__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1

#1 UM UNIVERSO DE POSSIBILIDADES PARA O AUTOCUIDADO


S O T U D COS O R P ÂNI ORGR T I F I C A D O S

% 100

CE

Do nosso quintal para sua mesa. 19

ENTREGA SEMANAL

9 9963.1954

/ALVORADA_VIVA

ARTHUR NOGUEIRA | CAMPINAS | COSMÓPOLIS | HOLAMBRA | JAGUARIÚNA MOGI GUAÇU | MOGI MIRIM | STO. ANTÔNIO DE POSSE


Editorial

Mapa astral do nascimento da Revista Digital Ecoa ilustração: Marta Gândara Villela e Gabriela Takahashi Takiuti

A Revista Digital Ecoa acaba de nascer!

Novos tempos exigem novas iniciativas. Por isso, chega ao mundo, cheia de frescor, a Revista Digital Ecoa aplicando novas formas de nos comunicar.

Nesses últimos anos, recebemos milhares de pessoas no nosso evento Ecoa Festival. Houve práticas integrativas abertas ao público, venda de produtos destinados ao bem-estar e, o principal, muito envolvimento e trabalho voluntário para celebrarmos o cuidado, a empatia e a troca humana.

Uma revista que também é para ouvir. Para assistir. Para contemplar. Para escutar enquanto se lê. Ou para apenas escutar. Bem-vindos a bordo dessa experiência que prevê circular em territórios instruídos a inspirar, a instigar, a nutrir, a autocuidar e a fazer fruir a estética. 3


Colocando a prosa em dia

Meu canto no meio de tudo. Uma semente de futuro, um lugar e uma tribo em continuidade. Aqui é meu ninho de conforto e segurança, onde me envolvo com verdade, alegria e profundidade; Neste lugar pude depositar uma semente e criar um filho de grande capacidade. Aqui desde pequeno, Felipe “netoneiro” curtido junto com meu John companheiro! Aqui é meu porto seguro – um lugar da família, onde polinizo sonhos de futuro! Aqui é minha oficina da imaginação, onde pinto e bordo sonhos de um mundo melhor. Aqui ensaio livros e sedas para encantar essa visão. Tento que cada ato meu seja feito de modo sagrado: quer dizer, com alegria, gratidão e reverência. Nas casas, nas vestes, na conduta, nas palavras e nas danças, ofereço meu melhor e um esforço extra pela beleza. Aqui é minha praça de relacionamentos, fertilizada em círculos de amizade com pessoas de mesma visão. Aqui compartilho as transformações dramáticas do meu tempo e tento completar minha missão. Aqui recebo as amigas da mesma estrada, com quem posso rir e chorar, tricotar e pintar cozinhar e conversar para outra etapa avançar. Aqui é meu santuário de reverência diária à natureza generosa e sagrada que me sustenta, me alegra, me conforta e que levo a toda parte no meu templo interior. Aqui vivi a completude e a falta, a vitalidade e a dor. 4


revista digital ecoa #1

Procuro significado para viver a ausência do amado, sem abandonar o que junto foi sonhado! Esta releitura da vida, da obra e do lugar talvez seja o canto de cisne que ainda me falta dançar. Arrumar gavetas, emoldurar poesias, recontar estórias, achar as cores do presente para fertilizar a semente. Aqui, o canto da mata, o frescor da nascente e a graça da corrente! Aqui, o espelho do poente, quando me ponho a remar; a grandeza do horizonte me ajuda a ouvir a voz que não usa palavras e o balanço do Jatobá sopra meus cabelos com ecos de paz! Aqui perco o sono com preocupações de fogo e desperto assustada com cheiros de queimadas; sofro impotente com a invasão de capivaras e pescadores, roubo de limões e tiros de caçadores, mas conto com o cuidado dedicado de vizinhos e moradores. Me levanto cada dia para ver o primeiro raio despontar, e agradar os cachorros que vem me cumprimentar. Aqui morro e vivo a cada dia — mãos, mente e cor ação praticando o belo con sciência e o sonho con sequência. Alegre por “estanciar” aqui, neste mundo em transformação! Talvez contribuir para fertilizar a visão de um mundo melhor, cada pessoa mais inteira, buscando mestria sobre si mesma, timidamente buscando ouvir a própria voz, que vai ficando mais forte quanto mais ouvida! Em ocasiões festivas, recreio e ritual de ReCriação, que forjam a pessoa, a tribo, o município e a nação!

Lucila Machado Assumpção lumiajoy.com.br | RPPN Estância Jatobá 2009,14,19,20...

5


DISSOLVENDO PENSAMENTOS

Ser humano

Mais que os efeitos de uma pandemia, estamos sentindo as alterações de condutas, as reformulações da rotina, a criatividade aliada ao bom senso, indicando novos rumos. Estamos aprendendo a olhar para quem não vive a mesma história que a nossa. Há em todos os lugares, em menor ou maior escala, uma preocupação e cuidado com o outro que não seja um parente, amigo próximo ou alguém que vive presente em nossos dias. Trata-se de alguém que está em situação diferente da nossa, mas que desejamos veementemente que fique bem. Estamos aprendendo e sentindo na pele que toda ação é uma demonstração de amor e que, quando vem em forma de intolerância ou até de incompreensão, é um pedido de amor.

a partir de agora nos aproximará cada vez mais do amor, da paz e de Deus As piores tempestades são aquelas que podem realmente lavar nossas almas. Uma mudança no tempo e na velocidade dos ventos é capaz de remexer tudo dentro de nós. Uma doença impactante é capaz de nos recolocar em nossos devidos lugares.

A vida nos foi dada para aprendermos a amar. E essa tarefa pode ser simples e confortável quando o outro nos atende em nossas solicitações, quando o outro responde positivamente às nossas expectativas. Difícil é amar as crises, as lamentações, o desespero. Difícil é ser amante de todos e em qualquer situação. Difícil é amar quando o mundo grita.

Difícil é amar quando o mundo grita. 6


recomendamos

Talvez, ainda precisaremos depositar toda a nossa vontade e fé nas águas e em sua rota, a favor da correnteza, flutuando em seus desníveis, desviando dos arbustos e confiando que seguir no rio da vida consiste em se deixar levar. Rendição, devoção, permitir que a grande força que nos move nos mostre a direção.

O ESPÍRITO DAS ROUPAS: A MODA NO SÉCULO DEZENOVE Livro por Gilda de Melo e Sousa

Talvez, sairemos dessa — e eu acredito nisso — muito mais humanos que antes, mesmo se precisarmos deixar de lado as nossas humanas e corriqueiras aflições, nossas constantes resoluções e saídas, pois “Ser humano”, a partir de agora, nos aproximará cada vez mais do amor, da paz e de Deus.

ESPÍRITO DE SURFISTA Livro por Jonas Bach

Flávia Bataglia Instrutora de Yoga e gerencia a página Dissolvendo Pensamentos

7


Inspirar e expirar

Respiração consciente

corpo que nos permite a vida! Podemos sobreviver semanas sem comer, dias sem água mas não poderíamos passar poucos minutos sem respirar que já seria o fim. E, muitas vezes, não estamos atentos à importância que a respiração tem, não só para a nossa vida e para todo o nosso organismo funcionar, mas também para como os ritmos respiratórios estão ligados às nossas emoções, aos nossos fluxos mentais — e especialmente como uma ferramenta para nos conectarmos com nossa espiritualidade.

Olá, queridos. Eu sou Prem Beeja. Sou Terapeuta Corporal e trabalho com Renascimento, Terapias Integradas de Respiração e Tantra. Venho aqui, por meio dessa parceria com a Revista ECOA, trazer uma atenção especial para a importância da nossa respiração em experiências de interiorização, autoconhecimento e expansão de consciência. Muitas vezes passamos todo o nosso dia sem ter percepção do ritmo da nossa respiração, mesmo ela não cessando por um instante sequer. E não nos damos conta de como esse ato, que é autônomo, mas passível de alteração pela nossa vontade, é simplesmente o acontecimento no nosso

A respiração é a fonte de todo o nosso universo físico. É a ponte entre alma e corpo. O simples ato de respirar é a maior cura para o corpo humano. O oxigênio é a primeira necessidade de todas as criaturas vivas sobre a Terra. É a partir dessa reflexão que convido vocês a acompanharem o vídeo a seguir, com um pouco mais de conhecimento sobre a importância da respiração e dos exercícios práticos que podem ser feitos no dia a dia a fim de trazerem mais interiorização, meditação e consciência para vocês mesmos. 8


revista digital ecoa #1

Vídeo de Prem Beeja sobre respiração consciente

Prem Beeja Terapeuta Corporal e de Renascimento, Respiração e Tantra Para quem quiser saber mais e participar de cursos, práticas on-line, retiros e workshops, acompanhe no Instagram @prembeeja ou pelo site prembeeja.com.br.

Conheça nossos sites: Prem Beeja / Perfil - Kaya Terapias / Massagem Tântrica.com / Renascimento / Renascimento nas Montanhas / Kaya Terapias

A respiração é a fonte de todo o nosso universo físico. É a ponte entre alma e corpo. 9


ALQUIMIZANDO

A alquimia nos dias de hoje

A sociedade atual perdeu a relação com a natureza, criando uma indústria de doentes e fabricantes de doentes, desde os aspectos físicos até os espirituais, em que a mentira é algo ensinado já na infância.

É interessante observar o título deste artigo: “A Alquimia nos dias de hoje”.

Você pode achar essa visão pessimista. Bem, é a minha visão. Mas ela me parece bem realista. Porque criar seus filhos em escolas retrógradas, que ainda tentam empurrar alguma informação dentro da cabeça desses pequenos, esmagando seus ombros e joelhos, para não dizer suas cabeças e corações, entre 4 a 8 horas, sentados, com pequenos intervalos que mais são como válvulas de escape, criando verdadeiras panelas de pressão, me parece uma pintura realista.

Como disse em texto anterior, existem passos dentro de um ciclo alquímico para se alcançar a panaceia, ou seja, o ouro, a essência que reside em cada um de nós. Esses passos ocorrem com ou sem o nosso desejo consciente, a nossa vontade, ou melhor, ocorrem sem o nosso controle. No processo alquímico, percorremos uma jornada, desde o denso até chegar ao sutil, ao ouro. Assim é na nossa vida. Assim também acontece nas sociedades, que deverão vivenciar uma transformação, encontrar sua pedra, seu tesouro.

Depois, mais velhos, ensinam que devem entrar numa outra escola, que não orienta para a alma, mas para o consumo, criando robôs condicionados a trabalhar no que não gostam, ou acham que gostam. Assim, os condicionam a passar seus dias fugindo para outros estados de consciência, por meio de todo tipo de drogas, desde o crack até a televisão e a comida.

Vivemos numa sociedade que não deixa isso existir, que nos prende a amarras e nos afasta das grandes obras da natureza. 10


revista digital ecoa #1

Que dias são esses, em que o alimento para o corpo é isopor ou um animal criado para ser abatido? Que dias são esses, em que a coluna cervical das pessoas se entorta para baixo por conta dos celulares e computadores, em vez de olhar para as estrelas ou para os olhos das pessoas? Em que dias vivemos, nos quais não se tem com quem conversar e são necessários terapeutas? Em quais dias vivemos, em que não se consegue realmente sentir a real intenção das pessoas ou a pureza de um irmão?

se para a transformação benéfica de cada forma, de cada pensamento, de cada sentimento nesse nosso mundo. É necessário que sigamos o nosso coração, que ouçamos a intuição e que organizemos, com o nosso cérebro, novas e melhores formas para os nossos queridos companheiros de viagem deste momento, na Terra. Que iniciemos o exemplo a ser apreendido pelos niños que nos observam atentamente. Assim, eles aprendem! Enquanto se estiver no ciclo psíquico, emocional, corpóreo, de morte e vida, passaremos pelas fases e processos observados na alquimia antiga. É necessário aceitá-la, para que possamos, um dia, viver o verdadeiro processo alquímico, a nova alquimia.

E, em alguns lugares do planeta, há fatos e atos muito mais aterrorizantes dos que os descritos acima! São nesses dias, nessas circunstâncias em que vivemos, que devemos fazer uma revolução. Não uma revolução exterior, mas interior, uma verdadeira evolução silenciosa!

Da autorrealização, manifestação do ouro essencial presente nas partículas, à sua integração com o que as religiões chamam por Deus. Outro porcesso alquímico, anímico, espiritual. O espírito não está separado da matéria:

O processo alquímico deve se iniciar, dentro de cada um! Muitos já reconheceram seu dever e responsabilizaram11


A alquimia nos dias de hoje

a matéria é elemento projetado do espírito das coisas. Cada elemento é importante, pois representa o próprio grande Ser, o contém, em si. A manifestação desse Ser é a representação da integração “Dele” a si mesmo, e do si mesmo a “Ele”.

Todos, ao ficarem em silêncio, podem facilmente identificar esse ponto. A partir daí, fazer o que já se sabe ser certo, ocupando-se de espalhar essa luz e esse calor a todos e em qualquer lugar. E os pontos que prendem seu desejo e aprisionam seu ego numa forma corrompida? Ora, observe-os, desenhe-os, cante, fale com os terapeutas, mas não se prenda a eles; esses pontos irão se iluminar e aquecer na luz que você carrega dia a dia.

No entanto, é preciso, primeiro, alcançar o si mesmo, e, para isso, precisamos das experiências e aprendizados que nosso mundo, nossas sociedades nos impõe. Até quando aceitaremos essa opressão do ser? Quem se permite oprimir? Quem é você?

Uma das falas que trago sempre a meu filho, desde que ele era pequenino, sobre limitações e conquistas, é: “Treinar, treinar até conseguir!”

Para sair da Roda de Samsara, primeiro é necessário saber que ela existe e que estamos caminhado nela, dia após dia. Uma vez reconhecida, é preciso reconhecer-se, a si mesmo, quem se é, e o que se está fazendo aqui, bem como suas potencialidades, suas virtudes, e algemas, seus lastros.

Assim também é este empreendimento alquímico espiritual. Devemos levar essa luz, que ilumina e aquece, sempre, em todos os nossos atos, pensamentos e sentimentos. Dia após dia, ao exercê-la, irá transformar o ser para que possa juntar-se, unir-se ao grande Ser!

Uma vez observado esses elementos, naturamente, devese olhar para o ponto mais luminoso do ambiente, o que mais gera calor e aconchego.

As 7, ou 12 operações alquímicas, onde ocorrem as 4 fases, movimentadas pelos 4 elementos, 12


revista digital ecoa #1

vão continuar a ocorrer nesta esfera de acontecimentos em que vivemos. Passaremos sempre, e de novo, por essas “regras” sabiamente observadas, tanto a nível material como psíquico, energético, emocional.

Aquele que chegar a tal ponto pode, muitas vezes, ser considerado santo, condição possível a todas as pessoas que alcançaram esse estado de ser. Assim, se inicia mais uma espiral alquímica, compreendida por outras operações e fases, tendo como instrutores os que já deixaram de ser “si-mesmos”, os que ultrapassaram as esferas celestiais e vivem sempre nos dias de hoje!

Aquele que já reconheceu ser esse processo cíclico, essa metáfora do movimento espiralado da integração, que se manifesta por necessidade, pode olhar para o momento diretamente, sem condições ou nós górgios que lhe atem mãos e pés, e sem mordaça na boca ou nos olhos e ouvidos, para que se cumpram os estágios deste instante chamado presente.

Lino Bertrand Artista plástico, fundador do Abundance Way, um processo elaborado com um conjunto de técnicas, vivências e conceitos para promover o desenvolvimento de cura da alma e a ampliação da consciência, permitindo a construção de um caminho individual rumo à autorrealização.

O chumbo, então, realmente se torna ouro, a quintessência naquele que se reconheceu. E, continuando seu caminho, tornase mais, mais que diamante, mais que o petróleo, que hoje escraviza boa parte da humanidade. Transforma-se em “si-mesmo”, naquilo que é, manifestando, assim, o numinoso, a presença divina, grandiosa, simples, amorosa, sem necessidades, abundante e benevolente, sem fantasias ou falsas verdades.

Fundador do Jung na Prática; Artista Plástico; Especialista em Psicologia Junguiana e Arteterapia formado pela Facis Ibehe; karateca e empreendedor dedicado integralmente ao desenvolvimento humano. Criador do Congresso Jung na Prática e do Workshop Minha Voz Interior.

13


sessão de autocuidado

Aromaterapia

protegem e cuidam das plantas, eles fazem isso no nosso organismo também, atuando nos quatro campos de equilíbrio do nosso ser: físico, mental, emocional e espiritual.

A aromaterapia é uma grande aliada no autocuidado, e temos feito isso por muito tempo. Plantas aromáticas são usadas com esse intuito desde o Egito Antigo, com infusões em óleos vegetais. Depois, nos famosos banhos aromáticos da Roma Antiga, houve sua primeira destilação com o maravilhoso óleo de rosas e, assim, começaram os estudos dos óleos essenciais, que nos trouxeram a aromaterapia que temos hoje.

Existem vários óleos e várias formas de usá-los; a melhor opção para saber qual e como usar é buscando um aromaterapeuta para te avaliar e orientar. No entanto, existem algumas coisas que podemos fazer em casa, sempre prestando muita atenção em como o nosso corpo responde, cuidando de si com muito carinho e atenção. Os três óleos essenciais que fazem parte do meu “kit de primeiros socorros aromaterápico” são Lavanda Francesa, Copaíba e Tea Tree — todos são maravilhosos, e cada um tem um motivo especial pelo qual foi escolhido, mas uma coisa que os três têm em comum é que são muito seguros; é incrivelmente raro encontrar alguém que tenha uma reação alérgica a esses óleos. Em todo caso, sempre respeite o seu nariz; se o cheiro não te agrada, você não precisa desse aroma.

Os óleos essenciais, também chamados de a “alma das plantas”, são óleos extraídos de plantas aromáticas que contêm diversas propriedades terapêuticas. Dentro das plantas, esses óleos são parte do metabolismo secundário delas, agindo como mecanismo de defesa; por isso, as propriedades de cada óleo mudam de acordo com o tipo de planta, o ambiente em que ela cresceu e as dificuldades que enfrentou. E como isso ajuda no nosso autocuidado? Da mesma forma que esses óleos 14


revista digital ecoa #1

A Lavanda Francesa é conhecida como o “Rescue” da aromaterapia. É um óleo calmante, com um cheiro floral delicioso, que é interessante ter por perto: ajuda a dormir, acalma em situações nas quais a ansiedade fala mais alto e ajuda a abaixar a pressão, caso ela esteja alta por nervoso. Pode-se colocar uma gotinha desse óleo na cama antes de dormir, num pedacinho de algodão para inalar, ou no aromatizador.

Os óleos essenciais atuam nos quatro campos de equilíbrio: físico, mental, emocional e espiritual. E, por fim, o Tea Tree, ou Melaleuca, é um óleo bem comum hoje em dia. Ele é perfeito para a época em que estamos vivendo. É poderoso contra vírus, bactérias e fungos. Algumas sugestões são: colocar uma gotinha na sua máscara, se precisar sair; misturar até 5 gotas na água que vai usar para passar pano ou para lavar o chão de casa; ou colocar no aromatizador, tanto no pessoal quanto no de ambiente.

A Copaíba, um dos meus favoritos, é um óleo brasileiro que na verdade é uma oleoresina, ou bálsamo. Ele é muito usado no Norte e Nordeste para aumentar a imunidade. É uma das nossas riquezas mais lindas. A extração dele não destrói a sua árvore, pois ela libera a resina quando é “riscada” e, então, se regenera. Uma ótima ideia é passar uma gotinha em cada sola do pé antes de dormir e esfregar bem. Aproveite e faça uma boa massagem — você merece. Coloque suas meias e durma estimulando o seu sistema imunológico.

A aromaterapia é cheia de opções e propriedades incríveis para nos trazer bem-estar. Quanto mais nós conhecemos e entendemos as plantas e seus óleos, maiores são os benefícios que absorvemos delas.

Sarah Medeiros Pereira Aromaterapeuta

15


INSPIRAÇÕES E ECONOMIA

Afinal, o que é economia viva? Economia Viva é uma forma de olhar e entender a economia a partir do ser humano! E, quando o foco é a VIDA, a economia passa a ser uma ferramenta para o desenvolvimento de todos. Assim, buscamos a construção de novas práticas, conceitos e modelos capazes de nos qualificar para o trabalho com a economia a partir, verdadeiramente, do ganhaganha, onde relações competitivas tornam-se cada vez mais relações cooperativas e associativas e onde as relações e os sentimentos de falta, medo e fracasso tornamse cada vez mais relações e ações em prol de uma economia próspera, saudável e benéfica para todos os envolvidos.

foto: divulgação

Relações competitivas tornam-se cada vez mais relações cooperativas. Quer saber e conhecer mais? Então acesse nosso site; lá você encontra informações sobre o nosso trabalho, além de muito conteúdo gratuito na nossa Biblioteca Viva. Sejam muito bem-vindos!

16


revista digital ecoa #1

MOMENTOS ECOA

Registros do Ecoa Festival | foto: divulgação

17


inspirações e educação

Podemos aprender dançando? Tecnologias, internet: essas novas formas de aprender com certeza ficarão neste “novo mundo”; estamos todos aprendendo a lidar com isso também.

Com o isolamento ocasionado pela pandemia que estamos vivendo, as escolas e as crianças têm sido muito afetadas. Evidentemente, não estamos nos referindo à questão econômica. Cada criança, classe, escola e família estão lidando com esta situação de forma diferente; algumas crianças estão sendo bastante beneficiadas, e outras prejudicadas por diversas razões. Por um lado, os contatos familiares estão intensificados — há mais calma no ritmo diário, mais tempo para brincar; por outro, há também solidão, pobreza, fome e violência domiciliar.

E do que, realmente, as crianças sentem falta? Com raras exceções, dos encontros com os amigos! Então... Como fica a socialização com o isolamento? Ela é importante? Brincar é importante? Sim, e muito! Aguardar em segurança tudo melhorar não significa simplesmente esperar o tempo passar... Normalmente, a presença de um professor vocacionado junto às crianças é de fundamental importância para despertar aprendizados, estimulá-las cognitivamente e despertar o interesse delas pela cultura geral — o que tem sido realizado neste momento pelo ensino remoto, mas, ao mesmo tempo, não é possível para muitas famílias. Não é de hoje que sonhamos com uma sociedade diferente. 18


revista digital ecoa #1

Para isso, podemos aproveitar e repensar: quais conteúdos queremos oferecer para as nossas crianças e nossos jovens em uma escola, para uma sociedade mais justa, humana e feliz? Informações, estas são facilmente adquiridas por meio da internet. E as outras habilidades? E a sociabilidade, a ética, a criatividade, a intuição, como vão ser desenvolvidas? E usar as mãos, trabalhar o corpo, desenvolver a coordenação motora, o raciocínio lógico, a inteligência espacial e emocional? Conseguimos tudo isso de maneira virtual? Achamos que somente essa educação remota será insuficiente.

a música e a dança são apenas duas delas; e cada povo tem sua própria música, sua própria expressão corporal, sua dança. Música é arte e matemática. Música é ritmo, pulso, melodia, harmonia. A música pode ser reverberada por meio de instrumentos e/ou pela voz humana. E a natureza também pulsa em um determinado ritmo; é cíclica. Neste sentido, a natureza também é música. Tudo pulsa em ritmo; a vida é uma dança. Nós, seres humanos, expressamos a nossa dança com movimentos corporais. Sentir o pulso de uma música e saber movimentarse no ritmo, além de manter a saúde, aumenta a vitalidade do ser humano e gera alegria.

Viemos aqui propor uma reflexão; para isso, alguns pontos serão mencionados:

Podemos dizer que, em geral, o ser humano é uma espécie egoísta por natureza e que vive em grupo. Dançar juntos, em roda, onde todos se veem, é uma forma lúdica, pedagógica, cultural, não competitiva, que, por si, promove uma educação social. Nisto estão contidos valores educativos, morais, sociais e espirituais.

Sobre a arte e a cultura - Por meio da arte, o ser humano expressa a sua alma, os seus sentimentos, a sua forma de se “religare” à sua origem. Ou seja, tudo aquilo que a rotina abafa e que precisa ser expresso de outras maneiras. A arte, nas suas mais variadas vertentes, expressa a cultura de um povo; 19


Podemos aprender dançando?

A maioria das danças tradicionais de todos os povos é feita de forma circular. E por que não vincular história, estória, geografia, matemática, literatura, gramatica à roda, a esses movimentos, com todos os alunos de uma classe?

corpo. Na roda, o espelhamento, a ação, a reação e o sentido de pertencimento fazem com que outras atitudes e o brilho individual possam despertar e apareçam. Assim, a ética social, a espiritualidade e a inclusão social podem ser trabalhadas de forma leve e lúdica.

O círculo também é uma forma que estimula o cérebro e amplia o olhar, o aprendizado sobre lateralidades e organização espacial. Na numerologia, o círculo é o “1”, o início de tudo. O Sol, a Terra, as estrelas e muitos outros elementos da natureza são circulares; muito diferente e distante do que aprender em filas retas, dentro de salas retangulares.

A música e a dança podem trazer equilíbrio a um indivíduo e mesmo a uma classe. As duas também podem promover um estado mais meditativo, ou podem deixar a classe mais animada ou mais atenta; podem também trazer alegria, revigorar; tudo depende do gesto, da dança, do ritmo e da música escolhida.

Como escrito acima, nossa espécie é egoísta; se não aprimorada, apresenta atitudes primitivas. Para aprender a dominar os instintos, o trabalho em grupo conduzido por um professor é uma oportunidade para a transformação das qualidades humanas em capacidades sociais e solidárias. Dar as mãos e dançar juntos transmite informações a cada um que ultrapassam o pensar, ultrapassam a emoção e o

Rara é uma atividade, em uma escola, tão completa como a Dança Circular, no preparo para um novo mundo e que englobe tantos aspectos da civilização e da vida humana. Um professor poder dançar com a sua classe as músicas da cultura local — Isso estimula a cidadania. Pode apresentar danças, aproveitando e explorando a diversidade cultural existente no seu grupo. 20


revista digital ecoa #1

é necessário desenvolver habilidades corporais e conhecer um pouco do vasto repertório de danças circulares. Isso seria um impedimento para não ser aplicada nas escolas? Felizmente, hoje em dia há cursos que podem ajudá-las a se instrumentalizar para iniciar este trabalho, inclusive direcionados ao desenvolvimento motor, cognitivo e emocional de acordo com cada faixa etária e alinhados com os conteúdos curriculares.

Maria Angélica Urbano (à esq.), arte-educadora, atriz e focalizadora de Danças Circulares corresponsável pelo projeto de Danças Circulares nas Escolas; e Lize de Block (à dir.), diretora do Instituto Dança Viva.

Conhecer as histórias do seu povo, de outros povos, ou estórias por meio do movimento corporal incentiva a autoestima, a criatividade e o respeito. Movimentar o corpo é necessário para todo indivíduo, e dançar em roda oferece poucos perigos ao instrumento corporal, possibilitando a inclusão de todos. Pelo contrário, muitas aptidões corporais são estimuladas e desenvolvidas nessa atividade.

Sugerimos refletir sobre isto!

Lize de Block Fisioterapeuta e Coordenadora do Instituto Dança Viva/Holambra Paula Cardoso Mourão Educadora terapeuta e focalizadora de Danças Circulares. Para mais informações: dancaviva.com.br

Parece difícil? Distante da sua realidade? Sim, muitos professores ainda desconhecem essa “ferramenta” ou não tiveram acesso a estas informações ou a este universo; 21


inspirações e sustentabilidade

O potencial dos óleos

Os óleos essenciais são compostos aromáticos que, na maioria das vezes, se apresentam na forma líquida, com cheiro e odor fortes e bem característicos, altamente voláteis, extraídos de qualquer parte da planta, provenientes do metabolismo secundário das plantas. Nas últimas décadas, as pesquisas com óleos essenciais vêm ganhando força em várias áreas, principalmente a área animal, cosmética e farmacêutica. Na área alimentícia, os óleos essenciais atuam como conservantes naturais de produtos alimentícios, proporcionando sabor e aumentando o tempo de vida de prateleira dos produtos.

essenciais

para tornar o mundo mais sustentável A empresa HYG-flavors atua no mercado de fabricação de aromas na área alimentícia de produtos humanos e animais, e vem se consolidando no mercado como uma empresa que acredita e investe em pesquisa com óleos essenciais. A HYG-flavors acaba de lançar um novo segmento no mercado, a HYG-oils, com uma linha de produtos inéditos e tecnológicos voltados para as questões sustentáveis e ambientais e para o bem-estar animal.

Quando pensamos em questões ambientais, a vantagem de estudar metabólitos secundários de plantas aromáticas está na capacidade desses compostos serem facilmente degradados, diminuindo a contaminação ambiental, o que contribui para um mundo mais sustentável. Conheça um pouco mais sobre alguns de nossos produtos: 22


revista digital ecoa #1

Kill Bush Eco – Herbicida Natural

ambiental do solo e do lençol freático, problemas comuns que acontecem com os herbicidas químicos convencionais. Este produto já vem pronto para o uso, bastando aspergir sobre as plantas indesejadas; após alguns dias, elas estarão mortas.

O produto Kill Bush Eco é um herbicida inovador, desenvolvido com mix de óleos essenciais. Sua ação é sobre plantas e ervas daninhas indesejadas, matando-as, podendo ser usado em jardins, calçamentos, residências e onde mais for desejável. A vantagem de utilizar um produto herbicida natural à base de óleos essenciais é a sua rápida volatilização e degradação no ambiente, o que contribui para a não contaminação

Bio Grass Free Ticks – Solução Anti-Parasita O Bio Grass Free Ticks é um produto indicado para controle do carrapato Rhipicephalus microplus na pastagem e no meio ambiente. Esse parasita prejudica a saúde de seus hospedeiros (gado bovino) e causa grandes danos econômicos aos rebanhos nos países onde ele se encontra. Pesquisadores afirmam que 95% dos carrapatos encontramse nas pastagens sob a forma de vida livre e apenas 5% encontram-se parasitando os animais. Após as fêmeas ingurgitadas se desprenderem do animal e caírem no solo, estas irão fazer a postura dos ovos, que, após eclosão, irão originar um número enorme de larvas prontas para subirem na ponta do capim, à espera

A vantagem de estudar metabólitos secundários de plantas aromáticas está na capacidade de serem facilmente degradados, diminuindo a contaminação ambiental. 23


O potencial dos óleos essenciais para tornar o mundo mais sustentável de um potencial hospedeiro, e começarem o processo de hematofagia (alimentar-se de sangue). Recentemente foi descoberto um produto inovador, com óleo essencial de laranja, capaz de controlar 95% dos carrapatos que estão na pastagem. O produto leva em sua composição o óleo de laranja como princípio ativo e utiliza veículos inertes em sua formulação, o que não agride o capim e o meio ambiente. O produto deve ser diluído em água e aplicado por aspersão logo após o preparo. Atualmente não existe nenhum produto químico indicado para o controle dessa espécie no ambiente. Por ser um produto formulado à base de óleos essenciais, que são substâncias voláteis, foi possível utilizá-lo no campo sem causar contaminação ambiental.

de produção, pois carreiam bactérias, fungos, vírus e parasitas, causando prejuízos em suinocultura, avicultura e bovinocultura. Quando a população de moscas está sem controle, esta pode ocasionar estresse aos animais, levando à perda de produtividade. O produto pode ser aplicado por aspersão no ambiente onde o animal se encontra, como granjas, estábulos e locais com restos de dejetos e matéria orgânica. Na sua formulação, contamos com o óleo essencial da laranja, que, ao ser misturado em água, originará um produto pronto para o uso. Outra atividade observada do produto foi a inibição do mal odor exalado pelos excrementos dos animais, devido à atividade contra as bactérias que fermentam os dejetos, provocando o odor desagradável.

Eco Free Fly – Mais saúde na criação animal

Óleos essenciais contribuem para a nutrição animal

O produto Eco Free Fly foi desenvolvido para controle de moscas em geral, principalmente a doméstica (Musca domestica). Essa mosca é transmissora de várias doenças para os animais

Atualmente, existe um interesse mundial em usar óleos essenciais como uma nova classe de suplementos 24


revista digital ecoa #1

naturais em nutrição animal. Os óleos essenciais podem beneficiar a saúde dos animais, ajudando no desenvolvimento da flora microbiana e, consequentemente, no aumento da sua imunidade. Os óleos essenciais são promissores como alternativas para a substituição de antibióticos na produção animal.

intestinal e do bem-estar. Como benefícios indiretos, temos a redução do odor e de patógenos nos resíduos dos suínos e também o efeito benéfico dos óleos essenciais contra o estresse do transporte dos animais para o abate, o que melhora a qualidade da carne; bem como a redução de contração de peso vivo e maior peso de carcaça em animais que foram alimentados com óleos inseridos na ração durante a fase de engorda. A adição do produto na alimentação também aumentou o desempenho e a conversão alimentar dos leitões, além de ter aumentado o desempenho reprodutivo das porcas. Dentre os óleos essenciais mais utilizados nos estudos para a suplementação alimentar de suínos estão: óleo de canela, óleo de tomilho e orégano. Os mesmos benefícios proporcionados à suinocultura também são verificados na avicultura de corte e postura.

A HYG oils apresenta uma alternativa viável para a inserção desses óleos na dieta dos animais, oferecendo um blend de óleos essenciais em pó (tecnologia inovadora que não usa aquecimento, não degrada as moléculas presentes nos óleos essenciais) que pode ser inserido facilmente nas rações, além de aromas palatabilizantes, o que proporciona a melhor aceitação da ração pelo animal. Em suínos, dentre os benefícios que estudos mostram na suplementação alimentar com óleos essenciais, podemos citar: efeitos antimicrobianos, antiinflamatórios, antioxidantes, melhoramento da palatabilidade da ração, melhoramento do crescimento, da saúde

Leandro Rodrigues, Germano Scholze, Patrícia Scholze, Cecília Veríssimo HYG-Flavors

25


inspirações pelo mundo

Fundação Antenna

que soluções eficazes sejam acessíveis às necessidades essenciais dos mais desfavorecidos.

Fundada há 30 anos em Genebra, Suiça, pelo defensor dos direitos humanos Denis von der Weid, Antenna é hoje uma fundação sem fins lucrativos reconhecida como sendo de utilidade pública.

Os parceiros de campo validam a eficácia das soluções que, em seguida, são adaptadas aos contextos locais, para que possam ser facilmente integradas às àreas de nutrição, água e higiene, agroecologia, energia, educação e microcrédito. A sua abordagem é a favor do desenvolvimento sustentável, da justiça social e da autonomia.

Em colaboração com uma rede internacional de cientistas, a Fundação Antenna orienta a pesquisa científica para

Vídeo sobre a atuação da Fundação Antena

26


revista digital ecoa #1

Algumas atividades da Antenna no Brasil:

Spirulina para uma melhor nutrição Desnutrição: emergência silenciosa Criança 2 a 3g

Spirulina é uma cianobactéria, um dos primeiros microorganismos a aparecerem no nosso planeta. De qualidade nutricional incomparavel: • Rica em Ferro e outros micronutrientes, como Magnesio e Cálcio. • Ficocianina (antioxidante; fortalece o sistema imunitário). • Beta-Caroteno (Pro-vitamina A). • Até 70% de proteína vegetal. • Todos os aminoácidos essenciais.

Adulto 5 a 10g

Spirulina ao microscópio

O consumo de 2 a 3 gramas diários de spirulina é suficiente para melhorar o estado de nutrição em crianças com carências nutricionais. Antenna favorece a produção e o consumo local de spiulina e apoia informações sobre nutrição.

2 bilhões de pessoas sofrem de deficiência de micronutrientes. FAO (Food and Agriculture Organization of the United Nations)

Saiba mais

27


Fundação Antenna

Solução natural contra piolhos de cabelo

Melhoramos, então, a sua eficácia desenvolvendo 3 versões desta solução, que testamos num estudo maior realizado em 5 escolas do Nepal. As taxas de sucesso das diferentes soluções testadas foram semelhantes: 71% das crianças conseguiram ver-se livres dos seus piolhos, o que é um bom resultado quando comparado com os produtos no mercado (quando avaliados cientificamente).

A infestação de piolhos da cabeça é uma condição mundial generalizada que causa coceira, má qualidade do sono e falta de concentração. Este problema afeta principalmente as crianças, pois a transmissão se faz por contato direto. Não está relacionado com as condições de higiene nem com o nível socio-econômico da família, embora a prevalência em populações desfavorecidas seja maior, pelo espaço limitado em que vivem e pelo menor accesso à informação e ao tratamento contra piolhos.

A disseminação destas soluções anti-piolho tem sido realizada até agora em Samos, Grécia (entre os refugiados), Brasil e Nepal (nas escolas), e por meio de ONG locais. Aprenda a fazer a sua solução caseira.

Inspirados por conhecimentos tradicionais brasileiros, AntennaMedecina se interessou em encontrar uma solução simples, natural, barata e eficaz para a erradicação dos piolhos da cabeça . Esta solução é feita à base de sal, vinagre e água. Após uma série de testes com voluntários na Suíça, avaliamos a eficácia desta solução na Escola Maria Augusta, em Santa Barbara d’Oeste-SP no Brasil.

Interessado na abordagem da Fundação Antenna? Gostaria de apoiar nossos projetos? Cristina Dûchene cristinamcdv@gmail.com (19) 98142-0998

28


revista digital ecoa #1

Vídeo de lançamento da Revista Digital Ecoa

Agenda Ecoa Live Acompanhe a programação do mês de agosto no nosso canal do YouTube 12/8/20 | 19h

26/8/20 | 19h

Os Ciclos e a Vida

Rumos da Educação: Dança Circular como proposta integrativa

Felicia Biekarck @vivenda.vida facilitadora em Processos Sistêmicos Integrativos, TSFI e Healing

Lize de Block e Convidados

Venha participar dessa conversa!

29


CONHECENDO UM POUCO MAIS

Heitor Villa-Lobos

pelo Choro, música popular em ascensão na época. Villa-Lobos se dedica escondido aos estudos do violão, mesmo a contragosto de seus pais, que preferiam ver seu filho se dedicando aos estudos da música clássica.

Heitor Villa-Lobos (1887-1959) é um dos maiores compositores brasileiros, sendo reconhecido internacionalmente por sua maneira única de fazer música. É conhecido por introduzir as tradições brasileiras na música sinfônica, misturando elementos indígenas, folclóricos e tradicionais brasileiros.

Abaixo, segue a interpretação de Nikolas Uvo para a peça “Choro n. 1”, que inicia uma sequência genial de 14 obras dedicadas ao gênero popular. Essa composição foi realizada por Villa-Lobos em homenagem ao Ernesto Nazareth, outro grande compositor da música brasileira. Aperte o play e aproveite nossa homenagem a uma das mais genuínas expressões de brasilidade.

Iniciou seus estudos em música sinfônica com seis anos de idade, incentivado por seu pai. Porém, foi em meio às ruas do Rio de Janeiro que Villa-Lobos se encantou

Vídeo de Nikolas Uvo interpretando Heitor Villa-Lobos

30


revista digital ecoa #1

papo reto Agora que você navegou pelos mares da primeira edição da Revista Digital Ecoa, a gente quer muuuito saber um pouquinho sobre como foi a sua experiência. E saber também um pouco sobre você. Assim, te conhecendo melhor, podemos trazer, nas próximas edições, conteúdos ainda mais alinhados ao que você busca. São só dois minutinhos para responder às nossas perguntas, que serão muuuito Desde já te agradecemos preciosos. por sua valiosa colaboração.

PARTICIPAR

31


edição#1 | agosto 2020 expediente publisher Marta Gândara Villela curadoria de conteúdo Marina Veauvy direção de arte/diagramação Estúdio Lumine revisão de textos Mundo Escrito colaboradores Flávio Ribeiro, Gabriela Takahashi Takiuti, Jéssica Goulart, Juliana Aguiar, Renan Magalhães, Sarah Medeiros Pereira organização Grupo Ecoa comercial@ecoafestival.com.br

Profile for Revista Ecoa

REVISTA ECOA #1  

REVISTA ECOA #1  

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded