__MAIN_TEXT__

Page 1

Ano 19 Número 155

ANTENADOS A IDEIA JOVEM DE BRASÍLIA


J

EDITORIAL

an Borges, esse nome você não vai esquecer. Um jovem cantor e compositor de Itaueira – PI, que já compôs para diversos cantores famosos. Agora lançou mais um sucesso, para lá de antenado. A música “não te superei” já está na boca dos brasilienses e do Brasil, afinal, a era digital nos permite alcançar o mundo. Uma letra fácil e que mexe com o coração dos apaixonados e românticos, “não te superei” conta a história de uma pessoa que ainda ama a outra, algo que acontece com muitos apaixonados. O lançamento da música foi dia 06 de dezembro, no clube recanto solar, o cantor arrastou um imenso público e os levou ao delírio. O cantor já vinha trabalhando o lançamento da música junto com o grupo de mídia antenados, e não poderia ter outro, a não ser sucesso absoluto. Iniciou sua carreira em 2012 na cidade de Brasíla - DF. Cantor e compositor de origem sertaneja se tornou vencedor de programa de calouros na tv e ganhou forte destaque nas redes sociais através de um video lançado no youtube em 2014, (ultrapassando um milhão de visualisações ), chegando a participar de programa nacional de televisão. Durante 6 anos seu nome artístico foi conhecido como Janay Borges mas em setembro de 2019 decidiu mudar para Jan Borgges. Em 2020 as composições de Jan Borgges vira destaque nas redes sociais e chegando a ser procurado por cantores de grande influência para gravar algumas de suas músicas com Lançamento no nível nacional. Desde então o cantor tem crescido, sempre trabalhando e conquistando fãs pelo Brasil por onde passa.

Receita Antenada

pág. 06

Nós preparamos matérias incríveis, temos a certeza que você irá gostar.

Câmara Aberta

pág. 08

Boas Festas e até a próxima!!!!

Capa

pág. 10

Tecnologia

pág. 13

Look At Me

pág. 16

Cidadania

pág. 19

Falando Pro

pág. 23

Expediente Gratuita Distribuição

ANTENADOS INFORMATIVO JOVEM DE BRASÍLIA ANO20 ED. Nº 155 2020 DIRETORA: BETH CAOMON/ DIRETORA: MÔNICA LEMETS EDIÇÃO: MENSAL / JORNALISTA: JOSEANE LIRA REVISÃO: ANSELMO DUARTE DIAGRAMAÇÃO: B&M 10 PRODUÇÕES PROJETO GRÁFICO: B&M PRODUÇÕES END: EQRSW 7/8 ED. MONUMENTAL SUDOESTE TELEFONE:(61) 98649-0522 ANTENADOS@ANTENADOS.COM.BR

Antenados The Best

pág. 24

Antenados+

pág. 27

www.antenados.com.br


Receita

Antenados

Ceia Petit De Natal: Nova Aposta Gastronômica Garante As Celebrações Em Brasília

Chef italiana Ana Cláudia Morale aposta e adequa as celebrações gastronômicas natalinas com a produção do menu petit de natal.

O

s moradores da Capital Federal podem garantir as comidas típicas da data festiva em novo formato sem deixar de comemorar uma das épocas mais importantes. Apesar do ano difícil por causa da pandemia do novo coronavírus, muita gente não vai deixar de lado o hábito de celebrar o Natal. A data desperta sentimentos como união, amor, fraternidade e caridade, e é um dos momentos mais esperados para que as famílias possam celebrar o nascimento do menino Jesus. Diante das restrições impostas com a pandemia, a chef italiana Ana Cláudia Morale traz uma novidade gastronômica, capaz de preservar a comemoração da data: a ceia petit de natal com total segurança. O menu, elaborado em formato que atenda núcleos familiares pequenos, compreende em tender com frutas, bacalhau cremoso, couscouz marroquino, salada de maçã verde e brie e canapé de salmão defumado com redução de balsâmico. Ao valor de R$120,00 por pessoa, a ceia pode ser encomendada para um pedido mínimo de quatro participantes.

Cláudia Morale é integrante da Federação Italiana de Cozinheiros – FIC BRASILE, desde 2018. Trabalhando com gastronomia desde 2007, Ana Cláudia trilha a sua caminhada por passos gastronômicos, sendo participante de eventos como Mesa A Vivo, Beba do Quadrado, Pátio Varanda, além de ministrar aulas no Espaço Pátio Gourmet. A Chef também fornece cursos particulares de confeitaria e atua como personal chef em eventos gastronômicos.

Serviço: Ceia petit de natal: nova aposta gastronômica garante as celebrações em Brasília Valor: R$120,00 Entregas: Gratuitas Local: Em todas as localidades do DF Pedidos por encomendas diretamente com a chef Ana Cláudia Morale: (61) 98203 -1526

As encomendas podem ser realizadas com a própria chef pelo telefone (61) 98203 1526 até o dia 12 de dezembro, e as entregas serão gratuitas em todas as localidades de Brasília. Chef Ana Cláudia Morale Com descendência italiana, essa chef brasileira tem o coração na terra das famosas massas e representa em seus pratos os ensinamentos da Nonna que a criou. Publicitária de formação, mas confeiteira de coração e talento nato, Ana

www.antenados.com.br

www.antenados.com.br


Câmara Aberta Câmara Legislativa devolve R$ 60 milhões de seu orçamento ao Executivo Prudente observa que a economia é fruto da redução de despesas em vários setores. “Houve uma economia de 75% nas verbas indenizatórias. Da contenção de gastos com publicidade, economizamos R$ 12 milhões, e no plano de saúde dos servidores, outros R$ 3 milhões”

S

em que a produtividade do Poder Legislativo do Distrito Federal, ao longo de 2020, fosse reduzida, a Câmara Legislativa devolverá mais R$ 60 milhões ao Poder Executivo. O Ato da Mesa Diretora nº 138/2020, assinado nesta quarta-feira (16), autoriza o cancelamento deste valor do seu orçamento anual. O montante se somará a outros R$ 10,4 milhões transferidos anteriormente. E, ainda, há previsão de uma nova devolução até o final do ano. Tomando o biênio 2019-2020, a CLDF já devolveu um total de R$ 127,4 milhões. “Ao assumir a Mesa Diretora, recebemos a missão de dar transparência às atividades parlamentares e reduzir os custos do Legislativo, e nós fizemos isso. Agora, na próxima gestão, continuaremos o mesmo processo. A Câmara Legislativa vai votar mais, decidir mais e economizar mais”, afirmou o presidente da Casa, deputado Rafael Prudente (MDB), avaliando a medida de economia aos cofres públicos.

em vários setores. “Houve uma economia de 75% nas verbas indenizatórias. Da contenção de gastos com publicidade, economizamos R$ 12 milhões, e no plano de saúde dos servidores, outros R$ 3 milhões”, listou. Também foi registrada queda nas despesas com pessoal, conservação da sede da CLDF e serviços gerais, entre outras. O ato da Mesa Diretora – que será publicado nesta quinta-feira (17) no Diário da Câmara Legislativa – traz a terceira transferência da CLDF ao Poder Executivo neste ano. A primeira, em de 30 de junho, no valor de R$ 6,2 milhões, foi realizada por ocasião da aprovação de proposta que garantiu o benefício emergencial a trabalhadores do setor de transporte. Depois, em 15 de setembro, houve a devolução de outros R$ 4,2 milhões. Fonte: Marco Túlio Alencar / Foto: Figueiredo/CLDF / Núcleo de Jornalismo - Câmara Legislativa

Prudente observou que a decisão é resultado da redução de despesas www.antenados.com.br

www.antenados.com.br


Capa

Jan Borgges, nascido em Itaueira - PI, inciou sua carreira em 2012 na cidade de Brasíla - DF. O cantor e compositor de origem sertaneja se tornou vencedor de programa de calouros na tv e ganhou forte destaque nas redes sociais através de um video lançado no youtube em 2014, (ultrapassando um milhão de visualisações ), chegando a participar de programa nacional de televisão. Durante 6 anos seu nome artístico foi conhecido como Janay Borges mas em setembro de 2019 decidiu mudar para Jan Borgges. Em 2020 as composições de Jan Borgges virou destaque nas redes sociais, chegando a ser procurado por cantores de grande influência para gravar algumas de suas músicas com Lançamento no nível nacional. Desde então o cantor tem crescido, sempre trabalhando e conquistando fãs pelo Brasil por onde passa.

www.antenados.com.br

www.antenados.com.br


Tecnologia Brasiliense desenvolve métrica de alcance para rádio online

Hunter.FM é a primeira rádio online do Brasil com métrica própria.

J

ovem, empreendedor, Raylan Fernandes, de 27 anos, é fundador e Ceo da Hunter.FM, uma das maiores rádios digitais do país, com ouvintes em todas a capitais brasileiras e no exterior. Com mais de 1 milhão de seguidores nas redes sociais, a rádio tem quase dois milhões de acessos por mês e mais de três milhões de impressões de anúncios no mesmo período. Pode ser ouvida em todas as plataformas disponíveis. Possui inteligência de streaming que permite identificar e mapear seu público e os interesses de seus usuários. É a primeira rádio online brasileira a possuir o sistema próprio de mensuração de spot de áudio digital. Antes de falar da rádio, precisamos falar das diferenças e dos avanços alcançados por esse veículo de comunicação tão exponente. A principal diferença entre as ‘web rádios’ e as rádios tradicionais é a forma de transmissão. As rádios AM/FM têm sua propagação através de ondas eletromagnéticas, enquanto as web rádios se difundem por meio de streaming de áudio, uma tecnologia de transmissão de dados via internet. As ‘web rádios’ funcionam de maneira totalmente online, utilizando um servidor que emite os programas. Enquanto a forma de transmissão tradicional está limitada por questões geográficas, as chamadas ‘web rádios’ podem ser ouvidas em qualquer parte do planeta, desde que o usuário tenha um meio de acesso à internet.

uma equipe para desenvolvimento de tecnologia para garantir a qualidade de áudio, seguindo padrões internacionais. "Diferente de tudo que existe hoje em rádio online, somos a primeira rádio a ter sistema exclusivo de métrica de audiência, motivados pela necessidade de acompanhamento dos dados em tempo real, criamos um painel próprio, onde o cliente acompanha em tempo real a entrega de sua campanha”, garante Raylan Fernandes, criador do sistema de mensuração digital que permite ao cliente acompanhar a entrega de sua campanha durante todo o período de veiculação, em tempo real, permitindo a interação do cliente na personalização dos spots de áudio da campanha para seu target, como por exemplo, a mesma mensagem para diferentes cidades, falando diretamente ao ouvinte em sua região. Na pandemia os resultados foram além do esperado. Com muitas pessoas trabalhando em casa, a rádio teve seus acessos multiplicados. Segundo Raylan, esse foi o ano de maior crescimento da Hunter.FM e as expectativas são as melhores possíveis, com a chegada da internet 5G, espera ver seus números saltarem ainda mais. Dividindo a direção da rádio com seu sócio Gustavo Monari, formado em Ciência da Computação e o responsável pela implementação das ferramentas de melhoramento da emissora, Raylan garante que esse modelo de emissora vai revolucionar as mídias eletrônicas por ter boa aceitação dos ouvintes e serem grandes aliadas dos anunciantes. São as novas mídias revolucionando a comunicação.

Dessa forma, para ouvir uma rádio por meio analógico, a proximidade com a emissora de sinal é essencial. Já na web rádio, a distância não tem qualquer influência sobre qualidade, sendo preciso apenas garantir boa velocidade e qualidade de conexão. Muitas emissoras AM/FM lançaram-se também na internet para garantir o alcance de audiência. Essa foi a estratégia seguida por muitas rádios tradicionais para sobreviverem aos avanços tecnológicos. Boa parte das rádios na internet começou como uma estação tradicional, até que decidiram se aventurar no mundo digital. Uma das principais vantagens da web rádio é o baixo custo envolvido. É possível criar estações de rádio que funcionam exclusivamente de maneira online e, em comparação com as rádios analógicas, o valor gasto pode ser dez vezes menor, representando uma grande economia.

No interior das esferas você pode ver exposições de caráter tanto permanente quanto temporário.

www.antenados.com.br www.antenados.com.br

A Hunter.FM é uma rede de rádio online, possui 08 canais de música, de gêneros diferentes. Programada inicialmente para ter uma programação 100% musical e áudio impecável, teve um crescimento exponencial, atingindo logo o máximo de ouvintes no streaming, o obrigando a contratar novos servidores. A programação é ao vivo, atualizada constantemente com as gravadoras. Tem uma forte interação com seus ouvintes, que também ajudam a produzir conteúdo. Criaram www.antenados.com.br


www.antenados.com.br

www.antenadostv.com.br


Look

At Me

Loucura de Natal Aquela Parmê: parmegiana grátis para as 100 primeiras pessoas vestidas de Papai ou Mamãe Noel

A campanha natalina vai acontecer no dia 23 de dezembro, entre 11 e 15h, em Águas Claras

P

apai Noel já chegou com muitas novidades no restaurante Aquela Parmê. O saco de presentes do bom velhinho traz surpresas gastronômicas recheadas para os moradores da Capital Federal. Para agradar o paladar, no próximo dia 23, o Aquela Parmê vai dar uma parmegiana grátis para as 100 primeiras pessoas que chegarem ao local caracterizadas de Papai ou Mamãe Noel ( gorro, camisa e/ou vestido vermelho ou a tradicional barba). Entre 11 e 15h, os interessados poderão ir ao restaurante, à caráter natalino, para retirar o seu prato. A parmegiana liberada será de frango promocional com acompanhamentos de arroz e purê de batata, podendo ser modificado a depender do estoque. Os clientes que quiserem comprar além do brinde, deverão fazer a compra pelo aplicativo fastget.app/aquelaparme, impreterivelmente. Os participantes que desejarem participar da campanha deverão respeitar as orientações de distanciamento social, como uma condição essencial. A casa está aberta de segunda a domingo, de 11 às 22h, no sistema delivery e takeaway.

Serviço: Loucura de Natal Aquele Parmê: parmegiana grátis para as 100 primeiras pessoas vestidas de Papai ou Mamãe Noel Endereço: Rua das figueiras número 6 loja 15 - Águas Claras, Brasília Whatsapp: (61) 98156-9038 Dia: 23 de dezembro Horário: Entre 11 e 15h

Cardápio: quelaparme.vendadelivery.com/pedir Dias e Horários de Funcionamento: Aberto de segunda a domingo das 11 às 22 (sistema delivery e take-out) Entregas pelos aplicativos, Ifood, UberEats, Rappi e 99Food Take-out com 20% off pedindo pelo aquelaparmevendadedelivery.com/pedir O restaurante recebe os cartões das principais bandeiras, ticket restaurante, sodexo, alelo e Pic pay

www.antenados.com.br

www.antenados.com.br


Cidadania Panetones e outros quitutes para 500 famílias

Rede Feminina de Combate ao Câncer entregou itens durante evento natalino da entidade assistencial, que atua no Base

P

anetones, queijos e outros quitutes recheados de amor e esperança foram distribuídos para 500 famílias de pacientes do Hospital de Base (HB), nesta sexta-feira (18), em uma ação de Natal promovida pela Rede Feminina de Combate ao Câncer. Os itens que vão complementar a ceia deste ano também incluíram suco, doce de banana, farinha, ovos e frutas frescas e secas, sem deixar faltar as uvas passas. O gesto de solidariedade envolveu 50 voluntários da Rede Feminina, que entregou ao longo do ano mais de 7 mil cestas básicas. “Sou cantor e agora todas as apresentações foram suspensas. Por isso, essa cesta de alimentos vai fazer toda a diferença para mim”, afirmou o goiano Rodorlino de Brito, de 70 anos. Já a paciente Adenilda Maria Ferreira, de 55 anos, descobriu o câncer no ovário há cinco anos, quando era corredora de rua. “Receber essa notícia é como receber uma pena de morte. Mas a nossa percepção muda com o passar do tempo. Hoje eu vejo que tudo isso me fez mais forte”, contou. “Eu caminho duas horas por dia e cuido da alimentação com bastante rigidez. Não vivo para reclamar. Busco ensinar para a minha filha e meus netos o valor da vida”, declarou. União e solidariedade A coordenadora da Rede Feminina, Vera Lúcia Bezerra, aproveitou a última ação da entidade em 2020 para agradecer aos voluntários e aos colaboradores do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF), que administra o hospital. “Mesmo com todo o contexto do coronavírus, não interrompemos as atividades nenhum dia sequer. Distribuímos 7 mil cestas no decorrer deste ano atípico. Isso só foi possível pela união de muitas mãos.”

A coordenadora é ex-paciente de câncer e sentiu na pele as dificuldades que os adoentados passam. “Há cerca de um ano, eu tive câncer em um dos rins e precisei removê-lo. Por isso, eu sei exatamente como é essa luta pela vida.” Vera Lúcia informou que a entidade vai entrar em recesso, mas as atividades retornam ao normal a partir de 6 de janeiro de 2021. Josilene Batista dos Reis, de 43 nos, é voluntária da Rede Feminina e também paciente oncológica do HB. Desde 2017, faz tratamento de câncer na mama esquerda. “Cheguei ao hospital bastante debilitada. Minha mama doía demais. Nem conseguia levantar o braço ou mesmo dormir. Hoje estou muito melhor, já na fase final do tratamento”, celebrou. Ao conhecer o trabalho da entidade, Josilene se apaixonou. “Tudo isso é amor, é terapia, é vida, é humanidade. Eu recebi tudo isso e agora estou doando com todo o meu empenho”, garantiu. “Para outras pessoas que estão passando por isso, eu digo: Não desistam de lutar. E acreditem, o câncer tem cura”.

Como ajudar a Rede Feminina A Rede Feminina de Combate ao Câncer é uma instituição sem fins lucrativos e atua no Hospital de Base desde 1996. Voluntários oferecem apoio emocional e orientações sobre o tratamento contra o câncer. O grupo recebe contribuições diversas, como roupas, calçados, brinquedos, livros e cestas básicas. Doações em dinheiro podem ser feitas por transferência bancária para a agência nº 4595-0, conta corrente nº 11.310-7 (Banco do Brasil). Mais informações pelo (61) 33645467 ou pelo (61) 98580-4019. Fonte: Thays Rosário Fotos: Davidyson Damasceno/Ascom Iges-DF


www.antenados.com.br

www.antenados.com.br


Falando

Pro Antenados

Mais investimentos em iluminação pública de qualidade no DF!

Outras três regiões do Distrito Federal receberam recursos captados pelo Deputado Reginaldo Sardinha para a instalação de iluminação de LED!

A

gora é a vez do Núcleo Rural Boa Esperança II e III, no Lago Norte, e da Superquadra Norte 110 receberem recursos de infraestrutura em iluminação pública e as obras serão iniciadas em breve. Além de promover mais segurança por ampliar a visibilidade no local, as novas lâmpadas de LED são ainda mais econômicas e agridem menos o meio ambiente por não possuírem metais pesados em sua composição, como o vapor de sódio, do qual são feitas as antigas lâmpadas amarelas./

Ah, e além dessas duas regiões, a via em frente ao Jóquei Clube de Brasília, em Vicente Pires, também foi contemplada com recursos e agora está toda iluminada! O investimento é essencial tendo em mente que a região comporta um fluxo intenso de carros diariamente, chegando a ser uma das mais movimentadas de todo DF.

www.antenados.com.br

www.antenados.com.br


The

Best

Em nove meses, Acolher Moçambique inclui 3 mil novas crianças e soma 14 mil acolhidos no projeto da Fraternidade sem Fronteiras

Devido a pandemia, os alimentos passaram a ser distribuídos crus e em cestas básicas

O

projeto Acolher Moçambique, da Organização humanitária Fraternidade sem Fronteiras (FSF), enfrenta desde o início da pandemia provocada pela Covid-19, um ajuste entre a quantidade de refeições oferecidas com o número de acolhidos. “Estamos equilibrando o que temos para atender ao máximo de crianças que conseguimos”, explica o coordenador do projeto, Alan Xavier. Até março, conforme Alan, eram 11 mil crianças acolhidas nos centros da FSF, agora já são 14 mil. Os centros de acolhimento estão fechados e o preparo das refeições suspenso, como prevenção ao contágio do Coronavírus. Os alimentos (arroz e feijão) passaram a ser distribuídos crus e em cestas básicas. A movimentação da entrega fez com que muitas famílias, não cadastradas no projeto, buscassem os centros para tentar levar comida para casa. Como alternativa para que mais pessoas tenham o que comer, os alimentos foram racionados.

Sobre a Fraternidade sem Fronteiras – A FSF é uma Organização humanitária e Não-Governamental, com sede em Campo Grande (MS) e atuação brasileira e internacional. A instituição possui 53 polos de trabalho, mantém centros de acolhimento, oferece alimentação, saúde, formação profissionalizante, educação, cultivo sustentável, construção de casas e ainda, abraça projetos de crianças com microcefalia e doença rara. Todos os trabalhos são mantidos por meio de doações e principalmente pelo apadrinhamento. Com R$ 50 mensais é possível contribuir com um projeto e fazer a diferença na vida de muitas pessoas. Mais informações podem ser obtidas pelo site www.fraternidadesemfronteiras.org.br Fonte: Assessoria De Imprensa – Fraternidade Sem Fronteiras (Df)

“Muitos ainda ficam sem receber o alimento porque não temos como oferecer a todos. É um grande desafio”, esclarece Alan. Além de administrar a procura pelos alimentos, a coordenação do projeto também precisa fazer cálculos para ajustar o orçamento; dólar alto, aumento do preço dos alimentos, 15% de imposto pago ao governo moçambicano e outros desafios. “Com o cenário atual, hoje não teríamos condições de voltar a cozinhar como antes, se voltássemos, teríamos que oferecer apenas três vezes por semana refeições nos nossos centros de acolhimento. Seria o nosso plano para que os nossos acolhidos não fiquem desamparados”, explica o coordenador, que complementa, “a nossa solução é aumentar o número de apadrinhamentos, são eles que mantêm nossas atividades”. É pelo apadrinhamento que a transformação começa para inúmeras famílias.“O impacto nos locais onde a Fraternidade está é muito significativo. É um avanço da escassez extrema à educação em nível superior, tudo fruto de uma simples ação que começa no ‘prato de comida’, materializado pelo apadrinhamento, e que hoje já proporciona que crianças que precisavam trabalhar em troca de alimento, estejam na universidade”, afirma o fundador-presidente Wagner Moura Gomes. Projeto Acolher Moçambique – nas aldeias moçambicanas, a Fraternidade sem Fronteiras acolhe crianças que viviam na extrema miséria, a maioria delas órfãs de pais mortos pelo HIV. Nos 30 centros de acolhimento mantidos e administrados pela organização humanitária, o ambiente é de incentivo à vivência fraterna, com alimentação, cuidados com a saúde, orientação à higiene, atividades pedagógicas, recreativas e culturais. É o projeto pioneiro da FSF.

www.antenados.com.br

www.antenados.com.br


Antenados+ Dom Casero cria presentes gourmet para a data mais gostosa do ano

Para a marca, a tendência para este Natal é o presente-experiência. Uma maneira de registrar um momento entre familiares é ativar a memória gustativa com produtos exclusivos

E

Danilo Carvalho - Tatiane Freitas - Denis Carvalho

m dezembro, a Dom Casero apresentou um novo conceito de presentes natalinos gourmet com base nas tradições desta época e influências internacionais, com valorização dos pequenos produtores e dos produtos regionais. A linha especial de biscoitos e chocolates finos e exclusivos Dom Casero foi lançada no último sábado (5). A marca inovou e elaborou deliciosos biscoitos finos e exclusivos suíços amanteigados flambados na canela, biscoitos com massa nobre banhados no chocolate belga, além dos tradicionais natalinos feitos de gengibre. São novidades deliciosas para o fim de ano da marca. Todo o portfólio tem um detalhe especial, embalagens de porcelana inspiradas nos principais símbolos natalinos. Toda a identidade visual da campanha estampada nos produtos foi pensada em como traduzir sentimentos em sabores, proporcionando sensações prazerosas enquanto degusta os produtos. Para Tatiane Freitas, diretora da Dom Casero, uma experiência marca a pessoa, e a faz relembrar para sempre do momento que viveu. “Um presente marcante fica para sempre na memória de quem o recebe. E o Natal é uma das datas mais importantes, pois registramos nossas memórias mais gostosas por partilharmos com as pessoas que mais amamos". Um biscoito natalino tem o poder de despertar a memória gustativa e, por isso, grandes clássicos continuam fazendo sucesso e atraindo novos consumidores para a Dom Casero. A loja conta com presentinhos gourmet para a data mais comemorada do ano. Fonte: Késia Paos, Créditos da imagens: Rondineli Borges. www.antenados.com.br

www.antenados.com.br


BRB apresenta 2ª edição do Festival Sabores na Mesa Brasil Experiência vai reunir restaurantes renomados e celebrar a gastronomia de Brasília

O

BRB apresenta, a partir do próximo sábado (5) até o dia 10 de janeiro, mais uma edição do Festival Sabores na Mesa Brasil. Durante esse período, os brasilienses poderão desfrutar menus exclusivos de 15 conceituados restaurantes da Capital, a preços promocionais. O objetivo do festival é celebrar o mercado da gastronomia de Brasília e movimentar a economia local. O grande homenageado desta edição é o artista Athos Bulcão, que terá sua arte estampada nas embalagens de delivery e take out. “Essa é a segunda edição do Sabores na Mesa e a segunda vez que o BRB participa. O BRB trabalha para oferecer aos seus clientes experiências únicas. Para nós, estar novamente no festival é motivo de orgulho e compromisso com a valorização da gastronomia e da arte do Distrito Federal”, afirma o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa. Os participantes desta edição são os restaurantes Casa Baco, Chicago Prime, Comedoria Sazonal, Conca Cozinha Original, Dom Francisco, Dudu Bar (Asa Sul), LAAP Restaurante Argentino, Mayer Sabores do Brasil, Ouriço, Ricco Burger, Rio Bistrô e Louge, Sushi Experience, The Plant, The Queen’s Place Green House (Lago Sul) e Universal. Os menus serão vendidos em duas opções: entrada e prato principal, ou entrada, prato principal e sobremesa; e variam de R$ 59 a R$ 135. Clientes que pagarem com cartões BRBCARD terão 10% de desconto no valor dos menus, e ainda ganham cortesias dos chefs, de acordo com política de cada restaurante. O Festival Sabores da Mesa conta ainda com os patrocínios do Sabin Medicina Diagnóstica, da operadora Claro, da Unique Family Fitness Club e da Stella Artois.

SERVIÇO: 2ª edição Festival Sabores na Mesa Brasil

Período: 5 de dezembro a 10 de janeiro Restaurantes Participantes: Casa Baco, Chicago Prime, Comedoria Sazonal, Conca Cozinha Original, Dom Francisco, Dudu Bar (Asa Sul), LAAP Restaurante Argentino, Mayer Sabores do Brasil, Ouriço, Ricco Burger, Rio Bistrô e Louge, Sushi Experience, The Plant, The Queen’s Place Green House (Lago Sul) e Universal. Instagram: @festivalsaboresnamesa

Facebook: /saboresnamesabrasil

Contato: saboresnamesabrasil@gmail.com

www.antenados.com.br

www.antenados.com.br


www.antenados.com.br


Profile for Revista Antenados

Revista Antenados de n°155  

Revista Antenados de n°155  

Advertisement