Page 1

“Fechamento autorizado” “Pode ser aberto pela ECT”

Restauração Revista

Comunidade

Ano 8 • Edição 89 • Setembro 2017


EXPEDIENTE

Revista Comunidade Católica Restauração Periodicidade Mensal - Ano 8, Nº 89 (Setembro de 2017) Tiragem: 2.000 exemplares DIRETOR GERAL Padre Fernando Gonçalves EQUIPE DE REDAÇÃO Daniela Noêmia Sales Jansen Eliane Fagundes Padre Fernando Gonçalves Rafael Rodrigues FOTOGRAFIA Comunidade Restauração REVISÃO EDITORIAL Padre Fernando Gonçalves ARTE E DIAGRAMAÇÃO Daniela Noêmia Sales Jansen COLABORADORES Leonardo Corrêa Gregório Mairon Borguezon Velho IMPRESSÃO Impressul Indústria Gráfica Colabore com a próxima edição. Envie suas sugestões, reclamações, testemunhos e elogios para: revista@comunidaderestauracao.org

ASSOCIAÇÃO COMUNIDADE RESTAURAÇÃO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL ÀS FAMÍLIAS CNPJ: 10995628/0001-28 Rua Guilherme Kurtz, 90 - Vila Nova Joinville/SC - CEP 89.237-645 (47) 3433-0833 de segunda a sexta das 8h30 às 18h contato@comunidaderestauracao.org

NOSSAS CONTAS BANCÁRIAS Agência: 38-8 Conta: 115404-4 Agência: 0419 OP 003 Conta: 4059-5 Favorecido: Associação Comunidade Restauração de Assistência Social às Famílias


EDITORIAL CONTEÚDO

A PALAVRA DE DEUS Amado leitor, No mês de setembro a Igreja celebra o Mês da Bíblia. Isso para lembrar-nos o quanto é importante provarmos diariamente da Palavra do Senhor e de tudo aquilo que nos vêm dela como frutos quando realizamos esta experiência. Na Palavra de Deus podemos encontrar conforto, paz, exortação e restauração, uma vez que ela é viva e eficaz, tornando-se uma fonte inesgotável de Amor e Salvação. Para provarmos de toda essa graça, basta que nos aproximemos de coração rasgado, ouvidos atentos, mente limpa e boa intenção. No fundo, Deus é Quem quer Se aproximar, cabendo somente a nós a simples atitude de permitir que Ele entre em nosso interior, faça ali a Sua morada e nos restaure, devolvendo-nos a Sua originalidade. Assim, convidamos você e sua Família a abrirem-se para o poder de Deus que está em Sua Palavra. Desta forma, seremos Restaurados para Restaurar mais e mais Famílias para o Senhor. Deus o abençoe!

5 6

Mensagem aos Sócios Amor como Resposta Palavra da Igreja Palavra de Deus, Palavra de Vida

8 11

Vocação e Chamado Bíblia, Fonte de Vocações

12 14 15 16 18

Amor Humano Ser Humano, Imagem de Deus Palavra do Fundador A Família sobre a Rocha Especial Em tudo Amar e Servir Projeto Famílias Restauradas para Deus Turma dos Restauradinhos Leitura orante da Palavra de Deus Liturgia Diária Aniversariantes

Siga-nos nas redes sociais e fique por dentro do que acontece por aqui!

facebook.com/comrestau

@ComRestau

TODOS OS SÁBADOS WebTVRestauracao

ÀS 19:30

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org

3


MENSAGEM AOS SÓCIOS

Amor

COMO RESPOSTA

O Amor é a principal e mais atrativa qualidade essa mesma Palavra não volta para o coração do Pai de Deus. Ao examinarmos algumas faces dessa va- sem produzir seus frutos. Pois assim diz o Senhor: liosa qualidade, podemos entender melhor porque a Bíblia diz que “Deus é amor” 1Jo 4,8. “Como a chuva e a neve que caem do céu para lá não voltam sem antes molhar a Vejamos: Ele nos amou primeiro (cf. 1Jo 4,19); terra e fazê-la germinar e brotar, a fim de nada tem o poder de nos separar desse Amor (cf. Rm produzir semente para quem planta e alimento 8,35); Seu Amor é eterno (cf. Jr 31,3) e, além de para quem come, assim também acontece muitos outros atributos, é capaz de tudo... inclusive com a minha palavra: Ela sai da minha de entregar o Seu próprio Filho (cf. Jo 3,16) para que boca e para mim não volta sem produzir seu pudéssemos encontrar a salvação e, assim, acomparesultado, sem fazer aquilo que planejei, sem nhá-Lo por toda a eternidade. cumprir com sucesso a sua missão”. O Amor que Deus sente por nós se assemelha, (Is 55,10-11) como escreve São Paulo em sua segunda Carta aos Coríntios, a um amor ciumento. Neste caso, não se refere ao ciúme doentio que nós, humanos, costumaNada há de mais grandioso do que o Amor mos sentir; mas a um ciúme protetor, que se traduz de um Deus que é Amor. Encontrando-O na Palanas ações de proximidade; de querer estar junto; de vra, possibilitamos que Seus frutos se realizem em partilhar e compartilhar; de existir em nós e por nós. nós, e a melhor maneira de retribuirmos toda a Sua Nestes atos, a Bíblia é, talvez, o meio mais bondade é colocarmo-nos, juntamente com a nossa simples e eficaz que Deus se utiliza para conversar Família, à Seu serviço. Desta maneira, estaremos conosco e, através dela, realizar constantemente a respodendo também com Amor a Quem nos amou restauração do nosso coração, o que se concretiza primeiro. no Cristo-Pão. Você, que é Sócio(a) da Comunidade Restauração, tem sido essa resposta de Amor ao Coração de Portanto, para toda a incessante busca que carregamos em nosso interior, a resposta é e sempre Jesus, pois sua fidelidade fortalece o Carisma "Ser Restaurado para Restaurar" e torna possível que será a mesma: o Amor de Deus. muitas Famílias sejam devolvidas à originalidade do Por isso, se estamos dispostos a experimentar Criador. a Misericórdia que brota do peito aberto de Jesus, é Que o Senhor lhe abençoe e que a Sua Palavra necessário buscarmos na Palavra de Deus os planos que Ele tem para nós e nossas Famílias, uma vez que santifique e restaure também a sua Família!

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org

5


PALAVRA DA IGREJA

PALAVRA DE DEUS

Palavra de Vida Queridos irmãos e irmãs, o trecho evangélico [de Marcos 1,21-28] apresenta Jesus que, com a sua pequena comunidade de discípulos, entra em Cafarnaum, a cidade onde vivia Pedro e que naquele tempo era a maior da Galileia. E Jesus entra naquela cidade. Narra o evangelista Marcos que Jesus, sendo aquele dia um sábado, foi imediatamente à sinagoga e pôs-se a ensinar (cf. v. 21). Isto faz pensar na prima-

zia da Palavra de Deus, Palavra que deve ser ouvida, Palavra que deve ser acolhida, Palavra que deve ser anunciada. Ao chegar a Cafarnaum, Jesus não adia o anúncio do Evangelho, não pensa primeiro onde hospedar, certamente necessário, a sua pequena comunidade, não perde tempo com a organização. A sua principal preocupação é comunicar a Palavra de Deus com a força do Espírito Santo. E as pessoas na sinagoga ficam admiradas, por-

que Jesus «lhes ensinava como alguém que tem autoridade, e não como os escribas» (v. 22). Que significa «com autoridade»? Significa que nas palavras humanas de Jesus se sentia toda a força da Palavra de Deus, se sentia a própria autoridade de Deus, inspirador das Sagradas Escrituras. E uma das características da Palavra de Deus é que realiza aquilo que diz. Porque a Palavra de Deus corresponde à sua vontade. Enquanto que nós, muitas ve-

Francisco, nascido como Jorge Mario Bergoglio, é o 266º Papa da Igreja Católica e atual Chefe de Estado do Vaticano, sucedendo o Papa Bento XVI. Foi eleito Papa em 13 de março de 2013.

PAPA FRANCISCO 6

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org


zes, pronunciamos palavras vãs, sem raiz ou palavras supérfluas, palavras que não correspondem à verdade. Ao contrário a Palavra de Deus corresponde à verdade, é unidade com a sua vontade e realiza o que diz. Com efeito Jesus, depois de ter pregado, demonstra imediatamente a sua autoridade libertando um homem, presente na sinagoga, que estava possuído pelo demónio (cf. Mc 1,23-26). Precisamente a autoridade divina de Cristo tinha suscitado a reação de satanás, escondido naquele homem; Jesus, por sua vez, reconheceu imediatamente a voz do maligno e «disse severamente: “Cala-te e sai deste homem”!» (v. 25). Com a força da sua palavra, Jesus liberta a pessoa do maligno. E mais uma vez os presentes permanecem admirados: «comanda até os espíritos malignos e eles obedecem-lhe!» (v. 27). A Palavra de Deus faz-nos admirar. Possui a força de nos deixar surpreender. O Evangelho é palavra de vida: não oprime as pessoas, ao

contrário, liberta quantos são escravos de muitos espíritos malignos deste mundo: o espírito da vaidade, o apego ao dinheiro, o orgulho, a sensualidade... O Evangelho muda o coração, muda a vida, transforma as inclinações ao mal em propósitos de bem. O Evangelho é capaz de mudar as pessoas! É, portanto, tarefa dos cristãos difundir em toda a parte a sua força redentora, tornando-se missionários e arautos da Palavra de Deus. Também sugere o trecho do Evangelho de Marcos, o qual termina com uma abertura missionária e diz assim: «E a sua fama — a fama de Jesus — logo se espalhou por toda a parte, em toda a região da Galileia» (v. 28). A nova doutrina ensinada com autoridade por Jesus é a que a Igreja leva ao mundo, juntamente com os sinais eficazes da sua presença: o ensinamento influente e a ação libertadora do Filho de Deus tornam-se as palavras de salvação e os gestos de amor da Igreja missionária. Recordai-vos sempre de que o Evangelho tem

a força de mudar a vida! Não vos esqueçais disto. Ele é a Boa Nova, que nos transforma unicamente se nos deixarmos transformar por ela. Eis por que vos peço sempre que tenhais um contato diário com o Evangelho, que o leiais todos os dias, um trecho, um excerto, que o mediteis e que o leveis convosco por toda a parte: no bolso, na bolsa... Ou seja, alimentai-vos todos os dias nesta fonte inexaurível de salvação. Não vos esqueçais! Lede um trecho do Evangelho todos os dias. É a força que nos muda, que nos transforma: muda a vida, muda o coração. Invoquemos a intercessão materna da Virgem Maria, Aquela que acolheu a Palavra e a gerou para o mundo, para todos os homens. Que ela nos ensine a ser ouvintes assíduos e anunciadores influentes do Evangelho de Jesus. Papa Francisco Praça de São Pedro Vaticano, 01/02/2015.

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org

7


VOCAÇÃO

E CHAMADO

1

Biblia

FONTE DE VOCAÇÕES A Bíblia é fonte de toda a vocação, pois através dela a Palavra de Deus, viva e eficaz, é transmita aos homens. Podemos encontrar na Bíblia muitos exemplos de pessoas que ouviram o chamado de Deus, quer seja no Antigo ou no Novo Testamento, e ao relermos estas passagens pode-

mos nos identificar com o convite realizado por Jesus na atualidade. É fácil constatarmos que todo o chamado exige uma resposta, seja ela positiva ou negativa. Quando Deus chamou Samuel, ele respondeu prontamente ao seu mestre até então – Eli, pois ainda não tinha a consciência de

que era Deus quem o chamava. A partir do instante em que o sacerdote Eli lhe afirmou que era Deus o autor do chamado, Samuel mudou de postura e pôs-se a ouvir o Senhor para poder respondê-lo: “Então veio o Senhor, e pôs-se ali, e chamou como das outras vezes: Samuel, Samuel. E disse

Eliane Fagundes é consagrada de vida na Comunidade Restauração e responsável pelo Setor Vocacional da Obra. Natural de Joinville/SC, iniciou seu caminho vocacional em 2010.

ELIANE FAGUNDES 8

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org


Samuel: Fala, porque o teu servo ouve” (I Sm 3,10). Já no Novo Testamento, temos o exemplo do chamado de Levi, que era cobrador de impostos e, ao ouvir o convite de Jesus, como nos mostra a Palavra de Deus: “...depois disto, saiu, e viu um publicano, chamado Levi, assentado na recebedoria, e disse-lhe: Segue-me. E ele, deixando tudo, levantou-se e o seguiu” (Lc 5,27-28), ele decidiu-se por Jesus, e então levantou-se, deixou tudo e O seguiu. Nestes dois exemplos, podemos perceber que para respondermos ao Senhor nos são necessárias quatro atitudes: ouvi-Lo, levantar-se, deixar tudo e segui-Lo. Deus, através de Jesus, continua a nos chamar, contudo,

numa sociedade barulhenta como a nossa, fica muito difícil ouvi-Lo. E quando ouvimos, qual tem sido a nossa reação? Samuel teve o sacerdote Eli, que o instruiu. E você, onde está buscando a orientação necessária para compreender a voz que deixa o seu coração inquieto? A Palavra de Deus é uma importante fonte para esta busca, pois ela é viva e pode dar todas as respostas que são imprescindíveis para uma caminha vocacional. Ouvindo o chamado de Jesus temos necessidade de dar uma resposta a Ele, uma vez que não é possível continuarmos vivendo da mesma forma que até então vivíamos. O levantar significar sair da zona de conforto, mudar de atitude. Está mudança requer o deixar para trás tudo o que pode

impedir que o desejo de Deus se concretize na vida de Seus escolhidos. Muitas vezes, esse deixar tudo não está relacionado somente com bens materiais, mas também em deixar para trás comportamento desregrados, vícios, apegos materiais, amigos, medos, desconfianças e infantilidades que impendem um escolhido de seguir a Jesus. Por fim, seja qual for o tipo de chamado que se recebe, há a extrema necessidade do seguimento; de seguir Aquele que chama com confiança, permitindo que o Seu amor restaurador preencha todas as lacunas do coração para, despojando-nos do eu, tenhamos condições de assumir a missão que nos é apresentada pelo Senhor.

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org

9


AMOR

HUMANO

SER HUMANO IMAGEM DE DEUS

O Senhor, em Sua bondade, criou todas as coisas. O relato da criação, de Gênesis 1 a 17, diz que “Deus criou o homem à Sua imagem e semelhança; e Deus criou o homem à Sua imagem, à imagem de Deus os criou, homem e mulher os criou” (Ibidem 1,27), e Ele fez isso com muito amor. O Catecismo da Igreja Católica (CIC), no parágrafo 41, diz que todas as criaturas são por-

tadoras duma certa semelhança de Deus, muito especialmente o homem, criado à imagem e semelhança de Deus. As múltiplas perfeições das criaturas (a sua verdade, a sua bondade, a sua beleza) refletem, pois, a perfeição infinita de Deus. Daí que possamos falar de Deus a partir das perfeições das suas criaturas: “porque a grandeza e a beleza das criaturas conduzem, por ana-

logia, à contemplação do seu Autor” (Sb 13, 5). “Cristo, [...] na própria revelação do mistério do Pai e do seu amor, manifesta plenamente o homem a si mesmo e descobre-lhe a sua vocação sublime”. Foi em Cristo, «imagem do Deus invisível» (Cl 1, 15), que o homem foi criado «à imagem e semelhança» do Criador. Assim como foi em Cristo, redentor e salvador,

Rafael é natural de São Pedro de Alcântara/SC. Consagrado de Aliança na Comunidade Restauração desde 2014, é membro do Conselho Formativo, atuando na formação pessoal, humana e psicológica dos Filhos.

RAFAEL RODRIGUES 10

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org


que a imagem divina, deformada no homem pelo primeiro pecado, foi restaurada na sua beleza original e enobrecida pela graça de Deus” (CIC, 1701). Porque é à imagem de Deus, o indivíduo humano possui a dignidade de pessoa: ele não é somente alguma coisa, mas alguém. É capaz de se conhecer, de se possuir e de livremente se dar e entrar em comunhão com outras pessoas. E é chamado, pela graça, a uma Aliança com o seu Criador, a dar-Lhe uma resposta de fé e amor que mais ninguém pode dar em seu lugar (CIC, 357). Por esse motivo, a imagem divina está presente em cada homem. Resplandece na comunhão das pessoas, à semelhança da unidade das Pessoas divinas entre Si (cf. Capítulo segundo) (CIC, 1702). Contudo, somente o homem é ‘chamado a compartilhar, pelo conhecimento e pelo amor, a vida de Deus’ (CIC, 356). Assim, devemos revelar a face d’Aquele que originalmente nos criou e que em Cristo nos resti-

tuiu a Sua imagem e semelhança para, então, com Ele constituir um relacionamento de amor, capaz de ser em nós frutos de sua perfeição e exercício perfeito da dignidade e do ser humano impresso em nós.

EM DEZEMBRO

10 a 16

ORAÇÃO

Jericó Cerco de

*Na Comunidade Restauração

VITÓRIA Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org

11


PALAVRA DO FUNDADOR

A Palavra de Deus deve ser o esteio no qual se apoiam todas as Famílias. Por estarmos vivendo em um mundo onde o descompromisso com a verdade se tornou comum e as pessoas fazem o que querem sem se inspirarem na Palavra do Senhor, o que se vê é que tudo é construído e vivido de forma puramente humana e carnal. Esta atitude, com certeza, tem sido a causa de muitas frustrações, principalmente na Família, com o divórcio visto como resposta e solução diante das dificuldades que não são superadas de acordo com a vontade do Pai. Da mesma maneira, a própria construção da Família, por algumas pessoas, não tem se baseado na Palavra e sim nos conceitos modernos, que visam o individualismo e o egoísmo; ou seja, no “próprio jeito”, com a frase mais dita sendo: “vamos casar e formar a nossa família e, caso não venha a dar certo, nos separamos”. Mesmo diante de tantos “ismos” que a so12

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org

ciedade, de um modo geral, tem apresentado, Deus continua a suscitar fortemente no coração dos homens e mulheres a vocação em assumir o Ser Família. Ele sabe que existe o desejo, no interior do ser humano, de construir uma família sobre o alicerce do Amor; isto é, existem muitos filhos de Deus que não querem seguir as facilidades das leis do mundo, mas anseiam seguir à risca o projeto inicial, revelado ao homem na Criação. Assim, aqueles que pensam desta forma constroem suas famílias no contraditório do mundo de hoje, face a desconstrução dos valores, a desestruturação familiar e a depreciação da dignidade do homem, e isto porque, fazer a diferença é o dever de todos os cristãos, como diz o próprio Jesus: “Vós estais no mundo, mas não pertenceis ao mundo” (Jo 15,19). O Projeto de Deus para as Famílias se baseia diretamente em Sua Palavra. A Família que constrói


o seu alicerce à luz da Palavra de Deus, torna-se fortalecida diante das provações e idealismos do mundo, tendo em vista que, quando se procura inspiração nas coisas do alto com o intuito de tornar o ambiente familiar um lugar de benção, toda a Família é governada pelos frutos que emanam da voz do Senhor traduzida na Bíblia. Deste modo, impede-se que as feridas e infecções impostas venham a sofrer metástase, deteriorando o ser da Família.

chuva, vieram as enchentes, sopraram os ventos e investiram contra aquela casa; ela, porém, não caiu, porque estava edificada na rocha. Mas aquele que ouve as minhas palavras e não as põe em prática é semelhante a um homem insensato, que construiu sua casa na areia. Caiu a chuva, vieram as enchentes, sopraram os ventos e investiram contra aquela casa; ela caiu e grande foi a sua ruína.”

É extremamente necessário que as Famílias voltem a buscar a sua construção tendo a Palavra de Deus como único fundamento, sabendo que mesmo diante das imperfeições humanas, ela tem a capacidade de superar os obstáculos impenetráveis, uma vez que a força da Palavra concede aos que tem Fé e reconhecem suas Famílias como um patrimônio de Deus que precisa ser preservado, todos os meios necessários para se manterem íntegros. Para tornar concreto e possível este Projeto, é fundamental debruçar-se sobre o texto do Evangelho de Mateus (7,24-27), que deixa claro que pelo livre arbítrio, o homem pode escolher de que forma quer construir a sua Família:

A Restauração e a construção de uma Família, para que ela seja sólida, se dá na intimidade com a Palavra de Deus. Ela é a inspiração para tornar a Família uma verdadeira Família Sagrada, pois está fundamentada na VERDADE e tudo o que nasce dela torna-se perene, uma vez que o homem que é prudente edifica a sua Família sobre a rocha. A VERDADE, que é a Palavra de Deus, é a grande inspiradora do AMOR e é por conta do AMOR que as Famílias podem viver uma comunhão perfeita devido a graça da MISERICÓRDIA. Por outro lado, construir uma família tendo o pecado como fundamento, assemelha-se ao homem imprudente, que edifica a sua Família sobre a mentira.

Deus. Mesmo com as dificuldades que temos de compreender o que Ele espera de nós, peçamos ao Espírito Santo a graça da sabedoria, do discernimento e a capacidade para conduzir, da forma com que Deus se alegre, nossas Famílias. O Senhor sempre será o nosso condutor e a resposta diante de todos os questionamentos, e nossas decisões serão favoráveis ao primeiro Projeto da Criação: “Deus os abençoou: ‘Frutificai, disse ele, e multiplicai-vos, enchei a terra e submetei-a. Dominai sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus e sobre todos os animais que se arrastam sobre a terra’” (Gn 1,28).

“Aquele, pois, que ouve estas minhas palavras e as põe em prática é semelhante a um homem prudente, que edificou sua casa sobre a rocha. Caiu a

Para que a destruição das Famílias seja cessada, cada um de nós, inclusive você, que lê este artigo, devemos parar de ignorar o valor e o poder da Palavra de

Nunca desista da sua Família! Recorra a Palavra de Deus, que é a grande resposta para fazer da sua Família a mais SAGRADA e ABENÇOADA.

Padre Fernando é carioca e foi ordenado Sacerdote em 1992. Fundou a Comunidade Restauração em 2009 e, atualmente, tem se dedicado incansavelmente à Restauração das Famílias.

PADRE FERNANDO Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org

13


ESPECIAL

EM TUDO AMAR E SERVIR

Em Tudo Amar e Servir 1992

2017

EU ME SENTI PROFUNDAMENTE AMADO E FELIZ! Padre Fernando Gonçalves

Era o ano de 2005. Após o importante trabalho realizado na Paróquia Bom Jesus de Araquari, voltado para a restauração das Famílias, Padre Fernando Gonçalves foi transferido para o município de Mafra/SC, assumindo no dia 11 de setembro a administração da Paróquia Nossa Senhora das Graças, com o objetivo de reestruturá-la para a futura vinda dos padres da Congregação dos Padres Marianos da Imaculada Conceição. Seguiram-se 9 meses de intenso trabalho junto à comunidade, com o reerguimento das diversas pastorais, a realização de trabalhos missionários, conscientização quanto a importância do dizimo, início das obras do salão paroquial, etc.

rar", que brotava no serviço pastoral realizado pelo Padre já naquela época. Para nós, Comunidade Restauração, agora que estamos nos aproximando da grande festa do Jubileu de Prata do nosso Fundador, temos cada vez mais a certeza do quanto cada lugar pelos quais o Padre Fernando passou foram importantes para o amadurecimento do Carisma e, também, para a concretização do sonho de Deus para as Famílias: a própria obra Comunidade Restauração. Sentimos como se cada pessoa que cruzou o caminho do Padre tenha deixado um pouco de si e levado um pouco do Carisma "Ser Restaurado para Restaurar", e esta troca, que só acontece pela ação do Espírito Santo de Deus, possibilitou que chegassemos até aqui.

Quando questionado sobre o período em que esteve à frente da paróquia Nossa Senhora das GraEstamos particamente na reta final. Se você ças, Padre Fernando afirma emocionado: "Foi por pouco tempo, mas me senti muito amado e feliz en- teve a graça de conhecer o Padre Fernando ao longo desses 25 anos de ministério sacerdotal, partilhe quanto estive lá!". conosco a sua história através do e-mail: revista@ Como aconteceu por outras paróquias pelas comunidaderestauracao.org. quais passou, o Padre construiu muitas amizades No próximo mês, meditaremos a relação do verdadeiras e duradouras, que persistem até os dias lema: "Em tudo amar e servir" com o Carisma da atuais. Muitas também foram as Famílias que puderam provar, mesmo que por um curto período de Comunidade Restauração: "Ser Restaurado para tempo, do Carisma "Ser Restaurado para Restau- Restaurar". Não perca! 14

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org Setembro/2017


PROJETO FAMÍLIAS RESTAURADAS PARA DEUS

FIDELIDADE

e Há um ditado popular que diz: "Deus ajuda quem cedo madruga". E se fizessemos uma simples troca de palavras, transformando esse ditado para expressar um dos atributos do Senhor: "Deus é fiel e ajuda quem dá com alegria e fidelidade"!

Providência Isto é tão verdade que São Paulo já afirmava aos Coríntios em uma de suas cartas: "Deus ama quem dá com alegria" (2Cor 9,7c), e ainda aos Tessalonicenses: "Fiel é aquele que vos chama, e o cumprirá" (1Ts 5,24). Deus nos chama à Restauração das Famílias, e a fidelidade que demonstramos para com

Ele é recompensada em bençãos e graças para nossas próprias Famílias, uma vez que o Senhor conhece nossas necessidades e é providente para aquele que crê. Obrigada por sua fidelidade, que a Providência de Deus seja derramada sobre você e toda a sua Família.

Financeiro� DEMONSTRATIVOS

RECEITAS - JUNHO 2017

DESPESAS - JUNHO 2017

SALDO FINAL - MAIO

R$ 4.699,93

SÓCIOS E BENFEITORES

R$ 8.404,01

OFERTÓRIO/COLETAS

R$ 923,85

DESPESAS NÃO PAGAS DE MAIO NEGOCIADAS E PAGAS EM JUNHO

R$ 1.485,88

MANUTENÇÃO DA COMUNIDADE (energia elétrica, água, IPTU e taxa de lixo)

R$ 1.687,49

DESPESAS ADMINISTRATIVAS/DIVERSAS materiais para escritório, formações e paramentos religiosos)

R$ 1.871,81 R$ 3.411,92

DOAÇÕES DE MEMBROS

R$ 2.000,00

SERVIÇOS TERCEIRIZADOS (serviços gráficos, postagens, site, e-mails, softwares, transmissão web tv e web rádio, telefonia, internet)

DOAÇÕES NÃO IDENTIFICADAS

R$ 6.938,09

INVESTIMENTOS

LIVRARIA

R$ 1.510,10

LOCAÇÃO DE IMÓVEIS (Missionários Comunidade de Vida)

EVENTOS

R$ 4.682,51

RECURSOS HUMANOS (salários, impostos e benefícios)

EMPRÉSTIMOS

R$ 0,00 R$ 24.458,56

R$ 159,00

DEPESAS BANCÁRIAS (tarifas)

R$ 1.961,98 R$ 13.053,11 R$ 755,10

DESPESAS DEPARTAMENTO DE EVENTOS

R$ 2.373,24 R$ 26.759,53

SALDO FINAL

RECEITAS - JULHO 2017

R$ 2.398,96

DESPESAS - JULHO 2017

SALDO FINAL - JUNHO

R$ 2.398,96

DESPESAS NÃO PAGAS DE FEVEREIRO NEGOCIADAS E PAGAS EM JULHO

R$ 8.399,74

SÓCIOS E BENFEITORES

R$ 11.002,01

MANUTENÇÃO DA COMUNIDADE (energia elétrica, água, IPTU e taxa de lixo)

R$ 1.179,82

OFERTÓRIO/COLETAS

R$ 1.688,70

DESPESAS ADMINISTRATIVAS/DIVERSAS materiais para escritório, formações e paramentos religiosos)

DOAÇÕES DE MEMBROS

R$ 1.000,00

SERVIÇOS TERCEIRIZADOS (serviços gráficos, postagens, site, e-mails, softwares, transmissão web tv e web rádio, telefonia, internet)

DOAÇÕES NÃO IDENTIFICADAS

R$ 860,00

LIVRARIA

R$ 4.636,70

EVENTOS

R$ 12.070,28

EMPRÉSTIMOS

R$ 0,00 R$ 31.257,69

INVESTIMENTOS

R$ 844,68 R$ 4.503,43 R$ 109,00

LOCAÇÃO DE IMÓVEIS (Missionários Comunidade de Vida)

R$ 1.961,98

RECURSOS HUMANOS (salários, impostos e benefícios)

R$ 9.327,35

DEPESAS BANCÁRIAS (tarifas)

R$ 1.605,95

DESPESAS DEPARTAMENTO DE EVENTOS

R$ 2.982,36 R$ 30.914,31

SALDO FINAL

R$ 2.742,34

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org

15


TURMA DOS RESTAURADINHOS Oi Turminha! Tudo bem por aí?

Olá Restauradinhos!

Neste mês, aproveitando que estamos vivendo o Mês da Bíblia, vamos conversar um pouquinho sobre uma experiência muito legal de oração e meditação da Palavra de Deus chamada LECTIO DIVINA.

Ler e Rezar a Palav�a de Deus O caminho que leva ao encontro profundo com o Senho� Assim como o nosso corpo precisa de alimento (arroz, feijão, carne, leite, pão, frutas, legumes, etc.), a nossa alma também precisa ser alimentada, mas não é com arroz e feijão, é com a Palavra de Deus! Quando alimentamos nosso corpo ficamos saudáveis, fortes! O mesmo acontece quando alimentamos nossa alma. Com a alma bem alimentada produzimos muitos frutos espirituais em nossa vida! O que precisamos para fazer a leitura orante da Palavra de Deus? DISCIPLINA! Mesmo sem vontade, não podemos deixar de fazer nossa leitura todos os dias. SILÊNCIO! É importante ter um lugar silencioso e sem distrações para fazer a Lectio Divina. Caderno e caneta para escrever.

Passo� da Lectio Divina'' LEITURA: O QUE O TEXTO DIZ Imagine que você está vendo a cena, preste atenção em todos os detalhes: o lugar, o que aconteceu, as personagens, as conversas, tente perceber o que cada personagem sentiu. Sublinhe, marque os pontos mais importantes, as palavras mais fortes, o trecho que mais lhe chamou atenção, o trecho que você mais gostou...

MEDITAÇÃO: O QUE O TEXTO DIZ PARA MIM Agora é hora de comparar o texto com a sua vida, através do Espírito Santo. Quais os sentimentos que o Espírito faz surgir em você? Alegria, gratidão, confiança, força, arrependimento...

ORAÇÃO: O QUE O TEXTO ME FAZ DIZER A oração é o fruto da meditação. Os sentimentos nos levam a dar uma resposta a Deus. Naturalmente, brota um louvor, um agradecimento, um pedido de perdão, um oferecimento da nossa vida, do nosso coração a Deus, uma adoração. CONTEMPLAÇÃO – O QUE A PALAVRA FAZ A Palavra que lemos nos convida a um compromisso, à uma ação, um gesto concreto.

VAMOS FAZER UMA EXPERIÊNCIA? Que tal lermos um texto que nos diz que o Reino de Deus é das crianças. Você encontra no Evangelho de Marcos 10,13-16. Mas antes de começarmos a ler, precisamos invocar o Espírito Santo: “Espírito Santo, abra meu coração ao amor de Jesus, me acompanhe por toda minha vida, Ilumine minha inteligência para que eu entenda a Palavra e me faça obediente ao que o Senhor quer de mim. Amém!” 16

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org


Agora leIa o texto e responda as perguntas abaixo. Se não conseguir, peça a ajuda do papai ou da mamãe. 1º Onde Jesus estava? 2º O que Ele estava fazendo? 3º Quem repreendia as pessoas que apresentavam crianças para que Jesus as tocasse? 4º Quando Jesus viu, como Ele ficou? E o que Ele disse? 5º O que Jesus fez depois? Chegou o momento de meditarmos a Palavra de Deus. - Quem lhe apresentou para Jesus? - Algo ou alguém atrapalha o seu encontro com Jesus? - Como você se sente ao saber que o Céu pertence às crianças? - Você se alegra em saber que Jesus lhe abraça e lhe abençoa? Depois de meditarmos, chegou a hora de rezar: “Obrigado, Senhor, por me amar, por me querer sempre pertinho do Senhor, por cuidar de mim e me abençoar! Quero, mesmo depois de adulto, ter um coração de criança, saber amar e perdoar, confiar e me entregar ao Senhor!” Após estes 3 passos (ler, meditar e orar), você pode colher os frutos da Palavra de Deus na sua vida: - O que você aprendeu hoje? - Como você pode dizer a outras crianças que Deus as ama e as chama para ficarem pertinho d’Ele? Repita muitas vezes, até ficar gravado em seu coração:

"Quem não receber como criança o Reino de Deus, nunca entrará nele"! Termine sua experiência de Leitura Orante da Palavra de Deus rezando 1 Pai-Nosso, 1 Ave-Maria e um Glória ao Pai, e não esqueça: faça a leitura da Palavra de Deus TODOS OS DIAS! Fonte: http://tiapaulalimeira.blogspot.com.br

Restauradinho do Mês No Restauradinho do mês mais uma linda florzinha do Jardim de Deus!

A Helena completa 9 anos neste mês, dia 1º, e está feliz da vida. Que Deus abençoe muito você florzinha, e que Ele derrame sobre a sua Família a graça da Restauração!

Você também pode aparecer por aqui! Peça ao papai, ou a mamãe, para enviar a sua foto para o e-mail: revista@comunidaderestauracao.org

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org

17


LITURGIA DIÁRIA

Setemb�o

ANIVERSARIANTES DO MÊS

SEG

TER

QUA

QUI

SEX

SÁB

1

2 1ª Leitura 1Ts 4,9-11 Salmo 97(98) Evangelho Mt 25,14-30

35 1ª Leitura

8 1ª Leitura

Mq 5,1-4a ou Rm 8,28-30 Salmo 70(71) Evangelho Mt 1,1-16.18-23

9 1ª Leitura Cl 1,21-23 Salmo 53(54) Evangelho Lc 6,1-5

10 1ª Leitura

15 1ª Leitura

16 1ª Leitura

17 1ª Leitura

1Tm 1,15-17 Salmo 112(113) Evangelho Lc 6,43-49

Eclo 27,33-28,9 Salmo 102(103) 2ª Leitura Rm 14,7-9 Evangelho Mt 18,21-35

22 1ª Leitura

23 1ª Leitura

24 1ª Leitura

29

30 1ª Leitura

1ª Leitura 1Ts 4,1-8 Salmo 96(97) Evangelho Mt 25,1-13

5 1ª Leitura 1Ts 5,1-6.9-11 Salmo 26(27) Evangelho Lc 4,31-37

11 1ª Leitura

14 1ª Leitura 13 1ª Leitura Nm 21,4b-9 Cl 3,1-11 Cl 2,6-15 ou Fl 2,6-11 Salmo 144(145) Salmo 144(145) Salmo 77(78) Evangelho Evangelho Evangelho Lc 6,20-26 Lc 6,12-19 Jo 3,13-17

18 1ª Leitura

19 1ª Leitura

20 1ª Leitura

21 1ª Leitura

26

27

28 1ª Leitura

Cl 1,24-2,3 Salmo 61(62) Evangelho Lc 6,6-11 1Tm 2,1-8 Salmo 27(28) Evangelho Lc 7,1-10

25

1ª Leitura Esd 1,1-6 Salmo 125(126) Evangelho Lc 8,16-18

6 1ª Leiura 1Cl 1,1-8 Salmo 51(52) Evangelho Lc 4,38-44

7 1ª Leitura Cl 1,9-14 Salmo 97(98) Evangelho Lc 5,1-11

4 1ª Leitura 1Ts 4,13-18 Salmo 95(96) Evangelho Lc 4,16-30

12 1ª Leitura

1Tm 3,1-13 1Tm 3,14-16 Ef 4,1-7.11-13 Salmo 100(101) Salmo 110(111) Salmo 18A(19A) Evangelho Evangelho Evangelho Lc 7,11-17 Lc 7,31-35 Mt 9,9-13 1ª Leitura Esd 6,7-8.12b. 14-20 Salmo 121(122) Evangelho Lc 8,19-21

1ª Leitura Esd 9,5-9 Salmo Tb 13, 2-5.8(R. 2a) Evangelho Lc 9,1-6

Ag 1,1-8 Salmo 149 Evangelho Lc 9,7-9

DOM

Hb 5,7-9 Salmo 30(31) Evangelho Jo 19,25-27

1Tm 6,2c-12 Salmo 48(48) Evangelho Lc 8,1-3 1ª Leitura

1Tm 6,13-16 Salmo 99(100) Evangelho Lc 8,4-15

Jr 20,7-9 Salmo 62(63) 2ª Leitura Rm 12, 1-2 Evangelho Mt 16,21-27 Ez 33,7-9 Salmo 94(95) 2ª Leitura Rm 13,8-10 Evangelho Mt 18,15-20

Is 55,6-9 Salmo 144(145) 2ª Leitura Fl 1,20c-24.27a Evangelho Mt 20,1-16a

Dn 7,9-10.13-14 Zc 2,5-9.14-15a ou Ap 12,7-12a Salmo Jr 31,10Salmo 137(138) 12ab.13 (R. 10d)

Evangelho Jo 1,47-51

Evangelho Lc 9,43b-45

Na Comunidade Restauração 02 Mil Ave-Marias 04 a 08 Campanha de Cura Interior 05 Missa em preparação do Ano Jubilar do Fundador 15 a 17 Congresso para Mulheres

ANIVERSARIANTES DO MÊS 3 Marizete Padilha Nerilda Moraes 4 Marina Soares Ávila Nadia Fernandes de Sousa 5 Tania Regina Ângelo 6 Andrea Felski 7 Gilmar Castro Humberto Ivan Campi Suelen de Freitas Leite 9 Neuza Terezinha da Silva 10 Leni do Canto Lucho Rosiane Lino Vieira Kloppel 12 Daniela Maria de Lima Ema Alves Tamanine Raquel Coelho de Souza 13 Maria Eduarda R. de Carvalho Maria Lucia de Jesus Brito 14 Cassio Alan Kloppel Marileide Ana S. Carvalho Walmir Luiz Testoni 15 Alcides Rech Maria Meneghelli Wille Silvia Maria de Oliveira Bezerra 16 Ademir João Moraes Jocerlei Cláudio Borba

18

SÓCIOS

Maria Edite S. Carvalho 18 Eliane Menegaro Cisz 19 Ibrezio Geraldo Scola Isolene Fátima Martiniak Márcia Regina Peroza Biava Neves Maria Pereira 20 Sueli Formaio Flores 21 Ignez Cecília Baumert Marilene Odys Scheibler Neucioli M. Trentini Olacir Visentainer Ruth Maria Alchini Lorenzi 22 Clara Maria Teixeira de Azevedo 23 Teresinha Fuck Fermino 24 Tarso Luiz Swarowsky 25 Pablo Soares Fragoso 26 Regiane da Silva Souza 27 Alecssandro Rosso Colombo Deleon José de Souza 29 Márcio Ferreira dos Santos Zulma Rodrigues de Medeiros 30 Leila Cristina Benevenutti Moacir Padilha Rolf Wille Rosilda da Luz Borges

Setembro/2017 • comunidaderestauracao.org

CASAMENTO

1 Cláudio Domingos Xavier e Esposa Maricleide Ap. Uller Persike e Esposo 3 Josnei Peters e Esposa 5 Regina T. da Maia e Esposo 9 Cleides Aparecida Antunes e Esposo 10 Márcio Foit e Esposa 15 Jocerlei Cláudio Borba e Esposa 16 Adriano da Silva e Esposa 19 Ivana Maria Souza e Esposo 20 Mª das Graças Zimmermann e Esposo 26 Marinês Pastro Perardt e Esposo

MEMBROS 4 Sharon Lowe Zomer 9 Vilson Vanderlinde 11 Idaiane Jasper Manoel João Alexandre 12 Carina Tron Araujo 15 Carin Jennrich 16 Moisés Souza 17 Rodrigo Hager Xavier 22 Zélia H. Esser 24 Fernanda O. de Souza


Semana na Comunidade SEGUNDA

TERÇA

15H - Terço da Misericórdia 18H - Santo Terço

15H - Terço da Misericórdia 18H - Santo Terço

QUARTA

QUINTA

15H - Terço da Misericórdia 18H - Santo Terço 19H30 - Santa Missa

15H - Terço da Misericórdia e Grupo de Oração 18H - Santo Terço 19H30 - Missa de Cura e Libertação

SEXTA 15H - Terço da Misericórdia 18H - Santo Terço 19H30 - Santa Missa

DOMINGO 10H - Santa Missa

Atendimentos SEGUNDA

Atendimento psicológico das 8h às 12 e das 13h às 17h

TERÇA Atendimento de oração e acompanhamento espiritual das 8h30 às 12 e das 13h30 às 17h

QUARTA Confissões a partir das 14h Ligue para a Comunidade Restauração e agende o seu horário.


Revista de setembro  
Revista de setembro  
Advertisement