Page 1

www.jornalonavegantes.com.br

Distribuição gratuita

Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014 • Circulação Navegantes e região • Ano IV • Edição 121

Geral

Divulgação/PMSC

Garoto aventura-se no mar, sem a presença de guarda-vidas e acaba levado por corrente de retorno. Corpo foi encontrado na praia central, três dias após fatalidade – Pg. 05

Esportes Américo Duarte Medina, educador físico, dedica-se a ensinar os fundamentos do futebol para crianças com idade entre 5 e 15 anos. Escolinha já conta com quase 80 alunos – Pg. 08

Pet Espaço da ONG Pró-Bichos está de volta e assessora da entidade fala sobre importância de manter os animais de estimação refrescados no forte calor dos últimos dias – Pg. 12

TRÊS HOMICÍDIOS EM DOIS DIAS Fernanda Amaral de Oliveira, 25 anos, Edinaldo Batista Goes, 42, e Edinaldo Batista Goes Filho, 21, perderam a vida no último fim de semana em Navegantes. Garota foi encontrada com marcas de violência e pai e filho foram mortos a tiros e facadas. Homicidas estão soltos – Especial Pg. 04

Rua Manoel Leopoldo Rocha, 884 - em frente ao Aeroporto RenatoSandrini/ON

Comunidade

Entrevista

Serviço de transporte é precário e prestado com veículos velhos e sucateados. Onda de calor, a maior desde 1911, faz com que população reclame de péssimas condições – Pg. 07

ON entrevistou o presidente da Câmara, Donizete José da Silva. Parlamentar disse que pode ser candidato a prefeito, se a população avaliar bem o mandato e assim quiser – Pg.09

Divulgação


Editorial

2 Editorial

A culpa é de quem?

N

o último sábado (08), Navegantes foi abalada pela notícia da morte de Fernanda Amaral de Oliveira, garota de apenas 25 anos, jovem, bonita, com uma vida toda pela frente. Nas redes sociais, amigos, parentes e populares publicavam mensagens de perplexidade e uma sensação de medo e terror tomava conta de quem se deparava com a narrativa da barbárie cometida. A vítima fora amarrada, encontrava-se nua e havia sinais de tortura e estrangulamento. Durante o enterro, ninguém entendia como alguém poderia ter o coração tomado por tanta maldade para chegar ao

ponto de executar a moça de forma tão cruel. O corpo sem vida de Fernanda fora achado em uma vala na chamada invasão da Meia Praia. A polícia não consegue, ainda, afirmar se a violência se deu naquele local. A garota trabalhava em uma empresa na vizinha cidade de Itajaí, no bairro Praia Brava. Saiu do emprego na sexta-feira (07) e ninguém ainda pode precisar o que se deu até que o cadáver fosse descoberto. Pais e mães estão com medo, já que os bandidos continuam soltos. O responsável pelo inquérito, delegado Rodrigo Carriço, já interrogou uma série de pessoas e está em diligência, juntamente com o departa-

mento de investigação, buscando encontrar os autores do bárbaro homicídio. Já no domingo (09), pai e filho, Edinaldo Batista Goes, 42, e Edinaldo Batista Goes Filho, 21, foram mortos a tiros e facadas. O suspeito do crime é o genro e cunhado, que supostamente teria entrado na casa das vítimas e executado os dois homens. Apesar de haver suspeito, o mesmo também está em liberdade. Se alguém viu Fernanda na sexta-feira à noite, ou tem alguma informação, deve procurar a Polícia Civil, ou, se preferir, pode fazer a denúncia através do número 181, onde a identidade do informante é mantida sob sigilo.

Renato Sandrini Rocha ME - CNPJ - 15.201.885/0001-64 Editor: Renato Sandrini Rocha 47 9917-1805 | renatosandrini@hotmail.com Rua Fulvio Pinto, 117, Meia Praia. Navegantes - SC CEP-88375-000 Comercial: 47 3319-2932 | jornalismonavegantes@gmail.com Jornalista responsável: Renato Sandrini Rocha 44852/SC Projeto gráfico e diagramação: Vivenci Comunicação Impressão: Gráfica Rio Sul | Tiragem: 5 mil exemplares

Circulação: O Navegantes é distribuído em prédios, condomínios, e casas residenciais. Estabelecimentos comerciais, agências bancárias, órgãos públicos, pontos turísticos, através de mailing list e pontos de distribuição nas cidades de Navegantes, Itajaí, Penha, Balneário Camboriú, Piçarras e Florianópolis. Os conteúdos de artigos e colunas são de inteira responsabilidade de seus autores.

Pilates Estética Fisioterapia Fonoaudiologia

Av. João Sacavem, 571 -Ed. Atlantis Center sala 1208 /centrointegradodesaudeser

(47) 8837-0399

Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014 ESTADO DE SANTA CATARINA PODER JUDICIÁRIO Comarca de Navegantes 2ª Vara Cível

CERTIDÃO DE AFIXAÇÃO DE EDITAL Autos nº 135.13.002874-0 CERTIFICO, para os devidos fins que, em data de 22/01/14, nesta cidade e Comarca de Navegantes, Estado de Santa Catarina, foi afixado no átrio deste Fórum, o edital a seguir transcrito: ESTADO DE SANTA CATARINA / PODER JUDICIÁRIO Comarca de Navegantes / 2ª Vara Cível Av. Prefeito José Juvenal Mafra, 498, Centro – CEP 88.370-900, Navegantes -SC – E-mail: navegantes.civel2@tjsc.jus.br Cargo do Juiz do Processo << Nenhuma informação disponível >>: Nome do Juiz do Processo no 1º Grau <<Nenhuma informação disponível >> Chefe de Cartório Port 02/2012: Sabrina Ribeiro Dariva EDITAL DE CITAÇÃO – USUCAPIÃO – RÉUS INSCRITOS EM LUGAR INCERTO E EVENTUAIS INTERESSADOS – COM PRAZO DE 20 DIAS Usucapião nº 135.13.002874-0 Requerente: Pedro Domingos Bento e outros Citando (a)(s): Réus em lugares incertos e eventuais interessados Descrição do(s) Bem(ns): Um terreno rural localizado à margem direita da Rua Onório Bortolato (sentido Navegantes-Penha), bairro Pedreiras, zona rural do Município de Navegantes, com área total de 38.203,08m2. Prazo Fixado para a Resposta: 15 dias. Por intermédio do presente, a(s) pessoa(s) acima identificada(s), atualmente em local incerto e não sabido, bem como seu(s) cônjuge(s), se casada(o)(s) for(em), confrontante(s) e aos eventuais interessados que, fica(m) ciente(s) de que, neste Juízo de Direito, tramitam os autos do processo epigrafado, bem como CITADA(S), para responder(em) à ação, querendo, no lapso de tempo supra mencionado, contado do transcurso do prazo deste edital. ADVERTÊNCIA: Não sendo contestada a ação no prazo marcado, presumir-se-ão aceitos como verdadeiros os fatos articulados pelo autor na petição inicial (art. 285. c/c art. 319 do CPC). E, para que chegue ao conhecimento de todos, partes e terceiros, foi expedido o presente edital, o qual será afixado no local de costume e publicado 1 vez(es), com intervalo de 0 dias na forma da lei. Navegantes (SC), 22 de janeiro de 2014 O referido é verdade, do que dou fé. Sabrina Ribeiro Dariva Chefe de Cartório Port 02/2012


Opinião

Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

3

Renato Sandrini - Jornalista 44852/SC

Pedra no Sapato coluna_pedranosapato@hotmail.com Twitter - @ Renato_Sandrini

Cortiço de sempre Esta semana liguei para o presidente da Câmara de Vereadores de Navegantes para perguntar sobre o horário de trabalho de determinado funcionário. Donizete José da Silva (PSL) me disse que seria das 7h às 13h normalmente e das 19h às 22h30 em dias de sessão. Pois bem, um jornalista foi até lá na casa do povo ontem, quinta-feira (13) e o dito servidor não estava em seu posto de trabalho. Então o diretor da Câmara, Joel Couto, disse que o horário do referido cidadão seria das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30. Ou seja, será que ocupante do mais alto cargo da mesa diretora do parlamento municipal não sabe o horário de trabalho de seus colaboradores? Coisa de maluco Acontece que na quarta-feira (12), o tal servidor estava desenvolvendo um trabalho para outro empregador, que não a Câmara de Vereadores, isto na Delegacia da Polícia Civil, por volta de 14h, resultado, nem o presidente nem o diretor sabem ao certo o horário de laboro daquele cidadão. Mas a

história piora, pois o tal servidor chegou para trabalhar 8h15 de quintafeira (13), nem 7h, nem 8h, conforme relatado pelos superiores. Saiu antes das 13h, também diferente do que fora narrado por presidente e diretor. Ao ser perguntado do horário, o afortunado disse que faz seu próprio cronograma, dependendo do dia. Fora da lei Imagine caro leitor, o tamanho do absurdo se cada servidor público pudesse fazer o seu próprio horário, sem estar subordinado a ninguém, tendo o nariz como orientador, se quiser chegar as 7h, ou as 13h, tanto faz. De que forma seria possível controlar, por exemplo, os quase três mil servidores públicos de Navegantes? Detalhe, como é feito o controle do relógio ponto? Ele fica aberto? Isto não existe, vai contra a legislação, pois de que forma a população fiscalizaria o laboro? Que se dane A Câmara de Vereadores não é a bacia das almas, onde qualquer um faz o que bem quer. Duvido que na empresa de Donizete os funcionários tenham este tipo de li-

berdade, e mesmo que tenham, no serviço público não pode ser assim. Médicos, se não cumprirem horário, terão dias descontados por determinação do Ministério Público, mas na Câmara de Vereadores é a festa da uva, entram e saem no horário que bem entendem. E a população, precisa adivinhar qual foi o horário que aquele servidor resolveu fazer? Ou pessoas ficarão esperando por hora, como foi com o jornalista que confiou na palavra do presidente do parlamento e lá chegou, 7h em ponto, mofando até 8h15? Nada mudou O ex-presidente, Juliano de Maria (PSDB), garantiu moralizar o parlamento e foi engolido pelo sistema. Agora Donizete me garantiu que iria exigir o cumprimento de horário e, comprovadamente não o faz. Será que existe uma maldição na cadeira mais cobiçada da Câmara de Vereadores e quem lá senta acaba mudando, ao invés de mudar os péssimos hábitos arraigados no legislativo? Deste jeito o Ministério Público terá muito trabalho para colocar edis e servidores na

linha, mas precisa fazê-lo, sob pena de a população ser desrespeitada, ver dinheiro de salário dividido em patotas e precisar de bola de cristal para saber o horário de laboro de comissionados e efetivos. Não quer por bem... Então vai por mal. Entrei com dois pedidos de informação na Prefeitura de Navegantes e passado o prazo previsto em lei, 20

seria dado acesso a informação. A legislação A Lei 12.527, de 18 de Novembro de 2011, prevê que todo cidadão tenha acesso a informações, conforme previsto no inciso XXXIII do artigo 5º, no inciso II do § 3º do artigo 37 e no § 2º do artigo 216 da Constituição Federal. Bastando para tanto encaminhar requerimento

um pedido encaminhado diretamente ao prefeito Roberto Carlos de Souza (PSDB), com cópia à Ouvidoria, departamento que deveria exatamente tratar deste tipo de situação, conforme previsto em lei, a resposta não chegou. Os pedidos foram motivados por denúncias de desvio de dinheiro público e pelo visto há muito fundamento, pois, se nada tivesse de ilícito, ou a ser escondido, já teriam providenciado a Contudo, mesmo com um pedido encaminhado resposta. Por sorte ainda diretamente ao prefeito Roberto Carlos de Souza existe o Judiciário e o Mi(PSDB), com cópia à Ouvidoria, departamento que nistério Público para atudeveria exatamente tratar deste tipo de situação, arem neste tipo de ilícito e conforme previsto em lei, a resposta não chegou. arbitrariedade. Até quando? Os pedidos foram motivados por denúncias de Resta saber se a comudesvio de dinheiro público e pelo visto há muito fundamento, pois, se nada tivesse de ilícito, ou a ser nidade navegantina continuará admitindo este tipo escondido, já teriam providenciado a resposta de atitude por parte de pessoas eleitas pelo voto dias, não obtive resposta. ao órgão competente. O popular. Parece haver uma Ainda nesta sexta-feira acesso, conforme previsto, miopia coletiva e as leis será encaminhado ao Fó- deve ser imediato, ou em são desrespeitadas sem rum e ao MP, cópias de prazo não superior a 20 que ninguém tome protais requerimentos, pois, dias, podendo ser prorro- vidências. O prefeito e o se não responderam, é gado por 10 dias, median- presidente da Câmara não porque tem sim tartaru- te justificativa expressa, da estão acima do bem ou do ga nesta árvore e o jornal qual deve ser cientificado mal e precisam cumprir esta na linha certa de in- o requerente. leis, como qualquer cidavestigação, caso contrário, Assim aconteceu dão, assim como seus sunão tendo o que esconder, Contudo, mesmo com bordinados.


Especial

4

Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

Três mortes no final de semana

Crimes desafiam polícia e homicidas continuam em liberdade Difícil acreditar na humanidade quando nos deparamos com crimes que chocam e embrulham o estômago de tão cruéis que são. Como um ser humano consegue tirar a vida do outro de maneira tão sádica? Não dá para responder o que é para uma família se deparar com a morte chocante de um ente querido. Fernanda Amaral de Oliveira, 25 anos, tinha ainda uma longa vida pela frente. De pele morena clara, cabelo escuro, a jovem teve sua vida abreviada e sua morte ainda continua um mistério. O corpo da moça foi encontrado em uma vala na rua Gervasio de Souza, no bairro Meia Praia, em Navegantes, no sábado (08), por volta das 17h, de acordo com a Polícia Militar. A cena é chocante. A jovem encontrava-se nua, com sinais de agressão no

rosto, com as mãos amarradas às pernas. O corpo foi reconhecido por um irmão dela e encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Itajaí. O velório e enterro foram realizados no dia 10, no cemitério Parque Jardim das Flores.

nunca mais voltou para casa e ninguém sabe, ao certo, o que aconteceu entre a Praia Brava e a Meia Praia. O delegado De acordo com Rodrigo Carriço, delegado da Polícia Civil de Navegantes, a investigação está

Ainda no mesmo fim de semana, outra barbárie foi cometida em Navegantes. Desta vez, as vítimas foram pai e filho. Na noite de domingo (09), por volta das 22h30, Edinaldo Batista Goes, 42, e Edinaldo Batista Goes Filho, 21, residentes na rua Timóteo de Goes Rebello, Meia Praia, tiveram a casa invadida e sofreram vários golpes de faca e disparos de arma O caso Moradora da rua Malvina Sacavem Couto, Fernanda trabalhava na Unimed, no bairro Praia Brava, em Itajaí. A última vez que fora vista foi na sexta-feira, saindo do serviço. Desde então, ela

em andamento, mas até o fechamento desta edição não havia nada de novo para acrescentar. “Estamos correndo atrás de testemunhas e imagens. E por enquanto é isso”. Investigação Várias hipóteses têm

Divulgação

Morte de Fernanda Oliveira continua envolta em mistério e autores estão soltos sido levantadas no sentido de apurar quem cometera tamanha atrocidade, sendo que há claros indícios que não deva ter sido apenas um marginal. Na terça-feira (11), o delegado Rodrigo Carriço, juntamente com um investigador, interrogou um grupo de pessoas, buscando o esclarecimento dos fatos. Informação Segundo uma fonte que pediu anonimato, a garota teria sido vista pela última vez em uma pastelaria, próximo à praça da praia central, de onde, supostamente, teria partido na companhia de rapazes.

Depois disto, o corpo fora encontrado com marcas de violência e estrangulamento, em uma vala da conhecida, invasão da Meia Praia. Outro crime Ainda no mesmo fim de semana, outra barbárie foi cometida em Navegantes. Desta vez, as vítimas foram pai e filho. Na noite de domingo (09), por volta das 22h30, Edinaldo Batista Goes, 42, e Edinaldo Batista Goes Filho, 21, residentes na rua Timóteo de Goes Rebello, Meia Praia, tiveram a casa invadida e sofreram vários golpes de faca e disparos de arma. Feridos, eles

foram conduzidos pelos bombeiros voluntários e militares. O filho foi encaminhado ao Hospital de Navegantes, enquanto o pai foi para o Hospital Marieta Konder Bornhausen, em Itajaí. No entanto, ambos vieram a falecer ainda durante a madrugada de domingo para segunda-feira (10). Suspeito O principal suspeito do crime é o genro de Edinaldo Batista Goes, como aponta o delegado Rodrigo Carriço, mas pondera e diz que ainda não há a certeza sobre a autoria. O crime está sendo investigado pela Polícia Civil.


Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

Geral

5

Terceira morte em 40 dias

Garoto morre afogado no Gravatá e corpo aparece na praia central Segunda-feira (10), por volta das 14h30. O mar está calmo, mas as ondas quebram com força contra as pedras da praia de Navegantes. O calor marca acima dos 30ºC com folga. O céu está azul, sem uma nuvem no céu. É, aparentemente, um belo dia. Mas as aparências enganam. O azul poderia ser substituído pelo preto para ilustrar o luto de uma família. Debaixo do posto 6 dos guardavidas na praia do Gravatá está Sidioni de Lima. A senhora de cabelos loiros e amarrados encontrase em prantos. Parentes tentam confortá-la, mas nada pode ser feito para aliviar a dor de uma mãe que perde um filho. Vai contra a ordem natural da vida. Um pai jamais deveria ter que enterrar a sua criação. Infelizmente, este foi o dia em que Sidioni teve de lidar com essa re-

alidade. A família do jovem é de Fraiburgo e acompanhou todo o trabalho dos bombeiros. Desde sábado (08), Sidioni esperou, diariamente,debaixo do sol na praia do Gravatá pelo corpo do filho Emerson Lucas de Lima, de 17 anos. O garoto desapareceu no mar na noite de sexta-feira (07). Tristeza A reportagem do O Navegantes estava lá

tentava consolá-la e disse à ela: “Eu falei pra Deus trazer ele”. O corpo do rapaz foi encontrado cerca de 10 quilômetros de distância do local do afogamento, na praia central de Navegantes, em frente ao campo de futebol de areia. Fim das buscas “Agora acharam ele, graças a Deus. Todo dia a gente tava aqui nessa expectativa do corpo e nada de ele aparecer. Agora a

“Agora acharam ele, graças a Deus.Todo dia a gente tava aqui nessa expectativa do corpo e nada de ele aparecer. Agora a gente vai conseguir fazer um funeral decente pra ele”, contou Pâmela de Lima, prima da vítima. quando finalmente ela recebeu a notícia de que haviam encontrado o corpo dele. Ela chorava sem parar. Um dos parentes

gente vai conseguir fazer um funeral decente pra ele”, contou Pâmela de Lima, prima da vítima.

Divulgação/CBMSC

Bombeiros utilizaram jetsky nas buscas pelo corpo de Emerson Lucas de Lima

Fatalidade Emerson, que trabalhava num sacolão, tinha saído do trabalho e resolveu ir até a praia com outros amigos para se divertir. Por volta das 23h, com nenhum guarda-vidas na praia devido ao horário (eles ficam de guarda das 8h às 20h, diariamente), os garotos correram o risco. Subiram uma pedra, mas dois deles caíram no

mar. “Ele não conseguiu sair. A maré estava muito forte”, segundo Pâmela. O outro menino escapou, mas Emerson não teve a mesma sorte. Buscas O trabalho de busca dos bombeiros iniciouse ainda na sexta-feira à noite, mas devido a falta de iluminação, foi cessada. No sábado de manhã, eles retornaram, com

dois mergulhadores e um condutor de jetsky. Na segunda-feira mais uma embarcação foi colocada à disposição. Mortes em 2014 Este é o terceiro afogamento nas praias de Navegantes este ano, depois de o Corpo de Bombeiros Militar comemorar um ano e um meio sem nenhuma morte nas águas navegantinas.


6

Publicidade

Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

Sรกbado 15/02


Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

Comunidade

7

Ônibus lotado e sem ar-condicionado

Transporte em Navegantes expõe usuários a altas temperaturas Situação difícil Com o termômetro lá no alto, não é fácil ficar dentro de um ônibus nestas condições, ainda mais os da empresa atual que administra o sistema de transporte público do município, que não possuem ar condicionado. Sofrimento “Tá queimando tudo!”, brincou um dos motoristas do transporte público municipal, que prefere não se identificar. “O vento até ajuda, mas o problema é quando começa a dar congestionamento. QuanÔnibus velho e sucateado é a realidade no transporte público em Navegantes do para fica complicado”, O brasileiro está cada vez dia para se deslocar de casa condições do tempo como a complementou. mais adquirindo o seu pró- para o trabalho e do trabalho chuva e o forte calor que atu- Muito calor Neri Coelho, aposentaprio veículo, mas o transpor- para casa. E este é só um dos almente atinge o estado. do, diz que vai diariamente Santa Catarina sofre uma te público continua sendo problemas enfrentados pelos utilizado em massa pelos usuários. onda de calor histórica. On- até o centro passar o temtrabalhadores e estudantes Aqui em Navegantes, tem, quinta-feira (13), com- po com alguns amigos na de todo o país. Nessa brinca- existem alguns problemas pletaram-se 18 dias seguidos praça Nossa Senhora dos deira, se perde muito tempo pontuais. Um deles é a falta de temperaturas acima dos Navegantes e afirma que desde a espera pelo ônibus de pontos de ônibus em boas 30ºC, algo que não acontecia “dentro do ônibus é muito até o percurso viajado. Em condições pela cidade, isso desde que iniciou-se as me- difícil, é muito calor”. algumas linhas, por exem- quando há a existência deles. dições no estado em 1911, Projeto de lei Ônibus cheios e o forte plo, os passageiros demoram, Com isso, quem espera pelo de acordo com a Epagri/ calor tornam o transporte em média, duas horas por transporte fica exposto às Ciram. RenatoSandrini/ON

nenhum pouco agradável, ainda mais quando os termômetros registram sensação térmica próxima aos 50ºC. Pensando nos brasileiros que precisam passar por isso é que o deputado fluminense Rodrigo Maia criou o projeto de lei que determina que todos os veículos de transporte coletivo do país tenham arcondicionado instalado. O projeto tramita na Câmara dos Deputados desde maio de 2013, que ainda tem que passar por outras três comissões antes de ser aprovada. Justificativa A justifica do projeto é que 45% dos motoristas e cobradores sofrem com o calor, o que causa ainda mais estresse para estes profissionais. Mais um fato que estressa os usuários é a disponibilidade de horários dos ônibus. Reclamação Layza Daniele Rodri-

gues, estudante, reclama sobre o serviço em Navegantes. “Tá um horror. Os ônibus vêm muito cheios, muito socados. De onde eu venho demora muito pra chegar. E é um ônibus a cada três horas. Daí cada um que vem, vem muito cheio”. Ela mora no bairro Escalvados e a espera pelo ônibus para voltar pra casa é enorme, chegando a três horas e meia de diferença entre um e outro.

“Tá um horror. Os ônibus vêm muito cheios, muito socados. De onde eu venho demora muito pra chegar. E é um ônibus a cada três horas. Daí cada um que vem, vem muito cheio” - Layza Daniele Rodrigues, estudante, usuária do precário sistema de transporte navegantino


Esporte

8

Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

Américo Duarte Medina

Professor dedica-se a ensinar futebol para garotos de até 15 anos Como diz a canção da banda mineira Skank, “quem não sonhou em ser um jogador de futebol”? Em Navegantes não é diferente e há várias crianças e adolescentes que possuem esse sonho. A caminhada, no entanto, é difícil. Mas os caminhos existem e o professor Américo Duarte Medina está aí para ajudar essa garotada que aspira um dia jogar profissionalmente. Formado em educação física há 24 anos, o profes-

– a Escolinha de Futebol Alamo Society. Professor efetivo do município, ele recebeu um convite para abrir a escolinha e começou a concebê-la. Ele divulgou de porta em porta nas escolas navegantinas para chamar a criançada. “Começou com poucos alunos, mas hoje temos entre 70 e 80 alunos, divididos em seis turmas”, contou. Américo ensina jovens entre 5 e 15 anos, na categoria infantil. Ele explica que a idade máxima está

“Aqui a gente trabalha a parte da amizade, convivência.Tirar de dentro de casa, da internet. Minha geração ainda tinha campinho do lado de casa, saía na rua. Na idade deles os pais nem deixam mais sair de casa pra brincar. Hoje é um perigo” Américo Duarte Medina, educador físico sor tem uma escolinha de futebol há pouco mais de três anos em Navegantes

estabelecida porque acima dos 15 anos já é considerado juvenil e nenhuma es-

Divulgação

Escolinha começou pequena, mas hoje atende entre 70 e 80 alunos

colinha trabalha com a categoria, somente os clubes profissionais. Idade limite “Chegou aos 15, aquele garoto que tem mais talento a gente indica ou os pais vão atrás e tentam uma carreira profissional”, disse Amércio.

Sem ilusão Talentos em Navegantes existem. Contudo, o professor não ilude seus alunos. “A carreira profissional não é fácil. Não adianta iludir. Eu falo pra eles, que pode acontecer de sair um talento daqui, mas é muito difícil. A vida do profissional é muito dura”, constatou. Para ele, até surgir um novo Neymar vai levar pelo menos uns 10 anos. “Tem que ter alguém que indique, um empresário. Estar no lugar certo, na hora certa”, garantiu. Além, é claro, de ter talento. Entretenimento Por saber que o caminho do atleta profissional é árduo, o professor se foca em fazer dos dois encontros semanais um momento de lazer para a garotada. “Aqui a gente trabalha a parte da amizade, convivência. Tirar de dentro de casa, da internet. Minha geração ainda tinha campinho do lado de

casa, saía na rua. Na idade deles os pais nem deixam mais sair de casa pra brincar. Hoje é um perigo”. Metodologia Ainda que seja mais para o entretenimento, a escolinha é levada muito a sério. O professor garante que ali trabalha-se com “a metodologia de um time profissional”. “Passe, drible, fita, chute a gol, domínio com o peito do pé, sola do pé, com a coxa, cabeceio. Tudo o que se trabalha numa escolinha, se trabalha num time profissional”, complementou. A grande diferença é o volume de treinamento: enquanto numa escolinha se trabalha duas vezes por semana, num clube profissional a jornada é diária. Alegria É um prazer imenso para Américo trabalhar com esses jovens e proporcionar alegrias como viajar de ônibus para outra cidade, dar

prêmios no fim do ano para os melhores nos campeonatos internos e jogar com atletas de outras escolinhas. Falta incentivo Mas o professor reclama da falta de incentivo aos esportes, tanto por parte do município quanto dos empresários de Navegantes. “Pra conseguir um patrocínio do uniforme deles eu peço R$ 100,00 para as empresas e ninguém dá. Dizem ‘ah, eu não vou dar nada pra particular’. Daí você vai no campeonato de futebol da praia e tem patrocínio de R$ 500 a R$ 1.000 que os caras dão”, reclamou. Falta estrutura O professor lamenta a falta de estrutura e incentivo, até porque o município tem condições de proporcionar mais condições para o esporte na cidade. “Todos que trabalham com esporte em Navegantes são guerreiros”.


Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

Entrevista

9

Donizete José da SIlva

Vereador diz que será candidato a prefeito se a população quiser RenatoSandrini/ON

Donizete ocupará presidência da Câmara de Vereadores até o final de 2014

Ele é vereador por Navegantes pelo segundo mandato consecutivo em Navegantes, tem 40 anos dos quais 16 são dedicados a projetos sociais no município que são influência de seus pais, Nair da Silva e José Manoel da Silva, é profissional liberal com uma empresa no ramo aduaneiro onde ainda exerce a função de despachante aduaneiro, não era fã de política até receber o convite para lançar candidatura a vereador, aceitou o desafio, foi eleito e começou a estudar as funções de um legislador para exercer melhor sua função. Hoje é presidente da Câmara de Vereadores de Navegantes. A entrevista dessa semana é com o vereador Donizete José da Silva (PSL). ON: Vamos começar com a tradicional pergunta de nossas entrevistas, quem é o vereador Donizete?

Donizete Silva: Sou um cara muito tranquilo, familiar, tenho um filho de 4 anos, sou evangélico, sou uma pessoa que tem um carinho pelo seu próximo muito grande, uma pessoa de bem, uma pessoa honesta, uma pessoa muito sincera, uma pessoa que segue os costumes e tradições de seus pais, um pescador e uma dona de casa. Sou um cara muito amigo, não falo mal de pessoas por trás, o que tenho de falar falo na frente da pessoa. Desde a minha infância sou alguém que está com o povo, já que meus pais me criaram dessa forma, eles sempre foram ligados a comunidades, ajudavam a quem necessitasse de um auxilio. Esse foi um dom dado por Deus para a vida deles e que acabou refletido em mim. Sou um profissional liberal no ramo aduaneiro, mesmo tendo cargo político. ON: Falando em cargo

político, como você entrou para a política? Donizete Silva: Em 2008, quando o prefeito Roberto [Carlos de Souza] colocou seu nome a disposição para a eleição, ele veio me convidar para participar da campanha e ajudá-lo a ser eleito prefeito de nossa cidade. Num primeiro momento recusei a oferta, já que nunca me imaginei na vida política, eu não tinha gosto pela prática já que não aceitava a política da forma que estava, eu não gostaria de envolver meu lado coração e social com eleições já que as pessoas poderiam entender errado. Mas acabei aceitando o desafio já que via o quanto precisava ser feito na cidade. Busquei alguns amigos para me auxiliar e com 934 votos surpreendentemente me elegi. Vim para a casa e me dispus a aprender como exercer da melhor forma possível o cargo que o povo me concedeu.

ON: Como foi a sua caminhada desde o primeiro mandato até hoje como presidente da Câmara? Donizete Silva: A função primordial de um vereador é fiscalizar o poder executivo, mas eu procurei ao máximo não me limitar a isso, foquei meu trabalho na área social, quis ser um vereador que estava na rua buscando as reclamações dos cidadãos para poder levá-las ao poder legislativo e executivo para podermos resolver essas situações. Busquei encontros com deputados estaduais e federais para conseguir ações e emendas parlamentares para o município para ajudar o prefeito, afinal para cobrar o executivo também tenho de buscar contribuir com o trabalho visando a melhoria da cidade. ON: E como foi a ascensão até a presidência da casa do povo? Donizete Silva: Com o trabalho feito no primeiro mandato, a população decidiu me dar mais quatro anos para continuar a lutar pelas causas sociais, me agraciando com 1375 votos, o que fez de mim o terceiro vereador mais votado, e no fim do primeiro ano do segundo mandato tive a grande satisfação de contar com o apoio de oito vereadores que apostaram no meu nome para presidir a casa neste ano de 2014. ON: Como será o ano

de 2014 com você como presidente do legislativo? Donizete Silva: Eu sou um vereador aberto ao diálogo, mesmo antes de ser presidente eu já passava de gabinete em gabinete para conversar com cada companheiro de trabalho. Eu busco agilidade nos projetos aqui da Câmara, tenho essa integração com todos independente de serem situação ou oposição. Essa é e será minha bandeira de trabalho, a união com todos os vereadores para melhorarmos a cidade e ajudarmos a crescer cada vez mais. Chamarei a população para a Câmara, quero fazer um trabalho para poder trazer os cidadãos, não apenas quando há um projeto polêmico, mas sim em todas as sessões, gostaria muito que a casa estivesse cheia sempre. Criar uma sessão a mais para podermos levar as reuniões para os bairros e ficar mais próximo da comunidade também é algo que eu lutarei para que aconteça. ON: O nome do vereador Donizete é um dos bastante comentados para o cargo de prefeito, será que podemos ver você como candidato em 2016? Donizete Silva: Antes eu tenho de pagar meu compromisso como vereador. Isso eu deixo para a população dizer, quero fazer uma avaliação com a

comunidade, o que acharam dos mandatos do Donizete? Foram bons? Foram ruins? Se os cidadãos de Navegantes acharem que meu trabalho é realmente válido e foi bem feito, e se quiserem meu nome como prefeito ai sim me ponho à disposição para concorrer a este cargo. Mas é sempre bom lembrar que há vários nomes fortes para concorrer ao executivo como, por exemplo, o vice-prefeito Emílio [Vieira] e também outros que ainda podem surgir. Sem dúvidas que se a população pedir eu estarei lá representando o povo assim como sempre fiz e assim no executivo conseguir fazer algumas ações que eu como vereador não posso fazer.

“O que acharam dos mandatos do Donizete? Foram bons? Foram ruins? Se os cidadãos de Navegantes acharem que meu trabalho é realmente válido e foi bem feito, e se quiserem meu nome como prefeito, ai sim me ponho à disposição para concorrer a este cargo”


Mulher

10 Gisele de Paula

Beleza Gisele de Paula - graduada em cosmetologia e estética giseledepaula@ivys.com.br

Cuidados Especiais com os Cabelos logo após a Praia e Piscina. O verão é o momento que esquecemos alguns cuidados com as madeixas e nos preocupamos em pegar uma bela cor. Mas esquecer de hidratar os fios ou de retirar o cloro dos cabelos pode deixá-los com aquela aparência que ninguém gosta, o “efeito palha”. Para fugir desse aspecto, selecionei algumas dicas e cuidados que são necessários antes e depois da piscina e do mar. Pré- Piscina ou Mar com filtro solar Antes de cair na piscina ou ir à praia proteja as pontas dos cabelos com um Leave-in. Ele impermeabiliza os fios, evitando o ressecamento. A mistura de mar, piscina e sol pode causar um efeito terrível nos cabelos, por isso procure usar produtos com proteção solar, especialmente após contato com a água.

1

2

3

1. Filtro Solar para Cabelos da Amend150gA 2. Tratamento Protetor Solar Sublime da Lóreal125ml 3. Sérum Protetor com Filtro Solar da Kerastase125ml

Muito sol? Use boné e chapéu Se perceber que o sol está “escaldante” use um boné ou um belo chapéu com abas grandes. Elas vão ajudar a te proteger da radiação solar e, de quebra, você ainda fica com um look elegante. Não deixe os cabelos molhados com água do mar Não deixe seu cabelo secar ao sol molhado com água do mar. Utilize sempre uma toalha para retirar a umidade. Os grãos de sal funcionam como uma lente de aumento e ressecam os fios, intensificando a ação da radiação solar. Por isso, depois da praia, é fundamental enxaguar o cabelo com água do chuveiro ou com uma garrafa de água mineral. Elimine todo o cloro dos fios Depois de expor seu cabelo à química da piscina é preciso eliminar todo o cloro. Os shampoos e condicionadores comuns geralmente não atuam de forma tão completa. O ideal é lavá-los com um shampoo pós sol. Hidrate seu cabelo O cloro penetra nos fios, endurece o cabelo e o deixa esverdeado, por isso é importante aplicar uma máscara hidratante para dar uma revitalizada nos fios. Use e abuse das máscaras reconstrutoras e hidratantes e ampolas de tratamento 1 a 2 vezes por semana.

1

2

3

1. Máscara de Tratamento com Caviar da Cosmezi 250g 2. Máscara de para Cebelospós sol da Kerastase 200g 3. Máscara de Hidratação Intensa da Moroccanoil250ml

Evite secador ou chapinha nestes dias Evite o uso excessivo de secador e da chapinha. Isso pode contribuir para o ressecamento dos fios e o aparecimento de pontas duplas. Tente adotar os típicos penteados de verão, como coques e tranças. O que é pior para os fios: água do mar ou da piscina? A água da piscina agride mais os cabelos do que a água do mar. Isso acontece porque os produtos químicos usados para tratar a água alteram a cor, ressecam e enfraquecem os fios. Mas, antes de mergulhar, tanto no mar como na piscina, é muito importante aplicar nos cabelos produtos que ajudam a proteger os fios.

Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

Taís Bortolin

taisbortolin@hotmail.com

Peça chave Com essa onda de calor que estamos passando fica muito difícil na hora de montar um look, pois bem nada melhor do que usar um shortinho... Você pode estar usando da praia ao trabalho. Podendo ser jeans, renda, sarja, couro entre outros. Usado com salto fica tudo, com rasterinha, tênis, sapatilha fica despojado, confortável. Tenho certeza que nós mulheres queremos estar sempre arrumadas até mesmo nesses dias escaldantes, então nada melhor que abusar dessa peça e andar na moda com elegância e conforto. O shorts também é uma peça que as mulheres que estão um pouquinho acima do peso também podem usar, olhando sempre o comprimento e o estilo de cada uma.


Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

CASAS À VENDA Bairro: Centro. Rua: Padre Agostinho, n° 95. Sobrado a 100 METROS DO MAR contendo na parte superior 01 suíte com sacada, 02 quartos e banheiro social. Na parte inferior sala, cozinha, lavabo e lavanderia. Garagem para 03 carros, sendo 01 sob cobertura. Atrás do imóvel, terreno com aproximadamente 60 m². Área total do terreno de 162 m² e área construída de 130 m².. Valor R$ 270.000,00. Entrada + parcelas. Pode ser feito financia-

mento bancário. Bairro : Centro . Rua: Brasília (rua em frente da Imobiliária Princípios ) Quadra do mar 30 metros da praia. Casa contendo: 03 quartos sendo 01 suíte, banheiro, sala, cozinha, lavanderia, churrasqueira. Valor R$ 240.000.00 . Pode ser feito financiamento bancário. Bairro: Centro. Rua: Jardim Taniz, 111 ( Quadra do Mar). 02 Casas 01 na frente e outra nos fundos, cada casa contendo 02 quartos, sala, 01 banheiro, cozinha, lavanderia

Publicidade

e garagem. “Casa dos fundos contém 01 suíte”. Casa frente 110m² área construída e a dos fundos 85m² área construída. Valor R$ 300.000,00. Bairro: Centro. Rua: Osmar Inácio da Silva, n° 101. (próximo ao Hotel Dal Ri) Casa contendo: 03 quartos sendo 01 suíte, sala , cozinha, 02 banheiros, área de festa com piscina, garagem para 03 carros. Janelas com vidros temperados, portão de alumínio, próximo do aeroporto, próximo

de escolas.Valor : R$ 275.000,00 qualidade de Vida”. Aparta. O proprietário aceita terreno mento contendo: 03 quartos, como parte do pagamento. sendo 01 suíte, sala, cozinha, banheiro, lavanderia, sacada com churrasqueira, 02 vagas de APARTAMENTOS A VENDA Bairro: Centro. Rua: Maria Jocelina garagem, salão de festas, eleCouto, n° 197 (A). Casa contendo: vador. Área 123m². EXCELENTE 02 suítes, sala, cozinha, banheiro IMÓVEL NO CENTRO DA CIDADE. social, área de serviço e garagem. R$ 360.000,00. Imóvel com aproximadamente 100m². Com estrutura para 3° Bairro: Centro. Rua: Pedro Franpiso. Cozinha planejada, acaba- cisco de Souza, n° 751. Condomímento em gesso, cerca elétrica, nio Residencial Rúbia. (Próximo portão eletrônico, vidros tempe- Hamburgão Lanches). 05 aparrados. Excelente Imóvel. Quadra tamentos contendo: 01 quarto, da Paria. Valor R$ 276.000,00. sala, cozinha, banheiro, lavanBairro: Centro. Rua: Manoel deria. No piso superior, 02 aparSantos Gaya n° 99. Apto, 301. tamentos contendo: 02 quartos, Edifício DON JUAN. (Próximo ao sala, cozinha, lavanderia, sacaFerry Boat, em cima da Navemed, da e garagem. Área construída rua paralela a João Sacavem). 407m². Valor 500.000,00. Aceita “ Mais que um INVESTIMENTO, Proposta.

11

TERRENOS A VENDA Bairro: Centro. Avenida :Conselheiro João Gaya, n° 671. Terreno medindo 13x23. Excelente localização. Valor R$ 450.000,00. Bairro: Meia Praia. Rua: Brusque (Rua do Restaurante Serafim). Rua calçada, quadra do mar. Terreno medindo 12x25 com 300 m². Todo murado, escriturado, aterrado e com árvores frutíferas. Valor R$ 143.000,00 . Lindo terreno. EXELENTE OPORTUNIDADE. Bairro: Centro - Avenida Prefeito José Juvenal Mafra. Próximo Imobiliária Princípios.Terreno Comercial medindo 14 m² de frente por 25m² de fundos. Valor R$500.000,00.


Pet

12

Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

Calor do Cão! Nosso verão tem sido impiedoso conosco esta temporada, não é mesmo? Bom, não só conosco, mas com os nossos bichinhos também. Assim como os seres humanos, os animais também sofrem com o calor, principalmente quando a temperatura excede a média, como tem acontecido nas últimas semanas. E diferentemente de nós, nossos amados pets têm outras maneiras de lidar com o excesso e transpirar. Os cães, por exemplo, equilibram a temperatura corporal através da língua (ofegando constantemente),suam pelo nariz para evaporar os fluídos, e pelas borrachinhas das

patas. Gatosigualmente encalorados, buscam por ambientes mais arejados (como varandas, janelas), rolam por superfícies mais gélidas (chão frio, à sombra) e em situações extremas, ofegam e ficam de linguinha de fora também. Mesmo assim, em dias muito quentes, é importantíssimo observar as condições em que o animal se encontra, ter bom senso nas escolhas de atividades e horários, e auxiliar ao máximo na amenização do desconforto. Algumas dicas para o bem-estar do seu pet: - Disponibilize muita água fresca, e se possível, em dias muito quentes,

Importante! Telefone apenas para adoção do respectivo animal.

acrescente alguns cubos de gelo no recipiente para torná-la mais refrescante; - Não passeie com o animal nos horários quentes do dia. Prefira o inicio da manhã e o finalzinho da tarde, quando o calor e o sol estão mais amenos e opte por locais sombreados. Verifique também a temperatura do piso, testando-o com o seu pé descalço. O que não é agradável para você, com certeza não será para o seu cãozinho também. Muito bom senso nessa hora; - Em hipótese alguma, deixe seu bichinho preso dentro do carro, mesmo se os vidros ficarem semiabertos. Seu animalzinho

pode superaquecer e passar mal; - Não use focinheiras fechadas para passear com seu cachorro. Se tiver que utilizá-las, escolha modelos arejados que permitam que o cão fique com a boca aberta em seu interior; - Se a raça do seu cão pode ser tosada, diminua bastante a pelagem dele durante o verão. Opte pelo bem-estar e não pela estética. O mesmo vale para os felinos. Gatos de vasta pelagem também podem – e devem! - ser tosados; - Garanta que o local onde o seu cachorro fica, tenha sempre uma parte sombreada durante o dia, independente da casinha

de cachorro. Este é um local extremamente quente para o cão ficar sob o sol; - Se o seu bichinho estiver extremamente ofegante ou agitado por conta de um dia de muito calor, dê um banho frio ou umedeça um pano e passe em seu corpinho. Você pode também borrifarágua em seu dorso e patinhas. Fará uma grande diferença, acredite!; - No caso de aves, deixe uma vasilha rasa com água, para que o pássaro possa tomar banho e se refrescar. A gaiola deve ficar sempre à sombra; - Pequenos roedores como hamsters podem sentir muito calor no ve-

rão. Deixe a gaiola em local fresco, sombreado e arejado durante o dia. Atente-se à estas dicas e garanta que o seu amiguinho tenha um verão tão agradável (ou suportável) quanto o seu. Ajude também um animalzinho de rua. Coloque em frente a sua casa, um pote de sorvete com água fresca, lavando-o e repondo a água diariamente. Faça com que a sua rua seja “amiga dos animais”. Uma ótima temporada a todos! Andréa Mara Kraetzer Educadora Infantil e Professora de Inglês Assessoria de Comunicação da Pró-Bichos

A Vita Sacer é uma organização do terceiro setor que tem como finalidade a defesa, preservação e conservação do meio ambiente e promoção do desenvolvimento sustentável, com ênfase na fiscalização e na atuação em parceria com os órgãos competentes governamentais ou não, na busca de repreender os responsáveis pelas ações criminosas referentes à causa, bem como contribuir com tais órgãos na promoção de políticas públicas e ações sociais relacionadas à defesa e proteção do meio ambiente. Informações: (47)9688 8887/ probichosna@gmail.com / Facebook Pró-Bichos de Navegantes.


Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

Social

13 Por Maila Santos Gaya

Nasceu Emanuel! Em quem está radiante com a chegada do mais O jovem casal, Laila e Thilan Pacheco comemoram a chegada do novo membro da família é o primo Deric Reiser Rosa. Parabéns aos primogênito Lucas Ferraciolli Pacheco. A família está muito feliz! Bem pais, Dimmy e Camila, e aos avós,Wagner e Estela. vindo Lucas!

O Clube Navemar, em parceria com a Vanguarda Show e Eventos, realizou no final de semana, a 2ª noite do Hawaí. Quem esteve lá, adorou! Confira alguns dos melhores momentos:

Agora em Navegantes, mais uma opção de comida japonesa, Tayo Sushi Delivery. Basta ligar ou chamar pelo whatsap 9651 5086. Quem já saboreou, super aprovou o cardápio do sushiman Guilherme. Na foto, ele está com a noiva, proprietária da loja Bela Miss Calçados, Fernanda Menegon. Sucesso ao jovem casal empreendedor!

Natália dos Santos completou 15 anos no dia 10 de fevereiro. Feliz aniversário!


14

Publicidade

Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014


Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

Dra Franciane Persin

A arte de um Sorriso

Saúde

15

Guia Alimentar da População Brasileira

Ministério da Saúde está preparando nova edição em 2014 Divulgação

CRO-SC 10655 Clínica Geral – Endodontia

Clareamento dental com menos de uso diário – Prático e Seguro

Você não precisa mais ficar a noite toda com as moldeiras para clarear os dentes pelo método do clareamento caseiro. Um produto eficaz garante dentes mais brancos com menos tempo de uso. Deve-se realizar uma consulta prévia com seu dentista para a explicação do método, após avaliação clínica e concordância do tratamento inicia-se a pré-fabricação de moldeiras de acetato. Nesta serão feitas aplicações diárias em casa, pelo próprio paciente, seguindo orientação do profissional. O paciente deverá fazer a aplicação da moldeira com o produto por aproximadamente 1h diária, o que traz um imenso conforto, não causa náuseas, enjôos além de poder dormir sem a moldeira. Vale ressaltar que o método não traz malefícios a saúde bucal quando usado corretamente, a sensibilidade também não é aumentada.

A ORTOclin deseja a todos um ótimo final de semana!

Guia pretende orientar população para importância de alimentação saudável

O novo Guia Alimentar da População Brasileira, edição 2014, elaborado pelo Ministério da Saúde, orienta os brasileiros sobre os cuidados com a saúde e como manter uma alimentação saudável e balanceada. A recomendação é pelo consumo de alimentos frescos, de procedência conhecida e utilizando como base da dieta alimentos in natura (de origem vegetal e animal), como carnes, verduras, legumes e frutas. O manual também recomenda que as pessoas optem por refeições caseiras e evitem a alimentação em redes de fast food, refeições prontas. A população poderá contribuir com a elaboração do novo guia, que se encontra em consulta pública até o dia 7 de maio, acessando o endereço eletrônico www.saude.gov. br/consultapublica. As

contribuições serão avaliadas pelo Ministério da Saúde e poderão constar do documento final. Fonte segura O ministro da Saúde, Arthur Chioro, afirma que o guia é uma fonte segura para orientar os brasileiros para uma alimentação saudável, com base em evidências científicas e com recomendações debatidas com diferentes especialistas e setores da sociedade. Objetivo “A intenção é promover a saúde da população e contribuir para a prevenção de doenças como a obesidade, diabetes e outras doenças crônicas relacionadas à alimentação.”, disse Chioro Linguagem O manual foi elaborado em linguagem acessível e destina-se tanto ao cidadão como a educadores e profissionais de saúde. O documento foi

formulado com o apoio do Núcleo de Pesquisas Epidemiológicas em Nutrição e Saúde da Universidade de São Paulo e da Organização Pan-Americana de Saúde, ligada à Organização Mundial de Saúde. Dicas O novo guia orienta os brasileiros a desfrutarem a alimentação, e evitar à refeição assistir televisão, falar no celular, ficar em frente ao computador ou atividades profissionais, além de privilegiar o preparo da própria refeição sempre que possível. Moderação O guia também recomenda utilizar com moderação óleos, gorduras, sal e açúcar. Produtos industrializados devem dar lugar aos alimentos in natura. Isso porque os produtos processados têm adição de sal ou açúcar para torná-los mais duráveis, palatáveis e atraentes.

Hábitos Os maus hábitos à mesa têm refletido na saúde e no excesso de peso da população, que hoje já atinge 51%, sendo 17% obesos, segundo a dados do Vigitel, levantamento do Ministério da Saúde realizado anualmente com a população brasileira sobre os hábitos alimentares e de estilo de vida. Perigo Além disso, a obesidade é um forte fator de risco para o desenvolvimento de doenças crônicas não transmissíveis. Pessoas obesas têm mais chance de sofrer infarto, AVC (acidente vascular cerebral), trombose, embolia e arteriosclerose, além de problemas ortopédicos, apneia do sono e alguns tipos de câncer.

Os maus hábitos à mesa têm refletido na saúde e no excesso de peso da população, que hoje já atinge 51%, sendo 17% obesos, segundo a dados do Vigitel, levantamento do Ministério da Saúde realizado anualmente com a população brasileira sobre os hábitos alimentares e de estilo de vida


16

Contra Capa

Navegantes, 14 de Fevereiro de 2014

On ed121 14 02