Page 1


Editorial

>>>>>>

Foto: Evandro Maia

Ter atitude faz toda a diferença para si. O site wikipédia menciona que a

nos primeiros minutos de conversa. Um

palavra atitude, foi objeto de estudo sobre-

pessoa amorosa, agradável e muito diver-

tudo da psicologia social e em suas subdis-

tida. Trabalha muito e adora a vida que

ciplinas mais aplicadas: na psicologia po-

leva. E diz que esses últimos anos têm

lítica (atitude em relação a determinados

sido espetaculares e os próximos serão

programas e partidos políticos), na psico-

ainda melhores. por isso o slogan do sis-

logia da propaganda (atitudes em relação

tema Kaizen: Hoje melhor do que ontem,

a produtos) e na psicologia da saúde (atitu-

amanhã melhor do que hoje.

de com relação a comportamentos ligados

O entrevistado é o talentoso e pre-

à saúde como fumar ou beber). A psico-

miado Newton Bianchi, que recentemente

logia experimental dedicou-se sobretudo

foi agraciado com o prêmio “Os RH mais

à pesquisa de um tipo especial de atitudes

admirados do Brasil”. Desde o primeiro

ligadas a grupos de pessoas: o preconceito.

premio fiquei entre os 50 finalistas e em

Como tal, a atitude é antes uma

2010 tive a grata satisfação de figurar entre

motivação social do que mais propria-

os 10 RH’s Mais Admirados do Brasil.

mente uma motivação biológica. É uma

Marcos Nunes da Silva e Eduardo

predisposição aprendida e adquirida para

Vicentino Leme, responsáveis pela Frater,

responder de forma consistente a um obje-

uma empresa fundada em 1997. A Frater

uando falamos em atitudes re-

to social. Por isso, a psicologia social ana-

iniciou suas atividades com a manutenção

lacionadas ao trabalho devemos

lisa as atitudes para antever condutas. Ao

de equipamentos de microfilmagem. Em

considerar aspectos que são fun-

observar as atitudes de um sujeito, pode-se

apenas dois anos, expandiu sua área de

damentais para a produção de resultados

prever a forma como se irá comportar, e

atuação para prestar serviços em elétrica,

organizacionais: o envolvimento, o com-

para falar deste assunto trouxemos Fran-

telecomunicação e informática. A Frater

prometimento e o empowerment psicoló-

cisco Maciel Silveira Filho que é Professor

traz inovações que proporcionam facili-

gico, por exemplo.

Mestre das Universidades Presbiteriana

dade e principalmente economia para as

Mackenzie e Salesiana.

indústrias da região.

Q

O envolvimento com o trabalho é o grau com que uma pessoa se identifica

O Destaque Empresarial des-

psicologicamente com seu trabalho e con-

ta edição ficou com a empresária Ângela

Márcio Junior,

sidera seu desempenho nele algo valioso

Shitani, dotada de uma simpatia conquista

Publisher da revista Exper

Expediente Publisher: Márcio Junior MTB 59904-SP, Conselho Editorial: CIESP Alto Tietê e Santos, Editoração: Editora Off, Colunistas: Epaminondas Nogueira, Ronaldo Loyola, Romildo Campello e Edson Rodrigues, Publicidade: 11 2819-4457 ou 11 994.728.104 / publicidade@revistaexper.com.br, Foto Capa: Divulgação, Fotógrafo: Evandro Maia. A revista é uma publicação da Editora OFF e distribuída aos associados do CIESP Alto Tietê, Santos, Taubaté, São José, Jacareí, SESI, SENAI, Associações Comerciais, Sebrae, Secretarias de Indústria e Comércio, Prédios Comerciais e algumas bancas. A revista não se responsabiliza pelo conteúdo dos anúncios e as opiniões emitidas em artigos assinados são de responsabilidade dos autores.


Editorial..................................................04

>>>>>>

Exper News

Fotos: Divulgação

Nesta Edição

Exper News.............................................06 Entrevista...............................................08 Capa.......................................................12 Business.............................................18 Destaque Empresarial.............................20 Inovação Tecnológica.............................22 Ponto de Vista.........................................24 Desenvolvimento Humano.....................25

MP 612 eleva teto para lucro presumido

06

Destaque Empresarial

Fique por dentro.....................................26

Angela Shintani, a frente da Takashi Shintani

20

Inovação Tecnológica

Para expressar sua opinião, dar sugestões, enviar releases e fazer contato com a nossa redação, escreva para: redacao@revistaexper.com.br e siga-nos nas redes sociais:

Frater uma empresa com missão, visão e valores bem definidos...

22


Exper News

>>>>>>

Brasileiro gasta mais nos supermercados O varejo brasileiro cresceu 0,6% de dezembro de 2012 para janeiro de 2013 em volume de vendas, índice que sobe para 8,3% no acumulado dos últimos 12 meses encerrados em janeiro, segundo a Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) realizada pelo IBGE. A receita nominal do setor também variou positivamente, pelo oitavo mês seguido, com alta de 1,3% de dezembro para janeiro e de 12,3% na soma dos resultados obtidos ao longo dos últimos 12 meses. O segmento responde por 30% da expansão do comércio varejista no pe-

veis e eletrodomésticos (5,8%), artigos

integra as vendas de veículos e motos, par-

ríodo, representatividade já verificada nos

farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de

tes e peças, e material de construção, foi de

meses anteriores. O aumento da renda da

perfumaria e cosméticos (10,4%), tecidos,

0,3% de dezembro de 2012 para janeiro de

população e a estabilidade dos empregos

vestuário e calçados (5%), equipamentos

2013, de 7,1% na comparação com janeiro

são os principais fatores que explicam as

e material para escritório, informática e

de 2012 e de 7,9% no acumulado dos últi-

elevações também nas áreas de Outros ar-

comunicação (8,8%) e livros, jornais, re-

mos 12 meses encerrados em janeiro. Na

tigos de uso pessoal e doméstico (13,9%),

vistas e papelaria (5,4%). O acréscimo no

receita nominal, a expansão foi de 1,6%,

combustíveis e lubrificantes (8,8%), mó-

volume de vendas do varejo ampliado, que

10,2% e 9,5%, respectivamente.

Spaço Centro Dia Ignez Thuller Ignácio está em novo endereço Uma casa bonita e aconchegante

claramente quando estão na sala de TV ou

no centro da cidade de Mogi das Cruzes,

na horta. O centro da cidade possibilita essa

Trabalhar com os idosos revela-

mais especificamente na Rua Francisco

inclusão pelo fato de ver pessoas e carros

se uma tarefa muitas vezes complicada,

Franco, passa a ser o novo endereço do

passarem na frente da casa. “Espero atin-

mas quando me deparo com aqueles olhos

Spaço Centro Dia Ignez Thuller Ignácio,

gir a excelência no atendimento, oferecer

brilhantes, aqueles sorrisos, me renovo

antes localizado na Estrada Cruz do Sécu-

uma ótima qualidade de vida, fazer com

para continuar nesta missão. Acredito estar

lo. O acesso ao transporte público para os

que cada um sinta-se bem, captar mais

no caminho certo. Deixo registrado o meu

familiares, hospitais, clínicas e centros co-

recursos, novas aquisições de parceiros e

convite para você que deseja conhecer

merciais é muito importante. Por estar lo-

expandir nossa atuação”, salienta Sidemir

nosso trabalho e nossa nova instalação.

ficou mais acessível e prático, nossa lista de espera dobrou e a adaptação dos idosos foi tranquila e rápida. O novo endereço mudou o hábito de muitos deles, no antigo endereço eles não dormiam depois do almoço, agora quase todos dormem, eles se sentem mais a vontade como se estivessem na própria casa, melhorou a interação entre eles, percebemos 6 - Revista Exper

Foto: Diego Barbieri

calizado no centro o voluntariado também

Inácio, mantenedor do Spaço


vários setores da indústria.

O governo atendeu nosso pleito

pela elevação do teto do lucro presumido, o que reduz a carga tributária das empresas de menor porte, deixando nas mãos do setor privado R$ 1 bilhão por ano, e Fotos: Divulgação

certamente contribuirá para o aumento da competitividade da economia brasileira”, concluiu Skaf.

MP eleva teto para lucro presumido

A Medida Provisória também traz

a desoneração da folha de pagamento de setores como jornalismo e radiodifusão,

“Esta é mais uma vitória da in-

empresas que pagam impostos pelo lucro

prestação de serviços aeroportuários, em-

dústria e irá favorecer a atividade econô-

presumido, e também inclui novos setores

presas de transporte aéreo de passageiros,

mica. É uma oportunidade de criar novos

na desoneração da folha de pagamento. A

transporte metroviário, engenharia e arqui-

postos de trabalho no país”, afirmou Paulo

revisão era uma reivindicação da indústria.

tetura e construtoras de obras de infraestru-

Skaf, presidente da Fiesp e Ciesp, sobre

“Já conquistamos a redução do preço da

tura. Foram desonerados ainda transportes

a Medida Provisória (MP) 612, que faz

energia, a desoneração da cesta básica, a

de cargas por navegação de travessia, ma-

a revisão do teto do faturamento para as

desoneração da folha de pagamento para

rítimo e rodoviário e o setor de defesa.

Fotos: Divulgação

Rodada de Negócios São José dos Campos CIESP Taubaté na Serra da Mantiqueira A Diretoria Regional do CIESP

TAUBATÉ busca expandir atividades para as cidades serranas de Santo Antonio do Pinhal, Campos do Jordão, São Bento do Sapucai e Monteiro Lobato. Através do Secretario de Turismo e Desenvolvimento Econômico de Santo Antonio do Pinhal – Diego de Carvalho, em parceria com o CIESP, realizou-se ontem – dia 25 – um encontro de sensibilização reunindo CIESP, SESI e SENAI com o poder público e empresários daquelas cidades serranas. O objetivo é aproximar e otimizar

A Diretoria Regional do CIESP

pantes iniciassem contatos com seus repre-

os recursos das Entidades em beneficio do

São José dos Campos realizou com grande

sentantes de compras. Esta foi uma opor-

desenvolvimento econômico/social/turís-

sucesso sua Rodada de Negócios 2013. O

tunidade única das empresas, compradoras

tico da região.

evento foi realizado no dia 17 de abril, das

e fornecedoras, ampliarem o seu rol de re-

O próximo passo agendado será

13h às 18h, no Parque Tecnológico, na Ro-

lacionamento de negócios, dinamizando a

um Encontro de Negócios a ser realiza-

dovia Presidente Dutra, Km 137,8 em São

força econômica de nossa região.

do no dia 22/5/2013, das 15 às 18 hs., em

José dos Campos.

Santo Antonio do Pinhal, reunindo empre-

rodada reuniu num mesmo

das você tem acesso a várias informações,

sários de toda a região, objetivando ala-

local, uma centena de fornecedores que

dentre as quais dados estatísticos e tendên-

vancar negócios entre as empresas. Será

estavam abertas a novos contatos. A parti-

cias de rodadas já realizadas, bem como

um evento gratuito ao público empresa-

cipação das 18 empresas âncoras permitiu

futuras rodadas de negócios que acontece-

rial.

através de agendamento, que os partici-

rá em outras regiões do Estado.

A

No site www.ciesp.com.br/roda-

Revista Exper - 7


Entrevista

>>>>>>

Newton Bianchi Exper - Conte-nos sobre sua trajetória profissional. Como foi sua chegada à Petrom? Newton Bianchi - Iniciei minha vida pro-

Supervisor de RH na Petrom com Graduação em Administração de Empresas pela UMC, Direito pela UBC e especialização em RH. E um dos Gestores de RH mais admirados do Brasil desde 2006.

fissional como office boy aos 14 anos de idade, na antiga Hoechst do Brasil (atual

trativa, participei do processo seletivo

ter está relacionada à sua política de

Clariant), quando tive a oportunidade de

e fui aprovado, do princípio até os dias

recursos humanos, a qual está alinhada

trabalhar na área de Custos e Materiais,

atuais foram vários desafios superados.

ao que o mercado utiliza atualmente.

surgiu a oportunidade de trabalhar na

A empresa antecessora da Petrom tinha de-

Com isso atraímos e mantemos o nos-

área de expedição de produtos acabados

sativado a sua planta em Mogi das Cruzes,

so quadro de profissionais de forma a

da Usiminas, ali fiquei por pouco tempo

com isso o Grupo Cipatex e 03 investidores

ter a empresa competitiva, o RH par-

quando fui trabalhar na empresa Massa-

adquiriram a planta e retomaram o negócio.

ticipa buscando alternativas na ges-

ri na área de Materiais e posteriormente

Literalmente iniciamos do zero, desde a

tão de pessoas de forma a subsidiar

transferido para área de Recursos Huma-

admissão de todos os empregados, lega-

as decisões da direção da companhia.

nos no Recrutamento e Seleção Pessoas,

lização juntos a poder público, negocia-

isso ocorreu 1987. Daquela época em

ção junto a Sindicato, implementação de

Exper

diante tive a oportunidade de trabalhar

políticas de Recursos Humanos, o desafio

culdades

em praticamente todas áreas de RH, nas

foi grande mas acredito que conseguimos.

Newton Bianchi - Investir no desenvol-

empresas Cerâmica Gyotoku, Formiline.

Atualmente temos uma área de RH es-

vimento das pessoas custa caro e o risco

Após a minha primeira e única experi-

truturada que atende as necessida-

é grande, desta forma as organizações

ência em ficar disponível no mercado de

des dos empregados e da empresa.

analisam de forma criteriosa o que fa-

-

Quais

as

principais

encontradas

pelo

difiRH?

zer na gestão de pessoas. O mercado

trabalho, com o meu desligamento da empresa Formiline em Suzano, fiquei

Exper - A Petrom é uma das maiores produ-

está competitivo e os profissionais bus-

parado por 15 dias (que foi uma eterni-

toras de anidrido ftálico da América Latina.

cam organizações que venham satisfazer

dade), fiz vários contatos com colegas

Qual a importância do RH nesse contexto?

as suas necessidades financeiras e que

de profissão e consultorias de RH, para

Newton Bianchi - Dentro do seu ne-

tenham os mesmos valores, assim, devi-

me recolocar, a Petrom, estava inician-

gócio a Petrom é uma das maio-

do à escassez de mão de obra qualifica-

do e estruturando a sua área adminis-

res, e uma das maneiras de se man-

da, acredito que a maior dificuldade em

Fotos: Divulgação

RH é manter os talentos na organização. Exper - Há uma preocupação na empresa com o desenvolvimento dos profissionais? Newton Bianchi - Podemos destacar a preocupação que a organização tem com o bem-estar de seus empregados está inserido neste contexto, além de um ambiente de trabalhado respeitoso, regras claras, transparência e ética na gestão do negócio, bem como recompensar as parNewton Bianchi, com a esposa Luciola Mello Resende Bianchi 8 - Revista Exper

tes envolvidas na relação de trabalho de


Revista Exper - 9


Entrevista

>>>>>>

forma a atingir os objetivos desejados.

plastificantes

de

fontes

renováveis.

Quanto ao desenvolvimento dos profis-

riência que tenho, ali podemos trocar informações, dificuldades e experiências.

sionais está é uma missão que tem inicio

Exper - Você foi eleito um dos Gestores

A renovação dos profissionais de RH

e será contínua, deverá ser partilhada

de RH mais admirados do Brasil? Con-

nas empresas de nossa região está muito

entre o empregado e a empresa, as mu-

te-nos sobre esta brilhante conquista?

acentuada, assim todos os meses nos de-

danças no mercado são constantes, desta

Newton Bianchi - Desde 2006 a Editora

param com novos profissionais chegando

forma aprender sempre será necessário.

Gestão e RH, realiza o reconhecimento dos

para participar no grupo, isso é “baca-

profissionais de recursos humanos com

na” pois da oxigenada nas reuniões em

Exper - Vocês têm um projeto de re-

o prêmio RH’s Mais Admirados Brasil,

faz o grupo crescer, atualmente temos

úso

Como

trata-se de uma eleição entre os profissio-

quarenta e cinco empresas participan-

esta questão é tratada na empresa?

nais das 1000 maiores empresas do Brasil.

do efetivamente das reuniões mensais.

Newton Bianchi - A Petrom, desde o

Desde o primeiro prêmio fiquei en-

Para 2013 teremos no mês julho a reali-

seu princípio tem a preocupação com o

tre os 50 finalistas e em 2010 tive a

zação do 10º Encontro de Recursos Hu-

Meio Ambiente, assim, um de seus gran-

grata satisfação de figurar entre os

manos do Alto Tietê, evento realizado pelo

des investimentos, foi a estação de tra-

10 RH’s Mais Admirados do Brasil.

CIESP, em que o GRH apoia e participa

tamento de efluentes e o reúso de 100%

Este reconhecimento dos colegas de pro-

da organização, será realizado nos dias

da água, este nosso processo é utiliza-

fissão, demonstra o respeito e carinho pelo

17 a 19/07 na Universidade Mogi das

do com referência pelos órgãos fiscali-

trabalho que estamos realizando nos últi-

Cruzes, com a apresentação de palestras

zadores devido a tecnologia utilizada.

mos 25 anos, ou seja cuidado das pessoas

voltada para a gestão de pessoas, é um

No mais a empresa tem outras atividades

dentro das organizações e a ajuda mútua

evento que reúne os profissionais de RH da

que visam minimizar o impacto de sua

na troca de experiência com os profissio-

região e estudantes, vale a pena conferir.

operação à natureza, além de investir em

nais de RH nas entidades de classe ou

projeto social de educação ambiental.

grupos de trabalho em que participamos.

dos

efluentes

líquidos?

Exper - Quando olhamos o universo do RH no Brasil, o que as empresas estão

Exper - Quais os principais planos

Exper - Quais seus planos frente ao GRH

fazendo certo, o que pode ser melhorado?

da empresa para os próximos anos?

do CIESP Alto Tietê? Tem algum even-

Newton Bianchi - As empresas preocupa-

Newton

en-

to ou alguma novidade para este ano?

das com o desenvolvimento de seus empre-

tre os maiores produtores de anidri-

Newton Bianchi - O GRH, é um grupo

gados tem investido em treinamento e desen-

do ftálico e crescer no mercado de

de trabalho ao qual devo muito da expe-

volvimento, políticas de recompensa além

Bianchi

-

Manter-se

Foto: Divulgação

propiciar um ambiente de trabalha sadio. Exper - Como você vê a atuação das empresas em relação a Retenção de Talentos? Newton Bianchi - Esta é uma preocupação que observamos que tem crescido nas empresas devido à falta de talentos no mercado de trabalho, desta maneira grandes organizações já tem preparado programas de desenvolvimento de aprendizes, estagiários e trainees, tratase de plano de médio e longo prazo em parceria com as escolas, visando suprir Newton Bianchi, com a esposa Luciola, a filha Larissa e o filho Giulio Bianchi 10 - Revista Exper

a escassez de mão de obra qualificada.


PIONEIRA INDÚSTRIA Vacuum Sweeper VARREDEIRA MECÂNICA Para limpeza de ruas, rodovias, pistas, portos e indústrias. Além da alta tecnologia em varrição mecanizada, possui implemento especial para limpeza de bueiros. Por ser montada sobre chassis, permite o despejo direto no aterro, economizando mão de obra e veículos.

BOD - ARM

BOB BOD

COLPACT

BRAÇO DE CAPINAÇÃO

CAPINADEIRA MECÂNICA

VARREDEIRA MECÂNICA COMPACTA

Montado em tratores (frontal ou lateral), com a finalidade de remover mato e ervas daninhas em vias.

Eliminação de mato e ervas daninhas em bloquetes, paralelepípedos, áreas pavimentadas, praças e pátios.

Veículo de fácil manobra na limpeza de praças, pátios e locais de difícil acesso ou com trânsito de pessoas.

Autopropelida

PIONEIRA INDÚSTRIA DE EQUIPAMENTOS DE LIMPEZA LTDA Tel.: 11 4748-3414 - Fax.: 11 4744-1192 vendas@pioneira.com.br www.pioneira.com.br/industria

Revista Exper - 11


Capa

>>>>>>

A

por Prof. Mestre Francisco Maciel Silveira Filho*

partir da percepção do meio social o indivíduo vai organizando informações recebidas, relacionando-as com afetos positivos ou negativos e desenvolvendo uma predisposição

para agir favorável ou desfavorável em relação às pessoas e aos objetos presentes. A essas informações com forte carga afetiva, que predispõe o indivíduo para uma determinada ação comportamental, dá-se o nome de atitudes. Não tomamos atitudes (comportamento, ação), nós desenvolvemos atitudes que são as crenças, valores e opiniões em relação aos objetos do meio social. Podemos definir como: •

Uma avaliação favorável ou desfavorável em relação a obje-

tos, pessoas ou eventos; •

A manifestação de uma crença ou sentimento. Exemplo:

Gosto de cinema. •

Propósito, disposição ou intenção de comportamento.

É algo interno, que ocorre de dentro para fora. E entre a cons-

cientização e a ação necessariamente deverá estar presente o sentimento como um elo de ligação. Ou você sente, ou você não muda.

O termo atitude é formado por três componentes: cognitivo,

afetivo e comportamental. Ao contrário dos valores, as atitudes são menos estáveis. As atitudes são importantes dentro do contexto organizacional porque afetam o comportamento no trabalho e são sempre determinadas pela nossa percepção do que se passa a nossa volta.

Componente Cognitivo é constituído de nossos pensamen-

tos, opinião ou convicção sobre o objeto da atitude. 12 - Revista Exper


atitude O que você pensa é o que você atrai

Componente Afetivo é o objeto

ram, decido parar de fumar ou não (que

balho estão ligadas a muitos aspectos do

como alvo de sentimento pró ou contra.

corresponde à ação).

comportamento organizacional, incluindo

Consiste em nossas reações emocionais ao

o desempenho, o absentismo e a rotativi-

objeto. Atitudes de base afetiva originam-

meio dos cinco sentidos de adquirir conhe-

dade voluntária.

se dos valores da pessoa: crenças religio-

cimento, formar ideias, conhecer, distin-

sas e valores morais básicos, de reações

guir, compreender e entender o ambiente

lacionadas ao trabalho devemos conside-

sensoriais: gostar do sabor de chocolate e

que nos cerca. É um processo através do

rar aspectos que são fundamentais para a

de reações estéticas: admirar um quadro.

qual as pessoas processam as informações

produção de resultados organizacionais:

Componente Comportamental é a

que afetam os seus sentimentos e ações,

o envolvimento, o comprometimento e o

intenção de fazer, a maneira como a pessoa

suas e as de outras pessoas. As atitudes e o

empowerment psicológico, por exemplo.

age.

comportamento das pessoas baseiam-se na

sua percepção da realidade, e não na reali-

o grau com que uma pessoa se identifica

dade em si.

psicologicamente com seu trabalho e considera seu desempenho nele algo valioso

Informações recebidas mais afe-

tos são iguais à predisposição para agir.

Percepções são a capacidade por

Quando falamos em atitudes re-

O envolvimento com o trabalho é

Exemplo: Parar de fumar

Componente cognitivo é o que

são um conjunto relativamente estável de

para si.

penso do cigarro. Informações, crenças,

sentimentos, predisposições e intenções

opiniões sobre o cigarro.

comportamentais face a um “objeto atitudi-

cional é a situação em que o trabalhador se

Componente afetivo é o que sinto

nal” específico. Quando se fala de atitudes

identifica com a empresa (sua missão, visão

em relação ao cigarro. Sentimentos que o

em relação ao trabalho, referimo-nos aos

e valores) e seus objetivos, o que a faz dese-

objeto me provoca.

sentimentos, crenças e tendências compor-

jar se manter na organização. Atualmente, o

Componente comportamental é a

tamentais, relativamente duradouros, face

que melhor reflete a força de trabalho é esse

intenção de agir, de parar de fumar ou não.

aos vários aspectos do próprio trabalho, do

comprometimento ocupacional.

Ação/comportamento: Após to-

local onde é desempenhado e das pessoas

dos os componentes da atitude se mistu-

envolvidas. As atitudes em relação ao tra-

pondem àquilo que é observável, quantifi-

Atitudes relacionadas ao trabalho

Já o Comprometimento Organiza-

Nossos Comportamentos corresRevista Exper - 13


Capa

>>>>>>

cável, mensurável. Não é apenas determi-

de se comportar em relação a um objeto

crenças, opiniões sobre o cigarro.

nado pelo o que as pessoas gostariam de

atitudinal.

fazer, mas também pelo o que elas pensam

to em relação ao cigarro. Sentimentos que

que devem fazer normas sociais, hábitos

diretamente pela intenção de realizar, sen-

o objeto me provoca.

e pelas consequências esperadas de seu

do esta, por seu turno, influenciada pela

comportamento.

atitude, isto é, pela avaliação positiva ou

a intenção de agir, de parar de fumar ou

Empowerment psicológico é o

negativa que o indivíduo efetua do com-

não.

quanto percebemos que somos contribu-

portamento a desempenhar e pela norma

tivos, o quanto percebemos que agrega-

subjetiva (pressão social percebida para

rar de fumar ou não.

mos ou somos necessários no espaço em

desempenhar ou não o comportamento). A

que atuamos. O quanto aquilo que sugeri-

norma subjetiva forma-se a partir da per-

comportamento (parar de fumar pode im-

mos é acatado ou implementado, o quanto

cepção que cada indivíduo tem sobre os

plicar na mudança dos três componentes

percebemos que somos procurados pela

comportamentos que são “lícitos” ou “ilí-

atitudinais. Pode implicar numa mudança

relevância que temos a partir daquilo que

citos” segundo os seus grupos sociais de

em relação ao que se pensa, sente e quer

fazemos. Essa atitude em relação ao traba-

referência.

fazer em relação à prática de fumar.

lho deveria ser estimulada fortemente para

garantir uma produção de resultados que

foi discutido até agora, de acordo com a

pre sujeitas à distorção, quase como se

fosse mais consistente e oportuna.

teoria da Autopercepção as mudanças de

pudéssemos dizer que nossas atitudes exis-

Atitude:

comportamento podem conduzir às mu-

tem para ser distorcidas e nossa atenção

Comportamentos são a reação observável,

danças de atitudes. Esta teoria argumenta

estivesse voltada para eliminar tais distor-

quantificável e mensurável. Não é só deter-

que as atitudes vêm depois do fato consu-

ções. Sempre que nossos comportamentos

minado pelo que as pessoas gostariam de

mado, para dar sentido a uma ação (rea-

estão em desacordo com nossa atitudes ou

fazer, mas pelo que elas acham que devem

ção, comportamento) que já ocorreu, e não

que os componentes de nossas atitudes são

fazer. São determinados pela intenção de

como guias que dão orientação prévia a

contrários entre si estamos em dissonância

realizar algo, que é influenciada pela atitu-

uma ação. Para esta teoria, as Atitudes não

cognitiva. Assim, Dissonância cognitiva é

de (avaliação positiva ou negativa que se

são a causa e nem predizem comportamen-

qualquer incompatibilidade que a pessoa

efetua do comportamento a se realizar) e

tos,

de

perceba entre duas ou mais de suas atitu-

comportamentos

des, ou entre o seu comportamento e as

Comportamentos

x

O comportamento é determinado

Entretanto, contrariamente ao que

elas

decorrem

pela norma subjetiva (pressão

Componente afetivo: É o que sin-

Componente comportamental: É

Ação/comportamento: decido paPor essa teoria, a mudança de

Mas as nossas atitudes estão sem-

social percebida para desem-

materializados.

suas atitudes. O desejo de reduzir a disso-

penhar o comportamento)

Exemplo parar de fu-

nância é determinado pela importância dos

Desta forma a atitude: é a

mar.

elementos criadores da dissonância, pelo

tendência à reação, envol-

Componente

grau de influência que a pessoa acredita

cognitivo: É o que

que tem sobre os elementos e pelas recom-

sentem

penso do

pensas que podem estar envolvidas na dis-

e como elas

cigarro.

crepância.

gostariam

Infor-

ve o que as pessoas pensam,

ma-

Existem várias vias para reduzir

a dissonância: mudar o comportamento; concluir que o comportamento dissonan-

ções,

te não é - assim tão importante; mudar de atitude ou, ainda, procurar elementos mais consonantes para pesarem contra a dissonância. Para justificar a decisão tomada e evitar a dissonância cognitiva podemos


mudar a forma como sentimos, alinhando

Ele governa a manei-

as nossas atitudes com nossos sentimentos.

ra como você

percebe o

Ajuste: dirige as pessoas para

objetos agradáveis e afasta-as dos desagra-

mun-

dáveis. “O cigarro é para algumas pesso-

do e

as um prazer e para outras é negativo, por

como

isso o rejeitam”.

o mun-

d

A defesa do eu: Atitudes forma-

prec i s a

o

ou cruel. A

das para proteger o EU ou a autoimagem

per-

triste realidade da

contra as ameaças que atentam contra a

cebe

vida é que vamos con-

percepção de si mesmo: .“As pessoas que

você.

gostam de cigarro defendem-no e não o re-

conhecem como prejudicial à saúde”.

Todos nós te-

programá-la em nossos cérebros.

mos uma esco-

A voz mais alta e mais influente

Expressão de valores: Permite ao

tinuar a ouvir informações negativas, mas não temos que

indivíduo manifestar os seus valores cen-

lha. Podemos esco-

trais ou o seu conceito de si mesmo: “Com

lher um diálogo interno de

o cigarro, algumas pessoas pretendem ex-

autoencorajamento e automotiva-

dependendo das mensagens que você per-

pressar um valor de rebeldia.

ção, ou podemos escolher uma de autoder-

mitir pode ser otimista ou pessimista. Ela

Conhecimento: Permite ao indi-

rota e autopiedade. É um poder que todos

pode te deixar para baixo ou animá-lo.

víduo se organizar e estruturar o mundo,

nós temos. Cada um de nós têm sentimen-

Você controla o emissor e o receptor, mas

procurando dar significado e organização

tos de mágoa, dor de cabeça, e dor física

somente você conscientemente assumir a

às percepções. “Em relação ao tabaco

e emocional. A chave é perceber que não

responsabilidade e controle sobre sua con-

dever-se-ia conhecer as suas vantagens

é o que acontece com você que importa,

versa interna.

(para as pessoas) e as suas desvantagens”.

é como você escolhe responder ao que lhe

ocorre.

produto de experiências passadas e even-

Um dos passos mais importantes

é a nossa própria voz interior. Ela pode trabalhar a favor ou contra você,

Atitudes ruins são muitas vezes

que você pode tomar para alcançar o seu

Sua mente é um computador que

tos que nos marcaram negativamente. As

maior potencial na vida é aprender a con-

pode ser programado. Você pode escolher

causas comuns incluem baixa autoestima,

trolar a sua atitude e seu impacto sobre seu

se o software instalado é produtivo ou im-

estresse, medo, ressentimento, raiva e uma

desempenho no trabalho, relacionamentos

produtivo. Seu diálogo interno é o softwa-

incapacidade de lidar com a mudança. É

re que os programas

preciso um trabalho sério para examinar as

de sua atitude, que

raízes de uma atitude prejudicial, mas as

determina

recompensas de livrar-nos dessa bagagem

e todos ao seu redor. A dissonância cognitiva é uma poderosa forma de reduzir nossa produção de resultados na vida pessoal

“As pessoas que gostam de cigarro defendem-no e não o reconhecem como prejudicial à saúde”

ou na organizacional,

como

você se apresenta

pesada podem durar uma vida.

para o mundo. Você

tem controle so-

bre a programação.

melhorar a sua atitude:

Aqui estão 8 estratégias para

daí a necessidade de estar sempre atento

Tudo o que você colocar nele se reflete no

1•

aos efeitos nefastos que ela pode ocasio-

que vem de fora.

ções repetidas afirmações várias vezes por

nar.

Todos nós temos padrões de com-

dia, todos os dias, servem para reprogra-

As pessoas não sabem se estão

portamento que foram programados em

mar seu subconsciente com o pensamento

com fome ou com os seus pés doendo, e

nossos cérebros desde uma idade muito ten-

positivo. Uma afirmação é feita de pala-

não têm um bom controle sobre a sua atitu-

ra. A informação que foi gravada por nosso

vras carregadas de energia com convicção

de. Isso é um erro, porque a atitude é tudo.

cérebro poderia ter sido completamente im-

e fé. Você envia uma resposta positiva ao

Autocoaching através de afirma-

Revista Exper - 15


Capa

>>>>>>

seu subconsciente, que aceita o que quer

inconscientemente, para melhorar e focar

que você diga a ele. Quando feito correta-

suas habilidades. Nelson Mandela tem es-

mente, esta desencadeia sentimentos posi-

crito extensivamente sobre como visuali-

tivos que, por sua vez, orientam a ação.

zação ajudou a manter uma atitude posi-

2•

Automotivação é descobrir o que

tiva ao ser preso por 27 anos. “Eu pensei

motiva você, o que incita você a tomar

que continuamente do dia, quando eu ia a

medidas para mudar sua vida. Motivos

pé livre. Eu fantasiava sobre o que eu gos-

básicos incluem amor, autopreservação, a

taria de fazer”, escreveu ele em sua auto-

raiva, o ganho financeiro e medo. Automo-

biografia. Visualização funciona bem para

tivação exige entusiasmo, uma perspecti-

melhorar a postura.

va positiva, uma fisiologia positiva (andar

4•

mais rápido, sorriso, sente-se), e uma cren-

sitivo, é uma maneira de substituir a sua

rada para o universo não pode ser retoma-

ça em si mesmo e seu potencial dado por

programação negativa, apagando ou subs-

da. O que falamos reflete o que já está em

Deus.

tituindo-o por uma positiva, a voz interna

nossos corações com base em todas as coi-

O poder de visualização: Estudos

positiva ajuda a enfrentar novas direções.

sas que vieram e acreditamos. Se julgamos

da psicologia do desempenho de pico têm

Sua conversa interna age como uma se-

ou depreciamos as coisas em torno de nós,

encontrado que a maioria dos grandes atle-

mente em seu cérebro e afeta o seu com-

sabemos que a condição de nosso coração

tas, cirurgiões, engenheiros e artistas usam

portamento. Dê uma olhada no que você

precisa mudar. Você pode criar um cami-

afirmações e visualizações, consciente ou

está dizendo a si mesmo.

nho direto para o sucesso, no que você diz.

3•

16 - Revista Exper

Discussão Interna é o diálogo po-

5•

O Poder da palavra, uma vez libe-


movimento. É um espírito interno que fala

se mover para um quadro mais positivo e

através de suas ações de seu compromisso

motivado de espírito é exercitar. Uma ro-

e sua crença no que você está fazendo. É

tina regular de exercícios pode fornecer

uma das características mais fortalecedo-

relativamente rápido feedback positivo na

ras e atraente que você pode ter.

forma de perda de peso, o desenvolvimen-

6•

to muscular e uma sensação de fazer algo

O último nível de necessidade

humana se estende para o reino espiritu-

de positivo para si mesmo.

al. Assim como nos alimentamos nossos

corpos em resposta à nossa necessidade

profissional, usando as ferramentas deste

primária para sobreviver fisicamente, pre-

kit que poderíamos chamar de ferramen-

O Poder de uma saudação positiva: Se te

cisamos alimentar nosso espírito, porque

tas para melhorar nossas atitudes. Não

perguntarem como está, diga que está óti-

somos seres espirituais.

é nenhum segredo que a vida parece re-

ma. Entusiasmo é uma ferramenta vital

7•

Clarear a sua vida com humor, o

compensar a maioria de nós, quando nos

para ficar motivado. Entusiasmo é a atitude

humor é um poderoso motivador. Quanto

aproximamos do mundo com uma atitude

que a respiração é para a vida. Entusiasmo

mais o humorado menos estresse vai ter,

positiva.

permite que você aplique seus presentes de

o que significa mais energia positiva para

* Francisco Maciel Silveira Filho é Pro-

forma mais eficaz. É o desejo ardente que

ajudar a colocar a sua atitude em ação.

fessor Mestre das Universidades Presbi-

se comunica determinação, empenho e es-

8•

teriana Mackenzie e Salesiana. Psicólogo

pírito. Entusiasmo significa colocar-se em

motivado, Uma das melhores maneiras de

Exercício vai ajudar a mantê-lo

Procure o seu sucesso pessoal e

Clínico. e-mail: macielsf@uol.com.br

Revista Exper - 17


Business

>>>>>>

O R.H. agrega valor e rentabilidade Foto: Divulgação

N

o passado, as pessoas dentro de uma empresa não eram entendidas como vantagem competitiva. O foco dentro de um negócio estava voltado para as finanças e produção. Ganhar dinheiro equivalia a ter estoque. A partir da década de 80,

diante de um mundo em transformação, foram adotadas inúmeras tentativas para aumentar a vantagem competitiva. O surgimento da qualidade total, a tal da reengenharia de processos e mais recentemente a gestão do conhecimento e a organização da aprendizagem. Tudo com o propósito de buscar a fórmula do sucesso. Levando em consideração que o ser humano é o começo, o meio e o fim de qualquer processo de transformação, não é muito difícil entender que as organizações só mudam, quando os indivíduos que as compõem se transformam. Se levar em conta que as pessoas não fazem parte somente da vida produtiva das empresas. Pessoas tornam-se fonte verdadeira de vantagem competitiva pelo seu valor, sua raridade, suas inimitáveis e insubstituíveis qualidades humanas. Nos últimos anos o papel do R.H. deixou de ter

Ronaldo Loyola

somente uma atuação humanística, revelando uma atividade mais voltada ao negócio.

Pós-graduado em Psicologia Organizacional e

A aproximação estratégica de R.H. com os dirigentes da empresa e até mesmo com os

do Trabalho pelo Mackenzie, MBA em Gestão

conselhos de administração passou a ser um fator relevante para o sucesso do negócio.

de Pessoas pela FGV, MBA em Gestão Empre-

A grande vantagem competitiva para qualquer negócio está no fato da empresa ter uma

sarial pela FGV, Especialização em Business

boa governança em R.H., onde os profissionais mostram-se mais atentos às estratégias da

and Management na University of California,

corporação e possuem uma visão sistêmica do negócio. É necessário ser cada vez mais

Graduado em Administração de Empresas e

assertivo nas ações de atração, retenção e desenvolvimento de pessoas, pois o R.H. tem

Ciência Contábeis. Professor universitário das

também a missão de aumentar a rentabilidade do negócio.

disciplinas de Cultura e Comportamento Orga-

Hoje, a boa governança em R.H. é fato crítico de sucesso para qualquer tamanho

nizacional, Políticas de RH e Gestão Estraté-

de negócio. A questão não é o quanto isto é importante, mas sim quando o empresário

gica de RH. Sócio fundador da Loyfer Human

priorizará isto na sua agenda para aumentar os seus ganhos.

Capital Solutions com mais de 25 anos de expe-

Pense nisto. Tenha atitude!

18 - Revista Exper

riência corporativa.


Empresas são obrigadas a se adequar

E

Foto: Assessoria Imprensa Grupo Carlos Chagas

m todas as empresas as condutas normativas geram muita preocupação, pois são exigências legais que merecem ser tratadas com todo cuidado para evitar riscos de problemas futuros. Uma situação que gera muitas dúvidas é o Perfil

Profissiográfico Previdenciário (P.P.P.), um formulário oficial, com campos contendo informações relativas ao empregado, como por exemplo, a atividade que exerce, o agente nocivo ao qual está exposto, a intensidade e a concentração do agente, exames médicos clínicos e complementares, além – é claro – dos dados referentes à empresa.

De acordo com Edson Rodrigues, gerente geral da Presmed Saúde Ocupacional,

uma empresa do Grupo Carlos Chagas, “trata-se de um histórico-laboral que contém várias informações relativas às atividades que o trabalhador exerceu ou exerce na empresa.”Rodrigues salienta que segundo consta em http://www.receita.fazenda.gov.br/previdencia/PerfProf.htm, é necessário o preenchimento do PPP, pelas empresas, para todos os empregados, já que de acordo com a Instrução Normativa/INSS/DC nº 99 de 05/12/2003, após a implantação do

Edson Rodrigues

PPP em meio magnético, pela Previdência Social, esse documento será exigido para todos

Gerente

os segurados, independentemente do ramo de atividade da empresa e da exposição a agentes

Ocupacional, uma empresa do Grupo

nocivos. O gerente geral reitera que o melhor é que todas as empresas iniciem desde já a

Carlos Chagas.

geral

da

Presmed

Saúde

atualização dos dados de todos seus funcionários para não terem problemas mais tarde, ante possíveis fiscalizações.

Ele explica que existem inúmeras ferramentas de tecnologia no mercado que

possibilitam a elaboração de tal documento. “As mais eficazes são aquelas que funcionam 100% Internet, com acesso parametrizado por login e senha”, reforça. Este é o sistema oferecido pela Presmed Saúde Ocupacional. Com esta iniciativa o documento fica à disposição 24 horas por dia podendo ser atualizado por todos seus subscritores, de qualquer parte do planeta. Além disso, fica mais fácil para a empresa empregadora acessá-lo e imprimi-lo, entregando-o ao funcionário mediante recibo.

Revista Exper - 19


Destaque Empresarial

>>>>>>

Ângela Shintani Hoje melhor do que ontem, amanhã melhor do que hoje.

D

otada de uma simpatia Angela

com o compromisso de qualidade e prazos

Shintani conquista você nos

de entrega, e com isso finalizamos todas

primeiros minutos de conversa.

as etapas da fabricação conforme o dese-

Um pessoa amorosa, agradável e muito

nho, exigido pelos clientes. A qualidade

divertida. Trabalha muito e adora a vida

dos produtos e serviços elaborados pela

que leva. Leitora assídua de livros de au-

TAKASHI SHINTANI é garantida com

toajuda, motivação e coaching, falou de

os melhores instrumentos, equipamen-

como essas obras são repletas de grandes

tos e por uma equipe formada e treinada

ideias e principalmente cheia de vida.

desde a chegada das matérias-primas, os

Ajuda a fazer uma restrospectiva dos últi-

processos, produtos finalizados e a sua

mos meses, dos últimos anos e ver se es-

entrega. O Sistema de Garantia de Qua-

tamos onde desejamos estar. Dá família,

lidade atendem as exigências da norma

aliás, fala sempre com um sorriso, isso

ISO 9001 e a dos clientes mais exigentes.

fica claro quando observamos, na foto ao

A Gestão do Sistema da Qualidade tem

lado, ela segurando em seus braços sua

como objetivo a Melhoria Continua em:

querida netinha, que não cansa de mimar

e paparicar. A seriedade transparece no modo como ela conta como administrar uma empresa de usinagem. Há mais de

Angela Shintani proprietária da empresa Takashi Shintani

Satisfazer seus clientes com a

Qualidade dos Produtos e Serviços atendendo suas necessidades. •

Buscar o crescimento e realiza-

20 anos atua na TAKASHI SHINTANI,

tos nas áreas de fundidos, laminados ou

ção profissional de seus colaboradores,

uma empresa capacitada a prestar servi-

usinados, realizando tratamento térmico e

treinando e estimulando com responsabi-

ços especializados em qualquer parte da

superficial se necessário.

lidade e comprometimento pela Qualida-

cadeia produtiva no setor de Usinagem,

A TAKASHI SHINTANI man-

desde a mão de obra, até produtos pron-

tém parcerias com empresas que honram

de. O estilo empreendedor de Angela também chama a atenção de grandes multinacionais e no ano de 2012 ela conquistou o prêmio de Excelência, oferecido pela Valtra, aos seus melhores fornecedores. E diz que esses últimos anos tem sido espetaculares e os próximos serão ainda melhores. por isso o slogan do sistema Kaizen: Hoje melhor do que ontem, amanhã melhor do que hoje. Apesar do cenário positivo a empresa não se deslumbra e o foco é ter crescimento saudável assegurando sempre a satisfação dos

Fachada da empresa Takashi Shintani, localizada na Av. Francisco F. Lopes em Mogi das Cruzes 20 - Revista Exper

clientes.


Fotos: Divulgação

Angela Shintani com sua netinha Lara Shintani

Revista Exper - 21


Inovaçao Tecnológica

>>>>>>

Frater uma empresa com missão, visão e valores bem definidos.

F

coletivas e residenciais, envolvendo:

•Execução de serviços em rede primária

iniciou suas atividades com a

NA ÁREA DE ELÉTRICA:

e secundária.

manutenção de equipamentos de

•Eficiência Energética

•Instalação e manutenção em PABX.

undada

em

1997,

a

Frater

microfilmagem. Em apenas dois anos,

•Intermediação de contas de energia elé-

expandiu sua área de atuação para prestar

trica, efetuando negociação e acompanha-

NA ÁREA DE INFORMÁTICA:

serviços em elétrica, telecomunicação e

mento de contratos junto à Concessionária

•Elaboração de projetos e instalação de

informática.

de Energia.

cabeamento estruturado.

A empresa se diferencia no

•Instalação de galpões industriais e salas

Prezamos

por

agilidade

no

mercado por contar com profissionais com

comerciais.

atendimento e temos como nossa principal

NR-10 e fazer o recolhimento de ART, e

•Emissão de laudos elétricos e inspeção

meta a satisfação do cliente, sempre

tem no comando o experiente Marcos

que atendem às normas NR-10, NBR-5410

respeitando os padrões de qualidade

Nunes da Silva e o engenheiro Eduardo

e NBR-14039 com recolhimento de ART.

exigidos pelas normas existentes e pelos fabricantes com que trabalhamos. Através

Vicentino Leme, que trabalham para se consolidar como líderes em satisfação dos

NO SETOR DE TELECOMUNICAÇÕES:

de uma política de transparência, gestão

clientes. Ambos estão convencidos de que

•Comercialização de centrais telefônicas

eficiente dos recursos e desenvolvimento

o êxito do negócio se baseia na melhoria

de pequeno e médio porte e seus acessórios.

contínuo com a Frater, você pode contar. Foto: Divulgação

contínua dos serviços prestados e no profissionalismo dos seus colaboradores. Outro diferencial da Frater está nas vantagens oferecidas aos associados do CIESP, de forma a contribuir para essa percepção que guia nossa atuação diária. Estamos focados nos associados, trabalhando duro para sermos um parceiro ágil e simples, com respostas rápidas e satisfatórias além de oferecer produtos e serviços de alta tecnologia e de fácil utilização. A Frater elabora projetos e montagem de cabines primárias, entradas 22 - Revista Exper

Eduardo Vicentino Leme e Marcos B. Nunes da Silva proprietários da Frater


SERVIÇOS PARA SUA EMPRESA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA •EFICIÊNCIA: Fazemos o estudo das instalações elétricas para eliminar desperdícios de energia. •QUALIDADE DE ENERGIA: Realizamos análise da qualidade de energia e elaboramos relatório com sugestões para melhor desempenho. •CONTAS: Fazemos toda a administração de contrato de fornecimento junto à concessionária. •BANCO DE CAPACITORES: Elaboramos o projeto e fazemos a instalação para correção de energia reativa. SUBESTAÇÃO PRIMÁRIA •PROJETOS: Elaboramos projetos junto à concessionária. •MONTAGEM: Executamos montagem conforme projetos aprovados e o acompanhamos até sua ligação. •MANUTENÇÃO: Realizamos manutenções preventivas e corretivas em Cabines Primárias e possuímos parceria com diversos fornecedores de equipamentos para pronta entrega em caso de urgência. BAIXA TENSÃO •PROJETOS: Elaboramos projetos industriais, comerciais e residenciais, atendendo às normas vigentes. •INSTALAÇÃO: Possuímos uma equipe especializada para montagem conforme projeto apresentado. •MANUTENÇÃO: Realizamos manutenção preventiva e corretiva, além de adequarmos as instalações para que estejam em conformidade com as normas (NR-10 e NBR-5410). •LAUDOS: Fornecemos laudos de NR-10 e alvará de funcionamento. INFORMÁTICA •REDES: Elaboramos projetos de cabeamento estruturado com memorial descritivo e montagem do mesmo. •CFTV: Projeto, especificação e instalação de sistema de monitoramento digital.

TELEFONIA •SERVIÇOS: Instalação e manutenção em rede primária e rede secundária. •CENTRAL TELEFÔNICA: Venda, instalação e manutenção. •ACESSÓRIOS: Headset, mesa virtual, espera personalizada e tarifadores. •VIVO: Speedy, Linhas Digitais, ADA, PDTI. Revista Exper - 23


Ponto de Vista

>>>>>>

O vale transporte Dr. Epaminondas Nogueira Mogi das Cruzes - Av. Narciso Yague Guimarães, 664, Centro Cívico – Tel: (11) 4799-1510 São Paulo – Barra Funda Rua do Bosque, 1589 – Ed. Capitolium, Bl. II,

B

Conj. 1207 - Tel: (11) 3392-3229

enefício criado no governo José

público ou até subvencionando no todo ou

fissionais, os servidores públicos federais,

Sarney pela lei 7.418, de 16 de

em parte as despesas dos seus funcionários

estaduais e municipais.

dezembro de 1985 e regulamenta-

a este título no uso dos seus próprios meios

do pelo decreto 95.247, de 17 de novembro

de condução.

Costumam perguntar, também, se quem vai ao trabalho de bicicleta, moto,

de 1987 consiste no pagamento antecipado

Obviamente, os direitos já exis-

pelo empregador do gasto do empregado

tentes antes da criação do vale- transporte

A resposta é não, pois, a lei fala,

com o transporte casa-trabalho-casa, menos

ou de valor superior a ele não poderiam

expressamente, em transporte público e in-

6% (seis por cento) do seu salário básico.

ser prejudicados por se tratar na hipótese

clusive não haverá como passar o próprio

Fácil se compreender que tem re-

de direito já adquirido, mas foi proibida a

vale-transporte.

levante valor social por excluir na prática

cumulação das vantagens antigas com as

esse encargo do orçamento do trabalha-

do novo benefício.

dor.

Indagação frequente dos empre-

carro próprio tem direito.

Isso não obsta que o empregador compense o empregado com outra forma de ajuda de custa.

Como se trata de antecipação o

gados que se utilizam mais de um meio

Vale atentar que o art. 3 do regu-

empregador comprará o vale-transporte

de transporte ou mais uma condução é se

lamento dispõe que o vale-transporte é

que passará ao empregado para que este o

para efeito do cálculo do benefício devem

utilizável em todas as formas de transporte

use ao invés da moeda corrente ao pagar

ser considerados todos os meios: ônibus,

público coletivo urbano, mesmo que seja

o transporte e quando chegar a época dos

carro, trem, metro, barcos etc e se abran-

intermunicipal ou interestadual, operado

pagamentos salariais, então aí, será a vez

ge todas as partes do percurso ou só algu-

pelo poder público diretamente ou através

de se descontar os 6% devidos pelo empre-

mas.

de concessionárias, em linhas regulares e

gado.

A lei nos parece bastante clara

com tarifas fixadas pela autoridade compe-

Assim, se o salário base for de R$

quando fala em deslocamento de casa ao

700,00 ao empregado tocará pagar a título

trabalho e vice-versa dizendo que devem

Para se habilitar a receber esse

de transporte apenas R$ 42,00 sendo irre-

ser somados todos os trechos da viagem e

benefício o empregado informará por es-

levante se a despesa atingiu R$ 200,00 ou

todos os meios de transporte utilizados.

crito ao empregador o seu endereço e os

mais reais, pois, a diferença caberá sempre

tente.

Têm direito ao vale-transporte

meios de transporte casa-trabalho-casa em

não só os comerciários, industriários,

declaração renovavél, anualmente, e even-

Quando o benefício foi instituído

empregados domésticos, permanentes ou

tual falsidade bem como o uso indevido do

alguns empregadores já forneciam trans-

temporários, inclusive, os empregados dos

vale-transporte constituem falta grave, ou

porte aos empregados fosse através de

subempreiteiros em relação ao empreiteiro

seja, justa causa para a rescisão do contrato

ônibus fretados, do custeio do transporte

principal e ao dono da obra, os atletas pro-

de trabalho por iniciativa do empregador.

ao empregador.

24 - Revista Exper


Um evento cheio de energia e repleto de grandes mudanças

N

Foto: Divulgação

Desenvolvimento Humano

o dia 04 de maio, aconteceu o Empowerment, no Bourbon Convention

Ibirapuera,

um

evento que teve início as 10h e terminou por volta das 23h. As pessoas que lá estiveram puderam ter acesso a uma dezena de informações que tem o poder de mudar a qualidade de vida, fisicamente, mentalmente, emocionalmente, financeiramente de maneira divertida e agradável.

O Master Coach Sérgio Ricar-

do, conduziu brilhantemente o evento, e quando você se dá conta já está no final, a palestra é repleta de convidados especiais que vão de músicos, dançarinos, até dinâmicas individuais e de grupo. A boa notícia é que se você não compareceu neste, no dia 29 de junho, Sérgio Ricardo e sua equipe estará promovendo outro no mesmo local. É uma oportunidade única de estruturar o maior projeto de sua vida, (VOCÊ), se você quer algo mais, algo realmente extraordinário essa é a sua vez. Revista Exper - 25


Fique por dentro

>>>>>>

Dois Pesos e duas Medidas Romildo Campello, Advogado, Conselheiro do Ciesp do Alto Tietê e Diretor Plenário do Ciesp Estadual.

O

Jornal Folha de São Paulo na

Procurador-Geral de Justiça para que ele

nas mãos de 1.900 promotores distribuí-

página A3, na coluna Ten-

patrocine a Ação, num processo de cerce-

dos por mais de 400 Comarcas, seria um

dências/Debates, do dia 27 de

amento da autonomia do Promotor Públi-

retrocesso inimaginável, mas tal qual

março de 2013, trouxe um artigo deno-

co enquanto defensor da “coisa” pública.

acontece com cada um de nos eles não

minado Mandonismo à Paulista, assi-

Estão cobertos de razão os au-

podem pairar acima das Leis, porque a

nado pelo Promotor de justiça em São

tores do artigo, precisamos dar inde-

Pena de Sucumbência a que está sujeito

Paulo, doutor pela USP, vice-presidente

pendência à promotoria pública, sem

todo aquele que patrocina uma Ação des-

do Movimento do Ministério Público

dúvida, mas é preciso que evitemos o

cabida não é aplicada ao Promotor que a

Democrático e coordenador da campa-

“linchamento” que nossos homens públi-

pratica?

nha Não Aceito Corrupção, ROBERTO

cos quando é ajuizada ações Temerárias,

Quem pagará as despesas com

LIVIANI e pelo procurador de justiça

desprovidas de qualquer fundamento

advogados, peritos e principalmente

em São Paulo, presidente da Associação

onde o Judiciário é obrigado a não aco-

quem indenizará o homem público que

Paulista do Ministério Público. Que foi

lher as acusações pela falta de provas.

teve sua vida destruída por uma Ação Te-

Conselheiro do Conselho Nacional de

Como ficam o homem ou mu-

Justiça em (2007-2009 e 2009-2011) FE-

lher pública que foi manchete dos órgãos

Precisamos ser contra esta ten-

LIPE LOCKE CAVALCANTI, onde de-

de imprensa, baseadas em acusações

tativa de alterar a Constituição para tirar

monstram com a erudição esperada que

que se mostram totalmente descabidas,

dos Promotores a sua principal função

a Assembleia Paulista pretende esvaziar

resultando de um ato de voluntarismo e

que é a defesa de todos nós, mas não po-

o papel do Ministério Público, apresen-

às vezes com o intuito de conseguir no-

demos concordar com esta situação em

tando Emenda a Constituição Estadual,

toriedade, destruindo a reputação de um

que os promotores estão acima da apli-

tentando criar “a instituição do rei”, com

homem ou mulher pública.

cação da Lei.

todo o poder, na pessoa do Procurador-

merária proposta contra ele?

Como vamos reparar os danos

Parece que o Mandonismo à

que foram causados pela precipitação e a

Paulista, é uma grande realidade, mas

Pretendem os Deputados, como

certeza de que nada lhe acontecerá caso

atinge não só os nossos Políticos, mas

forma de evitar acusações temerárias,

o fato não venha a ser provado em juízo?

contaminou também os nossos Promoto-

de um grande número de Promotores,

Tem razão os dois articulistas,

res e Procuradores, que são muito bons

em especial aqueles em início de carrei-

não podemos concordar com a concen-

em acusar os outros, mas, não querem se

ra, que antes de ajuizar as ações contra

tração na pessoa do Procurador-Geral

sujeitar às mesmas Leis que têm obriga-

as Autoridades Constituídas, notifique o

de Justiça das atribuições que hoje estão

ção de aplicar contra todos nós.

Geral de Justiça.

26 - Revista Exper


Revista Exper - 27


28 - Revista Exper

REVISTA EXPER  
REVISTA EXPER  

Edição Número 25

Advertisement