Page 1

ANO 1, Nº 1, AGOSTO E SETEMBRO DE 2013. ESTE EXEMPLAR É SEU!

super nova criações

Um grito, ou uma voz? Jacó Jácome Tudo se fez novo no NPC Entrevista com Helena Tannure

VIVENDO MISSÕES nada limita um coração determinado

Cia de Dança AVIVA


editorial

quem fez revista

Edição 01

Editora-chefe: Luana Neves luananeves@outlook.com (84) 9688.8524 | 8873.5988

VIVENDO MISSÕES Michenubia Santos, potiguar, formada pela JOCUM, em Chimoio, província de Manica, na República do Moçambique - África.

Diretor de arte: Bruno Andrade contatobrunoandrade@outlook.com (84) 9965.0758

Foto de arquivo pessoal.

Uma idéia com Atitude

Diretor comercial: Ismar Welber ismarwelber@gmail.com (84) 9976.8350 | 8878.3113

Tudo começou em uma conversa informal entre amigos, sobre a necessidade de se ter uma publicação gospel com conteúdo que agradasse a nós e ao nosso segmento. Depois de muitas conversas surgiu o esboço do projeto que no decorrer desse ano foi crescendo e se transformando. Hoje a revista Atitude chega ao público para ocupar um nicho de mercado, nosso objetivo é oferecer informação, qualidade e boa leitura. Estaremos sempre atentos a opinião dos nossos leitores, buscando novidades e assuntos relevantes. A escolha de missões como tema para nossa primeira edição se deu por ser uma unanimidade entre todos os cristãos, uma ordem recebida diretamente de Jesus. O “Ide e pregai o evangelho a toda criatura”, missões é ou deve ser a batida do coração da igreja. Esperamos que gostem e nos acompanhe nas próximas edições. Viva com Atitude. Luana Neves Editora Chefe

Colunistas: Ismar Welber | Miguel Levy Wagner Sousa | Wesley Alves Colaborador: Marcelo França Fotos: Bruno Andrade | Luana Neves | Fotos de arquivo Revisão: Kely Costa Impressão: Gráfica RN / Econômico Agradecimentos: Samy Costa, Jonathan Enns, Wagner Souza, Gospel News, Agenda Gospel, Thais Mendes, Igor Thiago, John Carlos e a todos aqueles que indiretamente contribuiram para este projeto.

Os artigos assinados não refletem necessariamente a opinião da revista ATITUDE.

super nova

A revista Atitude é uma publicação bimestral da criações SUPERNOVA criações.

Publicitária, redatora, roteirista e fotógrafa. facebook.com/luana.neves

ismar welber

bruno andrade

luana neves

FALE CONOSCO revistaatitude@outlook.com facebook.com/atitudenamidia instagram.com/atitudenamidia

idealizadores

Publicitário, design gráfico, músico e fotógrafo.

instagram.com/_brunoandrade_

É proibida a reprodução total ou parcial sem autorização prévia da revista.

Administrador, missionário e vocalista. instagram.com/ismarwel


20

ÍNDICE 6 retrovisor 8 CENÁRIO

Espetáculo ALUMIA da Cia de Dança Aviva.

12 perfil Jacó Jácome.

16 Palavra de atitude Um grito ou uma voz? - Por Miguel Levy.

17 atitude entrevista Com Helena Tannure.

12

17

20 capa

Vivendo Missões na África.

26 POr aí

Tudo se fez novo - NPC.

16

30

29 coluna

Saúde Espiritual, você está cuidando da sua? Por Wesley Alves.

30 projeto de atitude The Pais Project.

33 fica a dica 34 coluna

Newton Explica - Por Wagner Souza.


retrovisor

Lançamento do CD “Rota de Deus” Thabata Medeiros Abertura da 4ª edição do JOERN (Jogos Evangélicos do RN)

Marcela Taís no Conexão 2013 Miguel Levy no Lançamento do seu livro “O serviço do filho”

PG e Fernandinho no Louva Natal

Vanessa Laís entrevistando o Pr. Eliel Moreira no lançamento do programa Atitude

6 | retrovisor


Venda on-line Marex. Com apenas um clique, você tem tudo o que precisa.

A Marex é uma loja que possui uma série de produtos exclusivos, nas linhas de eletrônicos, eletrodomésticos, games, infantil, informática, beleza e conforto. Mas, o melhor disso tudo, é que, agora, você também tem a opção da compra on-line. Ou seja, é muito mais conforto para você e sua família. Acesse o nosso site! E descubra como é bom poder contar com a Marex.

www.marex.com.br Natal Shopping

Agora, você pode.


CENรRIO

Cia. de danรงa Aviva por Luana Neves

8 | cenรกrio


O Teatro Alberto Maranhão recebeu a Cia. de dança Aviva para exibição do espetáculo de dança contemporânea Alumia. O espetáculo foi uma experiência estética incomum àqueles que estão abertos a sentir. Cheio de fé, cores, sensações e traços da cultura nordestina, mostrando os saberes e os valores de um povo. Uma dança que expressa à união do homem com Deus. Uma consciência ancorada no corpo da lavadeira, do lavrador, do boiadeiro, da parteira, da mãe e outros ícones da cultura nordestina. Apreciar a dança desses corpos é ver cultura, é ver gente da gente, é ver arte, é ver Deus, ver prece: “Alumia o meu sertão”.

cenário | 9


Conversamos com Felipe rocha, diretor da Cia. de dança aviva, para conhecer um pouco mais sobre esse projeto único e arrojado.

Atitude: O ALUMIA, foi criado pela Cia de dança Aviva, e como surgiu esse grupo e qual o trabalho desenvolvido?

Felipe: Aviva nasceu em 2008 e foi a primeira Cia de dança contemporânea crista do RN, desde então desenvolvemos projetos conceituais de qualidade, trazendo sempre reflexões academicamente produtivas com objetivo de popularizar a arte na cidade. Sempre com temas ligados ao a filosofia, ao ser humano e a fé, principalmente o ser humano diante desse Incognoscível Deus.

Atitude: E você Felipe, como descobriu que a dança era o seu dom e seu objetivo de vida? Felipe: Comecei ainda adolescente, eu era ginasta, e comecei a dançar na igreja e me profissionalizei em 2004, daí fomos eu e minha esposa pro México como missionários e lá estudei dança contemporânea na universidade de Guanajuato e a dança foi se tornando minha vida.

Atitude: E depois do ALUMIA, vocês já tem algum novo projeto? Felipe: Sim, estamos com um projeto intitulado a “Carne que sou”, estamos buscando parceiros que estejam dispostos a investir na arte potiguar revertendo suas contribuições de imposto para produção de arte. Esse espetáculo está previsto para o fim do ano e é inspirado em Adão, vamos trabalhar com aspecto criacionista que a bíblia nos revela.

10 | cenário


Perfil em ver um país sem ‘‘Sonho desigualdade social, com a predominância da nossa Igreja influenciando toda sociedade.

‘‘

12 | perfil


Um rapaz tranquilo, simpático E de sorriso fácil. por Luana Neves

Nome: Jacob Helder Guedes de Oliveira Jácome Idade: 21 anos Profissão/Ocupação: Vereador Cidade: Natal O que não sai de casa sem: Pedir a benção de Deus Viagem inesquecível: Israel, com um grupo de Natal Esporte: Vôlei Time de futebol: Flamengo e ABC Livro: Vendedor de Sonhos Filme: O caçador de Pipas Música: O amor é tudo (Ozéias de Paula)

perfil | 13


SUPERAÇÃO Jacó nasceu prematuro, aos seis meses de gestação, pesando apenas novecentas gramas. O parto aconteceu em uma época onde a medicina ainda era limitada, o que gerava uma perspectiva mínima de sobrevivência. Era um bebê que precisava de cuidados especiais. Jacó não tinha sequer forças para sugar o leite na hora da amamentação e era alimentado através de um conta-gotas com leite materno. A prematuridade trouxe junto à deficiência do hormônio de crescimento, para superar essa situação, Jacó foi submetido a um tratamento muito difícil para uma criança. Ele recebia diariamente, durante vários anos, uma injeção abdominal, sem reclamação, apesar do grande incômodo. A determinação sempre falava mais alto.

JOVEM ESPORTISTA Criado em berço evangélico, o filho mais novo de dona Edna e do doutor Antônio Jácome venceu o desafio apoiado pela família. Começou a frequentar a escola, brincava com os amigos e praticar diversos esportes até encontrar no vôlei sua verdadeira paixão. Foi na quadra de vôlei que Jacó desenvolveu o espírito de liderança. Como levantador ou capitão de time, Jacó foi por diversas vezes campeão dos Jogos Escolares do Rio Grande do Norte , os JERN’S. Além de fazer parte da Seleção Estadual de Vôlei e conquistando assim vários títulos para o Estado.

ADOLESCENTE ENGAJADO A política começou a fazer parte da vida de Jacó no período que estudava no Colégio Marista, quando fez parte dos movimentos estudantis. Em 2008 chegou a presidência do Grêmio Estudantil daquela instituição, sendo um dos palestrantes no Congresso Nacional de Alunos e Professores de toda a rede Marista realizado em Porto Alegre. Em 2009, fez parte do Parlamento Jovem com o projeto A Semana Nacional do Voluntariado Jovem, que dentre outros projetos apresentados, o dele foi o escolhido para representar o Estado em Brasília. Essa experiência rendeu para Jacó o convite para assumir a coordenadoria executiva da subsecretaria da juventude do governo do estado em 2010.

CARREIRA POLÍTICA Jacó Jácome foi eleito vereador nas últimas eleições pelo PMN (Partido da Mobilização Nacional), com quase 6 mil votos e elegeu-se o vereador mais jovem de Natal. Com o lema Juventude e Vocação a Serviço de Natal. Ele é o presidente da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final que é responsável pela análise da constitucionalidade e legalidade de todos os projetos que tramitam na Câmara Municipal, sendo assim a comissão de maior relevância da casa. Só neste primeiro semestre tramitaram mais de 140 projetos, dos quais aproximadamente 70 tiveram o parecer emitido por Jacó.

TRAJETÓRIA DE SUCESSO

Ainda bebê no colo de sua mãe Edna.

Recebendo o cuidado dos pais.

Em momento carinhoso com o pai Antônio Jácome.

Praticava diversos esportes.


BATE-PAPO COM JACÓ JáCOME Como você se define? Eu sou um jovem temente a Deus. Amo muito a minha família e conviver com os meus amigos. No dia a dia eu tenho uma vida normal, como qualquer outro jovem.

Jacó na Câmara Municipal

Como evangélico, qual o personagem da Bíblia que se identifica?

Realizou a primeira audiência pública do ano propondo e debatendo os Programas Sociais do Executivo Municipal.

Admiro a História de José do Egito (relatada no livro de Gênesis), que em todos os passos foi guiado por Deus e obteve vitória perante toda a nação. Qual o versículo que você costuma meditar?

Solenidade em homenagem aos 95 anos da IEADERN (Igreja Evangélica Assembléia de Deus do RN).

O versículo que admiro está no livro de Eclesiastes, no capítulo 13, versículos 1 e 2 : "Lembra-te também do teu Criador nos dias da tua mocidade, antes que venham os maus dias, e cheguem os anos dos quais venhas a dizer: Não tenho neles contentamento". para mim, é o imperativo que nós jovens recebemos do sábio Salomão.

Entrega do Título de Cidadão ao cantor evangélico Rodolfo Abrantes.

O que você gosta de fazer?

Defende o Combate a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Gosto de estar com a minha família e com os meus amigos. Sou um bom anfitrião, gosto de receber pessoas na minha casa e bater papo.

Luta pela implementação do Projeto Escotismo nas Escolas.

TEM ALGUMA COISA SOBRE VOCÊ QUE AS PESSOAS NÃO SABEM? QUE EU SOU UM CHOCÓLATRA ASSUMIDO. Qual o seu maior sonho? Meus sonhos são balizados no que diz a palavra de Deus, e enquanto estiver no centro da vontade d'Ele, meus sonhos serão realizados. Como homem planejo, mas é de Deus que vem a resposta. Quando penso no coletivo, sonho em ver um país sem desigualdade social, com a predominância da nossa Igreja influenciando toda sociedade.

Contribui em projetos sociais como a casa de recuperação de dependentes químicos: Pocinho de Jacó e Projeto Semear.

E o futuro? Quais seus objetivos? Pretendo continuar desenvolvendo trabalhos, voltados às pessoas mais carentes e ver esses frutos desabrocharem.

LEGENDA:

REVISTA ATITUDE

JACÓ JACOME

Realiza e apóia trabalhos sociais. As ações que levam a população mais carente serviços essenciais como atendimento médico, pequenas cirurgias, retirada de documentos, corte de cabelo e oficinas artesanais.

Educação inclusiva e a formação profissional. Nesse primeiro semestre foram formadas 16 turmas nos mais diversos cursos como gastronomia, Biscuit, eletricista residencial, eletricista predial, corte de cabelo, bombeiro hidráulico e outros. Além de aulões preparatórios para o Enem, projeto que começa este mês.

Várias vezes campeão dos JERN’S. (JOGOS ESCOLARES DO RN)

Foi presidente do grêmio estudantil do Colégio Marista.

Em 2009 representou o nosso estado no parlamento Jovem em Brasília.

Eleito vereador pelo PMN com quase seis mil votos.


Palavra de ATITUDE

Um Grito ou uma Voz? Miguel Levy, pastor da AD Bom Retiro em Natal/ RN, esposo, pai, músico, escritor e líder do Motoclube Fé na Estrada. mlap0001@gmail.com www.mlap.com.br

por Pr. Miguel Levy

O nosso país tem passado um momento muito importante em sua trajetória. Mais uma vez a população, principalmente os jovens, foi às ruas manifestar seu protesto contra essa situação caótica onde a corrupção e a injustiça tem se estabelecido como uma realidade e o pior, mostrando cada vez mais sinais de veio para ficar. Neste momento é comum que nós, brasileiros, cidadãos e acima de tudo cristãos tenhamos o desejo de contribuir de alguma forma, fazendo a nossa parte para que este protesto seja ouvido e nossa indignação registrada. É aí que pensamos muitas vezes que para se fazer ouvir precisamos de um grito bem forte e esquecemos que se não tivermos uma voz, não adianta gritar. É por isso que muitos movimentos e manifestações de protesto perdem a credibilidade e não comunicam a idéia principal do protesto, tornam sem sentido o movimento, por maior que seja. Movimento sem posicionamento, grito sem voz, isso produz um resultado efetivo e dificilmente conseguimos avançar conquistar nosso alvo. Como cristãos, precisamos ter atenção sobre como iremos nos envolver em situações como a que vivemos atualmente em nosso país. Protestar não significa apenas gritar, ser um eco de um som que não sabemos onde foi gerado. Precisamos ter consciência de quem somos neste mundo. Vemos um exemplo claro na Bíblia, onde quebrando todos os padrões da época, João Batista ficou conhecido como um grande

16 | palavra de atitude

protestante que deixando o ambiente tradicional que seria comum a um sumo sacerdote, foi para o deserto vociferar uma mensagem de confronto que protestava contra o sistema religioso da época. O ponto mais interessante nesta história é que João Batista não era um grito de protesto no deserto, a Bíblia diz que ele era a voz que clamava no deserto. Ele usava uma voz que não era a dele, mas a voz de Deus, que após quatrocentos anos de silêncio começou a falar através de João Batista no deserto e não na sinagoga, que já estava envolvida com corrupção, nepotismo e muitas tramóias para beneficiar interesses particulares. Nada diferente do que vivemos hoje em nossos dias. Esta denúncia é muito evidente no evangelho de Lucas, capítulo três, onde denuncia a existência de dois sumo-sacerdotes, Anás e Caifás, quando na verdade só deveria existir um. Em função disto, a Palavra de Deus veio através da voz de João Batista no deserto e não na sinagoga. João Batista era a voz do Deus que agora estava no deserto. Em nossos dias, como a igreja de Jesus Cristo na terra, somos os sacerdotes desta nova aliança e por isso, a voz de Deus para o mundo. Não podemos nos deixar enganar e nem nos permitir ser manipulados para simplesmente engrossar uma massa sem opinião nem propósito claramente declarado. Deus não tem uma massa de gente na terra, ele tem um povo consciente e focado em um propósito eterno com um alvo muito bem estabelecido para ser alcançado. Por isso, antes de nos movimentarmos em qualquer direção precisamos saber onde nosso Deus está posicionado, para ali podermos ser a sua voz falando ao mundo a sua vontade e revelando os seus propósitos. Nós como igreja, devemos ser á melhor expressão da voz de Deus no mundo. Nossos protestos, reivindicações e exigências devem revelar os interesses de Deus para o homem. Então seremos ouvidos, pois se Deus não nos der uma voz... Não adianta gritar.


ATITUDE entrevista

Helena Tannure por Luana Neves

Helena Tannure cantora, apresentadora, professora, escritora e compositora. Casada com João Lúcio Tannure e mãe de quatro filhos (Clara, Sophia, Arthur e Miguel), foi integrante fixa da banda Diante do Trono durante 13 anos. Como apresentadora tem no currículo programas como "Diante do Trono", "Chá das Quatro" e o "Clube 700" e "Bate Papo" da Rede Super de televisão. Nos últimos anos, tem viajado ministrando a diferentes públicos sobre suas experiências pessoais com intercessão, arte, louvor e adoração, caráter cristão e família. Helena, recebeu a Revista Atitude durante sua estadia em Natal para participação no I congresso de Mulheres prontas pra servir na Assembléia de Deus Bom Retiro Sede.

atitude entrevista | 17


Entrevista concedida pela Helena Tannure à revista Atitude.

Helena você tem uma história de conversão muito interessante, dois “encontros” com Jesus, de formas diferentes e em diferentes momentos da sua vida. Como isso aconteceu? Depois de uma crise no casamento dos meus pais, após 18 anos de oração de um pastor amigo, eu tinha 11 anos na época, passei então a frequentar uma igreja evangélica e aos 14 anos tive um encontro verdadeiro de novo nascimento, uma experiência particular, pessoal, mas costumo dizer q naquele período eu tinha tanto sonho e estava focada em mim mesmo em plena adolescência, coloquei Jesus no banco de trás e continuei dirigindo a minha vida, continuei tendo decepções, escolhendo o que era melhor pra mim, as vezes eu pedia uma sugestão a Deus e se ele falasse algo diferente do que eu queria, eu ignorava e continuava no meu caminho, e mesmo na igreja eu continuava tendo ranços de uma vida sem Deus, era irada, impaciente, maledicente, invejosa, egoísta, e essa vida cansa e o Senhor me pedia o volante, foi um momento de libertação, comecei a buscar Deus, queria mudança, e então larguei faculdade e fui para o meu quarto e ali eu descobri o Deus a quem eu dizia amar, comecei a experimentar da presença d’Ele, ali redescobri o que era adoração quando eu já fazia parte de um grupo de louvor e adoração. Você é uma mulher bastante ativa, tem um currículo extenso, foi professora, é cantora, escritora, apresentadora de televisão, ministra do evangelho, conferencista, esposa e mãe de quatro filhos. Como você equilibra todas essas atividades? Na verdade nós somos filhos de Deus, depois de sermos filhos de Deus cuidamos de pessoas que Ele coloca em nossas mãos no primeiro plano nossa família, o restante vem depois, o que eu faço pra Deus pode mudar a qualquer momento, eu cantei no Diante do trono durante 13 anos e eu conseguia conciliar tudo, mas Deus me disse pra sair do grupo porque tinha fechado o ciclo e eu ia prestar outro serviço ao reino, é tudo uma questão de prioridade e a prioridade de Deus são as pessoas, a prioridade é o relacionamento com Deus, primeiro Ele que é a fonte, depois as pessoas diretamente ligadas a mim, minha família é obra de Deus, minha família é ministério se eu cuido da minha casa a igreja de Jesus vai sentir o reflexo de uma família saudável. Quando colocamos Deus no centro de todas as coisas, tudo flui naturalmente.

18 | atitude entrevista

Como ministra de louvor, qual a importância do louvor e da adoração na vida de um cristão? A adoração vai muito mais além da música, e no nosso país é associado imediatamente adoração e louvor com música, mas louvor é expressão de elogio, de reconhecimento a adoração é um relacionamento, um amor profundo. Eu posso cantar de todas as maneiras e não ter um relacionamento com Deus, a adoração é expressão desse relacionamento com Deus, seja cantando, pregando, estudando, lavando roupa. Pouco tempo atrás, a mídia era totalmente fechada para o evangelho, hoje as portas estão se abrindo. Em sua opinião essa abertura é só interesse comercial ou agir de Deus? É um interesse comercial porque o povo evangélico hoje é uma fatia expressiva do mercado, então não vamos nos iludir, a intenção das pessoas que contratam nossos artistas, e que dão suporte para os seus shows é comercial, eles querem vender material. Mas, eu também creio que isso é permissão de Deus para um tempo especifico da igreja, e eu oro para que os ministros que estão em evidência através das grandes mídias, que eles não se calem, não se corrompam e que o espírito de Lúcifer não tome o coração deles, que eles continuem adoradores extravagantes quando estão longe dos holofotes, como homens e mulheres de Deus ousados e que usem essa oportunidade para glória de Deus e não apenas para vaidade pessoal. E podemos esperar alguma novidade, um novo livro, CD, DVD, você está trabalhando em algum novo projeto? Sim, em primeira mão pra vocês, o livro se chama de “De Clara a Sofia, amor e sabedoria”, Clara é minha filha mais velha e Sofia a caçula, e nesse livro eu relato as experiências que tenho com Deus atrávés desse relacionamento com meus filhos, como Deus me ensinou a ser mais mansa, sensível, entender alguns princípios do reino por meio desse relacionamento simples entre mãe e filhos. Tive experiências restauradoras e chegou o tempo de dividir. O lançamento está previsto para o fim desse mês no congresso de mulheres do Diante do Trono.


capa

20 | capa


VIVENDO MISSÕES nada limita um coração determinado por Luana Neves

Quem: Michenubia Santos, 36 anos, potiguar, formada pela JOCUM - Jovens Com Uma Missão. Onde: Chimoio, província de Manica, na República do Moçambique- África Trabalho: Relacionamento com a comunidade, discipulado, treinamento de líderes em igrejas e oferecendo oportunidades através do artesanato para meninas e jovens. capa | 21


“Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura” (Mc 16:15), dessa máxima vive Michenubia Santos (36 anos) que há 13 anos vem dedicando sua vida a andar pelo mundo propagando a mensagem do evangelho, formada pela JOCUM. Essa jovem potiguar, natural de Caicó, escolheu dedicar sua vida a missões ainda adolescente, depois de um chamado especial de Deus bem no início da sua caminhada cristã, aos 17 anos.

Membro da Missão Evangélica Pentecostal do Brasil em Natal, Michenubia atuou inicialmente no sertão nordestino durante 4 anos com evangelismo, implantação de igrejas e no trabalho com meninos de rua. Em seguida foi envidada ao Estado do Amapá, trabalhando na região Amazônica com desenvolvimento comunitário, posteriormente fez diversas viagens missionárias de curto prazo atuando em alguns países da América do sul como Guiana francesa, Argentina e Paraguai. Na Oceania, trabalhou com evangelismo nas madrugadas, com refugiados, assistência a famílias afetadas por terremotos e com intercessão, tudo isso em diversos lugares das ilhas dos pacifico, como Nova Zelândia e Austrália. Atualmente a missionária está em Moçambique, na África, especificamente em Chimoio, província de Manica. Michenubia, afirma que sua estadia no continente africano é o cumprimento da palavra que Deus, que ela recebeu a alguns anos atrás. Relata também que o campo é desafiador, com bastante trabalho árduo e a longo prazo, mas, com muitas possibilidades de desenvolvimento. Para alcançar seu objetivo a missionária está usando diversas ferramentas, uma delas é o projeto “Sonho de menina”, ensinando meninas africanas a fazerem manualmente o que elas nunca tiveram condições de possuir. Elas confeccionam tiaras, presilhas, almofadas, bolsas, bonecas e diversos bichos feitos de pano. Esse grupo é uma estratégia para que meninas conheçam a Deus, descubram seus talentos e possam sonhar com um futuro próspero, como também ser uma porta aberta para que o evangelho chegue em suas casas alcançando assim seus familiares.

22 | capa

Na cidade de Chimoio e região, não existem perseguição aos pregadores do evangelho, somente resistência de alguns líderes das comunidades, que são envolvidos com bruxaria. As principais dificuldades encontradas pela missionária em seu atual campo de atuação são; a extrema pobreza e o crescente número de muçulmanos vivendo no país e influenciando na cultura local, além do sincretismo religioso (fusão de doutrinas de diversas origens) dentro das igrejas, gerado por centenas de líderes e pastores sem treinamento e muitos sem conhecimento básico da palavra de Deus. Por essa razão, Michenubia também prioriza o discipulado e oferece seminários de curtos períodos para líderes tratando diversos temas. Almeja para o futuro à abertura de um curso de computação e do ensino da língua inglesa, também nutri o desejo de trabalhar com evangelismo em massa, alcançando escolas, presídios e comunidades afastadas levando o filme Jesus em seus dialetos. Este trabalho é uma ordenança de Jesus Cristo, que orientou seus discípulos a irem por todo o mundo, levando o evangelho e sua mensagem, então missões não é um ‘Ministério Opcional’ para alguns cristãos hiperativos da igreja, missões é o propósito da igreja.


Michenubia discipulando jovens da comunidade

motivos de oração • Saúde, • Proteção, • Discernimento espiritual, • Pelo grupo “Sonho de menina” e pelo fornecimento de todo o material necessário, • Pelas pessoas que já aceitaram a Jesus, • Por algumas equipes que desejam servir em curto prazo em Moçambique.

capa | 23


mensagem da missionária Eu vejo esse espaço como um meio para que muitos conheçam o que um missionário faz no campo e possam se envolver e sendo parte de alguma maneira com tudo que Deus tem feito entre outros povos. Terei alegria em responder e-mails com perguntas sobre o trabalho, como também envio mensal de informativo. No momento me encontro na África do Sul por motivo de regularização do visto, mas, aproveitando para receber uma capacitação intensiva de como lecionar o inglês do básico ao avançado para pequenos grupos. Essa semana li uma mensagem muito engraçada que falava sobre a maneira que alguns grupos vêem o missionário, uns nos enxergam como mendigos, outros como turistas, outros como super-crentes, outros como fanáticos e outros como super heróis. Mas, na verdade, o que o missionário é e deve ser, é um filho que ama ao seu pai e quer agradá-lo. Não como um peso ou sacrifício, mas por prazer, como uma expressão de amor e paixão por Aquele que nos amou primeiro. Que Deus os abençoe e que possamos juntos fazer discípulos e pregar o evangelho em todo o mundo. Michenubia Santos michenubia@gmail.com

24 | capa


contribua nessa obra missionária. Informação bancária: Banco do Brasil Agência: 0716-1 Conta Corrente: 50086-0 Nome: Michenubia S dos santos

capa | 25


POR AÍ

Ismar Welber, 33 anos, administrador, vocalista do Ministério VamBora e diretor do Salva & Liberta. instagram.com/ismarwel ismarwelber@gmail.com

Tudo se fez novo

26 | por aí

por Ismar Welber

Há dez anos, um grupo de jovens inspirados por Deus e com os corações cheios de esperança, decidiram proclamar o amor e as boas novas de Cristo de um maneira simples e fora da convencional – ‘Jovens falando pra jovens numa linguagem jovem’. Com o desejo em unir comunhão, serviço e uma busca insaciável por mais de Deus, que não se limitasse apenas em suas congregações, passando a se encontrarem semanalmente e, de uma forma despretensiosa, dando início ao ministério interdenominacional ‘Natal Para Cristo’, o NpC. O projeto teve início sem nenhum recurso ou estrutura. A princípio, as reuniões eram realizadas nas garagens das casas. Mas com o crescente número de pessoas que iam se unindo à esses jovens, novos lugares foram surgindo, como: salões de festas, salas de hotéis e etc. O propósito maior sempre foi a busca pela presença de Deus independente do local.

Ao longo dessa década, muitos acontecimentos marcaram a história desse Ministério, pessoas receberam e entenderam o chamado de Deus, novos talentos foram descobertos e aperfeiçoados, novas lideranças foram formadas, famílias se conheceram nesses encontros semanais, e o principal – vidas foram salvas e libertas por Cristo através desse maravilhoso trabalho que vem rompendo barreiras até hoje. Contudo, apenas uma reunião de sexta-feira não era tudo o que Deus havia desejado para esse Ministério. Evangelismos, Ações Sociais, Encontro de Jovens e Acampamentos são extensões ministeriais do NpC e agem de forma paralela, sempre no mesmo propósito. Em especial, o ACANPC, um acampamento anual que, desde sua primeira edição tem servido como alternativa para os jovens que desejam sair da cidade no período do Carnatal, transformando e edificando vidas pelo poder do amor de Deus. O que parecia pronto, todavia, estava prestes a passar por mudanças e estabelecer inovações. Nesse ano de 2013, o NpC completa dez anos e uma pausa marcou o fim de uma Era muito boa, e o início de uma ainda melhor. Separou-se um tempo para dar uma nova cara ao Ministério, esse tempo não foi apenas para “mudar o visual”, mas renovar sua equipe, alçar novos projetos, novas metas, novos sonhos que com certeza serão para crescimento do Reino Celestial. Inspirados pelo modelo de Cristo, crendo no legado por Ele deixado, de manifestar uma vida plena a esta e às próximas gerações; de ver jovens vivendo como jovens a Palavra de Deus, com um profundo desejo de tornar relevante outra vez o grito jovem e assim provocar uma verdadeira revolução: a do Amor de Cristo. Tudo se fez novo, é com esse tema que se marca a volta do Ministério NpC – Natal Para Cristo, mais precisamente no último dia 17 de maio. É certo que a primeira década de vida do NpC, foi marcada por bastante trabalho, aprendizado e maturidade. O tempo vindouro ainda é desconhecido, contudo a motivação de todos os que fazem parte desse Ministério está na certeza de que o Senhor até aqui nos tem ajudado. Ele quer, pode e irá fazer muito mais do que possamos pedir ou pensar, e que unidos na força d’Ele podemos SIM, levar não levar não somente Natal, mas as Nações Para Cristo.


coluna

Saúde espiritual, você está cuidando da sua?

Wesley Alves, 26 anos, biólogo e apresentador do Gospel News. wesley.ellus@hotmail.com

por Wesley Alves

A alimentação é a técnica pela qual os organismos obtêm e assimilam os alimentos ou nutrientes para suas funções vitais, incluindo o crescimento, movimento, reprodução e manutenção da temperatura do corpo. Na linguagem vernácula, alimentação é o conjunto de hábitos e substâncias que o homem usa, não só em relação às suas funções vitais, mas também para nutrir ou melhorar sua saúde. Uma boa alimentação faz toda a diferença na vida do ser humano, para isso a mesma tem que ser balanceada contendo proteínas, fibras, carboidratos, vitaminas etc. Quando balanceada esta faz com que o corpo obtenha os nutrientes necessários para a manutenção das células do corpo, fazendo com que todo ele consiga ter um desempenho satisfatório para o dia a dia. Quando não nos alimentamos direito, nosso corpo fica mais susceptível a doenças fazendo com que o mesmo fique fraco e assim adoecemos. Assim como o corpo necessita de alimento, igualmente é a nossa alma, ela precisa sempre está preparada para as guerras celestiais. “E, chegando-se a ele (Jesus) o tentador, disse: Se tu és o Filho de Deus, manda que estas pedras se

tornem em pães. Ele, porém, respondendo, disse: Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus.” Mateus 4:3-4. Quando nos alimentamos da Palavra de Deus nosso espírito se regozija e fica cada vez mais forte, pois nela há todos os “nutrientes espirituais” necessários para a sua manutenção diária. A palavra de Deus é viva e eficaz (Hebreus 4.12) nela encontramos nutrientes que nos fortalece para que no dia a dia possamos estar revestidos para não ficarmos fraco e assim venhamos adoecer espiritualmente. Outro nutriente forte para a manutenção da saúde espiritual é a oração, “A oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará...” Tiago 5:15 Contudo alimente-se diariamente com o melhor alimento que o ser humano pode ter que é a Palavra de Deus. Nela você sempre encontrará abrigo, segurança e base alimentar para a sua fé cristã. “No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder.” Efésios 6:10

coluna | 29


PROJETO de ATITUDE

The Pais Project Projeto que nasceu na Inglaterra em 1992 , atualmente está presente em oito nações em cinco continentes, inclusive aqui no Brasil. por Luana Neves

Com o lema “Missionários que geram missionários” trabalham através do discipulado, missão e estudo. Atuando em três vertentes, com adolescentes e igrejas (PAIS Project), jovens adultos (PAIS Collective) e em empresas com o (PAIS Venture). Com objetivos de avançar no reino de Deus nestas 3 áreas. Sendo uma ponte entre a igreja local e a comunidade. A palavra ‘Pais,’ vem do grego e significa ‘serviço’ e ‘servo. ’ O PAIS Project trabalha em escolas privadas e públicas, do ensino fundamental até ensino médio. Ajudando nas escolas e a suas necessidades, inclusive dando aulas na ausência de professores, ajudando os alunos que precisam de um apoio com os trabalhos escolares e até mesmo recolhendo lixo se for preciso, o PAIS é um parceiro da escola. No Brasil, estamos trabalhando na cidade de Natal-RN onde as necessidades das escolas são grandes, assim como responsabilidade da equipe e a alta demanda.

30 | projeto de atitude

A equipe dá aula semanalmente em várias escolas durante os turnos matutinos e vespertinos, em todas elas freqüentemente faltam professores, e a equipe preenche o vazio. Dão aula de inglês (a equipe tem maioria estrangeira, que tem inglês como língua nativa) e aula de cultura, sempre aproveitando a oportunidade e ensinando os princípios de vida cristã. A equipe ministra para mais do que 600 alunos semanalmente através das aulas. A equipe discípula e apóia os jovens que precisam de ajuda para lidarem com desafios.


“Temos visto Deus agir de uma forma maravilhosa dentro e fora das escolas centenas de jovens sendo tocados por Cristo semanalmente e alguns se envolvendo com a igreja local.” Junior Faisbanchs

“É muito bom ter o PAIS Project na minha escola, pois a equipe nos ajuda a entender Deus melhor, de uma forma alegre e divertida”, Cristiane Marinho - 15 anos (Estudante beneficiada pelo projeto)

(Diretor Nacional)

Você pode apoiar ou até fazer parte do The Pais Project! www.paisproject.com juniorfaisbanchs@paisproject.com (Diretor Nacional Júnior Faisbanchs)

projeto de atitude | 31


fica a dica Pr. Marcelo França, 36 anos, Pastor da Igreja Batista Zona Sul, mestrando em Teologia do Novo Testamento – Betel Brasileiro/PB e executivo do Instituto Haggai no Brasil para o RN. marceloibzs@hotmail.com

Livro

Não há nada como a Palavra de Deus escrita para mostrar o caminho para a salvação por meio da fé em Cristo Jesus. Cada parte das Escrituras é inspirada por Deus e útil de um modo ou de outro – para mostrar a verdade, denunciar nossa rebelião, corrigir nossos erros, ensinar como viver o caminho de Deus. “Por meio da Palavra, somos unidos e moldados para as tarefas que Deus deseja nos incumbir” (2ªTimóteo 3:15-17 A Mensagem). Você tem dificuldade de ler a Bíblia? Perdeu o interesse pela leitura bíblica? Faz um pacto todo início de ano para ler toda a Bíblia? Começa empolgado com as narrativas de Gênesis? Em seguida a libertação do povo hebreu no Êxodo? Mas quando chegam os sacrifícios em Levítico? Geralmente as pessoas param a leitura bíblica por ai. Quero lhe animar dizendo que entendo sua frustração, mais ainda, desafiá-lo a continuar peregrinando no solo sagrado das Escrituras. Não há leitura mais fascinante e transformadora para nossas vidas do que a Palavra de Deus. Por isso, indico com muito entusiasmo a leitura da Bíblia: A Mensagem – Bíblia em linguagem contemporânea. São Paulo: Editora Vida, 2011. Longe de ter uma proposta de tradução, a Mensagem nasceu do coração de um erudito – escritor, poeta, pastor e mestre em línguas semíticas. No entanto, conseguia unir sua erudição à praticidade da igreja local, pois foi pastor da mesma igreja (Igreja Presbiteriana de Cristo Nosso Rei/EUA) durante 29 anos. Eugene Peterson tem coração de pastor e conhecia suas ovelhas, seus anseios, dúvidas e frustrações quanto a conhecer a vontade de Deus através de sua Palavra. Dai surgiu à idéia, unir seu profundo conhecimento das línguas originais e contextualizar a Palavra de Deus para seu povo. Resultado: uma paráfrase profunda, clara e precisa. Excelente para prática devocional, grupos pequenos, cultos domésticos, a sós com Deus, etc...

“A Palavra de Deus vale mais que diamante; tem mais valor que um diamante no meio de esmeraldas. Você irá preferi-la ao mel, ao mais doce e puro mel” (Salmo 19:10 A Mensagem).

Inunde-se de ATITUDE, leia a Bíblia e seja transformado! Não num crente esquisito, mas diferente.

fica a dica | 33


coluna

A ciência aplicada ao comportamento humano por Wagner Souza

Quem nunca ouviu falar ou estudou sobre as 03 leis de Newton? Isaac Newton cientista inglês ficou conhecido pelo famoso “episódio da queda de uma maçã em sua cabeça”, que o despertou para o estudo da gravidade e das forças que regem o universo. O estudo de Newton sobre as forças e o movimento gerou as conhecidas “03 Leis de Newton”. Em meus momentos de divagação imaginei a aplicação das Leis de Newton em nossas relações humanas e questões de comportamento. Queria compartilhar um pouco com vocês: A primeira Lei de Newton define a inércia e postula que um corpo tende em permanecer em repouso ou em movimento constante se a ele não for aplicado nenhuma força externa. Se aplicarmos esta definição ao comportamento do ser humano é simples perceber que naturalmente tendemos a permanecer estáticos ou em zonas de conforto e sem variações. Esse estado só tende a mudar quando sofremos alguma ação externa, que podem mudar totalmente nossa direção e nos levar por caminhos desconhecidos, essa ação externa geralmente é que gera no ser humano a motivação para trilhar novas rotas, porém se a força externa for contrária ao nosso movimento pode causar impacto e gerar um resultado contrário e negativo. Já a segunda Lei de Newton define que a força resultante aplicada a um corpo é diretamente proporcional a aceleração. Isso nos mostra que a nossa variação de movimento, ou seja, nossa aceleração sempre vai depender da força externa aplicada sobre nós e que sempre estaremos expostos as ações do meio que habitamos, das pessoas que nos cercam, por isso é

34 | coluna

importante sempre estarmos próximos e sofrendo influencias de pessoas que aplicam sobre nós, forças que nos levam para a direção correta. A terceira Lei de Newton define que toda ação gera uma reação na mesma direção e em sentido contrário. Já escutei muito as frases: aqui se planta aqui se colhe; colhemos o que plantamos; bateu levou; Essas frases mostram na Essência a aplicação desta Lei em nossas vidas, as reações da vida sempre são consequências de nossas ações, porém devemos acrescentar a essa teoria uma grandeza que minimiza muito essa relação, a Graça, que muda tudo, uma grandeza que não conseguimos calcular sua dimensão e valor, que sempre quando agimos com retidão colhemos bem mais do que aplicamos e quando nossas ações não são positivas, não sofremos a reação que merecíamos, na mesma intensidade, porque se isso acontecesse não suportaríamos. Toda relação exposta acima não é baseada em nenhum estudo científico, são tão somente divagações, que nos despertam a entender que não podemos nos isolar em um ambiente, que dependemos das forças externas e a interação com outras pessoas e que todas as nossas ações terão reações naturais. Termino minhas palavras com duas frases do cientista Isaac Newton: “O que sabemos é uma gota, o que ignoramos é um oceano” “Se vi mais longe foi por estar de pé sobre ombros de gigantes.”

Wagner Souza, físico, mercadólogo, diretor do Programa Atitude e proprietário da Metas publicidade. wagnermetas@me.com


Revista Atitude Ed. 01  

A Revista Atitude é um publicação bimestral de distribuição gratuita sobre atualidades da comunidade cristã. Projeto editorial diversificado...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you