Page 1

REVISTA

1

Edição Nº 01 - Outubro/Novembro 2012 - Distribuição - Mairiporã/Atibaia

ESPECIAL DIA DA CRIANÇA ENTREVISTA

A nutricionista Barbara Gilli da dicas bacanas de como entrar o verão em forma

MODA

BELEZA

SAÚDE

COMPORTAMENTO CONSUMO


2

fernandopires.com.br


EDITORIAL & EXPEDIENTE

Nova Fase O primeiro número da revista que chega hoje às suas mãos traz em suas páginas a tradição de 20 anos de jornalismo. Este novo produto, nascido de uma parceira entre o jornal Correio O Juquery e a empresa Lilian Chamma Eventos, obedece aos anseios de estabelecer outro patamar de diálogo com os leitores e uma nova fronteira na imprensa local. Em um mundo onde a informação está cada vez mais fragmentada nas mais diversas plataformas de mídia, impressas ou digitais, Cidade + enxerga como vital a existência de um veículo onde a análise seja mais importante do que a velocidade, a informação exclusiva seja mais relevante que a pulverização dos fatos, o contexto e os bastidores da notícia sejam mais indispensáveis que o imediatismo. Esta equação está na raiz da revista Cidade +, um projeto desenvolvido ao longo de meses e meses de trabalho, e que além de informar o leitor, deseja ajudá-lo a entender melhor o mundo que o rodeia. Mais: debater, com amplitude, os temas mais relevantes da política, da economia e da cultura, usando como bússola um jornalismo democrático, denso e independente. Estes valores jornalísticos foram desenvolvidos ao longo duas décadas de história, de milhares e milhares de páginas impressas, de anos e anos de eventos em favor da sociedade e na defesa intransigente das liberdades individuais, do Estado de Direito e da liberdade de expressão e de pensamento. E lapidado também na defesa do desenvolvimento e da qualidade de vida de Mairiporã e região. Mas nossos limites não são geográficos. Na revista Cidade +, o leitor encontrará em debate as cidades que integram a região, o Brasil e o mundo, unidos pela única fronteira que interessa: a fronteira, cada vez mais ampla, do pensamento. Somado a tudo isso, a publicação que você recebe hoje tem forte sotaque regional, mas olhos voltados para o mundo. E para o futuro. Boa leitura! Lilian Chamma e Wagner Azevedo

EXPEDIENTE Edição: bimestral Tiragem: 6.000 distribuição gratuita Diretora Lilian Chamma Jornalista responsável Wagner Azevedo wagner@correiojuquery.com.br

Jornalistas e colaboradores Wagner Azevedo Denise Loureiro Mylene Macedo Marion Halm Revisão Wagner Azevedo Coord publicidade Jean Cesar Capuano Pavão jean@repenseweb.com.br

Atendimento ao leitor lilianconsultoria@gmail.com

Colunista social Lilian Chamma Colunista social mirim Carlos Victor Sant’Anna carlosmoreira.c.s@gmail.com

CAPA &

editorial de moda

Capa Jean César Capuano Pavão Manhezzo Creative Retouch Fotógrafo Anderson Timóteo anderson@andersontimoteo.com

Hair & make-up Paulo Ritto - Camarin Papa Goyaba Editora de moda Lilian Chamma

3


4

sumário

14 exercícios irregulares podem causar infarto do miocárdio

16 coluna social gente que faz

18 coluna mirim

bullyng / cozinhando com Rebeca

20 como não ter medo 6

editoriais

29

delicias com frutas tropicais

de ir ao dentista

22 exercícios de neuróbica que deixam o cérebro afiado

24 perca 10kg

com a dieta da princesa Kate

25

é tempo de tatoo

26 dia a dia profissional

sugestões que podem fazer você se sentir melhor

28 gastronomia

aprenda a combinar massas e molhos

32 Inteligencia emocional

a Competência emocional é um componente essencial do poder pessoal

34

entrevista com a nutricionista Barbara Gilli


DIA DACRIANÇAS 5

SER CRIANÇA É SER LIVRE, LEVE, SOLTO, SEM MEDO DE SER FELIZ por Denise Loureiro

Dizem os sábios que uma das mais difíceis artes no mundo é “conhecer e cultivar a sua criança interior”. Parece simples. E é, quando realmente entendemos a energia criativa de uma criança.

“Se você quer aprender a amar melhor, você deve começar com um amigo que você não gosta.” (Nicole, 6 anos) Para os pequeninos não existem fronteiras nem barreiras. Se ao crescermos, não perdêssemos a ingenuidade e a pureza, certamente, no mundo não existiriam termos como “inclusão social”, porque não haveria diferenças e todos nós seríamos iguais, independentemente de posses, educação ou títulos. Falar “direito dos menores” ou “direitos humanos” seria conversa de outro planeta, porque toda a humanidade seria respeitada pelo simples fato de todos nós sermos seres humanos.

“O amor é quando uma menina coloca perfume e um menino coloca loção pós-barba, e eles saem juntos se cheirando.” (Carla, 5 anos) É possível discorrer sobre tantas coisas bonitas, sob o foco da espontaneidade e ingenuidade juvenil. Saber brincar com desprendimento e sem as censuras convencionadas dos adultos, sem dúvida nenhuma, traria um mundo que poderíamos levar muito a sério. E seríamos levados a sério também, porque seríamos simples e não faríamos jogos.

“Amor é quando minha mãe faz café pro meu pai e toma um gole antes para ter certeza que está do gosto dele.” (Daniel, 6 anos) Ter olhos azuis, cabelos enrolados, pela escura ou albina, não faria nenhuma diferença na ciranda que giraria juntamente com o mundo, fazendo uma mistura total de cores e corpos.

“Há dois tipos de amor: o nosso amor e o amor de Deus. Mas o amor de Deus junta os dois.” (Jenifer, 4 anos)

As diferenças não seriam razão para ser melhor ou pior. O bonito e o feito, a falta e o excesso, o incluído e o excluído, seriam meros detalhes. E o homem coexistiria sem crises. Aceitaríamos os outros como eles são, e a nós mesmos do jeito que somos, imperfeitos a caminho da perfeição.

‘Amor é quando a mamãe vê o papai suado e mal cheiroso e ainda fala que ele é mais bonito que o Wagner Moura.” (Cris, 8 anos) “Amor é quando o seu cachorro lambe a sua cara, mesmo depois que você deixa ele sozinho o dia inteiro.” (Maria, 4 anos) Comemorar e lembrar o “Dia da Criança” deveria ser uma celebração diária. Devemos nos render às coisas simples e tão profundas ditas e expressas pelas crianças, principalmente, quando elas falam sobre o amor.

Em nossa primeira edição, lançamos este desafio a você, leitor: se você fosse uma criança como definiria o amor?


DIA DASCRIANÇAS 6

Dia das Crianças com estilo e conforto

One Store Marisol & Mafessoni oferece as melhores opções de roupas e acessórios para a molecada fotos Anderson Timóteo

Ser criança é gostar da brincadeira, do sonho, do impossível. É gostar de pega-pega, esconde-esconde e amarelinha. Ser criança é se descobrir a cada tombo e levantar-se sorrindo para correr e brincar. Para desempenhar todas as atividades infantis com conforto, é indispensável que as crianças estejam vestidas com peças que as acompanhem em todas as brincadeiras.Para dar conta de toda essa desenvoltura das atividades infantis, a One Store Marisol possui diversas opções para deixar a garotada com estilo e confortável, com as marcas Babysol, Mineral, Mineral Kids, Marisol, Lilica Ripilica e Tigor T. Tigre.


DIA DASCRIANÇAS 7

No Dia das Crianças, os pequenos comemoram a data brincando em dobro. Pensando nisso, a Marisol preparou lookspara deixar a criançada na modacom blusas, camisetas, vestidos, bermudas, calças, saias, acessórios, meias e calçados. As peças que trazem as etiquetas líderes do mercado têm como principal característica a qualidade. Tudo isso pode ser encontrado na One Store Marisol e Mafessoni.

Inovação A interatividade aliada ao universo lúdico está presente nas peças da coleção Verão que trazem estampas com quebra-cabeça em velcro. O brinquedo traz o desenho de duas meninas na camiseta feminina e um aviãozinho na masculina. Os quebra-cabeças possuem 12 pecinhas cada. Novidades que farão do ato de vestir uma verdadeira brincadeira!


8


Raquel lingerie &

EDITORIAL 9

Chique Bijoux A peça mais importante do vestuário feminino é a autoestima.Aquele detalhe que fica escondido dentro de cada mulher e que muda a maneira como ela fala, como ela anda e principalmente como enfrenta os fatos da vida. Cada detalhe do momento de se vestir é importante, e deve receber atenção especial. A roupa, os sapatos, a bolsa, sempre começando por uma lingerie bonita que seja a sua cara e terminando com as bijoux, para finalizar o look perfeito. A Raquel Lingerie traz uma seleção de produtos de marcas de prestígio para serem usados no seu dia a dia. Além disso, temos também as linhas noite, noivas, gestantes e pijamas infantis e masculinos. E com a preocupação de oferecer qualidade e variedades de acessórios acompanhando as últimas tendências, a ChiqueBijoux já conquistou um importante espaço junto às clientes. A loja possui bijuterias finas para todos os estilos, desde peças com um design moderno e arrojado ao clássico e luxuoso. Estamos prontas para ouvir e auxiliar nossas clientes da melhor forma possível, durante e também após a compra, bom atendimento e garantia de qualidade são fundamentais. A satisfação plena de cada cliente é o que mais importa para nós.

Praça Iraci Rolim, 15 Mairiporã - SP 11 4604.3791


10


11

C

arla Modas é a mais completa loja feminina da cidade e região. Com uma estrutura moderna, proporcionando a suas clientes oportunidades de compra das melhores marcas com preço muito competitivo em relação ao mercado. Em nosso espaço você pode encontrar tudo o que uma mulher precisa. Só as melhores e mais desejadas marcas com descontos irresistíveis e as últimas tendências da moda. Não há mulher no mundo que não ame calçados. Para elas o nosso espaço sempre traz novidades e descontos em sandálias, sapatilhas e

diversos outros modelos das melhores grifes nacionais. Entendemos que a evolução da mulher nas últimas décadas trouxe mudanças culturais e este conceito está presente em nosso novo espaço onde asseguramos conforto, qualidade e muito luxo. Outro grande sucesso em marcas que se encontra no espaço. Carla Modas e a consagrada Dudalina feminina e agora masculino -- sinônimos de camisaria perfeita. Diferenciada pela matéria-prima, que garantem a sofisticação de seus produtos. Os produtos que comercializamos são autênticos e adquiridos direta-

Praça Iraci Rolim, 15 - Centro - Mairiporã - SP

4604.3045

Camisaria masculina

mente dos fabricantes ou distribuidores no Brasil. Nosso espaço de convivência é totalmente protegido, seguro, aconchegante e familiar. Tudo o que você procura está a sua disposição com atendimento personalizado, satisfação, alegria e bom humor. Todas as sextas nos tornamos um ponto de encontro para mulheres de bom gosto da região, com coquetéis, petiscos, chás e com imperdíveis promoções pontuais. Visite-nos, conheça nossos produtos, nossa estrutura, aproveite nossa consultoria de modas e comece a desfrutar dessas oportunidades.


EDITORIAL 12

Papa Goy’aba Lounge Chris Cespedes é a designer que criou e assina a marca Papa Goy’aba.

D

esde pequena já com um estilo próprio elaborava modelos para suas amigas e irmãs. Sempre ligada á moda, na adolescência foi modelo profissional. Apesar de sua pouca idade tem em seu currículo muita experiência, formada há 13 anos em Designer de Moda, trabalhou em várias marcas e há 10 anos realizou seu grande sonho, o de ter sua própria marca. E agora com força total, inaugurou recentemente o Papa Goy’aba Lounge. Um espaço completo para a mulher contemporânea, viajada e acima de tudo, com muita personalidade, assim como a própria.

No Papa Goy’aba Lounge além de peças exclusivas da marca que acompanha uma luxuosa assessoria de estilo, que te ajuda a fazer a escolha certa de acordo com biótipo, estilo e ocasião, a cliente pode contar com profissionais da beleza em seu espaço Fashion Hair, que além de lindo e charmoso procura sempre o melhor em novos tratamentos para seus cabelos, usando produtos renomados. Já no nosso cantinho Brechó de Luxo Kids, as mamães podem se deliciar com peças e sapatos das mais famosas marcas importadas, todas semi novas para seus bebês, e se você acha que aca-

bou ainda tem muito mais... Uma pausa para o descanso depois dessa maratona de novidades em nosso Espaço Lounge, onde junto com suas amigas, você pode curtir uma relaxante tarde de chás ou para aquelas que preferem algo mais caliente, que tal um vinhozinho? E finalmente o coringa do espaço, que pensando no bem estar integral de suas clientes, elaborou junto a Psicóloga Caroline Duarte o inovador trabalho sobre a “Psicologia da Moda”. Esta por sua vez procura estudar o perfil individual de cada cliente, ou seja, vai além dos conflitos com a auto-imagem e vestimentas.


EDITORIAL 13

“O objetivo principal e primordial é valorizar o que a pessoa tem de melhor” conta a psicóloga (formada em 2003 e pós graduada em Psicopedagogia). A ferramenta principal da psicologia da moda é a “Estiloterapia”, que conta com o auxílio de uma designer de moda, que verifica a priori o ”exterior” (estilo), para posteriormente se trabalhar o “interior” (mente).

“Sempre digo que nossas clientes do Papa Goy’aba Lounge são antenadas e á frente do seu tempo, por isso procuro novidades para deixar nosso trabalho ainda mais completo. Quem não gostaria de estar com tudo em cima, num lugar charmoso, cheio de estilo e mais intimista, onde além de peças exclusivas se tem: o cabelo perfeito, a mente sã, o look novo e ainda se curti um happy com as amigas?! Diz a proprietária.

www.ateliepapagoyaba.blogspot.com /papagoyabalounge

Avenida Leonor de Oliveira, 241 Centro Mairiporã - 11 4419.3342


SAÚDE & BEM ESTAR 14

Exercícios irregulares podem causar infarto do miocárdio

1)

A prática de exercício físico irregular pode ser prejudicial à saúde?O verão é aguardado por uma grande parcela da população brasileira. Dentre outras particularidades, a estação possibilita sair de casa com roupas mais leves. É nesta época, também, que a preocupação com a estética corporal ganha destaque. Dar um basta na preguiça, cortar as guloseimas apreciadas ao longo do ano e entrar para o mundo fitness é a preocupação da maioria das pessoas. Entretanto, correr atrás do “prejuízo” não requer apenas força de vontade e determinação, é preciso ter responsabilidade. A prática de atividade física irregular pode causar infarto do miocárdio. Com a proximidade do verão, pessoas inativas também se preocupam em mudar a rotina para perder aqueles quilinhos extras. Mas precisam lembrar que antes de ter um corpo bonito, é imprescindível descobrir como anda a vida do coração. “Quando o sistema cardiovascular é submetido a um esforço pelo qual a pessoa não está acostumada, instala-se uma situação de estresse agudo. A conseqüência é a liberação de uma grande quantidade de adrenalina na circulação, causando o aumento da pressão arterial e da freqüência cardíaca”, alerta o Dr. Moreira. São esses fatores que provocam a sobrecarga no músculo cardíaco e podem ocasionar o infarto agudo do miocárdio.

2)

Existem pessoas mais susceptíveis ao problema? Algumas pessoas estão mais susceptíveis ao problema, como os indivíduos acima dos 40 anos, fumantes, diabéticos, com hipertensão arterial e dislipidemias ou com histórico familiar de doença coronariana. Com certeza, esse grupo de indivíduos já pode ter um grau de obstrução coronária e não sabe. Se realizar um esforço intenso, corre o risco de ter um infarto do miocárdio. Por essas razões, o médico orienta os iniciantes a visitarem o cardiologista com o objetivo de avaliar as condições clínicas e planejar um esforço físico que o sistema cardiovascular tolere.Apesar de ser um mal que atinge, em sua maioria, pessoas acima dos 40 anos, o risco de infarto seguido de morte é maior entre os jovens. Nessa faixa etária o coração ainda não possibilita grande variedade de alternativas contra uma artéria obstruída. No momento em que há um bloqueio, a circulação colateral do coração mantém um fluxo de sangue opcional. Nos jovens, a circulação é bem menor.

3)

Quais são os benefícios do exercício físico para o coração?Seguidas as devidas precauções, o exercício físico é um grande aliado à saúde do coração. Dentre muitos benefícios, controla a pressão dos hipertensos crônicos, melhora os índices de glicemia e diminui os níveis de colesterol e triglicérides do sangue. Na opinião do Dr. Moreira, é muito benéfico, sim, desde que se respeite às limitações de cada um. Aconselho as atividades físicas a todas as pessoas. Mas antes de qualquer atitude, é primordial realizar uma rigorosa avaliação clínica com um cardiologista e definir o perfil que estabeleça um plano adequado para os exercícios físicos.

4)

Que precauções devem ser tomadas antes de iniciar a prática de atividades físicas?Procurar um cardiologista para avaliar as condições clínicas e físicas; realizar exame de sangue para verificar colesterol e suas frações: Glicemia e triglicérides; tirar um hemograma completo; acima dos 35 anos, realizar eletrocardiograma, teste de esforço e um ecocardiograma


MODA & BELEZA

T-SHIRTS o hit da vez!

15

Nós da equipe Rose Ribeiro já fazemos parte!

Faça parte do T-shirt Team!

A Rose Ribeiro da dicas de como se usar uma t-shirts por Rose Ribeiro

FOTOS: Luiza Sanches

As t-shirts surgiram há um tempo, antes numa versão mais masculinizada, com fotos e nomes de bandas de rock. Até que resolvemos adaptá-las ao nosso corpo feminino e aos nossos gostos. T-shirts nada mais são do que camisetinhas, mas já “abrasileiramos” e adotamos a palavra em inglês. Com fotos engraçadas ou frases de impacto, as t-shirts fazem parte do movimento high-low. Sabendo combiná-las vai do casual ao elegante. Para o dia, combine com um jeans bem despojado ou uma bermuda estampada, uma saia plissada, é muito fácil combinar uma tee (apelidamos as t-shirts assim)!! Uma saia de cintura alta ou um colete cai muito bem!!! Essa é a graça delas! Para noite, você combina com uma saia de paetês, uma saia longa com transparência,

peças com brilho sempre são sucesso. Você pode personalizar uma t-shirt simples com uma estampa de sua preferência. E assim as t-shirts vão ganhando espaço nas ruas e nos armários. São versáteis e você fica linda, sem parecer que pensou muito no que usar. Conforme os acessórios, muda todo o contexto do look. As t-shirts podem ter a estampa do seu desenho favorito, o rosto do seu ídolo, ícones de moda ou até mesmo uma frase de protesto. Por exemplo, se você quer um visual rocker, peças de couro, tachas e spikes, jeans rasgado, coturnos e uma tee com nossas amadas caveiras, ou uma que remeta à música. Imaginou? São muitas opções de t-shirts e estão surgindo mais a cada dia!


COLUNASOCIAL 16

Lilian Chamma GENTE QUE FAZ

Marcelinho gente que faz pelos animais abandonados

T

udo começou aos 9 anos de idade,quando escolheu acolher em sua casa animais em sofrimento encontrados pelas ruas.As brincadeiras com crianças foram substituídas por ações contra o abandono.Aos 14 anos, Marcelinho foi despejado de sua casa com sua família e a solução seria entregar os cães para a “Carrocinha”, foi aí que Marcelinho preferiu morar nas ruas com os animais,depois na favela e hoje num sítio em Mairiporã onde acordar ás 4:30hs da madrugada para ir em busca de mais animais

que pedem socorro. Marcelinho não tem carro e nem renda fixa, sobrevive fazendo banho e tosa a domicílio. Para recolher animais, seja para castrá-los ou resgatá -los precisa pagar taxi-dog. Algumas castrações saem de graça, ou por benevolência de algumas ONGs ou de veterinários, já outras castrações são pagas a preço de custo. Um dia exaustivo que começa muito cedo e que termina muito tarde, só mesmo para quem tem muito amor e dedicação para com os animais, já que além de recolhê-los, Marcelinho ajuda a Marcelinho resgatando um dalmata abandonado preparar os animais amarrado à dias na beira de estrada de terra antes, durante e depois das cirurgias. Aos abandonados, doentes, esfomeados e atropelados que Marcelinho encontra em seu caminho, lhe cabe à missão de resgatar, cuidar de suas feridas, alimentar e com fôlego para aos finais de semana levar animais para serem

Gente que faz na MELHOR IDADE!

M

odelos e manequins da melhor idade desfilam grandes marcas na Casa da Cultura de Mairiporã O objetivo é arrasar sem direito a descanso ou qualquer tipo de favorecimento. Vestidas com os modelitos de marcas famosas da cidade elas querem fazer bonito! O objetivo do desfile também é o resgate da auto-estima de muitas jovens senhoras, realçando assim a beleza de cada uma delas. Hoje o mercado da moda está requisitando senhoras da melhor idade para

editoriais, figuração e muitas outras ações de publicidade. Se o mercado precisa de senhoras, então vamos preparar estas mulheres maduras e bonitas, com desenvoltura, e tirar o que elas têm de melhor, pois estas musas muitas vezes, guardam essa beleza. A grande maioria chega aos 65 anos sem viver grandes emoções. Isso não é bom... Nada de ficar em casa esperando o tempo passar, fazendo tricô ou envolvidas em atividades rotineiras. A ordem é trabalhar, e elas estão aí, prontas para arrasar! Isso é gente que faz!

doados em feirinhas. E para aqueles que nunca encontram adotantes, Marcelinho lhes garante sempre um cantinho. Sozinho, sem recursos, parece impossível que o protetor Marcelinho, de segunda a segunda se dedique aos animais. Mas não... Impossível se percebe que ele viva sem ajudar estes bichinhos. E quando pensamos que o trabalho se limita a cães e gatos descobrimos que ele acolhe todos os bichos! Isso inclui hamsters descartados, tartarugas que parecem para alguns não ter mais graça, pombo encontrado ferido e abandonado e de tantos outros animais que ele cuida! Por sua dedicação, Marcelinho conseguiu uma legião de fãs, que também doam tempo e dinheiro para que ele consiga salvar quantos animais puder, seja da fome, seja do frio, seja dos maus-tratos. Mas a quantidade de animais sempre aumenta, e os fãs nem sempre continuam firmes no projeto, por que o trabalho voluntário se assemelha a passagem bíblica “Muitos são chamados e poucos escolhidos” Mat 22-14 Marcelinho é um exemplo para quem deseja ser GENTE QUE FAZ!


COLUNASOCIAL 17

CONSEG é formado por gente que faz Em 1998 se iniciaram as atividades da CONSEG Mairiporã. Estas são algumas das pessoas que doam seu tempo para melhorar a qualidade de vida e segurança da população.

Promotor de Justiça e Cidadania Dr. Ricardo Navarro Soares Cabral

CONSEGs são grupos de pessoas do mesmo bairro ou município que se reúnem para discutir e analisar, planejar e acompanhar a solução de problemas comunitários de segurança, desenvolver campanhas educativas e estreitar laços de entendimento e cooperação entre as várias lideranças locais. A partir do ano de 2009, no mandato do Presidente do CONSEG de Mairiporã, Enésio Lopes Cerqueira, por meio da Diretoria e total dedicação do Promotor de Justiça e Cidadania Ricardo Navarro, as conquistas foram muitas. A Secretaria de Segurança Pública tem como representantes, em cada CONSEG, o Comandante da Polícia Militar da área e o Delegado de Polícia Titular do correspondente Distrito Policial. Sua legitimidade tem sido reconhecida pelas várias esferas de Governo

e por institutos independentes, o que permite afirmar que os CONSEGs representam, hoje, a mais ampla, sólida, duradoura e bem sucedida iniciativa de Polícia orientada para a comunidade em curso no Brasil. Mediante a sua importância, o maior interessado deveria ser a população da nossa cidade, o que não acontece na prática. O CONSEG exerce uma responsabilidade voluntária em favor da sociedade e espera que a sociedade seja participativa em seus eventos. O CONSEG Mairiporã convida os moradores a estarem presentes nas reuniões onde muitos dos problemas vivenciados por nossa cidade são encaminhados e resolvidos. Reclamar do problema certamente não mudará nada! Exerça sua cidadania, participe e seja GENTE QUE FAZ pela sua comunidade!

Comandante Interino da 2ª Cia da PM de Mairiporã Tenente Caio Batista, Delegada Titular da Delgacia de Mairiporã Dra. Claudia Patricia Dálvia, Inspetor da Policia Rodoviaria Federal Sr Paulo Roberto Colunna, Conselho Tutelar de Mairiporã. Flavio Morata Gonçalves, Secretário ad-hoc Fernando Rachas Ribeiro.

GENTE QUE FAZ uma APAE ainda mais solidária! Por meio dos eventos sempre bem frequentados é que esta direção vem suprindo algumas das nescessidades dos que buscam atendimento na área de reabilitação e melhor qualidade de ensino. A APAE faz parte de uma socie-

dade solidária que participa com a esperança que aja um dia melhor para aqueles que contam com ela! Compartilhando. Sem dúvida, o serviço voluntário é um importantíssimo instrumento para a construção de uma

Cultura de Paz, posto que o voluntário faz a sua parte, contribuindo de forma significativa para a Paz, começando em si o processo de pacificação e, portanto, de instauração dessa cultura, atualmente tão difundida e tão pouco posta

em prática. O serviço voluntário tem o poder de multuplicar o bem. Parabéns à direção pelo trabalho, aos voluntários pela disposição e aos convidados que fazem da necessidade do outro sua prioridade!


COLUNAMIRIM 18

Carlos Victor Sant’Anna CRIANÇA QUE FAZ

Olá leitores mirins Vim aqui pedir um basta ao BULLYING! E dizer que você criança é GENTE QUE FAZ o bem... A minha ideia, em criar está coluna social mirim, veio à tona por achar muito importante alguns assuntos que nós crianças devemos compartilhar. Quero falar sobre o BULLYING, contando pra você uma experiência muito ruim: Antes de passar a usar óculos eu era tratado como uma pessoa comum. Então comecei a ter dores nos olhos, fui ao médico, e descobri que estava com miopia e astigmatismo. Foi aí que comecei a usar óculos e os primeiros ataques vieram. “Quatro olhos, nerd, olho de vidro” enfim, ninguém merece... E quando eu era xingado, ficava quieto, não contava aos adultos, tinha medo que as coisas piorassem. Não queria arrumar confusão nem para mim ou para ninguém. Mas tenho que dizer, também, não fui nenhum santinho na história, antes eu também falava mal dos meninos que usavam óculos. Foi aí que passei de vilão para vítima e não gostei nadinha... Isso para mim foi uma lição! Bom, como vivi na pele essa sensação, pensei em fazer alguma coisa sobre isso. Um dia essa oportunidade surgiu. Escrever para

GENTE QUE FAZ! Posso falar sobre como é doído machucar os outros! Entendi que não existia nada demais em usar óculos. Comecei a me observar melhor e posso dizer que na verdade sou bem charmoso com estes óculos! Me sinto muito bem, pois consigo ver perfeitamente e isso já é um presente! Somos todos imperfeitos e por isso precisamos tentar melhorar sempre. Quero aproveitar que estamos juntos de alguma maneira pra te pedir que não magoe as pessoas por se achar muito mais importante que os outros. Desejo que antes de julgar o outro pense na dor que isso poderia te causar se fosse você a vítima do BULLYING. Coloco de propósito em letras grandes porque este é um assunto bem sério e muito comum nas escolas e nos bairros. Seja popular, aconselhando para o bem, porque de pessoas más o mundo está cheio! Vamos procurar ser crianças e olhar nossos amigos com olhos de criança. Não quero ver mais nas escolas pessoas se comportando como animais irracionais, pois somos crianças sensíveis e queremos fazer amigos e não inimigos, certo? Muito obrigado a todos, espero que eu tenha feito algo de bom nesta edição do Dia das Crianças!

LIVRO “NA COZINHA DA REBECA” Aventuras culinárias para crianças extraordinárias

Rebeca gosta de tudo o que uma criança alegre gosta, de brincar, passear, nadar, gosta de cães, gatos e animais em geral. Tem em particular uma afinidade muito grande com idosos e bebês. Na cozinha aprendeu desde cedo as praticas de uma gastronomia saudavel e principalmente a Àrabe, pois suas origens não negam a raça, por isso aprendeu com o pai a praparar deliciosos charutos de folha de uva e o seu preferido, o de repolho, alem de kafta, babaganuge e homos com tahine.


COLUNAMIRIM 19

Como o pai trabalhava em casa tinha muito tempo de preparar o almoço e o jantar, neste tempo a Rebeca participava primeiramente enrolando os charutinhos e o gosto foi crescendo. O pai filmava e colocava no youtube, e assim foi indo ate que começaram a surgir convites para workshops, reportagens em jornais e materias impressas e televisivas, ate que surgiu o contato da Editora Alaúde para o livro. O livro na verdade é uma coletânea de tudo que se fazia em casa e com a participação da Rebeca, somamos algumas receitas testadas da vovó Célia, de uma amiga chefe de cozinha e de sua nutricionista, Dra.Sheila Mustafá. Por nossa opção em casa sempre cozinhavamos dentro de uma alimentação mais balanceada com menos gordura, frituras e muita fibra, por isso o livro

retrata exatamente o que a Rebeca come. A partir do lançamento do livro começou a aparecer os convites de varias emissoras de tv para participar de quadros e de reportagens muito divertidas, entre elas a do Video reporter da Band Rodrigo Leitão veiculada no programa do Otávio Mesquita e depois no Dia a Dia, Ronnie Von, Eliana, Fantástico, Roberto Justus Mais, ate que veio o convite da Tv Cultura para fazer uma participação ao vivo no programa “Quintal da Cultura”. Dai para o programa TV Cocoricó foi um pulo, pois o Fernando Gomes, diretor e criador dos bonecos do Cocoricó gostou de sua participação e fez o convite. Hoje a Rebeca é dirigida pelo Mauricio Valim que com muita paciencia e competencia faz com que a Rebeca brilhe cada dia mais.

foto Jair Magri

O intuito do livro, segundo a própria Rebeca, é o de incentivar as outras crianças de sua idade a se alimentarem, também, de uma forma mais saudável. Por isso, ela fez questão de selecionar receitas que fossem acrescidas de legumes, verduras, carnes de boa qualidade e queijos magros. O primeiro resultado desse contato direto com a preparação dos alimentos fica refletido no próprio prato da Rebeca, que prefere comer comidas preparadas em casa, fresquinhas e muito mais saudáveis. O segundo surge em formato de livro, o Na cozinha da Rebeca. Lançado pela Editora Alaúde, a obra, a primeira da mini chefe de cozinha, reúne 30 receitas testadas e aprovadas pela habilidosa garota.

Muffin integral de cenoura Ingrediêntes: 3 cenouras grandonas sem casca cortadas em rodelas; 1 xicara de chá de óleo de girassol; 2 xicaras de chá de açúcar demerara; 2 xicaras de farinha de trigo; 1 xicara de farinha de trigo integral; 1 colher de sopa de fermento em pó Modo de preparo: Bata no liquidificador a cenoura, óleo, bata bem até a cenoura estiver bem moída, coloca o açúcar aos poucos e vá batendo até ficar uma massa homogênea. Despeje a massa em uma tigela acrescente as farinhas aos poucos e depois de bem misturado, por ultimo coloque o fermento , e misture bem. Arrume forminhas de papel em uma assadeiracoloque 2 colheres de sopa da massa em cada forminha .Forno quente 180 graus, assar no máximo 30 minutos ou até que os bolinhos estejam dourados. Cobertura: 1 caixinha de creme de leite (ou creme de leite de soja); Meia xicara chá de açúcar cristal; Meia xicara chá de chocolate em pó; Chocolategranulado para polvilhar opcional Coloque o creme de leite o acuçar cristal e o chocolate em pó em uma panelinha. Leve ao fogo baixo, mexendo sempre com uma colher, até que engrosse (está também é uma tarefa para adulto).


SAÚDE & BEM ESTAR 20

Como não ter medo de ir ao

DENTISTA?

Sinta-se à vontade na cadeira do seu dentista Uma consulta dentária semestral é fundamental para assegurar a saúde e higiene oral e, mesmo que tenha medo de ir ao dentista, esta não deve ser descurada. De forma a tornar a experiência dentária mais agradável, existem várias coisas que pode fazer e/ou alterar. Saiba como vencer esse medo de uma vez por todas: Por vezes marcar a consulta de dentista com muita antecedência deixa-nos com demasiado tempo para sofrer por antecipação e, em alguns casos, até desmarcar a consulta. Experimente marcar a consulta de um dia para o outro, se possível, e aí não terá muito tempo para pensar no que aí vem. Marque a consulta numa altura em que esteja com tempo e não stressado porque tem de voltar a correr para o escritório – a ansiedade extra não vai ajudar em nada. Como é muito difícil os pacientes falarem durante uma consulta dentária, não podem fazer perguntas sobre o que está a aconte-

cer e o que vai acontecer a seguir. Se esta é uma das suas grandes preocupações e, simultaneamente, uma fobia, fale com o médico antes de iniciar o tratamento. O dentista pode pedir à sua assistente para ir explicando todo o procedimento, por exemplo. Se tiver algum receio relativamente ao tratamento, manifeste-o ao dentista antes de ele iniciar o seu trabalho – pode até adaptar ou alterar algum passo para tornar a consulta mais agradável para si. Muitas pessoas não suportam o barulho dos equipamentos dentários, que são a sua maior fonte de ansiedade. Contorne essa situação ao levar o seu iPod ou MP3 para a consulta e aproveite para ouvir música que o acalme ou distraia durante o tratamento. Muitas clínicas dentárias já providenciam música ambiente ou até mesmo uma televisão para que os pacientes se possam distrair durante as consultas. Pode ser uma boa ideia procurar um consultório com es-

tas características. Existem pessoas que se sentem intimidadas pelas luzes que incidem diretamente sobre o seu rosto enquanto estão inclinadas nas cadeiras do consultório. Evite essa sensação ao levar um par de óculos de sol para usar durante a consulta – para além de bloquear a intensidade da luz, pode ajudá-lo a acalmar-se, fechar mesmo os olhos, abstrair-se do tratamento e até descansar. No final da consulta, faça questão de perguntar o que deve fazer a seguir, ou seja, que cuidados são necessários. Se lhe fizer sentir melhor, pergunte ao dentista se existe algum número de emergência para o qual possa ligar no caso de ter dúvidas ou se surgir alguma anomalia na recuperação. Escolha um dentista com o qual se sente realmente confortável, que seja profissional, mas também paciente e atencioso. Se tiver medo de ir ao dentista, talvez esteja na hora de mudar de clínica dentária.


21


SAÚDE & BEM ESTAR 22

21 exercícios de neuróbica

que deixam o cérebro afiado

Evitar fazer tudo no automático ajuda a turbinar a memória e a concentração por Natalia do Vale

Q

uem foi que disse que o cérebro não precisa de exercícios para se manter ativo? Se o nosso corpo necessita de malhação para ficar sempre em ordem e cheio de disposição, por que com a mente seria diferente? O cérebro também vai perdendo sua capacidade produtiva ao longo dos anos e, se não for treinado com exercícios, pode falhar. O neurocientista norte-americano, Larry Katz, autor do livro Mantenha seu Cérebro Vivo, criou o que é chamado de neuróbica, ou seja, uma ginástica específica para o cérebro. A teoria de Katz é baseada no argumento de que, tal como o corpo, para se desenvolver de forma equilibrada e plena, a mente também precisa ser treinada, estimulada e desenvolvida. É comum não prestamos atenção naquilo que fazemos de forma mecânica, por isso costumamos esquecer das ações que executamos pouco tempo depois. “O objetivo da neuróbica é estimular os cinco sentidos por meio de exercícios, fazendo com que você preste mais atenção nas suas ações e então, melhore seu poder de concentração e a sua memória”, explica a psicóloga especialista em análise comportamental e cognitiva, Mariuza Pregnolato. “Não se trata de acrescentar novas atividades à sua rotina, mas de fazer de forma diferente o que é realizado diariamente”. Para o neurologista da Unifesp Ivan Okamoto, tais exercícios ajudam a desenvolver habilidades motoras e mentais que não costumamos ter em nosso dia a dia, porém, tais habilidades em nada se relacionam com a memória. “Se você é destro e começa a escrever com a mão esquerda, desenvolverá sua coordenação motora de modo a conseguir escrever com as duas mãos e caso um dia, tenha algum problema que limite a escrita com a mão direita, terá a esquerda bem capacitada para isso. Mas o fato de praticar este tipo de exercício não significa que você se verá livre de problemas como esquecer de pagar as contas, tomar o remédio, ou algo do gênero”, explica o especialista.

Como funciona a neuróbica? A neuróbica consiste na inversão da ordem de alguns movimentos comuns em nosso dia a dia, alterando nossa forma de percepção, sem, contudo, ter que modificar nossa rotina. O objetivo é executar de forma consciente as ações que levam à reações emocionais e cerebrais. São exercícios que vão desde ler ao contrário até conversar com o vizinho que nunca dá bom dia, mas que mexem com aspectos físicos, emocionais e mentais do nosso corpo. “São esses hábitos que ajudam a estimular a produção de nutrientes no cérebro desenvolvendo suas células e deixando-o mais saudável”, explica Mariuza Pregnolato. Quanto mais o cérebro é treinado, mais afiado ele ficará, mas para isso não precisa se matar nos testes de QI ou nas palavras cruzadas para ter resultados satisfatórios. “Estas atividades funcionam, mas a neuróbica é ainda mais simples. Em vez de se inscrever em um super desafio de matemática e ficar decorando fórmulas, que tal vestir-se de olhos fechados ou andar de trás para frente?”, sugere a especialista. A proposta da neuróbica é mudar o comportamento rotineiro para “forçar” a memória. Por isso, é recomendável virar fotos de cabeça para baixo para concentrar a atenção ou usar um novo caminho para ir ao trabalho.


23

O papel dos sentidos O programa de exercícios da neuróbica oferece ao cérebro experiências fora da rotina, usando várias combinações de seus sentidos - visão, olfato, tato, paladar e audição, além dos “sentidos” de cunho emocional e social. “Os exercícios usam os cinco sentidos para estimular a tendência natural do cérebro de formar associações entre diferentes tipos de informações, assim, quando você veste uma roupa no escuro, coloca seus sentidos em sinal de alerta para a nova situação. Se a visão foi dificultada, e é isso que faz com que você sinta o efeito dos exercícios, outros sentidos serão aguçados como compensação”, explica Mariuza. Para estimular o paladar, uma dica bacana é fazer combinações gastronômicas inusitadas. Já pensou em misturar doce com salgado? Maionese com leite condensado?

21 dicas para você montar seu treino O desafio da neuróbica é fazer tudo aquilo que contraria ações automáticas, obrigando o cérebro a um trabalho adicional, por isso:

1 - Use o relógio de trás para frente;

nas mudanças nos seus hábitos cotidianos, transformando-os em desafios para o seu cérebro;

3 - Vista-se de olhos

11 - Folheie uma

pulso no braço direito;

Corpinho de 40 e mente de 20! A neuróbica não vai lhe devolver o cérebro dos vinte anos, mas pode ajudá-lo a acessar o seu arquivo de memórias. “Não dá para aumentar nossa capacidade cerebral, o que acontece é que com os exercícios você consegue ativar áreas do seu cérebro que deixou de usar por falta de treino”, explica Mariuza. “Você só estimula o cérebro se o exercita, por isso quem sempre esteve atento a esta questão terá menos problemas de saúde cerebral, como demência e doenças cognitivas, como Alzheimer”.

2 - Ande pela casa de fechados;

4 - Estimule o paladar,

coma comidas diferentes;

5 - Leia ou veja fotos de cabeça para baixo concentrando-se em pormenores nos quais nunca tinha reparado;

6 - Veja as horas num espelho;

7 - Troque o mouse do computador de lado;

8 - Escreva ou escove os dentes utilizando a mão esquerda - ou a direita, se for canhoto;

9 - Quando for

trabalhar, utilize um percurso diferente do habitual;

10 - Introduza peque-

revista e procure uma fotografia que lhe chame a atenção. Agora pense 25 adjetivos que ache que a descrevem a imagem ou o tema fotografado;

12 - Quando for a um

restaurante, tente identificar os ingredientes que compõem o prato que escolheu e concentre-se nos sabores mais subtis. No final, tire a prova dos nove junto ao garçom ou chef;

13 - Ao entrar numa

sala onde esteja muita gente, tente determinar quantas pessoas estão do lado esquerdo e do lado direito. Identifique os objetos que decoram a sala, feche

os olhos e enumere-os;

14 - Selecione uma

frase de um livro e tente formar uma frase diferente utilizando as mesmas palavras;

15 - Experimente

jogar qualquer jogo ou praticar qualquer atividade que nunca tenha tentado antes.

16 - Compre um que-

bra cabeças e tente encaixar as peças corretas o mais rapidamente que conseguir, cronometrando o tempo. Repita a operação e veja se progrediu;

17 - Experimente

memorizar aquilo que precisa comprar no supermercado, em vez de elaborar uma lista. Utilize técnicas de memorização ou separe mentalmente o tipo de produtos que precisa. Desde que funcionem,

todos os métodos são válidos;

18 - Recorrendo a

um dicionário, aprenda uma palavra nova todos os dias e tente introduzi-la (adequadamente!) nas conversas que tiver;

19 - Ouça as notícias

na rádio ou na televisão quando acordar. Durante o dia escreva os pontos principais de que se lembrar;

20 - Ao ler uma pa-

lavra pense em outras cinco que começam com a mesma letra;

21 - A proposta é

mudar o comportamento rotineiro. Tente, faça alguma atividade diferente com seu outro lado do corpo e estimule o seu cérebro. Se você é destro, que tal escrever com a outra mão?


SAÚDE &BEM ESTAR 24

PERCA 10 KG COM A DIETA DA PRINCESA KATE Vocês já ouviram falar da Dieta Dukan? Na verdade quem certamente ouviu e sentiu os resultados foi Kate Middleton. Ela garantiu por conta dessa dieta uma silhueta esbelta no dia de seu casamento. Essa dieta foi criada pelo francês Pierre Dukan e promete um emagrecimento rápido e contínuo. O programa alimentar tem quatro fases. Vamos a elas?

Fase 1 - Ataque - Só proteínas Durante dez dias só se pode consumir carnes magras, aves, vitela, ovos, tofu, frios light, todos os peixes e mariscos e laticínios magros (queijos brancos, iogurte e leite desnatado). Deve-se beber dois litros de líquidos por dia (água, café, chá e limonada com adoçante). O único cereal permitido é o farelo de aveia que deve ser consumido diariamente.

Fase 2 As mesmas proteínas da primeira fase mais alguns legumes e verduras – (exceto milho, arroz, ervilhas e batata) – por mais dez dias. Continuar ingerindo o farelo de aveia e as bebidas permitidas. Bastante líquido como na fase um.

Fase 3 - Transição Caso você já tenha perdido 5 kilos, essa fase durará 5 dias, ou seja o número de dias é equivalente ao número de kilos perdidos nas duas fases anteriores. Essa fase consiste em manter o peso, repetindo o cardápio da fase anterior, podendo consumir uma fruta por dia e duas refeições livres por semana – que pode conter um doce ou fritura.

Fase 4 - Manutenção Nada é proibido, mas moderação! É necessário repetir a primeira fase uma vez por semana, sempre às quintas-feiras. A dieta é ótima de fazer, afinal comer proteínas não é uma dieta tão rigorosa e promete ótimos resultados!


COMPORTAMENTO

É tempo de TATOO

25

Verão anuncia desenhos maiores, temporários, mandalas e bichinhos por Wagner Azevedo

Vontade de fazer tatuagem muita gente tem. Quando vai chegando o verão, então, nem se fala. O desejo de mostrar dá uma esquentadinha. Mas na hora H, o medo de se arrepender faz com que a maioria adie o plano - aliás, muitas vezes para um futuro bem indefinido. Para a tribo dos indecisos, a saída definitiva é a temptoo, técnica desenvolvida por cientistas alemães, que promete desenho com prazo de validade e uma garantia para os usuários, já que some totalmente da pele em, no máximo, oito anos. Não tem nada a ver com henna - que sai em alguns dias. A temptoo é feita com agulha mesmo. Só que a tinta fica armazenada na camada mais superficial da pele, a epiderme. Com a constante renovação celular, o traço vai, aos poucos, ficando fraquinho, até desaparecer. Promessa que alivia o peso de quem está disposto a carregar, principalmente nas costas e na perna, a nova modinha da estação, as tatuagens tamanho família. A diferença entre a tatuagem temporária - opção de gente badalada, e a permanente, é o tipo de tinta utilizado,. Enquanto a temptoo, que demora mais tempo para ser feita, lança mão de pigmentos com base vegetal e mineral, a tradicional usa tinta química. Outro detalhe é o método de aplica

ção: para fazer a temporária só é necessária uma agulha, enquanto a definitiva chega a usar até 35, dependendo do tamanho do desenho. Há quem prefira figuras menores por causa do tempo: estrelinhas, margaridinhas, bichinhos, ideogramas japoneses e mandalas indianas, sempre as mais pedidas da estação. Além da moda, a técnica tem outra utilidade: finaliza trabalhos de cirurgiões plásticos na reconstituição de mamas. Para quem prefere tatoo fixa, alguns conselhos dos mais experientes profissionais: *Tatuagem não é modismo, mas tem muita gente que faz porque os amigos têm. É preciso pensar antes tanto no desenho quanto no local. E o mais importante: procurar um profissional qualificado e de confiança. Só assim se tem a garantia de que o material usado é descartável. *O tempo de permanência da tatoo temporária depende de diversos fatores: quantidade de tinta (desenhos negros e completamente preenchidos demoram mais a sair, enquanto contornos finos desaparecem nos primeiros cinco anos), parte do corpo (em regiões onde a escamação da pele é mais intensa, como os pés, ou onde a exposição ao sol é maior a tatoo dura menos) e idade (a pele dos jovens regenera mais rápido).


COMPORTAMENTO 26

Dia a dia PROFISSIONAL Sugestões que podem fazer você se sentir melhor por Wagner Azevedo

1 2 3 Atualização constante. Há funcionários que não se dão conta da necessidade de procurar cursos de capacitação e buscar especializações. Porém, não adianta ir atrás de qualquer coisa. É preciso escolher boas instituições, cujos certificados sejam validados por órgãos competentes. Coloque em práticas aquilo que aprendeu. São ferramentas sempre bem-vindas e que ajudam no desempenho profissional.

4

Se a evolução técnica é importante, o comportamento também é. Saiba se comunicar, se relacionar e conviver com as diferenças entre os colegas. Caso isso seja um obstáculo, existem cursos de desenvolvimento pessoal que ajudam nesse quesito. Não adiante ser, apenas, um excelente técnico.

Cultive sempre o bom relacionamento. Educação e cortesia são fundamentais. Mesmo que as pessoas à sua volta sejam mal-humoradas ou truculentas, isso não quer dizer que você também tenha que se comportar dessa forma. Estabeleça uma atmosfera de energia positiva, que faça com que todos gostem de você e da sua companhia.

5

Frequente eventos ligados aos assuntos do seu trabalho. Conheça pessoas importantes da empresa e do segmento. É nesses momentos que as pessoas se mostram por inteiro, sem qualquer tipo de filtro. São mais acessíveis. Troque cartões de visita e, por sorte, poderá receber um daquele que poderá ser seu próximo chefe.


COMPORTAMENTO 27

6

Mantenha uma rede de contatos dentro da empresa. É salutar que funcionários e lideranças de outros setores conheçam quem você é, o que faz e como desenvolve o seu trabalho. O mesmo deve ocorrer fora do ambiente de trabalho. O futuro, a Deus pertence!

7 9

Esteja atento ao momento da empresa, qual a expectativa que ela tem em relação a seus colaboradores. Não fique apenas na sua área, exercendo só a obrigação técnica. Expanda sua participação. Se o local possui políticas sociais, voltada ao meio ambiente, por exemplo, mostre interesse, participe. O ideal é não levar problemas pessoais para o ambiente corporativo. Mesmo que isso não seja possível. Eleja alguém (mesmo superior) para explicar o que está acontecendo. Tente administrar essa fase da maneira que menos influa no seu desempenho.

8

Cuidado ao usar os recursos que a empresa disponibiliza (telefone, internet) em benefício próprio. Ninguém está livre de precisar do telefone para um contato no exterior ou até utilizar o computador para algo pessoal. É correto, nesses casos, avisar o superior. E que isso seja pontual, não uma constante.

10

Redes sociais podem ser um problema. O que você fala reflete sua imagem e, por consequência, a do seu local de trabalho. Tudo é observado, inclusive por seus superiores, que podem não gostar de alguns comentários. Evite comentários sobre o trabalho, problemas da empresa etc. Na vida


GASTRONOMIA 28

Aprenda a combinar massas e molhos Em vários países a massa é considerada a refeição principal, embora ofereça outras opções, como em sopas, saladas e acompanhamentos. Trata-se de um prato versátil, que combina com diferentes tipos de molhos. Seja em forma de lasanha, nohque, canelone, ravióli ou conchiglioni, ou na tradicional macarronada dos domingos. Mas você sabe como combinar o tipo de molho com o da massa? Então anote as dicas. Segredinhos * Só quando a água estiver fervendo deve-se colocar a massa. Em seguida mexa bem para que não grude uma na outra. * Para saber se a massa está no ponto, retire uma porção e quebra com a unha do polegar. Deve estar firme, mas fácil de quebrar. * Para que for usar a massa em saladas, o ideal é escorrer e passar na água fria, depois de pronta, para interromper o cozimento. * Diz o ditado que macarrão sem queijo é como amor sem beijo. Se usar o queijo, rale-o na hora de servir.

Formato curto

Os macarrões pequenos, como prafuso, rigatoni, penne, conchiglioni e penne vão bem com os molhos mais encorpados, já que aderem melhor. Um exemplo é o molho pesto.

Formato comprido

Os molhos à base de creme de leite e manteiga são especialmente indicados, mas também o à bolonhesa. São molhos que contêm azeite e dão sabor especial ao espaguete, talharim, aletria e papardelle.

Com recheio

Para este tipo de massa há que se combinar o molho com o recheio, sem sobressair demais. Lasanha, capeleti, rondelli, caneloni e ravióli, vão bem como um molho bechamel, principalmente se o recheio for de espinafre e queijo. Além dessas sugestões, você pode criar inúmeras outras, de acordo com o seu paladar.


GASTRONOMIA

Delícias com fruta tropical Duas deliciosas sobremesas com a fruta da estação

29

Goiaba

por Wagner Azevedo

A

goiaba é um fruto da América das Américas, sobretudo do Brasil. É extremamente fácil de se lidar e contém três polpas com cores diferentes: vermelha, branca e dourada. Além de muita vitamina C, é utilizada de várias formas na culinária, desde sucos e recheios até doces, sorvetes, compotas, pudins e coberturas. Também é largamente utilizada em pratos salgados, em substituição ao tomate, na confecção de molhos salgados ou agridoces. Nesta edição de estréia do Correio +, duas sugestões de sobremesas que levam goiaba para você experimentar.

PAVÊ DE GOIABADA Ingredientes: 200g de biscoito champanhe; 1 litro de leite; 400g de goiabada cremosa; 400g de doce de leite; 4 claras em neve; 4 colheres (sopa) de açúcar refinado; 1 colher (chá) de amido de milho diluído em água; 1 lata de creme de leite sem o soro. Modo de Preparo: Em uma travessa forre os biscoitos champanhe, umedeça com leite. Reserve. Bata no liquidificador o doce de leite com duas xícaras de leite. Leve ao fogo até levantar fervura, engrosse com maisena até formar um creme homogêneo, espere esfriar e faça uma camada por cima do biscoito. Espalhe o creme de goiaba por cima do doce de leite. Bata as claras em neve, acrescentando o açúcar refinado, a essência de baunilha e o creme de leite, espalhe por cima da goiaba fazendo uma camada. Coloque no congelador por 24 horas.


GASTRONOMIA 30

SUFLÊ DE GOIABA COM REQUEIJÃO CREMOSO Ingredientes: 140g de goiabada pastosa; 2 claras de ovos; 1g de cremor de tártaro. Calda: 130g de requeijão cremoso; 120 ml de leite integral (8 colheres de sopa). Modo de Preparo: Amassar bem a goiabada com um garfo até obter uma pasta. Bater as claras em neve macia, acrescentando o cremor de tártaro quando as claras começarem a subir. Acres-

centar à goiabada aos poucos, misturando delicadamente. Untar os ramequins com manteiga e polvilhar com açúcar. Despejar o creme nos ramequins preparados e assar em forno preaquecido a 210ºC por cerca de 10 a 12 minutos. Retirar do forno e servir imediatamente acompanhado da calda de queijo cremoso (ferver o leite e adicionar o requeijão).


31

COMPROMISSO E QUALIDADE

Venha conhecer nossas novas instalações e novo show room Buffet Espetinho Mairiporã 21 anos de tradição e qualidade Tudo para seu churrasco, toda linha de espetinhos e carnes nobres Fazemos sua festa! Faça um orçamento sem compromisso Atendemos atacado e varejo Solicite nossos serviços

4604.2070 | 4604.6577 espet-mairiporã@uol.com.br

www.espetinhomairiporã.com.br

Rua Arthur Barbosa de Almeida, nº 240 - Mairiporã - SP


COMPORTAMENTO 32

Inteligencia EMOCIONAL

A Competência emocional é um componente essencial do poder pessoal por Dr. Deroní Sabbi

M

uitas pessoas ainda não compreendem a importância do desenvolvimento de nossa inteligência emocional. Uma pesquisa mostra que nos últimos 30 anos do século passado nos EUA, 87% das pessoas que perderam seus empregos os perderam por dificuldades ligadas à falta de um bom uso da inteligência emocional. As conseqüências da falta de educação emocional, apenas citando os dados levantados nos países desenvolvidos, segundo Claude Steiner, incluem delinqüência, aumento do abuso de drogas lícitas e ilícitas, acidentes e conflitos de trânsito, violência em todos os níveis e setores sociais, homicídios e suicídios, abuso físico e sexual de mulheres e crianças, crianças abandonadas, desemprego em todos os níveis, problemas de conduta e evasão escolar na infância e adolescência em todas as classes sociais, problemas conjugais, separações, conflitos entre pais e filhos, depressão e doenças psicossomáticas. É fácil perceber que estas situações acontecem justamente a partir da falta de um desenvolvimento da inteligência emocional. A Competência emocional é um componente essencial do poder pessoal. Ao tornar nossas relações estimulantes e mutuamente gratificantes, nos sentimos encorajados, otimistas e poderosos. Viabiliza que qualquer diálogo, contato humano ou associação proporcionem maiores recompensas a todos os envolvidos. Uma boa comunicação que possibilite confirmar as percepções, dar e receber feedback de forma efetiva e a honestidade de sentimentos são elementos essenciais para uma pessoa viver em equilíbrio. A Competência emocional se compõe da capacidade de se conhecer, entender as emoções e sentimentos, expressando-os produtivamente, ter autocontrole e empatia com outras pessoas e assim compreender o que sentem e interagir com elas. Ser emocionalmente competente é ser capaz de lidar com as emoções de modo a desenvolver seu poder

pessoal e a qualidade da vida que o cerca. Quando educamos nossas emoções nossos relacionamentos se ampliam, criamos possibilidade de afeto entre as pessoas, o trabalho cooperativo torna-se mais viável e facilita-se o sentido de comunidade. Muitas pessoas, especialmente os homens, imaginam que educação emocional redundará em perda de poder na sua vida pessoal e profissional, mas a verdade é que todos nós temos algo a aprender com nossas emoções. Assim como aprendemos a ler e a escrever podemos desenvolver a capacidade de lidar com nossas emoções e sentimentos e para isto existem uma série de metodologias e técnicas simples que permitem este desenvolvimento em qualquer idade. O desenvolvimento das emoções começa com a conscientização de nossas emoções e sentimentos, uma diferenciação entre eles, aprendendo a dar um nome a cada um deles, compreender de onde vem como eles atuam e a que levam, aprender a falar a respeito do que sentimos, vencendo para isto o medo e as inibições e direcioná-los positivamente. À medida que fazemos isso naturalmente vai-se desenvolvendo a empatia e a interação inteligente com outras pessoas e vamos desenvolvendo as habilidades de relacionamento. Naturalmente os níveis de stress e ansiedade baixam e podemos viver com mais alegria, saúde e qualidade. Assim, se quisermos construir um mundo melhor, nós os adultos, os pais, os professores temos um papel muito importante na educação que vai muito além de passar conteúdos que logo ficarão superados pela rapidez da informação. E desenvolver em nós mesmos essas habilidades, melhores valores e atitudes, e aprender a usar os recursos possibilitam este desenvolvimento emocional, pois isto fará a diferença na qualidade do viver e se manterá por toda a vida. Isto está ao alcance de toda pessoa que queira fazê-lo e viver uma vida que valha a pena.


33

PAULO RITTO produtor de hair & make-up em seu Espaço Camarin, realiza na cabeça de personalidades e profissionais do mundo da moda & beleza. Responsavel por vários trabalhos como capas de revista e editoriais.

Rua antônio de oliveira, 164 - Centro - Mairiporã - SP

11 4419.2529


BEMESTAR 34

entrevista

como entrar o verão em forma e feliz

por Denise Loureiro

Verão. A tão esperada estação do ano também é a mais temida. É só a temperatura do termômetro começar a subir para muita gente correr para a balança. Perder aqueles “pesinhos a mais” adquiridos com o consumo (às vezes, exagerado) das calóricas delícias do inverno são um terror para qualquer biquini. Para acalmar , leitoras e leitores aflitos, Cidade+ foi conversar com a nutricionista Barbara Gilli. Jovem profissional, mas com uma experiência muito bem sedimentada, ela é a nutricionista chefe de um dos maiores e mais luxuosos spas e resorts do país, o Unique Garden Hotel & Spa. Barbara, numa conversa franca, passa dicas importantes para quem quer entrar o verão em forma, feliz consigo mesmo e com saúde.

Cidade+: Como nutricionista, quais são os principais motivos de os pacientes procurarem por você com a aproximação do verão? BGilli: Sem dúvida, o emagrecimento vem em primeiro lugar. Acredito que as pessoas não querem emagrecer mais somente pela forma física, mas decorrente de tantas patologias que surgiram com o ganho de peso. As pessoas buscam qualidade de vida. Paralelamente às pessoas que sofrem de excesso de peso, existem aquelas que não têm excesso de peso, porém, gostam de “se preparar” para o verão. Nessa situação elas buscam os alimentos desintoxicantes, antioxidantes e as famosas “dietas da moda”. O que eu vejo é que elas precisam entender que não existe a pílula mágica e, além do mais, o nosso corpo não é matemático; ele depende de muitas outras funções para chegar ao emagrecimento. É preciso estabelecer um objetivo a médio ou longo prazos, adquirir novos hábitos como alimentação saudável, prática de atividade física, sono adequado, horas de lazer e relaxamento. Esses itens são fundamentais também para diminuir o estresse, que contribui para o ganho de peso.

Cidade+: Quem predomina? Homens ou mulheres? BGilli: As mulheres são muito mais preocupadas com as consequências da má alimentação em comparação com os homens. E, além disso, são mais determinadas para mudanças de estilo de vida. Cidade+: Faixa etária dessas pessoas? BGilli:: Entre 25 e 40 anos é a faixa de maior procura, apesar de existirem os extremos também. Cidade+: Sobrepeso ainda é o maior problema? BGilli: Estamos passando por uma pandemia da obesidade, doença que atinge todo o mundo. No Brasil, mais da metade da população sofre com o excesso de peso, e esse fato reflete no consultório e nos motivos da procura pelo acompanhamento profissional. O problema é que o excesso de peso é um fator de risco alto para o desenvolvimento de muitas doenças, como o diabetes, a hipertensão arterial, colesterol e triglicérides alterados, câncer dentre outras. Cidade+: Você trabalha com um grupo de pessoas de alto poder aquisitivo e, provavelmente, com

maior nível de esclarecimento. Isso quer dizer que essas pessoas têm maior compreensão e disciplina na hora de selecionar seus alimentos? BGilli: Esse seria o pensamento lógico, mas percebo exatamente o oposto. Apesar de considerarmos o fato da acessibilidade aos meios de informação, essas pessoas têm mais facilidade para encontros, festas e ocasiões – isso, quase que diariamente –, e acabam saindo da rotina, que é importante para manter bons hábitos. Essas diferenças atrapalham no resultado. A pessoa que quer ter um resultado precisa de dedicação e foco. Percebo que a escolha do alimento é totalmente influenciada pelo estado de espirito, independentemente da classe social e esclarecimento. Podemos dizer que nos dias atuais somos totalmente influenciados pelo estresse, correria do dia a dia, preocupações, alegrias e tristezas. Então, o processo de emagrecimento é complexo, afinal a obesidade é uma doença e deve ser tratada com todas as suas peculiaridades. Cidade+: Como educar ou equilibrar o consumo das bebidas geladas, com teores de álcool, tão tentadoras nos dias quentes?


BEMESTAR 35

Exemplos: a cerveja, o chopp e a caipirinha? B. Gilli: Sabemos que a bebida alcoólica não oferece nada de bom para o organismo, por outro lado, ela é importante nesses momentos de descontração e relaxamento. Penso que nada deve ser proibido, mas vale ressaltar que o álcool vira açúcar no organismo e, em excesso, nos engorda. Uma dose de caipirinha, por exemplo, apesar de ser calórica, não vai causar nenhum aumento de peso se tudo aquilo que foi ingerido nas 24 horas não ultrapassar a necessidade diária de calorias. O problema começa a surgir quando se consome mais que duas doses e mais os alimentos calóricos, para acompanhar, que geralmente são compostos por excesso de gorduras e sódio. E ainda tem a famosa cervejinha. Cidade+: E os refrigerantes? Ainda são os grandes vilões? E os diets ou lights? B. Gilli: Refrigerante é composto de açúcar e ainda possui sódio, que retém líquido e também aumenta o peso, além de causar indisposição para os rins. As versões diet, light e zero, mais comumente utilizadas hoje em dia, não possuem açúcar, portanto, não oferecem calorias. Mas nem por isso devem ser ingeridas à vontade e diariamente. No dia a dia, dê preferência para a ÁGUA. Os sucos são ricos em vitaminas, somente quando são preparados no momento do consumo, porém, são ricos em açúcar. São alimentos que contribuem para o ganho de peso. Para o verão, a sugestão são os

chás naturais batidos com gelo, como chá verde, capim santo, hortelã e menta. Não oferecem calorias nem sódio e são refrescantes. Cidade+: Quais dicas bacanas você passaria para quem quer entrar no verão em forma e, importante, deixar o verão em forma? B. Gilli: É imprescindível mudar de hábitos, se possível para ontem, para ter um bom resultado daqui há algum tempo. Nada acontece da noite para o dia, o processo de sentir-se bem é de dentro para fora e exige mudanças. Primeiramente fracionar as refeições, a cada 3 horas. Dormir bem e suficiente. Consumir de 2-3 litros de água durante todo o dia e de forma fracionada. Esquecer os embutidos, industrializados em geral. Consumir de 3 a 5 porções de frutas e verduras frescas/dia. Evitar ao máximo os doces, açúcares no geral, farinha branca e sal. Exercitar-se diariamente é fundamental. Primeiramente fracionar as refeições, a cada 3 horas. Cidade +: Você também trabalha voluntariamente com a população do entorno do Unique Garden Hotel & Spa, caracterizada em sua maioria por pessoas de baixa renda e pouca formação cultural. Existe muita diferença entre esses dois públicos quanto aos hábitos alimentares? B. Gilli: Com certeza, pela falta de conhecimento e acesso às informações, percebo que essas pessoas têm hábitos inadequados e que prejudicam o estado de saúde atual.

Bárbara Gilli, nutricionista Graduada pela Universidade Anhembi Morumbi. Pós-Graduada em Pediatria pela Universidade de São Paulo Pós-Graduada em Obesidade e Emagrecimento pela Universidade Gama Filho Pós-Graduada em Nutrição Esportiva pela Universidade Gama Filho

Geralmente, a população carente consome em excesso alimentos ricos em açúcares, como pães, bolos, biscoitos e doces em geral. Elas ainda consome alimentos industrializados que, apesar de práticos, como meus pacientes definem, são péssimos para a saúde e têm um preço elevado, quando comparados aos temperos naturais, como cebola, alho, salsinha e cebolinha. O sódio, presente nesses alimentos, usado como conservante, aumenta a pressão arterial, atrapalha o funcionamento dos rins e intestino, e ainda promove retenção hídrica, aumentando o peso na balança. Percebo que eles desconhecem essa informação, e muitos deles já diabéticos e hipertensos, ficam surpresos quando eu explico. Cidade+: B. Gilli: Para finalizar, qual recado você deixaria para uma vida saudável? Em primeiro lugar, ter foco, iniciativa e procurar um profissional para orientações específicas. Revistas não expressam as necessidades individuais do ser humano, cada um tem uma necessidade, um hábito para melhorar e conquistar o resultado. Muitas vezes, o método de ajuda não é eficiente e isso causa uma certa decepção e desistência desse processo que deve ser feito em conjunto com um profissional que emita técnica, segurança e confiança. Imprescindível mudar de hábitos, se possível para ontem, para ter um resultado daqui há algum tempo. Nada acontece da noite para o dia, o processo de sentir-se bem é de dentro para fora e exige mudanças.


36


DIVERSOS

Como cuidar do seu carro

NO VERÃO Dicas para você aproveitar a estação de cuca fresca

No verão, você sai para trabalhar com protetor solar 37 no rosto, não deixa de carregar um guardassol para a praia e dobra a frequência de hidratação dos cabelos. Tudo para não sofrer com os malefícios típicos da estação. E o seu carro? Já parou para pensar que ele também pode ser danificado pelos agentes característicos dessa época do ano? Sol forte, calor, chuva, maresia e umidade precisam ser neutralizados, para que o seu automóvel continue bonito durante os outros meses. Veja algumas dicas simples que podem ser aplicadas na sua rotina e render bons resultados. Se o seu carro ainda não tem películas protetoras de vidros, você vai sentir mais fortemente a incidência solar. Além do conforto interno que proporciona, o acessório filtra os raios ultravioletas e diminui a temperatura interna. “As películas protegem também o estofado e o painel do carro do ressecamento“, diz o proprietário de lava-jato Guilherme Virgílio. Não deixar o seu veículo exposto ao sol é um cuidado básico, mas que, normalmente, recebe pouca atenção. Se não tiver jeito, os painéis de papelão, aqueles que normalmente carregam publicidade, são muito úteis. Mas prefira a sombra sempre, principalmente se for lavar o carro. “Você joga a água no carro e, em seguida, passa o sabão. Até que consiga passar o sabão em todo o carro, algumas partes já secaram e é aí que surgem as manchas. É recomendado realizar a lavagem na sombra e em local arejado. Por isso, todo lavajato tem telhado”, observa Virgílio. Para o “banho”, sabão neutro e esponja, simples assim. Mas evite os detergentes domésticos, pois, segundo o empresário, eles podem conter substâncias abrasivas e causar manchas. Em época de praia, uma lavagem sempre que voltar do passeio neutraliza a maresia e evita corrosões. Outro pesadelo para os proprietários de veículos é a areia que fica no corpo, que é transferida, automaticamente, para tapete e estofados. Prevenida, você leva uma toalha, claro. Mas resíduos certamente ficarão e um simples aspirador pode resolver o seu problema. Você só não contava que o seu filho entornaria o sorvete no estofado, não é? “Pano e sabão neutro sempre. Depois, deixe o carro aberto para secar”, reforça ele. Os estofados também podem ser danificados pelas chuvas. Em casos críticos, Virgílio recomenda que o automóvel seja encaminhado para uma empresa especializada, porque pode ficar com mau cheiro, que piora com o passar do tempo. Agora, para a sua segurança, mantenha a calibragem do pneu em dia. “Quando está quente, a borracha do pneu, em contato com o chão, amolece. Por isso, uma curva, onde se gasta mais pneu, pode oferecer um grande risco. Calibrar sempre e na medida certa, portanto, é uma necessidade. No final das contas, o pneu também vai durar mais e você vai economizar na troca”, ensina o empresário. Ar condicionado é um alívio para o calorão. Cuidado só para que ele não se torne um problema para a sua saúde e a de quem vai de carona. “Procure uma loja, faça uma revisão para ver se existe a necessidade de limpeza ou troca de filtro. Como o ar é muito usado no verão, se não receber a manutenção correta, pode causar doenças respiratórias, como alergias”, finaliza.


38

ANUNCIE

RECORTE

11 78323981 ID 85*16009 lilianconsultoria@gmail.com


ACESSE

correiojuquery.com.br

18 mil acessos desde o lançamento, em maio de 2012

8 mil

só em setembro NO SITE DO CORREIO VOCÊ ENCONTRA * * * * * * * * * * * *

Cidade & região Política Local Geral Tecnologia Esporte local & geral Gastronomia Pets Games Jogos online Obituário Coluna social

VISITE A SESSÃO DE FOTOS DE MAIRIPORÃ fotos.correiojuquery.com.br

39


40

edição 1  

Primeira edição da revista Cidade Mais de Mairiporã

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you