Issuu on Google+

U A N DE C A PÍ T GR

O DE

JANEIRO

Gabinete Estadual do Rio de Janeiro Julho de 2011 - nº 002 - ano 01

RI

DeMolayRJ

ESTADO DO DO LO

2005

CNOD 2011

Fique por dentro dos acontecimentos que marcaram o maior evento DeMolay do ano!

ACONTECEU NO ESTADO Veja o que aconteceu no estado e o que ainda vai acontecer

POSSE DO GOIRJ E muito mais...

DO TEMPLO DE SALOMÃO AOS TEMPLÁRIOS A ORIGEM DOS CAVALEIROS DOS POBRES CAVALEIROS DE CRISTO


SUMÁRIO

GCE-RJ Circular 003

Gabinete Estadual

GCE-RJ som site novo! Gabinete Estadual com canal no Youtube!

Página 03

Página 05

Gabinete Estadual Renião Estadual de lideranças Região Serrana em movimento

Página 06

Posse do GOIRJ

Página 07

Anúncios do Estado Desafio DeMolay Censo DeMolay

Página 24

FOTOS

Página 25

Novidades

Página 27

Palavras do Grão Mestre do GOIRJ Página 08 Posse do Capítulo Guy D’AuvergniePágina 09 Luz do Universo visita Asilo Bingo em Volta Redonda

Página 10

Posse em Nova Iguaçú Página 11 Congregação Regional Ritualística Posse em Niterói

Página 12

Palavras do MCE

Página 13

História

Do Templo aos Templários

CNOD

Congresso Nacional 2011

CAVALARIA

Página 16

EXPEDIENTE A revista DeMolay RJ é uma realização da Sec. de Comunicação do Gabinete Estadual Rj Mestre Conselheiro Estadual: Ir. Raphael Castro (mce@demolayrj.com.br)

Histórias dos Graus da Cavalaria

Página 19

Mestre Conselheiro Estadual Adj.: Ir. Patrick Souza (mcea@demolayrj.com.br)

ALUMNI - RJ

Página 22

Sec. de Comunicação: Leonardo Andrade (sec.comunicacao@demolayrj.cm.br)

EVENTO

Desfile de 7 de setembro

2

Página 14

Editor da Revista: Ir. Marcel César (revistagce@demolayrj.com)

Página 23


GCE-RJ

 Federado ao Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil Instalado em 19 de Novembro de 2005

CIRCULAR N.º 003 / 2011-2012 2012

Rio de Janeiro, 04 de Agosto de 2011

As lojas Patrocinadoras de Capítulos DeMolays Caríssimos Irmãos Maçons, O Grande Capítulo do Estado do Rio de Janeiro tomou conhecimento da sentença proferida em PRIMEIRA INSTÂNCIA no processo nº 2007.34.00.030361-6,, sobre o direito de marca e patentes da Ordem DeMolay no Brasil, em trâmite na 8ª Vara Federal da Seção Judiciária Judiciár do Distrito Federal, dando ganho de causa ao SCODRFB (Supremo Conselho da Ordem DeMolay para a República Federativa do Brasil), organização está, não reconhecida e que nasceu de uma divisão do nosso SCODB (Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil). Brasil Entendemos ser importante neste primeiro momento passar os seguintes pontos fundamentais às lojas patrocinadoras: •

Nosso Supremo deverá recorrer da decisão, à qual cabem recursos até uma decisão final transitada em julgado;

Nada mudará. O SCODB continua a atuar da mesma forma ininterrupta com que tem conduzido suas atividades nos últimos 26 anos;

A estrutura do SCODB se mobilizará nos próximos dias para que não faltem informações a todos;

O SCODB fará á Publicação de um documento mais claro a respeito nos próximos dias, onde deixará transparente a sua posição. posição

Neste momento solicitamos olicitamos paciência e serenidade a todos para que possamos determinar o nosso direcionamento e segui-lo lo todos juntos em honra à história e aos ideais ideais do SCODB. Nosso Grande Capítulo continuará assim a desenvolver um trabalho coeso e próspero como vem fazendo desde sua fundação, regendo sempre pelos ideais da Ordem DeMolay em prol da formação dos nossos jovens e para o crescimento e manutenção da Ordem Ordem DeMolay no nosso estado.

3


GCE-RJ



Federado ao a Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil Instalado em 19 de Novembro de 2005

Temos uma equipe de Ofiiciais Executivos distribuídos pelas regiões addministrativas a fim de sanar qualquer dúvida proveniennte do assunto e a Diretoria Executiva doo GCE-RJ também se encontra disponível para explicações mais detalhadas. Finalmente, reiteramos nossos votos de estima consideração, além do pedido p ao Pai Celestial, para que a todos ilumine e guardee.

Atenciosamente,

RODRIGO AMORIM CORR REIA LIMA Grande Mestre Estaddual

MIGUEL ALVES DA A SILVA NETO Grande Secretárrio Estadual


GABINETE ESTADUAL

GCE-RJ COM SITE NOVO!

Site da Ordem DeMolay RJ com cara nova! Aos que acessarem o site da Ordem DeMolay RJ, www.demolayrj.com.br, irão se surpreender com o novo layout, mais dinâmico, moderno e interativo. Onde sempre poderão encontrar noticiais atualizadas de tudo o que acontece na Ordem DeMolay no nosso Estado. Então, não percam tempo, visitem nosso novo site, www.demolayrj.com.br, e surpreendam-se com a nova versão do site do Grande Capítulo do Estado do Rio de Janeiro. Um desejo dos demolays, uma conquista de todos.

GCE-RJ COM CANAL NO YOUTUBE Como mais uma ferramenta para nos aproximarmos de toda a Família DeMolay do nosso Estado, criamos um canal oficial para a Ordem DeMolay RJ no youtube, www.youtube.com/user/rjdemolay, já temos vídeo divulgando o Desafio DeMolay e o Capítulo Kleber Alves Rayol, feito para ser apresentado na 1º Gincana Cultura, realizada por esse Capítulo, e em breve, teremos muitos outros vídeos, não deixem de acessar www.youtube.com/user/rjdemolay para estarem sempre informados.


ACONTECEU NO ESTADO

REUNIÃO ESTADUAL DE LIDERANÇAS Tendo passado um mês do nosso Congresso Estadual, quando as novas lideranças adultas e juvenis tomaram posse, e já estando o Grande Capítulo e o Gabinete Estadual composto pelas suas equipes, foi realizado, no dia 04 de junho, na sede do Grande Oriente Independente do Estado do Rio de Janeiro, GOIRJ, uma grande reunião com a presença das lideranças regionais e estaduais. Quando realizamos, com o auxílio dos Mestres Conselheiros Regionais e dos Oficias Executivos Regionais, um grande e detalhado mapeamento da realidade de cada um dos mais de trinta Capítulos DeMolays do Estado, para assim, entendermos suas particularidades e realizarmos um trabalho especifico, afim de termos um crescimento em todos os Capítulos do Estado. Aproveitamos ainda para estabelecermos as metas e objetivos de cada secretária, e segundo o Ir. Rodrigo Carvalho, Secretário Estadual de Administração, “essa reunião foi extremamente produtiva, quando definimos metas ousadas para essa gestão”, e acrescento, “isso é um sinal que teremos muitos trabalhos para frente, e com certeza, muitas realizações também”. Sobre as perspectivas para os próximos meses o Ir. Rodrigo Nascimento, nosso 1º Grande Mestre Estadual afirmou, “com essa reunião, tendo visto o compromisso dos nossos Oficias Executivos Regionais, posso afirmar que teremos uma maior atuação junto às Lojas”, e disse mais, “possuímos a nossa frente um plano de expansão da nossa Ordem no Estado, e fortalecimento dos Capítulos que já existem”. Em um clima de unidade e disposição para trabalhar incansavelmente pela nossa Ordem, essa reunião encerrou-se com um grande ar de otimismo e fé no horizonte a nossa frente.

REGIÃO SERRANA EM MOVIMENTO Caldo Beneficente (encontro de moto de três rios) No dia 8 de setembro de 2010, o Capitulo Três Rios nº221 da Ordem Demolay, organizou uma barraca beneficente no encontro de motos de três rios, para arrecadar fundos pra o capitulo. O evento contou com um público local muito grande, e com vários motociclistas de fora. “O Capítulo trabalhou assiduamente, e conseguiu levantar uma ótima renda, pois os tios Maçons motociclistas foram todos comprar na barraca demolay para ajudar.” “O capitulo Três Rios está de parabéns, mostrou força de vontade, e trabalho em equipe, todos os demolays de lá foram ajudar, e foi notável a responsabilidade e compromissos dos jovens. Eu como Mestre Conselheiro da Região deste capitulo, estou muito satisfeito.” Completa Hugo Gomes Mestre Conselheiro da Região Serrana e Centro Sul Fluminense. Troca de gestão do Bethel Aurora Milenar nº 14. No dia 17 d ejulho do ano corrente, o Bethel fez a troca de gestão do mesmo. O evento contou com a presença de várias autoridades maçônicas, demolays e das filhas de Jó. As meninas de Volta Redonda fizeram uma belíssima reunião, proporcionando depois, um ótimo coquetel aos convidados. “As meninas estão de parabéns, mostraram muita organização,e vontade de trabalhar em prol da Ordem. E também mostraram um carisma único, omesmo que fez com que irmãos e sobrinhos de vários locais, fossem contemplá-las.” Comentou Antonio Gomes, Oficial Executivo da Região Serrana e Centro Sul Fluminense.


ACONTECEU NO ESTADO

POSSE DO GOIRJ

Aos dois dias do mês de julho deste ano, a Ordem DeMolay do Estado do Rio de Janeiro estava em festa, pois neste dia o Grande Oriente Independente do Rio de Janeiro, filiado a COMAB, realizou uma grande cerimônia de posse do Grão Mestre e Grão Mestre Adjunto desta Potência. Tendo o Tio Antônio Carlos Raphael, reeleito para o posto de Grão Mestre do GOIRJ, e o Tio Oscar Neco, eleito para o cargo de Grão Mestre Adjunto. Contando com a presença de DeMolays de várias partes do Estado, nossa Ordem marcou presença nesse dia histórico. Ao formar a mesa da Direção dos Trabalhos, nosso Ir/Tio Rodrigo Nascimento, Primeiro Grande Mestre do Grande Capítulo do Rio de Janeiro, foi convidado para também compôla, representando a Ordem DeMolay do nosso Estado. Na hora da palavra, a Ordem DeMolay do nosso Estado, fez uma homenagem para o Tio Antônio Carlos Raphael, nosso Ir/Tio Rodrigo Nascimento falou sobre a identificação da Ordem DeMolay do nosso Estado com o GOIRJ, e aproveitou para entregar o Tio Rafael uma homenagem do Grande Capítulo, citando que, “o Ir. Raphael é um exemplo de honra e amor pela causa da juventude e da Ordem DeMolay, sob a liderança desde grande homem, o horizonte do GOIRJ é de realizações”, e convidou o Ir. Raphael Castro, Mestre Conselheiro Estadual RJ, para fazer uso da palavra em nome dos DeMolays do nosso Estado, o MCE-RJ lembrou que “a Ordem DeMolay nasceu como um sonho de um maçom de fazer a diferença na vida de um jovem, sonho que chegou ao Brasil pelas mãos firmes do visionário Tio Alberto Mansur, e hoje, o GOIRJ que acredita nesse sonho, tem a cada dia, nos ajudado a torná-lo realidade, para assim, mantermos a chama da nobreza e do bem, viva no coração dos jovens”, e acrescentou, “um grande exemplo dessa união e apoio do GOIRJ à Ordem DeMolay em nosso Estado é o patrocínio desta Potência ao Capítulo Walt Disney e ao Convento Sir Percival de Gales, primeiro Convento do Brasil”, e destacou, “temos ainda a imensa honra de termos o Tio Sergio Antônio, Grande Secretário de Paramaçônicas do GOIRJ, como Oficial Executivo da maior Região Administrativa do Grande Capítulo do nosso Estado, mostrando a disposição da Família GOIRJ em abraçar a causa da juventude”, aproveitando por fim, para deixar uma lembrança o “Tio Ítalo Alan, um exemplo de intelectualidade e amor pela causa da juventude”, e entregou a ele um pin do Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil, para que, “sempre tenha próximo do coração nosso Brasão, símbolos, ideias e sonhos de uma Ordem DeMolay forte, única e autônima no Brasil”


ACONTECEU NO ESTADO

PALAVRAS DO GRÃO-MESTRE DO GOIRJ

O QUE NÓS TEMOS A VER COM ISSO?

Esta semana, segunda quinzena de agosto, participamos de uma reunião do Rotary, realizada no Auditório da UNISUAM. O assunto abordado foi a situação de nossas crianças e adolescentes. Entre outras se encontravam no local como participantes do evento o Governador do Rotary Leopoldina, um comandante do Batalhão da Policia militar, uma Delegada da Policia Civil, um defensor da discriminação e da Legalização das Drogas e uma responsável junto à prefeitura pela prevenção do uso de Drogas. Cada um desses participantes na reunião tinham suas opiniões em relação ao assunto em discussão, como amenizar a tragédia que tem assolado nossos centros urbanos que são as DROGAS, evidentemente pautado na sua experiência de vida, no conhecimento do assunto e no trabalho dentro das organizações a que pertencem. Durante todo o transcurso da reunião, nós como Grão-Mestre de uma Potência Maçônica, nos reportávamos aos nossos sonhos e ao edifício onde esta localizado o G. O. I. R. J.: (Grande Oriente Independente do Rio de Janeiro). Visualizando as atividades dos jovens pertencentes às ordens Para maçônicas, Filhas de Jó e Demolays, em suas vestimentas ritualísticas em seus vai e vem pelos salões do G. O. I. R. J.: (Grande Oriente Independente do Rio de Janeiro), em um bailar de adolescentes imbuídos na preparação e organizações de suas reuniões, demo-nos então conta, ouvindo os relatos dos participantes da reunião do Rotary, de como vivem, ou melhor, sobrevivem os adolescentes jogados a própria sorte nas mãos dos traficantes e sei lá mais que tipos de indivíduos, interessados somente em usurpar de seus “clientes” a inocência e a beleza da juventude. E quanto nós Maçons, temos a responsabilidade em apoiar, fortalecer e incentivar essas ordens Paramaçônicas, Demolays e Filhas de Jó. Se houvessem organizações como as nossas, incentivando, fundando e financiando grupos similares a estes, pelas comunidades, vilas, bairros, e cidades pelo nosso País a fora, talvez o futuro dessas crianças e adolescentes que vemos jogadas a própria sorte nas calçadas e ruelas próximas aos pontos de distribuições e venda de drogas e principalmente o maldito “Crack” poderia ser um pouco mais promissor. Por isso acreditamos que todos os Maçons devem empenhar-se em ajudar a difundir patrocínios e criar novos Capítulos de DeMolays e novos Betheis(Filhas de Jô). Não sabemos se o nosso balde de água vai apagar o incêndio, mas estamos cumprindo a determinação do G. A. D. U.: de que cada um faça a sua parte. Que o G. A. D. U.: ilumine todos nós e principalmente as nossas autoridades e Governantes para que suas atividades e decisões sejam o melhor para nossa juventude, e aos nossos irmãos, Gestores e Guardiões desses Capítulos DeMolays continuem com suas missões de mostrar os caminhos a nossa juventude, para o engrandecimento do ser humano e consequentemente da nossa nação. Antonio Carlos Raphael Soberano Grão Mestre do Grande Oriente Independente do Rio de Janeiro


ACONTECEU NO ESTADO

POSSE DO CAPÍTULO GUY D’AUVERGNIE Capítulo Guy D’Auvergnie: fileiras fortalecidas e nova administração empossada. Aos 23 dias do mês de julho, o Capítulo Guy D’Auvergnie Nº027 teve um dia de muitas alegrias. Pela manhã ocorreu uma Cerimônia de Iniciação, quando a convite do Capítulo, o Ir. Raphael Castro, Mestre Conselheiro Estadual, e membro do Guy D’Auvergnie, presidiu as Cerimônias desde dia, contando com a presença maciças de membros do Capítulo Obreiros de Irajá, quando mais sete jovens iniciaram em nossa Ordem, fortalecendo as fileiras desde importante Capítulo, inclusive, dentre eles, dois escudeiros, sendo a primeira vez que escudeiros da Távola Guy D’Auvergnie Nº031 iniciam no Capítulo. Na parte da tarde, com o templo lotado de tios maçons, demolays de vários Capítulos, nossas primas Filhas de Jó e convidados, tomou posse a 54º Gestão Administrativa do Capítulo, liderada pelo Ir. Diogo Lemos, como Mestre Conselheiro, Ir. Ary Batista, como Primeiro Conselheiro e o Ir. Vitor Máximo, como Segundo Conselheiro. Tomou posse também a nova gestão do Conselho Consultivo do Capítulo, tendo como Presidente o Tio Rubem Azeredo e como Consultor o Ir./Tio Marcelo Marinho, na ocasião foi feita uma homenagem surpresa ao Tio VM da Loja Vigilantes da Lei 30 Nº76, Patrocinadora do Capítulo, contando ainda com a presença do Ir./Tio Paulo Heitor, membros do Capítulo e expoente personalidade da Ordem DeMolay e da Maçonaria. Durante a palavra, o Tio Zé Maria, Grande Secretário de Assuntos Paramaçônicos da Grande Loja do RJ, abrilhantou a todos com sua palavra de motivação e garra pela causa da juventude e aproveitou para convocar todos os maçons e Lojas para abraçarem à causa da Ordem DeMolay, o Tio Rubem, como sempre, sendo prevê, afirmou que “nosso objetivo agora é unir tradição e inovação; a tradição de um Capítulo forte e atuante como o Guy D’Auvergnie, com a inovação de uma nova Ordem DeMolay que surge a cada dia, preparem-se, teremos muitas novidades á frente”, e por fim, o Ir. Raphael Castro, destacou sua “imensa alegria em poder ver o Capítulo Guy D’Auvergnie caminhar ainda mais forte e unido, poder presidir por um dia este Capítulo, onde inicie e aprende o que é ser DeMolay, é uma honra sem tamanho, ainda mais, dando posse ao Ir. Diogo Lemos, meu irmão gêmeo, a quem tenho um imenso e incalculável carinho, não tenho dúvidas, essa dupla, Diogo e Tio Rubem, dará muito certo, e o Guy D’Auvergnie tem muito a ganhar”.


ACONTECEU NO ESTADO

LUZ DO UNIVERSO VISITA ASILO No dia 10 de Julho de 2011, DeMolays do Capítulo Luz do Universo, n°404, fizeram uma visita simples ao Lar de Otávio sito à Praça Taquanarã, 65 - Santa Magarida, Campo Grande, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, o local consiste em um asilo para idosos, onde muitos desses foram, infelizmente, abandonados por suas famílias ou encontrados nas ruas. O capítulo levou 2 caixas de leite como forma de ajudar, mas pelo o que podemos sentir, eles pouco se imporataram com o leite que levamos, para eles, a conversa e as brincadeiras que fizemos com eles nesse dia valeu muito mais do tudo! engraçado foi que, numa simples visita na intenção de apenas conhecer o local, conseguimos levar uma grande felicidade para aqueles que mais precisavam e fico muito feliz de ter conseguido fazer isso. É a Ordem DeMolay desempenhando seu verdadeiro papel na sociedade, criando verdadeiros líderes e edificando homens de bem. Deivison Ferreira dos Santos Mestre Conselheiro do Capítulo Luz do Universo n° 404

BINGO DEMOLAY No dia 30 de julho de 2011, na loja maçônica Esfinge 22, ocorreu “o Bingo do bode cortês” realizado pelo Capitulo Volta Redonda Wilton Cunha nº005 da Ordem DeMolay. O evento tinha como objetivo arrecadar fundos para os trabalhos do Capítulo e promover a integração entre as instituições associadas e a Maçonaria. O evento ocorreu de forma organizada e divertida, com vários Irmãos e Tios premiados, a alimentação ficou por conta da galera do churrasquinho que preparou e vendeu espetinhos de frango, carne e porco, que segundo os clientes, estavam ótimos. O irmão Victor Hugo (MESTRE CONSELHEIRO DA XLVII do CAPITULO VOLTA REDONDA) demonstrou sua satisfação com o trabalho realizado e disse: “Depois de muito planejamento com as devidas Secretárias (Eventos e Organização) e com o apoio dos Irmãos Seniores, acredito que o grande sucesso do “Iº Bingo do Bode Cortez” foi única e exclusivamente de todos que se empenharam para tal realização.” O capítulo contou com o apoio do tio Marcelo Morteira da Loja Maçônica Independência e Luz, n º 2, que deu grande ajuda, fornecendo os espetinhos a um baixo custo, e a Loja Maçônica Esfinge, n º22, que nos cedeu o espaço para a realização deste ótimo evento.


ACONTECEU NO ESTADO

POSSE EM NOVA IGUAÇÚ No dia 09 de julho o Capítulo Nova Iguaçu esteve em festa. Tomaram posse a nova Gestão Administrativa do Capítulo, com o belíssimo templo da Augusta e Respeitável Loja Simbólica Akhenaton nº 89, Patrocinadora do Capítulo, lotado e com a presença única do nosso Tio Alberto Mansur, Grande Mestre Fundador da Ordem DeMolay no Brasil e da Tia Célia Mansur, Madrinha da Ordem DeMolay brasileira. A nova administração empossada é liderada pelo nosso Ir. Antônio Carlos Barbosa Jr., novo Mestre Conselheiro, Ir. Vinicius Esteves, novo Primeiro Conselheiro e o Ir. Borges de Menezes Chagas, novo Segundo Conselheiro do Capítulo Nova Iguaçu. Durante esse dia, foi também dado posse à primeira gestão do Clube de Pais e Mães do Capítulo, e tornada pública a nomeação do Tio Luis Gustavo Cardoso Nascimento como Secretário Executivo Regional. Representando nosso Grande Capítulo estava o Ir./Tio Rodrigo Nascimento, nosso Primeiro Grande Mestre, que manifestou sua imensa alegria em ver a formar exemplar como o Capítulo foi conduzido pela gestão que encerrava-se naquele dia, liderada pelo Ir. Pedro Marx, o qual foi homenageado pelo Capítulo, em reconhecimento ao seu empenho. Nosso querido tio Antônio Carlos, Grande Chanceler do Sup. Cons. do Grau 33° do R.E.A.A da Maçonaria para o Brasil, pai do novo Mestre Conselheiro, manifestou sua imensa alegria em encontrar com o Tio Alberto Mansur, quem ele tem como referência e exemplo de visão e coragem, lembrou ainda, em sua oratória, a importância de se apoiar à juventude e acreditar na causa da Ordem DeMolay, como meio para tornar a humanidade mais feliz. Por fim, nossas lideranças juvenis também estavam representadas pelo Ir. Marcelo Jr., Mestre Conselheiro Regional da Metropolitana 2 e pelo Ir. Raphael Castro, Mestre Conselheiro Estadual. Por fim, o Ir. Antônio, que ocupa também o posto de Secretário de Cultura do Gabinete Estadual do nosso Estado, destacou que sua imensa emoção por vir a assumir essa reponsabilidade e reafirmou sua disposição para trabalhar incansavelmente pelo Capítulo, oferecendo, sempre, o seu melhor aos demoalys.

CONGREGAÇÕES REGIONAIS Em outubro todos os caminhos levam as Congregações Ritualísticas Regionais Nosso Ir. Erick Santos, hoje Presidente da Comissão de Ritual, Liturgia e Jóias, do Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil, quando Mestre Conselheiro Estadual do RJ, idealizou a realização de um encontrou regional que tivesse como ponto centro nosso Ritual, a maior riqueza da nossa Ordem. Surge assim, a Congregação Ritualística Regional. E esse ano, graças ao empenho dos nossos Mestre Conselheiros Regionais e dos Capítulos que aceitam o desafio de sediar esse importante evento, as Congregações Ritualísticas voltarão a ocorrer em todas as regiões administrativas do Estado. As datas estão marcadas para o mês de outubro, os Capítulos sedes se organizando, então, informem-se e programem-se. Na próxima edição da Revista DeMolay RJ haverão mais informações. E não fiquem de fora, porque esse ano as Congregações prometes grandes novidades e surpresas.


ACONTECEU NO ESTADO

POSSE EM NITERÓI Foi com muita alegria e boas energias que o Capítulo Cidade de Niterói nº 129, no dia 16 de julho, realizou sua posse da sucessiva gestão administrativa. Presentes encontravam-se figuras indispensáveis da Ordem DeMolay do Estado, como o Ilustre e querido Tio Antônio Carlos, que apesar de quase 20 anos de dedicação à Ordem DeMolay, ainda continua a lutar pela causa dos sobrinhos. A bela cerimônia também contou com a presença dos estimados irmãos Alexandre Coutinho, Juiz Presidente do TJD, e Carlos André, MCR da Região Metropolitana e Baixadas Litorâneas. Prestigiando o evento, encontravam-se os membros dos capítulos Avalon, Gonçalense e Grão Mestre Moacyr Arbex Dinamarco. Além disso, o capítulo, contou com a presença das adoráveis primas da Ordem Internacional das Filhas de Jó. No decorrer da cerimônia o irmão Renan Lemos, que passava o colar para o Irmão Pedro Henrique Pereira, falou sobre os desafios e responsabilidades que o Mestre Conselheiro enfrenta em seu cargo. O irmão Leonardo Motta, ex-mestre conselheiro regional da região metropolitana e baixadas litorâneas, desejou ao irmão Pedro Henrique, uma boa gestão e que ele seja exemplo para os irmãos mais novos da Ordem. Também tomou posse no cargo de 1º conselheiro, o irmão Aloan Sobral. No cargo de 2º conselheiro, tomou posse o irmão Yuri de Freitas. Com essas competências na administração, realmente o capítulo promete! Com toda a história de luta e perseverança do Capítulo Cidade de Niterói, pode-se dizer que a partir de cada nova gestão o capítulo vive novos momentos de prosperidade e experiências diferentes. Além disso, é um destacado berço de lideranças, entre elas pode-se destacar o atual irmão Grande Mestre Estadual Rodrigo Amorim e também outras importantes figuras como o irmão Juiz Presidente do TJD, Alexandre Coutinho e o irmão Grande Secretário de Informática do GCE, Felipe Poubel. O irmão Pedro Henrique Pereira em relato, disse que espera dar o máximo de si para fazer uma boa gestão e levar o capítulo a um nível ainda maior. Ele pretende trabalhar muito em prol dos trabalhos filantrópicos e superar cada vez mais os desafios que aparecem para os líderes. Pedro ainda disse que a participação da família dentro da Ordem é fundamental e com cerimônias belas como essas, fazem com que essa integração seja cada vez maior. Assim, pode-se observar a união dos Capítulos do Estado do Rio de Janeiro e que com toda a glória do Pai Celestial, lutam por uma sociedade mais justa e igualitária, ajudando aqueles que necessitam e rogando pelos que sofrem.


PALAVRAS DO MCE

PALAVRAS DO MCE Para essa nossa Revista DeMolay RJ, que já em sua segunda edição conquistou importantes avanços, graças ao empenho do nosso Ir. Marcel e dos Capítulos que estão abraçando este projeto, não imaginava assunto melhor para abordar que o nosso 18º Congresso Nacional DeMolay. Quando vivenciamos momentos históricos, quando imperou como palavra de ordem: união. E ao tomarmos conhecimento da decisão judicial em primeira instância, estivemos reunidos, lideranças juvenis de todo o Brasil, e vimos qualquer preocupação, transformou-se em motivação, e, qualquer dúvida, em convicção, na certeza que a história dessa amada ordem, nossa história, legitimada por mais de trinta anos ininterruptos de trabalhos no Brasil, irá avançar apensar dos obstáculos. Surge então um novo clima, um ar de motivação que reafirmou nossa fé e convicção, na certeza que nossa luta por uma Ordem DeMolay soberana, autônoma e forte, assim como é nosso amado país, permanece ainda mais vida. Deixando como mensagem que nunca abandonaremos essa causa, nunca deixaremos a chama do companheirismo apagar, nossos baluartes se perderem ou nossa história ser falseada. Nem aceitaremos como verdade a afirmação que nossa Ordem possui um dono, afinal, ela pertence á todos os demolays. Retornamos então de João Pessoa, trazendo na bagagem um ousado plano de ação nacional. E ao chegar em nosso amado Estado, recebo dos Capítulos a convicção de fidelidade e lealdade á essa história, e a certeza do reconhecimento deles à liderança do Tio Alberto Mansur e a nosso soberania no Brasil. Nós motivando ainda mais para trabalharmos á todo vapor. Já estamos lançando o Edital do Desafio DeMolay, maior torneio entre Capítulos da história do nosso Estado, começamos a visitar os Capítulos levando o Time do PROCAP, iniciando a maior mobilização de treinamento já visto, vamos começar um grande Censo Estadual DeMolay, nossas lideranças juvenis regionais estão totalmente empenhadas na organização das Congregações Ritualísticas Regionais, que voltarão a acontecer em todas as regiões do Estado, em setembro teremos os desfiles cívicos em Petrópolis e em Volta Redonda com a presença garantida dos nossos demolays, além de muitas outras grandes novidades pela frente. Com isso, vemos, a cada dia, se construir uma grande Ordem DeMolay, tendo como inspiração nosso fundador, Dad Frank Sherman Land, e nosso pai, Dad Alberto Mansur, a quem nunca ousaremos esquecer. E que essa mensagem, de uma Ordem unida e soberana, formada por jovens dispostos a lutarem até o fim por seus ideais, possa alcançar as mentes e pulsar nos corações de cada DeMolay, cada Capítulo e de todos aqueles que acreditam nessa grandioso causa. “um por todos...todos por um! Uma vez demolay...sempre demolay! O que nos queremos?...Justiça”

Raphael Castro Mestre Conselheiro Estadual RJ


HISTÓRIA

DO TEMPLO AOS TEMPLÁRIOS Hugo Lima Ramirez (CID 72205)

Terceiro rei de Israel e filho do famoso Rei Davi, Salomão, Shlomo em hebraico e de raiz comum a Shalom [paz], sucedeu seu pai por vontade divina, uma vez que o herdeiro real por direito era seu meio-irmão mais velho, Adonias, filho primogênito de Davi. Ao contrário do pai, que guerreou diversas vezes e, inclusive, ascendou o trono combatendo o então Rei Saul – embate que culmina de forma igualmente trágica e bela com a prova maior de companheirismo entre Davi e Jônatas, filho do Rei Saul – Salomão foi um rei pacífico que teve entre suas diversas esposas a filha do Faraó do Egito. Para cumprir os desígnios de Deus e de seu pai, construindo um Templo para a Arca da Aliança que substituísse o Tabernáculo do deserto, recipiente da Arca desde a época de Moisés, Salomão firmou um grande acordo comercial com Hiram, o Rei de Tiro. De Tiro, um grande artífice e arquiteto, de nome Hiram Abif, foi enviado para presidir a construção tanto do Templo quanto do Palácio Real. O trabalho prosseguiu por sete anos e empregou cedros do Líbano e pedras da maior qualidade da região. O Templo tinha disposição semelhante à do Tabernáculo do deserto, incluindo suas três divisórias principais – o Átrio, o Lugar Santo e o Santo dos Santos [ou Santíssimo]. Ao Átrio, que circundava o Lugar Santo, todos tinham acesso. Ele servia como uma espécie de área de transição entre o mundano e o sagrado. Naquele espaço, as pessoas se preparavam para ligarse ao divino e, portanto, procuravam silenciar sua mente e focar-se no motivo de estar ali. O Lugar Santo, que era o Templo propriamente dito, continha a mesa dos pães e do incenso, assim como o menorá, cada um com sua significação. Somente os sacerdotes, iniciados nos mistérios sagrados e conhecedores da ritualística necessária para admissão, podiam adentrar o recinto. Por fim, a Arca da Aliança, que continha as Tábuas da Lei com os Dez Mandamentos entregues por Deus a Moisés depois de 40 dias sobre o Monte Sinai, repousava no Santíssimo. Uma única vez por ano, na Páscoa, o sumo-sacerdote, e somente ele, entrava no Santíssimo para comungar com Deus. O Templo ainda possuía outras características, como o Mar de Bronze e as Colunas, uma à esquerda e outra à direita da Porta Principal. Para a construção em si, as histórias dizem que Hiram, seguindo o projeto de Salomão, empregou milhares de construtores, mas que nenhum O AUTOR som de metal contra rocha podia ser escutado no canteiro da obra. Uma série de lendas dá conta de que a famosa estrela de Davi é também conhecida como Selo de Salomão porque o Rei o utilizava para controlar forças sobrenaturais que auxiliaram na edificação. Após a morte do Rei Salomão, o reino judeu se dividiu em duas partes e, eventualmente, ambos sucumbiram aos assédios dos inimigos externos e à corrupção de valores interna. Os dois livros de Reis relatam a sucessão de reinados que resultou no cativeiro na Babilônia. Em 586 a.C., Nabucodonosor II, imperador da Babilônia, o destruiu totalmente. Sete décadas depois, ao retornarem, os judeus começaram naquele mesmo local a construção do Segundo Templo, que foi mantido entre 515 a.C. e 70 d.C., com os trabalhos sendo liderados por Zorobabel, com o auxílio de Esdras e dos profetas Zacarias e Ageu. Herodes, o Grande, rei da Judéia no começo da Era Cristã, ordena uma reforma no Templo, transformando-o em mais opulento materialNome: Hugo Lima Ramirez mente, mas cada vez mais pobre espiritualmente. Trinta anos mais tarde, CID: 72205 a expulsão dos vendilhões do Templo por Jesus foi bastante emblemática Iniciação: do grau de deterioração a que ele estava fadado. Por ocasião da Grande Capítulo: Imperial de Petrópolis, 470 Situação: Sênior DeMolay Revolta Judaica, o general romano Titus Flavius ordenou sua destruição. Convento: Príncipes do Real Segredo, 06 A única parte que resta é a parede ocidental, conhecida como o Muro das Grau: Cavaleiro da Cadência Lamentações. Quando Hugues de Payens, em 1119, estabelece-se na Terra Santa Cargos: Atual Presidente da Comissão de juntamente a oito outros cavaleiros, o Rei Balduíno II cede-lhe uma antiga Filiadas e Paralelas - SCODB


HISTÓRIA

Zoom para melhor vizualição

estrebaria que estava localizada sobre as ruínas do Templo. A história relata que entre esse evento e o ano de 1128, quando São Bernardo de Claraval defendeu a instituição da Ordem durante um Concílio episcopal, os Cavaleiros originais fizeram escavações em busca dos arcanos há muito perdidos. A história de sua empreitada e os sucessos que obtiveram está envolta em mistérios e é o cerne de diversas Ordens hoje existentes. À época de sua grandeza, a mesma era atribuída exatamente a descobertas fabulosas e conhecimentos ocultos. Da mesma forma, sua derrocada foi relacionada a práticas estranhas à Igreja e a qualquer outro grupo, religioso ou não, do Ocidente em atividade aberta. Uma forte corrente de pensadores defende, contudo, que a importância do Templo de Salomão e seus sucessores não é visível aos olhos. Sua relevância universal é a força e riqueza de seus símbolos. Cada aspecto de seu planejamento e construção é, na verdade, uma lição espiritual; cada elemento em sua disposição traz consigo estudos aprofundados que geram autoconhecimento; cada ritualística associada com sua geometria tem efeitos muito além do estético. É importante lembrar, contudo, que o Templo construído por Salomão tem grande semelhança com templos mais antigos, de outros povos e, inclusive, de Ordens Iniciáticas do Mundo Antigo – seja na Europa, na África ou na Ásia. Embora nada seja perfeitamente idêntico, os símbolos e seus significados são evidentemente conectados e sugerem uma origem comum. Dada a lendária sabedoria de Salomão e sua referenciada ligação com todos os grandes centros da época em que viveu, grandes são as chances de que ele tivesse posse de conhecimentos para planejar um Templo que fosse uma reunião do que havia de mais sublime entre as diversas correntes com que teve contato. Similarmente, dada a confluência de povos do Ocidente e do Oriente em Jerusalém, não é marginal a probabilidade de que os Cavaleiros Templários tenham sido expostos a todos os grupos mais importantes em seu período de existência e, talvez, combinado essa benéfica variedade ao que foi descoberto durante suas escavações.


CNOD - 2011

ACONTECEU NO CNOD 2011 18º Congresso Nacional da Ordem DeMolay Anualmente, toda a Família DeMolays reúne-se no maior evento da Ordem DeMolay brasileira, o Congresso Nacional da Ordem DeMolay (CNOD), em 2011, em sua décima oitava edição, foi sediada na belíssima cidade de João Pessoa, na Paraíba. Com demolays, tios maçons e familiares de todas as partes do país, mostraram a força da Ordem DeMolay em nosso país. “Com os olhos no sol nascente” tema central do Congresso Nacional desse ano, durante os dias 29, 30 e 31 de julho desse ano, foi possível vivenciarmos dias fantásticos nesta acolhedora cidade nordestina. O local para realização desse grandioso evento foi o Auditório Sérgio Bernardes, do Hotel Tropical Tambaú, que possui localização privilegiada, estrutura excepcional, além de ser um cartão postal da cidade de João Pessoa e do Estado, tornando este evento ainda mais grandioso. Com uma programação diversificada e dinâmica, na sexta-feira, dia 29, ocorreu a abertura cultural do Congresso, com uma apresentação de um grupo de comédia, levando todos a boas risadas. E na manhã de sábado, dia 30, tivemos a abertura oficial do 18º CNOD, com a presença de lideranças adultas e juvenis do Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil e com comitivas de diversos Estados do país. Seguido de um dia repleto de uma excelente programação, com dinâmicas sobre motivação, apresentação de técnicas de oratória e uma palestra sobre Bulling, tema em destaque no cenário nacionalmente. No período da tarde, tivemos a Assembléia do Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil, quando foram, no espirito democrático que sempre imperou e norteou nossa Ordem, eleitas as novas lideranças que irão administrar nacionalmente nossa Ordem durante a Gestão 2011/2012 do Supremo Conselho. Durante a Cerimônia Posse, estiveram presentes na mesa diretora dos trabalhos nosso amado Tio Alberto Mansur, Grande Mestre Fundador da Ordem DeMolay no Brasil, grande responsável pela chegada de nossa Ordem em terras brasileiras e por sua expansão, Ir/Tio Wilson Jr., Grande Mestre Nacional da Ordem DeMolay para o Brasil, Tio Antônio Carlos, Grande Chanceler do Sup. Cons. do Grau 33º do R.E.A.A. da Maçonaria para o Brasil, Tio Ader­aldo Pereira de Oliveira, Grão Mestre do Grande Oriente do Estado da Paraíba, Tio Carlos Augusto Braz Cavalcanti, Presidente da COMAB, o Ir. Rafael Tirello, Mestre Conselheiro Nacional e o Ir. Lucas Mestre, Mestre Conselheiro Nacional Adjunto. Foram eleitos, e assim, durante esta solenidade, empossados, como lideranças adultas da Ordem DeMolay brasileira, o Ir./Tio Hugo Pinto, Grande Mestre Nacional, o Ir./Tio Alexandre Rizzi, Grande Primeiro Conselheiro e o Tio Sergio Gonçalves, Segundo Grande Conselheiro. E como lideranças juvenis foram empossados o Ir. Rafael Reis, Mestre Conselheiro Nacional e o Ir. Romeu Lacerda, Mestre Conselheiro Nacional Adjunto. Assumindo por fim, a presidente da Assembleia Geral do SCODB o Ir./Tio Adilson Pasqual.


CNOD - 2011 Durante a palavra do Tio Antônio Carlos manifestou sua imensa alegria em poder estar ao lado desde grande homem e maçom, Alberto Mansur, e por estar testemunhando essa grande festa da Ordem DeMolay brasileira, e poder comprovar a força desses jovens, tendo ainda, homenageado o Tio Aderaldo Pereira de Oliveira com importante comenda do Sup. Conselho do Grau 33º da Maçonaria para o Brasil. Nosso Rio de Janeiro marcou presença no evento, representado pelo nosso Ir. Raphael Castro e Ir. Patrick Souza, respectivamente, Mestre Conselheiro Estadual e Estadual Adjunto, e pelo nosso Ir./ Tio Rodrigo Nascimento, Grande Mestre Estadual em exercício. O nosso Ir. Raphael Castro ao comentar sobre esse evento destacou, “poder conhecer e até rever irmãos de todas as partes do Brasil é uma grande felicidades, e nos faz lembrar a grandiosidade da nossa Ordem, que vai muito além dos limites do nosso Estado, mas alcança a juventude de todo o Brasil”, e com muita felicidade acrescentou, “esse congresso deve um diferencial, o sentimento de unidade e união, foi ainda mais nítido em todos os momentos, nossas lideranças estão pensando em conjunto e dispostas á trabalhar ainda mais unidas, esse é o grande momento da nossa Ordem, e sem dúvidas, teremos ainda muitas conquistas pela frente, nosso Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil se mostra ainda mais forte”, e concluiu dizendo, “a cada dia, estamos ajudando a escrever as páginas da história da Ordem DeMolay no Brasil”. O Ir. Patrick Souza lembrou que “voltamos ao nosso Estado tendo visto um membro do Rio de Janeiro (Rafael Reis) assumir como MCN, e ainda, tendo o Ir./Tio Paulo Heitor assumindo como Grande Secretário do SCODB, ele que é uma liderança reconhecida e respeitada na Ordem DeMolay e na Maçonaria, volta ao Supremo Conselho para somar ainda mais, assim, como, o Ir. Leandro Garrido, que será nomeado Grande Tesoureiro do SCODB, é o Rio de Janeiro formando lideres que estão também empenhados e unidos nessa causa”.


FOTOS DO CNOD - 2011

Tia Célia, Tio Alberto Masur e Wilson Júnior, ex-GMN

Palanque do evento, lideranças juvenis e adultas unidas.

Lideranças Juvenis compondo a mesa do CNOD 2011

Tio Sérgio Gonçalves (2GMN) e Hugo Pinto (GMN)

Hugo Pinto, emocionado depois de ser empossado como Grande Mestre Nacional

Tio Sérgio Gonçalves (2GMN) e ALexandre Rizzi (1GMN), sendo empossados

Irmãos Romeu Lacerda (MCNA) e Irmão Rafael Reis (MCN) sendo empossados em seus cargos

Irmãos Rafael Reis (MCN) , Raphael Tirello (Ex-MCN) e Romeu Lacerda (MCNA)


CAVALARIA

HISTÓRIA DOS GRAUS DA CAVALARIA Texto: Secretaria de Cultura do Grande Oriente do Brasil

Desde a instituição dos Nobres Cavaleiros da ordem Sagrada dos Soldados Companheiros de Jacques DeMolay em 1947, a única iniciação conferida em Convento, escrita exclusivamente por Frank Sherman Land, era a atual cerimônia de investidura. Porém em meados de 1967 o Convento de Cincinnati aprovou dois outros graus, “Ébano” e “Anon”, que em princípio foram concedidos regionalmente, mas acabaram por incentivar a criação de diversas cerimônias com relativo sucesso. O Tio J. William Kutshbach, Diretor da Cavalaria de Ohio, foi um grande entusiasta dos graus conventuais. Praticante do Rito Escocês Antigo e Aceito, ele planejou um sistema de graus suplementares ao Convento, escalonados ao estilo “escocês”. Em 1972, durante a sessão do Supremo Conselho Internacional, Kutshbach assistira a uma dramatização denominada “O Painel” (The Tableau), apresentada pelos Conventos do Texas. Esse “Tableau” descrevia o martírio de Jacques DeMolay e causou uma forte impressão em todos; Kutshbach utilizou a sua estrutura dramática para transformá-lo no grau de Ex-Templário. Naquele mesmo ano, os graus de Ex-Templário, Ébano e Anon foram outorgados na convocação estadual organizada pelo Convento “Buckeye”. A investidura de 1972 produziu grande repercussão. Uma vez que, de certa forma, o grau de ExTemplário complementava o grau DeMolay, Tio Kutshbach sentiu-se motivado a explorar melhor a história da Ordem do Templo. Em companhia de Cavaleiros da região de Columbus, elaborou o grau da Tríade, que foi conferido na convocação estadual de 1973. Entre os graus de Ex-Templário e Tríade, o Convento estadual apresentava o “Tableau de Ohio”, uma pequena cerimônia que fizera parte do ritual DeMolay antes que fosse revisado na década de 1930. Em 1974 surgiu o grau honorífico do Manto Prateado, planejado para equivaler à Legião de honra DeMolay e então oferecido ao Tio Chester Hodges. Kutshbach esboçara uma série de dez graus de Cavalaria, dos quais existiam apenas cinco. As cerimônias restantes ficaram sob a responsabilidade de Pat King. Surgiram deste modo os graus de Cavaleiro da Capela, Cavaleiro da Cruz de Salém, Cavaleiro da Cadência, Comendador e Grã-Cruz. No entanto, o Convento “Buckeye” dissolveu-se antes da conferência desses títulos, que estiveram desperdiçados e esquecidos até bem recentemente. Havia outros rituais que, apesar de prontos, não foram incluídos na nomenclatura do “Ilustre Rito da Cavalaria de Ohio” do Convento “Buckeye”. Entre eles, estava uma cerimônia pública institulada “Cavaleiros, Bufões e Menestréis”, elaborada pela família Kutshbach, de caráter humorístico e inspirada na Ordem dos Shriners da América do Norte, que foi apresentada uma única vez durante um seminário DeMolay. Outra cerimônia pública era o “grau” de Cavaleiro da Rosa, escrito por Alice MacKinley Roberts na década de 1960 e equivalente à Cerimônia das Flores. Baseados em um obsoleto grau de Past-Master (Ex-Mestre Conselheiro) do Grande Capítulo de Ohio, Pat King e Craig Mount também haviam composto um cerimonial chamado “Quinta Seção”, destinado somente a Primeiros Conselheiros, Mestres Conselheiros, Ex-Mestre Conselheiros e seus equivalentes na Cavalaria. Além disso, foram revividos os graus de Cavaleiro da Rosa Branca e Cavaleiro das Cruzadas, ambos originários da “Ordem das Cruzadas”, uma dissidência rival da Ordem DeMolay que surgiu em 1950 e sobreviveu por apenas quatro anos. O Supremo Conselho Internacional nunca autorizou os rituais do Ilustre Rito da Cavalaria. Entretanto, sob influência do Grande Acampamento dos Cavaleiros Templários dos EUA, reativaram-se os graus do Ébano e de Anon, mas apenas o primeiro foi adotado definitivamente como “Ordem do Ébano”,


CAVALARIA

seguindo a denominação característica dos graus do Rito York. A Ordem do Ébano tornou-se um apêndice da Ordem da Cavalaria, conferido por direito aos Cavaleiros maiores de 19 anos, ainda que o seu sentido acabasse empobrecido pela ausência do seu complementar, o grau de Anon. A Ordem da Cavalaria foi introduzida no Brasil obedecendo a esse sistema de dois graus. A idéia de reviver o “Ilustre Rito da Cavalaria de Ohio” no seio do Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil partiu do Irmão Marcelo Brito, que no ano de 2004 presidia a Comissão de Ritual, Liturgia e Jóias. Por coincidência, o Irmão Brito encontrara o Irmão Pat King, que lhe confiou cópias datilografadas daqueles rituais. A Comissão de Ritual, Liturgia e Jóias iniciou um intenso trabalho de tradução dos originais, que, planejados para teatro, tiveram de ser forçosamente adaptados à apresentação em templo. No dia 31 de março de 2005, o então Grande Mestre do Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil, Tio Toshio Furukawa, expediu o Decreto nº 004 / 2004-2005, que autorizava e instituía legalmente os graus de Cavaleiro da Capela, Cavaleiro da Cruz de Salém, Ex-Templário, Tríade, Anon, Cavaleiro da Cadência, Comendador, Grã-Cruz e Manto Prateado, além do Tableau de Ohio como cerimônia “adicional”. O grau do Ébano foi suspenso até que o grau da Tríade fosse conferido para que se estabelecesse a ordem cronológica das investiduras. Esses graus foram então divididos em três conjuntos ou “séries” a serem concedidas em seqüência, lembrando o plano do Rito Escocês Antigo e Aceito, como imaginaria Kutshbach. Fonte: http://sgec.gob.org.br

Giclee Print Title: The Inauguration of Jacques de Molay into the Order of Knights Templar in 1295 Artist: Francois-Marius Granet


CAVALARIA

OS GRAUS DA CAVALARIA Cavaleiro da Capela Criador do Grau: Pat King, 1982 Exigências: Tempo mínimo de duas semanas após a investidura Idade Mínima: 17 anos Cavaleiro da Cruz de Salém Criador do Grau: Pat King, 1984 Exigências: Certificação no PACC do grau de Cavaleiro da Capela Tempo mínimo de 4 meses após ter recebido o grau anterior Idade Mínima: 17 anos Cavaleiro Ex-Templário Criador do Grau: Sr. Bill Kutschbach, 1972 Exigências: Certificação no PACC do grau de Cavaleiro da Cruz de Salém Tempo mínimo de 4 meses após ter recebido o grau anterior Idade Mínima: 18 anos Cavaleiro da Tríade Criador do Grau: Committee of Knights including Pat King, 1973 Exigências: Certificação no PACC do grau de Cavaleiro Ex-Templário Tempo mínimo de 4 meses após ter recebido o grau anterior Idade Mínima:18 anos Cavaleiro do Ébano Criador do Grau: John Ferguson, 1967 Exigências: Certificação no PACC do grau de Cavaleiro da Tríade Tempo mínimo de 6 meses após ter recebido o grau anterior Idade Mínima: 19 anos Cavaleiro Anon Criador do Grau: John Ferguson, 1967 Exigências: Certificação no PACC do grau de Cavaleiro Ébano Tempo mínimo de 6 meses após ter recebido o grau anterior Idade Mínima: 19 anos Cavaleiro da Cadência Criador do Grau: Pat King, 1989 Exigências: Certificação no PACC do grau de Cavaleiro Anon Tempo mínimo de 6 meses após ter recebido o grau anterior Idade Mínima: 20 anos * Com a publicação do Decreto 002/2010-2011, assinado por nosso então Grande Mestre Nacional, Irmão Wilson José Barbosa Júnior, uma modificação importante foi implementada no regulamento para receber os graus do IRCB. Além da certificação no PACC, o requisito de tempo passou a depender da idade do Cavaleiro. Para quem tiver 18 anos, por exemplo, basta ter a certificação do PACC para poder receber os graus de Cavaleiro da Capela, Cavaleiro da Cruz de Salém e Cavaleiro Ex-Templário. Para quem tem 20 anos ou mais, a certificação no PACC passa a ser a única exigência. Já quem tiver 17 anos continuará tendo que cumprir os insterstíciosprevistos no Regulamento Geral do Supremo Conselho.


ALUMNI - RJ

ALUMNI-RJ

Meus caros irmãos e tios, Meu nome é Luís Roberto Lima Ramírez, sou um sênior do Capítulo Imperial de Petrópolis. Começamos mais uma gestão do SCODB nesse mês de agosto e acabei de assumir como presidente estadual da Alumni, visto que o irmão Hugo Lima assumiu a presidência da Comissão de Organizações Filiadas e Paralelas. Sabemos que estamos enfrentando tempos difíceis na Ordem DeMolay como um todo e talvez nesse momento, mais do que em outros, seja mais do que necessário a ajuda dos irmãos Seniores dentro dos capítulos e da Ordem, através de seus colégios e da associação. Também é fato que a Alumni está sem propósito e perdida nela mesmo nesses últimos anos. Nesse último CNOD, ao a assembléia nacional da Alumni só contava com 2 presidentes estaduais, um deles o do Rio de Janeiro e o outro o irmão Raniery Cavalcanti que era o candidato para a presidência. Para termos uma idéia do que ocorre, nem o presidente nem o vice-presidente da gestão anterior estavam presentes. Em conversa que houve nessa última terça (dia 09/08/2011), foi decidido uma nova diretoria para a Alumni Brasil e haverá uma abertura para projetos. Porém, algo que se faz urgente em nosso estado e que poderá ser utilizado em outros locais, é formar um banco de dados. Para isso eu gostaria que todos os irmãos Seniores entrassem em contado comigo, através do e-mail (luis.guardian@gmail.com) para eu poder ter uma idéia da quantidade de irmãos que podemos contar atualmente. Segundo o SISDM, somos em torno de 150 seniores no nosso estado e gostaria de ter o maior número de contato dos irmãos. O passo seguinte a esse primeiro contato será o de saber diretamente com os irmãos, o que eles esperam da Alumni, para que possamos crescer e construir de forma consistente a nossa associação. Porém, no momento temos uma falta de pessoas que estão dispostas a trabalhar nessa tarefa árdua. No momento, só há uma pessoa na diretoria da Alumni estadual. Eu realmente espero que haja irmãos seniores que estejam dispostos a trabalhar. Estamos num ponto em que a tempestade cai sobre nós, porém sabemos que dias ruins já ocorreram e que sabemos também que após essa chuva e de tempo fechado, haverá dias melhores, mas que para isso temos que trabalhar desde agora para que possamos ter as ferramentas necessárias no futuro. Abraços Fraternais, Luís Roberto Lima Ramírez Presidente da Alumni - RJ


EVENTOS

DESFILE CÍVICO Mais uma vez a cidade de Petrópolis se prepara para o Desfile Cívico de 7 de Setembro, que já virou uma tradição também para a Ordem DeMolay do Estado do Rio de Janeiro. Anualmente, Demolays e Filhas de Jó, tanto do estado do Rio de Janeiro como de outros Estados, se fazem presentes no evento patrocinado pelo Capítulo Imperial de Petrópolis, nº470 e sua Loja patroinadora Amor e Caridade 5º, nº0896, firmando o laço da União que transcende as barreiras do espaço e prestando uma homenagem à nossa sétima chama simbólica, representante do Patriostismo. Além do desfile cívico, no ano de 2010, houve ainda uma investidura ao grau de Cavaleiro, realizado pelo Convento Águia Branca e Negra nº78, com ajuda de membros do Convento Sir Percival de Gales, nº01. Ao mesmo tempo acontecia uma mesa redonda presidida pelo Irmão Leonardo Lacerda, que neste momento se encontrava como Mestre Conselheiro Regional da Região Serrana e Centro-Sul Fluminense. O ano de 2011 promete ainda, além de uma nova investidura ao grau de Cavaleiros, a concessão dos Graus de Cavaleiro da Capela e Ex-Templário e a exibição de um filme “Ágora”, que conta a história da filósofa Hipátia de Alexandria. Contamos com a presença de todos! Cronograma: 7h30 - Ponto de Encontro Para o Desfile 8h30 - Concentração para o Desfile 9h - Desfile 12h30 -Almoço 14h - Filme Ágora (127min) 14h - Investidura na Cavalaria 16h - Elevação Grau Capela 16h30 - Mesa Redonda (Assunto: o filme) 17h - Elevação Grau Ex-Templário 18h -Lanche e Encerramento


ANÚNCIOS DO ESTADO

VEM AÍ...

CENSO DEMOLAY - RJ Grande Censo Estadual DeMolay RJ Visando conhecer melhor a Ordem DeMolay em nosso Estado, e assim, mapear detalhadamente a realidade de cada Capítulo DeMolay, estamos realizando um grande Censo Estadual DeMolay, sob a responsabilidade do Ir. Rodrigo Azeredo, Secretário de Administração do Gabinete Estadual (sec. administracao@demolayrj.com.br), com este Censo servirá de ferramenta para identificarmos as necessidades de cada Corpo DeMolay, possibilitando um trabalho ainda mais particularizado. O link do Censo para ser preenchido poderá ser encontrado no nosso site, não deixem de preencher, pois essas informações nos ajudarão a servir melhor aos Capítulos do nosso Estado. www.demolayrj.com.br


FOTOS DO ESTADO

Visitas do MCR - Região Serrana e Centro Sul Fluminense

Visitas do MCR - Região Serrana e Centro Sul Fluminense

Posse do Capítulo Guy D’Auvergnie, nº027

Posse do Capítulo Guy D’Auvergnie, nº027

Posse do Capítulo Nova Iguaçú, nº 052

Posse do Capítulo Nova Iguaçú, nº 052

Capítulo Luz do Universo, nº404, visita Asilo

Capítulo Luz do Universo, nº404, visita Asilo


A REVISTA É SUA

Posse do Capítulo Cidade de Niterói nº 129

Posse do Capítulo Cidade de Niterói nº 129

Bingo em Volta Redonda, Capítulo Wilton Cunha nº005

Bingo em Volta Redonda, Capítulo Wilton Cunha nº005

Posse do Grande Oriente Independente do Rio de Janeiro

Posse do Grande Oriente Independente do Rio de Janeiro


NOVIDADES

NOVIDADES DA REVISTA A Equipe da Revista DeMolay RJ vem com muita alegria informar a criação de duas novas colunas para a próxima edição: 1) Coluna Entrevista: A cada mês um convidado responderá a uma entrevista, que será divulgada em nossa revista digital. 2) Filantropia: Existe algum Lar que necessita de ajuda? Orfanatos, Asilos, Comunidades? Anuncie aqui, para que mais mãos possam unir-se em prol do desenvolvimento humano. Mais informações serão divulgadas na lista estadual e no site do GCE-RJ. Qualquer dúvida enviem emails para: revistagcerj@gmail.com A equipe.

DIVULGUE SEU CAPÍTULO Envie seu artigo com fotos para: REVISTAGCERJ@GMAIL.COM


Revista DeMolay RJ #002