Page 1


REVISTA BN | WEB A página da revista bahia norte está bombando na internet e você não pode ficar de fora. Fique por dentro das principais notícias de sustentabilidade, gastronomia, politica, cidades, variedades e empregos.

Internautas Premiados Hilma Nunes a ganhadora do nosso segundo sorteio foi contemplada com um kit para churrasco da Boni Stak’s House. “Galera participe, é super fácil e vale muito a pena”.

Já no terceiro sorteio a ganhadora deu sopa, demorou de entrar em contato com a nossa equipe e quem acabou levando a melhor foi Camila Queiroz que elogiou o atendimento e a comida do restaurante Donana e ainda levou o noivo para jantar.

Lá na nossa página já está rolando o sorteio de um jantar com entrada, sobremesa e champagne para o Dia dos Namorados no Restaurante All Saints Mediterrâneo, em Vilas do Atlântico. Corre que ainda dá tempo. Confiram as regras na nossa fun page ou no portal revistabahianorte.com. br. E fique ligado e conectado pois teremos mais promoções. Tá rolando também a promoção do Steak´s House com um kit de churrasco para o premiado. BAHIA NORTE | 3


cidade | LAURO DE FREITAS

Vereadores continuam com 90 dias de férias O que estaria atrasando a votação do Projeto de Lei nº01/12, protocolado desde 1º de março do ano passado e que propõe reduzir as férias dos vereadores de Lauro de Freitas? Dizia-se que desde 2005 a proposição aguardava a quantidade mínima de assinaturas para ser protocolada porém, no ano passado, como em um passe de mágica, dez dos doze vereadores assinaram a proposição. A intenção ganhou repercussão na imprensa durante os meses que antecederam as eleições municipais no entanto, passada a eleição, sequer foi apresentada para ser votada. Na Assembleia Legislativa da Bahia, algo bem parecido acontece. A votação de uma PEC que propõe reduzir o recesso de 90 dias dos deputados estaduais foi retirada da pauta.

Bicho solto Além da grande quantidade de cães soltos nas ruas, animais de grande porte também são frequentemente vistos em vários pontos de Lauro de Freitas. A nova gestão municipal, que conta com o PV em sua composição, já deveria ter apresentado, ao menos, uma proposta relacionada aos cuidados com os animais que não apenas oferecem riscos à população mas também são vítimas, ao ingerirem plástico e materiais perfurocortantes oriundos, principalmente, do lixo doméstico. O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), vinculado a Secretaria de Saúde do Município, precisa de veículo mais apropriado para recolher os animais. Campanhas educativas são importantes para que a população seja informada das responsabilidades necessárias antes de assumir a posse de animais. A aplicação de multas poderia gerar recursos para a manutenção de unidades de tratamento, onde os animais capturados seriam castrados, vacinados e alimentados até serem devolvidos aos donos ou doados mediante cadastro.

Carlucho, um dos signatários do projeto

Poluição sonora 80, fiscalização 1 Em entrevista exclusiva para a Revista Bahia Norte, Márcio Crusoé, titular da SEMARH, revelou que 80% das queixas feitas à pasta estão relacionadas à poluição sonora. Mais revelador ainda foi ele dizer que os agentes contam apenas com um veículo para fazer todas as fiscalizações no município de Lauro de Freitas.

E as Administrações Regionais...? É grande a expectativa do balanço das ações realizadas pelas Administrações Regionais de Lauro de Freitas nestes cinco primeiros meses da gestão do prefeito Márcio Paiva.

Governo do Estado corta Lauro de Freitas da 1ª etapa do Cidade Bicicleta Dos 217km de sistema cicloviário que seria implementado em Salvador e Lauro de Freitas até a Copa de 2014, o Governo quer fazer menos da metade. O restante, só depois da Copa e, consequentemente, após as eleições de 2014. Para quem usa a bicicleta como veículo de transporte para ir e voltar do trabalho todos os dias, principalmente em Lauro de Freitas, a notícia foi ainda pior pois, segundo o que planeja o governo do estado, o município ficará completamente fora da primeira etapa.

BAHIA NORTE - JUNHO 2013 PUBLICAÇÃO DE PROPRIEDADE DA COMERCIAL RELEASE PRODUÇÕES CNPJ 34.366.153/0001-79 71 8874-0909 Praça Martiniano Maia, 71 | 1º andar DIRETOR DE ARTE 71 3288-2101 Sala 12 | Shopping da Praça | Centro Manoel Ramos Lauro de Freitas | Bahia Os artigos assinados e opiniões expressas não representam obrigatoriamente as adotadas pela revista

EDITOR RESPONSÁVEL Raimundo Rocha - DRT 1089

www.revistabahianorte.com.br bahianorte@gmail.com 4 | BAHIA NORTE


MEIO AMBIENTE | PARQUE DAS DUNAS

Pulmão de salinidade Nos dias atuais fala-se muito em proteger o meio ambiente e criar formas sustentáveis com o intuito de diminuir impactos. É notória a preocupação das pessoas com relação à preservação, mas infelizmente as práticas para que isso aconteça não são suficientes. Podemos comprovar isso através da Unidunas (Universidade Livre das Dunas do Abaeté), que é uma OSCIP (Organização de Sociedade Civil de Interesse Público) responsável por proteger a maior área de restinga da capital baiana. A organização presta mais do que uma assistência ambiental, ela presta um serviço social em prol do bem estar da nossa sociedade. Apesar de manter parcerias com Senai/Pronatec, Universidade Federal da Bahia (UFBA), algumas Instituições privadas de nível superior, Conselho Gestor do APA Abaeté, e possuir um convênio de cooperação técnica com a Prefeitura Municipal de Salvador, a Unidunas precisa de mais apoio e incentivos para continuar prosseguindo com seu belo trabalho. Considerada hoje a maior Reserva de Dunas do Brasil, com 6 milhões de metros quadrados, possui, em média, 1.377 espécies catalogadas de plantas, sendo que várias são endêmicas, ou seja, exclusivas do local. A fauna está no registro com 252 espécies de animais, dentre eles o Ameivula-Abaetensis, nome científico de um lagarto que pode ser encontrado na região. Além de ser um laboratório de estudos para grandes instituições, tais como: UFBA, UNEB, UCSAL, a Unidunas possui

um acervo com 58 pesquisas publicadas em seu livro de restinga. O local proporciona para seus visitantes um contato direto com a natureza, instigando o saber. Os freqüentadores têm a oportunidade de fazer trilhas interpretativas tendo assim um contato mais direto com a flora e fauna da região. Poucas pessoas sabem, mas a preservação das Dunas é de grande relevância para os habitantes da cidade de Salvador, elas ajudam a amenizar o clima quente da nossa região, funcionando como uma espécie de esponja que suga todo o ar quente, úmido e salitroso que vem do oceano, devolvendo para a cidade o mesmo ar, em temperatura estável. Podemos afirmar que elas funcionam como um pulmão de salinidade, que protege não

só a nossa mata atlântica como a cidade de Salvador. A coordenadora técnica da Unidunas, Eliane Leão, ressaltou a importância do projeto que está sendo colocado em prática no local. Intitulado “As Dunas Vão a Escola e as Escolas Vão as Dunas”, o projeto tem uma grande relevância, pois cria uma relação dinâmica entre as pessoas, com a natureza. Já o presidente da Unidunas, Jorge Santana, salienta que apesar de todos os percalços a organização conseguiu trabalhar durante 8 (oito) anos sem recursos públicos e hoje é reconhecida como o maior parque urbano de dunas, restingas e lagoas do Brasil.

Jorge Santana

Eliane Leão

Alunos do Senai em sala de aula do Parque das Dunas

A Semana do Meio Ambiente, comemorada em grande estilo, com o objetivo de promover e incentivar ações e reflexões positivas, acontece(u) entre os dias 5 e 8 de junho, no Parque das Dunas. No evento aconteceram palestras, oficinas, exposições e plantio de mudas dentre outras atividades. Ainda durante a semana, o parque foi contemplado com dois grandes presentes: a inauguração do Auditório Antônio Nativo e a Praça Leandro Amaral Lopes. Dois grandes ambientalistas, que defendiam com unhas e dentes a preservação da flora e da fauna local. BAHIA NORTE | 5


SUSTENTABILIDADE | RESPONSABILIDADE SOCIAL

Tamar cada vez mais social Durante as duas semanas de realização da 11ª Semana Nacional de Museus, cerca de 5 mil pessoas passaram pelo Museu a Céu Aberto da Tartaruga Marinha do Projeto Tamar, na Praia do Forte, para assistir a vasta programação, que aconteceu entre os dias 11 e 24 de maio. Entre os visitantes, 1.348 alunos de 38 escolas de Salvador, Mata de São João e outros municípios da Região Metropolitana e do Recôncavo Baiano. A 11ª Semana de Museus foi promovida pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) e aconteceu em mais de 1.200 instituições de todo o país, com o tema Museus (Memória + Criatividade) = Mudança Social.

6 | BAHIA NORTE

Os visitantes tiveram acesso a atividades culturais e educativas diárias, como exposições, atividades literárias, oficinas, vídeos, música, teatro e visitas orientadas. Além dos estudantes de escolas do ensino fundamental e médio, os eventos contaram com a presença de turistas, moradores das comunidades locais e universidades. “Pensamos em uma programação para todos aqueles que queiram aprender sobre tartarugas marinhas e conhecer o trabalho desenvolvido pelo Projeto Tamar há mais de 30 anos, envolvendo as comunidades litorâneas”, explica o gestor do Museu Aberto da Tartaruga Marinha, Gonzalo Rostán.

Para Rostán, o objetivo principal de sensibilizar, educar e buscar o apoio de todos os setores da sociedade foi cumprido. “A programação foi desenvolvida em torno do tema da Semana de Museus, adequada à realidade da comunidade local. Foram oferecidas atividades para vários públicos e faixas etárias”, destaca. Para encerrar a Semana de Museus, o Tamar preparou, no dia 24 de maio, uma grande festa com o show de lançamento do CD Sapeca Musical, do bandolinista Zéu, com participação especial de Armandinho Macêdo. A banda Nectar Brasil, grupo da comunidade de Diogo, foi a segunda atração da noite, que teve ainda homenagens a moradores da Praia do Forte. Esse show faz parte da Projeto Tamar Cultural, que tem patrocínio da Vivo e do Governo do Estado da Bahia, através do FazCultura. O Museu a Céu Aberto da Tartaruga Marinha é uma vitrine do Projeto TAMAR. No espaço, o público tem a possibilidade de ver de perto como são realizados os trabalhos de proteção, pesquisa e conservação das tartarugas e de outras espécies marinhas, além da inclusão social e melhoria da qualidade de vida das comunidades onde o projeto atua. Criado há 33 anos, o Projeto Tamar é uma cooperação entre o Centro Tamar/ ICMBio e a Fundação Pró-Tamar. Tem o patrocínio oficial da Petrobras, através do programa Petrobras Ambiental, e o apoio do Título de Capitalização Bradesco Pé Quente. Atua em nove estados brasileiros onde recebe diversos apoios locais.


SUSTENTABILIDADE | ENERGIA

Eletricidade solar pode ser a nova oportunidade brasileira Energia solar fotovoltaica é a conversão direta da luz solar em energia elétrica. Essa energia é capturada por paineis solares e pode ser utilizado no exato momento de sua geração. Se não houver consumo instantâneo da eletricidade solar a mesma pode ser armazenada em baterias ou enviada à rede elétrica da concessionaria (COELBA), gerando um crédito de energia elétrica (regulamentado pela resolução normativa REN 482 da ANEEL). Esse crédito energético é usado em tempos sem sol (à noite ou dias chuvosos). A regulação da ANEEL vale no Brasil desde Janeiro 2013 e viabiliza finalmente a utilização econômica de geradores solares. A energia fotovoltaica tem uma característica exclusiva que é a de poder gerar energia em qualquer lugar, podendo ser empregada em áreas urbanas, rurais, em lugares que não tenham redes elétricas, pois gera eletricidade no próprio ponto de consumo. Os benefícios da energia solar fotovoltaica são varios: • Um sistema solar fotovoltaico não tem elementos movéis, isso resulta em um custo muito baixo de manutenção • O balanço energético positivo (2 anos): o sistema solar fotovoltaico gera dentro de 2 anos a quantidade de energia que

foi utilizada para a produçao dos componentes do sistema • O sol é uma fonte de energia inesgotável • Os componentes possuem uma longa vida útil: p.e. 25 anos de garantia de módulos solares • A rapidez de implantação de sistemas pequenos e em larga escala • O capital investido começa a gerar energia ($) imediatamente • A matéria prima base é abundante (areia) Isso pode ter um impacto muito forte no desenvolvimento social e econômico especificamente em áreas mal-desenvolvidas (semi-arido nordestino) com ampliação da indústria nacional, oportunidades de emprego, redução da pobreza, aumento da segurança energética e diminuição do risco de apagões. As fontes de energia renováveis além de terem recursos abundantes, possuem menor impacto ambiental, na saúde e na segurança global. Com a atual situação brasileira passando uma das piores secas com escassez de água para gerar eletricidade e por isso com custos elevados na geração de energia, as fontes regenerativas, solar e eólico, poderiam e deveriam assumir um papel mais forte na nossa matriz energética. A tecnologia está madura, o mundo todo usa energia solar, porem no Brasil ainda falta a vontade política de fazer da energia solar um pilar importante da matriz energética.

BAHIA NORTE | 7


TURISMO | FRANÇA

Provence, uma magia que inspira amores e paixões

Um milhão e meio de turistas brasileiros por ano até 2020 Não é de hoje a paixão recíproca existente entre brasileiros e franceses. Se a França vem ocupando nos últimos anos a liderança européia na preferência dos brasileiros, os descendentes dos gauleses estão entre as 5 primeiras nacionalidades que visitam o Brasil. E pensando no potencial da economia brasileira e dos fortes laços que unem os dois países, que a Atout France, Agência de Desenvolvimento Turístico da França, estabeleceu juntamente com os outros países que compõem os BRICS, o Brasil como um país que deve receber uma fatia importante das verbas de promoção turística. Com um crescimento estimado 8 | BAHIA NORTE

de 8%, os brasileiros que viajam para a França (hoje em 610 000 ao ano) estão também entre os que mais gastam. Nas Galeries Lafayette, por exemplo, ocupam o 2º lugar no ranking de estrangeiros. “Os turistas brasileiros gastaram na França 1 bilhão de dólares em 2012. Um recorde e uma excelente surpresa” afirma Jean-Philippe Pérol, diretor para as Américas da Atout France. “ Brasileiros adoram o estilo de vida francês. Apreciam vinhos, a gastronomia, moda e arquitetura.O nosso maior desafio é mostrar toda a riqueza do país, apresentar uma França que vai muito além de Paris” completa.

Regiões como a Provence, Normandia e Champagne têm investido no mercado brasileiro e obtido excelentes resultados. O enoturismo, com forte apelo de Bordeaux, e o turismo religioso na França ( leia-se Lourdes e Lisieux, terra de Santa Teresa ) são segmentos em franca expansão. O Nordeste, com destaque para Bahia e Pernambuco, vêm aumentando sua presença no total de brasileiros que escolhem a França como destino. Uma prova é o envolvimento com as redes sociais do turismo francês. Razão que faz a Air France estudar o retorno de um vôo direto entre a região e Paris.


Perfumes, arte, moda, religiosidade, gastronomia, tradição e belas paisagens. A França espera por você

Catedral de Notre Dame | Paris

Torre Eiffel | Paris

Mont Saint Michel | Normandia BAHIA NORTE | 9


TURISMO | FRANÇA Praias, como a de Nice, queijos e a efervecência da Champs-Élysées, são outras atrações que encantam os turistas que invadem a França anualmente

Para saber mais acesse www.rendezvousenfrance.com

A França para os baianos O país que mais recebe visitantes do mundo, 80 milhões ao ano, concedeu a Medalha do Turismo a Marcos Almeida, diretor comercial da Bahia Travel, em almoço petit comitê realizado no Chez Bernard. Na oportunidade, jornalistas especializados e representantes do trade turístico foram recepcionados por Jean Philippe Pérol, Diretor Américas do Turismo da França, juntamente com o diretor adjunto, Ricardo Bueno Hida. A honraria foi concedida pelo Estado Francês em reconhecimento ao trabalho de envio de turistas baianos àquele país. Conforme revelou Pérol, 3% dos brasileiros que visitam a França saem da Bahia, e que o a meta é atingir 5% o mais breve possível. Ele ainda disse que apenas 150 medalhas desse tipo são oferecidas a personalidades que atuam em prol do desenvolvimento do turismo francês, o que dá dimensão ao significado da homenagem. Na oportunidade foram apresentadas as novidades dos destinos franceses bem como ressaltado a qualidade das companhias aéreas Air France e KLM, que têm como diretor geral, Marc Billiart, que aguarda demanda para aumentar a quantidade de vôos direto entre os dois países. A França tem 9% do seu PIB vindo do turismo. Este dado é um incentivo para um país de dimensão continental como o Brasil que recebe apenas 7 milhões de visitantes ao ano. 10 | BAHIA NORTE

Marcos Almeida e Jean Philippe Pérol

Ricardo Bueno Hida


GASTRONOMIA | RESTAURANTE

Outback Steakhouse Com duas unidades em Salvador, nos shoppings Barra e Iguatemi, o Outback Steakhouse caiu no gosto dos baianos graças à qualidade, fartura e sabor marcante da culinária oferecida, somada à descontração no atendimento e às instalações aconchegantes. O cardápio inclui uma variedade de steaks, opções de peixe, camarão, frango, carne suína, cordeiro, massas, sanduíches, sopas e saladas, com opção de menu para crianças. Além disso, os aperitivos e sobremesas "comunitários" fazem parte do espírito do restaurante. Todos os pratos e

Herb Crusted Filet

Rockhampton Ribeye

vários insumos que compõem as receitas são produzidos diariamente dentro do restaurante, utilizando ingredientes frescos, com 100% de pureza e qualidade. As bebidas também são tão marcantes quanto o sabor dos pratos. Destaque para o chope servido em uma caneca congelada, com temperatura na medida certa. As Aussie Caipirinhas, com sugestões de diversas frutas, são também boas pedidas para o Billabong Hour – o happy hour do Outback com dose dupla. O Outback Shopping Barra, inaugurado em 2012, tem como diferencial o projeto de decoração, que segue o mais novo conceito desenvolvido pela rede. Um dos destaques do layout é o display Fresh Wall, instalado na recepção. Nele estão expostos os 17 temperos exclusivos utilizados nas receitas do Outback, bem como informações sobre a Bloomin’ Onion e sobre a qualidade das carnes e frutos do mar servidos na casa.

ChocolateTunder

Outback Shopping Barra

BAHIA NORTE | 11


GASTRONOMIA | RESTAURANTE

O prazer de comer bem O Varanda Gastronomia está trazendo para Vilas do Atlantico um conceito diferente de gastronomia, atendimento e decoração. Com dois ambientes, um climatizado, decorado com elegante estofamento e divertidas almofadas. Na parte externa, uma linda e ventilada varanda que dá nome ao local, decorado com mesas rústicas de madeira e outras de extremo bom gosto. Para o almoço encontramos opções de massas, saladas, grelhados, peixes a preços bem convidativos. Não deixe de provar o delicioso Spaghetti com camarões e azeite de manjericão por R$ 22,90. Já a noite, o ambiente se transforma num espaço elegante e descontraído, com um cardápio diferenciado, criado pelo chef Luciano Eliçagaray, é possivel

degustar delicias como risotos, massas, carnes, saladas, peixes, camarões,frutos do mar, grelhados,bem como petiscos incluindo pasteis, carpaccio, mariscos e outras novidades. À noite não deixe de pedir os medalhões de filé suino com pesto de coentro, risoto de banana da terra e couve, aromatizado com sal de bacon, R$ 39,90 e para petiscar os deliciosos pastéis de queijo brie com geleia de pimenta, R$ 14,70 Rua Praia de Pajussara 656, ao lado da Farmácia Drogasil - 71 3508.1942 Almoço seg a sabado das 12h às 16h Jantar - qua a sab das 18h às 24h

BAHIA NORTE | 13


GASTRONOMIA | vinho

Aprenda a degustar... Que o vinho está na moda e que a cultura de degustar a bebida de Baco veio para ficar isso já não é novidade, mas o que fazer num restaurante na hora de escolher entre as tantas opções do néctar na carta de vinho? O que fazer quando o sommelier lhe mostra a rolha? Ou mesmo quando ele lhe serve um fundinho do líquido na taça? Quem nunca passou por esses dilemas na hora da escolha do vinho? Basta o garçom ou o sommelier (sommelier ou escanção é um profissional especializado, encarregado em conhecer os vinhos, cervejas, ou outros tipos de bebidas, e de todos os assuntos relacionados ao serviço deste) chegar com a carta na mão e começa o que para muitos é um rito apavorante, mas na verdade não tem que ser uma situação ruim, basta para isso ter algumas noções básicas. Assim que você senta á mesa é de praxe que lhe seja entregue a carta de vinhos, caso isso não aconteça, solicite você mesmo. Assim que a carta lhe for entregue, analise-a com calma e sem pressão. Pense no que vão comer, assim como, o que seu acompanhante (ou acompanhantes) gosta de beber. Caso tenha alguma dúvida, não hesite em requisitar informações com algum funcionário da casa, e até mesmo, pedir indicações para uma melhor harmonização com os pratos. Bons restaurantes possuem profissionais treinados para ajudar o cliente na escolha. Se for beber pouco (apenas uma taça,

por exemplo), talvez seja interessante ver quais vinhos são servidos em taças ou em meia garrafa (375ml). Se a preocupação for custo do vinho, peça auxílio ao sommelier, indicando de forma discreta a faixa de preço que está procurando e o profissional lhe mostrará varias opções. Feita a escolha, o sommelier oferecerá água para acompanhar o vinho. Com ou sem gás, não faz diferença, se não quiser nenhuma das duas, tudo bem também, porem é extremamente importante intervalar cada gole do néctar com um pouco de água. O sommelier trará a sua garrafa para a mesa, antes de abrir, ele lhe mostrará o rótulo para você verificar se aquele é mesmo o vinho que você escolheu. Verifique o nome e a safra para se certificar. Começa o serviço propriamente dito, o sommelier retira a rolha e coloca na mesa ao seu lado, nesse momento, verifique

“Boa é a vida, mas melhor é o vinho…” Fernando Pessoa 14 | BAHIA NORTE

apenas se ela não está ressecada demais e quebradiça ou se apresenta algum odor forte (tipo vinagre). Seguidamente, o sommelier servirá uma pequena quantidade de vinho em sua taça, e agora começa o seu papel neste ritual. Você deve cheirar e provar o vinho antes de dar a ordem para continuar servindo os outros, ou, caso verifique algum problema com a bebida, recusá-la. No olfato, sinta se não há aromas estranhos, como de ovo podre ou vinagre, por exemplo. Na boca, a mesma coisa, por exemplo gosto de “papelão molhado”, isso significa que o vinho está bouchonée (foi afetado por um fungo que pode ser encontrado na rolha e causa cheiro ruim e altera o sabor, embora não faça mal á saúde). Se detetar algum problema, informe o sommelier e peça para trocar a garrafa, sem custo adicional. Se o vinho não apresentar defeitos, ordene ao profissional que continue servindo as pessoas na mesa, você será servido por último. Assim que a garrafa terminar, o sommelier perguntará se aceita outra. Caso sim, ele trará uma nova e repetirá todo o ritual de serviço. Caso você opte por outro rótulo, ele trará a carta novamente e aguardará sua nova escolha e trocará as taças, caso isso não ocorra, peça para serem trocadas. No final da refeição, se sobrar algum vinho na garrafa, você pode levar para casa. Pedro Luz Sommelier pedroluz1@hotmail.com


GASTRONOMIA | RECEITA

Gostinho de São João

Quando falamos ou pensamos em São João as comidas e bebidas típicas da época se materializam em nossa memória como num passe de mágica. Entre as receitas estão canjica, pamonha, bolo de milho, amendoim, pé-de-moleque e outras iguarias que só de pensar dão água na boca. Separamos aqui uma receita que vai fazer sucesso, na época em que o milho reina e a cachaça e o licor imperam.

CANJICA DE MILHO QUEIMADA

INGREDIENTES 1Kg de milho-verde debulhado | 350 ml de leite integral | 350 ml de creme de leite fresco | 150 g de açúcar | 1 pitada de sal | Canela em pó | Açúcar a gosto para povilhar MODO DE PREPARO Processe o milho com o leite no liquidificador, aos poucos, até obter uma mistura cremosa. Junte o creme de leite, misture e coe o líquido, descartando as fibras que sobraram. Adicione o açúcar e uma pitada de sal ao líquido coado. Coloque-o numa panela de fundo grosso e leve para cozinhar em fogo baixo, mexendo sempre até dar ponto, cerca de 30 minutos após levantar fervura. Polvilhe uma travessa grande ou tigelinhas individuais com a canela em pó e despeje a canjica ainda quente sobre elas. Espere esfriar e leve a geladeira Para Servir polvilhe o açúcar sobre a canjica gelada e queime com maçarico para formar uma casquinha dura. Sirva em seguida Rendimento: 12 porções | Preparo: 3 horas

BAHIA NORTE | 15


BAHIA NORTE | CURTAS

Mesa composta pelo prefeito e vereadores

Confira aqui algumas das notícias mais lidas do nosso portal Menelaw Sete na cidade

A oficina aconteceu na Escola Municipal Santa Julia, em Itinga. Menelaw Sete é um artista baiano conhecido como o Picasso Brasileiro, por causa de suas obras de traços e cores fortes. Menelaw tem forte influência de artistas como Portinari, Tarsila do Amaral e Di Cavalcanti e suas obras buscam cenas da realidade. Artista premiado internacionalmente, em um desses prêmios recebeu uma sala Home Museu com seu nome na Itália, em Sicília. A oficina contou também com a dissertação da mestranda e professora do município, Rosângela Accioly Lins Correia.

Detran em Lauro de Freitas

A Prefeitura Lauro de Freitas entregou o anexo da 4ª Retran (Regional de Trânsito), reformado e com serviços ampliados. A melhoria foi realizada em parceria com o Governo do Estado, através do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). A população também vai passar a realizar a prova prática para emissão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na cidade – em área do Kartódromo –, sem precisar se deslocar até Salvador ou Simões Filho. A nova sede oferece mais quatro terminais que, somados aos dois já instalados no SAC (Serviço de Atendimento ao Cidadão).

Bel Borba e sua arte

O artista plástico Bel Borba não só aceitou o convite para participar do projeto MAC ART – Arte Pela Vida, como já customizou a escultura de fibra de vidro que recebeu de Lynn Filippucci. A americana, residente em Lauro de Freitas, é presidente da ONG MAC, que atua desde 2007, em Lauro de Freitas, dando apoio a menores portadores do vírus da Aids. Macaquinhos, transformados em obras de arte, como o de Bel, serão expostos em locais públicos, ano que vem, e leiloados, durante a Copa do Mundo, com renda revertida para a ONG.

Vistoria de Mototaxistas

A Prefeitura Municipal de Lauro de Freitas, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Ordem Pública (Settop) deu inicio às vistorias e o cadastramento das mototáxis que atendem ao município. Há três anos sem vistoria, o sistema de transportes de mototáxi local deverá atender as mudanças do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), que exige a padronização com a instalação de placas vermelhas nos veículos, a utilização de coletes reflexivos por condutores maiores de 21 anos de idade, com o mínimo de dois anos de habilitação na categoria A. Para garantir a segurança dos usuários deste transporte público, também é exigida do condutor, a aprovação no curso de especialização para mototaxistas, conforme determinação do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

Tomada solar

A janela da sua casa pode parecer um lugar improvável para recarregar o celular, mas uma equipe de designers industriais tornou essa opção viável. Eles criaram um carregador portátil que, quando afixado no vidro na presença da luz do sol, é capaz de produzir eletrcidade com ajuda de um conversor. O aparelho possui paineis solares em um dos lados e conta com baterias de íons de lítio, que armazenam a energia convertida. São necessárias de cinco a oito horas por dia para uma carga completa. Segundo a firma Kyuho 16 | BAHIA NORTE


COMPORTAMENTO | MODA

Muita gente não sabe, mas aquelas caixas de papel que vem os ovos é feita de material reciclável que também pode ser reciclado. Confira aqui algumas idéias bem bacanas para você poder reaproveitar esse material de maneira útil e criativa.

Calça Montaria é a aposta do Inverno Tendência outono/inverno 2013, a calça montaria pode ser considerada o centro das atenções dessa estação. Elas podem ter corte reto, vir um tecido mais grosso e encorpado, ou com vários tipos de recortes. Elas podem também ser bem justas, podendo inclusive, ser facilmente confundidas com uma legging e comparada a um calça de malha. Além de confortáveis, essas calças têm o poder de deixar os looks muito elegantes e muitas delas veem com apetrechos, tais como: zíper, botões, bolsos. O mais bacana de tudo é que a peça não marca, e pode ser combinado com botas no mesmo estilo, e sapatilhas.

Fora do país é muito comum as mulheres utilizarem a calça montaria com blusas curtas ou por dentro da calça, mas atenção, meninas!! Isso não é aconselhável para nós brasileiras, por possuirmos muito mais curvas. Uma dica bacana é avaliar o perfil do seu corpo, ver se combina com o modelo da calça e optar, quase sempre, por blusas compridas que cubram o quadril, dessa maneira você ficará elegante e sem correr o risco de ter as partes íntimas desenhadas. Uma outra dica é combinar a calça com um cardigã, moleton comprido ou até mesmo um blazer, que tem o poder de deixar o look mais moderno.

Renata Santana Jornalista www.passareladigital.com


ENTREVISTA | MÁRCIO COSTA DEL REY CRUSOÉ

Meio ambiente. Educar é preciso Por Hendrik Aquino e Raimundo Rocha

Márcio Costa Del Rey Crusoé, Biólogo, especialista em perícia e auditoria ambiental pela Universidade Gama Filho do Rio de Janeiro, Secretário de Meio Ambiente, Saneamento e Recursos Hídricos (SEMARH) da prefeitura de Lauro de Freitas, acredita que as grandes e tão esperadas transformações sociais acontecerão através da educação. Em um bate papo com a Revista Bahia Norte, Márcio contou detalhes sobre a nova gestão municipal que tem como foco ações mais educativas porém, a conversa também revelou a necessidade de maior atenção do poder público municipal quanto ao monitoramento do ar, investimento em mais veículos e pessoal de fiscalização, implementação de um sistema cicloviário, além da necessidade de um debate mais aprofundado sobre o “tamponamento” dos rios. Confira a entrevista e participe. Envie as suas críticas, sugestões e elogios para a Revista Bahia Norte - conteudo@revistabahianorte.com.br Bahia Norte – Quais são os planos da SEMARH para esta gestão? Márcio Crusoé – Conquistar a população através de iniciativas voltadas para a educação ambiental, medidas mais preventivas que punitivas, uma orientação que o prefeito Márcio Paiva reforça sempre. Criamos o Centro de Educação Ambiental e já estamos realizando atividades, principalmente com os estudantes. Agimos hoje, planejando o amanhã. O acesso a informação é importante pois a população precisa estar ciente dos direitos e também dos deveres. Por desinformação, muitas vezes somos cobrados por algo que está além da nossa jurisdição. O rio Sapato e o rio Joanes, por exemplo, já chegam em nosso município poluído e isto requer um trabalho integrado entre os municípios e o estado, algo que já estamos provocando. BN – E quanto a poluição dos rios em Lauro de Freitas? MC – Continuamos com a limpeza dos rios e afluentes, em defesa da melhoria da qualidade das águas e estamos trabalhando de forma integrada, ou seja, as secretarias trabalham em conjunto para garantir resultados mais rápidos e eficientes. As dragagens são feitas pela SEINFRA que também participa das vistorias. A nossa equipe é formada por 80% de técnicos na área. Cada caso é analisado sob aspectos técnicos e ambientais e só liberamos o alvará após nos certificarmos do cumprimento da legislação. Processos que antes levavam 5 anos, hoje são liberados em 40 dias. Para os novos empreendimentos, é necessário uma mini estação de tratamento de esgoto, seja para residência ou comércio. Em Ipitanga, por exemplo, embargamos 12 obras. Orientamos ainda que os imóveis mais antigos sejam adequados a nova legislação que está em vigor desde 2005, embora saibamos que, em setembro, a Embasa irá retomar as obras de esgotamento sanitário e teremos um maior controle para evitar

18 | BAHIA NORTE

a poluição dos rios. Também procuramos manter contato com as demais instâncias sempre que encontramos situações além da nossa competência. O Governo do Estado, através da CONDER, por exemplo, está planejando ações relacionados ao rio Ipitanga. BN – Recentemente o prefeito Márcio Paiva disse que o rio Ipitanga seria coberto para dar lugar a um estacionamento... MC – Esta questão ainda precisa ser tecnicamente mais discutida. O trânsito e a mobilidade urbana têm sido um grave problema nas grandes cidade e nós, que estamos localizados na Região Metropolitana de Salvador, vizinhos da terceira cidade mais populosa do país precisamos encontrar alternativas preservando a fauna e a flora. BN – Seria o caso de estimular o uso de bicicletas? Dando maior fluidez ao trânsito e reduzindo a poluição gerada pelos

veículos movidos a combustão fóssil, que se agrava graças aos engarrafamentos? Como é feito o monitoramento da qualidade do ar no município? MC – A prefeitura tem intenção de implementar ciclovias e ciclofaixas através da integração entre as secretarias de Trânsito, Transporte e Ordem Pública (SETTOP), de Planejamento e Gestão Urbana (SEPLAN) e da SEMARH. A SETTOP é responsável pela fiscalização dos transportes, evitando que os veículos irregulares circulem, acredito que eles têm dados referentes a poluição do ar mas ainda não tivemos acesso a isto. A SEMARH tem atuado na arborização das vias principais. Temos projeto para arborizar toda a cidade que não foi bem planejada quanto a criação e manutenção de espaços públicos mais agradáveis e saudáveis. Em março fizemos o replantio de 1.200 mudas no manguezal de uma espécie conhecida como “Mangue Ver-


melho”, resultado de uma contra partida de uma construtora. Nesta ação contamos com a colaboração de pescadores locais para a mão de obra. Estamos analisando a contratação de uma empresa para fazer o monitoramento mensal da qualidade da água e vamos verificar o que precisa ser feito quanto ao monitoramento do ar. BN – Quais são as maiores reclamações recebidas pela SEMARH? MC – Recebemos em média 80 ligações mensais e 80% das queixas estão relacionadas a poluição sonora. As fiscalizações acontecem geralmente com base nas denúncias como tem sido o caso do lançamento de esgoto e água servida nas ruas e passeios. Alguns moradores esquecem as piscinas plásticas com resto de água, outros esvaziam diretamente na rua. Qualquer descarte deve ser feito respeitando-se as leis.

BN – Ainda quanto a poluição sonora, qual o volume máximo permitido? E os horários? Os veículos têm legislação diferente dos imóveis? MC - Pela Lei Municipal, o limite é de 70 decibéis até às 22h. A nossa intenção não é acabar com as festas, mesmo porque procuramos fazer com que o cidadão compreenda que o direito de um acaba quando começa o do outro. Ao chegar no local, a nossa equipe mede os decibéis e, se estiver acima do permitido solicitamos que o volume seja reduzido. O executivo está elaborando ajustes na lei municipal para ser mais rigorosa com os proprietários de veículos que abusam do som. Até lá, trabalhamos em parceria com a Polícia Militar e a SETTOP, pois as leis de trânsito incluem detalhes que permitem, nestes casos, uma atuação mais eficiente que a da poluição sonora.

BN – Como é composta a equipe de fiscalização? De quantos veículos a SEMARH dispõe? MC - A nossa equipe é formada por 9 fiscais que se revezam durante a semana das 8h às 14h e das 14h às17h. Sextas, sábados e domingos a equipe se reveza durante 24h. As sextas das 19h até às 7h de segunda-feira. Dispomos de 01 veículo. BN – E quanto as caixas de coleta seletiva? Que resultado o município tem obtido com esta experiência? MC – As caixas coletoras estão sob a responsabilidade da SESP. BN – Por quais meios a população pode entrar em contato com a SEMARH? MC – Os nossos telefones são: 3396-9197 de segunda a sexta em horário comercial, 3369-9168 fiscalização 24h inclusive aos sábados e domingos, e 9730-6416 fiscalização nas sextas, sábados e domingos

SUSTENTABILIDADE

Cidadãos mirins

A Creche Escola Sonho da Criança vem investindo no currículo e nos espaços da escola, a fim de proporcionar às crianças experiências significativas que desenvolvam procedimentos e atitudes mais conscientes em relação ao meio ambiente. Pensando no desafio que a sociedade atual enfrenta sobre a relação humana com a natureza, a escola desenvolve ações pedagógicas que contemplem a ideia de sustentabilidade. Assim, foi criada a Sucatoteca, um espaço lúdico, dinâmico e interativo para propiciar às crianças, a partir da coleta seletiva, da reutilização e da reciclagem de materiais descartáveis, a possibilidade de construir métodos próprios e valores que favoreçam o diálogo, despertem a curiosidade e a criatividade, bem como conhecimentos relevantes e significativos para a qualidade da vida no planeta. Partindo do princípio de sustentabilidade, as crianças começam desde cedo a pensar sobre o tema, em projetos que

são desenvolvidos ao longo do ano letivo como: Eu- Cidadão do Mundo e Pequenos Cientistas, que durante o decorrer das investigações, as crianças vão produzindo coletivamente materiais para vários fins: exposições, decorações e lembranças. Desta maneira, a Escola torna-se um espaço ímpar para a construção da cidadania, garantindo às crianças e a

todos os envolvidos, a construção de conhecimentos a partir das interações que estabelecem com o entorno, em que a cooperação e o respeito permitam ao homem viver de maneira harmoniosa e responsável no mundo. Cláudia Regina Diretora da creche Escola Sonho da Criança

BAHIA NORTE | 19


ARQUITETURA | TENDÊNCIA

Conheça os novos modelos de telhas

Se você está acostumado a utilizar somente as tradicionais telhas cerâmicas ou fibrocimento, chegou a hora de conhecer os novos lançamentos que prometem revolucionar o mercado da construção civil no Brasil.

Telha Pet

A reciclagem das garrafas pets vem sendo utilizadas de várias formas, como tapetes, luminárias, vassouras, roupas, etc. e na construção civil o polireftalato de etileno vem ganhando destaque, pois é um material com isolamento acústico semelhante ao dos modelos cerâmicos e possui um peso mais leve, porém seu custo chega a ser quase o dobro, mais sua estrutura por ser leve, utiliza menos materiais, tornando a cobertura ao todo com um custo mais baixo. Existem uma grande variedade de cores, e sua estrutura pode ser tanto de madeira quanto metálica. www.eccoclean.com.br

Telha Ecotermica

A telha AL-1, como é chamada usa como matéria-prima aparas de descarte de alumínio e embalagens de caixa de leite ou sucos. Com 2,20 x 0,94 m, cobre em média 1,72 m². www.telhaecologica.net.br

Telha PVC

Telha Fibrocimento Colonial

Apesar de possuir praticamente a mesma forma tradicional das telhas cerâmicas coloniais, o material utilizado é o fibrocimento, o mesmo das telhas “Eternit”, possuindo mais economia no madeiramento e na mão de obra, por ser mais leve, sem amianto, maior proteção contra fungos, mais resistente à trinca e à quebra www.brasilit.com.br

Já utilizado em forros, portas, esquadrias, etc., agora a nova aposta da indústria da construção civil é utilizar esse material como telha, possuindo baixíssimos índices de expansão térmica, frente a variação de temperatura, não requerem materiais pesados e caros para sua estrutura e são maiores que as telhas convencionais, não propagam chamas, possuem baixo coeficiente de condução térmica e redução sonora. www.telhadepvc.com.br 20 | BAHIA NORTE


AR CONDICIONADO

ADVOCACIA E CONSULTORIA

CABELEIREIRA

COLCHÕES

CONSÓRCIO

CLASSIFICADOS

ARQUITETURA

PARA ANUNCIAR LIGUE 71 8874-0909 / 3288-2101

ARTIGOS ESPORTIVOS

desinsetizadora

BAHIA NORTE | 21


PARA ANUNCIAR LIGUE 71 8874-0909 / 3288-2101

CLASSIFICADOS

ESCOLA DE MÚSICA

FARMÁCIA

LAVANDERIA

MADEIREIRA

INFORMÁTICA

MÚSICA EM DOMICÍLIO

MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO

PET SHOP

TRATAMENTO PST

TRATAMENTO ONDAS DE CHOQUE

22) | BAHIA NORTE


VETERINÁRIA

VETERINÁRIA

VETERINÁRIA

PARA ANUNCIAR LIGUE 71 8874-0909 / 3288-2101

TREINAMENTO EMPRESARIAL

CLASSIFICADOS

TOLDOS


Mail bn 64 maio 2013 (1)  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you