Page 1

Restauração Revista

Comunidade

Ano 8 • Edição 92 • Dezembro 2017

“Fechamento autorizado” “Pode ser aberto pela ECT”


EXPEDIENTE

Revista Comunidade Católica Restauração Periodicidade Mensal - Ano 8, Nº 92 (Dezembro de 2017) Tiragem: 2.000 exemplares DIRETOR GERAL Padre Fernando Gonçalves EQUIPE DE REDAÇÃO Daniela Noêmia Sales Jansen Eliane Fagundes Padre Fernando Gonçalves Rafael Rodrigues FOTOGRAFIA Comunidade Restauração REVISÃO EDITORIAL Padre Fernando Gonçalves ARTE E DIAGRAMAÇÃO Daniela Noêmia Sales Jansen COLABORADORES Leonardo Corrêa Gregório Mairon Borguezon Velho IMPRESSÃO Impressul Indústria Gráfica Colabore com a próxima edição. Envie suas sugestões, reclamações, testemunhos e elogios para: revista@comunidaderestauracao.org

ASSOCIAÇÃO COMUNIDADE RESTAURAÇÃO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL ÀS FAMÍLIAS CNPJ: 10995628/0001-28 Rua Guilherme Kurtz, 90 - Vila Nova Joinville/SC - CEP 89.237-645 (47) 3433-0833 de segunda a sexta das 8h30 às 18h contato@comunidaderestauracao.org

NOSSAS CONTAS BANCÁRIAS Agência: 38-8 Conta: 115404-4 Agência: 0419 OP 003 Conta: 4059-5 Favorecido: Associação Comunidade Restauração de Assistência Social às Famílias


EDITORIAL Querido(a) Leitor(a), Chegamos ao fim do ano e, mais uma vez, renova-se em nosso coração o desejo de deixar para trás o que passou com o firme propósito de não cometermos os mesmos erros em vista de um novo ano que se aproxima de maneira promissora. O nascimento do Menino Jesus nos instiga a irmos além, a buscarmos a vontade do Senhor em nossas vidas e na vida de nossas Famílias. Nos impele a darmos passos mais concretos no testemunho do amor ao próximo, a começar com os de nossa própria casa. O Natal nos convida a vivência de uma vida nova, restaurada à originalidade idealizada por Deus na Criação. É tempo de recomeçar... de falarmos o que ainda não foi expresso em palavras; de traduzirmos em ações o que está guardado no interior do nosso coração. Diante de todo este contexto, descortina-se 2018, e que ele venha com a realização das promessas do Pai para nós. Feliz Natal e um Ano Novo repleto de realização e das bençãos dos céus sobre nossas Famílias!

5 6

CONTEÚDO

Mensagem aos Sócios Então é Natal Palavra da Igreja Deus que ama e se aproxima de nós

8 10

Amor Humano Estresse

12 13 14 16 18 19

Palavra do Fundador Natal em Família para um Ano Novo repleto de Bençãos Especial Em Tudo Amar e Servir Projeto Famílias Restauradas para Deus Vocação e Chamado O Chamado de Deus e a vontade do Homem Turma dos Restauradinhos Liturgia Diária Aniversariantes O que vem por aí... Próximos Eventos

Siga-nos em nossas redes sociais

facebook.com/comrestau

@ComRestau

WebTVRestauracao Fique por dentro do que acontece por aqui!

TODOS OS SÁBADOS

ÀS 19:30

Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org

3


MENSAGEM AOS SÓCIOS

Então é Natal

Há uma música secular, gravada pela cantora Simone, que possui o seguinte título: Então é Natal. Essa música é uma versão da música Happy Christmas, composta por John Lennon em 1971, e possui uma letra interessante e que diz em um dos seus trechos: “Então é Natal e o que você fez? O ano termina, e nasce outra vez. Então é Natal, a festa Cristã, do velho e do novo, do amor como um todo. Então bom Natal, e um Ano Novo também, que seja feliz quem souber o que é o bem”. Mais um ano está findando. Mais um Natal acontece e, como diz a música: o que você fez? Nossa vida é composta de ciclos: nascemos; em determinado momento vivemos as coisas próprias de crianças; crescemos

em estatura e sabedoria – à exemplo do Menino Jesus (cf. Lc 2,52) – e tornamo-nos adultos viajantes nesta terra. Numa certa altura da vida, ao avançarmos em nossa maturidade espiritual, apropriados questionamentos começam a surgir em nossa mente e, porque não dizer, coração.

Qual o sentido da minha vida? O que estou fazendo dos meus dias? Qual herança, qual exemplo estou deixando para os meus? De que qualidade é o testemunho que estou dando ao próximo? Então... é Natal! Mais uma sequência de eventos se avizinham no Ano

Novo que há de vir e o que você está disposto a fazer para deixar um rastro de Deus por onde passar? O Natal nos dá essa oportunidade, de nascermos de novo com o Menino Jesus e fazermos a diferença a partir do vestígio que estamos dispostos a deixar neste mundo. Que este Natal não seja somente mais um Natal em nossa vida e Família. Que façamos, realmente, a experiência de permitir que o Menino Jesus nasça em nosso coração, que é de onde brotam as boas aspirações, o bem que devemos fazer. Feliz Natal para você e toda a sua Família e um Ano Novo marcado pelo amor ao próximo!

Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org

5


PALAVRA DA IGREJA

Deus que ama e se aproxima de nós

Amados irmãos e irmãs! (...) O trecho do Evangelho (Mt 1, 18-24) mostra-nos duas pessoas, as duas pessoas que, mais do que qualquer outra, participaram neste mistério de amor [do Natal]: a Virgem Maria e o seu esposo José. Mistério de amor, mistério de proximidade de Deus à humanidade. Maria é apresentada à luz da profecia, que reza: “Eis que a Virgem conceberá e dará à luz um Filho” (v. 23). O evangelista Mateus reconhece que isto aconteceu em Maria, a qual concebeu Jesus por obra do Espírito Santo (cf. v. 18). O Filho de Deus “vem” ao 6

seu ventre para se tornar homem e Ela aceita-O. Assim, de modo singular, Deus aproximou-se do ser humano assumindo a carne de uma mulher: Deus aproximou-se de nós e encarnou em uma mulher. Também de nós, de outra maneira, Deus se aproxima com a sua graça para entrar na nossa vida e para nos oferecer o dom do Seu Filho. E nós, como reagimos? Acolhemo-Lo, deixamo-Lo aproximar-se ou preferimos rejeitá-Lo, afastá-Lo? Do mesmo modo como Maria, oferecendo-se livremente ao Senhor da história, lhe permitiu mudar o destino da humanidade, assim também nós, recebendo Jesus e procurando

Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org

segui-Lo todos os dias, podemos cooperar no Seu desígnio de salvação sobre nós mesmos e sobre o mundo. Portanto, Maria aparece como modelo para o qual olhar e sustentáculo com o qual contar na nossa busca de Deus, na nossa proximidade a Deus, neste gesto de deixar que Deus se aproxime de nós e no nosso compromisso a fim de construir a civilização do amor. O outro protagonista do Evangelho (...) é São José. O evangelista evidencia que José, sozinho, não pode encontrar uma explicação do acontecimento que vê verificar-se diante dos seus olhos, ou seja, a gravidez de Ma-


ria. Precisamente então, naquele momento de dúvida e inclusive de angústia, Deus aproxima-se dele – também dele – mediante um mensageiro Seu, esclarecendo-lhe a natureza daquela maternidade: “O Menino que nela foi concebido vem do Espírito Santo” (v. 20). Assim, diante deste acontecimento extraordinário, que certamente suscita muitas interrogações no seu coração, confia de maneira total em Deus que se aproxima d’Ele e, aceitando o Seu convite, não rejeita a sua noiva, mas permanece com Ela, desposando Maria. Acolhendo Maria, José acolhe consciente e amorosamente Aquele que nela foi concebido por obra admirável de Deus, para Quem nada é impossível. José, homem humilde e justo (cf. v. 19), ensina-nos a confiar sempre em Deus, que se aproxima de nós: quando Deus se aproxima de nós, temos o dever de nos confiarmos a Ele. José ensina-nos a deixar-nos orientar por Ele com obediência voluntária. Estas duas figuras, Maria e José, os quais foram os primeiros a receber Jesus mediante a fé, introduzem-nos no mistério do Natal. Maria ajuda-nos a colocar-nos em atitude de disponibilidade para receber o Filho de Deus

na nossa vida concreta, na nossa própria carne. José estimula-nos a procurar sempre a vontade de Deus e a segui-la com plena confiança. Ambos se deixaram aproximar por Deus. “Eis que a Virgem conceberá e dará à luz um Filho que se chamará Emanuel, que significa: Deus conosco” (Mt 1, 23). Assim diz o anjo: “Chamar-se-á Emanuel, que significa: Deus conosco”, isto é, Deus perto de nós. E a Deus que Se aproxima, abro a porta – ao Senhor – quando sinto uma inspiração interior, quando sinto que me pede que faça algo mais pelo próximo, quando me convoca para a oração? Deus conosco, Deus que Se aproxima. Este anúncio de esperança, que se realiza no Natal, leve a cumprimento a expetativa de Deus inclusive em cada um de nós, na Igreja inteira e em numerosos pequeninos que o mundo despreza, mas que Deus ama e dos quais Deus se aproxima. Ângelus, 18/12/2016.

Francisco, nascido como Jorge Mario Bergoglio, é o 266º Papa da Igreja Católica e atual Chefe de Estado do Vaticano, sucedendo o Papa Bento XVI. Foi eleito Papa em 13 de março de 2013.

PAPA FRANCISCO

Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org

7


AMOR

HUMANO

Estresse Hoje em dia, é muito comum escutarmos as pessoas falando que estão estressadas. Porém, na maior parte das vezes, não somos capazes de compreender o que realmente é o estresse. Com o intuito de clarificar nossas dúvidas, neste mês de dezembro vamos falar um pouco sobre esta condição e, até mesmo, como evitá-la.

de estresse. Durante e após um processo de adaptação sofrido pelo organismo, ocorre a liberação de diversas substâncias químicas naturais, que podem ocasionar uma série de reações fisiológicas. Por sua vez, essas reações fisiológicas podem ser percebidas no corpo, mente, nas emoções e no comportamento das pessoas.

O estresse é um estado de tensão que causa uma ruptura no equilíbrio interno do organismo, e qualquer situação, seja ela boa ou ruim, que exija uma adaptação do organismo, é uma fonte potencial

No corpo, podemos perceber tais reações quando sentimos dores de cabeça, músculos tensionados, distensões musculares, fadiga, falta de ar, irritações na pele, queda de cabelo, cansaço, proble-

Rafael é natural de São Pedro de Alcântara/SC. Consagrado de Aliança na Comunidade Restauração desde 2014, é membro do Conselho Formativo, atuando na formação pessoal, humana e psicológica dos Filhos.

RAFAEL RODRIGUES 8

Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org


mas estomacais, entre outros. Na mente, vemos a presença de preocupação, raciocínio confuso, indecisão, negatividade, pesadelos. Nas emoções, podemos perceber por meio da perda da autoestima, a presença de ansiedade, depressão, irritabilidade, apatia, medo, alienação, etc. No comportamento, por meio da falta de apetite, existência de insônia, desinteresse sexual, apatia, inquietude e desatenção. Em se tratando de consequências ao nosso cérebro, o estresse também é capaz de matar as células cerebrais recém-formadas e ocasionar praticamente todas as doenças orgânicas que geram distúrbios mentais. Pode também inibir a formação de memórias no hipocampo, região res-

ponsável por regular as emoções e armazenar a memória de longo prazo. O estresse também aumenta a vulnerabilidade a doença de Alzheimer e a demências, e estabelece um sistema de ansiedade generalizada. Como podemos perceber, o estresse faz muito mal e por isso precisamos tomar alguns cuidados para não sofrermos as suas consequências em nós mesmos. Para isso, é imprescindível manter uma alimentação balanceada e de boa qualidade; procurar estabelecer um ritual para relaxar antes de dormir, pois a qualidade do sono também é muito determinante para se evitar o estresse; priorizar um tempo para relaxar durante a semana; praticar atividades físicas regularmente; cui-

dar de si mesmo e estar perto de quem se ama; buscar ajuda profissional fazendo terapia. Todos esses cuidados acima são maneiras muito eficazes que podemos utilizar para afastar de nós os malefícios provocados pelo estresse.


PALAVRA DO FUNDADOR

Chegamos a mais um Natal e, antes de mais nada, precisamos refletir sobre como vivenciamos o Natal anterior, principalmente a respeito dos frutos que colhemos e aqueles que deixamos de colher. O Natal que estamos prestes a viver só terá sentido se o nascimento do Menino Jesus que ocorreu em 2016, de fato, tenha provocado em nós transformações interiores e o firme propósito de vivermos como Ele no decorrer de 2017. Neste caso, nada melhor do que escolhermos o ambiente familiar que nos cerca para fazermos esta reflexão, uma vez que diante dos membros de nossa casa, a verdade pode e deve ser dita e o perdão necessita ser compartilhado em vista 10

de um Natal que nos leva à conversão e à Restauração de nossas Famílias. Assim, temos que para viver o Natal em Família... ... Precisamos, em primeiro lugar, preparar o nosso próprio coração e, posteriormente, prepararmos o seio do nosso lar para acolher o Menino Jesus que vai chegar. ... Necessitamos mergulhar no Espírito Santo de Deus para que, ousando n’Ele e capacitados por Ele, possamos remover todos os sentimentos que causaram dores e frustrações dentro de nossas casas neste ano que passou. ... Devemos ter a humildade de perdoar de todo o coração aqueles que amamos e que, conscientemente ou não, nos magoaram e feriram. ... Carecemos de presentear com verdadeiros presentes, que trazem harmonia e paz para dentro de nossos lares. ... Precisamos aprender a docilidade da Família de Nazaré para deixarmos o Menino Jesus no controle de todas as ações da nossa Família. Desta forma, desapegados das riquezas deste mun-

Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org


do, poderemos aceitar o presente que Ele nos traz: a vida Eterna. ... Nos é necessário ter um olhar de gratidão pela Família que Deus nos deu e, através da oração, experimentarmos a graça de sermos uma Família forte e espiritual. ... É obrigatório permitirmos nos EUCARISTIZAR como a Sagrada Família, a fim de que o Menino Jesus seja o Centro de nossas atitudes. ... Também nos é determinante ornamentar, por primeiro, o coração da nossa Família com todos os frutos do Espírito Santo para, depois, embelezar com luzes coloridas e artefatos o ambiente físico do nosso lar. ... É imprescindível deixarmos de lado as divisões e buscarmos a comunhão, tornando-nos a presença do Amor do Menino-Deus para os de nossa casa ao mesmo tempo em que o Deus de Amor revigora o coração da nossa Família. ... Precisamos aprender que gastar com presentes não é o suficiente, mas sim esvaziar-se de si mesmo para que aqueles que mais amamos possam sentir, através de um coração que se doa inteiramente, a presença do Menino Jesus. Este, sim, é o melhor de todos os presentes! ... É necessário sabermos que o aniversariante deste dia é JESUS. Portanto, devemos preparar uma grande festa indo, por primeiro, à Celebração da Santa Missa para, depois, levarmos o Menino Jesus para cear com a nossa Família. ... Devemos tomar a consciência de que o Ano Novo, de fato, será novo se permitirmos a ação do Espírito Santo no nosso próprio coração para que Ele faça novas todas as coisas no coração da nossa Família. Viver o Natal em Família é permitir que todos possam se unir em um só coração. Por isso, que o vermelho e o verde, que tanto simbolizam o Natal do Menino Jesus, possam relembrar o Sangue do Seu Santo Sacrifício e o maior de todos os presentes que nos foram dados por Amor: a cura e a libertação que proporcionaram a abertura das portas do Reino dos Céus para todos aqueles que acolhem no presépio de suas Famílias a Sagrada Família de Nazaré, devolvendo a esperan-

ça mesmo diante de todas as dificuldades e tribulações e confirmando que nada está perdido, pois onde o Menino Jesus nasce, a graça superabunda. Desejo a todos um Natal de Amor e de esperança, e que a sua Família possa celebrar em Família esta grande Feste do Amor, para que em 2018 possamos construir juntos Famílias Restauradas para um tempo novo. Feliz Natal em Família para um Ano Novo repleto de esperança e graças, e que a sua Família possa realizar os sonhos de Deus.

Padre Fernando é carioca e foi ordenado Sacerdote em 1992. Fundou a Comunidade Restauração em 2009 e, atualmente, tem se dedicado incansavelmente à Restauração das Famílias.

PADRE FERNANDO Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org

11


ESPECIAL EM TUDO AMAR E SERVIR

Aquela roda sombria, símbolo triste dos dramas e das misérias do mundo, aquela sombria roda de antigamente ainda ali existe, à entrada do grande parque pelo qual se espalham balanços e gangorras que fazem, nas horas de recreio, as delícias da garotada. Mas a roda foi fechada já há muitos anos; mulher alguma vai mais ali depositar, na calada da noite, o filho que não pode (...) aceitar... Os abandonados são enviados pelo Juiz de Menores. No entanto, diz-nos a Madre Superiora, “sucede ainda e não raras vezes, ouvirmos à noite, no terraço onde sorri uma imagem da Virgem, um choro de criança, e quando corremos a ver, um pequenino é encontrado aos pés da Mãe Divina...” Trecho de uma reportagem do Jornal Correio da Manhã – Rio de Janeiro, 31 de março de 1963.

...Mãos que curam os enfermos e lhes devolAos pés da Mãe Divina o menino Fernando foi encontrado. Aos pés da Mãe, Fernando ofertou sua vem a esperança de viver, fortalecendo os fracos vida ao Senhor e suas mãos foram ungidas, consa- com o Pão dos Fortes: a Eucaristia. gradas e atadas por uma fita para que, fechando-se às Quantas vezes, essas mesmas mãos enxugacoisas do mundo, pudessem ser abertas com exclusiram as lágrimas de seus próprios olhos, umedecidos vidade para o Amor de Deus. pela ingratidão, pela inveja, pela calúnia, a maleAos pés de Nossa Senhora, Padre Fernando teve suas mãos tomadas por Cristo, para transmitir dicência e o inevitável esquecimento por parte de a Sua vida divina abençoando, perdoando e consa- ovelhas irrequietas e às vezes rebeldes da Casa do Pai? Apesar de tudo isso, as mãos do bom pastor grando o Seu Corpo e Sangue. permaneceram conduzindo o rebanho para as pastaAs mãos, àquelas mãos consagradas... Mãos gens verdejantes de Jesus e, seguindo firmemente o que são uma resposta de amor total de quem aceita exemplo de Cristo – Bom Pastor que dá a vida por viver e morrer por Jesus. suas ovelhas, persistiu e tem realizado o sonho de ...Mãos poderosas e que dão a vida da Graça, devolver Famílias Restauradas para Deus. renovando-a pelo perdão divino. Aos pés da Mãe Divina, o Fundador Padre ...Mãos que abençoam, em nome de Deus, o Fernando foi escolhido para que, chamado às altuamor que Deus faz brotar entre um homem e uma mulher, iluminando o amor matrimonial com a luz ras da santidade, pudesse gastar a sua própria vida do evangelho e fazendo-o se aproximar do Amor de pela Restauração das Famílias. E é, aos pés da Mãe Divina, que comemoramos o seu Jubileu de Prata Deus. Sacerdotal. ...Mãos que colocam os filhos no colo de seus Parabéns, Padre Fernando Gonçalves, pelo pais, quando estes não possuem mais “tempo em seu Jubileu de Prata Sacerdotal! suas agendas” de pais. 12

Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org


PROJETO FAMÍLIAS RESTAURADAS PARA DEUS

Atos Concretos O Natal é marcado pelo ato concreto de amor que Deus realizou por nós: o Seu Verbo, a Sua Palavra, se fez carne e habitou entre nós (cf. Jo 1,14). É o desejo do Pai estar conosco, nos aninhar em Seus braços e devolver a paz ao nosso coração. Por este motivo, Ele Se fez homem e, existindo no meio de nós, elevou-nos à condição de Filhos muito amados. Em nossa vida não pode ser diferente: carecemos de realizar, constantemente, atos concretos de amor não só por aqueles que convivemos no dia-a-dia, mas sobretudo ao próximo. Diz Jesus, no Evangelho de Mateus, que se amamos somente aqueles que nos amam, não encontraremos nesta prática recompensa (cf. 5,46). Por isso é tão importante aprovei-

tarmos a época do Natal para renovarmos nossas ações e atitudes, assumindo uma postura que testemunha atos concretos de Amor, alteando as pessoas à condição de irmãos em Cristo. Na realidade da Comunidade Restauração, todos aqueles que aceitam o chamado de Jesus para devolver Famílias Restauradas para Deus precisam ter em mente que os atos concretos que exercemos no serviço ao Senhor são realizado pelo Amor – sejam os Filhos e Filhas desta Obra, que assumiram com radicalidade o propósito de defender a Família na originalidade da Criação; se-

jam nossos Sócios e Benfeitores, com seu modo de contribuir fielmente para que esta engrenagem de evangelização seja movida pelo Espírito Santo. Este é o tempo propício para acolhermos o Amor que nasce e faz morada em nosso coração e, também, o momento favorável de acolhermos o Seu convite, de fazer-nos humildes na manjedoura para que a partir de nossos atos concretos brilhe a Sua luz e Famílias sejam Restauradas. Celebremos juntos, com atos concretos, o nascimento do Amor... Feliz Natal!

Financeiro DEMONSTRATIVO

RECEITAS - OUTUBRO 2017 SALDO FINAL - SETEMBRO SÓCIOS E BENFEITORES

DESPESAS - OUTUBRO 2017

R$ 980,32 R$ 16.978,01

DESPESAS NÃO PAGAS DE SETEMBRO NEGOCIADAS E PAGAS EM OUTUBRO

R$ 3.466,51

MANUTENÇÃO DA COMUNIDADE (energia elétrica, água, IPTU e taxa de lixo)

R$ 2.959,19

OFERTÓRIO/COLETAS

R$ 1.033,90

DESPESAS ADMINISTRATIVAS/DIVERSAS (materiais para escritório, formações e paramentos religiosos)

R$ 1.767,58

DOAÇÕES DE MEMBROS

R$ 1.009,75

SERVIÇOS TERCEIRIZADOS (serviços gráficos, postagens, site, e-mails, softwares, transmissão web tv e web rádio, telefonia, internet)

R$ 5.389,26

DOAÇÕES NÃO IDENTIFICADAS

R$ 2.616,00

INVESTIMENTOS

LIVRARIA

R$ 489,38

EVENTOS

R$ 6.798,86

AÇÃO ENTRE AMIGOS/CARTELAS SHOW DE PRÊMIOS TOTAL DE RECEITAS

R$ 38.884,00 R$ 67.809,90

R$ 159,00

LOCAÇÃO DE IMÓVEIS (Missionários Comunidade de Vida)

R$ 1.963,98

RECURSOS HUMANOS (salários, impostos e benefícios)

R$ 6.721,98

DEPESAS BANCÁRIAS (tarifas)

R$ 981,55

DESPESAS DEPARTAMENTO DE EVENTOS

R$ 1.608,71

DESPESAS COM IMPOSTOS FEVEREIRO A SETEMBRO DE 2017 DEVOLUÇÃO 1ª PARCELA DE EMPRÉSTIMO

R$ 38.846,04 R$ 2.000,00

TOTAL DE DESPESAS PAGAS

R$ 65.863,80

SALDO FINAL

R$ 2.926,42

Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org

13


VOCAÇÃO

E CHAMADO

O Chamado de Deus e a vontade do Homem Mais um ano está chegando ao seu fim. Durante 2017, várias oportunidades surgiram para que o chamado de Deus, que está inscrito no coração de cada homem e mulher, se manifestasse. Por este motivo pergunto: você buscou encontrar qual é o chamado do Senhor para a sua vida e a vida da sua família? A felicidade do ser humano está em viver segundo o desejo de Deus. Ele convida-nos ao diálo-

go e é através deste dialogo que o homem tem condições de descobrir quais são os planos do Senhor para si. Entramos em diálogo com o Senhor através da oração, das Celebrações Eucarísticas, de retiros e també, na confissão. São nestes momentos que experimentamos o Amor de Deus manifestado e a ação do Espirito Santo, que age para que o desejo do Senhor seja descoberto por nós e colocado em

Eliane Fagundes é consagrada de vida na Comunidade Restauração e responsável pelo Setor Vocacional da Obra. Natural de Joinville/SC, iniciou seu caminho vocacional em 2010.

ELIANE FAGUNDES 14

Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org

prática. Mas o homem, apesar de buscar constantemente a felicidade, tem insistido em encontrá-la segundo a sua própria vontade: quer servir a Deus do seu jeito, e a vontade humana “tem” que prevalecer. Por isso, ao invés de atender ao chamado do Senhor, que ecoa em seu coração, prefere ficar procurando “deuses” que satisfaçam as suas vontades de sucesso,


de poder e de riqueza, e para que isso aconteça, cada vez mais se afasta de Deus e de Sua intimidade.

quando Ele o chama.” (CIC nº 29)

Deus chama o homem para a vida. Não A Igreja é sábia quanto a isso. No Catecismo da há necessidade de fugir do Amor do Senhor, Igreja Católica, encontra-se a descrição de alguns moti- este Amor que encarnou-Se no seio de Maria vos que levam o homem a afastar-se do chamado de Deus: através da ação do Espirito Santo. “Mas esta ‘relação íntima e vital que une o homem Jesus é a fonte do amor de Deus aos hoa Deus’ pode ser esquecida, desconhecida e até mens, e Ele continua a chamar a cada um pelo explicitamente rejeitada pelo homem. Tais atitudes nome. Que possamos encontrá-Lo na manjepodem ter origens diversas a revolta contra o mal doura, e que este Natal não seja apenas mais existente no mundo, a ignorância ou a indiferença um evento social, mas a oportunidade de pedir religiosas, as preocupações do mundo e das riquezas, o a Deus a restauração do seu coração e de toda mau exemplo dos crentes, as correntes de pensamento a sua família. hostis à religião e, finalmente, a atitude do homem pecador que, por medo, se esconde de Deus e foge Feliz Natal!

Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org

15


TURMA DOS RESTAURADINHOS

Olá Turminha!

O que você pode oferecer paraJesus? Jesus nasceu na cidade de Belém, na região da Judéia, quando Herodes era rei da terra de Israel. Nesse tempo, alguns homens que estudavam as estrelas vieram do Oriente e chegaram a Jerusalém. Eles perguntaram: - Onde está o Menino que nasceu para ser o rei dos judeus? Nós vimos a estrela d’Ele no Oriente e viemos adorá-lo. Quando o rei Herodes soube disso, ficou muito preocupado. Então, ele reuniu os chefes dos sacerdotes e os mestres da Lei e perguntou onde devia nascer o Messias, e eles responderam:

16

- Na cidade de Belém, na região da Judéia, pois o profeta escreveu o seguinte: “Você, Belém, da terra de Judá, de modo nenhum é a menor entre as principais cidades de Judá, pois de você sairá o líder que guiará o meu povo de Israel.” O rei Herodes chamou então os visitantes do Oriente para uma reunião secreta e depois os mandou a Belém, com a seguinte ordem: - Vão e procurem informações bem certas sobre o Menino. E quando O encontrarem, me avisem, para que eu também possa ir adorá-Lo!

Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org

Depois de receberem

a ordem do rei, os visitantes foram embora. No caminho, viram a mesma estrela que tinham visto no Oriente. Ela foi adiante deles e parou acima do lugar onde o Menino estava. Quando acharam o lugar, eles ficaram muito alegres e felizes. Entraram na casa e encontraram o Menino com Maria, a Sua mãe. Então se ajoelharam diante d’Ele e O adoraram. Depois abriram os seus cofres e Lhe ofereceram presentes: ouro, incenso e mirra. Em sonho, Deus os avisou que não voltassem para falar com Herodes. Por isso, eles retornaram para a sua terra por um outro caminho.


Os 3 Reis Magos ofereceram de presente para o Menino Jesus o que eles tinham de melhor. E você? O que você pode oferecer para Jesus neste Natal? Medite com a sua família sobre isso: neste Natal, não podemos esquecer que o aniversariante é Jesus, e que para Ele devemos dar sempre de presente o nosso coração.

Restauradinhos do Mês

No Restauradinhos do mês a florzinha Rafaela!

A Rafa completa 12 anos no dia 17 de dezembro. Você também pode aparecer por aqui! Ela é filha do Moacir e da Isa, casal Consagrado da Comunidade Peça ao papai, ou a mamãe, para enviar a sua foto para o e-mail: Restauração, e é irmã da Any. Parabéns florzinha! revista@comunidaderestauracao.org

Dezembro/2017 • comunidaderestauracao.org

17


LITURGIA DIÁRIA

Dezembro

ANIVERSARIANTES DO MÊS

SEG

TER

QUA

QUI

Na Comunidade Restauração 02 Mil Ave-Marias 03 Jubileu de Prata Sacerdotal do Fundador 10 a 16 Cerco de Jericó 17 Festa da Padroeira

SEX

SÁB

1 1ª Leitura Dn 7,2-14

2 1ª Leitura Dn 7,15-27

(R. 59b) Evangelho Lc 21,29-33

Evangelho Lc 21,34-36

Salmo Dn 3,75-81 Salmo Dn 3,82-87

4 1ª Leitura 75 1ª Leitura Is 4,2-6 Is 11,1-10 Salmo 121(122) Salmo 71(72) Evangelho Evangelho Mt 8,5-11 Lc 10,21-24

6 1ª Leitura Is 25,6-10a Salmo 22(23) Evangelho Mt 15,29-37

11 1ª Leitura

12 1ª Leitura

14 15 1ª Leitura 13 1ª Leitura 1ª Leitura Is 40,25-31 Is 48,17-19 Is 41,13-20 Salmo 102(103) Salmo 144(145) Salmo 1 Evangelho Evangelho Evangelho Mt 11,28-30 Mt 11,16-19 Mt 11,11-15

18 1ª Leitura

19 1ª Leitura

20 1ª Leitura

21 1ª Leitura

26

27 1ª Leitura

28 1ª Leitura

Is 35,1-10 Salmo 84(85) Evangelho Lc 5,17-26 Jr 23,5-8 Salmo 71 Evangelho Mt 1,18-24

25 1ª Leitura

Is 52,7-10 Salmo 97 2ª Leitura Hb 1, 1-6 Evangelho Jo 1, 1-18

Gl 4,4-7 Salmo 95(96) Evangelho Lc 1,39-47

Jz 13,2-7.24-25a Salmo 70(71) Evangelho Lc 1,5-25 1ª Leitura At 6,8-10; 7,54-59 Salmo 30(31) Evangelho Mt 10,17-22

Is 7,10-14 Salmo 23(24) Evangelho Lc 1,26-38 1Jo 1,1-4 Salmo 96(97) Evangelho Jo 20,2-28

DOM

7

1ª Leitura Is 26,1-6 Salmo 117(118) Evangelho Mt 7,21.24-27

Ct 2,8-14 Salmo 32(33) Evangelho Lc 1,39-45

1Jo 1,5-2,2 Salmo 123(124) Evangelho Mt 2,13-18

8 1ª Leitura

Gn 3,9-15.20 Salmo 97(98) 2ª Leitura Ef 1,3-6.11-12 Evangelho Lc 1,26-38

(R. 59b)

9 1ª Leitura

Is 30,19-21.23-26 Salmo 146(147) Evangelho Mt 9,35-10,1.6-8

35

1ª Leitura

Is 63,16-17.19b;64,2-7

Salmo Is 79 2ac.3b. 15-19(R.4) 2ª Leitura ICor 1,3-9 Evangelho Mc 13,33-37

10 1ª Leitura

Is 40,1-5.9-11 Salmo 84 2ª Leitura 2Pd 3,8-14 Evangelho Mc 1,1-8

16

17 1ª Leitura 1ª Leitura Is 61,1-2a.10-11 Eclo 48,1-4.9-11 Salmo Lc 1,46-50. Is 61,10b) Salmo 79(80) 53-542ª(R. Leitura 1Ts 5,16-24 Evangelho Evangelho Mt 17,10-13 Jo 1,6-8.19-28

22 1ª 23 1ª 24 1ª Leitura 1ª Leitura Leitura 1ª Leitura Leitura 2Sm Is 7,1-5.8b55,6-9 1Sm 1,24-28 1Tm 6,13-16 12.14a.16 1Tm 6,2c-12 Ml 3,1-4.23-24 Salmo 144(145) Salmo 1Sm 2, 1-8 Salmo 99(100) Salmo 88 Salmo 24(25) Salmo 48(48) 2ª Leitura (R. 1a) 2ª Leitura Evangelho Fl 1,20c-24.27a Evangelho Evangelho Rm 16,25-27 Evangelho Evangelho Lc1,57-66 8,4-15 Lc 8,1-3 LcLc1,46-56 Mt Lc 20,1-16a 1,26-38 29

1ª Leitura 1Jo 2,3-11 Salmo 95(96) Evangelho Lc 2,22-35

30

1ª Leitura 1Jo 2,12-17 Salmo 95(96) Evangelho Lc 2,36-40

31 1ª Leitura

Eclo 3,3-7.14-17a (gr.2-6.12-14) Salmo 127 2ª Leitura Cl 3,12-21 Evangelho Lc 2,22-40

ANIVERSARIANTES DO MÊS

18

1 Diácono Manoel Miranda Vilson Gonçalves Corrêa 2 Camila Delmonegro dos Santos Gilberto Bruder Maria Vitória Socoloski Rodrigo Lourival Gutzmann 3 Carlos Augusto T. de Moura Durcélia Fernandes Irineu Socoloski Perpétua R. de Oliveira 4 Iracema M. da Luz Viviane Ap. S. Oliveira 7 Alzenir Borges de M. Ugione Catarina Steinmacler Maria Salete M. Pietzuk 8 Adriano Sabino Arlindo Trevisol Gabriela Spindola de Souza Josnei Peters Leopoldina H. Martendal Mario Possenti 9 Constantino de Sousa Edna Aguiar Maicon Francisco Ciz Miguel Luiz Wandersee Norma Regia Pinho de Morais Rosa Barth 10 Adriana da R. Beckert Ederson Alves Bandeira Márcio A. de Oliveira Márcio Aurélio de Oliveira Tereza Gonçalves Matiola 11 Edinete Ferreira Conrado Nelsa José Goulart Silvia V. Rosa 12 Floriza Peruna Liane Lassin Souza Maria Teresa Vieira 13 Maristela Zuffo de Souza

SÓCIOS

Paulo Possenti 14 Alice de Souza Machado Doralice Pardo de Almeida 15 José Honório Marques 16 Edna Antônia Silva Maria de Lourdes da R. Genuino 17 Alessandra Mohr Lenir Bortoluzzi de Souza Leticia Lara Domareski Luciano Fagundes Maria Terezinha da Cruz Thiago Lembeck 18 Clever Marcos dos Santos Luz Rita Laura Floriano 19 Laís Chaves Soares Machado Maria Filomena de Souza Wilson Luiz Leoni 21 Aguida Regina M. Medeiros Benjamim José de Lima Valentina Martinelli 22 Helen Nadine Budal Arins Lucia Maria Vieira Maria Rodrigues Macedo 23 Marlene Gonçalves Ronaldo Rodrigues Vinhal Salésio de Araújo 24 Antônio L.B. Fontelles Luciane Cabral Sonia Mª e Amarildo José 25 Natalina Binder Rodrigo Silva Rosilene Bombazar 26 Maria Bittencourt Pedro e Doraci Ramos Roselene Adriane Davet 27 Franciele Silveira D’Ávila Maria Inez Dall Acqua 28 Dilma Renata Graniti Leni Damini

Osmarli dos Santos Ferreira 29 Dolores do Carmo L. da Costa Maria das Graças Zimmermann Zenaide Albertina Beppler 30 Julia Lopes da Motta 31 Iolanda M. Delagnelo Maria da Glória Amandio CASAMENTO

6 Nara Domiciano e Esposo 9 Denise I. B. Bonatti e Esposo 10 Josiane A. R. Medeiros e Esposo 12 Benta Duarte Souza e Esposo Joaquim Gonçalves da Costa e Esposa 13 Carlos Tambosi e Esposa 15 Elisete Ap. Ferreira Faria e Esposo 16 Lesani Zerwes Becker e Esposo 18 Keila Dias de O. Meneses e Esposo 20 Maria Meneghelli Wille e Esposo Sandra Mara de Lima e Esposo 22 Cátia Decker Ferrari e Esposo 23 Allyne Leandro de Souza e Esposo Felix Luiz Gadotti e Esposa 25 Andrea Correa da Costa e Esposo Tatiane Moreira e Esposo 27 Valeria Cristina M. de Jesus e Esposo 28 Maria G. Matheus Bernardo e Esposo Norma R. P. de Morais e Esposo 30 Ademir João Moraes e Esposa MEMBROS

1 Ivone Wiggers da Silva 13 Jéssica D. Iaczinski 20 Luzia Bellarmino 22 Marcelo M. da Costa 24 Margarete Nossol 28 Moacir Lazzaris


Semana na Comunidade SEGUNDA

TERÇA

15H - Terço da Misericórdia 18H - Santo Terço

15H - Terço da Misericórdia 18H - Santo Terço

QUARTA

QUINTA

15H - Terço da Misericórdia 18H - Santo Terço 19H30 - Santa Missa

15H - Terço da Misericórdia e Grupo de Oração 18H - Santo Terço 19H30 - Missa de Cura e Libertação

SEXTA 15H - Terço da Misericórdia 18H - Santo Terço 19H30 - Santa Missa

DOMINGO 10H - Santa Missa

Atendimentos SEGUNDA

Atendimento psicológico das 8h às 12 e das 13h às 17h

TERÇA Atendimento de oração e acompanhamento espiritual das 8h30 às 12 e das 13h30 às 17h

QUARTA Confissões a partir das 14h Ligue para a Comunidade Restauração e agende o seu horário.


Revista de dezembro  
Revista de dezembro  
Advertisement