Page 1

Essa vaga

não é sua!

MIRELLA PROSDÓCIMO E A CAMPANHA PELO RESPEITO ÀS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

Make perfeito

Gaste menos e seja feliz

UM PASSO A PASSO PARA VOCÊ ACERTAR NA MAQUIAGEM

DICAS INCRÍVEIS PARA NÃO CAIR NAS ARMADILHAS DO CONSUMO

Sempre bela

maio/2011 | #104 | R$ 10

O CORPO NÃO É MAIS O MESMO DEPOIS DO PRIMEIRO FILHO? APRESENTAMOS ALGUNS SEGREDOS

superMÃE

COMO FÁTIMA BERNARDES É CAPAZ DE NOS INSPIRAR? A HISTÓRIA DE UMA CURITIBANA MÃE DE TRIGÊMEAS IDÊNTICAS SUGESTÕES DE PRESENTES... E MUITO MAIS


carta a você

Você é

feliz?

Os diretores da VIVER Curitiba, Luís Fernando Carneiro e Ellen Nogueira, com Mirella Prosdócimo

Só há uma coisa melhor que ser verdadeiramente feliz. É ter sensibilidade para perceber isso. É por isso que todos os dias na redação da VIVER Curitiba fazemos o exercício de celebrar as grandes e pequenas conquistas que acontecem a cada instante. Sabemos que esta é a melhor maneira de viver e de produzir uma revista verdadeira, alegre e inspiradora. Comemoramos um e-mail carinhoso que recebemos, uma notícia exclusiva enviada por uma assessoria de imprensa, uma entrevista intensa, um editorial de moda marcante, um novo colaborador que entra para nosso “clube”. Nessa edição especial ao Dia das Mães, descobrimos o que todo mundo já sabia. Elas só mudam de endereço. Pode ser a médica curitibana Ana Cecília Spautz ou a apresentadora Fátima Bernardes - ambas mães de trigêmeos - a felicidade dos filhos é sempre prioridade. Por eles, as mães desaceleram, passam noites em claro e até esquecem de si mesmas. Agradecemos ao competente Alexandre Schnabl, nosso parceiro no Rio de Janeiro, que traçou esse perfil maravilhoso da maternidade a partir de um ícone nacional como a supermãe Fátima Bernardes. Acreditamos também que é preciso investir nas pessoas. Foi por esse motivo que abraçamos a campanha “Essa vaga não é sua nem por um minuto”, em parceria com a empresária Mirella Prosdócimo e com uma série de amigos que você terá a oportunidade de conferir nas próximas páginas. Convidamos você a fazer parte desse movimento, que vai além da causa dos deficientes e encontra uma reflexão fundamental: como estamos nos relacionando com as pessoas? Enfim, nosso desejo – um tanto quanto ousado - é de que a VIVER Curitiba possa ser útil para você descobrir-se feliz. Aceita o convite?

Luís Fernando Carneiro

Editor :: luis@revistaviver.com.br

Styling Alexandre Schnabl Fotos André Batista Beleza Ronald Perega Assistente de produção Rafael Ourives Tratamento digital Octavio Duarte

Editor: Luís Fernando Carneiro | Diretora: Ellen Nogueira | Redação: Evelyn Bittencourt, Alexandre Schnabl (Rio de Janeiro) | Diretora de Arte: Goretti Carlos | Especialistas: Dr Antonio Cezar Mendes dos Santos (Acupuntura), Dr Marlon Chiaratti (Cirurgia Plástica), Dr Roberto Quintana (Fisioterapia e Pilates), Dra Caren Pilatti (Estética), Dr Rogério Marcondes (Odonto) | Colunistas: Daura Carneiro (Eterno Aprendiz), Ellen Nogueira, Jaime Reiss (GPS), Marcos Meier (Super Família), Tatiana Escosteguy (Login), Sylvia Cesario Pereira (Estilo) | Publicidade: Ariane G. Rodrigues | Atendimento: Kelly Gequelim Skrzypietz | Representante Brasília: Francine Junqueira A revista VIVER Curitiba é uma publicação da Editora Ruah, com circulação dirigida em Curitiba e Região. R. Casimiro José Marques de Abreu, 706 – Ahu | 82200-130 – Curitiba/PR – Fone: (41) 3018-8805 | Fax: (41) 3018-7805 | www.editoraruah.com.br Todos os direitos reservados | Proibida a reprodução sem autorização prévia e por escrito. Todas as informações técnicas bem como anúncios e conteúdos assinados são de responsabilidade de seus respectivos autores.


ENCANTE QUEM VOCĂŠ AMA Shopping Crystal Plaza . ParkShopping Barigui . Shopping Palladium Shopping Curitiba . PolloShop Alto da XV . Shopping Cidade Shopping Total . PolloShop Campagnat

www.rennejoias.com.br


sala de visitas

| Nosso muito obrigado aos talentosos colaboradores desta edição!

Márcia Tolotti É psicanalista, psicóloga, especialista em psicologia organizacional e do trabalho, especialista em psicologia clínica, mestre em letras e cultura, escritora, consultora de projetos sociais, empresarias e consultora em educação financeira in company, autora do livro As Armadilhas do Consumo. www.tolotti.wordpress.com

Roberto Quintana Ele é fisioterapeuta e parceiro da VIVER Curitiba há bastante tempo e nessa edição fala sobre Pilates e Sexo. Apaixonado por Pilates, é Master Training Teacher certificado pelo Physicalmind Institute de Nova Iorque e também formado em Reeducação Postural Global (RPG) pelo Instituto Phillipe Souchard.

Cris França Publicitária, atleticana, yoggie, comanda a Araçá Eventos e é jornalista de final de semana. Adora viajar e registrar o que vê, volta e meia é convidada para conhecer hotéis e escrever reviews sobre lugares e passeios. Esteve no Peru há pouco tempo e aqui ela nos conta um pouco do que viu.

Fran Hunter Fotógrafa e jornalista por formação, começou como fotógrafa oficial da família e amigos. O que era um hobby passou a ser profissão depois de uma temporada de estudos na França e Inglaterra. Atuando no mercado curitibano desde 2001, assina o Editorial de Moda desta edição.

Thiago Vilas Boas Quando criança sua irmã servia como modelo para elaboração de seus feitos. Hair stylist e visagista, tem estilo único e moderno, misturando o retrô, o pop e o clássico. Trabalha há nove anos no ramo e há cinco no Salão Vimax. Sempre inovador, foi definitivo no visual das modelos para o Editorial de Moda desta edição.

Vinicius Lavezzo Make-up artist e visagista, tem o dom natural para as cores desde sua infância. Sonhava maquiar a Marilyn Monroe quando pequeno e até hoje mantém como inspiração as áureas épocas hollywoodianas. Está há 10 anos neste ramo, há cinco no Salão Vimax e foi o responsável pelo make-up para o nosso Editorial de Moda.

Diego Domingos Produtor de moda nascido em Londrina trabalha na área há 10 anos entre Curitiba, Londres e Tókio. Além de produtor de campanhas, editoriais e desfiles é professor no Centro Europeu na matéria de coolhunting. Fundador da Q.I. Produção de Moda arrasou na produção do Editorial de Moda. www.qimoda.com

KELLY KNEVELS Descobriu no curso de publicidade a fotografia e foi paixão ao primeiro “click”. Trabalha na área há sete anos cobrindo eventos e fotografia em estúdio. Há quatro anos largou todas as outras atividades para exercer apenas e simplesmente a Fotografia. Realizada quer sempre aprender mais. Dedica à vida a esta profissão. “Fotografia com amor, emoção, humor e inspiração”. www.kellyknevels.com.br

www.franhunter.com.br

Maureen Miranda Atriz, diretora e artista plástica, Maureen cresceu entre tintas e papéis. Nesta edição da VIVER Curitiba, ela ilustra a seção Eterno Aprendiz. É também ilustradora da Colcci e livros de literatura, bem como de sua própria marca. www.maureenmiranda.blogspot.com

6


fale conosco

Adorei a revista, a capa com a Babi ficou linda e os acessórios e roupas combinaram perfeitamente, ou seja, tudo com muito bom gosto! Viviane Beltran – Rio de Janeiro Algumas reportagens estão fazendo um sucesso fora do comum com a mulherada da agência. Savannah Comunicação Integrada APETITE PARABÉNS! Parabéns pela beleza editorial! Amei a minha capa! A Revista está linda. Babi Xavier Parabéns pelo conteúdo e qualidade da revista. Curitiba merecia uma publicação arejada, com novos temas e novos personagens. Márcia Azevedo Viver Curitiba caiu no gosto dos curitibanos. Parabéns a toda equipe. Elisabet Ristow Amei, achei que está muito mais gostosa moderna e bonita. Amei os looks e dicas de moda! Parabéns para toda a equipe. Rafaela Salomon Trabalho lindo. Curitibanos agradecem o talento de vocês! Simone Boava Envie sua opinião ou sugestão para

leitor@revistaviver.com.br

leitor@revistaviver.com.br

(41) 3018 8805

Deve ficar uma delícia esses cupcakes! Obrigado pela receita. Continuem postando receitas deliciosas e diferentes como essa. Elis Regina Becker

PROMOÇAO DE  ANIVERSÁRIO CROFT HOUSE

TODA A LINHA DE MÓVEIS EM 10X NO CARTÃO SEM JUROS

BEM-ESTAR Ficou linda a edição! Gratidão à Revista Viver Curitiba e à Brisa Teixeira. Informação linda sendo propagada a do projeto yoga no Parque Barigui. Fantástico. Silvio Lopes

Aqui você encontra soluções inteligentes e aconchegantes que estimulam o desenvolvimento e bem-estar das crianças.

capa Babi é maravilhosa! Muito talentosa, é ótima apresentadora, atriz, cantora, dançarina. É dotada de extrema simpatia e doçura, perceptível espontaneidade e inteligência. Sou sua fã e admiradora e adoraria vê-la no ar em breve! Elayne Garcia A capa com a Babi está linda! E a matéria com ela, também! Arrasaram! Parabéns! Fã Clube Babi Xavier.

twitter.com/vivercuritiba

Tudo isso em uma coleção ampla de móveis e criativos acessórios de decoração.

www.revistaviver.com.br

www.revistaviver.com.br

No nosso site você confere a edição digital e pode enviá-la para seus amigos. Lá você também pode dar sua opinião sobre a revista, participar das nossas promoções e conferir novas matérias. DISTRIBUIÇÃO | A Revista VIVER conta com uma tiragem de 10.000 exemplares com circulação dirigida. Assinantes | Numa parceria inédita entre a Editora Ruah e a Rede Marista de Colégios, cerca de 4.000 mães dos alunos do Colégio Marista Paranaense e Colégio Marista Santa Maria recebem exemplares como assinantes. Para anunciar | (41) 3018-8805 | comercial@revistaviver.com.br

Rua Itupava, 754 Alto da Rua XV / Curitiba   f +41 3014 6400 / 3014 6409 7 crofthouse.com.br


índice

69 12:: Pitaco Gaste menos e seja feliz 28:: Vida Real Mãe de trigêmeos?! ESTILO DE VIDA 13:: Insight Mulheres que lutam 16:: O melhor de Curitiba por Nicole Gulin 18:: Cartão Postal Peru: rumo à cidade sagrada 22:: Você Merece Viver com mais saúde

13

10

38 8

GENTE 23:: Capa A intimidade de Fátima Bernardes 33:: Especial Essa vaga não é sua! 36:: Vida Prática A patroa pede socorro 38:: Raio X Carro de mãe, com Rochele Dors 40:: Login Mamãe na web MODA 46:: Estilo A moda com a sua cara 48:: Editorial O lado lúdico e encantador de ser mãe 56:: Tendência Outono Sofisticado 58:: Estilo “Tal Mãe, tal filha” 60:: Shopping Presentes de Mãe

BELEZA 61:: Maquiagem Com que make eu vou? 64:: Beleza Make pra toda hora 66:: Plástica Seu corpo de volta 68:: Odonto O sorriso ideal BEM-ESTAR 69:: Bem Estar As delícias do spa urbano 74:: Equilíbrio Você sente algum tipo de dor? 76:: Saúde Sexo e Pilates CASA E FAMÍLIA 77:: Casamento Aposte no home wedding 79:: Decoração Over na medida certa 80:: Super Família Mãe tigre ou mãe coruja? 82:: Eterno Aprendiz Navegar é preciso

61


9


mix

Cold Stone em Curitiba

No segundo semestre chega a Curitiba a famosa marca Cold Stone Creamery, que promete apresentar uma experiência única em sorvetes, feitos a partir de uma mistura de vários ingredientes customizados por cada consumidor em uma pedra gelada de granito. Conversamos com o CEO da Cold Stone Creamery no Brasil, Leonardo Ribas Gomes, que está animado com a nova empreitada. Qual será o diferencial da Cold Stone Creamery para conquistar rapidamente o mercado?

Primeiramente a qualidade e a experiência Cold Stone, que é completamente diferenciada de tudo o que existe no mercado brasileiro, especialmente por conta da preparação com a pedra de granito congelada, os mix-ins e as milhares de possibilidades de sabores e combinações que o sorvete vai oferecer. Apostamos ainda em opções variadas, que serão um grande diferencial das lojas brasileiras, como tortas geladas, cafés, salgados, entre outros, que ofereceremos aos nossos clientes. Qual a data de lançamento e o local da primeira loja em Curitiba?

Não temos ainda uma data exata definida, mas a previsão é inaugurar entre julho e agosto. Como

Mais uma TAM VIAGENS

A TAM Viagens, unidade de turismo da TAM Linhas Aéreas, vai inaugurar nova loja no Shopping Crystal. Um grande diferencial da empresa é que os produtos são segmentados e personalizados de acordo com a necessidade de cada cliente. Isso porque todo roteiro da TAM Viagens está incluído em uma das seguintes áreas de interesse: Esportes, Família, Escapadas, Experiências, Praias, Diversão e Entretenimento, Ecoturismo, Feiras ou Eventos. A operadora se compromete a oferecer as melhores opções de roteiros, que propiciem momentos únicos de lazer. Fone: 41 3883-3000

10

localização, escolhemos a região conceito Batel Soho. Nosso endereço será na Rua Augusto Stelfeld, quase na esquina com a Rua Ângelo Sampaio. A Cold Stone Creamery está presente em mais de 1700 localidades em 16 países. Por que apostar em Curitiba para o lançamento da marca no Brasil?

Vamos lançar em Curitiba e, logo em seguida, em São Paulo, para que ambas comecem a operar praticamente em paralelo. Escolhemos a capital paranaense por oferecer um público de bom gosto e especialmente exigente por produtos de alta qualidade.

TV a cabo curitibana

O Grupo Paranaense de Comunicação - GRPCOM - lançou no dia 19 de abril um novo veículo de comunicação, a TV a cabo ÓTV. Trata-se de um canal de Curitiba para quem vive em Curitiba, que vai privilegiar e valorizar a identidade local. A proposta é exibir conteúdos diferenciados, aprofundar as informações e amplificar o que acontece na cidade. A programação vai ao ar pelo canal 11 da Net Digital de Curitiba, com sete horas diárias, das 17h à meia noite.


11


Pitaco

| Uma dica exclusiva de um especialista convidado

Gaste

menos e seja feliz

Comprar gera prazer e vicia... por isso é preciso muito cuidado na hora de abrir a carteira Por Márcia Tolotti

S

e a sociedade do hiperconsumo está voltada para os prazeres imediatos e às compras impulsivas, muitos estão lutando por um consumo saudável e sustentável. Já está fora de moda comprar considerando apenas se a parcela cabe no bolso ou se a “vontade” é muito grande. “Vontades” são construídas, manipuladas e criadas pelo mercado. Por fim, acabam se transformando em um “sentimento” próprio e o grande segredo está justamente em fazer com que os consumidores sintam vontade e acreditem que estão sendo livres diante do ato de comprar. Quando compramos, nosso cérebro é inundado pela dopamina, que é um neurotransmissor, precursor natural da adrenalina e da noradrenalina. Tem como função a atividade estimulante do sistema nervoso central. Em outras palavras: comprar gera prazer e vicia. Se nós, meros consumidores sabemos disso, os grandes estrategista do mercado sabem muito mais. Questiono por que importantes pesquisas utilizando a neurociência são patrocinadas pelo marketing. O neuromarketing avança por territórios da nossa mente sem que tenhamos a menor noção disso. Então, o problema é da

Para cada insatisfação, uma saciedade ao alcance da mão – melhor dizendo, ao alcance do cartão”

publicidade, do marketing e do varejo? Não! O problema é nós, seres humanos acreditarmos que a felicidade pode ser comprada. O mercado faz o papel de nos oferecer as ilusões que queremos consumir: prazer constante, privilégio instantâneo, satisfação intensa, alegria absoluta, pouco trabalho e muito dinheiro, etc. Se nós estamos sedentos, o varejo tem aquilo que irá nos saciar e, pouco importa, se é um sapato, um carro, uma viagem. “Para cada insatisfação, uma saciedade ao alcance da mão – melhor dizendo, ao alcance do cartão”. Somos alvo das armadilhas do consumo por sermos acionados em nossas insatisfações e faltas. Vale lembrar que do ponto de vista psíquico, a FALTA é uma marca constituinte do

ser humano e é nela que se instala o desejo. A falta estrutural não é preenchida. É apenas, momentaneamente, apaziguada. Portanto, não precisamos nos desesperar diante daquilo que não temos, ninguém tem tudo, ninguém!

E para que você se proteja do consumismo, utilize o Conceito FIM: F requência: você compra algum produto pessoal a cada 15 dias ou menos? i ntensidade: quando não compra sofre, se sente mal, frustrada ou incapaz? m otivação: compra quando está brava, insegura, insatisfeita, infeliz, triste?

Se você respondeu algum sim, procure mudar seus hábitos e lembre-se que se “o mais importante não tem preço”, significa que não precisamos transformar a compra em nossa diversão, prazer ou meta maior da vida.

Márcia Tolotti é psicanalista, consultora em educação financeira in company, autora do livro As Armadilhas do Consumo. 12


Estilo de vida

Elas vão à luta

Já se foi o tempo em que somente os homens encontravam no ringue ou no tatame um meio de se equilibrar para enfrentar os desafios diários que a vida moderna oferece. Em Curitiba, os mitos de que as mulheres são frágeis, que não conseguem se defender e não têm força são derrubados um a um por mulheres belas e independentes. Por Evelyn Bittencourt

13


Daniel Stahsefski

Insight

Quando coloca as luvas, Marjorie Pavese Ferreira esquece da intensa rotina de estudos. Ela está se preparando para prestar o vestibular para Medicina e começou Muay Thai há cinco meses. “Treino todos os dias e enquanto estou ali não penso nos estudos. A atividade me deixa mais calma e ajuda a desestressar.”

N

Famosas

na Luta

Sandy - Boxe Sabrina Sato - Muay Thai Daniele Suzuki - Capoeira Christine Fernandes Muay Thai.

14

ão se assuste, os tempos são outros e aos poucos as mulheres começam a marcar presença nas aulas de Muay Thai, Boxe, Karatê, Capoeira, Kung Fu, Judô, Taekwondô, Jiu Jitsu... De olho nessa tendência, as academias não demoraram a oferecer novas modalidades, ajudando a quebrar crenças que ainda afastavam parte do público feminino. Segundo o professor de Muay Thai da Universidade da Luta, Giuliano Del´Vignia, “na maioria das vezes o preconceito vem da própria mulher que, desinformada sobre o assunto, acha que quem luta se torna menos feminina”. Quem já é praticante de algum tipo de luta mostra que essa ideia é coisa do passado. Andreia Oro luta há cerca de três anos e no início recebeu incentivo de seu marido. “Sempre fui fã de lutas e escolhi o Muay Thai jus-

tamente por mexer com o corpo por inteiro”, revela. Em Curitiba, a prática de artes marciais por mulheres já não é mais novidade e tem adeptas distribuídas entre as principais academias da cidade. Fernanda Martinelli revela que nunca gostou muito de fazer musculação e a convite de uma amiga decidiu conhecer o Boxe. Hoje, conta que não consegue mais viver sem o esporte. “O importante é não ficar parada e além de fortalecer a musculatura as artes marciais trabalham com a mente tirando o stress do dia a dia”, conta.

Benefícios

São muitas as razões que levam as mulheres às aulas de luta. Melhorar o condicionamento físico, aprender a se defender e aliviar a tensão são os principais. As lutas trabalham também a parte de concentração, disciplina,


The Best

• Diminui o stress • Desinibe os tímidos e acalma os agitados e ansiosos • Aumenta a autoestima, a autoconfiança e desenvolve o caráter (esporte de conquista individual) • Trabalha e define o corpo, como os braços, abdômen e quadril, tanto em homens quanto em mulheres • Aumenta a resistência do organismo • Acelera o metabolismo • Melhora a capacidade cardiovascular e respiratória • Aumenta a flexibilidade • Aumenta a coordenação motora • Aumenta os reflexos

A melhor lutadora do mundo é de Curitiba. Cristiane Santos, mais conhecida como Cris Cyborg, é campeã mundial de MMA (vale-tudo) e simplesmente tem dificuldades para encontrar lutadoras no seu nível. Acostumada a lutar nos Estados Unidos, ela mandou uma mensagem especial para as leitoras da VIVER Curitiba. Divulgação

Confira os benefícios da luta

agilidade, coordenação motora, alongamento e equilíbrio, entre outros. Tudo isso, somado ao corpo durinho, são fatores que mais contribuem para elevar a autoestima delas. De acordo com o professor de boxe, Sergio Agostini Junior da Academia Boxe Extreme, as mulheres aprendem com mais facilidade, são mais flexíveis por natureza e mais dedicadas.

Defesa pessoal

Com a insegurança nas ruas e até dentro de casa, os números revelam que um dos motivos que as levam às academias é defesa pessoal. Estudos mostram que mulheres que praticam esportes podem chegar a ter a força quadruplicada, aumentando inclusive a massa muscular. Mas é claro que tudo isso não é comparável à satisfação de diminuir a possibilidade de ocorrência de celulite, estrias, gordura localizada, varizes e aumentar a qualidade de vida.

“O meu recado para todas as mulheres que gostam de muita adrenalina, e querem descarregar o stress, ficarem felizes consigo mesmas, e perderem uns quilinhos: vão correndo praticar uma arte marcial, seja ela qual for, sem pensar em competir, mas aprendam a filosofia do esporte.

Para todos os gostos

Adorou a ideia de entrar em formar distribuindo chutes e socos? Então se prepare para passar um bom tempo escolhendo qual modalidade se dedicar, pois há diversas opções legais. Assista a vídeos da modalidade no YouTube para ver com qual delas você se identifica, depois procure uma academia e faça uma aula experimental. Aqui vão algumas dicas de academias:

1. Companhia Atlética Rua Prof. Pedro Viriato P Souza, 600 – Mossunguê 41 3241-5000

2. Swimex

Avenida Cândido Hartmann, 1285 – Mercês 41 3336-5000

3. Fit Premium

Mercês, Batel e Cabral. 41 3022-0800 | 41 3022-0600 41 3022-0700

15


O melhor de Curitiba

pr ata

da casa

Talento nas artes, Nicole Gulin festeja sua metrópole com ares de província Viver aqui... Apreciar o que a cidade tem de melhor, sua limpeza e organização, além de saber aproveitar as oportunidades que ela proporciona como fazer negócios, encontrar os amigos e passear pelos parques. Um lugar especial... O Museu Oscar Niemeyer, pela opulência da arquitetura, pela representação da cultura e pelo envolvimento com a comunidade em eventos sócio-educativos. É uma referência internacional. Esse lugar é o máximo.

Para comer em Curitiba... Os restaurantes de Santa Felicidade que frequentei muito com meus avós. Eles remetem a lembranças muito boas, além de adorar a comida! E quem não gosta de uma polentinha frita? Hummm...

Quando estou em casa... Gosto de estudar, pesquisar sobre minhas obras de arte e de outros artistas (tanto brasileiros quanto mundiais), falar com as amigas, curtir minha casa com o som ligado, sempre!

O melhor de Curitiba é... A mentalidade crítica e o envolvimento das pessoas. Curitiba é uma metrópole com ares de província, que cresceu, mas não perdeu seu charme. Nicole Gulin está com exposição até dia 11 de junho no Clube Curitibano

Nicole Gulin é artista plástica e começou sua carreira de maneira autodidata. Atualmente estuda desenho, História da Arte (com Fernando Bini) e está em cartaz com a exposição “A Força & Delicadeza das Índias Brasileiras” até 11 de junho no Clube Curitibano. Além disso, já participou de exposições na França, em São Paulo e no Rio de Janeiro. 16

Divulgação

Para se divertir... O Parque Barigui pela tranquilidade que passa, pelas opções de lazer e atividades esportivas. Acredito que a prática de exercícios físicos diariamente ajuda a mandar para longe o stress do dia a dia, aumenta a endorfina e faz a gente mais feliz.


Shopping Crystal 3014 4422 ParkShoppingBarig端i 3317 6008 Shopping Mueller 3014 5556

INVERNO 2011

fabriziogiannone.com


cartão postal

Artesanato local em Cusco

Rumo

à cidade

sagrada Conheça os encantos do Peru, um destino cheio de mistérios e belezas Por Cris França

1.

18

Cusco – Vale Sagrado


Lima – Miraflores

Hotel Vale Sagrado

cusco

V

isitar o Peru é uma experiência pra lá de gratificante. Cheio de mistérios, o país tem uma cultura forte, um povo hospitaleiro, estrutura turística invejável, e o melhor de tudo: fica aqui pertinho! Ao contrário do que todo mundo pensa, é uma viagem fácil de fazer e se você estiver disposta a gastar um pouco mais, pode ter muito luxo e conforto. Para quem quer conhecer só a ‘Cidade Sagrada’, existem voos diretos de São Paulo para Cusco. Mas se você tiver mais tempo, vale a pena ir até Lima e conhecer um pouco da capital peruana, que é uma cidade incrível e tem muito da história do país.

LIMA

Com cerca de dez milhões de habitantes, Lima soube preservar sua

herança cultural do século IV, mesmo com todo o progresso da colonização espanhola. O centro histórico da cidade é considerado Patrimônio Mundial da Unesco e tem vários pontos de interesse turístico: A Plaza das Armas – como em todas as cidades peruanas, é o foco central e tudo se situa ao seu redor: O Palácio Presidencial, a Catedral, o Palácio Arquiepisopal e a Câmara Municipal. A Casa da Literatura, ao lado do Palácio do Governo está recheada de obras de Mario Vargas Llosa, e tem um espaço de leitura com todas as obras traduzidas para vários idiomas. É emocionante ler Vargas Llosa no cenário onde acontecem suas histórias. Também nos arredores da Praça, dezenas de restaurantes oferecem a deliciosa culinária peruana, com seus temperos marcantes e aromas de dar água na boca. São muitos os hotéis de luxo em Lima, mas a maior concentração deles fica em Miraflores, um bairro moderno, com excelentes restaurantes, praia, comércio, parques e uma passarela no alto da encosta em frente ao mar que é um passeio inesquecível. Voltada para o Oceano Pacífico e a alguns metros acima do nível do mar, faz do pôr-do-sol um espetáculo a parte. Principalmente se você estiver sentado no parque do amor, todo feito de mosaico, com desenhos, frases românticas e um design que lembra muito o trabalho de Gaudi, no Parc Güell, de Barcelona.

CUSCO

Saindo de Lima, é a hora de aterrisar em Cusco. O espetáculo começa na chegada. Situada em meio a um vale, a 3.400 metros de altitude, é emocionante olhar para fora das janelas do avião e perceber a chegada na cidade, encravada em meio aos morros. A altitude já pode ser sentida logo na chegada e a herança incaica é percebida no rosto de cada um dos

“locales” (como são chamados os nativos). Extremamente hospitaleiros e ávidos por uns trocados, grande parte dos moradores trabalha na atividade turística e oferta de hotéis, táxi, restaurantes e passeios é o que não falta. Como a cidade é pequena, você pode se virar perfeitamente a pé por lá. Existem hotéis em todas as faixas de preço e com todos os níveis de conforto. Mas se você quiser passar muito bem, não pense duas vezes: o Hotel Monastério, da rede Orient Express é tudo o que você precisa. Sua construção é um antigo monastério, onde as paredes originais são preservadas. Os quartos não podiam ser mais confortáveis, com camas imensas, banheiras, climatização e a possibilidade de ventilação a base de oxigênio puro, para minimizar os efeitos da altitude. Ao andar por Cusco você terá a impressão de que a cidade foi inteira entalhada para receber turistas. Cada canto é cheio de detalhes e é impressionante perceber a história através das suas construções. Quando chegaram a Cusco, os incas construíram ali a capital de seu império e esta herança é percebida nos grande muros de pedra e no interior de hotéis e restaurantes. Depois chegaram os espanhóis e construíram um casario colonial com estruturas aparentes de madeira e sacadas cheias de detalhes, além das igrejas, sempre imponentes. O barato de Cusco é caminhar sem rumo, curtir as ruas e os becos e enxergar detalhes por onde quer que se olhe. Mas a cidade também tem templos e ruínas incas que valem a visita. O Qorikancha é o templo destinado ao arco-íris, ao sol e à lua. Por causa dele o arco-íris virou a bandeira da cidade, o que faz com que os desavisados achem que todos os estabelecimentos de Cusco são “gay-friendly”, inclusive as igrejas. São três as ruínas imponentes nos arredores da cidade. Tambomachay é a mais alta delas; fica 3.700m acima do nível do mar. Ali há uma fonte de

19


cartão postal

Machu Picchu

água com um sistema de engenharia hidráulica - a água vem de um lago natural em uma montanha do lado de lá. Mas chegar à fonte exige vontade. O ar rarefeito desestimula. Saqsaywaman é prova da eficiência inca em encaixar pedras. O templo com pedras imensas encaixadas perfeitamente deve ser visitado no fim da tarde, quando fica especialmente cênico. Saindo em direção a Machu Picchu, passamos pelo Vale Sagrado, que fica ao longo do rio Urubamba, o rio sagrado dos incas, com forte correnteza e margens de terras férteis. A cidade de Ollantaytambo é o último lugar onde se chega de carro e ponto de partida do trem que leva a Machu Picchu. Na verdade, o trem só chega ao pé do morro e todos os passageiros são obrigados a desembarcar na antiga Águas Calientes – que para facilitar passou a se chamar Machu Picchu Pueblo.

MACHU PICCHU

Machu Picchu merece dois dias de visita. Ir até lá e ficar um só é bobagem. Pegue um dia para visitar o parque em um tour guiado, aprender um pouco sobre as construções, as

20

Vale Sagrado – artesanato local Cusco

curiosidades e você entenderá como foi feita a cidade. No dia seguinte, tire o dia para curtir. Chegue cedo e, se não tiver medo de alturas, suba o Huayna Picchu. É preciso colocar o nome em uma lista na entrada do parque e só são permitidas 400 pessoas por dia. Para passar o resto do tempo, escolha um lugar gostoso e aprecie a vista, tire uma soneca. A cidade é linda de todos os ângulos e a sensação de estar lá em cima não pode ser comparada a nenhuma outra. Você está no alto de uma cordilheira e percebe isto porque enxerga toda a grandiosidade das montanhas ao redor. Olha as construções e imagina uma outra civilização. Até o clima é diferente nas alturas. Nuvens passam, trazem uma chuvinha e em seguida desaparecem, dando lugar ao sol. A viagem ao Peru é realmente emocionante. Aprender sobre os incas e vivenciar sua cultura nos aproxima da natureza, do planeta e nos mostra a importância que eles davam às coisas simples da vida. E nos faz perceber realmente o quanto elas são importantes. Ninguém volta de lá sem ser uma pessoa um pouquinho melhor espiritualmente.


21


Você merece

1. CUIDAR DO CORPO Dedique uma hora do seu tempo para praticar algum esporte ou fazer ginástica. A academia Gustavo Borges disponibiliza atividades específicas para o público feminino como a ginástica chamada GB Mulher, programa de exercícios que trabalha força, resistência e tônus muscular com objetivos estéticos e de saúde.

Academias Gustavo Borges Mercês – Tarumã - Barigui (41) 3015.2333 | (41) 3366.3141 (41) 3339.9600

2. COMER BEM Quintana Café e Restaurante Avenida Batel, 1440 41 3078-6044

Busque alimentos saudáveis de elevado valor nutritivo e livre de resíduos tóxicos. Os produtos orgânicos fazem a maior diferença. Curitiba possui diversos restaurantes que só trabalham com produtos orgânicos como o Quintana Café e Restaurante.

3. RELAXAR COM A FAMÍLIA

Tire um final de semana para descansar e curtir a família. No Hotel Boqueirão o hóspede descansa e aproveita seus momentos agradáveis longe do agito das grandes cidades respirando ar puro e fazendo uma agradável cavalgada.

Boqueirão Hotel Fazenda (49) 3221 9900 BR-282, Km 225 Lages (SC) Saída para São José do Cerrito.

4.

TIRAR UM FINAL DE SEMANA SÓ PARA VOCÊ

SPA do Lago Rua Pedro Teixeira Alves, 930 - Pl Maria Clara | Almirante Tamandaré (PR) Tel. (41) 3525-0000

22

O hotel SPA do Lago oferece uma clínica de tratamento para emagrecimento, controle do diabetes, da depressão e do stress. Você retornará à rotina com mais energia, vivacidade e equilíbrio.


Gente

Uma

incrĂ­vel

mulher

real

Simples e verdadeira. FĂĄtima Bernardes se declara uma mulher como qualquer outra, apenas com o diferencial de todas as noites entrar na casa de 40 milhĂľes de pessoas

23


capa

Simplesmente

Fátima Por Alexandre Schnabl / Fotos André Batista

O Brasil não é um lugar muito farto em unanimidades. Também pudera! Em se tratando de um país com dimensões continentais, com cerca de cento e noventa milhões de habitantes, fica mesmo difícil estabelecer um único olhar. Ainda assim, algumas personalidades estão acima do bem e do mal: a grande dama Fernanda Montenegro, o atleta do século Pelé, o gente boa Benjor, os baianos Jorge Amado e João Ubaldo, a sempre estonteante Luiza Brunet. Cada unanimidade, naturalmente, ocupa seu próprio nicho na imaginação nacional. Enquanto Fernanda Montenegro é exemplo de talento incomensurável aliado a uma profunda sabedoria, Luiza Brunet ocupa o nicho da beldade atemporal que todas queriam ser. Ambas representam, a seu jeito, formas de envelhecer decentemente. Já Benjor evoca, sem dúvida, a alegria incontestável de ser brasileiro, é claro. E, por aí, vai. No meio desse seleto time de preferências nacionais, nas noites de segunda à sexta, nos deparamos com o casal que consegue ser unanimidade pelas suas trajetórias individuais e no conjunto da obra: William Bonner e Fátima Bernardes. Ambos respeitados e queridos do público enquanto profissionais e, também, como exemplo familiar a ser seguido. Os dois são, sem dúvida, uma espécie de baluarte da probidade e da seriedade profissional. E vêm sempre embalados em um pacote que também engloba dignidade pessoal exemplar, não só pela forma com que conduzem as suas car-

24

reiras, mas como lidam com sua vida pessoal, sem exageros ou nada que desabone, mas despertando simpatia. Mas, quando olhamos para cada um deles individualmente, Fátima sai levando alguma vantagem. Natural. Além de jornalista e âncora competente, é mulher e mãe dos trigêmeos Laura, Vinicius e Beatriz. Ser profissional de sucesso, mulher e mãe é algo que sempre confere alguma vantagem, ainda mais quanto a pessoa em si é alguém como Fátima. Ela consegue ser tudo isso com discrição e delicadeza, numa época em que a espetacularização da mídia e a cultura de celebridades parecem não ter mais freios. Louvável. Não deve ser nada fácil ser a apresentadora do maior telejornal do país e manter essa aura de naturalidade, sem super exposições e sem se deixar levar pelo sistema. Isso alça Fátima, certamente, a uma posição privilegiada dentro de um meio que é, antes de tudo, voraz. E dentro de uma emissora que preza, antes de qualquer coisa, o estabelecimento de um star system, nos moldes do que fazia a velha Hollywood. Lembro há alguns meses atrás, quando encontrei com Fátima descendo a escada rolante de um shopping, na Zona Sul do Rio de Janeiro, numa manhã qualquer. Ela estava elegante, dentro da discrição que seu papel profissional impõe. Afinal, quem prestaria atenção em uma notícia importante se a apresentadora estivesse usando chemise estampada Pucci, bem coloridona, e um anel daqueles de dar volta no quarteirão? Fátima

consegue sempre ser elegante dentro das determinações de seu papel. Nesse dia do shopping, estava discreta e bem vestida como sempre. E seu tom de voz era cordial, com o semblante, como de costume, exalando a característica suavidade. O tal shopping tem três ou quatro teatros; é quase uma Meca dos espetáculos infantis no Rio. A primeira ideia que me veio à cabeça foi, sem dúvida, a de que Fátima tivesse, como boa mãe, acabado de comprar tíquetes para levar seus rebentos a alguma peça no final de semana. Pura suposição, é claro. Mas algo absolutamente possível, coerente com o perfil de mãe dedicada e cuidadosa, que sabe preservar sua intimidade, apesar de entrar diariamente nos lares de todos os brasileiros. E todos nós sempre temos, no íntimo, a absoluta certeza de que uma figura como Fátima não pode ser outra coisa em casa que não uma ótima mãe.

Ela consegue ser profissional de sucesso, mulher e mãe com discrição e delicadeza, numa época em que a espetacularização da mídia e a cultura de celebridades parecem não ter mais freios.


Corre-corre

Cena como essa em nada reflete a correria de sua rotina diária no maior telejornal do Brasil. A assessora de imprensa da CGCom, divisão que cuida do agendamento de entrevistas com os âncoras e apresentadores da TV Globo, me disse que Fátima procura responder todas as solicitações de entrevista, mas que a sua rotina diária é mesmo muito intensa. Alguns pedidos, de dezembro passado, até agora não puderam ser atendidos. Fátima acumula as funções de editora-executiva e de apresentadora do Jornal Nacional. Das teleconferências com editores do Brasil inteiro, passando pelo fechamento das matérias, apurações, até a hora de sentar na bancada para apresentar o noticiário ao lado do marido e chefe, muita coisa se passa. Essa é sua rotina profissional. O clima de tensão, obviamente, é enorme. Já seria avassalador em uma redação normal, quanto mais numa desse porte. É sempre surpreendente observar como Fátima mantém o equilíbrio, mesmo dentro de um dos ambientes de trabalho mais tensos que se tem notícia. Jornalismo cotidiano não é brincadeira. E Fátima, evidentemente, não está para brincadeiras. Há poucos dias, pudemos ver a sua porção repórter ao vivo, cobrindo o massacre na escola pública de Realengo, zona oeste do Rio. Alguma outra jornalista de renome, satisfeita (ou acomodada) com a confortável posição de âncora, talvez houvesse declinado de tal tarefa. Para que se deslocar, ir pra tão longe, se expor na cobertura de um assunto desses ao vivo? Contudo, com Fátima não existe esse tipo de dúvida. Ela tem jornalismo no sangue. Quem sabe, herança dos tempos em que, ainda repórter, perambulava pela cidade em busca de um bom furo de reportagem. Já conheci câmeras e operadores de VT, das antigas, que se recordam de uma jovem Fátima em ação, subindo morro pra cobrir reportagem. Sempre intrépida. 25


capa

É sempre surpreendente observar como Fátima mantém o equilíbrio, mesmo dentro de um dos ambientes de trabalho mais tensos que se tem notícia. Jornalismo cotidiano não é brincadeira.

Se tais relatos eram verdade, não tenho como saber, mas tudo indica que sim. Até porque a moça não é de fugir de nenhuma responsabilidade que lhe seja imputada. E tem o respeito de seus colegas. Fátima é papo firme. E, por isso mesmo, diante da tragédia do serial killer da escola carioca, quem vai dizer que não foi um alento assistir no Jornal Nacional, numa edição quase inteiramente dedicada ao episódio, à cobertura precisa e digna de Fátima? Em meio a um assunto de deixar a gente desconcertada, só mesmo alguém como ela pra nos lembrar que, em tempos histéricos como os atuais, nem tudo está perdido e que ainda existem pilares de decência nos quais podemos nos apoiar!

Supermãe

E foi essa mesma atmosfera de dignidade que circunda a apresentadora que a levou a expor ao público, com tanta delicadeza, que ela tinha dificuldade de engravidar. O que poderia ser levado como uma inconfidência, dessas que se procura esconder e que, quando revelada acaba publicada como escândalo nos semanários de celebridades, foi proferido por ela mesma como uma notícia singela, natural, com todo cuidado. Não havia, claro, o que esconder. Afinal, a maneira com se noticia um fato é tudo. E Fátima sabe como poucos o ofício de dar notícias. Eram meados dos anos noventa. Fátima tinha dificuldade em engravidar desde 1994. Ela descobriu que nem todo mês ovulava e, em 1996, fez um tratamento, pois havia se programado para ser mãe após as Olimpíadas de Atlanta, para cuja cobertura estava escalada. Na volta do evento, sua ginecologista sugeriu que William também fizesse um exame e descobriram que ele também estava com uma produ26

ção baixíssima de espermatozóides causada, possivelmente, por estresse. A previsão de tratamento seria por dois anos. A médica sugeriu fertilização in vitro (FIV) e o casal procurou um especialista. A ideia era ter um filho por fertilização naquele momento e outro, dois anos depois, por vias naturais, sem cobranças. Poucos meses após, Fátima tentou a primeira fertilização, mas não engravidou. Dois meses depois, já em 1997, ela disse a William que queria tentar novamente. Dessa vez, por decisão dos médicos, quatro embriões – o limite! – foram transferidos. Três vingaram. Fátima logo desconfiou que estava grávida, cerca de doze dias após o procedimento médico, quando se sentiu enjoada. Afinal, desde os sete anos que a moça toma uma grande xícara de café preto pela manhã. Nesse dia, que ela afirma ser um sábado, só de olhar pra cafeteira já se sentiu tonta. O exame de gravidez estava marcado para dali a dois dias. A calça também não fechava na hora de vestir. Desconfiada, Fátima ligou pro médico e pediu para antecipar o exame, que deu positivo: trigêmeos. Passados todos esses anos dessa notícia que num primeiro momento a assustou, Fátima continua com a mesma energia para dar conta, agora, dos seus três adolescentes. De vez em quando eles ligam: ‘Mãe, não estou achando onde nasceu Bethoven.’ Aí, como todas as mães, Fátima entra na internet, descobre em que site eles podem pesquisar, e passa a dica. Afinal, como boa mãe, ela sabe que suporte é tudo. Fátima Bernardes é assim. Simples e encantadoramente poderosa. Um grande exemplo de mãe, mulher e profissional, capaz de inspirar milhões de mulheres a - por que não? - sonhar mais alto.


27


vida real

MĂŁezona Por LuĂ­s Fernando Carneiro Fotos kelly Knevels

Laura

28

Malu


E

la faz questão de dizer que não se considera uma mãe especial. Pura modéstia. A verdade é que em 2009 a Mãe Natureza a escolheu entre 200 milhões de mulheres para ter, de forma natural, uma gestação de trigêmeas univitelínicas. Em pouco mais de seis meses, a ginecologista e obstetra Ana Cecília Spautz deu à luz Helena, Ana Clara e Laura. As complicações naturais de uma gestação como essa resultaram em mais de dois meses de UTI Neonatal numa luta pela vida. Uma a uma as meninas foram deixando a maternidade e transformando a casa da família Spautz em um lar sem igual. A cada chegada de um bebê, a irmã mais velha, a bela Maria Luísa - na época com dois aninhos - abria um sorriso e aguçava sua curiosidade. Sabia que estava perdendo o trono de princesinha da casa, mas ganharia três companheiras especiais para trilhar os caminhos da vida.

Aprendi também que é verdade que filho é para a vida toda e que é complicado depois de tê-los tentar viver uma vida como antes

Helena

Ana Clara

A casa nunca mais foi a mesma. Antes silenciosa e organizada, tornou-se um caos com a chegada de três furacõezinhos de olhos claros, que somados à Malu, deixam qualquer terremoto grau cinco no chinelo. Ana Cecília, por sua vez, recebeu aqueles superpoderes que todas as mães parecem ter, só que numa dose quádrupla. Com duas filhas penduradas no colo e outras duas chamando desesperadamente a sua atenção, agarradas à sua perna, conseguiu falar comigo e sorrir para a fotógrafa, que tentava juntar as pequenas para um, só um “click”. Acostumada a lidar com o milagre da vida em seu dia a dia como médica, Ana Cecília abriu as portas da sua casa para falar um pouco de vida, de educação e da importância de investir em uma família especial.


vida real

O fato de você ser médica ajudou ou assustou ainda mais?

Assustou. Quando você é leigo só vê o lado bonito da coisa, de que são três crianças iguais... Mas eu sabia dos riscos dessa gravidez, não só para mim, mas também para elas, e das consequências que podia ter no nascimento, como prematuridade e dificuldades de sobrevivência. Elas, por exemplo, nasceram extremamente prematuras, com 27 semanas, entrando no sétimo mês de gravidez. Desde o primeiro momento tivemos muito receio de que nenhuma pudesse ficar viva e havia risco de sequelas. Mas graças a Deus, depois de todas as complicações, hoje elas são crianças normais. Como foi passar de médica a paciente? Como foi a gravidez?

Eu havia tido problemas na tentativa de engravidar pela primeira vez, quando tive endometriose. Eu queria mais filhos, mas depois de toda dificuldade que tivemos até conseguir a Malu, eu pensei que já estava ótimo. Foi a maior surpresa quando fiquei grávida e descobri que eram três. Ou seja, eu pulei de uma infertilidade para uma gravidez de múltiplos. Isso é muito raro, não é?

Sim, pesquisamos na internet e o que encontramos é que a probabilidade de uma gravidez de trigêmeos, nas características delas (univitelínicas), é de uma em 200 milhões. Numa gestação natural você pode ter vários óvulos fecundados ou você pode ter um óvulo fecundado que se divide em dois, em três... e foi o que aconteceu com elas, o que torna o caso ainda mais raro. E como você recebeu a notícia?

Eu fui fazer a ecografia com um amigo porque desconfiava que estava grávida. Ele começou a fazer e ficou quieto um pouco e depois disse: “Ana, você está grávida, está tudo bem, mas eu acho que são dois...”. E eu falei: “Dois? Você tá brincando!”. Aí ele olhou mais um pouco e falou: “Ana, são três!”. Aí eu disse: “Pelo amor de Deus, pode parar por aí!”. (risos) 30

Eu amadureci muito como médica na parte da obstetrícia. Depois das trigêmeas, depois de passar por todas as dificuldades de gestação, de UTI, a visão muda. Quando eu estava grávida eu falava para o meu obstetra: “me explique tudo como se eu não fosse médica”, porque parece que você não vê as coisas da mesma maneira, você fica mais insegura. Quando caiu a ficha que você era mãe de trigêmeas, uma mãe diferente?

A minha gravidez foi muito rápida e eu acho que foi depois que elas nasceram e eu comecei a acompanhá-las na UTI. Ali começou a despertar aquela sensação de amor, de proteção, de preocupação. Qual foi o momento mais difícil?

Acho que todos os dias na UTI. Às vezes eu chegava de manhã estava

tudo bem. Aí eu ia à tarde e elas estavam precisando de algum procedimento, havia um cirurgião tentando pegar uma veia, e eu saía preocupada. À noite estava tudo melhor... no outro dia de manhã uma estava com infecção. As emoções numa UTI oscilam demais. Uma hora está tudo bem e outra hora está tudo ruim. A vida de vocês mudou muito?

Sim, de uma forma assustadora. Tínhamos um carro normal e aí percebemos que precisávamos ter um carro de sete lugares, para caber todo mundo. Nos primeiros meses a minha casa era um hospital, num entra e sai de enfermeira de dia e de noite. Eu e o meu marido perdemos a nossa privacidade. No começo, iam em média 1000 fraldas por mês, agora são 600. Como você se organiza?

Eu venho da feira com uma caixa gigante de frutas. Eu sou a mãe da liquidação para comprar as roupas. Eu vou às lojas e digo: “quando tiver liquidação me avisa que eu tenho quatro”. Sapatinho, roupinha, é tudo multiplicado por quatro. Você se sente uma mãe especial?

Sinceramente, não. Eu acho que já me acostumei. O normal para mim é essa família, com quatro crianças. Esses dias eu saí só com duas e achei meio sem graça. Não dá para negar que você foi escolhida para ter trigêmeas. Como lida com isso?

Eu já me questionei muitas vezes: “por que eu?”. Tanto no sentido bom, como no sentido ruim. Por que eu recebi essa carga tão pesada? Não é fácil para a gente admitir, mas


O que você aprendeu com a maternidade?

De repente você se depara com uma realidade de que criar quatro pessoas, oferecendo os valores certos para cada uma delas pode ser a sua maior realização.

A gente aprende a ser filho quando a gente se torna mãe. Tem muita coisa da maternidade que não é revelada e você só sabe quando tem um filho. Aprendi que é verdade que filho é para a vida toda e que é complicado depois de tê-los tentar viver uma vida como antes. Essa coisa de dizer que você gostava de, no sábado, almoçar e dormir a tarde e agora vai arrumar uma babá para ficar com as crianças não funciona. Você começa a se frustrar por não estar participando de certos momentos. Como vocês pensam a educação das crianças?

ter trigêmeos é bem complicado. Eu nunca fiz tratamento para engravidar, e o que me acalma é achar que alguma razão existe para tudo isso. Talvez eu tenha uma missão de educar elas juntas, talvez seja para eu amadurecer. Eu e o meu marido somos pessoas melhores de antes de termos as meninas. A gente aprende a lidar com as adversidades de ter uma família tão grande e descobrir o que realmente tem importância. Como você compartilha esse aprendizado?

Além dos conselhos de médica, passo a experiência como mãe de que tem coisas que não precisam ter tanta importância. A gente sofre muito para que a manta combine com a roupinha, principalmente no primeiro filho. Depois você vai vendo que não é bem assim. O mais importante é a saúde e elas estarem felizes. Aqui em casa, podemos estar na sala mais bagunçada, mas se está todo mundo feliz, todo mundo saudável, está ótimo. Qual a sua opinião sobre o caso dos pais de trigêmeos que optaram por deixar um no hospital?

Eu acho que independente da maneira que aconteceu tudo isso, eu não consigo entender como é que uma mãe escolhe entre os filhos aquele que ela quer e aquele que ela não quer. Eu acho que é um pacote completo quando você engravida. Eu não sei como eles fizeram para escolher.

Não há um manual para educar trigêmeos, mas eu acho que filho criado com amor, carinho e respeito nunca vai te dar trabalho lá na frente. Eles vão aprontar as artes deles, vão ter as dificuldades deles, claro que vão. Mas não acredito que uma criança que cresce num lar com amor, afeto e respeito, tendo limites, vá se envolver com drogas, por exemplo. Uma pessoa que tem essa base não vai ver ganho com isso. Ah, e a profissão? Se elas forem felizes, tudo bem. O mais importante é a gente passar para os nossos filhos o que importa é ser feliz. Essa é a sua prioridade?

Sim, sempre fui educada com um foco de que a profissão era muito importante. Mas depois do meu casamento eu percebi que a profissão é, sim, é importante, mas que em primeiro lugar está a família.

Essa escolha é difícil...

Sim, mas acredito que dá para equilibrar. Eu trabalho, mas procuro estar em casa pela manhã a maior parte da semana. Às vezes, quando vejo colegas, na minha profissão, que mantém o mesmo estilo de vida, que não pisam um pouco no freio após terem filhos, eu me pergunto: “quem é que vai educar, quem é que vai passar os valores adequados? Quem que vai mostrar que família é importante, que estudar é legal, que brincar de casinha é uma delícia?”. Você tem que estar presente para fazer tudo isso. Qual é a maior curiosidade das pessoas com relação à você?

Minhas pacientes sempre perguntam como é que eu dou conta de trabalhar e criar as meninas. Aí eu respondo que meu trabalho é a parte fácil da minha vida. O difícil é educar uma pessoa. Isso você tem que ter uma paciência que eu não sei da onde a gente tira. Porque você precisa ficar repetindo a mesma coisa e ensinando... Como é seu dia a dia?

Ter quatro filhos é quase a mesma dificuldade que ter um. Porque quem tem um filho também precisa reservar tempo para ver a tarefa, para dar banho e alimentar corretamente essa criança. A diferença que o meu dia a dia é mais bagunçado e quase sempre estou com uma no colo, vendo que a outra está brincando e tirando o sapato daquela outra... tudo ao mesmo tempo! Mas a gente desenvolve isso. A mulher tem uma capacidade incrível de fazer várias coisas simultaneamente. Como vocês se divertem?

Nós não nos arriscamos ir além de Guaratuba. Um simples passeio acaba virando um problemão. Fazemos passeios num parque, um piquenique, uma ida a casa da avó. E evito aglomerações. Você nunca vai me ver num shopping com elas todas porque a gente chama muita atenção. As pessoas têm muita curiosidade, querem ver as meninas. É claro que eu paro, dou um pouco de atenção. Mas eu fui uma vez com elas, as pessoas queriam pegar e aí eu acho que fica um pouco demais. É preciso entender que nós não somos uma atração de circo, somos apenas uma família diferente. 31


NA SUA RESIDÊNCIA EMPREGADAS DO LAR E BABÁS A SANTA MARTA é uma empresa especializada em capacitação, recrutamento, agenciamento e preparação de profissionais para trabalhar em casas de família ou pessoas que mesmo morando sozinho exigem alta qualidade na organização doméstica. O objetivo do nosso programa de treinamentos é preparar uma profissional que atenda a todas as suas expectativas quanto à segurança, boa apresentação, comportamento, organização, suporte, limpeza e manutenção do lar. Essas são as grandes necessidades de capacitação que uma profissional doméstica necessita para estar preparada a prestar um serviço de qualidade ao empregador e sua família.

CAPACITAÇÃO Nosso processo de triagem e avaliação de candidatas conta com o seguinte processo: - Avaliação do perfil psicológico; - Análise criteriosa de antecedentes; - Completa averiguação de referências pessoais e profissionais; - Participação em um programa de treinamentos operacionais; - 10 módulos extras de especialização;

Rua Visconde de Nacar, 188 - Centro Telefone: (41) 3042 1323 www.agenciasantamarta.com.br 32

TEMPROPAGANDA

Antes de colocarmos um profissional como futuro candidato, a agência SANTA MARTA realiza um programa completo de treinamento e capacitação.

NA SUA EMPRESA SERVIÇO EQUIPE TURBO Ideal para finalização de obras, faxina após manutenções prediais entre outras situações onde se exige um esforço maior para resolver problemas de limpeza. Durante o período que você escolher a equipe realizará o trabalho no local escolhido fazendo em um único dia e curto espaço de tempo algo que demandaria dias. Optar por esse serviço é a garantia de rapidez, eficiência e foco em limpeza pesada. Tenha em sua casa ou empresa um profissional qualificado. Conheça mais acessando: www.agenciasantamarta.com.br

Agência escola para empregados do lar


novo olhar

Conquistando

espaço A cada dia cresce a adesão à campanha “Essa vaga não é sua nem por um minuto”, protagonizada pela tetraplégica Mirella Prosdócimo Por Luís Fernando Carneiro FOTOS MANOEL GUIMARÃES

V

ocê conhece essas cenas. Já viu inúmeras vezes pessoas estacionando em locais reservados a idosos ou deficientes. Também constata diariamente o desrespeito no trânsito, a impaciência nas filas do supermercado, a falta de educação entre as pessoas. Em março, mais uma dessas cenas de desrespeito aconteceu. A diferença é que se passou na frente da empresária Mirella Prosdócimo, tetraplégica desde os 17 anos e uma defensora dos direitos aos deficientes. Após quase ser agredida apenas por reivindicar seu direito pela vaga especial para deficientes físicos em um supermercado, ela tentou em vão pedir que providências fossem tomadas pelo estabelecimento (Entenda o caso nas páginas seguintes). Indignada, postou uma mensagem de protesto na sua página no Facebook. O assunto chegou aos ouvidos do jornalista Reinaldo Bessa, da Gazeta do Povo,

que repercutiu o caso em toda a cidade. Logo após, o diretor institucional da agência TheGetz, Maurício Ramos, comprou a briga e concebeu a campanha “Essa vaga não é sua nem por um minuto” para circular nas redes sociais com o objetivo de mobilizar pessoas para a causa e também de provocar ações efetivas por parte dos governantes. “Com o movimento, o que se pretende é ampliar a visibilidade para a necessidade do respeito à figura do deficiente, que em nada se diferencia, em direitos e deveres, das pessoas tidas como normais”, destaca o publicitário. Em pouco tempo o movimento ganhou adeptos no Facebook e se propaga por outras mídias online. Para Mirella, “a campanha é apenas o início de uma mobilização que vai além da reivindicação por respeito aos deficientes. Precisamos refletir sobre a cultura e educação e acredito que a sociedade está aberta a essa discussão”.

Precisamos refletir sobre a cultura e educação e acredito que a sociedade está aberta a essa discussão”.

33


novo olhar

EU RESPEITO”

Vejo muita gente sem deficiência e jovem usando as vagas exclusivas para deficientes e idosos, alegando motivos de pressa, de falta de outras vagas ou mesmo de rapidez na parada. Nada disso é justificativa para se desrespeitar um direito de outra pessoa. Como falta fiscalização mais efetiva, temos que buscar essa mudança de comportamento por meio de campanhas educativas, como esta que está sendo realizada em Curitiba. O comportamento no trânsito só vai mudar quando mudarmos a cabeça dos motoristas. Estamos dando mais um passo nessa direção. Por isso, apoio essa ideia!” Marcelo Almeida

empresário e especialista em trânsito

34

| Conheça algumas pessoas que apoiam a causa

As campanhas são um reflexo do pensamento e do sentimento de indignação que todos nós temos em relação à irresponsabilidade, à intolerância e a indiferença que se encontram associados aos fatos que levaram à criação delas. A nossa meta é levar até Brasília a campanha para que ela possa servir de base para a criação de uma política pública de respeito e valorização à figura do deficiente em todo o Brasil”. Maurício Ramos

Diretor institucional da The Getz

Quem não respeita o direito do idoso e do deficiente não pode exigir os seus direitos, muito menos reclamar dos políticos mentirosos, dos policiais corruptos ou do serviço público ineficiente. Quem não faz a sua parte, não tem condições de exigir do outro. Por isso, para dar certo, essa campanha precisa da participação de gente comum, como eu e qualquer outro, que aborde as pessoas que estacionam indevidamente nas vagas especiais e, com educação, fale sobre o constrangimento que é desrespeitar o direito do deficiente e do idoso.” Sérgio Wesley

jornalista, diretor da NQM Comunicação


ENTENDA O CASO

1. O episódio que deu origem à campanha que tem Mirella Prosdócimo como protagonista aconteceu em meados de março em um estacionamento de supermercado da capital paranaense. Mirella, que ficou tetraplégica depois de um acidente quando tinha 17 anos, estava no estacionamento com duas ajudantes, colocando as compras no carro, quando uma mulher estacionou seu carro. 2. Mirella observou a situação e quis alertar a motorista para o equívoco cometido, mas foi ignorada pela motorista que entrou no supermercado.

Gostaria que esta campanha virasse moda em Curitiba e que fosse imitada, repetida e multiplicada por outras cidades brasileiras. Curitiba é reconhecida por ser lançadora de tendências, uma capital inovadora nos costumes e no comportamento. Precisamos abraçar esta causa e lançar esta nova tendência também. Mais que apoiar esta campanha, temos que nos manifestar e conscientizar as pessoas que usam indevidamente as vagas de estacionamento reservadas aos deficientes por mero comodismo, pois não tem nada mais fora de moda do que desrespeitar os direitos do próximo.” Jacqueline Vieira de Lemos

superintendente do ParkShoppingBarigüi

O jornalismo tem, por definição, um papel social. Como colunista social, mesmo tendo militado durante muitos anos no jornalismo geral, vejo esse papel atual que desempenho como uma rara oportunidade de ampliar o conceito da palavra social, estendendo-o para questões que envolvem cidadania no dia a dia. E o caso ocorrido com a Mirella foi uma chance de ouro para fazer isso. Por isso aderi de imediato à campanha ‘Essa vaga não é sua nem por um minuto’.” Reinaldo Bessa

Colunista social da Gazeta do Povo e apresentador do Programa JetSet

3. Ao voltar, Mirella ainda estava com suas auxiliares, colocando as compras no carro. Ela chegou a fazer uma nova observação para a motorista que, dessa vez, se ofendeu. Agrediu verbalmente Mirella e, por pouco, não a atacou fisicamente. Foi preciso que as assistentes da cadeirante, que a ajudavam a colocar as compras no carro, apartassem a motorista. 4. Mirella acionou a administração do supermercado, mas o estabelecimento não se posicionou a respeito, nem quanto à cliente que estacionou indevidamente, nem sobre o incidente de quase violência no seu estacionamento – justificaram que não poderiam perder nenhuma das duas clientes. 5. A empresária também acionou a Diretoria de Trânsito de Curitiba (Diretran), mas representantes do órgão só apareceram, no local, uma hora depois de todo o incidente, não podendo tomar nenhuma providência naquele momento. SÓ FALTA VOCÊ Que tal fazer parte dessa campanha? Entre hoje mesmo no www.facebook.com/estavaganaoesua ou acesse o blog estavaganaoesua.wordpress.com e registre seu apoio. 35


vida prática

A patroa pede

socorro Desesperada por uma boa empregada doméstica? Saiba como encontrar...

36

E

mpregadas domésticas, como viver sem elas? Imagine voltar de um dia estressante e agitado de trabalho e ainda encontrar serviço doméstico para fazer. Nos dias de hoje, onde quase todas as mulheres trabalham fora, tornou-se uma necessidade contratar uma empregada para ajudar. Com a economia em expansão e indústria, comércio e serviços a todo vapor, está cada vez mais difícil encontrar profissionais para trabalhar

em casa, como domésticas, diaristas e babás. Essa é uma tendência do mercado, que está mais enxuto e muito mais exigente. O grande problema se torna, então, como e onde contratar uma boa empregada doméstica? A melhor solução é a procura de uma agência especializada no setor, onde esses profissionais são recrutados, treinados e orientados a atender todas as necessidades básicas para administrar uma casa.


Segundo Josilene Valcanaia, proprietária da agência Santa Marta, especializada no setor, a maioria das empregadas domésticas precisa de um bom treinamento e orientação detalhada para conseguirem exercer suas funções com a máxima eficiência possível. Com a falta de mão de obra no segmento e a dificuldade na renovação dos profissionais, o salário pedido, em média, está em R$ 800,00 para trabalhar de segunda a sexta-feira como doméstica. Uma diarista não sai de casa por menos de R$ 70,00. E, se houver interesse que o funcionário durma na residência do empregador, o valor mensal vai a R$ 1.200,00, mas a espera é longa. “Tenho seis casais esperando alguém com essa disposição. Esta é nossa maior dificuldade, profissionais que durmam no emprego”, atesta. A jornalista Angélica Fenley está há cinco meses sem doméstica porque não consegue encontrar ninguém com recomendações de empregos anteriores. “Estou contando com a ajuda de uma diarista no período, mas, ainda assim, está muito complicado”, afirma.

Inovação

Para diminuir o prazo de espera, é cada vez maior o número de pessoas que recorre ao auxílio de uma agência de empregos. Com a contratação do serviço, o tempo de espera

cai para, no máximo, duas semanas. A agência Santa Marta aposta na tecnologia para reduzir o tempo de espera. “Disponibilizamos um cadastro pela internet para que os clientes nos informem todos os requisitos desejados e recebam, em casa, as candidatas indicadas pela agência, já com cartas de recomendação”, destaca Josilene. A remuneração por esse serviço não segue o modelo das empresas de recrutamento que estão no mercado atual. “A agência Santa Marta cobra uma taxa fixa no ato da contratação para que não exista nenhuma relação com o valor que o empregador irá pagar para ao profissional escolhido e há o direito de reposição da vaga até 60 dias”, explica Josilene.

Segurança

O principal diferencial visto na agência Santa Marta é que a candidata só será apresentada ao cliente depois que passar por um teste psicológico e realizar um programa completo de treinamento e capacitação nos quesitos confiabilidade e conhecimento de como administrar as tarefas do dia a dia. “O objetivo do nosso programa de treinamentos é preparar uma profissional que atenda a todas as expectativas quanto à segurança, boa apresentação, comportamento, conservação, organização, suporte, limpeza e manutenção do lar. Queremos ainda saber depois de alguns meses como a profissional se desenvolveu, como se fosse uma auditoria ou um feedback do cliente. Oferecemos no ato da contratação uma planilha para que o cliente leve para casa com todo o planejamento para a profissional seguir de acordo com os hábitos do empregador” afirma Josilene. A agência apresenta ainda uma ótima solução, que é a Equipe Turbo composta por cinco profissionais especializados em limpeza e orga(41) 3042 1323 Rua Visconde de Nácar, 188 – Centro www.agenciasantamarta.com.br contato@agenciasantamarta.com

nização para uma megafaxina realizada em um único dia e num curto espaço de tempo, onde a demanda de trabalho levaria dias para cumprir, podendo ser meio período ou integral. “Essa versão de faxina pode ser utilizada em diversas oportunidades e cabe ao cliente saber da sua necessidade. Além da praticidade, a economia é o grande diferencial”, aponta Josilene.

lição de casa

Algumas boas dicas para você conviver muito bem com sua empregada doméstica

1

Estabeleça datas e periodicidade das tarefas. Agrupe essas tarefas por ordem cronológica e crie o seu checklist diário, semanal e mensal a ser utilizado pela empregada.

2

Crie uma lista de tarefas. Liste todas as tarefas domésticas que devem ser executadas com o máximo de detalhes possíveis (produto a ser usado na limpeza, periodicidade, o que evitar, como limpar etc.)

3

Vistorie o resultado e dê a ela a sua opinião. Reserve um tempo para acompanhar sua empregada e assistir como ela executa cada tarefa. Corrija o que estiver errado.

4

Elogie Valorizar o trabalho das pessoas é a melhor maneira de estimulá-las a buscar sempre fazer o melhor. Reconheça a importância do trabalho dela e o quanto você aprecia encontrar tudo limpo e organizado.

37


raio x

Kelly Knevels

carro de

mãe

De fralda a DVDs, Rochele Dors conta com todas as armas para enfrentar o trânsito com as crianças

P

ara muita gente o carro é quase uma extensão de casa, carregando objetos necessários para as várias atividades a desempenhar ao longo do dia. Um carro pode dizer muito sobre a vida e, principalmente, sobre a personalidade do seu dono. A empresária Rochele Dors, de 37 anos, mãe de Anabelle e Izabela, abriu as portas do seu carro e mostrou um pouco sobre a sua intensa rotina. Para poupar tempo e dar conta de todos os compromissos, ela usa e abusa do conforto do carro, mas quando o assunto é enfrentar as ruas da cidade é importante estar prevenida. “Nunca sabemos quanto tempo ficaremos no trânsito. Como estou sempre correndo de um lado para o outro, deixo sempre água, biscoitos, barrinhas de cereais no porta-luvas para facilitar a vida das crianças” diz Rochele. “O guarda-chuva nunca sai do porta-malas, pois em Curitiba nunca se sabe quando vai chover”, completa. E, para tornar os momentos no trânsito mais aprazíveis, Rochele não economizou na hora de instalar DVDs portáteis. “As meninas adoram assistir a filminhos e assim consigo dirigir tranquilamente”, conta.

10

1. DVDS INFANTIs 2.

5

MOCHILA ESCOLAr

11

3. GUARDACHUVA

4

4.

6

8

GEL BACTERICIDA 5. LENço umidecido

9 1

3

6. ÁGUA 7. FRALDAs

12

8. Biscoitos

7 2

9. barrinhas de cereais 10. bicho de pelúcia 11. LENçOs DE PAPEL 12. GUARDANAPOs

38


Animal Kingdom for Kids, a 1ª loja temática de Curitiba! A Animal Kingdom for Kids oferece peças produzidas de forma ecologicamente correta, com estampas que remetem ao mundo animal, para crianças de 0 a 12 anos. Além disso, você e seus filhos vão se encantar com o ambiente: macacos, tigres, cobras e até um jipe que parece ter acabado de sair de um safári na savana africana. Mostre aos seus filhos a importância de preservar a natureza, amar os animais e proteger o meio ambiente. Venha conhecer a Animal Kingdom: SHOPPING NOVO BATEL Rua Coronel Dulcídio, 517 Loja 34, (41) 3024-5070 contato@animalkingdom.com.br

A cada compra o cliente recebe uma tag colecionável, espécie de etiqueta que traz a ilustração de um bicho, com explicações sobre sua espécie e seu habitat. As mamães podem também explorar a loja enquanto os pequenos se divertem com brinquedos e DVD’s em um espaço super divertido.

39


Login Tatiana Escosteguy

Mamãe

na web Internet é a maior aliada para aquelas dicas de como cuidar dos filhos

De tudo um pouco

Aqui vão algumas dicas que garimpei com todo o carinho para você Mesmo se você preferir não comprar as fraldas da marca, use e abuse da página da Pampers na internet. Eles trazem informações para grávidas e para quem tem desde recém-nascidos até crianças maiores de um ano. Você pode se registrar gratuitamente e receber e-mails com informações de acordo com seu estágio de gravidez ou a idade do seu filho. O que eu mais gostei foi a sessão Livro de Receita do Bebê. Comidinhas fáceis de preparar com a indicação da idade da criança. www.pampers.com.br Outro site legal é o bebe.com.br. Além de dicas para cuidar dos recém-nascidos, traz ideias para decorar o quarto, de lembrancinhas para os aniversários e orientações de como a mamãe deve se cuidar depois do parto. www.bebe.com.br

v

ovós, não fiquem tristes, mas já se foi o tempo em que as mães de primeira viagem recorriam à família para pedir dicas de como cuidar dos filhos. Aquele livro grandão e grosso com a foto do bebê na capa (lembra dele?) também já está fora de moda. Hoje em dia, a grande conselheira é a internet. E o melhor, com a ajuda “dela” é possível não apenas pegar uma orientação, mas vários pontos de vista. Encontrar informações é fácil. Basta digitar no Google algo como “cólicas bebê” que uma infinidade de sites aparecem com a resposta. É claro que você pode ser uma mamãe de primeira viagem, mas jamais uma internauta de primeira viagem. Isto significa que você não vai sair confiando nas informações do primeiro site que aparecer, principalmente quando o assunto é cuidar do seu bem mais precioso. É sempre essencial comparar as informações e conversar com o pediatra. Na hora de navegar, prefira os sites de empresas ou instituições conhecidas. Busque páginas que tenham respaldo de especialistas. Use a tecnologia a seu favor e divirta-se. E quem sabe depois de tanta informação, você não resolve criar seu próprio blog? Existem várias mamães contando seu dia a dia na internet. Quer maneira melhor de documentar a época mais especial da sua vida?

Para quem não aguenta ficar fora da estrada, o blog Viajando com Pimpolhos dá dicas do que fazer com as crianças nas cidades turísticas mais famosas. Acredite! Dá para ir à Nova York e até à Paris acompanhado dos pequenos. www.viajandocompimpolhos.wordpress.com E se você é uma mãe antenadíssima com as novas tecnologias, certamente já tem um IPhone e um IPad. Pois saiba que já existem vários aplicativos para celular e para tablets que podem ajudar você na rotina com as crianças. A maioria deles ainda é em inglês. A revista Pais e Filhos fez uma matéria sobre o assunto e traz uma lista completa do que há no mercado. migre.me/480Ne Mas já existe uma versão brasileira para as grávidas, disponibilizada pela revista Crescer. Você baixa o aplicativo no seu celular, recebe informações sobre as etapas da gravidez e pode fazer uma espécie de “diário de bordo” da gestação. migre.me/480OD

Tatiana Escosteguy é jornalista, especialista em Mídia-Educação, Telejornalismo e Mídias Sociais. e_tatiana@hotmail.com | http://tatianaescosteguy.wordpress.com 40


41


Ellen

Nogueira

Belyza Loureiro

| ellen@revistaviver.com.br Gerson Lima

Julio Cesar Souza

MINI NOITE A MINI Cooper recebeu o público feminino para o MINI Ladies Night, evento promovido para apresentar o novo modelo maior e mais espaçoso da marca, o MINI Countryman. As convidadas foram presenteadas com uma animada palestra sobre estética. Na foto, Tirsá Sabba John e Ana Demeterco com a Dra. Adriana Schmidt.

ARRAGUI BISTRO Os chefs Armando Fuoco, Raul Carrasquillo e Guilherme Lobo trazem a Curitiba uma experiência única da integração das culturas francesa, japonesa, peruana e porto-riquenha em um só lugar. O Arragui Bistro, que abriu suas portas em abril, promete encantar o público com a energia dos sabores.

42

Ângela Mello

129 anos do Clube Curitibano Cerca de 1000 convidados estiveram presentes no tradicional Baile de Aniversário do Clube Curitibano. A decoração contou com a assinatura do designer de interiores Marcos Soares e a diretoria preparou uma verdadeira viagem ao passado, garantindo um toque especial à festa. Na foto, o presidente, Joaquim Miró e sua esposa, Maria Cristina, com a diretora geral Terezinha Abagge e seu marido, Antonio Cezar Mendes dos Santos.

WE LOVE SHOES O slogan da Via Volare diz tudo: “We Love Shoes”. Não é para menos. A loja nasceu do amor das irmãs Adriana Soares e Alexandra Soares Lopes por sapatos. Algumas peças da Via Volare recebem um toque todo especial com customização feita por Adriana, que é designer por formação. A coleção está simplesmente maravilhosa!


COLCCI O franqueado da Colcci, André Borin, recebeu o ator Raphael Viana para conferir o novo layout da loja no Mueller, diferenciado nos elementos, nas cores e no seu ambiente inovador.

Divulgação

Naideron Jr

LE LIS BLANC Tatiane Dantas e Michel Gisler durante inauguração da loja Le Lis Blanc no Shopping Crystal.

Patricia Lion

PREVIEW FABRIZIO Glay Tourinho Miró prestigiou o coquetel do preview de lançamento da nova coleção Fabrizio Giannone no Shopping Crystal, onde degustou vinhos Grand Cru ao lado da sommelière Patrycia Coelho.

Kelly Knevels

Wagner Duque

COMPAGNIA INTERNAZIONALE Em um delicioso coquetel, as proprietárias Ana Lúcia, Tatiana e Larissa Hyczy - mãe e filhas, respectivamente - apresentaram desfile em formato show-room da grife de alta costura do ateliê, Di Tre, e das marcas vendidas no espaço.

LACI BARUFFI Durante o lançamento de sua nova loja no Shopping Curitiba, a empresária catarinense Laci Baruffi apresentou a coleção de inverno Vintage, de bolsas e acessórios da marca que leva seu nome. Também contou com a presença de clientes e amigos da imprensa. Na foto Laci Baruffi e Isabel Nogueira. 43


GPS Alexandre Tostes

Jaime Reiss

1 | Thá O Graciosa Country Club recebeu o III Amcham Golf Cup. A Thá, participou como patrocinadora e estava presente com uma tenda cheia de atrações ao público. Na foto, o comerciante Luis Kleiber e o presidente do Grupo Thá, Sandro Westphal.

3|

3 | Causa nobre Mais uma vez a Marco Silva Academia de Tênis realizou o ICFígado Open 2011, torneio beneficente em prol do Instituto para Cuidado do Fígado, centro de referência para o tratamento de doenças hepáticas. O Instituto atende gratuitamente, do diagnóstico até eventuais transplantes de fígado. Na foto, o anfitrião Marco Silva com o empresário e tenista André Piccoli. Para conhecer o trabalho do Instituto: www.icfigado.org.

4|

4 | Diagnósticos do Brasil Mais de 200 convidados estiveram presentes para a palestra de Max Gehringer, no evento de inauguração do Laboratório Diagnósticos do Brasil, no Hotel Four Points by Sheraton Curitiba. Na foto, Dr. Antonio Fabron Junior, Max Gehringer e o Dr. Marcelo Ruiz.

44

5|

Vimo Vídeo Fotor

5 | Quatro Estações O Mabu Royal & Premium Hotel, em Curitiba, promoveu um concorrido coquetel que marcou o lançamento do Projeto Outono, que integra a campanha “Quatro Estações”/2011. Na ocasião, empresários, agentes de viagens e profissionais da imprensa puderam conferir as inovações em alimentos, bebidas, música, e em todos os segmentos que passarão por mudanças nos três hotéis da rede hoteleira paranaense. Na foto, a jornalista Juril Carnasciali ao lado do superintendente da Rede Mabu de Hotéis & Resorts, Alberto Asseis.

Humberto Michaltchuk

2|

Divulgação

1| Diego Pisante

2 | De arromba Em abril, o Clube Concórdia foi palco de um evento de gala que consagrou os melhores do segmento de festas do Paraná e do Brasil. Tratase da primeira edição do Wedding Party Awards, evento idealizado pela jornalista Glória Bertin, que premiou os destaques do setor em 35 categorias, incluindo as áreas de gastronomia, serviços, moda e decoração, além de prêmios especiais. Durante quatro horas, os cerca de 500 convidados – entre fornecedores, jornalistas e personalidades - puderam conferir, além da entrega de troféus, apresentações musicais e desfile de noivas. Na foto, Glória Bertin e a empresária Jilcy Rink, destaque em 2010 pelo Buffet Nova Curitiba.


moda

Fotógrafo Paulo Cibin Produção Diego Domingo Figurino Fabio Bartz Modelo Luciana Torres (DM Management)

45 45


estilo Sylvia Cesario Pereira

com a sua cara A moda

Como usar as tendências Outono-inverno 2011

A

pós vivenciar sete dias de SPFW Inverno 2011, percebi o quanto a moda está mais humanizada, fenômeno que está em um crescente percurso, ainda muito longe do ideal. O mais importante de cada estação é você saber o que lhe pertence, ou seja, o que irá valorizar suas qualidades.

Saias

O tecido para as saias longas pode desfavorecer muito o corpo de uma mulher comum. Se você não é muito alta, prefira tecidos pesados como a viscose, e não caia em tentação nas saias plisadas ou cores claras, elas definitivamente engordam e são unicamente para mulheres altas e muito magras. Não se deixe enganar pelo comprimento midi, ele não favorece ninguém, e envelhece muito o visual. Estou apostando que finalmente as saias curtas chegarão às lojas. Há muito tempo não se vê variedade de

saias para comprar. Procure! Se for usada com bota sem salto e com meia calça fio 40, pode abusar um pouco mais do comprimento e deixá-la mais curta.

Cores

As cores têm que ser muito observadas. O bege, ou atualmente, “off-white”, é neutro e tem sua função de dar elegância a qualquer composição, e se for completado o visual em tom sobre tom, ou seja, seguido pela cor camelo e marrom ou laranja, fica bonito e feliz. Uma tendência é combinar esses tons com o cinza mescla. Sim, neste inverno, a tendência é misturar cinza com tons quentes como bege e camelo. É o mesmo efeito de misturar dourado com prata, ou melhor, ouro velho com prata fosco. Os acessórios têm muita importância e se tiver composições inusitadas como estas, vai dar uma aparência mais jovem às roupas.

Os tons fortes como azul Klein, vermelho, laranja, são mais sazonais que o branco e camelo, que também têm a vantagem de deixar quase toda mulher ainda mais bela e clássica. Se for investir no azul Klein, combine com preto. O laranja contracena com o nude e o verde militar. Cuidado! Elas são cores muito vivas, fáceis de empalidecer, invista na maquiagem, para deixá-la mais corada neste dia.

Outras tendências

O couro voltou forte, dê preferência em tons neutros, só assim sua sensualidade ganha uma elegância atemporal e faz valer todo investimento. As rendas, muito femininas, aparecem em blusas, saias, coletes, bolsas e lingerie. Mas lembre-se: use a renda como detalhe, a sutileza sempre deixa espaço para que a pessoa seja mais percebida que a sua roupa.

Aposte Aqui vão algumas peças que sempre vale a pena investir “Trench Coat” (casaco abaixo do quadril amarrado com cinto na cintura); Saia bem cortada e cor neutra; Blazer comprimento médio; Calça jeans com lavagem escura e uniforme, de preferência cós alto; Sylvia Cesario Pereira é Consultora de Imagem 46

Calça de tecidos (sarja) cor camêlo; Blusa branca de malha ou tricoline Casaco de lã até o joelho preto ou marrom, com cinto igual; Cardigã curto acinturado.


MODA FEMININA EM CONSTANTE RENOVAÇÃO VOCÊ ENCONTRA AQUI NA ESPAÇO MANTEAU.

VENHA CONHECER A COLEÇÃO OUTONO/INVERNO DAS MARCAS MORENA ROSA E MARIA VALENTINA. Rua Mateus Leme, 2671, Bom Retiro | 41 3044-6010 Segunda à sábado, das 9 às 19h | www.espacomanteau.com.br 47


editorial

Todas em uma só

Versatilidade é a palavra chave no guarda-roupa das mães que precisam estar lindas nas mais variadas tarefas - sem perder a elegância e a sofisticação.

48

Fotos Fran Hunter Edição Evelyn Bittencourt Produção de Moda Diego Cabelo e Make Thiago Vilas Boas e Vinícius Lavezzo Modelo Ana Paske / L’ Agence Group


Cal莽a RK para Bazaar Fashion | Blazer Bob么 para Bazaar Fashion | Sapato bicolor Bazaar Fashion | Acess贸rios Silvia D枚ring | Carrinho de ferro e urso Kids Concept

49


Jaqueta super suíte e calça Daslu para Bazaar Fashion | Acessórios Silvia Döring | Sapato Bazaar Fashion | Banheira Kids Concept

editorial

50


Vestido Maria Bonita Extra e Bolsa Dior para Bazaar Fashion | Acess贸rios Silvia D枚ring | Sapato Bazaar Fashion | Carrinho e ursos Kids Concept

51


Vestido Lita Mortari para Bazaar Fashion | Acess贸rios Silvia D枚ring | Sapato Bazaar Fashion | Espelho Kids Concept

editorial

52


Vestido Lolitta e casaco Vison Daslu para Bazaar Fashion | Acess贸rios Silvia D枚ring | Sapato Bazaar Fashion | Malas Kids Concept

53


Bermuda e Blazer Bob么 para Bazaar Fashion | Sapato Studio para Bazaar Fashion | Acess贸rios Silvia D枚ring | Cadeira e urso Kids Concept

editorial

54


55


Tendência

OUTONO

SOFISTICADO

A mistura de texturas e um jogo de tom sobre tom é o segredo para usar o look camel desse inverno por Evelyn Bittencourt

4. Colar Coruja

Fabrizio Giannone

2. Bota montaria

R$ 192,00

Le Lis Blanc R$699,50

3. Sapato bicolor

Via Volare R$349,00

1. Casaco de fio

Le Lis Blanc R$399,50

7. Calça montaria Madre R$215,00

5. Saia de camurça

6. Bota Country

Lvtéce R$ 499,00

Flor R$ 898,00

10. Bolsa Tacon

Calçados R$ 289,00

9. Calça alfaiataria Pelu para Namix R$ 649,00

11. Blazer alfaiataria Madre R$ 289,00

8. Camisa Flor R$ 298,00

Le Lis Blanc (41) 3018-8129 | Madre (41) 3243-9604 | namix e Via Volare (41) 3027-7752 | Flor (41) 3317-6739 | Tacon Calçados (41)3023-7989 | Lvtéce (41) 3262-0033 | Fabrizio Giannone (41) 3317-6008 56


TODAS NÓS SOMOS

LOUCAS

POR ELES! NA TACON VOCÊ ENCONTRA BOLSAS E ACESSÓRIOS QUE VÃO FAZER O SEU INVERNO MUITO MAIS FELIZ! Av. João Gualberto, 2049, Juvevê (ao lado da Daju) 41 3023-7989 | 41 9191-1108


Estilo

“Tal mãe, Tal filha”

Além do amor e do carinho, compartilham o bom gosto e o estilo por Evelyn Bittencourt

3. Vestido Girl

Gant R$ 253,92

2. Casaco de Poá Filha Baoo R$ 169,00

1. Casaco de Poá Mãe Baoo R$ 329,00

4. Camisa Gant R$ 298,54

6. Vestido filha

Baoo R$ 269,00

5. Casaco Mãe

Baoo R$ 399,00

8. Camiseta de caveira Mãe 7. Camiseta caveira filha

Cami Salles R$ 120,00

Cami Salles R$ 75,00

baoo (41) 3039-8818 | Cami Salles (11) 2924 0167 | Gant (41) 3039-4336 58


59


Shopping

presentes de mãe 2. Sapatilha pantufa

Miss Nuvem R$ 71,80

Dicas de presentes Para agradar todos os estilos por Evelyn Bittencourt

5. Anel drapeado em prata com brilhante Natan a partir de R$ 1.500,00

3. Brinco Alhena

7. Câmera digital Sony W530

Fabrizio Giannone

BATEL INFO R$ 489,00

R$ 275,00

6. Brinco drapeado em prata

Natan a partir de R$ 1.300,00

1. Camisola Longa

Miss Nuvem R$ 128,00

4. Pulseira Amoré

8. Peso para Porta Sapato Scarpin O segredo do Vitório R$79,00

Fabrizio Giannone

R$ 482,00

11. Perfume Acqua di Gioia 30ml Lafayette R$ 174,00

10. Avental de cozinha

Le Lis Blanc R$ 79,50

12. Porta retrato

13. Bota WO Calçados R$179,00

Beatriz Séra R$ 78,00

9. L’Occitane

Serum Concentrado Iluminador Tônico Iluminador Immortelle Fluído Protetor Iluminador Preço sob consulta

17. Estojo Garden Collection Morango e Rosas Brancas

16. Sapatilha Tacon

Boticário R$ 43,90

Edição Limitada

Calçados - R$209,00

14. Óculos Eric Gozlan Lunettes, modelo Mykita

R$ 1.890,00

15. Pingentes para mães

modernas Barriguinha de Luxo R$89,00

Miss Nuvem Tel. (41) 3352-5096 | Fabrizio Giannone Tel. (41) 3317-6008 | Natan Tel. (41) 3322-8588 | O segredo do Vitório Tel. (41) 3024-3939 | BATEL INFO (41) 3323-5332 | Lafayette 0800-602-3434 | L’Occitane Sac - 0800 171 272 | Barriguinha de Luxo (41) 3093 0804 | Beatriz Séra (41) 3018-1371 | Boticário (41) 3074-1000 | Le Lis Blanc Tel. (41) 3317-6323 | Eric Gozlan Lunettes (41) 3018-8129 | Tacon Calçados (41) 3023-7989 | WO Calçados (41) 3078-7974 60


Beleza

Com que make

eu vou?

Mulheres gostam de estar sempre bonitas, mas quando há uma festa, encontro ou evento marcado na agenda, o desejo de brilhar cresce ainda mais. A escolha da roupa, sapatos, bolsa e acessórios é essencial, mas é a maquiagem que dá o toque final em qualquer produção. Para ficar bonita, é preciso conter os exageros e saber usar corretamente os cosméticos. Por Evelyn Bittencourt

Foto kelly Knevels Make Taizane Silva/Stylo Hair Modelo Naiby Cabral

61


beleza

Brilhe! Especialistas dão dicas especiais para você acertar na maquiagem

U

ma maquiagem arrasadora começa com uma pele perfeita. De acordo com a beauty artist Ligian Barduco, do Torriton Taunay, o primeiro passo é aplicar um ‘primer’. “O produto é indicado para uniformizar a pele, ajudando a controlar a oleosidade e a corrigir pequenas imperfeições”, explica. Depois, é preciso escolher uma boa base e um corretivo de qualidade. Uma das melhores formas de proteger a pele durante o inverno e ficar bonita ao mesmo tempo é utilizar produtos que já venham com filtro solar, hidratante e até mesmo agentes rejuvenescedores. Procure sempre adequar sua maquiagem ao propósito do seu dia, seja trabalho, uma festa ou uma saída à noite. Cada ocasião pede um make diferente. A maquiagem para o trabalho tem que ser mais sutil, para um evento durante o dia precisa ser mais leve e já a festa à noite permite cores fortes, marcantes, brilho e ressaltar principalmente o olhar. Na hora de fazer o make, lembre-se daquela frase clássica: “menos é mais”. Mas isso não significa que você deva sair por aí só com batom cor de boca e um blush leve, e sim

62

que você deve escolher só uma parte para destacar. Está com vontade de usar aquele batom vermelho bem forte? Então esqueça a sombra: só delineie os olhos com um pouco de lápis e passe umas boas camadas de rímel. Se sua vontade for arrasar na balada com um olho todo preparado, pegue leve no batom. Coloque algo discreto e deixe a maquiagem do olho brilhar por si só. O inverno, em geral, é época para investir nos tons mais sóbrios. Além disso, as cores metalizadas fazem muito sucesso nessa época, especialmente em maquiagens noturnas. Mas não se prenda por essas regrinhas, na hora de escolher seu make, leve em consideração primeiro a sua personalidade. Ligian alerta para uma questão importante: a maquiagem deve respeitar, além do tom de olhos, pele e cabelos, a personalidade e a roupa de quem está usando.

Fiz em casa

Entre as celebridades, está na moda uma tendência interessante, a maquiagem de festa que é “quase-nada”. O estilo “fiz em casa” está com tudo. Aproveite essa onda e faça

você mesma. Não tem paciência para ficar horas em frente ao espelho se maquiando, nem habilidade para aplicar cosméticos? O segredo segundo a maquiadora Baby, do salão Stylo Hair, é investir no trio blush, corretivo e rímel. “O blush sempre dá aquele toque saudável, fresh, e o corretivo tira o aspecto cansado, além de camuflar espinhas e outras imperfeições. Já o rímel é fundamental para destacar o olhar e deixá-lo bonito”, garante. Segundo Baby, quando a cliente está sem tempo para investir na produção e quer dar um up no visual é só acrescentar um bom batom vermelho e um lápis preto. Entre já na onda e tire da gaveta aquele batom colorido e deixem que olhem. Chamar atenção, mesmo que só de vez em quando, faz bem para a autoestima.


passo a

passo Olhos bem marcados com as cores preto, grafite e tons que puxam para o metal. O famoso olhão preto que muitas mulheres adoram apareceram renovados. A sensualidade e o ar misterioso prometem ser o hit desse inverno. SOMBRA GIVENCHY LE PRISME YEUX MONO R$ 106,00

O delineador é um clássico que volta como uma das tendências mais impactantes. O traço pode ser gatinho, gráfico ou bem curtinho no canto externo do olho. Delineador NYX R$39,00

O lápis claro dentro dos olhos como branco ou bege voltam com tudo e aparecem como tendência. Artdeco liner R$45,00

Olhar de Diva – um par de cílios postiços pode transformar seu rosto. Tendência nas passarelas e no tapete vermelho, eles fazem a diferença em uma produção.

Se para você o vermelho é básico demais, ouse com roxo, uva ou beringela. Com ou sem gloss, deixa o look ultramoderno.

O batom vermelho que combina com qualquer mulher e o batom vinho que promete entrar com tudo na estação mais fria do ano. Batom givenchy rouge interdit shine R$87

Baton berinjela Nyx R$29,00

Baton Nyx R$29,00

Dior Adict Lipcolor R$110,00

63


Beleza

Make pra toda hora

Selecionamos o que você precisa ter para fazer uma maquiagem arrasadora por Evelyn Bittencourt

3. Rímel NYX R$ 39,00

2. Batom LANCÔME

1. Sombra preta

L’absolue Rouge Coleção Smoky Roses r$ 99,00

NYX R$ 39,00

5. Demaquilante

4. La Base Primer

Lancôme Eau Micellaire Doucer R$ 155,00

Lancome R$ 215,00

8. Lápis Olho Nyx R$ 29,00

9. Pó Bronzeador

Lancôme Tropiques Minérale Palette R$ 183,00

7. Máscara de Cílios

Givenchy Phenomen’

Eyes Effet Extension R$ 127,90

6. CAPTURE TOTALE DIOR R$ 334,00

14. Givenchy

Hidra Sparkling Loção Iluminadora R$ 179,00

10. Sombra Shiseido

Luminizing Satin Eye Color Trio R$ 162,00

11. Pó Facial Dior Capture Totale Poudre Libre Eclat Haute Definition R$ 272

13. Base Facial

Diorskin Airflash

R$ 232,00

15. Gloss

SHISEIDO

R$ 98,00

12. Trio de Sombra Nyx R$ 65,00

LAFAYETTE 0800-602-3434 | NYX (41) 3212-3993 64


plástica

Seu corpo

de volta Cirurgia plástica mostra que é possível retomar a aparência de antes da gravidez

66


M

ais que um instinto natural, ser mãe é o sonho da maioria das mulheres. A boa notícia é que não é preciso reprimir esse desejo pelo receio de estragar seu corpo durante a gestação. A cirurgia plástica, tão criticada em momentos em que é vista como uma intervenção desnecessária, nesse caso pode ser uma grande aliada para devolver à mulher aquele corpo de antes (ou quem sabe até melhor!). Para mulheres com uma genética generosa e que levam a sério as orientações nutricionais durante a gravidez, a recuperação da silhueta ocorre em um período de três a seis meses, especialmente quando amamentam. Mas para muitas existem algumas consequências. A medicina estética tem soluções quase perfeitas. Cada vez mais rápidas e eficientes, as diversas modalidades de cirurgia plástica podem recuperar e redefinir os contornos corporais perdidos durante a gestação.

Cirurgia tem hora

É preciso respeitar o período de quatro meses após a amamentação. “A gravidez altera o sistema imunológico e cardiovascular no organismo feminino e essas alterações não se vão imediatamente com o parto. Na verdade, o organismo só retorna ao estado normal três ou quatro meses após o fim da amamentação. Por essa razão, para realizar uma cirurgia plástica deve-se respeitar este período. O indicado é esperar que tudo se normalize para que se tenha total segurança”, explica o médico.

A gravidez proporciona um sentimento único na vida da mulher. Neste período, a anatomia do corpo muda em função da maternidade. A barriga cresce, os seios aumentam, a pele fica mais sensível, e assim a mulher sente no corpo a plenitude de sua feminilidade. Depois do parto, todos estes sinais se convertem em marcas que podem afetar a autoestima: seios flácidos, estrias, acúmulo de gordura e flacidez no abdômen, nas costas e quadris. Não é por acaso que estas transformações interferem no bem-estar da nova mãe. Segundo o cirurgião plástico Dr. Marlon Chiaratti, da Clínica Delineare, até o 9º mês da gestação, a pele do abdômen e das mamas sofre uma distensão correspondente ao aumento de peso entre 30 e 40 quilos. É como se a mulher engordasse abruptamente e perdesse tudo de uma só vez, no momento do parto.

1

O que fazer?

Conheça as cirurgias mais utilizadas para recuperar a forma depois de uma gestação.

1 Intervenção nos seios onde é utilizada a prótese de silicone para preencher o excesso de pele que ficou após a amamentação ou a mamoplastica para reestruturar as mamas que pelo excesso de volume deram uma caidinha.

2

3

Abdominoplastia

Lipoaspiração

para mulheres que após o parto ficaram com uma barriguinha que insiste em continuar. “Este procedimento retira o excesso de pele e aproxima os músculos frouxos e além disso, a cicatriz pode ser escondida pelo biquíni”, explica Dr. Marlon.

se necessário para retirar o excesso de gordurinhas que possam ter acumulado durante o período.

3 2

CLÍNICA DELINEARE | RUA PE.ANCHIETA, 771 (41) 3322-5360 MÉDICO RESPONSÁVEL: DR. MARLON CHIARATTI CIRURGIÃO PLÁSTICO

67


Odonto Rogério Marcondes

O sorriso

ideal A estética dental está intimamente atrelada à saúde bucal

O

sorriso nunca foi tão valorizado como nos dias atuais. Por muito tempo os dentes foram esquecidos como forma de beleza, eram simplesmente ferramentas para a mastigação. Porém, ainda são muitas as vezes em que a falta de condições para sorrir é atrelada à vergonha do mau hálito, das cáries, dos dentes escurecidos e até mesmo a perda de dentição. Esse descuido com a saúde bucal, que implica na estética, acaba fazendo com que muitas pessoas se isolem e pareçam mais sisudas e/ou envergonhadas do que normalmente seriam se estivessem com seus sorrisos “em dia”. Como já dizia o escritor Sebastian Chamford, “o mais perdido de todos os dias é aquele em que não se riu”. Na odontologia estética – novo segmento da odontologia - é possível estabelecer uma nova dimensão do que os dentes, gengivas e lábios poderiam significar para o indivíduo. Possibilitando não somente o restabelecimento funcional e mecânico, mas também a reestruturação da beleza de um belo sorriso. Com o desenvolvimento de novas técnicas e tecnologia de ponta, os trabalhos de estética bucal se tornaram objeto de desejo de muitos. Nos últimos tempos, vemos que atores e atri-

zes que tinham um sorriso comprometido, hoje, esboçam dentições de dar inveja. Para a maioria, ter dentes bonitos, branquinhos e saudáveis é um desejo de consumo, assim como comprar um bom carro de luxo, uma roupa de grife, marcar uma viagem glamourosa, um cruzeiro ou mesmo fazer uma cirurgia plástica estética. E mais, pode ser também o começo da conquista de um emprego - ou um melhor emprego já que um sorriso perfeito, além de ser sinal de saúde bucal, proporciona ao individuo uma melhor capacidade nas relações interpessoais, e com isso, um aumento significativo da segurança para falar (com uma dicção correta), apresentando, por exemplo, uma melhora significativa no seu desempenho em uma entrevista. As possibilidades de mudanças de sorrisos são inúmeras e as opções podem agradar a todos. Logicamente, que os investimentos na beleza variam de acordo com a necessidade e exigência estética de cada um, pois embora as questões da saúde bucal estejam intimamente ligadas à estética, planos odontológicos não prevêem a cobertura de tratamentos estéticos dentais, salvo aqueles que interferem no funcionamento adequado das mastigações.

Rogério Marcondes é Diretor Social da Sociedade Brasileira de Odontologia Estética e integra a Associação Americana de Odontologia (American Dental Association - ADA/USA).

68


Bem estar

Spa urbano Com o corre-corre di谩rio, nada melhor que aquele momento s贸 nosso

69


bem-estar

Um refúgio para chamar de seu

Tratamentos e mimos especiais são uma ótima receita para equilibrar as energias

n

o meio da agitação do cotidiano, surge um novo conceito para harmonizar alma, espírito e beleza. São os spas urbanos, que ao contrário da maioria dos spas mais afastados - nos quais a permanência média é de uma semana - visam atender pessoas que vivem em grandes cidades e que se queixam da falta de tempo para cuidar da beleza e de se recuperar do estresse do dia a dia. A maior referência em Curitiba é o Ohm Urban Spa, um refúgio onde é possível passar algumas horas ou um dia inteiro realizando tratamentos para purificar o corpo e a mente, sem deixar de lado a beleza. “Mais que um spa, o Ohm Urban Spa é a possibilidade do reencontro da sua força interior. Com terapias orientais, modernas técnicas de bem-estar e beleza, redefinição corporal e produtos italianos exclusivos que não encontrará em nenhum outro lugar, sob orientação e o cuidado de profissionais especializados”, destaca Cíntia Ribeiro. Aproveite essa tendência de sentir-se bem e entregue-se. Você merece! O conceito inovador de spa urbano chegou para ficar. É também uma excelente dica de presente nesse mês das mães. Que tal? Ohm Urban Spa Av. Vicente Machado, 1794 | (41) 3022-4880 | www.ohmspa.com.br

70


ALONGARE Bem-estar físico, mental e emocional. A ALONGARE é um espaço pensado para as pessoas que buscam boa forma e qualidade de vida. Dispomos de uma estrutura moderna e profissionais de diversas áreas. Venha conhecer nossos serviços.

ALONGAMENTO PERSONAL TRAINER PILATES STUDIO STUDIO YOGA CARBOXITERAPIA LUZ INTENSA PULSADA RADIOFREQUENCIA PEELING PLATAFORMA VIBRATÓRIA

Alongare Centro de Saúde Corporal | Rua Teixeira Soares, 320 | Seminário | Curitiba | 41 3077-3277 | www.alongare.com.br 71


saúde

Sempre bela

Dicas para continuar linda durante e depois da gravidez

A

gravidez é um período marcado por muitas mudanças no corpo da mulher, mas com alguns cuidados e conhecimento do que é possível fazer a cada etapa, além de saudável você pode ficar linda todo o tempo. Lembre-se sempre de consultar seu médico sobre qualquer tratamento, antes de começá-los. A seguir, cinco dicas da fisioterapeuta Caren Pilatti, especialista em fisioterapia dermato-funcional e cosmetologia.

1. Ginástica

Movimente-se: a gravidez, o parto e o aleitamento exigirão muito de seu corpo, por isso quanto melhor for o seu estado físico, melhor será a sua gestação e o seu parto. A ginástica para gestante promove uma ótima saúde física e emocional do começo ao final da gestação. “A Bioclin oferece uma ginástica especial com exercícios de preparação para o parto e também para que a recuperação do corpo pós – parto seja rápida e sem prejuízos para a estética corporal”, destaca a especialista.

2. DRENAGEM PARA GESTANTES

Este é o tratamento estético mais indicado para a gestante. É uma massagem suave e lenta, que ajuda a reduzir a retenção de líquido no corpo e diminui os inchaços típicos da gravidez. Essa técnica auxilia no alívio de problemas circulatórios e musculares, bem como de outros problemas relacionados às mudanças hormonais, tais como enxaqueca, insônia, constipação intestinal e cansaço, além de proporcionar relaxamento à gestante e previnir estrias. No pós-parto, a drenagem pode ser utilizada depois de algumas semanas, pois ajuda a reduzir rapidamente o líquido retido durante a gestação.

3. Estrias

As estrias merecem atenção especial. Elas resultam do estiramento da pele, quando suas fibras se rompem. O problema aparece mais no abdôme, coxas e mamas, partes que aumentam na gra-

72

videz. É importante iniciar o tratamento para estrias o mais cedo possível, enquanto elas ainda estão rosadas, pois nessa fase o resultado pode chegar a 100%. De acordo com Dra. Caren Pilatti, uma boa solução é o tratamento BIOSTRILL com aparelho específico para cada tipo de estria,branca ou vermelha associado a produtos para recuperar a regeneração celular.

4. Barriga no lugar

Um dos tratamentos mais indicados pós parto na Bioclin é o Biolifting. De acordo com a especialista, esse tratamento visa o reposicionamento da musculatura abdominal, o que garante que a barriga volte a sua forma rapidamente, sem o risco de ficar com uma saliência de difícil solução posteriormente.

5. MANCHAS E ACNES NO ROSTO

As alterações hormonais aumentam a chance de surgirem manchas e acnes no rosto na gravidez. O ideal é ficar longe do sol e usar filtros solares com fator de proteção 15, no mínimo. A Dra. Caren explica que para cuidar de possíveis acnes é recomendado lavar o rosto com sabonete neutro, fazer um peeling natural chamado Biopeel e completar com limpeza de pele para gestante. Após o desmame e com a normalização dos hormônios e das suas formas é a hora de cuidar das manchas que surgiram. Bioclin Clínica de Saúde Rua Padre Anchieta, 1846, cj 1110 Biocentro | 41 3015-3088


D´pil Centro Cívico: Rua São Sebastião, nº 231 - Ahú - Curitiba/PR - Tel: (41) 3044-4992 centrocivicocuritiba_pr@dpilbrasil.com.br D’pil Alto da Rua XV: Rua XV de Novembro, 1762 - Loja 2 - Alto da Rua XV - Curitiba/PR Tel.: (41) 3053-5050 - curitibaruaxv_pr@dpilbrasil.com.br

73


equilíbrio

Você sente algum tipo de dor? Acupuntura pode ser uma boa opção para aliviar dores e tratar doenças

D

or é uma qualidade sensorial complexa, puramente subjetiva e difícil de ser definida ou interpretada. É uma resposta desagradável a estímulos associados com real ou potencial dano para o nosso corpo, ou seja, desempenha o papel de alerta, nos comunicando que algo está errado. A Medicina Tradicional Chinesa se apresenta como uma opção eficaz não apenas no combate à dor, mas também no tratamento de várias doenças. A acupuntura, por exemplo, não causa apenas um efeito analgésico, mas provoca múltiplas respostas biológicas. “Estudos em animais e humanos mostram que o estímulo

por acupuntura pode ativar o hipotálamo e a glândula pituitária, resultando num amplo espectro de efeitos sistêmicos, aumentando a taxa de secreção de neurotransmissores e neuro-hormônios, melhorando o fluxo sanguíneo, e também a estimulação da função imunológica”, destaca o especialista Dr. Antonio Cezar Mendes dos Santos. Na China, a acupuntura é utilizada rotineiramente para o tratamento de diversas doenças. A eficácia dessa técnica levou, em 1979, especialistas de 12 países presentes no Seminário Inter-Regional da Organização Mundial da Saúde a publicarem uma lista de 43 enfermidades que podem ser

tratadas pela acupuntura, como artrite, ciático, reumatismo, lesões musculares, cistite, dores na coluna e nas articulações. A terapia apresenta bons resultados diante de muitas doenças e possui vantagens acentuadas sobre outras. Por ser um tratamento de baixo custo econômico e praticamente isento de efeitos colaterais, é considerado um recurso de primeira linha no tratamento da dor. Além das agulhas, a medicina tradicional utiliza ervas, massagens, exercícios físicos, dietas alimentares, e prescreve normas higiênicas de conduta.

Para entender as agulhas Confira um bate-papo com o Dr. Antonio Cezar Mendes dos Santos, especialista em acupuntura. Para que serve a acupuntura? Além dos casos de dor, várias doenças funcionais podem ser tratadas pela acupuntura. Dentro da concepção chinesa, a doença é uma manifestação de desequilíbrio, e a acupuntura seria uma forma de readquirir a harmonia perdida. Na primeira consulta busca-se estabelecer o diagnóstico, tanto na visão ocidental quanto na visão própria da acupuntura. Os pontos a serem trabalhados são selecionados de acordo com o diagnóstico.

Como funciona o tratamento? O tratamento consiste no estímulo de

74

pontos específicos para cada caso e para cada paciente, numa média de vinte pontos por sessão. Este estímulo pode ser na introdução de agulhas, e sem agulhas com eletroestimulação chamada de Hai Hua, que é a técnica mais indicada nos casos de dores muito fortes, devido a sua altíssima capacidade em bloquear a dor em poucos minutos. O Hai Hua é um novo tratamento terapêutico, que combina a Medicina Tradicional Chinesa com a tecnologia eletrônica, buscando assim, o equilíbrio interno dos órgãos. As agulhas são substituídas por dois eletrodos, que conduzem uma onda eletrônica pelo corpo. A ação de cada eletrodo equivale

ao estímulo simultâneo de 132 agulhas, desobstruindo os meridianos, ativando a circulação sanguínea e reequilibrando a energia vital do organismo.

Qual a frequência? Usualmente é de uma vez por semana, porém em casos agudos sessões diárias podem ser necessárias. A duração do tratamento depende do tempo da doença: quanto mais recente, mais rápido o resultado. Algumas doenças respondem mais rapidamente que outras.


Dentro da concepção chinesa, a doença é uma manifestação de desequilíbrio, e a acupuntura seria uma forma de readquirir a harmonia perdida

75


saúde

Se

o

seis BOAS RAZÕES PARA APOSTAR NO PILATES PARA UM MELHOR DESEMPENHO SEXUAL Por Roberto Quintana

Que o pilates é uma boa opção para manter o corpo bem disposto, flexível e alongado, melhorando a flexibilidade do corpo e a postura, todo mundo já sabe. O que pouca gente sabe é que essa prática pode ser um excelente aliado para a vida sexual. 1 O pilates proporciona um ganho de flexibilidade geral e quanto mais alongada a musculatura, melhor será a movimentação, tornando o corpo mais leve. 2 Os exercícios trabalham enfaticamente a musculatura abdominal e a musculatura do assoalho pélvico. Quando há uma maior consciência sobre a musculatura do abdômen e da área pélvica há também um aumento do prazer durante o sexo. Mulheres geralmente têm uma perda da tonicidade da musculatura pélvica após a gravidez ou no período da menopausa, o que pode reduzir o prazer na hora de uma relação. Este problema, que pode ocorrer devido alterações hormonais e ao próprio parto, pode ser contornado 76

com exercícios focados no fortalecimento pélvico. O resultado será um conforto e maior prazer durante o ato sexual. 3 Já o fortalecimento do períneo (músculo responsável por controlar a urina) e dos músculos adutores (da parte interna da coxa) são fundamentais para um bom desempenho sexual. Muitos músculos são usados no ato sexual, principalmente os dos membros inferiores, como quadríceps, posteriores das coxas, adutores, abdutores (região exterior da coxa), os glúteos e os gastrocnêmios (batata da perna). Todos estes músculos são bem trabalhados com o Pilates. 4 A disfunção erétil, muito temida pelos homens, também pode ser trabalhada com o pilates. Uma vez que a causa desse problema é a diminuição da circulação sanguínea no interior dos corpos cavernosos do pênis no momento da excitação sexual (seja decorrente de fatores psicológicos ou físicos), qualquer atividade física que proporcione aumento da

oxigenação do sangue é benéfica. O Pilates requer uma respiração profunda que, aliada a concentração, oxigena o sangue e os músculos mais rapidamente, propiciando um melhor desempenho. 5 Além disso, diversos fatores contribuem para a melhora sexual: Um melhor desenvolvimento da capacidade respiratória; maior capacidade de concentração; aumento da resistência geral, aumento da força e da flexibilidade corporal, melhora da resistência muscular e da coordenação motora. 6 Joseph Pilates, o precursor do método, declarou que cinco princípios básicos fundamentam seus exercícios: concentração, controle, centralização, fluidez e respiração. Vale lembrar que estes princípios são bons complementos de como ter uma vida sexual melhor. Roberto Quintana é Fisioterapeuta e Master Training Teacher em Pilates R. Pe. Anchieta, 1846 – Piso SL – Sala 05 Biocentro – (41) 3022-4003 www.fisioterapiaquintana.blogspot.com


Casa e família

Home Wedding Para fugir da decoração tradicional, noivas optam por recriar, na festa, o conforto e a personalidade de seu lar Por Evelyn Bittencourt

77


casa e família

Íntimo e pessoal Não há lugar melhor no mundo do que a nossa casa, certo? Pois muitos noivos estão levando essa máxima ao pé da letra na hora do tão esperado “sim”

A

nova tendência entre os casais é o Home Wedding, ou seja, trocar alianças em clima de lar doce lar. Cerimônias em propriedades particulares da família ou mobiliário próprio na decoração do salão são opções para tornar as bodas ainda mais íntimas e personalizadas. Ao contrário das comemorações tradicionais, em que a festa ocorre em um salão estático, a ordem do Home Wedding é se inspirar em ambientes com cara de casa para criar um ambiente confortável e aconchegante. Os convidados confraternizam no gramado do jardim ou nos pufes e sofás do que lembra uma sala de estar. Como já diz o nome, o estilo procura fazer com que noivos e convidados sintam-se em casa. Segundo a party designer Mariana Malucelli, esse estilo de casamento atrai noivas que são modernas e que querem um estilo diferente de comemoração. “Essa é uma tendência muito forte para os próximos anos”, afirma. Mas como explicar a nova moda? O lado sentimental, econômico, a praticidade ou os ares clássicos da cerimônia? A resposta é: um pouco de tudo isso. 78

O toque pessoal é o “plus” que os casais buscam para tornar o casamento marcante tanto para eles quanto para os convidados, segundo a arquiteta Priscilla Muller. “As celebrações estavam ficando muito parecidas, precisavam de um quê pessoal para fazer a coisa soar mais aconchegante, intimista”. Sócia de Mariana Malucelli, elas são especializadas em matrimônios e afirmam que alguns pequenos detalhes podem criar uma atmosfera única e mágica. “É legal acrescentar itens de decoração de casa como bandejas, tapetes e porta-retratos. Eles se encaixam numa decoração tradicional, mas dão aquele toque exclusivo”, afirma Priscila. Aí você deve estar pensando: “mas eu não tenho um casarão desses, nem grana para alugar um lugar luxuoso...”. Não desanime, faça uma boa pesquisa, você pode acabar encontrando locais por um preço superbacana, sem contar aquela chácara de uma amiga ou de um parente. Priscilla Muller Mariana Malucelli www.priemari.com.br

Ao ar livre Casamentos realizados ao ar livre são altamente recomendados, pois contribuem para um ambiente descontraído e com ótimo astral. Nesse contexto o glamour dos grandes salões é trocado pelo verde e pelas paisagens naturais. “As pessoas têm preferido um belo jardim com uma boa vista no lugar de salões fechados e delimitados”, comenta Mariana. O contato com a natureza dá uma idéia de qualidade de vida e longevidade que, na opinião da especialista, se aliam muito bem no momento do “sim”. Além de uma união de mais destaque, os home weddings são garantia de satisfação dos convidados, que se sentem mais à vontade para celebrar: “O fato de estar em um ambiente que parece estar isolado da interferência externa faz com que as pessoas fiquem mais soltas e alegres. Não existe preocupação com o carro ou com barulho que possa incomodar os vizinhos. Esse tipo de festa não dura menos que oito horas, ou seja, um casamento inesquecível para todos”, assegura Priscila Muller.


Decoração

over na medida certa

Dê personalidade a casa com cores e combinações inusitadas por Evelyn Bittencourt

2. Poltrona LUB,

Inove Decoração + Design R$ 3.150,00

1. Porta Vela de Resina com

banho de prata envelhecida,

Beatriz Séra R$442,10

3. Mesa XRaydio, Diesel,

Inove Decoração + Design

Preço sob consulta.

4. Guardanapos de algodão coloridos 06 peças Roberto

Simões R$163,00

5. Cofre Porquinho Sandy

cerâmica Roberto Simões R$ 79,00

6. Pastilha para parede Pastilhar R$280,00 m2

7. Baixela de serviço 09 peças Croisè titanium Roberto Simões

R$3.065,00

Inove Decoração + Design (41)3014-9393 | Beatriz Séra (41) 3013-6268 | Pastilhar (41) 3336 1973 | Roberto Simões (41) 3233-3597 79


super família Marcos Meier

Mãe tigre ou mãe coruja Em educação, as melhores palavras são “equilíbrio” e “participação”

N

os Estados Unidos foi lançado um livro polêmico. É a história de uma professora de Direito, filha de imigrantes chineses, que narra sua trajetória como mãe. Até aí, nada de assustador. Entretanto, alguns relatos impressionam. Se a filha errasse, era chamada de “lixo”. Se as lições de piano não fossem perfeitamente executadas, a mãe ameaçava dizendo que queimaria todos os bichos de pelúcia. Atividade extra? Só se as filhas prometessem tirar medalha de ouro. Caso contrário, nem pensar! Em Matemática, eram obrigadas a estar dois anos na frente de seus colegas. Além disso, uma série de proibições. Disciplina excessiva! Essa mãe, autora do livro “Battle Hymn of the Tiger Mother” (Hino de Batalha da Mãe Tigre) critica a maneira ocidental de criar filhos dizendo que somos muito permissivos e não exploramos o potencial deles. Mas afinal, o que é certo e o que é errado na criação dos filhos? Há inúmeras pesquisas científicas de psicólogos e educadores de renome apontando o melhor perfil na hora de educar as crianças. Trata-se de uma especialista em direito e professora de adultos. Para não ficar teorizando aqui, vejamos os três perfis mais “problemáticos”: • Perfil autoritário – atrapalha o desenvolvimento da auto-

estima e da personalidade das crianças. O maior índice de suicídio entre crianças e adolescentes está aqui. • Perfil superprotetor – não desenvolve a autonomia das crianças fazendo-as frágeis emocionalmente e dependentes de alguém que oriente e diga o que fazer em cada situação. Quando adultos, têm dificuldades em aceitar novos projetos e medo de tomar iniciativa. • Perfil negligente (a maioria dos pais ocidentais) – é o pior perfil de educador. Seus filhos não desenvolvem autonomia, têm baixa autoestima e não resistem às frustrações da vida. Os três perfis trazem problemas para o desenvolvimento da personalidade das crianças. Mas então, o que fazer? O melhor é assumir o perfil “participativo” no qual os pais equilibram muito bem as exigências e as obrigações com o “estar junto”, brincar, ouvir, conversar, incentivar e, principalmente, construir um bom vínculo com os filhos. Pais participativos têm filhos felizes e realizados como seres humanos. Se a “mãe tigre” tem perfil autoritário, erra. Se a “mãe coruja”, que tem a tendência de superproteger aceitando como “lindo” qualquer resultado de seus filhos, também erra. O ideal é o equilíbrio: ser participativo. É científico, real, de muito bom senso e ideal para crianças emocionalmente saudáveis!

Marcos Meier – Psicólogo, professor de matemática, e mestre em educação. Palestrante nacional e internacional a respeito de educação, qualidade da interação professor-aluno e da relação entre pais e filhos. Seus livros estão na loja virtual www.kapok.com.br

80


matemática . português . inglês . japonês Procure a unidade mais próxima Agua Verde IV: 3343-8728

Cajuru: 3024-8494

Jd. das Américas/Sta. Bárbara: 3365-6143

Ahú: 3044-7446

Centro/ Muller: 3078-9305

Pinhais/Jd. Atuba II : 3668-0946

Alto da Glória : 3254-7174

Champagnat /Condor: 3335-7746

Portão /Lauro Lopes: 3329-7260

Bacacheri/N. S. da Luz: 3026-6157

Champagnat /Fco. Rocha: 3339-8102

Santa Quitéria: 3013-4557

Bacacheri: 3356-1093

Champagnat/Praça da Ucrânia: 9103-9737

Sta. Felicidade/São Braz: 3273-5493

Boa Vista: 3357-1472

Cristo Rei/Jd. Botânico: 3085-4335

São Lourenço: 3264-1047

Cabral / Juvevê: 3353-2215

Ecoville: 3285-1316

Seminário: 3228-2885


eterno aprendiz Daura Carneiro

| Ilustração: Maureen Miranda

Navegar é preciso

Um pouquinho do psiquiatra e escritor Augusto Cury sobre a importância de investir no autoconhecimento

Por que muitos falharam em conquistar a felicidade? Porque quiseram o perfume das flores, mas não quiseram sujar suas mãos para cultivá-las; porque quiseram um lugar no pódio, mas desprezaram a labuta dos treinos. Precisamos aprender a navegar nas águas da emoção se quisermos ter qualidade de vida no mundo estressante em que vivemos.

Daura Carneiro é fundadora da VIVER Curitiba e uma apaixonada por mensagens que possam fazer as pessoas pensarem um pouquinho na vida. Se você tem algum texto que gostaria de compartilhar, envie um email para leitor@revistaviver.com.br. Quem sabe ele não é publicado nesse espaço?

82


Revista Viver ed 104  

Edição de maio/2011 da revista Viver Curitiba - Super Mãe