PSDB) teve conversa reservada com a presidente do PDT em Goiás, Flávia Morais. 2 - É o primeiro ensaio para a celebração de eventual aliança em 2012. Outubro de 2011 - Hoje | 15


Investimentos

O metro quadrado mai Não é do Rio de Janeiro, e nem de São Paulo. A média do metro quadrado mais caro do país é de Brasília, segundo dados da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE. Para tornar o mercado mais competitivo e os preços mais atraentes ao consumidor, o setor realiza o 6º Salão WImóveis, o 2º maior do país. Mas, para crescer, ainda depende da liberação de novos negócios e regularização de terras no DF 16 | Hoje - Outubro de 2011

Andréa Fassina

M

orar em Brasília é muito caro. A média nacional do metro quadrado está em torno de R$ 7.592, de acordo com índice FipeZap, seguido por Rio de Janeiro e São Paulo, com R$ 6.380 e R$ 5.313, respectivamente. O preço da metragem na capital federal é quase 40% superior à media nacional, que está em torno dos R$ 5 mil. E ainda existem áreas mais caras, como o Noroeste -- bairro que está sendo construído na última área disponível do centro de Brasília, com valores comparáveis aos da cidade de Nova York, chegando a quase R$ 14 mil o metro quadrado.


A tendência é movimentar ainda mais esse mercado, que hoje representa o 2º maior do país; e aquecer mais a economia brasiliense, que tem no setor imobiliário uma média histórica de 20% de valorização anual, maior que qualquer outro tipo de investimento. Prova disso é o 6º Salão WImóveis, “que promete repetir o sucesso de 2010, quando ganhou o posto de maior Salão Imobiliário em vendas do Brasil”, aposta o diretor comercial da WImóveis, Marcelo Ramos.

Grandes negócios

A WImóveis.com é o 3º maior portal exclusivo para venda de imóveis no Brasil e organizador do evento. O 6º Salão WImóveis reúne cerca de 100 expositores, entre imobiliárias, construtoras e incorporadoras e será realizado este ano no Pavilhão da ExpoBrasília, no Parque da Cidade. A Feira acontece entre os dia 19 e 23 de outubro e conta com apoio de entidades como o Conselho Regional dos Corretores de Imóveis (Creci), do Sindicato da Habitação (Secovi-DF), da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário (Ademi), do Sindicato da Indústria da

Brasília: o segundo maior mercado imobiliário do país

Construção Civil (Sinduscon-DF), e da Associação dos Corretores de Imóveis do DF (ACI). Além dos 10 mil imóveis ofertados para um público esperado de 26 mil visitantes, a organização do evento terá 40 computadores à disposição no Cyber-Wimóveis, como fonte de procura do imóvel desejado. Também estarão presentes os bancos – entre eles Banco do Brasil e Banco de Brasília --, a fim de viabilizar a compra da casa própria.

Preços versus mercado

O Diretor de Comunicação e Marketing do Secovi-DF, Gilvan Silva, explica como é possível o Distrito

is caro do País

Fotos: Daniel Cardoso

Federal ter a média mais cara do país em metros quadrados e ainda assim ser o segundo mercado mais rentável do país. Segundo Silva, o diferencial está no poder aquisitivo das Classes A, B e C que, juntas, representam mais de 50% dos moradores do DF. Outro fato, segundo o diretor do Secovi é a oferta de crédito que ajuda a alavancar o mercado. O presidente da Ademi-DF, Adalberto Valadão, acredita que a atual crise financeira mundial não vai afetar em nada os negócios imobiliários, graças a renda per capita do brasiliense, o que favorece a compra de imóveis.

Regularizar para crescer

Apesar da crise, o setor continua a crescer. Mas, segundo os representantes do setor imobiliário no DF, o que impede um crescimento ainda maior é a não-aprovação de novos lançamentos imobiliários e a falta de regularização de terras no DF. Segundo o Diretor do Secovi-DF, o gargalo está na própria Terracap, Companhia Imobiliária do Governo do Distrito Federal, que faz uma política habitacional centrada e isso dificulta novos negócios. Gilvan ressalta que grande parte da especulação começa no valor do terreno, com preços altos, porque muitas terras não são regularizadas no DF. Outro problema é a concessão de novos alvarás pra empresas legalmente registradas, que não conseguem renová-los. Segundo o presidente do Sinduscon-DF, Júlio Peres, isso deixa de gerar empregos e renda e, por consequência, paralisa o mercado. O Diretor da WImóveis, Marcelo Ramos, atribui os preços altos a pouca oferta. É a lei da procura e da oferta: “se tem pouca oferta, aumenta-se os preços”, lamenta Ramos. Outubro de 2011 - Hoje | 17


bsbhoje Steve Jobs mirim O estudante brasiliense Rafael Costa, de

apenas 13 anos, que estuda na sétima série do Colégio Leonardo da Vinci, em Brasília, aprendeu a escrever seu nome no computador quando tinha 4 anos. Aos 9, desenvolveu um vírus no computador numa brincadeira com a mãe e, aos 12, criou o primeiro

aplicativo para o Iphone, da Apple. Hoje, é um dos mais jovens colaboradores da multinacional, uma das maiores empresas de informática do mundo. É, claro, fã de Steve Jobs, fundador e gênio da Apple, que morreu este mês, vítima de câncer.

Saúde DF Apesar do alerta do Tribunal de Contas do Distrito Federal de mais investimento na Saúde de Brasília, a mudança que já foi feita vem sendo sentida nos hospitais e emergências. No Hospital de Base e o HRAN (Hospital Regional da Asa Norte), por exemplo, o atendimento está melhor e mais rápido. Nota-se também maior empenho dos profissionais e limpeza desses locais.

Rumo à presidência O senador Aécio Neves (PSDBMG) anunciou o que todo mundo já sabia e ainda teve tucano que se mostrou surpreso. Em entrevista ao Estadão, Aécio revelou que está pronto pra disputar a presidência da República em 2014, para desespero do colega de partido, José Serra. Se passar pelas prévias, o senador garantiu: "Estou pronto, seja Lula ou Dilma".

18 | Hoje - Outubro de 2011

Halo brasiliense Brasília foi brindada com um fenômeno óptico conhecido como halo solar, no último dia 30 de setembro. Um anel colorido se formou ao redor do sol para chamar a atenção do brasiliense que registrou o céu de vários pontos da capital federal. Ele se forma quando os raios do sol são refletidos pelos cristais de gelo que estão suspensos no ar.

Planalto rosa O Palácio do Planalto entrou na Campanha Outubro Rosa, que pretende chamar a atenção para a detecção precoce do câncer de mama. A iluminação das colunas do Planalto ganhou tons de cor-de-rosa na luta contra a doença. Além do belo efeito, chama a atenção para a prevenção.


Andrea Fassina e Adriana Ferraz andreafassina@revistahoje.com.br

De novo contra a corrupção O feriado serviu para reunir milhares de pessoas na Esplanada dos Ministérios. No dia da padroeira do Brasil e das crianças, 20 mil pessoas protestaram na Marcha contra Corrupção articulada pela Internet. Apesar de ter a metade dos manifestantes da realizada no feriado anterior, os organizadores comemoraram por ter sido a maior do país. Ponto para a transparência e a ética na política.

Impasse Copa 2014 Nem bem foi instalada, a Comissão Especial pra avaliar a Lei Geral da Copa no Congresso Nacional já causa polêmica por divergências do Governo Federal e da Fifa. A presidenta Dilma não abriu mão da meia-entrada pra idosos, mas a Fifa bate o pé na venda de bebidas alcóolicas nos estádios. Uma missão da Fifa veio a Brasília pra tentar entrar um acordo. Enquanto isso, o Deputado Federal Romário desabafou e disse que, se não colocarem a Fifa no seu lugar, ela vai mandar mais que a presidenta Dilma.

Fim da Taxa Lançada campanha para acabar com a taxa extra na conta de luz. A campanha da Fiesp, a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo, pede que o consumidor preste atenção neste "plus" e alerta que o dinheiro para este fim serviu

Mário Quintana "Deficiente é aquele que não consegue modificar sua vida, aceitando as imposições de outras pessoas ou da sociedade em que vive, sem ter consciência de que é dono do seu destino. Louco é quem não procura ser feliz. Cego é aquele que não vê seu próximo morrer de frio, de fome, de miséria. Surdo é aquele que não tem tempo de ouvir um desabafo de um amigo, ou apelo de um irmão. Mudo é aquele que não consegue falar o que sente e se esconde por trás da máscara. Paralítico é quem não consegue andar na direção daqueles que precisam de sua ajuda. Diabético é quem não consegue ser doce. Anão é quem não sabe deixar o amor crescer. E Miserável somos todos que não conseguimos falar com Deus."

pra financiar usinas que já estão pagas, mas o governo continua cobrando. A economia pode ser de 30 bilhões de reais por ano, o que daria pra manter mais dois programas sociais do tamanho do Bolsa Família.

Outubro de 2011 - Hoje | 19


Legislativo tes, como foi na Câmara dos Deputados. Parlamentares ligados a partidos de direita, como o DEM, criticaram a proposta alegando que a Lei da Anistia teria encerrado este período da história. Outros parlamentares vêem a instalação da comissão como um passo para resolver uma ferida ainda aberta na história brasileira.

Polêmica deve continuar

Brasil mais perto da criação da Comissão da Verdade Cláudio Curado

O

Congresso Nacional deu mais um passo para a aprovação do projeto que cria a Comissão da Verdade com a indicação oficial de um relator no último dia 10 de outubro. Caberá ao senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), também ele um perseguido político pela ditadura militar de 64, a relatoria do projeto. O senador paulis-

20 | Hoje - Outubro de 2011

ta afirmou que pretende apresentar o relatório ainda neste mês e para isto já ouviu, informalmente, representantes de familiares das vítimas da ditadura militar. Após a votação do relatório e da aprovação do projeto no Senado, ele deve ir à sanção da presidente Dilma Rousseff. Embora o relator tenha dito que vai tentar fazer um trabalho em tempo recorde, a votação no Senado também deverá ser precedida de intensos deba-

A eventual aprovação do projeto de lei e a instalação da Comissão da Verdade não acabará com as polêmicas que cercam a proposta. É que o projeto de lei 7.376/2010 que institui a Comissão não conta com a aprovação de parte das vítimas da ditadura militar e dos movimentos populares que as apóiam. Os principais defeitos dizem respeito ao período previsto para a apuração dos fatos, possibilitando alcançar investigação de ilícitos criminais a partir de 1946 até o ano de 1988. Outro equívoco seria a composição e o número de pessoas que integrarão a Comissão. Sete é um número aparentemente insuficiente para dar conta do trabalho, ainda mais se considerando que tudo deve terminar em dois anos. No Brasil, poderá acontecer o que ocorreu em El Salvador. Lá, os assassinos de Don Oscar Romero e de Ignacio Ellacuria, reitor da Universidade Centro Americana, referências da resistência à ditadura que torturou e matou milhares de pessoas, foram praticamente absolvidos por recente decisão da Corte Suprema daquele país.


Como vai funcionar a Comissão da Verdade

Ação em Goiás tem apoio da deputada Marina Sant’Anna Um dos grupos mais ativos em todo o país na defesa da instalação da comissão da verdade está no estado de Goiás. Ex-presos políticos tem se organizado e se manifestado de forma sistemática. O Comitê da Verdade e da Justiça de Goiás foi lançado no dia 11 de agosto, em um grande evento realizado na sede do Instituto Histórico e Geográfico de Goiás. A deputada federal Marina Sant’Anna (PT-GO), que tem

acompanhado todas as reuniões do comitê, comprometeu-se a ajudar na articulação de apoios de parlamentares goianos e de segmentos sociais à atuação da Comissão da Verdade. Para isto tem atuado junto a organizações democráticas e populares da sociedade civil organizada e instituições como veículos da imprensa, a Ordem dos Advogados do Brasil – seção Goiás, Sindicato dos Jornalistas de Goiás, Associação Goiana de Imprensa, Central Única dos Trabalhadores, Comissão Pastoral da Terra, partidos políticos e entidades estudantis. O comitê goiano é o 20º montado no país e pretende ter respostas concretas para o desaparecimento de vários militantes goianos como: Arno Preis, Cassimiro Luiz de Freitas, Divino Ferreira de Souza, Durvalino Porfírio de Souza, Honestino Monteiro Guimarães, Ismael Silva de Jesus, James Allen Luz, Jeová de Assis, José Porfirio de Souza, Márcio Beck Machado, Marco Antônio Dias Batista, Maria Augusta Thomaz, Ornalino Cândido, Paulo de Tarso Celestino e Rui Vieira Bebert.

A comissão terá como finalidade examinar e esclarecer as graves violações de direitos humanos praticadas entre 1946 e 1988. A intenção seria efetivar o direito à memória e à verdade histórica e promover a reconciliação nacional. Para isso, a comissão deverá analisar casos de torturas, mortes, desaparecimentos forçados, ocultação de cadáveres, ainda que ocorridos no exterior. Também deverá identificar e tornar públicos as estruturas, os locais, as instituições e as circunstâncias relacionados à prática de violações de direitos humanos. Um dos primeiros trabalhos será o de auxiliar na localização e identificação de corpos e restos mortais dos 140 desaparecidos políticos da ditadura militar de 64. No entanto, ao contrário do que ocorreu, por exemplo, na Argentina, onde vários torturadores e até chefes da ditadura militar foram presos e condenados, a comissão brasileira não poderá pedir a punição de eventuais assassinos e torturadores. É que em abril de 2010, o Supremo Tribunal Federal decidiu por sete votos a dois que a Lei da Anistia, de 1979, não deveria ser alterada para possibilitar a responsabilização penal dos indivíduos envolvidos em crimes como a tortura. Esta decisão enterrou a possibilidade de que a Comissão da Verdade tivesse qualquer poder punitivo. Os futuros integrantes da Comissão da Verdade deverão ter acesso a todos os arquivos do poder público sobre o período e poderão convocar vítimas ou acusados de violações para depoimentos, ainda que esta não tenha caráter obrigatório.Ao fim de dois anos, prazo de atuação do grupo, a comissão poderá publicar um relatório com seus principais achados.O grupo não terá, todavia, a obrigação de divulgar tudo o que descobrir. Caso elabore uma lista com nomes de torturadores, por exemplo, a comissão pode optar por encaminhá-la somente à presidência da República. Outubro de 2011 - Hoje | 21


Legislativo

Comissão precisa dar algumas respostas O Brasil custou a superar o período ditatorial mais recente e estabelecer um regime democrático onde já não se tem medo de um golpe militar. Por anos, mesmo após a eleição direta de presidente da república, este fantasma atormentou o cenário político brasileiro. Talvez isto, aliado à decisão do STF no ano passado, ajude a entender o pouco espaço que terá a Comissão da Verdade do Brasil para apurar as atrocidades cometidas no país entre os anos de 1946 e 1988. Não veremos, como ocorreu na Argentina, ex-ditadores e seus asseclas, sentados em bancos de tribunais e saindo condenados à prisão. Mas poderemos conseguir respostas sobre o destino de dezenas de pessoas que “foram” desaparecidas pelos agentes da ditadura. Caso a comissão chegue a nomes de torturadores e assassinos, deverá encaminhar estes à presidência da República. Fará um grande serviço à nação a divulgação destes nomes. Não podemos conviver com, hoje, aparentemente inocentes idosos que circulam com seus netos por nossas praças e que foram responsáveis por torturas abomináveis e outros crimes hediondos. Precisamos saber quem são essas pessoas, para poder olhar nos olhos delas e demonstrar todo nosso desprezo por suas ações no passado. São cidadãos que circulam entre nós, com ar de civilidade, mas que trazem dentro de si a besta-fera que matou, torturou e desapareceu com centenas de pessoas. Seres que agiram na calada da noite para sumir com militantes como o estudante, de apenas 15 anos de idade, Marco Antonio Dias Batista, cujo paradeiro nunca foi conhecido. Estas pessoas negaram a dona Maria de Campos Batista, genitora de Marco Antônio, um direito elementar de uma mãe: o de poder chorar sobre o corpo do filho e enterrá-lo com a dignidade que todo ser humano merece. Por estes e outros crimes não poderiam continuar a desfrutar da impunidade a que hoje tem direito.

22 | Hoje - Outubro de 2011

Ilustração Paulo Pina

“Não podemos

conviver com aparentemente inocentes idosos que foram responsáveis por torturas abomináveis e crimes hediondos”

Cláudio Curado é jornalista e presidente do Sindicato dos Jornalistas de Goiás


Meio ambiente

No balanço das águas

1a Expedição Rio dos Bois e Paranaíba organizada pelas prefeituras de Quirinópolis, Gouvelândia e Inaciolândia atinge seu objetivo primordial: conscientizar a população sobre a importância da preservação dos rios e o combate à poluição Karla Rady

F

oram mais de 160 quilômetros em dois dias de navegação pelos rios dos Bois, São Francisco, Preto e Paranaíba, além de outros mananciais menores. Cerca de vinte embarcações, comandadas pelos prefeitos de Quirnópolis (Gilmar Alves), Gouvelância (Izoldino Batista Cruz) e Inaciolândia (Gilson Teixeira), chamaram a atenção por onde passaram, recolhendo lixo, combatendo a pesca predatória e distribuindo panfletos educativos à população – foram 300 ranchos visitados ao longo do percurso. Além da distribuição de panfletos e das ações visando à conscientização acerca da importância da preservação dos rios, durante a noite foram proferidas palestras de cunho ambiental.

Polícia Militar), major Antônio Moreira Bonfim também acompanharam a expedição. Ao final, o prefeito Gilmar Alves, propositor da ação, agradeceu a

participação de todos, especialmente da comunidade, o que garantiu o sucesso da expedição. Ele anunciou para 2012 a segunda edição do evento, que promete virar tradição na região.

Elias Cândido

Trabalhando juntos

A ação em conjunto das prefeituras e suas secretarias contou, ainda, com a participação de outras instituições. Cemig, Corpo de Bombeiros, Polícia Ambiental e Polícia Florestal acompanharam todo o percurso. Municípios vizinhos também aderiram ao movimento por meio da presença de seus prefeitos; são eles: André Guimarães (Caçú) e José Cândido (Santo Antônio da Barra). O superintende da Pesca e Aquicultura em Goiás, Domício Vieira; o diretor do Departamento de Engenharia de Saúde Pública da Funasa, Ruy Gomide Barreira; e o comandante da 12ª CIPM (Companhia Independente da Outubro de 2011 - Hoje | 23


Combate à corrupção Pedro Santana/France Presse

O Brasi vai à lu Manifestantes, em Brasília, durante marcha contra corrupção e impunidade

24 | Hoje - Outubro de 2011


il ta

Enfim: a população começa a se rebelar diante da corrupção e da impunidade Valterli Guedes

U

m dos grandes males do Brasil, talvez o maior de todos, a secular, conhecida, mas nunca eficaz e suficientemente combatida corrupção, enfim começa a enfrentar um antídoto de peso: o combate da população. Os primeiros sinais são promissores: os feriados de 7 de setembro e de l2 de outubro deste ano foram utilizados por milhares de pessoas para um protesto contra as mazelas que tanto prejuízo acarretam, em todos os sentidos, à vida nacional. É algo novo, inusitado e sobretudo promissor. Ninguem, é claro, ousou algum dia elogiar ou aplaudir a maOutubro de 2011 - Hoje | 25


Combate à corrupção landragem. Mas até agora não se tem notícia de uma multidão sacrificando o lazer, o futebol ou uma cervejinha para ir às ruas e praças reivindicar transparência, exigindo a supressão de votações secretas no Poder Legislativo, o cumprimento da chamada lei da Ficha Limpa e o fortalecimento do Conselho Nacional de Justiça. E sobretudo pedindo o fim do descalabro costumeiro, de que são exemplos os seguidos desvios de recursos públicos, privatizados em detrimento de setores essenciais, relegados a quinto plano ou ao completo esquecimento. No dia consagrado à Independência, 7 de setembro, mobilizados pelas chamadas redes sociais, em especial a Facebook, em Brasília e em poucas outras cidades alguns milhares saíram às ruas. Os pupulares empunhavam vassouras, a bandeira nacional e pizzas para protestar. Muitos pintaram o rosto de verde e amarelo, enquanto outros usavam nariz de palhaço. Faixas de protesto e de convocação ajudaram a mobilizar o público. No dia consagrado à padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, já aí com a participação da Igreja Católica e de

26 | Hoje - Outubro de 2011

membros de outras religiões, de maçons e de inúmeros outros integrantes de entidades representativas as sociedade, um maior número de manifestantes participou dos protestos. Segundo cálculos da Polícia Militar, em Brasília foram cerca de 20.000 manifestantes. Na avenida Paulista, capital de São Paulo, cerca de 2.000; l.500 na praia de

Copacabana e 2.500 em Goiânia, onde os manifestantes se organizaram na praça Universitária e marcharam em direção à praça Pedro Ludovico Teixeira, mais conhecida por praça Cívica. Em cerca de 50 outras cidades pelo País afora, desde Alfenas e Uberlândia em Minas, até Fortaleza, no Ceará, aconteceram idênticas manifestações.

Outubro de 2011 - Hoje | 26


Impessoalidade

Animador é o fato de se tratarem de manifestações espontâneas, surgidas no meio social, sem líderes visando interesses outros senão conscientizar em busca de tornar o Brasil um país palatável em matéria de corrupção. Porque, segundo pesquisas divulgadas a cada ano, o Brasil está entre os países detentores dos maiores índices de corrupção em todo o mundo. Com um agravante: até agora, os brasileiros não haviam manifestado indignação para valer. Ao contrário, viu-se foi a eleição de políticos que renunciaram aos mandatos devido acusações que lhes cabia explicar e das quais deviam apresentar defesa. Isto, está claro, corresponde não só a aplaudir, mas a consagrar o corrupto como se honesto ele fosse. A propósito, disse d. Odilo Scherer, cardeal arcebispo de São Paulo, em 12 de outubro: “Quando não somos mais capazes de reagir e nos indignar diante da corrupção, é porque nosso senso ético também ficou corrompido”. Cabe observar que o dinheiro que sai pelo ralo da corrupção é o que falta na Educação, na Saúde, na Segurança, Infra-Estrutura e em todos os setores onde existem carências. Não roubar, nem deixar roubar, é essencial ao Brasil, assim como se fazem urgentes algumas reformas na legislação, sobretudo para desestimular a roubalheira. Um exemplo é a necessidade de reforma na legislação eleitoral capaz de tornar mais baratos os custos das campanhas políticas. Campanhas caras estimulam os desvios, as propinas e as doações suspeitas que irrigam os caixa 2. Como comer e roubar é só começar, daí para que tais recursos acabem indo também para o patrimônio de particulares é um pulo.

interessadas em ver confundidos os elevados objetivos propostos com projetos partidários ou pessoais. Em São Paulo, no dia 12, o senador Eduardo Suplicy (PT-SP), um político ficha-limpa, não pode fazer uso da palavra, como pretendia. Explicação de um dos organizadores da manifestação: é para evitar que se pense seja esta uma bandeira de partido político. Sendo assim, que mais e mais brasileiras e brasileiros empunhem a bandeira da faxina. Os resultados? Claro que não tardarão, a exemplo do que já aconteceu em passado recente, quando as ruas e praças foram ocupadas reivindicando eleições diretas. Que novas manifestações, em dias feriados ou não; que nas redes sociais, nas escolas, nas fábricas, onde quer que esteja um brasileiro, o movimento contra a corrupção se apresente, firme e forte, até à vitória, representada pelo orgulho de habitarmos, em breve, um dos países mais decentes do mundo.

Primeiros passos

As manifestações de 7 de setembro e de 12 de outubro, firmes e vigorosas, legítimas pela sua origem na sociedade, são o que de mais positivo aconteceu no Brasil, até agora, neste 2.011. Seus organizadores estão tendo o devido cuidado para evitar o uso da bandeira deste movimento por partidos políticos ou por pessoas Outubro de 2011 - Hoje | 27


Urubuservando

Carlos Brandão | carlosbrandao7@gmail.com

Bichin sem graça Não, gente, tem coisa mais ruim e sem sal que esse tal Justin Bieber? Sangue de Jesus! O “bichin” aterrisou no Brasil e fez shows pra um bando de meninas mal amadas, todas elas precisando urgente arrumar um macho. No palco, o rapaz é um coisinha sem graça, um trocinho sem tipo. Vi pela TV, o trecho de uma música (?) e parece que ele nem canta e sim dubla. Ô, “mininin” purgante!

Fruta pelada Mais uma mulher fruta desembarca nas páginas da revista Playboy. Dessa vez é a tal mulher melão. Fico pensando: temos que ser um povo muito do vagabundo, pra aturar esse tipo de “celebridade”. Pior que aturar: em alguns casos, idolatrar. A gente merece.

Virei escritor Esse colunista que vos serve besteiras a mão cheia, participou do lançamento coletivo de 183 livros, da coleção Goiânia em

Prosa e Verso. Resumindo: pra acabar de foder com o mundo, virei escritor. Pode? A ideia da Prosa e Verso é do meu amigo Kleber Adorno e começou em 2008.

A cada ano, mais e mais autores lançam suas obras. Tem quem fecha a cara e fala mal da proposta. Eu acho graça de quem fala mal, porque quando eles têm chance de fazer, não fazem. E se não fazem, não podem, nunca, falar mal de quem faz. Kleber e sua Secretaria de Cultura de Goiânia merecem respeito, porque realizam. E muito!

Jornalismo “moderno” Muito badalado o afastamento do “humorista” (?) Rafinha Bastos do CQC. Esse cara é o típico jornalista modernete, desses que se julgam acima do bem e do mal, e entendem de tudo. Um bobo, pra ser mais claro. O CQC e outros programas no estilo, todos lotados de jornalistas “modernos”,

28 | Hoje - Outubro de 2011

usam e abusam da agressividade, como se isso fosse estilo jornalístico. Agressividade é estilo de outra coisa mais ligada à psiquiatria. Já foi tarde esse Rafinha. Que outros chatos como ele o acompanhem.


Lembra do Lula? Do Jânio?

Bicicleta colorida

E esses todos que estão falando do assunto, inclusive eu, não bebemos todas e ficamos chapados? Uai, se todos bebemos e passamos da conta, por que achar estranho uma atriz de boa, na dela? Tenha paciência! Hipocrisia tem hora, fii!

Artistas de Goiânia resolveram fazer uma homenagem a uma das personalidades mais importantes da cidade. O homenageado é Maurício Vicente, mais conhecido como Mauricinho Hippie. Ele alegrou as ruas de Gyn, durante mais de 20 anos, com sua bicicleta e suas roupas coloridas, sempre pregando a paz. Os artistas resolveram fazer um passeio ciclístico, com bicicletas enfeitadas à moda Mauricinho. Excelente ideia. Fiz matéria para o Jornal da Imprensa, com Maurício, publicada em agosto passado. Ele hoje é um senhor de 71 anos bem vividos e muitas histórias pra contar. Mauricinho é o cara e precisa ser respeitado pelos que cuidam da memória da cidade.

Pois é...

Quem não bebe? Somos mesmo um país lotado de gente hipócrita, né? Só porque a atriz Christiane Torloni pareceu meio bebum numa entrevista ao Multishow e a imprensa otária logo começou a questionar se ela tava ou não manguaçada. Véi, esse é um problema da Torloni. Se ela tava ou não bêbada, ninguém tem nada com isso. E brasileiro bêbado é novidade? Onde? Quando? Lembra do Lula? Do Jânio? E esses todos que estão falando do assunto, inclusive eu, não bebemos todas e ficamos chapados? Uai, se todos bebemos e passamos da conta, por que achar estranho uma atriz de boa, na dela? Tenha paciência! Hipocrisia tem hora, fii!

Cri-críticos Outra proposta massa, que chega em Goiânia, é a CowParade. Tem no mundo todo e é super elogiado. Pra quem não sabe, são vacas pintadas por artistas diversos. Pois é: alguns críticos acham que a Cow Parade de Goiânia não tá com nada. A do Rio de Janeiro, dos Estados Unidos e de vários países da Europa, são tudo de bom. A de Gyn é uma bosta de vaca. Repito: quem nunca fez nada não pode ficar metendo a língua em quem realiza. Gosto dessa tal CowParade e aplaudo.

Pega, mata e come! Pois é...

Tem que rir duns troços desses. Segundo coluna assinada por Sonia Racy, no Estadão, a péssima cantora Rihanna teria sido ameaçada por um fã brasileiro. O cara ameaçou pegar a cantora, depilar suas partes íntimas e, depois, matá-la. Eita, caboclo criativo. Se eu pudesse, nem depilava, só matava. Gente ruim comigo, é no pau.

Outubro de 2011 - Hoje | 29


PALMAS

On Line

“Quem critica a divugação que o Ministério penais contra prefeitos é porque não conhec levamos a público os casos em que ex Procurador geral de Justiça, Clenan Renault de Melo

Primeiro round A disputa prévia por apoios a virtuais candidatos à prefeitura de Palmas no próximo ano já começou. Governistas articularam a retirada do comando do PTN da capital das mãos do vereador José do Lago Folha Filho (PTN), Raulzista convicto e que não apoiou Siqueira Campos ano passado. A intenção era favorecer Marcelo Lélis(PV). Ganhou o primeiro round, mas a vitória durou pouco. A decisão do presidente estadual Júnior Luiz foi revogada no segundo round, na mesma semana, pelo presidente nacional José de Abreu.

Segundo round Na mesma semana, escoltado pelo prefeito Raul Filho, que já havia participado em São Paulo da primeira conversa com o presidente nacional do PTN, Folha buscou o apoio do senador João Ribeiro(PR), de quem José de Abreu ouviu as melhores referências a respeito da capacidade do vereador em fazer crescer o partido na capital. E de Brasília, o vereador da capital saiu com a resolução que lhe devolvia o partido.

Plano Diretor Uma mudança significativa no Plano Diretor, que permite o crescimento de loteamentos urbanos ao longo da TO-050, em direção à Serra do Lajeado, entra em discussão por meio de audiências públicas na Câmara Municipal de Palmas no mês de novembro. A mobilização nas redes sociais é grande contra a medida. O temor é a favelização da serra, e o comprometimento das APAs ao seu redor.

30 | Hoje - Outubro de 2011

À altura Para quem não entendeu a explicação é simples: Ribeiro não apoiou a pretensão de Luana Ribeiro, deputada estadual, sua filha, na disputa pela presidência da Assembléia Legislativa. Agora, que a deputada é pré-candidata à prefeitura de Palmas, o senador fixou metas para que ela alcance na preferência popular a fim de apoiála. Luana, até aqui, parece ser précandidata à altura para rivalizar com o deputado estadual Marcelo Lélis(PV), à prefeitura de Palmas.

Perdendo força O final do ano ainda nem chegou e algumas pré-candidaturas à prefeitura da capital parecem ter sido apenas fogo de palha. Ninguém acredita mais em nomes colocados na rua sem demonstrar nenhuma condição de ganhar musculatura própria. Sem dinheiro, nem voto (segmentos fidelizados), vai ficar difícil para alguns nomes decolarem. Especialmente os que gravitam em torno do Paço Municipal.


Roberta Tum / editoria@robertatum.com.br

ério Público faz das ações nhece os processos. Nós só ue existem provas” Ponte dos Imigrantes A inauguração da Ponte dos Imigrantes Nordestinos Padre Cícero, ligando Lajeado a Miracema, foi um marco histórico por permitir a integração definitiva das duas margens do rio Tocantins. A travessia ainda era feita de barco, retardando a passagem, especialmente à noite e aos finais de semana. O ministro da Integração Nacional esteve presente e creditou o empenho na liberação dos recursos federais para que a ponte fosse concluída à bancada federal do Estado, na figura do seu coordenador, senador João Ribeiro(PR).

Ivory vence O presidente do diretório municipal do PT é o petista Ivory de Lira, ligado ao prefeito Raul Filho. A eleição aconteceu no domingo, 30, e colocou fim à expectativa de Donizete Nogueira em manter o comando da legenda na capital. A cisão entre o grupo do presidente regional e os petistas da capital é profunda desde o episódio da expulsão de Raul e Solange Duailibe, revertida pela nacional.

Como está, fica O governo do Estado, cujos interlocutores ligados à Codetins, Habitação e Procuradoria Geral iniciaram o ano e o mandato dando publicidade às comercializações irregulares de lotes e dações em pagamento de grandes áreas na capital, silenciaram-se sobre o assunto. Ao que tudo indica, a linha dura feriria interesses dos dois grupos políticos. Por isso, o clima agora é o da antiga brincadeira de criança: “como está, fica”.

Curtas e Boas O ex-governador Moisés Avelino (PMDB) está mesmo determinado a disputar as eleições em Paraíso, para voltar ao cenário na condição de prefeito da cidade. Em Gurupi, o prefeito Alexandre Abdalla responde denúncia do Ministério Público por supostamente manter funcionário fantasma em seu gabinete. Ex-prefeito, ex-deputado federal e ex-candidato a senador, Paulo Mourão lidera pesquisas de consumo interno para a prefeitura de Porto Nacional. Também em Porto, Otoniel Andrade e Toinho Andrade, irmãos filiados em partidos diferentes, o PSDB e o PSD, pretendem disputar. Em Brasília quem vai ganhando espaços importantes, embora seja deputado em primeiro mandato, é o federal Júnior Coimbra, eleito presidente regional do PMDB em chapa única, tendo como primeiro vice o exgovernador Marcelo Miranda e na segunda vice o ex-governador Carlos Gaguim.

Kátia nos EUA A senadora Kátia Abreu (PSD) definitivamente ganhou o cenário internacional com a agenda da última semana de outubro e primeira de novembro, nos Estados Unidos. Kátia foi às principais universidades americanas fazer palestra sobre o agronegócio brasileiro. Além da UCLA e Columbia, a senadora brasileira falou em Harvard. Aproveitou para fazer contatos importantes nos bancos internacionais, além de falar a jornais como o New York Times.

Outubro de 2011 - Hoje | 31


Tocantins

Sucessão 2012 Nomes se afunilam nas principais cidades do Tocantins: com base grande, governo promete não interferir do, Araguaína caminha para ter três candidatos. O secretário das Cidades, Ronaldo Dimas, do PR, lidera a corrida, e tem o aval do presidente do seu partido para ser candidato, independente de acerto com outros partidos da base. A ex-prefeita Valderez Castelo Branco, do PP tem tudo para ser a candidata da oposição ao governo do Estado. E o atual prefeito, Valuar Barros, do DEM ainda não decidiu

Roberta Tum

O

cenário político da sucessão municipal em 2012 nos maiores colégios eleitorais do Tocantins já se desenha neste começo de novembro, com o afunilamento dos nomes de pré-candidatos, e uma nova realidade: partidos da base do governador Siqueira Campos não se juntarão em candidaturas únicas, mas disputarão com seus quadros as eleições. Além de Palmas, Araguaína e Gurupi, as cidades de Paraíso, Colinas, Dianópolis, Guaraí, Porto Nacional e Miracema já apresentam um quadro interessante de nomes com potencial de vitória. A disputa eleitoral no Tocantins no próximo ano não deverá repetir a polarização entre governo e oposição que se viu na sucessão ao governo do Estado no ano que passou. Desta vez os maiores adversários disputam entre os partidos da base que elegeu o governador. Em algumas cidades, partidos da base podem estar junto com o PMDB, e com o PT. A criação do PSD, da senadora Kátia Abreu, criou também uma espécie de “coluna do meio”, que abriga antigos adversários do governador, e que também terão seus projetos de eleição ou reeleição.

Em Palmas, de dois a três candidatos devem se enf

Em Araguaína, três grupos se preparam

Foto: Sherlyton Ribeiro

Capital do boi gordo, capital econômica da região Norte do Esta-

Marcelo Lélis

32 | Hoje - Outubro de 2011

se vai pleitear a reeleição. Tem altos índices de rejeição, mas começa a se recuperar. O PSDB do governador Siqueira Campos pode optar por uma composição em Araguaína, mas tende a querer negociar este apoio em troca de uma situação mais confortável em Palmas, entre os partidos da base, que tem ainda no PSD o vereador Jorge Frederico, egresso do PMDB, e virtual candidato à prefeito.

O cenário em Palmas é liderado, há pouco menos de um ano das eleições, pelo deputado estadual Marcelo Lélis, do PV. Nos bastidores é evidente a preferência do ex-senador Eduardo Siqueira Campos pelo nome do deputado, mas não há posição oficial do governo em torno de Lélis. A abertura permitiu o surgimento dentro do grupo de diversos outros pretensos candidatos. Capaz de disputar com Lélis, no entanto, dentro do grupo desponta apenas a deputada estadual Luana Ribeiro(PR), que teve o aval do pai, senador João Ribeiro, para construir uma pré-candidatura. “Eu disse a ela que se ela despontar entre os três primeiros nomes terá meu apoio”, tem dito o senador em eventos públicos do PR. Longe do Palácio Araguaia, e com o recrudescimento das diferenças na forma de fazer e pensar política nos últimos meses está o prefeito Raul Filho, do PT, em torno de quem gravitam os partidos de sua base: PDT, que defende o nome de Edna Agnolin, PSB, que traba-

Edna Agnolin, pré candidata do PDT em Palmas

lha com os nomes do reitor da UFT Alan Barbiero e do deputado estadual Wanderley Barbosa, além do PTN, que quer articular a vice, entre os demais partidos da base. Correndo por fora com o nome do deputado e pastor Eli Borges está o PMDB, que pode se aliar num chapão de oposição ao grupo de Raul Filho, ou lançar candidatura própria. A dúvida é: além de Carlos Gaguim, quem terá estrutura financeira própria para bancar candidatura isolada pelo PMDB em Palmas?


Foto: Lourenço bonifácio

Adriano, pré-candidato em Colinas, ao lado do senador João Ribeiro, do seu partido, e do vice-governador João Oliveira

Em Gurupi, situação apaziguada

Se o cenário em Palmas e Araguaína é complicado, o mesmo não se pode dizer de Gurupi, onde a pré-candidatura de Goiaciara Cruz(PR) é a que mais se destaca entre os partidos da base. Convidada para se filiar ao PSDB, a suplente de deputada federal terminou ficando no PR e recebeu declarações de apoio do secretário de Planejamento, Eduardo Siqueira, através da imprensa.

se enfrentar Certas mesmas estão as candidaturas de Marcelo Lélis, que já conta com o respaldo do PV nacional, e a de um candidato do grupo de Raul, ou apoiado pelo grupo, que caminha para ser a deputada Luana Ribeiro, caso o cenário se mantenha o mesmo até fevereiro.

Luana Ribeiro, PR, pré-candidata em Palmas

Na cidade, no grupo siqueirista há ainda a intenção de disputar por parte do empresário Osvaldo Stival. No PMDB, nomes como o do vereador Kita Maciel buscam composição para formação de uma chapa alternativa ao grupo do prefeito Alexandre Abdalla, também do PR.

Colinas e Guaraí: base dividida

Em Colinas, onde o prefeito José Santana foi peça decisiva ao selar o acordo entre o governo e o PT para a eleição da Assembléia Legislativa, não haverá consenso. Santana buscará reeleição. No PR, filiou-se o produtor rural Adriano Rabelo, já com a intenção de construir pré-candidatura a prefeito. No PSD ficou o adversário histórico de Santana, deputado Sandoval Cardoso,cuja mulher, Marcela, pode vir a disputar novamente a prefeitura. Em Guaraí o PR deve marchar com o nome do médico Adriano Zanina, recém filiado. O PSD tem o produtor rural Genésio Ferneda, do Sindicato Rural. O PMDB tem seus quadros como o ex-secretário Manuel Bueno. O quadro caminha para três candidaturas, sendo duas da base de Siqueira.

Porto e Miracema

Em Porto Nacional quem desponta na frente é o ex-deputado federal Paulo Mourão(PT), seguido por nomes como Otoniel Andrade(PSDB), Toinho Andrade(PSD) e Claiton Maia (PMDB). Também na disputa,v incentivado pelo senador Vicentinho Alves (PR) está seu irmão, Pedrão, ainda com índices tímidos, mas com forte potencial de crescimento, caso receba o apoio do governador Siqueira Campos. Clayton Maia é prefeito de Ponte Alta e não tem impedimento legal para disputar por não ter concorrido à reeleição na cidade onde mantinha domicílio eleitoral até aqui. O problema de Clayton por enquanto é a ação penal que responde, movida pelo Ministério Público Estadual. Em Miracema, são três candidatos da base: Raimundo Boi(PSDB), Alberane Borba(PSDB) e o do PR, que pode ser Magda Barbosa ou Soldado Araújo(PR). O critério de escolha será o melhor colocado nas pesquisas de opinião. O PMDB, ligado ao prefeito

Alberane Borba (PSDB): pré-candidato em Miracema

Júnior Evangelista também disputará as eleições, depois do racha que provocou a saída de Rainel Barbosa, esposo de Magda.

Paraíso e Dianópolis

Localizada a 60 km de Palmas, Paraíso tem como pré-candidatos o prefeito atual Paulo Tavares(PR), que enfrenta altos índices de rejeição. Tem também colocado o nome do ex-deputado federal e ex-governador Moisés Avelino(PMDB), que apoiou Siqueira Campos mas permanece na legenda oposicionista. Por outro lado, nomes como o do deputado estadual Osires Damaso(DEM) e José Geraldo(PTB), ambos da base do governador, também são lembrados. Situação completamente diferente vive a cidade de Dianópolis, onde PT e PDT já trabalham pré-candidatos, com o apoio de cada um de seus líderes mais expressivos. Salomão, prefeito atual, deve lançar candidato ou candidata de sua legenda. Ângelo Agnolin já colocou candidatura do partido em discussão. Por fora correm ainda os nomes de Dante Póvoa e do vereador Régis de Melo, os dois da base Siqueirista.

Goiaciara Cruz Outubro Outubro de de 2011 2011 -- Hoje Hoje || 33 33


Cenários

Negócios, Empreendedorismo e Agronegócio

Liberté Taguatinga

Com quatro lojas em Goiás (sendo duas em Goiânia, uma em Aparecida e uma em Anápolis), o Grupo Liberté inaugurou no dia 19 deste mês sua primeira loja no Distrito Federal. A Liberté Taguatinga é, agora, mais uma concessionária Citroën do grupo, localizada no Pistão Sul, em frente à Universidade Católica de Brasília. A concessionária tem quase dois mil m2 de área coberta, além de pátio para estoque de veículos. Com a loja, a Liberté pretende vender 80 veículos novos e 50 seminovos, gerando 40 empregos diretos e 40 indiretos. A Liberté Taguatinga obedece aos novos padrões mundiais da Citroën, com todos os serviços e a alta qualidade que fizeram a história dessa marca. O projeto arquitetônico permite muito mais comodidade e segurança, muito mais versatilidade e escolha. Tudo na Liberté Taguatinga foi feito pensando no cliente, com ambientes planejados, Pódium Actualité, Espaço das crianças, Gama Distintive, entre outros. A concessionária atende à característica principal da marca: Créative Technologie. Além do melhor atendimento durante a compra do seu veículo, na Liberté Taguatinga o cliente tem a sua disposição um dos melhores serviços de pós-venda do Brasil, há anos premiado pelo Programa Totalité da Citroën do Brasil para as lojas do Setor Bueno e de Aparecida de Goiânia. Com a nova loja, a Liberté pretende atingir clientes A/B, jovens e adultos, com perfil moderno, descontraído e arrojado e de cidades como Taguatinga, Águas Claras, Samambaia, Guará, Núcleo Bandeirante, Ceilândia, Vicente Pires, Park Way.

34 | Hoje - Outubro de 2011

Projeto Melhor Idade completa um ano O Atalaia Medicina Diagnóstica comemora um ano do lançamento do projeto Melhor Idade, especialmente criado para quem tem 60 anos ou mais. No programa, os associados recebem o cartão Melhor Idade e passam a ter direito a vários benefícios, como tabela de preços especiais, coleta domiciliar gratuita, atendimento diferenciado, além de vantagens e descontos em uma rede de estabelecimentos conveniados, tais como farmácias, academias e lojas de departamento. Em um ano de existência em Goiás, o projeto já conta com dois mil participantes. “O Atalaia Melhor Idade já é referência no atendimento de alto padrão e no

oferecimento de inúmeras vantagens ao público idoso. Queremos ampliar e investir cada vez mais no projeto”, observa a gestora da marca Atalaia, Aline Martins. Para se associar, basta ir a qualquer uma das 21 unidades do Atalaia em Goiás. A adesão é gratuita.

Casal anfitrião O médico Carlos Alberto Calixto, presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP-GO), regional Goiás será o anfitrião do 48° Congresso Brasileiro de Cirurgia Plástica que acontecerá entre os dias 11 e 15 de novembro de 2011, no Centro de Convenções de Goiânia. Calixto está a mil com os preparativos do evento que deve reunir, na capital goiana, cerca de dois mil cirurgiões plástico. Para tanto, além do respaldo dos membros da SBPCGO, ele conta também com a ajuda da mulher, Sissi Calixto, que prepara uma programação paralela ao evento para as mulheres dos médicos que participarão do congresso.

Estrela A atriz Paola Oliveira esteve em Goiânia, no mês de outubro. A viagem foi para gravar uma campanha para um novo empreendimento residencial imobiliário, que leva a assinatura da Máximo Construtora. As cenas foram gravadas nos jardins de uma mansão, no Aldeia do Vale. A campanha tem direção da Inédita Propaganda e Sambatango Produtora. Os pedidos da atriz para a produção local foram simples e ela se mostrou bastante acessível e simpática.


Compras sem sair de casa A falta de tempo e o avanço da tecnologia nos levam cada vez mais para uma “vida online”. Hoje é possível pagar contas, fazer pesquisas e até comprar pela internet. A Nata Alimentos, que possui 12 anos de mercado em vendas no atacado e varejo, atende as exigências do cliente moderno oferecendo a Nata Online: um supermercado online com uma nova estrutura de vendas que completa 10 meses. A ideia de Rubens Marques Fonseca Júnior de levar seu

Doce As empresárias Paula e Vanda Fernandes, mãe e filha, reuniram amigas, clientes e imprensa na loja Vanda Calçados para uma tarde de brigadeiros goumerts, da Brigadelícia. As convidadas para o doce encontro também conferiram, em primeira mão, as novidades em bolsas e sapatos das marcas: Luiza Barcelos, Cavage e Confraria, com os modelos da coleção alto verão. Tudo nos jardins da maison, no alto do Setor Marista. Foto: Cristiano Borges

supermercado para a internet surgiu durante a graduação em Administração. “Na época, eu já tinha meu negócio montado e, durante o curso superior, amadureci a ideia que foi tema da minha monografia. Com um bom embasamento, elaborei todo o projeto do supermercado on-line e, em dezembro de 2010, consegui colocá-lo na rede”. O Nata Online conta hoje com 11 funcionários, cerca de 100 fornecedores e oferece toda comodidade, segurança e praticidade ao cliente na hora da compra. O site é informativo, interativo, conta com um depósito de cerca de cinco mil produtos armazenados de acordo com suas especificações e uma

carta de produtos com maior variedade de marcas divididos em várias categorias como mercearia, massas, carnes e peixes, iogurte e bebidas das lácteas, hortifruti, atomatados e conservas entre outros, além da entrega rápida, atendimento personalizado e a não cobrança de frete para compras acima de R$ 80,00. O pagamento da primeira compra é feita no ato da entrega. Assim, o cliente percebe a seriedade da empresa e passa a pagar pela internet. A Nata Online possui preços competitivos além da realização de pesquisas de mercado para maior satisfação do cliente. Visite o site: http:// www.nataonline.com.br/.

Alimentação fora do lar: um setor em plena expansão A Abrasel-GO fez um amplo levantamento sobre o setor no Estado, um dos que mais alavanca a economia. Segundo o presidente da associação, Rafael Campos Carvalho, bares e restaurantes promovem o desenvolvimento da região onde estão localizados, com a formação de comércio de redondeza e galerias comerciais. Confira os números relacionados ao principal lazer do goiano.

Número de estabelecimentos: Goiânia = 11 mil Região Metropolitana = 17 mil Empregos diretos 100 mil (estimado) Crescimento do setor em arrecadação (ICMS) 2007 - 14 milhões 2010 - 30 milhões Importância para a sociedade 44,7% do total das despesas das famílias de Goiânia com alimentação são feitas com refeições fora do lar. Food Service 235,1% - crescimento entre 2001 e 2010 R$ 1,093 trilhão (movimentação estimada nos últimos 10 anos) R$ 532,9 bilhões em vendas de ingredientes ao mercado de alimentação fora do lar, nos últimos 10 anos / impacto positivo na indústria fabricante de alimentos R$ 75,1 bilhões – recursos obtidos com a comercialização de insumos para restaurantes, padarias, entre outros estabelecimentos somente em 2010.

Outubro de 2011 - Hoje | 35


Cenários

Agrocenários

Segredo das estrelas A marca de luxo Moroccanoil® é a criadora e líder na categoria de óleo profissional de argan para cabelo, e a empresa independente que cresce mais rápido no setor de produtos para profissionais de beleza. Pela primeira vez, o premiado tratamento Moroccanoil® está disponível em salões exclusivos de Goiânia, através da Royalle Distribuidora de Cosméticos, e promete ser tão bem sucedido aqui como em todo o mundo. O tratamento e x c l u s i v o para salões Moroccanoil® tem muitos seguidores, entre estilistas, celebridades de televisão e cinema. O tratamento Moroccanoil® já enfeitou as cabeças de algumas das estrelas mais quentes de Hollywood, incluindo Salma Hayek, Marion Cotillard, Katy Perry, Renée Zellweger, Taylor Swift, Debra Messing, Jennifer Lopez, Lady Gaga, Drew Barrymore, Jessica Simpson, Emily Blunt, Scarlett Johansson e Naomi Watts. O produto é um elemento frequentemente utilizado nos bastidores para criar penteados para capas de revistas importantes, os spreads de editorial de moda, Nova York Fashion Week, bem como para cerimônias de premiação, incluindo o Oscar, o Globo de Ouro, Grammy Awards, Independent Spirit Awards e MTV Awards.

Checklist chega a Goiânia A Checklist abriu a primeira loja na capital goiana, no segundo piso do Goiânia Shopping. A franquia carioca de roupas femininas apresenta uma moda de roupas mais leves, com um toque mais solar. A inauguração da loja apresentou a coleção Verão 2012 com o tema Momentos e foi inspirada no filme O Fabuloso Destino de Amelie Poulain. Presente no mercado desde 1999, a Checklist tem 37 lojas e previsão de abertura de mais 20 unidades até o fim do ano. A marca também pode ser encontrada em multimarcas espalhadas por 250 cidades do Brasil.

3º Prêmio Faeg Senar de Jornalismo Estão abertas até o dia 28 de outubro as inscrições para a terceira edição do prêmio Faeg/ Senar de Jornalismo. Este ano, serão premiadas as melhores fotos e reportagens em rádio, TV, e impressos que abordem o tema Agropecuária e desenvolvimento de Goiás: O papel do produtor rural nesse processo. Poderão concorrer matérias e fotos veiculadas entre 21 de outubro de 2010 e 28 de outubro de 2011. Mais informações: 62 3096-2208 ou 3096-2248.

Cestas orgânicas A Fazenda Santa Helena, de Terezópolis de Goiás, está com novidade para o mercado goiano: as cestas orgânicas de legumes, verduras, tubérculos, grãos e ervas – todos, produtos orgânicos e certificados pelo IBD -- Instituto Biodiâmico, de acordo com a legislação brasileira. Além disso, a fazenda está investindo em parcerias com outros produtores certificados para fornecer também leite, queijo, chás, arroz, feijão, farinha, frango Korin, azeites, geléias e cookies, entre outros. Os pedidos podem ser feitos pelo telefone 3086-4107 e as entregas acontecem às terças e quintas.

Representante goiano na CNA Pela primeira vez, um representante goiano ocupará cargo de primeiro escalão na Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). O presidente do Sistema Faeg/Senar, José Mário Schreiner, foi eleito pelo Conselho de Representantes da entidade como o novo vice-presidente de finanças para o triênio 2012/2014. A senadora Kátia Abreu foi reeleita presidente da Confederação. A chapa única recebeu a grande maioria dos votos, 23 favoráveis dos 27 votos dos presidentes das Federações estaduais de agricultura e pecuária integrantes do Sistema. Foto: Marcus Vinícius

36 | Hoje - Outubro de 2011

Outubro de 2011 - Hoje | 36


DecorArt Design, Decoração e Arquitetura - decorart.revistahoje@gmail.com

Ambientes decorados Inspirada pelo ano da Itália no Brasil, a Lider Interiores, uma das maiores empresas de móveis e decoração do país, inaugura no dia 27 de outubro, com coquetel oferecido a 300 pessoas, na loja do Casa Park, a Mostra de Ambientes Decorados Lider. Com destacada participação na Casa Cor Brasília 2011 e também presente na Morar Mais, a Lider investiu na realização da própria mostra que apresentará as novas linhas da marca a partir do talento de profissionais como Daniel Mangabeira, Henrique Coutinho e Matheus Seco (Domo Arquitetos), André Gamoeda, Rogério Cavanellas (Duo Arquitetura e Design de Interiores) André Martins, Cybele Barbosa, Karine Gonçalves e Cristina Farago. O alto nível da exposição rendeu o apoio do Momento Itália-Brasil, da Embaixada da Itália. Na cooperação, a embaixatriz Antonella La Francesca, de forma muito simpática e participativa, conferiu ainda mais autenticidade ao evento cedendo peças de seu próprio acervo para serem usadas na elaboração do design de interiores.

Brasileirinha A Saccaro acaba de lançar uma poltrona cheia de bossa nova. Trata-se da Linha Brasileirinha, assinada pelo designer Roque Frizzo e inspirada nas curvas da calçada de Copacabana e no traçado livre das obras de Oscar Niemeyer. Sua estrutura foi desenvolvida em madeira, que teve a sua rigidez curvada para proporcionar sofisticação à peça e envolver o usuário. Com seu design contemporâneo e acabamento natural, o mobiliário contrasta com o estofado em couro ou tecido. No mercado há mais de 17 anos, Roque Frizzo tem como marca predominante o uso da madeira combinada a outros materiais naturais e texturas quase rústicas, sempre buscando novos acabamentos e formas. Iniciou sua parceria com a Saccaro em 1988, com destaque para as linhas Ayty e Peace.

Época II Aliás, o mês de outubro é especial para a Época Móveis, quando a empresa comemora seus trinta anos de atuação no mercado goiano. As empresárias Patrícia Martins Sepulveda e Ednara Martins Braga prepararam novidades para o setor. Uma delas, o lançamento da sua Lista de Presentes. São opções elegantes para todas as ocasiões desde aniversários, casamentos, bodas ou enfeites para a casa. Todas as novidades em obras de arte e adornos em diversos estilos estão disponíveis na loja da Rua 90, no Setor Sul, e na Avenida 136, no Setor Marista.

Nas nuvens A linha de estofados Nuvens, desenvolvida pelos designers Ana Revello Vazquez e Renato Solio com exclusividade para a Saccaro, recria a sensação de sentar nas nuvens. Composta por sofás de dois a cinco lugares, a Linha Nuvens possui assentos em espuma HR (High Resilience) e almofadas do encosto com espuma e fibra siliconada, que garantem maior elasticidade, conforto e durabilidade. No acabamento, destaque para modernas costuras pespontadas que contornam suas linhas retas e sóbrias.

Época I Durante a primeira quinzena de outubro, as flores estiveram presentes nas vitrines da Época Móveis, graças ao toque especial da decoradora de eventos Valéria Junqueira. Para que o charme da primavera não ficasse só nas suas vitrines, no dia 6 de outubro, Época Móveis e Valéria Junqueira se juntaram e promoveram uma oficina de flores.

Ensino da arte O VIII Seminário do Ensino da Arte, realizado nos dias 18 e 19 de outubro, pela Secretaria de Estado da Educação, abordou os desafios e as possibilidades contemporâneas do ensino da arte. Na ocasião, também foi realizada a III Mostra Artística das Escolas Estaduais em Tempo Integral, o EETI, com o tema o Papel que vira mundo. O espetáculo A Farpa encerrou, em grande estilo, o evento.

Outubro de 2011 - Hoje | 37


Homem de Personalidade

Edivaldo Cardoso, presidente do Detran-GO: trabalho e planejamento marcam sua gestão

Edivaldo Cardoso, presidente do DetranGO, ganha destaque pelas inúmeras ações que tem realizado à frente do órgão. Planejamento é marca de sua gestão

O Foto: Ascom/ Detran

presidente do Detran-GO, Edivaldo Cardoso, tem chamado a atenção pelo trabalho desenvolvido à frente do órgão, que assumiu em janeiro deste ano, quando prometeu “fazer um planejamento de ações para conscientização do motorista, para diminuir a violência no trânsito”, um grande problema da capital goiana. Nascido em 1961, Edivaldo é advogado e presidente do PT do B em Goiás. Foi superintendente da Secretaria de Justiça e presidente da Ceasa. Acompanhe as ações que têm dado o destaque merecido ao gestor.

Inauguração da Central Vapt Vupt do Detran

Inaugurada em julho, a Central Vapt Vupt do Detran tem capacidade para atender até duas mil pessoas por dia. De julho até o dia 25 de outubro deste ano, a Central Vapt Vupt do Detran já tinha realizado 119.472 atendimentos. O tempo médio de espera na central é de apenas 1 minuto e meio e o índice de satisfação do usuário é de 99,67%.

38 | Hoje - Outubro de 2011


ação O que vem pela frente

Conheça os programas que ainda serão implantados Programa Goiás Sinalizado: Deverá levar sinalização horizontal e vertical para 135 cidades do Estado de Goiás. Implantação do Padrão Vapt Vupt do Detran-GO, em todos os municípios goianos: A ideia aprovada pelo Governador Marconi Perillo é levar o serviço que já existe na Central do Detran, em Goiânia, a todos os 246 municípios goianos. Projeto Minha Rua Minha Vida: Promete fazer uma grande transformação na educação para o trânsito. Minha Rua Minha Vida deverá chegar ao interior, por meio de uma unidade móvel. Será montada uma mini-cidade, onde os estudantes do ensino fundamental irão vivenciar a dinâmica do trânsito e receberão uma CNH mirim no final da visita. O objetivo é promover mudanças profundas no comportamento e na atitude das pessoas em relação aos valores sobre o trânsito.

alcoolizados, tiveram a CNH apreendida. O objetivo da campanha é reduzir o número de acidentes e salvar vidas.

1º Prêmio Detran de Jornalismo

No último dia 25 de outubro de 2001, em um coquetel, no Palácio das Esmeraldas, o governador Marconi Perillo e o presidente do Detran, Edivaldo Cardoso, entregaram o 1º Prêmio Detran de Jornalismo para os vencedores nas categorias: Fotojornalismo, radiojornalismo, jornalismo impresso e telejornalismo. O tema do concurso foi “trânsito e cidadania”. O primeiro lugar de cada categoria recebeu um prêmio em dinheiro no valor de 8 mil reais, mais um troféu e certificado de participação no concurso. O segundo lugar recebeu 5 mil reais em dinheiro e mais troféu e certificado e o terceiro 3 mil reais, troféu e certificado.

Leilão de quase 2 mil veículos

Neste segundo semestre foram realizados dois leilões de veículos. Foram leiloados quase duas mil unidades de carros e motos que estavam apreendidos no pátio do Detran há muitos anos. Com a realização dos leilões, o Detran arrecadou mais de 1 milhão de reais em impostos e taxas que estavam atrasadas.

Redução do IPVA para veículos populares e motos

O Governo de Goiás e Detran lançaram o maior programa de educação para o trânsito no Brasil. Os proprietários de veículos de mil cilindradas e motos de até 125 cilindradas que não cometerem infrações de trânsito e não se envolverem em acidentes durante o período de um ano terão uma redução de 50% no valor do pagamento do IPVA. A nova medida entra em vigor no próximo ano.

Ação “Balada Responsável”, eu abraço esta ideia

O Governo de Goiás, por meio do Detran, em parceria com as policias Militar e Civil, lançaram uma ação pela vida. A campanha Balada Responsável visa conscientizar os motoristas que álcool e direção não combinam. Durante o primeiro mês da campanha, centenas de motoristas, que estavam dirigindo Outubro de 2011 - Hoje | 39


Inauguração

Aparecida de Goiânia tem nova unidade do Senai

Solenidade de inauguração do espaço foi prestigiada por autoridades, entre elas o governador do Estado de Goiás, Marconi Perillo; o prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela; o diretor-secretário da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Paulo Afonso Ferreira; o presidente da Federação das Indústrias no Estado de Goiás (Fieg), Pedro Alves de Oliveira; o diretor regional do Senai e superintendente do Sesi Goiás, Paulo Vargas; e o diretor da Central Geral do Dízimo (Pró-Vida), Nelson Costa; além de deputados federais e estaduais, vereadores e empresários Fotos: Assessoria de imprensa do Senai

Andelaide Lima

I

naugurada na primeira quinzena de outubro, a Escola Senai Celso Charuri, em Aparecida de Goiânia, chega para reforçar a atuação do Sistema Fieg no município, o quarto mais competitivo de Goiás e com forte demanda de mão de obra, de acordo com dados da Secretaria de Planejamento do Estado. O polo industrial, na Região Metropolitana de Goiânia, é formado por cerca de 900 empresas, entre as quais o Grupo Mabel, a Equiplex Indústria Farmacêutica, Fraldas Sapeca, Kisses, Tempervidros e Arroz Cristal. A nova escola, 11ª do Sistema Indústria em Goiás e 2ª na cidade – onde já funciona uma unidade

40 | Hoje - Outubro de 2011

Fachada a Escola Senai Dr. Celso Charuri


integrada Sesi-Senai – é fruto de parceria com a Associação Pró-Vida, instituição beneficente de São Paulo responsável pela construção e aquisição de equipamentos, e a prefeitura de Aparecida de Goiânia. O investimento inicial é de 2,2 milhões. O nome da unidade homenageia o fundador da Associação Pró-Vida, médico, cientista e filósofo Celso Charuri (1940-1981).

Estrutura

Instalado em terreno de 13,7 mil m² doado pela prefeitura, na Vila Oliveira, e com área construída de mais de 3 mil m², o Senai vai atuar inicialmente nas áreas de manutenção industrial, eletroeletrônica/metalmecânica, informática, construção civil, nas modalidades de aprendizagem industrial, qualificação profissional, habilitação técnica e aperfeiçoamento.

Demanda por mão de obra define áreas de atuação A definição das áreas contempladas levou em conta pesquisa realizada previamente no município, cujo resultado apontou onde há maior demanda por formação profissional. Na modalidade de habilitação, deverão ser oferecidos cursos técnicos articulados com ensino médio em eletromecânica e informática. Na aprendizagem industrial, destinada a jovens de até 24 anos, serão ministrados cursos nas áreas de eletroeletrônica (eletricista predial, eletricista industrial e eletricista de sistemas eletroeletrônicos) e de metalmecânica (mecânico de manutenção de máquinas industriais, mecânico de

usinagem, soldador MIG, MAG, TIG e MMA e assistente administrativo). Os cursos de aperfeiçoamento profissional, de curta duração, abrangem manutenção industrial, usinagem convencional – tornearia mecânica, soldador TIG e MMA (elétrico), soldador MIG e MAG, hidráulica e pneumática, tornearia convencional, metrologia dimensional, informática (word, excel, power point e softwares CAD).

Laboratórios

Para o desenvolvimento desses cursos, a Escola Senai contará com laboratórios na área de eletroeletrônica, abrangendo instrumentação e controle, elementos de automação e acionamentos, eletropneumática e eletrohidráulica, eletrônica digital, analógica e de potência, softwares específicos, eletricidade e medidas elétricas, instalações elétricas e máquinas elétricas. Na área de manutenção industrial, serão instalados laboratórios de processos de manutenção eletromecânica industrial, processos de usinagem, processos de soldagem, materiais e ensaios e de softwares CAD e CAM, além de salas de aula.

Capacitação profissional

No primeiro ano de funcionamento da nova unidade, a meta é matricular cerca de 3 mil alunos, segundo o diretor regional do Senai Goiás, Paulo Vargas. “O objetivo é dinamizar e potencializar as ações desenvolvidas por Sesi e Senai no município, oferecendo novos produtos e serviços para a comunidade e o segmento industrial, que se consolida como um dos mais competitivos do Estado.” (A.L.)

Marconi Perillo, Paulo Afonso, Pedro Alves de Oliveira e Ivan Barros Nelson Costa - Diretor da Central Geral do Dízimo (Pró-Vida), Marconi Perillo, Maguito Vilela, Marcos Mariano (Diretor da Escola Senai Dr. Celso Charuri), Pedro Alves de Oliveira (Presidente da SERVIÇO Federação das Indústrias do Estado de Goiás/Fieg), Ivan Barros (instrutor do Senai) e Paulo Afonso Ferreira (Diretor secretário da Confederação Nacional da Indústria/CNI)

Outubro de 2011 - Hoje | 41


janesebbahoje@gmail.com

A Princesa Cinderela A bela festa de aniverário de 5 anos da princesa Ana Laura, foi no salão Papo de Anjo,com uma belíssima decoração lembrando um castelo.Festejaram junto com Ana Laura seus coleguinhas e familiares e seleto grupo de amigos médicos, colegas do anfitrião e sua esposa, pais de Ana Laura.

A bela Aniversáriante Ana Laura Jáime Alves

Os pais, médico Dr. Marcos Alexandre Carvalho Alves e a fonoaudióloga Giovana Jaime Alves,encantados com o sucesso da festa de Ana Laura, viajaram para Amsterdam Holanda,para um grande congresso de neurologia.

Ana Laura muito atenta. É da sua natureza pois estava ladeada de seus pais Marcos Alexandre e Giovana,padrinho e titio Rafael Jaime,esposa Fabíola Carolina,vovô Getuline Braga,vovó Elisa Jaime,Ana Laura, primo Guilherme e titia Fabiane Jaime

Capital mundial do entretenimento O empresário Alex Iskandar e sua esposa Bernadete Saba Iskandar fizeram uma maravilhosa viagem aos Estados Unidos e ainda um cruzeiro saindo de Miami com paradas no Haiti, Jamaica e México.Retornaram da viagem de 20 dias revigorados e encantados!

Caesars Palace Las Vegas Hotel & Casino, hotel luxuoso, que resgata a cultura romana.

Alex Iskandar e sua socialite Bernadete Saba Iskandar no Cassino do Navio - Oasis of the Seas

Baalbeck Alimentos Em festa Quem faz aniversário no dia 25 de outubro é a empresária Thelma Naciff Carneiro. Filha do saudoso publicitário Fued José Naciff e de Luiza Martins Naciff e esposa do empresário Camel Carneiro . A comemoração se dá em família. Thelma Naciff hoje comanda ao lado de seu irmão Fued Naciff Jr, o Baalbeck Alimentos.

42 42 | Hoje Hoje -- Outubro Outubro de de 2011 2011


Outubro de 2011 - Hoje | 43


Turismo

Um dos canais no Rio Neva

A Cidade dos Czares Com elegantes palácios e canais, São Petersburgo é um monumento vivo do período da opulência do imperialismo, mas também o berço da Revolução Russa e uma sobrevivente do nazismo e do fim do comunismo 44 | Hoje - Outubro de 2011

Izabel Todeschini izabelace@yahoo.com.br

A

mais “européia” das cidades russas nasceu do sonho do czar Pedro, o Grande, inspirado por suas viagens. Isso,há quase três séculos. Ainda hoje, caminhar pela avenida Nevsky Prospekt, com monumentos e estátuas de bronze, hotéis e restaurantes, é como passear pela parisiense Champs Elysées. Percorrer os canais que cortam o rio Neva, atravessar pontes, admirar os edifícios clássicos e rococós, é como estar em uma “Veneza Eslava”... Ou seria em uma “Nova Amsterdã”? Exagero? Bem, por mais que ela tenha traços “ocidentais”, seja a mais cosmopolita e a mais visitada cidade do país, São Petersburgo não perde o ar sisudo

típico da Rússia. E não é para menos. Palco de transformações políticas e culturais, não há como passar imune ao peso dos acontecimentos que abalaram o mundo: as revoltas sociais, a estruturação do Partido Comunista de Lenin, a Revolução Proletária, os horrores da II Guerra – onde mais de um milhão de pessoas morreram durante o cerco nazista. Os dramas e as belezas de São Petersburgo podem ser comprovados e sentidos à primeira vista. A grandiosa cidade que trocou de nome três vezes – para Petrogrado, Leningrado e depois novamente para São Petersburgo –, tornou- se a capital do país de 1712 a 1918, fazendo com que o mundo voltasse as atenções para a sede da Família Real Imperial. É só chegar até a praça principal para ver o estupendo Palácio de Inverno, dourado, verde e branco, que abriga parte do Museu Hermitage, um dos maiores e mais ricos do mundo. Ele ocupa um conjunto de palácios, formando um complexo considerado Patrimônio Mundial da Unesco. Há outros palácios a visitar, como o de Verão, o Stroganov (que pertencia a um nobre que deu nome ao famoso prato estrogonofe) e o Beloselsky-Beloselsky – todos riquíssimos e extravagantes.


Perto dali fica a Catedral de Santo Isaac, construída em comemoração à vitória de Alexandre II sobre as tropas de Napoleão. Do alto de seu imponente domo se tem uma bela vista. À frente, fica a Coluna de Alexandre e o Arco do Triunfo, tudo a dois passos da cúpula dourada do Almirantado. Mas o ponto mais fotografado é a igreja da Ressurreição. Inspirada na catedral da Praça Vermelha de Moscou, tem torres coloridas decoradas com ouro, pedras preciosas

e cruzes resplandecentes. Foi erguida no mesmo lugar onde Alexandre II foi assassinado, e por isso também é chamada de igreja do Salvador do Sangue Derramado. Outra atração é a fortaleza de São Pedro e São Paulo, núcleo inicial da cidade, que acabou sendo usada como prisão política após a revolução de 1917. Situada na pequena ilha de Zaichy Ostrov, abriga as sepulturas de todos os czares russos e seus familiares. O local onde nasceram os presidentes Vladimir Putin e Dmitry Medvedev também atrai pelos espetáculos do famoso Balé Kirov no Teatro Mariinsky. Por ali, dizem, vagam os fantasmas de Nijinsky, Rimsky-Korsakov e Tchaikovsky, que deixaram marcas de suas vidas turbulentas. Assim como Dostoievsky, que escolheu o lugar como cenário do seu romance “Crime e Castigo”.

São Petersburgo é a maior cidade do mundo ao norte de Moscou. Sua latitude gera longas noites de inverno e longos dias de verão. Discute-se quando é melhor visitá-la. Em janeiro, quando a temperatura média é de 10º C negativos e um manto de neve cobre a cidade, tornando-a irresistível, com domos dourados no alto de tetos branquinhos e rios congelados; ou perto do verão, entre junho e julho, quando a noite é tão curta que praticamente deixa de existir, oferecendo ao visitante o mais belo crepúsculo. Sem dúvida, este é o melhor convite para entrar de corpo e alma no conto “Noites Brancas” de Dostoievsky, que batiza estes dias especiais, ou ainda ler uma obra de Tolstoi, Pushkin, Mayakovsky ou Nabokov, que tanta inspiração encontraram nesta sofisticada cidade.

Praça do Palácio, complexo considerado Patrimônio Mundial da Unesco

Outubro de 2011 - Hoje | 45


Moda

Personal Stylist: Jordana Rodrigues / jordanarodrigues@hotmail.com.br

Color Blocking A

próxima temporada de Verão promete ser a mais colorida de todos os tempos. Isso porque a moda color blocking promete marcar presença nas ruas. Nas últimas temporadas de moda, notou-se a intensidade de cores sob as passarelas. Uma cartela que abrangia desde tons terrosos até os mais intensos e vibrantes. O color blocking (ou block) nada mais é do que “blocos de cores”, ou seja, a mistura de cores vibrantes entre si ou entre tons neutros, o que vale é ter um ponto de cor no look. Uma tendência que surgiu timidamente nesta última temporada de inverno, mas que encontrará no calor o cenário ideal para produções cheias de estilo. A vibração das cores vivas bate forte. Sem vergonha, elas invadem a cena, enfeitam as vitrines e prometem deixar o verão mais divertido. Deixe as estampas de lado e invista nos blocos de cores.

O color blocking é moda de infinitas possibilidades, para qualquer ocasião do dia-a-dia. Siga seu instinto, estilo, criatividade e divirta-se.

46 | Hoje - Outubro de 2011


Como usar a moda color blocking no trabalho, no lazer e na balada?

A maquiagem também entrou na onda color blocking

Quer experimentar essa moda, mas não sabe por onde começar? Separe suas peças lisas que sejam mais coloridas e a partir delas comece a montar diferentes produções. Misture blocos de cor no look, pense naquelas cores que você nunca imaginou juntas... Agora misture-as sem estampa e use as cores que te deixem à vontade. Não tenha medo de ousar! A moda de listra com listra também entrou na onda do color block. Faça jogos de contrastes. As cores não precisam ter o mesmo tom, mas devem conversar entre si para deixar o look harmonioso. Invista em cores complementares como azul e laranja, amarelo e roxo, ou aposte nos contrastes marcantes, como amarelo e laranja, por exemplo. Se não se sentir segura para usar tantas cores no mesmo look, outra sugestão é sobrepor tonalidades neutras, como branco, preto e nude. Para não errar, é possível apostar em um look monocromático, variações de color blocking combinando cores fortes, ou então misturar uma cor forte com as outras em tons pasteis, ou ainda com uma peça jeans, que nesse último caso é perfeito para obter um visual mais discreto.

Outra dica de como usar color blocking é complementar o visual com acessórios e usar cintos para marcar a silhueta. Se você quer ir devagar, comece apostando em uma peça de tom vibrante, camiseta branca e acessórios coloridos. Se quiser extravasar de vez, junte logo a saia turquesa com a blusa verde bandeira, uma bolsa azul e sandália vermelha, e pronto!

Lembre-se do tanque Máquinas de lavar roupas podem ser muito práticas, mas gastam uma quantidade incrível de água e energia elétrica. A cada ciclo da máquina, lá se vão cerca de 15 litros de água. Só use sua máquina quando for necessário e procure fazê-lo apenas quando ela estiver bem cheia de roupas.Caso contrário, use o bom e velho tanque.

Color block = bloco de cores “Deixe as estampas de lado e invista nos blocos de cores.”

No trabalho Como a maioria das empresas pede um visual menos chamativo, é melhor usar a tendência nos acessórios e investir em apenas uma peça de roupa de cor forte, combinando com outras de tons mais claros e discretos, como o nude e o areia. Importante lembrar que a maquiagem no trabalho deve ser a mais discreta possível. No lazer No final de semana é possível ousar mais e usar um vestido nessa tendência, combinado com uma jaqueta jeans, além de sapato e acessórios em uma cor mais forte. Já para a maquiagem, também é possível usar essa tendência, com um batom laranja, que é a principal aposta para o verão. Na balada Nesse caso, ver e ser vista costuma ser o principal objetivo das mulheres, e terreno fértil para usar e abusar da tendência. É possível misturar vários tons de cores fortes, como a dobradinha laranja e pink, que promete ser um dos hits desse verão, tanto nas roupas, como nos calçados, acessórios e maquiagem.

O uso do color blocking nos sapatos também está na última moda. Fica chique com peças mais neutras (como preto, branco e nudes). Um sapato colorido consegue mudar completamente o visual do look, acrescentando atitude

Outubro de 2011 - Hoje | 47


48 | Hoje - Abril de 2011


Abril de 2011 - Hoje | 49


Culturamix Canto da Primavera O Canto da Primavera deveria ter ocorrido nesse mês de outubro. Mas devido a irregularidades, da OSCIP responsável,ICBC, de Germano Roriz, o evento teve que ser adiado. Assim, o 12º Canto da Primavera – Mostra de Música de Pirenópolis, organizado pela AGEPEL, será realizado de 22 a 27 de novembro, no município.

Direitos e Humanos Lançado durante o VI Simpósio Crítico de Ciências Penais, promovido pelo GEPEC(Grupo de Estudos e Pesquisas Criminais), o livro “Sistema Punitivo: Direitos e Humanos”. Na coletânea de artigos que compõem a obra, destaca-se o ensaio “A Abordagem Humana dos Direitos - Possível Garantia da Eficácia da Lei e do Exercício da Justiça” de autoria da advogada Eliane Rodrigues Nunes, professora de Direito Penal na PUC-GO e da Univers, além de integrante do Conselho Penitenciáriodo Estado de Goiás e da Comissão de Direitos Humanos da OAB/GO

50 | Hoje - Outubro de 2011

Centro Cultural UFG Eliane Miklos, conceituada marchand, após breve temporada no México, para etudos e pesquisas, está de volta a Goiânia. Na cidade, Eliane, destaca o Centro Cultural UFG http://centroculturalufg.blogspot.com/ tem se destacado com a Coleção Sebastião Ayres de Abreu. As obras, reunem diversos artistas como Farnese de Andrade, Siron Franco, Nuno Ramos, Eduardo Climachauska, Rubens Gerchman, Newton Rezende e Glauco Pinto de Morais

Shake do Amor na MTV A Banda UÓ é a mais nova sensação da música goiana. O Brasil inteiro está de olho neles. Formada por Mateus Carrilho, que assina a maioria dos vídeos, aliás muito bem produzidos,conta ainda com Davi Sabbag e Candy Mel. Com o hit “Shake do Amor”, um eletrobrega que quebra a hegemonia sertaneja da capital goianiense, ganharam o VMB, categoria Web Clip, a premiação máxima da MTV. A Banda UÓ, sob os cuidados de Fabrício Nobre e sua Construtora, é a grande atração do Canto da Primavera que acontece no mês que vem em Pirenópolis.

Love story

Monstreonato A MONSTROS DISCOS aposta na nova geração do rock goiano. Ou seja, som pesadão e com letras cantadas em inglês. Aliás,uma característica peculiar do rock da cena surgida nos anos 1990. O grande destaque do Monstreonato, espécie de campeonato de rock, foi a banda SPACE TRUCK, que deve gravar um disco no estúdio VOLT e ter seu lançamento no Goiânia Noise Festival que ocorre em novembro.

O escritor José Araújo estará lançando, em Goiânia, o livro HARAS - UMA HISTÓRIA DE AMOR e na ocasião recebendo o prêmio Interarte 2011 da ALG (Academia de Letras de Goiás) no próximo dia 11 de novembro.


Carlos Pompeu | culturamix@gmail.com / www.tecnocibernetico.wordpress.com

Infraestrutura e Cultura A infraestrutura é um requisito básico para pavimentar o progresso. E com esse pensamento, como lema, que Jayme Rincom, presidente da AGETOP, vem pautando o desenvolvimento de Goiás. Homem dinâmico, vindo da iniciativa privada, implemen-

tou um novo ritmo de trabalho, como iniciativas culturais, para os servidores, como sessões de cinema. Aliás, ainda em sua gestão, que segue a todo vapor,deve ser aprovado o plano de cargos e salários dos servidores da Agência.

Bombando na Pista

Synthpop Os caras do DAWNFINE http://www.myspace.com/ dawnfine começaram a fazer som nos anos 1990. Eles se achavam estranhos em uma terra estranha. Na época, a

cidade em que moravam, Goiânia, se dividia em duas. De um lado o sertanejo e do outro a nova cena do Rock alternativo,cantado em inglês, que viria a ser o embrião da Monstros Discos e dos festivais. Mas Marcus Paulo, Jim Oliver e Jethro Mendonça não se encaixavam em nenhum dos lados. Talvez

estivessem uma década atrasados, tendo visto que os anos 1980 assistiram uma insurgente cena proto eletrônica com Doentes A Procura da Cura, depois vieram Restos

da Cultura Proibida com sua drum machine da boss, que garantia uma sonoridade única para a banda de Afonsinho, vocalista nas duas bandas citadas. Eles, ainda nos anos 90, começaram a compor, gravar e produzir as primeiras canções com um CASIO CZ-1000, um violão, um microfone e dois gravadores de fita para mixar uma trilha de áudio, enquanto se tocava uma outra, pré-gravada . Foi o início de tudo.Agora, no século XXI, sob influência de New Order e Depeche Mode, apresentam um som consistente e dançante. Em 2009, lançaram Imperfect Thoughts“, álbum gravado e masterizado no estúdio Rocklab, de Gustavo Vasquez, em Goiânia

Diego Veríssimo, também conhecido como DJ Gummy, tem se destacado nas baladas. Além de colocar todo mundo para dançar na pista, Gummy, também se destaca na produção de eventos. No próximo 12 de novembro, o intrépido dee jay, promove mais uma edição da festa CONEXÃO, no Hangar 18, em Goiânia, com participação das bandas: doentes do Amor, Blue Butterfly e Eixo Fantasma.

Pirineus Café O Pirineus Café tem tudo para se tornar o novo point dos artistas e intelectuais de Goiânia, que completa mais um aniversário

nesse mês de outubro. Sob a batuta de Carlos Melo, do Studio K, e localizado em uma da áreas mais nobres, de Goiânia, no Alto do Marista, precisamente

na rua 137, esquina com a 146. Além de um ambiente acolhedor, ainda tem cervejas especiais e deliciosas foccacias e vinhos, kebabs, quitandas e tortas. Outubro de 2011 - Hoje | 51


Literatura

Penas confusas Originalidade é característica do livro de contos de Hugo Brockes

A

tor, escritor, roteirista e publicitário, Hugo Brockes é personalidade marcante da cena goiana. Recentemente, Brockes lançou o livro Penas Confusas, uma coletânea de 19 contos – desconcertantes, como ele mesmo aponta na capa do livro --, que tratam, com boas doses de humor, temas que vão desde ficção científica até crítica social. O livro, publicado pela Editora Esfera, foi lançado na livraria Saraiva, no Shopping Flamboyant, em setembro, e contou com a presença de amantes da literatura goiana. “O leitor dificilmente ficará distante, inerte, passivo, sempre será levado a questionar a si mesmo, o próprio autor ou a nós seres humanos, tamanha é a ousadia da abordagem de cada um deles e a

essência contida em cada história”, anotou em texto publicado no Diário da Manhã, o professor de história Marcantônio Dela Corte. “Os contos são intrigantes – não somente como são trabalhados, mas principalmente com o desfecho que o autor dá a cada história. A abordagem inovadora dos temas os torna extremamente atuais, extrapolando o comum, o usual e passa a ser singular, único, fatores tão imprescindíveis e importantes numa obra desta magnitude”, completou. Hugo Brockes mal lançou seu primeiro livro e já tem outros dois prontos, “aguardando oportunidade pra serem lançados”, disse. O próximo da lista deverá ser o romance Anjo de asas douradas, que assim como Penas confusas, deverá agradar os leitores.

Hugo Brockes com o amigo Tarzan de Castro

Fotos: Divulgação / James Allen Brockes

Escritora Sônia Ferreira prestigia Brockes

Hugo Brockes lança Penas Confusas: noite de autógrafos reúne intelectuais goianos

52 | Hoje - Outubro de 2011

Escritor com o historiador Marcantônio Dela Corte


Registro

Maria Paula Bueno / marpaulabueno@hotmail.com

Lilian Carneiro

Homenagem Foto: Nelson Santos

Jane Gabriella Sebba, relações públicas da Associação Goiâna Imprensa, é agraciada com a medalha de Honra ao Mérito Profissional, entregue pelo vereador Anselmo Pereira.’

O semestre tem sido proveitoso para Lilian Carneiro Mendonça, uma das maiores pedadogas de música do Brasil. Nora da amada Belkiss Carneiro Mendonça, ela fez do piano a sua vida. Revela talentos que vencem concursos de piano em todo mundo. Até o fim do ano, ela prepara recital com militantes da música clássica, choro e popular.

Jornalista Márcia Elizabeth, ex-apresentadora da TV Anhanguera, recebe a placa de Honra ao Mérito Profissional, também pelas mãos do vereador Anselmo Pereira

Solenidade de posse

Foto: Nelson Santos

Hélio Moreira na ocasião em que deu posse ao novo presidente da Academia Goiana de Letras, o escritor Getúlio Targino.

Biblioteca da Câmara de Brasília homenageia Paulo Bertran Historiador e poeta de muito talento, fino estilo e arguta análise dos termos históricos. Dedicou-se à história colonial da região Central. A advogada Maria Paula Bertran, filha do homenageado, com a avó Maria Helena Chaibub e a chefe de gabinete do Instituto Histórico e Geográfico de Goiás, Elizabeth Caldeira Brito.

Outubro de 2011 - Hoje | 53


Registro

Maria Paula Bueno / marpaulabueno@hotmail.com

Lúcia e Marconi reconciliados O cenário foi um dos salões do Oliveira’s Place, badalada casa de eventos de Goiânia, cuidadosamente preparado, por iniciativa de um grupo de prefeitos sob liderança da Associação Goiana dos Municípios, para uma homenagem à senadora Lúcia Vânia (PSDB), cujo aniversário é em 15 de outubro. Em seu discurso, o mais ilustre dos convidados presentes, governador Marconi Perillo, reconheceu que entre ele e a senadora ocorrerem desinteligências, desgastes e distanciamentos. Mas, dirigindo-se diretamente a Lúcia, lembrou que, juntos,

Senadora Lúcia Vânia, Governador Marconi Perillo e Valéria Perillo

também comemoraram vitórias alcançadas. Então, a seu ver, houve mais alegrias que dissabores. A primeira dama Valéria Perillo também discursou, disse que sempre defendeu Lúcia junto ao marido e falou da sua admiração pelo trabalho que a senadora desempenha em favor de Goiás e do Brasil. Os cerca de 300 convidados, entre dezenas de prefeitos, deputados, vereadores, líderes partidários e classistas, deixaram a festa com uma convicção: Lúcia Vânia e Marconi Perillo estão prontos para novas caminhadas, agora falando 100% a mesma linguagem.

Vice-governador José Eliton e senadora Lúcia Vânia

Senadora recebe cumprimentos do presidente da AGI, Valterli Guedes

54 | Hoje - Outubro de 2011


Cenários

Negócios, Empreendedorismo e Agronegócio

Liberté Taguatinga

Com quatro lojas em Goiás (sendo duas em Goiânia, uma em Aparecida e uma em Anápolis), o Grupo Liberté inaugurou no dia 19 deste mês sua primeira loja no Distrito Federal. A Liberté Taguatinga é, agora, mais uma concessionária Citroën do grupo, localizada no Pistão Sul, em frente à Universidade Católica de Brasília. A concessionária tem quase dois mil m2 de área coberta, além de pátio para estoque de veículos. Com a loja, a Liberté pretende vender 80 veículos novos e 50 seminovos, gerando 40 empregos diretos e 40 indiretos. A Liberté Taguatinga obedece aos novos padrões mundiais da Citroën, com todos os serviços e a alta qualidade que fizeram a história dessa marca. O projeto arquitetônico permite muito mais comodidade e segurança, muito mais versatilidade e escolha. Tudo na Liberté Taguatinga foi feito pensando no cliente, com ambientes planejados, Pódium Actualité, Espaço das crianças, Gama Distintive, entre outros. A concessionária atende à característica principal da marca: Créative Technologie. Além do melhor atendimento durante a compra do seu veículo, na Liberté Taguatinga o cliente tem a sua disposição um dos melhores serviços de pós-venda do Brasil, há anos premiado pelo Programa Totalité da Citroën do Brasil para as lojas do Setor Bueno e de Aparecida de Goiânia. Com a nova loja, a Liberté pretende atingir clientes A/B, jovens e adultos, com perfil moderno, descontraído e arrojado e de cidades como Taguatinga, Águas Claras, Samambaia, Guará, Núcleo Bandeirante, Ceilândia, Vicente Pires, Park Way.

Projeto Melhor Idade completa um ano O Atalaia Medicina Diagnóstica comemora um ano do lançamento do projeto Melhor Idade, especialmente criado para quem tem 60 anos ou mais. No programa, os associados recebem o cartão Melhor Idade e passam a ter direito a vários benefícios, como tabela de preços especiais, coleta domiciliar gratuita, atendimento diferenciado, além de vantagens e descontos em uma rede de estabelecimentos conveniados, tais como farmácias, academias e lojas de departamento. Em um ano de existência em Goiás, o projeto já conta com dois mil participantes. “O Atalaia Melhor Idade já é referência no atendimento de alto padrão e no

oferecimento de inúmeras vantagens ao público idoso. Queremos ampliar e investir cada vez mais no projeto”, observa a gestora da marca Atalaia, Aline Martins. Para se associar, basta ir a qualquer uma das 21 unidades do Atalaia em Goiás. A adesão é gratuita.

Casal anfitrião O médico Carlos Alberto Calixto, presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP-GO), regional Goiás será o anfitrião do 48° Congresso Brasileiro de Cirurgia Plástica que acontecerá entre os dias 11 e 15 de novembro de 2011, no Centro de Convenções de Goiânia. Calixto está a mil com os preparativos do evento que deve reunir, na capital goiana, cerca de dois mil cirurgiões plástico. Para tanto, além do respaldo dos membros da SBPCGO, ele conta também com a ajuda da mulher, Sissi Calixto, que prepara uma programação paralela ao evento para as mulheres dos médicos que participarão do congresso.

Estrela A atriz Paola Oliveira esteve em Goiânia, no mês de outubro. A viagem foi para gravar uma campanha para um novo empreendimento residencial imobiliário, que leva a assinatura da Máximo Construtora. As cenas foram gravadas nos jardins de uma mansão, no Aldeia do Vale. A campanha tem direção da Inédita Propaganda e Sambatango Produtora. Os pedidos da atriz para a produção local foram simples e ela se mostrou bastante acessível e simpática.


Compras sem sair de casa A falta de tempo e o avanço da tecnologia nos levam cada vez mais para uma “vida online”. Hoje é possível pagar contas, fazer pesquisas e até comprar pela internet. A Nata Alimentos, que possui 12 anos de mercado em vendas no atacado e varejo, atende as exigências do cliente moderno oferecendo a Nata Online: um supermercado online com uma nova estrutura de vendas que completa 10 meses. A ideia de Rubens Marques Fonseca Júnior de levar seu

Doce As empresárias Paula e Vanda Fernandes, mãe e filha, reuniram amigas, clientes e imprensa na loja Vanda Calçados para uma tarde de brigadeiros goumerts, da Brigadelícia. As convidadas para o doce encontro também conferiram, em primeira mão, as novidades em bolsas e sapatos das marcas: Luiza Barcelos, Cavage e Confraria, com os modelos da coleção alto verão. Tudo nos jardins da maison, no alto do Setor Marista. Foto: Cristiano Borges

supermercado para a internet surgiu durante a graduação em Administração. “Na época, eu já tinha meu negócio montado e, durante o curso superior, amadureci a ideia que foi tema da minha monografia. Com um bom embasamento, elaborei todo o projeto do supermercado on-line e, em dezembro de 2010, consegui colocá-lo na rede”. O Nata Online conta hoje com 11 funcionários, cerca de 100 fornecedores e oferece toda comodidade, segurança e praticidade ao cliente na hora da compra. O site é informativo, interativo, conta com um depósito de cerca de cinco mil produtos armazenados de acordo com suas especificações e uma

carta de produtos com maior variedade de marcas divididos em várias categorias como mercearia, massas, carnes e peixes, iogurte e bebidas das lácteas, hortifruti, atomatados e conservas entre outros, além da entrega rápida, atendimento personalizado e a não cobrança de frete para compras acima de R$ 80,00. O pagamento da primeira compra é feita no ato da entrega. Assim, o cliente percebe a seriedade da empresa e passa a pagar pela internet. A Nata Online possui preços competitivos além da realização de pesquisas de mercado para maior satisfação do cliente. Visite o site: http:// www.nataonline.com.br/.

Alimentação fora do lar: um setor em plena expansão A Abrasel-GO fez um amplo levantamento sobre o setor no Estado, um dos que mais alavanca a economia. Segundo o presidente da associação, Rafael Campos Carvalho, bares e restaurantes promovem o desenvolvimento da região onde estão localizados, com a formação de comércio de redondeza e galerias comerciais. Confira os números relacionados ao principal lazer do goiano.

Número de estabelecimentos: Goiânia = 11 mil Região Metropolitana = 17 mil Empregos diretos 100 mil (estimado) Crescimento do setor em arrecadação (ICMS) 2007 - 14 milhões 2010 - 30 milhões Importância para a sociedade 44,7% do total das despesas das famílias de Goiânia com alimentação são feitas com refeições fora do lar. Food Service 235,1% - crescimento entre 2001 e 2010 R$ 1,093 trilhão (movimentação estimada nos últimos 10 anos) R$ 532,9 bilhões em vendas de ingredientes ao mercado de alimentação fora do lar, nos últimos 10 anos / impacto positivo na indústria fabricante de alimentos R$ 75,1 bilhões – recursos obtidos com a comercialização de insumos para restaurantes, padarias, entre outros estabelecimentos somente em 2010.


Cenários

Agrocenários

Segredo das estrelas A marca de luxo Moroccanoil® é a criadora e líder na categoria de óleo profissional de argan para cabelo, e a empresa independente que cresce mais rápido no setor de produtos para profissionais de beleza. Pela primeira vez, o premiado tratamento Moroccanoil® está disponível em salões exclusivos de Goiânia, através da Royalle Distribuidora de Cosméticos, e promete ser tão bem sucedido aqui como em todo o mundo. O tratamento e x c l u s i v o para salões Moroccanoil® tem muitos seguidores, entre estilistas, celebridades de televisão e cinema. O tratamento Moroccanoil® já enfeitou as cabeças de algumas das estrelas mais quentes de Hollywood, incluindo Salma Hayek, Marion Cotillard, Katy Perry, Renée Zellweger, Taylor Swift, Debra Messing, Jennifer Lopez, Lady Gaga, Drew Barrymore, Jessica Simpson, Emily Blunt, Scarlett Johansson e Naomi Watts. O produto é um elemento frequentemente utilizado nos bastidores para criar penteados para capas de revistas importantes, os spreads de editorial de moda, Nova York Fashion Week, bem como para cerimônias de premiação, incluindo o Oscar, o Globo de Ouro, Grammy Awards, Independent Spirit Awards e MTV Awards.

Checklist chega a Goiânia A Checklist abriu a primeira loja na capital goiana, no segundo piso do Goiânia Shopping. A franquia carioca de roupas femininas apresenta uma moda de roupas mais leves, com um toque mais solar. A inauguração da loja apresentou a coleção Verão 2012 com o tema Momentos e foi inspirada no filme O Fabuloso Destino de Amelie Poulain. Presente no mercado desde 1999, a Checklist tem 37 lojas e previsão de abertura de mais 20 unidades até o fim do ano. A marca também pode ser encontrada em multimarcas espalhadas por 250 cidades do Brasil.

3º Prêmio Faeg Senar de Jornalismo Estão abertas até o dia 28 de outubro as inscrições para a terceira edição do prêmio Faeg/ Senar de Jornalismo. Este ano, serão premiadas as melhores fotos e reportagens em rádio, TV, e impressos que abordem o tema Agropecuária e desenvolvimento de Goiás: O papel do produtor rural nesse processo. Poderão concorrer matérias e fotos veiculadas entre 21 de outubro de 2010 e 28 de outubro de 2011. Mais informações: 62 3096-2208 ou 3096-2248.

Cestas orgânicas A Fazenda Santa Helena, de Terezópolis de Goiás, está com novidade para o mercado goiano: as cestas orgânicas de legumes, verduras, tubérculos, grãos e ervas – todos, produtos orgânicos e certificados pelo IBD -- Instituto Biodiâmico, de acordo com a legislação brasileira. Além disso, a fazenda está investindo em parcerias com outros produtores certificados para fornecer também leite, queijo, chás, arroz, feijão, farinha, frango Korin, azeites, geléias e cookies, entre outros. Os pedidos podem ser feitos pelo telefone 3086-4107 e as entregas acontecem às terças e quintas.

Representante goiano na CNA Pela primeira vez, um representante goiano ocupará cargo de primeiro escalão na Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). O presidente do Sistema Faeg/Senar, José Mário Schreiner, foi eleito pelo Conselho de Representantes da entidade como o novo vice-presidente de finanças para o triênio 2012/2014. A senadora Kátia Abreu foi reeleita presidente da Confederação. A chapa única recebeu a grande maioria dos votos, 23 favoráveis dos 27 votos dos presidentes das Federações estaduais de agricultura e pecuária integrantes do Sistema. Foto: Marcus Vinícius



EDIÇÃO_58