Page 17

Com isso foi dada a largada para que 2012 seja um ano de muitas realizações transformadoras do turismo como forte atividade econômica, geradora de emprego, renda e qualidade de vida. É ferramenta primordial nessa transformação o Plano Estratégico de Turismo do Pará, entregue em novembro de 2011, desenvolvido com a consultoria da empresa espanhola Chias Marketing. Denominado “Ver-o-Pará”, este novo Plano Estratégico, que dá continuidade ao Plano de Desenvolvimento Turístico do Pará, lançado também pela Paratur, traz dois importantes direcionamentos: o do desenvolvimento de produtos turísticos e o do marketing e promoção do Pará. Com metas audaciosas a serem cumpridas até 2020, o plano deve colocar o Pará, que

hoje tem um fluxo aproximado de 770 mil turistas por ano, como destino prioritário da Amazônia e do Brasil. Prevê um incremento significativo nesse fluxo nos próximos oito anos. A meta para o mercado nacional é crescer 10% no primeiro ano e, a partir do segundo ano de implantação do plano, crescer a um ritmo de 15% ao ano, chegando em 2020 a triplicar o número de turistas brasileiros no Pará. Quanto ao mercado internacional a meta é crescer 10% no primeiro ano e, a partir do segundo ano, 25% ao ano, chegando em 2020 a um nível de receita cinco vezes os valores atuais, que em 2010 somaram US$ 187 milhões e em 2011 ultrapassaram US$ 230 milhões. O Plano Estratégico de Turismo do Pará resulta de diversas pesquisas de opinião

Marajó

www.paramais.com.br

O turismo no Pará.indd 17

Pará+ 17

23/01/2012 11:22:44

Pará+ 119  

Salve Belém! O turismo em foco

Advertisement