__MAIN_TEXT__

Page 56

inovação e empreendedorismo | origam group

Criamos espaços que unem pessoas Composta por uma equipa jovem e dinâmica, a Origam aposta numa nova forma de conceção de espaços, que com uma abordagem inovadora criou uma solução hibrida que integra a arquitetura, a engenharia o design e a construção, tudo num só.

56 REVISTA BUSINESS PORTUGAL

A empresa, apesar de criada há apenas um ano, reúne um conjunto de profissionais experientes que já trabalham em conjunto há cerca de 5 anos, beneficiando assim do know how adquirido ao longo de todo esse tempo, assim como das varias dezenas de projetos em que participaram, a nível nacional e internacional. Surgem então no ano passado, fruto de uma reorganização estratégica, duas empresas irmãs, a Origam Portugal e a Origam Angola, atuando na mesma área de atividade, cada uma no seu pais, mas funcionando interligadas e partilhando os seus recursos. A equipa é composta atualmente por 12 elementos, dos quais 7 em Portugal e 5 em Angola, com formação em áreas distintas mas que se complementam entre si, como por exemplo, o eng João Capitão e a dra Eugénia dos Santos, que partilham a administração, a arq Sandra Cardoso, responsável pelo dep projeto, o Rogério Santos, designer industrial, o João Luis, responsável pela área administrativa, o eng Helder Brites, do dep orçamentação e o Jorge Marto, encarregado geral, pertencente ao dep. produção. Alguns destes elementos dividem-se entre Portugal e Angola, consoante as necessidades e os projetos em curso. São especializados na conceção, construção e reabilitação de espaços e marcas, de cariz comercial, institucional, industrial e residencial. “Através de uma equipa profissional e multidisciplinar, a Origam divide as suas áreas de atuação em 5 eixos principais: arquitetura, interiores e concept store, design, gestão e fiscalização e por último, construção e reabilitação”, frisa a responsável pelo dep projeto, arq Sandra Cardoso. A empresa apresenta-se como inovadora por desenvolver o seu trabalho em diferentes áreas de atuação num sistema hibrido e flexivel, pois todas elas são complementares e que podem ser executadas de forma conjunta ou separada, por exemplo “caso um cliente nos procure para abrir, por exemplo, uma sapataria, nós podemos desenvolver desde o nome do espaço, a imagem corporativa, passando pelos projetos de arquitetura e engenharia, a publicidade, e, no final, ainda executar a obra, ou seja, na Origam damos ao cliente uma solução chave na mão, ficando este a garantia e tranquilidade de que nenhum detalhe importante ficou esquecido”. Para além disso, a empresa pode ainda executar qualquer um destes serviços em separado se necessário “também podem vir ter connosco e solicitarem só um projeto, marca ou obra que nós executamos”, esclarece a interlocutora. O método de trabalho utilizado na Origam simplifica todo o processo garantindo a qualidade dos seus projetos e obras, e dando ao cliente uma solução ‘one stop solution’ que traz lhes uma comodidade acrescida, pois apenas têm de falar com uma pessoa, ganhando tempo, dinheiro e evitando aborrecimentos. Com a ambição de serem uma marca de referência no mercado, na sua área de atuação, atualmente, 60 por cento do trabalho do grupo é desenvolvido para Angola, sendo “toda a parte criativa feita em Portugal”, explica Sandra Cardoso. A Origam está disponível para executar trabalhos em qualquer

Profile for Revista Business Portugal

Revista Business Portugal | Março '16  

Revista Business Portugal | Março '16  

Advertisement