Page 1

LÍVIA CARIBÉ PIFANO

Sinara Neves

#5

DEZEMBRO 2014

Alto Verão

quatro

Elementos


CAMILA LEITE Biquíni: Three Corpus Brincos: Rede Eliana Chisté Jóias Óculos: Prada para Vedere/Paris

Sinara Neves

#5

DEZEMBRO 2014

Alto Verão

quatro

Elementos


VESTIDOS E ACESSÓRIOS ATELIÊ ANNA FLOR . FOTOS RODRIGO D’ÁVILA


33.3271.6416 / 3271.0542 rUA BERILO, 1866 . Sテグ RAIMUNDO . GOV. VALADARES WWW.INSTITUTODEBELEZADB.COM.BR dginany bittencourt INSTITUTODEBELEZADB


6

ESCOLHA Sinara Neves


BAIXE GRATUITAMENTE O APLICATIVO DA REVISTA ESCOLHA NO SEU IPAD OU IPHONE

ESCOLHA Sinara Neves

7


8

ESCOLHA Sinara Neves


ESCOLHA Sinara Neves

9


12 ESCOLHA Sinara Neves


ESCOLHA Sinara Neves 13


14 ESCOLHA Sinara Neves


ESCOLHA Sinara Neves 15


51

Elemento Ar Luísa sabino, Camila Leite e Lorena Cunha são as ‘Power Woman’ dessa edição da Escolha. Elas entram em cena no editorial de moda do elemento Ar. E nada mais belo e valadarense que o cenário Pico da Ibituruna. E foi lá que o fotografo Rodrigo D’Ávila captou as impactantes imagens delas.

Luisa Sabino

*

4 ELEMENT 16 ESCOLHA Sinara Neves


73

Elemento Terra Com João Pedro Lobato e Liz Morena - Para nossa Terra da diversão, da alegria, da fantasia... muitas cores e vibrações com uma turminha bacaninha. E foi no parque de diversão Trombine, que estava no GV Shopping, onde essas imagens foram feitas pela fotografa Ana Paula Assis.

21 Editorial Sinara Neves 22 Making of 25 Splash 39 Vai começar o Wod 44 Água Mineral Krenak 48 Nosso Rio Doce 51 Ar 58 Disney 62 Escolha Verão 64 Must Have 67 Fila A: Ana Godoy e Penha Lucca

*

NTOS

Sinara

ESCOLHA Neves

ESCOLHA Sinara Neves 17


51

Camila Leite Look: Ser Chic Acessórios: Rede Eliana Chisté Joias Óculos: Prada para Vedere/Paris

Elemento Água Um, dois e já...Águaaa!!! Cenário todo feito, iluminação, escurecer o ambiente e fazer a água dançar! Era esse o projeto, e foi isso que foi feito, a água bailou, gerando esse efeito de imagens de tirar o folego, de surpreender...Cenas do fotógrafo Rodrigo D’Ávila

Lorena Cunha Look: Fashion Karol Acessórios: Rede Eliana Chisté Joias Óculos: Gucci para Vedere/Paris

ÁGUAARTERR 18 ESCOLHA Sinara Neves


Elemento Fogo Sedução, Fetiche, sensualidade...O fogo da mulher!!! E foi na recém inaugurada boate de música eletrônica, Mary´s Club que foram captadas um show de imagens. Fotografia assinada pelo Rodrigo D’Ávila usando a iluminação de cinema.

73 83 86 88 92 94 97 98 101

RAFOGO

*

101

Sinara

ESCOLHA Neves Terra Linda e Cheia de Charme Detox Social Ter Filhos A fantasia infantil Escolha Presentes Escolha Estilo Fire!

ESCOLHA Sinara Neves 19


ANUNCIO DUPLO

20 ESCOLHA Sinara Neves


Foto: Ana Paula Assis Look: Estereótipo

EDITORIAL

por Sinara Neves

E

* Escolha Quatro elementos: Fogo, Água, Terra e Ar!

xiste uma diferença entre fazer edições temáticas e montar uma edição em que um ou dois assuntos costuram as várias seções, num processo natural que às vezes nem a própria equipe sabe dizer como foi tomando forma. Não gosto de edições temáticas, porque quase sempre me dão impressão de que forçaram a barra, com reportagens que não se sustentariam num outro contexto, sem falar na monotonia que cansa a leitura e o olhar muito antes de você chegar ao meio da revista. É como se algo fosse previsto. Por outro lado, quando o assunto parece guiar tal qual um maestro os vários membros da orquestra, o efeito final provoca a mesma emoção que uma ária bem executada, com as notas se fundindo umas nas outras em precisa harmonia. Esta edição de dezembro é um pouco assim. O tema ‘Quatro Elementos’ aconteceu quando desenvolvíamos o primeiro editorial de moda ‘Fogo’, temas que correm em paralelo pelas mais de 100 páginas da revista Escolha. E desse editorial, partimos para a água, dela para Terra e enfim o Ar. Nessa edição, o fotografo Rodrigo D’Ávila assina três editoriais de moda – Fogo, Água e Ar, e veio novamente a Valadares para registrar a família Krenak, que tem a história contada nas páginas da Escolha. Uma vez que a pauta é água, a empresa que é parceira, jamais poderia ficar de fora. O nosso Rio Doce, também ganhou página, com assinatura do pesquisador Harley Cândido. Os editorias de moda foram um desafio. Não queria passar a mensagem de piscina ou praia com água de coco, e sim fazer a água “dançar”! Então arregaçamos as mangas e altas doses de criatividade, gargalhadas e muito trabalho – cenário que foi todo feito em área externa, baldes de água, e ainda escurecer todo ambiente, e compasso de toda equipe. Deu certo? Certíssimo! Tenho certeza que a Escolha os surpreenderá! A sedução, Fetiche, luz, mistério, o Fogo ficou com a linda e conta- Capa: Lívia Caribé giante Lorena Batista, com cenas nas Mary´s Club Foto: Rodrigo D’Ávila Beleza: Dginany Bittencourt e iluminação de cinema, os potentes Fresnel. Na Terra dos sonhos, da magia, da diversão, e foi no parque que a fotógrafa Ana Paula Assis arrancou sorrisos e fofurices dos pequenos. E finalizamos a produção com o elemento Ar, e não poderia ser diferente, onde ele mais se faz presente, no pico da Ibituruna. Quatros editoriais e um desafio: conseguir executar em tempo recorde, sem perder o encantamento e a sedução da Escolha. E conseguimos. Hoje, ela circula com todo encantamento de uma revista que ficou entre as finalistas da premiação da Associação Nacional de Gráficos. Com todo movimento nacional que aconteceu, o resultado não poderia ser diferente, a sensação de missão cumprida é prova de que estamos no caminho certo. E isso é só o começo. Nessa edição, ampliamos a sua tiragem da edição impressa, reservando parte para vendas em bancas de revistas da cidade. E os downloads continuam liberados gratuitamente para Iphone, Ipad e ainda no programa Issuu, números que ultrapassam 20 mil. Essa é a última edição de 2014, um ano divisor de águas e com chuvas de novidades diárias. Boas festas, ótima leitura, espero surpreendê-los novamente!

Sinara Neves

ES CO LHA

FICHA TÉCNICA Diretora geral: Sinara Neves Textos: Andréa Mariano /Agência Mosca Designers: Mayer Lana e equipe Agência Mosca Revisão ortográfica: Christian Mariano Fotografia: Rodrigo D’Ávila e Ana Paula Assis Produção: Sinara Neves Gráfica: Formato Contato Comercial: 33.9105.4343 Agradecimentos: A vocês que são incondicionalmente meus parceiros. Ao fotógrafo Rodrigo D’ávila, muito obrigada por dar sua essência e seu olhar a Escolha.

Esta revista é uma produção da Neves Comunicação. É proibida a reprodução total ou parcial sem autorização. Contato: revistaescolha@gmail.com / (33) 9105.4343 Aplicativo para iPad desenvolvido pela M3

ESCOLHA Sinara Neves 21


Making

ESCoLHA of

Entrevis ta fila A Na foto:A na Isa Fraga, S ndrea Marianbella Fraga Bole o inara N eves e Pe , Ana Godoy, Is ria! abella nha Luc ca.

NOSSOS DIAS DE ESCOLHA!

sados foram uorial de e u q n ola dit ’água. s da Kry urt no e Produtoinany Bittenco odos a prova d pela Dg gua ‘Splash’. T moda Á

Dginany Bittencourt assina a beleza do editorial Água, em cena com Lívia Caribé Pifano.

a do a belezre’. Em a n i s s i a fogo ‘F arros Zeka Bial de moda a Batista. editor om a Loren cena c

Agência Mosca, a equi pe design e textos da Es assina o colha

L

Cenas do editorial Mary’s. Fotos: Rodrigo D’Ávila, Josie Nader e Ana Paula Assis.

22 ESCOLHA Sinara Neves


itorial a a beleza do ed in ss a es abino. gu S ri a Josias Rod o make da Luis o d n ca to re to Ar, na fo Zeka Barros dos pequenos assina a beleza e lindos com Liz Moren . Na foto a.

Editorial Splash com Dgina Sinara Neves, o fotógrafo ny Bittencourt, Rodrigo D’Ávila, Gustavo Mendes e Lívia Pif ano.

Lívia Caribé Pifano pelas lentes do fotógrafo Rodrigo D’Ávila.

Cenas de dias intensos de produção com parceiros fiéis da Escolha.

a Em ação! Ana Paul ia ar M sé Jo e s Assi Franco!!!

Fresnel -Sinara Neves e a iluminação usada no editorial Fogo. ESCOLHA Sinara Neves 23


ELEITA A MELHOR FRANQUIA DO BRASIL NO SEGMENTO VESTUÁRIO, CALÇADOS E ACESSÓRIOS PELA PEQUENAS EMPRESAS & GRANDES NEGÓCIOS.

300 LOJAS - 18 PAÍSES BUENOS AIRES CANNES HOLLYWOOD MADRID ORLANDO PUNTA DEL ESTE RIO DE JANEIRO RUA 7 DE SETEMBRO, 1213 - CENTRO | GOVERNADOR VALADARES - MG

Carmen Steffens


h s a l Sp D`Ávila o ig r d ves o . Ro ara Ne encourt f a in r S . g Ó a Fot de mod Dginany Bitt o ã ç PIfano u . É d ) ib ir r Pro a a h C co (make/ e Lívia ia Fran Beleza tavo Mendes r a M é us . Jos Com G cutiva e x e o ã E/PARIS R ç E u D d E o V r P N . RAYBA RPUS S O L U C Ó REE CO H T . I ÍN BIQU

ESCOLHA Sinara Neves 25


o n a f i P é b i r a C Lívia it n ess f cq ua F Bo dY: A : Ata ra by d ia l s á d o fa d Sa n ó Esto Pu f F: S

26 ESCOLHA Sinara Neves


ESCOLHA Sinara Neves 27


o n a f i P é b i r a C Lívia

it n ess e / pa ris cq ua F pa ra V e d e r A : iô a M an s : Ray B Ó c u lo

Vestido: KatmosZ PEEP TOE: Carmen Steffens

28 ESCOLHA Sinara Neves


uG stavo Mendes : Three S u n ga

s Co r p u

ESCOLHA Sinara Neves 29


s e d n e M o v a Gust

dere A RA V e P n a B s : Ray Ă“ c u lo

30 ESCOLHA Sinara Neves

/ PA RIS


ESCOLHA Sinara Neves 31


s e d n e M o v a t s u G e o n a f i P é b i Lívia Car s Co r p u THree F I: D ÍN Y U B J oias BIQ ra C h ist é ia : Ata Sa n dá l : R e d e E l ia n a s s B rin co T H r e e Co r p u : s u n ga

32 ESCOLHA Sinara Neves


s e d n e M o v a t s Gu

ede PA RA V n a B y a s s: R Ó c u lo t h r e e co r p u : a g n u s

IS r e / PA R

Vestido: Ateliê de Noivas Flores: Nêda Armond Brincos: Rede Eliana Chisté Jóias

ESCOLHA Sinara Neves 33


o n a f i P é b i r a C Lívia

es s e / pa ris V B F it n pa ra V e d e r : a t a g Re an s : Ray B Ó c u lo

34 ESCOLHA Sinara Neves


ESCOLHA Sinara Neves 35


o n a f i P é b i r a C Lívia n es s : V B F it R egata V B F it n ess f Biq u ín i: : Ata ra by d ia l á d n Sa

Letícia Souza

Vestido: KatmosZ Brincos: Rede Eliana Chisté Jóias

36 ESCOLHA Sinara Neves


ANUNCIO SIMPLES


38 ESCOLHA Sinara Neves


wod Atenção para o quarto apito, vai começar o

Entendedores entenderão. Quem é crossfitter sabe bem do que estamos falando. Essa é a hora do “start” para a “missão do dia”, o momento de maior superação nessa modalidade esportiva desafiadora.

Fotos: Ana Paula Assis

ESCOLHA Sinara Neves 39


T

rês filhos, marido e a vida mais plena de felicidade que Uma paixão chamada crossfit alguém poderia querer. Mas de repente, passou a faltar dois lugares na mesa de domingo. É claro que essa históComo já diria um velho dito popular: para trás só se for ria desoladora refletirá numa saudade doída por toda a vida dos para pegar impulso. A cada barreira, um salto maior. A cada entes próximos, mas a guerreira matriarca dessa família não se obstáculo que a vida impõe, vontade maior de vencer. Essa permite desanimar. Ela insiste em ser feliz. “Minha marca é a forgarra, coragem, força física e emocional propiciaram um ença, não somente a força física, porque contro incrível entre Raquel e sua atuessa todos podem ter, mas a força de al grande paixão: o Crossfit. Nele, ela “Já fomos cinco, hoje somos três. quem luta, de quem não desiste de ter encontrou uma válvula de escape para Perdi metade do inteiro que me esperança. Essa, sim, nunca irá morrer suas energias e a maior prova de que é foi dado. Mas eis-me aqui, viva dentro de mim”, revela Raquel Amorim possível ser maior do que se pensava ser e de pé, rodeada de amigos e de Morais, essa mulher inspiradora. possível. SUPERAÇÃO é o sobrenome Para descrever Raquel sem precisar pessoas que me fazem bem! E isso é dessa modalidade esportiva. determinante para que eu busque da ajuda de um dicionário inteiro vaE o resultado? Visivelmente obsera alegria dia após dia”, Raquel mos simplificar utilizando apenas duas vado. O corpo torneado, tonificado, palavras: “super mulher”, termo que, Amorim Morais, atleta e treinadora. musculoso e lindo são as repostas coninclusive, dá nome a uma música escricretas de que vale a pena lutar pelo que ta e cantada pela bonita Ana Cañas. Além do título, toda a essênse almeja. “Acho que nunca desenvolvi tanta habilidade, força, cia da letra ilustra bem as características peculiares dela: “Porque mobilidade, resistência cardiorrespiratória e física. As aulas é grande feiticeira / E seduz os corações / Ela tem o rebolado / são muito dinâmicas e intensas. É maravilhosamente viciante! Tem o corpo tatuado / É de capa voadora / Domadora de Leões”. Quando terminamos o WOD (Workout Of The Day), a mis-

*

*

40 ESCOLHA Sinara Neves


são do dia, ficamos loucos para treinar mais, sem contar que um apoia o outro, sorrimos e choramos juntos. Todos são iguais, independente de sexo, raça, religião, opção sexual ou poder aquisitivo. Na Caverna Crossfit somos uma grande e unida família”, detalha.

Super mulher

*

Apesar dos inúmeros benefícios já alcançados, Raquel quer mais. Ela tem sede de resultado, de treino, de superar os próprios limites. “O meu grande desafio são os campeonatos. Sei que tenho um caminho duro a trilhar. Gosto de ter bom desempenho, de aprender as técnicas com perfeição, mas sei que tem muita gente com os mesmos objetivos e dedicação, então não é fácil terminar nos primeiros lugares, principalmente porque a modalidade vem ganhando cada vez mais adeptos pelo mundo todo”, completa. Para ser essa super mulher não é nada fácil e a busca é constante. Só de detalhar a rotina de Raquel os sedentários de plantão vão pirar. Logo pela manhã uma aula completa, e pesaaaa(......)daaaaa, de crossfit, seguida de treino de movimentos com maior grau de dificuldade. À tarde, faculdade e às 18h estágio na Caverna Crosffit e só às 22h vai pra casa. “Tenho ainda que ter tempo para cuidar de meus filhotes amados, fazer compras, pagar contas, estudar, fazer trabalho da faculdade, ser dona de casa, dar atenção para amigos e familiares, cuidar do espiritual, das unhas, cabelo, etc e ainda arranjar tempo para o lazer (apesar de que o CrossFit pra mim também é lazer, uma vez que sinto prazer total na modalidade)”, descreve a correria Descobrir o crossfit foi melhor que qualquer terapia para essa atleta. “Tudo começou quando meu marido partiu. Eu já havia perdido também um filho e minha vida precisava de um novo sentido”. E foi aí que ela decidiu voltar para o curso de educação física que havia trancado há anos, por conselho da irmã. “Só voltar pra faculdade era pouco e aí meu sobrinho Victor Fabel, atleta de Crossfit em BH, apresentou-me a modalidade e com o apoio da minha terapeuta, da minha filha e de alguns amigos procurei a Caverna para dar início à atividade. Apaixonei-me perdidamente. Era como se a nuvem negra que pairava sobre mim se dissipasse”, recorda.

Israel Pinheiro, 2462 Centro -5594Neves 8848Sinara ESCOLHA (33) 3271-2788

41


De crossfitter a coach Logo na primeira aula, o coach CrossFit e Coach de Levantamento Olímpico Tiago Silveira, mais conhecido como Ogro, convidou a aplicada aluna para estagiar com ele. “Claro que aceitei na hora e desde então trabalho com esse profissional de competência extraordinária e de coração enorme. E nos tornamos grandes amigos”, comenta. Há pouco mais de um ano, Tiago Silveira construiu uma caverna para abrigar guerreiros do crossfit. Nesse, que é o segundo maior box da modalidade no Brasil, o grande objetivo é a superação de qualquer desafio. “Ninguém melhor que a Raquel para ser exemplo de vida e treino. Mãe, atleta, estudante e treinadora, ela encontra tempo para fazer suas obrigações rotineiras e ainda treinar duas vezes por dia”, comenta o coach orgulhoso de sua “pupila”.

Mas, afinal, o que é esse tal de crossfit? O CrossFit foi fundado pelo ex-ginasta e coach Greg Glassman na década de 80, mas foi nos anos 2000 que começou a se popularizar, com as postagens dos treinos na internet. “Fui ter contato com o Crossfit bem depois disso, em 2010, quando fazia a preparação física do GV Rugby Clube (nessa época só existia um box de crossfit no Brasil). Em 2013 comecei a trabalhar com treinamento funcional em uma empresa local e aí vieram as especializações em CrossFit e surgiu a Caverna”, conta. Tiago explica que a modalidade é baseada em movimentos funcionais, constantemente variados e em alta intensidade. No crossfit você se exercita de forma diferente todos os dias. Sem rotina, mas com objetivos claros de melhorar o condicionamento físico, os alunos passam a ser atletas da vida, guerreiros e sobreviventes do tão temido WOD.

10

As capacidades físicas Resistência cardiorrespiratória; Resistência muscular; Força; Flexibilidade; Potência; Velocidade; Coordenação; Agilidade; Equilíbrio; Precisão.

42 ESCOLHA Sinara Neves


Tábata Scherr

Tábata veste: Carmen Steffens Sandálias: Carmen Steffens Brincos e anéis: Rede Eliana Chisté Poltrona: Feliz Aniversário Beleza (Make/Hair): Zeka Barros 44 ESCOLHA Sinara Neves


Krenak água mineral

Fonte de trabalho e união de uma família

Fotos: Rodrigo D’Ávila

ESCOLHA Sinara Neves 45


A

que devemos atribuir o sucesso de uma empresa familiar? Para a administradora Tábata Scherrer, a terceira geração da “família” Krenak, o amor a Deus em primeiro lugar e a história construída pela família são os principais pilares que sustentam o negócio há 12 anos. A jovem não esconde a satisfação de dar continuidade a uma história que teve início na fazenda do avô Waldir, em Resplendor - MG. Tudo começou de forma despretensiosa, como quem recebe um presente fora de datas

*

“Pelo sonho que eles viveram, eu quero trabalhar sim o tanto que for pra continuar e fazer dar certo.”

*

comemorativas. Era época de acampamentos de carnaval promovidos pelas igrejas, então o pecuarista cedia seu pedacinho de terra para a diversão dos acampantes. Para matar a sede dos jovens, era servido água retirada de uma fonte própria que havia no terreno. A qualidade da água logo foi percebida e isso fez com que ele decidisse analisar a fonte. O resultado surpreendente foi que, além de mineral, ela era muito leve e própria para consumo. Então surgiu a ideia de transformar a fonte, um presente de Deus na natureza, em fonte de renda para sua família. “Não foi nada fácil. Ele lutou por nove anos para abrir a empresa, gastando sem parar e sem obter nenhum retorno durante esse tempo. Eu sempre digo que meu pai e meu avô são dois guerreiros e batalhadores”, conta Tábata. Krenak é o nome que carrega uma tribo indígena, vizinha da fazenda. A relação entre eles e os índios sempre foi tão boa que o senhor Waldir não pensou duas vezes antes de homenageá-los. Já são 12 anos de sucesso e a lição que fica é que uma empresa bem sucedida muito tem a ver com o trabalho duro dos empreendedores. “Quando começou a funcionar quem fazia tudo era meu pai, que era desde mecânico a vendedor. Meu avô é muito inquieto e perfeccionista. Tudo que existe na Krenak tem as mãos dele. Agora mesmo estamos construindo um galpão e ele é quem está lá. Os dois dão o sangue pela empresa, trabalham até demais”, conta orgulhosa.

De geração em geração Com o crescimento da empresa, Tábata se viu obrigada a mudar para Governador Valadares, a cidade pólo da Krenak. Com apenas 27 anos, essa “menina” carrega uma responsabilidade enorme. Além de ajudar no setor administrativo, ao lado de seu pai, Waldir Scherr Jr. e das tias Lilian e Karina Scherr, a jovem é responsável pelo setor de marketing da empresa. Nem sempre sonhou em ser administradora de empresas. Queria mesmo era ser fisioterapeuta, mas logo foi convencida pelo pai a optar por uma profissão que 46 ESCOLHA Sinara Neves

tivesse mais a ver com o negócio da família. Hoje a Krenak atende Minas Gerais e todo litoral Capixaba e Baiano. “Quando chegou o primeiro caminhão, meu avô e minha avó até se emocionaram. Depois de tanta luta era finalmente a realização de um sonho. A gente carregava apenas um caminhão por dia. Hoje esse número é muito maior”, conta. Com a expansão da empresa, ela percebeu que precisava se especializar ainda mais. Atualmente está terminando um MBA em gestão empresarial. “Estudar nunca é demais”, comenta entusiasmada. Mas uma pessoa foi e é fundamental em sua vida, tanto pessoal quanto profissional, o empresário Bruno Vargas Aguilar. “O meu esposo toma conta da Krenak de Valadares junto comigo. Sem o trabalho dele seria impossível isso aqui. Toda parte operacional fica com ele”.

Preocupação com a seca A Krenak já está em alerta com a falta de chuvas que tanto tem preocupado os brasileiros. Portanto, não perderam tempo e logo trataram de reflorestar os 100 hectares de reserva. “Se a gente não preserva, a nascente acaba. A falta de chuva influencia negativamente pra gente também. As pessoas perguntam ‘essa seca não atrapalha?’ Atrapalha sim! Demora um pouco mais, porque nossa água vem de uma rocha muito profunda. Mas uma hora começa a nascer bem menos volume de água, então temos a necessidade da chuva também”, desabafa. “Meus filhos vão ver o tanto que o bisavô, o avô e a mãe trabalharam”, comenta emocionada, mas relatando também uma preocupação. Tábata tem medo de quando eles nascerem o mundo estiver numa escassez tão grande de água e eles não poderem usufruir do que a família tem hoje. É, Tábata, você está certa! Essa realidade que parecia distante está cada vez mais próxima. Poder passear onde já foi oceano ou mar para os mineiros, como “velho Chico” é paralisante. Mas, com o trabalho de pessoas como você, preocupadas com o meio ambiente, tudo há de melhorar.

TRA BA LHO


O

O patriarca da famĂ­lia Scherr, senhor Waldir ladeado pelo filho Waldir e neta TĂĄbata

ESCOLHA Sinara Neves 47


Doce

Rio Doce na década de 40

o nosso rio harley cândido nogueira

o “brado retumbante” de um povo heróico, ávido por sua liberdade, podemos dizer que o nosso Doce também foi testemunha de nossa história e por vezes tomou parte nela. Quem há de esquecer sua fúria, quando no ano de 1979 avançou impiedoso sobre boa parte da cidade e, em impossível dissociar a cidade de Governador poucas horas submergiu-a em meio a lágrimas de tristeza e horror, Valadares, desde os seus primórdios, quando causando morte e destruição? ainda éramos Figueira, do seu rio: o Doce. Sim, ao vê-lo tão sereno em seu leito, quase não nos damos conta Apesar de o Rio Doce serpear por entre as monde sua importância para a nossa existência. Tão assoreado, sujo e mal tanhas do leste de Minas há milhares de anos, ele só cuidado, nem parece aquele mesmo que, em tempos outros, extasiou veio a ser descoberto no dia 13 de dezembro de 1501, os bandeirantes que por aqui passaram pelos idos de 1700 à procura pelos navegadores portugueses. Era o dia de Santa Lude ouro e pedras preciosas. zia e o rio foi inicialmente batizado com o nome da Se imaginarmos que, até o início dos anos de 1950, o Doce era utilisanta, mas em virtude da gigantesca quantidade de zado pela população local para o lazer e a pesca e, que a água consumida água doce que lançava em sua foz foi imediatamente pelos valadarenses, vinha diretamente do rio sem nenhum tipo de tratachamado de Doce, e assim ficou. Já os índios que habimento, fica patente o quanto temos que zelar pelo nosso elemento Água. tavam as matas às suas margens o chamavam de Watu. Ações isoladas como a criação do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Se para os antigos gregos todas as coisas existentes no Doce e da APARD - Associação de Pescadores e Amigos do Rio Doce ajumundo eram formadas por quatro elementos: fogo, terra, dam a criar uma consciência de proteção e respeito ao nosso rio, mas isso ar e água; para nós, homens e mulheres do século XXI, a ainda é muito pouco. Precisamos de mais, bem mais. água é o fator primordial para a existência da vida. Na Europa, os rios eram muito poluídos até pouco tempo atrás. Sem ela, não executaríamos as mais simples ações do O Tâmisa, que corta a cidade de Londres, na Inglaterra, era considecotidiano: a lavagem da roupa, a preparação dos alimentos, rado o mais poluído do mundo em virtude da enorme quantidade a higiene dos nossos lares e corpos, enfim, não haveria vida. de resíduos industriais jogados em suas águas. Tudo mudou com Deixando o aspecto material, e passando ao campo espigrandes investimentos governamentais, conscientização da popuritual podemos imaginá-la como um ser de magnífica bonlação e, também, pesadas multas. dade que se doa aos homens e mulheres indistintamente, sem Nosso planeta chama-se terra, mas bem que poderia se chaperguntar-nos se somos bons ou maus. Quantos de nós, valamar planeta Água. darenses, fomos batizados nas igrejas com as águas do Doce e, Menos de 2% de toda a água existente no mundo é potável. com esse gesto simbólico, imersos na vida de Cristo? Diante disso, devemos fazer desde já a nossa escolha: adotar o uso Se no hino nacional cantamos que o rio Ipiranga ouviu consciente e racional da água. Sabendo usar não vai faltar!

É

48 ESCOLHA Sinara Neves


Neste clima de fim de ano experimente ter um desses na sua mesa. Com certeza, além de enfeitar, eles vão deixá-la muito mais saborosa. Quem prova, aprova e fica querendo mais!

ESCOLHA Sinara Neves 49


50 ESCOLHA Sinara Neves


rA Camila Leite

VB Fitness ntalona: Body e pa rezzo :A é Joias Sandálias : Rede Eliana Chist is s r a io r /p e ó Veder acess rada para p : s lo u c Ó

r e w o p . n a m o w a n u r u t Ibi r e d r e p de ! o g e l o fô DÁvila . Rodrigo ves FotÓgrafo a Sinar Ne e moda . d o UES ã ç IG R u D d Pro S RO air) . JOSIA h / co e n k a a r F (m ria Beleza . José Ma a iv t u ec x e Produção

ESCOLHA Sinara Neves 51


Luísa Sabino

f tara by d ropped: A Short e c álias: Atara by df s Sand histé Joia e Eliana C d e R : a ir e ls

pu Brincos e

52 ESCOLHA Sinara Neves


Luテュsa Sabino

ana Vieira Look: Juli inino m Espaテァo Fe olares: Rede c Brincos e tテゥ Joias is h C a n Elia BBANA OLCE & GA テ田ulos: D /PARIS re PARA Vede

ESCOLHA Sinara Neves 53


54 ESCOLHA Sinara Neves


Luísa Sabino

R ion WEA na Chisté Joias nia Fash Look: Kê rincos: Rede Elia b Colar e r: sol store e paraglid

ESCOLHA Sinara Neves 55


Lorena Cunha

rtificio Vestido: A rtificio A : a é Joias li á d San ana Chist li E e d e R : Brincos

56 ESCOLHA Sinara Neves


Luテュsa Sabino

udio M opped: St Saia e cr armen Steffens na :C Sandテ。lia pulseira: Rede Elia e Brincos ias /Paris Chistテゥ Jo cci para Vedere u G : テ田ulos

ESCOLHA Sinara Neves 57


ESCoLHA Travel

Victoria Corbelli Laura Tannus Milla Persiano

Alice Milbratz

Cassia Fernandes Abraão Machado

Maria Clara Tavares Túlio Correa

58 ESCOLHA Sinara Neves


Disney

O MELHOR LUGAR DO MUNDO

Onde é o melhor lugar do mundo? Algumas pessoas afirmam ser uma casa, fazenda ou um lugarzinho que marcou a infância. Outros, porém, diriam que não é um lugar e sim um abraço. Os mais românticos não têm dúvidas de que pode ser qualquer lugar, desde que seja com uma pessoa especial. FOTOS: ANA PAULA ASSIS

ESCOLHA Sinara Neves 59


O

lugar perfeito carrega o nome do sonhador Walt Disney, que certa vez disse: “Você pode sonhar, criar, desenhar e construir o lugar mais maravilhoso do mundo. Mas é necessário ter pessoas para transformar seu sonho em realidade.” Em Governador Valadares, há uma pessoa capaz de transformar o “sonho adolescente” de conhecer a Disney World em realidade. Ela se chama Renata Teixeira, a Tia Renata da Categoria Turismo, representante exclusiva da Tia Eliane - agência de BH, referência em excursões para a Disney. “A Tia Eliane é totalmente preparada. Os guias turísticos são ótimos, toda a parte logística é excelente”, comenta Renata.

*

“A sensação de fazer uma mega viagem dessa, quatro dias em NY, 11 em Orlando, sem os pais, festas, parques, só brincadeira, diversão e curtição e, ao mesmo tempo, como se estivesse com a mãe junto, é inexplicável! A segurança que a equipe da Tia Eliane eu e proporcionamos aos meninos é enorme. Eles fazem de tudo, sem os pais, mas com a mesma proteção e carinho, como se eles também estivessem lá”. Carlinhos Teixeira e Renata Categoria Turismo

“O sonho de conhecer a Disney é para todos e a Categoria Turismo tem o prazer de ajudar a realizar” 60 ESCOLHA Sinara Neves

*

REA LI ZA ÇÃO

A viagem da galera de 15 anos já é tradição, por isso deve ser organizada com todos os mimos necessários para que tudo saia em grande estilo. Afinal, com 39 anos no mercado, experiência é o que não falta. Que a Categoria Turismo é uma empresa séria e competente, todo mundo sabe. Mas, um detalhe em especial faz da empresa ainda mais confiável: o carinho que a Tia Renata dedica à turminha. “Eu tenho esse grupo com muito amor. Sou mãe de um rapaz de 16 anos e de outro de 13. Então eu cuido de cada adolescente que viaja comigo como se fosse meu. Se eles mudam o olhar eu percebo, se passam mal eu estou ao lado. Da hora que acordam até a hora de ir dormir eu não desgrudo um segundo sequer”, revela. Um filho é o bem mais precioso de uma família. Por isso, não deve mesmo ser nada fácil saber que eles cresceram e desejam realizar o sonho de viajar só com os amigos para um país distante. Quem é mãe, quem é pai, sabe muito bem o que é essa preocupação. Mas Renata garante que com ela, os “pequenos” viajarão em boas mãos. “É mais que uma profissão, faço isso por amor mesmo. A maioria das meninas que vão eu vi nascendo, porque tenho filhos dessa idade. Eu que sou mãe, tenho mais carinho e cuidado por cada um deles”.


A I A O

M

Um mundo mágico chamado Disney

Fotos: Ana Paula Assis

alas prontas? É hora de voar! Assim que a galera chega aos EUA, toda expectativa já começa a se tornar realidade. Em Nova York é incrível ver os pontos turísticos vislumbrados pelo mundo inteiro, como o Empire State, Rockfeller Center, Central Park e, é claro, a famosa Broadway. O hotel 5 estrelas reservado pela turma da Categoria Turismo e Tia Eliane está localizado bem próximo a Time Square. Uma Limousine fica a espera dessa turma para um passeio em NY. Chique, hein!? Além disso, dá pra aproveitar (e muito!) para fazer comprinhas na Forever 21, Apple, Nike… Ufa! É tão incrível que nem dá pra acreditar. Mas quando você acha que já está tudo perfeito demais para ser verdade, lá vem a Disney. “Fazer parte da realização desse sonho é maravilhoso. Só de ver aqueles olhos brilhando é fantástico! Participar desse momento não tem preço”. Os olhos da Tia Renata também brilham só de lembrar. Embora já tenha tido essa experiência mais de dez vezes, confessa que cada vez é uma emoção diferente. “Sempre que é lançado um filme novo na Disney tem uma atração que faz você sentir como se estivesse no filme. Fantástico!”, exclama. Alguns valores são mais preciosos do que bens materiais. A amizade é um deles. “Esses meninos viram uma família. Eles fazem laços de amizade muito fortes por dividir uma experiência como essa”. Se você, que está lendo essa matéria, já passou dos 15 há um tempinho, não se preocupe. O sonho de conhecer a Disney é para todos e a Categoria Turismo tem o prazer de ajudar a realizar.

*

Renata Teixeira embarcando com a turma para Disney

ESCOLHA Sinara Neves 61


ESCoLHA Verão

BAQUELITE Moda, design e conhecimento científico - o que resultaria deste encontro. Os acessórios hits do verão! A famosa resina sintética e não-plástica, retorna com ares de inovação, graças ao design aplicado as formas e cores, despertando olhares diversos pelos acessórios desta temporada. Leves, lindos e inovadores. Desejo imediato!

por Monalisa Ferreira designer de moda

M

ais um verão chegando e com ele mil e uma novidades! Desta vez, os top trend summers prometem dividir opiniões

Brincos: Rede Eliana Chisté Joias.

entre as exigentes fashionistas! Continuam em alta os famosos comprimentos controversos – midi x cropped. Sim, sim, eles mostraram que vieram para ficar, ou pelo menos até a próxima novidade fashion! Outra tendência, que conquistou seu espaço foi o neoprene (não-tecido tecnológico), reformulado para o uso fora das águas e as altas temperaturas do nosso verão. Com cortes estruturados a laser e recortes vazados que

RAY-BAN VELVET

deixam mais pele à mostra, ele promete engavetar por

70 ’s verão

um tempo as sexy transparências (já tava na hora!).

A família Ray-Ban aumentou e a marca inovou mais uma vez, trazendo entre seus novos materiais, o veludo. Sim, o tecido macio e de toque irresistível, agora nas famosas armações para óculos. E não é por menos que tanta leveza, misturada a exclusividade e impecável cartela de cores do universo da marca conquistaram mais uma vez o exigente público das óticas!

Óculos: Rayban para Vedere/ Paris.

body Começamos com um item 70’s que foi, voltou, e desta vez parece que vai ficar um bom tempo entre nós – o sensual body! Já faz um tempinho que ele migrou da categoria “roupa de academia” direto para as ruas e os closets das mais antenadas. Entre recortes e decotes, sua versatilidade permite as dobradinhas praia-balada\ casual-festa, transitando entre o despojado e o sofisticado. Vale dar aquela conferidinha no espelho, antes de se encantar de vez pela bodymania!

Let’s go girls!

62 ESCOLHA Sinara Neves

Body: VB Fitness


ESCOLHA Sinara Neves 63


ESCoLHAMust Have

Espelho Meu por Mayra Peixoto

Fim de ano não tem como não associar com descanso, verão, sol, mar e piscina. Embora seja o período preferido dos brasileiros, é o período no qual devemos redobrar as atenções e cuidados com a pele e o cabelo, para não transformar momentos de alegria em pesadelos futuros. Para auxiliar nos cuidados, segue uma seleção de produtos indispensáveis neste verão e à prova d’água.

MUSTELA PROTEÇÃO SOLAR

Se os cuidados com os adultos devem ser redobrados, com os pequenos devem ser muito mais. Um dos melhores aliados na proteção e cuidados infantis são os produtos da linha Mustela. Sendo que hoje destacamos o Protetor Solar para peles sujeitas a intolerâncias. Especialmente desenvolvido para peles hipersensíveis, este protetor assegura uma elevada proteção, preservando as defesas naturais da pele e prevenindo de eventuais danos celulares.

PREÇO: R$ 56,90

ENDURECEDOR DE UNHAS

Ao contrário do que pensamos, não só os cabelos sofrem com a exposição à piscina e praia no verão. As nossas unhas e mãos também sofrem bastante e a falta de cuidados, podem causar ressecamento, descamação e até na quebra das unhas. Para evitar que isso ocorra, a marca suíça MAVALA, especialista em cuidados com as mãos e especificadamente com as unhas, lançou o endurecedor de unhas, que penetra rapidamente, selando as três camadas da unha, a fortalecendo e evitando a quebra e a dobra.

PREÇO: R$ 70,00

KÉRASTASE SOLEIL, O AQUA-SEAL CAPITAL SOLEIL TOQUE SECO FPS 50, VICHY

Umas das maiores controvérsias é o uso de maquiagem em praia e piscina. Alguns acham exagerado e outros, indispensável. Na busca do meio termo, as grandes marcas de dermocosméticos , como a VICHY, investiram pesado de forma a agradar os dois públicos, resultando nos filtros solares com cor. O Capital Soleil toque seco com cor, além de garantir uma excelente proteção solar dos raios UVB e UVA, até mesmo o UVA longo, promove uma cobertura natural à pele, uniformizando a tonalidade, controlando o brilho, tudo com uma textura leve, com um toque seco e resistente à água. PREÇO: R$ 56,90

No verão, o nosso cabelo sofre por conta de sal, areia, vento e cloro. Sejam loiras ou morenas, os cuidados com o cabelo devem ser redobrados, abusando de hidratação e produtos específicos e que contenham filtro solar. As loiras ainda, antes de entrar na piscina, devem molhar os cabelos, a fim de evitar que absorvam cloro e outras substâncias que acabam conferindo o “aspecto verde” aos cabelos. Além disso, o uso do leave in é indispensável a todas, pois além de hidratar, criam uma película invisível de proteção aos fios. Para tanto, apresentamos o melhor da categoria, o aqua-seal da linha kerastase soleil, com efeitos à prova d’água.

PREÇO: R$ 140,00

NEUTROGENA SUN FRESH FPS 50

Além dos cuidados com o rosto e cabelos, não podemos esquecer também da proteção corporal. Como grande aliado apresentamos o Neutrogena Sun Fresh FPS 30 que é um protetor solar de uso diário de proteção superior, graças ao sistema Helioplex, uma das mais modernas do mercado que reúne uma exclusiva combinação de filtros: Avobenzona e Octrocrileno com DEHN, proporcionando proteção altamente eficaz contra os raios UVA/ UVB. Além disso, possui em sua fórmula ativos que asseguram uma potente ação antioxidante e hidratante, contudo, sem deixá -la oleosa e ainda resistente à água e ao suor.

PREÇO: R$ 38,00 64 ESCOLHA Sinara Neves


(33) 3221.8903 Rua Peçanha | n°500 | Centro | Gov. Valadares | MG ESCOLHA Sinara Neves 65


66 ESCOLHA Sinara Neves


A Fila

“Um amigo me chamou pra cuidar da dor dele, guardei a minha no bolso. E fui”. Tão bonita e inspiradora essa frase de Cecília Meireles! Revela a alma de gente altruísta, que vive para transformar outras vidas e quer receber em troca uma moeda chamada sorriso. A nossa “Fila A” da ESCOLHA, dessa vez, recebe no lugar mais cativo de suas páginas/história duas “meninas” lindas que abraçaram a mais nobre das causas: ajudar o próximo. fotos: ana paula assis entrevistados: ANA GODOY E PENHA LUCCA

ESCOLHA Sinara Neves 67


*

Ana Godoy

Dois caminhos, um destino: ajudar!


A

na Godoy poderia muito bem concentrar os esforços apenas no tratamento do filho que se envolveu com drogas, mas quis transformar a vida de todos da sua cidade e quem sabe até do Brasil? Penha Lucca se consternava com a aflição das funcionárias do hospital de sua família que não tinham onde deixar os filhos para irem trabalhar. Ela viu um galpão desocupado e montou uma creche regada a carinho e cuidado. De tia das crianças, tornou-se a vovó. Lá se vão 38 anos de dedicação aos muitos netinhos. E a dona Ana Godoy? Ela conseguiu. Trouxe a Pastoral da Sobriedade para Valadares. Mudou a vida do filho e de incontáveis outras pessoas. Hoje é Coordenadora Nacional da Pastoral. A história de vida das duas damas dessa reportagem passou por caminhos diversos, adversos e diferentes uma da outra, mas ambas tem algo muito forte em comum: a mes-

*

“As drogas destroem a vida de crianças boas. Vi isso acontecer na minha casa e tentei mudar essa realidade. Hoje dedico minha vida a essa causa”

*

ma vontade de mudar o mundo ao seu redor. “Eu queria buscar uma forma para que meus entes e outras famílias pudessem superar esse problema gravíssimo e destruidor, que é a droga. Foi aí que vi na Pastoral uma forma de conseguir ajudar essas pessoas”, comenta Ana Godoy. Ela explica que a Pastoral da Sobriedade trabalha em cinco frentes: prevenção, intervenção, recuperação, reinserção (social e familiar), atuação política (conselhos municipais), sempre engajando o núcleo familiar em todas as etapas do processo. Depois de muita luta, Ana ajudou a recuperar várias vidas e manteve os dois filhos gêmeos livres das drogas. “Um se formou veterinário e outro educador físico. Hoje capacito novos agentes – já foram 27 mil pelo Brasil inteiro - e montamos aqui em Valadares uma comunidade terapêutica chamada ADQF (Associação de Acolhimento a Dependentes Químicos e Familiares). Quase 400 pessoas já passaram por lá”, detalha, completando que o serviço é 100% gratuito, com o objetivo único de tornar cada interno exemplo de superação e o coração de Ana Godoy mais cheio de alegria por fazer o bem mais uma vez.

DE DICA ÇÃO ESCOLHA Sinara Neves 69


O papo para essa ESCOLHA não poderia ter um clima mais propício ao Natal. Com essas duas, impossível não ficar em paz e ter sempre pensamentos positivos de que a vida pode ser melhor. Elas fazem o que muitos rotulariam como impossível. Aos 75 anos, Penha poderia preferir o conforto do lar a ter que acordar cedo, coordenar uma equipe de oito professores, psicóloga, pedagogas, além de funcionários de outras áreas e 62 duas adoráveis crianças. Tudo isso sem receber um centavo. “Ao contrário, todo dia eu gasto dinheiro do meu bolso. Não deixo faltar nada. A prefeitura ajuda e os empresários locais também. Nossa cidade é feita de gente muito boa, graças a Deus!”, comenta. De vez em quando, ainda “rola” um bingo, uma rifa e outras ações para ajudar a conduzir os trabalhos da creche Santa Helena, homônima da mãe de Penha. “A creche não podia ser batizada de outra forma. Minha mãe era uma pessoa

*

“As pessoas pensam e questionam todo o tempo: O que seriam dessas crianças sem a Penha Lucca? Mas é o contrário: O que seria de mim sem elas?”

*

muito bondosa. Tentei seguir os passos dela; mas, pra falar a verdade, todo mundo pensa que sou eu que ajudo a creche, mas é ela que me ajuda. Tenho meus filhos, netos e até um bisneto. Amo minha família, mas todos têm seus afazeres e acabaria ficando muito sozinha, não fossem ‘meus meninos’”, destaca, lembrando, toda satisfeita, que há poucos anos conseguiu construir até uma sede própria. “Vendemos um lote da Fundação José Lucca (que recebe o nome do meu marido) e construímos a creche. Agora estamos terminando o muro de arrimo”, conta feliz da vida. Pois bem, quando Mário Quintana escreveu que é nosso “dever gostar daquilo que prescrevemos a nós próprios”, as duas personagens dessa matéria observaram, absorveram e foram muito além. Para elas, a lei do retorno é multiplicada por dois, três ou mais. Tudo de bom que a vida lhes deu, elas devolvem com muito mais amor do que quando receberam. Deu pra perceber como Anas e Penhas são raras, não é mesmo? Orgulhos de Valadares, elas são dois grandes exemplos a serem seguidos, para que sua gente possa “fazer o bem sem olhar a quem”.

SOLI DARI EDADE 70 ESCOLHA Sinara Neves


*

Penha Lucca

Dois caminhos, um destino: ajudar!

ESCOLHA Sinara Neves 71


72 ESCOLHA Sinara Neves


Assis Paula eves a n A : N Fotos a: Sinara d rros o a b m a e k d e z o ir): igor uçã ke/ha o: Look T Prod a m ( ica a Lobat ilica Ripil belez o r d L Pe k João rena: Loo o M Liz

a r r e Na T versão, i d , a a i d s ta n a o f ã ç a da n i g a da im

ESCOLHA Sinara Neves 73


o j テコ a r A o n ia r ip C o e Th e Sofia Moreno

Mimos Ele veste FANTIL IN N A AYB テ田ulos: R Vedere/PARIS PARA テエ Lelテェ veste Pop la E


ESCOLHA Sinara Neves 75


Theo Cipriano Aroarテコejono e Sofia M

76 ESCOLHA Sinara Neves

Mimos Ele veste BAN INFANTIL Y A テ田ulos: R /PARIS e r e d e V PARA Popテエ Lelテェ e t es v la E


Liz Morena

Ripilica Look Lilica

ESCOLHA Sinara Neves 77


aL ura Axer Sim천es e Helena Simas e k Precoc Laura: loo k Mimos o Helena: Lo

78 ESCOLHA Sinara Neves


ESCOLHA Sinara Neves 79


Carolina Satlher oon look: cart

80 ESCOLHA Sinara Neves


ESCOLHA Sinara Neves 81


ANUNCIO SIMPLES

82 ESCOLHA Sinara Neves


Linda

e * cheia de charme

*

Com vocês, a versatilidade da Palomitcha!

O

molde é sempre o mesmo, mas nenhuma (acredite!) é igual à outra. Com muita mistura de estampa nos modelitos, penteados divertidos nos cabelos, sorriso no rosto ou “emburradinha”, a personalidade de uma Palomitcha é sempre única. ESCOLHA Sinara Neves 83


Foto: Ana Paula Assis

“ -Oi meu amorzinho, é pra você”. “-Bigada Tia! É linda, resgatar sensações e ser criança a vida toda”, conta a artesã que mas o que ela faz? Ela canta, ri, dança... O quê que ela faz tia?”. começou a criar de forma despretensiosa, mas sempre com “Respondeu a menina, de apenas dois anos, apertando a bone- muito capricho e dedicação, procurando sempre inovar nos ca de pano pra lá e pra cá”. Esse diálogo foi real. Aconteceu há detalhes exclusivos e divertidos. poucos dias e chamou atenção de como atualmente um brinPaloma nunca se considerou uma artista (para de modésquedo tão simples se tornou novidade no universo infantil. tia Paloma, seu trabalho é pura arte e delicadeza). “Eu sempre Acostumadas aos brinquedos seguia os instagrans de quem tecnológicos as “crianças de hoje”, faz boneca e achava legal. Mas muitas vezes são furtadas do direieu queria fazer diferente, acho Longe do arquétipo de “boneca to à imaginação maior e melhor. todas muito iguais. Há uns perfeita”, com vestidos rodados Brinquedos industrializados fazem dois anos rabisquei meu prie cor de rosa, as Palomitchas tudo: andam, falam, dançam, têm meiro molde, aprimorei e fazem fama pelo Brasil. Elas já um guarda-roupas inteiro quando nunca mais parei de fazer produzir os modelitos é tão mais boneca”, comenta em meio estamparam capa de revista legal; fazer andar e conversar com a retroses de linha, tecido (e nacional e até anuário de a força do pensamento - que vai muitoooo!), botões e várias decoração e patchwork. Já longe - é muito mais emocionante. outras peças encantadoras renderam, inclusive, pedido de Mas tem gente que insiste em não que enfeitam o ateliê endeixar essa mistura de sensações quanto não encontram autógrafo para a criadora em morrer. Ainda bem! feira de design (e ela achou super seus felizardos donos. A querida Paloma Bragança No terraço de casa, com engraçado, por achar que não é uma entusiasta da imaginação. uma vista privilegiada está preparada pra isso. Pode Fascinada pelo mundo infantil e para a linda Ibituruna, por bonecas de pano, ela decidiu a mãe da Palomitcha – uma coisa dessas?!) criar a sua própria boneca: a “Pada Thauana e do Pedro lomitcha”. Toda charmosa, essa Guilherme também – boneca tem personalidade singular. “Os ‘looks’ que elas vestem encontrou um lugar para ser feliz, junto aos sorvesão bem diferentes, as expressões faciais também. Deixo a ima- tes, maçãs, corujas, almofadas, pássaros e gaiolas... ginação voar para dar vida a elas. Ver o sorriso no rosto da Novas coleções pós Palomitcha que chegaram para nova amiguinha que ela ganhará em breve é uma maneira de enfeitar o lar ou coração de alguém.

*

*

84 ESCOLHA Sinara Neves


Paloma Bragança e suas palomitchas!

Foto: Ana Paula Assis

IMAGI NAÇÃO


Detox

ESCoLHA Saúde

por Camila Leite

Suco natural Detox 1 Bater 200ml de chá de hibiscus com 1 ramo de hortelã + 6 morangos + 1cm de gengibre e 1 colher de sobremesa de sementes de chia e gelo.

Benefícios Ajuda na estimulação do metabolismo, reduzir a gordura, regular o intestino e ainda contribuir para combater a retenção de líquidos e diminuir o colesterol por causa do Hibiscus. O gengibre torna o suco antioxidante, anti-inflamatório é ainda capaz de aliviar sintomas de enjoo e náuseas. Ele tem ainda a vitamina C do hortelã. Além desses benefícios esse poderoso suco é rico em fibras, auxilia as dietas de emagrecimento. Além disso, possuem ácidos ômega 3 e 6. 86 ESCOLHA Sinara Neves

é o nome dado ao suco pela ação dos ingredientes, que significa desintoxicar. Eles agem como diuréticos e auxiliam até a memória e o sistema imunológico. Quem dá a dica de três receitas para você fazer em casa é a nutricionista funcional Camila Leite.

Suco natural Detox 2

smoothie refrescante

Bater no liquidificador 200ml de água de coco batida com 1 kiwi + 1 folha de couve e hortelã + 1cm de gengibre + 1 colher de sobremesa de sementes de linhaça dourada triturada e gelo.

Bater 150ml de água de coco com 1 manga pequena descascada congelada + ½ banana congelada + 1 colher de chá de cacau em pó sem açúcar + 1 colher de chá de mel orgânico e sementes de chia polvilhada.

Benefícios A água de coco é rica em minerais. O potássio é o eletrólito mais abundante na água de coco, destaca-se ainda sua propriedade diurética, seu potencial antioxidante. A couve é rica em vitamina A, B1, B2, B5, C, K e ainda excelente fonte de cálcio, cloro, enxofre, ferro, fósforo, magnésio, silício e sódio. Já o Kiwi possui uma fibra importante para controlar os níveis de colesterol no sangue, auxiliam na digestão, evitam a prisão de ventre e outros problemas intestinais. A linhaça é funcional e reconhecida como uma das maiores fontes de ácidos graxos essenciais ômega-3 e ômega-6.

SAU DÁ Benefícios

Suco rico em potássio, vitaminas A, C e do complexo B. Excelente para combater os radicais livres e antioxidantes. Ajuda na prevenção do câncer e doenças do coração. Devido ao ingrediente cacau, o suco tem impacto no humor, eleva a disposição mental.


33.3275 8330

Rua Jo찾o Dias Duarte | n째 346 | Vila Bretas | Governador Valadares


Odontóloga

ROBERTA MACHADO

Noite especialíssima celebrou a inauguração da clínica odontológica Roberta Machado, que fica na charmosa casa da rua Sá Carvalho. No espaço já todo equipado, a doutora Roberta recebeu amigos, familiares e o pastor Rimack, no qual ressaltou a importância de toda caminhada da odontóloga e o apoio da família. Encontro emocionante que mostro através de fotos para vocês.

*****

José Roberto, Roberta, Mônica e Bruno

fotos: SINARA NEVES

***** 88 ESCOLHA Sinara Neves

Roberta e Vânia Machado

Roberta e Vanúzia Nick

Roberta e Alba Valéria

Jarbas Júnior (Namorado) e Roberta

Dalva Rodrigues, Roberta e Mônica


Jarbas Júnior, Roberta e Terezinha

*****

Fabricio, Roberta Rodrigo e Jussara

RE FE RÊN CIA

Roberta e Bertha Diniz

Roberta com seus pais

Danilo, Antônia Mara, Ivo e Marcelo

Bruno Machado e Gabriel

Emilia e Marcos Machado

Dr. Siddhartha e Daena

Endereço da Clínica: A Clínica odontológica Roberta Machado fica na rua Sá Carvalho, 197 . Centro

ESCOLHA Sinara Neves 89

Arezzetes sempre!

Mônica, Roberta, José Roberto e Pastor Rimack


ESCoLHASocial Foto: Mariana Bretas

Frozen da Bia

Miss

A miss américa latina, Dianine Nunes veio especialmente a Valadares com exclusividade para o Instituto de Beleza Dginany Bittencourt. As imagens de tirar o fôlego com assinatura do fotógrafo Rodrigo D’ Ávila foram produzidas para essa edição da Escolha. Os vestidos e acessórios são do ateliê Anna Flor.

Carmen Steffens

Há quem diga que o desenho Frozen Disney – Uma Aventura Congelante é o melhor lançamento da Disney desde o Rei Leão”. Com todo amor dos filhos pelo filme, não poderia ser diferente, o tema tornou-se o mais queridinho pelas mães neste ano. E foi exatamente esse tema, que estou apaixonada, em especial pela festa de 5 anos da Ana Beatriz, tudo preparado com todo carinho pelos pais dela. Na foto a aniversariante com os pais e irmãos: José Bernadinho Murta, André, Ana Beatriz, Gabriela e Mônica.

Inaugurada a nova loja Carmen Steffens. Na foto, Mirian Fernandes e as supervisoras Nina e Sandra.

Foto: Mariana Bretas

Atara

E na Atara a coleção verão tem a nossa cara! A empresária Dênia Coelho, uniu em um só espaço suas duas lojas, a DF Calçados e Atara. Tudo funciona agora no endereço da Ilha dos Araújo, e lá podemos contar com espaço amplo, local de estacionar e mais opções. Aline e Dênia Estar com Glória Kalil Fernandes. Os empresários Tê e Oswaldo Gontijo receberam na Pousada Jeito de Minas, a Jornalista, empresária e consultora de moda, Glória Kalil. Evento realizado por Joselita Pereira, Lidiane Pimenta, Carla Morra e Carla Aguiar.

Chácaras Miura

Edvaldo Soares Filho, Edvaldo Soares, Luiz de Castro, Bruno Luiz. Pais e filhos, sócios do mais novo e promissor empreendimento da cidade: As Chácaras Miura.

***** Os agitos dos 40 anos da linda Sandra Kelly Teixeira Fotos: Ana Paula Assis

Sandra com Kellen Aquino Amaral Ao lados da família, Sandra Kelly, recebeu para comemorar seus 4.0 - na foto: O filhos Patrick e Victor, o marido Márcio Teixeira, e a mãe dela Ilce.

Sandra Kelly ladeada pelas amigas Aline Almeida, Patrícia Ferreira Mattos, Cris Almeida e Juliana Tavares.

Sandra com O MARIDO MÁRCIO TEIXEIRA

90 ESCOLHA Sinara Neves

com as amigas: Marília Bastos, Mônica Faisal, Pollyana Mafra, Leilane Timotéo, Andreia França e Luana Pinheiro.


***** Maria Inês com Neíla Vargas

Bênçãos dAS ALIANÇAS

Elaine e Aluísio Capobiango

BODAS DE RUBI

O Casal com Suely e Marcelo Marigo

Maria Inês e Gute Pereira Gute e Maria Inês recebendo ao lado da família: Ricardo com a namorada Luísa Sabino, Wellington e Alessandra, o casal, Júnia com Marcelo e Lucas

Marize De Marco e Mariza Resende.

Maria Inês e Gute Pereira celebraram 40 anos de casados, a Bodas de Rubi. Festa maravilhosa feita por uma família muito especial. Encontro animadíssimo no salão Champagne com bençãos do padre Francisco Vidal. Fotos: Flávia Carvalho

Os Pereira’s- Rodrigo e Patrícia, o casal, Paulo, Bel e Massoca

Tida, o casal e Renatinho Leite

ESCOLHA Sinara Neves 91


TER FILHOS

Sâmara Nick Psicóloga

*

*

Diante das dificuldades de enfrentar conflitos...Ou isto ou aquilo? “Ou se tem chuva e não se tem sol, ou se tem sol e não se tem chuva! Ou se calça a luva e não se põe o anel, ou se põe o anel e não se calça a luva! Quem sobe nos ares não fica no chão, quem fica no chão não sobe nos ares...” (Cecília Meireles)

O

conflito é algo inerente a nossa condição humana. Muitos de nós entendemos o conflito como um fenômeno danoso enquanto na verdade a vivência de conflitos pode nos oferecer uma forte oportunidade de aprendizagem. É pela vivência e experimentação do conflito que a criança aprende o que é certo ou errado, não apenas pela doutrinação. Um ponto importante a considerar na educação das crianças é que os adultos possam ver com naturalidade a presença de conflitos em suas relações e principalmente na relação educativa. É muito comum confundirmos conflito com confronto. No confronto não se admite o diálogo, pois é a busca da supremacia de uma posição. É preciso anular a opinião, a ideia ou o comportamento diferente do nosso. De acordo com a psicanálise, conflito psíquico é o tema presente na teoria da organização psíquica do ser humano, pois é frequente a utilização de antagonismos, como consciente/ inconsciente, prazer/desprazer, amor\ ódio etc. o que nos faz chegar à conclusão de que os pares de opostos são uma parte importante da concepção de sujeito e têm relevância para o entendimento do que é saúde psíquica. Então podemos entender o conflito como um choque de diferentes forças, as chamadas oposições e contradições, em que o desprazer está relacionado a um aumento da tensão do aparelho psíquico, enquanto o prazer estaria relacionado a uma diminuição dessa tensão. Todo o funcionamento mental estaria voltado para diminuir o desprazer e gerar o prazer, ou seja, estaria regido pelo que Freud chamou de Princípio do prazer. No entanto, o sujeito logo aprende que nem sempre a satisfação dos seus prazeres é a melhor opção, uma vez que tais atos podem

92 ESCOLHA Sinara Neves

ter como contrapartida uma punição. Por exemplo: comer ou não comer o pudim reservado para a sobremesa? Ficar mais tempo do que o permitido no computador? Assim, passa a adiar alguns prazeres em troca de outros, mais seguros. E para isso, utiliza-se de processos racionais de avaliação e julgamento objetivo das causas e consequências envolvidas em um determinado contexto. Consequência seria: se comer ou ficar mais tempo, posso ficar de castigo ou ser impedido de ir a uma festa ou ao clube. Essa ponderação, que vem contrabalancear o domínio do princípio do prazer, foi chamada por Freud de Princípio da realidade. Tais princípios regem dentro de nossa organização psíquica em processos primários e secundários desde a mais tenra

*

“Somente no diálogo identificaremos as diferenças e aprenderemos a conviver com elas. “

*

infância. Parece então um conflito entre o desejo de realização de um e de outro, mas na verdade o que há é o trabalho conjunto, numa espécie de economia psíquica, ora satisfazendo parte ou todo desejo, ora criando maneiras de satisfação sem entrar em choque com a realidade. E se eu pedir ou negociar uma alternativa com meus pais? Vivemos conflitando satisfações que são realização dos desejos que as coisas sejam de acordo com o que desejamos e insatisfações que é o reconhecimento que nem tudo o que desejamos é possível de ser realizado, teremos na vida a realidade e a vivência de frustrações. O sujeito saudável é capaz de identificar os conflitos e ser forte o suficiente para resolvê-los, pois somente um ego forte e bem desenvolvido pode tolerar frustrações. Isso, aprendemos desde a infância quando os adultos permitem as crianças viverem seus próprios conflitos e possibilitarem uma

distância saudável para que elas próprias achem alternativas para resolver seus conflitos e suportar as frustrações. Não é possível educar filhos sem conflitos, porque educar supõe desagradar aos filhos e isso gera conflitos. Ser pai e mãe exige coragem, potência, credibilidade e firmeza. Não existe família sem conflito, sejam eles reconhecidos ou não. Para transmitir aos filhos a moral, a ética e as virtudes priorizadas, é preciso ter autoridade, que é construída no dia a dia. Para isso, é fundamental o diálogo, ele é o grande catalisador dos vínculos entre pais e filhos. Somente no diálogo identificaremos as diferenças e aprenderemos a conviver com elas. A diferença não é caracterizada apenas pelos aspectos físicos, mas também pela cultura, costumes, pensamentos, ideias e comportamentos. É essencial aprendermos a conviver em sociedade e isso requer de nós paciência e capacidade de respeitar os hábitos e costumes das outras pessoas. A dificuldade de lidar com as diferenças, vem com certeza da família e dos seus hábitos. No campo social, em nossos processos civilizatórios, lidamos constantemente com diferenças e diversidade. Por ser algo vivido em nossa natureza, pressupõe que a convivência com diferenças deveria ser positiva, pois é através da diferença de ideias, opiniões e comportamentos que pode gerar novas alternativas, porém para isso somente se o diálogo for a estratégia para administrar a situação. Nesse tipo de convivência, surge algo fundamental: a cordialidade. Cordialidade no sentido estritamente etimológico vem de coração. “Cordialidade” como bondade acompanhada da polidez que é a nossa forma ordinária de convívio social. Entender os sentimentos cordiais, buscar formas civilizadas da cordialidade na qual predomine a vontade de cooperação em vista do bem comum são tarefas sim dos adultos na educação de nossas crianças.

DIÁ LO GO


ESCOLHA Sinara Neves 93


a fantasia sustentada pelos * infantil contos de fadas Carine Jacarandá | Psiquiatra | CRM-48138

V

ivemos em um mundo em constante transformação. Conforme evoluímos mudam os paradigmas, comportamentos e modelos. E as crianças nascidas a cada geração refletem essas mudanças. Hoje, diferente do que acontecia há poucas décadas, as mães trabalham fora do lar, as avós não fazem mais bolos para os netos, até porque bolos se compram em padarias. Com tantas mudanças em curso, mudam os objetos concretos, mas o simbolismo continua estimulando as crianças a entrarem no mundo mágico que dê asas a sua imaginação: são super-homens, são fadas e rainhas que sustentam as suas brincadeiras de ‘faz de conta’. Na era da tecnologia, o fantástico ganha a companhia do eletrônico. Vídeogames,

*

“Os contos de fadas ajudam-na, mostrando como uma claridade superior pode emergir, e emerge mesmo, de todas as suas fantasias.”

*

tablets e joguinhos de computadores são entretenimentos bem-vindo,s desde que o lúdico continue sustentado pela fantasia: o mocinho vence o bandido, o príncipe salva a princesa, o bem vence o mal. Basta observar as brincadeiras das crianças para perceber que apesar de todas as mudanças tão bem representadas pelo universo virtual ao qual elas têm cada vez mais acesso, as fábulas de príncipe e princesas continuam encantando meninos e meninas. Elas se procuram – mesmo que nem sempre se reconheçam – na Barbie, símbolo que substitui a Branca de neve; eles têm seu passatempo preferido associado aos esportes, especialmente o futebol, jogo aclamado pelos meios de comunicação e praticado por todos os grupos sociais. E enquanto as meninas projetam seus ideais de beleza e charme, os meninos 94 ESCOLHA Sinara Neves

*

sonham que serão um dia um jogador famoso e bem sucedido. De acordo com o biólogo e pesquisador suíço Jean Piaget, “a criança no estágio simbólico entra no mundo do faz de conta, a fantasia toma conta de seu imaginário ao ponto de ser confundida com a realidade”. Ele estabelece assim a dualidade entre o biológico e a psicanálise. A construção do pensamento surge com o desenvolvimento das estruturas mentais internas, biológicas ou o desenvolvimento do pensamento, que como diz o teórico russo LevVigotsky, “sustenta-se na realidade externa sociointeracionista”. Os contos de fadas parecem obedecer a ordem dos dois autores, sustentados na teoria de Carl Jung, quando os símbolos são originários de um inconsciente coletivo. Pela lógica do mundo moderno os contos de fadas não deveriam possuir representação em nível consciente, já que as suas origens pouco representam o cotidiano na sociedade pós-moderna. Foram criados em tempos remotos, porém sua representação simbólica em muito contribui para construção da moralidade infantil, apresentando soluções para problemas morais nos quais estão impregnados a construção da personalidade infantil. As soluções apresentadas nos contos de fadas sobre os dilemas morais ensinam as crianças, através do mágico, a tomar decisões que representam a construção do pensamento em sua fase psicológica evolutiva. A criança, em sua compreensão mal compreendida, necessita de suporte para o enfrentamento necessário que ajude a entender a si própria. Os contos de fadas são imaginários que ajudam a organizar sua fase evolutiva e por em ordem a sua desorganização mental na tentativa de entender seu próprio mundo. Assim, eles se tornam pilares para construção de esquemas do psiquismo consciente, pré-consciente ou inconsciente. Os proble-

mas da humanidade preocupam o espírito da criança, as histórias falam ao seu ego nascente, encorajando o seu desenvolvimento e, ao mesmo tempo, aliviam tensões préconscientes ou inconscientes. Tratam-se, atavés da fantasia, questões severas, tensões interiores, angústias e a curiosidade infantil que a criança inconscientemente compreende, confrontando-as com suas questões internas e proporcionando exemplos de soluções, tanto temporárias como permanentes, para as dificuldades mais inerentes. Os contos de fadas são imaginários, mas a criança compreende que eles lhe falam numa linguagem de símbolos e não na da realidade de todos os dias. Os acontecimentos reais só se tornam importantes para a criança através do sentido simbólico que ela lhes dá ou que ela neles se identifica. A fantasia, como uma alternativa do real observada pela criança, poderá evocar necessidades e angústias tão fortes que podem fazê-la se deixar arrastar. Muitas vezes, as coisas tornamse tão confusas no seu espírito que ela não consegue separar umas das outras. Mas é necessário um certo ordenamento para que a criança regresse à realidade, não enfraquecida nem vencida, mas antes fortalecida por esta excursão pelas suas fantasias. Os contos de fadas ajudam-na, mostrando como uma claridade superior pode emergir, e emerge mesmo, de todas as suas fantasias. Essa fase será superada nos estágios das operações concretas, quando os símbolos perdem sua força maior para a construção da realidade concreta. Então o ego se reconstrói, as representações simbólicas ficaram em plano secundário, porém não perdem suas funções fantasmáticas em nível sub-consciente ou inconsciente, fortalecendo ou enfrequecendo o ego, dependendo do depositório sistemático estabelecido para manter a função da consciência.

IMA GI NA ÇÃO


Certificado de Autorização CAIXA nº 0-0000/2014


96 ESCOLHA Sinara Neves


ESCoLHA Presentes Foto: Ana Paula Assis

Vespa decorativa Haifa

Coruja decorativa A Brasileira

Paliteiro Wish Pote vela e bandeija de lavabo Haifa Sais de banho Haifa

Cofre Wish

ho-ho ho

Velas aromatizadas Haifa

O Natal está quase chegando e bancar o Papai Noel nem sempre é fácil, principalmente quando é necessário um esforço a mais para fugir do óbvio. A revista Escolha selecionou algumas sugestões de presentes criativos para dar neste Natal. As ideias podem servir para pessoas de várias idades e incluem artigos de design e decoração.

Papai Noel A Brasileira

Relógio A Brasileira

Cofre Wish

Caixas A Brasileira

Aromatizador de ambiente A Brasileira

ESCOLHA Sinara Neves 97


Moda

ESCoLHA Estilo

uma médica que inspira

C

omo a maioria das meninas delicadas, a brincadeira preferida de Ana Beatriz Coppolli era fazer roupinhas, colocar pra dormir e levar para passear as filhas e amiguinhas imaginárias. Os anos foram passando e ela decidiu cuidar de vidas ao invés de bonecas. Aos 19 anos ingressou na Faculdade de Medicina de Barbacena. A residência foi concluída na Santa Casa, em BH, onde descobriu sua vocação por Oncologia Clínica. Os anos de dedicação integral logo deram origem ao tão sonhado diploma de médica. Filha de professor de bioquímica, Ana Beatriz nunca teve dúvidas sobre seu dom. Casou-se com o também médico Emerson Lopes e, para completar o time, tiveram dois filhos: o Arthur de seis anos e o Fernando de apenas três aninhos, que são suas paixões. Falando em “paixões”, a doutora revelou à Revista Escolha que é ceguinha de amores por um acessório que consegue dar um “UP” em qualquer look. “Adquirir óculos nas tendências das estações não é um consumismo habitual, muito mais um prazer de inovar. Gosto muito de óculos como acessório, que faz a diferença no conjunto estético do vestir. Por vivermos no clima tropical, é indispensável aliar o conforto e proteção visual com harmonia e estilo”, revela. Ana Beatriz não é muito apegada a marcas, ela prefere os modelos que ficam bem em seu rosto. “Admiro e me inspiro em personalidades que fazem a escolha precisa de óculos, como Glorinha Kalil, Constanza Pascolato e Jackie Kennedy”. Também suspiramos por essas três divas, Ana! Óculos do acervo pessoal de Ana Beatriz

98 ESCOLHA Sinara Neves

Fotos: Ana Paula Assis

E


Além do branco: o estilo clássico e chique de uma médica

Blazer

Regata de seda

Os looks diários de uma médica não têm muito segredo. CLÁSSICO e CHIQUE são as palavras de ordem. Ana Beatriz explica que “ambiente de trabalho requer simplicidade e elegância”. Inspire-se no estilo dela:

Calça skinny

Camisa social

Calça flare

Blusa social

Elegância Saia midi

ESCOLHA Sinara Neves 99


100 ESCOLHA Sinara Neves


la Rodrigo DÁvi FotÓgrafo . s ve Ne moda . Sinara S O Produção de RR BA /hair) . ZEKA o Beleza (make nc a Maria Fr ecutiva . José Produção ex

Lorena Batista

eir !

DF Atara BY Sandália:

Mary’s Fogo Fetiche r e c e u Aq

ESCOLHA Sinara Neves 101


Lorena Batista

i ra Galvan Look: Maya êda Armond IAS :N Casquete DE ELIANA CHISTÉ JO E R : S O C IN R B

102 ESCOLHA Sinara Neves


Lorena Batista

TEFFENS ias CARMEN S SANDÁLIA: de Eliana Chisté Jo e R : s o c in r B

ESCOLHA Sinara Neves 103


Lorena Batista

テ田ulos: PRADA PARA Vedere/PARIS Brincos: Rede Eliana Chistテゥ Joias 104 ESCOLHA Sinara Neves


ESCOLHA Sinara Neves 105


Lorena Batista tere贸tipo T-shirt: Es

106 ESCOLHA Sinara Neves


Lorena Batista

re/PARIS PARA Vede A D A ias R P : s Chistテゥ Jo テ田ulo ede Eliana R : s o c in r B


Lorena Batista

s Look: Ton s ia Jo ĂŠ t Chis ede Eliana R : s o c in r B

108 ESCOLHA Sinara Neves


re/PARIS PARA Vede A D A ias R P : s Chistテゥ Jo テ田ulo de Eliana e R : s o c in Br

ESCOLHA Sinara Neves 109


acesse

w w w . b lo g da s i n a ra n e v e s .co m . b r CONTATO COMERCIAl: 33.9105.4343

/

escolhasinara@gmail.com

sinaraneves

110 ESCOLHA Sinara Neves


ESCOLHA Sinara Neves 111


& Por uma feliz c0incidência, as iniciais de as p avs inspidos são as smas  no  no a eresa. Es nori no as ações e nos motivam a proj­€ o dia a dia c0m muita dedi‚ção.

112 ESCOLHA Sinara Neves

Empreendimentos Imobiliários

Revista Escolha por Sinara Neves  

Quatro Elementos 5ª Edição

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you