Page 48

CONDOMÍNIO & SOLUÇÕES

PESQUISA DE SATISFAÇÃO EM CONDOMÍNIOS Ferramenta eficiente para a melhoria do planejamento

Por Raphael Rios

necessidade quase sempre é o principal gatilho de novas ações e estratégias dentro da realidade dos condomínios. A pesquisa de satisfação, excelente instrumento de reconhecimento e avaliação das expectativas dos usuários, é uma das ferramentas que têm sido bastante utilizadas pelos síndicos que se preocupam em melhorar o desempenho da sua gestão. A utilização desta ferramenta tem possibilitado que as tomadas de decisões ocorram de maneira mais segura e com maior suporte, além de propiciar feedback dos moradores e a informação necessária para poder se traçar prioridades. Isso, para que a administração do condomínio consiga focar e promover os ajustes onde houver falhas, aumentando também, a participação dos condôminos nas decisões da administração e definindo os pontos fortes e fracos nas diferentes áreas do condomínio. Como implementar a sua pesquisa de satisfação Certamente, muito mais do que um item de comprovação, averiguar o nível de satisfação, tabulá-lo e criar apresentações que permitam uma visão clara da situação atual, são imprescindíveis. Assim como dar continuidade ao processo, promovendo discussões e criando ações necessárias para o aproveitamento das oportunidades de melhorias também é fundamental. O primeiro passo é conhecer sobre o tema “satisfação” de uma forma geral. Os critérios que definem o contentamento com um produto/serviço prestado no condomínio e os fatores relacionados com a satisfação de cada morador. A estatística é fundamental para elaboração de uma pesquisa de satisfação desde a definição do tamanho da amostra da pesquisa. Assim, define-se a margem de erro esperada, ou seja, a taxa de confiabilidade da pesquisa em função do número de entrevistados. Até este momento, são analisados os dados previamente tabulados. A estatística tam48

bém auxiliará na classificação com veemência, dos condôminos satisfeitos, dos não satisfeitos além de identificar qual o foco da insatisfação. Após isto, mão à obra. Siga as seguintes etapas: Elaboração • Estabeleça um objetivo para a pesquisa. Você já parou para pensar sobre o que pretende fazer com sua pesquisa concluída? Conforme objetivo definido, divida a pesquisa por assunto a ser abordado. Ajuda a identificar as lacunas específicas que competem a cada tema a ser discutido tais como: infraestrutura, convivência, sustentabilidade, saúde financeira, gestão condominial, prestação de serviços, saúde, lazer e segurança (trabalhar com os resultados de forma estratificada é a melhor forma de gerar ações pontuais). • Defina a metodologia adequada, a que mais se modele com as necessidades do seu condomínio. Nesta etapa você deve definir o modelo de questionário que melhor se ajusta às necessidades da pesquisa (procedimento extremamente relevante, pois a má escolha de formulário pode acarretar em interpretações ambíguas e alto índice de abstinência nas respostas). • Convide os membros do conselho consultivo para contribuir nesta fase. Aplicação • Escolha, entre as mais diversas formas de aplicação, aquela que melhor de adapte e seja igualmente eficiente à organização. As formas são as mais diversas: via telefone, entrevista pessoal, questionário online, utilização de formulário impresso, e-mail, etc. • Sugerimos que a pesquisa de satisfação seja aplicada uma vez por ano, preferencialmente antes da deliberação do orçamento anual do condomínio. Resultado da pesquisa • Tabule os dados obtidos. Consiste em organizar os dados em uma matriz para obter respostas simRevista on-line : www.condominioesolucoes.com.br

Profile for Revista Condomínio & Soluções - Brasília-DF

REVISTA CONDOMÍNIO & SOLUÇÕES - EDIÇÃO VI  

Revista voltada para o mundo condominial, síndicos, prefeitos de quadras, administradores prediais no Distrito Federal e Entorno.

REVISTA CONDOMÍNIO & SOLUÇÕES - EDIÇÃO VI  

Revista voltada para o mundo condominial, síndicos, prefeitos de quadras, administradores prediais no Distrito Federal e Entorno.

Advertisement