Page 1

ESTILO LIVRE

3


4

ESTILO LIVRE

ESTILO LIVRE

5


ÍNDICE_

06 10 12 14 22 28 30 44 50 56

DA REDAÇÃO_ ENTREVISTA

Zezé Di Camargo e Luciano Na história da MPB

A nova “Gabriela”

TV

Fernando Meirelles Novos Rumos

literatura

crianças e animais Como aceitar a morte de um animal?

Música

Dinho Ouro Preto As preferidas em Black Heart

turismo

+ Gastos Tome nota antes de viajar

gastronomia

Sabores de assis “Retrospectiva” gastronômica

RECEITAS

Faça você mesmo Dicas de Risoto

Viagens

Cicloturismo 10 dias de aventuras

tecnologia

luz do sol A busca pela eficiência

automóveis

+ MÁquinas O mundo automobilístico

Neste mês, quando Juliana Paes entra em cena na Rede Globo como a polêmica “Gabriela”, não poderíamos deixar de dar destaque a outra artista que não fosse ela, a substituta da eterna Sônia Braga. A responsabilidade na atuação neste papel é tão grande, que, antes mesmo de começar a encarná-lo, Juliana já se viu em meio a um turbilhão de opiniões, contrárias e favoráveis. Entretanto, como ela mesmo disse em nossa entrevista: “mexer com Gabriela é igual mexer com Nossa Senhora. É sagrado. Qualquer pessoa que escolhessem ia passar pelos mesmos questionamentos”. Com essa frase, a artista revelou que já superou a discussão sobre o assunto e que, agora, resta só ver o resultado do trabalho em cena. Na reportagem da Estilo Livre deste mês, ela conta como se preparou para o papel e como espera que o público a receba como Gabriela. Confira nesta entrevista como tem sido, para Juliana, deixar a vaidade de lado e andar sem maquiagem, esmalte nas unhas e as sobrancelhas por fazer.

CAROLINA MARQUEZINI DIRETORA DA REDAÇÃO

DIRETOR Jeziel Marquezini EDITORA Carolina Marquezini DIRETOR COMERCIAL Daniel Israel DIREÇÃO DE ARTE E DIAGRAMAÇÃO Rodrigo de Souza IMPRESSÃO Editora Conosco_Indústria Gráfica TEXTO E FOTOS Agência Estado FOTOS Ivan Mello - Freelance JORNALISTA RESPONSÁVEL Carolina Marquezini_MTB_41418 SP

33 Capa

Juliana Paes dá vida a Gabriela

TIRAGEM 18 mil exemplares PARA ANUNCIAR Daniel Israel_18 9732-0007 daniel@revistaestilolivre.com.br ANÚNCIOS E PATROCÍNIOS Além de anúncios institucionais e comerciais em formatos tradicionais, a Estilo Livre oferece a opção de patrocínio das seções e colunas fixas. Fale com nosso departamento comercial. *O conteúdo das propagandas e informes publicitários é de inteira responsabilidade dos contratantes.

. REVISTA ESTILO LIVRE Abílio Duarte de Souza, 257 :: F: 18 3022.3152 www.revistaestilolivre.com.br revista@revistaestilolivre.com.br


ENTREVISTA_

ENTREVISTA_

MPB

(AE) - Como é ser o príncipe encantado? Ter de ser um exemplo cansa? - Zezé - Eu nem sou exemplo. Sou uma pessoa correta na minha vida, com relação à bebida, nunca mexi com droga. Sou um cara correto, família. Mesmo assim pegam no meu pé, acham que sou o maior paquerador do Brasil e que tenho uma namorada em cada Estado do Brasil. Estou na base do quer falar, fala. Já me preocupei muito com isso. Hoje não, sou bem tranquilo. Além disso, ser certinho demais é muito chato, né? (AE) - O sucesso tem uma parte ruim? - Zezé - Não. Quem quer ser famoso, quer exatamente isso. Quer ser reconhecido. Esse papo de eu gosto de ir para Miami, para a Europa porque lá posso andar na rua sossegado é hipocrisia. Se ficar dois dias sem ser reconhecido, vai sentir falta. Quem fala que essas coisas perturbam está mentindo. Perde o sucesso para ver se não fica desesperado. Sucesso é sinônimo de ser querido pelas pessoas, de trabalhar e fazer o que gosta. Sou privilegiado, porque ganhei a minha vida, arrumei a vida da minha família toda, e ajudei várias pessoas, fazendo o que eu mais amo, que é cantar. Tem coisa melhor que essa? Em todos os lugares onde eu chego, as pessoas quererem me ver, saber como estou. (AE) - O Leonardo disse que pretende se aposentar. E você, Zezé? - Zezé - Aposentar de quê? Nunca fiz p... nenhuma na vida. Aposentar é para quem trabalhou a vida inteira. Para mim, cantar não é trabalho, é diversão. Sou pago para me divertir. Aquele trabalhador que levanta às 6h da manhã a vida inteira, pega ônibus lotado para ir trabalhar e voltar para casa cansado e, no dia seguinte, de novo ir trabalhar é quem pensa em se aposentar. Não vou me aposentar do que estou fazendo, de cantar, de subir no palco, de soltar a voz. (AE) - Como vocês medem o sucesso? - Zezé - Se disserem que é preciso citar três artistas conhecidos em qualquer canto do Brasil e que todo mundo já ouviu falar, Zezé Di Camargo e Luciano vão estar entre estes três. Não tenho dúvida. Zezé Di Camargo e Luciano estão na história da música popular brasileira. Gostando ou não gostando, pode estar onde for, você já ouviu falar Zezé Di Camargo e Luciano.

Por_Cristiane Bomfim

(AE) - “Se disserem que é preciso citar três artistas conhecidos em qualquer canto do Brasil e que todo mundo já ouviu falar, Zezé Di Camargo e Luciano vão estar entre estes três. Não tenho dúvida.” A frase pode até parecer arrogante, mas, ao acabar de completar 21 anos de carreira, com 130 shows por ano, cachê médio de R$ 200 mil e dono da voz de “Mentes Tão Bem”, a segunda música mais tocada nas rádios em 2011, Zezé Di Camargo, que forma dupla com o irmão Luciano, não se faz mais de modesto. Desde que lançaram o primeiro disco da carreira, em 19 de abril de 1991, Zezé Di Camargo e Luciano já venderam mais de 36 milhões. O novo trabalho, um DVD intitulado “Zezé Di Camargo e Luciano - 20 Anos de Sucesso”, gravado ao vivo em setembro, chegou às lojas em 7 de maio. Na mesma data, a dupla lançou um CD com 15 faixas, sendo sete inéditas. Eles falaram

8

ESTILO LIVRE

a respeito com a reportagem. (AE) - A coerência na carreira pode ser a resposta para explicar estes 20 anos de sucesso? - Zezé - A música romântica vai ser sempre eterna. Você não precisa ter 20, 30 ou 40 anos para sentir frio na barriga quando você vê aquela pessoa que você gosta. É nesse momento que a gente entra, um momento muito importante da vida das pessoas. É diferente de uma música da moda, que você curte pelo baratinho que ela está dando, pela dancinha que você vai fazer. A música romântica fica. (AE) - Mas o sucesso não depende só do repertório ou do talento... - Zezé - Acho que o carisma tem de andar junto com o sucesso e é você cantar e falar aquilo que emociona as pessoas. Você tem de ser o príncipe encantado que as pessoas imaginam que você seja. Tento me portar assim.

“Zezé Di Camargo e Luciano estão na história da MPB”, afirma Zezé ESTILO LIVRE

9


ENTREVISTA_ (AE) - A atriz carioca Camila Pitanga, de 34 anos, vive seu grande momento no cinema com a personagem Lavínia, em “Eu Receberia as Piores Notícias dos seus Lindos Lábios”, dos diretores Beto Brant e Renato Ciasca. Envolvida em um triângulo amoroso com o fotógrafo Cauby (Gustavo Machado) e o pastor Ernani (Zecarlos Machado), no interior do Pará, a multifacetada Lavínia exigiu da atriz um profundo trabalho de pesquisa - esforço recompensado e cuja intensidade da entrega dela na interpretação é perceptível na tela. As filmagens começaram logo após Camila ter se tornado mãe de Antônia, que completou 4 anos em maio, fruto do relacionamento com o ex-marido, o diretor de arte Claudio Amaral Peixoto. Ela falou à reportagem sobre a preparação para o papel.

Lavínia Por_Igor Giannasi

(AE) - O que mais chamou sua atenção em relação à personagem para querer interpretá-la? - A complexidade dela, essa mulher de mil fases e de muitas crises. Essa possibilidade de mostrar uma versatilidade do meu trabalho. Mas, mais do que isso tudo, é que realmente me entusiasmei com aquela história. Eu me emocionei de verdade com os personagens, não só com a Lavínia. (AE) - Você chegou a conversar com a atriz Sonia Braga. Pediu alguma orientação para ela? - Dentro de minhas pesquisas, um dos filmes que eu já tinha visto, mas vi de novo, foi o “Eu Te Amo”, do (Arnaldo) Jabor, com ela. Era um filme em que, além do tratamento que foi dado às cenas de sexo, o que mais me instigou mesmo foi que tinha uma personagem muito vigorosa. Fiquei curiosa sobre como eles tinham lidado com a im-

provisação, com uma criação coletiva da cena, daí liguei para ela. Foi um papo lindo, maravilhoso. O que ficou foi um carinho grande dela comigo. (AE) - Você está escalada para a nova novela das 6, que substituirá Amor, Eterno Amor. Já está se preparando para a personagem, que é protagonista? - Já estou com os capítulos. Vou começar a entrar (na história) para poder fazer esse mergulho no novo trabalho. (AE) - É um trabalho de época, certo? Deve ter bastante material para se pesquisar. - Com certeza. Já li, por exemplo, um livro do João do Rio, em que ele fala dos anos 20, como o Rio de Janeiro se estrutura, os bairros, os lugares, as profissões. Mas, enfim, está muito no início ainda. ESTILO LIVRE

11


TV_

Meirelles prepara novos projetos Por_Alline Dauroiz

(AE) - Um dos raros nomes do País que hoje viraram marca em Hollywood, o cineasta Fernando Meirelles - de “Cidade de Deus” e “Ensaio sobre a Cegueira” - pouco faz televisão, mas essa realidade tende a mudar ainda este ano. Foram anunciados dois projetos para o grupo Fox que levam a assinatura dele como produtor executivo, para o segundo semestre e que tendem a se tornar frequentes, agora que a o2, produtora de Meirelles, organiza um banco de projetos para atender à demanda da Lei 12.485. Em processo de regulamentação, a lei prevê a criação de cota de programação nacional nos canais pagos e promete movimentar a indústria audiovisual do País. À reportagem, Meirelles falou sobre os novos projetos na TV: a série de mistério “Contos de Edgar”, para o canal FX, com cinco episódios, baseada na obra de Edgar Allan Poe; e a série “360”, que mistura jornalismo e reality show, para o NatGeo. Além do suspense, tema pouco usual na nossa TV, outro inusitado em “Contos...” é a aposta na equipe jovem, a começar pelo diretor, Pedro Mo-

relli, de 24 anos, e pelo roteirista Pedro Furtado, de 28. “A série será feita por uma garotada com menos de 30 anos. Muita gente estará estreando profissionalmente. Com a estrutura da O2, será possível suprir o que falta de experiência à turma, e o entusiasmo geral é a gasolina.” Já “360” terá, a princípio, cinco episódios, que vão mostrar temas polêmicos a partir de diferentes olhares. “Vamos falar não do ponto de vista de um repórter, mas acompanhar a vida das pessoas envolvidas nas questões, com um pé no reality show”, explica. Entre os temas estão crack, produção de madeira sustentável e o excesso de zelo do Ibama, indústria da soja, explosão de Altamira e consumo. Sobre os novos formatos, o cineasta acredita que é na TV paga que os projetos mais ousados terão vez neste momento. “A Globo costumava inovar em formatos, mas, hoje, a briga pela audiência está tão dura que nem eles andam arriscando e investem mais no que é mais garantido”, disse. ESTILO LIVRE

13


literatura_

livro ensina crianças a lidar com a morte de animais

14

ESTILO LIVRE

Tênis Marina Mello R$ 120,00 Sapatilha Empório Mix R$ 198,00

Por_Igor Giannasi

(AE) - Quando eles chegam, é aquela festa. É difícil encontrar uma criança que não sonhe com um bichinho de estimação ou que não tenha se apegado ao animalzinho que já existia na família. Mas, como contar para eles que o amiguinho de todo dia não está mais aqui? Qual é a melhor forma de avisar que o cachorro ou gato morreu? Foi um caso particular que fez a veterinária Flávia Vallejo pensar no assunto e escrever O Céu dos Cachorros, livro infantil que tem ilustrações de Simone Matias. “A minha sogra tinha uma cachorra que estava doente e era eu quem estava tratando dela. Meus filhos gostavam muito do animal. Quando ela morreu, comecei a falar aquelas coisas bonitinhas de céu, mas a minha filha queria saber do corpo. Eu não estava preparada”, explica Flávia, que resolveu, então, escrever sobre o assunto. Já em relação aos filhos, o caminho encontrado foi mergulhar nas boas histórias que a cachorrinha tinha deixado. “Começamos a lembrar de quando ela ainda estava viva. Isso mostrou que, de alguma forma, ela ainda continuaria muito presente”, diz. No livro, um menino fica sabendo da morte de seu cachorro e começa a se recordar de momentos engraçados, incluindo a vez em que seu cão devorou seu jantar e fugiu rapidamente. O garoto também fala sobre a festa que estará esperando seu animal quando ele chegar ao céu, onde se transformará, por fim, em uma estrela. Flávia conta que muitas vezes os familiares, com medo de magoar a criança, optam por inventar histórias para explicar o sumiço do animal. “Essa foi a minha outra motivação. As pessoas dizem que o cão ou gato foi morar em um sítio ou que vai ficar com a veterinária”, diz. “Temos tanto cuidado em criar vínculo com as crianças que não podemos deixar que uma coisa assim coloque a relação em risco. Afinal, eles percebem”, explica a autora estreante. Para Ana Paula Miessi Sanches, psicóloga especializada em psicologia infantil, o ideal não é esconder nada da criança, mas utilizar uma linguagem adequada com a idade do pequeno. “A partir dos 5 anos, já é possível contar. Claro que de uma maneira que a criança compreenda.

venha conhecer a coleção outono/ inverno 2012. novas tendências novos estilos.

As cores podem contrastar em uma única peça ou na composição look + elementos.

Meia pata Esdra R$ 288,00

Cinto Couro R$ 76,00

Sapatilha Luiza Medeiros R$ 79,00

serviço O Céu dos Cachorros Ed. Realejo Preço: R$ 32

Montaria R$ 266,00

ESTILO LIVRE

15


MÚSICA_

MÚSICA_

As preferidas de Dinho Ouro Preto no CD Black Heart Por_Pedro Antunes

(AE) - Em 1980, a enorme Variant de Fê Lemos (baterista do Capital Inicial) cruzava Brasília com todo o equipamento de seu grupo na época, o Aborto Elétrico, formado ainda por Renato Russo (baixo e voz) e André Pretorius (guitarra). Era nesse carro que o jovem Dinho Ouro Preto, então com 16 anos, maior fã do Aborto e amigo da banda, também viajava

16

ESTILO LIVRE

de releituras de canções que o tocaram. Ontem e hoje. De Curtis, escolheu a clássica Love Will Tear Us Apart, originalmente de 1979. Há ainda Elvis Presley, Patti Smith, The Cure, Nick Cave, Eddie Vedder, Smiths, Muse e, veja só, Pet Shop Boys. Tudo começou num impulso. Em agosto, Dinho visitou o escritório da gravadora, em Botafogo, no Rio, um mês antes de sua apresentação no Rock in Rio, em meio à turnê do álbum Das Kapital, da sua banda Capital Inicial. Perguntou a Bruno Batista, diretor artístico, se ele poderia gravar um disco solo. “Será simples, voz e violão, com músicas clássicas em inglês”, disse o músico a Batista, que topou de imediato. Na mesma hora, eles já discutiam quais músicas entrariam, como seria o formato. A ideia era conseguir se distanciar o máximo possível do som do Capital Inicial. “Achei que seria algo rápido”, confessa Dinho, em entrevista por telefone. “Mas acabou como o disco que mais demorei para gravar da minha carreira.” De agosto a janeiro deste ano, ele precisou organizar a agenda entre gravações de Black Heart, os shows do Capital Inicial e a rotina de composição para o próximo disco da banda. “Foi

uma loucura, cara. Uma semana gravava um dia, na outra duas, na seguinte, nenhuma...”, conta ele. O próprio disco solo, no meio do processo, ganhou mais corpo e tornou-se mais trabalhoso. Para produzir e mixar o álbum, Dinho chamou o francês David Corcos, que deu ao Capital Inicial, em seu mais recente disco, Das Kapital (2010), um som de garagem, mais sujo. A grande qualidade de Corcos é exatamente essa: deixar essas pequenas imperfeições, sem limpar demais as canções. “Nós, já no Capital, sempre tivemos esse problema. Sempre soávamos mais pesados nos shows do que no estúdio. Isso nos incomodava demais. E o Corcos conseguiu dar essa sonoridade mais suja.” O rock limpinho, diz ele, é um grande problema dos produtores do Brasil. “O Corcos trabalhou lá fora, sabe que é bom não limpar demais. Uma nova geração sabe disso, como o Daniel Ganjaman”, completa, referindo-se ao produtor do disco Nó Na Orelha, de Criolo, um dos melhores de 2011. Nos ensaios das 12 canções escolhidas, Dinho estava sempre acompanhado por uma banda. Na hora de gravar, de fato, não conseguiu ver o disco sem Lourenço Monteiro (bateria), Eduardo Bologna (guitarra) e Mauro Berman (baixo).

A trilha sonora, ali, era sempre a mesma. E ele não reclamava. A voz chorosa e as letras melancólicas de Ian Curtis (1956-1980), à frente de seu Joy Division, cortavam a capital do País de cima a baixo. No ano passado, todas essas lembranças vieram à tona quando Dinho, hoje aos 47 anos, pensava no repertório do seu disco solo Black Heart, lançado agora pela Sony Music. Um álbum ESTILO LIVRE

17


Make UP

MARATONA DE CURSOS DE AUTOMAQUIAGEM BY SIMONE SENO

Aconteceu durante o mês de maio, mais um curso de automaquiagem idealizado por Simone Seno. Em sete dias de curso, cerca de 200 mulheres aprenderam passo a passo sobre a aplicação correta de maquiagem em cada tipo de pele, além de truques, detalhes para afinar o nariz, destacar ou diminuir o olhar e também a combinação de cores e tons, sem cometer deslizes. Tudo de uma maneira muito prática, já que cada aluna recebeu um kit de maquiagem para acompanhar os módulos do curso. Um certificado também foi concedido para cada participante. Para quem teve a oportunidade de acompanhar o que foi esse curso, fica a satisfação. Um momento muito agradável, em que cada uma pode tirar suas dúvidas e, nos intervalos, degustar um delicioso coffee break, além de conferir uma exposição de produtos de beleza, semijoias e maquiagem importadas da Cris Bonani. Simone Seno agradece a todas as pessoas que participaram do curso e promete mais uma edição para o segundo semestre.

Contato Cel.: 18 9748. 2228

18

ESTILO LIVRE

ESTILO LIVRE

19


CAPA_

CAPA_ deliciosa, supersexy, mas com a dureza de uma retirante. Cara de brasileira total.” Para Juliana, a discussão está superada. Caracterizada como Gabriela, a atriz falou à reportagem sobre as críticas (em “baianês”, sotaque que aprendeu em aulas de prosódia e que evoca durante a entrevista apenas quando fala de Gabriela). “Um amigo meu disse bem: mexer com Gabriela é igual mexer com Nossa Senhora. É sagrado. Qualquer pessoa que escolhessem ia passar pelos mesmos questionamentos”, disse a atriz.

“Mexer com Gabriela é quase como mexer com Nossa Senhora” Por_Alline Dauroiz

Canavieiras - Pele escura, cabelos armados, sobrancelhas por fazer, dentes amarelos e unhas dos pés e mãos encardidas fizeram de Juliana Paes - suja de terra e pó de maquiagem - uma mulher irreconhecível até para Pedro, filho da atriz, de 1 ano e 4 meses. Ele visitou, no feriado de Páscoa, o set de gravações da nova versão de “Gabriela” para às 23h da Globo, em Canavieiras (a 110 quilômetros de Ilhéus) - e se assustou com a nova aparência da mãe. Atriz que reposicionou a própria marca e, de “A Boa da Antarctica”, passou a ícone fashion em campanhas para grifes classudas, Juliana virou alvo de acaloradas discussões desde novembro, quando foi oficializada como a protagonista da obra baseada em Jorge Amado: afinal, ela tem o necessário para substituir Sônia Braga no imaginário das novas gerações como a Gabriela, Cravo e Canela? Aos 33 anos, não estaria velha demais para o papel? Nem na pequena Canavieiras, com cerca de 40 mil habitantes, a polêmica passou despercebida. “Ela é muito simpática, humilde, sentou no

20

ESTILO LIVRE

chão da loja, brincou com minha cadelinha. Acho que tem aquela coisa moleca da Gabriela”, diz a vendedora de uma galeria de souvenirs. “Pois eu acho que deveria ser a Camila Pitanga. A Juliana é meio acabadinha sem maquiagem”, acredita o garçom do restaurante point da cidade. “Rapaz, ela até tá parecida com Gabriela, mas tem aqueles olhões, né?”, disse a atendente do bar, que logo emendou: “Mas com aquele sorrisão... ela vai ganhar todo mundo”. Diretor da minissérie “Dona Flor e Seus Dois Maridos”, da novela “Renascer” (que se passava em Ilhéus) e da última versão de “O Astro”, Mauro Mendonça Filho se assume como autor da ideia de transformar Juliana na nova Gabriela. “Foi nossa primeira escolha: Gabriela é um ícone de beleza feminina selvagem, brejeira, brasileira. Sônia Braga era um símbolo sexual. A gente só podia pensar em ter outro símbolo sexual, que fosse tão boa atriz quanto a Sônia. Pensa aí em 300 nomes e você vai chegar à mesma conclusão”, explica o diretor. “Juliana está fazendo uma Gabriela

(AE) - Quando você sentiu que tinha virado a Gabriela? JULIANA PAES - Acho que só vi minha Gabriela quando gravei no sertão. Não fico me olhando no espelho nem quis ver nenhuma cena no vídeo, porque, antes de estrear, se a gente se vê, começa a querer remendar. E, no momento de composição, prefiro confiar no meu subconsciente, desenhando a personagem de uma maneira mais primitiva e sensorial. (AE) - Você é ícone fashion, só se associa a boas marcas. Foi tranquilo se desglamourizar? JULIANA PAES - Quando a sobrancelha começou a ficar esquisita, as pessoas desconfiaram (risos). Sou muito vaidosa, mas só quando estou de Juliana. Não faço a linha cool, de ator que diz que não tá nem aí. Gosto de tendência de moda, sim. Isso não me torna fútil. Também sei curtir um bom livro. Mas para a personagem, não tenho vaidade. (AE) - Sair na rua sem maquiagem, de sandália rasteira e vestido praiano faz com que o público te associe à Gabriela? JULIANA PAES - Não sei. As fotos que saíram de mim sem maquiagem em São Raimundo Nonato (Piauí) não foram propositais. Foram fotos de fã, que pararam na internet. Nem tudo o que a gente faz é estratégia. Nenhuma mulher gosta de ser pega do jeito que sai da cama. Mas, se foi bom, que bom (risos). Quando vou para um ambiente no qual haverá imprensa, me arrumo, porque acho que o público quer me ver arrumada. Acho falta de respeito ir a um lugar, tendo sido contratada, e aparecer de qualquer jeito. Não quero parecer desleixada, mas me permito ir ao mercado de cara lavada. (AE) - Quando começou a emagrecer para encarnar Gabriela? JULIANA PAES - Não emagreci na balança, mas enxuguei medidas. Troquei gordura por músculo. Desde dezembro, sabia que começaríamos a gravar no fim de março. Então, deixei crescer a sobrancelha e passei a treinar TRX, princípio parecido com pilates, em que se usa a

força do corpo para se pendurar. Tudo para ficar com a silhueta enxuta e forte, que acho que tem a ver com essa sertaneja, essa mulher que não tem uma magreza esquálida, mas uma magreza de quem pega peso, anda pra caramba. Também tomei muito sol. Meu cabelo já estava comprido e passo longe de manicure há meses. (AE) - Você já disse que evitou ver a novela e o filme com a Sônia Braga e que o livro é “sua bíblia” para esse trabalho. Como então tem estudado para ser Gabriela? JULIANA PAES - Tive aulas de culinária, aprendi a fazer acarajé, moqueca, frigideira de bacalhau, bolinho de estudante, pamonha de milho, tapioca, abará... Também aprendi prosódia, fiz preparação com o coach Sérgio Pena (preparador do Rodrigo Santoro), tive aulas de corpo. Mas é quando você deita em sua cama na hora de dormir, que pensa: “Acho que ela gosta de água gelada.” São pequenos detalhes. A professora de corpo dá dicas, do tipo: “Procure sentir o vento”. E tudo isso vai te inspirando... ESTILO LIVRE

21


turismo_

Vista do interior do Teatro Colón, em Buenos Aires, na Argentina.

Ópera house Por_Bruna Tiussu

(AE) - Saiba onde estão as casas de concerto mais badaladas do planeta: Sidney, Austrália - A arquitetura arrojada da Opera House de Sydney fez com que o prédio, inaugurado em 1973, logo se tornasse símbolo nacional. Mas foi apenas em 2007 que a construção ganhou status de Patrimônio da Unesco. Instalado na baía da cidade, a estrutura formada por um conjunto de conchas brancas que parecem encaixadas chama a atenção de longe. Lá dentro, teatros, estúdios, restaurantes, bares e dois auditórios - o Concert Hall,o maior deles, comporta 2.690 pessoas sentadas. Mais: sydneyoperahouse.com. Buenos Aires, Argentina - O maior teatro de ópera da América Latina voltou à ativa em maio de 2011, após longa reforma que deixou o Teatro Colón fora do circuito artístico da capital portenha por quase cinco anos. Se antes ele já era famoso por sua acústica perfeita, depois da revitalização ganhou novas medições técnicas - e elogios extras. Com plateia em forma de fechadura, possui quase 2.500 assentos. Site: teatrocolon.org.ar. Miami, Estados Unidos - Frank Gehry deu curvas aos jardins, estruturas metálicas que decoram a fachada e também ao interior do New World Symphony. Basta uma voltinha no edifício, instalado em Miami Beach, para se encantar com a atmosfera clean, onde cada espaço

22

ESTILO LIVRE

parece completar o outro naturalmente. Na sala principal, onde as cadeiras se espalham por todos os cantos, facilitando a experiência musical, a parede maior é toda dedicada a projeções. Há ainda 24 salas de ensaio e três de percussão. Site: nws.Edu Reykjavik, Islândia - Composta por mais de mil placas de vidro colorido, a fachada do Harpa Concert Hall - aberto no ano passado na capital Reykjavik - reflete a paisagem ao redor, lembrando um caleidoscópio. Tal ideia foi projetada pelo arquiteto dinamarquês Henning Larsen com a colaboração do artista islandês Olafur Eliasson. O espaço conta com quatro imensas salas de show - a Eldborg é a maior delas, decorada em vermelho e com acústica ideal para concertos que vão do clássico ao rock. Mais: en.harpa.is. Viena, Áustria - O ditado local diz que “música de ouro merece ser apresentada na Sala Dourada”, a principal do Viena Musikverein e lar da Filarmônica de Viena. Em estilo neoclássico, com lindos e rebuscados detalhes, o edifício foi inaugurado em 1870 com a máxima preocupação em oferecer acústica impecável. Tanto que a Sala Dourada, com capacidade para um público de mais de 1.700 pessoas, é retangular, sempre proporcional e com decoração concentrada no teto, garantindo a perfeita reflexão sonora. Site: musikverein.at. ESTILO LIVRE

23


TURISMO_

+gastos Por_EQUIPE ae

Comida será cobrada nos voos da Gol (AE) - E você que tanto reclamou das antigas barrinhas de cereais e dos atuais saquinhos de amendoim. Pois a partir de agora, nem mesmo lanchinhos industrializados serão oferecidos aos passageiros de 180 voos da Gol. A empresa anunciou recentemente o novo modelo de atendimento a bordo nas rotas com duração superior a 1 hora e 15 minutos: a comida será cobrada. O formato vinha sendo testado em alguns dos voos da empresa desde meados de março. O novo cardápio conta com três tipos de sandu-

íches, ao custo de R$ 12 cada. Batatas chips, castanhas e cookies continuam à disposição, por R$ 5 o pacotinho. Cerveja (R$ 5), energético (R$ 15) e uísque (R$ 20) são algumas opções de bebidas. O cafezinho solúvel de 50 ml, item mais em conta do menu, sai por R$ 3. Detalhe: lembre de passar no caixa eletrônico antes de entrar na sala de embarque, porque o pagamento só pode ser feito em dinheiro brasileiro. Mas se quiser apenas um copo d’água, pode guardar as moedas - continua gratuito

você quer uma poltrona menos apertada? (AE) - Já faz pelo menos cinco anos que boa parte das empresas aéreas percebeu a corrida dos passageiros da classe econômica para fazer o check-in o quanto antes e garantir lugar nas poltronas menos apertadas - aquelas que ficam nas primeiras fileiras e junto às saídas de emergência. Resultado: cobrança extra, claro. Entre as principais companhias que operam voos domésticos no Brasil, a TAM cobra a partir de R$ 10, de acordo com a rota, para reservar tais assentos. Nos voos internacionais paga-se, em média, US$ 30 extras para a América do Sul, US$ 50 para a América do Norte e US$ 70 para a Europa. A Azul tem poltronas com mais espaço para as pernas - 86 centímetros, contra 79 dos assentos convencionais - ao custo de R$ 20. A reserva deve ser feita na compra do bi-

24

ESTILO LIVRE

lhete ou no check-in, se ainda houver disponibilidade. Gol, Avianca e Webjet afirmaram não aplicar nenhum tipo de cobrança extra por estes assentos.

ESTILO LIVRE

25


TURISMO_

TURISMO_

Lagoa da Conceição é ponto de passagem em Santa Catarina

Por_Felipe Mortara

(AE) - A comparação pode parecer ingênua, mas se a Ilha de Santa Catarina fosse humana, certamente a Lagoa da Conceição seria um de seus órgãos vitais. Quem sabe até o coração, já que todos passam por ali, seja a caminho das praias ou do centro de Florianópolis. Porém, mais do que um ponto de passagem, a lagoa é um efervescente polo gastronômico e esportivo, que reúne turistas e ‘manezinhos’ - autodenominação carinhosa dos nascidos por lá. Com quase 20 quilômetros quadrados, a Lagoa da Conceição costuma ser dividida em duas partes: a de dentro (ao sul da Ponte da Freguesia), mais residencial, e a de fora, onde está o trecho conhecido como Costa da Lagoa. A área é acessível apenas de barco - que opera como uma linha de ônibus, com pontos de parada - ou por meio de uma trilha bem demarcada de 8 quilômetros, para ser percorrida a pé ou de bicicleta. Além da água mais limpa de toda a lagoa e da área de Mata Atlântica nativa, a região preserva uma atmosfera rústica de vilarejo

pesqueiro, habitado por descendentes dos colonizadores açorianos - que mantêm a tradição preparando peixes e frutos do mar frescos. Desça no ponto 18 para petiscar no Restaurante do Índio (48-3335-3007). A pedida ali é o inesquecível pastelzinho, de camarão ou siri (R$ 3,50 a unidade). Peça uma cerveja e contemple a lagoa, transparente. Claro, pode mergulhar à vontade Guarde apetite para desbravar as delícias do Rancho de Canoa (48-3232-3639), do outro lado da Lagoa da Conceição, no começo do canal da Barra da Lagoa. Com uma vista poética, a difícil escolha fica entre o camarão na moranga (R$ 65, para duas pessoas) e a famosa sequência de camarão (R$ 68, também para dois), com o crustáceo nas versões frita ao alho e óleo, à milanesa, grelhado e no molho do badejo. Depois de tanta comilança, que tal gastar as calorias em uma caminhada? Empresas como a Trilha da Ilha (trilhadailha.com.br) oferecem opções de trekking com a companhia de um guia certificado. O trajeto dura cerca de quatro horas e passa por antigos engenhos de mandioca e mirantes de tirar o fôlego. Os passeios custam R$ 100 por pessoa, incluem almoço e podem ser customizados com viés histórico, biológico ou esportivo, de acordo com o interesse do visitante. Adrenalina - Quebrando o clima plácido e bucólico, a Lagoa da Conceição contempla também os que buscam adrenalina. E o melhor: acessível tanto aos que já praticam como aos que querem aprender esportes aquáticos. Na Avenida das Rendeiras, que margeia a lagoa, há diversas escolas - que também alugam equipamentos.


turismo_ TURISMO_ IMPORTANTE SABER: - Linha Aérea: SP-Calama-SP: a partir de R$ 825 na LAN (lan.com) e R$ 1.094 na TAM (tam.com.br), ambas com conexão em Santiago. Pela - Hotéis: três diárias, por pessoa, em quarto duplo: a partir de US$ 1.490 no Tierra Atacama (tierraatacama.com); US$ 1.932 no Kunza Hotel & Spa (hotelkunza.cl); US$ 1.980 no Explora (explora com/explora-atacama)

Atacama Por_Dennis Fidalgo

(AE) - Aventureiros, fotógrafos, astrônomos, mochileiros. Ou, simplesmente, apaixonados pela natureza. Cercado por montanhas e vulcões, no norte do Chile, o Deserto de Atacama atrai viajantes de diferentes perfis e partes do mundo para observar uma paisagem inóspita, que encanta os olhos e deixa seca a garganta. Não há dúvidas de que estamos em um lugar mágico, onde os espetáculos ocorrem a todo momento: o amanhecer, o voo dos flamingos, os gêiseres, a noite tão estrelada que parece uma pintura. Tamanha beleza tem uma razão científica. Trata-se do mais árido deserto do mundo - por causa da altitude, as correntes marítimas do Pacífico não conseguem chegar à área onde está o deserto. Assim, durante 300 dias por ano, não há nuvens - o que permite que a vista alcance até 400 quilômetros de distância. O clima é extremo, com temperaturas que variam de zero grau, à noite, a 40 graus, durante o dia. Por esse motivo, você precisa redobrar os cuidados com o sol e não esquecer de tomar muita água: estar hidratado é mais do que fundamental. Em um ambiente tão inóspito, não é de se estranhar que cidades por ali sejam raridade. Calama é a maior delas, mas a maior parte dos

28

ESTILO LIVRE

turistas acaba se hospedando em San Pedro de Atacama, vilarejo com pouco mais de 3 mil habitantes. Um oásis alimentado por dois rios a 2.400 metros de altitude, considerado a capital arqueológica chilena, onde repousam dezenas de sítios históricos que guardam os resquícios do domínio inca naquela região. A Rua Caracoles, a principal e mais movimentada via da cidade, é o ponto para quem quer garantir sua cota de souvenirs. Ali estão diversas lojas de artesanato, com trabalhos regionais como agasalhos, gorros e xales (os mais comuns, de lã de ovelha ou lhama), tecidos coloridos, materiais esculpidos em madeira e pedra. Além, claro, de bares e cafés para uma providencial pausa OÁSIS DE LUXO - Mas o que interessa mesmo a quem viajou para tão longe são os passeios - você pode comprar lá mesmo, nas pequenas agências da cidade. Ou, se preferir se hospedar com todo conforto, aproveitar os roteiros oferecidos por hotéis cuja proposta é a total integração com a natureza. Tierra Atacama, Explora e Awasi são veteranos no assunto - recentemente, o Kunza, resort cinco estrelas instalado a dois quilômetros de San Pedro de Atacama, veio se unir a eles.

Seus melhores momentos Eventos I Casamentos I Reuniões Empresariais I Batizados I Aniversários Reserve sua data para confraternização de final de ano. Estrutura completa com Salão Climatizado, Buffet com todos os acessórios e Equipe especializada ESTILO LIVRE

29


gastronomia_

Sabores de Assis Por Marina Pereira Oliveira - Chef do tom

Sou uma assisense de 20 e muitos anos intensamente ligada à comida! Sempre que me lembro de algum fato, esse momento vem acompanhado das lembranças do que já comi... Em comemoração ao aniversário de Assis resolvi preparar para a Estilo Livre deste mês, uma “retrospectiva” gastronômica daquilo que saboreei e ficará na minha memória e, acredito, na de muitos assisenses. Na minha infância me lembro da bengala na casa da minha tia Má. Quase todas as tardes eu buscava a tal bengala na rua Senhorinha de Souza, num bar meio mercearia, do Seu Tomás. Nunca mais senti o cheiro de uma bengala como aquela! Aquele aroma do saco de papel com a bengala é inesquecível! As pizzarias têm um caso de amor com Assis. As que fizeram parte da minha infância: Fornalha, Giovani e Casarão. Cada qual com uma pizza favorita, mas a de camarão do Giovanni tinha um sabor especial. O espaguete à parisiense do restaurante Dona Chica até hoje é lembrado com saliva na boca! Muitas vezes meu pai nos buscava na escola e passávamos por lá para pegar um quentinho! Quando abríamos a embalagem lá estava aquele queijo derretendo, pedindo para ser devorado por aquela fome que só existe depois de uma manhã de aula! Do Tênis, trago na memória as tardes acompanhadas pelas coxinhas de frango e do Diocesano muitos sabores: a pizza na infância, com uns 12 anos o sanduíche “natural” que vinha numa embalagem com a batata palha à parte. Adolescentes, saboreávamos a torta ou o pastelão (uma massa recheada com salsinha no molho). Desse, devo admitir, numa fui muito fã. Mas acredito que era o

mais disputado entre os alunos! Tinha também o “crac” do X miséria (pão com manteiga na chapa) da Pão de Mel que comíamos quando matávamos aula e a Dona Isa saía desesperada nos “resgatando”! Ah! Havia também uma coxinha de carne, vendida clandestinamente pela grade da escola; os meninos adoravam. Não posso esquecer dos chocolates da Renata! Bolachão, trufa de morango, chokito... Naquela época ninguém se preocupava com as calorias! Depois que saía das aulas do período da tarde, era quase lei a torta de frango bem molhadinha que tinha no Kibon City, na Floriano Peixoto. E quem numa comemorou um aniversário se quer com o bolo de chocolate do Van Louren? Aliás, o Van Louren foi o primeiro lugar que fui sem meus pais, à noite, para comer um lanche com uns 12 anos. Lembro muito bem do meu pai tendo um “ataque” de ciúmes! A memória do meu paladar vai longe e não consigo registrar aqui todas as lembranças em detalhes daquilo que hoje não podemos mais apreciar. Mas não posso deixar de citar as carnes do Gaúcha, as massas do Varanda, as delícias da Record congelados, os lanches do Barriga, o sorvete com salada de frutas do Chopão! Graças a essas influências nos dias de hoje posso exercer com orgulho minha profissão! Preciso apenas mencionar mais dois lugares: o Ravenna Grill e o Tom, ambos extensão da minha casa! O Ravenna é da minha madrinha Eliane, com quem aprendi muito do que sei e, principalmente, a amar as panelas e vencer desafios! Já o Tom, meu restaurante, hoje traz um pouquinho de cada sabor do que passou pela minha vida. ESTILO LIVRE

31


receitas_

30g de manteiga 50ml de óleo de canola 20g de miniagrião para finalizar

faça você mesmo

MODO DE PREPARO RAGU: retire o excesso de gordura da rabada e doure-a em uma panela com o óleo quente. Acrescente os legumes e as especiarias e leve-os para suar, sem deixar queimar. Acrescentar o caldo de legumes e o molho de tomate e, depois de ferver, abaixe o fogo e cozinhe até que carne esteja super macia. Desfie a carne e deixe o molho reduzir pela metade. Junte tudo ao final e finalize com a manteiga. Corrija sal e pimenta-do-reino.

RISOTO COM PERA E GORGONZOLA, DO SPADACCINO INGREDIENTES 400g de arroz arbório 2 pêras maduras 150g de queijo gorgonzola 2 colheres de suco de limão 30g de manteiga 1 cebola 3 talos de salsão 250ml de vinho branco seco 1l de caldo de verdura noz moscada e sal a gosto

0,4g de açafrão em pó sal a gosto modo de preparo Refogue a cebola em 20g de manteiga e entre com o arroz. Cuide para não queimá-lo. Refogue até que os grãos estejam translúcidos. Acrescente o vinho branco e deixe o álcool evaporar. Adicione o açafrão em pó. Sem parar de mexer (de preferência com uma colher de pau), acrescente o caldo de legumes aos poucos até que o arroz esteja al dente. Finalize com a manteiga gelada e o parmesão, e mexa fora do fogo até que o arroz esteja cremoso. Corrija o sal. Sirva o risoto em um prato fundo, com o ragú (receita abaixo) no centro e finalize com o agrião ao centro. RAGÚ DE RABADA RISOTO MILANESE, DO LUPÉRCIO INGREDIENTES RISOTO 220g de arroz carnaroli 600ml de caldo de legumes 30g de cebola bem picada 60ml de vinho branco 60g de parmesão ralado 80g de manteiga cortada em cubos

300g de rabada 25g de cenoura descascada e cortada em cubos médios 25g de salsão cortado em cubos médios 25g de cebola cortada em pedaços médios 3 dentes de alho descascados 1/2 unidade de anis estrelado 1/2 unidade de canela em pau 1 unidade de cravo 1 folha de louro alecrim e tomilho a gosto sal e pimenta-do-reino a gosto 400ml de caldo de legumes 200ml de molho de tomate

MODO DE PREPARO RISOTO DE ALCACHOFRA E PUPUNHA, DO COSÌ INGREDIENTES 350g de arroz tipo carnaroli 1 cebola picada 200g de manteiga 150ml de vinho branco 6 alcachofras cozidas picadas 200g de pupunha cozido picado 100g de queijo parmesão ralado 700ml de caldo de frango 1 sachê de açafrão sal a gosto

Corte a pera em cubinhos com a casca, e molhe com o limão recém espremido. Salteie na panela, com a manteiga, o salsão bem picado e a cebola, até amolecê-los. Junte 2/3 da pêra em cubinhos. Junte o arroz e doure-o por 3 minutos, mexendo sempre. Junte o vinho e evapore-o. Coloque uma concha de caldo e mexa até incorporar. Faça o mesmo com uma concha por vez, e repita a cada 15 ou 18 minutos, até que a parte externa do grão fique mole - o centro do grão deve estar ainda resistente. Termine colocando os cubinhos de gorgonzola, e o restante da pêra. Coloque sal se necessário e uma pitada de noz moscada. O tempo de cozimento é de cerca de 25 minutos.

MODO DE PREPARO Refogue a cebola na metade da manteiga, acrescente o arroz, em seguida o vinho e deixe evaporar. Acrescente o caldo quente aos poucos, mexendo sem parar. No final, adicione o açafrão, as alcachofras e o pupunha, e finalize com o restante da manteiga e o queijo ralado, retifique o sal e sirva em seguida.

SERVIÇO Lupércio :: 11. 3062 6644 Così :: 11. 3826 5088 Spadaccino :: 11. 3032 8605


MODA_ com.br/

http://itgrasi.blogspot.

O estilo de Giovanna Ewbank Meninas, além da Giovanna ser uma princesa, eu simplesmente AMO o seu estilo... Super feminina e antenada, ela sempre está bem vestida.

ça l ca a i Me orida col

ias me ok; eu s lo ?A , né mar o a da a l c t r i rec ansfo a cris e s n r e já pre em ra t s.. sem ais pa stão b geiro cinza cala od ide das e stran to da meia do A m são e ri ma s Gos ios ave olo fina ! As c rritór aria? usar u ça ch ível! s e o te oss êu ap ndo am em Voc s qua e ser utro p a d ? e u a rá on !M is n mq s se Ma o uma ela te o ma h a to ten lorid o res o e c ça , deix k loo

Maxi colar: como usar Você já tem seu maxi colar, né? Nem preciso dizer que são lindos e “levantam” qualquer produção... Mas como usar? Primeiro você tem que olhar para o seu colar, como é o formato. Se for arredondado tipo gola, use com blusas em U. Se for em V, use com blusas com decote em V (bom exemplo são as camisas). Evite brincos grandes e se o colar for grandão, reflita sobre a necessidade do uso dos brincos


NOTAS_ 01

Rede TV

NOTAS_ 04

11

Curiosidade

SBT

RENATA MAIS À VONTADE

FEITO CRIANÇA

ELENCO DE “CARROSSEL” TEM ‘EQUIPE DE BABÁS’

As fotos do ensaio sensual de Renata Freitas, repórter do TV Fama, da RedeTV!, entraram no ar no site FaceGirl. A loira posou em uma mansão, em São Paulo.

Juju Salimeni, que faz as reportagens internacionais do “Legendários” (Record), contou à coluna que costuma levar uma mala vazia para fazer compras. “Gosto de trazer botas”, disse ela.

As 17 crianças do elenco de “Carrossel”, que estreou no SBT, têm uma equipe com pedagoga, psicóloga e pediatra que os acompanha para evitar problemas nas gravações. Na apresentação da novela, o diretor Reinaldo Boury disse ter pedido ajuda e que os atores mirins “estão sempre aprontando alguma”.

02

MTV

QUADRO DA INTERNET Tatá Werneck levou uma brincadeira que fazia na Twittcam para o “Trolalá”, novo programa da MTV, ao lado de Paulinho Serra. Na atração, a humorista passará trotes por telefone, assim como fazia em transmissão na internet, em que costumava acordar famosos de madrugada, chamando-os para gravar comerciais.

05

Novela

“A PRÓXIMA VÍTIMA” VOLTARÁ SEM CORTES A novela “A Próxima Vítima” substituirá “Barriga de Aluguel” na programação do canal Viva, às 16h30. Em novembro, a trama policial de Silvio de Abreu, que em 1995 foi ao ar às 21h, voltará à TV sem cortes.

06

Cultura

É RUIM, MAS É BOM Prestes a ficar no comando do “Metrópolis” (TV Cultura), a apresentadora Marina Person conseguiu um espaço na agenda e está tendo aulas de interpretação com o diretor de teatro Antunes Filho.

08

13 Saudades

AMOR À DISTÂNCIA Letícia Wiermann, a filha de José Luiz Datena que se mudou para o Brasil para ser apresentadora do “Repaginada”, da Mix TV, contou à coluna que tem um namorado nos EUA, onde morava, mas que o amado vem à São Paulo com frequência para matar a saudade.

09

Carrossel

MAÍSA SOLTERÍSSIMA Em “Carrossel”, Valéria, a personagem de Maísa Silva, de 9 anos, tem um namorado. A atriz disse que não haverá cenas de beijo. Questionada por jornalistas se tinha um amor, Maisinha entrou na brincadeira. “Estou solteira e sou BV (boca virgem)”, disse.

Bola toda

MAIS PROGRAMA NA MTV

07

Record

Cicarelli mal voltou para a MTV e já está querendo emplacar uma segunda atração no canal. A mineira, que estará no comando do “Provão MTV”, tem tentado negociar com a direção um programa de calouros. O contrato da apresentadora com a emissora vai até março de 2013.

“AQUI, NÃO TEM NINGUÉM VETADO” Prestes a completar um ano à frente do Jornal da Record News, Heródoto Barbeiro se prepara para ancorar a atração ao vivo de Londres, durante os Jogos Olímpicos. O apresentador, que estreou o “Brasil em Discussão”, contou à coluna que não sofre limitações para escolher os temas debatidos na atração.

10

Novidades

DA FOLHINHA PARA A TELA DA TV

03

Globo

DIVIDE OPINIÕES Atores veteranos têm mostrado indignação pelo fato de Ivete Sangalo ter sido escalada para o remake de “Gabriela”. Eles dizem que a cantora está tirando espaço dos colegas. A cantora, porém, já mostrou bom desempenho ao atuar em “As Brasileiras”.

36

ESTILO LIVRE

Luana Domingos é uma das modelos do calendário Sirena que foram para a TV após saírem na folhinha. A moça foi contratada como repórter de entretenimento da RedeTV!. Além dela, na lista estão Carol Belli, a nova panicat, e Ana Rosa Tannus, nova integrante do “Agora É Tarde” (Band).

14

Cinema

BOND SEMINU Naomie Harris, que interpreta uma agente secreta em “Operação Skyfall”, novo filme de 007, contou ter feito uma cena com Daniel Craig, o James Bond, em que ele ficou seminu. “Você é uma garota de sorte”, disse Bérénice Marlohe, a Bond girl do longa.

ESTILO LIVRE

37


estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo look book_ look book_ Andréia veste: roupasstreet Pietra Rara street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo estilo street ese acessórios Lalucci tilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street esA moda street ou modaestilo de rua como já diz o próprio tilo street street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street Andréia veste: termo, é o estilo urbano de se vestir. O conceito começou Andréia veste: roupas e sapato nos anos 70 e continua em alta até hoje. Para dar estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street roupas Donna Mary Carvalho e Andréia veste:estilo street estilo street estilo stresugestões de looks do tipo e homenagear Assis pelo seu Amora & Homem acessórios Sarah roupas Dorzila aniversário de 107 anos, utilizamos as ruas da cidade e acessórios et estilo street estilo street estilo street estilo street estilo estilo street estilo street estilo Porto,street bota como cenário para nosso Look Book deste mês! Lalucci M.Officer e colar Lalucci street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street Andréia veste: O estilo é criado. roupas Maria Mercedesstreet e estilo street estilo estilo street estilo street estilo street estilo street estilo ele street pode estar estilo streóculos Lalucci disponível para o et estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo mundo. street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street Andréia veste: roupas Pietra Rara e acessórios Lalucci estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo Looks: Andréia veste: roupas street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street As roupas e acessórios são das lojas: Donna Amora & Homem, estilo street esNa década passada Antonella, sapato Donna Amora Sapataria, M.Officer, Pietra Rara, Dorzila Mary Carvalho e estilo street estilo Porto, havia essa estilo street tilo street estilo street estiloainda street street estilo street estilo street Antonella, Lalucci, Mary Carvalho, Villa Amore, Carmen acessório Sarah Steffens, Maria Mercedes e Sarah Semi-joias. segregação com estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo streas características próprias de cada et estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo estilo. street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street Camisa Hit estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo streVilla Amore et estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street Galocha estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo Pietra Rara streAnklee Boot Carmen Steffens et estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo ESTILO LIVRE ESTILO LIVRE street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street

estilo street

38

39


estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street look book_ estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street produção artística estilo street estilo street estilo street estilo street Para a produção do Look Book deste mês, a Estilo estilo street estilo street estilo street estilo street Livre contou com o apoio da equipe do salão MAC Coiffer, de Marcos Conde, com as fotos da fotógrafa estilo street estilo street estilo street estilo Lella Sodré, e com os registros em vídeostreet da Arévalo Produções, de Carlos Arévalo. estilo street estilo street estilo street estilo street Andréia roupas e estilo street estiloveste: street estilo street estilo street sapatos Mary Carvalho e estilo street estilo street estilo street estilo street acessórios Sarah estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo Comstreet estilo street estilo street estilo a velocidade das Andréia veste: informações, asstreet novidades Ruas de Assis street estilo estilo street estilo street estiroupas e bota chegam e são absorvidas M.Officer e servem de cenário instantaneamente e inseridas acessórioseslo street estilo estilo street para mostrar as no estilo de se vestir street estilo street Lalucci novas tendências tilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estiCamisa Hit Villa Amore lo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo street estilo stre

ESTILO LIVRE

41


MEIO AMBIENTE_

O sonho de um mundo sem lixo é possível Por_Fátima C. Cardoso

(AE) - É possível produzir, consumir e reciclar produtos sem jogar nada fora. O exemplo de algumas empresas vem mostrando ser viável alcançar a meta de lixo zero. Não se trata apenas de reciclar, mas de eliminar a própria noção de lixo e de mudar radicalmente o modelo de produção. Tudo o que é produzido e não mais utilizado se transforma em algo novo. Na verdade, as empresas buscam copiar a natureza, onde os detritos de um organismo se tornam alimento para outro. A reciclagem começou a se disseminar globalmente nos anos 1990. O Compromisso Empresarial para Reciclagem (Cempre), associação que se dedica à promoção da reciclagem, surgiu no Brasil em 1992. Mantido por empresas privadas de diversos setores, a organização desenvolve há 20 anos programas de conscientização dirigidos principalmente para formadores de opinião, tais como prefeitos, diretores de empresas, acadêmicos e organizações não-governamentais (ONG’s). Mais recentemente, porém, ganhou força a noção de lixo zero. O reuso dos resíduos tornase uma necessidade num contexto de aumento de preços das matérias-primas e de alto custo de disposição das sobras do consumo e da produção. Descartar lixo em aterros está ficando cada vez mais caro, quando não proibido, e os riscos de contaminação do produto descartado afetam a gestão das empresas. Ao mesmo tempo, ao longo do tempo, a reciclagem mostrou sua viabilidade econômica. Milhares de novos negócios do “lixo” surgiram em todo o mundo. Nos EUA, o negócio da reciclagem fatura mais de US$ 240 bi por ano e emprega mais de 1 milhão de pessoas. Diante desse cenário, empresas começam a estabelecer metas de lixo zero, entre elas a General Motors, a Walmart e a Procter & Gamble. Algumas já começam a mostrar que é possível. A unidade de construção civil da Dupont chegou

42

ESTILO LIVRE

lá. Em 2008 a empresa mandou 36 mil toneladas de resíduos para aterros. Em 2012, eliminou todo o seu lixo. Outro exemplo é o da Kraft Foods, multinacional do setor de alimentos, que em fevereiro anunciou lixo zero em 36 de suas unidades industriais em todo o mundo. A empresa tem unidades em 13 países e produz de chicletes a queijos. Das 36 fábricas que não enviam mais lixo para aterros, 12 estão nos EUA e 24 na Europa. Como essas empresas conseguiram a façanha? O primeiro passo foi analisar detalhadamente o que estava sendo jogado fora. A Dupont fez um inventário nas suas 15 unidades produtoras em todo o mundo, algumas delas terceirizadas. Depois foram pensados usos para os principais materiais descartados. Um dos principais resíduos do processo produtivo eram restos de Corian - resina usada para pias, mesas, bancas etc. A empresa passou a transformar esses restos em cascalhos, que são vendidos para jardinagem e revestimentos. O segundo passo fundamental é o estabelecimento de metas ousadas, mas viáveis. Em 2005, a Kraft se colocou o objetivo de cortar a geração de resíduos em 15% até 2010. A empresa superou em muito essa meta, diminuindo o lixo em 42% no período. No ano passado, outra vez, a empresa estabeleceu a meta de corte de 15% nos resíduos para os próximos cinco anos. A redução é contabilizada sobre as toneladas de lixo produzidas em relação à quantidade de produtos fabricados. As estratégias principais usadas pela Kraft são reciclar ou reusar quase 90% de resíduos manufaturados e utilizar subprodutos para a geração de energia. ESTILO LIVRE

43


Vignato

lançamento_

2

1

4 3

5

aárias da Vign - As propriet O IL T S E M ADE CO do dia 15 de EXCLUSIVID ntes, na noite ie cl e os ig ceberam am o lançamento to Boutique re alizado para re el et qu co ada requintado capa estamp maio, em um , que teve sua ês m e st de os stilo Livre ito agradável, da Revista E ma noite mu u m E . ja lo e vestido da ção, degustar pela modelo ltado da produ su re a r ri fe n uderam co doces impecáconvidados p go Moraes, os ri od R de s . finger food Kopenhagem as deliciosas sos martin da ro u m lo g os a Doces e veis da Cecic e - Gisele aine - Gislen el D - Elza e n li A 01 ne - Leonice ai el D on d el atalia - Sh 02 - Éllen - N - Mayra Roseli - Laisa e n ai el D 03 e eltrão - Josian 04 - Helena B abiane 05 - Cirilo - F - Ana Lucia 06 - Simone iela - Éllen Simone - Dan e n le is M 07 - Tatiana Paula Camila - Ana ia d u la C 08 Leonardo 09 - Thalita a - Carolina ayra - Marin M en ll É 0 1 ho - Gabriela - Giane Godin i an D re d 11 - Alexan ice - Leandro aphael - Leon P s ai h T 2 1 - Leandro 13 - Natália cia - Victória - Bete - Patrí a an M a n A 14 - Rudy via 15 - Inês - Sil - Rogério 16 - Josiane 17 - Éllen aniela - Lara - Tatiana - D es rd ou L 8 1 6 a elena - Fátim 19 - Maria H

®

Boutique

10 11

14 13

12

18

9

44

8

ESTILO LIVRE

7

15

16

WWW.VIGNATOBOUTIQUE.COM.BR

17

:: AV. OTTO RIBEIRO, 2000 - F.: 18 3323.1458

19

ESTILO LIVRE

45


viagens_ assis_

Imagine reunir um grupo de amigos e percorrer as maravilhosas praias do litoral Cearense até São Luis do Maranhão. O Cirurgião Dentista Tony Braga se atirou nesta viagem e conta em um breve roteiro as aventuras vividas em 10 dias.

Cicloturismo Por_equipe EL

Diário de viagem - “Partimos de Fortaleza pedalando rumo às praias do litoral norte Cearense. Pelo caminho, longas faixas de areia molhada refletiam o céu como um espelho. O visual frequentemente mudava quando nos deparávamos com enormes torres de turbinas eólicas, abundantes por lá, onde o vento sopra forte e constante. Um dos pontos altos da viagem foi o Parque Nacional de Jericoacoara, onde fica a impressionante formação da Pedra Furada, o marco natural mais famoso do estado do Ceará. O local é tão mágico que decidimos ficar mais um dia para recuperar as energias,

nadar, tomar água de coco, sorvetes artesanais e apreciar o por do sol do alto de uma enorme duna. Deixamos o Ceará rumo ao Piauí, estado que possui o menor litoral do país, apenas 66 km; a maior parte preservada e exclusiva dos “bikers”, considerando que os roteiros de 4x4 estão proibidos nessa faixa do litoral. Embarcamos as bikes em uma pequena chalana e partimos rumo ao Delta do Parnaíba. Depois passamos pelos Pequenos Lençóis Maranhenses, uma travessia difícil, já que nesta viagem não tínhamos carro de apoio e cada um levava seus pertences na própria bike; mas a beleza natural do lugar compensou todo o esforço. Mais alguns trechos e chegamos em Barreirinhas, entrada dos Grandes Lençóis Maranhenses, onde nos deparamos com uma imensidão de areia e algumas lagoas de beleza indescritível. Agora restava chegar a São Luiz do Maranhão, 321 km de estrada de asfalto, que foram vencidos em dois dias. Retornamos então para casa trazendo conosco a sensação maravilhosa da concretização de um sonho difícil de ser realizado”.


DECORAÇÃO_

Projetos misturam austeridade e fantasia Ninguém,anãoserele,seria capazdeconceberumprojeto noqualrealidadeefazdeconta semisturamcomtamanha propriedade.Emmeioa tantoscontrastesetãoaltas dosesdesurrealismo”ressal , ta BernadetteChevalier. Por_Marcelo Lima

(AE) - Esqueça por algum tempo as revistas e os sites especializados. Não que ele não esteja por lá, mas, para melhor conhecer o universo onírico do reservado +9-, as senhas costumam ser outras. Experimente, por exemplo, revisitar as telas do também belga René Magritte. Passar em revista os ready-made de Marcel Duchamp ou conferir os insólitos cenários desenhados pelo americano Robert Wilson. Entre a arte e a realidade: é ali que se situam os interiores criados pelo mais vanguardista dos estilistas belgas. Fundada na década de 80, sua grife de moda foi uma das primeiras a aplicar o conceito de desconstrução, então em alta na arquitetura, ao domínio das roupas e acessórios. De criação mais recente, datam da última década os primeiros experimentos da Maison Martin Margiela (MMM) com o design, envolvendo as áreas de interiores e mobiliário. Como ponto de partida, a icônica sede da maison, em Paris, que teve seus elementos arquitetônicos reproduzidos nos showrooms das marca pelo mundo, despertando a atenção de clientes

48

ESTILO LIVRE

aison

artin

argiela

fascinados por suas paredes cobertas com trompe-l’oeils, impressões em tamanho real capazes de revelar todos os detalhes construtivos do estúdio do designer. Mas não somente. Ao lado de tão idílico cenário, uma profusão de personagens inusitados também já se insinuava. Em sua maioria, objetos construídos com material descartado, como calendários de algodão, luminárias feitas com garrafas vazias, candelabros de velas derretidas, abajures e canetas de penas, mas que, rapidamente, caíram no gosto da seleta clientela do estilista, a ponto de demandar a criação de uma unidade específica voltada para sua produção em pequenas séries. Nascia, assim, a divisão home da maison. “Eram anos de um minimalismo exacerbado e de uma ausência total de conteúdo. Para nossos clientes, aqueles objetos não eram apenas decorativos, mas representavam a possibilidade de resgatar a dimensão existencial do espaço doméstico”, explica o argentino Eduardo Dente, diretor criativo da MMM e uma espécie de portavoz do designer belga. ESTILO LIVRE

49


design_

Tecnologia e trabalho manual nas obras de Patricia Urquiola Por_Marcelo Lima

(AE) - Ainda que obtidos por meio de tecnologias complexas, eles preservam a espontaneidade do objeto artesanal. Mais afáveis, envolventes e aparentemente mais confortáveis que tudo o que se convencionou chamar design, aos olhos de consumidores de todo o mundo eles estão também entre os mais desejados. São móveis, luminárias, cerâmicas e até jogos de chá que partilham uma identidade comum. Além de uma mesma assinatura: a da espanhola Patricia Urquiola. “Nunca foi meu objetivo gerar conflitos ou parecer provocativa. Tudo o que pretendo oferecer são produtos capazes de se moldar a seus usuários, despertando neles o prazer de usar as coisas”, afirmou a designer, durante visita relâmpago a São Paulo, para participar de um encontro com profissionais na loja Atrium, com patrocínio da B&B Itália. Com uma lista estrelada de clientes que inclui, além da B&B, empresas de ponta como Moroso e Kartell - para citar apenas algumas delas -, é de seu escritório que saem alguns dos lançamentos mais aguardados do Salão do Móvel de Milão. “Em seus trabalhos, Patricia consegue gerar uma atmosfera e isso transparece aos olhos do público. Suas criações falam de questões amplas, das quais ela procura controlar cada detalhe, exercendo seu talento criativo com paixão e poder de síntese. Tecnologia e trabalho manual”, declarou certa vez a crítica de design italiana

Cristina Morozzi, ao discutir a grande receptividade alcançada pela produção da espanhola. Fiel discípula do mestre italiano do design Achille Castiglioni - com quem aprendeu a ficar atenta a tudo -, Patricia parece mesmo acreditar que é pelos detalhes que se chega ao cerne das questões. Trabalhando com a meticulosidade de um artesão - e não raras vezes como uma bordadeira - ela busca no universo artesanal combustível para alimentar suas criações na grande indústria. Foi ela, aliás, uma das primeiras a introduzir (AE) - Elas já foram flores comuns nos jardins elementos como costura, bordado, crochê e tricô brasileiros, mas, quem sabe por sua fragilidade, ao universo do design, o que acabou por moti-foram espaço outras“Não plantas até quase var aperdendo reação dos maispara puristas. concordo. não mais serem vistas. Mas a delicada beleza das Penso que Patricia resgatou essas habilidades, dálias parece estar recuperando seu espaço se mas não de forma redundante, ou como um não nos jardins de fato, ao menos decoração. toque feminino banal, e sim na para empregá-las É verdade que elas não são facilmente enconem suas criações de maneira concisa e pertinentradas, como rosas, gérberas e, mais recentemente, te. Na minha opinião, tratam-se de intervenções orquídeas, mas valem uma passada na feira de extremamente válidas”, rebate Cristina. flores da Ceagesp, às terças e sextas-feiras. “Me interesso sobretudo pelo desenho Lá, dasos dedicados produtores da Grande São Paulo exibem superfícies, que vejo como a pele dos objetos. suas dálias de cores mescladas com Gosto da ideia de irvivas, além algumas da bidimensionalidade, branco, ou muito suaves, como um leve champa-a invadindo os domínios da escultura”, declara nhe, mas logo avisam: elas não duram muito. E designer, ao justificar sua abordagem mais rica, quem se importa? O que vale é a ocasião as mães complexa e, por que não, ornamental de seu não vão reclamar se receberem um arranjo tão design. “Os materiais de que dispomos viabilidelicado no próximo dia 13. zam a produção de objetos menos banais e mais “A gente escolhe daquelenão dia, inquietantes. Acho flor quepela essaemoção oportunidade não por quanto tempo ela vai durar em casa”, diz pode ser desperdiçada.” ESTILO LIVRE

51


tecnologia_

Luz do sol (AE) - Em 2009, a Samsung lançou um celular movido a energia solar, com foco no mercado do Nordeste. Mas o Solar Crest vendeu pouco e foi descontinuado. O recurso era pouco usado; o consumidor carregava o celular na tomada. Compreensível: uma hora de carregamento solar permitia apenas 10 minutos de conversa. “A eficiência é um grande desafio”, diz Hamilton Yoshida, diretor de marketing integrado da Samsung. “Às vezes, vale mais buscar outras tecnologias para ajudar o meio ambiente.” O episódio é simbólico dos percalços enfrentados pela energia solar para ganhar relevância em um dos países mais ensolarados do mundo. Em termos de preço e praticidade, ela ainda não é competitiva. Mesmo em locais no Brasil onde o megawatt (MW) solar custa menos que o megawatt “tradicional”, o custo mínimo de um sistema de painéis solares (no mínimo, R$ 10 mil) torna o investimento caro. “Ainda estamos defasados”, diz Osvaldo Soliano, engenheiro e diretor do Centro Brasileiro de Energia e Mudanças Climáticas. “Não podemos assistir

52

ESTILO LIVRE

gando carre

...

a outros países dominarem a técnica e ficarmos como meros usuários.” Defasagem em energia solar pode ser mais sério do que parece. Entre as fontes alternativas (vento, biomassa, etc.), a solar é considerada a melhor opção. “Uma hora de energia solar atingindo nosso planeta contém mais energia que toda a humanidade usa em um ano”, escreveu o geógrafo e professor da Universida da Califórnia, Laurence C. Smith, em seu livro de previsões “O Mundo em 2050” (Ed. Campus, 2011). “O sol nos oferece, em princípio, mais energia limpa e inesgotável do que jamais poderemos usar.” A sensação de modismo sem utilidade real ainda ronda boa parte dos produtos eletrônicos “solares”. Na Consumer Electronic Show deste ano, maior feira de eletrônicos do mundo, havia de docks de som a tablet solares. Muitos de eficiência discutível. Para Rodrigues, tudo isso tem um propósito maior: “criar familiaridade”. “É muito relevante para as pessoas sacarem que funciona. Vale a pena mostrar que existe, que é possível. Estamos todos em fase de aprendizado.” ESTILO LIVRE

53


tecnologia_

O Cinemagram e a foto que se move (AE) - Faça imagens com um celular, insira filtros para dar um tom cool e espalhe sua arte aos amigos nas redes sociais. Instagram? Não para Temo Chalasani e Nikoo Asadi, responsáveis pelo aplicativo Cinemagram. Os dois engenheiros do Canadá enxergaram uma fórmula do sucesso no app e, a partir dela, criaram um projeto próprio para buscar popularidade semelhante à do “gram” original - que vem de telegrama. O Cinemagram aposta em fotos animadas como diferencial. São os chamados gifs animados. Em vez de clicar um retrato, o usuário grava um vídeo de três segundos e seleciona qual parte do enquadramento continuará se movendo na imagem, enquanto o resto se comporta feito fotografia estática. O resultado é uma foto que se move. Imagine os olhos de uma pintura que vão de um lado a outro quando uma pessoa anda pelo corredor. É assim com o Cinemagram.

as revoluções provocadas pelo 4g internet (AE) - Começou a corrida pelo 4G no Brasil. A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicou o edital para a licitação da rede de internet móvel da chamada quarta geração da telefonia (4G) que é até dez vezes mais rápida do que as tecnologias 3G usadas em smartphones e tablets hoje. As operadoras de celular terão até a primeira

54

ESTILO LIVRE

tecnologia_ semana de junho para elaborar propostas para o leilão e, caso vençam, precisarão cumprir exigências para construir a infraestrutura necessária no prazo exigido. O plano é que tudo esteja funcionando até abril de 2013, dois meses antes da Copa das Confederações.

crimes virtuais segurança (AE) - Mais uma sigla surgiu para preocupar a internet. Depois de Sopa, Pipa e Acta, agora é vez da Cispa suscitar protestos na rede. O Cyber Intelligence Sharing and Protection Act (Lei de Proteção e Compartilhamento de Inteligência Cibernética) - ou Cispa - é um projeto de lei que dispõe sobre o “compartilhamento de informações e inteligência sobre segurança digital” e que está em trâmite na Câmara dos Deputados dos Estados Unidos desde o fim do ano passado, ainda sem data para ser votado. A proposta pretende melhorar o poder dos EUA para combater crimes e ataques virtuais, promovendo e incentivando a troca de informações entre governo federal, agências de segurança e empresas privadas. Ficaria, assim, permitido que provedores de internet, redes sociais e qualquer outra entidade privada repassassem (e trocassem entre si) informações “a respeito de ciberameaças” para o governo ou qualquer ordem judicial. E que o governo faça o mesmo, compartilhando com empresas as pistas sobre possíveis ataques.

Cispa é a nova lei que está em estudo

“Preferimos piratear os piratas”, afirma diretor da Rovio Por_Marcelo Lima

(AE) - No maior evento de celular do mundo, o Mobile World Congress, o traje típico é terno, camisa e gravata. Em meio à mesmice, salta aos olhos uma figura de moletom vermelho e passo acelerado. É um dos homens por trás de uma das marcas digitais mais valiosas: Peter Vesterbacka, diretor de marketing da Rovio, empresa finlandesa que criou o Angry Birds. A empresa acaba de conseguir mais um hit: o novo jogo Angry Birds Space foi baixado 10 milhões de vezes em três dias. O título que deu origem à série já supera 700 milhões. Vesterbacka conversou com a reportagem sobre os conceitos pouco convencionais da Rovio. (AE) - O segredo do sucesso do Angry Birds é a simplicidade? - Com certeza, é muito acessível. Mas não é só isso: ele é um dos primeiros games projetados para a tela de toque. Outra coisa é nosso respeito pelos fãs. Não vamos fazer um refrigerante Angry Birds só para ganhar dinheiro. Tem de ter algum significado. Como no caso do game Angry Birds Rio: deu certo não porque é uma promoção bem amarrada, mas porque é um jogo ótimo. (AE) - Vocês testam produtos com o público? - Nunca. Não usamos nem grupos de acompanhamento. Testamos tudo internamente, lançamos jogos que gostamos de jogar. Testes com o público são coisa de Hollywood, e quando você tenta agradar a todo mundo, corre o risco de não agradar a ninguém. (AE) - Como está a produção do filme do Angry Birds? - Estamos trabalhando nisso, mas fazer um filme demora. Compramos um estúdio de

animação no ano passado, em Helsinque, mas queremos ter outros. Fizemos alguns curtas que serão exibidos por streaming em um canal especial do Angry Birds que virá em novos modelos de televisões da Samsung neste ano. (AE) - Há pedidos de licenciamento estranhos? - Vem todo tipo de coisa. Falamos “não” a toda hora. O que é interessante é que, por exemplo, eu estava na China e somos hoje a marca mais copiada naquele país, mais que Disney, mais que Hello Kitty. Dois anos antes, não éramos nada lá. (AE) - A Disney costuma ser dura com quem pirateia os produtos dela. Mas vocês não. A Disney tem algo a aprender? - Se você for à China, vai encontrar milhões de cópias de produtos da Disney. Preferimos piratear os piratas. Os fãs chineses compram o produto autêntico porque gostam da nossa abordagem. Em vez de lutar na Justiça, tentamos oferecer um serviço melhor. Preferimos gastar energia nisso. E é um mau negócio processar seus clientes. (AE) - A pirataria ajuda a Rovio? - Claro, a pirataria indica o quanto somos amados por lá. Sabemos que há demanda. Não precisamos de pesquisa de mercado. Basta andar pelas ruas de Xangai e Pequim. E agora estamos construindo lojas próprias. (AE) - Qual é o plano para 2012? - Cinco jogos novos, incluindo Angry Birds Space. E teremos um jogo novo, que não tem nada a ver com Angry Birds. Será uma franquia totalmente nova, novos personagens, um jogo acessível, mas não posso dizer o nome ainda.

ESTILO LIVRE

55


automóveis_ Por_ae

(AE) - A Pro Tork, fabricante paranaense de motopeças, anunciou que vai fazer motocicletas no País. Inicialmente serão lançados três modelos com motores de baixa cilindrada: duas motonetas, Fly 50 e Fly 100, e um triciclo de carga para uso rural, o HD 200, que leva até 300 kg. Segundo informações da empresa, com exceção do motor, todas as peças serão feitas na fábrica de Siqueira Campos, no Paraná. O investimento na produção foi de R$ 50 milhões. Ainda de acordo com a Pro Tork, as modelos podem ser encontrados em lojas especializadas a R$ 4.300 (Fly 50), R$ 5.900 (Fly 100) e R$ 10.800 (HD 200). A nova unidade fabril ocupa uma área de 6 mil m2 e tem capacidade para produzir 400 motocicletas por dia. Além de atender o mercado interno, a empresa pretende exportar motos para países da América do Sul. Mini motos - Com os novos modelos, a Pro Tork dá sequência à produção iniciada com a oferta de mini motos. A empresa já fazia a “mini off- road” TR 50, por R$ 3.500 e a TR 100, tabelada a R$ 3.990.

Pro Tork vai lançar três modelos no Brasil novidade!

IX 35: versões a gasolina por R$ 3 mil abaixo das biocombustíveis Por_Tiao Oliveira

(AE) - As autorizadas Hyundai da capital já estão oferecendo as versões bicombustíveis do ix35. Com o motor de até 178 cv, o utilitário-esportivo sul-coreano parte de R$ 88 mil, no caso das opções

com câmbio manual, e de R$ 93 mil nas com transmissão automática. A de topo, que traz itens como navegador GPS e câmera de auxílio a marcha a ré, sai por R$ 109 mil. A boa notícia é que as últimas unidades com mesmo propulsor 2.0, mas só a gasolina, que gera 166 cv, podem ser encontradas por preços em torno de R$ 3 mil abaixo dos das flexíveis. Nas autorizadas, os valores sugeridos vão de R$ 85 mil (manual) a R$ 90 mil (automática).


automóveis_

automóveis_

+MÁQUINAS

Volkswagen inova na amarok e sai na frente

Por_EQUIPE ae

Nissan Frontier ganha novo visual Uma das novidades da linha 2013 da Nissan Frontier, a opção Attack, que surgiu como série especial, volta no papel de versão. Tabelada a R$ 127.490, a picape traz itens que a deixaram com visual mais robusto, motor 2.5 turbodiesel de 190 cv e, na versão avaliada, câmbio automático. No site da fabricante há anúncio oferecendo o modelo pelo preço promocional de R$ 120.490.

JAC J3 - Lançado no Brasil há um ano, o JAC J3 surgirá reestilizado no Salão de Pequim, na China. O carro está 3,5 centímetros mais longo, totalizando 4,2 metros de comprimento. O entre-eixos cresceu 10 milímetros e agora soma bons 2,41 metros, de acordo com informações divulgadas no site China Car Times.

Volkswagen Amarok - A Volkswagen começou a vender no País a Amarok com câmbio automático. A novidade corrige com louvor o maior defeito da picape: não havia opção de transmissão sem pedal de embreagem. A transmissão será oferecida na configuração de topo, com motor diesel biturbo e tração 4x4, com caixa de oito marchas (inédita no segmento), cuja tabela parte de R$ 135.990.

Bravo 2013 começa a ser vendido Logan: agora com novo câmbio

58

ESTILO LIVRE

eu quero! (AE) - Renault Logan - A versão automática, tabelada a R$ 41.950, é o carro perfeito, desde que seu motorista não seja um entusiasta dos automóveis. O modelo é espaçoso, confortável, bem equipado, tem um porta-malas bem grande, de 510 litros, e ganha toda a comodidade na cidade que só uma transmissão automática é capaz de proporcionar. O câmbio automático do Logan é do tipo auto-adaptativo, que avalia a marcha mais adequada para cada situação.

novidade! Fiat Bravo - Foi iniciada a venda da linha 2013 do carro, que traz mais equipamentos. Entre eles estão volante revestido de couro, maçanetas cromadas, porta-copos refrigerado e som com telecomando no volante. A novidade mais importante foi feita no câmbio automatizado, que passa a se chamar Dualogic Plus. Um ajuste no sistema eletrônico mudou a forma de atuação da caixa, cujo comportamento ficou mais parecido com o de um automático convencional.

ESTILO LIVRE

59


vitrine_

gastronomia_

+estilo & você 2

Da Itália para Assis

33

1

4

1 - Catharine - Juliana 2 - Hugo - Michely 3 - Fernando - César 5

4 - Marta - Mário Nunes 5 - Naiara - Arruda 6 - Walter - Elzimar

60

ESTILO LIVRE

Em uma deliciosa viagem à Itália, a empresária Cristiane Maria de Oliveira, à frente do Bella Itália Ristorante, participou de uma verdadeira viagem gastronômica recheada de novidades que vão muito além do apreço pela culinária Italiana. Uma verdadeira mistura de emoções e aprendizado para selecionar os melhores ingredientes que compõem o cardápio do restaurante. “Respeitando a gastronomia italiana escolhemos os melhores fornecedores e ingredientes, cumprimos a receita mantendo os procedimentos como os nonos da Itália, e trabalhamos com satisfação verdadeira no intuito de atendermos nossos clientes com muito conforto e, claro, sabor inigualável”, comenta Cris em entrevista à Estilo Livre. Durante a viagem, Cris participou, na região de Marche, na cidade de Castelraimondo, do Corso di Italiano, o que permitiu uma comunicação mais integrada com os italianos. Uma convivência ao longo de 30 dias que propiciou um trabalho, além do idioma, com

contato direto com os costumes, gastronomia regional e história propriamente dita, e o principal: GASTRONOMIA. Aplicando isto a nossa cidade o Bella Itália Ristorante serve o que há de mais tradicional na Culinária Italiana. “Em nosso restaurante servimos gnochi, lasagna, papardelli, fettuccine, penne, spaghetti, pizza, pão italiano, filetto de manzo, salmão e filetto a parmegiana”, ressalta Cristiane. “Tudo isso dentro da verdadeira tradição italiana, harmonizando com vinhos do velho e novo mundo”, finaliza.

Bella Itália RISTORANTE E EVENTOS Avenida Walter Antônio Fontana, 33 - Assis-SP Terça a domingo :: 18h às 0h Quinta-feira :: Rodízio de pasta e pizza Sábado/Domingo e Feriado :: Almoço - 12h às 15h

ESTILO LIVRE 6

61


vitrine_

vitrine_

1

1

2 2

4 4

3

5

3 5 6

6

1 - Jéssica - Guilherme

1 - Janaína - Amanda

2 - Marcos - Lincoln - Laís 3 - Fernando Longo 4 - Patrícia - Ricardo 7

5 - Miguel - Eduardo - João 6 - Cris - Marcos - Tuffi 7 - Marcelo - Juliana - Licinha - Marcos

62

ESTILO LIVRE

7

2 - Fernanda - Jamil - Janaína 3 - Ronaldo - Daniele - Tiago 4 - Daniel - Janaína 5 - Aline - Nádia Mendes 6 - JÚlio - Anie 7 - Márcia - Marcela - Rafael

ESTILO LIVRE

63


vitrine_

1

&THIAGO

2

3

+THAEME

destaque_

4

Com abertura do cantor assisensse Pedro Resende, aconteceu no dia 10 de maio, no Clube da Terceira Idade de Assis, o show de Thaeme & Thiago. Parabéns à organização pelo sucesso do evento.

5

6

7

8

1 - Cláudia - João AntÔnio Binato 2 - Fabiane - Mauro 3 - Thiago - Juliana 4 - Silmara - Max 5 - Larissa - Eduardo 6 - João Sanfelice - Magi 7 - Luciana - Alessandro 8 - Dra. Malu - Daniel Israel Dr. Emil Razuk


vitrine_

vitrine_

2

1

1

2

1 - Ana Paula - Fátima - Thiago 2 - Vítor Lopes - Paulo Victor 3 - João Guilherme e César 4 - Marisa Fiori - Caio Bras 5 - Matheus - Gustavo - Sérgio 6 - Paula Ramos

1 - Ana Castilho - Valéria Lima - Luciana Possolito 2 - Eduardo - Marina - Osmar 3 - Julio - Anie 4 - Guina - Vanessa

3

4 3

4

5

6

66

ESTILO LIVRE

ESTILO LIVRE

67


Sofá Carmen Steffens

Boutique

Diana - Realmente exige muitas responsabilidades e acaba sendo um trabalho extressante, mas eu gosto do que faço e faço com amor. Eu já me acostumei com o dia a dia de banco, a correria, e gosto muito de trabalhar no BMB, que é um banco familiar. Trabalho há 9 anos, e desde então, percebo que o banco cresce muito a cada ano que passa, conquistando seu lugar no mercado financeiro com grande prestígio e liquidez.

®

Clelia - Trabalhar no Mercantil do Brasil, pra mim, é uma honra. Gosto muito do que faço e procuro fazer da melhor forma possível, afinal, já são vinte e poucos anos...

Vignato

Nome: Diana Cristina Pereira Paitl Natural de: Assis/SP Mora em Assis desde: meus 15 anos. Nascida em: 11/03/1982 Signo: peixes Hobbie: botas Frase preferida: “o que Deus uniu, o homem não separa, jamais”

tina familiar, exercem um cargo que exige muita responsabilidade. Contem como é trabalhar no Banco Mercantil do Brasil?

as modelos vestem

Nome: Clelia Mafra Natural de: Jaú Mora em Assis desde: 1975 Nascida em: 09/07/1970 Signo: câncer Hobbie: decoração Frase preferida: o bom êxito te mantém brilhante, mas só Deus te mantém caminhando...

Diana, sabemos que seu marido viaja pelo Brasil afora, sendo empresário de rodeios, você o acompanha? Gosta das festas de peão como ele? Sabemos que trabalham juntas, e que fora do trabalho são amigas inseparáveis... Como é o dia a dia de vocês? A convivência diária atrapalha a amizade? Clelia - O nosso dia a dia é muito bom, tanto na amizade como no trabalho, pois dividimos muito, nos ajudamos e sabemos que se pode confiar uma na outra. Não deixamos nada atrapalhar nossa amizade, nem mesmo os desgastes da rotina. Diana - Olha, nosso dia a dia no banco é muito corrido e tumultuado, e às vezes, acontece de termos opiniões diferentes, mas nada que não resolva no trabalho mesmo, o que nos torna ainda mais companheiras e amigas. Descrevam as qualidades uma da outra e digam no que mais se identificam? Clelia - As qualidades da diana são muitas, mas uma das principais é a dedicação na amizade. Ela não mede esforços pra isso; tem um coração como poucas. Diana - A Clelia possui muitas qualidades. Tem um grande coração, mas a que mais se destaca é ser uma excelente mãe e avó. Ela faz de tudo pelas suas filhas e netos; isso é muito bonito. Vocês são mulheres determinadas, que fora a ro-

68

Diana - Acompanho sim, costumo ir com ele em quase todas as festas e curto bastante. Me orgulho do que faz. Ele domina esse assunto “rodeio”.... além de ser um empresário no ramo, se tornou um dos maiores comentaristas que o Brasil possui... Clelia, sabemos que tem duas filhas, uma já casada, e a outra que vai estudar fora. Além disso, já é avó também. O que a família representa na sua vida e como faz para ficar sempre jovem? Clelia - A família na minha vida é tudo! É meu porto seguro, é o que me faz viver cada vez mais com alegria e vontade...meu marido (Paulo Brindart) e minhas filhas ( Ge e Dani), são pessoas maravilhosas e companheiras, o qual sinto maior orgulho em ter ao meu lado.Meus netos então, nem se fala. Só quem é avó sabe o que significa. Sabe o tamanho do amor! Agora, ficar sempre jovem...rs...acho que o amor na vida te faz viver sempre bem e tenho isso de sobra...

Paitl a r i e r e tina P s i r C Diana

Diana - Olha, lembro-me da primeira vez que comprei na Carmen, quando a loja ainda era no Shopping; estava indo tomar um café à tarde e quando passei, olhei para vitrine!!! Adivinha???? Lá estava ela, uma bota maravilhosa, marrom e dourada !!! Depois disso virei cliente fiel, rsrsrs. O que é para você estar no sofá da Carmen Steffens ?

Como surgiu o amor pela Carmen Steffens? Clelia - Foi uma honra pra mim, uma tarde

Clelia Mafra

muito gostosa. E até inexplicável falar o que senti, pois Carol, Fran, Cris e Delaine são pessoas maravilhosas, carinhosas e muito atenciosas, e estar no sofá da Carmen é tudo de bom! Diana - É uma honra poder falar dessa marca, conhecida dentro e fora do Brasil, com variedades lindíssimas, e claro, não posso deixar de falar do excelente atendimento das meninas da loja: Cris, Carol e Fran, comandadas pela grande empresária Delaine. Sinto-me muito à vontade sempre que apareço por lá...

Clelia - Ainda no Shoping, tipo amor à primeira vista; calçados e bolsas maravilhosas que fazem a gente enlouquecer... E tudo de altíssima qualidade e de muito bom gosto, além do conforto.

ESTILO LIVRE

ESTILO LIVRE

Rua 15 de Novembro, 505 :: Assis/SP :: F.: 18 3321.3242 :: 3321. 2760

69


aniversário_

Fotos Alessandro oliveira

Lara Villas 15 anos

70

ESTILO LIVRE

aniversário_

No sábado, dia 19 de maio, os pais Dr. Wilson e sua esposa, Larissa Villas, comemoraram em grande estilo os 15 anos da sua linda filha Lara. Lara é uma talentosa bailarina e dança desde os 4 anos de idade e pensando nisso a cerimonialista Ana Barcarolo, juntamente com o Buffet Rodrigo Moraes, acompanhados pelo olhar atento da mãe, prepararam uma festa com este tema em tons de azul. O evento deslumbrou a todos na riqueza dos detalhes desde a recepção dos convidados, realizada por uma vitrine viva vestida de bailarina, às sapatilhas distribuídas aos convidados para a balada. As surpresas não pararam por aí. A aniversariante emocionou a todos quando subiu na ponta e dançou a tradicional valsa ao lado de seu pai e mais tarde deu um show de talento ao lado de seu irmão Lucca e de seus padrinhos. Os pais agradecem o carinho de todos os amigos e familiares que prestigiaram o evento e de todos os profissionais envolvidos direta ou indiretamente na realização da festa.

ESTILO LIVRE

71


Novidades_

SOLTINHO NA PISTA Danilo Gentili esteve no programa “Muito+” (Band) e contou a Adriane Galisteu que não quer saber de compromisso. “Demorei muito para aparecer na televisão. Quero aproveitar e comer todo mundo”, brincou. O humorista, porém, não pretende passar a vida solteiro.

De passagem pela Colômbia para divulgar o filme “Battleship - Batalha dos Mares”, o ator Taylor Kitsch dançou até o chão em uma festa ao som de “tchê tchererê”, da música “Balada”, do sertanejo Gusttavo Lima. TAYLOR NO “TCHÊ TCHERERÊ TCHÊ”

SALVE, PAGODINHO ALGO DEU ERRADO

Devoto do santo guerreiro, Zeca Pagodinho esteve no workshop da novela “Salve, Jorge”, que atores como Rodrigo Lombardi estão fazendo esta semana. Apesar da presença do cantor, as cervejas no cenário eram apenas decoração.

Sônia Abrão disse que estranhou ao se ver no espelho ao participar do quadro Transformação, do “TV Fama” (RedeTV!). Nele, Sônia se caracterizou como a personagem Miranda, do filme “O Diabo Veste Prada”. “Eu acho que fiquei mais parecida com o Clodovil do que com a Meryl Streep.”

CAUÃ ATAREFADO Vencedor do troféu de melhor ator no 8º Prêmio Fiesp/Sesi do Cinema Paulista pela atuação no filme “Estamos Juntos”, Cauã Reymond não pôde ir à cerimônia, mas mandou um vídeo de agradecimento. O galã está tão ocupado com as gravações da novela das 9 “Avenida Brasil” (Globo) que fez as imagens dentro do ônibus que serve de camarim em cenas rodadas na rua.

72

ESTILO LIVRE

ESTILO LIVRE

73


curiosidades_

Proteja a pele contra o envelhecimento precoce, consuma anti-inflamatórios como o chá verde (ao menos 3 xíc./ dia), suco de uva (200 ml/ dia) e peixe (3 porções/ semana). Adoce suas bebidas com mel ou adoçante, o açúcar causa inflamações que desgastam a pele.

De olho no Cálcio - se o leite não lhe cai bem, consuma sua dose de cálcio - nutriente para evitar a osteoporose, doença que leva ao enfraquecimento dos ossos e atinge mais de 10 milhões de brasileiros - com cereais, sementes e folhas verde-escuras. Para ingerir 1200 mg de cálcio por dia, coma três colheres de sopa de feijão, duas porções de folhas verde-escuras e duas colheres de chá de gergelim.

Comer bem também ajuda a ficar mais inteligente. De acordo com uma pesquisa feita pelo Instituto Salk nos Estados Unidos, o pêssego, uva, kiwi, tomate e a maçã são fontes de fisetina, substância que fortalece a conexão entre os neurônios. O que facilita a memória e a fixação dos fatos. Mascar chiclete também auxilia na concentração e na memória; segundo um estudo da Universidade de Northumbria, na Grâ-Bretanha, o movimento repetitivo aumenta a quantidade de oxigênio.

Você sabia que consumir uma porção de brócolis ao menos uma vez por semana diminui os riscos de câncer. Quem afirma é o Instituto Nacional do Câncer nos EUA. Portanto, alimente-se bem. Sempre.

74

ESTILO LIVRE

ESTILO LIVRE

75


Coração de Atleta_

A vida após o infarto Por_Mayra Triveloni

Não é exagero afirmar que o infarto é um divisor de águas no dia a dia de milhares de brasileiros. O indivíduo, em muitos casos, sente que nasceu de novo. O infarto é uma condição que exige um atendimento rápido para afastar não apenas a morte, mas também danos em excesso ao órgão. Em parceria com o Médico Cardiologista Giuliano Fante, investigamos o que é preciso fazer para evitar um novo susto. “Após um episódio de infarto o paciente passa pelo cateterismo para avaliar a obstrução coronariana; conforme o resultado, optamos pela angioplastia ou cirurgia”, explica Giuliano. Em ambas situações, o paciente passa por uma tratamento medicamentoso aliado a alguns cuidados: ATIVIDADE FÍSICA - A atividade física, conforme afirma o Dr. Giuliano, deve ser incorporada à vida cotidiana. “A prática de atividade física estimula o desenvolvimento da circulação colateral, melhorando o processo de oxigenação do órgão”, justifica. A atividade deve ser iniciada em torno de dois a três meses após o ocorrido, sempre supervisionada por um profissional. Vale caminhar, nadar, pedalar, sempre mantendo a constância, e evitar o esforço excessivo. E o check-up cardiológico deve ser repetido de seis em seis meses. ALIMENTAÇÃO E VÍCIO - Outro cuidado importante é com relação aos hábitos alimentares; um cardápio balanceado, com diminuição do sal e gorduras das carnes e lácteos integrais, também auxiliará no processo. “Os abusos devem ser evitados, inclusive se o paciente possui algum vício, como o tabaco. O consumo do cigarro deve ser imediatamente interrompido”, alerta Giuliano. Infelizmente não há conselho tão receitado e ao mesmo tempo tão menosprezado, pois em grande parte dos casos, o paciente volta a fumar, potencializando o risco de um novo infarto. DISFUNÇÃO ERÉTIL - Uma queixa bastante frequente após um infarto é a disfunção erétil; cerca de 70% dos pacientes reclamam. “Geralmente a disfunção erétil está relacionada à saúde emocional. O receio do paciente, muitas vezes a perda do libido... Porém, com a atividade física, dieta balanceada, e apoio também da família, a sensação volta,

76

ESTILO LIVRE

aos poucos, e o paciente recupera sua autoestima e a vida normal”, afirma. De acordo com a Associação Americana do Coração, a atividade sexual tem efeitos positivos sobre a circulação e debela o estresse - uma das principais causas do infarto. É fato que um ataque cardíaco pode anular a autoestima e sabotar o desejo sexual. “Aí, o conselho é procurar ajuda para restabelecer o bem-estar emocional e desfrutar os momentos a dois”, comenta. O SONO - Está comprovado que as noites mal dormidas elevam a probabilidade de infartar e, se o coração já passou por isso, pode sim sofrer um novo infarto. Segundo especialistas, a falta de sono desregula uma porção de hormônios que vão favorecer o ganho de peso e a hipertensão. “O recado é realmente priorizar as horas de sono, zelar pela sua saúde emocional e cuidar do físico”, reforça. E, no caso de insônia, procurar ajuda médica.

Dr. Giuliano Dalvo Fante - CRM 105801 Cardiologista formado pela UNIG - Rio de Janeiro, com especialização no Hospital São Francisco de Ribeirão Preto e na Beneficência Portuguesa de São Paulo, e, em parceria com a Revista Estilo Livre Saúde, falará sobre diversos temas voltados à saúde, cuidados e prevenção.


sorriso_

alerta_

Sorria com estilo Por_Anderson israel

fase 1

fase 2

Diastema é o nome dado aos espaços entre os dentes. Em muitos casos, os pacientes nos procuram incomodados esteticamente, pois eles querem diminuir ou até fechar estes espaços. O fechamento dos diastemas pode ser realizado através do tratamento ortodôntico (aparelho), da reanatomização dentária, ou da composição dos dois. A concepção atual de estética dental, aliada aos novos e revolucionários produtos restauradores,

acabou por criar a possibilidade do fechamento destes diastemas. Neste trabalho recentemente realizado em nosso consultório, temos uma jovem que, após um ótimo tratamento ortodôntico, foi encaminhada para um tratamento estético de aproximadamente uma hora. A jovem se sentiu realizada esteticamente através de um tratamento rápido e indolor, que, por sinal, lhe proporcionou um sorriso ainda mais bonito.

De olho no HPV Por_Mayra Triveloni

De acordo com um estudo publicado recentemente na revista Epidemiology and Sexualy Transmitted Diseases, 56% dos jovens adultos podem estar infectados com o HPV (papilomavírus humano), vírus que se aloja na pele e nas mucosas genitais, como vagina, colo do útero e pênis. Mais alarmante ainda é que dos 56% que estavam infectados pelo HPV, 44% apresentavam o tipo de vírus cancerígeno. Além disso, segundo o estudo, se um dos parceiros está infectado com a DST, as chances do outro também estar infectado aumentam em mais de 50 vezes. Infelizmente, esses dados mostram como a infecção pelo HPV é comum entre os jovens adultos, e destacam a importância da prevenção, com exames frequentes como o de colo de útero. Os resultados também indicam que o HPV é um vírus de fácil transmissão, por isso a prevenção e o acompanhamento médico é essencial para evitar problemas mais sérios.

Dr. Anderson Israel Cirurgião Dentista CROSP: 38978 Mestre em Morfologia (UNIFESP/EPM) Pós-graduação em oclusão (USP/FOB) Especialista em DOF DTM/ Sócio fundador da Sociedade Brasileira de Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial 18 3324. 5340

78

ESTILO LIVRE

ESTILO LIVRE

79


Novidade_

Cartão do SUS Por_Mayra Triveloni

A partir desse mês, todos os brasileiros deverão ter, obrigatoriamente, o Cartão Nacional de Saúde. E essa regra vale inclusive para quem tem plano de saúde particular. De acordo com as novas regras implantadas pelo Ministério da Saúde, o cartão conterá informações pessoais e dados sobre procedimentos clínicos já realizados. Quando o paciente precisar de atendimento médico em uma unidade de saúde pública, deve apresentar o Cartão Nacional de Saúde. Quem tiver plano de saúde deverá apresentar os dois cartões. O registro já acontece na rede pública, mas o objetivo agora é formular um cadastro nacional de dados. O Ministério da Saúde explica que o projeto de um cartão unificado é uma necessidade básica diante de um país tão grande e heterogêneo. Essa decisão, que entrou em vigor pela Portaria N.º 763, visa garantir também a transparência na aplicação de recursos, além de monitorar os serviços oferecidos pelo SUS e procedimentos realizados entre a rede pública e privada. Por meio do cadastro, os brasileiros recebem um número nacional de identificação e o usuário do SUS que ainda não se cadastrou, pode apresentar seus documentos de RG, CPF e comprovante de residência em qualquer unidade de saúde, pois todas já estão aptas a emitir o cartão magnético. É importante lembrar que a ausência do cartão não é impedimento para que o paciente seja atendido; os usuários que ainda não se cadastraram são orientados a providenciar o documento e apresentá-lo na próxima vez em que forem utilizar o serviço de saúde.

80

ESTILO LIVRE


Viva melhor_

Infecção Urinária Por_Mayra Triveloni e Cláudio de Carvalho Villas Boas

(ES) - O que é a infecção urinária? - A infecção urinária é definida pela presença de micro-organismos no trato urinário. A Escherichia Coli, uma bactéria normalmente presente no trato intestinal, é a principal causadora dessas infecções. (ES) - Esse tipo de infecção é comum? - É a mais comum infecção bacteriana entre os seres humanos, sendo responsável por até 6% dos atendimentos médicos. Dentre as doenças infecciosas, só perde para a gripe que é uma infecção viral. (ES) - A infecção urinária é mais frequente em mulheres? - Sim. Por motivos principalmente anatômicos, a infecção urinária é mais frequente em mulheres; aproximadamente 50% delas vão apresentar infecção urinária em alguma época da vida, e dessas, 20% terão a infecção recorrente. A incidência nas mulheres é maior no início da vida sexual e após a menopausa, enquanto nos homens, na infância e na 3ª idade, muitas vezes relacionadas à fimose ou a problemas prostáticos. (ES) - Quais os sintomas de uma infecção urinária? - A infecção do trato urinário pode ser baixa (cistite) ou alta (pielonefrite). Na cistite são observados apenas sintomas locais, como ardência para urinar, dor em baixo ventre e aumento da frequência miccional. Já na pielonefrite, a infecção atinge o rim, causando dor lombar, queda do estado geral, febre e calafrios, podendo ainda evoluir para complicações graves como sepsis e morte. (ES) - Como prevenir essas infecções? - Nós devemos estar atentos para eventuais hábitos incorretos, adequar a dieta e a melhor maneira de se fazer a higiene. A quimioprofilaxia com minidoses de antibióticos à noite ou pós-coito são tratamentos eficazes na prevenção das infecções de repetição. Além disso, novos medicamentos imuno-estimulantes que funcionam como vacinas, têm sido usados em associação com probióticos para aumentar as defesas do organismo contra os agentes infecciosos. Esses novos tratamentos têm demonstrado resultados satisfatórios, reduzindo a frequência das infecções e melhorando consideravelmente a qualidade de vida desses pacientes.

Abaixo estão relacionadas algumas práticas simples e importantes na prevenção da infecção urinária: • Ingestão de uma quantidade adequada de água ao longo do dia, favorecendo com isso o aumento da frequência miccional, “lavando” as bactérias do canal da urina. • Higiene após as evacuações; lembrando que para as mulheres que tem infecção de repetição o ideal é sempre o banho de chuveiro, evitando as duchas íntimas. • Evitar o uso de produtos que possam causar irritação na área genital, uma vez que a inflamação facilita a aderência de bactérias. • Urinar logo após as relações sexuais. • Mulheres na menopausa podem usar cremes vaginais à base de estrógenos, que melhoram o trofismo da mucosa vaginal e restituem parte da flora natural; mas isso somente se não houver contra indicações. • Nunca se automedicar; tomar antibióticos somente se necessário e orientado pelo médico.

Dr. Cláudio de Carvalho Villas Boas CRM 95.706 Urologista pela Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP Membro Titular da Sociedade Brasileira de Urologia - SBU Palestrante nos Cursos de Atualização da SBU - SP F.: 18 3324.8384

ESTILO LIVRE

83


CAPA_

CAPA_

Força e inovação Por_Mayra Triveloni

A mais nova modalidade de exercício que a Fitness Academia disponibiliza para você é o Kangoo Jump. Uma marca mundial conhecida no mercado fitness. “Com histórico de sucesso em academias e centros de treinamento na Europa e nos EUA, o Kangoo Jump é indispensável. Trazer essa modalidde para a Fitness Academia vem ao encontro de nossa proposta: buscar opções de exercícios duradouros e com resultados garantidos”, informa a personal e proprietária da Fitness Academia, Patrícia Valverde Garmatz. SOBRE O KANGOO - O Kangoo é um par de botas parecidas com patins, com dois arcos de borracha e plástico na base. Entre eles, há um conjunto de elásticos que funciona como mola quando você salta, e amortecedor quando aterrissa. A principal vantagem é a redução de impacto sobre as articulações. De acordo com o fabricante, as botas diminuem até 87% do choque com o solo. “E funciona ainda como exercício educativo para quem corre, pois, como facilita o impulso para cima e para frente, ajuda a aumentar a amplitude da passada”, explica Patrícia. Segundo ela, o aparelho não oferece risco de lesões de corpo. O sapato já foi usado em tratamentos feitos após cirurgias e seu formato projete os joelhos, tornozelos e a coluna e ainda ajuda no alinhamento postural.

84

ESTILO LIVRE

Fabrizio Zini 2012 @RED Photo

QUEIMA DE GORDURA! - Os exercícios de amortecimento e impulsão com o Kangoo têm demonstrado ser a maneira mais eficiente de auxiliar na circulação da linfa e metabolismo, resultando em notáveis melhoras da tonificação muscular e perda de peso. Chega a queimar de 700 a 900 calorias por aula, dependendo de cada metabolismo. AULA - O Kangoo Jump é indicado para crianças com idade acima de 8 anos, jovens, homens e mulheres de todas as idades. Na Fitness Academia, durante a aula, cada aluno usa obrigatoriamente um polar (relógio), para que a frequência cardíaca seja monitorada o tempo todo. É contra-indicado para gestantes e pessoas que estão em crise de labirintite. Duração da aula: 50 minutos. Turmas abertas. Esperamos por você!

Produção: Maquiagem e cabelo Karrl Moraes - 18. 8124 7462 Foto: RED Photo Imagem

Onde encontrar Fitness Academia Rua Ângelo Bertoncini, 02 18 3323.7903 Atendimento - 6h30 às 21h


estética_

Pilates_

melanoses, acne e estrias Por_Carla Ganassin

Novas turmas Melhor idade e cuidados com a coluna

Dra. Carla, meu calcanhar de Aquiles é a minha pele. Quando criança tive incontáveis dermatites: por picada de inseto, por amaciante, por corante, por medicamentos. Não conseguia evitar e coçava sem parar. O resultado foram várias manchas escuras na face e no corpo. Na adolescência, tive acne severa, não tratei adequadamente e fiquei com sequelas que são as temíveis cicatrizes. Para completar, na gravidez ganhei inúmeras estrias. Minha autoestima já despencou há muito tempo, embora meu marido e amigos digam que tenho traços bonitos, não gosto do que vejo. Ouvi falar muito da sua competência, e dos “milagres” que vem realizando. Por favor, me ajude! Adriana F. (Marília)

renovada. E finalmente para as estrias, que representam um dos problemas que mais incomodam as mulheres e também os homens, existem várias técnicas eficientes. Reunimos peelings químicos, a microdermabrasão ou lixamento, a intradermoterapia, a micropunturação, a laserterapia e a subcisão levam ao desaparecimento total ou parcial das estrias. De todos os procedimentos indicados para o tratamento das estrias, o laser é o mais eficaz, pois melhora bastante o aspecto da pele através da redução dos vasos sanguíneos e da pigmentação avermelhada. Além disso, também aumenta a produção de colágeno e elastina que renovam a pele. Associar o laser à micropunturação ou Striat é um Cara Adriana, médicos método padrão ouro para não realizam milagres. Usaestreitar as lesões e torná-las mos a medicina, a ciência e menos visíveis. Trata-se de a tecnologia como aliados na um aparelho de corrente conluta para melhorar a saúde e tínua que provoca um proa qualidade de vida de noscesso inflamatório em toda a sos pacientes. Felizmente, os extensão da estria, gerando seus problemas não são graum aumento na produção de ves e têm solução. colágeno e da elastina. As manchas adquiridas Prevenção - Cara Adriana, na infância, chamadas hipertodos os problemas que você cromias residuais; as cicatrirelata poderiam ter sido prezes de acne da adolescência e venidos e certamente poupaas estrias depois da gravidez, do muito sofrimento. Desde são patologias fáceis de traas dermatites, às cicatrizes de tar e com excelentes resultaacne, e até mesmo às estrias, Dra. Carla Ganassin – Médica dos estéticos. Costumamos bastaria que você tivesse conDermatologista – CRM: 120861 aliar vários procedimentos. sultado um dermatologista à No caso das manchas, indiépoca e seguido as suas recocamos o laser. Se a sua pele mendações à risca. for clara, associamos alguns peelings realizados em Cabe aqui um alerta, o médico especialista em consultório. pele é o Dermatologista. Ele cursou além dos seis Para as cicatrizes de acne, o melhor seria não têanos obrigatórios, mais pelo menos três anos de las e hoje já existem medicamentos que erradicam residência exclusivamente em Dermato, fora as esessa doença. Uma vez adquirida, o tratamento paspecializações em cirurgia ou em dermatologia estésa pelo laser e pelo peeling de diamante. Indicamos tica. A dermatologia é uma das especialidades mais ainda, um verdadeiro arsenal anticicatriz que utiliza concorridas e por esse motivo surgiram muitos cura dermabrasão manual, o peeling de fenol e alguns sos paralelos, como os de medicina estética entre preenchedores. O resultado é o melhor possível. outros. Nem todos os médicos que atuam como derUma pele praticamente sem marcas, mais jovem e matologistas, de fato o são. Informe-se, pesquise.

Para o idoso, a prática do Pilates estimula a produção e a demanda de cálcio para os ossos que possam estar fragilizados, proporcionando lubrificação e aumento da amplitude dos movimentos para as articulações acometidas, respeitando os limites e avanços de cada um dentro das aulas. O método Pilates é indicado para todos os tipos de dores na coluna vertebral. Os exercícios abdominais e a ativação dos músculos do Grupos de Coluna 2X por semana Segunda e quarta 15h

Core (músculos abdominais e dorsais) oferecem mais força e flexibilidade à coluna, fazendo com que as dores desapareçam. Cabe lembrar que qualquer prática de atividade deve ser acompanhada por profissionais qualificados para que cada indivíduo seja tratado de forma individualizada levando sempre em consideração as condições clínicas e físicas de cada pessoa. Grupos Melhor Idade 2X por semana Terça e sexta 15h

Preço fixo para grupos fechados Entre em contato conosco.

Horário de funcionamento: das 7h às 21h de segunda à sexta sábados das 8h às 13h

ESTILO LIVRE

87


Óleo de Coco_

?

Óleo de COco: herói ou vilão Por_Mayra Triveloni e Dra. Lyliana Sawaya Abud

O óleo de coco, seja na forma líquida ou na de pílula, é o emagrecedor da moda. O frenesi não deve continuar por muito tempo. Vários alimentos, bebidas, sementes e produtos naturais caíram no esquecimento pela ausência de estudos científicos e resultados que comprovassem sua eficácia. O caminho dessa nova moda parece ser o mesmo. SEM COMPROVAÇÃO - As pesquisas que encontraram tantos benefícios como malefícios no alimento não foram capazes de explicar o mecanismo envolvido. Há quem atribua ao óleo de coco a condição de um termogênico, ou seja, algo capaz de aumentar a queima de calorias no corpo. Substâncias termogênicas estão presentes no café e no chá, por exemplo, e também podem ser encontradas em suplementos alimentares. Mas, de novo, nada foi comprovado para emagrecer. Ao analisar a composição nutricional do óleo de coco é impossível afirmar que este seja um alimento saudável para o coração. Uma colher de sopa contém aproximadamente 11 gramas de Gordura Saturada. O produto tem mais gordura saturada que a manteiga, banha ou bacon. Estudos em humanos demonstraram que este óleo eleva os níveis de LDL (mau colesterol) no sangue, que por sua vez aumenta o risco do desenvolvimento de aterosclerose e suas complicações, como as doenças cardiovasculares e cerebrovasculares. Atualmente alguns segmentos da indústria alimentícia estão testando o óleo de coco como substituto da gordura vegetal hidrogenada, que contém as temidas gorduras trans. Ambos elevam o LDL. “Porém, enquanto a última diminui o HDL (bom colesterol), o óleo de côco tende a aumentá-lo, mas não o suficiente para compensar seus efeitos prejudiciais no LDL”, explica. O óleo de coco vem sendo veiculado na internet e outras mídias como um aliado da saúde, com alegação de prevenção de doenças cardíacas, controle de diabetes, aumento do metabolismo e perda de peso. De acordo com a Dra, Lyliana, infelizmente

88

ESTILO LIVRE

não existem evidências científicas comprovando essas e outras propriedades em humanos. Portanto, é preciso evitar o coco? Não. O fruto fresco é delicioso e, ralado, tornar-se um atrativo para preparações culinárias. Mas, para cuidar do seu coração, pense nessas opções alimentares como prazer ocasional e não como escolha diária. “Quanto mais a propaganda de um produto faz declarações simples para problemas complexos e soa como ‘mágica’, menor é a probabilidade de sua verdade”, afirma a Dra. Lyliana.

Dra. Lyliana Sawaya Abud CRM - SP 83.622 Nutróloga especialista em nutrologia pela Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN) e pela Associação Médica Brasileira (AMB).

ESTILO LIVRE

89


90

ESTILO LIVRE

ESTILO LIVRE

91


DA REDAÇÃO_

A necessidade da mudança Mudar de vida é uma coisa que muita gente tem medo. Mas, se pararmos para pensar, em muitos casos as situações nos chegam como um estímulo para mudança. A vida acelerada, a imensa quantidade de informações e novidades nos faz ter a sensação de que estamos sempre atrasados. Mas não. Nossa posição frente a esse turbilhão que a vida nos impõe é justamente recebê-lo com serenidade e atenção. Assim é possível realmente refletir sobre o quê, como, quando e o que fazer. Seja um problema, uma doença, um conselho, um produto novo... Enfim, nesta edição trataremos de assuntos que podem sim mudar a nossa vida de uma hora pra outra, como a ocorrência de um infarto, por exemplo. O Dr. Giuliano Fante nos orienta sobre como proceder após um episódio desse. Na coluna Viva melhor, o Dr. Cláudio Villas Boas esclarece dúvidas sobre infecção urinária, responsável por grande parte das consultas. Já sobre as dietas da moda, a Médica Nutróloga Dra. Lyliana Sawaya Abud nos orienta sobre uso adequado do óleo de coco, em evidência ultimamente. Assim caminhamos, refletindo sobre o quê, de fato, pode alterar nosso cotidiano e mudar nossa vida para melhor, mesmo que nem sempre estejamos prontos pra isso. Boa leitura.

Mayra Triveloni

Atendimento e Redação

saúde

DIRETOR Jeziel Marquezini

JORNALISTA RESPONSÁVEL Carolina Marquezini_MTB_41418 SP

EDITORA Carolina Marquezini

TIRAGEM 18 mil exemplares

DIRETOR COMERCIAL Daniel Israel

PARA ANUNCIAR Daniel Israel_18 9732-0007 daniel@revistaestilolivre.com.br

DIREÇÃO DE ARTE E DIAGRAMAÇÃO Rodrigo de Souza IMPRESSÃO Editora Conosco_Indústria Gráfica TEXTOS Mayra Triveloni FOTOS Ivan Mello - Freelance

ANÚNCIOS E PATROCÍNIOS Além de anúncios em formatos tradicionais, a Estilo Saúde oferece a opção de patrocínio de reportagens e colunas fixas. Fale conosco. *O conteúdo das propagandas e informes publicitários é de inteira responsabilidade dos contratantes.

. REVISTA ESTILO LIVRE Abílio Duarte de Souza, 257 :: F: 18 3022.3152

ESTILO LIVRE

93


94

ESTILO LIVRE

Edicao18  
Advertisement