Issuu on Google+

DANI BERWANGER

HEAD #2 12_ DADAÍSMO A abolição da lógica e dança dos impotentes da criação > Rian Néri

13_ RODRIGO ROSP Quando mais de cinco mil títulos de ficção em primeira edição chegam às livrarias brasileiras, há uma ânsia por se diferenciar. Mas com quais parâmetros?

14_ VOLÚPIAS URBANAS Não há nada de novo em transar no carro, a novidade é a frequência. Já existe até manual para te dar uma mão. > Jaque Cardoso //////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

7+8+9+10_ A INCESSANTE BUSCA PELO NOVO

PATROCINADO

Novo é tudo aquilo que ainda não vivemos, não sentimos, que está recémchegado. E algumas pessoas são viciadas no sentimento de adrenalina que uma novidade pode trazer. Direto de Virginia, nos EUA, nossa equipe conversou com o ator e diretor Bill Patton (página ao lado), um convicto nômade de realidades, no auge dos 80 anos.

15_ MOCHILÃO Ídolo no Brasil, Barack Obama está longe de ser uma unanimidade em seu país. >Jeana Bittencourt

4 + 5_ ENTREVISTA Um papo pré-show com Tonho Crocco, na turnê ‘‘O Lado Brilhante da Lua’’.

PUBLIEDITORIAL OFERECE

A adolescência é a melhor fase da vida, onde descobrimos as coisas que existem de especial nesse universo imenso e repleto de coisas interessantes e valorosas. Tiane Froés

Afinal, fazendo com que levem até a comunidade os seus novos conhecimentos, teremos mais cultura e futuros profissionais querendo fazer a diferença. Como o lema diz, “não dê o peixe, ensine a pescar”. AÇÃO E VONTADE POR UM MUNDO MELHOR O PROJETO A Copelmi Mineração, junto com as empresas Fagundes, On Line, Tazay e Transkuhn, formou 25 jovens butiaenses no curso de iniciação profissional em Manutenção Mecânica em 28/11/2013, através do Projeto Pescar. Em 2014, o atendimento cresce para 37 adolescentes, na área de mecânica e gestão ambiental. ENSINE A PESCAR Visando levar o que é aprendido dentro da Unidade para as demais pessoas no município, o Projeto Pescar funciona com espírito visionário e coletivo, tentado promover a integração social destes jovens.

E é com essa filosofia, acreditando no potencial da juventude, que muitas soluções para nossos problemas começam a surgir. Neste ano, por exemplo, os nossos alunos vão estar junto à comunidade escolar em projetos ambientais, em demonstração da grandiosa importância de preservarmos e valorizarmos o ambiente em que vivemos. A Unidade Projeto Pescar Copelmi Recreio, este ano, vai contar com a parceria da CRVR, que participará com a disponibilização de voluntários. Graças a esta união de projetos, juntamente com a secretaria de educação de Minas do Leão, também foi possível viabilizar vagas para estudantes do município limítrofe de Butiá.

E você, gostou das as ideias que viu aqui na HEAD? Saiba que nossas portas estão sempre abertas para que todos possam conferir de perto nosso projeto. Acesse e saiba mais: www.copelmi.com.br

www.revistahead.com.br / comente, exagere, participe


6 indice