Issuu on Google+

Julho 2012 • Edição 10 Foto: Edson Matos

Arquitetura, Decoração, Tendência, Gastronomia, Luxo

alda fran camboim e rosanie garcia apresentam novo projeto de apartamento


Foto Edson Matos


Expediente EDITORIAL: A edição da D&A deste mês convida nossos leitores para um passeio na história da Vinícola Perini, conhecer o novo empreendimento da Fibra Construtora e o conceito Eco Design do VerdeGreen Hotel, uma verdadeira aula de sustentabilidade. Para a inspiração dos arquitetos, decorados e também dos fotógrafos as novas perspectivas de Paris, pelas lentes de Fátima Dantas. Na seção Matéria Especial a arquitetura surpreendente de Richard Rogers e a na Capa toda a versatilidade e profissionalismo das arquitetas Alda Fran Camboin e Rosanie Garcia com um projeto de interiores belíssimo. Nossos colaboradores deram um show com matérias belíssimas a arquitetura do aeroporto de Carrasco por Germano Romero, as belezas do paisagismo do Jardim Japonês, em Buenos Aires, por Patrícia Lago, luzes e sombras na arte com Daniel Muniz, que tal um passeio na Jordânia com Rogério Almeida, e de volta, nesta edição, arquitetura Gourmet com a chef Luby Baltar, que experimentou pratos deliciosos do Restaurante Citron do VerdeGreen hotel. Diversificada a edição número 10 traz elementos e conteúdos mais variados para manter nosso leitor sempre atento ao que acontece em volta ao mundo da arquitetura. Boa leitura! RC Comunicação: Rua Geraldo Mariz, 809, Sala 101, Tambauzinho - João Pessoa-PB. Serviço de Atendimento ao leitor: 83 3042-1039 ou contato@revistadea.com.br

A Revista DEA é uma publicação 100% Digital

Diretor: Ricardo Castro Diretor de Arte: Tulio Alves Diretor Comercial: Graça Moura Freitas Jornalista Responsável: Layse Veloso Designer Gráfico: Raiff Pimentel Fotografias: Edson Matos Mídias digitais e mailings: Robson Mauricio Colaboradora: Graça Moura Freitas


Colaboradores

Daniel Muniz

Germano Romero

Iluminação

Arquitetura pelo mundo

Patricia Lago

Rogerio Almeida

Paisagismo

Luxury Travel

Luby Baltar

Giuliana Cunha

Arquitetura Gormet

Mercado Imobiliário


alda fran camboim e rosanie garcia

Artes e Oficios PÁGINA 108

Frans Krajcberg: a arte ativista pela natureza

PÁGINA 08 Sala de descanso

hotel verdegreen

PÁGINA 62

PÁGINA 24

Matéria de Capa

Ser Sustentavel

Indice


PÁGINA 86

Matéria

Especial

o sabor da tradição italiana em terras brasileiras.

PÁGINA 16 richard rogers

Fotografia PÁGINA 44 FATIMA DANTAS: alia dom e técnica capturaNDO imagens incríveis da Cidade Luz .

Festa Decor PÁGINA 118 Finesse Festas:

transformando seu evento com criatividde

PÁGINA 74 Oasis Plaza: o conceito de morar bem da Fibra Construtora


Ser Sustentável Sala de descanso

Fonte: Cria Arquitetura Sustentável

“A saúde do homem depende, entre outras coisas, da saúde da terra.” Por este motivo, esse projeto de interiores “Sala de Descanso”, tem como premissa a sustentabilidade. Ele busca alternativas viáveis para promover o bem estar das pessoas e do planeta através de uma arquitetura de qualidade e da utilização de tecnologias e materiais sustentáveis. O espaço destinado a Sala de Descanso faz parte de um edifício tombado como patrimônio histórico – a Estação Guanabara, berço da extinta Companhia Mogiana de Estrada de Ferro, em Campinas (SP). A recuperação, manutenção e restauração de edifícios, ou retrofit, tem como objetivo, possibilitar a readequação e a reinserção destes edifícios à estrutura da cidade. A utilização de procedimentos arquitetônicos adequados e de tecnologias e materiais sustentáveis durante o processo de retrofit minimiza o impacto ambiental do espaço construído, contribuindo para a sustentabilidade da cidade como um todo.


Fotos Divulgação

Fotos Divulgação


Conceito do projeto O stress cotidiano e o ritmo acelerado de vida nas grandes cidades são caracteristicas do mundo contemporâneo. Como sobreviver a isso, mantendo a qualidade de vida, o equilíbrio e o bem estar é uma das grandes questões atuais. Sala do Descanso é um refúgio que integra o conceito de bem estar do indivíduo com o bem estar do Planeta, utilizando a arquitetura sustentável para projetar um espaço mais saudável e mais adequado ao relaxamento e revitalização das energias. Buscou-se nos elementos da natureza (metal, madeira, terra, água, fogo) criar um ambiente equilibrado e, ao mesmo tempo, aconchegante, onde se possa: receber uma massagem relaxante, saborear um chá quentinho, sentir aquele aroma que traz doces lembranças, ler um bom livro, ouvir o barulho da água… enfim, fazer aquilo que nos faz bem, estimulando a mente, as emoções e o corpo.


Fotos Divulgação


Fotos Divulgação

Ser Sustentável


Fotos Divulgação


Av Senador Ruy Carneiro, n 720, Sl.7, - Miramar - Jo達o Pessoa, PB (83) 9981-4187


MATÉRIA ESPECIAL

Richard Rogers Não apenas um arquiteto, mas também um Humanista, sir Richard Rogers, percebe a arquitetura como uma ferramenta social mais do que da arte. Seus projetos marcam a história da arquitetura contemporânea e suas ideias vão além trazendo novas percepções de hábitos e de espaço. Rogers é inglês, 82 anos, formado em arquitetura pela Architectural Association - School of Architecture - Inglaterra e mestre pela Yale School of Architecture - Estados Unidos. Richard trouxe novas visões para a arquitetura como, por exemplo, a popularização de museus com seu estilo expressivo que marca a arquitetura moderna e o uso de plantas livres projetadas em varias escalas. Utiliza seu profundo conhecimento de materiais e a tecnologia para transforma a arquitetura em uma ferramenta mais produtiva e funcional. Olhar urbano e expansivo como explica no seu livro “Cidades para um Pequeno Planeta”, onde percebe que as cidades devem se compactar e ter seus próprios mecanismos de sustentabilidade.


Š Photo credit: Sarah Lee


Foto: Zhu Chenzhou

St Lawrence Market North

One Hyde Park


St Lawrence Market North


Foto Reprodução


São vários escritórios e parcerias como o Team 4, pareceria com Su Brummel, Wendy Cheeseman e Norman Foster, o Richard Rogers Partnership e o Rogers Stirk Harbour + Partners com escritórios em Londres, Barcelona, Madri e Tóquio. Premiadíssimo já recebeu o Leão de Ouro e o Praemium Imperiale pelo conjunto da sua obra, a Medalha de Ouro, o Prêmio Stirling, e o Prêmio Pritzker 2007 e por sua atuação cultural recebeu o título de Cavaleiro do Império Britânico, o de barão de Riverside e faz parte da Câmara dos Lords da Grã Bretanha. Richard escreveu seu nome na história quando inovou o conceito de museus com o Centro Georges Pompidou, o Beaubourg, em Paris, parceria com Renzo Piano, é sem duvida um dos seus maiores projetos, de conceito inovador onde as massas podem ter acesso.

© flickr Manolo Blanco


Š Francis Toussaint


Verdegreen hotel: Luxo, conforto e sustentabilidade

Foto Divulga;áo - Hotel Verde Green

O Verdegreen Hotel oferece uma excelente combinação entre sustentabilidade e conforto. Recebeu o Certificado de Excelência 2012 do site TripAdvisor.com, o maior site de viagens do mundo, concedido apenas a 10% dos empreendimentos hoteleiros em todo o mundo, também recebeu o título de Hotel Sustentável do Ano, do Guia Quatro Rodas (2012) e a primeira colocação na classificação geral de hotéis de João Pessoa, sendo o único do estado reconhecido com o selo “folha verde”, concedido somente a hotéis sustentáveis. O comprometimento com a gestão ambiental, ao comando do gerente geral Camilo Juliani, garantiu para o Verdegreen ser a primeira empresa prestadora de serviços da Paraíba a conquistar a ISO 14001 – SGA (Sistema de Gestão Ambiental), sistema de padronização mais reconhecido do mundo, aplicado em mais de 170 países e concedida pela BRTÜV. A ISO 14001 aumenta a responsabilidade do hotel, pois sua certificação anual depende da manutenção das normas. A International Organization for Standardization (ISO), com sede em Genebra, na Suíça, congrega e aprova normas internacion ais de padronização, junto com o comprometimento administrativo, infraestrutura adequada, mão-de-obra qualificada e a coordenação de todas as atividades propostas pela ISO.


A hospedagem sustentável do Verdegreen traz o conceito Eco Design, ou seja, busca causar o mínimo possível de impacto ao meio ambiente como, por exemplo, com a utilização de energia solar para o aquecimento de água, coleta seletiva, cultivo de alimentos em horta orgânica, reaproveitamento de água, iluminação natural em toda a área social e bicicletas para uso dos hóspedes. Além da proposta sustentável sua arquitetura moderna e funcional e seus equipamentos completam a estrutura de qualidade e conforto, o lobby tem pé direito duplo, os ambientes são climatizados, academia, sala de TV, sala de massagem e sauna a vapor com relax, piscina com vista para o mar e jardins suspensos na cobertura do hotel com vista panorâmica da orla. São 140 apartamentos equipados com internet banda larga, cofre digital, TV de LCD a cabo, frigobar, descarga de duplo acionamento, sistema de arcondicionado de última geração (set free) e móveis multifuncionais em madeira certificada.


Foto Divulga;รกo - Hotel Verde Green


Foto Divulga;รกo - Hotel Verde Green


As obras de arte agregam ainda mais valor aos ambientes com obras de artistas renomados: José Rufino (PB), José Guedes (CE), dos pernambucanos José Paulo e Maurício Silva, peças de arte popular desenhadas pela arquiteta Janete Costa, escultura de Mestre Fida e parede de tijolos da demolição dos casarões de Olinda (PE) criam um ambiente agradável em uma experiência única de acolhida e bem-estar.


Arquitetura

Gourmet por Luby Baltar

Luby Baltar é chef de cusine, formada pela escola de gastronomia Le Cordon Bleau. Ja atuou por mais de 10 anos como modelo, nos Estados Unidos, onde morou e decidiu abandonar as passarelas e se dedicar a arte da culinária. Hoje, especializada e radicada em João Pessoa, Chef Luby comanda o Chez Vouz, empresa especializada em doces americanos tendo como carro chef cupcakes.

Degustando as delícias do Citron. Este mês de julho tive o privilégio de almoçar no restaurante CITRON do Verdegreen Hotel, localizado em ponto estratégico da orla de Manaíra. Fui recepcionada pelo gestor Camilo Juliani, que me deu uma aula do fascinante e admirável conceito de consciência ambiental proporcionada pelo que o Verdegreen representa e defende. O hotel não só guarda seus segredos de sucesso mas também dispõe para seus hóspedes e para a cidade seu maravilhoso restaurante Citron.


Foto Divulga;รกo - Hotel Verde Green


A simpática garçonete do Citron iniciou a degustação com um Couvert de azeitonas, patê de pimentão vermelho, ovos de codorna, patê de berinjela servidos com torradas, abrindo logo o meu apetite. Em seguida, uma Salada de Bacalhau com pimentões coloridos que estava saborosa e bem apresentável. Ao término da salada foi servido o prato principal: um Risoto Nordestino feito com carne seca, camarão e purê de abobora, super saboroso, bem servido e original. Inclusive esse é um dos pratos mais requisitados do cardápio do Citron.


E finalizando as delícias servidas, fechei o almoço com uma sobremesa regional, feita de abacaxi flambado com cachaça e açúcar mascavo, servido com um delicioso sorvete de rapadura e castanhas. O Verdegreen não só representa bem o Nordeste com seus excelentes equipamentos e sua exemplar consciência ambiental, mas também cativa o cliente com sua deliciosa culinária assinada pelo chef Gabriel Nóbrega, utilizando sempre ingredientes da sua própria horta e extraindo o que o nordeste tem de melhor. Sem dúvidas voltarei!


Arquitetura pelo Mundo

por Germano Romero

Germano Romero é arquiteto formado pela UFPB e exerce a profissão há 30 anos, com foco em projetos de arquitetura externa. Carrega no DNA o talento do avô, o arquiteto Clodoaldo Gouveia, autor de obras significativas da capital paraibana, como o Liceu Paraibano, a Secretaria de Finanças, o Palácio da Aviação, entre tantos outros. Também é colunista fixo do Correio da Paraíba e Jornal A União.

O Aeroporto de Carrasco Ao desembarcar no aeroporto de Montevidéu, no mês passado, tivemos a oportunidade de conhecer um dos projetos mais interessantes da especializada e complexa Arquitetura de Aeroportos: O “Aeroporto de Carrasco” assinado pela equipe do arquiteto uruguaio Rafael Viñoly, concebido magistralmente em uma forma ousada, mas plasticamente concisa, homogênea e limpa.


Foto Divulga;รกo


A surpresa foi muito gratificante, não somente pelo deleite perante um excelente projeto, mas também por aquela obra existir na América do Sul, um continente não tão agraciado com aeroportos daquele nível. Além do aspecto formal, o Aeroporto de Carrasco (nome de um dos bairros mais privilegiados da capital do Uruguai) foi projetado rigorosamente para priorizar a funcionalidade. Tudo nele acontece de maneira prática, fácil, inteligente e bem pensada, dentro de um perfeito fluxograma para um terminal aéreo de passageiros. O que não é de se estranhar, em se tratando de um premiado profissional, que também assina o projeto do que está pra ser, em breve, o mais alto edifício de Nova Iorque, na Park Avenue. Aliás, diga-se de passagem, Montevidéu impressiona a qualquer turista de bom gosto, tanto pelos altos níveis de qualidade de vida, quanto pelos belos exemplos de arquitetura residencial. Confira as fotos:


Fotos Divulga;รกo


Fátima Dantas

alia dom e técnica capturaNDO imagens incríveis da Cidade Luz Alcançando a leveza de instantes que revelam emoção e espontaneidade, Fátima Dantas traz para a sua fotografia a preocupação com o bem estar do cliente e fotos que marquem momentos únicos e que realmente entrem para a história de vida de seus personagens. Entre o jornalismo, o fotojornalismo e a fotografia, como hobby, Fátima inverteu os papéis e hoje a fotografia é sua principal profissão e paixão. Fátima estende seu olhar através das lentes, capturando imagens sem pressa, deixando os personagens à vontade em ambientes que lhe proporcionem bem estar seja em uma praia, um bosque ou a própria casa, tudo para que as fotos consigam captar toda a mágica do momento.

Mais do que me preocupar com a técnica na hora do retrato, busco capturar ações que transmitam sentimentos e eternizem aquele momento. Essa será sempre a minha proposta e o meu prazer maior como fotógrafa, fazer fotos que ‘falem’, que tenham informação e sentimento, fazer da imagem uma poesia!” comentou a jornalista.


www.fatimadantas.com.br


E para uma nova proposta de trabalho Fátima também propõe fotos de ambientes e transformá-las em portfólio para arquitetos, designers e decoradores, através de um photobook personalizado como forma de catálogo para o cliente.


Fotografando Paris Em viagem à Paris para fotografar um editorial de moda com a arquiteta Annelise Lacerda, Fátima também registrou cenários da Cidade Luz, observando sua arquitetura, capturando todo o romantismo da cidade. Entre dias nublados e de pouca luz ela conseguiu imagens mais cinzentas, que favoreceu o tom dramático e romântico de Paris. “Confesso que o que mais me impressionou e me deixou emocionada foi avistar a Torre Eiffel pela primeira vez. Uma coisa é você ver a obra em um cartão postal, em filmes e livros, outra coisa é vê-la pessoalmente, andar por baixo dela, ver a magnitude dos detalhes, o tamanho e a beleza dessa construção” declarou Fátima. O passeio de Batobus, um barco que trafega pelo rio Sena, transportando os passageiros permitiu cliques incríveis da cidade. À medida que o barco seguia pelo o itinerário, diferentes paisagens surgiam se apresentando para as lentes revelando as verdadeiras belezas de Paris: as torres da famosa Catedral de Notre-Dame, a Ponte Alexandre III e a luminosa e imponente Torre Eiffel, sob uma nova perspectiva.


“Paris em todos os sentidos é deslumbrante, é uma fonte inesgotável de surpresas. Cada pedacinho da cidade virava um cartão postal na minha mente e nas minhas lentes também”.


Paisagismo por Patrícia Lago

Formada pela UFPE no curso de arquitetura e paisagismo, Patrícia Lago é natural do RecifePE e reside em João Pessoa há 4 anos , onde também atua na área de decoração e paisagismo, área do qual se especializou e desenvolve vários projetos.

JARDIM JAPONÊS BUENOS AIRES

Buenos Aires é rota de férias para muitos Brasileiros e para falar de paisagismo, vale a pena dar uma voltinha pelo jardim japonês localizado em Palermo, um bairro em Buenos Aires, que concentra o maior espaço verde da cidade, famoso por seu rosedal, Jardim Botânico e Jardim Zoológico.


Fotos Divulgação


O jardim foi inaugurado em 1898, por um arquiteto francês chamado Carlos Thays, e é um presente da comunidade Japonesa à cidade de Buenos Aires. Lá existem entre 5.000 a 6.000 espécies de plantas, alem de várias esculturas e fontes. Embora seja um espaço público, a entrada ao jardim é paga, e tudo que é arrecadado é destinado à manutenção do Complexo Cultural e Ambiental Jardim Japonês, este administrado pela Fundação Cultural Argentino-Japonesa. Além de árvores e plantas, o jardim contém um prédio no qual funcionam um centro de atividades culturais, um restaurante, um viveiro (onde é possível comprar bonsais) e uma tenda de artigos variados.


Fotos Divulgação


BUENOS AIRES

por Patrícia Lago

Fotos Divulgação

JARDIM JAPONÊS


Fotos Divulgação


Ambientar Alda Fran Camboim e Rosanie Garcia

contemporaneidade e conforto em novo projeto As arquitetas Alda Fran Camboim e Rosanie Garcia trabalham juntas há mais de 20 anos e carregam uma história de parceria e paixão à profissão. São projetos na capital pessoense e no interior do estado com ambientação de interiores e projetos arquitetônicos de residencias, lojas, vários edifícios residenciais, clinicas, hospital e atualmente estão executando o projeto de um shopping center, o “Cidade Luz”, na cidade de Guarabira. A dupla não para, são viagens e eventos para se manterem atualizadas. Estão cursando pós graduação de Master em Arquitetura, que abranje várias áreas da arquitetura. Elas explicam que para finalizar um bom projeto o trabalho conjunto com bons parceiros é essencial, para garantir a qualidade dos produtos e acabamentos. “Neste projeto trabalhamos com a Casa de Pedra, Bontempo, Stiluz, Vidral, Bazart, Espaço A, Sempre Viva e Tidelli”, explicou Rosanie Garcia.

ALDA & ROSANIE Arquitetura | Ambientação Av. Expedicionários, 87 - Center 100 - Sl 05 Expedicionários - João Pessoa/PB Tel.: (83) 3244-4243 / 3512-4682 / 9985-9909 projetorea@ig.com.br

“Buscamos entender os desejos do cliente e personalizar a decoração de acordo com esse sentimento.”


Fotos Edson Matos


Fotos Edson Matos


projeto Nas imagens um apartamento de um jovem casal de noivos que montaram o novo lar. O casal decidiu por um estilo contemporâneo e bonito, mas não sabiam especificar que tipos de materiais, objetos e móveis deixariam o espaço bonito. “Não foi fácil identificar o que eles realmente queriam, decidiram por madeira escura, o branco e vidro. O resto deixaram em nossas mãos”, comentou Alda. Para o projeto de iluminação pensamos em valorizar os painéis e objetos criando vários efeitos tornando o ambiente acochegante. Todas as peças da Stiluz.


cozinha

Fotos Edson Matos

“O casal criou bastante expectativa, pois era um ambiente que queriam desfrutar juntos. Preferiram um ambiente claro , então, usamos o Silestone branco, mármore importado e industrializado, nas bancadas e mesa, executados pela Casa de Pedra. Também criamos um detalhe entre a bancada e o armário superior em pastilha vermelha, já que é um tom que estimula o apetite marcando o estilo contemporâneo do apartamento. O material utilizado nos ármarios foi de um acabamento bem claro lembrando o branco lavado, porém com o desenho dos veios da madeira, montados pela Bontempo.”


Fotos Edson Matos

JANTAR E Estar “Tínhamos pouco espaço, então, utilizamos apenas o mobiliário necessário com formas puras e livres de excessos. As poltronas e sofá são da Espaço A. Para o móvel de apoio à mesa de jantar usamos madeira escura no acabamento Carvalho Dakar e branco executado pela N.Movéis. Para que a sala se tornasse mais ampla desenhamos uma mesa quadrada em vidro, elemento neutro, que fica com uma face junto ao móvel de apoio e quando afastada pode abrigar oito pessoas em vez de seis. Montamos cada arranjo decorativo com flores e produtos da Bazart e Sempre Viva. Todas as outras peças decorativas são da Bazart.”


Quarto “Com o mesmo conceito, para o quarto de casal foi pensado em utilizar móveis práticos, de linhas retas e desenho limpo. O acabamento amadeirado tem um tom escuro contrastando com outro de cor neutra. A mesa lateral da cama, executada em Silestone branco, da Casa de Pedra, é design nosso. O painel da cama foi valorizado com a imagem das alianças do casal e para quebrar o rigor do interior do quarto, trouxemos a natureza para dentro do ambiente através da integração com a varanda.”


Fotos Edson Matos


Varanda

Fotos Edson Matos

“O uso de plantas, arranjos e objetos de arte se torna importante, afinal queremos a natureza por perto. Utilizamos poltronas, sofá, bancos e mesas laterais todos em fibra sintética da Tidelli, próprios para o uso em áreas externas. Tivemos o cuidado de tornar o espaço aconchegante e acolhedor pronto para receber os amigos. Tudo isso forma um estilo de muita personalidade e atualiza o conceito de viver contemporâneo.”


Oasis Plaza: o conceito de morar bem da Fibra Construtora A Fibra Construtora entregou neste mês mais um empreendimento o Oasis Plaza. Localizado em ponto estratégico do bairro do Bessa a poucos metros do mar. A iniciativa é do empresário Filipe Leandro que tem mais de 20 anos de experiência no mercado da construção civil e vem investindo constantemente no crescimento da cidade, com obras que prezam pela qualidade e pontualidade na entrega. A construtora entrega um novo conceito de morar na cidade de João Pessoa ,oferecendo projetos diferenciados em métodos construtivos. A Fibra já contêm na sua carteira 5 empreendimentos, sendo 1 entregue e 4 em execução, movimentando interesse de todos

os segmentos do mercado habitacional. O novos moradores vão contar com uma estrutura completa e diferenciada: três piscinas (adulto, infantil e com raia de 25m para natação), deck de madeira, duas saunas (vapor e seca), bar molhado nas piscinas, churrasqueira, quadra poliesportiva, sala de ginástica, salão de jogos, salão gourmet, lanhouse, kids play, playground, salão de festas, praça e duas vagas de garagem para todos os apartamentos. As áreas comuns tiveram assinatura, na decoração, da arquiteta Laise Ponce e o projeto arquitetônico é do também arquiteto Alexandre Lessa.


Fotos Edson Matos


“Por se tratar de ambientes de uso comum optei por móveis funcionais que facilitassem a circulação das pessoas, usei cores mais escuras pensando na manutenção, espelhos nos halls e mesas modernas no salão de festas para dar um ar mais contemporâneo”, comentou Laise Ponce sobre a montagem dos ambientes.


Fotos Edson Matos


Fotos Edson Matos


Fotos Edson Matos


Giro FIBRA CONSTRUTORA coquetel de entrega do Oasis Plaza A Fibra Construtora promoveu na noite na quinta-feira (05), o coquetel de entrega do Oasis Plaza, com uma estrutura completa e diferenciada. A noite de entrega foi um sucesso e contou com animação da dupla Rilbert e Renata e também do DJ Bruno Martins.

www.fibraconstrutora.com.br


Fotos: Tulio Alves

oasis plaza fibra construtora


Fotos: Tulio Alves


Fotos: Tulio Alves


Vinicola Perini:

o sabor da tradição italiana em terras brasileiras. São 130 anos de história em terras brasileiras, quando Antonio e Giuseppe Perini vieram da Itália para o Brasil. Junto com eles a imagem do Santo Anjo da Guarda, que acreditavam, iria abençoar a colheita e o sabor das uvas na fabricação do vinho. Na década de 70, Benildo Perini, neto de Giuseppe e atual diretor, transformou o empreendimento familiar em empresa, engarrafando o vinho com a marca Jota Pe, em homenagem ao seu pai João Perini. Uma nova estrutura, e novos moldes empresariais, com o objetivo de alcançar vários estados do país, assim conseguiu ampliar sua capacidade física de 7,5 para 16 milhões de litros. Nas últimas décadas o vinho se universalizou e para entrar em todos os nichos de mercado a qualificação do produto foi evidenciada para as exigências dos enólogos ou simplificada para entrar nas prateleiras dos mercados mais populares.


Fotos Reprodução


Atualmente, a Vinícola Perini conta com 12 hectares de vinhedos localizados em Garibaldi e 80 hectares em Farroupilha, em uma área total de 92 hectares, sendo que parte desta área possui o diferencial de ser produzida com uvas de videiras européias certificadas. Neste sistema, as parreiras são sustentadas por estruturas em forma de “Y” que melhoram a sanidade da uva e aumentam o grau de maturação, resultando em uvas de qualidade superior. que garantem a elaboração própria dos Espumantes Premium, Licoroso e Suco Perini, Vinhos e Espumantes Casa Perini, Vinhos e Suco Jota Pe, Vinhos Santos Anjos e Licor de Grappa Pretinha.

Fotos Reprodução

E provando esta qualidade a Perini foi a única vinícola brasileira a ter quatro vinhos tintos premiados no 6º Concurso Internacional de Vinhos do Brasil, em Bento Gonçalves (RS). No total, foram 5 medalhas: duas de ouro – para os rótulos Perini Fração Única Merlot, safra 2010,

e Casa Perini Tannat, também 2010; e três de prata para a Casa Perini Merlot 2010, Perini Solidário (Cabernet Sauvignon/Merlot), safra 2010, e Casa Perini Espumante Prosecco Brut A Vinícola Perini está incluída na rota turística enogastronômica, em cujo roteiro os visitantes podem conhecer uma das mais belas regiões do berço de imigração italiana. Por toda a sua história e trajetória, a Vinícola Perini é um dos mais importantes pontos de visita do Vale Trentino, apenas a 11 km de Farroupilha e a 17 km de Caxias do Sul. Os visitantes têm hoje oportunidade de conhecer os vinhedos, a Cantina e degustar e adquirir os vinhos, sucos e espumantes em um aconchegante varejo, além de poder conhecer o restaurante Taverna Perini. A Vinícola Perini está de portas abertas para seus visitantes.Vale a pena uma visita!


Fotos Reprodução


Fotos Reprodução

Endereço: Vale Trentino. Santos Anjos, 4º Distrito. Telefone: (54) 2109.7300 Atendimento do varejo: segunda à sexta-feira, das 8:10h às 12h e das 13h às 18h; sábados, das 9h às 17h; domingos, das 10h às 17h30. Visitação: de segunda à sexta, conforme horários acima e mediante agendamento. Nos sábados e domingos, mediante agendamento. Restaurante: para grupos de 30 a 70 pessoas, com agendamento, diversas opções de cardápio e harmonização. E-mail: sac@vinicolaperini.com.br Site: www.vinicolaperini.com.br


Luxury

Travel por Rogério Almeida

Rogério Almeida é graduado em Comunicação Social, leciona na UFPB e há 20 anos atua no jornalismo de turismo. É também, entre outras atividades de destaque na área, membro atuante do Clube Gourmet da Paraíba e do Conselho Executivo Nacional da Abrajet.

Evason Ma´In Hot Springs & Six Senses Spa: O Paraíso na Jordânia. Depois do sucesso da novela da Rede Globo, destacando as belezas da Jordânia, este país do Oriente Médio começou a ser descoberto pelos brasileiros. Embora não existam voos diretos do Brasil para a capital Amã, existem opções via Dubai ou via Istambul (Turquia), rota que realizei. Mas um dos lugares que mais me impressionou na Jordânia foi o Evason Ma´In Hot Springs & Six Senses Spa. Trata-se de um luxuoso hotel e SPA em pleno deserto de Madaba junto ao Mar Morto. Fotos: Evason Ma´In Hot Springs & Six Senses Spa & Rogério Almeida


Luxury

Travel


Luxury

Travel

Instalado a 264 metros abaixo do mar, o Evason Ma’In Hot Springs & Six Senses Spa na verdade se encontra em um oasis do deserto jordaniano. O hotel possui 94 apartamentos e suites, mais 2 elegantes Royal Suites e 1 Suíte para casais em lua de mel, localizada no último andar do resort, permitindo uma visão de quase 360 graus da cascata natural. O hotel é de fácil acesso assim como o Spa oferecendo um ambiente de alto nível para o relax e férias. Sem sombra de dúvida, é o local mais fantástico do mundo, junto ao Mar Morto, local mais baixo da superfície da terra e onde deságuam vários rios, incluindo o Rio Jordão. Assim que as águas chegam ao Mar Morto, ficam encerradas com terra à sua volta e não podem escapar, por isso evaporam,

deixando para trás uma densa e rica mistura de sais e minerais que fornecem à indústria, à agricultura e à medicina alguns dos seus melhores produtos. Vale a pena ficar lendo uma revista ou livro deitado nas águas do Mar Morto, pois ninguém afunda devido a alta salinidade. O Mar Morto é ladeado por montanhas a leste e pelas ondulantes colinas de Jerusalém a oeste, conferindo-lhe uma beleza fora do comum. Apesar de hoje ser uma zona pouco habitada e serena, acolheu no passado cinco cidades bíblicas: Sodoma, Gomorra, Adman, Zebouin e Zoar. Visitantes internacionais procuram reviver o caminho de reis, imperadores, comerciantes, profetas e peregrinos da antiguidade e por isso ao se hospedar no Evasion Ma´In você se sente um próprio rei.


Luxury

Travel por RogĂŠrio Almeida


Luxury

Travel por RogĂŠrio Almeida


A principal atração do Mar Morto é a sua própria água quente, balsâmica e super salgada - cerca de dez vezes mais do que a água do mar e rica em sais de cloreto de magnésio, sódio, potássio, bromo e outros. São águas únicas, somente encontradas aqui e com uma capacidade de flutuação incrível. Seus minerais atraem os visitantes desde a antiguidade, incluindo o Rei Herodes o Grande, há mais de 2 mil anos e a bela Rainha Cleópatra do Egito. Todos experimentaram a estimulante e rica lama negra do Mar Morto e boiaram de costas sem esforço, debaixo dos difusos raios do sol. O Mar Morto tem 80 km de comprimento e cerca de 14 km de largura. A parte norte é muito profunda, atingindo uma profundidade de 430 m e a sul menos profunda, mal chegando aos 4 m. O nível do mar do Mar Morto está recuando cerca de 30 cm por ano. Está sendo desviado por Israel e pela Jordânia para a indústria, agricultura e utilização doméstica. Os cientistas preveem que o mar possa secar em 2050. Devido ao elevado teor de sal e outros minerais, o Mar Morto não tem plantas nem vida animal.

O Evason Ma’In Hot Springs possui a fama de servir a melhor gastronomia do Oriente Médio. Oferecendo cozinha regional e internacional o restaurante localizado no topo do hotel permite uma bela visão do por do sol e do Mar Morto, onde os hóspedes e convidados ainda podem ver as luzes de Jerusalém. Muitos dos ingredientes são colhidos da horta orgânica do próprio hotel. Paraumaautênticaexperiênciabeduínasugiro o jantar árabe (zarb) no restaurante The Olive. À luz de velas o chef Beduíno serve o melhor da cozinha do Oriente Médio, servida debaixo de uma tenda ou junto às oliveiras com visão privilegiada para a cascata. Convidados chegam às 20 horas para um drinque de boas vindas, o Arak. O jantar é acompanhado por uma seleção de vinhos jordanianos. Imperdível mesmo no dia seguinte é ser servido pelo personal chef com um jantar árabe no próprio apartamento e depois sair para um banho termal e a aplicação de pedras quentes no Six Senses SPA e levando em conta o tema do Evason- o Redefinindo as Experiências. Boa viagem!


Luxury

Travel por Rogério Almeida

Evason Ma’In Hot Springs P.O. Box 801 Madaba, 11117 Ma’In, Jordania. Tel: +962 5 324 5500, Fax: +962 5 324 5550. reservations-main@evasonresorts.com


Giro BRACOL REVESTIMENTOS em João pessoa Arquitetos, decoradores e designers de interiores foram conferir de perto a inauguração da loja Bracol Revestimentos. Moderna e espaçosa a loja iniciativa daempresáriaGerlaneBraga,localizadana Edson Ramalho, com projeto arquitetônico assinado pela arquiteta Rafaela Claudino Moreira e décor do experiente João Braz.A loja oferece aos clientes e profissionais da área uma nova opção de espaço com uma variedade incrível de pisos e revestimentos que vão proporcionar muito mais beleza na finalização de projetos residenciais e comerciais.

Av. Edson Ramalho Telefone - (83) 3247-1073


Fotos: Graça Freitas

INAUGURAÇÃO BRACOL REVESTIMENTOS


Fotos: Graรงa Freitas


Artes e Ofícios Frans Krajcberg:

a arte ativista pela natureza

Foto Divulgação

Considerado o maior escultor vivo do mundo, Frans Krajcberg inaugura novo prédio da Estação Cabo Branco com a exposição “Natureza Extrema”, em João Pessoa. O escultor, pintor, gravador, fotógrafo e ambientalista naturalizado brasileiro Frans Krajcberg é reconhecido mundialmente pela força de sua obra, sua principal matéria-prima é a natureza. O polonês, de 91 anos, acumula vários títulos, honrarias e prêmios por sua postura ética e humanística diante dos problemas socioambientais. É considerado o maior escultor vivo do mundo, título recebido este ano no Japão, quando recebeu o prêmio Enku. Graduado em Engenharia pela Universidade de Leningrado, na ex-União Soviética, entre 1945 e 1947, o artista deu continuidade aos estudos na Academia de Belas Artes de Stuttgart, na Alemanha.


Fotos: Reprodução

“Nasci deste mundo que se chama natureza e o grande impacto da natureza foi no Brasil que eu senti. É aí que eu nasci uma segunda vez. Não sinto ter nascido lá na Polônia”, afirma.


Serviu ao exército soviético durante a Segunda Guerra Mundial onde perdeu toda sua família em campos de concentração nazista. Frans resolveu vir morar no Brasil, em 1948, seu início no novo país foi difícil chegou a passar fome e dormir em praças no Rio de Janeiro. Mudou-se para São Paulo, em 1952, e trabalhou como operário no Museu de Arte Moderna (MAM), lá realizou sua primeira exposição. Naturalizo-se brasileiro em 1957. Viveu por um tempo, sozinho, em uma cabana de madeira na floresta do Paraná, atualmente mora em Nova Viçosa, Bahia, em uma área preservada de Mata Atlântica , sua casa de madeira se equilibrada sobre um tronco no meio da mata. Viajando pelo país entre Amazônia e Pantanal o artista plástico votou-se para a causa ativista. Suas esculturas são basicamente restos de madeira que encontra nas florestas ou troncos distorcidos de queimadas, atualmente se dedica-se mais à fotografia. Com sua arte Frans denuncia o desmatamento e se dedica totalmente à causa ambiental para a preservação da natureza. Suas obras são o maior exemplo de seu compromisso com o meio ambiente.

“Estou convencido de que a humanidade pode criar um futuro mais próspero, garantindo a sua própria sobrevivência. Para isso, precisamos reexaminar as grandes questões do meio ambiente e formular soluções realistas”, afirma.


Fotos: Reprodução


Fotos: Reprodução


A mostra “Natureza Extrema” exposição inaugural do novo prédio da Estação Cabo Branco traz totens, esculturas, relevos, fotografias com música ambiente de sons da natureza, e ainda projeções de fogo na parede. Para firmar parceria com a Estação Cabo Branco, junto com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semam), o artista exigiu o plantio de cinco mil mudas de árvores, na cidade de João Pessoa. A exposição estará em cartaz até 16 de setembro de terças à sextas, de 9h às 21; e sábados e domingos de10h até 21h.


Giro palestra sobre leds trianon iluminação Na última terça-feira (10), a loja Trianon Iluminação promoveu uma palestra seguida de coquetel para arquitetos e designers de interiores ao comando da empresária Luciana Rocha. O tema foi a evolução das lâmpadas e fitas de LED com visão sustentável, ministrada por Germana Gonçalves, Gutemberg Oliveira e Houston Pina. No encontro foram apresentados os últimos lançamentos em LED expostos na EXPOLUX 2012, a maior feira de iluminação da América Latina e que aconteceu recentemente em São Paulo. Confira as fotos!


Fotos: Graรงa Moura Freitas

PALESTRA


Fotos: Graรงa Moura Freitas


Festas Decor Finesse Festas: transformando seu evento COM CRIATIVIDADE A Finesse propõe novas experiências através de novos sabores e da leveza das malhas.

DUARTE EÇA

Proprietário da Finesse Festas

Malhas e buffets produzidis pela Finesse Festas, sob o comando de Karla Sitônio e Duarte Eça desde 1998, prestam serviços diferenciados em festas, em João Pessoa. A dupla faz sucesso com a qualidade e o acabamento de seus serviços. O escritório da Finesse fica na Av. Caetano Filgueiras, 870, Torre, 3244 4502 ou 88508869 e também podem ser contratados através do email finessefestas@hotmail.com . No buffet da Finesse destaque para a culinária com pitada baiana temperos e comidas com um toque da Bahia são peixadas, feijoadas, filés e frutos do mar que são sucesso. E me breve para acompanhar o menu diferenciado, a Finesse virá com uma novidade, um boteco que irá às festas o “buteco móvel”. Sempre antenada com as tendências do mercado, percebeu que nos buffets faltava aquele tira gosto regional, um petisco que casasse bem com um chopp gelado, um caldinho com um bom aperitivo


ou um pistache acompanhando um bom whisky e um ambiente característico com balcão e mesas de madeiras, quadro com piadas engraçadas e um bom barmen, assim surgiu a ideia do “buteco móvel”, que em breve estará à disposição dos clientes Finesse.


“A decoração em malha funciona muito bem para grandes ambiente, ela transforma o feio em belo, rebate luzes, delimita cenários, dar cor e brilho. ela e bastante usada em locais aberto, palcos, áreas vip, camarotes e feiras.. ada decoração é única, por isso o projeto é feito de forma prévia através de visita no local do evento’, explicou Duarte.


Iluminação e Design por Daniel Muniz

Daniel Muniz é light designer, pós graduado em marketing pela UFPB e atua profissionalmente no mercado de iluminação há mais de 13 anos. Administrador por natureza, Daniel também profere palestras sobre o vasto e fascinante universo da luminotecnia.

LUZ E SOMBRA Uma imagem só existirá se existir luz e sombra, sem qualquer desses elementos, não há imagem, restando um clarão uniforme ou uma imagem totalmente escura. Mais que uma técnica a iluminação é uma arte, através da qual as formas dos objetos e pessoas podem ser modeladas, revelando com maior ou menor intensidade, sua tridimensionalidade, a textura e posicionamento, junto aos outros elementos a sua volta. COLABORADORA GERMANNA CABRAL


Cresceu o conceito de clube resorts na nossa região, ou seja, condomínios com grande áreas de lazer. Consequentemente cresceu o nível de exigência da iluminação referente também ao embelezamento e apresentação da luz, já que se passa mais tempo nestas áreas, tanto ao entardecer quanto ao anoitecer. Com relação a iluminação de segurança, esta requer áreas mais bem iluminadas com uniformidade e outras com efeitos de luz e sombra, oferecendo um pouco mais de dramaticidade ao espaço. Estes detalhes têm que ser estudados tanto com o arquiteto

do empreendimento quanto com a equipe que fará os projetos complementares, tais como ambientação, paisagismo, segurança, elétrico, entre outros. Além de equipamentos de iluminação (luminárias, lâmpadas e reatores), as especificações adequada destes produtos vão além disto, a exemplo de dispositivos de acionamento automático, controladores de acessos e outras especificações que também interagem com o sistema de iluminação proporcionando economia de energia e aumento da vida útil dos equipamentos.

Obra A Ceia de Emaús característica de Luz e Sombra


Obra David e Gollias. Datada de 1600.


Conhecido como o mestre no uso da luz e da sombra o pintor barroco Michelangelo Caravaggio revolucionou a arte de seu tempo ao retratar fielmente a realidade. De fundos escuros e sombrios, suas obras apresentam figuras carregadas de medo, angústia, dor e dúvida, sentimentos traduzidos com extrema veracidade em olhos estatelados, rostos envelhecidos e corpos empoeirados. Homens e anjos dividem o mesmo cenário, banhados por um único feixe de luz que vem do alto como que diminuindo a distância entre o humano e o divino. Os efeitos de iluminação que Caravaggio criou receberam o nome de tenebrismo. O Tenebrismo foi praticado também por outros artistas além de Caravaggio, teve curta duração como corrente estilística, mas em termos de técnica representou uma importante conquista, que foi incorporada à história da pintura ocidental. Os intensos contrastes de luz e sombra emprestam um aspecto monumental aos personagens, e embora exagerada, é uma iluminação que aumenta a sensação de realismo e tornam mais evidentes as expressões faciais, a musculatura adquire valores escultóricos, e se enfatizam o primeiro plano e o movimento. Ao

mesmo tempo, a presença de grandes áreas enegrecidas dá mais importância à pesquisa cromática e ao espaço iluminado como elementos de composição com valor próprio. Na arquitetura os efeitos de luz e sombra são indispensáveis para tornar um ambiente aconchegante, intimista e convidativo, a iluminação pontual ou de destaque proporciona esse tipo de efeito, uma vez que o facho de luz é concentrado e o restante fica com sobra, criando um centro de interesse para algum tipo de adorno, um móvel, uma tela ou um papel de parede. As lâmpadas mais utilizadas para se conseguir esses efeitos são as de tonalidade amarelada de 2.700 a 3.000 K; geralmente são lâmpadas halógenas como dicróicas, Par 20, AR70 entre outras. A luz pontual pode ser também luz de tarefa, como luminárias de leitura que tem uma função específica de pontuar a luz na área de trabalho. Os efeitos de luz e sombra também podem ser apreciados na iluminação de efeito, onde a luz é o centro de interesse, com cores, formas e desenhos, geralmente nesse caso são as luminárias em conjunto com lâmpadas que quando acesas, proporcionam uma “escultura” de luz desenhando a parede.


Giro Exposição da artista plástica

Marlene Almeida No final de junho a renomada artista plástica Marlene Almeida recepcionou um grupo de arquitetos e decoradores para prestigiar sua nova exposição intitulada “Tempo para o destino”, exposta na Usina Cultural Energisa, Marlene apresentou e explicou suas inspirações para mais uma fantástica série de telas e instalações que resultaram nessa nova mostra. A exposição segue com entrada franca até agosto.


Fotos: Equipe RC Vips

Exposição Marlene Almeida


Fotos: Equipe RC Vips



Revista D&A - Julho 2012