Issuu on Google+

Lançamento

Por: Francisco Reis Fotos: divulgação

Esse caminhão só falta falar

A tecnologia embarcada na nova linha F dos caminhões Volvo é tão abrangente, que reduz praticamente a zero o risco de acidentes, corrigindo e alertando os motoristas sobre seus erros.

Q

uando se fala na marca Volvo, seja automóveis ou caminhões, a primeira lembrança que vem à cabeça é segurança. Mas dessa vez a empresa se superou. “O novo FH é a vanguarda em segurança veicular comercial global”, diz Sérgio Gomes, gerente de Planejamento Estratégico da Volvo do Brasil. “A segurança está no nosso DNA”. O novo FH manteve todos os itens de segurança que já possuía e recebeu uma

série de equipamentos de segurança ativa (conjunto de sistemas que auxiliam o motorista a evitar acidentes) e passiva (conjunto de dispositivos que reduzem as consequências quando ocorre o acidente). Entre eles, o controle eletrônico de estabilidade (ESP), faróis duplos de xenon, sensor de chuva, detector de atenção e cansaço, piloto automático inteligente (ACC), que diminui o risco de acidentes causados muitas vezes por

26

Caminhoneiro

desatenção do motorista, um sensor de ponto cego, o monitoramento de faixa de rodagem (LKS), faróis auxiliares de conversão, um espelho lateral auxiliar duplo e a tecnologia bluetooth. “A Volvo melhora e inova mais uma vez para oferecer a melhor solução. Afinal, o transportador brasileiro merece a melhor e a mais avançada tecnologia disponível”, declarou Tommy Svensson, presidente da Volvo do Brasil.


Na prática

Um motorista de um caminhão carregado, rodando a 100 km/h, dorme ao volante, muda de faixa, se aproxima de um carro. Antes da colisão, o motorista acorda, vira bruscamente o volante, a carreta se inclina, as rodas de um lado levantam, o caminhão desvia e o motorista reassume o controle sem nenhum problema, além do susto e sem bater em ninguém. Isso só será possível graças à ação de uma série de equipamentos. A carreta não virou por que o eletronic stability program (ESP) reduz automaticamente a velocidade das rodas, tanto do cavalo, quanto da carreta, diminuindo a possibilidade de derrapagem e de capotagem em curvas, mesmo em condições extremas. “Nós já havíamos apresentado esta

tecnologia no Brasil no ano passado, para mostrar ao transportador todas as vantagens de um dispositivo desta natureza. Agora começamos a ofertálo para todos os que estão investindo em segurança”, declara Bernardo Fedalto Júnior, gerente de Caminhões da Linha F. O que “acordou” o motorista foi o lane keeping system (LKS), um equipamento que alerta o motorista caso o veículo saia da faixa de rodagem em virtude de um descuido ou desatenção. É muito útil para evitar acidentes casuais, mas muito graves. Este mecanismo integra também o detector de nível de atenção (DAS). Este equipamento é acionado automaticamente quando o motorista apresenta um estilo de condução irregular, ziguezagueando o veículo na pista, um comportamento característico de fadiga e sonolência ao dirigir. Com esses equipamentos, o caminhão não sairia para a outra pista sem o motorista ser avisado. Mas caso isso ocorresse, o ACC, um moderno mecanismo que auxilia o motorista a manter o caminhão a uma distância constante e segura do veículo que se encontra à frente, impediria a colisão. Utilizando um radar Doppler, o ACC é um equipamento de segurança de última geração que funciona tanto na frenagem quanto na aceleração. Ele reduz o risco de, em caso de distração ou em uma situação inesperada, por exemplo, o condutor do caminhão venha a colidir com um automóvel que está trafegando em uma velocidade menor à sua frente. Toda vez que o caminhão se aproximar demais do veículo que está à frente, o equipamento emite sinais sonoros para alertar o motorista dos riscos e, quando houver necessidade, o freio motor e os freios de serviço são acionados automaticamente diminuindo a velocidade. Para se prevenir dos “espertinhos” que costumam ultrapassar pela direita, o caminhão poderá ser equipado também com um sensor de ponto cego, o LCS, que utiliza um radar que informa se há um objeto na lateral direita do caminhão.

27

Caminhoneiro

Mas como segurança nunca é demais, o novo FH chega também com um pré-tensionador do cinto de segurança. Combinado com o air bag do veículo, este sistema permite a mobilidade do cinto de segurança em caso de acidentes. “Nestas situações, o cinto tensiona e, posteriormente, solta até 15 centímetros, segurando o condutor se necessário e, depois, facilita sua movimentação”, afirma Roberto Gribosi, engenheiro de Vendas da Volvo do Brasil.

Novo visual

Para o FM com motor 11 litros, a Volvo está oferecendo também uma nova suspensão pneumática para aplicações rodoviárias. “Esta opção é destinada a uma série de diferentes aplicações rodoviárias, desde o transporte de produtos perigosos, até operações que precisam de mais produtividade, maior volume e mais agilidade”, explica Sérgio Gomes. A solução desenvolvida pela engenharia da Volvo chega com a possibilidade de ser oferecida com entre-eixos de 3.000mm, 3.200mm, 3.400mm e 3.700 mm. “Pode ser usada em implementos de 15,5 metros e que carregam até 30 pallets, de dois a quatro pallets a mais que as composições convencionais”, completa Roberto Gribosi, engenheiro de Vendas da Volvo do Brasil. A cabine XL tem 140 milímetros a mais de altura que a cabine Globetrotter atual e dá um aspecto de imponência ao veículo, além de garantir muito mais conforto interno ao motorista. Na parte superior externa da cabine XL foram instaladas três luzes que garantem a visualização do veículo a uma longa distância. Além da altura, a inscrição Globetrotter XL a diferencia da cabine Globetrotter atual. Além do novo letreiro exclusivo FM, os FM 11 litros e o FM 13 litros receberam um novo painel de instrumentos. A seção central foi redesenhada, ganhando porta-objetos diferenciado, tomadas elétricas de 12 e 14 volts e uma rede de objetos do lado do passageiro. Os bancos têm novos acabamento e tecidos, a iluminação interna foi ainda melhorada com novas posições, com


Lançamento

Sensores na dianteira, mantêm a distância de segurança para o veículo da frente.

Ao ultrapassar a faixa, sinais sonoros alertarão o motorista sobre o perigo.

Caso o veículo tente ultrapassar pela direita, luzes no painel e na coluna se acenderão e soará o alarme. novas lâmpadas e luzes de leitura. Os engenheiros da Volvo também projetaram um funcional kit de preparação para instalação de TV de LCD, novas camas, porta-objetos e prateleiras. O painel também foi remodelado. A cama, que pode ser equipada com um encosto ajustável, ficou mais larga, aumentando de 70 centímetros para 76 centímetros. Com esse ajuste, pode-se ainda acoplar uma mesinha para ser usada para vários fins. Outra mudança é o fato de a cama poder agora ser totalmente erguida para facilitar o acesso às caixas de armazenamento e a outros compartimentos externos. “O motorista

não precisa sair da cabine para acessar estes espaços”, afirma Álvaro Menoncin, gerente de Engenharia de Vendas da Volvo do Brasil. Novas gavetas duplas sob o beliche e uma nova escada de alumínio facilitam o acesso à cama superior. O conforto e a praticidade do novo FH se completam com um novo assento reclinável e giratório que é oferecido opcionalmente. Ao girar o banco em 90 graus, o condutor pode, por exemplo, assistir televisão a uma distância bastante cômoda. É o único veículo comercial do mercado a oferecer este tipo de benefício.

Novos faróis

Outro equipamento importante são os novos faróis, com opção de xenon. O conjunto principal tem lente de policarbonato, e o auxiliar tem lente de vidro. Estas duas unidades proporcionam mais conforto e segurança para o motorista, possibilitando uma variedade de situações: luz de mudança de direção, luz alta com opção de xenon, luz de posição (leds), farol de neblina e farol de milha ou auxiliar de conversão. O farol auxiliar de conversão é um importante mecanismo de segurança ativa, pois ele ilumina o lado para o qual o veículo fará a conversão. Este equipamento é ativado quando o farol está ligado e o caminhão está a uma velocidade de até 40 quilômetros por hora. “É mais segurança para quando o veículo estiver fazendo curvas ou manobras em pontos de carga e descarga”, diz Bernardo Fedalto Jr. Outras importantes soluções de segurança nesta nova linha são os novos espelhos retrovisores e a adaptação para o transporte de substâncias perigosas (ADR). Com menor raio de curvatura, os novos espelhos proporcionam maior campo de visão, dando maior segurança ao motorista. Eles têm ajuste elétrico e um sistema antiembaçamento. O FH terá também espelhos laterais auxiliares dos dois lados e um novo espelho frontal, que garante maior segurança, pois o condutor tem uma ampla visão da área imediatamente à sua frente.

28

Caminhoneiro

Como comprar

As alternativas para este lançamento começam com planos de financiamento para aquisição via Finame, CDC e leasing. Os planos têm prazos que vão de 12 a 60 meses em qualquer uma das modalidades, e possuem taxas competitivas em relação ao mercado. “Um dos diferenciais do pacote de financiamento é um seguro com um valor de prêmio menor em função da tecnologia de segurança embarcada do caminhão, como o ACC”, ressalta Adriano Merigli, diretor-Presidente da Volvo Financial Services Brasil (VFSB). Outra modalidade oferecida pela empresa é o consórcio. “ Teremos um grupo especial de consórcio para o novo caminhão, que prevê contemplações por sorteio e lance. O consórcio tem sido uma importante ferramenta para aquisição e renovação de caminhões para os clientes da marca”, afirma Valter Viapiana, gerente Comercial VFSB. Entre os diferenciais do consórcio estão o prazo de até 100 meses, e o valor das parcelas, que podem ser menores antes da contemplação. Além dos descontos decorrentes dos ACC e LKS, os transportadores que contratarem o Seguro Volvo terão condições ainda mais especiais se tiverem motorista profissional. l

Preços básicos: FM 11 lts SC L2H1 RS1365 l R$ 361.000,00 FH 520 SCV L2H1 RS 1370 HV l R$ 424.000,00 6X2 FM 11lts SC L2H1 RS1365 TANDEM l R$ 381.000,00 FH 520 SCV L2H1 RS 1370 HV l R$ 450.000,00 6X4 FH 400 SCV L2H1 TRACTOR (RST2370A/RAL21/RST-PAR1/FAL7.1) l R$ 487.000,00 FM 400 SCV L1EH1 TIPPER (RT3210HV/RAL32/RST-MUL/FAL9.0/STGM26.2) l R$ 492.000,00 8X4 FM 400 SCV L1EH1 RÍGIDO l R$ 568.000,00


257_LANAMENTO