Page 1

REVISTA COM REALIDADE AUMENTADA BAIXE O APP ZAPPAR EM SEU SMARTPHONE OU TABLET E APONTE PARA A CAPA.

#131 BRASIL netcult.com.br 2017 ANO 12

FABIANA MILAZZO

149 “ARTE E

NATUREZA INSPIRAM MINHAS CRIAÇÕES”

BEM CULT

Saúde & Qualidade de Vida

MAIS CULT

Moda, Design & Tendências

MUNDO CULT

Gestão, Negócios & Tecnologia

CULT_ 1


2 _CULT


CULT_ 3


CULT_ 5


EDIÇÃO CULT 131 CÉLIO CARDOSO E GLÉCIO GOULART | DIRETORES

PAPO CULT EDITORIAL E EXPEDIENTE

Entregamos a você essa nova edição da revista Cult dedicada às mulheres empreendedoras e que fazem sucesso nos mais diversos segmentos de atividade. Um exemplo é nossa estrela de capa, a estilista Fabiana Milazzo, que tem projetado o nome de nossa cidade no cenário nacional e internacional da moda. Inclusive, trazemos de volta os editoriais de moda no caderno Mais Cult, com novidades, informações, tendências e dicas dos principais eventos do mundo fashion. Visando dinamizar, cada vez mais, a interatividade com os nossos leitores e anunciantes, promovemos uma enquete que comprovou a credibilidade da revista e o grau de exigência do nosso público, através de sugestões e confirmação de sua preferência. Importantes referências para direcionar nosso trabalho e fortalecer a sintonia com você. Entre outros dados, verificou-se que 89,71% dos entrevistados recomendam a Cult como mídia comercial e editorial, e que 95,59% aprovam nosso projeto gráfico. Muitas sugestões de conteúdo apontadas na enquete já estão nesta edição, enriquecendo a revista com novos temas e colunistas. Essa interatividade motiva nosso trabalho e renova o compromisso de surpreender você a cada edição, superando expectativas com ousadia e criatividade, marcas registradas da Cult nestes 12 anos de circulação. Data que será comemorada em edição especial de aniversário no próximo mês. Aguardem!

Os anúncios, artigos e imagens publicados e assinados são de responsabilidade de seus autores. É expressamente proibido a reprodução, parcial ou total, sem autorização prévia dos seus autores. O conteúdo editorial desta edição não reflete necessariamente a opinião da revista.

Rua Ipanema, 1086 - salas 07 e 08 34 3232-6600 - Bairro Morada da Colina Uberlândia - MG - CEP 38411-038 www.netcult.com.br Revista Cult Minas @revistacult

6 _CULT

diretor administrativo Glécio Goulart diretor comercial Célio Cardoso capa Fabiana Milazzo, foto Ita Mazzutti colaboradores desta edição Anita Godoy, Bruna Barcelos, Carina Alencar, Cássia Freitas, Cindy Freitas, Uberlândia Convention & Visitors Bureau, Dr. Alexandre Fernandes, GA Comunicação, Serifa Comunicação, Dr. Jorge Pfeifer, Kelson Venâncio, Patrícia Caetano, Fernando Prado, Márcia Chicorsqui, Marcos Maracanã, Mônica Cunha, Orlei Moreira, Résia Morais, Benito Salomão, Evaldo Pighini, João Batista Domingues, Kelly Bastos, Daniel Labanca, Alexandre Henry, Carlos Guimarães Coelho, Karolina Cordeiro, Mariana Bonnás, Lorena Suianny, Luane Silva, Sandra Bello, Nando Medeiros, Natalia Chagas, Amanda Rocha, Lucas Bianchini, Dilson Dalpiaz, Edjay Muniz, Sarah Zaidan, Érika Mesquita, Melissa Neves, Ita Mazzutti, Gustavo Lazzarini, Francisco Costa Lima, Daniel Soares, Cláudia Guerra, Ricardo Viola, Dani Zuin, Marcel Gussoni, Nadya Húngaro, Gabriela Esperança, Márcia Santos Orlandini, Jean Carlos Martins, Adriana Sousa, Chikim Gomes,Junior Garcia e Rodrigo Caldas. assessoria de imprensa Serifa Comunicação motor cult Sarah Zaidan em sociedade Sônia Sampaio tá na mira Jadir Júnior estar bem aos 40 Simone Mendes turismo Nadya Húngaro e Gabriela Esperança editora de moda Carina Alencar making off Abdias Filme assessor de conteúdo multimídia Filipe Medeiros realidade aumentada Massfar executivas de contas Cláudia Lima, Guiomar Domingos, Michele Junqueira, Flávia Souza, Sarah Zaidan e Hedi Lamar Albino. comercial Roberta Campos projeto gráfico Agência Sic administrativo Naêssa Marques editor e revisor Chico Lúcio - MTB MG 03682 JP diretor de criação | designer gráfico Jobcriativo - Jeferson Santos fotógrafos colaboradores Mauro Marques, Bruno Souza, Ita Mazzutti, Beto Oliveira, Eugenio Pacelli, Nina Fotografias, Kaká Fotografias, Hugo Matos, Cris Fernandes e Felipe Vianna. fotos conceito www.sxc.hu.com www.dreamstime.com | shutterstock edição de imagens Santos Edição santosedicaodeimagem@gmail.com impressão Z3 Gráfica - Uberlândia - MG versão digital www.netcult.com.br Para assinar: assinatura@netcult.com.br Para anunciar: comercial@netcult.com.br


CULT_ 7


EDIÇÃO CULT 131 REVISTA INTERATIVA

ÍNDICE EDIÇÃO IMPRESSA E DIGITAL INTERATIVA

Baixe gratuitamente o aplicativo Zappar na App Store ou no Google Play.

Sempre que aparecer o ícone do Zappar nas páginas da Zumm, aponte a câmera do seu celular para a revista. Em poucos segundos, uma nova dimensão de conteúdo surgirá do papel.

Você verá anúncios interativos, infográficos, vídeos e muito mais.

REVISTA COM REALIDADE AUMENTADA BAIXE O APP ZAPPAR EM SEU SMARTPHONE OU TABLET E APONTE PARA O SÍMBOLO E DIVIRTA-SE.

8 _CULT

148 05 19 52 82 123 134 144 149 188

Capa

Fabiana Milazzo Fotos Ita Mazzutti Stylist Carina Alencar

Almanaque

Música, teatro, cultura, arte e cinema.

Bem Cult

Saúde, estética, qualidade de vida e Estar Bem aos 40.

Mundo Cult

Mulheres de negócios.

Mundo Cult Tecnologia.

Mundo Cult Agronegócios.

Mundo Cult Lançamentos automotivos.

Mundo Cult Turismo e viagens.

Mais Cult

Moda, designs e tendências.

Gente Cult

Gastronomia, Em Sociedade, Fotolegenda, Tá na Mira, aniversários e casamentos.


CULT_ 9


ALMANAQUE_CULT_ CINEMA KELSON VENÂNCIO | JORNALISTA ARQUIVO PESSOAL | THUNDERWAVE

O GRANDE ATRATIVO DO FILME É A ATUAÇÃO IMPECÁVEL DE JAMES MCAVOY

FRAGMENTADO

Em 1999, quando foi lançado no mercado cinematográfico o filme “O Sexto Sentido”, o nome de M. Night Shyamalan ficou mundialmente conhecido por causa do excelente trabalho que o cineasta realizou nesta produção. Nos dois anos seguintes, o mesmo diretor nos traz outros dois bons filmes “Corpo Fechado” e “Sinais”. Mas, infelizmente, a promissora carreira de Shyamalan se transformou em uma verdadeira frustração para os fãs de um bom filme. Produções como A Vila, A Dama na Água, Fim dos Tempos, O Último Mestre do Ar e Depois da Terra tiveram uma grande campanha de marketing vangloriando o diretor, mas a maioria dessas produções foi mediana ou ruim.

O trabalho deste ator, que já tive o prazer de entrevistar no lançamento de um dos filmes dos X-Men, é brilhante. Ele se mostra totalmente eficaz no desafio de encarnar as 23 personalidades diferentes que existem dentro da mente do personagem Kevin. E mesmo que não tenhamos visto todas estas personalidades em cena, pelo menos umas oito atuações incríveis dele pudemos ver. E é nessa hora que descobrimos o quão bom um ator é. McAvoy atua tão bem que uma simples mudança no semblante já nos remete a outro personagem e por causa dos gestos, tom de voz, modo de se vestir tão bem encenados, somos capazes de saber exatamente quem é quem naquele determinado momento.

Finalmente, depois de um bom tempo sem termos algo de qualidade como os primeiros longas dele, temos o prazer de assistir um bom filme deste diretor. “Fragmentado” é, sem dúvida, uma obra de arte do gênero suspense e consegue prender a atenção do público do início ao fim. A história gira em torno de Kevin (James McAvoy) que possui 23 personalidades distintas e consegue alterná-las quimicamente em seu organismo apenas com a força do pensamento. Um dia, ele sequestra três adolescentes que encontra em um estacionamento. Vivendo em cativeiro, elas passam a conhecer as diferentes facetas de Kevin e precisam encontrar algum meio de escapar.

Nota 7

O roteiro, também escrito por Shyamalan, é muito bem desenvolvido e deixa o espectador com os olhos grudados na tela, sem se tornar cansativo em momento algum. A história é crescente e a cada ato descobrimos novos elementos que nos deixam ainda mais satisfeitos com a trama. E quando temos uma boa narrativa, muito bem dirigida por quem a escreveu, a produção fica melhor ainda. Shyamalan consegue criar um clima bastante tenso entre os personagens e usando um local escondido, abandonado e até claustrofóbico, realiza um ótimo trabalho na direção com ângulos que dão um tom de medo, transportando o público para dentro da projeção, na situação enfrentada pelas adolescentes. Mas, por mais que só falamos dos méritos de Shyamalan, sem dúvida o grande atrativo do filme é a atuação impecável de James McAvoy que, sem dúvida, faz deste o melhor papel de sua carreira até aqui.

10 _CULT

Kelson Venâncio é jornalista, crítico de cinema e diretor-presidente da rede de mídias Cinema&Vídeo. www.cinemaevideo.com.br


ALMANAQUE_CULT_MÚSICA REDAÇÃO EUGENIO PACELLI

GRUPO COMEMORA 12 ANOS DE CARREIRA E LANÇA NOVO SHOW

WER LANÇA PROJETO ‘ARE THE DANCE’

Edmilson, Wilson e Rogério: musicalidade em novo projeto com três formatos de shows.

Considerado o mais perfeito cover do trio britânico Bee Gees, o grupo WER traz agora um novo projeto, mais dançante e interativo. É o “WER - ARE THE DANCE” que marca a turnê 2017 com três repertórios distintos. O primeiro é 100% Bee Gees, o segundo é misto, com hits de ícones da canção mundial (Michael Jackson, Rod Stewart, Frank Sinatra, George Michael, Celine Dion e outros) e o terceiro é essencialmente dançante, com sucessos de grandes bandas como Village People, Abba, Roupa Nova e ícones do pop internacional. Os cenários e figurinos também foram repaginados e integrados a uma performance mais alegre e contagiante. Essa nova estrutura coloca o grupo WER entre as melhores opções para eventos sociais e corporativos em todo o país. São duas horas de show que prometem levar o público a momentos de emoção, diversão e uma surpreendente viagem no tempo. Formado por Wilson Viturino, Edmilson Pereira e Rogério Alves, o WER foi criado pelo empresário

Glécio Goulart que investiu na profissionalização do grupo, lançado oficialmente no dia 25 de junho de 2005, em show histórico no Praia Clube. Sucesso popular e de crítica, o grupo ganhou projeção nacional ao se apresentar durante 26 semanas consecutivas no Programa Raul Gil, onde além da grande visibilidade conquistou o respeito e admiração do meio artístico pela excelência musical dos arranjos vocais e fidelidade na interpretação e preservação da obra dos Bee Gees. Contato para shows: 34 99923-7877 | 34 98811-4444 34 99158-0064 www.grupower.com.br contatower@grupower.com.br Instagram: @grupower Facebook: grupower YouTube: grupow CULT_ 11


ALMANAQUE_CULT_LOLLA PALOOZA RODRIGO CALDAS | CONSULTOR E EXECUTIVO DE MÚSICA ARQUIVO PESSOAL | DIVULGAÇÃO T4F

NESTA 6ª EDIÇÃO NO BRASIL, FESTIVAL TEVE 4 PALCOS, RECORDE DE PÚBLICO E MUITA INTERATIVIDADE

UM FESTIVAL PARA AGRADAR A TODOS OS GOSTOS!

Durante o mês de março, se você é fã de música, certamente deve ter ouvido falar no rádio, televisão ou internet sobre o Lollapalooza. Vamos conhecer um pouco mais sobre ele?! Lollapalooza é uma gíria americana moderna para ressaltar algo marcante, extraordinário, realmente fora do comum. Esse foi o nome escolhido por Perry Farrel, vocalista da banda de rock alternativo, Jane’s Addiction, para sua turnê de despedida, que percorreu os Estados Unidos e Canadá em 1991. Como ele queria realizar algo realmente grandioso, chamou outras bandas de diversos gêneros para participarem, como punk, rap e grunge. Outro conceito por trás do Lollapalooza foi a inclusão de apresentações não musicais. Apresentadores de circo, um show de horrores e monges estendeu as fronteiras da cultura rock tradicional. Havia uma tenda para exibição de obras de arte, jogos e mesas de informações sobre políticas ambientais sem fins lucrativos, grupos que promovem a contracultura e consciência política. O sucesso de 1991 fez com que o festival continuasse

12 _CULT

acontecendo até 1997. Dele participaram nomes como Nine Inch Nails, Living Color, Red Hot Chili Peppers, Ice Cube, Pearl Jam, Soundgarden, Beastie Boys, dentre outros. Após um hiato de 6 anos, o festival retornou em 2003, mas foi cancelado em 2004. A partir de 2005, ele passou a ser realizado exclusivamente no Grant Park, em Chicago. Em 2011, o Lolla chegou ao Chile e, em 2012, finalmente a primeira edição aconteceu no Brasil, no Jockey Club de São Paulo. Participaram nomes como Foo Fighters, Artic Monkeys, Calvin Harris, O Rappa, Racionais MC’s, dentre outros. Em 2014, com o sucesso do festival, o Lolla precisava de uma “casa maior”, se mudando para o circuito de Interlagos. Esse ano, já na 6ª edição no Brasil, o festival teve 4 palcos e muita interação para o público. Foram bandas de pop, rock, rock alternativo, heavy metal, dance e eletrônico. Com cerca de 23 atrações musicais por dia, grande parte delas em sequência e bem separada pelos palcos, era possível chegar ao


meio-dia e assistir a quase todas até as 11 da noite. Mas o Lolla não é só música, as diversas ativações dos patrocinadores ofereciam de um mini-parque de diversões a um concurso de bandas cover, passando por um bar high-tech a ambientes de grafite e mágicos. Havia loja com produtos oficiais de bandas que tocavam, um Lolla Market, com produtos e serviços variados como barbearia, tarot e ambientes para relaxamento. Mas vamos falar do que interessa, música! O primeiro dia teve público recorde no Brasil, mais de 100.000 pessoas foram a Interlagos, graças principalmente ao Metallica, headline da noite. Mas o melhor do Lolla são as surpresas, as tendências que nos são apresentadas. É comum ouvirmos de amigos “fui naquela noite para assistir o show do artista A, mas acabei descobrindo o artista B, C e me encantei”. Foi exatamente o que aconteceu na primeira noite, os milhares fãs de preto do heavy metal do Metallica curtiram o que para muitos foi o melhor show deles nos últimos 5 anos, por terem apresentado músicas de “Hardwired... To Self Destruction”, seu último álbum de inéditas. Porém, para muitos outros, essas músicas eram demasiadamente longas e acabaram partindo para descobrir coisas novas. Quem ganhou com isso foi o duo de DJs americanos chamado Chainsmokers, que foi apontado em pesquisa como o melhor da noite. Outros destaques foram a banda de rock alternativo Cage the Elephant e o trio inglês The XX, com seu som introspectivo e etéreo. Mas não podemos nos esquecer de top less (ou melhor, do som) da cantora sueca Tove Lo e do rapper Criolo, com seu forte discurso contra o sistema. No segundo dia, 90.000 pessoas! Uma noite um pouco mais pop, com nomes como a banda inglesa Duran Duran, que enfileirou sucessos como “Ordinary World”, “Save a Prayer”, “Come Undone”, dentre outros. A surpresa positiva da noite ficou com Melanie Martinez, ex-The Voice EUA, altamente aclamada por seus fãs. Céu fez um show de destaque, assim como o DJ Martin Garrix de apenas 20 anos, mas já eleito como o melhor do mundo por algumas revistas especializadas. A banda americana de rock indie, The Strokes, cujo baterista é o brasileiro Fabrizio Moretti, baseou seu show em seu primeiro álbum “Is This It”, de 2001, com sucessos como “Last Nite”, “Someday” e “The Modern Age”, mas ninguém reclamou. Porém, o grande sucesso foi o rapper canadense The Weeknd (namorado de Selena Gomez que estava nos bastidores) que já entrou tocando “Starboy Boy”, seu maior sucesso e cantado em uníssono. Seus fãs cantaram praticamente todo o show, hits como “Wicked Game”, “The Morning” e “Can’t Feel My Face”, que ao vivo soaram ainda melhor e um som grave impressionante que nos fazia tremer. Sensacional! Com o maior público da história, muita música e atividades, pessoas de perfis tão variados e únicos, o Lolla veio para ficar! Então se liguem, se você perdeu o Lolla esse ano, se prepare. Você não vai querer perder a edição de 2018.

CULT_ 13


ALMANAQUE_CULT_CULTURA CARLOS GUIMARÃES COELHO | JORNALISTA E PRODUTOR CULTURAL MAURO MARQUES | DIVULGAÇÃO

MESMO COM CENTENÁRIO CELEBRADO EM 2015, GRANDE OTELO PODE TER EM 2017 O MARCO DOS 100 ANOS

O GIGANTE QUE NUNCA ADORMECEU Toda celebridade que se preze deve conter controvérsias em sua biografia. Com o pequeno Grande Otelo não poderia ser diferente. Desde a origem de seu apelido e a grafia correta do Otelo (com ou sem h), passando pela relação de afeto ou total ausência dela com sua cidade natal até o verdadeiro ano de seu nascimento, inventado por ele, segundo alguns, o que jogaria a data de seu centenário para agora e não há dois anos, como pensava a maioria. Não importa. São dúvidas que, na verdade, jogam luz sobre sua trajetória. Grande Otelo, falecido há 24 anos, foi um artista ímpar, de grandeza imensurável, ao lado de figuras emblemáticas como Carmem Miranda, a representação máxima da cultura brasileira em todo o mundo. No caso, portanto, o maior patrimônio cultural de nossa Uberlândia. Embora muitos não saibam, o eterno Macunaíma nasceu em nossa cidade e está aqui enterrado. Controvérsias à parte, a cidade continua tendo com ele uma dívida

14 _CULT

histórica, de gratidão ao seu nome e de respeito a sua relevância artística. Para o jornalista Sérgio Cabral, biógrafo de Grande Otelo, o artista nunca guardou ressentimento para com a cidade. Ao contrário, ele relata que, entre os manuscritos encontrados em seu acervo, há vários textos poéticos com alusão carinhosa a Uberlândia. Segundo Cabral, a Uberabinha sempre esteve na memória afetiva de Grande Otelo. E, até onde ele pode perceber, sem nenhum rancor. O fato é que o menino nascido Sebastião, de poucos anos vividos na pequena cidade de Uberabinha, tinha consigo a predestinação ao sucesso. Embora em várias entrevistas refira a isso como um golpe de sorte, consequência da “necessidade de sobreviver na selva urbana”, possuía extrema inteligência e sensibilidade. Isso era visível não apenas em sua verve criativa, comprovada nas tiradas de humor improvisado em cada show e nas composições de


grande qualidade. Autodidata, já que o seu nível de escolaridade ficou comprometido graças às constantes fugas das escolas de São Paulo, ele era poliglota, Grande Otelo dominava fluentemente quatro idiomas, segundo um de seus filhos, Mário Luiz de Souza Prata, e também tinha um português bem acima da média. Mesmo a biografia de Grande Otelo apontando 1917 como o possível ano de seu nascimento, estabeleceu-se como oficial a data considerada pelo próprio ao longo de sua vida, ainda que tenha sido inventada por ele, para antecipar a maioridade e ter acesso imediato ao trabalho no famoso Cassino da Urca, no Rio de Janeiro. 1915 ou 1917, o marco dos 100 anos teve poucas ou quase nenhuma celebração em Uberlândia, sua terra natal. Há 12 anos, quando foram celebrados os 90 anos do artista, a cidade, por intermédio do autor dessas linhas, recebeu o glamuroso espetáculo musical “Eta Moleque Bamba”, produção montada no Rio Janeiro e apresentada também aqui, no Teatro Rondon Pacheco, rapidamente com lotações esgotadas. No pacote das celebrações formato no Rio, estavam ainda a biografia de Sérgio Cabral, um site sobre o artista e a organização do seu acervo de documentos, objetos pessoais e trabalhos realizados em parceria com a Funarte e Prefeitura do Rio. Parte desse projeto se consolidaria depois, até 2015, ano do suposto centenário. Segundo Mário Prata, algumas ações pelos Cem Anos foram delineadas através da Caixa Econômica, para o eixo Rio/São Paulo (exposições com mostra de filmes) e do acervo recuperado pela Petrobras, que terá a participação da Fundação Roberto Marinho no novo Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro. Aqui em Uberlândia, a Secretaria Municipal de Cultura anunciou várias ações planejadas ao longo de 2015. A maior parte delas não aconteceu, pois dependia de captação de recursos das leis de incentivo à Cultura. De todas as ações previstas foi lançado apenas o calendário comemorativo ao centenário de 2015. Por meio de edital, artistas visuais e escritores inscreveram seus trabalhos e os selecionados foram impressos no calendário de mesa distribuído pela Secretaria de Cultura. Além de shows, palestras, debates e espetáculos homenageando o artista que não aconteceram, o projeto previa também a instalação de uma estátua em tamanho natural em uma das praças da cidade, provavelmente a Praça Adolfo Fonseca, que foi cenário da maior parte da infância de Grande Otelo, uma vez que ali ficava o Grande Hotel, onde o garoto engraxava sapatos e realizava suas estripulias artísticas para o deleite dos hóspedes, até partir com alguns deles para São Paulo e dar início àquela que seria uma das mais fascinantes trajetórias artísticas do Brasil.

E foi uma carreira pontuada por muito trabalho. Grande Otelo participou de 117 filmes entre 1935 e 1997, de 47 espetáculos e shows entre o início da década de 1920 e 1990, e de 40 discos entre 1930 e 1988. A carreira foi iniciada por aqui, quando o moleque bamba, de muitos apelidos como Tião, Tiãozinho e Tiziu, já demonstrava nas ruas o seu talento para as artes cênicas. Tiziu era o seu apelido preferido. É o nome do pássaro negro muito comum em nosso continente. Como ninguém ele sobrevoou vários territórios. E conquistou o mundo. Ironicamente, foi após atravessar continentes, ao descer de um avião, em 26 de novembro de 1993, pisando em solo francês rumo ao Festival de Cinema de Nantes, onde seria o grande homenageado, que Grande Otelo partiu para sempre. ORGULHO DA RAÇA APENAS COM MILITÂNCIA ARTÍSTICA O ator e compositor Grande Otelo tornou-se um dos expoentes da cultura negra brasileira sem levantar bandeiras do Movimento Negro. Chegou a ser criticado por isso. Segundo Sérgio Cabral, Grande Otelo levou muitos anos para compreender que também era vítima do racismo. Quando amigos envolvidos nas lutas dos negros cobravam-lhe posições mais firmes na luta contra o preconceito racial, ele simplesmente argumentava que o seu primeiro alimento foi o leite de uma mulher branca. A sua mãe de leite foi a matriarca da família Freitas, Augusta Maria de Freitas, em cuja residência a mãe de Grande Otelo, Maria Abadia, era

cozinheira. Aqui em Uberlândia, na escola primária, a Escola Bueno Brandão, Grande Otelo se sentia acanhado, como ele próprio declarou, por ser o único aluno negro da sala de aula. Há indícios históricos, comprovados em publicações da imprensa local, de que o racismo, bem acirrado no Brasil daqueles tempos, era muito mais acentuado na pequena Uberabinha e há quem diga que ele perdurou até os anos de 1960, talvez essa uma das razões do pouco contato da cidade com o seu filho mais ilustre. É curioso que Grande Otelo, em início de carreira, não CULT_ 15


ALMANAQUE_CULT_CULTURA CARLOS GUIMARÃES COELHO | JORNALISTA E PRODUTOR CULTURAL MAURO MARQUES | DIVULGAÇÃO

tenha se sentido discriminado por causa de sua cor. O biógrafo Sérgio Cabral menciona momentos em que ele, nas primeiras turnês pelo país, tinha de tomar suas refeições no quarto, pois negros não eram permitidos à mesa. Contudo, a militância de Otelo em combate ao racismo seria mesmo via produção artística. No final da década de 1930 ele viria a integrar a Companhia Negra de Operetas, cuja estreia seria com o espetáculo Algemas Quebradas. A partir daí muitas de suas personagens nos palcos e nas telas seriam ações afirmativas em favor dos negros. E quebraria barreiras, como levar tais elencos a redutos da elite, como o Copacabana Palace, em cujo palco, até então, não era permitida a presença de negros. Já no auge da carreira, na década de 1950, Grande Otelo tenta formas organizadas de combater o racismo e chega a ter uma investida política, lançando sua candidatura a vereador em 1958, com o slogan de campanha “não vote em branco, vote em Grande Otelo”. Mas ninguém conhecia Sebastião Bernardes de Souza Prata, o nome que constava no Tribunal Regional Eleitoral, e nem sabia que esse era o nome de Grande Otelo. A ORIGEM DO APELIDO Otelo já era um nome que o pequeno Sebastião carregava consigo desde que saiu da pequena Uberabinha. Às vezes, assinava desse modo. Em outras como Sebastião Prata, sobrenome também inventando por ele, em homenagem à família onde seu pai trabalhava, na fazenda, segundo Sérgio Cabral, onde hoje se localiza o Bairro Dona Zulmira. Por sua estatura, tornou-se comum chamarem-no de Pequeno Otelo. Um dos primeiros diretores de Grande Otelo foi Jardel Jércolis, que iria impulsionar a sua carreira. Inspirado em um filme de sucesso na época, The Great Gabo, Jardel lhe apelidou de The Great Otelo, que logo seria “abrasileirado” para Grande Otelo. E assim surgiu o pseudônimo que iria consagrá-lo como um dos maiores nomes do cinema, do teatro e dos shows no Brasil e cairia na simpatia de nomes internacionais como Orson Welles, Carmem Miranda, entre outros, além dos maiores artistas nacionais de sua época. UMA TRAGÉDIA ANUNCIADA No final da década de 1940, no auge de sua carreira, Grande Otelo conheceu Lúcia Maria, apelidada de Gilda, mãe de Elmar, de três anos de idade, que Grande Otelo apelidou de Chuvisco. Os três passaram a morar juntos na Urca e poucos meses depois, seguindo os padrões da época, a relação seria oficializada em matrimônio. Mas, a

16 _CULT

alegria duraria pouco. A esposa, contrariada com a vida boêmia do artista e se sentindo enclausurada pelo casamento, mas incapaz de submeter-se à humilhação pública que a separação representava na época, já tinha dado vários sinais de buscar um fim trágico para a situação, até que pôs fim à vida do filho e se suicidou logo em seguida. Deixou um bilhete afirmando esses motivos. O biógrafo Sérgio Cabral relata o depoimento de Grande Otelo, segundo o qual Lúcia Maria, três anos antes, apresentara o garoto a Grande Otelo como sendo filho dele. Logo após o enterro dos dois, escondendo toda a dor, Grande Otelo gravaria uma de suas cenas cômicas mais famosas, a do filme Carnaval de Fogo, de Watson Macedo, 1950, no qual ele interpreta Julieta, ao lado do “Romeu” de Oscarito. Segundo o diretor, “o homem que caía em prantos nos intervalos da filmagem era o oposto do ator que entrava em cena, sem a menor marca da tragédia no rosto”. Segundo Sérgio Cabral, Grande Otelo só foi ver essas cenas 25 anos depois. DESCENDENTES Passaram-se poucos anos para que Grande Otelo, sempre ligado às mulheres e enrabichado com elas, amenizasse a dor da perda trágica de sua esposa e filho e se apaixonasse novamente. Casou-se, em 1954, com Olga Vasconcelos de Souza, com quem teve quatro filhos: Carlos Sebastião Vasconcelos Prata, nascido em 1955, Mário Luiz de Souza Prata, em 1956, José Antônio de Souza Prata, em 1958, este o Pratinha, o único que seguiria os passos do pai e investiria também na carreira de ator e, por fim, em 1959, o caçula Osvaldo Aranha de Souza Prata. Em 1962, para sua surpresa, uma antiga namorada, Nilza Alves, com quem morou algum tempo após a morte de sua esposa e de seu filho, lhe apareceu com uma menina de 10 anos, cuja existência ele desconhecia, que dizia ser sua filha. Grande Otelo não teve dúvidas e assumiu a paternidade de Jaciara. Segundo o filho Mário Prata, a família hoje consiste em três filhos homens e quatro netos. Jaciara já faleceu. As esposas de Grande Otelo também. Quatro, segundo ele. Houve uma última, cujo nome não mencionou, que mudou para Austrália e dela não teve mais notícias.


ALMANAQUE_CULT_TUDO DE BOM FERNANDO PRADO DIVULGAÇÃO

“MEU SONHO É SER APRESENTADOR DE TELEVISÃO, QUERO SER O RATINHO”

GUSTAVO MENDES

Gustavo Mendes é ator, humorista e apresentador. Com tanto espaço conquistado, ele ainda quer mais e profetiza que será o próximo Ratinho da TV brasileira. Vindo aqui para a sua casa, o motorista do Uber me disse que era seu fã, como você se sente sendo conhecido nacionalmente? Eu sou uma mistura dos meus ídolos, José Vasconcelos, Chico Anysio, Tom Cavalcante, mas eu não me vejo assim, eu gosto do trabalho. Minha relação com “ser artista” eu gosto é do “trampo”, não é do luxo, do glamour. Então eu tenho que estar trabalhando, se eu estiver de folga está errado, sabe? E essa é minha sorte, eu amo muito o que eu faço. Você já esteve em muitos palcos e já passou por momentos de censura, de ter sido retirado de cena, isso já te fez arrepender de algo que você tenha feito? Não! Eu nunca falei bobagem. Meu humor é assim, eu acho que a maior lógica do humor é fazer rir, vez ou outra faz pensar, é importante também, então a questão da ofensa, do humor com o bullying é algo que eu não me identifico, não sou contra, mas acho que tem o bom senso, se eu fosse responder qual o limite do humor seria isso, o bom senso e a Cisjordânia, porque eu não sou besta de brincar com aquele pessoal ali! Você se encontrou com a Dilma. Como foi imitar a Presidenta para a Presidenta!? Foi ótimo, eu nunca fiz o personagem para agradá-la, sempre fui crítico do Governo, fiz o humor pelo humor e nunca fiz o papel de levantar bandeira ou denunciar, mas ela deu várias entrevistas dizendo que gostava da imitação e nos encontramos depois do processo de Impeachment, ela que pediu, ela riu, se emocionou. No início de carreira no Teatro você foi daqueles que fez a árvore? Não! Eu era bom no Teatro, e se eu não fosse bom, falava

que era bom, na minha cabeça, na minha loucura pessoal eu era bom. Eu fiz figuração na Globo uma vez para nunca mais, cheguei lá e tinha muitos figurantes que fazem isso lá há muito tempo, tem gente que faz há 30 anos. E estava chovendo, era uma cena externa, os figurantes todos na chuva quando chega o ator da cena, sendo acompanhado de um segurança, carregando um guarda-chuva para ele. E eu falei para mim mesmo que só voltava na Globo o dia em que alguém segurasse um guarda-chuva para mim, e assinei contrato lá. Na minha primeira gravação estava chovendo e um segurança segurou o guarda-chuva para mim. Eu tinha certeza que isso ia acontecer. Você sempre pensou em trabalhar na Rede Globo? Sabe que não! Meu sonho sempre foi e ainda é, ser apresentador de televisão, quero ser o Ratinho! Então, me vejo no SBT, porque é mais popular e tudo isso, mas a vida me levou para a Rede Globo, já fiz Casseta e Planeta, novelas, participações, hoje eu tenho dois programas no Multishow, Treme Treme e Xilindró, que estão entre as três maiores audiências da emissora, me deixa feliz. No Prêmio Multishow você incentivou muitos novos talentos, apoiando novos humoristas... Eu sou Xangô e Yemanjá! Sou paternal, gosto de ensinar, acompanhar... tenho o cuidado de não ser grosso nas minhas opiniões e só falo quando sou perguntado. Porque muitas vezes as pessoas só querem elogio, mexer com o sonho das pessoas é muito difícil e trabalhamos com ego, o nosso e o dos outros, então não é fácil. Se você pudesse ter superpoderes quais seriam? Eu seria o homem detergente! Porque me dá muita preguiça lavar louça. Imagina só, você acaba de comer e da sua mão já sai detergente. Já lava tudo. Isso seria maravilhoso! CULT_ 17


18 _CULT


CULT_ 19


AMAZÔNIA

20 _CULT


COLLECTION

J

Ó

I

A

PÇA TUBAL VILELA, 128 A UBERLÂNDIA - MG

WWW.APARATTOJOIAS.COM.BR

S 34 3236-4722

@APARATTOJOIAS

CULT_ 21


BEM_CULT

PUBLIEDITORIAL instituto de neurorradiologia e radiologia intervencionista DIVULGAÇÃO

instituto de neurorradiologia e radiologia intervencionista

EMBOLIZAÇÃO DE MIOMAS UTERINOS Miomas Uterinos O que são? Miomas uterinos são tumores benignos (não cancerosos) da porção do eútero que podem instituto demuscular neurorradiologia radiologia intervencionista causar dor, sangramento, sintomas urinários por compressão sobre a bexiga e dificuldade de engravidar ou manter a gravidez. Como tratar? Dentre as opções terapêuticas existentes, destaca-se a Radiologia Intervencionista, que realiza o tratamento minimamente invasivo dos miomas uterinos utilizando a técnica denominada embolização dos miomas uterinos, ou embolização das artérias uterinas, realizada através de um diminuto orifício na pele da região da virilha, sem cortes ou cicatrizes e sem a necessidade de retirada do útero. A embolização das miomas normalmente requer uma internação, em geral, de apenas uma noite. Em média, 90 por cento das mulheres que tiveram a experiência relataram alívio significativo ou total de sangramento, de dor e/ou sintomas relacionados.

PRINCIPAIS VANTAGENS E BENEFÍCIOS DA RADIOLOGIA INTERVENCIONISTA: • Procedimentos cirúrgicos menos invasivos, pouco agressivos ao organismo, com uso de tecnologia de ponta, sem cortes ou cicatrizes; • Procedimentos mais rápidos e mais seguros; • Em muitos casos, nem é necessário anestesia geral; • A recuperação geralmente é bastante rápida, com poucos dias de internação, deste modo o paciente retorna mais rápido para as suas atividades normais; • Substitui cirurgias convencionais; • Método de tratamento menos desconfortável e doloroso, e com igual ou maior sucesso que métodos convencionais, mais rápidos, sem incisões (cortes), com alta hospitalar precoce; • Permite o tratamento de doenças ou casos que antes eram considerados intratáveis e incuráveis.

O PROCEDIMENTO CIRÚRGICO

CATETER NA ARTÉRIA UTERINA INTRODUZIDO ATRAVÉS DA VIRILHA

22 _CULT

ARTÉRIAS NUTRIDORAS DO MIOMA SENDO EMBOLIZADAS


Saiba mais sobre o IRRADIA e a Neurorradiologia Intervencionista e Radiologia Intervencionista,

acesse www.irradia.med.br

na pele) na região da virilha, obtendo-se acesso ao espaço intravascular (artéria), e por meio de cateteres e fios-guia, sob orientação radiológica, navega-se de forma endovascular até as artérias que irrigam os miomas, que são ocluídas (fechadas) com o uso de

microesferas. Estes materiais e equipamentos utilizados nos procedimentos intervencionistas compõem o cenário de uma das áreas mais avançadas da medicina atual, utilizando assim tecnologia de ponta.

Apenas as artérias que nutrem os miomas são embolizadas (embolizar significa ocluir, fechar), deste modo tratando os miomas e preservando o útero, que não precisa ser retirado, como nas técnicas convencionais, enfatizando-se que o procedimento é realizado sem a necessidade de anestesia geral. ANTES DO PROCEDIMENTO CIRÚRGICO

APÓS O PROCEDIMENTO CIRÚRGICO

Múltiplas artérias nutrindo os miomas

Oclusão das artérias que irrigavam os miomas

O IRRADIA tem como diretor o Dr. Rodrigo Padre, especialista em Cirurgia Minimamente Invasiva, Neurorradiologia Intervencionista, Radiologia Intervencionista e Cirurgia Endovascular. Dr. Rodrigo Padre CRM 59.389 Contatos: COT - Centro Oncológico do Triângulo: (34) 3291-3500 Consultório Hospital Santa Genoveva: (34) 3239-0300 Sala Híbrida Hospital Santa Genoveva: (34) 3239-0292 contato@irradia.med.br www.irradia.med.br CULT_ 23


BEM_CULT_ESTAR BEM MÔNICA CUNHA | JORNALISTA LEO CROSARA | DIVULGAÇÃO

“ELA ME ABRAÇOU E SIMPLESMENTE ME CONVIDOU A FAZER PARTE DA FAMÍLIA”

DA COZINHA PARA O CORAÇÃO!

Dona Nina cozinha muito bem. Faz doces de aguçar até paladares mais salgados. Outro dia contou o segredo de uma torta feita com macarrão e que é uma das sobremesas preferidas da família. É isso mesmo, macarrão! Aquele tipo ninho de passarinho que ainda leva mel e castanhas. Preparou tudo, ensinou o passo a passo com generosidade para muita gente durante uma reportagem na TV. Uma receita que ela aprendeu com o dono da ‘doceria’ que ela frequentava bastante. Com jeitinho, Dona Nina pediu e conseguiu a receita com o dono. Não me espanta porque Dona Nina é a face da simpatia. Dizer não para ela deve ser difícil. Eu experimentei essa sensação. Uma quinta-feira, durante o expediente, ela chega junto com o esposo, Sr. Lahor. Estava com as mãos cheias. Ao retirar os produtos da sacola lá estavam quitutes de dar água na boca. Uma vasilha com doce de goiaba, outra com café cremoso também feito por ela. “Leve ao freezer e deixa lá, não vai congelar, viu?”, avisou, me pedindo ainda para ficar despreocupada. Segundo ela, basta uma colher pequena misturada à água ou ao leite. Pronto, é só

24 _CULT

e o quê? Bolo de sentir o gosto! Tinha mais. Sab s espalhados por inho laranja decorado com gom cima. ela sabia que eu Eu nem a conheço direito, mas a na embalagem, rdad gua amo essa quitanda. Bem ita e perfeita. bon tão de r olha o bolo aguçava o s prolongada e um Ao abrir, uma puxada de ar mai mesmo estando nte, aroma invadiu a alma... Realme Agradeci, sar. recu ais de dieta, não poderia jam ternura. Ela ta tan de te dian co mas parecia tão pou convidou a fazer me abraçou e simplesmente me que já sou de mou parte da família. Ou melhor, afir . Torci para vras pala sem casa. Fiquei ainda mais Voltei para a ara. Tom o. tud e ess que meu olhar diss que exalaram ainda redação, cortei fatias do bolo e avó. Ofereci aos mais o perfume do amor de mãe oreamos juntos sab café amigos e com xícaras de . A bênção ento alim que s mai a graça de receber . de ter amor gratuito e bênção Mônica Cunha é jornalista e apresentadora de TV. monikacunha@uol.com.br


CULT_ 25


BEM_CULT_PSICOLOGIA RÉSIA MORAIS | PSICÓLOGA MAURO MARQUES | SXC

OS CASAIS TÊM MAIS INTERAÇÕES CONFLITUOSAS QUANDO VIVENCIAM MAIS PROBLEMAS COTIDIANOS

CONFLITOS CONJUGAIS

r relacionamento Algo intrínseco a todo e qualque soas são é a presença de conflitos. As pes suas am tenh diferentes e é natural que s intenso mai nto qua o, diferenças. Além diss or será a mai nto, ame cion rela um e íntimo for muitos os São s. probabilidade de discordância endo ser pod ais, cas os e agentes de conflito entr ade, os elid infid a , sexo o eles e mencionados entr soas pes mas filhos, dinheiro, entre outros. Algu res fato a al cas habituam atribuir as brigas de os cas ns algu em , exclusivamente externos é que levam questões místicas ou espirituais a culpa. diários da vida Pesquisas baseadas em relatos ais têm mais cas os que tam conjugal apresen que vivenciam interações conflituosas em dias situações de o: mais problemas cotidianos, com problemas as, and dem múltiplas e simultâneas doença e iros nce fina as lem no trabalho, prob ativa tent A o). mpl exe por ão, ress crônica (dep faz os não s de ignorar os motivos de conflito o de mul acú o oca prov io, desaparecer, ao contrár

26 _CULT

ressentimentos que tende a retornar com mais força a cada novo impasse - o chamado efeito bumerangue. A satisfação conjugal é definida como o grau de satisfação, confiança, respeito e interesses compartilhado pelos membros do casal e o uso de estratégias destrutivas e/ ou competitivas de resolução de conflitos está relacionado de forma negativa à qualidade conjugal. O que ocorre com muitos casais é que ao invés de procurarem solucionar a questão, o marido e/ou esposa tentam impor ao outro seu ponto de vista sem escutar verdadeiramente o que o par tem a dizer. Os conflitos também podem surgir quando um dos integrantes do casal entende que está sendo prejudicado por certo comportamento do outro (ciúmes, ostentação, individualismo, por exemplo). Portanto, na próxima edição iremos dar algumas dicas de como resolver os conflitos no casamento. Até lá! Résia Morais - CRP-MG 04/31203 Psicóloga Clínica em TCC (UFU) e Hospitalar (UNIARA) Profª Mestre em Psicologia da Saúde - FPM resiamorais@gmail.com


CULT_ 27


BEM_CULT_ESTÁ ESCRITO

ANITA GODOY | ESCRITORA ARQUIVO PESSOAL | SHUTTERSTOCK

A ÚNICA FORMA DE SER FELIZ É ATRAVÉS DO AUTOCONHECIMENTO

PESSOAS FELIZES BRILHAM Você já reparou como pessoas felizes brilham? Elas caminham pela vida como estrelas na terra, com “algo” especial que ninguém sabe explicar. O sorriso é encantador, o corpo exala beleza e alegria, e o olhar, como grande espelho da alma, mostra que ali habita um espírito especial e cheio de coisas boas para repartir com o próximo. Nos últimos 32 anos tenho lidado muito com o ser humano, suas conquistas e fracassos, alegrias e tristezas. Me preocupo sempre com as pessoas, no intuito de auxiliá-las a se realizarem para serem felizes. Tenho observado como é difícil as pessoas se encontrarem, se conhecerem. O autoconhecimento tão falado nos últimos tempos é a tendência eficaz para autorrealização e felicidade. Muitos não se importam com esta questão, outros não querem nem ouvir falar, talvez por algo inconsciente, de não quererem se ver como realmente são. Mas, a única forma de ser feliz é através do autoconhecimento, pois quem se conhece se entende, quem se entende se perdoa, e vai conseguir entender e perdoar os outros também. Neste desejo de auxiliar o ser humano, criei um canal motivacional na internet, onde você encontrará sempre mensagens de fé, esperança, coragem e otimismo. Um canal onde você participa junto comigo, deixando

28 _CULT

serem as, ideias de temas a suas perguntas, dúvid . on be k: lin o r sa você aces tratados, etc. Basta em e -s va cre ins , ytv do itago klickpages.com.br/an e você TV y do uTube - Anita Go nosso canal, ou no Yo de s dia s no nte , tão importa terá motivação diária m, lha bri s lize Fe as re: Pesso hoje. Lembre-se semp ita bém. Com carinho, An tam r lha bri a eir qu então... Godoy. ras do Brasil Central ro da Academia de Let Anita Godoy é Memb nda Chico Xavier, me Co , dia rlân ras de Ube e da Academia de Let , Taróloga e Luz da tal Fundadora do Por Escritora, Presidente oy.com.br god nita w.a ww . nal Palestrante Motivacio


Prof. Dr. José Mariano Carvalho Costa Cirurgião Bucomaxilofacial CRO - MG 8.094

34 3235-3268 | 3239-0196 Av. Vasconcelos Costa, 962 | Hospital Santa Genoveva Uberlândia - MG CULT_

andrade.tatiane

- Cirurgia da face - Fratura dos ossos da face e tumores - Cirurgias ortognáticas - Cirurgias dos terceiros molares e dentes intra ósseos - Bichectomia - Reconstrução de Maxilares com enxertos ósseos para implantes - Implantes dentais - Cirurgia para ortodôntica e outras cirurgias da boca

Foto Mauro Marques

MAIS DE 30 ANOS DE BEM-ESTAR AOS PACIENTES

Dr. Sérgio Araújo Costa Cirurgião Bucomaxilofacial CRO - MG 34.657 drsergio_antonio

29


BEM_CULT PUBLI EDITORIAL MAURO MARQUES

INICIATIVA FAZ PARTE DO PROJETO SAÚDE SOBRE RODAS PROMOVIDO PELA UNIMED

O QUE KOMBINA COM VOCÊ?

Viagens, baladas ou esportes radicais? Tudo isso combina muito com você! Só que pra aguentar toda essa agitação e ainda dar conta do trabalho, família e outros compromissos, você tem que ter muita disposição. Foi pensando nisso e na sua saúde, que a Unimed Uberlândia colocou nas ruas da cidade

30 _CULT

a Kombina, uma perua Kombi, plotada e adaptada, utilizada para transportar uma equipe de saúde que presta atendimentos gratuitos para a população. A estrutura conta com um educador físico, uma nutricionista e uma enfermeira que levam acessórios e material informativo para atuarem bem próximos


da população. Onde a Kombina para, faz o maior sucesso. A Kombi carrega os profissionais que repassam dicas sobre como executar corretamente um exercício, ter uma alimentação saudável e compatível com a prática de atividade física, fazem exames de rotina e recomendam a procura de um profissional médico quando é detectada alguma alteração. A iniciativa faz parte do projeto ‘Saúde Sobre Rodas’ promovido pela equipe do espaço Viver Bem da Cooperativa. A ação foi lançada no final do ano passado e já atendeu mais de 800 pessoas, independentemente de serem clientes do plano, em empresas e espaços públicos, como o Parque do Sabiá, praças, poliesportivos e escolas. O projeto Kombina tem contribuído com atuação na prevenção e promoção da saúde como forma de proporcionar às pessoas bem-estar, qualidade de vida e longevidade. Portanto, se você encontrar por aí essa perua toda colorida com a marca da Unimed, aproxime-se e veja o que mais Kombina com você! O projeto A iniciativa surgiu da necessidade de associar a marca Unimed não apenas ao serviço de assistência médica, mas principalmente ao incentivo a uma vida saudável. O Departamento de Marketing teve o desafio de criar algo que gerasse empatia não só com os clientes da Unimed Uberlândia, mas com a população em geral. “Queremos que a Unimed faça parte da vida das pessoas enquanto elas estão saudáveis e não somente quando elas estão doentes”, explica o coordenador de Marketing, Danilo Leandro Rodrigues Carneiro. (Saiba mais sobre este e outros projetos em www.unimeduberlandia.coop.br). CULT_ 31


32 _CULT unimeduberlandia.com.br


CUIDAR DO FUTURO É CUIDAR DE VOCÊ. A Unimed Uberlândia sabe que estar sempre à frente é importante. Para garantir um crescimento sustentável, aprimoramos nosso modelo de gestão nos últimos anos. Pensando na qualidade de vida dos clientes e na evolução da nossa cooperativa, investimos também no cuidado à saúde com foco em prevenção e reabilitação: um modelo de atendimento que já é consolidado em todo o mundo. Esses são alguns dos motivos que fazem desta cooperativa a segunda maior Unimed de Minas Gerais. Entender o futuro da saúde permite que ela continue evoluindo, acompanhando as demandas do mercado e com qualidade de vida para os clientes. Olhar para o futuro é proteger a nossa Unimed.

CULT_ 33


BEM_CULT_CIDADANIA KAROLINA CORDEIRO | PALESTRANTE MOTIVACIONAL ARQUIVO PESSOAL

MULHERES SABEM SER DOCES E FORTES, TODAS SÃO ESPECIAIS, TODOS OS DIAS.

O OLHAR SOBRE A MULHER E MÃE ESPECIAL

ce também uma Se quando nasce um filho, nas ma deficiência, algu tem mãe, quando este filho que consegue se ela Aqu . mãe de nasce outro tipo . No mês em que se refazer todos os dias para a vida suas conquistas e s comemora a luta das mulhere ernidade é, sem mat a s, área constantes em tantas encantador. que s mai io diár afio dúvida, um des áveis em rmin inte Conciliar a carreira, as tarefas ustiva e exa fa tare é s casa e a educação dos filho abraço ele aqu e isos sorr es recompensada por doc ir. gostoso do filho na hora de dorm sui um filho com Mas, e a mulher que é mãe e pos se desdobra, ja”, “nin o Com alguma deficiência? que a torna O . luta à vai e lhos costura seus reta Algo diferente, diferente das outras mulheres? rreiras ou Anjas Gue er Especial ou fantástico? Sup Aqui vão dez o. diss a Nad ? que desceram do céu nhecem e as reco se s here mul as motivos que tod tornam TODAS especiais. , pois não sabe se - À noite, ela mal olha no espelho to sono. tan de ota cap come, toma banho ou ela olhadinha aqu dar para s filho dos - Vai no quarto s. nho o anji e sorri ao ver que dormem com alho trab do eto proj - Comemora sozinha aquele foi rço esfo seu ue porq a vibr e que foi um sucesso reconhecido. a e dá “aquela” - Sai, às vezes, atrasada de cas

34 _CULT

passadinha de rímel enquanto o sinal está vermelho. (Quem nunca?). - As mamães que têm filhos cadeirantes já se acostumaram que sapato de salto, saia no joelho e colares compridos nem pensar! (para descer a cadeira do carro, abaixar, são verdadeiros malabarismos). - Chora, às vezes, no banho, para que ninguém veja. - Ri sem motivos e canta alto enquanto dirige e toca sua música favorita no rádio. - Chora ao saber uma história especial e marcante que envolve outras mulheres. - Sabem que o Dia Das Mulheres é para lembrar a todos que, neste e todos os outros dias, queremos mesmo é respeito! Que NÃO é sempre um Não, não sendo um talvez. - Mulheres sabem que as dificuldades podem ser diferentes, mas a vontade de lutar é a mesma. Mulheres são especiais ao saberem que são únicas e possuem todo potencial de transformar tudo à sua volta. Sabem ser doces e fortes. Todas são Especiais, todos os dias! Karolina Cordeiro, mãe do Pedro (8 anos), que possui uma síndrome rara (Aicardi Goutieres), que o tornou tetraplégico e necessita utilizar as vagas diariamente. Sofre como outras pessoas com deficiência todas as agressões verbais e falta de respeito.


BEM_CULT PUBLI EDITORIAL NINA FOTOGRAFIAS

MODELO DE EXCELÊNCIA EM RESIDÊNCIAS GERIÁTRICAS

VILLA SANTÉ

Cuidar de idosos com o mesmo compromisso e confiança de seus próprios familiares. Com esta missão, a Villa Santé é hoje referência em nossa cidade. Para isso conta com uma infraestrutura completa, localização privilegiada na zona sul de Uberlândia, profissionais altamente qualificados e o principal: muito amor para quem você ama. A clínica desenvolve três tipos de serviços para atender os familiares e proporcionar bem-estar e vitalidade aos seus hóspedes: Residência de longo prazo (para membros da sociedade que querem residir permanentemente, com tranquilidade e conforto, além de todos os serviços disponibilizados). Centro do Dia (hospedagem durante parte do dia, das 7 às 19 horas com todos os serviços inclusos, como alimentação, atividades e repouso). Período predeterminado (funciona como um hotel, ideal para a recuperação pós-cirúrgica ou para a família que quer viajar ou fazer um passeio). Através de sua equipe interdisciplinar, a Villa Santé oferece um atendimento pensado em núcleos de prioridades funcionais do idoso. A fisioterapia e a nutrição são individualizadas, de acordo com as necessidades de cada residente, sendo os resultados apresentados aos familiares. A equipe de enfermagem é composta por enfermeiros coordenadores e técnicos de enfermagem que programam todos os procedimentos, focando na prevenção de lesões de pele e no trabalho motivacional do colaborador. Conta também com terapias ocupacionais e serviço social para realização de atividades laborais, culturais, sociais e cognitivas, além de suporte 24 horas por UTI móvel.

34 3221-9700 Rua da Paz, 415 Morada da Colina - Uberlândia - MG www.villasante.com.br contato@villasante.com.br @ilpivillasante

CULT_ 35


BEM_CULT_RELACIONAMENTO CÁSSIA FREITAS | PSICÓLOGA ARQUIVO PESSOAL | SXC

“ESCOLHER VIVER DE FORMA APRESSADA É ESCOLHER SE SABOTAR”

DIAS DE CHUVA

Há duas formas de vermos os dias de chuva. A primeira é como dias ausentes de cores e tristes. A segunda, seria reconhecermos a chuva como parte de um processo, o plantar, regar, colher e se fartar com o que se colheu. Existe um ditado que compara relacionamentos com um jardim que deve ser cultivado, protegido, admirado não só nos dias de sol ou quando as flores brotam. Todo jardim já viveu seus dias de chuva, mas nunca deixou de ser jardim e suas flores nunca decepcionaram quando a primavera chegava. Somos seres sazonais. Temos nossas fases boas, nossas épocas de nostalgias, nossos “repentes“. O problema é que queremos colher tudo, mas sem ter que preparar a terra, plantar ou esperar pelas chuvas. Muita coisa é perdida se apressamos os processos, muita gente se perde pelo mesmo motivo. Pessoas e mais pessoas perdidas procurando se encontrar em outras tão perdidas quanto. O resultado disso é uma colheita de insatisfação. Precisamos destes processos, afinal, todos queremos colher! Fartura, seja de bens, saúde,

36 _CULT

o vivemos alegria, paz. Que venha tudo! Com o total das visã a com pressa, raramente temos entendemos não im ass situações que vivemos, e falta de seja não ez Talv va. chu a importância da r só é Vive olha. entendimento. Pode ser uma esc ém. algu com r uma escolha, assim como vive da é escolher se Escolher viver de forma apressa nto, mas não sabotar. Eu quero um relacioname nto. Então ame tenho tempo para esse relacion ficarão o só bar, aca vai quando acabar, porque viver com por os arm opt se começo e o fim. Mas s processos, no alguém e juntos passarmos pelo sarem, que pas final, ou depois que as chuvas raram juntos aleg nos que permaneçam os motivos ou mos arar sep nos para e não a justificativa uridade mat o com ido hec con é bém não. Isto tam a os dias de emocional, aquela que aproveit viver com se de e chuva para ter a liberdad ro, quer ele esteja out o r eita resp e responsabilidade sob o mesmo teto, quer não. Cássia Freitas é psicóloga. cassiafreitas7@gmail.com


BEM_CULT_OBSERVATORIUM CINDY FREITAS | UNIVERSITÁRIA ARQUIVO PESSOAL | SXC

“HOJE VIVENCIO UM TEMPO DE TÉRMINO DE CICLO”

CARTA À PROFESSORA QUE MUDOU MINHA VIDA

Eu tive alguns professores especiais ao longo dos meus 17 anos de estudos. Já escrevi textos antes acerca do exercício da docência e do seu impacto na vida dos alunos - às vezes positivo, às vezes não. E, às vezes, sem impacto algum. Infelizmente - e isso não é um caso isolado dessa profissão - ainda há quem exerça seu ofício de forma indiferente, sem se preocupar com o que se passa na cabeça de quem será diretamente afetado por aquilo. Mas, vez ou outra, ganhamos na loteria. Hoje vivencio um tempo de término de ciclo - em uma semana, meu último semestre na graduação chegará ao fim. Foram três anos e quase 10 meses de muito aprendizado, muitas aventuras e desventuras, e muita gente. Acho que esses anos foram os que eu mais pude constatar o valor do ser humano e entender que absolutamente nenhum deles se encontra por acaso. Nisso é que consiste a loteria na qual ganhei: em uma professora na graduação, eu encontrei uma amiga, uma orientadora, uma conselheira e uma inspiração.

m tido fessores não tivesse Não que os outros pro eles longo desse tempo sua importância ao nte em ce rteza. Mas essa do tiveram, com toda ce as ar olh e s vezes parar especial me fez muita deu fen de e ou raç lo, me ab coisas por outro ângu te ola para mandou comer choc quando precisei, me a de de antes da minha fes que a tensão passasse us me r sa as inspirou a ultrap TCC, me desafiou e . em ist ex o nã ar, sso afirm limites - que, hoje po uma m amor, um sorriso e co fez ela o iss E tudo rinhoso. ca z esar do tom de vo sinceridade firme ap idos, viv m be os e quatro an Hoje, após esses quas res lho me os e qu gurança eu digo com toda a se em faz te e am pir ins te que mestres são aqueles por e a su particularidade sentir orgulho de cada nto me nti se o o, s, acima de tud ser quem você é. Ma o. ad ntr co en los por têque fica é de gratidão ta, e infinitamente itas, 21. Quase jornalis Cindy Figueiredo Fre a como docente, vid ha ter entrado na min grata à Vanessa por . iga necer nela como am e ter escolhido perma il.com ma @g as7 reit dyf cin

CULT_ 37


BEM_CULT_SAÚDE BUCAL DR. ALEXANDRE FERNANDES | CIRURGIÃO-DENTISTA ARQUIVO PESSOAL | GFXTRA

O MEDO DE DENTISTAS RESULTA DE EXPERIÊNCIAS NEGATIVAS, DIRETAS OU INDIRETAS

ODONTOFOBIA: MEDO DE DENTISTA - COMO SUPERAR? tes estragados maiores problemas de saúde. Den vida do indivíduo: podem afetar outras áreas da espera que se conseguir um emprego onde se ou mesmo os, limp tenha dentes brilhantes e ser afetados em pod ntos namoro e relacioname o, a pessoa pode se negativamente. Por causa diss rimida ou isolada. tornar socialmente retraída, dep paralisa a Nos casos em que a odontofobia tal, o melhor men e al buc de saú a a vontade e afet superar para o ápic é procurar tratamento psicoter em ser pod icos iolít ans s o seu medo. Medicamento de. ieda ans a r niza prescritos para ame

É uma fobia bastante comum. Cerca de 50% da população mundial tem medo de dentista ou pelo menos fica ansiosa com as consultas. Está ligada a outras fobias, como o medo de profissionais da saúde, de clínicas e da dor. O medo de dentistas resulta de experiências negativas, diretas ou indiretas. Odontofobia leva a uma variedade de sintomas mentais e físicos: - Choro, grito, sudorese e náuseas. - Ataques de pânico - Gengivite, cáries, ou mesmo problemas cardíacos, também podem ocorrer. Muitas vezes, o medo de dentistas leva a maiores despesas: a piora da saúde bucal pode levar a tratamentos mais caros, incluindo tratamento endodôntico, próteses, implantes, reabilitação oral, etc. Isso se torna um ciclo vicioso, já que o odontofóbico recusa o tratamento, levando a

38 _CULT

onde os Praticar “Odontologia gentil” eira adequada, man de especialistas trabalham o: med buscando aliviar o odontológicos que . Explicando os procedimentos serão realizados. um amigo como . Ter um membro da família ou nto. apoio para o tratame sultório também . Colocando música suave no con fobia. ajuda os pacientes a superar esta a em caso de Hipnoterapia pode ser realizad em ajudar o fóbico pod s sõe ses s Esta . odontofobia e reprogramar sua o a chegar ao fundo do seu med resposta a ele. respiração profunda Técnicas de relaxamento com e durante o e meditação, praticadas antes ar a perder o ajud em tratamento, também pod medo de dentistas. 15/12/odontofobiaFonte: http://psicoativo.com/20 omassint asaus a-c medo-de-denstist l .htm tratamentos -MG: 12.398. Dr. Alexandre V. Fernandes - CRO re e doutor Mestre em Estomatologia. Mest maxilofacial. em Cirurgia e Traumatologia Buco Odontocenter. er Prim da ico técn vel onsá Resp


Dia Internacional da Mulher

PARABÉNS!!!

Micropigmentação Corporal Facial

(34) 3236 5591

clínica de estetica maison sandra CULT_ 39

@maisonsandra

(34) 99648 6155


BEM_CULT SERIFA COMUNICAÇÃO LEO CROSARA

ALÉM DE MÃOS HABILIDOSAS, A ARTE DA ESTÉTICA É PARA OS DETALHISTAS

ARTE DA MICROPIGMENTAÇÃO FACIAL ELEVA AUTOESTIMA E quanta diferença quando mãos habilidosas somatizam a beleza intrínseca de cada rosto ao trabalhar olhos, lábios e sobrancelha com a novidade que está ganhando fama e mercado: a micropigmentação - uma técnica de preenchimento ou correção de falhas, realizada através da pigmentação na pele feita com um aparelho, semelhante a uma caneta e constituído por microagulhas, chamado dermógrafo. Mas, para enveredar nesse mercado, além de talento é necessário ter boa habilidade manual, firmeza nas mãos, coordenação motora, precisão, noção de visagismo, de estética e de anatomia já que as sobrancelhas, olhos e a boca chamam atenção no rosto e uma falha pode afetar a aparência e a autoestima. Para atingir a precisão dos traços e ter resultado satisfatório, a capacidade artística e a destreza com desenho exige cursos, prática, muito treino, estudo e muita responsabilidade. Além de mãos habilidosas, a arte da estética é para os detalhistas, pois a assertividade nas assimetrias das sobrancelhas, no contorno dos lábios e olhos são fatores para a satisfação do cliente.

ando capazes de fazer qu O que as mãos são le cia fa ica tét es a arte na o assunto envolve de, ida bil ha a e rqu po Isso corporal é mágico. volvem s procedimentos, de rno de mo s ao a ad atrel A o. içã rfe pe rrigir uma im a autoestima ao co é e no ma hu r se te ao vaidade é algo ineren da com que o mercado z fa e qu o tiv mo este o s vo no da ano, ganhando beleza cresça a ca novas adeptos. Aliado às s vo segmentos e no trabalho o s, to du pro arelhos e tecnologias em ap res conquistado mulhe estético manual tem o ad tiv homens e os mo e cada vez mais os e is cia fa s os tratamento a investir em divers leza be la pe a sc bu dos. Na corporais especializa ção, nta além da micropigme e qualidade de vida, a o nd eri da vez mais ad as pessoas estão ca pele, s como limpeza de ico tét tratamentos es s. tro ou , dentre massagem corporal

40 _CULT


C

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K

ONODERA Uberlândia Av. Getúlio Vargas, 550 Tel.: (34) 3253.2600

CULT_ 41


BEM_CULT_COMPORTAMENTO DR. JORGE PFEIFER | PSICÓLOGO E PSICANALISTA ARQUIVO PESSOAL | SXC

“A VIDA É UM PONTO ENTRE DOIS ABISMOS DE NADA”

O QUE É A VIDA? “Apaga-te. Amanhã, amanhã, dia a dia... todo passado desliza neste desenrolar até a última sílaba do registro dos tempos. A vida é uma sombra que anda... Ilumina para os tolos até o pó da morte. É como um pobre ator que se pavoneia e se agita em hora de palco. E depois não é mais ouvido. É uma história contada por um idiota, cheia de som e de fúria. Apaga-te, breve vela que nada significa”. Macbeth - W. Shakespeare. E para nós, o que é a vida? Me respondem que a vida é luta, é nascimento, crescimento, desafios e calmaria. A vida é isso e muito mais. A vida é um sopro que voa como o vento. É tempo, lugar e movimento. É um ponto entre dois abismos de nada. A vida é o sim e o não, o Ser e o Não Ser. Como o vento que passa e retorna, como a chuva que cai e seca, mas depois volta, como as flores que desabrocham, mas fenecem e mais tarde reaparecem. A vida é a resposta segura de corações que batem e palpitam no âmago das emoções humanas. Em sua obra “O Ser e o Nada”, Jean-Paul Sartre sugere existir uma dialética primária ou atávica entre o Sim e o Não nas demandas de juízos e juízes. Parece que no impasse desta suposta sintonia o tempo faça escolhas, mesmo quando ambos têm razões e objetivos contrários. A busca desse equilíbrio e dessa fatalidade talvez possam explicar estes pensares. A vida é Ser no mundo. O resto não sabemos. O resto é silêncio. Dr. Jorge Pfeifer é psicólogo, psicanalista, escritor e articulista.

42 _CULT


BEM_CULT PUBLI EDITORIAL ERICH STUDIO

“O SORRISO QUE VOCÊ NÃO VAI QUERER ESCONDER”

LENTES DE CONTATO PARA OS DENTES Para o sucesso, seu caso deve passar por um minucioso exame e um planejamento detalhado deverá ser feito pelo profissional capacitado. Antes da execução dos trabalhos é possível visualizar o resultado, podendo até fazer uma “prova provisória” de como ficará o seu sorriso. Ter o sorriso perfeito que você sempre desejou é possível e este sonho pode se realizar. Marque uma avaliação. Visite nosso site: www.odontologiacomamor.com.br

Autoestima e autoconfiança são fatores fundamentais para a sua qualidade de vida, e sentir-se bem com seu sorriso é um fator determinante. A odontologia pode trazer a harmonia estética ideal ao seu sorriso, devolvendo sua beleza, com toda a naturalidade e de forma minimamente invasiva. Por esse motivo, entre os tratamentos odontológicos mais desejados, hoje em dia, estão as lentes de contatos dentais que podem proporcionar de forma rápida e eficiente a solução estética ideal. Isso é possível com o uso de facetas de porcelana (que dependendo da sua espessura, são chamadas de lentes de contato), elas podem solucionar diversos problemas que ocorrem com os dentes naturais. As lentes de contato para os dentes são lâminas finas e altamente resistentes feitas de porcelana perfeitamente construídas, adaptadas e coladas à superfície dos dentes que podem corrigir coloração, formato, largura e comprimento dos seus dentes. Caso seja desejável, pode-se melhorar também o contorno e a exposição da gengiva, antes de colocar as lentes de contato dentais, criando perfeita harmonia.

Profª. Dra. Vanessa Mayrink Figueiredo Especialista e Mestre em Ortodontia. CRO MG 36250

34 3217-7066 Rua Tenente Virmondes, 190 Uberlândia - MG WhatsApp: 34 9 9992 5224 Instagram: @dravanessamayrink Site: www.odontologiacomamor.com.br

CULT_ 43


BEM_CULT SERIFA COMUNICAÇÃO DIVULGAÇÃO

ESPORTE TRAZ DIVERSOS BENEFÍCIOS PARA A SAÚDE

STAND UP PADDLE NAS ÁGUAS DO TRIÂNGULO MINEIRO Uma modalidade que vem conquistando adeptos em todo o Brasil é o Stand Up Paddle ou SUP - um esporte aquático no qual o praticante fica em pé numa prancha e usa um remo para se mover através da água. O Stand Up Paddle é uma mistura de esporte e lazer, com a possibilidade de estar em contato com a natureza. Comum em cidades litorâneas, vem conquistando público também no interior. Em Uberlândia, alguns rios e represas já são utilizados para a modalidade. Carol Costa é proprietária e instrutora de SUP na Náutica Triângulo, empresa que promove a atividade na região. Ela conta que muitas pessoas ainda não conhecem a modalidade, que traz diversos benefícios para o corpo. “O SUP é um esporte bem abrangente, pois pode ser praticado por mulheres, homens, crianças e idosos. Por trabalhar em uma superfície móvel (a água), demanda do praticante um trabalho constante de equilíbrio de todo o corpo

44 _CULT

o que (pés, pernas, abdômen e braços), lemas prob ige corr , tura cula tonifica a mus a físic cia stên resi a enta aum is, postura e ão traç cen e mental, a flexibilidade, con . lica exp , ora” mot o melhora a coordenaçã A instrutora trabalha com três Supilates modalidades de SUP, sendo o ios do efíc ben os (atividade que reúne abilidade inst da os scid acre Pilates de solo Up Paddle), gerada pela prancha de Stand bicas aeró as Supfitness (atividades físic SUP) de cha pran na e anaeróbicas feitas ser Por ). SUP o com a Yog e Supyoga (une orciona prop , livre ar ao a feit e idad uma ativ promove um estado de relaxamento que a. “Além tim oes aut a o bem-estar e eleva r o SUP usa s emo pod a, físic da atividade es idad ativ as ótim São s. seio para pas eé ond as, contemplativas sobre as águ a terr por que res possível conhecer luga . erva obs s”, ívei seriam imposs


BEM_CULT_COMPORTAMENTO MARIANA BONNÁS | PSICÓLOGA ARQUIVO PESSOAL | SXC

SAIR SOZINHA, A PÉ, PARA UMA MULHER É SEMPRE UM RISCO

O MEDO QUE SÓ AS MULHERES SENTEM quando ela decide ir Eram umas 20 horas xima de sua casa a pé até a padaria pró tipo de coisa normal para comprar pão. O de um monte de e corriqueira na vida e ela olha pela janela qu gente. Na hora em escuro, diversos e vê que já está bem m por sua cabeça: pensamentos passa á bem iluminada?”, “será que a rua estar demorarei para eu “quantos minutos ?”, “minhas roupas chegar até a padaria ”. ra sair esse horário? estão adequadas pa tipo te es ter ria ve de o Teoricamente, ela nã s isso é constante na de preocupação, ma de até não ser de vida das mulheres. Po algum lugar muito noite, mas se for em onhecido, isso vai sc deserto, ou então de ia zes, ela até coloca sa acontecer. Muitas ve s are lug ou s s estreita curta, mas evita rua re que possível, em mp se , da An . os suspeit reensiva quando ap grupo e está sempre . do an nh mi está sozinha ca lheres sentem não Esse medo que as mu ser que sejam de é apenas porque po medo é de ior ma o roubadas, mas cia sexual contra lên vio a um alg cometerem ra pessoas dizerem “pa elas. E não basta as é ele e rqu po !”, do me com isso, não tenha mais com o número um medo real, ainda a cada dia. Sair de casos crescendo a mulher é sempre sozinha, a pé, para um costumeiro, que nós, tão um risco. E já virou mos conta de que mulheres, nem nos da diversas coisas pelo estamos escolhendo gostaríamos de fazer medo e não pelo que nto: até quando rgu ou vestir. E aí me pe isso? Será que r po r ssa teremos que pa erão em um mundo minha filha ou neta viv r quem são, fazer o onde elas poderão se preocuparem com se que quiserem, sem pero que sim, mas esse tipo de coisa? Es mos com receio do por enquanto seguire que pode acontecer. cóloga especialista Mariana Bonnás é psi humano. Para saber o ent tam por com em onnas.com.br mais: www.marianab

CULT_ 45


BEM CULT_ESTAR BEM AOS 40 SIMONE MENDES HUGO MATOS | LEANDRO SILVA

CONSUMIR CHOCOLATE AMARGO MELHORA O FLUXO SANGUÍNEO

CHOCOLATE PODE TRAZER BENEFÍCIOS PARA A SAÚDE 2 - É um ótimo anti-inflamatório. adas por inflamações Algumas doenças são desencade eimer. O cacau presente crônicas, como Diabetes e Alzh stância capaz de agir no chocolate é rico em uma sub s, os chamados livre cais diretamente contra os radi bém na uva, no tam s ente pres o flavonóides, que estã alho, na cebola e no vinho. 3 - Serve como pré-treino. vale lembrar que Antes de se jogar nos chocolates, te para aumentar um pequeno tablete já é o suficien exercícios, mas icar a energia e a disposição para prat i uma refeição stitu sub lembre-se que a barrinha não antes de treinar. lares e AVC. 4 - Previne doenças cardiovascu o fluxo sanguíneo hora mel Consumir chocolate amargo suas por E . gue san do ção evitando a coagula veias limpas, as tém man s ante oxid anti s propriedade ea no corpo. melhorando a irrigação sanguín

Amargo, meio amargo, ao leite e branco. Quem não adora um bom chocolate? A guloseima é rica em alcaloides, como a teobromina e a cafeína (que são estimulantes) e a feniletilamina - substância também produzida pelos nossos neurônios e que, ao ser ingerida, ativa a liberação de dopamina no cérebro, gerando a sensação de felicidade. Apesar de ser conhecido como “o vilão das dietas”, quando consumido em pequenas quantidades e de forma correta, o chocolate traz uma série de benefícios para a saúde, principalmente se tiver um teor alto de cacau em sua composição. De acordo com estudos realizados pela Universidade de Georgetown, nos Estados Unidos, o chocolate pode auxiliar no combate ao câncer de intestino. Isso acontece porque algumas moléculas presentes no cacau são ricas em antioxidantes que protegem as células dos tumores degenerativos. A nutricionista funcional e desportiva, Camila Oliveira, listou alguns dos benefícios do chocolate. 1 - Previne o envelhecimento precoce. O cacau é rico em polifenóis, compostos bioativos poderosos, ricos em antioxidantes que podem ser comparados ao chá verde, mas para isso, é necessário escolher chocolates com altas porcentagens de cacau, pois tendem a ter mais compostos ativos, além de ter menos gordura e açúcar.

46 _CULT

s. 5 - Reduz o estresse e alivia dore cias que aumentam stân sub em rico é te cola Como o cho ela sensação aqu o a sensação de bem-estar, deixand ade. Alguns bilid irrita de is de leveza e reduzem os níve o um com age cia stân sub a estudos sugerem que pelo corpo. s dore uenas analgésico natural, aliviando peq ios, é importante “Mesmo com todos esses benefíc ntidade. Opte por qua da sar abu lembrar que não vale cacau. E na hora de tabletes com pelo menos 70% de e que o primeiro e-s escolher seu chocolate, certifiqu seja o cacau ição pos com ingrediente listado na sua ediente ingr o últim o que e au ou a massa de cac versões as tem exis já , ente alm Atu seja o açúcar. de coco, car açú ol, sem açúcar, adoçados com xylit a. Já de nist icio nutr a lica demerara ou orgânico”, exp da Mãe rio rietá prop i, con Mar Félix acordo com Felipe rais, a natu produtos Natureza, loja especializada em teve eis dáv sau s mai procura por doces e chocolates os “Tem es. mes os últim nos um aumento significativo loja Na tos. gos os s todo para opções saudáveis açúcar, sem glúten temos alternativas sem leite, sem deixe de comer uém e sem soja. A intenção é que ning chocolate”, ressalta. Site: www.estarbemaos40.com.br Instagram: simone.mendess Facebook: Estarbemaos40


BEM CULT_ESTAR BEM AOS 40 SIMONE MENDES HUGO MATOS | SXC

ALGUNS PESQUISADORES JÁ CHAMAM A MELATONINA DE SUPER HORMÔNIO

MELATONINA: O HORMÔNIO DO SONO

cansado? Não dorme Ultimamente você tem se sentido falta de melatonina, direito, não perde peso? Pode ser dula pineal que fica glân um hormônio secretado pela el de auxiliar na pap o tem e bro localizada no cére bém conhecido como regulação do ciclo circadiano, tam luz ocorre a produção de ncia ausê ciclo claro-escuro. Na luz há a cessação. desse hormônio e na presença de amental que a fund é e Para um sono de boa qualidad adequada. A ade ntid qua em a uzid melatonina seja prod l, Melissa ona horm ão médica especialista em modulaç em para tribu con que res fato Antoun, conta que um dos da idade é além ônio horm e dess o uçã diminuir a prod de melatonina pode o estresse. “A baixa na produção s de cortisol, um ado elev is níve estar relacionada aos em situações de o corp o noss pelo o uzid prod hormônio explica. Alguns ”, sono o estresse, que prejudica o noss de ‘super na toni mela a mam cha pesquisadores já regulação do na só não hormônio’, uma vez que ele age ante que oxid anti o eros pod sono, como também é um ão de ress prog a z redu e to imen lhec combate o enve

doenças neurodegenerativas, como o Alzheimer. Se você sofre de insônia ou acorda estressado constantemente, vale à pena consultar um especialista para fazer exames e verificar qual a quantidade correta para o seu organismo. Regulamentação nacional Até pouco tempo atrás não era possível produzir a substância no Brasil por falta de regulamentação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Para adquirir a melatonina era necessário importar, o que tornava o produto bem mais caro. De acordo com a proprietária da farmácia de manipulação Bothanica, Analícia Freitas, a medida é positiva, mas ainda restrita. “Nos Estados Unidos o consumo é liberado, já aqui no Brasil é necessária a avaliação e prescrição médica. Foi liberada a manipulação, mas só pode ser vendida com receituário médico”, observa. Site: www.estarbemaos40.com.br Instagram: simone.mendess Facebook: Estarbemaos40

CULT_ 47


BEM CULT_ESTAR BEM AOS 40 SIMONE MENDES DIVULGAÇÃO

“O QUE VALE MESMO É A REEDUCAÇÃO ALIMENTAR”

SUPERAÇÃO, COM FABIANA VINHAL Em meu blog, adoro contar histórias de superação que motivam e nos fazem crescer mais e mais. Aqui na revista Cult não poderia ser diferente. Para esta edição, escolhi a história da Fabiana Vinhal, uma mulher que, com muita força de vontade e garra, deu a volta por cima na luta contra a obesidade. Após passar por duas gestações, Fabiana ganhou mais de 50 quilos durante este período. Com o passar dos anos, o metabolismo se torna mais lento e com isso a perda de peso fica ainda mais difícil. Chegou um dia em que Fabiana resolveu mudar. “Eu sempre fui magra e sempre gostei de ser magra. Por isso, vi a necessidade de tomar uma decisão e resolvi me alimentar melhor”, explica Fabiana. Ela conta ainda que, de tempos em tempos, faz uma dieta de 10 a 20 dias, mas o que vale mesmo é a reeducação alimentar. A dieta é só para dar uma equilibrada. Até o momento, cerca de 30 quilos já foram embora. “Quando eu comecei, peguei firme na atividade física e na boa alimentação. Não tomei nenhum remédio. Foi determinação mesmo”, enfatiza. Aos poucos, passou a publicar toda essa trajetória nas redes sociais, onde já possui mais de 1500 seguidores, o que passou a dar mais força ao objetivo a ser alcançado e deu força para que mais pessoas sigam seus hábitos saudáveis. “Tudo o que eu fazia, eu postava. Com o tempo, as pessoas passaram a perguntar e se interessar pelo que eu estava fazendo e, aos poucos, fui entrando nesse meio”, ressalta a influencer. É realmente um orgulho ter pessoas com tanta garra e determinação em nosso meio, não é mesmo? (Se você tem uma história de superação, envie para o e-mail: contato@estarbemaos40.com.br).’ Site: www.estarbemaos40.com.br Instagram: simone.mendess Facebook: Estarbemaos40

48 _CULT


BEM_CULT PUBLI EDITORIAL DIVULGAÇÃO

PREPARADA PARA SE ENCANTAR E SENTIR TUDO QUE A NATUREZA PODE LHE PROPORCIONAR?

THE BODY SHOP A The Body Shop - uma marca inglesa ativista de produtos de beleza naturais, que cuida das pessoas e luta pelo planeta - realizou a inauguração oficial da marca em Uberlândia, dia 28 de março, no Uberlândia Shopping. Durante o evento, os convidados puderam sentir a maciez e toda a delicadeza da natureza, seja

ela através dos sabonetes, dos cremes, esfoliantes, shampoos, e muito mais. Regado à espumante, boa comida, os convidados especiais The Body Shop puderam conhecer os produtos e aguçar ainda mais seus sentidos. Confira um pouco do que foi essa invasão de sensações e não perca as novidades especiais criadas para o Dia das Mães e Dia dos Namorados. Sinceramente, você irá cair de amores por esta marca que já é sucesso em mais de 60 países. Venha para a The Body Shop e aguce seus sentidos!

34 3237-6130 Uberlândia Shopping - Loja 247 CULT_ - 2º piso Av. Paulo Gracindo, 15 - Uberlândia - MG

49


BEM_CULT PUBLI EDITORIAL BRUNO SOUZA

POR UM CORPO MAIS SAUDÁVEL

NUTRICIONSITA ESPORTIVA E FUNCIONAL

A nutricionista Camila Oliveira

Descubra a real composição do seu corpo através do exame de Bioimpedancia. A Biompedância consiste em um exame que avalia com alta precisão e rapidez a composição corporal. Através de uma corrente elétrica imperceptível é possível avaliar. - Massa Gorda (% de gordura corporal em kg) - Massa Magra (músculos, ossos e vísceras) - Água corporal total (litros e % de água na massa magra) - Taxa Metabólica Basal - Simetria Corporal - Controle de ganho/perda (gordura/massa muscular) Para obter um resultado mais preciso é necessário seguir fielmente todas as recomendações para realização do exame, minimizando desta forma as margens de erro do aparelho, bem como: - Não ingerir bebida alcoólica 72 horas antes de realizar o exame. - Não comer alimentos que contenham cafeína (chás, cafés, cápsulas de cafeína), termogênicos, broncodilatadores ou qualquer outro tipo de estimulantes por 24 horas antes do teste. - Não realizar exercícios físicos 6 horas antes da avaliação. - Interromper tratamentos como medicamentos diuréticos por 5 dias antes do exame.

50 _CULT

- Agende uma consulta e saiba tudo sobre a sua composição corporal. Camila Oliveira é Nutricionista com especialização em Nutrição Esportiva, Estética e Funcional. Realiza acompanhamento clínico com pessoas acima do peso, esportistas e atletas de diversas modalidades. Formada no Curso de Nutrição pela Unitri. PósGraduada em Nutrição Funcional pela Faculdade VP. Especialização em Suplementos e Fitoterápicos em Estética pelo Instituto IPGS. Especialização em Nutrição Esportiva e Estética com ênfase em Welness pela Faculdade São Camilo.

Academia Personal & Cia - Uberlândia Shopping 34 3219-6499 | 99698-2415 camila_nutvida@hotmail.com Av. Paulo Gracindo, 15 Morada da Colina - Uberlândia - MG Labs For Fit Rua Teixeira Santana, 185 - Cebtro 34 3235-0310

nutricamilaoliveira

camilinhanutrid camila_nutridesportiva


BEM_CULT PUBLI EDITORIAL BRUNO SOUZA

LOJA REÚNE AS MELHORES MARCAS DO MERCADO ESPORTIVO E FITNESS

GARAGEM DO ESPORTE A Garagem do Esporte nasceu para atender a um público preocupado com a forma física, com a saúde e a busca pela qualidade de vida. Devido à correria do dia a dia precisamos estar preparados para ter uma vida mais saudável com roupas confortáveis, coloridas e de ótima qualidade. A Garagem do Esporte está no mercado há pouco mais de um ano e busca surpreender com uma proposta diferenciada das demais deste segmento. É uma loja que reúne as melhores marcas do mercado esportivo e fitness com um conceito temático, intimista e uma boa música ambiente, que a torna mais atrativa para o consumidor. Sua localização é privilegiada - Via Centro Shopping, que é um shopping que se encontra no Centro da cidade, em uma das principais avenidas de Uberlândia, com fácil acesso e 1 hora de estacionamento grátis. Além disso, possui um clima fitness, pois conta com uma ótima academia (Time Academias), ou seja, fica em um excelente local, seguro, confortável, e conveniente. Um perfeito ambiente para quem ama esse estilo de vida!

Via Centro Shopping 34 3212-5631 Av. Afonso Pena, 1177 - Loja 25 - Piso Térreo Centro - Uberlândia - MG WhatsApp: 34 99687-9606 Facebook: Garagem do Esporte CULT_ Instagram: @garagemdoesporte Segunda à sexta: 9h às 20h | Sábados: 9h às 18h

51


MAIS CULT_CÁ ENTRE NÓS KELLY BASTOS DIVULGAÇÃO | SHUTTERSTOCK

“NÃO SE NASCE UMA MULHER DE NEGÓCIOS, TORNA-SE UMA”

MULHER DE NEGÓCIOS. VOCÊ É, ESTÁ OU QUER SER?

Olá, pessoal. Aproveito o tema da revista para falar desse assunto bem amplo. Simone de Beauvoir tem uma célebre frase que diz: “Não se nasce mulher, torna-se”. Ouso parafrasear e dizer que: “Não se nasce uma mulher de negócios, torna-se uma” e para isso é preciso vontade e determinação. Hoje falase muito em ser uma mulher de negócios. O termo passou a ter até um certo glamour, no entanto, a realidade é muito diferente do que vemos exposto por aí. A verdadeira mulher de negócios precisa ter resiliência para suportar a pressão do mercado, um bocado de paciência consigo mesma e com coisas que não dependem somente dela. As dicas abaixo recebi de um grande analista de negócios, há uns dois anos atrás. Na época, ele me disse: “Se pensar um pouco em onde quer chegar, qual o seu sonho e como vai fazer para realizar, é possível ajustar as velas para que o vento sopre a seu favor”. - Saber a diferença entre planejamento e plano parece tudo farinha do mesmo saco, mas no fundo não é. Se você souber a diferença entre um e outro, poderá ter maior clareza de onde está e como fazer para chegar onde quer. - Aprender a delegar - se você quer ser uma mulher

52 _CULT

o controle de tudo. de negócios, não tente ficar com estratégica e não ser é s Ser uma mulher de negócio o. niss operacional, pense não fazem muito - Fazer networking - mulheres os ainda, então está networking e as brasileiras men . ário na hora de mudar esse cen demos” ideias, - Vender - a todo momento “ven gem. Vender é serviços e até mesmo nossa ima fazer isso é o convencer, persuadir. Saber com vender. a - e por fim, de - Ter seu próprio estilo de lideranç a todos os fatores nada adianta você se atentar fiança no “seu taco”. listados acima, se não tiver con a é único e que ranç lide Saber que seu estilo de para benefício de es fort tos pon você pode utilizar ou trabalhar pontos seus negócios, além de delegar do negócio, es fracos, é fundamental, pois, ant em si mesma. fiar con e dev existe uma pessoa que sentir que faça a que a nad há Caso contrário, não ou para si traç o que você realmente chegou ao top mesma. radora Kelly Bastos é blogueira, administ e consultora publicitária. Visitem: www.blogdadudi.com.br


CULT_ 53


MUNDO_CULT_MULHERES PUBLI EDITORIAL MAURO MARQUES

IR ALÉM DAS TENDÊNCIAS E VALORIZAR A ESSÊNCIA PARTICULAR DE CADA CLIENTE É O FOCO DA MÁRCIA.COM

MUITO MAIS QUE MODA

Em 2002, uma gerente de vendas deixava o seu emprego para montar seu próprio negócio. Sacrifícios, persistência e espírito empreendedor concretizaram um sonho: a Márcia.com. Como em todo negócio, os desafios apresentam-se no dia a dia da loja de roupas e acessórios femininos, mas valem a pena serem superados pela satisfação e gratidão das fiéis e carinhosas clientes. Há sete anos, a empresária Márcia Oliveira conta com o apoio e dedicação de sua única filha, Marianne Oliveira, que sempre admirou o caminho trilhado pela mãe. Hoje, formada em Administração, especializada em Design de Moda e Consultoria de Imagem, realiza um trabalho de destaque no ramo de varejo de moda na cidade de Uberlândia ao lado da mãe e de uma excelente equipe de vendas. Desde o início, o foco da Márcia.com é selecionar as melhores opções de roupas e acessórios femininos em termos de elegância, conforto, beleza, alta qualidade e durabilidade, aliados a um preço justo. O público é formado por mulheres modernas e decididas de variadas idades, que prezam pelo seu bem-estar valorizando sua essência. Em novembro de 2015, foi inaugurado o e-commerce da marca, efetivando o slogan “A sua conexão com a Moda” e atendendo a clientes em todo o território nacional.

54 _CULT

Com o apoio do SEBRAE e de importantes parcerias com blogs de moda, salões de beleza, fotógrafos e apresentadoras de TV, a Márcia.com tem trilhado um caminho de sucesso e tradição que passa de geração para geração, completando 15 anos no próximo novembro. Além disso, a empresa preocupa-se em selecionar previamente os fornecedores a fim de evitar envolvimento com mão de obra ilegal, oferece bazar permanente de até 70% de desconto, ajustes de costura gratuitos para clientes, convênio com estacionamentos, programa de fidelidade e serviços personalizados de Consultoria de Moda.


MUNDO_CULT_MULHERES CLÁUDIA GUERRA | ONG SOS MULHER E FAMÍLIA DE UBERLÂNDIA ARQUIVO PESSOAL | SXC

DATA FOI OFICIALIZADA, EM 1975, PELA ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS

DIA INTERNACIONAL DAS MULHERES Essa história é antiga, polêmica e há versões diferentes para sua origem e significado. Mas, de modo geral, em 8 de março de 1857, operárias de uma fábrica de tecidos de Nova York - EUA, fizeram uma das primeiras greves conduzidas por mulheres. Reivindicavam redução da jornada de trabalho que era de 16 horas diárias, licençamaternidade, igualdade salarial, com melhores condições de vida e de trabalho. Em resposta, os patrões trancaram a fábrica com as trabalhadoras dentro, jogaram gasolina e atearam fogo. Aproximadamente 129 mulheres foram queimadas vivas. A II Conferência Internacional Socialista, realizada em 1910, em Copenhagen, na Dinamarca, aprovou uma resolução, por meio da alemã Clara Zetkin, que estabelecia o dia 8 de março como marco da luta pelo reconhecimento dos direitos da cidadania feminina. Com o decorrer do tempo, a data passou a ser comemorada em vários países do mundo e em 1975 foi oficializada pela Organização das Nações Unidas (ONU) como o Dia Internacional da Mulher. Atualmente, muitas mulheres lutam pela não violência, pelo exercício pleno e livre de sua sexualidade, pela igualdade de direitos e oportunidades em todos os setores, pela divisão das tarefas domésticas com seus companheiros e familiares, assim como pela responsabilização do casal pela educação dos(as) filhos(as), pela igualdade salarial no mercado de trabalho, pela ocupação em cargos de chefia e atuação política, dentre tantas outras reivindicações cotidianas. Enfim, opondo-se a práticas históricas de exclusão e descaracterização que possam acontecer pelo simples fato de serem mulheres. Várias possuem garantias e vivem num mundo melhor graças também ao sofrimento, ousadia e às conquistas de mulheres do passado. Em homenagem a essas trabalhadoras assassinadas em 1857, o 8 de Março foi instituído como Dia Internacional da Mulher. Essa é uma data para reflexão de homens e mulheres sobre suas práticas e discursos enquanto cidadãos(ãs), na construção cotidiana do social que objetive a convivência cordial, tolerante e respeitosa, mesmo que permeada por conflitos. Ao ser retomada a data, não se trata de desejar repetir o passado, mas talvez ainda de realizar muitas de suas esperanças. Em Uberlândia é significativa a defasagem de creches/ Emeis que viabilizem o exercício profissional de mulheres (e homens), como direito constitucional e previsto nos Direitos Humanos. Ainda cabe a muitas delas, graças a não distribuição das tarefas de modo generalizado e devido as construções desiguais de gênero, a tripla jornada, acumulando afazeres domésticos e o cuidado com os (as) filhos(as). E essa responsabilidade deve ser familiar, da sociedade e do Estado. Como falar em autonomia sem algumas garantias que não sejam meramente formais? Na política, apesar de serem a maior parte da população, das eleitoras e as “tarefeiras”, os cargos de poder e decisão não são proporcionalmente ocupados por elas.

56 _CULT

fazer funcionar o fluxo de Na área de saúde, o desafio de o, a casos de violência açã imiz revit sem , atendimentos as do Ministério e ativ sexual, de acordo com norm estupros com previsão de s caso nos da qua atuação ade cto de destaque está aspe de abortamento legal. Outro l, familiar e de gênero, uga conj ncia violê de no alto índice te feminina, ainda é men onde a demanda, predominante anos insuficientes hum rsos recu e a utur estr sujeita a infra te passam men rara por parte de profissionais que licos de púb os órgã nos da, inua cont por formação institucional. ncia violê a atendimentos, o que ocasiona licitárias e pub has pan cam em s ada tific Mulheres obje dianos em coti ais sexu sos por meio de assédios e abu tes públicos spor tran , ruas nas o com dos espaços varia e faculdades como algo ou em festas de universidades a. bast de que se precisa pleta 20 anos em A ONG SOS Mulher e Família com lência Cidadã Exce por março e tem sido premiada continuada e o açã form pela ia rênc e centro de refe rdisciplinar de inte pe equi cuidado profissional de sua tivo qualificado sele esso proc por o and prim atendimento, públicas icas polít de de seu pessoal, constituição ramas prog seus com nte ame junt e is locais, naciona ao ílias fam s nova 0 150 tem atendido uma média de emocionais ais, sexu as, físic s ncia violê m ano, que vive fios. Em Uberlândia, e patrimoniais. E não sem desa cial Criminal e Civil, Espe ado Juiz o do cria ainda não foi 40 de 2006) para (11.3 a Penh como prevê a Lei Maria da o Municipal Plan O . ente dam qua ade á-la operacionaliz des, assim cida s vária de e de Educação de Uberlândia 5) sucumbiram (201 dio inicí Fem do Lei ante como a relev cadas religiosas (no às pressões retrógradas de ban rcem anos de disto que ) laico ser deve Estado que inologia “gênero” term da pesquisas e propõem retirada s, com vistas à inino fem de de rsida dive a a que incorpor ões de gênero relaç e eres inclusão e promoção das mulh violências. Pode e cias lerân into são s ncia e as consequê e articulação em rede, haver ainda maior visibilidade a, acerca do programa tem o e sobr l ona seminário naci abriga mulheres que a público Casa Abrigo Travessi pela violência risco em e idad de ores men e filhos(as) funcionamento ivo efet seu e doméstica: incógnita sobr domiciliares ens rdag abo para a ram Prog O desde 2007. parceria uma a, éstic dom em situações de violência e PMU, está sendo UFU ília, Fam e er Mulh SOS entre ONG a decisão da PMMG em revitalizado e aprimorado com er público designe pod que isa prec e mo sair do mes o, por parte da PM, de luçã profissionais e ainda da devo frutos de aprovação ulos veíc tro qua dos um pelo menos mediado pela rso recu , de projeto por parte da ONG à demanda der aten iga cons mo mes o UFU para que própria e sede de bém tam reprimida. A ONG necessita mais efetiva eria parc a com ade bilid enta alcançar sust do e da sociedade civil. junto aos setores público, priva


No município foi rebaixada a Superintendência da Mulher, que possuía o mínimo, para Diretoria e aguardamos que essa diga a que veio. Em tempos de pleitos eleitorais e comemorações ao Dia Internacional das Mulheres essas são alvo. Atividades comemorativas Neste ano, para o mês do Dia Internacional das Mulheres, o Conselho Mun. Dir. Mulheres teve fala na CMU, a ONG SOS Mulher e Família elege nova diretoria em sua sede. Com outras organizações, promoveu ações da Greve Internacional de Mulheres, dia 08/03, na Praça Tubal Vilela, com assistência jurídica, práticas integrativas e complementares de saúde, diálogo com população, mencionando feminicídios e outras violências às mulheres, desigualdades salariais, tripla jornada, denunciando projetos governamentais que implicam retirada de direitos. Houve a Marcha das Mulheres e apresentações culturais. Em comemoração aos seus 20 anos, a ONG promoveu dia 26/03, show beneficente “Mulheres em Todos os Cantos”, no Palco de Arte, com participação de cantores como Carlin de Almeida, Carlos Menezes Jr. e César Traldi, Daniela Borela, Juliana Pena e Mariana Simões, com apoio do Uai Q Dança. Ainda atuou em ações educativas e preventivas, em eventos e junto à mídia, visibilizando o trabalho realizado. Por tudo isso, esperase que nas atividades do comemorar, termo que significa trazer à memória, haja ações para além de festividades, homenagens, premiações ou uso mercadológico do momento. E que os eventos sejam acompanhados de proposições no que tange à criação, ampliação e fiscalização de políticas públicas governamentais e não governamentais e de fomento de projetos de lei que oportunizem mudanças de atitudes concretas e cotidianas de homens e mulheres, com vistas a novas experiências que rompam com dicotomias de gênero e processos de violência, desigualdades e sofrimentos. Assim, quem sabe, no futuro, a referida data seja desnecessária e apenas referência acerca de curiosidades do século XXI. E seja fato que lugar de mulher seja onde ela quiser. Referências para busca de auxílio e diagnósticos: ONG SOS Ação Mulher Família de Uberlândia (atendimento social, psicológico e jurídico gratuitos), 34 3215-7862 Rua Feliciano de Morais, 62 - Bairro Aparecida. Site: www. sosmulherfamiliauberlandia.org.br, www.facebook,com/ sosmulherfamiliauberlandia. Casa Abrigo Travessia/SMDS/ PMU (abrigo temporário, confidencial, para mulheres e filhos(as) em risco pela violência doméstica), 34 3239-2538. Núcleo de Estudos de Gênero/UFU (estudos e pesquisas), Bloco Q, Campus Santa Mônica UFU, 34 3239-4501. Conselho Municipal dos Direitos das Mulheres (fiscalização e sugestão políticas públicas e projetos de leis). Cláudia C. Guerra é membro fundadora e da diretoria da ONG SOS Mulher e Família de Uberlândia, pesquisadora Núcleo de Estudos de Gênero da UFU, professora universitária e de pós-graduação, doutoranda em História/UFU sobre violência afetivo-conjugal e de gênero, mestre em História/USP-SP, Membro constituinte e exgestora da Divisão dos Direitos da Mulher e Políticas de Gênero e Casa Abrigo Travessia/PMU (2001-2002), Ex-Presidenta do Cons. Mun. Direitos das Mulheres (gestão 2004-2006) e atual conselheira, eleita Deleg. mun., estad. e nac. para Conferência de Políticas para as Mulheres (2015-2016).

CULT_ 57


MUNDO_CULT_MULHERES MÁRCIA SANTOS ORLANDINI | JEAN CARLOS MARTINS SXC

UM DIREITO SOCIAL GARANTIDOR DA IGUALDADE MATERIAL CONSTITUCIONAL

APOSENTADORIA DA MULHER

a de proteção A previdência social é uma form dores, em alha trab aos a constitucional dad sionadas pela oca es lesõ das e os risc razão dos ens e mulheres hom prestação de serviços, a qual idianas. Como cot s vida s são submetidas em sua idência, a prev pela o ecid ofer principal direito o por todos aposentadoria é o sonho almejad uíram trib con que, ao longo de vários anos, imentos rend s seu de mensalmente com parte mínimo que io efíc ben um de ar para no futuro goz idade ess nec lhe permita a sobrevivência sem os tod eral Fed o de trabalhar. Pela Constituiçã de des s, here mul e ens os trabalhadores, hom belecidos em que cumpridos os requisitos esta em nosso país, lei, têm direito a aposentadoria es requisitos ess podendo ser aqui resumidos uição e a trib con de po em dois grupos: o tem trabalha, que her mul a tod a, idade. Desta form tem direito que presta algum tipo de serviço,

58 _CULT

a aposentadoria. Não restam dúvidas que historicamente a mulher sempre executou dentro da sociedade alguma forma de trabalho, seja no mercado formal econômico ou até mesmo no trabalho diário doméstico, ficando, portanto, sujeito aos desgastes causados ao longo dos anos pela sua prática repetitiva. O que reforça a garantia plena do exercício desse direito. Deve-se ressaltar que a mulher, qualquer que seja a forma de trabalho ou tipo de serviço executado, tem garantido pela Constituição Federal direito a aposentadoria. Assim, as trabalhadoras com carteira assinada, trabalhadoras concursadas, empregadas domésticas, diaristas e até mesmo donas de casa, podem no futuro reclamar do Estado o pagamento do benefício previdenciário da aposentadoria, desde que tenham prestado algum desses tipos de serviços e contribuído mensalmente para a previdência.


Sua vinculação junto ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) pode ser feita de duas formas. A primeira, com o pagamento das contribuições pela forma obrigatória, e a segunda, pela forma facultativa. Se a mulher presta serviços como empregada (tem carteira assinada), sua contribuição é feita obrigatoriamente pelo empregador, através do desconto dos valores. Se a trabalhadora é autônoma (sem carteira assinada), o pagamento mensal deve ser feito sob a forma de contribuinte individual, cuja responsabilidade dos pagamentos é feito pessoalmente por ela, através do carnê ou guia mensal de contribuição. Já para as donas de casa, aquelas que durante muitos anos não tiveram seus direitos como prestadoras de serviços reconhecidos, desde 1991, a Lei nº 8.213 garante a contribuição previdenciária para futuro gozo de benefício de aposentadoria, na qualidade de segurada facultativa, podendo da mesma forma que as trabalhadoras autônomas pagar mensalmente os valores necessários e assim serem consideradas seguradas da previdência social. A diferença entre as formas de contribuição das trabalhadoras mulheres está apenas na pessoa que realiza o pagamento mensal. Para aquelas que trabalham de carteira assinada, aqui incluída as empregadas domésticas, cabe aos empregadores a realização dos pagamentos. Já para as autônomas, aqui incluídas as diaristas e também as donas de casa, o pagamento deve ser feito pessoalmente por elas, cabem a estas a responsabilidade pela regularização dos mesmos. Nos termos da legislação vigente, a aposentação da mulher será feita de duas maneiras: a) por tempo de contribuição, ou seja, quando a mulher completar 30 anos de efetivos pagamentos, independentemente de sua idade; ou b) por idade, ao completar 60 anos, se trabalhadora urbana, e 55 anos, se trabalhadora rural, e desde que tenha contribuído por pelo menos 15 anos para o sistema previdenciário. Vale ressaltar que não existem diferenças nas aposentadorias dos homens e das mulheres, nem diferenças nas aposentadorias das mulheres contribuintes obrigatórias ou facultativas, nem nos valores a serem recebidos. O recebimento é realizado levando-se em consideração o montante das contribuições mensais feitas, partindo-se da premissa, quanto mais se contribui, maior será o seu valor. O que se tem questionado é o fato de que o requisito da idade e do tempo de contribuição da mulher tem um redutor de 5 anos, se comparado aos dos trabalhadores homens. Mas tal diferença espelha-se no status social que a mulher exerce dentro da sociedade. Historicamente, a mulher é responsável tanto pelo trabalho econômico e

o sustento familiar, bem como na organização da vida doméstica, colocando-as num papel de dúplice prestação de serviços e de trabalhadoras, justificando socialmente a redução existente. A igualdade entre homens e mulheres é um preceito constitucional derivado da igualdade formal, que estabelece que todos são iguais perante a lei, sem distinção de sexo, idade ou raça. Contudo, a igualdade deve sempre respeitar as desigualdades na medida de situações desiguais. Portanto, é uma garantia constitucional as trabalhadoras mulheres nas suas mais variadas formas a contribuição para a previdência social e o recebimento futuro de aposentadorias, seja por tempo de contribuição ou por idade, para subsistência de sua manutenção pessoal, na medida do papel diferenciado que estas exercem e para uma efetiva Justiça Social.

Márcia Leonora Santos Regis Orlandini, graduada em Direito pela UFMG, pós-graduada em Filosofia pela UFU, Mestre em Direito das Relações Sociais pela PUC/SP, Doutoranda em Direito Internacional do Trabalho pela Universidad de València/Es. Professora adjunta de Direito do Trabalho e Processo do Trabalho Curso de Direito da UFU desde 1995. Jean Carlos Barcelos Martins, graduado em Direito pela UFU, pós-graduado em Direito empresarial pela FGV, Mestre em Direito Público pela UFU, Professor de Direito Previdenciário e Direito do Trabalho na UFU.

CULT_ 59


MAIS_CULT_ESTILO PATRÍCIA CAETANO | JORNALISTA MAURO MARQUES | DIVULGAÇÃO

“NÃO USEMOS ARMAS, NEM BOMBAS, PARA CONQUISTAR O MUNDO. USEMOS AMOR E COMPAIXÃO. A PAZ COMEÇA COM UM SORRISO”.

TERESA, EXEMPLO DE “AMOR NA PRÁTICA” Você já deve ter ouvido alguma história várias vezes. Normalmente ganham versões diferentes de acordo com quem conta. Das várias histórias que leio e ouço, algumas são especiais e levo comigo no dia a dia. Recentemente fui questionada sobre pessoas que me inspiram e quem eu gostaria de conhecer, esteja a pessoa viva ou não. O peito chega a aquecer e me sinto muito bem em pensar em uma das figuras mais emblemáticas que o mundo conhece. Não só exemplo de mulher, mas de benevolência e caridade genuínas - características raras nos dias atuais. E esta é uma história que muitos já ouviram, mas ouso eu contá-la de uma maneira diferente. É sobre uma Teresa. Já ouviu falar de Skopje? Palavra diferente, soa como nome de aplicativo. Mas é uma cidade a alguns quilômetros de Tirana, ambas da Albânia. Não são lembradas quando menciona-se a maior figura que representa estas duas cidades. A primeira é a cidade natal e a segunda, capital, tem um museu dedicado a ela, mulher exemplo e que carrega alcunha de uma outra região em que estava destinada a representar. A albanesa respondeu ao chamado para sua vocação em servir e foi encaminhada para trabalhos como catequista no interior da Índia. Lá esteve entre as famílias mais nobres. Embora a Constituição indiana rejeite o sistema de castas, no hinduísmo ainda pratica-se a divisão da população de forma que você é o que seu pai e mãe foram e pronto. E esta rápida menção histórica é necessária para que possamos mensurar alguns dos tabus socioculturais na Índia, vivenciado bem de perto por Teresa. Ela, que passava boa parte do tempo em trabalhos de evangelização e catequese, não deixava de ir às ruas e ter contato com os mais

60 _CULT

r crianças a afeição especial po pobres. Ela tinha um s delas. era seguida por vária e por onde passava a o apelido ão renderam à Teres Tanto carinho e atenç para diu pe do seu coração de “mãezinha”. E ouvin is ma s ao nte me se integral que pudesse dedicar. o fez necessitados. E assim no dia conceitos que estão Imagine todos os pre entos im rec cla es instrução, a dia, apesar de toda ou o es ob , gro ne r . Por se e até leis que temos por “morar y, talvez pobre, e até ga r se r Po te. ien defic só, uma ine ag conceitos. E im longe”. São tantos pre nasceu ela e rqu po na pobreza pessoa ter que viver ainda Ela a. av ord nc co o resa nã naquela condição. Te muita ram ge eiras que até hoje defendia outras band de ole ntr co e o de contracepçã discussão: políticas a : ha tin e qu as arm com as natalidade. E ela lutou o seu carisma. o tod e us De palavra de alguns: feitos, mas destaco Foram muitos os seus missões as as tod de entante ela foi nomeada repres Católica munitários da Igreja de paz e trabalhos co l da Paz be Il. Recebeu um No pelo Papa João Paulo agan, Re te en nra pelo presid (1979), Medalha de Ho de iza am ve nte (1985) e ma dos Estados Unidos até o foi e qu ta es de iza , am com a princesa Diana to an qu en rreu do coração leito de morte. Pois mo Lady iga am à ma nagem póstu preparava uma home se a res Te e to os ag u dia 31 de as Di. A princesa morre o, as ac bro de 1997. Não por foi no dia 5 de setem mo co ho ten ito queridas e que duas são figuras mu texto . À Teresa dedico este res exemplo de mulhe do seu nte fre à r lhe uma mu por vários motivos: foi os de an or na prática”, seus 87 tempo, inspira o “am tória, his na ão em 2003 estão vida e sua canonizaç agem, im a su tem bologia que e pela imensurável sim lcutá. : Madre Teresa de Ca seus atos e seu nome


CULT_ 61


MUNDO_CULT GA COMUNICAÇÃO SXC

“SÃO 10 ANOS DE HISTÓRIA E CONQUISTAS, E FAZER PARTE DA ACIUB NOS FORTALECE”

NOVA MARCA ACIUB MULHER

Com a proposta de consolidar cada vez mais a força e a representatividade da mulher empresária, o Conselho da Mulher Empreendedora (CME) da Aciub lançou este mês uma nova marca. A partir desta identidade renovada, este Conselho, que completa 10 anos de atividades neste ano, passa a atender como Aciub Mulher, fortalecendo sua missão de promover o fortalecimento da mulher empreendedora por meio de ações voltadas para o aprimoramento profissional e a ampliação da atuação das lideranças femininas. A presidente do Aciub Mulher, Isabel Rosita Leite Fialho, ressalta a força do associativismo. “São 10 anos de história e conquistas, e fazer parte da Aciub nos fortalece. Lançamos agora o conceito com uma nova marca, somos Aciub Mulher. Reforçamos nossa missão de defender e promover o desenvolvimento da classe empresarial, mostrando o potencial da mulher nos negócios”, destaca Isabel Rosita. Desde sua criação, em 2007, o Conselho reúne várias lideranças femininas que, juntas, promoveram ações inovadoras

62 _CULT

para incentivar e apoiar a participação da mulher em diversas atividades econômicas. Com realização de diversos eventos de sucesso promovem networking e oferecem diversas oportunidades de aprimoramento profissional para as empreendedoras.

Mulheres empreendedoras interessadas em fazer parte do Aciub Mulher, que é aberto a novas afiliações, devem entrar em contato pelo e-mail projetos@aciub. com.br ou pelo telefone 34 3239-1563.


MUNDO_CULT_MULHERES QUALIDADE E ATENDIMENTO MARCAM OS 21 ANOS DA EMPRESA

PUBLI EDITORIAL ERICH STUDIO

UMA HISTÓRIA DE SUCESSO!

Família: trabalho, união e companheirismo

Falar de Marly de Sousa Araujo é contar uma história de sucesso, fundamentada num trabalho que tornouse referência no mercado de festas local e nacional. De origem humilde, Marly conquistou o paladar, o respeito e admiração dos seus clientes pela qualidade dos serviços prestados, pontualidade, sofisticação, originalidade, dinamismo e talentos envolvidos. Ela é do tipo que coloca a mão na massa. Desde a criação de sua empresa Marly Festas Buffet, há 21 anos, é ela quem comanda a cozinha, onde todos os pratos servidos nos eventos que realiza têm o seu tempero. A sua presença e alegria contagiam seus funcionários, promovendo o envolvimento e compromisso de toda a equipe com a satisfação do cliente. Ao lado do sócio e esposo, João Donizete de Araujo, vem conquistando novos mercados e espaços, não apenas em Uberlândia, mas em outras cidades de diversos estados brasileiros. Marly administra sua empresa com uma verdadeira família, que trabalha com dedicação, comprometimento, flexibilidade e amor, tornando cada detalhe uma grande diferença. Identificada com o futuro, Marly e sua equipe estão prontos para novos desafios e novas conquistas, mantendo o padrão de qualidade em seus deliciosos cardápios e o atendimento diferenciado a cada cliente. Reconhecimento Marly de Souza Araujo é mineira da cidade de Prata. Filha de Divino Euzebio e Euzebia Teixeira, mudou-se para Uberlândia com 6 anos e começou a cozinhar aos 12 em casas de família. Aos 23 anos, arrendou os bares e restaurantes do clube AABB (Associação

Atlética Banco do Brasil), dando início aos trabalhos de buffet. Em 1999, aprimorou seu trabalho, constituindo junto ao esposo e sempre companheiro João Donizete, a empresa Marly Festas. É casada com João Donizete de Araujo, mãe de Anderson Araujo e João Marcelo Araujo, e avó de Mateus Araujo e Felipe Araujo. O filho Anderson Araujo traduz aqui o sentimento fraterno da família e equipe. “Mãe, faltam palavras para descrever o privilégio de ser seu filho. Você merece o respeito de todos, por ser essa mulher batalhadora, humilde, de coração gigante, uma verdadeira mulher de sucesso. Um ser humano especial, que valoriza a família, sendo uma esposa dedicada, leal e companheira. O sucesso de nossa empresa é, sem dúvida, uma conquista alcançada pela sua forma de ser e agir com todos. Minha mãe é a melhor do mundo”, enfatiza Anderson Araujo, também diretor financeiro da empresa.

A empresária Marly de Souza Araujo

34 3217-2090 | 3223-0837 Rua Varginha, 170 - Uberlândia - MG www.marlyfestas.com

CULT_ 63


MUNDO_CULT_MULHERES MÁRCIA CHICORSQUI | EMPRESÁRIA DIVULGAÇÃO

SUA FIDELIZAÇÃO COM SEUS CLIENTES PASSOU DE PROFISSIONALISMO A GRANDES AMIZADES

MULHERES EMPREENDEDORAS amigas, melhor dizendo, a autoestima, a beleza interior. Exemplo disso é a Hélia, que com seus setenta e poucos anos, se destaca entre o grupo, pois através dessa amizade ela voltou de encontro ao frescor da sua juventude, participando de todos os eventos com a sua animação, beleza e jovialidade. Recentemente, a Indiara realizou mais um de seus inusitados eventos em sua loja, nos quais ela tem o prazer de fazer, se preocupando com cada detalhe para melhor receber as suas clientes em sua famosa “sala de estar”, pois é assim que as clientes de sentem quando estão sendo acolhidas com tanto carinho.

A mulher tem se destacado no mercado de trabalho, suas habilidades às fazem conquistar cada vez mais o seu espaço no mundo de negócios e quando falamos em mulheres empreendedoras em Uberlândia, não podemos deixar de citar a empresária Indiara Daud. Nascida em Goiânia, seu sucesso começou como comissária de bordo, um trabalho que exercia com maestria, e em pouco tempo fez parte das 20 chefes de atendimento da empresa, onde ganhou destaque pela sua capacidade de adaptação a novas situações, facilidade de comunicação, de lidar com o público, responsabilidade e, principalmente, pela sua simpatia única. Com as mudanças da vida, em 2012, abriu o seu próprio negócio e ingressou de vez no mundo empresarial. Durante todos esses anos, inúmeras realizações aconteceram, e ao longo de sua caminhada, a sua fidelização com os seus clientes passou de profissionalismo a grandes amizades e todo esse êxito se deu devido a um de seus diferenciais, que é ressaltar em suas clientes, ou

64 _CULT

Esse foi um desfile para apresentar a nova coleção Outono Inverno da grife que representa e as modelos foram as suas próprias clientes, com diferentes idades e padrões de corpos, deixando claro para todas que a beleza não está nos aspectos físicos e sim no amor que elas depositam nos momentos que vivem. Através do meu olhar, a carreira brilhante da Indiara é comparada a um jardim… existem todos os tipos de flores, os botões, as rosas abrindo e as que estão desabrochando, mas que sempre estão sendo regadas e adubadas com todo amor e carinho para sempre estarem vistosas e assim formando um belo ramalhete para enfeitar a vida!


KARLIE KLOSS

CENTER SHOPPING UBERLÂNDIA PISO 1 TEL.: (34) 3223.8683

CULT_ 65


MUNDO_CULT_MULHERES ADRIANA SOUSA | JORNALISTA MAURO MARQUES

JORNALISTA COMPLETA 30 ANOS NA TELEVISÃO DE UBERLÂNDIA

MÔNICA CUNHA

66 _CULT


MATÉRIA COM REALIDADE AUMENTADA BAIXE O APP ZAPPAR EM SEU SMARTPHONE OU TABLET E APONTE PARA O SÍMBOLO.

Pouco antes das 7h30 da manhã, ela já está diante das câmeras, no estúdio da TV Paranaíba, em Uberlândia. À sua frente, apenas os cinegrafistas e técnicos prontos para uma hora e meia de programa. Por trás, silenciosamente, a grande equipe que compõe o programa Manhã Total. Pontualmente às 7h28, a jornalista Mônica Cunha entra na casa de milhares de pessoas em toda a região do Triângulo Mineiro. A partir daí, o estúdio se transforma em uma extensão da sala dos telespectadores. A conversa passa a ser com cada um que sintoniza a afiliada mineira da Record TV. Mônica acaba de completar seis meses à frente do programa Manhã Total, que ela define como mais um presente profissional ao longo dos seus 30 anos de carreira. O resultado do trabalho é visível em indicadores de audiência, quantidade de anunciantes e mensagens recebidas diariamente. Nessa entrevista para a revista Cult, ela conta sua trajetória profissional, marcada por vários divisores de águas. É a partir desses momentos de mudanças que escolhemos contar sua história. Manhã Total: o divisor de águas da maturidade O convite para se tornar a apresentadora do programa Manhã Total veio de forma inesperada e foi encarado como uma forma de sair da zona de conforto, depois de uma carreira estável na televisão. Foram poucos dias para a tomada de decisão e a adaptação ao novo desafio. Foi a terceira vez que os caminhos de Mônica e da Paranaíba se cruzaram. “Chega um momento na vida que, parece que você pega na mão da zona de conforto e fica tranquila ali, já alcancei, digamos assim, um determinado momento na carreira, está tudo bem, está tudo certo, você está naquela maré bem tranquila. Mas, no fundo, no fundo, você percebe que você queria um pouco mais. E esse pouco mais chegou com o telefonema do Rogério Silva. E ele me apresentou o projeto do Manhã Total, uma nova ideia que ele tinha, e ele gostaria que eu viesse para cá”, revela. E diz mais: “O convite da emissora foi um presente. Retornar à Paranaíba foi como voltar para um lugar que já foi nossa casa. Vim começar um novo ciclo. Fui bem recebida pela equipe, pelos profissionais e pelo público. Tenho liberdade para conduzir o programa, o conteúdo, as entrevistas. Estamos fazendo dele uma marca forte, reconhecida pelas pessoas”, diz a apresentadora. A rotina começa antes das seis da manhã, com maquiagem, fechamento dos textos, preparação final para as entrevistas. Diante das câmaras, ela combina técnica e improviso, descontração e seriedade, jornalismo e entretenimento. “Praticamente não vejo o tempo passar. Quero que tudo saia perfeito, afinal, estou entrando na casa das pessoas com o objetivo de fazê-las pensar, refletir sobre o cotidiano e sobre como ter uma vida melhor”, confidencia.

FOTOS MAURO MARQUES MAKE E HAIR EVIDENCE CABELO E PELE ROUPAS GREGORI ÓCULOS TARAMAR JOIAS

Bem Viver: o divisor de águas como entrevistadora Em sua carreira na televisão, Mônica teve a oportunidade de trabalhar em todas as funções jornalísticas. Passou pelo rádio, televisão e revista. Atuou ao lado de grandes profissionais e adquiriu múltiplas habilidades. Uma de suas grandes oportunidades foi o programa Bem Viver, produzido, editado e apresentado por ela durante dez anos, na TV Integração. Ao seu lado, a jornalista e amiga Lujan Machado, que hoje dirige o Manhã Total. A proposta nasceu a partir de um quadro sobre CULT_ 67


MUNDO_CULT_MULHERES ADRIANA SOUSA | JORNALISTA MAURO MARQUES

saúde no telejornal matutino e foi entregue a ela por Paulo Eduardo Vieira, Diretor de Jornalismo da emissora. “Foram dez anos no ar, com muita credibilidade. No começo, foi um desafio apresentar um programa longo, com muitos especialistas e sobre temas que nem sempre eu dominava. Usei a experiência adquirida no rádio, que me trouxe o improviso. Em cada entrevista, me colocava no lugar das pessoas, pensando no que elas gostariam de perguntar”, explica a jornalista. Broncas e elogios: divisores de águas na produção do texto Entre as muitas histórias que marcaram sua vida e carreira, Mônica conta como uma bronca e um elogio contribuíram para que ela aprimorasse seu texto e seu olhar sobre o jornalismo. A bronca veio do jornalista Luiz Gustavo, o querido Biló, atualmente na Record TV em Belo Horizonte. Ele era seu editor e deu a ela a oportunidade de ir para a reportagem, posição até então inédita para ela. “Mostrei meu texto a ele, que amassou o papel e jogou fora. Aí me ensinou como escrever para TV, como contar uma boa história, apurar o olhar. Mudei minha maneira de enxergar o jornalismo e a produção do texto. Aquilo me fez crescer demais”, recorda. O elogio veio da jornalista Alice-Maria, uma das principais referências da televisão brasileira: “Eu participava de uma oficina de reportagem e fui cobrir uma apresentação de teatro. Ela leu meu texto e perguntou para a turma de quem era. Levantei a mão esperando a crítica. Mas ela chamou meu trabalho de primoroso. Aquilo me estimulou muito”, conta Mônica. ‘Entre um café e outro’: divisor de águas rumo à literatura Em 2013, Mônica lançou seu primeiro livro, chamado “Entre um café e outro”. Embora escrevesse desde a adolescência, foi na maturidade que encontrou a coragem para mostrar ao mundo seu jeito leve de lidar com as palavras. Os primeiros textos foram publicados na revista Cult. Sua coluna é até hoje a campeã de leitura da publicação, de acordo com pesquisa recente. A ideia do livro veio pouco depois e acabou levando-a a participar de encontros como a Feira Literária de Araxá e a Feira do Livro de Paris, na França, experiências que ela também considera marcantes. “No começo, era difícil escrever cada coluna, mas com o tempo me senti mais confortável em compartilhar com as pessoas a forma como vejo o mundo. Levei meu texto para as redes sociais, as pessoas gostaram e daí foi nascendo o livro. A literatura te

68 _CULT


CULT_ 69


MUNDO_CULT_MULHERES ADRIANA SOUSA | JORNALISTA MAURO MARQUES

SELFIE COM MÔNICA CUNHA BAIXE O APP ZAPPAR EM SEU SMARTPHONE OU TABLET E APONTE PARA O SÍMBOLO E DIVIRTA-SE. permite outro tipo de relação com o público. As pessoas se identificam com o que escrevo e me dizem isso. Sem pretensão, acho que as palavras me permitem expressar o que muitos gostariam de dizer”, observa. Jornalismo impresso: divisor de águas na cidade maravilhosa Pouco depois de terminar a faculdade de jornalismo, Mônica foi para o Rio de Janeiro. Chegou lá como uma ilustre desconhecida e partiu à procura de trabalho. Conseguiu uma oportunidade na antiga revista Amiga, da editora Bloch. Ficou um ano e depois passou a trabalhar como freelancer para a Ediouro. “Escrever para revistas foi um aprendizado importante. Tive que construir meu nome, minha reputação. Em Uberlândia eu já era conhecida, no Rio tive que começar do zero, mas muitas portas se abriram”, ressalta. Foram três anos na Cidade Maravilhosa. Voltou quando seu pai, aos 58 anos, sofreu um enfarte fulminante. Era hora de estar com a família. Mas retornou rapidamente à televisão, graças aos bons relacionamentos construídos aqui. Paixão pelo rádio: divisor de águas para o jornalismo Mônica conta com saudades dos tempos em que a família se reunia em torno do velho rádio do avô, na cozinha de uma casa no bairro Fundinho. Ela imitava os locutores, brincando de ser apresentadora. Um dia, tomou coragem e ligou para a rádio Cultura FM, que atendia aos pedidos musicais dos ouvintes. Ela perguntou se precisavam de locutores e foi convidada para ir até a emissora. A ousadia deu certo. “Eu fazia magistério de manhã e à tarde ia para a emissora. Pessoas muito generosas me ensinaram tudo sobre locução, programação, operação de áudio. Depois fui fazer faculdade de Decoração e segui a vida. Mas o rádio continuou por perto, até que recebi um convite trabalhar na Rádio Paranaíba, como locutora e operadora. Depois veio a proposta de apresentar um programa de TV pela primeira vez. Aceitei e não parei mais”, salienta. A volta para o rádio e a televisão a fez trocar o curso de decoração pelo de jornalismo. Mônica fez parte da segunda turma da Unitri e aprendeu com os grandes nomes da imprensa na cidade, que foram seus professores na academia e no mercado. “Foi assim que tudo começou e já se foram 30 anos. Nem parece!”, finaliza.

70 _CULT


CENTER SHOPPING


MUNDO_CULT_MULHERES PUBLI EDITORIAL CRIS FERNANDES

“CONQUISTAMOS UM ESPAÇO QUE SE FUNDE COM A HISTÓRIA DE PESSOAS DE SUCESSO”

EVIDENCE CABELO E PELE: VALORIZANDO PESSOAS!

Fundado há 24 anos, Evidence Cabelo e Pele é mais um daqueles casos que provam que boas parcerias é uma fórmula de sucesso. Nos sentimos fortes ao lembrar da pequena empresa formada por apenas dois integrantes que com muito amor, respeito e gratidão por importantes parceiros fizeram nossos sonhos e projetos crescerem e solidificarem. Tendo o desenvolvimento de pessoas como nosso maior valor,

humanização de cada serviço realizado e a sensação de missão cumprida ao ver o sorriso de satisfação em cada pessoa que nos dá o privilégio de uma visita. Conquistamos um espaço que se funde com a história de pessoas de sucesso e grande valor para a nossa cidade, em especial Mônica Cunha, que temos carinho e orgulho de estar mais uma vez em nosso projeto. Obrigada a todos que confiam em nosso trabalho!

“A vida tem dessas surpresas mesmo. Um dia junta quem tem praticamente os mesmos objetivos: fazer um bom trabalho. Exercitar o romance com a vocação. Quênia e eu, podemos dizer, fizemos isso. Me lembro de chegar com frio no estômago e a alegria dela me acalmar. Hoje há mais que tranquilidade entre duas profissionais. Há certezas, há alegria de celebrar juntas um momento muito especial” - Mônica Cunha.

34 3212 3136 Av. João Naves de Avila, 1034 Uberlandia - MG

72 _CULT


CULT_ 73


MUNDO_CULT PUBLI EDITORIAL | PRELO COMUNICAÇÃO MANU DE SOUSA | EURO IMAGE

EVENTO HOMENAGEIA PARCEIROS E COLABORADORES

START CELEBRA 30 ANOS, PRONTA PARA O FUTURO!

As três décadas de compromisso com inovação e sustentabilidade da Start começaram a ser celebradas com o lançamento da campanha “Show de Prêmios Azulim”, em março, que premia os responsáveis pelo sucesso da empresa nos quatro cantos do País. No dia 7 de abril, aconteceu

74 _CULT

nos salões do Mercury Hotel, uma premiação para os campeões nacionais de venda, como forma de homenagear todos os colaboradores que ajudaram a construir a empresa. No dia 8, uma grande festa reuniu parceiros da Start no Palácio de Cristal, ao lado dos anfitriões Fábio e Marcos Pergher.


CULT_ 75


FICHA TÉCNICA

FICHA FICHATÉCNICA TÉCNICA FICHA TÉCNICA

Sofá modulado reclinável, com conforto e design diferenciado, além de detalhes de acabamento como costura em presponto.

Sofá modulado reclinável, com conforto e design diferenciado,

além de detalhes de acabamento como costura em presponto. Sofá modulado reclinável, com conforto e design diferenciado, MECANISMO MECANISMO além de detalhes de acabamento comoecostura presponto. Sofá modulado reclinável, com conforto design em diferenciado, Zero Wall com restrição de 12 cm da parede, com opções Zero Wall com restrição de 12 cm da parede, com opções de acionamento power e mecânico. além de detalhes de acabamento como costura em presponto. de acionamento power e mecânico. MECANISMO ASSENTO Fixo de espuma D28 revestido com manta acrílica resinada. Zero Wall com restrição de 12 cm da parede, com opções MECANISMO ALMOFADA ENCOSTO ASSENTO de acionamento power e mecânico. Zero Wall com restrição de 12 cm da parede, com opções Fixo de fibra de poliéster. Fixo de espuma revestido com manta acrílica resinada. ESTRUTURA de acionamento power eD28 mecânico. ASSENTO Madeira de reflorestamento e compensado, base em aço revestido com poliéster. Utiliza-se molas Nosag. ALMOFADA ENCOSTO Fixo de espuma D28 revestido com manta acrílica resinada. ASSENTO BRAÇO Fixo de fibra de poliéster. Fixo de espuma D28 revestido com manta acrílica resinada. Fibra de poliéster siliconada. ALMOFADA ENCOSTO PÉS Aço revestido com poliéster. Fixo de fibraENCOSTO de poliéster. ESTRUTURA ALMOFADA PARTES DESMONTÁVEIS

de reflorestamento e compensado, base emEncosto. Fixo de Madeira fibra de poliéster. ESTRUTURA açoderevestido com poliéster. Utiliza-se molas Nosag. Madeira reflorestamento e compensado, base em ESTRUTURA aço revestido com poliéster. Utiliza-se molas Nosag. MadeiraBRAÇO de reflorestamento e compensado, base em CÓD. 129 Fibra de poliéster siliconada. aço revestido com poliéster. Utiliza-se molas Nosag. BRAÇO Fibra de poliéster siliconada. MÓDULO RECLINÁVEL COM BRAÇO BRAÇOPÉS 105x105(175)x101 96x105(175)x101 Fibra poliéster siliconada. revestido com poliéster. PÉSdeAço Aço revestido com poliéster. PÉS PARTES DESMONTÁVEIS Aço revestido com poliéster. PARTES DESMONTÁVEIS Encosto. Encosto. PARTES DESMONTÁVEIS Encosto.

SOFÁ RESORT

CÓD. 129

Vídeo demonstração

MÓDULO RETO RECLINÁVEL

MÓDULO RETO FIXO

82x105(175)x101 72x105(175)x101

82x105x101 72x105x101

Vídeo demonstração

CÓD. 129 SOFÁ RESORT

Vídeo demonstração

CÓD. 129

Vídeo demonstração recliners.com.br

MÓDULO RECLINÁVEL COM BRAÇO MÓDULO RETO RECLINÁVEL MÓDULO MÓDULO RECLINÁVEL COM BRAÇO MÓDULO RETO RECLINÁVEL MÓDULO RETO FIXORETO FIXO

105x105(175)x101 105x105(175)x101 96x105(175)x101

POLTRONA RESORT

82x105x101 82x105x101 72x105x101

72x105x101 MÓDULO RETO FIXO

105x105(175)x101 96x105(175)x101

82x105(175)x101 72x105(175)x101

82x105x101 72x105x101

Poltrona reclinável Zero Wall com restrição de 12cm Poltrona reclinável Zero Wall com restrição de 12cm da parede. Extremo conforto e design diferenciado. da parede. Extremo conforto e design diferenciado.Poltrona reclinável Zero Wall com restrição de 12cm Acabamento em costura com presponto. parede. Extremo conforto e design diferenciado. Poltrona reclinável Zero Wall restrição de 12cmdaAcabamento Acabamento em costura comcom presponto. em costura com presponto. da parede. Extremo conforto e design diferenciado.MECANISMO MECANISMO Mecânica com balanço Glider, mecânica reclinável e Power MECANISMO Acabamento em costura com presponto. reclinável. Mecânica com balanço Glider, mecânica Mecânica com balanço Glider, mecânicareclinável reclinávele ASSENTO ePower Power reclinável. Fixo de espuma D28 revestido com fibra de MECANISMO reclinável. poliéster e com sustentação de molas Nosag. Mecânica com balanço Glider, mecânica reclinável ALMOFADA e Power ENCOSTO ASSENTO ASSENTO Fixo de fibra de poliéster. reclinável. FixoFixo de de espuma D28 revestido com fibra ESTRUTURA espuma D28 revestido com fibradede Madeira de reflorestamento e compensado. poliéster e com sustentação dede molas Nosag. ASSENTO poliéster e com sustentação molas Nosag. BRAÇO Espuma D28 revestida de manta resinada. Fixo de espuma D28 revestido com fibra de ALMOFADA ENCOSTO PÉSrecliners.com.br ALMOFADA ENCOSTO poliéster e com sustentação de molas Nosag. Aço revestido com poliéster. FixoFixo de de fibra de de poliéster. recliners.com.br fibra poliéster. PARTES DESMONTÁVEIS Encosto. ALMOFADA ENCOSTO recliners.com.br ESTRUTURA ESTRUTURA MEDIDAS Fixo de fibra de poliéster. 99x105(175)x101. Madeira de de reflorestamento e compensado. Madeira reflorestamento e compensado. CÓD. 129 ESTRUTURA BRAÇO BRAÇO Madeira de reflorestamento e compensado. Espuma D28 revestida dede manta resinada. Espuma D28 revestida manta resinada. BRAÇO PÉS PÉS Espuma D28 revestida de manta resinada. AçoAço revestido com poliéster. revestido com poliéster. PÉS PARTES DESMONTÁVEIS PARTES DESMONTÁVEIS Aço revestido com poliéster. Encosto. Encosto. PARTES DESMONTÁVEIS MEDIDAS MEDIDAS Encosto. 99x105(175)x101. 99x105(175)x101. MEDIDAS Vídeo demonstração Vídeo demonstração CÓD. CÓD. 129129 99x105(175)x101.

FICHA TÉCNICA

Vídeo demonstração

POLTRONA RESORT CÓD. 129

POLTRONARESORT RESORT POLTRONA

72x105(175)x101

72x105(175)x101 MÓDULO RETO RECLINÁVEL

FICHA TÉCNICA FICHA TÉCNICA FICHA TÉCNICA

SOFÁ RESORT RESORT SOFÁ SOFÁ RESORT

82x105(175)x101 82x105(175)x101

96x105(175)x101 MÓDULO RECLINÁVEL COM BRAÇO

Vídeo demonstração


SOFÁ PARADISO SOFÁ PARADISO

Av. João Pessoa, 525 Bairro Martins Uberlândia/MG (34) 3214-4601 | 3214-4367

SOFÁ PARADISO SOFÁ PARADISO

Sofá contemporâneo, modulado Sofá contemporâneo, e reclinável. Ótimo modulado para sala e reclinável. Ótimo para sala de estar e home theater. Opcional de estarcom e home portatheater. copos Opcional nos braços. com porta copos nos braços. Pode ser acionado eletricamente Pode ser poracionado controle eletricamente ou manual. por controle ou manual.

BRAÇO Espuma D26.

FICHA TÉCNICA

CÓD. 451

Vídeo demonstração

125x94(160)x99 115x94(160)x99 100x94(160)x99 90x94(160)x99

90x94(160)x99 125x94(160)x99 70x94(160)x99 115x94(160)x99 100x94(160)x99 100x94(160)x99 80x94(160)x99 90x94(160)x99

Vídeo demonstração

45x90x90

recliners.com.br

MÓDULO CANTO

110x94(160)x99

MÓDULO COM 2 BRAÇOS

recliners.com.br

90x94(160)x99 110x94(160)x99 70x94(160)x99 100x94(160)x99 MÓDULO CANTO 80x94(160)x99 45x90x90

RETO RECLINÁVEL MÓDULO MÓDULO RETO COMRECLINÁVEL 2 BRAÇOS MÓDULO RECLINÁVEL COM BRAÇO MÓDULO MÓDULO RECLINÁVEL COM BRAÇO

CÓD. 451

PARTES DESMONTÁVEISPARTES DESMONTÁVEIS Braço e encosto. Braço e encosto.

PÉS PÉS Madeira e aço revestido com Madeira poliéster. e aço revestido com poliéster.

BRAÇO Espuma D26.

ESTRUTURA ESTRUTURA Madeira de reflorestamento Madeira e compensado, de reflorestamento base em açoe revestido compensado, base em aço revestido com poliéster e pés em madeira. com poliéster Utiliza-seemolas pés em Nosag. madeira. Utiliza-se molas Nosag.

ALMOFADA ENCOSTO ALMOFADA ENCOSTO Fixo de fibra de poliéster. Fixo de fibra de poliéster.

ASSENTO ASSENTO Almofadas fixas em espuma Almofadas D28 fixas em espuma D28 revestidas com manta resinada. revestidas com manta resinada.

MECANISMO MECANISMO Zero Wall com restrição deZero 12 cm Wall dacom parede, restrição com opções de 12 cm da parede, com opções de acionamento power e mecânico. de acionamento power e mecânico.

FICHA TÉCNICA


MUNDO_CULT_DECORAÇÃO PUBLI EDITORIAL DIVULGAÇÃO

O SEGREDO É COMBINAR ELEMENTOS COM TOQUES ACOLHEDORES E NATURAIS

RÚSTICO NA MEDIDA CERTA!

O projeto a seguir prova que o estilo, se bem dosado, pode trazer aconchego a qualquer espaço. O segredo é combinar elementos com toques acolhedores e naturais, com peças ou revestimentos de estética oposta: uma verdadeira mistura de materiais e de texturas que cria contrastes de encher os olhos!

Projeto de autoria de Mariana Pereira Designer de Interiores 34 99971-8885 - 34 3305-0456 @marianapereiradesign

78 _CULT


Em breve mais uma loja na Granja Marileusa

Conheça toda nossa linha de móveis planejados (34) 3255-1313 | www.casapalco.com Av. Getúlio Vargas, 3005 - Uberlândia, MG.

CULT_ 79


ANÚNCIO COM REALIDADE AUMENTADA BAIXE O APP ZAPPAR EM SEU SMARTPHONE OU TABLET E APONTE PARA O SÍMBOLO.

CONCORD

AVENTINO

LIBER

O projeto legal do empreendimento encontra-se aprovado junto à Prefeitura de Uberlândia. Registro de incorporação de número R-6 146.246, registrado no cartório do 1º Ofício de Registro de Imóveis de Uberlândia. Imagens ilustrativas.

É COMO TER UM APARTAMENTO NA REGIÃO DOS JARDINS, MAS SEM O TRÂNSITO DE SÃO PAULO.

Apartamentos com espaço de casa na região mais nobre de Uberlândia. A decisão perfeita para quem gosta de praticidade, mas não abre mão de exclusividade e segurança. 80 Concord _CULT O Triad tem padrão para estar nas cidades mais sofisticadas do mundo.


SALA DUPLEX

SUÍTE DUPLEX

CONCEITO:

LAZER:

LAZER DE CONDOMÍNIO HORIZONTAL SEGURANÇA DE CONDOMÍNIO VERTICAL APARTAMENTOS COM ESPAÇO DE CASA ZONA SUL DE UBERLÂNDIA

3 ESPAÇOS GOURMET PISCINAS ACADEMIA DE 160 M² 5 MIL M² DE ÁREA VERDE

VISITE O NOVO DECORADO. AV. DOS VINHEDOS, 1100 – MORADA DA COLINA

TRIADBRASAL.COM.BR - 3014 2200

CULT_ 81

CRECI: 31445

SALÃO DE FESTAS


84 _CULT


SEU IMÓVEL DE ALTO PADRÃO MERECE UMA VITRINE À ALTURA. Agora Uberlândia tem uma imobiliária especializada em condomínio fechado e imóveis de alto padrão. Na FR Imóveis de luxo, você conta com uma equipe completa para oferecer um  atendimento à sua altura. Comprar ou vender, ligue e fale com a gente.

FR IMÓVEIS DE LUXO. VOCÊ EM ALTA. Av. Nicomedes Alves dos Santos, 3600 • Gávea Business, Sala 133 34 2589 5859 • frimoveisdeluxo.com.br •

frimoveisdeluxo

CULT_ 85


MUNDO_CULT PUBLI EDITORIAL NINA FOTOGRAFIAS

VILLAGE PARADISE

VENHA CONHECER A DECORADA DE 4 SUÍTES Comendador Kélvio Silva

86 _CULT


A Realiza entrega um show de empreendimento na Granja Marileusa: o Village Paradiso. E já está finalizando as obras do Village Paradiso 2. São casas de 3 ou 4 suítes, com arquitetura moderna em condomínios surpreendentes, com áreas de lazer inéditas: piscinas, sauna, pilates, espaço gourmet, salão de festas, academia, quadra poliesportiva e um paisagismo apaixonante. Vale a pena conhecer a casa decorada de 4 suítes. Afinal, ela é muito mais que você pode imaginar!

Engenharia com Poesia

Plantão de vendas no local | WhatsApp: 34 9 9902-2204 www.realizaconstrutora.com.br

CULT_ 87


MUNDO_CULT_TECNOLOGIA REDAÇÃO DIVULGAÇÃO | BRUNO SOUZA

CIDADE É A 13ª NO RANKING NACIONAL

UBERLÂNDIA, UMA DAS CIDADES MAIS INTELIGENTES DO BRASIL O conceito de cidade inteligente consiste no desenvolvimento de espaços urbanos que, por meio da tecnologia da informação e da implementação de soluções tecnológicas, propiciam uma gestão mais eficiente das questões econômicas, sociais e ambientais. As cidades inteligentes integram questões de infraestrutura aos sistemas de informação, incentivando o desenvolvimento econômico, o aumento da qualidade de vida e maior participação da população no planejamento da cidade. Dessa forma, investir apenas em pontos de conexão wi-fi, orelhões modernos e pontos de ônibus tecnológicos não torna um espaço urbano “inteligente”. Isso depende da articulação de diversos outros fatores. Segundo o índice Cities in Motion - CIMI, do IESE Business School, existem 10 indicadores que determinam o grau de inteligência de uma cidade. São eles: Investimento em capital humano (produção cultural, índices de escolaridade da população e pesquisas científicas). Coesão social (qualidade do sistema de saúde, imigração, segurança, inclusão social, políticas de amparo à terceira idade, etc). Economia (incentivo à inovação, economia local e demais propostas para o desenvolvimento econômico). Eficiência da gestão pública (implementação de novos modelos de gestão e administração). Governança (referese principalmente aos níveis de participação da população nos processos da cidade). Mobilidade e transporte (facilidade de acesso aos serviços públicos e transporte dentro das cidades). Meio

88 _CULT

energia ambiente (suporte às fontes de bate à com a, águ da ão alternativas, gest sustentabilidade). de icas polít ais dem e ição polu desenvolvimento Planejamento urbano (planos de acessíveis tas, que foquem em cidades compac ionais rnac inte s exõe Con . e interconectadas) l, incentivo ao iona rnac inte nto cime onhe (rec rnos). Tecnologia turismo e aos investimentos exte de sistemas nto (implementação e desenvolvime uturados). estr bem o açã unic com de informação e Granja Marileusa rlândia através Esta nova realidade chegou a Ube com o que tado proje ro bair a, do Granja Marileus de cidades há de mais moderno no conceito leste da cidade, inteligentes. Localizado na zona Alexandrino surgiu do desejo do Comendador servir e em r, Alga o Grup do r Garcia, fundado como forma de fazer parte da vida das pessoas italidade com agradecimento à gentileza e hosp bida aqui. “Este os quais a família Garcia foi rece legado do Grupo é um sonho do meu pai e será o hidos com muito Algar para Uberlândia. Fomos acol ma forma. mes da buir retri s carinho e queremo rua, o lugar por Acreditamos que é no espaço da acontece, e excelência do encontro, que a vida no encontro ança que temos que recuperar a confi e princípio ncia essê essa com É e na convivência. acentua a”, ileus que nasceu o projeto Granja Mar o de selh Con do te iden pres cia, Luiz Alberto Gar r. Administração do Grupo Alga


Micropolo de Tecnologia Primeiro bairro estruturado de Uberlândia, possui residências, comércio, serviços, espaços de convívio, restaurantes, centro de convenções e eventos, parques, hotéis, escolas, áreas verdes e várias outras áreas, sendo projetado para oferecer aos moradores estrutura diferenciada com ultra banda larga, wi-fi gratuita em parques e praças, segurança com sistema de última geração, pisos permeáveis, transporte público de qualidade, bicicletários e ciclovias, acessibilidade para pessoas com necessidades especiais e energia elétrica subterrânea. Novos empreendimentos com inovação, bem-estar e desenvolvimento econômico e social estão previstos para este bairro que nasceu pensado para as pessoas e que se faz presente na vida delas a cada dia. Homologado como primeiro Micropolo de Tecnologia de Uberlândia, o Granja Marileusa não é apenas o cenário, mas o protagonista de realizações tecnológicas a favor das pessoas. Recentemente, o Granja Marileusa foi destaque na Fiemg de Belo Horizonte, na Editora Brasil Energia e no evento Connected Smart Cities sobre cidades inteligentes no Rio de Janeiro. Em 2015, as empresas Satori e Urban Systems elaboraram o Ranking Connected Smart Cities que mapeou 700 municípios (com mais de 500 mil habitantes) e classificou 50 como os mais desenvolvidos. Neste ranking, Uberlândia ocupa hoje a 13ª posição, considerando-se sua potencialidade e condição estratégica de desenvolvimento. Está apenas uma hora de voo de grandes cidades como São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Rio de Janeiro e Goiânia. É uma das 30 cidades que mais geraram empregos de acordo com a revista Exame de 08/2013. Compõe com Ribeirão Preto o sexto eixo econômico que mais cresce no

e de 07/2014. Está entre as Brasil conforme a revista Exam se viver de acordo com a para país do des cida 20 melhores 02/2015. É a segunda de il Bras revista América Econômica ui vocação logística Poss is. Gera s Mina de maior economia de 1,2 milhões de isão prev e o 5º Aeroporto Regional com 13 instituições de com ária ersit univ de cida É passageiros. os. É considerada alun mil 40 ensino superior com mais de tes, de Minas itan hab de ão milh 1 até de, a melhor cida imóveis conforme em stir inve se Gerais (14ª no Brasil) para Está entre as 20 melhores o site Exame.com.br em 02/2015. do com a pesquisa acor de cidades para se criar filhos, nce, para o portal Fina & s omic Econ a Delt elaborada pela Exame.com em 03/2015. Gestão Urbana vel aumento dos problemas O mundo está vivendo um incrí nfreado da sua população dese em virtude do crescimento rais, condições urbana. Gestão dos recursos natu industriais e o poder icas climáticas e ambientais, polít que temos hoje e des cida as am nhar dese econômico lo de vida urbano. esti o noss o influenciaram diretamente mais de 70% do mos tere 0 203 em , ONU a com De acordo ros urbanos, cent em ndo vive total da população da terra as vidas. noss as nte ame atic dram ará o que influenci , estamos testemunhando Visando minimizar este problema público e privado para uma forte tendência dos setores s cidades inteligentes. ada o desenvolvimento das cham de inteligente vai além cida uma de l cipa prin O conceito passa principalmente , nica da reestruturação arquitetô ção e comunicação rma info da ia olog tecn pelo uso da problemas urbanos e os para para desenvolver soluções dãos. E a nossa cida dos vida de e lidad qua a aumentar realidade. nova essa a a Uberlândia já está integrad

PRODUZIMOS SONHOS!

34 3087-2241 | 99964-4617 | 99199-5954 Av. João Pinheiro, 1905 Bairro Aparecida - Uberlândia - MG baobamoveisplanejados CULT_ baobamoveisplaneja.wixsite.com/fabricamoveis baobamoveisplanejados@yahoo.com.br

89


O FUTURO ACABA DE CHEGAR EM UBERLÂNDIA. A RAPIDEZ DA FIBRA ÓPTICA AGORA AO SEU ALCANCE.

INOVAÇÃO

www.MAXWIFI.com.br 90 _CULT

TECNOLOGIA

3301-8500


VELOCIDADE

SEGURANÇA

CULT_ 91


MUNDO_CULT_TECNOLOGIA

FRANCISCO COSTA LIMA | PUBLICITÁRIO DIVULGAÇÃO

FIBRA ÓPTICA ACELERA CONECTIVIDADE

VIVA A CONEXÃO! Quando o assunto é qualidade de transmissão de dados, logo a gente pensa em uma internet mais potente e veloz, com mais megabytes para navegar com rapidez e segurança. E isso só é possível graças à fibra óptica: uma maravilhosa tecnologia que permite downloads em velocidades altíssimas e uma conexão com o máximo de estabilidade. Agora a novidade é que isso vai estar disponível para os usuários de Uberlândia muito em breve graças ao alto investimento feito pela Max Wifi para fornecer aos seus clientes sempre o máximo de conexão. Disponível até alguns anos atrás apenas para instituições públicas e universidades, essa tecnologia vai ficar cada vez mais presente na vida do uberlandense ainda neste ano de 2017. Uma comodidade que colocará nossa cidade como uma das referências em transmissão de qualidade para os usuários da empresa. Somado a isso, a Max Wifi está agregando ao seu portifólio os serviços de telefonia e TV por assinatura, benefícios que antes eram prestados apenas por grandes empresas e que agora podem ter seu custo reduzido, fazendo com que mais pessoas tenham essas tecnologias em suas casas. A Max WiFi também estará divulgando essas novidades no lançamento da Cult deste mês, momento no qual, além dos convidados receberem nossa revista, também se informarão em primeira mão sobre toda a tecnologia que está sendo agregada aos serviços de telefonia, TV por assinatura e internet via fibra óptica na cidade e que facilitarão e darão mais comodidade aos uberlandenses.

92 _CULT


CULT_ 93


MUNDO_CULT_TECNOLOGIA DANIEL SOARES | EMPRESÁRIO DIVULGAÇÃO

A CÂMERA É UM DOS FATORES QUE MAIS PESAM NA HORA DE COMPRAR SEU NOVO SMARTPHONE

COMPARATIVO: IPHONE 7 x GALAXY 7

s de as maiores vendedora Entra ano, sai ano, e para o nd ga estão sempre bri celulares do mundo e ple Ap e. on r smartph ver quem tem o melho linha ringue seus tops de no am loc co Samsung o é . E saber qual deles iPhone 7 e Galaxy S7 gam il, já que ambos entre fác melhor não é nada o, iss r Po s. do nti todos os se muita qualidade em ra pa S7 y lax Ga o e 7e comparamos o iPhon tes e as, apontar pontos for vid dú as su er rec escla ra pa r lho me se decidir pelo fracos e te ajudar a es ior ma s do one 7 foi um você. Em 2016, o iPh mo . De início ele veio co ple Ap da s nto lançame al igu etir de igual para claro objetivo de comp rival, l ipa nc pri y S7 de sua com os modelos Galax do rca me ao ou ivo cheg a Samsung. O disposit S 10, contava ainda iO o sim vís no o rodando ão em especial em relaç s, com diversas melhoria lho are ap contramos no à câmera. Também en e7 ência à água. O iPhon ist res ra tecnologia pa oe ros de po r do ssa ce lo pro chama a atenção pe S7 o Já . que foi remodelado pelo fone de ouvido e GB 4 m co M a memória RA traz como atrativos mAh. uma bateria de 3.000 Tela pla tela es oferecem uma am Ambos os smartphon dos ior ma o é s Plu iPhone 7 de 5,5 polegadas. O ho de an tam o sm me o m o co dois, mesmo contand çã Ma da radas do modelo tela. As bordas exage e ura alt de mm egar a 158,2 fazem o aparelho ch 0,9 15 de me ge Ed S7 Galaxy 77,9 mm de largura. O r o iPhone consegue se to, tan en No . mm x 72,6 al. riv u se contra 7,7 mm do mais fino com 7,3 mm e lev is ma r se ue Edge conseg Por fim, o Galaxy S7 s. Plu 7 e on do iPh com 157g contra 188g

94 _CULT

Câmera A câmera é um dos fatores que mais pesam na hora de alguém comprar seu novo smartphone. No caso do novo iPhone e do Galaxy S7, a disputa é bem acirrada e depende muito de como o usuário usará a câmera no dia a dia para determinar qual é a mais apropriada. O iPhone 7 possui uma câmera de 12 megapixels na parte traseira, que possui abertura de f/1.8, Flash LED quádruplo, estabilização de imagem (para fotos e vídeos) e gravação de vídeos em 4K. Na parte frontal, temos uma câmera de 7 megapixels, abertura de f/2.2 e flash. Com o Galaxy S7 também temos uma câmera de 12 megapixels na traseira, com flash normal, estabilização de imagem (para fotos e vídeos) e gravação em 4K. A vantagem aqui fica por parte da abertura da câmera, que é de f/1.7 (nestes casos, quando menor o número, melhor), o que permite maior entrada de luz e, consequentemente, fotos melhores em ambientes escuros. A câmera frontal possui apenas 5 megapixels, mas sua abertura é de f/1.7, então ela se sairá melhor com ambientes escuros também. Neste caso, se quiser fotos sem aquele efeito granulado em ambientes escuros, escolha o Galaxy S7, mas se não se importar com isso e quiser selfies com mais resolução, escolha o iPhone. Funções: 3D Touch no iPhone 7 e Always On no Galaxy S7 Para o iPhone 7, a Apple manteve o recurso 3D Touch, que consiste em uma gama maior de possibilidades ao tocar na tela, dependendo da intensidade empregada. Isso quer dizer que, ao clicar em um aplicativo, por exemplo, você tem diferentes opções clicando com mais ou menos força. Essa tecnologia não aparece no Galaxy S7. Mas o aparelho da Samsung traz outra função não encontrada no seu rival. Trata-se do Always On, em que são exibidas informações na tela apagada. Pode ser hora, data, notificações, depende das configurações que você escolher. Assim, você tem sempre à vista informações importantes, sem precisar acender a tela do celular e, o melhor de tudo, sem gastar muita energia. Daniel Soares é empresário formado em Administração e MBA em gestão de projetos pela FGV.


"O coração dispara, tropeça quase para"

Se tropeçar, cair e quebrar a tela, traz pra Conserta Smart.

TROCA DE TELA EM ATÉ 39 MINUTOS Uberlândia

Av. Rondon Pacheco, 635 (ao lado da Ortomed) Center Shopping (loja 74) sentido Magazine Luiza

3216-2430 3234-2430

(34) 9 9878-2430

@consertasmart_udi

CULT_ 95


MUNDO_CULT_TECNOLOGIA EDJAY MUNIZ | BUSINESS INFLUENCER MAURO MARQUES | SXC

DE NADA ADIANTA VOCÊ TER UM BOM PRODUTO, SE VOCÊ NÃO SABE PARA QUEM VENDER

INFORMAÇÃO É PODER

Hoje em dia somos bombardeados com informações 24 horas por dia, seja pelo email, facebook, instagram, site de sua empresa, não interessa o meio, e o mais interessante é que somos abordados de várias formas como imagens, textos, vídeos, etc. Veja só este conceito: “A informação é um conjunto de dados organizados que fazem referência a um acontecimento, um fato ou fenômeno, que no seu contexto tem um determinado significado, cujo fim é reduzir a incerteza ou incrementar o conhecimento sobre algo, em outras palavras: quem tem informação, tem poder”. Eu já dei consultoria para várias empresas sobre a importância da informação no âmbito corporativo e consegui mostrar que elas perdem dinheiro pelo simples fato de não saberem gerenciar a informação que chega até elas, ou até mesmo não darem importância para informação. Pude constatar que 87% das empresas não gerenciam a informação de forma correta, acham que apenas investir no desenvolvimento de seu produto/serviço é o ideal, e que depois dele desenvolvido trabalhar somente a promoção/divulgação dele basta, e é aí que a maioria das empresas perde dinheiro. Percebi também que as empresas montam seu stand em feiras, contratam moças bonitas para promoverem seus produtos/ serviços, gastam com panfletagem, etc, mas esquecem do mais importante que é pegar os dados do visitante para depois começarem um relacionamento com esse

96 _CULT

lead. Vamos desenhar o seguinte cenário, o Ricardo Martins desenvolveu em sua empresa uma nova fragrância de perfume, criou embalagens, catálogo de vendas, site, redes sociais, todo esse processo durou mais de dois anos. O produto dele está pronto para ser vendido e ganhar mercado. Certo? Depende! Se ele não tiver um plano de captura e tratamento da informação, creio que não. De nada adianta você ter um bom produto, se você não sabe para quem vender, cadastrar como representante, franqueado, etc. Não adianta montar um stand em feiras de negócios ou patrocinar um evento se você não captura a informação das pessoas interessadas no seu produto/serviço e gerar o famoso lead dos dias atuais. E agora, voltando ao nosso amigo Ricardo Martins, eu listei alguns passos irão ajudálo nessa tarefa. Passo 1: Orientar o seu pessoal que a informação é importante e ela vale muito dinheiro. Passo 2: Criar um sistema de captura de leads (APP). Passo 3: Fazer a nutrição desses leads com informações relevantes para que se tornem clientes. Se você deseja dar um novo passo rumo ao sucesso, dê valor à informação que chega até você. Faça dela o seu ativo mais valioso dentro de seu negócio, é como eu sempre digo, “quem tem informação, tem poder”. Edjay Muniz é Business Influencer.


CULT_ 97


MUNDO_CULT_TECNOLOGIA CHIKIM GOMES | YOUTUBER ARQUIVO PESSOAL | SXC

RELANÇAMENTO DO ATARI 2600 E O GAMER DAS ANTIGAS

GAMES

Sou gamer das antigas e tenho um teste para descobrir se você também é. Um teste muito simples, mas também muito eficaz. Uma pergunta que se respondida com sinceridade te gabarita a ser chamado gamer das antigas em minha opinião. No final dessa matéria conto ela para você. Mas, voltando ao assunto, sou um gamer das antigas com meu início em um Atari 2600 e para você que não sabe o que é um Atari 2600 eu explico: reza a lenda que há muitos, muitos anos atrás, havia um console de mesa com muito menos processamento que o seu sssschmart fône, que era massa demais (expressão da época, equivale a um “dahora” de hoje), esse console fez muito sucesso com os lançamentos River Raid, Pac Man e Enduro. Estes eram jogos muito simples, precisando apenas de 1 alavanca e 1 botão, bem diferente dos atuais 14 botões e 2 alavancas. Nessa época tão distante os gráficos dos jogos eram coisinhas quadradinhas coloridas e muito do que percebíamos era muito mais fruto da nossa imaginação do que as imagens em si.

98 _CULT

Tínhamos prazer em chamar os amigos para jogar no 2º controle, afinal o 1º controle é sempre do dono do vídeo game, é claro. Nessa época também não havia o tal do lag, era ali, os dois lado a lado, como 2 cowboys em um duelo, ou gladiadores eu uma arena... ops, viajei um pouco, né. Ah, e não tinha essa coisa de xingar a mãe em um jogo de fps online não, eles estavam os dois ali para qualquer desavença que surgisse, e xingar a mãe... ah, xingar a mãe era apelar feio e briga na certa. É acho que para mim esse relançamento do Atari 2600 me lembrou muita coisa. E sobre a pergunta? Para saber se você é gamer das antigas, é simples, é você ter ouvido enquanto jogava a célebre frase: desliga isso menino, vai estragar a televisão. Chikim Gomes é um Jedi e um gamer apaixonado, está sempre à procura do jogo perfeito. Tem um canal no YouTube onde fala sobre essa paixão chamado: Resenha de Nerd.


MUNDO_CULT_COMUNICAÇÃO APP UBERLÂNDIA DIVULGAÇÃO

ASSOCIADOS ELEGEM NOVA DIRETORIA DA ENTIDADE

APP UBERLÂNDIA A Associação dos Profissionais de Propaganda de Uberlândia - APP elegeu sua nova diretoria. No dia 23 de março, em Assembleia Geral Ordinária, os associados se reuniram para apresentação da nova chapa Transformação dos Negócios. Com a presença de mais de 30 associados, o ex-presidente Carlos Magno Ribeiro d’Armada passou o cargo para o consultor corporativo de branding e publicitário Daniel Camperoni Andreolli. Também foi realizada uma prestação de contas sobre atividades e resultados obtidos durante os últimos dois anos. A nova diretoria eleita para o biênio 2017/2018 vai dar continuidade ao trabalho focada na transformação dos negócios. A nova diretoria é composta por Daniel Camperoni Andreolli (presidente), Dione Borges (1º primeiro vicepresidente) e Célio Cardoso dos Santos (2º vice-presidente). Os diretores são Vítor Lima, Rogério Peres da Fonseca, Daniel Labanca, Rômulo Guilherme, Frederico Melazo e Fabrício Sangenetto. O Conselho Fiscal tem como presidente Carlos Magno d’Armada, como secretário Adriano Novaes e Celso Machado como membro efetivo, além dos suplentes Renata Garcia, Carlos Roberto Viola e Eriberto Gussoni. O novo presidente Daniel Camperoni Andreolli observa que sua gestão será fundamentada em três pontos. - Geração de insights fazendo uma conexão entre as maiores tendências globais de negócios e a realidade regional, incluindo construção de ambientes de conteúdos e dados. - Estreitar relações com outras entidades, visando elevar a autoestima e orgulho de pertencer à sociedade de Uberlândia e Triângulo Mineiro. - Construção de cases criativos, inovadores e consistentes em comunidade, capazes de obter reconhecimento internacional. As informações sobre a APP Uberlândia podem ser obtidas pelo site www.appudi.com.br, pela sua página no Facebook www.facebook.com/ APPUberlândia ou ainda pelo 34 3237-4470.

O novo presidente da APP, Daniel Camperoni Andreolli, com o ex-presidente Carlos Magno Ribeiro d’Armada.

Associados da APP participaram de Assembleia Geral Ordinária para eleger a nova gestão da entidade.

APP Jovem realiza evento para estudantes na Esamc Uberlândia.

CULT_ 99


100 _CULT


CULT_ 101


MUNDO_CULT_COMUNICAÇÃO ADRIANA SOUSA | JORNALISTA BETO OLIVEIRA | SXC

AS DIFERENÇAS DE HOJE PODEM SER SIMILARIDADES DE AMANHÃ

IMPRENSA TRADICIONAL OU INFLUENCIADORES DIGITAIS?

Dia desses, vi uma postagem em uma rede social que me pareceu muito estranha. A primeira coisa que fiz foi procurar o site de jornais sérios para confirmar aquele fato. Era verdadeiro. Em outro dia, vi uma postagem de um influenciador digital elogiando bastante um determinado restaurante que queria conhecer. Avaliei o que ele dizia e os comentários que se seguiam. Gostei. Essas histórias falam de diferentes maneiras de ter acesso à informação. A imprensa nos informa sobre acontecimentos de maneira a nos permitir ver diferentes ângulos de um fato, acontecimento, pessoa ou organização. Mostra várias vozes e ângulos. Os influenciadores digitais também exercem esse papel de informar, mas o fazem mediante a expressão de sua opinião. Normalmente falam com pessoas de determinado nicho, sobre temas bastante específicos. Ambos atuam como formadores de opinião. Existem pontos em comum entre imprensa e influenciadores, como credibilidade e alcance. No que diz respeito às diferenças, acredito que a maior delas está na existência de moedas de

102 _CULT

troca. No campo da imprensa, jornalistas vão avaliar e decidir se determinado assunto do mundo corporativo tem valor jornalístico ou não, se será publicado ou não, se é de interesse público ou não. No universo dos influenciadores, em muitos casos existem negociações comerciais envolvendo frequência e quantidade de postagens, contratos, presentes, convites para eventos e uma série de outras moedas de troca. No universo jornalístico, presentes e vantagens podem até ser aceitos, o que é questionável. No passado, essa prática ganhou o nome de jabá e era mal vista nas redações. Vivemos tempos de quebra de fronteiras e cada vez mais temos que refletir sobre qual a melhor estratégia de comunicação para fortalecer marcas, empresas, pessoas. As diferenças de hoje podem ser similaridades de amanhã. Tudo está em transformação. E a gente precisa se adaptar para não perecer, como os velhos, grandes e pouco flexíveis dinossauros. Adriana Sousa é jornalista, especialista em comunicação organizacional, mestre em administração e, atualmente, ensina assessoria de imprensa no curso de Relações Públicas da ESAMC. www.adrianasousa.com.br


CULT_ 103


MUNDO_CULT_EMPREENDEDORISMO GA COMUNICAÇÃO MARCUS TORRES FOTOGRAFIA | DIVULGAÇÃO ACIUB JOVEM

“O CONSELHO É UMA VITRINE PARA FAZER NEGÓCIOS, CONTATOS E NETWORKING”

ACIUB JOVEM

Membros do Conselho em reunião na Aciub.

Proativas e com uma grande habilidade de propor soluções inovadoras, as jovens empreendedoras aproveitam as oportunidades e se destacam cada vez mais no mercado. O Aciub Jovem, Conselho do Jovem Empreendedor, reúne muitas dessas empresárias que estão à frente de seus próprios negócios e demonstram a capacidade e a força feminina quando o assunto é empreendedorismo. A diretora do Aciub Jovem, Patrícia Prado, é um bom exemplo de jovem empreendedora. Há três anos, ela abriu uma empresa especializada em serviços de limpeza e conveniência em Uberlândia e, desde então, vem obtendo grandes resultados, por meio da busca pela qualificação constante. Participante assídua das atividades do Conselho há dois anos, Patrícia Prado coordenou a implantação do Projeto de Mentoria, em 2016, em que três empresas tiveram a oportunidade de ter, como mentores, renomados empresários da cidade. A empresária destaca a importância das ações desenvolvidas pelo Conselho para as jovens empreendedoras. “Há pouco mais de dois anos fui convidada para participar de uma reunião do Aciub Jovem e fui muito bem recebida por todos. O Conselho é uma vitrine para fazer negócios,

104 _CULT

contatos e networking. Tive a oportunidade de participar do desenvolvimento do Projeto de Mentoria e foi muito gratificante. A mulher empreendedora já conquistou seu espaço no mercado e precisamos estar cada vez mais presentes e participativas nas associações”, enfatiza Patrícia Prado. O Aciub Jovem parabeniza todas as mulheres, jovens empreendedoras, por suas importantes contribuições para o desenvolvimento do Conselho e do empresariado de Uberlândia. Patrícia Prado, diretora do Aciub Jovem.


CULT_ 105


MUNDO_CULT_RESPONSABILIDADE SOCIAL INSTITUTO ALGAR DIVULGAÇÃO

UMA HISTÓRIA DE QUEM ACREDITA QUE A EDUCAÇÃO E O AMOR FAZEM UM MUNDO MELHOR

OS 15 ANOS DO INSTITUTO ALGAR “Nós trabalhamos para servir a comunidade”. Esta é uma das frases mais marcantes do fundador do Grupo Algar, Alexandrino Garcia. Essa paixão em cuidar da população foi pulsando cada vez mais forte e deu vida ao Instituto Algar, que hoje é o coração do Grupo quando se trata de programas sociais, culturais e ambientais voltados à comunidade. Já com 15 anos de boas histórias para contar, o Instituto Algar fechou 2016 com atuação em 27 cidades. Atualmente, são 4 programas sociais, que focam na melhoria da educação, trabalhando com professores e alunos em oficinais complementares à escola, buscando o desenvolvimento humano e também a preparação para o mercado de trabalho. Há também o Programa Voluntariado, que convida os mais de 20 mil associados do Grupo Algar a participarem de ações como troca de correspondências e clubes de leitura. A cultura também faz parte das práticas do Grupo Algar, que só no ano de 2016 patrocinou mais de 50 projetos, investindo forte para promover o encontro de diversas comunidades com a música, o teatro e muitas outras formas de arte.

Além dos programas sociais, o Instituto Algar realiza ações ligadas ao meio ambiente, estimulando práticas sustentáveis nas empresas. Um exemplo é o Desafio Algar Energia - que concedeu ao Grupo seu primeiro prêmio internacional de sustentabilidade, o The Green Apple Awards for Environmental Best Practice. É assim, trabalhando pela educação, pelo meio ambiente e pela cultura que o Instituto Algar transforma vidas por onde passa. São 15 anos de conquistas guiadas pela crença na maior força transformadora que temos neste mundo: as pessoas.

106 _CULT

“Foi por meio de um dos projetos sociais que o Instituto Algar financia que eu descobri que meu sonho é ser Cineasta. Aqui eu me tornei uma pessoa mais responsável, dedicada e sempre quero aprender mais”. Adélia Maria de Paula.


CULT_ 107


MUNDO_CULT_BUSINESS LUCAS BIANCHINNI, TÉCNICO EM OPERAÇÕES E MERCADO ARQUIVO PESSOAL | BUSINESS

FOQUE EM SEGMENTO OU PÚBLICO-ALVO E DOMINE O MERCADO

MICROEMPRESÁRIO, PERANTE À CONCORRÊNCIA? Para se destacar no ambiente mercadológico é necessário ter mais do que ousadia. Aprenda a distinguir seus pontos fortes, micronegócios têm benefícios essenciais, independentemente do mercado atuante, podemos verificar a agilidade nas mudanças, aptidão de inovação, foco em um público excepcional. Busque primeiramente um nicho de negócio - querer atender a uma gama de cliente pode não ser a melhor tática para uma microempresa. Foque em segmento ou público-alvo e domine o mercado! Antes de colocar todas as suas “cartas na mesa”, escolha um público com potencialidade e lucratividade. Como já foi dito pelo livro “A estratégia do Oceano Azul”, vamos procurar um ambiente e aproveitar um processo que os concorrentes desconhecem. Conheça o mercado e o seu cliente antes de qualquer passo - você deve saber quem é o seu público. Como o seu produto e/ou serviço chegará até ele? Quem são os fornecedores que abastecem esse mercado? Sem as respostas para essas questões, o trabalho executado será aleatório e a empresa terá as chances reduzidas. Garanta que sua empresa irá dominar o mercado atuante - o empreendedor terá que contar com o apoio de um alicerce para sustentar o negócio, muitas das vezes proporcionado por bancos ou Stakeholders¹. Para isso ser o melhor, é imprescindível reconhecer as próprias vantagens competitivas em relação aos concorrentes. Pode ser preço, logística, produto. Você se sente nesse caminho? ¹É uma pessoa ou grupo que possui participação, investimento ou ações e que possui interesse em uma determinada empresa ou negócio. Lucas Bianchinni - MBA em Gestão de Vendas e Trade Marketing, MBA em Gestão de Projetos, cursando MBA em Gestão Estratégia de Negócios, graduado em Administração e Processos Gerenciais, CPA - 10 ANBIMA, CPA - 20 ANBIMA e Técnico em Operações & Mercado.

108 _CULT


CULT_ 109


MUNDO_CULT_SUSTENTABILIDADE DILSON DALPIAZ DIAS | CODEN UBERLÂNDIA 2100 DIVULGAÇÃO | SXC

“VEMOS SÉRIAS DEFICIÊNCIAS EM MOBILIDADE, SANEAMENTO, MUDANÇAS CLIMÁTICAS E POLUIÇÃO”

O CONHECIMENTO COMO INSTRUMENTO CATALISADOR DA SUSTENTABILIDADE doras para o Uma das questões mais desafia o equilibrar com é es país ros out Brasil e tantos tentabilidade sus desenvolvimento econômico com um contexto de tro den ial ambiental e bem-estar soc afio Des cia. ocra dem e ia rênc político de transpa is do loca s lico púb s tore ges eia este que perm igados a repensar a mundo todo que sentem-se inst naturais em longo rsos infraestrutura e o uso de recu soas vivem nas pes das ade met prazo. Hoje, mais da 0 chegue a 60%. cidades e estima-se que até 203 e acredita-se que No Brasil, esse número é de 85% a suscitação para Um 0. pode chegar a 90% até 205 sequência, vemos con o Com is. gestores públicos loca de, saneamento, sérias deficiências em mobilida que muitas vezes mudanças climáticas e poluição urbano ento ejam são agravadas por um plan

inadequado. Tais problemas demandaram a criação de um novo modelo de gestão pública, que incluísse planos estratégicos eficientes e equipes bem preparadas para desenvolvêlo. Modelos estes que vão além dos mandatos políticos deste ou daquele governante, ou seja, vai além da gestão pública e conta com o apoio da sociedade civil. Exige ao mesmo tempo visão de longo prazo e conhecimento multidisciplinar para um planejamento eficiente e atitudes de curto prazo para que gradativamente o cenário atual possa ser moldado e adaptado às necessidades que vão surgindo a todo momento. Recentemente, participei do 3º Fórum Anual do Programa de Desenvolvimento Econômico Local (DEL), organizado pela Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc), em São José, SC. O DEL consiste na participação representativa da comunidade com o objetivo de pensar os municípios para os próximos 20 anos baseado em um modelo de planejamento alemão que seja capaz de contribuir para o desenvolvimento das cidades. Além de novas propostas, foram apresentados cases de sucesso referentes a atividades de desenvolvimento sustentável local. Este é apenas mais um exemplo de que a união faz a força. Conhecer de perto atitudes e experiências sustentáveis enriquecem o debate e o planejamento de ações em outras localidades. É possível perceber as nuances (culturais, ambientais, políticas, etc) que delimitam cada cidade, bem como refletir sobre ações que possam ser conciliadas. Assim, podemos de fato construir não apenas cidades sustentáveis, mas uma sociedade que age localmente para garantir a qualidade de vida do planeta. O Conselho de Desenvolvimento Econômico de Uberlândia 2100 (Coden Uberlândia 2100) vem também cumprindo este papel de disseminar as boas práticas de promover o “pensar o futuro” prospectando, propondo e provocando discussões sobre atitudes que têm de serem tomadas hoje, sob pena de bloquear ou perder o momento da construção do futuro almejado. Dilson Dalpiaz Dias é presidente executivo do Coden Uberlândia 2100.

110 _CULT


CULT_ 111


MUNDO_CULT_DIREITO PUBLI EDITORIAL DOUGLAS LUZZ | SXC

AS PSEUDO-REFORMAS SEMPRE PROVOCARAM AUMENTO DE TRIBUTOS

O GOVERNO RELENDO A PALAVRA CRISE. DE NOVO, MAIS DO MESMO!!!

É antigo o jargão motivacional de que em tempos de crise devemos tirar o “S” da crise e agir com criatividade. A palavra “crise” se transforma na palavra “crie”. O problema desse enredo se verifica quando o Governo usa este jargão. Afirmo isso, pois, em tempos de crise, os governos brasileiros são “muito criativos” (e as aspas são de propósito), e normalmente assim o são para criar novos tributos ou aumentar o valor dos tributos existentes. Desde 1964, quando Jango discursou na Central do Brasil, passando pelos governos militares, e depois pelos governos de Collor, FHC, Lula e Dilma, e agora pelo Governo Temer, invariavelmente somos tentados a acreditar no canto da sereia que veicula a falaciosa ideia da necessidade de uma Reforma Tributária. E onde reside a falácia? Esta reside no fato de que nunca as supostas reformas levadas a efeito, o foram para efetivamente trazer mais justiça ao sistema tributário vigente, reduzindo ou racionalizando a tributação no Brasil. Ao contrário, as

112 _CULT

ao longo da história pseudo-reformas vivenciadas aumento de tributos. brasileira sempre provocaram que não. Saibam que E agora, será diferente? Claro es significativas raçõ alte o Governo Temer prepara do PIS e da COFINS, para as Contribuições Sociais era que o setor de e em ambos os casos, já se esp ida em que estas med serviços “pagará o pato”, na nos referidos ento aum reformas provocarão SIM ida provisória med uma as, etid prom tributos. Estão , dias e outra para para o PIS, para os próximos 30 e. É hora de estr a COFINS, até o final do 1º sem as agressivas stid inve s esta sermos criativos contra is de liberdade e aos nossos direitos fundamenta itar mais tributos. propriedade. Não podemos ace “Sai do chão!!! Sai do chão!!!” Viola /MG 82.055), sócio do Ferreira Ricardo Viola é advogado (OAB Direito de ssor profe É ). 1.198 /MG Advogados Associados (OAB ral de Uberlândia e da ESAMC/ Tributário da Universidade Fede itê de Legislação da AMCHAM Uberlândia. Presidente do Com cacia ESA - Escola Superior de Advo Uberlândia e Coordenador da il Subseção Uberlândia. da Ordem dos Advogados do Bras


MUNDO_CULT_POLÍTICA JOÃO BATISTA DOMINGUES FILHO | CIENTISTA POLÍTICO DIVULGAÇÃO | SXC

SETOR PRIVADO FORTE IMPEDE A CONCENTRAÇÃO DE PODER NO ESTADO

SOCIALDEMOCRACIA É A UTOPIA PARA O BRASIL

do de Bem-Estar Socialdemocracia realiza o Esta dos direitos sociais, Social, dada a universalização e ambiental, trabalhistas e de sustentabilidad ressistas. São prog ais financiado com políticas fisc os, Alemanha, inav and Esc es País socialdemocracias: ça, Canadá e Suécia, Holanda, Austrália, Fran as são de centroGrã-Bretanha. Socialdemocrat o igualitária, visã esquerda. Compartilham uma ialdemocracia é Soc ta. inis ilum secular, científica e tico. Mercado não construtora do Estado democrá ial. A esfera pública é o único modelo de justiça soc o em importância vídu indi igualitária está acima do lização do iona ituc inst a É para a Democracia. Estado de do ão izaç real a para e Estado eficient responsável, tão ges Bem-Estar Social: políticas de sibilidade pos a É . leis e controle, regulação, eleição pública ra esfe a e entr o uos virt do relacionamento setor o e ilíbrio entr e a privada, com contínuo equ . tais econômico e as instituições esta

ialdemocracia Cidadãos-Contribuintes na soc es e eleitores. idor sum con po tem mo são ao mes o são cad Desigualdades criadas pelo mer Setor privado s. lica púb s compensadas por política no Estado. er pod de ão traç cen forte impede a con igualdades de Socialdemocracia evita as des mulo de riqueza renda geradas pelo mercado: acú o isso com Tud ital. privada, industrial e de cap olvimento env des o plen ao incentivos estatais itucional de inst to men olvi env des O do mercado. esentação dos repr de múltiplas e pluralistas formas a central lem prob o e bat interesses públicos com todas as de ão izaç crat buro ia: da socialdemocrac

esferas da vida social. Burocracia estatal em aliança criminosa com empresários resulta em Lava-Jato: impedindo a igualdade social e o desenvolvimento capitalista. Keynesianismo moldou as instituições econômicas do Estado na socialdemocracia: aumento da capacidade estatal de criar políticas de Bem-Estar Social com a “coletivização do risco” sistêmico do capitalismo de produzir crises cíclicas: estimulando o crescimento e impedindo a recessão com Estado eficiente para gerenciar esse permanente “risco sistêmico”. Teorias políticas: Pluralismo, Democracia e a Poliarquia explicam o funcionamento das instituições políticas da socialdemocracia. E o “Brasileiro Feliz”? Livro: The Spirit Level, Richard Wilkinson e Kate Pickett, 2010, apresenta a tese: “Pobreza Relativa” impede a Felicidade onde a desigualdade de renda entre ricos e pobres é grande. Redução da maioria pobre e da minoria rica causa Bem-Estar Social e a Felicidade do povo. Crescimento econômico é o motor do Progresso e da Felicidade socioeconômica da Nação brasileira. O determinante da “Felicidade” do “Brasileiro” é a redução das desigualdades de renda. Socialdemocracia é a “Utopia Necessária” para o Brasil. Capitalismo com Democracia e “Brasileiro Feliz” são possíveis abaixo do equador. João Batista Domingues Filho. Cientista Político. Autor do livro Planejamento Governamental e Democracia no Brasil. Uberlândia: Edufu, 200.

CULT_ 113


MUNDO_CULT_DIREITO PUBLI EDITORIAL NINA FOTOGRAFIAS

“PRESTAMOS SERVIÇOS PARA EMPRESAS EM UBERLÂNDIA E VÁRIAS LOCALIDADES DO PAÍS”

QUEIROZ & PEREIRA ADVOGADOS ASSOCIADOS

Os sócios da Queiroz e Pereira são Alessandro Alberto Pereira e Piehtro Silva de Queiroz. O sócio Piehtro é advogado formado pela Universidade do Triângulo, pósgraduado em Direito Tributário pelo IBET em 2011 e fez diversos outros cursos de especialização nesta área. O sócio Alessandro é advogado formado pela Universidade do Triângulo, pós-graduado em Direito do Trabalho e Processo do Trabalho pela Universidade Federal de Uberlândia, Direito Processual Civil pela mesma instituição, pós-graduado em Direito Tributário pelo IBET em 2011 e fez diversos outros cursos de especialização nesta área. O nascimento da Queiroz e Pereira se deu exatamente na sala de aula do curso de pós-graduação do IBET, onde os sócios se conheceram e passaram a conversar sobre a possibilidade de formação de uma parceria de trabalho. Surgiu, então, a ideia de constituição de uma sociedade de advogados com a finalidade de prestação de serviços, marcados pela excelência e atendimento personalizado, de consultoria e assessoria jurídica para as empresas. É por este motivo que em todos os contratos firmados pelo nosso escritório os profissionais sempre comparecem pessoalmente para apresentações mensais de relatórios de processos e demais questões e existe um atendimento em tempo real de acordo com necessidade de cada cliente. Atualmente, o escritório presta serviços para diversas empresas em Uberlândia, região e várias localidades do país, e nas diversas áreas de necessidade das empresas, não só nas demandas judiciais, mas principalmente na

114 _CULT

consultoria preventiva, especialmente nas do Direito do Trabalho, na elaboração e revisão de instrumentos contratuais, Direito Tributário, Direito Civil, assessoria e consultoria para participação em licitações públicas em geral e demais áreas de necessidade da empresa. Finalmente, mantemos parceria com escritório de São Paulo para prestação de serviços no Direito Penal nos crimes contra a ordem econômica e crimes contra a ordem tributária. Atuamos em todas as instâncias para acompanhamento dos processos patrocinados pelo nosso escritório, seja diretamente ou por meio de correspondentes. Em 2017 inauguramos uma nova divisão em nossa empresa, agregando o departamento de Consultoria e Auditoria Contábil e Fiscal que tem a finalidade de verificação de processos internos das empresas em especial para levantar na folha de pagamento as contribuições previdenciárias pagas indevidamente pelas empresas e para apuração, processamento e organização da folha de pagamento nos termos das normas vigentes. Os coordenadores de equipes de nosso escritório são os seguintes profissionais: Alessandro Alberto Pereira - Advogado, Piehtro Silva de Queiroz Advogado, José Nunes da Costa Neto - Advogado, Luis Marcelo Vasconcelos - Advogado, Renata Gonçalves Pereira, exercendo a função de gestora interna de projetos e controladoria de todos os procedimentos internos do escritório, além da função de gestão de clientes, e Thiago de Paula Ribeiro - Consultor Contábil. Nossa sede está localizada na Rua Paraná, 215 - Bairro Brasil - Uberlândia - MG.


MUNDO_CULT_MODO DE VER ALEXANDRE HENRY | JUIZ FEDERAL ARQUIVO PESSOAL | SXC

“BUSCO FUGIR DOS RÓTULOS EM MINHAS CONVERSAS E SUGIRO QUE VOCÊ TAMBÉM TENHA ESSA META”

A DESCONSTRUÇÃO DO INTERLOCUTOR

Faz tempo que eu ando cansado com os rumos das discussões políticas no Brasil. Não falo dos debates no Congresso ou do noticiário da área, mas daquelas conversas que a gente tem nas redes sociais. Simplesmente não há mais diálogo: tudo se resume a uma briga de torcidas. Sempre deixei claro que a minha posição política é a do bom senso, a do meio termo o que não significa ficar em cima do muro, veja bem. Basicamente, acredito que há boas propostas à direita e à esquerda, assim como há ideias ruins em cada um dos lados (além de gente de caráter duvidoso, é claro). Gosto, por exemplo, da preocupação com a liberdade econômica dos liberais, mas também acho bacana o pensamento da esquerda quanto à necessidade de políticas públicas de inclusão de minorias. O problema é que, hoje, parece ser impossível divulgar qualquer ideia política assim, que não abrace um dos lados de forma cega, que não combata o outro lado como se fosse a mais pura expressão do inferno. Engraçado que isso leva a situações inusitadas. Já fui chamado de comunista e de reacionário no mesmo dia, em duas publicações distintas, como um alerta de que não é mais possível ter uma posição intermediária. E é aí que entro no título desse artigo: a desconstrução

do interlocutor como recurso rotineiro nos debates políticos. Na falta de argumentos, busca-se desconstruir a imagem da pessoa com quem se debate. Vira tudo então “coxinha”, “mortadela”, “comuna”, “reaça” e mais um monte de substantivos e adjetivos desnecessários em uma conversa que pretende ser civilizada. Particularmente, busco fugir dos rótulos em minhas conversas e sugiro que você também tenha essa meta. Pense bem: qual é a razão de você conversar com alguém se referindo a essa pessoa com palavras pejorativas? Se a coisa chegou a esse ponto, melhor encerrar a conversa, pois um dos dois (ou os dois) interlocutores não têm maturidade ou argumentos suficientes para conduzir de forma inteligente e educada um diálogo sobre questões políticas. Enfim, foque na desconstrução da ideia do seu interlocutor, por meio de bons argumentos, ao invés de focar na desconstrução da própria pessoa. Alexandre Henry é juiz federal, tem mestrado em Direitos Humanos, além de graduação em Comunicação Social pela USP. Durante 20 anos escreveu para o jornal Correio e agora traz seu modo de ver nas páginas da Cult. Seus milhares de textos também podem ser lidos no www.dedodeprosa.com

CULT_ 115


MUNDO_CULT_OPINIÃO BENITO SALOMÃO | ECONOMISTA ARQUIVO PESSOAL

AS DESPESAS PREVIDENCIÁRIAS REPRESENTAM 41% DE TODO O GASTO PRIMÁRIO DA UNIÃO

MITOS E VERDADES SOBRE A PREVIDÊNCIA A combinação de crise aguda com redes sociais que permitem livre acesso de todo tipo de informação, seja ela de boa ou má qualidade, é importante ponderar sobre algumas questões de natureza complexa, cuja tentativa de se resumir num tweet questões que sintetizam anos de conhecimento, servem para fomentar a desinformação e o engano. Neste ambiente está sendo apresentada a PEC 287, que reforma novamente as regras previdenciárias. Mitos - Dentre o conjunto de inverdades que é dita sobre a previdência, a mais irritante é a que suas contas são superavitárias. A previdência é dividida em quatro regimes: regime geral (RGPS), regime próprio (RPPS), regime de governos estaduais e municipais e regime complementar (previdência privada). Considerando apenas os regimes previstos pela reforma em discussão, ou seja, o RGPS e o RPPS, as contas da previdência social são financiadas pelas contribuições de trabalhadores e empregadores, sendo que, analisando esta rubrica de receitas com as despesas previdenciárias, houve um déficit financeiro nas contas da previdência de R$156 bilhões. Para tentar se maquear as contas, setores contrários à reforma torturam os números, incluindo receitas da seguridade social (que contemplam saúde, previdência e assistência social) para defender a tese da previdência superavitária. Ora, suponhamos que esta conta fizesse sentido, canalizar receitas da seguridade para custear contas da previdência, provocaria uma relevante falta de recursos para saúde e assistência social. O gráfico 1 mostra a evolução do rombo da previdência social.

116 _CULT

Uma segunda falácia que se espalham sobre a previdência social consiste nas contas do que o trabalhador contribui em 35 anos em relação ao que ele recebe como aposentado. É importante salientar que, ao contrário do que dizem alguns, as contribuições presentes não se dão para custear despesas futuras com aposentados. No futuro, a previdência será custeada pelos trabalhadores de então, enquanto que, no presente as contribuições servem para custear os aposentados do presente. Sabendo disso, no Brasil temos pouco mais de 40 milhões de trabalhadores formais (no serviço público e privado) contribuindo para a aposentadoria de 20 milhões de aposentados e as contas da previdência já apresentam um déficit de R$156 bilhões. É possível que ao final de 2035, em razão de mudanças no perfil demográfico brasileiro, tenhamos aproximadamente 50 milhões de trabalhadores formais para 40 milhões de aposentados, o que significa que, na ausência de uma reforma, não haverá recursos para as aposentadorias futuras, exceto sobre crescimento exponencial da nossa carga tributária. Verdades - Apenas a título de informação, desde a constituição de 88, diferentes presidentes que revezaram no exercício do poder, com diferentes visões ideológicas, alteraram as regras previdenciárias. Tratar, portanto, da reforma da previdência com o discurso de nós e eles, que permeia o debate político brasileiro, mais do que equivocado, é desonesto. Mesmo diante de diversas reformas, isto não foi suficiente para equilibrar o resultado da previdência social, cujas despesas crescem desde 1991 a uma taxa média de 5,1% ano (mais que o dobro da média do PIB), chegando em 2016, acumulando um déficit de 2,3% do PIB. O equilíbrio macroeconômico depende do equilíbrio monetário, o equilíbrio monetário depende do equilíbrio fiscal, e este, depende da contenção de despesas previdenciárias que representam 8,1% do PIB. As despesas previdenciárias representam, portanto, 41% de todo o gasto primário da união, sobrando apenas 59% do total para gastar em todas as outras áreas como educação, saúde, defesa, justiça. Considerando isto, na ausência de uma reforma da previdência, e dada a aprovação


da PEC do teto dos gastos, que congela o crescimento dos gastos primários da união por 20 anos, segundo as estimativas do especialista Paulo Tafner, os gastos com previdência vão dobrar em 2035, chegando a 17,5% do PIB, se isto acontecer, serão eliminadas do orçamento outras rubricas de despesas como saúde e educação. A escolha é da sociedade, se a reforma da previdência produz um enorme custo social para as gerações que vão demandar aposentadoria no futuro, a não realização da reforma envolve um custo para a sociedade toda. Custo este que pode significar desde quedas profundas em investimentos e gastos sociais, até a elevação da carga tributária que no Brasil já é excessivamente alta. A não reforma da previdência exigiria que a carga tributária fosse elevada em 2,5% do PIB anualmente. Dado que hoje a nossa carga tributária é de 34% do PIB, supondo que o PIB cresça a uma média de 1,5% ano, a carga tributária chegaria ao final de 2027 em 44% do PIB para cobrir o rombo previdenciário. Evidentemente, isto é inviável. Ademais, a realidade de gastos previdenciários do país, é absolutamente incompatível com seu perfil demográfico. O Brasil possui menos de 10% da sua população com idade superior de 65 anos, e gasta 8,1% do PIB, governos como Polônia e Japão que gastam proporcionalmente o mesmo montante do PIB, possuem população com idade superior a 65 anos de 15% e 25% do total da população respectivamente. Isto mostra que, no Brasil, um grupo pequeno de 20 milhões de pessoas têm acesso à maior fatia do orçamento da união, isto só é possível graças a regras incompatíveis com o bom senso, enquanto a média de aposentadoria no mundo é de 64 anos, no Brasil a média é de 58 anos. Aposentadorias precoces em países cuja expectativa de vida converge para níveis avançados, não significa gasto social, mas sim, privilégios de uma geração de pessoas que impedirá as gerações futuras de terem acesso ao benefício, pelo país que queremos deixar para nossos filhos, reformar é preciso. (o Gráfico 2 mostra comparações da idade de aposentadoria entre Brasil e outros países).

capacidade de crescimento do país, no Brasil. Isto se dá por dois caminhos: 1º - a necessidade de mais impostos para seu financiamento e 2º - retirando trabalhadores em idade produtiva do mercado de trabalho. Benito Salomão - Economista, Mestre em Economia pela Universidade Federal de Uberlândia. benito_salomao@yahoo.com.br

ISOLAMENTO TÉRMICO - THERMOSOL

Impermeabilizantes Térmicos Acústicos TELA DE POLIESTER - larg 0,10m X 35 m

Revestimento executado com polímeros elastoméricos e microesferas de cerâmica

É uma tela constituída de fios 100% Poliéster. É utilizado como estruturante para

sintética. É o mais competitivo isolamento térmico impermeável de coberturas

materiais flexíveis, possibilitando a formação de membrana e aumento da resistência

metálicas ou de fibrocimento, devido a sua refletância à radiação solar e a sua grande

à tração. É utilizado como estruturante em: impermeabilização moldada no local;

resistência ao intemperismo. Eficiência comprovada em mais de 1.000.000 m2 já

THERMOSOL

Tratamento de fissuras, trincas e juntas de dilatação. Colocar entre a primeira e a

aplicados em residências, industrias, fabricas, depósitos, terminais de camada cargas,da impermeabilização e cobrir posteriormente com as camadas segunda hipermercados, igrejas, silos, reservatórios de álcool.

subsequentes.

THERMOSOL

ELASCOAT BORRACHA LIQUIDA IMPERMEABILIZANTE

É um impermeabilizante formulado com emulsão de elastômeros orgânicos, com alto teor de sólidos. Após sua cura forma uma manta monolítica de excepcional impermeabilidade, elasticidade, resistência e estabilidade físico-químico. Produto mono-componente, de fácil preparo e aplicação.

THERMOSOL TELA DE POLIESTER - larg 1,47m X 35 m

É uma tela constituída de fios 100% Poliéster. É utilizado como estruturante para materiais flexíveis, possibilitando a formação de membrana e aumento da resistência à tração. É utilizado como estruturante em: impermeabilização moldada no local;

Thermosol

Tratamento de fissuras, trincas e juntas de dilatação. Colocar entre a primeira e a

Uma questão adicional sobre a previdência consiste na capacidade que alguns gastos públicos possuem de influenciar o crescimento econômico. É sabido, que alguns itens de gasto público fomentam o PIB, é sabido, contudo, que uns gastos fomentam mais do que outros. Gastos excessivos com previdência, segundo a literatura internacional, podem reduzir a

THERMOSOL

segunda camada da impermeabilização e cobrir posteriormente com as camadas

A subsequentes. THERMOSOL iniciou suas atividades em _____ ou em meados de _____, impulsionada pela demanda do mercado, sempre preocupada em buscar e oferecer soluções técnicas inovadoras, tendo como focos principais as áreas de impermeabilização e isolantes térmicos para coberturas.

Seja qual for a patologia, a THERMOSOL tem a solução

Rua dos Lirios Azuis, 530 adequada e definitiva, para fazer da sua obra mais um Cidade Jardim - Uberlândia - MG / João Pessoa PB exemplo de qualidade na construção civil. 34 99111-1921 | 83 99652 7442 | 34 3086 4946 www.thermosoltelhados.com Thermosol

117

CULT_ A THERMOSOL iniciou suas atividades em _____ ou em meados de _____, impulsionada pela demanda do mercado, sempre preocupada em buscar e oferecer soluções técnicas inovadoras, tendo como focos principais as áreas de impermeabilização e isolantes térmicos para


MUNDO_CULT_OPINIÃO MARCOS MARACANÃ | JORNALISTA MAURO MARQUES | SXC

A CADA 10 MULHERES, UMA JÁ SOFREU ALGUM TIPO DE AGRESSÃO ATÉ OS 20 ANOS DE IDADE

POR QUE TANTA COVARDIA COM AS MULHERES?

Não devemos maquiar a realidade. A violência tem ainda enormes custos, desde gastos com saúde e despesas legais a perdas de produtividade, impactando os orçamentos nacionais e o desenvolvimento global. Em tempos de violência desenfreada contra a mulher, seja no âmbito profissional, ou até mesmo em seu lar, cresce em toda a sociedade a necessidade de dar um basta a esse tipo de violência, fortalecendo os direitos da mulher e punindo os agressores de forma contundente. A ONU (Organização das Nações Unidas) publicou dados que afirmam que a cada

118 _CULT

10 mulheres, uma já sofreu algum tipo de agressão até os 20 anos de idade. São cerca de 120 milhões de mulheres em todo o mundo. No Brasil, a situação é grave, mas em muitos países, como Japão e Índia, se uma mulher for agredida por seu marido, por exemplo, isso é normal. Mas a situação tem mudado, as mulheres não estão aceitando mais essa forma de conduta, a maior resistência é por parte das autoridades que não fazem nada nos casos. A violência não tem consequências negativas só para as mulheres, mas também para suas famílias, para a comunidade e para o país em geral.


UM ATO DE RESPONSABILIDADE SOCIAL PODE TRANSFORMAR MILHARES DE VIDAS. FAÇA PARTE DESSE MOVIMENTO.

#AjudeAACD PARA DOAÇÕES: R. da Doméstica, 250 – Planalto.

3228-8000 www.aacd.org.br

/AACDUberlândia

ASSOCIAÇÃO DE ASSISTÊNCIA À CRIANÇA DEFICIENTE.

CULT_ 119


120 _CULT


CULT_ 121


MUNDO_CULT_NOSSA GENTE ORLEI MOREIRA | JORNALISTA ARQUIVO PESSOAL | DIVULGAÇÃO

“CARINHO AOS PACIENTES EXTRAPOLA FINALIDADE COMERCIAL DO ATENDIMENTO”

MEDICINA E PIONEIRISMO mais A Família Guerreiro é uma das seu O tradicionais de nossa região. ao gou che o rreir patriarca Manuel Gue século do io iníc no l, uga Port Brasil, vindo de . raba Ube passado, fixando residência em para e iu-s sfer De lá, por volta de 1920, tran do início Uberlândia onde se casou, dan local. ília fam nal icio trad à formação de oucas o, rreir Gue nha rezi The , Sua filha daí do cen se com Etevaldo Vidigal, nas dou Her . igal Vid o Luiz Henrique Guerreir eo mo eiris pion do veia a do avô Manuel, do alia o, érci com e s ócio neg s gosto pelo e a icin a um amor inconteste à med . Foi um vontade de servir ao ser humano icina med de tes dan estu ns dos mais jove

Dr. Luiz Henrique Guerreiro Vidigal

da UFU onde ingressou aos 17 anos. Paralelamente fundou um curso de inglês com uma franquia famosa onde também lecionou. Formado médico, Luiz Vidigal experimentou e gostou da atividade administrativa na medicina, onde provou competência como diretor presidente do Hospital Santa Clara. Ao mesmo tempo, trabalhava no serviço de assistência domiciliar da UFU, onde notou a necessidade de se criar um serviço profissional de home care. Casado, pai de cinco filhos, em 2010 fundou uma empresa que hoje presta um dos mais completos serviços de home care do interior brasileiro, com sedes em Uberlândia, Uberaba e Catalão, mais atendimentos em várias cidades da região, todos com equipes altamente profissionalizadas. O carinho dispensado aos pacientes extrapola a finalidade comercial do atendimento. “São pessoas que numa fase da vida precisam de cuidados especiais que nem sempre são encontrados num hospital convencional. O diferencial nestes casos é realmente o carinho dispensado a eles”, diz o médicoempresário. Num país que caminha célere para uma população de larga maioria idosa, o serviço de atendimento médico em casa deixa de ser um luxo para virar uma realidade necessária ao conforto do paciente e de seus familiares. Segundo Luiz Vidigal, a empresa é uma prova de que existe vida com qualidade fora dos hospitais. O jornalista Orlei Moreira é diretor da Prelo Assessoria de Imprensa, cerimonialista, consultor junto ao CEDOC do jornalismo da TV Integração e produtor apresentador do programa Cultura Business da rádio Cultura AM.

122 _CULT


ESPAÇO DA INDÚSTRIA Presente na Femec 2017 No Espaço da Indústria organizado pela Regional Vale do Paranaíba, SENAI, SESI e Sindicatos Patronais os visitantes puderam participar de várias atividades como: do evento de lançamento da Missão de Exportadores Mineiros à China; palestras sobre as Linhas de Crédito para Inovação e Expansão de Negócios; as aplicações da Impressora 3D na Indústria e no cotidiano; como preparar alimentos de forma inteligente e sem desperdício com a equipe do Cozinha Brasil. Também aconteceram oficinas sobre Pão e Cerveja Artesanal; Fabricação de Moveis com Paletes; Tecnologia 4.0, Segurança no Trabalho, Saúde e Qualidade de Vida. ”A Femec é um grande evento para a agroindústria e produtores rurais de nossa região. E no Espaço da Indústria que criamos na feira este ano nós pudemos demonstrar um pouco dos produtos, serviços e programas que o Sistema Fiemg oferece a comunidade e ao empresário” Everton Magalhães Siqueira Presidente FIEMG Regional Vale do Paranaíba.

CULT_ 123


MUNDO_CULT_AGRONEGÓCIOS

GUSTAVO LAZZARINI | ASSESSOR DE IMPRENSA | SRU CRIS FERNANDES

EVENTO BATE RECORDE DE NEGÓCIOS E PÚBLICO

FEMEC 2017 O fechamento de negócios na Femec - Feira do Agronegócio Mineiro - realizada pelo Sindicato Rural de Uberlândia, de 22 a 25 de março, ultrapassou a casa dos R$ 219 milhões. Em quatro dias o evento recebeu 52 mil visitantes de cidades da região e de outros estados brasileiros. O resultado foi o maior já registrado em seis edições do evento. A feira encerrou suas atividades com participação de 120 expositores de diferentes segmentos do agronegócio, como a indústria de máquinas e equipamentos agrícolas, sementes, defensivos e fertilizantes, instituições financeiras, montadoras de veículos utilitários e de passeio, além de entidades públicas e privadas ligadas ao agronegócio. O valor consolidado desta vez foi cerca de 12% superior ao da última edição da feira e se aproxima da projeção feita pela Câmara Setorial de Máquinas e Implementos Agrícolas

124 _CULT

(CSMIA), da Abimaq, que apontou crescimento de 15% nas vendas do setor para este ano. Na visão do presidente do Sindicato Rural de Uberlândia, Thiago Soares Fonseca, a feira foi bastante positiva para o agricultor. “Eu acredito que o ambiente de negócios prevaleceu este ano e cada feira que passa a consolidação é certa, pois esse é um grande evento dos produtores rurais. As indústrias e as empresas acreditam na Femec e, com isso, as condições oferecidas aqui dentro são bem melhores. Este ano tivemos muitas tecnologias para mostrar aos produtores rurais”, observa. Além da geração de negócios, o evento movimentou hotéis da cidade, o que mostra que recebe visitantes de outras partes do país. “Esperamos que a feira caminhe para uma nacionalização”, conclui.


Para João Carlos Semenzini, coordenador do evento, a Femec superou todas as expectativas, tanto em estrutura, público, quanto em vendas e tecnologia apresentada. “Todos que participaram ficaram satisfeitos, desde expositores ao público em geral. Para o próximo ano já temos expectativa de oferecer estrutura ainda mais apropriada para receber os visitantes. Com certeza também teremos novas empresas, pois recebemos executivos que disseram que o ano que vem estarão presentes na feira”. Semenzini destaca ainda que mudanças aconteceram para melhorar a circulação de visitantes pela

Femec. “Em relação ao layout, fizemos mudanças que acrescentaram, pois montamos uma praça de alimentação ao lado de várias instituições e montamos a Arena Automotiva que recebeu várias empresas de veículos que ficaram bem distribuídas”, explica. A Femec este ano teve patrocínio da Codemig e participação de criadores de bovinos e equinos em feiras para venda direta de animais, campos demonstrativos de sementes e insumos e prova de Três Tambores com renda revertida para a AACD. Já as palestras totalizaram cerca de 3 mil pessoas atendidas. (Saiba mais: www.femec.com.br).

CULT_ 125


MUNDO_CULT_AGRONEGÓCIOS PUBLI EDITORIAL DIVULGAÇÃO

“O CANAL DE SOLUÇÕES DO CAMPO À MESA”

CIA DA TERRA A Cia da Terra tem como missão “Gerenciar soluções do campo à mesa através de insumos e serviços, promovendo resultados crescentes e sustentáveis, sendo reconhecida como um canal de soluções do campo à mesa”. Neste sentido, os seus 17 anos foram e continuam sendo dedicados ao desenvolvimento e fortalecimento da cadeia do agronegócio e, em especial, levando tecnologia e conhecimento ao produtor e empreendedor rural para que sua produção seja cada vez maior e sustentável, contribuindo assim para o aumento da disponibilidade e a qualidade dos alimentos que chegam às nossas mesas. Suas 5 filiais localizadas em Uberlândia (matriz), Araguari, Santa Juliana, Monte Carmelo e Capinópolis alcançam mais de 35 municípios, sendo o Triângulo Mineiro uma região com grande potencial produtivo e logístico para escoamento da produção. As principais culturas atendidas pela empresa são a soja, milho, café, girassol, sorgo, feijão, trigo, tomate, cebola, batata, cenoura, alho, entre outras. A fim de trazer conhecimento à sociedade, com nossos leitores e contribuindo com a divulgação de informações sobre o agronegócio, afinal somos todos agro cidadãos, trazemos neste material mais informações sobre o agro. Você sabia que um produtor alimentava uma média de 16 pessoas em 1950?

e principalmente às sementes. O real sentido das proporções do uso das terras no Brasil é um tema muitas vezes pouco difundido e abaixo apresentamos como é essa distribuição:

Sendo a agricultura responsável somente por 7% da ocupação das terras no Brasil é fácil explicar o quanto as tecnologias de pesquisas das indústrias, da distribuição e dos produtores alavancam a busca contínua pela redução da fome no mundo com o aumento da produtividade e disponibilidade de alimentos, já que o espaço é escasso e a proteção ambiental defendida por nós, mesmo que considerados por todos como celeiro. Você já parou para pensar o quanto o agronegócio está presente na sua vida?

E que até 2020, este mesmo produtor alimentará uma média de 200 pessoas? Isso é graças a técnicas cada vez mais sustentáveis aplicadas ao meio ambiente, condução das lavouras

126 _CULT


Como garantir essa presença se a população aumenta cada vez mais? Você sabia que, em 2013, a ONU (Organização das Nações Unidas) prevê que a população mundial de aproximadamente 7,2 bilhões de pessoas deverá atingir 9,6 bilhões em 2050? Entenda estes números:

e 11,2 bilhões em 2100, pouco acima das últimas projeções. Por isso, à frente de tantos caminhos, a Cia da Terra é a sua melhor companhia. Ela conhece o agronegócio e sua cadeia como nenhuma outra.

De qualquer forma não basta produzir mais, se as perdas acabam atingindo níveis indesejáveis. Isto é particularmente importante quando se trata de alimentos, pois envolvem aspectos econômicos, sociais e até morais. Assim, técnicas apropriadas de manuseio, processamento, resfriamento, congelamento, estocagem, distribuição, varejo e para o próprio consumidor devem ser continuamente estudadas e suficientemente difundidas. Sendo assim, a Cia da Terra participa da FEMEC (Feira do Agronegócio Mineiro) desde a sua segunda edição, levando conhecimento e tecnologia aos seus parceiros, clientes e participantes do segmento. Este ano, o que há de ponta em termos de tecnologia foi apresentado pela sua parceira Scientia Agricultura de Precisão.

Através de informações captadas através de amostras de solos, analisadas através de alta tecnologia, é possível identificar e otimizar os investimentos necessários para o maior conhecimento do solo, suas características e posterior correção. Isso tudo com o cruzamento dos dados coletados e imagens via satélite.

Tudo voltado para um mundo melhor.

CULT_ 127


MUNDO_CULT_AGRONEGÓCIOS REDAÇÃO DIVULGAÇÃO

FAZENDA PRESERVA RAÇAS E CULTURA

A paixão da família Drummond pela pecuária começou em 1870, quando o bisavô de Arlindo Maximiano Drummond comprou um pedaço de terra em Ituiutaba-MG para criar boi, raça inserida no contexto brasileiro há 110 anos, graças a Teófilo de Godói, que apostou na criação desta raça de gado até então considerado animal de zoológico. Ao investir no Zebu, ele contribuiu com o setor, pois a vinda da raça melhorou a qualidade do gado brasileiro e trouxe nova perspectiva econômica para o Centro-Oeste, Nordeste e Sudeste do país, regiões em que o animal se adaptou melhor do que na Índia, sua terra natal. A continuidade dos negócios culminou com a tradição que já perdura há três gerações, mas nas mãos de Arlindo, a atividade deixou de ter um caráter meramente econômico para se transformar em iniciativa cultural que abre passagem para a cultura indiana e seus mistérios em pleno interior de Minas Gerais. Em seu contato com os indianos, Arlindo apaixonou-se pela beleza exótica dos animais nativos. O clima da região possibilitou que essas raças se adaptassem no Brasil. As peculiaridades de cada raça projetam o admirador às terras longínquas, que nada tem a ver com seu cotidiano: a beleza exótica do carneiro de quatro chifres e do cachorro Saluki, o porte extraordinário dos bois Kangayam e Guzerá, e do búfalo Jafarabadi, o bico delicado do galo Aseel e o melhor de tudo: poder apreciar esses animais em seu habitat, longe das jaulas.

Arlindo Maximiano Drummond, empresário e um dos idealizadores do Museu de Raças em Ituiutaba-MG

128 _CULT


cerâmicas, móveis e utensílios antigos, aproximadamente duas mil peças. Com as coleções, o pecuarista realizou um velho sonho: “Queria construir uma fazenda indiana que tivesse um peso turístico e científico para a região. Assim as pessoas podem conhecer um pouco mais sobre a Índia e até estudar esses animais, afinal, as faculdades não têm interesse em todas as raças”, explica Arlindo Maximiano. Buscando preservar a cultura da região, ele também organizou uma coleção de quadros com paisagens bem brasileiras e ênfase ao cerrado, aos casarões antigos feitas por pintores naturais de Uberlândia ou que viveram por lá. Museu dos Zebuzeiros As raças bovinas constam do banco de sêmen iniciado pela família Drummond, na década de 60, com as raças Nelore, Gir e Guzerá. A paixão do pecuarista não se estendeu apenas à fauna: os costumes do povo daquele país, seu meio de transporte e artesanato também o inspiraram e decidiu, então, trazer mais um pedacinho daquele país para a contemplação do povo da região. Essas peças compõem o acervo do “Museu dos Zebuzeiros”, composto de doações das famílias dos grandes criadores brasileiros que se dedicaram à raça. O museu possui maquinários, artesanato, peças sacras,

Na Fazenda Haras Barreiro são criados animais procedentes da Ásia, em especial da Índia, provenientes de troncos puro sangue. Localizada às margens do Rio Tijuco, em ItuiutabaMG, é um verdadeiro criatório que oferece às universidades e criadores quais animais se adaptam à nossa região com o melhor rendimento possível, permitindo aos futuros profissionais do agronegócio saberem quais raças criar ou indicar. Para isso existe um Banco de Sêmen com milhares de touros de diversas raças. Os irmãos Arlindo Drummond, Marcos Drummond e Vinícius Carvalho se envolveram em um negócio comum, paralelo às suas atividades profissionais e no qual dedicam tempo e dinheiro. Uma fazenda onde o visitante é bem recebido e pode conhecer animais diferentes, como o búfalo Jafarabadi (1,65m de altura e mais de 1000 kg), bovinos das raças Sindi, Kangayam (chifres em forma de U), Puganôr (com no máximo 1 metro de altura), Watusi, as galinhas Aseel Rajah Murgh, cabras Bhuj com longas orelhas brancas,

CULT_ 129


MUNDO_CULT_AGRONEGÓCIOS REDAÇÃO DIVULGAÇÃO

o cabrito branco Jamnapari, entre outros. É a única fazenda no Brasil que possui todas as raças originais e visitada por pessoas do mundo todo. Arca de Noé “As pessoas ficam fascinadas quando chegam aqui. É como uma volta ao passado. Nossa ideia, ao reunir essas raças, foi salvá-las da mestiçagem e preservar a pureza. O Brasil é o país dos modismos e investe em produção e volume, mas perde na pureza original. A fazenda respeita a natureza dos animais e é impossível deixar de compará-la com a Arca de Noé, pois dentro dela tem um exemplar de cada raça indiana, até o cachorro de estimação é da raça Saluki. Os futuristas não gostam daqui, pois é um espaço onde se resgata, respeita e preserva o passado”, enfatiza Arlindo. É fato. O Museu Vera Maximiano Drummond, que também funciona na fazenda, guarda peças de todas as épocas, algumas bizarras, outras inusitadas. Bomba de gasolina antiga, peças, balanças, utensílios domésticos, utilitários e até mesmo um riquixá, o famoso meio de transporte indiano dá as boas-vindas aos visitantes. Difícil é largar a prosa e voltar para a estrada. Saiba mais: Facebook: Maximiano Drummond Empreendimentos

130 _CULT


CULT_ 131


MUNDO_CULT_PET JUNIOR GARCIA | JORNALISTA DIVULGAÇÃO

BANCO DE DOADORES DE SANGUE ONLINE PARA CÃES E GATOS

CÃES DOADORES

“Meu Cão é Doador” é um banco de doadores de sangue online para cães e gatos. Estima-se que anualmente milhares de cães e gatos morrem em todos os países por falta de doadores de sangue. É necessário a transfusão de sangue em quadros de atropelamentos, brigas com outros animais, anemias profundas e doenças que afetam diretamente o sangue do animal. Para ser doador, o animal deverá preencher requisitos de saúde, realizar um hemograma e exame de compatibilidade sanguínea. No país é um tema pouco levantado e não existem políticas públicas e nem campanhas de conscientização e informação do tema.

Objetivos Informar e orientar os tutores de cães e gatos do país sobre a necessidade de doação de sangue para cão e gato. Promover o acesso e intercâmbio entre o doador e o receptor que esteja necessitando da doação, através de portal eletrônico e redes sociais. Promover palestras, fóruns e discussões sobre a doação de sangue animal. Sensibilizar o estado, setor privado e veículos de comunicação, sobre a necessidade de discussão e promoção do tema. Criação de políticas públicas de incentivo e informação sobre a doação de sangue animal. Quem pode doar? Cães (acima de 25 quilos, entre 1 e 7 anos, saudável, vacinado e vermifugado). Gatos (acima de 4,5 quilos, entre 1 e 7 anos, saudável, vacinado e vermifugado). Como posso ajudar? Pessoa Física - Se você tem um cão ou gato que se enquadre no perfil para doador, basta curtir a página www. facebook.com/meucaoedoador e postar uma foto do animal e também o número de telefone e cidade onde está. Também poderá se cadastrar pelo site meucaoedoador.org. Caso seja apenas simpatizante da causa, você pode ajudar curtindo e compartilhando o conteúdo das redes sociais no facebook e instagram. E também divulgando para um amigo ou vizinho em que animal se enquadre no perfil para doação. Pessoa Jurídica - Doação direta de recursos para custeio, planejamento e execução das ações de campanha.

132 _CULT

Doação de rações e insumos para a manutenção do quadro de doadores permanentes do projeto. Apoio na divulgação em redes sociais da empresa e em veículos de comunicação que possam ajudar a promover a campanha. Divulgando internamente para os funcionários e colaboradores. Já somos notícia. Em menos de um ano de campanha já estivemos presentes em vários veículos de comunicação, com a participação de veterinários e especialistas em hematologia animal, além da divulgação de mídia espontânea de centenas de usuários de redes sociais.


134 _CULT


CULT_ 135


MUNDO_CULT_MOTOR EVALDO PIGHINI | JORNALISTA ARQUIVO PESSOAL | DIVULGAÇÃO

DESTAQUES DO CAPTUR ESTÃO NO DESIGN, QUE SEGUE TENDÊNCIA MUNDIAL DA MARCA

CAPTUR CHEGA PARA ACIRRAR BRIGA ENTRE SUVS

O Captur é oferecido com duas opções de motorização: 1.6 e (120 cv) e 2.0 (148 cv) e preços sugeridos entre R$ 78.900 e R$ 88.490.

Recentemente lançado no Brasil, o utilitárioesportivo Captur é a nova aposta da Renault para bater de frente com a concorrência no mercado dos SUVs médios compactos, disputado por modelos como Nissan Kicks, Ford Ecosport, Chevrolet Tracker e Hyundai Creta, entre outros, mais principalmente o Honda HRV e o Jeep Renegade, atuais líderes do segmento. O preço do Captur parte de R$ 78.900, na versão Zen, e chega aos R$ 88.490, na Intense, valores que variam conforme opcionais adicionados. O primo mais rico do Duster, produzido na mesma fábrica que ele, em São José dos Pinhais (PR), já é velho conhecido na Europa, onde foi lançado há cerca de quatro anos. Ele chega ao país com duas motorizações, quatro versões e três opções de câmbio. A primeira (Zen) será equipada com motor de 1,6 litro, 16 válvulas e potência de 120 cv com transmissão manual de seis velocidades ou (opcionalmente) CVT. A versão mais cara (Intense) tem motor 2.0 com potência de 148 cv e o mesmo câmbio automático de quatro marchas que equipa o Duster e o Oroch. Os destaques do Captur estão

136 _CULT

O utilitário-esportivo Captur chama a atenção pelo acabamento interno e bom aproveitamento do espaço.

no design, que segue tendência mundial da marca, e no espaço interno, que segundo a Renault é o maior da categoria, tanto para os passageiros como para carga. O Captur é poucos milímetros mais comprido e mais alto que o Duster - traz de série rodas aro 17 - e tem porta-malas mais espaçoso (437 litros), equiparado ao do Honda HRV.


CULT_ 137


MUNDO_CULT_MOTOR SARAH ZAIDAN ARQUIVO PESSOAL | SXC

CONCESSIONÁRIAS OFERECEM CURSOS BÁSICOS DE MECÂNICA PARA MULHERES

MULHERES NA OFICINA

As tendências de mercado mostram que o número de mulheres que levam seus carros às oficinas mecânicas tem crescido nos últimos anos. E os empresários desse setor estão atentos a esse novo público e às suas exigências. As reparadoras deixaram de ser lugares rudes, grosseiros e desorganizados e estão se modificando para atender melhor ao mercado e a essas clientes. As oficinas, que antes eram espaços frequentados em sua maioria pelos homens, agora está sendo ocupado pelas mulheres, que se mostram cada vez mais cautelosas com seus carros e conscientes da necessidade da Manutenção Veicular Preventiva. Historicamente, em virtude da independência adquirida, ao esforço para se manterem financeiramente, as mulheres são normalmente mais precavidas, mais dedicadas e valorizam o cuidado aos bens que possuem. Outro fato que explica o motivo de existirem mais mulheres nas oficinas atualmente, é que elas estão comprando mais carros. Pesquisas realizadas por marcas representativas no segmento automobilístico mostram que o público feminino é responsável pela aquisição de 40% dos automóveis 0km. Não existe mais aquela concepção de que mulher não tem nenhum conhecimento sobre automóveis. Ao contrário, de olho

138 _CULT

nessa fatia do mercado, concessionárias oferecem cursos básicos de mecânica para mulheres a fim de conscientizá-las da importância de fazer as revisões periódicas com aulas teóricas e práticas. As mulheres aprendem a conhecer melhor o carro, desde o motor, bateria, filtros de ar, óleo e combustível, velas, correia, amortecedores, níveis de água, óleo, pastilha de freio, limpador de para-brisa, embreagem, catalisador, alinhamento, balanceamento e até trocar um pneu furado. Além disso, esses cursos trazem dicas sobre o modo de dirigir e como isso pode influenciar no desgaste prematuro de peças importantes do veículo e lembra a importância de fazer as revisões. E elas aderem a esse cuidado naturalmente, pois são mais prudentes e têm receio de se arriscar ficando com o carro parado. Por isso, elas respeitam o programa periódico da manutenção de seus veículos. E mais: levando em conta esse novo nicho de mercado, que inclusive é bastante representativo, e de acordo com dados obtidos em pesquisas de satisfação das grandes marcas de veículos, o tratamento ao público feminino não precisa ser diferenciado. A única exigência unânime é respeito!


MUNDO_CULT_MOTOR PUBLI EDITORIAL BRUNO SOUZA

“A MULHER TEM GRANDE PODER DE PERSUADIR”

TALENTO FEMININO

A mulher vem conquistando espaços em atividades (antes quase exclusivamente masculinas) com excelentes resultados através do seu talento, sensibilidade e competência. Um exemplo é Denísia Ramos Garcia, sócia proprietária da UAI Baterias, loja multimarcas com 7 anos de mercado e que vende também as consagradas Baterias Moura. Segundo ela, o segredo é gostar do que faz, independente do segmento onde você atua. “Adoro vender baterias e atender nossos clientes com a atenção que eles merecem. A mulher tem grande poder de esclarecimento, é mais dedicada, estudiosa e inspira confiança. Sempre me coloco no lugar do cliente e como vendedora procuro atendêlo da forma que eu gostaria de ser atendida. Isso é que faz a diferença. Me sinto motivada em vender baterias aqui em nossa loja, ao lado do meu esposo Sebastião Silva Garcia, que sempre me incentiva neste trabalho onde fazemos uma parceria de sucesso”, revela Denísia.

Denísia Ramos Garcia, sócia-proprietária da UAI Baterias

CULT_ 139


MUNDO_CULT_MOTOR SARAH ZAIDAN SXC

HÍBRIDO E FUTURISTA

TOYOTA PRIUS E HYUNDAY TUCSON

O novo Toyota Prius chega ao mercado nacional, renovado, mais eficiente e ainda mais econômico. Com seu atraente visual futurista e pouco convencional, o Prius foi o pioneiro na tecnologia híbrida no Brasil. O desempenho e as potências dos motores a gasolina de 1.8 litro VVT-i de ciclo Atkinson de 98 cavalos de potência, a 5.200 giros e 14,2 kgfm de torque a 3.600 rpm e do elétrico de 72 cavalos de potência e 16,6 kgfm de torque máximo, entregam a potência combinada de 123 cavalos nas rodas dianteiras o que, segundo a montadora, é capaz de levar o Prius de 0 a 100 km/h em 11 segundos. O câmbio do novo Toyota Prius 2017 é automático do tipo CVT.

A nova geração da SUV Hyundai Tucson chegou com estilo totalmente remodelado, com linhas mais esportivas e aerodinâmicas e desempenho empolgante. São três versões, GL, GLS e Edição Especial, com diferentes pacotes de acessórios e alta tecnologia que surpreendem até os consumidores mais exigentes. A motorização é a mesma nas três versões, sendo o motor quatro cilindros 1.6 T-GDi com turbo e injeção direta, que desenvolve 177 cv e 27 mkgf de torque (entre 1.500 e 4.500 rpm) - sempre a gasolina. A transmissão é automatizada de dupla embreagem de sete marchas.

140 _CULT


MUNDO_CULT_MOTOR PUBLI EDITORIAL BRUNO SOUZA

EMPRESA SE DESTACA NO MERCADO PREMIUM NACIONAL

BL MOTORS

A BL Motors está no mercado desde 2003, é uma empresa especializada em realizar sonhos no que se diz respeito a veículos de luxo e superesportivos, embarcações e aeronaves. A empresa se destaca no mercado premium nacional, como sinônimo de transparência, confiança e qualidade. Nossa

estrutura foi planejada para que você tenha certeza de que estamos preparados para atender com conforto e atenção, para a realização de um bom negócio. Aqui você irá encontrar o carro, embarcação ou aeronave que deseja, também trabalhamos com consignação.

Loja 01 Av. João Pinheiro, 3642 34 3226-0700 / 34 9979-8168 Bairro Brasil - Uberlândia - MG Loja 02 Av. João Naves de Ávila, 3164 34 3222-0330 / 34 9979-8158 Bairro Saraiva - Uberlândia - MG CULT_ 141


MUNDO_CULT_MOTOR PUBLI EDITORIAL BRUNO SOUZA

PARA TODOS OS CARROS, ITENS DE CONFORTO, ENTRETENIMENTO E SEGURANÇA

CORNELIUS SOM E ACESSÓRIOS

Olá, pessoal, estamos na era digital e os carros estão a cada dia mais avançados no quesito segurança e conforto. Temos muitos veículos que vêm como itens de séries, acionadores dos vidros automáticos por telecomando, rebatedores de retrovisor e até mesmo sensores de ultrassom que são itens importantes de segurança visando o conforto. Temos os itens de conforto que são os preferidos da turminha do banco traseiro, as telas de DVD’s ou os encostos de cabeça, além é claro, preferência de pais que querem sossego em uma longa viagem. Esses itens podem variar dependendo da marca do veículo e dos itens que agregam o kit conforto, podendo chegar até 30% a mais do preço final do veículo.

combustível anti-furto e insulfilm de segurança (semiblindagem) e engates sob medidas. Todos os itens instalados por profissionais gabaritados e treinados para a execução dos nossos serviços prestados. Façanos uma visita e venha tomar um cafezinho conosco, teremos o prazer em atendê-los. Valeu pessoal, até a próxima!

Nós, da loja CORNELIUS SOM, disponibilizamos produtos que te darão todo conforto e segurança, como acionadores de vidros para subida automática com o sistema de antiesmagamento com a colocação plugandplay, sem cortes de fios para não afetar a garantia, colocação de frisos que vem da cor original com o nome gravado na peça dianteira, insulfilm que protege 98% dos raios solares nocivos à pele, além do alarme Keyless, que é instalado no veículo agregado ao seu travamento do telecomando original. Para as pick-ups temos todos os acessórios, como protetores de caçamba originais, estribos originais, overbumpers e Santantonios originais e esportivos. Para todos os carros, itens de conforto e entretenimento como encostos de cabeça com DVD, telas acopláveis com 300 jogos e fones de ouvido sem fio para que você possa ouvir o seu som preferido, enquanto a galera do banco traseiro curte um filme ou joga, sendo adaptável em qualquer veículo. Segurança para você e seu veículo, temos rastreadores para veículos de duas ou mais rodas, com ou sem seguro total (consulte-nos), além de bloqueadores de

142 _CULT

Corneliu’s Som. Seu carro em boas mãos. 34 3211-6816 Av. João Pinheiro, 1971 Bairro Aparecida (esquina com Buriti Alegre) Uberlândia - MG E-mail: corneliusom@hotmail.com


NOVA TOYOTA UBERLÂNDIA

PRIUS 17/17 À VISTA R$ 126.600 | 50,66% DE ENTRADA: R$ 64.140

999

36 PARCELAS DE R$ RESIDUAL DE R$ 50.640 TAXA DE 0,99% AO MÊS

,00

IPVA 2017

GRÁTIS

AV. JOÃO PINHEIRO, 3.783 Uberlândia

www.osakaveiculos.com.br

34 3232-0758

Toyota PRIUS 2017/2017 à vista R$ 126.600,00 ou financiado com o Banco Toyota no Ciclo Toyota nas seguintes condições: CDC, pessoa física, com entrada de R$ 64.140,00 (50,66%) e 36 parcelas de R$ 999,31, mais 1 parcela residual de R$ 50.640,00 vencendo conjuntamente com a última parcela do financiamento. Primeira parcela com vencimento para 30 dias. Taxa juros prefixada de 0,99%/mês, equivalente a 12,55%/ano + IOF de R$ 2.049,95 + Registro contrato base MG de R$ 120,29 + Cesta Serviços base MG de R$ 500,00 + Tarifa Confecção Cadastro p/Início Relacionamento de R$ 550,00 já inclusos no Total Financiado de R$ 65.680,24. Valor Total a prazo R$ 150.755,16. Custo Efetivo Total de 15,04%/ano. Crédito sujeito a análise/aprovação. CET apresentado aplicável ao exemplo acima. Alterações do modelo/veículo ou do financiamento acarretará novo cálculo do CET. SAC Banco Toyota 0800 016 4155 ou e-mail: sac@bancotoyota.com.br. Ouvidoria Banco Toyota (após atendimento pelo SAC): 0800 772 5877. Estoque: 2 unidades. O Prius 1.8 automático, abastecido com gasolina, percorre 18,9km/l na cidade e 17km/l na estrada. Garantia contra defeitos de fabricação do Sistema Híbrido de 8 anos e dos demais itens de 3 anos sem limite de quilometragem para veículos adquiridos por pessoa física. Garantia contra defeitos de fabricação do Sistema Híbrido de 8 anos limitado a 200.000 quilômetros, o que ocorrer primeiro, e dos demais itens de 3 anos limitado a 100.000 quilômetros, o que ocorrer primeiro, para veículos adquiridos por pessoa jurídica. Consulte o livrete de garantia ou www.toyota.com.br para mais informações. Ofertas deste anúncio não abrangem veículos adquiridos em Vendas Diretas e/ou com isenção de impostos. Promoções/benefícios não cumulativas com outras promoções vigentes. Ofertas válidas para veículos faturados no período de 1º a 30/4/2017.

TODOS JUNTOS FAZEM UM TRÂNSITO MELHOR.

CULT_ 143


MUNDO_CULT_TURISMO LUÍZA MORATO | UCVB DIVULGAÇÃO

EVENTOS MOVIMENTAM MAIS DE 50 SETORES DA ECONOMIA LOCAL

CAPTAÇÃO E APOIO A EVENTOS O Uberlândia Convention & Visitors Bureau é uma fundação sem fins lucrativos que visa o desenvolvimento econômico de nossa cidade com o aumento do fluxo turístico. A entidade atua através de captação e apoio a eventos, trabalhando sempre em conjunto com seus associados. Até o dia 24 de março, foram 80 dias de trabalho intenso no ano de 2017, 8 reuniões de apoio a eventos e visitas técnicas, e 22 reuniões de captação e contato com associações realizadoras de eventos. Foram feitas também 90 inserções em redes sociais e veículos de comunicação, como as notinhas semanais que proporcionamos para todos os associados no Jornal Gazeta, Jornal O Diário do Comércio e no Blog do Ismael Carvalho. Todo o trabalho do UCVB mostra resultado através dos novos associados e dos 34 eventos captados e apoiados no calendário de 2017, que são em sua maioria eventos técnico-científicos e de negócios. “Trazer eventos para Uberlândia significa a movimentação de mais de 50 setores da economia local e nos mantêm no ranking dos melhores Conventions Bureau do Brasil, trazendo reconhecimento para a cidade no turismo de negócios e eventos”, acentua Raquel Mohn, executiva de captação de eventos.

144 _CULT


MUNDO_CULT_TURISMO PUBLI EDITORIAL BRUNO SOUZA

“NOSSO MAIOR PATRIMÔNIO É A PLENA SATISFAÇÃO DOS NOSSOS CLIENTES”

CASA DO TURISMO

Com 14 anos de atividade, a Casa do Turismo oferece atendimento personalizado e exclusivo para viajantes exigentes e ligados às novidades do fascinante universo turístico. Para os sócios Eneida e Flávio Paes Leme, o maior objetivo da empresa é realizar os sonhos de seus clientes, proporcionando momentos únicos e inesquecíveis. Ao longo de sua trajetória e consolidação no mercado foram desenvolvidas importantes e sólidas parcerias com as principais companhias aéreas, hotéis e prestadores de serviços em geral, no Brasil e no mundo, buscando oferecer aos seus clientes benefícios e serviços diferenciados. A Casa do Turismo mantém seu diferencial ao localizar viagens que se integram perfeitamente ao desejo e perfil de seus clientes. Com uma equipe de profissionais qualificados e especializados, além de uma estrutura organizada e preparada para bem receber, a empresa possui a competência necessária para garantir que seus clientes desfrutem da satisfação de viajar em sua plenitude. Em 2016, percebendo o crescimento na demanda das viagens de lua de mel, desenvolveu o projeto para criação de um serviço de assessoria e consultoria aos noivos, visando auxiliá-los no planejamento, escolha e efetivação dessa viagem tão única na vida de um casal. Além de incrementar suas parcerias, inaugurou mais uma Unidade de Atendimento em Uberlândia, no Shopping da Noiva, novo empreendimento localizado na Cidade Jardim com soluções completas para os casais que buscam praticidade, economia e, principalmente, qualidade. Com esta ação, a Casa do Turismo firma sua posição no mercado ao se especializar em

atendimentos totalmente personalizados. Seja em uma viagem romântica, familiar, em grupo ou até mesmo corporativa, a missão da Casa do Turismo é encantar e surpreender os viajantes, garantindo com dedicação, profissionalismo e competência, que o “Sonho de Viagem” se transforme em uma “Viagem dos Sonhos”. “O maior patrimônio da Casa do Turismo é a plena satisfação dos clientes. Se você já é nosso cliente, sabe o que estamos falando, mas se ainda não é, junte-se a nós”, convida Eneida, profissional com mais de 20 anos de experiência no setor, que já organizou e acompanhou diversos grupos para cruzeiros e pacotes de viagens nacionais e internacionais. “Nossa empresa possui vários canais de atendimento, inclusive WhatsApp. Além disso, cobrimos frequentemente ofertas de agências online, portanto, não deixe de nos consultar e venha conhecer tudo o que podemos fazer por você na sua próxima viagem”, destaca Flávio, convidando a todos para conferir as novidades das próximas temporadas e também conhecer as instalações da nova Unidade de Atendimento.

Unidade Centro 3255-9005 | 99187-0432 Av. Cesário Alvim, 253 Unidade Cidade Jardim 3236-6700 | 99264-3131 Av. Uirapuru, 895 - Loja 3 - Shopping da Noiva casadoturismo.tur.br

casadoturismo

casadoturismo

CULT_ 145


MUNDO_CULT_TURISMO GABRIELA ESPERANÇA E NÁDYA HÚNGARO ARQUIVO PESSOAL

VIAGEM DE 28 DIAS, VÁRIAS CIDADES E POVOADOS NESTES TRÊS PAÍSES

MOCHILÃO BOLÍVIA, CHILE E PERU

Laguna Altiplânica, Chile.

Escrevemos ainda em trajeto, da Isla del Sol, ilha sagrada do Lago Titicaca, Bolívia - 24° dia de viagem. Do roteiro, até este momento, foram intensos os dias na nossa América Latina: Santa Cruz de La Sierra, Sucre, Potosi, Uyuni, vários pontos offroad nos arredores, San Pedro de Atacama no Chile e, no Peru, Arequipa e vários povoados, Cusco, Machu Picchu, Puno, Ilha de Urus, Ilha Amantani, Ilha Traquile e estamos completando agora um quase círculo retornando à Bolívia, Ilha do Sol, Copacabana e, em seguida, La Paz e retorno a Santa Cruz de La Sierra para tomar o voo de volta ao Brasil. Roteiro pronto, mochila feita, muita estrada e muito êxtase frente às paisagens que encontraríamos. Começaríamos a viagem pela Bolívia, vivenciando uma cultura tão diferente da nossa, apesar da proximidade geográfica, com a nítida percepção de um povo que mantém uma relação estreita com suas raízes. Fomos transitando por várias cidades bolivianas e nos surpreendendo a cada exuberante paisagem. O Salar é belíssimo, há inúmeras lagunas e vulcões, e as cores que tomam as montanhas dão à Bolívia uma estética de pintura. Também avistamos animais típicos da região, como flamingos, vicuñas e o zorro.

146 _CULT

Da Bolívia seguimos para o Chile, San Pedro de Atacama. Foi um tanto quanto surreal por os pés na neve nesta madrugada, ainda na Bolívia, e pela tarde estar no deserto, com o sol a pino, escaldante, queimando a nossa pele. Água, recurso escasso no deserto, e este oásis chamado San Pedro de Atacama. Cada lugar valeu à pena: Piedras Rojas e sua exuberância, Vulcão Lascar, Laguna Cejar e a oportunidade de flutuar num lago azul, o exótico Valle de la Luna, poder observar a lua cheia e Júpiter e seus satélites através de um enorme telescópio. Do Chile ao Peru muitas outras cidades e muita história e arqueologia: impressionantes ruínas e museus que contam da misteriosa civilização Inca. Uyuni, Bolívia.


Laguna Hedionda, Bolívia.

Arbol de Piedra, Bolívia.

Machu Picchu, Peru.

A cidade perdida dos incas, Machu Picchu, e nosso trekking pelo Huayna Picchu, sítios arqueológicos impressionantes, o imenso Lago Titicaca e suas ilhas flutuantes, a experiência de hospedagem comunitária em uma pequena província e retorno à Bolívia, reta final da viagem.

Ojos del Salar, Chile.

Zorro - animal da Bolívia.

Construção Inca em Maras Moray, Peru.

No meio da loucura do trânsito boliviano e peruano, entre nossos passeios, fomos descobrindo povos que trabalham muito, mulheres que estão sempre com suas crianças às costas, vendendo os produtos que cultivam, e um modo de vida muito mais próximo da natureza que o nosso. Não é difícil também notar a pobreza em meio à exuberante paisagem - em ambos os países - notar que seus senhores e senhoras trabalham, mesmo tendo avançada idade, e que na contramão da idade também trabalham muitas crianças. Tudo isso foi nos rendendo uma grande reflexão sobre os acontecimentos políticos atuais do nosso país, da importância da garantia de direitos e sua manutenção e da relevância das políticas sociais. Retornaremos com toda essa crítica e com a alegria das experiências únicas que vivenciamos. Nossa estrada continua por mais alguns dias, ainda com lugares belíssimos a conhecer e com a certeza de que essa viagem não termina no voo de volta ao Brasil. Gabriela Esperança e Nadya Húngaro. Instagram: @nadyahungaroo

CULT_ 147


MUNDO_CULT_ EM CENA DANIEL LABANCA | DIRETOR DE CENA ARQUIVO PESSOAL | SXC

QUANDO ALGUÉM SE ATREVE A CUMPRIR O HORÁRIO, LOGO VIRA O INTOLERANTE

CHEGAR ATRASADO NÃO É BONITO Você quase não leria esse artigo. Mandei atrasado pra revista. Ah, mas a turma aqui tá acostumada. E quem manda no dia certo? Alguém. Justamente aquele que pegará sua vaga no trabalho ou aproveitará uma oportunidade que seria sua, justamente por estar lá antes de você. O atraso virou sistêmico. Um dos mais horrorosos hábitos culturais de um povo que não respeita os prejudicados por tamanho menosprezo. O show começa as dez? Vou as onze, afinal nem a plateia respeitará o artista chegando mais cedo e nem o artista respeitará o povo subindo ao palco na hora certa. E assim vale pra tudo. O casamento que atrasa, a reunião que enrola, o evento que nunca é pontual. E quando alguém se atreve a cumprir o horário, logo vira o intolerante. “Absurdo, nem esperou 5 minutinhos”. Absurdo é você não comparecer quando deveria, amigo. E assim, nessa terra de ninguém, os pontuais acabam virando exceção à terrível regra. O cerimonialista vira “chato”, o artista vira “criterioso”, o estudante vira “cdf”. Mas ninguém vira simplesmente “normal”, como deveria. Acham que chegar mais tarde os faz parecer importantes, ocupados, alguém que definitivamente não são.

148 _CULT

o como qual comprovo o atras Tenho uma teoria na ção iza ográficos que a colon um dos problemas ge m ades que se difere distribuiu em intensid s civilização se deu no à o conforme o acess ntais ide oc s íse pa s re só: no cantos do país. Repa ficava re ropeus, o oeste semp colonizados pelos eu se po tem is a oeste, mais por último. Quanto ma í, as Da . ras reg , os e, parâmetr esperava por civilidad ”. ng ba ng “ba ”, ste roe ste”, “fa histórias do “velho oe s mo tra m: quanto mais aden No nosso país també rias ilidade vemos em vá civ s o continente, meno l. cia so o ívi nv s ruas, no co áreas: no trânsito, na do en faz e o tud em elando Os donos da razão du e se qu os uc po os E . ios horár as próprias regras e is tos têm que ser os ma rre co rem se a m eve atr s mo tra en já s em paciente pacientes. E por falar o. óri ult ns co o : os as de atr em outra área campeã e asos de pacientes São incontáveis os atr . os atrasos de médicos es nd absurdamente gra l, na afi , rte pa à até um artigo Assunto que merece m. bé tam po tem u se z e talve nossa página acabou se atrase. m ué alg is ma e qu Antes tor de cena e Daniel Labanca é dire i na próxima Cult. aqu ará est pontualmente


MAIS CULT 150

Fabiana Milazzo

Trajetória de Sucesso

155

História

Releitura da Moda

160

Ensaio

Conceito Cult

182

Customização Faça você mesmo

CULT_ 149


MAIS_CULT REDAÇÃO ITA MAZZUTTI | DIVULGAÇÃO

ESTILISTA UBERLANDENSE É SUCESSO NO MUNDO DA MODA

FABIANA MILAZZO

Fabiana Milazzo: “a arte e a natureza inspiram todas as minhas criações”

150 _CULT


a às mulheres Nesta edição especial, dedicad a estilista empreendedoras, destacamos que tem projetado zzo, uberlandense Fabiana Mila ário nacional e cen no de cida o nome de nossa enagem também internacional da moda. Uma hom , a cada dia, têm que extensiva a todas as mulheres rsos segmentos dive nos s conquistado novos espaço a capa desta mpa esta zzo Mila iana da sociedade. Fab s sobre mai pouco edição e você conhece aqui um e-papo. bat so nos o sua trajetória e projetos. Confira a de estilista? Quem Como e quando iniciou a carreir te apoiou no início? cursava Direito na UFU Iniciei com 19 anos, quando já dia. Eu e a Denise, rlân Ube - Universidade Federal de tamos uma mon ê, Cau ta Gre da hoje proprietária casa dos meus pais. confecção pequena no fundo da a te encanta? Desde quando o mundo da mod tecidos, com tato con tive o Desde muito ced sempre amei aviamentos e costura, e também desenhar. har notoriedade? Quando e como começou a gan ticular que levou ao (houve algum episódio em par crescimento da marca)? moda nacionais e A participação nas semanas de desfile no Minas eiro prim so nos principalmente o em Los Angeles e Trend, a recente abertura da loja ortantes para o imp to a estreia no SPFW foram mui ca. mar da crescimento e visibilidade s? Hoje são quantas lojas / fábrica de temos também aon dia, rlân Ube em fica rica A fáb ‘flagship’ em São uma com a uma loja. Contamos aind e a nossa primeira Paulo, no coração dos Jardins, eles, localizada loja internacional, em Los Ang lado de marcas da charmosa Melrose Place, ao Oscar de La Renta, , obs Jac renomadas como Marc presente em está bém tam ca entre outras. A mar sil. Bra oo mais de 90 multimarcas em tod

made’ e com os detalhes, que sempre compõem com a preciosidade da roupa. O que mais te inspira nas suas criações? A arte em todas as suas manifestações e a natureza. Os temas que escolho para desenvolver coleções partem sempre de uma dessas vertentes. Mas também estou sempre atenta ao que acontece no Brasil e no exterior. Acho importante harmonizar o que estou criando com as tendências que estão por vir. O tema é fundamental para dar unidade à coleção e assim fazer um trabalho autoral, mas estar de acordo com as tendências faz com que a roupa seja comercial. Como está o mercado atual da moda no Brasil? Com a globalização vivemos um período de grande concorrência externa, para uma marca continuar no mercado e ganhar espaço é preciso que ela tenha um diferencial e aposte nisso, aperfeiçoando-se cada dia mais no que faz de melhor. Resolvi apostar na loja internacional, pois acredito no nosso produto, a busca do mercado externo nos dá ainda mais sustentação. Mas a valorização da mão de obra brasileira é de extrema importância. Projeto Mulheres de Renda “Mulheres de Renda” é um projeto idealizado pela estilista Fabiana Milazzo em parceria com a ONG Ação Moradia. Visa fortalecer os vínculos familiares entre mães e filhos, sem esquecer da necessidade substancial de gerar renda para esta família. Busca melhorar a qualidade de vida das Aulas durante o projeto “Mulheres de Renda”

a outros países? Quando começou a vender par ção aconteceu orta exp a com O primeiro contato coleção inspirada na em 2009, quando vendemos a s Árabes. Tailândia para Dubai e Emirado as de Fabiana Qual a característica das roup Milazzo? inalidade são as Sofisticação, feminilidade e orig identidade da o com es características mais fort com o ‘hand ado cuid o te exis o, marca. Além diss

CULT_ 151


MAIS_CULT REDAÇÃO DIVULGAÇÃO

Luiza Possi, Fabiana Milazzo e Maria Casadevall no lançamento do projeto “Mulheres de Renda”

cial de vulnerabilidade so famílias em situação , dia ân erl Ub de tes caren num dos bairros mais te en lm alifica profissiona o Grande Morumbi. Qu Curso de Bordados do io estas mães por me zação de roupas e em pedrarias, customi sino munitário. Além do en empreendedorismo co s nte dos aspectos refere técnico, são trabalha s sa es r na objetivando tor à gestão financeira, m co lho ba tra rcado de pessoas aptas ao me dora para a vida. de en pre em ão uma vis es podem levar seus Durante o curso, as mã m ão, evitando que fique filhos para a instituiç é te Es e. ad lid na rgi nas ruas, sujeitos à ma r mas enfrentados po ble pro es ior ma s do um m ite rm itas não se pe essas mães, pois mu r seus em com quem deixa ter o nã r trabalhar po têm s ira de rda bo as tura, filhos. Após a forma o, rcício de sua profissã exe o ra pa oio ap o tod a tiv du Pro e na Unidade podendo inserirem-s na dentro da ONG cio fun e qu de Bordado lhante ao período do Ação Moradia. Seme para trazer seus filhos ço curso, elas têm espa atividades variadas para participarem de ional e recreativa, de formação educac es. ol, computação e art como aulas de futeb refeições diárias Ambos recebem três G. O empoderamento ON na enquanto estão autoestima e um feminino, o ganho de o to socioeconômico sã melhor posicionamen de ivas desse conjunto consequências posit ssas centarão na vida de res ac ações que muito ltar sa res nte rta ílias. Impo mulheres e suas fam zem tra e is ve ssí po o sã que essas iniciativas dar a vida de muitas mu de de ida un ort op a . margem da sociedade pessoas que estão à s mo de po s, mo ita e acred “Quando nos unimos zo. laz Mi na bia Fa ua eit nc fazer a diferença”, co

152 _CULT

Trajetória Desde criança, a estilista Fabiana Milazzo brincava desenhando, criando e vestindo suas bonecas. O que a princípio era apenas uma brincadeira, transformou-se na vontade de empreender e fazer do seu sonho, realidade, criando assim sua própria marca. Graduada em moda pela Academia Italiana de Moda, Arte e Design, especialista em modelagem pelo Instituto Callegari, também na Itália, sempre foi apaixonada por criar, não só roupas, mas tudo que envolvesse qualquer tipo de processo criativo. O grande interesse por arte e a vontade de inovar fez com que ela desenvolvesse novas técnicas de bordados, associadas às tradicionais, resultando em um hand made de efeito único nas texturas, relevos e padronagens coloridas.

Look Denim Sustentável


A natureza também é uma grande fonte de inspiração. Nela, busca a magnitude do simples. Por isso, a vontade de criar roupas de festas mais leves, jovens, sofisticadas sim, mas ao mesmo tempo, despretensiosas. Fabiana se preocupa sempre com a qualidade, beleza, conforto, sofisticação e originalidade das peças que cria, no intuito de oferecer às suas clientes o que ela acredita que deve estar presente em um produto de luxo. A marca iniciou suas atividades em 2000, quando Fabiana Milazzo desenvolveu sua primeira coleção e a apresentou em sua loja própria na cidade de Uberlândia.

Presença no São Paulo Fashion Week 2017

Sustentabilidade A indústria Fabiana Milazzo busca executar processos produtivos cada vez mais sustentáveis, promovendo programa interno de coleta seletiva e reaproveitamento de retalhos de tecidos que são doados a instituições de caridade para confecção de artesanato. A marca já criou uma coleção inspirada na natureza, em árvores como o Ipê e alguns vestidos foram feitos com pet, lixo e retalhos inutilizados. Fabiana ganhou o “Prêmio de Design Sustentável Ecopet”, quando apresentou um vestido com paetês de pet com aplicações de retalhos de rendas e confeccionado com tecido 100% sustentável. A marca iniciou suas atividades há 15 anos e atende ao segmento de moda festa e casual chique no atacado e varejo. Seus clientes buscam sofisticação, feminilidade e originalidade, características da marca, bem como todo o cuidado com o hand made e a busca de materiais diferenciados para produzir suas roupas com efeitos únicos.

Solenidade de entrega do prêmio “Indústria Sustentável”

CULT_ 153


MAIS_CULT_MODA CARINA ALENCAR | CONSULTORA DE IMAGEM E PERSONAL COLOR HUGO MATOS

APROVEITE CADA PÁGINA DESSE CADERNO LINDO E CHEIO DE ESTILO

UM NOVO OLHAR

Olá, querido leitor! É um prazer nessa edição, apresentar nosso caderno de moda, uma releitura do que já existiu sob um novo olhar, trazendo novas perspectivas desse universo tão explorado e desejado. A nossa estreia está recheada de novidades, começando com a nossa capa com Fabiana Milazzo, estilista renomada, contando sobre sua trajetória de sucesso, clicada pelo talentoso fotógrafo Ita Mazzutti, que também esteve na principal feira de moda do país, o SPFW, e irá mostrar em primeira mão, belos cliques do backstage. Confira o que rolou nos desfiles da temporada com opiniões de expertises no assunto, um pouco da história da meia arrastão e calça cropped, peças que são must have da estação, utilidades em nossa coluna “faça você mesmo” e as principais tendências daqui e de fora do país, sem contar que poderão ver um pouco mais do que rolou em nosso editorial conceito, através da realidade aumentada, usando o aplicativo Zappar, mais uma novidade exclusiva Cult. Assim como a moda, nós da revista Cult, estamos sempre reinventando para trazer o melhor para você, que para nós - é o que interessa. Aproveite cada página desse caderno lindo e cheio de estilo. Até breve!

154 _CULT


MAIS_CULT_MODA MODA SIGNIFICA “MODO, MANEIRA, COMPORTAMENTO”

LORENA SUIANNY | FASHION STYLIST DIVULGAÇÃO

RELEITURA DA MODA

História da meia arrastão: Inicialmente utilizadas presas às coxas com fitas e rendas (feitas de algodão, lã e seda) no tamanho 7/8, a meia-calça se tornou símbolo de sensualidade feminina e já estiveram nos pés masculinos no século XIV para denotar importância de status entre os nobres. A meia-calça ficou popular por volta dos anos 1590, quando a Rainha Elizabeth I começou a usar. Nos anos 80 e 90 veio o seu auge, quando Madonna usou e abusou das meias em seus palcos. A meia-calça conquistou o poder de transformar o visual das mulheres, deixando-as mais femininas, elegantes e sensuais.

Dicas: - Usar abaixo de calças destroyed. - Mostra apenas uma parte na canela com o sapato. - Mostrar o cós da meia. Uma super tendência, apesar de chamar bastante atenção, é um ótimo truque pra atualizar a produção do nosso dia a dia. O melhor de TUDO, super fácil de achar e tem o valor inferior a R$20. (Usar e Abusar… sim, ou claro?!).

Releitura em 2017: A moda nos surpreende a cada dia, né?!, quando eu nunca imaginaria que a meia arrastão voltaria para a moda atual… a danada veio e esfregou o sucesso na cara da sociedade. A trendy tem cara de Outono/Inverno, porém é uma meia que não esquenta e é toda vazada, é possível usar com temperaturas mais quentes, uma ótima alternativa para dar uma estilizada no look de verão. Você controla se quer um look mais dramático ou não, tudo depende do tamanho da trama que escolher, as mais largas causam um efeito maior e as menores ficam mais discretas. História da Pantacourt: Peça criada pela estilista Elsa Schiaparelli, na década de 20, a calça leva seu nome por lembrar uma pantalona curta. Ela foi criada na época em que as mulheres tinham por costume usar saias longas e sem deixar o corpo à mostra. Quando passaram a trabalhar e as saias já não eram mais práticas, a estilista pegou uma saia, diminuiu o comprimento para midi e cortou ao meio, fazendo uma calça larga e curta. Há algum tempo, a Pantacourt voltou a aparecer em novas releituras nos desfiles de Chanel e Gucci, tornando a peça mais IT das Fashionistas. Releitura em 2017: Com essa moda cheia de peso, estilistas de grandes marcas apostaram na versão “new pantacourt” para o inverno, que nada mais é que a calça um pouco mais curta, ampla e em tecidos encorpados… um luxo em formato de Pantacourt. O que impede muitas mulheres de usarem é não saber a forma correta, mas agora isso não é problema, vamos lá… Como a calça deixa à mostra partes mais magras do corpo, isso cria uma impressão de silhueta esguia, tons mais frios e mais escuros ajudam visualmente, caso o seu problema é com a altura, looks monocromáticos ajudam a alongar, e a calça com sapatos no tom de pele também alonga. Gosto de combinar a calça com top e blazers longo, ou calça com camisa e sandália delicada para arrasar em uma festa, ou também a calça com uma lã mais compridinha em dias frios, a dica é: escolha o que combina com você!

CULT_ 155


MAIS_CULT_MODA

ITA MAZZUTTI | FOTÓGRAFO ITA MAZZUTTI

EVENTO DESTE ANO TEVE SEIS NOVAS MARCAS E 31 DESFILES

BASTIDORES DA 43ª EDIÇÃO DO SPFW

Durante os dias 13 a 17 de março ocorreu, na Bienal do Parque Ibirapuera, em São Paulo, a 43ª edição do São Paulo Fashion Week. Com seis novas marcas na programação e 31 desfiles no calendário, neste ano o evento foi marcado pela adesão de algumas marcas pelo formato de desfile “see now, buy now”. Confira aqui os desfiles que foram destaque na temporada e as principais tendências do Inverno17.

A Animale, que desfilou logo no primeiro dia, contou com duas apresentações, a primeira como “see now, buy now”, e a segunda exclusiva às clientes. Já na Osklen, Oskar Metsavaht criou peças que remetem a Islândia. O resultado foram vestidos paraquedas e casacos pesados de golas altas. No segundo dia, a estreia da marca Sissa trouxe à passarela, dentro do seu ateliê em Pinheiros, uma coleção que tem como inspiração um conjunto de recordações da estilista Alessandra Affonso Ferreira do Irã, Quênia e Bahia. Enquanto Patricia Bonaldi apostou para o Inverno17 da PatBO no street style com um toque de glamour e delicadeza que são características da marca. O terceiro dia foi marcado pela participação da atriz Giovanna Ewbank no desfile da Memo e a estreia da mineira Fabiana Milazzo. Além do olhar criativo de Luis Claudio Silva, que para a coleção Inverno17, desfilou peças repletas de recortes, bordados e estampas, como borboletas, cigarras e cogumelos. A Cotton Project desenvolveu para seu desfile, no quarto dia, peças com shape confortável e em tons vibrantes e estampas geométricas. Já a TIG apostou em vestidos manchados com tintas, babados e paetês. Destaque na apresentação da grife Amir Slama para mensagens de empoderamento no corpo das modelos e a presença do cantor Zeeba, co-autor do hit ‘Hear Me Now’, que cantou a trilha sonora ao vivo durante o desfile. No último dia, a Ratier se inspirou em “vampiros e ciganas”, enquanto a LAB resgatou as origens do samba e contou com a participação de modelos “plus size” na passarela. A Amapô se inspirou no universo circense, como palhaços, malabaristas, mágicos e elefantes. O resultado são jeans com lavagem e shape diferente, como a calça oversized com recortes de maxipoá.

156 _CULT

Entre as principais tendências apontadas para o Inverno 2017 destaca-se o streetwear de luxo feito com tecidos, bordados e trabalhos rebuscados. Os tons da vez ficam por conta do vermelho queimado, azul claro e tons metalizados. Já os tecidos Lamê e veludo molhado trazem elegância para o dia e a noite. Os recortes, golas altas, cinturas desajustadas e comprimentos mini são os shape que virão com tudo na próxima temporada. Na beleza, a maioria das marcas apostou na “beleza natural” de cada mulher. A pele é sempre iluminada, e se usar batom não usa sombra, se usar sombra não usa batom. Já no cabelo a regra é quem tiver cabelo crespo deve valorizar o cabelo crespo e quem tiver cabelo liso o cabelo continua liso.


MAIS_CULT_MODA PUBLI EDITORIAL NINA FOTOGRAFIAS

PEÇAS EM FORMATO SIMPLES COM DETALHES REFINADOS SUGERE CONFORTO E PRATICIDADE ÀS MULHERES

MODA FEMININA PERSONALIZADA

Analisando as tendências e identificando as necessidades do mercado de moda feminino, a empresária Luma Lemos criou há dois anos uma marca de T-shirts em Uberlândia-MG que traz em sua essência a atemporalidade e a ideia de peças chave no guarda-roupa de pessoas que buscam desde um look básico a um look mais refinado.

As peças trazem estampas exclusivas em tecidos de alta qualidade que modelam a silhueta e agradam a todos os estilos. As pedrarias são predominantes na confecção das tees e são aplicadas manualmente por profissionais altamente qualificados que compõem a equipe de produção da marca. Embora não tenha espaço físico, Luma Lemos aproveitou a tendência de mercado nacional por meio de redes sociais para divulgar seu negócio e conta com mais de 14 mil seguidores.

Hoje a empresária vende atacado e varejo para quatro estados (Minas Gerais, Distrito Federal, São Paulo e Mato Grosso do Sul) e em seus planos para os próximos dois anos estão o desenvolvimento de um e-commerce visando a expansão para outras regiões do país e a criação de um ateliê para vendas físicas.

34 98851-6757 Facebook: Luma Lemos Tshirts Instagram: @luma_lemos_tshirts

CULT_ 157


MAIS_CULT_MODA SANDRA BELLO | FASHION STYLE E PRODUÇÃO DE MODA DIVULGAÇÃO

O FOCO É BRILHAR TOTAL NO INVERNO

A NOVA ERA DO VELUDO O veludo foi hit nos anos 80 e 90. Depois de sair de cena por algum tempo, ressurgiu fortemente nas temporadas de moda internacionais de inverno e na SPFW no ano passado. Neste ano, com mais uma enxurrada de desfiles internacionais para o inverno 2018 e fechando aqui no Brasil com a SPFW, o veludo continua com força total e sendo a aposta de muitos estilistas nos desfiles de suas marcas, como a PatBo, Apartamento 03, Lilly Sarti, TIG, Ratier e Cotton Project. Em diversas texturas, seja ele molhado, cotelê, devorê, cristal ou alemão, o material parece ter encontrado seu lugar definitivamente na moda. Além das roupas, o veludo também aparece em acessórios como bolsas e sapatos. Nessa imersão do veludo dos pés a cabeça, também convido vocês a ficarem de olho em tendências como Lamê e Lurex: o foco é brilhar total no inverno. Sandra Bello é formada em fashion Styling e Produção de moda pela Accademia di Belle Arti de Milão e consultora de moda e estilo.

158 _CULT


MAIS_CULT_MODA PUBLI EDITORIAL BRUNO SOUZA

COLEÇÃO INVERNO 2017

TASSYA TANNUS A nova Coleção Inverno 2017 das marcas Morena Rosa, Cecconello, Raphaella Booz, Jorge Bischoff, Dumond e Capodarte já se encontram nas duas lojas Shopping da Noiva e Griff Shopping. Calçados Feminino, Masculino e Infantil.

Shopping da Noiva 34 3229-7400 Av. Uirapuru, 895 - Loja 7

9 9190-1133

Griff Shopping 34 2512-5754 Av. Rondon Pacheco, 2300 CULT_ 1º piso - Lojas 25 e 27 Tassya Tannus

tassya.tannus

www.tassyatannus.com

159


ENSAIO COM REALIDADE AUMENTADA BAIXE O APP ZAPPAR EM SEU SMARTPHONE OU TABLET E APONTE PARA A CAPA.

160 _CULT


BARBER SHOP & FASHION Em uma barbearia, ambiente criado para socialização de homens do século 20, um século depois, gêneros, conversas e estilos se misturam, tornando o ambiente contemporâneo muito mais interessante. Fotos Hugo Matos | Edição Carina Alencar

Terno Dandí Pulseiras VMX Relógio Aparatto CULT_ 161


Calça, sapato e pulseiras VMX Importados Colete e gravata Dandí Relógio Aparatto

162 _CULT


Vestido Fabiana Milazzo

CULT_ 163


Jaqueta, pulseiras, calça e tênis VMX Importados

164 _CULT


CULT_ 165


Vestido Closet Chic Sapatos Empรณrio Naka Acessรณrios Van

166 _CULT


Vestido Fabiana Milazzo Sapatos Empรณrio Naka

CULT_ 167


Colete, body e bota Bazar Original Bracelete Outlet Chic

168 _CULT


Jaqueta Danilo Félix

Agência Ursa Modelos Léo Avelar | Vitória Borges Marques | Elissa Freitas Styling Carina Alencar Produção de Moda Luane Silva | Lorena Suianny | Sandra Bello Beleza Vinícius Oliveira Assistente de fotografia Ádamo Soares Machado Filmmaker Alisson Abdias Locação Niou Club CULT_ 169


MAIS_CULT_MODA FLÁVIA GOULART | PERSONAL ORGANIZER MURILLO OLIVEIRA | DIVULGAÇÃO

“GUARDE APENAS AQUILO QUE TE TRAZ ALEGRIA, FELICIDADE, UMA BOA RECORDAÇÃO”

DICAS DE ORGANIZAÇÃO

Nesta edição falo sobre o nosso apego com as nossas próprias coisas, o que significa uma grande trava no nosso dia a dia. Quando acumulamos objetos, roupas, acessórios que não utilizamos, criamos uma energia negativa em nosso lar. Sem falar da quantidade de lugar que ocupamos com coisas desnecessárias. Então, a primeira dica que vou dar é o DESAPEGO! Vamos desapegar, “destralhar”, retirar tudo aquilo que não utilizamos. Eu sei, eu sei, não é fácil, mas também não é impossível. Vamos lá! • Se aquela roupa não te serve mais, e você tem esperança de emagrecer, as perguntas que você deve se fazer é: Estou fazendo dieta?? Estou fazendo algo para emagrecer?? Estou no processo de emagrecimento?? Se não para todas elas, DESCARTE!! • Roupa dos anos 90, e que você tem esperança da moda voltar... DESCARTEEEEE, quando a moda voltar, te garanto que ela vai voltar mais moderna, e você não vai querer utilizar aquela mais “antiguinha”!! • Presentes que você ganhou de uma pessoa muito

170 _CULT

especial, mas que não gostou, não trocou e nunca usou, DESCARTE. O importante é você guardar aquele momento especial, o presente é apenas o símbolo de carinho. • Guarde apenas aquilo que te traz alegria, felicidade, uma boa recordação. São esses sentimentos que fazem valer a pena guardarmos alguns itens do nosso acervo pessoal. Lembrando que descartar não é necessariamente jogar fora. Podemos fazer doações, vender pela internet ou até presentear outra pessoa. E lembre-se, comece aos poucos, não foi da noite para o dia que acumulamos tantas coisas. Ana Flávia Barbosa Goulart é personal organizer em Uberlândia. anaorganizapo@gmail.com Instagram: @ana_organiza Facebook: Ana Organiza


CULT_ 171


MAIS_CULT_MODA PUBLI EDITORIAL HUGO MATOS | BRUNO SOUZA

AMARILDO, O JOALHEIRO Os acessórios fazem toda a diferença na hora de se produzir. Brincos, colares, anéis e pulseiras deixam o look em grande estilo. No Amarildo, O Joalheiro é possível encontrar peças de muito bom gosto que encantam todas as pessoas. A joalheria está há mais de 30 anos no mercado e conta com designers sempre prontos para desenhar o modelo desejado pelo cliente, tornando as peças exclusivas. As peças são lindas e o atendimento é incrível. Tudo personalizado, a gente se sente em casa!

Brinco em Quartzo Indiano Azul Ouro 18k Diamante

Bracelete Topázio Azul Ouro Branco 18k Diamante

Anel em Flor Ouro Amarelo 18k Diamante

Anel Iolita Ouro 18k Diamante

Brinco Topázio Azul Ouro Branco 18k Diamante Cristal

Colar Choker Ouro Branco 18k Diamante

Anel Topázio Azul Ouro Branco 18k Diamante

172 _CULT

3236-0056 Santos Dumont, 497 - Centro 99116-7516 Amarildo O Joalheiro @amarildoojoalheiroo


E D I Ç Ã O L I M I TA D A

L ANÇAMENTO

CULT_ 173 Imagens meramente ilustrativas.


MAIS_CULT_MODA PUBLI EDITORIAL HUGO MATOS | BRUNO SOUZA

EMPÓRIO NAKA

Que nós, mulheres, somos apaixonadas por sapatos, isto não é novidade para ninguém. Então, a minha dica para quem quer estar por dentro das últimas tendências deste segmento é a Empório Naka. Beleza, conforto e preço justo são os pilares desta marca que está há mais de 80 anos calçando os mais exigentes pés. O objetivo da marca é realizar o sonho de toda mulher que é louca por sapatos. E uma coisa eu posso afirmar: o objetivo foi alcançado!

Sandália e bolsa nude verniz.

Bota curta com sola tratorada. Mochila com couro estilizada.

Scarpin clássico com o poá em P&B.

Sandália Toscana.

Sandálias e bolsas em verniz da nova coleção Handbags Collection.

Estamos comemorando 7 anos de loja no Center Shopping e a Coleção Inverno está maravilhosa, unindo sempre o conforto e a beleza dos calçados. Aguardem as novidades que vêm por aí. Vocês vão adorar!

Sandália Castor, cheia de charme.

174 _CULT

Oxford prata, estilo e conforto .

3217-2777 Av. João Naves de Ávila, 1331 Center Shopping EmporioNaka Uberlândia @emporionakauberlandia


BAZAR ORIGINAL

FELIPE VIANNA

Versatilidade define esta loja! É uma multimarcas daquelas que tem de tudo, sabe? Lá encontro roupas para qualquer evento e estilo. Gosto de me vestir de acordo com meu humor, sempre respeitando a ocasião, claro. Viajo muito e conheço várias lojas do mesmo estilo, mas sem dúvidas, a Bazar Original é uma grande referência, além de sermos recebidas como rainhas lá.

CULT_ 175


MAIS_CULT_MODA NANDO MEDEIROS | PUBLICITÁRIO E INFLUENCER DIVULGAÇÃO

O VELUDO MOLHADO FOI O QUERIDINHO DAS MARCAS

SPFW: ESCOLHAS E TENDÊNCIAS

Você gosta de moda? Eu amo e fui conferir todas as tendências do São Paulo Fashion Week 2017 edição número 43. Contei tudo para meus leitores e seguidores, e vou contar para você também. Algumas das apostas que conferi foram: a cor vermelha, que veio com tudo nesta estação, e quando se fala em inverno não falta o bom e velho xadrez também. O veludo molhado foi o queridinho das marcas, além do camuflado. E para não fazer feio no meu look, escolhi composições clássicas, mas sem perder a referência. Fui do look sport ao mais elegante. Uma das minhas apostas foi a pochete, que voltou com tudo.

Desfiles favoritos: Desfile A La Garçone - Com o boxe como referência, a marca apostou no conforto e no street para suas peças. Se você é ousado e gosta de estilos mais sensuais, esta é sua chance.

Confira um pouco das minhas escolhas para o SPFW N43 e um pouco do que rolou nas passarelas.

Lab - A referência do desfile veio dos passeios de ônibus na infância e ícones do samba, passando pelo rico trabalho de bordado. O preto como protesto e o brilho e bordados foram os pontos altos do desfile, encerrando o SPFW N43.

A pochete voltou com força total nesta estação com ótimas variações de uso.

Claro que a peça mais famosa do nosso dia a dia não podia ficar de fora. Inserido em diversas propostas, o tecido vai do casual ao improvável com muito estilo e atitude. Eu escolhi o personalizado.

176 _CULT

Nando Medeiros - Publicitário e Influencer. @fashionando / www.fashionando.com


MAIS_CULT_MODA NATALIA CHAGAS | DESIGNER DE MODA DIVULGAÇÃO

CONFIRA CINCO TENDÊNCIAS

NEW YORK FASHION WEEK 2017

Nada grudado, a moda agora investiu em tecidos trazendo roupas bem largas, chamado de “Oversized everything”. Alguns desfiles como Tory Burch e Michael Kors deixaram bem claro, e essa tendência vem com tudo. As T-shirts não ficaram de fora, a moda se juntou com a política e fizeram maior sucesso nas passarelas. Os designers representaram como um protesto, ao direito de igualdade, vistas nos desfiles, Public School e também Prabal Gurung com direito à querida Bella Hadid.

Outra tendência que não ficou só por aqui em New York foi o veludo, isso mesmo. O veludo é sem dúvida o material do inverno 2017. Marcando presença nas passarelas, Altuzarra e Marchesa deram um show com vários modelos bem descolados. Falando em tecidos, não podemos esquecer as franjas. Elas continuam em alta, vistas também nos desfiles da Michael Kors, Jenny Packham e outros. A combinação de cores que chamou atenção dessa temporada foi o Pink + Red. As cores azul, laranja e amarelo não ficaram de fora, vistas nos desfiles das marcas Oscar de La Renta, Lacoste e Kate Spade New York. A cor Khaki veio com toda forca nas marcas Yeezy e Carolina Herrera.

CULT_ 177


MAIS_CULT_MODA AMANDA ROCHA | BEAUTY ARTIST DIVULGAÇÃO

GLITTER FOI APOSTA NA SEMANA DE MODA DE SÃO PAULO

TENDÊNCIAS DE CABELO 2017

Cortes médios, repicados em camadas, franjas e cabelos iluminados em volta do rosto (Blond Face) e pontas vêm com tudo nesta estação!

Pele com a aparência natural e iluminada! Boca tudo ou nada e, para quem quiser brilhar neste ano, acrescente boas pitadas de glitter! Olhos com delineador, cílios naturais e sombra branca com muito pigmento foram um dos destaques das passarelas do SPFW.

178 _CULT


“AMO O SENTIMENTO DE SATISFAÇÃO QUANDO UMA CLIENTE FICA FELIZ COM MEU TRABALHO”

FAÇA O QUE VOCÊ AMA, O RESTO ACONTECE... Minha paixão pela maquiagem nasceu quando, ainda criança, brincava com os produtos de minha mãe, mas no fundo sabia que não compreendia nada dessa arte. Pensei em fazer tantas coisas da vida: direito, psicologia, veterinária, até pensei em ser delegada, mas no fundo sempre soube o que realmente amava. Porém, essa profissão não era tão conhecida como agora, então por receio, me privei por muito tempo do meu sonho.

Me formei em Estética no Instituto La Garenne, em Bruxelas, na Bélgica, e me interessei ainda mais pelo mundo da maquiagem. Fiz especialização na academia internacional de formação profissional Diopro, também em Bruxelas, e desde então estou sempre me aperfeiçoando. Quando estou em minha sala com minhas clientes, meus alunos e meus pincéis, me sinto como uma criança na Disneyland. Amo o sentimento de satisfação quando uma cliente fica feliz com meu trabalho, amo ainda mais fazer parte de sonhos que estão sendo realizados, é algo que se eu não precisasse faria gratuitamente. Amo essa arte de realçar a beleza das pessoas e também o sentimento de autoestima que a maquiagem desperta em nós.

PRODUCÃO: SOUZA BORGES CABELEIREIROS VÂNIA MARINHO ACESSÓRIOS

Laís Cristina Andrade (Maquiagem e Cursos Profissionais para Iniciantes e Aperfeiçoamento) 34 99639-7209 (WhatsApp) Rua Ramiro Fernandes Oliveira, 145 Bairro Vigilato Perreira (Salão Souza Borges Cabeleireiros) Uberlândia - MG Instagram: lais_makeup laisandradeatelie@gmail.com CULT_ 179


MAIS_CULT_MODA CARINA ALENCAR | CONSULTORA DE IMAGEM E PERSONAL COLOR HUGO MATOS

NOSSA PELE TEM AS MESMAS CARACTERÍSTICAS DA COR

COLORAÇÃO PESSOAL

Já perceberam que algumas pessoas ficam melhores com determinadas cores? Isso ocorre porque cada ser é diferente e possui características diferentes de cor de pele, cabelo e olhos. Em 1920, Johannes Itten, artista da escola de Bahaus, percebeu uma relação entre as cores que seus alunos usavam e a cor da pele, foi ele o primeiro a dividir as cores conforme as estações do ano. Mais tarde, a americana Suzane Caygill criou o método de análise coloração pessoal através do método sazonal e escreveu o livro “Color: The Essence of You” acreditando na relação íntima entre o estilo, cor e personalidade. Atualmente a técnica expandiu e popularizou, sendo reconhecida mundialmente. O teste de coloração pessoal é fundamental para quem busca valorizar a imagem, criando uma harmonia das cores com os olhos, pele e cabelo. Teste de coloração pessoal O que é? É um teste realizado com tecidos de diversas cores, que próximos ao rosto da cliente (que deve estar sem maquiagem), iluminam ou ressaltam olheiras e imperfeições. Qual o efeito? Quando a pessoa usa a cor indicada, ela fica com a aparência mais saudável, todas as marcas de expressão, rugas, olheiras, cicatrizes, manchas e imperfeições amenizam com o uso correto da cor. Qual a relação da cor com a cor da pele? As cores possuem suas próprias características. Um vermelho, por exemplo, pode ser quente em sua matiz e torna-se fria, se adicionar pigmento azul em sua composição, transformando na cor vinho. A nossa pele tem as mesmas características da cor, podendo ser fria ou quente, opaca ou brilhante, clara ou escura. Então quando usamos as cores com as mesmas características da nossa pele criamos uma harmonia e um efeito rejuvenescedor. O uso da cor correta está restrita às roupas? Não, devemos usar as cores corretas em lugares próximos ao rosto, como em acessórios, armações de óculos, lenços, echarpes e chapéus. A cor do cabelo sofre influência com esse teste? Com certeza. Muitas vezes, pessoas mudam a cor do cabelo e ficam pálidas e envelhecidas, isso ocorre provavelmente porque essa cor não é da paleta de coloração pessoal. Quando ela usa a cor correta, sua pele vibra, ilumina o rosto. E isso vale para a maquiagem também? Sim. As cores de batons, bases, blushes e sombras devem ser ideais para causar um bom efeito.

180 _CULT


Efeitos positivos de usar cores que tenham harmonia com a cor de sua pele: - Valoriza a beleza natural - Rejuvenesce a pele - Ilumina o rosto - Realça a cor dos olhos - Disfarça manchas e imperfeições - Aparência saudável

Dica: Faça um teste em casa: sem maquiagem em frente ao espelho, pegue um batom vermelho vivo (cor quente) e um outro roxo ( cor fria), passe um de cada vez e perceba: Qual deles ficou melhor em você? Qual provocou um aspecto mais iluminado? Se o vermelho reagiu melhor ao seu tom de pele, provavelmente a sua pele é quente ou neutra. Se foi o roxo, provavelmente é fria.

Achou interessante, quer saber mais sobre o método de coloração pessoal, envie um email para: carinaalencar@hotmail.com | @carinaalencarr

CULT_ 181


MAIS_CULT_MODA LUANE SILVA | FASHION STYLIST DIVULGAÇÃO

UM ESTILO AUTÊNTICO COM UMA PEGADA DESPOJADA

CUSTOMIZAÇÃO

StreetStyle: Prepare-se para investir em peças jeans que estão guardadas aí no seu armário, a tendência que vem em peso é alegre e irreverente, e o bacana... será fácil de aderir. Uma pegada despojada e autêntica que promete ficar por um bom tempo conosco.

Dicas de customizar: É aqui que a criatividade entra em ação. Calças, shorts, saias, bolsas, jaquetas, vestidos, enfim... é jeans? Então serve!

Destroyd: Vamos destruí-las com um ralo de cozinha, somente esfregar no local que deseja e pronto. Ou então… Faça um corte de 10 cm na vertical. Puxe com a pinça os fios mais claros do tecido no sentido horizontal. Juro, fica um desfiado tipo de nova. {Deuso}

182 _CULT

Pintura: Nada de pintar certinho, a pegada é bem despojada mesmo, vamos jogar tintas e pronto… vai tá lindo. Escolha 3 opções de cores, use 1 de cada vez, pois se usar as 3, as cores podem misturar e virar uma salada. Coloque um quantidade maior de tinta no pincel e jogue, sem contato do pincel com a peça. Deixe secar e depois coloque outra cor da mesma forma.

Patches: Lojas de aviamentos estão recheadas de patches, bordado de linha, alguns de paetês, outros de tinta, etc. Muitos deles são termocolantes, só passar o ferro de passar roupas no lado avesso que vai colar, alguns têm que costurar mesmo. A dica é apenas não fugir muito da ideia e virar uma bagunça, nem ficar colocando os patches retinhos, tem que ser bem divertidos mesmo.

Bolso + Escuro: Arranque os bolsos de trás, quanto mais bolsos estiver na calça melhor, a ideia do jeans escuro em algumas partes da calça chama atenção espontaneamente.


MAIS_CULT_MODA SERIFA COMUNICAÇÃO DIVULGAÇÃO

TENDÊNCIAS EM ARRANJOS DE FESTA PARA 2017

FLORES NUNCA SAEM DE MODA Elas trazem cor e vida ao evento. Ajudam na decoração e podem transformar qualquer espaço em um ambiente acolhedor e ao mesmo tempo sofisticado. Os arranjos florais são peças fundamentais para a decoração de qualquer evento, seja em casamento, formatura ou até mesmo reuniões mais formais, e como no mundo da moda, também seguem tendências. Para 2017, alguns estilos se mantêm e novidades muito interessantes vão aparecer. De acordo com Leandro Borges, supervisor de projetos de decoração no Palácio de Cristal em Uberlândia, o rústico chique continua em alta e deve ter evidência em casamentos e festas luxuosas. “O estilo shabby chic está ainda mais em alta nos eventos intimistas e de grande público. Trata-se da mistura entre a rusticidade do campo, usando elementos como madeira e retrô com a mistura de peças mais modernas. Na parte de arranjos, o uso de flores desidratadas está ainda mais em alta, visto que são lindas como as naturais e são mais duráveis, modernas e trazem uma beleza leve e diferente para a decoração”, explica. O uso de flores mais claras não saiu de moda e é a opção mais usada para eventos românticos como o casamento. Porém, de acordo com o especialista, algumas cores devem aparecer para diferenciar esses tons. “A tendência é trazer um pouco mais de cor em determinados pontos da festa, com uma mistura entre as cores, trazendo pontos mais fortes e coloridos e outros mais românticos. Para 2017, o mix de cores em alta serão em tons de rosa, vinho, azul, marsala e com elementos rústicos em madeira, ocre, barro e concreto”, enfatiza o diretor e decorador do Palácio de Cristal, Rodrigo Magalhães. Já para a escolha do tipo de planta, a estação ainda é determinante. As flores da época são sempre as mais bonitas, robustas e de melhor qualidade. A mistura de flores, cores, tipos e espécies também é um ponto positivo na decoração, pois sai do convencional e traz ainda mais beleza e riqueza de detalhes como um todo. E para ajudar na escolha, Rodrigo Magalhães tranquiliza: “Mesmo com tantas opções, a tendência que sempre estará em alta é o gosto do cliente”. CULT_ 183


CALÇADOS, ROUPAS E ACESSÓRIOS CENTER SHOPPING | GALERIA YAZO | UBERLÂNDIA SHOPPING - UBERLÂNDIA - MG BUENOS AIRES

CANNES

LAS VEGAS

MIAMI

ORLANDO

PUNTA DEL ESTE

550 LOJAS - 18 PAÍSES

RIO DE JANEIRO

SANTIAGO

SÃO PAULO


@carmensteffens CarmenSteffensOnline


186 _CULT


CULT_ 187


GENTE_CULT_EM SOCIEDADE SÔNIA SAMPAIO NINA FOTOGRAFIAS | DIVULGAÇÃO

O ANO FINALMENTE COMEÇOU TRAZENDO OPÇÕES EM SHOWS E EVENTOS CULTURAIS

EVENTOS, PESSOAS & FATOS Uberlândia Shopping completa 5 anos O Uberlândia Shopping acaba de completar cinco anos de atividade em pleno crescimento. No decorrer de seu quinto ano de funcionamento, o shopping continua a fazer investimentos contínuos em melhorias de serviços e ações de marketing, o que vem atraindo cada vez mais grandes marcas para o empreendimento e aumentando a visitação. Para celebrar 5 anos de sucesso, no dia 30 de março, o Uberlândia Shopping presenteou seus clientes, parceiros e colaboradores com o Uberlândia Cultural, trazendo o show gratuito de Marcelo Jeneci. E por falar em Uberlândia Cultural, o projeto que busca promover cultura democrática na cidade e que se sintetiza por trazer grandes nomes da música brasileira, foi contemplado recentemente com o Prêmio Abrasce, na categoria “Prêmio Abrasce Marketing - Eventos e Promoções”. Reciclando O cirurgião plástico Francisco Naves participou, de 17 a 19 de março, do XVIII Simpósio Internacional de Cirurgia Plástica, realizado em São Paulo. Na oportunidade, o especialista acompanhou uma intensa programação científica com importantes nomes da cirurgia plástica do Brasil e exterior para discutir os mais recentes avanços na especialidade. Pesquisa de mercado O setor da construção civil no país se esbarra na carência de estatísticas sobre mercado imobiliário para a projeção de novos negócios. Em Uberlândia não é diferente. Os empresários sentem a necessidade de consolidar dados estatísticos de vendas e de preços, para prever e avaliar quando e quanto investir. Diante dessa realidade, o Sindicato da Indústria da Construção Civil do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba (Sinduscon-Tap), contratou a empresa de consultoria Bureau de Inteligência Corporativa (BRAIN), com sede em Curitiba, com expertise em estudos de mercado imobiliário para realizar uma pesquisa inédita minuciosa. A pesquisa já começou e deve ser concluída até o dia 10 de maio. As pesquisas serão mensais com apresentação e interpretação pela BRAIN trimestralmente.

188 _CULT

Projeto Alegrarte O Grupo Luta Pela Vida lançou o Alegrarte, novo nome dado ao projeto de manutenção do Espaço de Apoio Pedagógico Artístico e Cultural do Grupo Luta Pela Vida. Participaram do lançamento crianças que tratam no local e fazem parte das oficinas, representantes do Guaraná Mineiro e as artistas plásticas Maria Clara Ferraz e Cinthia Guimarães. O projeto fica mais encorpado, já que continua com o apoio do Guaraná Mineiro, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais. Congresso de Oncologia 2017 Com o objetivo de proporcionar um ambiente dinâmico para a apresentação dos mais recentes avanços tecnológicos na área oncológica, o Centro Oncológico do Triângulo - COT já prepara o Simpósio de Oncologia 2017. Esta é a oitava edição do evento, que já é referência na região. Confirmado para o dia 30 de setembro, no Center Convention, em Uberlândia, o simpósio é destinado a médicos de diversas áreas e também para outros profissionais da área de saúde, com a participação de palestrantes que são destaque no Brasil e no mundo, proporcionando um panorama atualizado do tratamento oncológico. Reunião internacional O cirurgião bariátrico Luís Augusto Mattar, da Clínica LEV, esteve em Houston, no Texas, onde participou da reunião anual da Sociedade Americana de Cirurgiões Gastrointestinais e Endoscópicos (SAGES). A SAGES realiza anualmente este encontro que reúne especialistas de todo o mundo para discutir as novidades da área cirúrgica. Neste ano, entre os temas abordados estão a cirurgia bariátrica, plasma de argônio e técnica cirúrgica minimamente invasiva.


CULT_ 189


GENTE_CULT_EM SOCIEDADE SÔNIA SAMPAIO NINA FOTOGRAFIAS | DIVULGAÇÃO

Bem-vinda Quem acabou de se mudar para Uberlândia é Ana Luísa Moura, médica dermatologista, especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia. Ana atende nas áreas de dermatologia geral, cosmiatria, estética e pequenas cirurgias. Seja bem-vinda Ana Luísa!

Para refletir Destinos Muitos uberlandenses têm se encantado com as atrações exóticas da Tailândia, Indonésia e Emirados Árabes e escolhido ltais destino para passar férias. Assim foi também com o cirurgião plástico Anesio Azevedo. Com a linda esposa Anabele Zuim escolheu lugares paradisíacos para dias de merecido descanso. O casal passou por Bali, Ubud, Dubai, Abu Dhabi, entre outros. Miami Enquanto isso, outros preferem as badalações nas terras do Tio Sam. Para os Estados unidos foi o casal Ana Teresa Borges e Gustavo Guimarães. A pausa para o descanso foi com muita badalação em Miami.

que se esbaldam Mulheres. Há aquelas s que preferem na sensualidade, outra ais atividades intelectu sobressaírem-se em as is, ma de am am e ou empresariais, as qu e as que sofrem, as qu que amam de menos, é o fat O o. çã uer situa se regozijam em qualq m na tor O o. nd mu o tam que as mulheres enfei o, iss r Po . ssante, digamos mais belo, mais intere , res lhe mu s, ado a todas nó temos um mês dedic os zem tra m bé r, mas tam que suportamos a do r brisa e furacão ao se os uim eg ns co leveza, deixo aqui a minha o, mesmo tempo. Por iss tamdestas mulheres, sin homenagem. Através vez da ca tar es s possamo se abraçadas. E que ndo mu o r ma for ns tra ra mais empoderadas pa a gente! mo co lo be tão o alg em Congresso de Uro-Oncologia O COT - Centro Oncológico do Triângulo, representado pela coordenadora de assistência, Jussaine Alves, e pelos oncologistas Rodolfo Gadia, Valéria Ribeiro e Márcia Rachel, participaram do VIII Congresso Internacional de Uro-Oncologia, realizado de 23 a 25 de março, em São Paulo. O evento reuniu grandes especialistas da área e contou com a participação de renomados palestrantes internacionais.

190 _CULT

Disney Miami também foi o destino escolhido pela blogueira Aline Pimenta. Ela e o namorado Eduardo curtiram um pouco do luxo que a cidade oferece e depois esticaram as férias em um flashback para a infância. Foram curtir os parques da Disney World. Na Índia Já a sempre simpática Helena Guimarães, mais a filha Ana Cândida e um seleto grupo de amigos, embarcaram para a mística Índia, para contemplar seus encantos naturais, belezas, crenças e mistérios. Movimento O ano finalmente começou trazendo muitas opções de entretenimento, shows e eventos culturais. E os uberlandenses não resistem a viver momentos de alegrias, emoções e reflexões e prestigiam as atrações diversas no campo da arte, teatro e música. Nando Reis, Taís Araújo e Lázaro Ramos, Duda Maia, Jane Duboc, Célia e Juan Alba foram alguns dos nomes que pisaram em palcos uberlandenses neste e no mês passado. E, claro, não podemos deixar de mencionar a quase rara presença nos palcos locais de um dos uberlandenses mais ilustres, o mineirinho Alexandre Pires. Parabéns aos que criam esse imprescindível movimento na cidade. Porão 1 O empresário do ramo de moda, Alcides Junior, recebeu amigos e clientes para lançamento de coleções outono/inverno da sua loja Porão 1. Juninho, como é carinhosamente conhecido em nossa sociedade, trouxe para a cidade a marca paulistana Carol Bassi, grife disputada entre as paulistanas endinheiradas. SPFW Não posso também deixar de dividir aqui com vocês o prazer e a delícia que foi estar mais uma vez no São Paulo Fashion Week, mês passado. Dessa vez fui a convite da querida Patricia Bonaldi, que me encheu


CULT_ 191 VAN_ACESSORIOS


GENTE_CULT_EM SOCIEDADE SÔNIA SAMPAIO NINA FOTOGRAFIAS | DIVULGAÇÃO

os olhos de encantamento com as peças que mostrou na passarela. A mesma alegria se estendeu para o requintado e descontraído momento da After Party, onde foi anfitriã de gente bonita e descolada de São Paulo e de outros cantos do País. Dia do sonho No segmento Noivas, o destaque vai para a visão empreendedora do casal Eduardo e Maísa Pires, que inaugurou na cidade o Shopping da Noiva. O local atende com excelência as necessidades de todas as noivas nos preparativos para o dia D, que agora tem a comodidade de encontrar tudo em um só lugar. Parabéns pela iniciativa e sucesso no empreendimento.

A blogueira Helena Bordon, que assinou coleção com a estilista Patricia Bonaldi no SPFW.

O blogueiro Dudu Gontijo durante o SPFW.

Estilo Também na linha de lançamentos, as empresárias Zulma Rezende e a filha Eugênia, que se dividem entre as lojas de Araxá e Uberlândia, receberam clientes para lançamento da próxima estação. Além das marcas já conhecidas pelo público, elas agora comercializam a nova grife assinada por Raphael Shoyoun, antigo dono e estilista da marca Bobstore. Brilho Já na área de joias, o destaque desse mês foi o lançamento da joalheira Laura Hueb, que juntamente com a empresária de moda Amanda Sabagh, surpreenderam o mulherio com as novidades em sempre super criativos e encantadores designs para metais e pedras preciosas. Parabéns a ambas! Glamour Requinte, carisma e criatividade nunca são demais em se tratando de Patricia Bonaldi. Me senti honrada pelo convite ao desfile dela no São Paulo Fashion Week. O desfile em parceria com Helena Bordon foi um sucesso. Elas apresentaram a coleção Capsula, de uma inventividade ímpar. Tem os traços elegantes de PatBo, mas com uma pegada mais informal. A dupla apresentou conjuntos nada básicos de moletons, todos com cores fortes e com muitos bordados, para não perder a essência de suas elegantes peças. Depois do desfile, Patricia mostrou que sabe ser elegante também como anfitriã. Reuniu um grande grupo de convidados para coquetel super charmoso e muitíssimo bem frequentado. A blogueira Thássia Naves foi uma das que passaram por lá. Deu uma pausa na sua concorrida agenda para prestigiar a amiga e conterrânea. Por lá também estiveram as gêmeas do nado sincronizado, a blogueira Júlia Faria, o fotógrafo Eusébio, a blogueira Rafa Kalimann Mendonca, Luís Fernando Medeiros, Thaina Medeiros e, claro, a linda Helena Bordon, que distribuiu beijos e simpatia a todos que a procuravam. Uma noite agradabilíssima, com o requinte, a sofisticação e a alegria contagiante dessa uberlandense cheia de talento, chamada Patricia Bonaldi. Pimenta Refresco Oportunismo e puxa-saquismo explícito é uma coisa muito feia. Mas, lamentavelmente, também muito comum. Empresários de sucesso e profissionais de destaque têm de conviver com isso, às vezes, sem perceber a relação de

192 _CULT

A blogueira Aline Pimenta durante férias em Miami.

O cirurgião plástico Anesio Azevedo e a esposa Anabelle Zuim de férias em Bali.

A digital influencer Maria Rosa Guerra. conveniência e, em outras, com ela bastante evidente. É uma situação muito desconfortável. Basta ter um pouquinho de projeção e lá vem aquela legião de puxa-sacos concordar com todas as afirmações, em caso de encontros presenciais e curtir cada foto e comentários, em casos de postagens na internet. Mais uma vez, eu digo: quem tem competência, se estabelece. Não adianta colar em personalidades marcantes da sociedade ou celebridades instantâneas que pipocam por aí. Se não for competente, mais cedo ou mais tarde, a sua casa cai. Glamour é para alguns e pode ser efêmero. Sucesso é para os que merecem. Que tal investir em sua própria personalidade, mesmo que tenha de nascer de novo? Amadurecer está ao alcance de todos! Pensem nisso!


GENTE_CULT PUBLI EDITORIAL DIVULGAÇÃO

SANTA CEIA E BUFFET ATELIÊ DO SABOR! JUNTOS REALIZANDO SUA FESTA, SEU SONHO !!

A Santa Ceia decorando sua festa e tornando o seu sonho em realidade. Loja 01 34 3224-0015 / 3215-8772 Santa Ceia Locação para Eventos Ltda Rua Jamil Tannús, 359 - Lídice - Uberlândia - MG

Loja 02 34 3236-4200 Santa Ceia Decoração de Eventos Av. Uirapuru, 895 - Cidade Jardim - Uberlândia - MG

CULT_ 193


GENTE_CULT_GOURMET ÉRIKA MESQUITA | NUTRICIONISTA E ESPECIALISTA EM VINHOS DIVULGAÇÃO

BRASIL TEM PRODUZIDO MOSCATÉIS MUITO BONS E PREMIADOS INTERNACIONALMENTE

VINHOS E SOBREMESAS

Uma refeição completa tem que ter sobremesa. Uma harmonização completa também deve ter vinhos da entrada à sobremesa. Então, vou falar hoje sobre os três vinhos mais comuns para esses pratos. Talvez o mais lembrado vinho para acompanhar sobremesas seja o ‘Vinho do Porto’, um vinho produzido exclusivamente em Portugal, na mais antiga delimitação de origem reconhecida no mundo. Este é um vinho fortificado, porque é obtido com a adição de aguardente vínica. Basicamente acontece assim: as uvas escolhidas para elaboração do vinho iniciam a fermentação que é interrompida quando é acrescentada a aguardente. O vinho resultante tem grande quantidade de açúcar (natural das uvas) e teor alcoólico que gira em torno dos 19%. Com essas características harmoniza-se bem com sobremesas bem doces, tortas, chocolate, mas pode não cair bem com aquelas que levam frutas tropicais, como manga e abacaxi. Outro vinho também lembrado é o ‘Colheita Tardia’ ou ‘Late Harvest’, um vinho branco obtido com uvas super maduras, que têm alto teor de açúcar e quando vinificadas resultarão em vinhos adocicados, mas com teor alcoólico não muito alto como nos vinhos do Porto. Esses vinhos podem ser um pouco enjoativos se a acidez não for boa, mas uvas de grande qualidade em clima mais frio, por exemplo, dão vinhos muito prazerosos, ideais para vários tipos de sobremesa, até mesmo as que levam frutas com algum tipo de calda ou creme. Não caem bem com chocolate.

Também é bom para acompanhar sobremesas o “Espumante Moscatel”, que na Itália é chamado de “Asti”, em razão de uma cidade famosa por esses vinhos. São vinhos adocicados, refrescantes, com muitos aromas florais. Acompanham frutas e sobremesas não muito doces. São feitos com uma única fermentação das uvas em tanques de inox e para nosso orgulho o Brasil tem produzido moscatéis muito bons e premiados internacionalmente. São diferentes dos Asti italianos, que são mais doces e um pouco enjoativos. Como estamos próximos da Páscoa, escolha um chocolate de boa qualidade ou uma sobremesa de chocolate e faça a sua harmonização. Um brinde as coisas doces da vida!!! Érika Mesquita é nutricionista, especialista em vinhos pela Wine & Spirit e sommelier internacional pela FISAR.

194 _CULT


GENTE_CULT_GOURMET MARCEL GUSSONI DIVULGAÇÃO

PERFEITO PRA TOMAR COM UMA BELA XÍCARA DE CAFÉ

GATEAU THERESE Acabei de ler o livro “A doce vida em Paris”, do David Lebovitz. Recomendo muito aos que gostam da combinação que o nome do livro sugere: David é um americano Chef Patissier que vive em Paris desde 2004 e conta de forma bem humorada e levemente ácida suas experiências na cidade. E no meio dessas histórias apresenta este bolo que ele chama de “Gateau Therese”. O que me fez testá-la rapidinho foi a quantidade de chocolate amargo (muitão) versus a quantidade de farinha (pouquinho), aí já imaginei um bolo denso e cheio de sabor. Perfeito pra tomar com uma bela xícara de café. Foi exatamente o que saiu do forno e não vejo a hora de fazer outro. Ah, as nozes caramelizadas são por minha conta, quis dar um upgrade pra levar no níver da minha avó, que por uma tremenda coincidência, também se chama Teresa. Não preciso falar que a qualidade do chocolate aqui faz toda diferença, então capriche na escolha e não faça muita economia, você vai ser recompensado por isso. Homenagem à vizinha homônima com quem aprendeu a receita.

Usando uma batedeira ou um fouet, misture a clara e o sal e bata até começar a formar picos moles. Aos poucos, misture o restante do açúcar até que as claras estejam homogêneas, em ponto de neve. Use uma espátula para incorporar 1/3 das claras na mistura de chocolate e manteiga para que fique mais leve, em seguida acrescente o restante e mexa suavemente até que a mistura esteja lisa e homogênea. Coloque a massa na forma untada, nivele a superfície e asse por 35 minutos, apenas até que o bolo esteja firme no centro. Cuidado pra não assar demais e perder a umidade tão importante para a textura desse bolo. Deixe esfriar e desenforme. Nozes caramelizadas: coloque todos os ingredientes em fogo médio, assim que começar a ferver misture até a calda ficar em ponto de fio fino, sem engrossar tanto. Espalhe sobre o bolo imediatamente.

Ingredientes: - 250g de chocolate amargo ou meio amargo (usei um com 70% de cacau) - 8 colheres (sopa) de manteiga sem sal - 1/3 de xícara de açúcar - 4 ovos grandes, em temperatura ambiente, separe as claras das gemas - 2 colheres de farinha de trigo - 1 pitada de sal Cobertura de nozes caramelizadas (opcional) - 1 xícara (chá) de nozes - 1/2 xícara (chá) de água - 1/2 xícara (chá) de açúcar - 1 colher (chá) de chocolate em pó - 1 colher (chá) de canela Preparo: Preaqueça o forno a 180º. Unte uma forma retangular. Usei uma tipo a de pão de forma de mais ou menos 25 cm de comprimento. Aqueça o chocolate e a manteiga em banho maria ou no microondas, misturando de vez em quando até ficar homogêneo. Retire do fogo ou microondas e misture a metade do açúcar, as gemas e a farinha. Reserve. CULT_ 195


GENTE_CULT_ETIQUETA BRUNA BARCELOS | CONSULTORA COMPORTAMENTAL MAURO MARQUES | SXC

NUNCA DEIXE O CELULAR EM CIMA DA MESA DE REFEIÇÕES

ETIQUETA NOS NEGÓCIOS

as pessoas estão Vivemos um momento em que muitas vezes cada vez mais individualistas e é compartilhar que do ão perdem um pouco a noç dos negócios do mun No um. com um ambiente em que ainda vale isso não é diferente, mas acredito a mais quando aind a pena tentar ser mais polido, o assunto é profissional. enar: Algumas dicas para você se ant

lar. Isso mesmo. O grande vilão do momento: celu ia. O correto ânc eleg des de Ele é o vilão na lista deixá-lo no quando está em um negócio é r se a reunião for silencioso ou até mesmo desliga empresa. Nada sua para primordial para você ou lmente em cipa prin s”, olho nos s substitui “o olho negociações. . Aconteceu Compromisso: marcou? Cumpriu cer? Ligue ou pare com erá pod imprevisto e não ando. É o mínimo. envie uma mensagem se desculp

196 _CULT

Afinal, a outra pessoa cancelou outros compromissos para estar com você naquele horário. O horário também é importante: seja pontual e ponto! Escute mais: nada de chamar atenção para você mesmo. Evite falar demais e foque no assunto. Não há nada mais desagradável que os assuntos não respeitarem a pauta previamente estipulada. Almoço, jantares ou coquetéis: nunca deixe o celular em cima da mesa de refeições. De preferência coloque-o no silencioso ou vibra call. Evite conversas pessoais e foque no tema do evento. Todas as regras de etiqueta à mesa são válidas nesse ambiente. A todo momento você está sendo observado. Então vamos fazer de tudo para que essa imagem seja positiva e com isso você possa realizar bons negócios! Bruna Barcelos é consultora comportamental. Saiba mais: www.brunabarcelos.com.br


GOURMET_CULT PUBLI EDITORIAL BETO OLIVEIRA

O GRANDE ESPETÁCULO CRIATIVO DA COZINHA DE RAIZ NO BRASIL

COMIDA DI BUTECO EM ABRIL, É DE LEI! De 14 de abril a 7 de maio, o calendário nacional de eventos terá o buteco como protagonista no grande espetáculo criativo da cozinha de raiz no Brasil. Vai começar o Concurso Comida di Buteco que pretende levar quase 5 milhões de apaixonados por butecos às urnas dos mais de 500 concorrentes, em 20 cidades, para eleger o MELHOR BUTECO DO BRASIL.

Bar da Antônia: Tri Gostoso! O concurso Comida di Buteco foi criado em 2000 com a finalidade de resgatar e valorizar a culinária de raiz e os butecos espontâneos/tradicionais. Com a missão de transformar vidas através da cozinha de raiz, o concurso completa, em 2017, 18 edições e se consolida como uma das mais importantes plataformas de fomento, valorização e exposição do buteco e da cozinha brasileira, importante ícone de qualquer cultura nacional. Durante o concurso, mais de 500 butecos,

que criaram petiscos exclusivos, passarão pelo crivo

Bar das Américas: Almôndega das Américas

198 _CULT

do público e de um corpo de jurados, que vai eleger o melhor buteco da cidade. Cada concorrente será avaliado em quatro categorias (petisco, atendimento, higiene e temperatura da bebida). O petisco leva 70% do peso da nota e as demais categorias 10% cada uma. O voto do público vale 50% do peso total e dos jurados 50%. Em junho, uma comissão de

Bar do Betão: Costela do Betão à moda Ru-Cla jurados escolhida, especificamente, para essa missão, vai visitar os 20 campeões de cada cidade para eleger o melhor dos melhores. É como se agora o Comida di Buteco tivesse duas etapas: eleição do melhor da cidade, envolvendo público e jurados. E a eleição do melhor do país, validada por outra comissão de jurados que não participou da primeira etapa. O vencedor leva a cidade e o buteco ao pódium da cozinha de raiz do Brasil.

Bar do Carlinho: Spuletta


Point do Mercado: Parmegiana à Palito do Mercado

Gil Bar: Delícia da Rosélia

Mussa Petisqueira: Dupla Dinâmica

Bar do Dudu: Canelinha de Frango

Bar do Sô Creysson: Porpeta do Sô Creysson

Butekão: Frango à Brasileira

Curcinos: Tareco da Taboca ou do João

Baroa Rotisseria: Filé Suíno do Grau

Spettos: Bolinho dos Deuses à Doritos

CULT_ 199


200 _CULT


CULT_ 201


Engenharia com Poesia

รณ p t i c a

202 _CULT


CULT_ 203


MUNDO_CULT_GOURMET DANI ZUIN | MEDICINA NUTRICIONAL DIVULGAÇÃO

“TUDO MUDOU QUANDO EU CONHECI O TOFU DEFUMADO EM UM CURSO DE GASTRONOMIA”

FEIJOADA VEGETARIANA

Sempre torci o nariz para feijoadas vegetarianas, cheias de proteínas de soja, que mais parecem esponjas boiando no feijão e que não lembram uma feijoada, nem em sabor, nem em aparência. Mas tudo mudou quando eu conheci o tofu defumado em um curso de gastronomia. É um ingrediente incrível e, para quem gosta de comparar, acredito que faça às vezes do bacon nas receitas. Fui trocando ideias com algumas pessoas, incluindo e tirando ingredientes e acabei chegando nesta versão que tem feito sucesso. Além de tudo riquíssima em nutrientes. Você encontrará esses produtos em casas de produtos naturais ou em lojas que vendem produtos orientais. No mesmo lugar também tem todos os outros ingredientes japoneses que irão nesta receita, como o konnyaku (leia “conhaco”) e o cogumelo shiitake. É, eu sei, feijoada com ingredientes japoneses soa estranho, mas o resultado é bem próximo do original, tem não vegetarianos que dizem que fica até melhor. Konnyaku é uma espécie de batata originária do leste asiático, vendida em forma de gelatina. Ao ser cozida e triturada, adiciona-se soda ou cal à batata, fazendo com que o amido se gelatinize. O konnyaku é amigo das dietas de emagrecimento, quase sem calorias e carboidrato (e sem nutrientes), também encontrado em forma de macarrão. Aqui nós vamos usá-lo porque

204 _CULT

queremos essa textura mole, mas consistente, que lembra diversos ingredientes da feijoada original. Eu acho o molhinho de pimenta um dos mais importantes acompanhamentos da feijoada, então também coloquei a receita dele no final. Ingredientes: Para a feijoada - 500g de feijão preto - 1 pacote de konnyaku - 1 bandejinha de cogumelos shiitake picado em quartos (ou mais, se forem muito grandes). - 1/3 de tofu defumado sabor pimenta calabresa - 4 folhas de louro - 1 cebola grande picada em cubinhos mínimos (brunoise) - 3 dentes de alho picadinhos - azeite Para o molho de pimenta: - 2 tomates picados em cubinhos pequenos - 1 cebola média picada em cubinhos - 3 colheres de sopa de vinagre de vinho branco - 10 colheres de sopa de azeite - ½ limão Taiti - caldo da feijoada Dani Zuin - Medicina Nutricional. @danizuinnutri


CULT_ 205


Uma equipe dedicada e atenta, que trabalha na criação de cardápios variados, eternizando sua marca através do sabor. Não importa a ocasião: para comemorar momentos especiais com muito estilo e bom gosto, conte com Villa Rica Buffet.

UMA EQUIPE DEDICADA E ATENTA, QUE TRABALHA NA CRIAÇÃO DE CARDÁPIOS VARIADOS, ETERNIZANDO SUA MARCA ATRAVÉS DO SABOR. NÃO IMPORTA A OCASIÃO: PARA COMEMORAR MOMENTOS ESPECIAIS COM MUITO ESTILO E BOM GOSTO, CONTE COM VILLA RICA BUFFET.

206 _CULT


www.BUFFETVILLARICA.com.br 34 99242-8942 (TIM) 34 98808-8964 (OI) 34 3241-8949 VillaRicaBuffetAraguari

villaricabuffet

CULT_ 207


TÁ NA MIRA JADIR JR. | JORNALISTA E APRESENTADOR DE TV DIVULGAÇÃO

TUDO QUE ROLA NO MUNDO DOS FAMOSOS E CELEBRIDADES

TÁ NA MIRA Ei, pessoal, segunda edição da nossa coluna “Tá Na Mira!” aqui na Revista Cult! Quero antes agradecer o carinho de todos com a nossa primeira coluna, a todo mundo que publicou, repostou os conteúdos e aprovou as notícias!! Vamos que vamos! GRAVIDEZ

segunda semana do mês de março, ao pequeno Miguel Júnior. A gravidez da apresentadora foi marcada por uma série de polêmicas, sem engordar muito e mantendo a rotina de exercícios físicos, alguns “haters” chegaram a afirmar que a gestação seria falsa e mais uma forma de conseguir

se manter na fama. (Na foto de corpo todo, Letícia está de nove meses!!). Ridículo isso, né?! Quem curte cada instante da gravidez é a modelo e apresentadora Andressa Suíta. Ela espera o primeiro filho, fruto do relacionamento com o cantor sertanejo Gusttavo Lima. Neste mês, ambos revelaram nas redes sociais o nome do herdeiro, Gabriel! Pensa que fofura!!! Andressa está no quinto mês da gestação!

GRAVIDEZ 2 Quem também movimentou as redes sociais, desta vez com sua segunda gestação, foi a exBBB e apresentadora de TV, Letícia Santiago. Casada com o deputado federal e professor universitário Miguel Correa, Lê deu a luz na

208 _CULT

SARADÃO Adepto aos exercícios físicos diários, da boa alimentação e praticante do Cross Fit, o sertanejo Lucas Lucco colhe bem os frutos da rotina intensa de malhação. O cantor, que se divide entre palcos e câmeras por conta das gravações da novela ‘Sol Nascente’, não abre mão de publicar em sua conta


no Instagram detalhes do seu treino, e é de dar inveja, viu?! NOVO TRABALHO Falando em Lucas Lucco, ele divulgou neste mês nas plataformas digitais, um EP com cinco novas músicas que farão parte do novo repertório do cantor, entre os sucessos que já estão na boca do povo, “Tô Fazendo Amor”, “Mariana” e “O Cacto e o Balão”. Todo o material foi gravado na mansão do cantor em Goiânia. Lucas e sua equipe preparam um novo DVD, a data e o local da gravação ainda não foram divulgados para a imprensa. NANDO REIS Foi um sucesso o show do cantor Nando Reis em Uberlândia. Esbanjando simpatia, o cantor escolheu nossa terrinha para estrear a turnê ‘Jardim Pomar’. No repertório, músicas novas e sucessos de Nando, que é impossível dizer serem “antigos”.

VISITA Quem aterrissa em solos mineiros no próximo mês é o médico Drauzio Varella. No dia 7, ele ministra a palestra “Medicina e saúde do dia a dia dos brasileiros”, no Center Convention. A palestra faz parte do evento “MED360” que tem como objetivo celebrar o Dia Mundial da Saúde, Dia Mundial de Combate ao Câncer e Dia Mundial da Atividade Física e que propõe aproximar a medicina moderna do dia a dia das pessoas através das palestras e debates que serão promovidos. As inscrições são limitadas e devem ser feitas pelo site: www.medicina360.com.br

TÁ NA MIRA: AGENDA!

07/05 - ‘Deu Praia’ - Thiaguinho, Sempre Bom e DJ Larissa Lahw. 20/08 - Baile da Santinha com Léo Santana.

CULT_ 209


FOTO LEGENDA _CULT CÉLIO CARDOSO MAURO MARQUES | DIVULGAÇÃO

ACONTECIMENTOS E ATUALIDADES

FOTO LEGENDA CENTER SHOPPING 25 ANOS

O ‘mineirinho’ Alexandre Pires fez, no dia 9 de abril, uma apresentação histórica em celebração aos 25 anos do Center Shopping. Mais de 3 mil pessoas estiveram presentes ao show “DNA Musical” referente ao seu novo trabalho recentemente gravado em CD e DVD. Em total sintonia com o público, Alexandre Pires marcou uma noite de gala realmente inesquecível no Center Convention de Uberlândia. (foto Dia D Filmes)

Nova Unidade D’arc A jornalista Tania Malamud e Cida (D’arc Cabeleireiros) na inauguração da nova unidade da Rede D’arc no Map Green. (foto Divulgação)

210 _CULT

Making of capa Dr. Alysson Marcondes Modelo Ghabriella Oliveira Fotógrafo Mauro Marques Look PatBo Produção de moda & styling Carina Alencar Hair Make Up Bouclé Salon


© DIGITAL STARS 2017. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Nunca uma embalagem de C hicle de Bola teve tanta audiência.

A LINHA BUZZY É DIFERENTE DE TUDO O QUE VOCÊ JÁ VIU. São produtos que literalmente conversam com o público, contam histórias, convidam para um game e entregam o que seu consumidor mais deseja: experiências interativas. Em parceria com a Massfar e sete dos principais Youtubers brasileiros, a RICLAN transformou a embalagem de seus produtos em um poderoso espaço de mídia. Quer conversar com seu público de um jeito realmente novo?

Fale agora mesmo com a Massfar.

16 3102-7822 /MassfarRealidadeAumentada

massfar.com

CULT_ 211


FOTO LEGENDA_CULT CÉLIO CARDOSO MAURO MARQUES | DIVULGAÇÃO

FEIJOADA DOS JORNALISTAS

Em destaque, Idiana Castro, Fredson Dourado, Thiara Reatto, Laudiana Mendes, Linda Melo, Danilo Lopes e José Roberto Monteiro durante a Feijoada dos Jornalistas promovida pelo Uberlândia Shopping, no dia 7 de abril, com assessoria da Serifa Comunicação. (foto Divulgação)

MICROPIGMENTAÇÃO

As empresárias Vanessa Lima e Marcielen Cristine, da “Sempre Linda Estética”, espaço estético especializado em micropigmentação, inaugurado em nossa cidade. (foto Luiz Crosara)

TEATRO

A jornalista Miriam Rezende Gonçalves e o fotógrafo João Naves com Lázaro Ramos e Taís Araújo no camarim do espetáculo ‘O Topo da Montanha’. O casal esteve em cartaz em Uberlândia e foi considerado “imbatível e mais poderoso do showbiz”, segundo a revista Veja. (foto Divulgação)

CARMEN DAY GALERIA YAZO

No dia 5 de abril, clientes vip’s da loja Carmen Steffens Galeria Yazo, de Uberlândia, visitaram a sede da grife localizada em Franca-SP, onde conheceram o processo de fabricação das bolsas e sapatos, desde o tratamento do couro até a exposição das novas coleções. Durante a visita, foram recepcionadas em diferentes departamentos da empresa, desfrutaram de um almoço especial, conversaram com o diretor-presidente da marca, Mario Spaniol, e ainda confraternizaram-se em um coquetel. (fotos Mauro Marques)

212 _CULT


SOBREMESAS IRRESISTÍVEIS!

Faça sua encomenda! Aberta todos os dias dentro da Água Doce Cachaçaria. 34 3223-3096 Av. Francisco Galassi, 1140 Bairro Morada da Colina Uberlândia - MG CULT_ 213


FOTO LEGENDA_CULT CÉLIO CARDOSO BETO OLIVEIRA | DIVULGAÇÃO

PREMIAÇÃO

Pelo sexto ano consecutivo, a UNA foi eleita o melhor centro universitário privado de Minas Gerais, conforme avaliação do IGC (Índice Geral de Cursos) divulgada pelo Ministério da Educação (INEP/MEC). O anúncio aconteceu durante a entrega do Prêmio Dr. Ozires Silva que homenageou seis grandes empreendedores de nossa cidade: Alair Martins (Grupo Martins), Dilson Pereira (Grupo Arcom), Luiz Alberto Garcia (Grupo Algar), Roberto Botelho (Uberlândia Medical Center - UMC), Eduardo Galassi Cunha (Eurolatino Empreendimentos) e Fabiana Milazzo (estilista e empresária de moda). Confira nas fotos de Beto Oliveira.

OSAKA TOYOTA

No dia 12 de abril foi inaugurada a Osaka Uberlândia - nova concessionária Toyota e décima concessionária do Grupo Águia Branca em Minas Gerais. Diretores e convidados se confraternizaram numa noite agradável, onde todos conheceram o novo espaço. O evento teve a presença do cantor Leo Chaves (dupla Victor & Leo) que será capa da nossa edição de aniversário alusiva aos 12 anos da revista Cult. A instalação da nova concessionária visa ampliar a capacidade de atendimento na região, agilizar a prestação dos serviços, além de oferecer maior qualidade e conveniência. Visite a concessionária Osaka Uberlândia na Av. João Pinheiro, 3783. (fotos Beto Oliveira)

214 _CULT


BLOGS E VLOG

O G1 está recheado de novidades. Agora, as regiões do Triângulo Mineiro e Zona da Mata contam com quatro blogs e um vlog. Os assuntos abordados vão desde o mundo digital, qualidade de vida até a paixão pelos animais de estimação. Amigo Pet Descrição: Amigo Pet traz notícias sobre o mundo animal relacionadas a saúde, comportamento, bem-estar, mercado pet, denúncias e histórias emocionantes sobre os bichinhos. Responsável: Valeriana Medrado, jornalista e apaixonada por animais de estimação. Papo Geraes Descrição: Papo Geraes é uma conversa descontraída sobre hábitos, comportamentos, histórias e outros assuntos. De gente simples, apaixonada por Uberlândia. Apaixonada pela vida. Responsável: Celso Machado nasceu onde vive e a quem dedica o amor de filho agradecido, a cidade de Uberlândia. Sua trajetória é ligada à Comunicação desde 1968.

HOTELARIA E GASTRONOMIA

Uberlândia sediará, no dia 26 de maio, o Encontro Hotelaria e Gastronomia Mineira - Edição Triângulo Mineiro. Nesta 15ª edição, o evento será realizado no Center Convention e consiste numa excelente oportunidade para fornecedores de produtos, equipamentos, insumos e serviços para hotelaria. Informações no www.encontrohotel.com.br ou 31 3261-1967.

Startup Digital Descrição: Startup Digital decifra e debate inovação, tecnologia, empreendedorismo e o mercado de startups de Uberlândia e região. Responsável: Gabriel Ferreira, empreendedor e consultor de negócios. Conexão P Descrição: Conexão P traz uma interatividade bacana com os internautas que participam ativamente dos assuntos propostos e esclarecidos por especialistas. Assuntos variados desde comportamento, moda à saúde, educação e lazer e vários outros. É mesmo uma conexão com este vasto mundo da informação que tem de tudo um pouco, trazendo sempre conteúdos relevantes e atualizados dentro da net. Responsável: Patrícia Caetano, jornalista e apresentadora de TV. Casal Fit Descrição: Os mineiros de Juiz de Fora, Maria Eduarda Ventura (Duda) e Pedro Prata iniciaram, em 2015, uma trajetória em busca de uma vida saudável e de cuidados com o corpo. A Duda sempre foi uma cozinheira de “mão cheia” e o Pedro sempre gostou de musculação. Responsável: Maria Eduarda Soares Ventura e Pedro Prata.

UNICRED

A Unicred reuniu a imprensa para celebrar o Dia do Jornalista, comemorado em 7 de abril. Cerca de 30 profissionais de jornais impressos, revistas, rádios e canais de televisão prestigiaram o charmoso queijos e vinhos realizado na sede da empresa em Uberlândia. (foto Kaká Fotografias)

CULT_ 215


GENTE_CULT_EVENTOS NÚBIA CARVALHO | SOCIÓLOGA, BACHAREL EM DIREITO E JORNALISTA KAKÁ FOTOGRAFIAS

O PRÓXIMO EVENTO ESTÁ MARCADO PARA O MÊS DE MAIO

MOMENTO MULHER

No dia 9 de março, a Reaprender Pensamentos e Ações, a revista Cult e o Hotel San Diego realizaram o evento Momento Mulher, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, data universal celebrada anualmente no mês de março. O evento, idealizado pela socióloga, bacharel em Direito e jornalista Núbia Carvalho, ofereceu aos visitantes um Momento de Negócios e Network com empreendedores locais, transações e negócios entre clientes e empresas. O ponto alto da noite foi a palestra da jornalista Mônica Cunha, apresentadora do programa Manhã Total, da TV Paranaíba / Record TV. Mônica também é escritora e apresentou o tema “Dos Livros Para Você”, uma coletânea de excelentes referências bibliográficas, para um público de mais de 200 pessoas.

218 _CULT


erlândia neficiou a AACD Ub O Momento Mulher be iência. fic De m à Criança co - Associação de Apoio íveis e rec pe o nã tos en s de alim Foram feitas doaçõe ntes ipa rtic arrecadados dos pa valores em dinheiro doras oia ap s sa pre evento. As em como entrada para o al Tot , op Sh dy Bo e Th ugeot, foram: FGV, Saga Pe ak, Facury Fotografias, Ay Documentos, Adriana lt, Cu ra ito Ed , lina cau, Duda Chocolates Brasil Ca a, Graphix, aíb ran Pa TV e FM le, Evidence Cabelo e Pe tografias, g, ISO Olhos, Kaká Fo Icarus Travel Consultin us, Ouvi, Ha en Op s, ow ed Key, Ne Lela Acessórios, Mary olaser, aç Sp Cristal, Petit Comité, Outback, Palácio de os em ec rad ag mo, a quem Super Geeks e ViaPro ximo ança e parceria. O pró nfi co la pe nte me imensa is Ma io. ma para o mês de evento está marcado ista Cult. a do Facebook da rev gin pá na s informaçõe ! Esperamos por você

CULT_ 219


Ser Cult é estar ligado no que o mercado espera em inovações, conhecimento e criatividade. Ser cult é ter a cultura em cada projeto que assinamos. Ser cult é a forma mais segura para inovar sem limites.

Ser cult é ser...

220 _CULT


Penso,logo escolho a melhor agencia de ideias para eventos do Brasil.

Agende uma visita e descubra um mundo de inovações e criatividade esperando você! Executivos de vendas em todo o Brasil Site www.castellionline.com.br Instagram: @castellieventos facebook:@castellieventososcial (62) 3258-1252 Goiânia/GO

(34) 3301-8787 Uberlândia/MG

Itajubá/MG

CULT_ 221 Castelli Friends & Food (34) 3255-4488


GENTE_CULT_LANÇAMENTO REDAÇÃO MAURO MARQUES

TECNOLOGIA E NETWORK MARCAM COQUETEL CULT NA SUPER GEEKS

LANÇAMENTO CULT EM EVENTO INTERATIVO Uma noite super animada e interativa. Assim foi o lançamento da edição 130 da revista Cult em coquetel realizado, dia 23 de fevereiro, na SuperGeeks, a primeira e maior escola de programação e robótica para kids e teens do Brasil agora em Uberlândia.

222 _CULT


CULT_ 223


GENTE_CULT_LANÇAMENTO

O evento teve a presença de mais de 300 pessoas entre convidados, colaboradores e anunciantes que foram unânimes em enaltecer o conteúdo e as novidades interativas da edição, fazendo da Cult a primeira publicação regional com Realidade Aumentada, que viabiliza a publicação de conteúdos e anúncios interativos em outra dimensão, integrando mídia impressa e digital. Destaque e nossos agradecimentos aos patrocinadores do evento: Villa Rica Buffet, Atrium Locações, Dj Massilon, Itaipava e Super Geeks. Em caráter solidário, durante o coquetel foram arrecadados alimentos não perecíveis doados para o Núcleo de Apoio Jesus de Nazaré, instituição que atende idosos e deficientes mentais. Saiba mais no portal netcult.com.br.

224 _CULT


CULT_ 225


GENTE_CULT_LANÇAMENTO REDAÇÃO MAURO MARQUES

A estrela da noite foi o cartunista Maurício Ricardo, capa da edição e personagem da matéria especial, que recebeu a todos com muita simpatia e carisma, sendo bastante solicitado para fotos e selfies, inclusive a dele já disponível em Realidade Aumentada. Houve também ações interativas promovidas por anunciantes da edição. A revista trouxe ainda novos colunistas e colaboradores, dentro do conceito inovador que marca sua trajetória nestes 12 anos no mercado de comunicação, principalmente neste momento em que inicia um novo ciclo em suas atividades, com novas ações e projetos que serão implantados neste ano. “Tudo isso para oferecer a você uma revista completa em todos os segmentos, que privilegia o prazer da leitura inteligente e a melhor mídia impressa e digital para os nossos anunciantes. Que possamos continuar superando as suas expectativas, sempre compartilhando para crescer”, observa o diretor Célio Cardoso.

226 _CULT


CULT_ 227


228 _CULT


CULT_ 229


Também conhecida como mamoplastia de aumento, a cirurgia de prótese mamária utiliza implantes de silicone para dar volume aos seios. É um procedimento individualizado e você deve fazê-lo para si mesma, não para satisfazer a vontade de alguém ou para se adaptar a qualquer tipo de imagem ideal. O sucesso e a segurança do procedimento dependem muito de sua sinceridade durante a consulta. Seja participativa, procure esclarecer dúvidas. Você será questionada sobre sua saúde, desejos e estilo de vida.

230

Dr. Alysson Marcondes Cordeiro Cirurgião Plástico _CULT CRM-MG 44231 - CRM-SP 127888 Ghabriella Oliveira - Foto Mauro Marques

CULT 131: Fabiana Milazzo  
CULT 131: Fabiana Milazzo  

Entregamos a você essa nova edição da revista Cult dedicada às mulheres empreendedoras e que fazem sucesso nos mais diversos segmentos...

Advertisement