Issuu on Google+

Ano 6 . Nº 1.926 . ABC, sexta-feira, 20 de maio de 2011 . www.reporterdiario.com.br CINEMA Divulgação

R$ 0,50

Santo André quer descentralizar comércio Foto: Marciel Peres

O quarto filme de série Piratas do Caribe promete mais aventuras do capitão Jack Sparrow, que desta vez tentará encontrar a fonte da juventude Pág.9

SHOW Divulgação

Com o intuito de descentralizar o comércio, a Prefeitura de Santo André iniciou discussão que integra o eixo do Desenvolvimento Econômico na revisão do Plano Diretor. A demanda foi reivindicação dos comerciantes no ciclo de debates que antecipou a audiência pública do Desenvolvimento Econômico que ocorrerá nesta segunda-feira (23). Além das Zeics (Zonas Especiais de Interesse Comercial), o governo municipal também focará na revisão do Plano Diretor as Zebts (Zonas Especiais de Base Tecnológica) para preparar a cidade para a demanda proveniente do Polo Tecnológico. Página 5

Diadema prepara Plano de Segurança Diadema elabora o 3º Plano Municipal de Segurança com expectativa de que as 21,24 ocorrências de homicídio por grupo de 100 mil habitantes registradas ano passado despenquem para a casa de um dígito. Dividido em três etapas, o plano entrará em fase de consulta popular a partir deste sábado, 21, e seguirá até 6 de julho.

O cantor Pedro Mariano se apresenta neste sábado em Santo André, no SESC Santo André. O músico apresentará canções do cd Incondicional Pág.8

televisão Carta Z Notícia

Página 4

Fundação Casa de S.Bernado abre segunda

Paola Oliveira afirma não saber os rumos de Marina, sua personagem na novela Insensato Coração. Nos próximos capítulos a jovem se separará de Pedro Pág.8

índice Política.......................... Pág. 2 Opinião..........................Pág. 2 Cidades..................Págs. 3 e 4 Economia.......................Pág. 5 Saúde...............................Pág.6 Decoração......................Pág. 7 Cultura...........................Pág. 8 Novelas...............,..........Pág. 9 Cinema...........................Pág. 9 Social............................Pág. 10

O bairro Jardim Santo André redecebá nos próximos anos investimento na ordem de R$ 400 milhões para obras de urbanização. Entre as ações estão construção de moradias, abertura de vias e construção de rede de esgoto. Página 4

Usina de incineração Criação da RMSP de lixo está perto será votado na terça São Bernardo deverá divulgar edital de licitação para instalação de usina de incineração de resíduos sólidos residenciais nos próximos dias. A construção da usina, entretanto, depende ainda de licença da Cetesb e do CEMA (Conselho Estadual do Meio Ambiente). A expectativa é que até o

fim do ano seja finalizado o processo de contratação da empresa responsável pelo EIA/RIMA. Se concretizada, a usina de incineração de lixo doméstico de São Bernardo será a primeira do Brasil. A previsão é que o incinerador seja instalado na região do Alvarenga, área que abrigava o antigo lixão. Página 3

A votação do projeto que cria a Região Metropolitana de São Paulo deverá ocorrer nesta terça-feira (24). A exemplo do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC, a Região Metropolitana versará sobre questões macro, mas sob um prisma maior, com 39 municípios. O primeiro passo do projeto é a criação do Conselho de

Desenvolvimento Metropolitano. Segundo Edson Aparecido, secretário estadual de Desenvolvimento Metropolitano, o Conselho também terá grupos de discussões específicos, a exemplo do quer ocorre no Consórcio. A periodicidade dos encontros será definida pelos próprios integrantes. Página 2

A Fundação Casa inaugurou nesta quarta-feira (18) duas unidades de internação em São Bernardo, com capacidade para atender até 56 adolescentes cada. Os centros socioeducativos começarão a receber jovens infratores na segunda-feira (23). As unidades receberão jovens sentenciados, em internação provisória e em internação. Página 4

Repórter Diário tem novo projeto gráfico A partir desta sexta-feira a edição impressa do Repórter Diário, que completou seis anos em fevereiro, passa a circular com novo visual. O projeto gráfico visa deixar a leitura mais dinâmica e agradável. Além de mudança de tipologia e ganhar maior espaçamento nos textos, o jornal passa a ter mais matérias em suas edições.


2

Repórter Diário

Editorial

É hora de executar

A revisão do Plano Diretor de Santo André tem discutido nos últimos dias um capítulo específico: o desenvolvimento econômico. Três audiências públicas – comércio, serviços e indústria – foram realizadas como forma de preparação e audição das demandas para a deliberação que ocorrerá na próxima semana na audiência derradeira sobre o tema. Nos encontros, a Prefeitura esteve representada pelo secretário-adjunto de Desenvolvimento Econômico, José Acemel, o Espanhol. Na conversa com os empresários, o integrante do governo tem salientado que ‘não tem nenhuma fórmula mágica’ e que não existe planejamento específico para as vertentes do desenvolvimento. Pelo menos uma reivindicação do setor empresarial foi atendida. Os investidores do município queriam estreitar o diálogo com o Paço que, segundo eles, até então, não havia gerado canais para a comunicação. A expectativa é que na próxima semana a audiência final do setor produza lista concreta de demandas a serem encaminhadas no Plano Diretor e fora dele também. Afinal, o governo está a um ano e meio do término e precisa de ações palpáveis para não cair no descrédito dos empresários.

Repórter Político Presença de Alckmin agita Santo André A presença do governador Geraldo Alckmin (PSDB) em Santo André, durante anúncio do investimento de R$ 400 milhões no Jardim Santo André nesta quarta-feira (18), foi recheada de simbolismo. A ação mais concreta foi em direção ao prefeito Aidan Ravin (PTB). Em meio ao clima de incerteza sobre a candidatura própria do PSDB, o chefe do Palácio dos Bandeirantes demonstrou parceria com o comando andreense ao fazer breve caminhada, com direito a café, pela região central. Aidan era só sorrisos. Por outro lado, observadores que defendem a raia própria destacaram que Alckmin quebrou o protocolo ao cumprimentar, no meio do evento formal no teatro, o vereador Paulinho Serra, que se coloca postulante à sucessão municipal. Normalmente, por orientação do próprio cerimonial, o governador só menciona autoridades do Executivo. Os gestos serviram para atiçar os bastidores, que deverão ficar ainda mais eufóricos no final de junho, quando o governador desembarcará, mais uma vez na região, com todo o secretariado para a realização do programa Governo Presente no ABC.

Curtas Governador e Orlando Alguns integrantes da classe política, atentos aos gestuais dos eventos que envolvem grandes autoridades, chamaram atenção para o fato de o deputado estadual Orlando Morando, líder do PSDB na Assembleia Legislativa, ter chegado e saído do encontro na Ford, em São Bernardo, nesta terça-feira, 17, no carro do governador Geraldo Alckmin. Sabe-se que ele sempre figura ao lado do líder paulista nos eventos com repercussão na mídia, mas não há como negar a proximidade com o maior cabo eleitoral tucano paulista. Encontro petista I A Macro PT ABC sediará neste sábado, 21, o Seminário Estadual Petista. O encontro ocorrerá na sede do Sindicato dos Químicos, em Santo André, a partir das 8h30. Segundo Humberto Tobé, coordenador da Macro, na ocasião será feita análise do cenário eleitoral para definir as estratégias para 2012. Os ‘maiores’ dirigentes do PT, Edinho

Silva (estadual) e Ruy Falcão (nacional), além da senadora Marta Suplicy, são aguardados no seminário. Encontro petista II Na estratificação regional, o petismo chegará ao encontro com o cenário quase definido. Em Ribeirão Pires, a ex-prefeita Maria Inês Soares foi referendada; em Rio Grande da Serra, o escolhido é o vereador Claudinho da Geladeira; e em São Caetano o vereador Edgar Nóbrega deverá liderar o front. Mauá, Diadema e São Bernardo disputarão a reeleição. Santo André ainda paira a dúvida. Cadê a mala? Chama atenção o fato de alguns políticos serem flagrados em alguns locais com imponentes malas como acessório. O curioso é que, em alguns casos, os mesmos são vistos entrando em alguns lugares com a mala, mas ao deixarem determinados recintos saem de mãos vazias. Será que eles ‘esquecem’ de propósito um acessório tão importante?

Opinião / Política

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

Projeto ‘Metropolitano’ terá essência do Consórcio

Grupo com 39 municípios terá, no entanto, mais autonomia que a entidade regional do ABC Leandro Amaral Na essência, o projeto 6/2005 idealizado pelo governo do Estado e que prevê a criação oficial da Região Metropolitana, segue o molde do agrupamento formado no início da década de 1990 no ABC, por iniciativa do ex-prefeito de Santo André, Celso Daniel (PT). O escopo da intenção estadual visa reproduzir a discussão dos problemas que extrapolam as fronteiras municipais, que perduram na pauta durante anos devido à falta de orçamento ou vontade política. A exemplo do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC, a Região Metropolitana versará sobre questões macro, mas sob um prisma maior, com 39 municípios. Segundo o Censo 2010, juntos, esses municípios concentram 76% da população do Estado, estimada em mais de 40 milhões de habitantes. São Paulo é o Estado mais populoso do Brasil e a terceira

unidade política com mais habitantes da América do Sul, superada apenas pelo próprio País e Colômbia. O primeiro passo do projeto é a criação do Conselho de Desenvolvimento Metropolitano. O agrupamento reunirá os 39 prefeitos, incluindo os sete do ABC, mais 39 representantes do âmbito estadual, que terão a tarefa de definir a pauta de prioridades por meio de frequentes encontros, como ocorre na entidade regional que engloba atualmente os gestores do ABC. O secretário estadual de Desenvolvimento Metropolitano, Edson Aparecido, em entrevista à Rádio ABC, destacou a dinâmica da ação. “Os participantes vão sentar na mesma mesa para definir os projetos mais importantes de transporte e enchente, por exemplo”, afirma. Segundo ele, o Conselho também terá grupos de discussões específicos, a exemplo do quer ocorre no Consórcio.

ABC ganhará força

Os sete municípios da região terão um ‘plus’ na discussão metropolitana. Segundo o líder do PSDB na Assembleia Legislativa, Orlando Morando, o conglomerado local será uma ‘sub-região’. Na prática, o status permite a formação de colegiado, além dos prefeitos, que poderá identificar as prioridades e encaminhá-las ao Conselho Maior. “Nós teremos uma oportunidade exclusiva de tratar os problemas do

ABC. Teremos mais força para levar as prioridades, pois não estaremos reféns da vontade exclusiva do Conselho Maior”, diz Morando. Votação será na terça De acordo com o deputado, a votação do projeto que cria a Região Metropolitana ocorrerá nesta terça-feira (24). Segundo Orlando Morando, nesta semana, foi esgotado o prazo de discussão regimental.(LA)

Tiago Oliveira/Rádio ABC

Edson Aparecido afirma que ação será dinâmica e eficiente

Modelo será mais ágil Se a essência é a mesma, a dinâmica tende a ser diferente. O modelo proposto no âmbito estadual terá, pelo menos na teoria, mais agilidade na obtenção de recursos e execução de demandas. Isso porque a Região Metropolitana prevê a criação de Fundo Metropolitano, que dará autonomia para as deliberações do Conselho. Porém, a aprovação do projeto não significará ainda a agilidade das demandas intermunicipais. O Conselho, por si só, não terá a ‘velocidade’ e nem os técnicos necessários para a execução das tarefas. Depois de ratificado o projeto pelos deputados, o governador Geraldo Alckmin encaminhará mais duas matérias ao Legislativo que darão operacionalidade ao Conselho Metropolitano. Um diz respeito à criação da Agência de Desenvolvimento Metropolitano. Também a exemplo do ABC,

a entidade atuará como braço do Conselho na elaboração dos projetos e na captação de recursos. O outro será o projeto que cria o Fundo Metropolitano. A iniciativa, que contará com recursos dos municípios, do Estado e da União, além da possibilidade de empréstimos internacionais, irá custear as empreitadas definidas pelo Conselho. Segundo Edson Aparecido, os critérios para desembolso dos recursos ainda serão discutidos. Segundo informações de fontes ligadas ao Palácio dos Bandeirantes, embora os valores ainda não sejam conhecidos, a proporção está definida. O Estado arcará com dois terços do Fundo, ou seja, a cada R$ 3 investidos, R$ 2 serão deslocados do cofre estadual e o restante – R$ 1 – dos municípios, de acordo com o orçamento e a população. (LA)

Espaço aberto

A deterioração do ensino médio

Dados do último Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) mostram que os alunos do ensino médio estão atolados no desconhecimento. Eles são fruto de um ensino médio extremamente generalista, que não prepara nem para o trabalho, nem para o vestibular. Vítimas de um currículo quase nada atraente e distante da realidade. Para tentar corrigir isso, o Conselho Nacional de Educação aprovou nova proposta, que reforma o ensino médio por completo. E o arrasa de uma vez por todas, infelizmente. O CNE propõe que cada escola escolha seu currículo, de acordo com suas especificidades, bem mais fle-

Rua Álvares de Azevedo, 210 Centro – Santo André Tel.: 4427-7800 www.reporterdiario.com.br

xível, em torno de quatro grandes áreas: trabalho, tecnologia, ciências e cultura. Assim, as escolas de uma região mais industrializada deverão ensinar matemática, português, ciência, filosofia e sociologia. Mas darão peso maior às matérias correlatas às áreas de trabalho e tecnologia. Com isso, o CNE pretende tornar o ensino médio mais atrativo, diminuindo a evasão, hoje assombrosa. Mas como ficará o cenário? Com mais liberdade pedagógica, escolas particulares conseguirão montar um ensino médio certamente mais competente, e seus alunos seguirão conquistando a maior parte das vagas das melhores universidades. Já as escolas públicas certamente terão enorme difi-

Jornalista responsável: Airton Resende Edição: Aline Bosio e Maria do Socorro Diogo Diagramação: Marcelo Moraes Alvares Reportagem: Aline Bosio, Carolina Neves, Larissa Marçal, Leandro Amaral e Natália Fernandjes

culdade para montar uma grade decente, carente de recursos que são. Teremos, enfim, uma forma ainda mais gritante, um fosso entre o ensino para abastados e não abastados. Com a reforma, sairão beneficiadas ainda as faculdades particulares pouco compromissadas com a educação e mais interessadas em fornecer diplomações às custas do Prouni. O CNE propõe currículos escola por escola. E exige conhecimento específico em um exame nacional, o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Um contrassenso. O ensino médio brasileiro carece, na verdade, de uma ampla reforma em seu currículo, mas com conteúdo mínimo nacional. A reforma proposta pelo CNE

exige requalificação total dos professores. Hoje, faltam mestres para algumas disciplinas no ensino público. A partir da reforma, vão faltar ainda mais professores. O desinteresse dos jovens será ainda maior se até 20% do conteúdo programático puder ser ministrado à distância. Com tais mudanças, nosso ensino médio, que já é sofrível, será arruinado de uma vez por todas. A qualidade será relegada a último plano. É necessário que toda a comunidade da área de educação discuta e se manifeste rapidamente contra esse absurdo equívoco que está para ser cometido. José Auricchio Júnior é médico e prefeito de São Caetano.

Comercial: Claudia Plaza e Alessandra Duran Fotos: Marciel Peres e Carolina Neves Projeto Gráfico: Rubens Justo Suporte Operacional: Pedro Diogo Administrativo: Rita de Cássia B. da Silva

Tiragem auditada por:


3

Repórter Diário

CIDADES

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

Edital para usina em São Bernardo sai logo Reprodução

Natália Fernandjes Depois de conseguir aprovação do Termo de Referência para licenciamento de usina de incineração de resíduos pela Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental), São Bernardo deverá divulgar edital de licitação nos próximos dias. A expectativa é que até o fim do ano seja finalizado o processo de contratação da empresa responsável pelo EIA/RIMA (Estudo e o respectivo Relatório de Impacto Ambiental) para implantação da usina, que deve começar a ser construída em 2012. A instalação da usina depende ainda de licença da Cetesb e do CEMA (Conselho Estadual do Meio Ambiente), segundo Elcires Pimentel, consultor do projeto da usina de incineração de lixo de São Bernardo. “Estamos confiantes, mas sabemos que é um processo longo e acompanhado de mitigação ambiental”, comenta. Como parte do projeto da usina, para 2012 também está previsto o início da coleta seletiva no município, assim como a instalação de ecopontos (locais para depósito de produtos recicláveis). Se concretizada, a usina de incineração de lixo doméstico de São Bernardo será a primeira do Brasil. A previsão é que o incinerador seja instalado na região do Alvarenga, área que abriga-

Unisa de incineração de lixo residencial será construída na região do Alvarenga va o antigo lixão. A previsão é de investimento de R$ 220 milhões por meio de PPP (Parceria Público-Privada). O município encaminha mensalmente 21 mil toneladas de lixo por mês para o aterro sanitário Lara, em Mauá. Na gaveta Por enquanto, é o único projeto de usina de incineração de lixo ventilado ano passado não engavetado. Isso porque em Santo André, depois de técnicos do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental) visitarem cidades da Alemanha que trabalham com a usina verde para conhecer a tecnologia e o processo adotado, nada foi feito. No Consórcio Intermunicipal do Grande ABC, o tema também chegou a ser discutido no final do ano, mas sem avanço.

Entenda o que é incineração • A incineração do lixo é a queima de materiais em temperaturas acima de 900 °C. O processo reduz o volume do material em mais de 70% e é recomendado para eliminação de lixos perigosos, como resíduos hospitalares e tóxicos. • Algumas usinas são capazes de gerar eletricidade e outras são utilizadas no aquecimento de água em países onde há invernos rigorosos, como Suiça e Japão. • Dentre as desvantagens da incineração do lixo estão o custo elevado, a necessidade de mão de obra qualificada, a variabilidade da composição dos resíduos e a manutenção intensa.

1 kg de lixo gera energia para Secador de cabelos - 24 minutos Máquina de lavar - 20 minutos Geladeira - 2 horas e 52 minutos TV - 5 horas e 45 minutos Forno elétrico - 22 minutos Ferro elétrico - 43 minutos Computador - 5 horas Fonte:Actuale Consultoria e Assessoria

Especialista não é favorável Resíduos domiciliares produzidos no Brasil têm grande capacidade de reaproveitamento e reciclagem, o que, segundo Carlos Henrique de Oliveira, professor de Gestão Ambiental da Umesp (Universidade Metodista de São Paulo), deveria ser foco de investimento público, ao invés da construção de usinas de incineração. “A técnica de incineração de lixo pode ser interessante em outros cenários, como na Europa, mas no Brasil temos matriz energética eficiente até agora, além de grande capacidade de geração de energia, por água e vento”, explica o professor de Gestão

Ambiental. O mais importante, segundo o mestre, é fazer coleta seletiva e dar encaminhamento correto para os resíduos, assim como prevê o Plano Nacional de Resíduos Sólidos, lei 12.305/2010. Priorizar a reciclagem é mais indicado do ponto de vista econômico, financeiro e social, destaca Oliveira. “Alguns materiais podem ser reciclados até cinco vezes sem perder sua característica. Quando mandamos este material para incineração, eliminamos esses possíveis ciclos de vida e desperdiçamos todo o investimento empregado em sua produção”, comenta. (NF)

Moradoras reclamam descaso de construtora Marciel Peres

Conceição mostra quintal invadido pelo esgoto Da Redação Obras de empreendimentos imobiliários têm se espalhado pela região. Além dos transtornos normais, como barulho e aumento no tráfego de veículos pesados, há casos em que a população vizinha é desalojada. Os moradores da rua João Martin Bianco, no Centro de São Bernardo, são exemplo. O barulho causado pela construção do condomínio Arcadia, que segundo relatos muitas vezes vai até 23h, não é o principal problema enfrentado pelas aposentadas Conceição dos Santos e Elita Pereira. As duas mulheres estão fora de suas casas desde dezembro em razão do aparecimento de rachaduras e vazamentos nos imóveis.

Segundo Conceição, de 83 anos, todos os aparelhos de eletrodomésticos e móveis de sua casa estão danificados devido o vazamento de esgoto que atinge sua casa há meses. “Já é a segunda vez que a minha casa enche de esgoto por causa desta obra. Já perdi tudo, estou na casa da minha irmã desde o final do ano passado”, conta a idosa. Ainda segundo a moradora, engenheiros responsáveis pela obra, da empresa Schahin, foram até sua casa mas disseram que não há nada para ser feito. “O engenheiro que veio aqui disse que não tem volta, a casa vai ter de ser derrubada”, relata a aposentada. Na casa vizinha, Elita Pereira reclama da mesma situação. Teve de deixar a

moradia, também, devido o aparecimento de rachaduras e vazamentos. Em visita à residência, um engenheiro responsável pela obra teria alertado sobre o perigo. “Ele me avisou que não tinha mais como ficar na minha casa, pois ela podia cair. O engenheiro perguntou apenas se eu poderia ficar na casa da minha filha”, reclama. Schahin As moradoras entraram em acordo com a construtora no final do ano passado, porém nada foi feito desde então e as duas permanecem desalojadas. Em nota oficial, a Schahin afirmou, por meio de sua assessoria de impren-

sa, que efetuou todas as tratativas com as moradoras e que o caso decorre conforme combinado. Entretanto, não informou o que exatamente foi combinado, quando e como as aposentadas seriam ressarcidas nem se durante o período das obras ambas receberão alguma ajuda. Segundo Conceição e Elita, a promessa foi de que as casas seriam demolidas e reconstruídas. Até o fechamento desta edição a Defesa Civil de São Bernardo não informou se a solicitação de demolição das casas já foi pedida pela construtora Schahin, conforme acordado com as moradoras. (Colaborou Larissa Marçal)

Centro do Idoso continua no papel O CRI (Centro de Referência do Idoso) ou Casa da Melhor Idade, como é chamado por muitos no governo, não tem previsão para ser concluído em Santo André. O empreendimento foi uma das promessas de campanha do prefeito Aidan Ravin (PTB), ainda candidato em 2008. Segundo informações da Secretaria de Saúde, inicialmente o Executivo trabalhava com um projeto que previa a construção de um espaço para contemplar o equipamento. Porém, uma empresa do segmento de saúde fez doação de um imóvel na rua Davi Campista, vila Lea, e mudou o cronograma do projeto. Ainda segundo a nota oficial, o projeto do Centro de Referência do Idoso está “na fase final de elaboração”. Como o imóvel doado abrigava um espaço de saúde, serão feitas apenas adequações para o CRI. Segundo a Prefeitura, a discussão agora é a aquisição de equipamentos. Não foram informados mais detalhes da iniciativa e nem o investimento que será feito pela Admi-

nistração. A assessoria de imprensa apenas garantiu que passará as informações posteriormente. A saúde foi o tema da campanha do médico Aidan Ravin. O CRI ainda não saiu do papel, mas o Poupatempo da Saúde – AME (Ambulatório Médico de Especialidade) do governo do Estado – outra plataforma eleitoral, já é realidade no município. Para ajudar a população a lembrar de promessas de campanhas ou anúncios de projetos, feitos por gestores de prefeituras do ABC, Estado e União, mas ainda não cumpridos o Repórter Diário publicará, a cada edição, a coluna Estamos de Olho. Se você quiser participar envie sua sugestão para o e-mail redacao@reporterdiario. com.br aos cuidados da coluna Estamos de Olho. (Leandro Amaral)

Após morte, alunos da USP pedem segurança Alunos da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA-USP), no Butantã, na zona oeste da capital paulista, permaneciam em frente à unidade por volta das 8 horas, em protesto pela morte de um colega nesta quartafeira à noite. Nesta manhã, os estudantes se organizavam para caminhar até a reitoria da universidade e entregar uma carta exigindo mais segurança no campus. As aulas previstas para começar às 7h30 podem ser suspensas pela própria FEA. Um comunicado deve ser divulgado nas próximas horas pela universidade. Felipe Ramos de Paiva, de 24 anos, aluno do curso de Ciências Atuariais, foi assassinado no estacionamento da

faculdade por volta das 21h30 de ontem. Um guarda universitário ouviu um disparo e correu para o estacionamento da faculdade. Lá, encontrou Felipe já morto perto de seu Passat azul-marinho blindado. Ao lado, havia uma chave quebrada, um celular e óculos. Testemunhas contaram à polícia que, logo após sair da aula, Felipe foi seguido por um homem até o estacionamento. Após abordagem, o estudante entrou em luta corporal com o suposto assaltante, a ponto de quebrar uma maçaneta do veículo. Foi quando o assassino sacou a arma. Felipe ainda tentou entrar no carro blindado, mas não conseguiu. Após balear o jovem, o bandido fugiu sem levar nada. (Da AE) Marciel Peres

Defensor público ensina buscar direitos O caminho para buscar ressarcimento ou interrupção das obras que causam danos à estrutura da casa é reunir provas, como rachaduras ou infiltrações. Segundo Horácio Xavier Franco Neto, defensor público e coordenador do Núcleo de Direito do Consumidor da Defensoria Pública do Estado de São Paulo, após recolher as provas e conseguir demonstrar que foi a construção que causou os danos,

a vítima deve procurar o responsável pela obra e tentar um acordo amigável. Caso isso não aconteça, o caminho é a Justiça. O defensor público ensina que as pessoas que não tiverem meios para pagar um advogado devem recorrer à Defensoria Pública. “Entre as ações que podem ser exigidas estão suspensão da obra, indenização, demolição do que já foi construído ou reparo dos danos”, afirma. (LM)

FRIO - A semana no ABC foi marcada por dias frios, bastante nublados e com chuvas esparsas. Já o fim de semana será de sol com algumas nuvens, mas o tempo ainda ficará gelado. Não há previsão de chuva. A previsão, segundo a Climatempo, é de mínima de 11ºC e máxima de 24ºC.


4

Repórter Diário

CIDADES / EDUCAÇÃO

Jardim Santo André terá R$ 400 mi para urbanização Fotos: Marciel Peres

Aline Bosio Tido como um dos bairros mais problemáticos de Santo André quando o assunto é área de risco, habitação e segurança, o Jardim Santo André receberá investimento na ordem de R$ 400 milhões para obras de urbanização, construção de moradias e recuperação ambiental. O pacote de intervenções – algumas já em andamento – foi anunciado nesta quarta-feira, dia 18, pelo governador Geraldo Alckmin, que assinou um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) relativo ao investimento. Entre as ações previstas estão a construção de 1.197 unidades habitacionais dentro e fora do bairro para famílias que vivem em áreas de risco, abertura e melhoria de vias, implantação de redes de água, esgoto e drenagem, e obras de contenção de encostas, paisagismo e área de lazer. A CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano) vai promover a preservação de 447 mil m2 de área verde com a constrrução de parque linear. “Este é o segundo maior programa de recuperação urbana do Estado, após o da Serra do Mar, que já dura

Pacote visa áreas de risco, abertura e melhoria de vias, implantação de redes de água etc dois anos e consumirá cerca de R$ 1 bilhão”, contou Silvio Torres, secretário de Habitação do Estado. “Se somarmos todas as ações, inclusive as que já foram iniciadas, o programa do Jardim Santo André terá custo de aproximado de R$ 700 milhões”, disse Torres, ao afirmar que o projeto servirá como exemplo para outras ações do governo. Nesta quarta-feira também foi entregue o documento de averbação que corresponde a 1.324 imóveis construídos pela CDHU na área. Com o

ofício, denominado matrícula-mãe, todos os moradores que quitarem o financiamento poderão obter a escritura definitiva do imóvel. Durante a assinatura do TAC também foi assinada a ordem de serviço para o início da construção de 194 moradias da CDHU, com investimento na ordem de R$ 9,6 milhões. O local terá ainda Batalhão da Polícia Militar e Estande de Tiros, um investimento de R$ 5,2 milhões. “Este local contará com campo de futebol para ajudar a aproximar

a comunidade da polícia”, destaca Torres, ao adiantar que as obras do Batalhão começam em junho e deverão terminar ainda este ano. A expectativa é que todas as intervenções na área sejam finalizadas até 2016. “O Jardim Santo André é uma cidade dentro de Santo André, ocupada há cerca de 30 anos e que estamos conseguindo resolver os problemas gradualmente com a construção de apartamentos e a transformação da favela em comunidade”, destacou Alckmin.

Diadema quer reduzir para um dígito índice de homicídios A principal meta do 3º Plano Municipal de Segurança de Diadema é reduzir a taxa de homicídios observada no município em 2010. A expectativa é que as 21,24 ocorrências por grupo de 100 mil habitantes registradas ano passado despenquem para a casa de um dígito. Para isso, o projeto, que entra em sua segunda fase de elaboração neste sábado, 21, prevê maior contato entre poder público e munícipes, além da criação do Fórum Municipal de Paz e Justiça. Embora ousada, a meta defendida por Arquimedes Andrade, secretário de Defesa Social de Diadema, é alcançar um patamar ‘civilizado’ em relação às taxas de homicídios. “A OMS (Organização Mundial da Saúde) considera a taxa de ocorrência de homicídios acima de 10 por cada 100 mil habitantes epidêmica”, destaca. Dividido em três etapas de elaboração, o plano entrará em fase de consulta popular a partir deste sábado, 21, e seguirá

até 6 de julho. A primeira etapa consistiu na elaboração de diagnóstico pelo Instituto Sou da Paz. Opinião pública Serão realizadas 13 audiências públicas, uma em cada região do Orçamento Participativo, com objetivo de ouvir propostas de lide-

ranças e munícipes. Depois disso, a discussão parte para o Gabinete de Gestão Integrada, local que envolve representantes das polícias municipal e estadual, além da Secretaria Nacional de Segurança Pública. Com o Fórum, a ideia é desenvolver cultura de paz entre a sociedade. “Esse é um pro-

cesso permanente e que não tem ponto de chegada. Nossa ideia é trabalhar com multiplicadores que atuem na mediação de conflitos para evitar que brigas bobas terminem em perda da vida”, observa. A retomada da campanha de desarmamento infantil e adulto também está na mira de Diadema. (Natália Fernandjes)

Em nove anos, taxa caiu 66% Desde que foi criado o 1° Plano Municipal de Segurança de Diadema, em 2001, a redução dos índices de homicídios era prioridade. Na época, para reduzir a taxa de 65,63 casos por grupo de 100 mil habitantes, foi criada a Secretaria de Defesa Social, além da lei de fechamento de bares (2.107/02), da campanha de desarmamento (que recolheu 1,6 mil armas de fogo) e de programas focados na educação. Em 2005 foi elaborado o 2°

Plano Municipal de Segurança de Diadema. Dessa vez, o documento indicou a criação da Ouvidoria, do Canil da Guarda Municipal, do Centro Integrado de Videomonitoramento e do Gabinete de Gestão Integrada, o primeiro do Brasil aos moldes do Pronasci (Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania). Primeiro trimestre A taxa de homicídios em Diadema caiu 52,38% no primeiro trimestre de 2011 em

relação ao mesmo período do ano passado. Foram contabilizados 10 homicídios, enquanto em 2010 o número ficou em 21. O Mapeamento da Criminalidade revela que houve redução também nas tentativas de homicídio (34,62%), roubo de carga (15,38%), furto de veículos (13,10%), roubo de veículos (12,65%), ato infracional (4,23%) e furtos (1,60%). Foram registrados aumentos nos itens tráfico de entorpecentes (20%), roubo (6,57%) e violência doméstica (5,65%). (NF)

RD positivo/negativo

Sem opção Para tentar fugir do trânsito, o cidadão fotografado pelo Repórter Diário optou por se deslocar de bicicleta. O problema é que não há espaço reservado para este meio de locomoção em todas as vias. Por isso, o ciclista teve de disputar espaço com os carros no recém-construído viaduto da avenida Lions, em São Bernardo.

Fotos: Marciel Peres

piscinão.

Ciclovia solitária Se em alguns locais da região não há área disponível para bicicletas, algumas ciclovias chegam a ficar abandonadas pela falta de usuários. É o caso, por exemplo, do espaço reservado na avenida Lauro Gomes, em São Bernardo, ao lado do

Envie sugestões ou fotos de situações ou locais, positivas ou negativas, que chamam a atenção pelas cidades do ABC, com seu nome e telefone para a redação do Repórter Diário pelo e-mail redacao@reporterdiario.com.br

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

Fundação Casa abre segunda-feira A Fundação Casa inaugurou nesta quarta-feira (18) duas unidades de internação em São Bernardo. Os centros socioeducativos, que começarão a receber jovens infratores na segunda-feira (23), terão capacidade para atender 56 adolescentes cada. A inauguração marcou a 54ª unidade construída pelo Estado no processo de descentralização do atendimento pós-Febem. Das duas unidades de São Bernardo, uma destinará as 56 vagas para jovens sentenciados em medida de internação. A segunda terá 16 vagas para adolescentes em internação provisória e 40 para internação. Ao todo, terão 61 funcionários. Berenice Gianella, presidente da Fundação Casa, destaca, no entanto, que as unidades não atenderão todos os 119 jovens infratores provenientes de São Bernardo. Segundo a executiva, só serão transferidos para as novas instalações os jovens que estiverem no início do processo de recuperação. “Vamos iniciar o trabalho na segunda-feira com aqueles que ingressarem em internação provisória. Os adolescentes de São Bernardo que estiverem cumprindo medida em outros locais virão pra cá dependendo do tempo que já estão na Fundação. Se ele já está evoluindo na

medida, nos não costumamos transferir porque pode quebrar o processo de recuperação. É feito um estudo pra isso”, disse, sem revelar números. Indagada se a medida não ‘quebraria’ o conceito de descentralização imposto pela Fundação, Berenice Gianella afirmou que “quebra mais ou menos. Trazer um menino que já está em processo de recuperação em outra unidade pode representar que ele fique mais tempo na Fundação, pois vai ter de ser conhecido pela nova equipe. Começa o processo de novo e prolonga o período de internação”, explica. Mais unidades Atualmente, no ABC, existe somente um centro socioeducativo, o de Mauá. Além das unidades de São Bernardo, são construídas duas em Santo André e existe perspectiva da instalação do equipamento em Diadema. Serão 336 vagas para atender a demanda que, hoje, é de cerca de 340 jovens. Dos 645 municípios paulistas, São Bernardo ocupa a terceira colocação em número de jovens que cometeram atos infracionais, atrás de São José dos Campos e Guarulhos, respectivamente em primeiro e segundo lugares, fora a Capital.(Leandro Amaral)

Inscrições no Enem começam segunda-feira As inscrições para o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) abrem segunda-feira (23), a partir das 10h, e seguem até as 23h59 de 10 de junho, pela Internet. A taxa é R$ 35. A partir de 2012, haverá pelo menos duas edições anuais do exame. A primeira em 28 e 29 de abril e a segunda em novembro, após as eleições municipais. A prova do Enem deste ano acontece dias 22 e 23 de outubro. Senac O Senac Santo André realizou nesta quarta-feira (18) o I Fórum da Rede Social Regional do ABC, sob o tema O Impacto do Envelhecimento no Cenário da Região. O encontro teve como objetivo levantar informações e fomentar discussões entre instituições públicas e privadas sobre as questões relacionadas ao envelhecimento da população do ABC. Armas não letais A partir deste final de semana, a Guarda Civil Municipal sai às ruas de Diadema com um novo instrumento de combate ao crime: as armas não letais, de choque elétrico, tipo taser. Integrantes da Força Nacional, do Ministério da Justiça, concluíram nesta quinta-feira (19) o treinamento dos 52 guardas civis municipais selecionados para uso do equipamento. Até setembro, a maioria dos servidores da GCM também estará habilitada. Campanha do Agasalho Com uma carreata que percorrerá os mais diversos pontos da cidade, Diadema lança neste sábado (21) a Campanha do Agasalho 2011. O tema deste ano é Esquente essa Ideia, doe um Agasalho para quem Precisa. A campanha é organizada pela Secretaria de Defesa Social do Município, por meio da Defesa Civil. Como em anos anteriores, a população poderá contribuir, além dos agasalhos, com a doação de alimentos não perecíveis, brinquedos e material escolar. A Campanha segue até 2 de julho, com cerca de 130 postos de arrecadação. Limpeza A operação de limpeza Minha Cidade, Eu Amo, Eu Cuido, realizada em Mauá,

terminou. Foram removidos 2.275 caminhões de terra, entulho, cata bagulho, podas e capim; pintadas 75 km de guias; limpos 996 bueiros; e roçados 3.575 metros de rios e córregos. Os córregos Pedreira Pelegrine, Corumbé e Tamanduateí foram alguns dos que receberam os trabalhos de roçagem. Também foi realizada a revitalização de algumas praças, que receberam pintura, limpeza, retirada de entulho e capinação. Crianças No próximo sábado (21), Diadema sediará um dos encontros promovidos por voluntários do programa Itaú Criança, da Fundação Itaú Social, e representantes do Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente da cidade. Na ocasião, convidados discutirão os rumos da política local para garantia dos direitos de crianças e adolescentes. A iniciativa pretende mobilizar e envolver diversos atores da sociedade, como organizações sociais, conselhos tutelares, representantes do Poder Judiciário e do Ministério Público, associações de bairro, entre outros agentes. O encontro será na rua Oriente Monti, 201, Jardim do Parque. Obras A avenida João Firmino, que liga a região central de São Bernardo ao bairro Assunção, está passando por reforma que inclui faixas exclusivas para ônibus, área para estacionamento de veículos, ciclovias, rebaixamento de guias, nova sinalização, entre outras. A obra da Prefeitura, com investimento total de aproximadamente R$ 18 milhões, foi iniciada em junho do ano passado e deverá ser entregue em fevereiro de 2012.


5

Repórter Diário

ECONOMIA

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

Santo André vai fortalecer comércio nos bairros Leandro Amaral Santo André pretende descentralizar o comércio. A discussão em curso integra o eixo do Desenvolvimento Econômico na revisão do Plano Diretor. A demanda foi uma das reivindicações dos comerciantes no Ciclo de Debates – Comércio, Serviços e Indústria - que antecipou a audiência pública do Desenvolvimento Econômico, que ocorrerá nesta segunda-feira (23) na Câmara. Segundo o secretário-adjunto da Pasta, José Antonio Acemel Romero, conhecido como Espanhol, a ideia da Administração é ampliar as Zeics (Zonas Especiais de Interesse Comercial) de

Cestec abre posto de atendimento Da Redação No próximo dia 25, a partir das 10h, a Agência de Desenvolvimento Econômico do Grande ABC inaugura em sua sede o Posto de Atendimento do Cestec – Centro de Tecnologia e Inovação do Grande ABC. Na mesma ocasião, também será instalado o software que tem os mesmos recursos utilizados no Projeto Meccano, da Itália, para atender os empresários da região. O software tem a função de prospectar ofertas e demandas, formação de preços e custos e de identificar a viabilidade do mercado. O posto poderá ser utilizado por empresários que possuírem interesse em consultar o software e apresentarem a necessidade de esclarecer dúvidas a respeito de tecnologia e inovação. O foco inicial são empresas do setor plástico e metalmecânico. A ação é parte da etapa final do projeto Cestec, iniciativa da Agência em conjunto com o BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) e o Sebrae, que atendeu durante 2010 cerca de 60 empresas do setor metalmecânico.

ABC aparece em ranking de empregos Santo André e São Bernardo aparecem no ranking das 50 cidades que mais contrataram no mês de abril divulgado, nesta terça-feira (17), pelo Ministério do Trabalho. Foram criados 1,3 mil postos formais em Santo André e 1,1 mil em São Bernardo. O Brasil apresentou 272 mil novos empregos com carteira assinada, número 10,7% menor do que o registrado no mesmo período do ano passado. Em relação ao mês de abril de 2010, a tabela sofreu modificações consideráveis. Santo André passou da 336° posição, com -264 contratações, para a 12º neste ano e São Bernardo deixou de ocupar o 175º lugar em 2010, com -120 novas vagas, e passou para a 17º colocação neste ano. São Caetano, destaque no ano passado, por estar entre as 10 que mais contrataram (142 vagas) não apareceu entre as 50 no ranking de 2011. Para Mauro Miaguti, diretor da regional São Bernardo do Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo), o nú---mero mostra a importância do ABC e seu poder econômico, no entanto, o cenário é de estabilidade. “Apenas setores bem específicos estão contratando”, comenta. (Natália Fernandjes)

modo que cada centro de bairro seja uma ‘área’, totalizando, segundo ele, 14 regiões. Atualmente, o Plano Diretor projeta seis locais (Centro, Santa Teresinha, Parque das Nações, Jardim, Vila Pires e Vila Luzita). “Queremos fortalecer o comércio de bairro com serviços para que as pessoas possam se fixar naquele ambiente”, destaca Acemel. Segundo o secretário-adjunto, caberia ao Executivo intervenções estruturais, como reforma de calçadas e recapeamento, além do incentivo à qualificação profissional. A descentralização do comércio, diz o secretário, auxilia também a mobilidade urbana, pois reduz o im-

pacto do trânsito na região central. Não estão previstos no Plano Diretor incentivos fiscais para a descentralização. Acemel revela que estão em estudo alterações na atual Lei de Incentivo. O intuito é desonerar – não revelou os critérios – o investimento e não o imposto. Além das Zeics, Santo André também focará na revisão do Plano Diretor as Zebts (Zonas Especiais de Base Tecnológica) para preparar o município para a demanda com o Polo Tecnológico. Desburocratização Uma reivindicação recorrente no comércio, indústria e serviços visa a desburo-

cratização. Acemel diz que uma medida já está em curso para reduzir a burocracia. Atualmente, quem quer abrir uma empresa no município deve apresentar série de documentos e, depois da aprovação, aluga, por exemplo, um imóvel e encaminha para cadastro na Prefeitura. Segundo o secretárioadjunto, em muitos casos a Administração constata que o local não tem Habite-se. Nessas situações, o investidor tem a abertura da empresa prejudicada. Para resolver o gargalo, a Secretaria quer desmembrar os trâmites. Se o imóvel alugado não tiver Habite-se, a ideia é co-responsabilizar o proprietário para evitar punições ao investidor.

Marciel Peres

Acemel defende desburocratização para atrair investimentos


6

Repórter Diário

SAÚDE

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

Vacinação na gravidez ainda é dúvida Apesar de recomendadas pela Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, gestantes ainda evitam a medicação Da Redação Encarados como mito na Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, as reações e os efeitos colaterais que as vacinas em geral podem causar ainda assustam muitas gestantes, que deixam de tomar vacinas contra a gripe, hepatite B, difteria e tétano durante a gestação. O calendário de vacinação das gestantes recomendado pelo órgão estadual abrange três tipos de vacinas no pré-natal: a Dupla Tipo Adulto (que previne tétano e difteria), hepatite B e contra a gripe, adotada em 2010 devido ao surto de gripe suína. Segundo Helena Sato, coordenadora do Centro de Imunização da Secretaria, apesar de não ser registrado há muito tempo,

o tétano neonatal é um dos males que podem ser evitados com a vacina Dupla Tipo Adulto. “Caso o cordão umbilical não receba os devidos cuidados, ele pode ficar infectado. Por isso que a vacina é importante, pois protege o bebê e a mãe”, explica.A dose de vacina Dupla Tipo Adulto deve ser tomada como forma de segurança caso as três doses obrigatórias durante a adolescência ou infância tiverem sido tomadas há mais de cinco anos. Já a vacina contra a gripe é importante, porque o quadro pode evoluir para pneumonia. “Apesar da resistência das grávidas, o índice de vacinação em 2011 cresce semana a semana”, conta a coordenadora da Secretaria, que já vacinou 38% das gestantes do Estado.

Desinformação é o principal problema A coordenadora do Centro de Imunização conta que normalmente as grávidas alegam falta de informação ou medo dos efeitos colaterais para não tomar a vacina. É o caso da designer Anelise Kalinka, que está no oitavo mês de gestação e teme as reações da vacina contra a gripe. “Apesar de a campanha informar que grávidas podem tomar a vacina, consultei o médico se era necessário e ele disse que era, mas preferi não tomar, para me precaver de uma pos-

sível reação, já que como gestante não posso tomar nenhum tipo de medicamento”, afirma Anelise. Segundo a alergista Ana Paula Moschione Castro, especialista também em Imunologia pela USP, a gestante só não deve tomar as vacinas recomendadas quando tiver histórico de reações alérgicas. “Apenas nestes casos as vacinas devem ser evitadas, caso contrário as gestantes devem sim se vacinar, pois é proteção também para o bebê”, ensina a médica. (LA)

Divulgação

Imunização para a faixa entre 20 e 59 anos Intervalo entre as doses

Primeira visita

Reações e os efeitos colaterais ainda assustam as gestantes

Adulto também tem calendário As vacinas durante a adolescência e na idade adulta ajudam a reduzir e erradicar doenças, como hepatite B e febre amarela. Em viagens para países da América do Sul e para o continente africano é recomendada a imunização contra a febre amarela. Já a hepatite B deve receber atenção especial, pois segundo pesquisa da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo houve aumento 56,9% no nú-

mero de casos. Do total, 18,1% dos portadores do vírus são mulheres e 33,1% homens. A vacina contra a hepatite B deve ser tomada em três doses, em intervalos de 30 dias. Segundo Helena Sato, o vírus pode ser transmitido pelo sangue e por meio de relação sexual sem proteção. “Entre os portadores da hepatite B, 5% a 10% podem desenvolver doenças, como tumor hepático e cirrose”, explica. (LA)

2 meses após a Primeira visita

6 meses após a Primeira visita

Vacina

Esquema

Dupla Tipo Adulto

Primeira dose

Sarampo Caxumba rubéola

Dose única

Febre amarela

Dose inicial

Hepatite B

Primeira dose

Dupla Tipo Adulto

Segunda dose

Hepatite B

Segunda dose

Dupla Tipo Adulto

Terceira dose

Hepatite B

Terceira dose

Dupla Tipo Adulto

Reforço

Febre Amarela

Reforço

A cada 10 ano Fonte: Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo


Sexta-feira, 20 de maio de 2011

DECORAÇÃO REPÓRTER DIÁRIO

Inclui Cultura, Novelas, Cinema e Social Fotos: Marciel Peres

Loft expressa particularidade e ousadia

7

Modelo não é para qualquer morador Solteiros e jovens casais sem filhos são os principais usuários de lofts. Segundo as arquitetas, os moradores devem ser descolados e criativos no momento de escolher o estilo da decoração do local. “O ambiente não é para qualquer pessoa. O morador precisa ter características próprias e não ter preconceitos, pois por não ter divisões

nesses ambientes, a privacidade não existe”, afirma Maximira. Para Rose Chaves, os lofts são boa opção para quem gosta de espaços menores e aconchegantes, ou para quem precisa de casa temporária. “O estilo loft pode ter muitas leituras, o importante é ousar e ser organizado, pois tudo fica à mostra”, completa. (CN)

Tipo de moradia pode ser comparado a apartamento com espaços totalmente integrados Da Redação Estilo de residência moderno ainda pouco popular entre os brasileiros, o loft se destaca por ser tipo de projeto arquitetônico que agrega praticidade e personalização ao ambiente. O modelo de moradia pode ser comparado a apartamento com espaços totalmente integrados, onde a criatividade dita formas do cenário cheio de particularidades. A palavra ‘loft’ faz referência a lugar situado logo abaixo do teto de uma casa ou fábrica, como sótão ou mezanino. O conceito surgiu há 30 anos na cidade de Nova York, mas só há pouco mais de 10 anos chegou ao Brasil. Segundo Maximira Durigan, designer de interiores de Santo André, os brasileiros possuem visão diferente do loft. “O ambiente na essência

é um galpão industrial adaptado para moradia. Já aqui no Brasil se caracteriza como apartamento mais aberto, sem divisão de cômodos”, explica. De acordo com a arquiteta Rose Chaves, de Santo André, diversas adaptações de lofts surgiram como os chamados lofts-fake ou apartamentos loft-inspired, duplex que, embora não sejam amplos, são vendidos como lofts por causa do pé direito duplo. “O que se faz por aqui são ambientes ‘loftados’, pois não há galpões de fábricas em áreas em que as pessoas gostariam de morar”, afirma Rose. Normalmente o metro quadrado de um loft é cerca de 20% mais caro do que o de um apartamento convencional de mesma localização. A maioria dos lofts se caracteriza pelo espaço amplo, com pé-direito alto (distância entre o teto e pavimento) e liberda-

Contatos: Rose Chaves – Atua em todo o Estado de São Paulo e Salvador (BA) www.rosechaves.com.br Telefones: (11) 7720-6095 / 4426-5115

de na ocupação do espaço, no posicionamento dos ambientes e na decoração. “Embora seja por definição ambiente aberto, existem soluções que permitem dividir o espaço sem haver barreira física intransponível, como mezaninos, bancadas, biombos ou armários”, acrescenta Rose. Aplicação comercial Lofts comerciais ou loftsoffice começam a se destacar no que diz respeito à praticidade e modernidade de ambientes empresariais. “Assim como acontece com os modelos residenciais, os loftsoffices buscam uma maneira prática de trabalhar novo conceito de escritório, onde não existem salas separadas, mas espaço único aproveitado de maneira descontraída”, explica Rose. (Colaborou Carolina Neves)

Maximira Durigan – Atua no ABC www.maximiradurigan.com.br Telefones: (11) 9977- 2655 / 4427-8477

Opção é para quem gosta de espaços menores e aconchegantes

O ambiente na essência é um galpão industrial adaptado para moradia


8

Repórter Diário

CULTURA

Peça Savana Glacial chega ao ABC dia 28

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

Paola Oliveira analisa os rumos da personagem Natalia Palmeira da PopTevê Divulgação

Casal Meg e Michel muda de endereço para tentar salvar o casamento, mas acaba conhecendo pessoas ainda mais confusas Da Redação Escolhida pelo jornal O Globo como um dos melhores espetáculos de 2010 e ganhadora do prêmio Shell Teatro na categoria autor, a produção Savana Glacial, que já percorreu mais de 15 cidades, estará em cartaz a preços populares nos dias 28 e 29 de maio, às 20h, no SESC Santo André. Escrita pelo jovem dramaturgo Jô Bilac, com direção de Renato Carrera e atuação de Andreza Bittencourt, Camila Gama, Diogo Cardoso e Renato Livera, a peça conta a história de Michel e Meg. O casal resolve mudar de endereço com o objetivo de resgatar a vida amorosa, abalada com o acidente que deixou Meg com perda de memória re-

cente. No novo apartamento, o casal conhece a maquiadora Aghata, vizinha que invade a privacidade dos dois e cria um jogo de verdades e mentiras, ficção e realidade. A situação é agravada pela incapacidade de Meg recordar os fatos, o que torna a trama uma grande colcha de retalhos.Num quebra cabeça que mistura humor e suspense, a produção não linear - assim como a memória de Meg - se torna mais complexa com a chegada do motoqueiro Nuno, que intriga ainda mais a relação dos indivíduos e torna mais evidente o jogo entre a realidade e ficção. Produção Segundo Camila Gama, atriz e idealizadora, o es-

Pedro Mariano faz show em Santo André O SESC Santo André recebe neste sábado (21), às 20h, o cantor Pedro Mariano, que apresentará repertório do seu sétimo álbum, o cd Incondicional, como Três Moedas, Simplesmente e Teatrinho. Os ingressos estão à venda na bilheteria local e variam de R$ 8 a R$ 32. Filho da cantora Elis Regina e do músico Cesar Camargo Mariano, Pedro acompanhou de perto os passos dos mais importantes artistas da cena musical brasileira e aos 12 anos já tinha a banda Confraria, que ganhou diversos festivais. Em 94, Pedro optou pela carreira solo e deixou a ban-

da. Três anos depois gravou o primeiro cd pela Sony, intitulado Pedro Camargo Mariano, que rendeu indicação ao Grammy Latino 2001, categoria Melhor Disco Pop Contemporâneo Brasileiro. Em 2009, o cantor lançou o cd Incondicional, afinado com a própria trajetória. O repertório é todo contemporâneo e com variedade rítmica e temática. O show transita do samba ao poprock. O show será no Espaço de Eventos do SESC Santo André, que fica na rua Tamarutaca, 302, vila Guiomar. Mais informações pelo telefone 4469-1200.

petáculo levou cerca de um ano e meio para ser produzido. “Tivemos estudos, discussões e dois meses de ensaios intensivos para o levantamento da peça. O texto também acompanhou esse processo. Foi escrito no decorrer dos ensaios. Um processo de troca entre atores, autor e diretor”, explica. O reconhecimento da obra não fazia parte dos planos dos atores. Para a atriz, os resultados são misto de realização pessoal e profissional. “A premiação é consequência desta atividade coletiva, em que a força está na união de ideias e soluções para a viabilidade de um projeto simples e com força expressiva no panorama do teatro nacional”, conta.

Revelação Considerado por alguns críticos como o autor carioca do momento, o dramaturgo Jô Bilac, nome artístico de Giovanni Ramalho Bilac, de apenas 26 anos, já tem peças reconhecidas nacionalmente, como Cachorro! e Rebu. Logo em sua primeira peça, intitulada Sangue na caixa de areia, escrita aos 19 anos, ganhou menção honrosa em dramaturgia, fato que o levou a aprofundar os estudos em teatro. (Colaborou Larissa Marçal) Serviço: Savana Glacial Dia 28 e 29 de maio. Sábado e domingo, às 20h Ingressos: de R$ 5 a R$ 20. Classificação indicativa: não recomendado para menores de 16 anos. Duração: 70 minutos Endereço: rua Tamarutaca, 302, vila Guiomar, Santo André

Paola Oliveira ainda se assusta com a dimensão da televisão. Desde que estreou na Globo – como a espevitada Giovana de Belíssima, em 2005 –, a atriz construiu uma carreira com papéis cada vez mais destacados. Entre eles, deu vida à mocinha Sônia de O Profeta, aprontou todas como a vilã Verônica de Cama de Gato e ainda protagonizou a série O Que As Mulheres Querem? e um dos episódios de As Cariocas. No ar na pele da doce Marina de Insensato Coração, ela assume que tem noção do ritmo acelerado de sua ascensão na tevê. A rapidez com que seu nome se tornou conhecido, no entanto, parece não afetar o jeito meigo e simpático da atriz. "É muito bom ser parada nas ruas e receber elogios sobre o meu trabalho. Adoro conversar e dar autógrafo", garante a paulistana, de 29 anos. Mas, nos últimos tempos, o que Paola mais ouviu nas ruas foi sobre o relacionamento de Marina e Pedro, vivido por Eriberto Leão. Isso porque, duran-

Jorge Rodrigues Jorge / Carta Z Notícias

Atriz afirma que não sabe futuro de Marina te quase cinco meses de novela, o casal quase não protagonizou cenas românticas. Só a pouco tempo apareceram juntos na trama. Agora, Paola aguarda ansiosamente por mais reviravoltas de sua personagem. O que não vai demorar muito, já que o clima romântico entre Pedro e Marina está prestes a ser quebrado mais uma vez. "Acho que a trama fica sempre mais rica quando acontece esse tipo de coisa", empolga-se a atriz, que garante não saber o motivo que leva a personagem se casar com o irmão de Pedro e grande vilão da história.


Sexta-feira, 20 de maio de 2011

Novo Piratas do Caribe conta a vida de Jack Sparrow

ATEN­ÇÃO: OS RESU­MOS DOS ­CAPÍTULOS ESTÃO SUJEI­TOS A MUDAN­ÇAS EM FUN­ÇÃO DA EDI­ÇÃO DAS NOVE­LAS.

GLOBO 17h35h

Capitão Jack Sparrow parte em busca da fonte da juventude

Após algumas incertezas, de participação de atores e do orçamento disponível, Piratas do Caribe 4 - Navegando em Águas Misteriosas finalmente chega às telas de cinema. A aventura é estrelada por Jack Sparrow, interpretado pelo ator Johnny Depp, que desta vez ganhará a companhia da atriz Penélope Cruz. O quarto filme da série é baseado nos últimos segundos da última produção (Piratas do Caribe – No fim do mundo), quando o atrapalhado capitão sai em busca da fonte da juventude. Logo, o enredo é baseado na busca de Jack Sparrow pela tão desejada imortalidade. Durante este percurso o personagem enfrentará dilemas. Um deles é o de confiar, ou não, em Angélica (Penélope Cruz), mulher que pertence ao seu passado. A jovem, filha do pirata Barba Negra, deixará Sparrow ainda mais confuso. Quando Angélica o obriga a subir a bordo do navio Queen Anne’s Revenge, que pertence ao seu pai, o capitão não imagina as aventuras que terá de passar até encontrar a fonte da juven-

GLOBO 18h

tude. Sereias e zumbis serão alguns dos obstáculos que deverão ser enfrentados pela tripulação para alcançar o objetivo da expedição. Continuação Mal foi lançado o filme e a Disney já se prepara para gravar Piratas do Caribe 5 e 6. As produções deverão ser rodadas no mesmo período para reduzir custos, assim como foi feito durante a trilogia. O quarto filme da série teve orçamento inicial reduzido para US$ 200 milhões, sendo que anteriormente contava com investimento previsto de US$ 300 milhões. Mamonas Assassinas Uma opção para os fãs da banda Mamonas Assassinas é a produção Mamonas para sempre, que narrará a história dos integrantes do grupo brasileiro. O documentário dirigido por Cláudio Khans conta com imagens dos programas da apresentadora Xuxa, Jô Soares e Serginho Groisman. O produtor da banda, Rick Bonadio, atualmente jurado do programa Ídolos, participa da produção interpretando ele mesmo. (Colaborou Larissa Marçal)

Cetesb L.R. PIRCHIO – ME, torna público que recebeu da cetesb a licença de operação n. 16007177 válida até 11-05-2014 para serviços gráficos, sito a Rua Amazonas, no. 2444 – Cerâmica São Caetano do Sul/SP. LUIZA BABTISTA PAULUS torna público que recebeu do SEMASA, a Licença Ambiental de Instalação de nº 38/2011 de 14 de abril de 2011, para edifício residencial na Rua dos Coqueiros, 1195 - Bairro Campestre – Santo André, com validade de 2 anos conforme processo ambiental nº 1083/2009 - (publicada em 25/02/2011)

9

Novelas - sinopses da sema­na de 23 a 28 de maio de 2011

Divulgação

Da Redação

Repórter Diário

NOVELA/CINEMA

GLOBO 19h

GLOBO 21h

RECORD 22h

Segunda

TERÇA

QUARTA

QUINTA

SEXTA

SÁBADO

Duda e Cláudia se emocionam com o e-mail de Raquel. Milena confessa a Tereza que foi ela quem criou seu falso perfil na internet. Lúcio debocha de Pedro quando ele afirma que o e-mail enviado não é de Raquel. Catarina desiste de tentar um relacionamento com Pedro e pede que o DJ não a procure mais. Pedro fica desolado ao ver Guilherme consolando Catarina.

Eric afirma a Josiane que não enviou o e-mail para Duda. Guilherme e Catarina saem para passear. Duda recebe outro e-mail de Raquel. Lorelai comenta na frente de Lurdes e Geraldo sobre o convite que Railda fez para Theo. Lúcio conta para Catarina que Pedro pediu para Dodói rastrear o e-mail de Raquel. Duda recebe um cartão postal de Raquel. Catarina beija Guilherme.

Josiane diz a Duda que ela e Eric estão tentando rastrear o e-mail de Raquel. Dodói pede para ver o cartão que Raquel mandou para Duda. Guilherme não deixa Catarina atender uma ligação de Pedro. Theo passa mal e Lorelai avisa a Lurdes e Railda. Lurdes e Railda se encontram no hospital. Pedro acusa Catarina de estar satisfeita com o sumiço de Raquel.

Pedro insulta Catarina e Guilherme a consola. Railda e Lurdes discutem para decidir quem vai cuidar de Theo. Lúcio fica receoso com a possibilidade do e-mail de Raquel ser rastreado. Pedro pede para Dodói mandar um e-mail para Raquel perguntando algo que só o casal saberia responder. Raquel responde o e-mail de Dodói.

Pedro fica chocado com a resposta de Raquel. Eric chega no meio do ensaio de Josiane e desmascara o suposto fotógrafo. Tereza confessa a João que gostaria de casar e ter filhos e ele diz que estes passos não estão em seus planos. Catarina revela a Babi que começou a namorar Guilherme e Pedro ouve. Dodói avisa a Pedro que conseguiu rastrear o e-mail de Raquel.

Dodoi consegue rastrear email de Raquel

Fubá tenta convencer Jesuíno a aceitá-la em seu bando, mas teme ser reconhecida. Timóteo interroga os colonos para saber quem são os justiceiros que lhe roubaram. Jesuíno e seu bando libertam os colonos. Inácio garante a Felipe que salvará Antônia de Timóteo. Cícero conversa com Virtuosa e Euzébio. Herculano descobre que Jesuíno é o chefe dos justiceiros.

Herculano ameaça Jesuíno para que ele aceite entrar para o cangaço. Augusto pede para Baldini investigar Jesuíno e sua família. Augusto e Baldini concordam que existe um mistério em torno do pai de Jesuíno. Açucena vê Fubá e fica desconfiada. Rainha Helena chega a Brogodó. O bando de Jesuíno intercepta o carro de Timóteo para resgatar Antônia.

O bando de Jesuíno imobiliza Timóteo e resgata Antônia. Rainha Helena informa que Seráfia foi tomada por revoltosos e o Rei Augusto se preocupa. Nicolau entrega um bilhete com o paradeiro de Antônia ao jovem coronel. Úrsula vê Augusto e Cesária se beijando. Herculano pede que seus homens se preparem para invadir Brogodó.

Timóteo diz a Helena que Inácio precisa oferecer um dote maior do que o proposto pelo delegado Batoré para ter a mão de Antônia. Úrsula desconta sua raiva de Cesária em Nicolau. Jesuíno se recusa a entrar para o cangaço e Herculano garante que o povo de Brogodó irá sofrer. Rei Augusto e sua comitiva vão à Vila da Cruz. Inácio é capturado pelos cangaceiros.

Efigênia confessa a Helena que acredita que Petrus está vivo. Herculano usa Inácio para enfrentar Jesuíno. Herculano chega com o príncipe ao acampamento e avisa Cândida sobre o acordo que fez com Jesuíno. Augusto acredita que exista uma relação entre Herculano e Jesuíno, mas Úrsula e Nicolau tentam desfazer as suspeitas do rei. Jesuíno leva Inácio até o palácio.

Jesuíno vai embora do palácio sob o olhar desconfiado de Augusto. Úrsula sugere que Augusto dê a Jesuíno o título de cavaleiro de Seráfia. Augusto e Helena pedem para fazer a cerimônia de condecoração a Jesuíno na igreja da cidade. Timóteo planeja atrapalhar a homenagem ao seu rival. Jesuíno decide aceitar a homenagem de Augusto.

Salomé pede para Josué esperar o momento certo de contar para Abner sobre o incêndio. Guilherme diz à mãe que não pode convidá-la para o seu casamento. Naomi diz para Ícaro que sente ciúmes de sua amizade com Júlia. Tonica sugere que viu diamantes no chiqueiro. Josué procura Abner e conta que foi ele quem queimou sua colheita.

Josué afirma que foi pago por Júlia para destruir a colheita. Abner cancela o casamento. Júlia diz para Ícaro que vai embora de Preciosa. Júlia encontra o avô e descobre que ele está muito doente. Dulce discute com o filho e se sente mal. Dulce consegue uma casa para Júlia morar com o avô. Ao visitar sua nova casa, Júlia encontra com Abner.

Abner e Júlia não se entendem. Naomi pressiona Ícaro a dizer quem era a mulher que estava em seu lugar. Júlia comunica ao avô que conseguiu uma casa para os dois morarem. Dulce comenta que Guilherme a proibiu de ir ao seu casamento e Júlia decide falar com o falso médico. Padre Francisco inicia o casamento e Júlia interrompe a cerimônia.

Júlia desmascara Guilherme e Dulce passa mal. Alice sofre um acidente na igreja e é socorrida por Wilson. Inês conta para o pai que foi exposta na internet porque tentou alertar Alice sobre Guilherme. Guilherme tenta se abrigar na casa de Everton, mas é expulso por ele. Guilherme procura Minerva e ela ameaça colocá-lo na cadeia.

Dulce acolhe Guilherme em sua casa. Naomi conta para Ícaro que Rafael teve uma enfermeira chamada Amanda quando era mais novo. Dulce sugere que Guilherme procure emprego de faxineiro. Minerva manda prender Guilherme. Salomé planeja raptar Zariguim. Júlia avisa a Dulce que Guilherme foi preso e ela fica desesperada.

Dulce decide contratar um advogado para libertar Guilherme. Lílian visita Alice e é humilhada. Celeste propõe que Áureo finja ser seu namorado. Guilherme diz para Xavier que amava Alice. Júlia pede que Ícaro sonde Abner para tentar descobrir quem mandou Josué agir contra ela. Dulce se aconselha com Padre Francisco e procura Salomé para lhe propor um negócio.

Fabíola contraria Milton e diz a Norma que a vaga já está ocupada. Cortez aceita jantar na casa de Natalie. Carol aceita jantar na casa de Raul. André tenta descobrir onde Carol esteve. Vinícius ouve Teodoro falando com Oscar que o incluirá em seu testamento. Cortez debocha do jantar oferecido por Haidê. Teodoro sente uma forte dor no peito e cai desacordado.

Vinícius pede ajuda para Teodoro e recebe a ajuda de Cortez e Léo. Paula tenta convencer Rafa a enfrentar Cortez. Léo convence Vitória a investir no banco de Cortez. Fabíola fala de Teodoro para Norma. Milton chama Fabíola para a festa de aniversário de Bibi. Norma ouve a conversa e revela a Jandira que se vingará de Léo na festa.

Leila mostra seus desenhos para André. Rafa reclama do pai para Cecília. Raul e Carol jantam com Marina e Pedro. Cortez aceita se casar com Natalie. Márcio permite que Teodoro fume. Júlio fica incomodado ao ver Leila agradecer a André por ter conseguido um emprego para ela. Norma coloca um sonífero na bebida de Fabíola. Milton convida Norma para ir à festa de Bibi.

Vinícius observa Rafa e Cecília juntos. Norma conversa com Natalie e tenta conseguir informações sobre Pedro. Norma vê Cortez entregar dinheiro a Léo. Eunice pensa em se juntar a Léo para se vingar de Pedro. Ivone tenta criar uma intriga entre Raul e Carol. Carol e Raul aproveitam o horário de almoço para namorar. Norma conversa com Milton sobre Teodoro.

Léo manipula Eunice para ajudá-lo. Ivone percebe o clima de cooperação entre Carol e Raul. Cecília revela a Rafa que já sabia que Cortez e Natalie tinham um caso. Norma convida Márcio para sair e planeja um golpe contra ele. Rafa e Cecília namoram e o vídeo é divulgado na internet por Vinícius e Quim. Oscar demite o acompanhante de Teodoro e contrata Norma.

Raul entrega um contrato de trabalho para Carol assinar, mas os dois perdem o documento. Beto tenta conquistar Alice. Raul e Carol se desesperam por não conseguir outro contrato com uma modelo internacional. Norma fica pensativa quando Amélia comenta que Teodoro deveria se casar de novo. Léo visita Teodoro.

Cleber puxa Patrícia pelo braço, mas Francisco o impede. Cleber vai até a casa de Carlos e pede para ficar a sós com ele. Os moradores do prédio abandonado iniciam a manifestação em frente ao condomínio de Regina. Ivan, disfarçado de limpador de janelas, consegue entrar no apartamento da empresária. Ele entra na suíte de Patrícia e a deixa inconsciente.

Tatiana bate na porta do quarto de Patrícia, mas Ivan abre a água do chuveiro e a menina desiste achando que ela está no banho. Ernesto aguarda, disfarçado, a descida de seu comparsa com Patrícia. Rita e Francisco conversam no momento em que alguém bate à porta. Quando a dançarina abre, Cleber aponta a arma para Rita e exige que o rapaz diga onde está Patrícia.

Francisco diz que não sabe de Patrícia, mas Cleber não acredita e engatilha a arma. Ivan liga para Regina avisando que mantém Patrícia em um cativeiro. Divina diz a Severino que precisa comprar algo para o restaurante e sai. Severino pede à Jaqueline que vá atrás para comprar mais coisas. A menina segue Divina e fica chocada ao vê-la beijando Ernesto.

A empresária tenta forçar Rita a aceitar o documento onde assume a responsabilidade pela invasão. Ivan pede para falar com Regina. A empresária diz que já sabe sobre o envolvimento de Rita e Francisco no sequestro. Sem entender, o malandro desliga o telefone. Regina, Rita e Francisco também chegam ao ponto de encontro com os sequestradores.

Ernesto liga para Regina e diz que ela deve deixar o dinheiro na lixeira. Cleber atira para o alto, afugentando Ivan. Ele se dirige até a lixeira. Carlos joga os números favoritos dos integrantes do bolão. Como já é hábito sempre usarem os mesmos números, o jogo está certo até o quinto número. O que a turma do bolão não sabe é que Carlos jogou um número diferente.

A novola não é exibida aos sábados.

Marina pede um tempo para Pedro Ainda não é o ponto final na relação de Pedro (Eriberto Leão) e Marina (Paola Oliveira), mas o romance está por um fio. A designer, que não tem mais tanta certeza se o namorado é realmente um parceiro fiel, descobre que Irene (Fernanda Paes Leme) está grávida. A jovem afirma para a rival que o filho é de Pedro e diz que tem como provar que não está mentindo. Marina resolve conversar com Pedro e, para sua decepção, ele revela que cedeu aos encantos de Irene no período em que esteve em Porto Alegre. O ex-piloto é enfático ao garantir que não há chances de ser o pai do bebê que a prima postiça está esperando. Mas Pedro não consegue convencê-la, afinal Irene esteve no Rio de Janeiro recentemente e poderia ter passado a noite com ele.

Morde & Assopra Decidida a não permitir que Ícaro (Mateus Solano) chegue ao leilão da fazenda de Abner (Marcos Pasquim), Naomi (Flávia Alessandra) coloca um tranquilizante no leite que servirá ao marido. A ideia é que o cientista não consiga ajudar Júlia (Adriana Esteves) a continuar com suas pesquisas em busca do titanossauro. Naomi sofre de ciúmes da amizade da paleontóloga com seu marido. Seu plano dá certo e o cientista não acorda a tempo de vencer o leilão. Ao perceber o que aconteceu, ele corre para o hotel onde está sendo realizada a venda. Sem ter lido o edital com as regras, Ícaro é desclassificado. Para tristeza de Abner e Júlia, quem vence a disputa é Salomé (Jandira Martini).


Sexta-feira, 20 de maio de 2011

SOCIAL

Concurso cultural O Shopping Praça da Moça realizou, nesta quarta-feira (18), a entrega dos prêmios do Concurso Cultural Pinte Diadema 51 anos, com abertura da exposição dos mapas vencedores. O concurso foi desenvolvido em parceria com o cartunista José Roberto Maia.

Fotos: Marciel Peres

Wilson Pelizaro, gerente geral do shopping, o prefeito Mário Reali,Walter Adão Memoriador e o cartunista José Roberto Maia

CISB Em parceria com a empresa sueca Saab, o prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho, inaugurou nesta quarta-feira (18) o CISB (Centro de Pesquisa e Inovação Sueco-Brasileiro). Com investimento inicial de US$ 50 milhões, o empreendimento tem o objetivo de viabilizar projetos com foco em desenvolvimento urbano e energia sustentável.

Jenyfer Mendes, uma das vencedoras da categoria Juvenil

Fotos: Carolina Neves

Ann-Cathrine Hjerdt, prefeita da cidade de Linkoping (Suécia), Paul Lindvall, presidente da Câmara de Vereadores de Linkoping, e o prefeito Luiz Marinho

Jefferson José da Conceição, secretário de Desenvolvimento Econômico de São Bernardo, e Rivana Marino, vice-reitora da FEI

Repórter Diário 10


Edição 20/05/2011