Issuu on Google+

Capas.indd 27

10/05/2013 03:27:07


PROMOÇÃO E REALIZAÇÃO

Agradecemos aos patrocinadores e todos os apoiadores. Aguardamos vocês no dias 13, 14 e 15 de maio de 2014. PATROCINADOR OURO

PATROCINADOR BRONZE

APOIO INSTITUCIONAL

CONSELHO ESTRATÉGICO

Associação dos Usuários de Informática e Telecomunicações do Rio Grande do Sul

REVISTA OFICIAL

COBERTURA OFICIAL

MEDIA PARTNER

Acompanhe as redes sociais bitsouthamerica.com.br

APOIO


EDITORIAL

M

eu nome é Itamar Pelizzaro e estou completando 20 anos de jornalismo em 2013. Trabalhei durante 10 anos em Zero Hora, um dos veículos do Grupo RBS mais importantes do sul do Brasil. Passei por outros órgãos de imprensa e assessorias de comunicação. Creio já ter colaborado para contar muitas histórias. Agora abracei um grande desafio: trabalhar com narrativas de organizações que têm adotado modelos de gestão inovadores para melhorar a vida de pessoas e da sociedade. E encontrar boas histórias e transformá-las em conteúdo de qualidade para inspirar executivos, gestores públicos e profissionais tem se mostrado uma pauta instigante. Ainda mais se consideramos que vivemos em um país próspero em criatividade e inovação, mas com um ambiente árido aos negócios e sem direcionamento

Nosso desafio é inspirar a gestão por processos adequado para que as grandes ideias aconteçam de forma natural. Esse foi um dos motivadores para lançarmos esta publicação, que chega às suas mãos em meio à BITS IT South América, a maior feira de tecnologia e inovação da América Latina. Com muito orgulho, a BPM BRASIL inicia sua trajetória como parceira da Hannover Fairs Sulamérica e da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul. A missão da revista é disseminar a cultura da inovação em processos. Apesar da densidade do assunto, os textos que produzimos pretendem ter caráter educativo e servir de fonte de consulta os profissionais. Embora a internet seja o oráculo do século 21, é notória sua pouca confiabilidade. O papel da revista é investigar cases e apresentá-los, destacando boas ideias, ferramentas e métodos, para a melhoria de processos.

EXPEDIENTE

REVISTA BPM BRASIL - TECNOLOGIA, PROCESSOS & PESSOAS É UMA PUBLICAÇÃO DA PLZ EDITORA LTDA. OS CONCEITOS EMITIDOS EM ARTIGOS E

CASES ASSINADOS SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DE SEUS AUTORES.

DIRETOR E EDITOR - ITAMAR PELIZZARO E-MAIL - ITAMAR@REVISTABPMBRASIL.COM FONE - (51) 8200-1313 REPORTAGEM - YURI ARISIO LOPARDO DESIGN - JACIEL GERMANO E FERNANDES KAULE DIAGRAMAÇÃO - PEDRO DREHER REVISÃO - NILDO JUNIOR TRADUÇÃO - SIM TRADUÇÕES SIMULTÂNEAS

A independência jornalística será nosso firme alicerce, amparado em critérios editoriais rígidos sustentados por um conselho editorial formado por profissionais do mercado. Neste primeiro contato, agradecemos às equipes da Hannover e da Fiergs, que não mediram esforços para a realização da BITS e acreditaram na revista BPM BRASIL como seu parceiro. Também somos gratos aos profissionais que contribuíram com cases e conhecimento, como Alexandre Mota, Luís Alberto Piemonte, Michelle Dratovksy, Nicir Chaves, Sandra Camelo e Paula Coelho. Esperamos que a revista cumpra seu objetivo e convidamos profissionais e organizações a partilharem sua expertise, para inspirar outras pessoas a seguirem e aperfeiçoarem a gestão por processos. Um abraço

COMERCIAL COMERCIAL@REVISTABPMBRASIL.COM Impressão - Gráfica Odisséia Tiragem - 3.000 exemplares ATENDIMENTO 24 HORAS FONE - (51) 4063-9071 AV. CARLOS GOMES, 222/8O ANDAR BOA VISTA - PORTO ALEGRE/RS 90480-000

MAIO 2013 <

Revista_1_p2.indd 3

3

10/05/2013 03:40:45


ÍNDICE

6

BPM: ORQUESTRANDO TECNOLOGIA, PROCESSOS E PESSOAS

Por Alexandre Mota

8

A INOVAÇÃO DENTRO DA EMPRESA Traduzido do artigo original de Michael Rosemann

10

PREVIDÊNCIA AGILIZA OPERAÇÕES COM USO DE BPM

14

TI: O PAPEL HUMANO NA BUSCA DA PERFEIÇÃO

16

Por Nicir Maria Gomes Chaves

Por Luís Alberto Piemonte

GESTÃO DE PROCESSOS E GERENCIAMENTO DE PROJETOS COMO ESTRATÉGIA ORGANIZACIONAL Por Sandra Camelo e Paula Coelho

23

TECNOLOGIA RESOLVE OU COMPLICA OS PROCESSOS DE NEGÓCIOS? Por Viviane Hérica S. Vieira

24

PROCESSOS QUE SALVAM O MEIO AMBIENTE Por Michelle Dratovsky

EDITORIAL - CONSTANTINO BÄUMLE E HEITOR JOSÉ MÜLLER a CATÁLOGO DOS EXPOSITORES BUSINESS MATCHMAKING ESPAÇO INOVAÇÃO SEBRAE-RS

26 42 2 4

Revista_1_p2.indd 2

> MAIO 2013 > MAIO 2013

10/05/2013 03:41:27


Quem tem seu próprio negócio é um especialista. Mas para começar ou melhorar a sua empresa, até um especialista precisa de especialistas em pequenos negócios. Vai empreender? Vai ampliar? Vai inovar? Conte com o Sebrae. > Baixe o aplicativo do Sebrae na App Store ou na Play Store.

Educação Empreendedora

Como vai? Somos o Sebrae. Especialistas em pequenos negócios. Consultoria

Gestão

Inovação

Resultados


O QUE É BPM

ARTIGO

Orquestrando tecnologia, processos e pessoas ALEXANDRE MOTA

A

globalização está demandando maiores exigências de organizações públicas e privadas em sua capacidade de reação frente às imposições de mercado. Esses desafios incluem o cumprimento de regulações internas, externas e internacionais focadas no controle de qualidade (rastreabilidade), na prevenção de fraudes, no cuidado com o meio ambiente e, agora, na logística reversa. Os produtos em si não sáo suficientemente atrativos, porque geralmente existe sobreoferta no mercado, e os serviços em torno destas mercadorias passam a ser o elemento diferenciador. A capacidade de adaptação de bens e serviços das organizações é parte fundamental para o conceito de geração de valor para os clientes. Para entrar em um círculo virtuoso de melhoria contínua e cumprir essas exigências, é imperativo cuidar dos processos. A conceituação de BPM ainda é confusa, e é surpreendente que a própria comunidade especializada internacional não tenha um consenso. Atualmente existem muitas definições para Business Process Management. Mesmo que todas tenham algo em comum, há diferenças, sobretudo de alcance. Alguns autores e especialistas, em especial na Europa, restringem BPM a uma disciplina de gestão, sem incluir explicitamente 6

Revista_1_p2.indd 4

o apoio da Tecnologia da Informação. Outros autores, especificamente os norte-americanos, definem BPM como o processo que faz a automação e a operacionalização dos processos de negócios com TI. Podemos concluir, portanto, que não existe um entendimento comum sobre BPM? Antes de responder a essa pergunta, devemos refletir de forma genérica sobre o que é um processo. Resumidamente, trata-se de uma concatenação lógica de atividades, ativada por eventos que cumprem as condições de negócio em seu conjunto. Os eventos são ocorrências externas que iniciam ou interrompem os processos, que devem cumprir um determinado objetivo nas organizações, destinadas a produzir bens ou serviços. Esses elementos básicos descrevem em seu conjunto os processos e estão contidos na maioria das notações para documentá-los. O CONCEITO DE BPM COMO DISCIPLINA DE GESTÃO POR PROCESSOS É MAIS AMPLO, TEM OBJETIVOS CLAROS E BEM DEFINIDOS:

MELHORIA E AGILIDADE O conceito de agilidade de negócio se entende como a capacidade que uma organização tem de se adaptar aos ambientes através das mudanças dos seus processos integrados.

MAIOR EFICÁCIA O conceito pode ser entendido como a capacidade da organização para alcançar, em maior ou menor medida, os objetivos estratégicos do negócio.

MELHOR EFICIÊNCIA É a relação entre recursos utilizados e resultados obtidos, ou seja, o grau de produtividade de um resultado. O termo eficiência está relacionado a todos os indicadores de produtividade em termos de qualidade, custos e tempo. Hoje em dia não basta que uma organização seja somente eficiente, como poderia ter sido no passado, porque não seria eficaz se não conseguisse se adaptar às frequentes mudanças geradas pela concorrência de nível global. Dito de outra forma: não basta oferecer produtos e serviços com qualidade se os demais processos de atendimento ao consumidor são deficientes. Por exemplo: ao comprar um celular de última geração, o consumidor constata um pequeno defeito. Embora o fabricante garanta a troca, o processo de substituição é demorado, fazendo com que a experiência de compra deste produto se torne um fracasso, levando o cliente a migrar de marca e não recomendá-la. A pergunta crucial, então, é: que instrumentos as organizações estão utilizando para obter maior agilidade,

> MAIO 2013

10/05/2013 03:43:02


eficácia e eficiência? Resposta: maior controle e eficiência na capacidade de mudança nos processos de negócios, porque pelos processos se cria valor para os clientes. Como fazer isso? A partir dos anos 90, nasceu nos países industrializados a ideia de integrar as diferentes disciplinas de gestão corporativa diretamente na operação dos processos. Em 2002, no livro de Smith e Fingar “BPM Third Wave”,

aparece pela primeira vez o acrônimo BPM. Acadêmicos, profissionais e players de TI captaram rapidamente a importância de BPM e, deste então, surge a cada dia uma enorme quantidade de técnicas, metodologias e soluções. Voltando à pergunta inicial sobre se existe em nível global um entendimento comum sobre o que é BPM, podemos concluir que sim - ainda que as definições de alguns autores se

As definições em geral têm um alcance amplo e abarcam tanto a disciplina de gestão quanto a incorporação de TI para a automação dos processos. diferenciem em certos aspectos. As definições em geral têm um alcance amplo e abarcam tanto a disciplina de gestão quanto a incorporação de TI para a automação dos processos. Pessoalmente, estou mais alinhado à definição da ABPMP (Association of Business Process Management Professionals), que define BPM como uma disciplina integradora que conecta as camadas de negócios e tecnologia e compreende um todo em gestão através dos processos. Uma organização que cuida dos seus processos utilizando BPM tem a capacidade de orquestrar tecnologia, processos e pessoas de forma mais ágil, obtendo ganhos econômicos e sociais significativos. E isso nos motiva a continuar pesquisando e demonstrando as boas práticas de BPM para o Brasil.

ALEXANDRE MOTA Empreendedor especialista em desenvolvimento de sistemas e produtização de software. Acumula profunda compreensão dos ambientes de negócios e dos impactos da tecnologia nos processos. Em diferentes ondas tecnológicas, fundou empresas e lançou produtos, sendo pioneiro no desenvolvimento de soluções corporativas para web e plataformas móveis, tendo como base os processos de negócios. Atualmente, é diretor executivo da Intraflow Tecnologia. MAIO 2013 2013 << MAIO

Revista_1_p2.indd 5

65

10/05/2013 03:43:29


ARTIGO

A inovação dentro da empresa

MICHAEL ROSEMANN PROFESSOR DA UNIVERSIDADE DE TECNOLOGIA DE QUEENSLAND (AUSTRÁLIA)

01 | ONDE E COMO INOVAR?

P

ara se adequar aos padrões econômicos atuais e para fortalecer e expandir sua empresa, é preciso inovar. Ficar estagnado, utilizando os mesmos métodos de alguns anos atrás, dificilmente terá algum resultado positivo para a sua marca. De acordo com Michael Rosemann, um dos maiores especialistas mundiais em BPM, inovação é “uma novidade que produz valor”, independentemente do local de surgimento – que pode ser de baixo para cima (bottom-up), de cima para baixo (top-down), assim como de dentro ou de fora da organização – e que pode ser classificada em quatro tipos distintos: inovação de produtos, de serviços, de processos e de modelo de negócio. No que diz respeito à Inovação de Produtos, que é a forma clássica e o centro das atenções nos dias de hoje, vê-se que os processos de desenvolvimento têm facilitado projetos estruturados com o uso de métodos, como a caixa morfológica, que busca simplificar a entrada ou a manutenção de produtos inovadores. Quanto à Inovação de Serviços, que vem se popularizando devido à automação em diversos setores (como em governos, no

8

Artigos.indd 8

varejo e no financeiro), veem-se diversas lições quando serviços são tratados como produtos: gerar envolvimento com o cliente, mobilidade de canais de entrega e facilidade de distribuição global. Na Inovação de Processos, uma das atividades mais aceitas de gestão há 20 anos, são difundidas as atividades incrementais, reativas de redesenho e com um foco imenso em processos analíticos, seguindo o exemplo da Six Sigma – conjunto de práticas desenvolvidas pela Motorola para melhorar processos ao eliminar defeitos. O mais complexo e significativo modelo é o de Inovação de Modelo de Negócio, que altera toda a metodologia de trabalho da empresa. Com a Business Model Canvas – ferramenta de gerenciamento estratégico que permite desenvolver e esboçar modelos de negócio –, pode-se obter um resumo abrangente das variáveis existentes para criar um modelo de negócio, tais como parceiros, recursos, estrutura de custos. Esse modelo se conecta, inclusive, com os outros três tipos de inovação. A Dell e a Amazon são exemplos de novos processos que inseriram inovação em um modelo de negócio tradicional nas vendas de computadores e livros.

> MAIO 2013

10/05/2013 03:47:34


Tecnologia I I Negócios I Pessoas

Limitações nem sempre significam problemas para uma organização. Dependem, é claro, do posicionamento a ser tomado.

02 | DE ONDE ELA SURGE? A inovação é considerada uma capacidade dinâmica e essencial de uma organização. Ela ocorre devido a diferentes motivos, inseridos em um contexto estratégico. Destacam-se três possíveis direcionadores para que sejam feitas mudanças em uma empresa: problemas, restrições e oportunidades. A Inovação Direcionada por Problemas é reacional, dependente de alguma falha manifestada ou percebida. Nesses casos, é necessário que sejam aplicadas técnicas de facilitação, como modelos de referência e técnicas de brainstorm que busquem escapar do empecilho e, principalmente, fortalecer a marca. Porém, o que ocorre normalmente é uma tentativa de “apagar o fogo” causado, por isso dificilmente o impacto da mudança na organização será empolgante para as partes envolvidas. Limitações nem sempre significam problemas para uma organização. Dependem, é claro, do posicionamento a ser tomado. A Inovação Direcionada por Res-

trições acontece nesses casos, quando as fronteiras dentro de um contexto organizacional limitam a capacidade de empreender novas rotinas. O sistema brasileiro de processamento de cheques, criado como resposta à hiperinflação dos anos 80, é um bom exemplo disso, já que forçou o rápido processamento das transações financeiras. A última - a Inovação Direcionada por Oportunidades -, de acordo com Rosemann, “descreve casos em que a inovação surge não da necessidade, mas da constatação de uma possibilidade”. Nesta forma, é preciso que as potencialidades de uso sejam exploradas ao máximo, com muita criatividade. Podem-se explorar as redes sociais, por exemplo – como fez o banco australiano Commonwealth com a criação do aplicativo para Facebook Kaching, pelo qual os usuários podem transferir fundos por meio dos seus smartphones. Independentemente do meio da empresa, a busca por novas alternativas é fundamental.

MAIO 2013 <

Artigos.indd 9

DO ORIGINAL

“OS TRÊS DIRECIONADORES DA INOVAÇÃO QUAL A INFLUÊNCIA DA GESTÃO POR PROCESSOS E ARQUITETURA“

PENSARE.COM I 00

9

10/05/2013 03:48:00


CASE DESTAQUE

Previdência agiliza processos com BPM NICIR MARIA GOMES CHAVES

O

sistema previdenciário brasileiro é misto: público e privado e dividido em três frentes – regime geral (baseado na contribuição mensal individual de empregados e empregadores), regime para funcionários públicos (civis e militares) e previdência privada (complementar e opcional). A partir dessa estrutura, o sistema de Previdência Social brasileiro é referência internacional. De acordo com a Prestação de Contas da Presidente da República 2012, ano base 2011, em dois entre cada três municípios brasileiros os recursos que provém da Previdência Social representam valores superiores aos disponibilizados pelo Fundo de Participação dos Municípios e garantem a movimentação de comércio e serviços nessas localidades. A política de ampliação da cobertura vem se consolidando a cada ano. A Lei 12.470, de 31 de agosto de 2011, dentre outras medidas, reduziu a alíquota de contribuição do microempreendedor individual e do trabalhador doméstico

10

Artigos.indd 10

de família de baixa renda, de 11% para 5% do salário mínimo. Além disso, por meio de acordos bilaterais e multilaterais ou contribuindo diretamente para o regime, 2 milhões de brasileiros que moram no Exterior estão potencialmente protegidos pela Previdência Social.

Recursos da Previdência representam mais verbas à economia para dois em cada três cidades brasileiras e superam valores do Fundo de Participação dos Municípios

Em 1998 iniciou-se a busca por uma nova forma de atendimento e modificações das agências da Previdência Social. Em 2001, a Previdência Social inseriu-se no Programa de Modernização do governo federal e lançou o projeto “Novo Modelo de Gestão”, centrado na

modelagem dos processos da autarquia Instituto Nacional do Seguro Social INSS, que deu prioridade aos processos de atendimento, principalmente o de cadastro, por conseguinte no desenvolvimento de sistemas mais eficazes que suportariam estes processos. Estes encaminhamentos primam pelo reconhecimento automático do direito de aposentadorias e benefícios, com o alcance à inversão do ônus da prova, ou seja, o cidadão não teria que comprovar sua contribuição ou ter que levar seus documentos para evidenciar seus diretos, a não ser que as informações não estejam na base de dados cadastrais. Com isso, temos hoje o extrato previdenciário disponível nos terminais das agências bancárias (Banco do Brasil, Caixa etc.), pelos quais o cidadão pode obter o comprovante de suas contribuições e de seus vínculos empregatícios. Em 2008, com a formulação integrada do mapeamento da estratégia, consolidada em um único Mapa Estratégico da Previdência Social, ficou clara a preocupação com foco em resultados, com o efetivo desdobramento em ações

> MAIO 2013

10/05/2013 03:50:41


estratégicas, elaboradas como um compromisso de resultados. Este desdobramento retrata-nos à Governança para Resultados, representada em plano de ações apresentados pelas casas da Previdência Social, que também se inserem na avaliação do desempenho institucional. Dentre os objetivos estratégicos do mapa está a efetivação do gerenciamento de processo de negócio (BPM) na organização. Sejam finalísticos, gerenciais ou de apoio, desde que estabeleçam como base essencial o “foco do cidadão”, por meio da realização da modelagem, análise, desenho, transformação de processos e o gerenciamento de desempenho de processos. Outro objetivo estratégico de relevância, dentre os conceitos de gestão de processos é a promoção do acesso à informação de forma transparente e tempestiva, com a finalidade de fortalecer os mecanismos de acessos à informação

com foco do cidadão, ampliando a oferta de serviços de informações ao cidadão por meio de diversos canais de relacionamento. Estes objetivos estratégicos têm conceitos voltados ao “foco do cliente”, que requer a aplicação de disciplinas de Business Process Management (BPM) e do Enterprise Content Management (ECM). A partir das diretrizes descritas, o Ministério da Previdência Social iniciou em 2009 os projetos de gestão de processos e gestão da informação corporativa na Previdência Social. Este último está sendo implementado no âmbito do MPS e de suas entidades vinculadas (INSS, Previc e Dataprev), que têm como finalidade alicerçar todas as informações referentes a qualquer eta-

A autora é qualificada com CBPP - Certified Business Process Professional -, pela ABPMP e ECM - Certified Enterprise Content Management, ministra cursos de BPM, ECM, Gestão Documental, Imprementação da Política de Gestão Documental e Formação de Gestores de Processos, entre outros. Especializada em Ciências da Informação pela UnB e em Administração pela Universidade Federal de São João Del Rei, é assessora de Gestão Estratégica de Inovação Institucional no Ministério da Previdência Social.

MAIO 2013 <

Artigos.indd 11

11

10/05/2013 03:51:05


Painel de indicadores permite o monitoramento de uma série de atividades de negócios da Previdência pa dos processos e gerenciar os documentos analógicos e digitais produzidos pelos processos. Além de cuidar de toda a vida informacional da organização e da gestão dos ativos de informação e implementar uma política de gestão documental integrada é única. NOSSOS PILARES PARA ESTRATÉGIA A estratégia da Previdência está na integração das disciplinas BPM e ECM com o alcance aos conceitos de Gerenciamento da Informação Corporativa – (do, inglês, Enterprise Information Management - EIM), hoje um projeto em curso no MPS. Os processos organizacionais são proporcionalmente geradores de documentos, por conseguinte de informações, que precisam ser monitorados e avaliados. Alinhar estes conceitos na incorporação do Projeto de 12

Artigos.indd 12

BPM é de fundamental importância, já que se está lidando com processos que trabalham de forma conjunta. A Lei de Acesso à Informação (LAI) impulsiona as organizações públicas a alargarem o compromisso para melhoria dos seus processos, e por consequência, na organização dos documentos e informações. NOSSO MODELO DE PROJETO DE BPM O Gerenciamento de Processos de Negócio é o conhecimento dos processos e seu relacionamento com os dados estruturados em uma visão top-down, até um nível que permita sua perfeita compreensão. O modelo lógico da Previdência Social está representado em cadeia de valor agregado dos macroprocessos, que se desdobram em diversos níveis de processos. A primeira etapa de mapeamento

e análise trata do diagnóstico e levantamento do processo como ele é executado na forma atual. A identificação dos fluxos de trabalho com início, meio e fim bem determinados, com insumos e produtos/serviços claramente definidos e com atividades que seguem uma sequência lógica, permite uma visão integrada e encadeada do trabalho. A partir dessa etapa aplicam-se os conceitos de intervenção, um requisito básico para a gestão de processos, que se caracteriza pela identificação dos tipos de intervenção a serem aplicados em desenho e modelagem: otimização, reestruturação e criação de processos. O Sistema de Diagnóstico de Processos e Produção Documental (SDPD) tem por objetivo auxiliar a organização no mapeamento e na análise dos processos e da produção documental, dando subsídio ao desenho, à modelagem e à automação dos processos. O SDPD

> MAIO 2013

10/05/2013 03:51:27


Expansão da rede de atendimento da instituição por todo o país pode ser acompanhada em detalhes identifica os dados das unidades organizacionais; de funções e atividades; atos normativos e dos sistemas que dão sustentação aos processos; os agentes intervenientes (cliente, agentes de governança, parceiros, fornecedores); a produção e o fluxo dos documentos e o acervo documental; e informações complementares (indicadores, RH, etc.). A inovação institucional na Previdência Social está direcionada às disciplinas de Gerenciamento da Informação Corporativa, o que remete ao compromisso de melhor direção, uma vez que as diretrizes estratégicas estão alinhadas ao tema e projetadas no Plano Plurianual 2012-2015 do governo federal. Nesse momento tão importante, tanto que surge a obrigação das organizações de darem acesso à informação ao cidadão, precisa-se alargar o compromisso na melhoria contínua dos processos organizacionais. Na era da informação existem desafios singulares que nos impulsionam a uma atenção diferenciada quanto ao

Existem desafios singulares que nos impulsionam a uma atuação diferenciada quanto ao conceito de gestão de processos e à ciência da informação conceito de gestão de processos e à ciência da informação, principalmente no que tange à arquitetura da informação,

que nos eleva a um pensar mais estratégico, envolvendo ações que de certa forma já vivemos, mas não as integramos e que podem ser definidas como “Atos de Transformação”, para o alcance do Gerenciamento da Informação Corporativa, que envolve a aplicação refletida nos processos de: Planejamento Estratégico com Balanced Scorecard - BSC; Gerenciamento de Processos de Negócio; Gerenciamento de Projetos e de Portfólio; Implementação de Política de Gestão Documental; Aplicação de Modelos de Maturidade; Gerenciamento de Configuração; Programas de Qualidade etc.

MAIO 2013 <

Artigos.indd 13

13

10/05/2013 03:51:49


O papel da TI e do humano na busca pela perfeição

REDUÇÃO DE CUSTOS

LUÍS ALBERTO PIEMONTE

A

tecnologia de informação aplicada à gestão ples. Pesquisas elaboradas em países da Europa mostram empresarial tem evoluído rapidamente que, nos sistemas integrados oferecidos para informatizadesde seu início, na década de 70, até os ção de empresas (ERP, CRM, etc), o percentual de uso das dias de hoje, trazendo enormes avanços em funcionalidades realmente utilizadas se situa em torno de qualidade e competitividade; primeiro para 55%. A parte não utilizada é desconhecida por usuários grandes organizações e logo após também para médias e (fato natural) e também pela enorme maioria dos consulpequenas. Iniciando por soluções locais e passando logo tores que implantam os próprios sistemas. A grande pergunta é: por que não aproveitamos para arquiteturas integradas, o desenvolvimento continua, acompanhando a tendência mundial de atuação plenamente o potencial oferecido pela tecnologia de inglobal. Ela é uma necessidade “sine qua non” para uma formação em geral? A resposta é muito simples: a oferta empresa crescer e se desenvolver em um contexto em que de informatização em quase todos os setores ultrapassa nossa capacidade de utilizá-la. Esta é a o mercado é o mundo. O tempo em que a implantação Ficou muito essência da mudança. A tecnologia da de sistemas de TI era feito de qualquer mais difícil informação se coloca agora na frente das necessidades humanas, não mais forma, com pouco ou nenhum planeescolher temos a reclamar por funcionalidades jamento, como aconteceu na década qual a melhor que precisamos. Ao contrário, ficou de 90, principalmente, chegou ao seu tecnologia para muito difícil escolher qual a melhor final. Ele deixou como aprendizagem cada necessidade tecnologia para cada necessidade e de alto custo que o uso da TI tem de e como selecionácomo selecioná-la e implantá-la corser acompanhado pela adequação da la e implantá-la retamente. forma de gestão e das pessoas que irão corretamente Se o leitor tiver dúvidas, faça uma lidar com o novo ambiente. Tudo denexperiência simples, peça a qualquer tro da lei natural da vida, onde nada é proprietário de um carro de última gegratuito e tudo o que retorna benefícios exige um esforço compatível. E como a tecnologia de ração que explique como funcionam os comandos eletrôniinformação é capaz de gerar grandes benefícios, natural- cos disponíveis. Irá verificar que a resposta será incompleta, alguns ele não sabe operar e de outros nem sequer saberá mente requer importantes investimentos. Encontramos hoje um grau de maturidade empre- por que lá estão. Pode repetir o procedimento com pessoas sarial bastante grande, quando o assunto é lidar com TI. que utilizam aparelhos de áudio ou de vídeo, de celulares, Tanto em nível de operação de sistemas existentes quanto eletrodomésticos, etc. Ficará com a clara impressão de que de implantação de projetos novos, a preocupação com os temos tecnologia de informação “sobrando” e que não concustos é prioridade. Nada mais razoável, principalmente seguimos utilizá-la no seu real potencial. No cenário atual é necessário considerar dois asquando se analisam as funcionalidades que podem ser aproveitadas de um sistema de TI. E essa não é tarefa sim- pectos principais ao se selecionar e operar sistemas

14

Artigos.indd 14

> MAIO 2013

10/05/2013 03:52:55


O futuro depara à TI um lugar cada vez mais destacado na vida empresarial e pessoal, apenas superada pela importância do ser humano, na busca pela perfeição.

de TI: flexibilidade e custos. O primeiro devido à mudança contínua de cenários de negócios, que requerem a evolução também contínua do desenvolvimento de soluções. Como exemplo podemos mencionar o que se visualiza como o futuro no ambiente de produção, no qual a introdução de novos materiais, o aumento de automação e o uso de técnicas produtivas como “Additive Manufacturing” modificarão significativamente a forma de se produzir; com mão de obra mais qualificada e em menor quantidade, o que possivelmente levará de volta aos países desenvolvidos muitas das fábricas que nos últimos tempos foram distribuídas pelo mundo, principalmente nos países em desenvolvimento. O segundo aspecto relacionado com os custos se compreende mais facilmente quando se pensa no ambiente altamente competitivo e na dificuldade de justificar através de um estudo de ROI (Retorno do Investimento) p.e. a viabilidade de implantar sistemas informatizados de relativa complexidade. Para conjugar e harmonizar os dois assuntos existe um caminho que entendemos ser o mais adequado: analisar as necessidades do negócio e, desta, derivar o modelamento dos processos otimizados que levaram ao seu atendimento. Modernamente é necessário que isso seja feito balanceando a necessidade de se padronizar (para, entre outros, diminuir custos, e não se “engessar”) para permitir a flexibilidade da operação. Em termos técnicos, significa realizar o alinhamento da estratégia com a operação, atividade que exige o uso de ferramentas de análise específicas. O futuro depara à TI um lugar cada vez mais destacado na vida empresarial e pessoal, apenas superada pela importância do ser humano, na busca pela perfeição.

Engenheiro eletrônico pela Universidade de Córdoba, Argentina, pós-graduado em Processos Empresarias pela Hochschule Munique, iniciou a carreira em 1969 como engenheiro de projetos em telecomunicações na Siemens Argentina, permanecendo na empresa por 15 anos, incluindo Alemanha e Brasil. Foi diretor da Maxitec, fabricante de eletrônica industrial do Grupo Mangels. Em 1989 fundou a Symnetics Business Transformation, em São Paulo, com a colaboração dos professores Kaplan e Norton, de Harvard. Em 1986 recebeu menção especial do governo federal pela atuação no salvamento do alto forno da CSN, por ocasião de incêndio, substituindo a casa de comando em quatro dias e impedindo a destruição da instalação. Em 1997, convidado pelo Prof. Dr. August Wilhelm Scheer, iniciou e desenvolveu as operações de IDS Scheer na América Latina, sendo sócio diretor até 2007. Além de atividades na EAESP, foi consultor do Bird e presidente do Insadi – Instituto Avançado de Desenvolvimento Intelectual. Tem publicado artigos e ensaios relacionados aos aspectos humanos, tecnológicos, organizacionais e culturais envolvidos nos processos de transformação empresarial, assim como ministrado palestras e treinamentos em mais de 20 países na América e Europa. Assessora e participa na organização de eventos sobre gestão empresarial na Colômbia e na Espanha. Atualmente desenvolve atividades de consultoria, treinamento e couching para executivos. Em 2010 publicou o livro “Gestão para Inovar”.

MAIO 2013 <

Artigos.indd 15

15

10/05/2013 03:53:16


Gestão de processos e gerenciamento de projetos como estratégia organizacional SANDRA CAMELO e PAULA COELHO O gerenciamento de projetos (Project Management – PM) se apresenta como um conjunto de processos capaz de conduzir uma incorporação eficiente de estratégias organizacionais. Nesse aspecto, vale frisar a importância da conexão entre PM e BPM

com a estratégia empresarial. O gerenciamento de processos de negócio deve ser focado na aprimoração de vantagens competitivas, enquanto o PM deve acompanhar projetos com impacto estratégico para a organização.

Gestão de Processos versus Gerenciamento de Projetos (PMBOK®, 2008; BPM CBOK®). PROCESSOS Objeto

Conjunto de atividades com um ou mais objetivos. Em geral, cruza fronteiras funcionais e entrega valor aos clientes.

Esforço temporário para obter um resultado exclusivo.

Gestão

Abordagem para identificar, desenhar, executar, documentar, medir, monitorar e controlar processos de forma a alcançar resultados consistentes.

Aplicação de conhecimento, habilidades, ferramentas e técnicas a fim de atender aos requisitos do projeto.

Ciclo de vida da gestão

1 • Estratégia e planejamento 2 • Análise 3 • Projeto 4 • Implementação 5 • Monitoramento e controle 6 • Refinamento

1 • Iniciação 2 • Planejamento 3 • Execução 4 • Controle 5 • Encerramento

Gestor

Responsável por desenho, performance, defesa e suporte ao processo.

Responsável por cumprir os objetivos de projeto.

Escritório de gestão

É guardião dos modelos e padrões e promove a melhoria dos processos.

Centraliza e coordena o gerenciamento de projeto.

Diferenças

Contínuos e repetitivos.

Temporários e únicos.

Similaridades 16

Artigos.indd 16

PROJETOS

Realizados por pessoas. Limitados aos recursos disponíveis. Planejados, executados e controlados.

> MAIO 2013

10/05/2013 03:55:10


GERENCIANDO PROJETOS DE BPM Projetos de melhoria de processos são realizados para tornar um processo existente mais eficiente, criando uma mútua dependência e fazendo com que o PM seja parte das iniciativas de BPM. Gerenciar projetos de BPM depende do gerenciamento de projetos, para garantir que as melhorias necessárias serão de fato implementadas. Durante a implementação do BPM, assim como no gerenciamento de projetos, uma equipe é montada com papéis e responsabilidades para resolver um problema específico e desmobilizada quando o projeto é concluído. Os papéis desta equipe são distribuídos em: • Analista de processos de negócio • Engenheiro de processos de negócio • Arquiteto de processos de negócio • Gestor de processos de negócio • Consultor de processos de negócio • Dono de processos de negócio • Analista de negócios • Analista de sistemas corporativos • Gerente ou diretor de melhoria de desempenho de negócios • Gerente ou diretor de inovação de processos de negócio

O BPMO tem como principais funções: • • • • •

• • •

Analisar impacto nos processos de projetos não oriundos do BPMO. Apoiar o gestor de processos no acompanhamento e avaliação do processo. Consolidar informações, documentações e registros de BPM. Disseminar as melhores práticas de BPM. Garantir o uso da metodologia, tais como padrões, práticas e indicadores de desempenho para BPM. Gerir e avaliar o portfólio de processos e sua governança, assim como recursos e informações. Mediar a interlocução entre alta administração e gerentes de processos. Monitorar os resultados dos projetos finalizados a partir de processos.

Esta equipe deve ter um gerente de projetos de BPM que entenda de: • Planejamento e Programação • Análise e Design • Entrevistas e Facilitação • Comunicação e Gestão de Mudanças

Características e habilidades para o gerente de projetos de processos • Conhecimento do uso da metodologia de Gerenciamento de Projetos do guia PMBOK®; • Gestão de pessoas em ambiente de projetos de processos; • Liderança e desenvolvimento de equipes; • Metodologia e técnicas de identificação e desenvolvimento de competências; • Princípios e práticas de mentoring e coaching; • Estratégias de negociação e resolução de conflitos; • Relação, comunicação e colaboração em ambiente de projetos de processos. MAIO 2013 <

Artigos.indd 17

17

10/05/2013 03:56:09


COMUNICAÇÃO E GESTÃO DE MUDANÇAS Nesse caso encontram-se as preocupações específicas. O gerente de projeto deve se beneficiar do conhecimento dos tipos de resistência a mudanças que os projetos de processo normalmente encontram. Além de fornecer sugestões sobre quando e de que forma lidar com estas preocupações. A comunicação é fator chave para o sucesso da implementação de BPM. Apesar de que grande parte do conhecimento necessário dos gerentes de projeto pode ser derivado da

experiência geral do processo de gestão, alguns dos conhecimentos necessários de um bom gerente de projetos de BPM é específico para sua área. Gerentes de processos de negócios mais eficazes devem dominar BPM tanto quanto PM. Antes de realizar quaisquer das tarefas de implementação de esforços de larga escala, o gerente de projeto de processos de negócio deve reconfirmar os compromissos junto aos patrocinadores do projeto e aos donos do processo.

O gerente de projeto deve se beneficiar do conhecimento dos tipos de resistência a mudanças que os projetos de processo normalmente encontram. Assim como também é seu dever revisar com os líderes da equipe de implementação BPM o progresso prévio e os planos atualizados e preparar ou revisar os cronogramas de implementação e os recursos necessários.

PLANEJAMENTO E PROGRAMAÇÃO Constituem a primeira etapa nessa implementação. É preciso que se defina uma metodologia de redesenho de processos e a especificação de fases, tornando, assim, o trabalho do gerente de processo mais simples.

Os requisitos de projeto atualizados e histórico que devem ser revisados pelo gerente do projeto de BPM: • Objetivos do projeto, escopo, benefícios e métricas relacionadas ao desempenho do processo de negócio;

ANÁLISE E DESIGN Vem logo em seguida, buscando envolver e aprofundar a análise dos processos, sendo esta a área mais complexa que será trabalhada pelo BPMO.

• Tempo do projeto BPM, razão para grandes mudanças e desvios e expectativas para a fase de implementação; • Considerações sobre a terceirização do processo de negócio; • Histórico de orçamento do projeto de BPM e alvos financeiros para a fase de implementação; • Riscos do projeto BPM: passado, atual e antecipado;

ENTREVISTAS E FACILITAÇÃO Terceira área de trabalho do BPMO. Associada a técnicas de análise e design, sistematizando informações relevantes, quais perguntas devem ser feitas e quais recursos deverão ser utilizados para assegurar que os dados coletados sejam abrangentes e precisos. 18

Artigos.indd 18

como foram ou poderiam ser endereçados; • Progresso da Gestão de Mudança do projeto BPM, incluindo sucessos passados, fracassos e próximos desafios; • Cenários de disponibilização (introdução/modificação) do projeto BPM por primeiramente, prioridade de objetivos do projeto e depois por benefícios visíveis.

> MAIO 2013

10/05/2013 03:56:28


OLHO NOS FATORES CRÍTICOS

Depois dessa revisão, um conjunto completo de atividades de implementação de BPM pode ser especificado e organizado usando uma metodologia consistente. Essas atividades podem ter sido feitas durante o planejamento inicial do projeto, mas devem ser revisadas e potencialmente modificadas de acordo com as mudanças que ocorrerão com o tempo. Contudo, não basta apenas entender sobre BPM e saber gerenciar projetos de BPM. Para obter sucesso na sua aplicação, alguns fatores críticos devem ser observados, como, por exemplo, a definição de metas clara, um gerente de projetos e, é claro, uma equipe competente, o apoio da alta administração, canais de comunicação adequados, mecanismos de controle e a capacidade de feedback. O projeto que for alinhado buscando um alto padrão de qualidade e que ofereça boas condições de trabalho para a sua equipe dificilmente irá deixar de alcançar o seu objetivo.

SANDRA CAMELO Consultora com mais de 20 anos de mercado, tendo consolidado sua trajetória profissional em empresa multinacional de auditoria e consultoria. Sócia-diretora da Innovo Group Negócios e Investimentos. Economista, pós-graduada e mestra em Estratégia e Governança Corporativa. Certificada CMC® (Certified Management Consultant) pelo ICMCI/IBCO e CBPP® Blue Seal (Certified Business Process Professional ) pela ABPMP (Association Business Process Management Professionals). Educadora e palestrante nacional e internacional. Membro fundador do IIBA Chapter - PE. Diretora adjunta nacional da ABPMP-BR.

Cada especificação de atividade de implementação deve incluir: • Objetivos, métricas de desempenho e uma lista de deliverables (resultados do projeto) relacionados à entrega de maior valor ao cliente; • Riscos e como serem minimizados; • Quem é responsável pela prestação de contas do projeto; • Suporte financeiro, de pessoal e de TI e outros recursos necessários; • Tempo necessário para conclusão; • Quaisquer interdependências interfuncionais de tarefas de implementação.

PAULA COELHO Consultora em gerenciamento de negócios e projetos. Foi diretora do Project Management Institute (PMI), Chapter Recife e executiva nomeada do PMI, Chapter Minas Gerais. Certificada PMP, Project Management Professional. Mestra em Ciência da Computação, na área de Inteligência Artificial aplicada à Educação de Gerenciamento de Projetos, pela UFPE e graduada em Ciência da Computação, pela PUC Minas. Qualificada para aplicar e fornecer o diagnóstico do instrumento de perfil psicológico MBTI (Myers Briggs Type Indicator). Ministra cursos relacionados às disciplinas de gerenciamento de projetos. MAIO 2013 <

Artigos.indd 19

19

11/05/2013 22:47:51


BMM

PLANOS DE NEGÓCIO

Conceitos básicos do Business Motivation Model Da Redação Desenvolvido pelo Business Rule Group, o Business Motivation Model (BMM) teve sua primeira versão publicada na web no começo dos anos 2000 e, desde então, passou por uma série de modificações, até 2007. O BMM fornece um esquema (ou estrutura) para desenvolvimento, comunicação e gerenciamento de planos de negócios de um modo organizado e prático. Dessa forma,

proporciona a identificação de fatores que motivem a definição dos elementos dos planos de negócio, assim como busca indicar a forma com que todos estes fatores e elementos se inter-relacionam. Para a classificação, existem duas áreas principais no BMM. A primeira, os meios e os fins, e a segunda, os influenciadores. Entre os fins, está aonde a organização pretende chegar, como o apontamento de metas e objetivos, enquanto entre

RESULTADOS

FINS Uma corporação precisa de objetivos. Os “fins” são aquilo que a empresa quer ser e a imagem que quer ter. Podem ser sobre mudanças, por exemplo, e o desenvolvimento de uma nova linha de negócio - migrar para um novo mercado ou mesmo manter sua posição. No BMM, os fins estão categorizados em visão e resultados desejados, e esse último é segregado em Metas e Objetivos.

VISÃO A visão descreve o futuro da marca, desconsiderando a maneira como chegará lá. Trata-se do último estágio, possivelmente inatingível, que a organização almeja. Contrapondo-se à visão, a meta deve ser atingível e necessariamente ser mais específica a um aspecto do problema do negócio. A visão é suportada por missões e ampliada por metas.

20

Artigos.indd 20

os meios estão todos os estágios que deverão ser transpostos, a partir de estratégias, táticas, políticas e regras de negócio. Já os influenciadores moldam os elementos dos planos de negócios e as avaliações feitas sobre os impactos como, por exemplo, o uso da análise Swot – ferramenta para avaliar as Forças (Strenght), Fraquezas (Weaknesses), Oportunidades (Opportunities) e Ameaças (Threats) de um cenário específico.

Os resultados desejados podem ser separados entre metas e objetivos, sendo suportados por planos de ação, que podem ser estratégias ou diferentes táticas.

METAS Diferentemente de um objetivo, a meta tende a demorar mais para se concretizar, sendo um plano de longo prazo. É uma indicação de um estado ou condição da empresa para alcançar (ou manter) uma posição através de meios apropriados, amplificando uma visão. Uma meta deve ser, necessariamente, restrita. Suficientemente focada para que possa ser quantificada por objetivos. Diferentemente da visão, que é muito abrangente para ser mensurada diretamente. No entanto, determinar o que é visão e meta é praticamente impossível, uma vez que, sem o conhecimento profundo do contexto e da intenção dos planejadores do negócio, as nuances entre as duas é quase imperceptível.

> MAIO 2013

10/05/2013 03:59:01


ESTRATÉGIA Parte do plano de ação, a estratégia existe para que se cumpra a missão. Trata-se mais do que um recurso recorrido. Antes disso, é o caminho certo para que a organização atinja suas metas, levando em consideração os limites e os riscos de seu ambiente.

OBJETIVOS Um objetivo deve ser primordialmente atingível em um determinado espaço de tempo. É necessário, também, que a finalidade esteja clara, para que não ocorram contratempos. Por exemplo, devemos aumentar o número de vendas em 15% em seis meses e, para isso, investiremos em uma ação de marketing do produto. Um objetivo deve ser explicado de forma simples, mesmo que exista uma complexidade muito grande dentro dele.

MEIOS Um meio, obviamente, é tudo aquilo que pode ser executado para chegar aos fins, podendo ser um dispositivo, um regime, uma técnica, um instrumento ou, praticamente, qualquer coisa para que os planos sejam concretizados.

MISSÃO Cabe à missão estabelecer como será o cotidiano da empresa, ou seja, cabe a ela fazer com que a visão seja cumprida, sustentada pelo que foi planejado através das estratégias. Para que se constitua uma missão, é necessário que três pontos sejam observados: a ação (exemplo: fornecer), o produto ou serviço (pizzas) e o mercado ou cliente (classe média da zona sul da cidade).

PLANO DE AÇÃO Composto por estratégias e táticas, o plano de ação representa os elementos de uma solução global que a instituição precisa ter para obter seus resultados desejados. É necessário lembrar que o plano de ação não é um processo de negócio.

TÁTICA A tática é um plano de ação que representa parte das estratégias – como na decisão de comprar um software “x” de CRM para executar a estratégia de “implantar um sistema CRM”. A tática também busca dar suporte aos objetivos.

DIRETIVAS Como o nome sugere, as diretivas indicam como os planos de ação que devem (ou não) ser realizados. De uma forma específica, diretivas definem ou restringem alguns aspectos da empresa, destinando-se a afirmar a estrutura, controlar ou influenciar o comportamento do negócio. Elas podem se ramificar em dois tipos diferentes: políticas de negócio e regras de negócios, cada uma com suas especificidades.

POLÍTICAS DE NEGÓCIO Política de negócio é uma diretiva não acionável, cujo propósito é governar e/ou guiar a companhia, fornecendo o básico para as regras de negócio. De modo geral, essas políticas existem para controlar, guiar e dar forma às estratégias e às táticas.

REGRAS DE NEGÓCIO Destinada a orientar ou influenciar o comportamento do negócio, as regras de negócio buscam dar apoio à política formulada como resposta para uma oportunidade, ameaça, força ou fraqueza. Trata-se aqui de orientar os processos de negócio. Com diferentes níveis de execução que representam alternativas em uma escala graduada ou ordenada – onde cada uma indica a gravidade da ação imposta para colocar ou manter a regra em vigor –, destacam-se os influenciadores.

MAIO 2013 <

Artigos.indd 21

21

10/05/2013 03:59:15


INFLUENCIADORES Para a total compreensão dos elementos do plano de negócio, é preciso que se identifiquem os influenciadores que os formam. No caso, um influenciador é o que pode causar uma mudança que afete a empresa no emprego dos meios e no alcance dos fins. São separados em duas categorias: internos e externos. INTERNOS

DESCRIÇÃO

Suposições

Algo dado como adquirido ou sem provas

Valor corporativo (pode ser dividido em explícito e implícito)

Um ideal, costume ou instituição que uma empresa promove.

Valor explícito

Um valor estabelecido e declarado

Valor implícito

Um valor não explícito mas compreensivo

Hábito

Uma prática habitual

Infraestrutura

Framework base ou característica do sistema

Questões

Uma questão que está em debate

INTERNOS Surgem dentro de uma organização e podem impactar nos meios e nos seus alcances.

Prerrogativas da gestão

Recursos

EXTERNOS

EXTERNOS Provém de fora da fronteira empresarial e podem impactar nos meios e nos seus alcances.

22

Artigos.indd 22

TVS_0058_13_An_

O direito ou privilégio exercido por uma posição na empresa Recursos disponíveis

DESCRIÇÃO

Concorrentes

Uma empresa com vantagem sobre a sua

Clientes

Indivíduo ou empresa que adquiriu, recebeu ou pagou pelos produtos ou serviços

Ambiente

O que afeta o desenvolvimento da existência da empresa

Parceiros

Empresas que compartilham riscos e lucros

Regulamentos

Ordem prescrita por uma autoridade como o governo

Fornecedores

Indivíduo ou empresa que fornece produtos ou serviços para a sua organização

Tecnologia

Papel tecnológico, incluindo desenvolvimento e limitações.

> MAIO 2013

10/05/2013 03:59:45


ARTIGO

Tecnologia resolve ou complica quando se trata de processos de negócio?

DO ARTIGO ORIGINAL DE

VIVIANE HÉRICA S. VIEIRA, CBPP.

A

s empresas, muitas vezes, com a intenção de melhorar seu desempenho e diminuir custos de produção, procuram focar a melhoria dos processos. Inicia-se, então, uma corrida por soluções que atendam à expectativa do melhor pelo “menor custo”. Nesse momento, os executivos funcionais são desafiados e iniciam intermináveis discussões com as demais áreas da organização; um gerente diz ao outro que precisa receber insumos mais rápidos, a área de produção alega que o custo final do produto ou serviço se dá pelo alto preço da compra da matéria-prima, o gerente funcional alega não ter mão de obra suficiente para produzir mais em menos tempo. É comum nas reuniões gerenciais uma área imputar a culpa a outra por não ter alcançado o melhor resultado. No momento em que se percebe os gargalos dos processos e que a comunicação entre as áreas é falha, inicia-se a busca por soluções que resolvam tudo ao mesmo tempo. Imagina-se que um sistema (software) e uma equipe de tecnologia sejam uma solução preciosa. Pensando dessa forma, organizações fazem aquisições de sistemas de tecnologia complexos para solucionar as falhas dos processos, e o que descobrem é que o sistema não as resolvem. Os sistemas ainda não são capazes de pensar

o negócio, pois essa atribuição é exclusiva do dono do processo. Passada essa fase, vem a necessidade de repensar o processo de negócio ponta a ponta. O momento é oportuno. Pode-se descobrir que é possível ter processos de alto desempenho sem tecnologia, e que é possível combinar a tecnologia com os processos de negócios. Mas é necessário acertar na ordem; primeiro vêm os processos, depois a tecnologia. Quando essa ordem é desprezada, pode ocorrer a automatização de processos ineficazes, fazendo com que os resultados ruins apareçam mais rápido. As empresas funcionais costumam manter seus chefes de departamento encomendando da TI novas funcionalidades nos sistemas, muitas vezes de forma isolada e com a finalidade de atender a demandas específicas. Isso sobrecarrega a TI, que acaba criando isolados conglomerados de customizações sistêmicas difíceis de convergir com os demais. Muitos gestores de TI vivem frustrados porque não conseguem vencer as demandas de seus pares. Existe uma maneira de acabar com essa sensação: mirar no processo ponta a ponta, depois agregar a tecnologia. A TI deve conectar-se diretamente ao processo, para permitir que percorra o caminho mais rápido, com melhor comunicação, para entregar maior valor

ao cliente. É comum encontrarmos gestores de TI tentando nos convencer de que devemos ceder ao caminho do sistema, que os processos precisam seguir suas interfaces, como se o sistema mandasse no negócio. O que é um erro, já que o foco deve ser o desenho do negócio e os objetivos estratégicos da empresa, devendo a tecnologia dar o suporte. A evolução tecnológica é realmente capaz de transformar o mundo, mas ainda não supera a capacidade humana de pensar, articular, projetar e construir soluções incríveis.

A autora tem MBA em Administração, Finanças e Gestão de Processos, em Gestão de Plano de Saúde e em Controladoria, além de ser bacharel em Ciências Contábeis. É coautora do livro “Estratégia & Ação: no contexto das organizações de saúde”. Trabalhou como superintendente de recursos Unimed, superintendente de finanças na Aliança Planos de Saúde e hoje atua na Qualicorp. MAIO 2013 <

VIVIANE.indd 23

23

11/05/2013 22:42:45


Processos que salvam o meio ambiente

ARTIGO

N

este início de século, a sociedade criou consciência em relação ao monitoramento ambiental, aos avanços sustentáveis e à preservação da natureza. Por esta razão, fez-se necessário a adoção de práticas de remediação e prevenção de empresas e governo. É o caso do Painel de Governança Ambiental. A ideia de Michelle Dratovsky consiste em um sistema que permite aos gestores analisar com agilidade e solucionar determinados eventos. No artigo “Painel de Governança Ambiental (PGA): gestão e monitoramento do meio ambiente de forma eficiente”, ela propõe aumentar a eficácia do monitoramento definindo os processos de gestão. “O importante é disponibilizar alternativas de coleta para alimentação das informações e definir prazos para inclusão de tais informações no PGA de forma a permitir que decisões sejam tomadas e processos sejam executados em tempo hábil, permitindo salvar vidas e evitar danos à natureza”, diz. Já aplicado em Sergipe, o PGA é uma solução com diversas possibilidades. Com a inclusão de informações, classificadas de acordo com sua criticidade, é possível compor cenários, dando ao gestor domínio sobre as ocorrências, subsidiando a tomada de decisão com

24

Artigos.indd 24

qualidade, de forma completa, antecipada e útil. Segundo Michelle, o entendimento da definição de processos e a aplicação de métodos de gerenciamento permitirá a construção e a sustentação do PGA . “É imperativo que os líderes que adotarem o sistema usem o tempo que lhes for necessário para entender todo esse processo antes que comecem a tomar decisões”, defende.

A compreensão crítica do mundo só é possível se levarmos em conta a complexidade decorrente do emaranhado de interações entre os seus componentes físico químicos, biológicos e humanos.

As políticas governamentais necessitam de instrumentos institucionais eficientes para que os efeitos desejados sejam produzidos, além de estrutura organizada, corpo técnico capacitado e recursos orçamentários, fundamentais para a implementação do PGA. Com softares específicos para a construção de sashboards e scorecards devidamente parametrizados, serão aplicadas as regras de negócios

definidas para tratar cada dado, que será classificado conforme relevância e risco, apresentando os resultados em forma gráfica. As diversas entradas de dados representadas devem ser analisadas e adaptadas para cada região, de acordo com as perspectivas do gestor e as possibilidades de capturas dos dados. O objetivo maior é prover informações, em tempo real, para subsidiar a tomada de decisão. Para isso será necessário a disponibilização de dados cartográficos em um software específico para cadastrar as coordenadas das ocorrências. O PGA deve ter um plano a ser utilizado por etapas após a alimentação de dados. O sistema de controle deve incluir: A) OBJETIVO: o controle requer um objetivo, um fim predeterminado, um plano, uma linha de atuação, uma norma, uma regra decisória, um critério ou uma unidade de medida; B) MEDIÇÃO: o controle requer um meio de medir a atividade desenvolvida. O que não se pode medir não se pode administrar; C) COMPARAÇÃO: um procedimento para comparar tal atividade com o critério definido; D) CORREÇÃO: algum mecanismo que corrija a atividade em curso para permitir alcançar os resultados.

> MAIO 2013

11/05/2013 22:58:39


Painel de governança ambiental Solicitação licença ambiental

Sistema Federal

Ministério Público

Notificação (fiscalização)

Balneabilidade

Ocupação em Área de Risco

Disque Denúncia (telefone/ internet)

Captação Hidro Meteorológica (estação)

Análise de qualidade do ar

Transmissão de imóveis (cadastro/ prefeitura)

Outorga (direito de uso de recursos hídricos)

ACIONAR PROCESSOS/INTERAGIR COM ÓRGÃOS: INFORMATIVOS - INTERDIÇÃO DE PRAIA, APLICAÇÃO DE NOTIFICAÇÃO, ETC PREVENTIVOS - DESOCUPAÇÃO DE ÁREAS, CONSCIENTIZAÇÃO, LIMPEZA DE ÁREAS, ETC. EMERGÊNCIAS - RETIRADA DE COMUNIDADE, ALERTAS, INTERDIÇÃO DE ÁREAS, ETC.

INFORMAÇÕES PARA ALIMENTAÇÃO DO PGA • • • • • •

Transmissão de imóveis; Clima e tempo; Hidrometeorologia; Disque denúncia; Fiscalização das unidades de Conservação – UC; Solicitação de Licença Ambiental;

• • • • • •

Sistema Federal; Ministério Público; Balneabilidade; Ocupação em área de risco; Análise da qualidade do ar; Outorga;

RISCO

TIPO DE PROCESSO POSSÍVEIS PROCESSOS A SEREM ACIONADOS

Baixo

Informativo

Médio

Preventivo

Retirada da comunidade de áreas de risco, notificação, limpeza de terrenos, campanhas de conscientização, atividades comunitárias, plantio de árvores, interação com outros órgãos públicos.

Alto

Emergencial

Interdição de áreas, alertas de emergência, bloqueio de estradas, desocupação de áreas, aplicação de auto de infração, interação com outros órgãos públicos.

Avisos à comunidade, notificação, cartazes e faixas, publicação em sites, jornais e TV, interação com outros órgãos públicos.

A autora é assessora do secretário do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos de Sergipe, gestora de projetos de processos e de TI da administração de Sergipe, gerente de BPM da Influir Automatização de Processos e coordenadora e professora de pós-graduação em Gerenciamento de Processos de Negócios da Fanese. Atua como consultora em organizações e em BPM. Certificada pela ABPMP, é administradora de empresas e especialista em consultoria organizacional . MAIO 2013 <

Artigos.indd 25

25

10/05/2013 04:05:07


EDITORIAL

DIVULGAÇÃO

Technology pulses at BITS CONSTANTINO BÄUMLE Diretor da Hannover Fairs Sulamérica

A tecnologia pulsa na BITS A BITS – Business IT South America chega a sua 3ª edição em Porto Alegre. Um evento de Tecnologia da Informação e Comunicação - TIC, que tem sua origem na alemã CeBIT, maior feira de TIC do mundo, com foco em negócios para o mercado sul-americano. A BITS 2013 está reformulada e com maior integração do mercado de tecnologia. A área de exposição conta com empresas de dez países e estandes coletivos como Portugal e China, além de nomes de peso do cenário brasileiro de TIC. As BITS Global Conferences foram divididas em áreas, de acordo com a CeBIT, que abordam os principais temas relacionados a inovação, tecnologia, mundo digital, negócios e educação. As Rodadas de Negócios reunirão mais de dez países e empresas nacionais e internacionais, com o apoio do 26

COnferences.indd 26

Programa Al-Invest e Sebrae. Este ano, o evento ainda traz o CIO Project, iniciativa que reúne compradores e fornecedores de TIC em um ambiente exclusivo e propício aos negócios. O CIO Project é uma grande vitrine para as empresas expositoras, que estarão mostrando suas soluções, e para os CIOS, que terão uma gama de produtos ao seu dispor. Outra novidade é o Espaço Inovação, com competição de games, desafio de empreendedorismo, palestras e artes gráficas. Somam-se a tudo isso encontros paralelos de diferentes entidades de todo o país que aproveitam o ambiente da feira para cursos, palestras, negócios e networking. Essa é a essência da BITS, proporcionar um espaço para troca de ideias, inovação e geração de negócios. Sejam bem-vindos e bons negócios!

BITS – Business IT South America is at its 3rd edition in Porto Alegre. It is an Information and Communications Technology (ITC) event with a focus on business for the South American market, inspired by German CeBIT, the largest ICT trade show in the world. The 2013 edition of BITS was revamped to provide better integration with the technology industry. The show now features the presence of participants from 15 countries and collective stands such as Portugal and China, in addition to heavy weights from the Brazilian ICT market. BITS Global Conferences were divided into areas, much like CeBIT, focusing on the main themes related to innovation, technology, the digital universe, business and education. The Business Rounds – Business Matchmaking – are expected to gather ten countries and national and international companies, with the support of the All-Invest Program and SEBRAE. This year, the event adds up the CIO Project, an initiative that gathers ICT buyers and suppliers in an exclusive atmosphere, great for business. CIO Project is a great way for exhibiting companies to showcase their solutions and for CIOs to get to know the wide range of new products available. Also new to this year's event is the Innovation Space, with games, entrepreneur challenges, lectures and graphic art. Parallel to all these attractions, many different events are expected to be held by entities from different parts of the country, such as courses and lectures, in addition to business and networking opportunities. That is the essence of BITS – to provide a space for people to exchange ideas, innovation and generate business. Welcome and we hope you make great business!

> MAIO 2013

10/05/2013 04:11:58


EDITORIAL

FOTO DUDU LEAL/DIVULGAÇÃO

HEITOR JOSÉ MÜLLER Presidente da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul - FIERGS

Indústria 4.0 e um novo ciclo

Industry 4.0 and a new cycle

A indústria fez a tecnologia da informação. E a tecnologia da informação mudou o setor industrial. Nesse universo conectado e compartilhado, surge a “indústria 4.0”, marcando o novo ciclo de produção fabril que estamos vivendo.

The industry made information technology possible. Information technology has changed the industrial sector. In this highly connected and shared universe the “Industry 4.0” arises as a result of the new manufacturing cycle we are facing.

A FIERGS tem o prazer de promover e abrigar mais uma edição da BITS, em conjunto com a Hannover Fairs Sulamérica.

FIERGS is proud to promote and host yet another edition of BITS in collaboration with Hannover Fairs Sulamérica.

Os expositores e os visitantes compõem uma síntese deste mundo em transformação, caracterizado pela quarta revolução industrial. Certamente o conjunto dos estandes e a diversidade de produtos e serviços expostos sinalizam o nível da evolução que estamos vivenciando.

Exhibitors and visitors are an example of this world in constant transformation, characterized by the fourth industrial revolution. There is no doubt that the stands and the wide diversity of products and services are signs of the evolution we are currently witnessing.

Nesse cenário, a BITS 2013 ajuda a entender o mundo em permanente mudança. As portas estão abertas para uma verdadeira viagem aos destinos mais atuais em tecnologia da informação. Sejam todos bem-vindos à feira que antecipa o futuro e compartilha conhecimentos. 27

COnferences.indd 27

> MAIO 2013

In that scenario, the 2013 BITS helps us understand the world in constant change. The gates have been open to a journey through the most current destinations in information technology. Welcome to the Trade Show that anticipates the future and shares knowledge. MAIO 2013 <

27

10/05/2013 04:12:25


GLOBAL EDITORIAL CONFERENCES As BITS Global Conferences 2013, congresso oficial da BITS, ocorre durante os três dias de feira, dividida em quatro áreas, acompanhando as tendências abordadas pela CeBIT. Aborda assuntos esperados por profissionais, como soluções de negócio para o uso de novas tecnologias no desenvolvimento empresarial.

Com foco no consumidor, mostra tendências, soluções móveis e aplicativos, bem como discussões de especialistas sobre novos modelos de negócios.

Formadores de opinião, universidades, empresas e startups, investidores, desenvolvedores e educadores discutem a economia criativa e colaborativa.

Debate os principais desafios do setor público, trazendo as políticas públicas que estão sendo executadas e planejadas para o desenvolvimento social.

PROGRAMAÇÃO DIA 14 14:30 16:30 18:00 19:00

DIA 15

# A TI tem futuro? - Fábio Gandour - cientista-chefe da IBM # Navegando com o Sucesso - Vilfredo e Heloisa Schürmann Sessão de autógrafos com Heloisa Schürmann - “Pequeno Segredo – a Fantástica Vida de Kat Com a Família Schurmann” Solenidade de Abertura com Autoridades – Aberta ao público e convidados

SALA 1

SALA 2

EXPERIENCE EDUCATION 10:00 12:00

SALA 3

GESTÃO DE DOCUMENTOS

# Como os estudantes estão transformando a educação Miguel Andorffy - MeSalva.com # Aprendizado colaborativo e livre Daniel Larusso – Nos.vc # Projeto Academia Reserva Mariana Achutti – Academia. Reserva # Aprendizagem com diálogo e diversão Fred Vasconcelos – JoyStreet.com.br Mediador: Prof. Franz Figueroa - Senac

# Gestão de Documentos e Segurança Digital Patrícia Peck Pinheiro PPP Advogados Mediador: Luiz Lamb - UFRGS

PROFISSIONAL DE TI # TI em 2020: desafios para as empresas e os profissionais Cezar Taurion – IBM Mediador: Sérgio Sgobbi - Brasscom

Sessão de autógrafos com Federico Pistono - “Robots will steal your job, but that’s OK“ SALA 2 SALA 3 SALA 1

NOVAS TECNOLOGIAS 14:00 15:30

# Robots will steal your job, but that´s OK Federico Pistono – FedericoPistono.org Mediador: Tiago Mattos - Perestroika

28

COnferences.indd 28

REDES SOCIAIS # Case Redes Sociais - Hospital Israelita Albert Einstein Elis Forgerini - Hospital Israelita Albert Einstein Mediador: Paulo Gusmão - Sindihospa

SEGURANÇA E DEFESA CIBERNÉTICA # Defesa Cibernética em Grandes Eventos Cel Eduardo Walllier Vianna – CDCiber # Segurança Cibernética - Oportunidades e Desafios na Administração Pública Federal Raphael Mandarino – GSI/Presidência # Ataques cibernéticos ao setor financeiro: questões regulatórias Marco Souza– CitiBank # Abordagem e desafios da segurança da informação em um novo cenário bancário Jorge Krug – Banrisul Mediador: Jairo Avritchir - JP Morgan Chase

> MAIO 2013

10/05/2013 04:12:44


GLOBAL CONFERENCES DIA 15

SALA 1

SALA 2

E-BOOKS 15:40 16:40

CLOUD

# Self-Publishing: Is it really disrupting the digital publishing industry? Yes! Antonio Tombolini – Simplicissimus.it # Um outro ângulo do livro digital Gustavo Lima - Buqui.com.br Mediador: Eugenio Esber Revista Amanhã

# O que é, como é criado, por que é importante e os mais recentes desenvolvimentos nas pesquisas sobre Big Data Karin Breitman - EMC

Mediador: Roger Muller – Ilegra

Mediador: Ricardo Orlandini - EPTC

DIA 16

# Simulando o comportamento de multi- # Desafios de BYOD na Embraer dões em ambientes públicos Alexandre Baulé - Embraer Soraia Musse – PUCRS # Prontuário eletrônico do paciente na beira do leito Mediador: Cel Kleber Senisse - SEL/RSMaria Luiza Malvezzi – Hospital de Copa 2014 Clínicas de Porto Alegre Mediador: Oswaldo Balbarda - Hospital Dom João Becker

MOBILE

# A Herança Tecnológica da Copa do Mundo Desafios e oportunidades da Copa de 2014 Kalil Sehbe - Secretário Esporte e Lazer RS # Construindo uma cidade mais inteligente - Porto Alegre Lafaiete dos Santos - Procempa # Segurança Pública: um grande desafio Lino Kieling - Procergs Mediador: Alberto Blois – Softex SALA 1

Mediador: Jonatas Abbott – Abradi Nacional

MOBILE

# Fábrica de ideias em Mobilidade - Como a abordagem da mobilidade como meio de comunicação muda a relação entre empresas e consumidores Danilo Toledo – taqtile.com Mediador: Sandro Cortezia Ventur.net

# Gestão da marca em conflitos e crises Gil Kurtz – Vossa

# Banda Larga: Investimento para o crescimento e igualdade José Augusto de Oliveira Neto Huawei Mediador: Fábio Bonadiman Internetsul

SALA 2

E-BOOKS 10:00 12:00

GESTÃO DE CRISE

BYOD - BRING YOUR DEVICE

COPA 2014 18:00 19:00

BIG DATA

# A Internet como plataforma de negócios André Serpa – Google Enterprise

TECNOLOGIA E SEGURANÇA 16:50 17:50

SALA 3

SOCIAL COMMERCE

SALA 3

GESTÃO DE ENERGIA

# Educação Digital – Livro Didático Digital Martha Gabriel – Martha. com.br #Tecnologia na escola, a gestão de mudança Marta Voelcker - Pan American School of Porto Alegre Mediador: Ângela Ravazzolo - Zero Hora

# Social CRM: o próximo passo do Social # O Mercado de energia e oportunidades de Commerce? eficiência energética Alessandro Cauduro - facebook.com/w3haus Dr. Gilson Paulillo - Instituto de Pesquisas Eldorado # Os novos rumos da interação social: # Eficiência energética, tenologia e sustentabilidade Social Commerce Mariélio Silva – Elster Medição de Energia Helisson Lemos - facebook.com/Mercado# Administração de Energia Livre Sérgio Rahde - CEEE # Social Commerce no Brasil: aprendizados e tendências Mediador: Daniel Selem Dora - Beelieve Marcelo Conforto - facebook.com/Likestore Mediador: Donald Reis - Constatt Sessão de autógrafos com Federico Pistono - “Robots will steal your job, but that’s OK“

CLOUD

TECNOLOGIA E SAÚDE TECNOLOGIA E SOCIEDADE 14:00 15:30

# Contexto Digital Luli Radfahrer – Eca/USP Mediador: Walker Massa – Nós Coworking

# I9Access aproximando médicos e pacientes por meio da Telemedicina Alexandro Bordignon-CEI/UFRGS - i9access.com.br # Prontuário Eletrônico Online: Uma nova forma de conectar Médicos e Pacientes Antonio Paschoal – minhasaudeonline.com.br # Ninsaúde - Um meio fácil e rápido de gerenciar clínicas e consultórios médicos Helton Marinho - ninsaude.com # A Nova Medicina - Ferramentas de marcação de consultas pela internet Dr. Cidio Halperin – Zapsaude.com.br Mediador: Tiago Gusmão - Pipa MAIO 2013 <

COnferences.indd 29

# Present and future of cloud computing Simone Brunozzi – Amazon EUA Mediador: José Papo - Amazon-BR

29

10/05/2013 04:13:06


GLOBAL CONFERENCES EDITORIAL

DIA 16

SALA 1

ACELERADORAS 15:40 16:40

# Empreendedorismos de alto impacto Rafael Duton Alves – 21212.com # Programas de Aceleração da Pipa Tiago Mabilde – Pipa.vc Mediador: Nei Grando - Strategius

ECONOMIA CRIATIVA 16:50 17:50

# Quais os benefícios de uma presença global para uma empresa Criativa/Digital? Fábio Krohn Jr. – Pandorga.com.br # O que queremos? Abordagem sócio-comportamental Francine Grando – facebook.com/Oquequeremos # Empreendedorismo como opção de vida Rafael Zatti – pagapramim.com

SALA 2

MARKETING DIGITAL # Search marketing para alavancar os negócios Fábio Ricotta – Mestre SEO Mediador: Vicente Neto - netRevenda

BIG DATA # A análise do varejo na velocidade do pensamento Guilherme Masseroni – GetWay. com.br # Use a tecnologia para conhecer o comportamento do seu consumidor dentro do varejo Gustavo Lemos – Idxp.com.br

SALA 3

INFRAESTRUTURA # A importância da infraestrutura de TIC adequada para garantir o sucesso dos projetos de virtualização Flávio R. Marques – Furukawa Gustavo Yazbek– HP Mediador: Glauco Nunes - Latintec

GAMIFICATION # Gamification: Você quer jogar e melhorar seus ganhos? Leonardo Di Paola – InnovarGroup. com.ar Mediador: Carlos Idiart - ADJD-RS

Mediador: Jaime Wagner - WOW

Mediadora: Bruna Eboli - Endeavor FINANCIAMENTOS E AÇÕES GOVERNAMENTAIS DE DESENVOLVIMENTO 18:00 19:00

# Promovendo o desenvolvimento a partir da ciência, da tecnologia e da inovação Luciano Antreatta – SCIT # Oportunidades e desafios para as TICs - André de Castro Pereira Nunes - Finep Marcelo Lopes – Badesul Pedro Contijo Menezes - MCTI Mediador: Newton Braga Rosa - UFRGS

30

> MAIO 2013

MOBILE # SGO - Revolucionando a gestão de operações de campo através da mobilidade Roberto Brasbie - Stemac (Case Trevisan Tecnologia) # Educação corporativa: aumentando o engajamento através da mobilidade Luana Barcelos da Silva –Telefônica Vivo (Case Zenvia) Mediador: Bruno Esperança - ADVB

GESTÃO DE PROJETOS # Alto Desempenho na gestão de projetos Coordenação: Grupo de Usuários Sucesu GU Gestão de Projetos & GU Metodologias Ágeis Debatedores Dr. Rafael Prikladnicki – AGT/PUCRS Carlos Dattori – Dimed/Panvel Juliano Reis – PMI-GOC Luiz Cláudio Parzianello – Grupo RBS Mediador: Eduardo Arruda – Trevisan Tecnologia


NEGÓCIOS

Rodadas de oportunidades A Rodada de Negócios da BITS mudou de nome, mas mantém o objetivo de promover o encontro entre empresas brasileiras, europeias e latino-americanas Nacional: dia 16, das 13h e dar oportunidades de ne- às 18h gócios e estimular ações de Internacional: dias 14 e 15, das 13h às 19h parcerias. A BITS Business Matchi- Local: Estande E09 making Nacional é desenvolvida e realizada pelo Sebrae e ocorre no dia 16 de maio. A participação é exclusiva para empresas participantes dos projetos coletivos do Sebrae e expositores da BITS. Já o encontro internacional é uma iniciativa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS), por meio do Centro Internacional de Negócios (CIN-RS), em parceria com o Programa Al-Invest IV, a Apex-Brasil, o Sebrae-RS e com o apoio da Softsul.

CIO Project traz os compradores Novidade da BITS 2013, o BITS CIO Project aproxima fornecedores expositores e CIOs de empresas compradoras de tecnologia. No projeto, empresas apresentam seus produtos e serviços, aproximando interesses em um formato consagrado de fazer negócios. Além disso, os convidados ficam à disposição dos fornecedores que se inscreverem para a atividade. A programação inclui palestras e visitação à área da feira, além de momentos para network. Participam cerca de 20 CIOs do Brasil e de outros países da América Latina como Argentina, Uruguai e Chile.

Espaço Inovação O Sebrae-RS tem um espaço aberto ao público com desafio de jogos, oficinas criativas, palestras, talks e desenvolvimento de projetos, entre outras atividades, que ocorrem em uma área de 260 m² no Espaço de Inovação. Vejas as atrações:

DESAFIO GAMES Desenvolver um jogo em 48 horas sobre um tema surpresa. Disputam o certame até seis equipes, que terão suporte para ficar programando durante 24 horas

nos dois dias. Os vencedores serão escolhidos por um júri profissional no dia16 de maio. Os jogos ficarão disponíveis ao público no Espaço Inovação.

THINKERS Talks, palestras e oficinas sobre jogos, educação, ciência, sustentabilidade e esportes. Temas: inovação

abstrata, ciência e inovação, educação em rede, lean startup, Gdd e Desenvolvimento, Game Model Canvas, etc.

ARTE EM TEMPO REAL Criação de personagens em tempo real nas técnicas de Sculpt 3d, Modelador 3d zbrush, Concept Art e ture Digital, Escultura 3d no

SculpCculpture ou Concept Art 2d, artes 2d, modelo 3d utilizando blender, Concept art e Pintura Digital, Escultura em platilina, Escultor. MAIO 2013 <

COnferences.indd 31

31

10/05/2013 04:14:06


EXPOSITORES EXHIBITORS

A-B

Advancedit Porto Alegre - RS www.advancedit.com.br Fone: (51) 3382-1000 Infraestrutura (banco de dados Oracle e SQLServer) e desenvolvimento de sistemas (Java, Oracle Forms/Reports/ APEX, .NET e BI).

Banrisul Porto Alegre (RS) www.banrisul.com.br Fone: 0800 646 1515 Infrastructure (database Oracle and SQLServer) and system development (Java, Oracle Forms / Reports / APEX. NET and BI).

Advantis Solutions Lisboa - Portugal www.advantis.pt Fone: +351 217 210 160 Serviços e soluções através da divisão em unidades de negócio. Reúne consultoria e implementação de soluções colaborativas.

APBG Electronic Co. Shenzhen - China www.apbg-china.com Fone: 86 (0) 13510582959 Opera desde 1988, com 400 funcionários e duas fábricas. Produtos: cabos de fibra óptica, HDMI splitter, fontes, conversores, rede e patch cord.

Services and solutions through the division into business units. Gathers consultants and collaborative implementation solutions.

In the market since 1988, with 400 employees and two factories. Products: optical fiber cables, HDMI splitter, supplies, converters, network and patch cord.

32

Catalogo.indd 32

Startup especialista em desenvolvimento para plataformas móveis, iOS e Android, cria ferramentas e soluções de mobilidade.

Startup development specialist for mobile platforms iOS and Android, creates tools and mobility solutions.

Befon - Beijing Beifang Office Beijing - China www.rechina.com.cn Fone: 0086-15801201435 Produtos para duplicadores digitais e especializada em desenvolvimento, fabricação e venda de itens como copiadora e impressora laser.

Products for digital duplicators and specializes in developing, manufacturing and selling items like copiers and laser printers.

Brame Automação Florianópolis (SC) www.financeiroweb.com.br Fone: (48) 3239-2290 Association of Information Technology Companies Vale do Rio Pardo and Taquari. Brings together small and medium enterprises in their region.

Autocargo Florianópolis (SC) www.autocargo.com.br Fone: 0800 600 3800 Desenvolvimento e integração de hardware e software para a área de controle de frotas, rastreamento de veículos e cargas.

The Bank of the State of Rio Grande do Sul is a commercial bank with financial products and services and operations in Southern region of Brazil.

Beelieve Porto Alegre (RS) www.beelieve.com.br Fone: (51) 3406-1420

Ativales www.ativales.org Santa Cruz do Sul (RS) Fone: (51) 3715-5196 Associação das Empresas de Tecnologia da Informação Vales do Rio Pardo e Taquari. Une as pequenas e médias empresas da sua região.

O Banco do Estado do Rio Grande do Sul é um banco múltiplo, com produtos e serviços financeiros e atuação na região sul do Brasil.

Proprietária e mantenedora do FinanceiroWeb, foi fundada em 1999 e desenvolve sistemas em software e hardware de automação.

Owns and maintains the FinanceiroWeb, was founded in 1999 and develops automation systems software and hardware automation.

Brasscom São Paulo (SP) www.brasscom.org.br Fone: (11) 3053-9100 Development and integration of hardware and software for area control, fleet tracking and vehicle loads.

A Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação reúne organizações do setor.

The Brazilian Association of Information Technology and Communication brings together organizations in your industry.

> MAIO 2013

10/05/2013 04:31:26


EXPOSITORES EXHIBITORS

B-D

Bubblemind Consultoria Porto - Lisboa www.bubblemind.pt Fone: +351 966 587 641 Apoia a promoção da internacionalização dos seus clientes, assessorando-os para obter financiamentos, promoção e organização de eventos.

DB Server Porto Alegre (RS) www.dbserver.com.br Fone: (51) 3322-6828 Supports the promotion of internationalization of its customers, assisting in obtaining financing, promoting and organizing events.

Bubble Surprise Vila Nova de Gaia - Portugal www.bubblesurprise.com Fone: +351 224 946 045 Dedica-se ao desenvolvimento de aplicativos móveis para grandes áreas como saúde, turismo, educação e engenharia.

Dedicated to the development of mobile applications for large areas such as health, tourism, education and engineering.

With 27 years of experience, provides operational support, business advice and marketing for the promotion of overseas companies.

Management and telemetry systems, hardware design, programming and communications. Develops its own solutions and in partnerships.

Serviço de coleta, manejo de resíduos e reciclagem de produtos eletroeletrônicos velhos ou sem condições de uso.

A refuse collection, residue management service as well as a recycling facilitator for old or broken electronic devices.

Dicapac Wonju-Si - Coréia do Sul www.dicapac.com Fone: +82 33 731-4533 Provides software solutions for business management of small and medium enterprises, as well as consulting, training, etc..

Cruzeiro Sistemas Caxias do Sul (RS) www.cruzeiro.inf.br Fone: (54) 3214-4522 Canal certificado da WK Sistemas, realiza o levantamento da aderência do sistema integrado de gestão à empresa, implanta e treina.

Gestão de sistemas e telemetria, desenho de hardware, programação e comunicações. Desenvolve soluções próprias e em parcerias.

Descarte Certo Novo Hamburgo (RS) www.descartecerto.com.br Fone: (11) 4153-1777

Corporate Planning Hamburgo – Alemanha www.cp-ag.com Fone: +490404313330 Oferece soluções de software para gestão empresarial de pequenas e médias empresas, além de consultoria, treinamento, etc.

Mission-critical corporate software, web, and database projects, methodologies and tools Software Process Improvement.

Deltatec Sistemas Lisboa - Portugal www.deltatec.pt Fone: +351 217 703 000

Conceito Brazil São Paulo (SP) www.conceitobrazil.com.br Fone: (11) 3527-5000 Com 27 anos de experiência, oferece suporte operacional, assessoria comercial e marketing para a promoção de empresas no Exterior.

Projetos de software corporativos de missão crítica, web e banco de dados, metodologias e ferramentas de Software Process Improvement.

Fornece cases impermeáveis para câmeras digitais, celulares e outros produtos eletrônicos. Comercializa produtos para mais de 50 países.

Provides waterproof cases for digital cameras, cell phones and other electronic products. Sells products to over 50 countries.

Digital Enabled Porto - Portugal www.digitalenabled.pt Fone: +351 309 977 900 WK systems certificied channel, performs the system compliance survey of the integrated management of the company, deploys and trains.

Marketing digital multicanal. Oferece soluções escaláveis e personalizadas, cria ações, campanhas publicitárias e landing pages.

Provides scalable and customized solutions, creates actions, campaigns and landing pages. MAIO 2013 <

Catalogo.indd 33

33

10/05/2013 04:31:41


EXPOSITORES EXHIBITORS

D-E

Dinamize Porto Alegre (RS) www.dinamize.com Fone: (51) 3061-0636 Comunicação digital, softwares 100% via internet (cloud computing) para e-mail marketing, monitoramento de marcas e chat online.

Enttry Softwares Caxias do Sul (RS) www.enttry.com.br Fone: (54) 3219-4272 Digital communication software 100% via the Internet (cloud computing) for email marketing, brand monitoring and online chat.

Done TI Porto Alegre (RS) www.done.com.br Fone: (51) 3061-3663 Tem mais de 10 anos de mercado e foco em cloud computing, contando com análise e desenvolvimento, suporte certificado e consultoria.

Has over 10 years of market and focus on cloud computing, with analysis and development certified support and consulting.

Company of Globo Organizations. Now has 14 titles in its portfolio, customized magazines, websites, books and children’s publications.

34

Catalogo.indd 34

The Brazilian Service of Support for Micro and Small Enterprises empowers, encourages associations, development and access to markets.

O Conselho das Entidades de Tecnologia da Informação do Rio Grande do Sul é constituído por instituições e foi criado em 2004.

The Council of Entities of Information Technology of Rio Grande do Sul consists of institutions and was created in 2004.

Ethernet Soluções Faro – Portugal www.eth.pt Fone: +351 917 384 030 Publishes the weekly magazine IstoÉ, IstoÉ Money, IstoÉ Gente, and the monthly Planeta, Motor Show, Dinheiro Rural, Menu, Status and Select.

Elo Digtal Office Sttutgart – Alemanha www.elo.com Fone: +49 7118060890 Desenvolve e vende soluções nas áreas de gerenciamento eletrônico de documentos, arquivamento digital e gerenciamento de fluxo de trabalho.

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas capacita e estimula o associativismo, o desenvolvimento e o acesso a mercados.

Espaço Empresarial Ceti Porto Alegre (RS) www.ceti.org.br (51) 3311.5533

Editora Três - Revista IstoÉ São Paulo (SP) www.editora3.terra.com.br Fone: (11) 3618-4496 Publica as revistas semanais IstoÉ, IstoÉ Dinheiro, IstoÉ e Gente e as mensais Planeta, Motor Show, Dinheiro Rural, Menu, Status e Select.

Develops software with emphasis in the areas of biometrics and facial tracking, billing and management of printing and copying.

Espaço Inovação Sebrae Brasília (DF) www.sebrae.com.br Fone: (61) 3348-7100

Editora Globo São Paulo (SP) www.editoraglobo.globo.com Fone: (11) 3767-7307 Empresa integrante das Organizações Globo. Tem hoje no seu portfólio 14 títulos, revistas customizadas, sites, livros e publicações infantis.

Desenvolve softwares com ênfase nas áreas de biometria facial e monitoramento, tarifação e gerenciamento de impressão e cópia.

Desenvolvimento de software, páginas web, consultoria informática, redes de computadores, manutenção de sistemas e registo web.

Software development, web pages, computer consulting, computer networking, systems maintenance and web registration.

Euax Joinville (SC) www.euax.com.br Fone: (47) 3802-7300 Develops and sells solutions in the areas of electronic document management, digital archiving and management workflow.

Consultoria, outsourcing e capacitação para a transformação dos modelos de gestão. Especializada em estratégia, projetos e processos.

Consulting, outsourcing and training for the transformation of management models. Specializes in strategy, projects and processes.

> MAIO 2013

10/05/2013 04:31:56


EXPOSITORES EXHIBITORS

F-I

Facensa Gravataí (RS) www.facensa.edu.br Fone: (51) 3488-1901 Faculdade da rede Cnec – Campanha Nacional de Escolas da Comunidade -, que opera com mais de 200 unidades no país.

Gsan Science Technology Guangzhou - China www.gsan.cn Fone: 86-20-87506970 Cnec - National Campaign for Community Schools - network College, which operates more than 200 units in the country.

Finep Rio de janeiro (RJ) www.finep.gov.br Fone: (21) 2555-0555 A Agência Brasileira da Inovação é uma empresa pública que oferece apoio financeiro para eventos e empresas de ciência, tecnologia e inovação

The Brazilian Innovation Agency is a public company that provides financial support for events and companies in science, technology and innovation

Has focused on the market of restaurants, bars and the like. Created in 2001 the software “Raffinato” that serves customers throughout the country.

Manufacturers and sells cable accessories and PC components such as HDMI cable, extenders, switches, splitters, converters and others.

Desenvolve soluções de e-commerce, outsourcing, design e CMS, utilizando soluções Dynamicweb. Integrante do Programa Nova Economia@SC.

Develops solutions for e-commerce, outsourcing, design and CMS solutions using Dynamicweb. Member of the New Economy @ SC Program.

Iasoft e Diário do Carro São José (SC) www.iasoft.com.br Fone: (48) 3029-3239 Business solutions with electronic transactions, operates under the concept of full service provider in different environments, in B2B and B2C markets.

GTI Consultoria Joinville (SC) www.gticonsultoria.com.br Fone: (47) 3432-0615 Serviços de consultoria para indústrias, comércio e serviços de pequeno a grande porte, com soluções em ERP, engenharia e projetos.

Fabrica e comercializa acessórios e componentes de PC como cabo HDMI, extensores, interruptores, divisores, conversores e outros.

Human Pixels Florianópolis (SC) www.humanpixels.com.br Fone: (48) 3025-6910

GetNet Porto Alegre (RS) www.getnet.com.br Fone: (51) 3455-9500 Soluções para negócios com transações eletrônicas, opera sob o conceito full service provider em diferentes ambientes, nos mercados B2B e B2C.

Manufacturer of POS system, ECR, Barcode, Receipt printer, keyboard, cash drawer, display, customer display etc..

Hinen Electronics Shenzhen City - China www.ce-link.com Fone: 86-18665991703

Gamatec Chapecó (SC) www.raffinato.inf.br Fone: (49) 3329-3166 Tem foco no mercado de restaurantes, bares e similares. Criou em 2001 o software Raffinato, que atende a clientes de todo o país.

Fabricante de produtos de POS system, ECR, código de barras, receipt printer, teclado, cash drawer, monitor, customer display etc.

Desenvolve aplicativos móveis, captura e trata informações na Internet, cria sistemas gerenciais, desenvolve sistemas para boletos.

Develops mobile applications, captures and treats information on the Internet, creaties management systems, develops systems for bank slips.

Infinite Business Solutions Lisboa - Portugal www.infinite.pt Fone: +351 309 977 900 Consulting services to industry, commerce and services, with solutions in ERP, engineering and design.

Especializada em desenvolvimento de software, oferece serviços de segurança: certificação ISO 27001, consultoria, arquitetura e auditoria.

Specialized in software development, provides security services: ISO 27001 certification, consultancy, architecture and auditing. MAIO 2013 <

Catalogo.indd 35

35

10/05/2013 04:32:13


EXPOSITORES EXHIBITORS

I-L

Infogen Sistemas Chapecó (SC) www.infogen.com.br Fone: (49) 3330-5700 ERPs para cooperativas agropecuárias, empresas de consumo e transportes, cerealistas, laticínios e indústrias do ramo do agronegócio.

Kbase IT Solutions Esteio (RS) www.kbase.com.br (51) 3033-3399 ERPs for agricultural cooperatives, consumer and transport companies, cereal, dairy industries and the agribusiness sector.

Innovo Joinville (SC) www.innovo.com.br Fone: (47) 3026-5566 Disponibiliza o Inovasi, um portfólio de gestão clínica composto por software, consultoria, tecnologia e serviços de valor agregado.

Delivers the Inovasi, a portfolio of clinical management consisting of software, consulting, technology and value-added services.

The Office of Innovation and Technology stimulates and supports university-business interaction and prepares development projects.

36

Catalogo.indd 36

Invests in the production of tablets and power banks, and switching power supplies, accessories for iPhone and iPad.

Soluções para internet corporativa como gerenciamento de chamados e equipes de TI, atendimento e gerenciamento da administração.

Corporate internet solutions, such as internet teams and calls, service and administration management.

Level Systems República Tcheca www.levelna.com Fone: +42 0733595616 Researches and develops software for corporate management. Holds Suite-SA Strategic Adviser, integrating advanced solutions.

JD Sound Ansan - Coreia do Sul www.jdsound.co.kr Fone: +82 70 4405-0494 Equipamentos de áudio digital. Desenvolveu o primeiro sistema portátil para DJs, com exclusivo software de processamento de som.

Investe na produção de tablets e bancos de potência, além de fontes chaveadas, acessórios para iPhone e iPad.

Ksys Soluções Web Blumenau (SC) www.ksys.com.br Fone: (47) 3334-2860

Interact Solutions Lajeado (RS) www.interact.com.br Fone: (51) 3710-5100 Pesquisa e desenvolve softwares para gestão corporativa. Detém o Suite SA-Strategic Adviser, integrando soluções avançadas.

Service provider, develops software in the software factory models and body-shop. Expert in Java,. Net and Progress.

Kingnod Power Tech Shenzhen - China www.kingnod.com Fone: +86-755-84883100

InovaPOA Porto Alegre (RS) www.inovapoa.com Fone: (51) 3289-7313 O Gabinete de Inovação e Tecnologia estimula e apoia a interação empresas-universidades e elabora projetos de desenvolvimento.

Prestadora de serviços, desenvolve softwares nos modelos de fábrica de software e body-shop. Especialista em Java, .Net e Progress.

Um dos principais produtores de tecnologias de telecomunicações, segurança e iluminação da Europa, tem mais de 20 anos de experiência.

A leading producer of telecommunications technologies, security and lighting in Europe, with over 20 years experience.

Leverage Porto Alegre (RS) www.leverage.inf.br Fone: (51) 2102-0344 Digital audio equipment. Developed the first portable system for DJs, with unique sound processing software.

Especializada na proteção de sistemas de informação, oferece soluções para compartilhamento seguro de informações corporativas.

Specialized in the protection of information systems, provides solutions for secure sharing of corporate information.

> MAIO 2013

10/05/2013 04:32:37


EXPOSITORES EXHIBITORS

L-N

Linuxville Tecnologia Joinville (SC) www.linuxville.com.br Fone: (47) 3029-4790 Empresa do grupo Albes Brasil, é especializada em soluções corporativas de colaboração, segurança e gerenciamento de redes.

Méderis Joinville (SC) www.mederis.com.br Fone: (47) 3422-8700 Albes Brazil Group company, specializes in enterprise solutions for collaboration, security, and network management.

Locaweb São Paulo (SP) www.locaweb.com.br Fone: (11) 9982-4637 Líder em hospedagem e infraestrutura no Brasil e na América Latina, tem 14 anos de experiência e parcerias com 18 mil desenvolvedores.

Leader in hosting and infrastructure in Brazil and Latin America, has 14 years of experience and partnerships with 18.000 developers.

Platform with more than 100 European companies positioned in the international market and responsible for project implementation.

Plans, organizes and conducts corporate events, such as fairs, product launches and actions, meetings and gatherings, translation, service bureau.

Provê soluções web de visibilidade, controle, gerenciamento e segurança de redes: revenda One-Tier Websense, entre outros.

Provides web solutions for visibility, control, management and security of networks: One-Tier Websense reseller, among others.

Net Eye São Leopoldo (RS) www.neteye.com.br Fone: (51) 3091-0007 Leading brand protection, with over a decade of services in more than 220 countries and territories and support in four languages.

Marconsoft Florianópolis (SC) www.marconsoft.com.br Fone: (48) 3035-2686 Empresa de desenvolvimento de softwares e consultoria, aplica soluções em softwares com a mais alta tecnologia Java 100% Web.

Planeja, organiza e realiza eventos corporativos, como feiras, lançamentos e ações, reuniões e confraternizações, tradução, serviço de bureau.

Net Connection São Paulo (SP) www.netconn.com.br Fone: (11) 3023-1500

Marcaria.com New York – EUA www.marcaria.com Fone: +1 305 434-8621 Empresa líder de proteção de marca, com mais de uma década de serviços em mais de 220 países e territórios e apoio em quatro línguas.

Medical diagnosis system, it generates reports and answers to physicians and administrators in clinics, laboratories and offices.

Nagi Poto Alegre (RS) www.campo3.com.br Fone: (51) 3223-5090

Login PT Porto - Portugal www.loginpt.eu Fone: +351 220 997 982 Plataforma com mais de 100 empresas europeias posicionadas no mercado internacional e responsável pela implementação de projetos .

Sistema para medicina diagnóstica, gera relatórios e respostas para médicos e administradores em clínicas, laboratórios e consultórios.

Software para demandas de gerenciamento, customização de investimentos, aumento da produtividade e segurança na rede.

Software requirements management, customized investment, increased productivity and network security.

Netwall Tecnologia Porto Alegre (RS) www.netwall.com.br Fone: (51) 3322-5303 Software development and consulting company, it applies software solutions with the highest 100% Java Web technology

Especializada em soluções que auxiliam os gestores e administradores de TI no dimensionamento e na maximização da lucratividade.

Specialized in solutions that help managers and administrators in sizing and maximizing profitability. MAIO 2013 <

Catalogo.indd 37

37

10/05/2013 04:32:51


EXPOSITORES EXHIBITORS

N-S

Ningbo Dongji Ningbo - China www.dongjichina.com Fone: 8613065888891 Sistemas de fiação como cabos de rede, produtos de fibra óptica, produtos de comunicação, acessórios de informática e ferramentas.

Riosoft Rio de Janeiro (RJ) www.riosoft.org.br Fone: (21) 3974-5015 Wiring systems as network cables, fiber optical products, communication products, computer accessories and tools.

PH Sul Canoas (RS) www.phsul.com.br Fone: (51) 2108-3030 Integradora de projetos em soluções convergentes de voz e dados, atende aos mercados Soho, de médio e grande portes.

Project integrator for converging voice and data solutions, serves the Soho, medium and large markets

It offers solutions for key areas such as health, urban mobility, safety, education and supply.

38

Catalogo.indd 38

Consulting firm specialized in supply chain processes, focusing on the implementation of the WMS Datasul tool.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável administra temas ambientais, de ciência, tecnologia e inovação.

The Department of Sustainable Economic Development administers environmental issues, science, technology and innovation.

Sebrae-RS Porto Alegre (RS) www.sebrae-rs.com.br Fone: (51) 3594-2995 Integrator focused on delivering complete solutions in ICT, was a pioneer in identifying free software as a new business model.

Quanam São Paulo (SP) www.quanam.com Fone: (11) 5507-4116 Com mais de 500 profissionais, tem serviços de ERP e CRM, outsourcing, fábrica de softwares e business analytics.

Consultoria especializada em processos da cadeia de suprimentos, focando a implantação da ferramenta do WMS Datasul.

SDS/SC Florianópolis (SC) www.sds.sc.gov.br Fone: (48) 3665-4200

Propus Porto Alegre (RS) www.propus.com.br Fone: (51) 4063-9076 Integradora focada na entrega de soluções completas em TIC, foi uma das pioneiras a identificar o software livre como novo modelo de negócio.

Participates in the institutional articulation developed by public and private organizations to strengthen the software segment.

SCM Concept Joinville (SC) www.scmconcept.com.br Fone: (47) 3431-7320

Procempa Porto Alegre (RS) www.procempa.com.br Fone: (51) 3289-6000 Disponibiliza soluções para áreas essenciais como saúde, mobilidade urbana, segurança, educação e abastecimento.

Participa da articulação institucional desenvolvida pelas organizações públicas e privadas para fortalecer o segmento de software.

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas atende de forma coletiva, formando redes para fomentar a competitividade.

The Brazilian Service of Support for Micro and Small Enterprises provides collective services, forming networks to boost competitiveness.

Sebrae-SC Florianópolis (SC) www.sebrae-sc.com.br Fone: (48) 3221-0800 With more than 500 professionals, has services ERP and CRM, outsourcing, software factory, and business analytics.

Em parcerias com os setores público e privado, capacita, estimula o associativismo, o desenvolvimento e o acesso a mercados.

In partnership with the public and private sectors, empowers, encourages associations, development and access to markets.

> MAIO 2013

10/05/2013 04:33:10


EXPOSITORES EXHIBITORS

S

SIC Goiás Goiânia (GO) www.sic.goias.gov.br Fone: (62) 3201-5549 Promove, fomenta, estimula e dá suporte à industrialização e à atração de investimentos em Goiás, por meio de programas e ações.

SNBC Shandong - China www.newbeiyang.com Fone: +866315673777 Promotes, encourages, supports industrialization and investments attraction in Goiás, through programs and actions.

Setrion Software Joinville (SC) www.setrion.com.br Fone: (47) 3026-3610 Produtividade e desempenho para a equipe de help desk e service desk a partir de processos da ferramenta Milldesk.

Productivity and performance for the help desk staff and service desk from the Milldesk tool processes.

SaaS solution for optimization and control of processes which involve data capturing and consolidattion field reports.

The Association for the Promotion of Excellence in Software supports, promotes and fosters to Brazilian software industry and IT services.

Outsourcing, fábrica de software, integração de sistemas, desenvolvimento móvel, fábrica de testes, design e animações.

Outsourcing, software factory, systems integration, mobile development, factory testing, design and animation.

Sucesu-RS Porto Alegre (RS) www.sucesurs.org.br Fone: (51) 3331-7244 Research and development of all types of energy sources to low voltage, with manufacturing and global sales and service.

Shenzhen United Creation Shenzhen - China www.uctcom.cn Fone: 86-755-26889800 Tem know-how em celulares OEM e ODM. Com experiência na produção de telefones e smartphones para mercado e operadores de rede.

A Associação para Promoção da Excelência do Software apoia, promove e fomenta a indústria brasileira de software e serviços de TI.

Softforce Soluções Porto Alegre (RS) www.softforce.com.br Fone: (51) 3316-2360

Shenzhen Mass Power Shenzhen City - China www.mass-power.com Fone: 86-755-29453220 Pesquisa e desenvolvimento de todos os modelos de fontes de energia de baixa tensão, com fabricação e vendas globais e de serviços.

Research and development, production and sales of special printers and scanners, as well as system integration products.

Softex Campinas (SP) www.softex.br Fone: (19) 3287-7060

Sevenminds Bogotá - Colômbia www.sevenminds.com Fone: (+57)1-7470577 Solução SaaS para otimização e controle de processos que envolvem captura e consolidação de dados e relatórios de campo.

Pesquisa e desenvolvimento, produção e vendas de impressoras e scanners especiais, bem como produtos de integração de sistemas.

A Associação dos Usuários de Informática e Telecomunicações do RS cuida dos interesses dos usuários corporativos.

The Association of Users of Computer and Telecommunications RS looks after the interests of corporate users.

Synergia Soft Montevidéu – Uruguai www.synergiasoft.com Fone: +55 (31) 2626-0009 Has expertise in mobile OEM and ODM. With experience in phones and smatphones production for the market and network operators.

Dedicada ao desenvolvimento de software e à integração de tecnologias, apresenta a plataforma de gerenciamento Sysbus.

Dedicated to software development and integration of technologies, presents the management platform Sysbus. MAIO 2013 <

Catalogo.indd 39

39

10/05/2013 04:33:27


EXPOSITORES EXHIBITORS

T-W

Teczap Entre Rios de Minas (MG) www.teczap.com.br Fone: (31) 2626-0009

Urovo Technology Shenzhen - China www.urovo.com Fone: +86 755 22673352

Fundada em 2007, com uma Founded in 2007, with a broad ampla linha de produtos, product line, brings the latest traz o que há de mais mo- in technology and innovations. derno em tecnologia e novidades.

Fabricante e provedora de soluções, computadores móveis, terminais portáteis “All-in-one” e tablets de pagamento industrial.

Totvs São Paulo (SP) www.totvs.com Fone: (11) 2099-7000

Utech Tecnologia Florianópolis (SC) www.utech.com.br Fone: (48) 4052-8386

Líder no Brasil e na América Latina, fabrica softwares e aplicativos. Tem mais de 28 anos de experiência e fornece soluções em 10 segmentos.

Leader in Brazil and Latin America, manufactures software and applications. Has over 28 years experience and provides solutions in 10 segments.

Unidigital Porto Alegre (RS) unidigital.com.br Fone: (51) 3337-1322 Desenvolve e produz equipamentos eletrônicos para diversas aplicações, elabora e executa projetos de automação.

Develops and produces electronic equipment for various applications, prepares and executes automation projects.

40

Catalogo.indd 40

Desenvolve atividades no ramo de automação comercial, industrial e de clínicas médicas, produzindo softwares gerenciais.

Develops activities in the field of business, industrial, and medical clinics automation producing software management.

Wenxhou Lichao Wenzhou - China www.lcxn.com Fone: 8657758123901 Collaborates with strategic management, organization, shopping, traffic of goods, organization of inventory and sales of products.

Uol Diveo São Paulo (SP) www.uoldiveo.com.br Fone: (11) 3092-1700 Soluções em infraestrutura de TI e data center, cloud, telecomunicações, pagamentos, serviços gerenciados de segurança, etc.

Formed in 2010, develops hardware and software, focusing on integrating open platforms, enabling customer choice.

Vision System Chapecó (SC) visionsystem.com.br Fone: (49) 3323 4849

Uninfo Sistemas Chapecó (SC) uninfosistemas.com.br Fone: (49) 2049-5900 Colabora com gestão estratégica, organização das compras, tráfego dos produtos, organização dos estoques e venda dos produtos.

Formada em 2010, desenvolve hardware e software, focando a integração a plataformas abertas, possibilitando a escolha do cliente.

Manufacturer and solutions provider, mobile computers, handheld terminals “All-in-one” tablets and payment industry.

Fabrica e comercializa produtos de autosserviço, sistema de gerenciamento de fila, quiosque de informações interativo, leitor de publicidade.

Manufactures and markets self-service, management system, interactive information kiosk, advertising player.

White Cube Porto Alegre (RS) www.whitecube.com.br Fone: (51) 3228-6488 Solutions in IT infrastructure and data center, cloud, telecommunications, payments, managed security services, etc..

Oferece consultoria e treinamentos em banco de dados e Business Intelligence, assim como recrutamento e seleção com capacitação para TI.

Offers consulting, training in database and business intelligence, as well as recruitment and selection training for IT.

> MAIO 2013

10/05/2013 04:33:47


EXPOSITORES EXHIBITORS

W-Z

Wtti Sistemas Joinville (SC) www.wtti.com.br Fone: (47) 3027-3100

YoungArts Software Joinville (SC) www.youngarts.com.br Fone: (47) 3026-2850

Desenvolve projetos de sistemas de gestão para pequenas e médias empresas, com soluções e projetos customizados e flexíveis.

Develops project management systems for small and medium companies with solutions enterprises with customized and flexible solutions and projects.

Yataa Tecnologia Santo André (SP) www.yataa.com.br Fone: (11) 3483-1847

Comercializa soluções de Commercializes technology tecnologia em áudio e ví- solutions in audio and video deo para emissoras de rá- to radio and TV. dio e TV.

Zonamerica Montevidéu – Uruguai www.zonamerica.com Fone: 0800 891 8736

Pioneira e parceira no Brasil de serviços de computação em nuvem, oferece soluções com gerenciamento automatizado e customizado.

Pioneer and partner in Brazil for cloud computing services, provides solutions with automated and customized management.

Parque de negócios, recebe investimentos estrangeiros com base tecnológica, atividades comerciais, industriais e de serviços.

Business park, receives foreign investment based on technological, commercial, industrial and service sectors.

EMPRESAS NA BITS BUSINESS MATCHMAKING • Absoluta Serviços - www.absoluta.net • Artificial Intelligence - www.ai-engineers. com • Arxia SRL - www.arxia.com • AT Soluciones Tecnologicas - www.at.com. uy • Audax Dreams - www.audaxdreams.com • BCS Automação - www.bcsautomacao.com. br • Beia Consult International - www.beia.ro • Bettertech - www.bettertech.pt • BIT Software - www.bitsoftware.eu • Bitcom Tecnologia - www.bitcomweb. com.br • Bluevox - www.bluevox.com.br • C2 Sistemas - www.c2sistemas.com.br • Ceicom - www.ceicom.com.br • Chalegre - Software - www.chalegre.com • Consim Consulting • CS - Consoft - www.cs-consoft.com.br • Cupcake Sweet - www.cupcakese.com • Di.Tech Spa - www.ditechonline.it • Digital Solutions - www.digitalsolution. com.br • Diponto - www.diponto.com • Ddrecon Ent. - www.drecon.com.br • Enttry Softwares - www.enttry.com.br • Eservice - www.eservicenet.com.br • E-Trust - www.e-trust.com.br • Execute Soluções - www.executeti.com. br • Flashnet - www.flashnet.ro • Hipcomm

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

Huma Tecnologia - www.huma.com.br Hupx Tecnologia - www.hupx.com.br Hypertalk Systems - www.hypertalk.net Hypervisual Design - www.hypervisual.com Idweb Soluções - www.idweb-al.com.br Implanta IT Solutions - www.implantait. com.br Impulsum Tecnologia - www.impulsum. com.br Inbutecs GMBH - www.inbutecs.com Innovative Technology Systems Inobram Automações - www.inobram. com.br Inoformat - www.inoformat.com Intellectual Property Law Interagi Tecnologia - www.interagi.com. br Interbil Iprocess Soluções - www.iprocess.com.br Isoft SRL Jambu Tecnologia - www.jambu.com.br JDSU - www.jdsu.com Lamtoro Service Linsoft - Linhares - www.linsoftnet.com. br Live Sistemas - www.livesistemas.com Mecomo do Brasil - www.mecomo.com. br Mhacker Software - www.mhacker.com. br Mobilité Mogai Tecnologia - www.mogai.com.br Monsterbed - www.monsterbed.com.br

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

Multicont Napalm - www.napalmstudiogames.com Neokoros Brasil - www.neokoros.com Notopo.com - www.notopo.com Ntech Tecnologia - www.ntech.com.br Onnet Systems - www.onnetsys.com.br Otus Game Studio Petrobras - www.petrobras.com.br Planisys - www.planisys.com Polaris Informática - www.polaris-es.com. br Prodepa - Pará - www.prodepa.pa.gov.br Proelo Software - www.proelosoftware. com.br Projeção - www.projecaoinformatica. com.br Q-Bis Conult Quantum - www.quantum-software.com. br Red Global - redglobalcr.com Simartis Telecom - www.simartis.ro Softdesign - ww.softdesign-rs.com.br Soltech - www.soltech.com.uy Solusoft - www.solusoft.com.br Soluti – www.solutinet.com.br Sui Generis Informatica - www.sg.inf.br Sulsoftware - www.sulsoftware.com.br Swordtales Targit Brasil - www.targitbrasil.com Tools & Technologies - www.tet.com.br Vision - www.vision.com.br Vionet TI - www.targitbrasil.com VMS Soluções MAIO 2013 <

Catalogo.indd 41

41

10/05/2013 04:34:00


MAPA DOS EXPOSITORES MAP OF EXHIBITORS

42

Catalogo.indd 42

> MAIO 2013

10/05/2013 04:34:21


Versátil, inovador e de uma nova geração.

Qualquer semelhança com nossas soluções não é mera coincidência.

A TOTVS acredita em uma nova geração de empresas que antecipa o futuro para hoje. Para essa geração, a TOTVS desenvolve soluções inovadoras em software, tecnologia, infraestrutura e serviços. Novos desafios pedem novas soluções. Ligue e agende uma visita com os nossos consultores.

Software (SaaS)

|

Tecnologia

|

Serviços

/totvs 0800 70 98 100 www.totvs.com

TVS_0058_13_An_Inst_dupla_21x13.5cm.indd 1

4/18/13 8:07 PM

MAIO 2013 <

Artigos.indd 23

23

10/05/2013 04:00:37


Capas.indd 26

12/05/2013 16:13:46


Revista BPMBRASIL