Page 1

Ano 5 · Nº 1.815 · ABC, sexta-feira, 28 de janeiro de 2011 · www.reporterdiario.com.br

R$ 0,50

Ex-camelôs pedem socorro

Comerciantes que antes atuavam nas ruas reclamam de falta de infraestrutura e queda drástica nas vendas

RENAULT Além do apelo estético, a série limitada do Sandero GT Line chega com o motor 1.6 16V. Página 6 Jorge Rodrigues Jorge/Carta Z Notícias

RECATADA Luiza Dantas / Carta Z Notícias

Dira Paes deixou para trás a sensual Norminha, de Caminho das Índias. Página 10

INFANTIL Divulgação

Filme As aventuras de Sammy é opção infantil nos cinemas a partir desta sexta-feira. Página 10

Marciel Peres

Retirados da região central de Santo André e encaminhados aos quiosques do Boulevard Itambé há cerca de três anos, os ex-camelôs reclamam da falta de atenção da Prefeitura. Os lojistas atribuem a precariedade do local aos baixos índices de venda registrados no espaço. Alguns afirmam que os rendimentos caíram até 90% em comparação com o que era arrecadado nas ruas. Uma das reivindicações é uma conversa com o prefeito Aidan Ravin pois, segundos os ex-ambulantes, melhorias no local foram promessas de campanha do petebista. A própria Acisa (Associação Comercial e Industrial de Santo André), que promoveu cursos aos comerciantes, admite que o problema não é “espírito empresarial”, mas falta de apoio técnico por parte da AdministraSebo no centro de Santo André foi atingido por enchente e perdeu mais de 40 mil livros. Situação é parecida com outros estabelecimentos. Pág. 4 ção pública. Página 4

Fevereiro sai Dança é Câncer de inspetoria terapia para pele avança do Taboão todas idades na população Prevista para ser entregue no final de fevereiro, a Inspetoria Regional do Taboão, em São Bernardo, deve amenizar a sensação de medo dos moradores. A unidade reunirá 75 guardas municipais. Até o fim do ano o efetivo receberá mais 25 integrantes. Com investimento da ordem de R$ 1 milhão, o equipamento aproximará a GCM da população. Página 3

Mauá anuncia piscinão no jardim Miranda

Utilizada ao longo do tempo como forma de expressão, a dança é tratada atualmente como terapia e modo de vencer barreiras psicológicas. Academias têm público de todas as idades. Segundo o professor Celso Gazu, responsável pelo Núcleo de Dança, pelo menos 60% dos alunos procuram a escola para tratar de problemas físicos ou comportamentais. Página 8

casas do Programa Minha Casa, Minha Vida, para os moradores de áreas de risco. A Prefeitura apresentou projetos habitacionais ao governo federal e com verbas do PAC1 construirá 700 unidades no jardim Oratório. Sobre as fortes chuvas que caíram nas últimas três semanas, Dias garante que o município tem dado assistência às vítimas. Mauá foi a cidade mais prejudicada pelas chuvas no ABC. Seis pessoas morreram (cinco em deslizamentos de terra e uma por afogamento). Página 3

índice

Temporada de Queixa no matrículas na Procon oscila pós-graduação na região

Opinião.........................Pág. 2 Cidades................. Págs. 3 e 4 Economia.....................Pág. 5 Autos........................... Pág. 6 Esportes....................... Pág. 6 Educação..................... Pág. 7 Saúde............................Pág. 8 Decoração....................Pág. 9 Cultura.......................Pág. 10 Cinema.......................Pág. 10 Novelas......................Pág. 11 Social...........................Pág. 12

Os interessados em fazer um curso de especialização, lato ou stricto sensu, podem aproveitar as diversas opções oferecidas pelas instituições de ensino do ABC. Além de ajudar a aprofundar o conhecimento, a pós-graduação é vista como degrau capaz de alavancar a carreira do profissional no mercado de trabalho, muitas vezes de forma rápida. Confira a lista de cursos disponíveis nas principais instituições. Página 7

Página 5

Divulgação

Bonome articula PMDB para 2012

Além de anunciar mais um piscinão no município, o prefeito de Mauá, Oswaldo Dias, revelou, em entrevista exclusiva ao Repórter Diário, que até 2012 serão construídas 2,1 mil casas com recursos do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), em parceria com a CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano) e a Caixa Econômica Federal (CEF). O quinto piscinão será construído no jardim Miranda. O petista ainda informou que Mauá reivindica

Política....................... Pág. 2

A doença, que atinge a maioria da população na faixa dos 40 anos, ataca cada vez mais os jovens. Pessoas com pele clara, que apresentam muitas pintas e sofrem queimaduras do sol, são mais suscetíveis à doença. A principal forma de prevenção do câncer ainda é o uso de protetor solar, indicado pelo médico, e a redução do tempo de exposição ao sol. Página 8

Tendência retrô volta forte na decoração

Marcada para 15 de fevereiro, a filiação do secretário de Gabinete, Finanças e Saúde de Santo André, Nilson Bonome, ao PMDB promete ser um divisor de águas regional. A festa de recepção deverá contar com a presença do vice-presidente da República, Michel Temer, e do ministro da Agricultura, Wágner Rossi. A expectativa é de que o supersecretário seja espécie de coordenador regional, com participação ativa nas articulações do partido nos sete municípios e foco na eleição municipal de 2012. A legenda pretende

Com 56.992 atendimen­ tos em 2010, o Procon São Bernardo registrou 10% mais procura que em 2009. O carro-chefe foi fi­n anças, seguido pel o s s e r ­­­­­v i ­ç o s p r i ­­va d o s . Em Diadema, 10.870 con­ sumidores fo­­­­­­­­­ram atendidos em 2010, volume inferior ao registrado em 2009. A principal reclamação dos consumidores foi em relação aos serviços privados, com 3.516 atendimentos. Página 5

ampliar seu poderio de fogo em todos os municípios da região. Em Santo André e Mauá, a cristalização dos projetos de sucessão já está em curso. Na primeira, o PMDB desempenha um papel de protagonismo no Legislativo. Na segunda, a sigla aposta as fichas na candidatura da deputada Vanessa Damo. Em São Bernardo e São Caetano as projeções guardam surpresas de peso. Na maior cidade do ABC, um dos nomes cogitados para ingressar nas fileiras é o do vice-prefeito Frank Aguiar. Página 2

CARNAVAL - Os desfiles de Carnaval do ABC custarão mais de R$ 2 milhões em 2011. Com investimento de R$ 693 mil, Diadema lidera o ranking de gastos, seguido por Santo André (R$ 627 mil), São Bernardo (R$ 576 mil) e São Caetano com (R$ 300 mil). Página 4


2

OPINIÃO / POLÍTICA

Repórter Diário

Repórter Diário Empresa Jornalística Ltda. Diretores: Airton Resente (Mtb 16.372) e Maria do Socorro Diogo (Mtb 16.283).

Edição: Aline Bosio e Maria do Socorro Diogo. Reportagens: Aline Bosio, Leandro Amaral e Natália Fernandjes. Estagiários: Carolina Neves e Larissa Marçal. Fotografia:  Marciel Peres. Diagramação:  Rubens Justo. Mídias digitais: André Resende e Leonardo Lima. Comercial:  Claudia Plaza e Alessandra Duran. Administrativo: Rita de Cássia B. da Silva. Operacional: Pedro Cláudio S. Diogo. Endereço: rua Álvares de Azevedo, 210, conj. 51, centro, Santo André,  SP. Telefones: (11) 4427-7800 e 4436-3965. Site: www.reporterdiario.com.br E-mails: redacao@reporterdiario.com.br - comercial@reporterdiario.com.br

Tiragem auditada por

Benesses A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) vai contestar no Supremo Tribunal Federal (STF) a constitucionalidade das aposentadorias vitalícias concedidas a ex-governadores. Difícil é entender por que uma pessoa que governa um Estado por quatro anos, ou por oito em caso de reeleição, necessita de ajuda oficial pelo resto da vida. Enquanto a Imprensa reflete a indignação da sociedade com o privilégio, ao defender sua extinção, o que se percebe de parte das autoridades públicas é um esforço para preservá-lo, sob as mais diversas alegações. O argumento de defesa é que se trata de um prêmio para evitar que o político venha a se corromper no exercício do cargo. O pressuposto básico para os eleitores é que seus representantes eleitos desempenhem suas funções com probidade. Se não o fizerem, terão de prestar contas aos órgãos de controle e à própria Justiça. É ­preciso oferecer um prêmio a político para que ele não administre com probidade? O exercício de mandato não é fator de incapacidade para ninguém. Então, é razoável que a OAB questione no STF estas benesses. Desta forma, se abre um caminho para pressionar a classe política da necessidade da urgente reforma política no Brasil.

Polícia suspeita de incêndio criminoso no prédio da SOSP Segundo informações de pessoas que tiveram contato com os primeiros passos da perícia feita no prédio alugado pela Prefeitura de Santo André para abrigar as secretarias de Obras, Desenvolvimento e Educação, na rua Catequese, bairro Jardim, o incêndio que atingiu o local no último sábado (22) tem indícios de ser criminoso. A informação, porém, é tratada com cautela até porque o laudo só será concluído em 30 dias. A instalação elétrica do prédio foi atingida e parte das salas ficou sem telefone e energia. A Prefeitura informou em nota que houve pane elétrica no quadro de alimentação da rede e que sindicância foi aberta para apurar o caso. O imóvel foi alugado por quase R$ 100 mil por mês. Antes, a SOSP (Secretaria de Obras e Serviços Públicos) funcionava em prédio municipal na avenida Capitão Mário Toledo de Camargo, vila Luzita. A mudança ocorreu em virtude da instalação do Poupatempo da Saúde (AME). Alguns vereadores acompanham com lupa o desdobramento do caso que, até então, está sob responsabilidade do 4o Distrito Policial. CURTAS ......................................................................................... Caça O prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho, irá para a França na próxima semana, a convite da Dassault, res­pon­ sável pela fabricação do caça Rafale. Na viagem, Marinho conhecerá o equipamento que disputa a licitação da FAB (Força Aérea Brasileira) para a contratação de 36 su­­ persônicos. A estadia na Eu­ ropa terá início no dia 2 e se estenderá até o dia 5 de fevereiro. Depois da viagem... No regresso da França, a expectativa é que Marinho anuncie as mudanças no primeiro escalão. Embora o prefeito já tenha dito, publicamente, que não se pautará pela imprensa e nem pelas pressões de “notas” de quem almeja o primeiro escalão, fontes próximas ao Paço garantem que José Ferreira (Sedesc) e Toninho da Lanchonete (Obras) retornarão à Câmara. Com isso, os suplentes Wagner Lino e Fátima Araújo podem perder as cadeiras. Sucessão O Prefeito de Ribeirão Pires, Clóvis Volpi, não esconde o interesse em disputar a Prefeitura de Mauá em 2012. Até aqui nenhuma novidade. A dúvida, vinda do ambiente jurídico, é se o atual comandante conseguirá aval da Justiça para não configurar um terceiro mandato (mesmo

em outro município). O viceprefeito de Ribeirão, Dedé da Folha (PPS), que já tem o nome em alta na bolsa de apostas para a sucessão local, potencializará ainda mais o seu pleito, pois herdará o final do mandato de Volpi, que deverá se licenciar do cargo. Dúvida? Nos corredores da Câmara de São Bernardo, alguns vereadores comentam que até 2012 a configuração do plenário sofrerá alterações. No regresso dos trabalhos, na próxima quarta (02/02), a base governista estará em minoria com oito integrantes. As apostas nos corredores, no entanto, já sinalizam que o quadro deve, novamente, mudar em breve. Inauguração O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, participará nesta sexta (28), às 15h30, ao lado do prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho, da inauguração do novo Pronto-Socorro Obstétrico e Ginecológico do Hospital Municipal Universitário (HMU). A nova unidade, mais ampla e com maior infraestrutura que a atual, que funciona no Pronto-Socorro Central, contará com 400 m² e demandou investimentos no valor de R$ 500 mil. Com a transferência para o HMU, a demanda registrada no PS Central também será desafogada.

Sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Filiação de Bonome muda PMDB regional

Leandro Amaral

O supersecretário de Santo André, Nilson Bonome, também será o ‘homem forte’ do PMDB no ABC. A filiação na legenda, marcada para 15 de fevereiro, deverá ser divisor de águas no ninho pemedebista regional. A própria ‘festa de recepção’ já ilustra o peso do novo filiado. Ícones da sigla, como o vice-presidente da República, Michel Temer, e o ministro da Agricultura, Wagner Rossi, ambos do PMDB, deverão chancelar o ingresso do tri-secretário (Gabinete, Finanças e Saúde) andreense. “Sempre tive relação de amizade com o Michel Temer. Por isso, eu escolhi o PMDB”, disse Bonome. Prova da relação foi vista ano passado, quando o supersecretário recebeu o título de cidadão andreense. Na oportunidade, o cacique pemedebista não pode comparecer, mas por meio de vídeo deixou mensagem de

Marciel Peres reconhecimento. Segundo informações, Bonome será espécie de interventor regional, pois participará ativamente das articulações do partido nos sete municípios com foco na eleição municipal de 2012. Ao longo deste ano, Bonome pretende fortalecer os redutos pemedebistas locais. Em Santo André e Mauá, a pavimentação do projeto político já está em curso. Na primeira, a sigla já tem lugar. Sargento Juliano dirigiu os trabalhos na Câmara no primeiro biênio do governo Aidan. Agora, depois da interferência decisiva de Nilson, José Araújo comandará a Casa nos dois anos restantes. Isso sem falar na performance de Bonome no núcleo do Paço. Em Mauá, a deputada estadual reeleita Vanessa Damo, que recentemente ingressou no partido, é uma das principais apostas regional do PMDB para encabeçar chapa na sucessão municipal. Nilson Bonome será recebido com festa pelo PMDB no dia 15

S.Bernardo e S.Caetano: nomes de peso Na maior cidade do ABC, o PMDB almeja potencializar o poder de fogo (atualmente, o partido é representado no Legislativo pelos vereadores Tunico Vieira e Gilberto França) e vislumbra até indicar o vice na chapa, que será encabeçada por Luiz Marinho (PT), em 2012, na tentativa da reeleição. Nos bastidores, ventila-se o interesse da legenda em políticos de expressão. O nome mais recente, citado com força nos corredores, é o do atual vice-prefeito Frank

Aguiar, atualmente no PTB. Ele não escondeu de ninguém a insatisfação com alguns petebistas pelo fracasso de sua empreitada eleitoral em 2010, quando obteve pouco mais de 40 mil votos e não conseguiu carimbar o regresso à Câmara Federal. “Ele me disse que iria ao PMDB”, revelou um político de São Bernardo pedindo anonimato. Até mesmo pessoas ligadas ao esporte são vistas com lupa pelo PMDB. (LA) Em São Caetano, onde o partido é comandado há dé-

cadas por Nilo Figueiredo, está outra rota estratégica da nova articulação regional. Dois nomes ligados ao governo de Santo André, entre eles um ex-vereador do PTB de São Caetano, estão com as conversas bastante adiantadas para desembarcar no reduto. A ideia é assumir o partido e dar visibilidade a legenda já na sucessão do prefeito José Auricchio Júnior (PTB), que já escolheu o sucessor, mas ainda não externou publicamente.

Câmara de Santo André vive agitação A retomada dos trabalhos em plenário na Câmara de Santo André, na próxima terçafeira (01/02), está recheada de expectativa. O ambiente nos corredores da Casa, às vésperas do regresso, é tomado por especulações e olhares desconfiados de vereadores e assessores. O tom é decorrente do encontro deliberativo derradeiro dos parlamentares. Na última sessão antes do recesso, em dezembro, o Legislativo viveu o apogeu das articulações na

eleição da presidência da Casa. Numa trama sigilosa, Almir Cicote (PSB) – apoiado pelo PT, Paulinho Serra (PSDB) e Alemão do Cruzado (PSL) – quase protagonizou a invertida no governo. O Paço entrou em ação e, sob a batuta de Nilson Bonome, conseguir virar o jogo revertendo, repentinamente, o voto de Marcelo Chehade (PSDB) em prol do governista José Araújo (PMDB). Os observadores de plantão ainda vão redobrar a atenção sobre o posicionamento dos

vereadores do PSB e PSDB. As duas legendas iniciaram o governo Aidan como integrantes da sustentação. Mas agora, depois da rebeldia na eleição da Mesa, são incógnitas sob o prisma futuro. Na pauta também está a discussão do aumento do número de vereadores. De acordo com a PEC (Proposta de Emenda Constitucional) aprovada em 2008, Santo André elevará dos atuais 21 para 27 o quórum total do plenário a partir de 2013.

Mudanças também no Estado Com a morte do ex-governador Orestes Quércia, uma lacuna foi aberta no território paulista. Este espaço deverá ser preenchido por uma articulação capitaneada por Michel Temer. Um dos iminentes reforços, para traduzir no Estado o peso que os pemedebistas tem em nível federal, é o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM). As conversas com o chefe do Executivo Paulistano estão praticamente concluídas. O ainda democrata só busca o momento mais oportuno para sair do ninho. De imediato, o PMDB paulista arquiteta uma comissão provisória com cerca de oito integrantes para nortear os caminhos da sigla. Entre os representantes do chamado “núcleo duro” terá um nome de destaque do ABC. Com isso, a legenda espera deixar o papel de coadjuvante no reduto paulista. No pleito de 2008, por exemplo, a sigla não lançou candidatura própria na disputa da Prefeitura de São Paulo – Alda Marco Antônio saiu como vice de Kassab – e nem encabeçou chapa nos municípios do ABC.

Prevenção, caminho para salvar vidas A perda de centenas de vidas é o saldo da tragédia que se abateu sobre a região Serrana do Rio de Janeiro neste começo de ano. Além da solidariedade às famílias que perderam entes queridos, fica, aos gestores públicos, o debate sobre de que forma se deve agir para atenuar os efeitos das chuvas de verão. Desde 2009 a Prefeitura realiza intenso trabalho preventivo para salvar vidas que se divide em três linhas gerais: produzir estudos e mapear as áreas de risco; desenvolver ações continuadas de redução de riscos; organizar e capacitar a comunidade a se defender em caso de chuva. O primeiro passo foi o Plano Municipal de Redução de Ris-

cos (PMRR). Elaborado por especialistas no assunto, o plano mapeou de modo detalhado as áreas problemáticas e propôs diversas linhas de atuação. Municiados de informações, passamos a agir em diversas frentes, como no monitoramento das áreas de risco, ação essencial quando se considera que o grau de periculosidade pode aumentar com as chuvas ou diminuir com obras. Essas, aliás, são outras fontes de ação e combinam drenagem urbana, tratamento de encostas - inclusive com o reflorestamento - e estabilização de taludes. Para essas obras a Prefeitura obteve R$ 589 milhões do PAC II. Foi também orientado pelo PMRR que a Prefeitura interditou ca-

Billings É muito triste ver o governo Estado adotando a Billings como depósito de esgoto ao invés de controlar a invasão imobiliária em torno da várzea dos rios Pinheiros e Tietê. Temos de analisar essa questão como um retrocesso, pois hoje começa jogando esgoto por causa da cheia e depois se torna uma prática rotineira. Já vimos esse filme antes.

sas que apresentavam perigo aos moradores. Apenas em 2010, mais de 1,3 mil famílias foram removidas e incluídas no programa Renda Abrigo, que financia R$ 315 mensais ao aluguel e beneficia, hoje, 3.443 famílias. A solução a longo prazo, no entanto, é garantir moradia digna a todas essas pessoas, o que está sendo feito com a construção de 5,2 mil unidades habitacionais. Para evitar novas tragédias, também mobilizamos quem mais conhece os seus problemas, os próprios moradores. Por meio dos Núcleos Comunitários de Defesa Civil (NUDECs), lideranças da comunidade capacitadas pela Defesa Civil estão prontas a reconhecer situações de risco

Estado sobre bombeamento no do Estado. Só se lembram de águas para Billings da região em época eleitoral. Assim foi para a conclusão do Sem água Hospital Mário Covas, assim O boleto para o pagamento, está sendo com a Billings. faça chuva ou faça sol, chega e aquele que não pagar terá o Renê Contrucci Montaño abastecimento cortado. São Bernardo questionará Estado sobre bombeamento Silvestre Antonio Tironi de águas para Billings 80% dos moradores de Santo André estão sem água Receio Não tenho nada contra o senhor Billings 2 Bonome. Aliás, nem o conheço Ivone A. Carvalho O ABC em geral há muito vem pessoalmente. Preocupa-me, São Bernardo questionará sendo esquecido pelo gover- no entanto, como munícipe,

Os comentários acima estão no site www.reporterdiario.com.br

e agir para preveni-las. Por fim, desenvolvemos um programa para avisar e orientar a população durante as chuvas, a Operação Guarda-Chuva. Prevê, nas 58 áreas mapeadas como de risco alto, a ampla divulgação de informações sobre como proceder em caso de emergência; estipula uma série de refúgios e abrigos; e define a remoção de famílias quando necessário. Com todas essas ações, estamos trabalhando de forma permanente para evitar tragédias, buscando acima de tudo salvar vidas e garantir moradia digna. Luiz Marinho, prefeito de São Bernardo que esse supersecretário tenha sob si as pastas da Saúde e de Finanças do município, além da de Governo. Não consigo imaginar como uma só pessoa consegue dar conta dessas demandas todas. Alguma coisa acaba sendo prejudicada, com certeza. O prefeito não confia em mais ninguém, além do Bonome? Afonso Penna Liberação do aterro de Santo André ocorrerá nos próximos dias


Sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

CIDADES

Repórter Diário

Oswaldo Dias planeja mais um piscinão para Mauá

3

Fotos: Marciel Peres

Prefeito anuncia, ainda, a construção de 2,1 mil casas com recursos do PAC, em parceria com a CDHU e a CEF Leandro Amaral

O

prefeito Oswaldo Dias (PT) revelou durante entrevista ao Repórter Diário que Mauá terá mais um piscinão. A promessa foi feita ao petista pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), em um dos contatos telefônicos durante o período crítico das chuvas que vitimaram seis pessoas (cinco em deslizamentos de terra e uma afogada) nas últimas semanas. O quinto piscinão da cidade será construído no Jardim Miranda. Os outros quatro estão localizados nos jardins Zaíra e Sonia Maria, Paço e bairro Capuava. O maior dos reservatórios tem capacidade de um milhão de metros cúbicos de água. Além disso, segundo Oswaldo Dias, até 2012, o fim do mandato, 2,1 mil casas serão construídas no município com recursos do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), parcerias com a CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano) e a Caixa Econômica Federal (CEF). No âmbito federal, Mauá também reivindica casas do Programa Minha Casa, Minha Vida. A expectativa é que as novas unidades habitacionais sejam destinadas para moradores de áreas de risco. Sobre as fortes chuvas que caíram nas últimas três semanas, Dias garante que o municí-

pio tem dado assistência às vítimas. “As famílias estão abrigadas”, garante. Repórter Diário: As consequências trágicas das chuvas no município poderiam ter sido menores por intervenção prévia da Prefeitura? Oswaldo Dias – Só para se ter uma ideia do volume de chuva que caiu na cidade, a da terça-feira (18) registrou 80 milímetros em três horas. A média histórica do mês é de 239 milímetros. Portanto, em três horas, choveu na cidade mais de um terço do previsto para o mês inteiro. Terminada a chuva, a Prefeitura começou a trabalhar na limpeza e na desobstrução das ruas. O abastecimento de água foi normalizado. Decretamos situação de emergência e encaminhamos o decreto para o governo do Estado e a Caixa Econômica Federal. A partir disso, vamos receber mais recursos para lidar com essas situações.

Prefeito rebate críticas

RD: Os programas habitacionais atenderão as pessoas que perderam suas casas? OD: Atualmente 2.163 moradias estão em construção ou em fase de projeto e licitação. Além disso, estamos pleiteando unidades habitacionais através do Programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal e da CDHU, do governo do estado. O que dá para afirmar é que, até o fim de 2012, vamos entregar 2,1 mil casas para famílias que moram em área de risco. RD: O município conseguirá obter recursos para realizar estas obras? OD – Apresentamos projetos habitacionais e temos verba aprovada nos PACs 1 e 2. No jardim Oratório, a expectativa é de que sejam construídas perto de 700 unidades com recursos do PAC 1. Pelo PAC 2, a previsão é construir casas nos jardins Kennedy e Cerqueira Leite. Estão previstas também construções de muros de arrimo e de piscinão no jardim Miranda, como medidas de contenção de deslizamentos e enchentes. RD: O piscinão foi acertado com o governo de São Paulo? OD: O governador me ligou três vezes nesse período. Nos próximos dias, uma equipe técnica do DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica) vai analisar o local do jardim Miranda para iniciar a construção. RD: Como estão os projetos assinados com a Caixa Econômica Federal para a área habitacional?

Prefeitura de Santo André diz que terreno na Rondinelli é particular Natália Fernandjes O terreno da Travessa Lourenço Rondinelli, em Santo André, utilizado como estacionamento há pelo menos 12 anos, pertence à AES Eletropaulo, de acordo com a Prefeitura. O espaço é administrado atualmente pelo flanelinha identificado como Carlão - que chega a lucrar até R$ 10 mil por mês conforme informou um exguardador de carros do local. De acordo com o Departamento de Segurança de Trânsito e a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação do município, tramita um processo para que a titularidade do terreno seja passada à Prefeitura. A ideia é doar o terreno ao Fundo Social de Solidariedade para que este

conceda a área a uma entidade assistencial para explorá-la como estacionamento. Para o vereador andreense José Ricardo, o ideal é que seja trocada a entidade assistencial que administrará o terreno a cada ano. “Dessa forma todas as instituições do município seriam beneficiadas”, defende. Projeto de lei José Ricardo revela que foi procurado por membros da Igreja Adventista Central de Santo André - localizada em frente ao estacionamento – pois “estariam interessados em utilizar o espaço”. Junto com o vereador Tiago Nogueira, José Ricardo elaborou projeto de lei para transformar a área ociosa em praça pública. “Não conseguimos que esse projeto avan-

çasse, porque a Prefeitura não tem domínio sobre o terreno, que é da Eletropaulo”, comenta. Segundo o zelador da Igreja Adventista Central de Santo André, Valentim Pastre, o estacionamento é usado por membros da igreja há pelo menos oito anos e os guardadores de carros não cobram para olhar os veículos. “Eles (flanelinhas) só pedem uma ajuda e cada um paga quanto quer”, diz. Quando informado que um dos flanelinhas do espaço cobrou R$ 3 para que o funcionário do Repórter Diário deixasse o carro pelo período que desejasse e R$ 40 por uma vaga para mensalistas, o zelador declarou que os guardadores não poderiam cobrar. “Então não estou sabendo disso. Está errado”, destaca.

Inspetoria do Taboão será inaugurada em fevereiro com 75 guardas Aline Bosio Prevista para ser entregue no final de fevereiro, a Inspetoria Regional do Taboão, em São Bernardo, deve amenizar a sensação de medo dos moradores locais. A unidade, que está sendo erguida na rua Dinamarca, reunirá inicialmente 75 guardas municipais e 10 viaturas. Até o fim do ano o efetivo receberá mais 25 integrantes. Com investimento na ordem de R$ 1 milhão, proveniente dos cofres municipais e Pronasci (Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania), o equipamento visa aproximar a GCM (Guarda Civil Municipal) da população. “A proximidade dos guardas com a comunidade é muito importante. A eficiência do trabalho melhora, o guarda passa a conhecer melhor o lo­­­­­­cal e, com isso, aumenta a agi­lidade dos atendimentos”, afirma o secretário

adjunto de Segurança Urbana da cidade, Mário Sérgio Gonçalves Leite. “A presença constante da GCM na rua também inibe crimes, co­mo furtos e roubos”, acredita. Estima-se que a unidade – a terceira do município – irá beneficiar 63 mil moradores. “A escolha do bairro não foi em vão. A região possui alto índice de criminalidade e fica muito longe do centro, onde fica a base da GCM. Nosso objetivo é descentralizar a Guarda”, explica o secretário. Além das inspetorias Batistini/Alvarenga e Riacho Grande, em funcionamento, os bairros Assunção e Rudge Ramos também poderão contar com bases. “Isso ainda está em estudo, mas queremos tirar no papel o quanto antes. O que é difícil é encontrar espaço adequado”, finaliza.

tão ansiosos pelo início dos trabalhos. O entregador de gás Pedro Feliciano Filho, que atua no bairro há 10 anos, disse que é assaltado quase todo mês. “Espero que com a base por aqui e com guardas passando mais frequentemente o índice de criminalidade diminua”, espera Feliciano. Vera Fonse­c a Costa, diretora de uma escola infantil, tem a mesma opinião. “Vários pais de alunos já tiveram os carros roubados quando vieram buscar os filhos. Creio que teremos mais segurança”, diz. Quem mora nas proximidades da estrada Galvão Bueno, entre os bairros Alvarenga e Batistini, já começou a colher resultados. “Nós sentimos mais a vontade de sair de ca­s a”, conta o comerciante Claudinei Inácio Alívio Pereira. “Desde que a base Moradores de ruas próxi- foi aberta aumentou a segumas de onde será instalada rança”, acrescenta o chapeiro a Inspetoria do Taboão es- Cláudio da Silva.

OD: Assinamos no dia 13 de janeiro um contrato com a Caixa para a construção de 38 moradias no Núcleo Cincinato Braga/Kunnio. Pelo PAR (Programa de Arrendamento Residencial), serão construídas 86 casas no jardim Paranavaí. RD: Quantas famílias, atualmente, vivem em área de risco? OD: Vamos saber disso por meio de um estudo que será feito (o último levantamento neste sentido foi feito pelo IPT – Instituto de Pesquisas Tecnológicas em 2004). Os dois maiores gargalos são na região do Oratório e do Zaíra. Nós temos várias famílias que ainda moram em áreas de risco, que começaram a ser ocupadas nos anos 1960 e, infelizmente, muitos governantes daquela época incentivaram esses loteamentos irregulares. No período de 1997 a 2004 realizamos série de ações de regularização fundiária, mas durante 2006 e 2008 o trabalho foi interrompido e os resultados são mais famílias em área de risco. RD: Qual o atendimento dado pela Prefeitura às famílias desabrigadas pelas chuvas? OD – Todas as famílias atingidas pelas chuvas estão sendo atendidas. As que tiveram as casas interditadas pela Defesa Civil têm direito a auxílio emergencial financeiro de R$ 300 e a uma cesta básica. A Prefeitura montou dois abrigos para receber os desalojados. Temos 60 pessoas acolhidas no abrigo do Zaíra e mais 27 no do Orató-

Prefeito garante que não quer utilizar situação para se promover

rio. Cada pessoa tem direito a três refeições diárias, chuveiro e banheiro. RD: Qual o imbróglio existente na área do Chafic, no Morro do Macuco, que foi uma das mais atingidas? OD – Essa área, particular, possui moradores em área de risco. Em 2003, fizemos pedido à Justiça, solicitando liminar para a Prefeitura atuar na área. A intenção é levar obras de infraestrutura para o local, mas como é área particular, não podemos atuar sem a autorização judicial. Conseguimos, por meio do PAC 2, verba de R$ 2,4 milhões para

projeto de regularização para esta área, além de mais R$ 300 mil para estudo das áreas de risco no município. RD: O senhor tem sido muito criticado pelo fato de não ter saído na mídia visitando os locais afetados pelas chuvas. Porém, outros políticos têm aparecido com freqüência nesses locais. OD – É deplorável, em pleno século 21, que políticos subam em caminhão para distribuir cesta básica e, com isso, busquem se promover politicamente com o drama alheio. Precisamos ter seriedade e respeito com as famílias atingidas pelas chuvas.


4

CIDADES

Repórter Diário

Sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Lojistas do Boulevard Itambé reclamam do abandono

Conjunto de boxes foi criado para tirar camelôs do centro de Santo André Carolina Neves

Natália Fernandjes Há quase três anos, quando foram retirados das ruas centrais de Santo André e colocados em quiosques no Boulevard Itambé, os excamelôs reivindicam atenção da Prefeitura. O espaço, construído em frente à estação da CPTM, entre a rua Itambé e a avenida Industrial, foi inaugurado em 14 de julho de 2008 e desde então está à espera de melhorias. Os lojistas dizem que a precariedade do espaço tem prejudicado as vendas. Joselino Francisco Bueno, secretário do Boulevard, conta que os clientes procuram o local, mas depois não voltam, pois o espaço não oferece infraestrutura. “A Prefeitura instalou um guarda-sol e tivemos que nos organizar para colocar lonas, mesmo que horríveis, porque chovia mais aqui dentro do que lá fora”, conta. Bueno diz que, na época das fortes chuvas, entrou quase meio metro de água nos boxes, o que causou perda de mercadorias e transtorno. “Pedimos para o Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) limpar o local, mas até agora não fomos atendidos”, comenta.

Nononono nononon

Comerciantes afirmam que falta de infraestrutura afasta clientes e prejudica vendas

Outra reivindicação dos ex-camelôs é a licença para uso do espaço. “Vai fazer três anos que estamos aqui e ainda temos as mesmas licenças de quando estáva-

Prefeituras injetam R$ 2 milhões no Carnaval Da Redação Para organizar os desfiles de Carnaval deste ano, em março, as prefeituras da região gastarão R$ 2,1 milhões, quase 35% a mais que no ano passado. Diadema lidera o ranking com investimento de R$ 693 mil (R$ 150 mil em 2010), seguida por Santo André (R$ 627 mil), São Bernardo (R$ 576 mil) e São Caetano com (R$ 300 mil). As três últimas repetirão o investimento feito ano passado. Na maioria dos municípios, os desfiles ocorrerão entre os dias 5 e 6. Em Rio Grande da Serra, não haverá desfile, mas apresentações de banda e marchinhas típicas da época, e acontecem até o dia 8. São Bernardo São Bernardo realizará desfile nos dias 5 e 6. Ao todo, 14 escolas passarão pela avenida Aldino Pinotti, situada próxima ao Paço Municipal. Pela primeira vez, as escolas do município receberam subvenção de R$ 576,8 mil antes e, assim, poderão planejar a festa. “Esse Carnaval vai ser muito melhor, até porque estamos sempre buscando melhorar” afirma Natalina Paronetti, presidente da União Cultural das Escolas de Samba de São Bernardo. As escolas do segundo grupo (Fúria Negra, Unidos de Vila Rosa, Acadêmicos de Bae­­ta Neves e Terceira Idade Brilha São Bernardo) e as pleiteantes (Unidos da Paulicéia e Império do Jardim Lavínia) se apresentarão no sábado. Já as escolas do primeiro grupo (Mocidade Alegre de São Leopoldo, Acadêmicos de Vila Vivaldi, Renascente de São Bernardo, União das Vilas, Estação Primeira de Baeta Neves, Rosas Negras, Gaviões do Morro e Camiseta Vermelha e Branca) desfilarão no domingo. São Caetano Em São Caetano, o desfile se­rá no dia 5 de março, a partir das 20h30, na avenida Guido Alberti. Quatro escolas participarão do desfile: Acadêmicos da Vila Gerty, Imperatriz do bairro Nova Gerty, União da Ilha da Prosperidade e Tradição da Ponte. Cada agremiação tem 300 participantes em média e recebe R$ 35 mil da Prefeitura. O restante da verba - R$ 160 mil - será usado na infraestrutura do desfile. Diadema Além das apresentações das escolas, Diadema realizará workshops e bailes. As atividades começam já dia 9 de feverei-

ro, com aula sobre confecção de adereços, máscaras e fantasias. Os desfiles acontecem dias 5 e 6 de março na avenida Ulisses Guimarães, com previsão de início às 23h no primeiro dia e às 22h no segundo. Desfilarão nove escolas. Dos R$ 693 mil, Diadema aplicará R$ 460 mil em infraestrutura e R$ 225 mil nas escolas. Em 2010, o município realizou apenas um dia de desfiles por problemas financeiros. Santo André Santo André conta com aporte de R$ 627 mil e realizará os desfiles no dia 5, a partir das 18h30, no Espaço Pirelli (avenida Giovani Batista Pirelli). A primeira a passar pela passarela do samba será a aspirante União do Morro, seguida das pleiteantes (Asa Branca e Império Parque Novo Oratório). O encerramento será com o Grupo B. O segundo dia começa às 19h com apresentação das escolas do Grupo A. Mauá Mauá não realizará desfiles este ano por problemas na data de entrega de subvenções à Uesma (União das Escolas de Samba de Mauá). As apresentações retornarão em 2012. Até o fechamento desta edição nenhum representante da Uesma havia sido localizado para comentar o assunto. Rio Grande da Serra Sem desfiles, Rio Grande da Serra manterá a tradição de realizar apresentações de bandas de axé, marchinhas e bandas na praça da Bíblia. A festa tem início no sábado (dia 5) e vai até a terçafeira de Carnaval. (Colaborou Larissa Marçal).

mos nas ruas”, observa o diretor do Conselho Fiscal do Boulevard, Plácido José de Brito, o Toninho. Segundo o comerciante, nas reuniões realizadas com a Prefeitura,

sempre é alegado que os ambulantes precisam de um termo de uso do espaço e que isso só é possível depois de uma alteração na lei municipal 8966, de 2007.

Comerciante diz que foi promessa eleitoral Para o comerciante Aparecido Batista, uma reunião com o prefeito Aidan Ravin seria suficiente para resolver o problema do Boulevard Itambé. “Gostaríamos que o prefeito recebesse a diretoria do Boulevard da mesma forma que fez quando estava em campanha eleitoral e prometeu ajuda. Parece que agora ele se esqueceu da gente”, completa. Dos 133 quiosques espalhados pelo Boulevard, pelo menos 50 estão abandonados. “A cada dia um box fecha. Assim, fica difícil manter o movimento sem as melhorias prometidas”, comenta o comerciante Plácido José de Brito. Desde que deixou sua banca na rua 15 de Novembro para ocupar um box no Boulevard, o comerciante Aparecido Batista afirma que as vendas despencaram 90%. “A lei que tira a gente das ruas só é cumprida por um lado. Aparte que prevê que a Prefeitura é responsável pela gente ficou de lado”, diz. Brito conta, ainda, que as dívidas viraram uma bola de

neve, porque precisou trocar o ramo de mercadoria pelo menos três vezes desde que foi transferido para o Boulevard. Acisa Sidnei Muneratti, presidente da Acisa (Associação Comercial e Industrial de Santo André), comenta que os comerciantes do Boulevard possuem espírito empresarial, mas precisam de apoio técnico para não voltar à ilegalidade. “Quando realizamos um trabalho para informá-los sobre o empreendedorismo, observamos que a tendência de formalização era grande, mas à medida que não são ouvidos pela associação perdem a disposição”, observa. Desmotivação é a palavra encontrada pelo diretor do Conselho Fiscal do Boulevard, Plácido José de Brito, para esclarecer o porquê o trabalho feito pela Acisa - cursos e palestras sobre empreendedorismo - não foi tão produtivo. “Infelizmente os cursos não ajudam em nada na situação que estamos”, comenta. (NF)

Depois da tempestade... a tormenta Marciel Peres

Da Redação

Dez dias após as fortes chuvas que atingiram Santo André, comerciantes ainda tentam voltar à rotina de trabalho e estão indignados com a desatenção das autoridades. Na rua Álvares de Azevedo, centro, a casa Sebo do Carlos perdeu cerca de 40 mil livros, praticamente todo o estoque. Segundo Elenita Grego, que trabalha na loja, há um total descaso por parte do poder público com relação à ocorrência.  “Eu não estou aqui vendendo qualquer coisa. Isso aqui é cultura. E eles (a administração) não dão a mínima importância. Não se interessaram pelo que aconteceu, não oferecem ajuda para limpeza, é um total descaso”, desabafa Elenita. Outro problema apontado é a falta de compreensão da vizinhança, que os acusa de sujar a rua.  “Nenhum agente do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) ou da Prefeitura ofereceu ajuda ou orientação pelo que aconteceu. Se não fosse pelos catadores de lixo a sujeira ainda estaria toda na calçada”, diz. A lavagem da rua também não foi realizada e, por isso, o pó é outro problema que incomoda os lojistas. Dono de bicicletaria instalada na mesma via, Marcos Detício perdeu documentos e só não teve mais prejuízo porque as peças vendidas na loja resistem à água. “Não veio ninguém nos orientar, o máximo que fizeram foram amontoar a sujeira para que depois o caminhão

Botas e luvas ocupam lugar que antes eram dos livros de poesia

recolhesse”, afirma. Arthur Luiz de Oliveira, da Klash Tatoo, perdeu desenhos e computador, além do prejuízo de ter a loja fechada durante dois dias. “Eu não sei o que esperar porque se pedir para eles fazerem alguma coisa pode ser pior. Da última vez que fizeram uma reforma nas galerias, as lojas tiveram de ser fechadas”, afirma Arthur. Desconto no IPTU Dos comerciantes ouvidos pela reportagem, apenas Marcos Detício informou ter buscado o desconto do IPTU (Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana), benefício concedido aos proprietários de imóveis atingidos pelas

enchentes. Os outros disseram não acreditar no ressarcimento e afirmam desanimar perante a burocracia. Segundo o advogado César Moreira, diretor de Relações Institucionais da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) de Santo André, é direito de o cidadão ter 50% do valor do IPTU reduzido nestes casos. Para isso, basta fazer requerimento na Prefeitura. “O procedimento é simples e feito na hora. As pessoas devem buscar ser ressarcidas e em caso de recusa do poder público, elas devem procurar um advogado de confiança para garantir os direitos”, afirma. (Colaborou Carolina Neves)

Semasa debate soluções Na última segunda-feira (24) integrantes da SOL (Sociedade Oliveira Lima e Região), OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e Acisa (Associação Comercial e Industrial de Santo André) se reuniram com o superintendente do Semasa, Ângelo Pavin, para discutir ações que evitem as enchentes cada vez mais frequentes na região. A autarquia se comprometeu inspecionar galerias e rever o horário da coleta de lixo no local, assim como orientar a população. “Precisa ficar claro que a enchente no dia 18 foi uma situação atípica. ”, afirmou Fernando Debeus, superintendente adjunto do Semasa. O volume e o tipo de sujeira encontrada nas ruas após a enchente fizeram os comerciantes suspeitarem de obstrução das galerias. Outra solução apontada é a construção de piscinões próximos ao rio Tamanduateí e de retenções nos pontos mais altos da cidade, como avenidas Portugal e Pereira Barreto para evitar a vazão para a baixada. “Estou confiante nas ações discutidas, agora é só esperar para ver se terão resultado efetivo”, disse Hélio Farber, presidente da SOL. (CN)


Sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

ECONOMIA

inclui Autos, Esportes, Educação e Saúde 5

Inauguração do Golden é incógnita Natália Fernandjes Programada para abril, a inauguração do Golden Square Shopping, em São Bernardo, não tem mais data prevista para acontecer. Esta é a segunda vez que o cronograma do empreendimento de 16 mil m², na avenida Kennedy, sofre alteração. O projeto inicial previa abertura das portas do shopping em novembro do ano passado. Segundo o advogado responsável pelo processo de unificação entre os proprietários do empreendimento, Marco Alexandre, o shopping abrirá as portas, só não se sabe quando. Uma das prováveis justificativas para o atraso das obras é a

xandre, o empreendimento beneficiará os consumidores de toda a região. “O público A, B e diria até a classe média alta do ABC não precisará mais buscar estes serviços conceituais em São Paulo”, comenta. Para Alexandre, além de gerar renda para o ABC, o shopping trará empregos e, com isso, capacitação de mão de obra. Na visão do vice-presidente da Acisbec (Associação Comercial e Industrial de São Bernardo), Valter Moura Júnior, a região da avenida Kennedy crescerá com a inauguração do empreendimento. “Hoje São Bernardo tem uma carência muito grande de Mais emprego shoppings devido ao porte Segundo o secretário de do município e ao PIB (ProRelações Internacionais de duto Interno Bruto), que é o São Bernardo, Marcello Ale- primeiro do ABC”, comenta. Novo empreendimento terá investimento total de R$ 240 milhões e contará com 220 lojas para classe A e B

Best Shopping faz faxina enquanto espera acordo Abandonado desde 2009, o prédio onde funcionava o Best Shopping, em São Bernardo, recebe serviço de limpeza este mês. A expectativa é que sejam retiradas mais de mil toneladas de entulho até fevereiro. A operação é estimada em R$ 450 mil. Marco Alexandre, advogado responsável pela administração do empreendimento, afirma que a limpeza foi possível após assembleia com condôminos. “Assim que a operação for concluída faremos nova reunião para tentar acordo sobre a destinação do prédio”, destaca. O imbróglio para recuperação do shopping se estende há mais de 10 anos,

Marciel Peres

mudança entre os acionistas do local. Hoje, as empresas Squarestone e Jorge’s Imóveis e Participações detêm os ativos do empreendimento. Com investimento previsto de R$ 240 milhões, o shopping de alto padrão contará com 220 lojas, quatro delas âncora, oito mega stores, cinco restaurantes gourmet, praça de alimentação, cinemas Multiplex com seis salas e estacionamento com 1,6 mil vagas. O antigo Golden Shopping foi inaugurado há 17 anos, mas está com as portas fechadas há mais de cinco.

porque o espaço tem mais de 100 proprietários. “Muitos estão fora do Brasil e alguns até já morreram”, comenta o advogado do shopping, que amarga dívida de R$ 12 milhões, entre ações trabalhistas, tributárias e impostos. Horácio César Biazoni, diretor da PHD Imóveis, conta que, em virtude da localização, sempre houve procura de investidores pelo espaço. “Já tive várias propostas, mas nunca consegui efetivar compras, porque a minoria (8%) dos proprietários não concordava com a venda”, observa. Segundo Biazoni, as negociações relacionadas às vendas estão suspensas. (NF)

Procon faz balanço na região As unidades do Procon na região começam a apresentar o balanço de 2010. São Bernardo contabilizou 56.992 atendimentos no ano passado, sendo 17.551 relacionados a assuntos financeiros, líder das reclamações. Apesar de para a chefe da Seção de Defesa do Consumidor do órgão, Angela Galuzzi, 2010 ter sido complicado, com pelo menos 10% mais reclamações que em 2009 e empresas mais arredias na hora de conversar, 80% dos casos foram resolvidos. Em 2010, os atendimentos relacionados a serviços privados somaram 15.480. A expectativa para 2011 é conse-

guir 90% de soluções nos atendimentos. “Estou aqui há 14 anos e percebo que a demanda só aumenta”, considera Angela. No geral, o prazo para que um atendimento seja resolvido é de 60 dias. O Procon já vem sendo encarado pelos consumidores como instituição amiga. “Eles (consumidores) já têm consciência da importância do Procon e sabem bem dos seus direitos”, comenta Angela. Diadema Em 2010, o Procon de Diadema atendeu 10.870 consumidores, sendo 7,7 mil orientações, 2.772 mediações e 398

reclamações. Em 2009, o órgão registrou 13.344 atendimentos (reclamações e orientações) e 537 audiências (reclamações fundamentadas). Enfraquecimento Para o advogado especializado em Direito do Consumidor, Arthur Rollo, ultimamente a atuação do Procon é mais tímida e não tem assustado os grandes fornecedores. Segundo Rollo, ressalvadas as forçastarefas feitas por ocasião de leis específicas, como a lei antifumo, a fiscalização é feita de forma tímida e não apresenta resultados práticos. Um exemplo é o cadastro

de reclamações do Procon no Estado de São Paulo. As mesmas empresas lideram os cadastros há anos: as cinco primeiras disputam a liderança, menos a primeira posição, que sempre é da Telefônica. No geral, as empresas são multadas e muitas vezes as infrações são anuladas. Na visão de Rollo, só vale a pena recorrer ao órgão de Defesa contra pequenos fornecedores que ainda temem sua atuação. Em relação aos demais, é melhor recorrer diretamente ao Judiciário, percurso administrativo que leva tempo e gera deslocamentos para o consumidor. (NF)


6

Repórter Diário

AUTOS/ESPORTES Fotos: Jorge Rodrigues Jorge/Carta Z Notícias

Para se enturmar com a galera GT Line tenta reforçar imagem de jovialidade do Renault Sandero

te, a faixa topo de linha com o Stepway. A ideia da Renault é que os aspirantes a um Sandero bem equipado possam escolher entre um com acabamento esportivo e outro com ares jipeiros. No preço, a vantagem vai para o GT Line. Por R$ 42.590 é possível comprar o hatch “nervoso” já com ar-condicionado, direção hidráulica, airbag duplo e rádio integrado – o único opcional são os freios ABS, por R$ 1 mil –, contra R$ 45.690 cobrados pelo Stepway

Dentro de toda a gama da Renault, pode-se dizer que o Sandero é o modelo com desenho mais simpático. Muito por isso, tende a ser o que mais se aproxima do gosto do público jovem. E foi de olho nesses possíveis clientes que a marca francesa resolveu fazer a edição GT Line, com visual mais esportivo do compacto. Além do apelo estético, indispensável entre os carros com este tipo de aspiração, esta série limitada do Sandero chega com o motor 1.6 16V Hi-Flex, antes reservado apenas para a derivação “aventureira” e top Stepway. A GT Line chega também para marcar o ótimo ano do Sandero. Em 2010, foram vendidos 68.832 unidades do hatch “altinho”, que se colocou à frente de concorrentes de marcas tradicionais, como o Chevrolet Agile. Além do propulsor, o GT Line chega para segmentar, mesmo que momentaneamen- Preço começa na casa dos R$ 42 mil

sem tantos equipamentos. Além do preço, a Renault aposta na garantia de três anos, já oferecida para outros modelos da marca, para uma boa recepção do mercado. No visual elaborado pela equipe do Renault Design América Latina, o Sandero GT Line também se destaca, principalmente pelos apliques em preto. Na dianteira, elementos como lentes dos faróis e lanternas e moldura das luzes de neblina pintadas na cor ajudam a dar um aspecto mais “exibido” ao hatch. Já na lateral, são as rodas de liga leve de 15 polegadas com design exclusivo e também pintadas de preto que chamam a atenção. Na parte posterior, o destaque fica para o aerofólio e para a ponteira do escapamento cromada que completam o desenho esportivo do GT LineDo

Peugeot comunica recall de veículos Da Redação A PSA Peugeot Citroen do Brasil Automóveis Ltda. convoca os proprietários dos veículos Hoggar 2010 (com chassi inicial AB048424 e chassi final BB007654) a comparecerem à rede de concessionários da marca para verificação do torque de fixação dos parafusos do suporte do alternador na bomba de direção hidráulica e, se necessário, substituição do suporte do alternador, da correia de acessórios e do alternador. A Peugeot esclarece que entre os intervalos de chassis re­ lacionados há veículos que não estão inclusos neste recall. Para

confirmação, deve-se contatar o SAC (Serviço de Atendimento ao Cliente) da empresa pelo telefone 0800 703 2424. No comunicado, a empresa informa sobre a possibilidade de haver uma má aplicação do torque de fixação dos parafusos do suporte do alternador na bomba de direção hidráulica, o que pode gerar um desalinhamento da polia da direção hidráulica e consequente desprendimento ou rompimento da correia de acessórios. Pode ocorrer também a fissura no suporte do alternador, ocasionando a perda de assistência da direção e consequentemente risco de acidente.

Lula assistirá Ramalhão jogo de Tigre busca vitória e Corinthians contra Ituano

Edição GT Line tem visual esportivo e compacto. Detalhes no volante também são novos

Rodrigo Machado, da Auto Esporte

Sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Da Redação

lado de dentro, esta versão se diferencia pelos apliques pretos brilhantes no painel e nas portas, costuras vermelhas aparentes no revestimento da alavanca de câmbio e no volante, novas padronagens no tecido dos bancos, além de um novo grafismo no quadro de instrumentos. O motor 1.6 16V, que já equipa outros modelos da Renault no país, como Symbol e Mégane Grand Tour, rende 107/112 cv de potência a 5.750 rpm e 15,1/15,5 kgfm de torque a 3.750 giros. A marca afirma que 90% dessa força aparece já a 2 mil rpm. Um pequeno alento para quem busca um comportamento pelo menos próximo das pretensões estéticas do GT Line.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva assistirá, neste domingo (30), ao jogo do Campeonato Paulista entre Corinthians e São Bernardo, no Estádio 1º de Maio. Convidado pelo prefeito da cidade, Luiz Marinho (PT), para a reinauguração do estádio, Lula deve dar o pontapé inicial e acompanhará o jogo de um camarote. Conhecido antes como estádio da Vila Euclides, palco das históricas assembleias dos metalúrgicos do ABC na década de 1980, o local foi reformado e será reaberto oficialmente uma hora e meia antes do jogo, marcado para as 19h30. Foram gastos R$ 11,5 milhões para aumentar a capacidade do estádio de 13 mil para 15,8 mil torcedores, segundo a prefeitura. Também foram construídas cabines para a imprensa e instaladas novas torres de iluminação.

Da Redação Ainda sem conseguir vencer na Série A1 do Campeonato Paulista, o Santo André ecebe o Ituano, neste sábado (29), às 17h, no Estádio Bruno José Daniel. Na quarta-feira, o time empatou fora de casa com o Mirassol, pelo placar de 1 a 1. Ocupando a 16° colocação, com três pontos conquistados em quatro jogos disputados, o Santo André ainda não sabe se poderá contar com o atacante Rychely. O jogador, que pode se transferir para o futebol russo depende da liberação do passaporte ou de um documento de emergência para a transação ser concluída. Caso isso não aconteça, o atacante será reintegrado. São Caetano Depois de empatar com o Santos, líder da competição, em 3 a 3, na última quartafeira (26), o São Caetano viaja até Campinas para enfrentar a Ponte Preta, neste sábado, a partir das 19h30.


7

EDUCAÇÃO

Sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

É hora de pensar na pós-graduação Natália Fernandjes Ingressar num curso de lato sensu ou stricto sensu é bom caminho para profissionais aprofundarem conhecimentos numa área específica, por vontade própria ou exigência do mercado. Educadores, no entanto, recomendam investir na especialização ou carreira acadêmica apenas quando o profissional estiver mais maduro em relação à área em que atua. Para o coordenador de PósGraduação da Faculdade Anchieta, em São Bernard, Dirceu Matheus Junior, o candidato que procura atualização no nicho de interesse sobe um degrau no mercado de trabalho. “Com a falta de mão de obra qualificada, a necessidade de aprofundar o conhecimento em curto espaço de tempo é grande”, observa. Rodrigo Cutri, coordena­ dor de Pós-Graduação da Fundação Santo André (FSA), diz que a especialização é um dos subsídios necessários na bus­ca pelo diferencial. “Costumo dizer que água parada apodrece. Ter visão ampliada e atualizada traz benefícios à empresa e ajuda o profissional a ter melhor desempenho”, comenta. A escolha da faculdade é outro ponto que merece aten­­­­­­ção. “Indico para que os alunos sempre verifiquem a forma de processo seletivo. E a análise de currículo é a melhor maneira de montar uma turma, porque a qualidade da aula depende da construção conjunta entre professores e alunos”, diz Cutri. Networking Para o professor da FSA, essa etapa da vida só deve ser iniciada depois de três a quatro anos trabalhados na área escolhida, já que o sucesso da especialização depende também da troca de experiências entre a tur-

Anchieta

Lato sensu: Meio Ambiente, Psicologia, Logística etc.

Inscrições: até 31 de janeiro

Telefone: 2823-1000

Anhanguera

Lato sensu: Direito, Educação, Comunicação e Logística.

Inscrições: até março

Telefone: 0800 941 4444

Direito São Bernardo

Lato sensu: Direito do Consumidor, Direito Municipal e Políticas Públicas etc.

Inscrições: até 18 de fevereiro

Telefone: 4123-0222

ESPM

Lato sensu: Comunicação, Marketing e Administração

Inscrições: até 1° de março

Telefone: 5081-8225

FEI

Lato sensu: Mecânica, Marketing, Administração etc. Stricto sensu: Mestrado em Engenharia Elétrica e Mecânica; e Mestrado e Doutorado em Administração.

Inscrições: até 31 de janeiro Inscrições: até 7 de fevereiro

Telefone: 4353-2909

Fefisa

Lato sensu: Educação Física, Fisioterapia, Nutrição etc.

Inscrições: até 19 de março

Telefone: 4451-0700

FMABC

Lato sensu: Educação Física, Fisioterapia, Nutrição etc . Stricto sensu: Mestrado e Doutorado em Ciências da Saúde.

Inscrições: até 28 de fevereiro Inscrições: até 18 de fevereiro

Telefone: 4993-5426

FSA

Lato sensu: Ciências Sociais, Educação Matemática, Educação e Prática docente.

Inscrições: até fevereiro

Telefone: 4979-3410

Umesp

Lato sensu: Fisioterapia, Odontologia, Psicologia, etc. Stricto sensu: Educação, Administração, Comunicação etc.

Inscrições: até 28 de fevereiro Inscrições: até 30 de janeiro

Telefone: 4366-5549

Uniabc

Lato sensu: Análises Clínicas, Educação, Enfermagem etc.

Inscrições: até 28 de janeiro

Telefone: 4991-9846

Uniban

Lato sensu: Finanças, Logística, Enfermagem, Direito etc. Stricto sensu: Biomateriais

Inscrições: até 7 de fevereiro Inscrições: até 30 de janeiro

Telefone: 0800-010 9000

USCS

Lato sensu: Administração, Comunicação, Contabilidade, Direito, Economia etc. Stricto sensu: Mestrado em Administração e Comunicação e Doutorado em Administração

ma. “A pós-graduação é uma oportunidade para ampliar o networking”, comenta. Os cursos de pós-graduação são destinados àqueles que concluíram o ensino superior e se dividem em duas modalidades: lato sensu e stricto sensu. Os cursos de lato sensu são especializações voltadas à atualização profissional, co­mo MBAs (do inglês Master in Business Administration - Mestre em Administração de Empresas). O programa de stricto sensu é indicado para aqueles que desejam formação acadêmica ou voltada à pesquisa, e se divide em mestrado e doutorado.

Inscrições: até 28 de fevereiro Inscrições: até 11 de fevereiro

Matrículas para SISU vão até dia 31 Da Redação Começou nesta quinta-feira (31) o período de matrícula para os convocados em primeira chamada pelo SISU (Sistema de Seleção Unificada). O processo, que seleciona candidatos a universidades públicas por meio da nota do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), vai até o dia 31. Para se matricular, o aprovado deve comparecer à instituição de ensino superior na qual

vai estudar. Os documentos a serem levados estão disponíveis no site da universidade escolhida e no boletim individual do aluno, no site sisu.mec.gov.br. A primeira chamada convocou 82.949 candidatos - foram oferecidas pelo sistema 83.125 vagas, distribuídas em 83 instituições federais. O Ministério da Educação (MEC) deve organizar mais duas chamadas, caso haja sobra de vagas. Elas devem ocorrer nos dias 4 e 13 de fevereiro.

Telefone: 4239-3354

Curso da UFABC foi o mais procurado Da Redação O bacharelado em ciência e tecnologia da UFABC (Universidade Federal do ABC) foi o mais procurado no SISU (Sistema de Seleção Unificada): recebeu 12.971 inscrições, no campus Santo André. Em segundo lugar na lista dos campeões de inscritos aparece o curso de direito da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), com 7.709 inscrições, seguido por medicina na

UF (Universidade Federal do Ceará), com 7.701. Considerando o número de candidatos por vaga, o curso mais disputado no sistema foi o de gestão ambiental do IF-RO (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia): 683 inscrições para cada uma das três únicas vagas disponibilizadas no Sisu. Na lista dos 10 mais disputados, todas as graduações ofereciam até 15 vagas no sistema.


8

SAÚDE

Repórter Diário

Dança ajuda na timidez e autoestima Marciel Peres

Da Redação A dança foi utilizada ao longo do tempo como forma de expressão. Quando criada por povos rudimentares, era um meio de ligar as pessoas aos deuses e preparação para guerras. Entretanto, com o passar do tempo o significado mudou e hoje é considerada eficaz terapia para vencer barreiras psicológicas, como timidez e problemas de autoestima. Tratada como exercício completo, a dança também ajuda a prevenir doenças, como o mal de Alzheimer e Parkinson. Para os portadores de osteoporose - geralmente os idosos - a atividade favorece o aumento da massa óssea, além de possibilitar a perda de peso e melhoria da coordenação motora. Segundo o professor Celso Gazu, pós-graduado em Educação Física e responsável pelo Núcleo de Dança que leva seu nome, pelo menos 60% dos alunos procuram a escola com recomendações médicas, por problemas físicos ou psicológicos. Reeducação Os benefícios se tornam mais perceptíveis quando o assunto é bem-estar e socialização. A dança estimula as pessoas a se conhecerem e criarem respeito mútuo. “Quando entro para dar aula meu principal objetivo é a reeducação das pessoas em relação ao próximo”, conta Gazú. Outro fator que aumenta a demanda é o estresse e a rotina rigorosa, que atingem grande parte da população. Segundo o professor Rena-

Sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Cresce incidência de câncer de pele Da Redação

Benefícios da dança ajudam a atrair adeptos de todas as idades

to Mota, diretor da Escola de Dança Studio Renato Mota, alguns alunos enfrentam cargas horárias pesadas e buscam a dança como forma de relaxar. Diversidade Aquela imagem de que apenas jovens e adeptos com corpos quase perfeitos praticam dança está errada, segundo os especialistas. Nas aulas, o fator predominante é a diversidade de idades, gêneros e biotipos. É o caso do Núcleo de Dança Celso Gazú, em Santo

André, que possui cerca de 640 alunos, na faixa de 11 e 86 anos. Uma das mais animadas no curso é Olgas Sanches, que buscou a dança há um ano e meio motivada pela paixão da arte do movimento. “Eu não tomo nenhum remédio, me sinto disposta e tenho aqui amigos sinceros”, diz. Quando o assunto é idade, Olga conta, em meio a risadas, que “na verdade eu tenho 71, mas minto e falo que tenho 65”, ri. (Colaborou Larissa Marçal)

O brasileiro é conhecido por gostar do sol, calor e verão, mas essa combinação tem resultado num número cada vez mais elevado de portadores de câncer de pele, segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA). A doença, que atinge na maioria a população na faixa dos 40 anos, ataca cada vez mais os jovens. Há dois tipos de câncer de pele: melanoma e não melanoma. Enquanto o primeiro é causado por divisões atípicas da melanina - célula responsável pela cor da pele -, o não melanoma é provocado pela demasiada exposição ao sol. O melanoma é o mais agressivo devido ao risco de metástase, fase em que a doença se espalha para outras regiões do corpo. A estimativa do INCA é que só em 2010 surgiram quase seis mil novos casos do tipo melanoma, na maioria em mulheres. Já o aumento no número de casos do tipo não melanoma é atribuído à localização geográfica do Brasil, onde a incidência do sol é maior. Apenas no ano passado foram registrados mais de 113 mil novos casos do tipo de doença. Segundo os especialistas, 10% não teriam surgido se a população tivesse tomado mais precaução com o sol. Arsênio Porém, outras substâncias também podem estimular o desenvolvimento da doença, como o arsênio, quando ingerido em excesso. “A população argentina é muito afetada pelo câncer de pele devido ao uso excessivo de

arsênio na água mineral, e não pela exposição ao sol”, afirma Dolival Lobão, chefe da Seção de Dermatologia do INCA. O câncer de pele se desenvolve de formas diferentes no corpo. Enquanto o não melanoma surge através de tumores, o melanoma é mais difícil de diagnosticar, pois aparece por meio de pintas em par-

tes do corpo, como cabeça e pescoço. Pessoas com pele clara, que apresentam muitas pintas e sofrem queimaduras do sol, são mais suscetíveis à doença. A principal forma de prevenção ainda é o uso de protetor solar, indicado pelo médico, e a redução do tempo de exposição ao sol. (Colaborou Larissa Marçal)

Informe publicitário

Clínica Dra. Giovanna Motta Emagrecer, tonificar, rejuvenescer e revitalizar: objetivos que se tornam mais desejados com o passar do tempo. Lutar contra os vilões do corpo não é fácil, mas a boa notícia é que o ABC ganha uma forte aliada nesta batalha, com a chegada da Clínica de Estética Médica Dra. Giovanna Motta. Decidida a diferenciar-se no mercado, a clínica oferece mais do que procedimentos que reduzem medidas e modelem o corpo, ela proporciona resultados eficazes e duradouros. Dra. Giovanna, especialista em medicina estética, idealizou um espaço de alto padrão para atender clientes conscientes da importância de uma clínica que garanta resultados eficientes, mas que não deixe de lado a responsabilidade e comprometimento médicos na realização dos procedimentos. Sob o olhar de renomados médicos e profissionais altamente qualificados, são realizados diversos tratamentos estéticos, todos acompanhados e avaliados dentro dos padrões médicos mais rigorosos. “O ponto alto de toda a experiência na clínica é propiciar a melhora da autoestima e promover o equilíbrio saudável entre mente e corpo, gerando índices satisfatórios de qualidade de vida”, afirma Dra. Giovanna.


Sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

DECORAÇÃO

inclui Cultura, Cinema, Novelas e Social

Estilo retrô volta forte como detalhe

9 Fotos: Marciel Peres

Geladeiras, televisores e fogões encabeçam o resgate da volta ao passado, especialmente aqueles usados entre os anos 1920 e 1960 Da Redação Aquele eletrodoméstico com aparência robusta, produzido no século passado, ganhou cara nova e agora ocupa espaço de destaque na casa de muitos brasileiros. Entre os preferidos da chamada tendência retrô - utilização de produtos fabricados entre os anos 1920 e 1960 – estão geladeiras, televisores e fogões. Para o arquiteto Natanael Felipe, de São Bernardo, o uso desses elementos em novelas e por famílias tradicionais transformou o ‘antigo’ em algo sofisticado. “O retrô é caro, porque é uma escultura. Não adianta pegar uma máquina velha que não funciona direito, pintar e dizer que é retrô. Isso, na verdade, é atraso de vida. O retrô é um eletrodoméstico moderno, mas com o design antigo”, esclarece o arquiteto. Grandes empresas investem na produção de móveis e eletrodomésticos com traços do passado, principalmente as linhas de geladeiras das décadas de 1940 e 1950, que eram menores, arredondadas e tinham paredes finas e tecnologia já para diminuir o consumo de energia. Segundo Felipe, a tendência é mais forte na Europa, onde o eletrodoméstico é detalhe na decoração. “Como lá não existe empregada doméstica, as donas de casa usam a batedeira e o fogão, então elas não economizam dinheiro no diferente”, afirma. Para marcar o estilo, predominam combinações de cores, como preto, branco e verme-

Objetos retrô dão ar de sofisticação, mas o preço dos itens é mais alto que dos convencionais

em ambientes mais simples. “O mobiliário retrô é muito característico: é baixo e tem linhas simples e sofisticadas, pernas pontiagudas e sempre à vista. Os sofás são largos e longos, as cadeiras e poltronas têm linhas suaves e arredondadas, os bancos são cromados e as superfícies têm aparência lisa e brilhante”, afirma Gleice. Felipe aponta que peça de destaque é a poltrona do estilo anos 1950, mais confortável em virtude da utilização de molas aspirais e espuma de alta tecnologia.

lho. Mas as tonalidades sólidas e fortes, como o laranja, verde, vermelho, amarelo, azul, corde-rosa e o lilás, também são referência da paleta de cores típicas do retrô.

tre os anos 1950 e 1970 o estilo retrô já dominava a preferência em todos os lares. Atualmente o estilo pode ser recriado com algumas peças-chave que, por si só, já garantem o destaque no espaço. Móveis No caso do mobiliário, como A arquiteta Gleice Cantero, sofás, poltronas e cadeiras, de São Bernardo, conta que en- o retrô garante elegância até

Decoração Segundo Gleice Cantero, apesar da decoração retrô possuir traços fortes, os elementos utilizados são práticos, duradouros e funcionais. O papel de parede foi muito utilizado entre as décadas de 1950 e 1970, por isso a existência em um ambiente retrô é quase obrigatória. Nas paredes, a dica é optar por cores claras, sem obrigatoriedade do branco. Já os espelhos em grandes dimensões, ou vários agrupados, são importantes no tipo de decoração.

“A alcatifa (carpete), os tapetes felpudos, a madeira natural, o linóleo e os azulejos dispostos de forma axadrezada cobrem os chãos do ambiente retrô”, acrescenta a arquiteta. Peças inusitadas, como telefones antigos e pesados, panos rendados, lava lamps (candeeiros de lava), esculturas e obras de arte com visuais fortes, também fazem parte do espírito retrô. Quadros com arte geométrica, silhuetas,

Você sabe a diferença? Um ponto importante é entender a diferença entre o que é vintage e o retrô. Diferentemente do retrô, o vintage é um item que, de fato, é antigo e original. Pode ser encontrado em lojas de antiguidades. Já o retrô é uma reprodução do que é antigo. (CN)

estampados ou ilustrações vintage, assim como fotografias preto e branco inspiradas em Hollywood – como imagens de Marilyn Monroe, Audrey Hepburn ou Twiggy – emprestam visual cool a qualquer parede. “A dica é emoldurar capas ou fotografias retiradas de revistas antigas ou exibir uma coleção de discos de vinil que dão um aspecto bem descontraído ao ambiente”, ensina Cantero. (Colaborou Carolina Neves)


10

Repórter Diário

CULTURA

Sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Dira Paes se desvencilha da imagem da sensual Norminha Luana Borges PopTevê Dira Paes está sempre em busca de coisas novas. Principalmente, no que diz respeito às personagens que interpreta. Por isso mesmo, viver a Marta, de Ti-Ti-Ti, logo depois da Norminha, de Caminho das Índias, foi interessante para ela. No papel anterior, Dira precisava extravasar um lado bem mais sensual. No atual, tem de trabalhar a subjetividade para dar vida a uma mulher reservada. “Você sai de um trabalho onde teve um perfil e tem vontade de fazer uma coisa diferente em seguida, até mesmo para conseguir se medir, se sentir e ver sua criatividade em ebulição”, analisa. O que Dira também gosta é de surpreender. E se diverte ao perceber que as pessoas se espantam quando descobrem uma atriz completamente diferente do que fantasiam. “Tem gente que fala: ‘A Marta é tão séria e

você é uma garotinha’”, conta, aos risos. “É ótimo quando os personagens são mais fortes que você”, filosofa. Para compor a Marta, Dira teve como inspiração Aracy Balabanian, que viveu a personagem na primeira versão da novela, em 1985. Apesar de não ter assistido a muitos capítulos da trama original, a atriz guarda lembranças da atuação da veterana. “Ela fazia uma coisa muito contida e tinha um cabelo chanel mais comportado”, recorda. “A Aracy é uma atriz que vai da comédia para a tragédia em uma linha bem tênue, ela tem intensidade. Esse é o perfil legal para fazer Ti-TiTi, completa. Na história, Marta é uma costureira que se fecha para o amor depois de uma desilusão com André Spina, de Alexandre Borges. Mas, depois de um tempo, acaba se rendendo aos encantos de seu melhor amigo, Ariclenes, de Murilo Benício. Essa paixão entre o casal de

Luiza Dantas / Carta Z Notícias

amigos, inclusive, é uma das coisas que mais instigam Dira. “Acho o assunto de se apaixonar pelo amigo muito interessante. Se não der certo, você sabe que vai perder a amizade. Por outro lado, a pessoa que você poderia amar está ali do seu lado o tempo todo e você nunca tinha visto”, ressalta. O que também ajudou Dira a entender ainda mais a personagem foi o livro A Costureira e O Cangaceiro, de Frances de Pontes Peebles. A leitura, no entanto, foi feita por acaso e não com o objetivo de servir como referência para o papel. “Li algo que adorei: ‘uma costureira não tem dúvidas, só certeza’”, revela. “Você vai cortar um pano e não pode ter dúvidas. Isso foi uma inspiração”, conclui. Além disso, Dira é filha de uma costureira. Por isso, sempre acompanhou de perto a rotina. E aproveitou para traçar um paralelo entre Marta e as características que observa na mãe, como a precisão, a coerên- Para dar vida à Marta, a atriz se inspirou em Aracy Balabanian, que viveu a personagem na primeira versão da novela, em 1985 cia e o saber dividir.

Diadema e São Caetano realizam mostras gratuitas

Divulgação

Da Redação

à urbanização. O endereço é avenida Porto Príncipe, 117. O SESI Diadema recebe en- Telefone 4091-0883. tre 1º e 15 de fevereiro a mostra O Flâneur da Babilônia, com São Caetano 16 fotos em preto e branco, O SESI São Caetano recebe a que exprimem a reinvenção da partir de 1º de fevereiro a exposiestética e da beleza humana. A ção Luzes de São Paulo, também exposição é aberta à visitação com 16 fotos coloridas, mas que pública gratuita, de terça-feira retratam a metrópole que virou a domingo. referência em iluminação na Para o fotógrafo Renan época das festas de final de ano. Rosa, é possível observar sub- A mostra gratuita fica em cartaz jetividade mastigada pela até o dia 15. De acordo com o velocidade e instantaneidade fotógrafo Valdir Lopes, calcula-se dos meios de informação que que 2 milhões de microlâmpadas consolida a visão desfigurada estiveram espalhadas pelas ruas do ser humano. da capital em 2008. O poeta e crítico do século As principais atrações se 19, Charles Baudelaire, defi- concentram na região da avenida ne flâneur como observador Paulista e Parque do Ibirapuera. que percorre a cidade em Na vila Mariana, o destaque é busca de experiências para o Colégio Arquidiocesano. O compreender a modernidade endereço é rua Santo André, 810. Colégio Arquidiocesano é um dos destaques em São Caetano e os fenômenos relacionados Telefone 4238-1400.

Nicolas Cage encara cavaleiro no longa Caça às Bruxas Da Redação

nhaal) e Maggie Murdock (Anne Hathaway). Enquanto Maggie é uma jovem que sofre com o mal de Parkinson e por isso vive entre relacionamentos casuais, Jamie é um mulherengo que adquire estabilidade enquanto vendedor de Viagra, na década de 1990. Os dois se envolvem e entram em contato com a droga que não está à venda: o amor Os atores, que já formaram casal no filme O Segredo de Brokeback Mountain (2005), foram indicados ao Globo de Ouro na categoria melhor ator e atriz em comédia ou musical. A atriz Anne Hathaway, reconhecida pelos críticos como uma dos grandes talentos da nova geração, apresentará a 83ª edição do tão esperado Oscar ao lado de James Franco (Segurando as Pontas). O prêmio acontece dia 27 de fevereiro.

Este fim de semana conta com três estreias no cinema. A principal delas é Caça às Bruxas, filme dirigido por Dominic Sena (Terror na Antártida e 60 segundos) e com Nicolas Cage no papel do protagonista Behmen. Ao retornar à Europa, em pleno século 14, o cavaleiro encontra sua cidade dizimada pela peste negra, o que o obriga a buscar mantimentos ao lado do fiel companheiro Felson. Cansado de lutar nas cruzadas, perder amigos e até mesmo a fé, Behmen terá mais uma missão: se unir a um grupo de guerreiros, comandado pelo Cardeal, para levar uma jovem suspeita de bruxaria para o mosteiro, onde seu poder será aniquilado. O cavaleiro aceita a missão sob a condição de que a jovem camponesa receba julgamento justo. A igreja acredita que a menina é a responsável pela Infantil peste negra. Não leva muito Do mesmo diretor de Os tempo até o grupo perceber Masconautas no Mundo da Lua, que a jovem possui poderes a animação belga As aventusobrenaturais. ras de Sammy é uma opção de filme para as crianças no fim Amor e outras drogas de semana. Dirigido pelo diretor A trama retrata a vida Edward Zwick, conhecido de uma tartaruga marinha pela direção em O Último desde o nascimento até a Samurai (2003) e Diamante de maturidade. Sammy perSangue (2006) o longa Amor corre os oceanos do mundo e outras drogas é baseado no inteiro e presencia os efeitos livro The Evolution of a Viagra do aquecimento global e a Salesman, de Jamie Reidy e intervenção do homem na aborda o romance do casal natureza ao longo dos anos. Jamie Randall (Jake Gylle- (Colaborou Larissa Marçal)

Unidades do SESI inscrevem para cursos de teatro Da Redação A partir de 1º de fevereiro, as unidades do Sesi em Santo André e Mauá estarão com inscrições abertas para vagas nos cursos gratuitos de iniciação ao teatro oferecidos pelos NACs (Núcleos de Artes Cênicas). Os interessados devem procurar a secretaria de umas das unidades para fazer a matrícula de acordo com o seguinte calendário: até 15 de fevereiro as oportunidades serão destinadas aos beneficiários da indústria e a partir de 16 de fevereiro, as vagas

remanescentes serão abertas à comunidade. Nas aulas o aluno trabalhará com técnicas específicas, como dança-teatro, teatros narrativo e performático entre outros (os temas abordados variam de acordo com a unidade). Com duração de um ano (9 de março até 30 de novembro, com recesso na segunda quinzena de julho) e carga horária de seis horas semanais, o curso é destinado a pessoas com vivências em artes cênicas. Mais informações pelos telefones 4997-3177 e 4997-1333.

Peça TPM Katrina é destaque em S.Bernardo Da Redação O Teatro Lauro Gomes, em São Bernardo, recebe neste sábado e domingo (29 e 30), às 18h, o espetáculo TPM Katrina. Sucesso de público e crítica, a peça mostra a visão masculina sobre as alterações hormonais das mulheres. O espetáculo foi escrito pelo ator Paulo Coronato sobre sua ex-mulher Flávia Garrafa e conta com direção de Alexandre Reinecke. A dupla de atores interpreta o casal que enfrenta o pico da tensão prémenstrual da esposa. Sem que o marido consiga abrir a boca, a peça aborda com muita ironia e humor situações alucinantes. Nela, a mulher consegue fantasiar o seu relacionamento nas situações mais absurdas, descontando o efeito dos hormônios descompensados no marido. Os ingressos variam de R$ 20 a R$ 40. O Teatro Lauro Gomes fica na Rua Helena Jacquey, 171, Rudge Ramos. Mais informações pelo telefone 4368-3483.

Tarzan é atração do Cine Eldorado Da Redação O Cine Eldorado, em Diadema, tem filmes para todos os gostos neste final de semana. No sábado (22), o destaque será Homem de Ferro 2, com Robert Downey Jr. Tarzan será a atração da sessão das 14h no domingo, dia 23. Serão três sessões por dia: a primeira começa às 14h, a segunda, às 16h30 e a última sessão, às 19h30. Os ingressos são gratuitos e devem ser retirados com uma hora de antecedência do início da sessão. Confira programação Sábado (22) - 14h - Alvin e os Esquilos. Alvin, Simon e Theodore são três esquilos especiais, que decidem morar na casa de Dave Seville (Jason Lee), um compositor em busca do sucesso. Para ficar na casa, o trio mostra ter muito talento para a música e logo Dave os transforma em grande sucesso. Só que o estrelato sobe à cabeça do trio, gerando problemas no relacionamento deles com Dave. 16h30 - Vovó Zona 2. O detetive do FBI, Malcolm Turner (Martin Lawrence) precisa mais uma vez se disfarçar como uma senhora idosa. Desta vez, Malcolm precisa encontrar o suspeito de espalhar um vírus de computador letal, que pode permitir que inimigos do governo tenham acesso a arquivos confidenciais. Em meio às investigações ele se disfarça para trabalhar como babá na casa do criador do vírus, Tom Fuller (Mark Moses). 19h30 - Homem de Ferro 2. Após confessar ao mundo ser o Homem de Ferro, Tony Stark (Robert Downey Jr.) passa a ser alvo do governo dos Estados Unidos, que deseja que ele entregue seu poderoso traje.

Após negar a devolução, o governo passa a desenvolver um novo traje tão poderoso quanto de Tony. Paralelamente, Ivan Vanko (Mickey Rourke) cria o alter-ego de Whiplash para se vingar dos atos da família Stark no passado. Domingo (23) - 14h - Tarzan Após um acidente, que causa o naufrágio de um navio na costa da África, um casal inglês chega até a praia com o filho deles, um recém-nascido. Entretanto, os pais são mortos por um leopardo, enquanto o bebê fica entregue a própria sorte. A criança é achada por uma gorila, Kala, a companheira de Kerchak, o líder da tribo de macacos. Kala e Kerchak ficam com o bebê e lhe dão o nome de Tarzan. A vida deles é mudada para sempre com a chegada de Archimedes Q. Porter, um explorador, Jane Porter, sua filha, e Clayton, um caçador que está servindo de guia. 16h30 - A Última Música “Ronnie” Miller (Miley Cyrus) tem 17 anos, é filha de pais divorciados. Seu pai (Greg Kinnear) mora em uma cidade praiana e sua mãe em Nova York. Após três anos de separação, sua mãe (Kelly Preston) decide enviá-la para passar o verão com o pai. Depois de conhecer novas pessoas e paixões, ela encontra alguém que, além de bom músico e professor, é, acima de tudo, um verdadeiro pai. 19h30 - Esquadrão Classe A. O Coronel Hannibal (Liam Neeson) e seus amigos mercenários são acionados para fazer um serviço secreto para um agente do governo americano. Mas a Tenente Sosa (Jessica Biel), uma militar de alta patente, os proíbe de prosseguir na missão, que envolve falsificação de dólares em Bagdá e uma provável conspiração.


Sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

NOVELAS SEGUNDA

GLOBO 17h35h

GLOBO 18h

GLOBO 19h

GLOBO 21h

Câmara Municipal da Estância Turística de Ribeirão Pires EXTRATO DE CONTRATO ALEX DE ASSIS SOUZA INFORMÁTICA-ME Contratante: Câmara Municipal da Estância Turística de Ribeirão Pires. Contratada: Alex de Assis Souza Informática LTDA. Me. Objeto: compra de equipamentos de informática. Vigência: o presente contato terá sua vigência até quando se encerrar o prazo de garantia dos produtos Fundamento: § único, do artigo 38, da lei nº 8666/93. Valor: R$ 510,00 (quinhentos e dez reais). Dotação orçamentária: 4.4.90.52.00 – equipamentos e materiais permanentes. Contrato nº 010/2010. Câmara Municipal da Estância Turística de Ribeirão Pires, 25 de janeiro de 2.011. EXTRATO DE CONTRATO - AUANA AUANA INFORMÁTICA Contratante: Câmara Municipal da Estância Turística de Rribeirão Pires. Contratada: Auana Auana Informática LTDA. Me. Objeto: compra de equipamentos de informática. Vigência: o presente contato terá sua vigência até quando se encerrar o prazo de garantia dos produtos Fundamento: § único, do artigo 38, da lei nº 8666/93. Valor: R$ 33.889,00 (trinta e três mil, oitocentos e oitenta e nove reais) Dotação orçamentária: 4.4.90.52.00 – equipamentos e materiais permanentes. Contrato nº 009/2010. Câmara Municipal da Estância Turística de Ribeirão Pires, 25 de janeiro de 2.011. EXTRATO DE CONTRATO - META COMPUTERS Contratante: Câmara Municipal da Estância Turística de Ribeirão Pires. Contratada: Meta Computers - Comércio de Computadores e Suprimentos para Informática LTDA - EPP. Objeto: compra de equipamentos de informática. Vigência: o presente contato terá sua vigência até quando se encerrar o prazo de garantia dos produtos. Fundamento: § único, do artigo 38, da lei nº 8666/93. Valor: R$ 6.675,00 (seis mil, seiscentos e setenta e cinco reais). Dotação orçamentária: 4.4.90.52.00 – equipamentos e materiais permanentes. Contrato nº 011/2010. Câmara municipal da estância turística de ribeirão pires, 25 de janeiro de 2.011.

DESPACHO DA PRESIDÊNCIA Inexigibilidade de licitação Objeto: Renovação de assinatura do Boletim de Direito Municipal com a Editora NDJ-Nova Dimensão Jurídica Valor: R$ 6.790,00 Dotação Orçamentária: 3.3.90.39.00 – Outros Serviços de Terceiros – Pessoa Jurídica Reconheço a inexigibilidade de licitação nos termos do “caput” do artigo 25 da Lei 8666/93 e AUTORIZO a renovação da assinatura do Boletim de Direito Municipal com a Editora NDJ, de acordo com a Carta Proposta nº 235971, no valor de R$ 6.790,00. Publique-se. Ribeirão Pires, 04 de janeiro de 2.011 Vereador Gerson Moizéis Constantino Presidente

Abandono de emprego Prediolar Materiais para Construção solicita o comparecimento do funcionário Andervan Ferreira de Almeida, portador da carteira profissional 095166 série 0305. Solicitamos o comparecimento no prazo de 24 horas a contar da publicação de Artigo 482 Letra I CLT

RECORD 22h

Repórter Diário TERÇA

QUARTA

QUINTA

Raquel pede para Duda não manter segredo sobre a boate que ela a levou. Pedro aconselha Theo a conversar melhor com Geraldo e Lurdes sobre dormir com a namorada em casa.Theo implora que Lorelai não termine o namoro. Catarina questiona Duda sobre sua saída na noite anterior. Anita procura Maicon no colégio e lhe surpreende com um beijo.

Maicon reprime a atitude de Anita. Raquel exige que Catarina não conte para Cláudia sobre sua saída com Duda. Dodói faz fofoca de Theo para Laura, aumentando ainda mais o mal-entendido a respeito da briga dele com Lorelai. Raquel simula que foi atacada pela irmã. Pedro critica Catarina na escola e ela percebe o olhar de reprovação de todos.

Theo garante a Catarina que acredita em sua inocência. Babi estuda com Maicon e ele a convida para ir ao cinema. Josiane assina um contrato com a agência de modelo sem ler.Lúcio mostra para Marcos um dossiê com acusações sobre Raquel. Catarina pergunta se Eric mentiu para ela sobre o que aconteceu com Fred na noite do incidente.

Catarina fica espantada com a revelação que Eric lhe faz sobre Lúcio. Maicon se irrita com Anita. Duda é escolhida para fazer uma campanha e Raquel insiste com Cláudia para assinar o contrato. Lúcio e Marcos divulgam as informações sobre Raquel na internet. Catarina comenta com Fred que Theo pode não ter sido o culpado por seu acidente.

Fred e Catarina especulam sobre a possibilidade de ter sido Artur quem o feriu. Ao ver as fotos de Duda na revista, Dodói acredita que não tem mais chance. Lurdes repreende Geraldo por não querer conversar com Theo sobre sua primeira vez. Tereza fica triste e constrangida sem a presença de Odilon, mas se surpreende quando vê João chegar.

Maicon se desentende com Anita

Estela tem um mau pressentimento sobre Solano. Após flechada, Solano consegue se levantar e caminha até casa de show. Nancy e Pimpinela acreditam ter encontrado uma pista sobre o assassino de Elisa. Neca chega pela manhã na estalagem, mas não conta a Terê onde estava. Estela abraça Solano ao vê-lo na cabana de Ruriá.

Estela e Ruriá garantem a Solano que a flecha que o acertou não é karuê. Marly exige que Janaína lhe dê metade do que pertencia a Bento. Max fica preocupado quando Cirso diz que Solano está investigando o atentado contra ele. Amélia encontra um meio para se defender de Max. Fred conversa com Marly sem revelar sua identidade.

Max simula indignação ao ser acusado por Solano. Fred tenta convencer Janaína a resolver a sua situação com Marly. Nancy e Pimpinela encontram uma pista do assassino de Elisa na internet. Beatriz pede para Solano sair do Araguaia. Manuela pergunta a Estela se a maldição vai atingir o filho que ela tiver com Solano e a índia se assusta.

Estela afirma a Manuela que todos seus filhos com Solano serão amaldiçoados. Vitor pressiona Amélia a se separar de Max. Janaína fica furiosa ao ver Marly com a camiseta da operadora de Fred. Estela mente para Ruriá sobre sua gravidez. Mariquita aconselha Solano a sair do Araguaia. Max exige que Amélia atenda o telefonema de Vitor na sua frente.

Max agride Amélia. Janaína tem uma crise de ciúmes ao ver Marly com Fred. Mariquita ameaça revelar o passado de Max e o fazendeiro se assusta. Solano recebe um telefonema anônimo. Neca se recusa a revelar para Pimpinela o que tem feito todas as noites. Terê toca em Estela e descobre a sua gravidez.

Mariquita resolve contar o que sabe sobre o passado de Max para Padre Emílio. Estela afirma para Terê que vai embora do Araguaia. Max tenta invadir a casa de Pérola à procura de sua mulher. Max vê Mariquita perdida na estrada e acelera o carro em sua direção. Estela se surpreende ao encontrar Manuela em sua cabana.

Amanda se decepciona ao saber que foi enganada pela mãe sobre sua paternidade. Eduardo e Thaísa se desentendem, mais uma vez, durante o jantar na casa de Jaqueline. Luísa conta que está grávida de Edgar. Alex comunica que vai se casar com Graça. Amanda procura Jacques e o chama de pai.

Clotilde propõe que Amanda ajude o pai a desmoralizar Valentim. Marcela revela que está dividida entre Edgar e Renato. Magali e Armandinho recebem o dinheiro da herança. Thales convida Julinho para ir a Saquarema. Stéfany sugere a Armandinho que sequestre Desirée e se oferece para ajudá-lo. Jaqueline se encontra com Jacques.

Amanda entrega as fotos do vestido de Valentim para Clotilde. Jacques beija Jaqueline. Luísa aguarda Edgar para acompanhá-la ao médico. Desirée rejeita Armandinho e ele decide levar adiante o plano de sequestrá-la. Fátima ouve Bruna comentando que Luísa vai ter um filho e resolve contar que ela foi culpada pela doença de Paulinho.

Fátima revela que foi ameaçada por Luísa. Julinho conversa com Eduardo sobre Thales. Suzana procura Ariclenes para fazer matéria sobre os vestidos de Valentim, mas desanima ao vê-lo com Marta. Stéfany combina o sequestro de Desirée com Biscoito e prepara armadilha para Armandinho. Armandinho consegue deter Desirée.

Goiaba pega Armandinho e Desirée no apartamento e os leva para o local combinado. A limusine chega para buscar Desirée e Dorinha percebe que a modelo foi raptada. Suelen surge com um vestido idêntico ao de Valentim e provoca a maior confusão. Armandinho leva Desirée para um barco e segue para alto mar.

Depois de ouvir que Armandinho e Desirée estavam ao beijos quando embarcaram, Gino convence Jorgito a ir embora. Desirée e Armandinho vão parar em uma ilha deserta. Dona Mocinha flagra Stéfany conversando com Goiaba e descobre que ela armou tudo. Clotilde descobre que Gabriela não está grávida.

Pedro fica arrasado ao saber da morte de Luciana. Roni ajuda Natalie a se encontrar com André. Pedro expulsa Marina de seu quarto e a culpa pela morte de Luciana. Norma fica assustada ao chegar para o encontro com Léo. Júlio avisa a Léo que descobriu sobre o roubo à empresa de Raul e ameaça contar tudo se ele não repuser o dinheiro.

Norma comenta com Léo sobre o dinheiro que Silveira esconde em casa. Léo pensa em roubar os presentes de casamento de Pedro para repor o dinheiro que pegou de Raul. Carol se surpreende ao encontrar André em sua sala. Andrade e Bira chegam ao apartamento de Pedro. Marina chega ao hospital e encontra Léo.

Chagas autoriza a entrada de Andrade e Bira. Pedro expulsa Marina de seu quarto. Léo combina com Neném o pagamento por ter mantido Eunice e Wanda longe do apartamento de Luciana. Júlio conta para Eunice sobre o desvio que Léo fez na empresa de Raul. Neném convence Eunice a deixá-la ir ao apartamento de Luciana para limpá-lo.

Léo afirma a Júlio que conseguiu o dinheiro para cobrir o rombo da empresa. Marina diz a Raul que voltará para o Rio de Janeiro, mas não pretende desistir de Pedro. Eunice, Raul e Wanda informam à polícia o roubo no apartamento. Léo combina com Norma um encontro em seu quarto. Raul não encontra a chave do apartamento de Pedro e desconfia ao lembrar de Léo.

Cecília comenta com Leila que ela terá que explicar o que fazia no apartamento de Luciana. Bibi consola Marina, que sofre por causa de Pedro. Norma avisa a Léo que ficará no hospital com Silveira e o vilão aproveita para ir à chácara procurar o dinheiro. Norma volta para casa com Silveira e Léo vai embora, mas deixa seu celular cair.

Pedro pede para Léo lhe contar o que aconteceu depois do acidente com o avião. Wanda e Raul se preocupam com a situação de Pedro, depois de saberem que foi comprovada sua culpa no acidente. Eunice insinua que um dos filhos de Wanda roubou o pai e Raul exige que ela diga de quem está falando.

Elza chega à casa de Marisa e Querêncio contando sobre o caos que está na cidade. O pintor acha que a natureza não está gostando da sua vitória e fica preocupado com a chuva em seu primeiro dia de mandato. Arminda conta a Joca que saiu a decisão do juiz e que as obras do resort provavelmente serão interrompidas.

Newton e Iara estranham a atitude seca de Filomena quando perguntam sobre a posse de Querêncio. Ajuricaba e Ari ligam para Virgínia e querem saber sobre o que Querêncio está conversando. Teixeira conta a Arminda que a decisão final de fechar o resort foi dada e exige que ela faça alguma coisa a respeito. Começa a festa da posse.

Iara diz a A novela não Newton e Mateus é exibida aos sáque Filó e Tito es- bados. tão trancados no quarto fazendo as pazes. Mateus tenta disfarçar a amargura. Sereno vai pedir um beijo para Fátima, que o empurra. Ele e a segue até a casa do professor e a agarra. Joca conta a Newton que Virgílio pode estar envolvido na sabotagem do avião.

Os mais íntimos de Querêncio e Marisa comemoram o casamento deles. Marisa conta ao pintor que não se sente à vontade indo morar no Solar e que não tem vocação para ser dona de casa. Karina pede para Zuleide mostrar as fotos dela com Tito. A misteriosa paraquedista revela que é Filomena e Tito fica confuso.

Querêncio convida Sancha para ser sua chefe de gabinete. Joca vai até a estrada atrás do documento deixado pela pessoa misteriosa. Ele abre o envelope, vê fotos de Nicolau com Nasinho e Virgílio e desconfia que eles tenham armado a queda do avião. Filomena conta a Tito como resolveu se tornar paraquedista.

SEXTA

11

SÁBADO

Insensato Coração: Wanda tenta suicídio Raul (Antonio Fagundes) faz de tudo para deixar claro a Wanda (Natália do Vale) que não quer mais nada com ela. Mas não adianta muito. A perua continua nutrindo esperanças de reconciliação, ainda mais depois que, num momento de fragilidade, Raul se deixa beijar por ela. Wanda tenta conversar com o marido sobre o que aconteceu e só piora a situação. Raul lhe mostra uma carta romântica e Wanda pensa que é de uma amante, antes de reconhecer que a mensagem foi escrita por ela mesma. Dias depois, eles se reúnem com o advogado para assinarem o acordo de par-

ROMAR INDÚSTRIA E COMERCIO DE MANUFATURAS DE PLÁSTICOS LTDA, torna público que requereu ao SEMASA a licença de operação, para injeção de plásticos sito à Rua Maria Ortiz n° 58 e 64, conforme processo ambiental n° 1.148/2.010. E declaro aberto o prazo de 30 dias para manifestação escrita, endereçada ao SEMASA.

tilha dos bens. Wanda o faz no mais completo silêncio, retira a aliança do dedo, guarda-a na bolsa e sai cabisbaixa, totalmente arrasada. Ao chegar em casa, o empresário a encontra desacordada na cama, com duas caixas de calmantes vazias. Logo em seguida, Léo (Gabriel Braga Nunes) aparece e se choca ao ver que a mãe tentou o suicídio. Desesperados, pai e filho levam Wanda para o hospital, onde ela é internada na unidade semi-intensiva em estado muito grave. (Conteúdo do site mdemulher.abril.com.br)


12

SOCIAL

Repórter Diário

Sexta-feira, 28 de janeiro de 2011 Fotos: Marciel Peres

Alessandra Ribeiro, Vivian Moraes, Claudia Salazar e Karen Mattez

Camila de Cássia e Edneia Vevado, acompanhadas por Moraes

Noite na Kennedy São Bernardo abriga na avenida Kennedy seus mais famosos bares. Quem curte um happy hour não deixa de frequentar os bares Liverpool, Flag e Central, que oferecem diversidade de pratos e bebidas, além de música de qualidade. Priscila Lemos e Tatiane Massinsini

Jaqueline Toledo e João Carlos Moreno

Luma Cartegoso e Tatiana Ikeda

Feira de noivas agita ABC A região do ABC recebeu de 21 a 23 de janeiro a 1ª Reality Expo Noivas, organizada pela Associação Rua das Noivas do ABC. A feira apresentou em Santo André tendências, serviços e a melhor relação custo-benefício para o consumidor.

Marcio Casablanca, Gabriele Barcellos e Edson Salvo Melo

Modelo Fernanda Mastrocola

Edilson Nunes e Ana Paula Lopes

Calixto Antônio e Camila Igerashi

Roberto Casari e Danielle Marini

Emanuelle Rodrigues e Guilherme Albertini

Repórter Diário Edição 1815  

Jornal Repórter Diário edição 1815 Data: 28/01/2011

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you