Page 35

MONTANDO UM CARRO DE RALLY Um carro de competição, é claro, tem muitas mudanças em relação ao que encontramos nas ruas e estamos acostumados a utilizar para locomoção. O rally de velocidade é um esporte em que o carro de competição é muito idêntico ao que o consumidor utiliza no seu dia a dia e encontra nas revendas. Porém, vários itens o tornam diferenciado e o deixa pronto para competir com alto rendimento. Para conhecer um pouco mais deste trabalho de transformação dos carros de rua em veículos de competição, entrevistamos o chefe de preparação da UB Rally, Ulysses Bertholdo, um dos mais experientes e vitoriosos pilotos que o rally de velocidade brasileiro já teve. O primeiro passo é adquirir um veículo, que pode ser encontrado em revendas e concessionárias. “É preciso que o carro tenha o cambio mecânico. Hoje com os recursos eletrônicos que o carro possui, é essencial que já tenha o chicote elétrico mecânico, caso contrário tem-se que trocar todo o chicote também. A partir daí desmonta-se inteiramente o carro ficando apenas o monobloco”, explica Ulysses. A partir daí, seguem-se os seguintes passos: raspa-se todo o monobloco tirando a cola das emendas das chapas; há reforço completo do monobloco (resoldagem de todas as emendas da carroceria); colocação dos reforços de carroceria; instalação e soldagem do Santo Antônio (jaula de proteção) homologado; colocação do suporte dos bancos, extintor, freio de mão hidráulico, entre

//35 revistabox.com

Revista Box - Maio 2012  

Terceira edição da Revista Box, uma revista com fotografias bonitas e conteúdo de qualidade, que para nós, é a tradução do que entendemos po...

Advertisement