Issuu on Google+

Ano 2014 | Nº 3 | Baixada Santista | Março de 2014

É TEMPO DE LUTA!

Com assembleias e paralisações a categoria está unida na luta por melhores salários e condições de trabalho O ano de 2014 começou com força total. Foram várias assembleias, paralisações, averiguações de denúncias e até a vitória na Justiça em defesa dos direitos do trabalhadores. E a luta continua porque as negociações para o dissídio de maio já começaram. Nesta edição, você pode conhecer um resumo de nossas conquistas e batalhas.

Trabalhadores de Bertioga, fiquem atentos!

Trabalhadores das empresas de asseio e conservação de Bertioga preste atenção. Quem representa você é o Sindilimpeza. Informações, dúvidas, denúncias e auxílio entrem em contato conosco pelos telefones 3361-3390 (Cubatão); 3221-6300 (São Vicente) ou 3341-3495 (Guarujá). Os contatos de todos os nossos diretores você encontra no final da última página deste jornal.


2

Esta é uma publicação do Sindilimpeza Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de Asseio e Conservação de Bertioga, Cubatão, Guarujá, Praia Grande, Santos e São Vicente Jornalista: Alexandre Bueno - MTB: 46737/SP Diagramação: www.cassiobueno.com.br Impressão: Diário do Litoral

Baixada Santista | Março de 2014

EDITORIAL

NÃO ACEITE O ASSÉDIO!

NOSSO LEMA: DENUNCIE DEFENDER A CATEGORIA

Começamos 2014 assim como terminamos 2013: lutando pelos direitos dos trabalhadores. E esta diretoria do Sindilimpeza nunca irá se intimidar. Nesses primeiros meses realizamos várias assembleias, organizamos paralisações e denunciamos uma série de abusos dos patrões. Como presidenta do Sindilimpeza, eu garanto que o nosso trabalho sempre

será na defesa da nossa categoria. Sabemos de nossa responsabilidade e nunca fugiremos dela. Continuaremos lutando por melhores salários, condições dignas de trabalho e mais benefícios para todos os trabalhadores do asseio e conservação das cidades de Cubatão, Praia Grande, São Vicente, Santos, Guarujá e Bertioga. Em nosso mandato já colecionamos conquistas, como a abertura da subsede

de São Vicente e a inauguração da nossa sede própria em Cubatão, que é um espaço para o desenvolvimento profissional, social e cultural da nossa categoria. Para continuarmos lutando por você, contamos com o seu apoio, Então, sindicalize-se. Porque sindicato forte significa trabalhador forte. Abraços, Paloma Santos

TALENTOS DA CATEGORIA

Kratos, um lutador em busca do seu sonho Com um cartel de 25 lutas, cinco derrotas e 20 vitórias, sendo 17 por nocaute, Rafael de Souza Xavier, com apenas 23 anos, acumula números expressivos em sua carreira. Conhecido como Kratos no mundo das lutas, ele é diretor de base do Sindilimpeza e trabalha como borracheiro mecânico na empresa que faz a coleta de lixo em Praia Grande.

Rafael treina artes marciais há sete anos e é faixa azul em jiu-jitsu e grau preta de Muay Thai. O atleta tem uma rotina bem puxada. Às 5 horas da manhã ele pega no batente em seu emprego e sai às 14h20. Vai pra casa e às 18 horas inicia o treino diário até as 23 horas. Pai de uma menina, Kratos, assim como outros lutadores, tem o sonho de poder viver do esporte.

E, em 17 maio, ele estreia no MMA, no evento Amerincan Fight Championship (AFC), em Mogi das Cruzes, que pode ser mais um grande passo em sua carreira. Quem quiser apoiar esse atleta pode entrar em contato com Luciane Lima, a manager da sua equipe, pelos telefones (13)-78140542 ou o ID:119*110006. e-mail: ozzyedrix@hotmail.com

Apresentamos a seguir cinco dicas, sugeridas pela Dra. Margarida Barreto (e com alguns acréscimos do sindilimpeza), para lutar contra o Assédio Moral:

1

RESISTA. Não se deixe abater, converse com os companheiros de trabalho, com sua família, com o sindicato, sobre as humilhações que sua chefia te faz passar:

2

FORTALEÇA LAÇOS. É importante construir amizades sinceras para que você possa falar dos problemas e não fique sozinho com seu sofrimento. Vá até o sindicato, compartilhe suas dificuldades.

3

SOLIDARIEDADE. Se não é você que está sofrendo o assédio, seja solidário. Converse com aquele que está sendo humilhado. Juntos ficamos mais fortes para enfrentar os problemas.

4

ESPALHE A NOTÍCIA. O isolamento e o silêncio fortalecem o chefe que gosta de humilhar o trabalhador. Se perceber que está diante de uma situação de assédio moral, denuncie, reclame. Sua saúde vai agradecer.

5

ANOTE SITUAÇÕES DE ASSÉDIO. Ao perceber que está vivendo, no trabalho, situações que te fazem mal, escreva o que aconteceu, compare um dia com o outro. Reaja, proteja-se contra essa forma de tortura no trabalho. *(Texto adaptado da cartilha do sindicato dos químicos de SP: Coleção Saúde do Trabalhador e Meio Ambiente)

Atenção Trabalhadores!! Estão abertas as negociações do dissídio coletivo de maio dos trabalhadores da limpeza urbana e predial. O Simdilimpeza está lutando por melhores salários e condições de trabalho para vocês.

Sindicalização. Seja forte com o sindicato: filie-se O Sindilimpeza já é forte historicamente. Mas, com você no quadro associativo, a força é maior ainda. Se você já é sócio, parabéns. Se não é, junte-se a nós.

Cubatão: Av. Dr. Fernando Costa, 389 - Fone: 13.3361-3390 São Vicente: Av. Antonio Emmerich, 1646 – Centro - Fone: 13.3221-6300 Guarujá: Av. Oswaldo Cruz, 1386 – Paecará – Fone: 13.33413495


3

SINDILIMPEZA

em ação Terminus deu mancada Trabalhadores que atuam na portaria e controladores de acesso da empresa não recebem a Participação nos Lucros e Resultados (PLR). Os trabalhadores afirmam que faltam uniformes, que não estão recebendo cesta-básica. O Vale-Refeição está sendo pago só pela metade. Uma outra reclamação é a forma como as chefias tratam os trabalhadores. O Sindilimpeza convocou a Terminus para cobrar providência sobre esses problemas e foi informado que todas as denúncias dos trabalahadores serão resolvidas até o próximo mês.

Baixada Santista | Março de 2014

Trabalhadores param por melhores condições

de trabalho na Vetor (Usiminas)

Line Serv (escolas estaduais) e o assédio moral

Vários trabalhadores denunciaram casos de assédio moral na empresa. Também há reclamação de férias não pagas e atraso nos vales-transporte. O Sindilimpeza está de olho apurando as denúncias.

GRSA (áreas daVale Fertilizante e Copebrás) paga menos que o piso A GRSA acabou de entrar na Anglo Américan e começou errado. Os funcionários afirmam que foram registrados com salários abaixo do piso. E, apesar de atuarem em áreas de risco, não estão recebendo insalubridade.

Servitec (área da Usiminas)

Na Servitec as denúncias dos trabalhadores são sobre as péssimas condições de trabalho, como caminhões quebrados e sucateados e uniformes que estão causando alergia nos empregados. O Sindilimpeza está tentando conversar com a Servitec, porém a falta de respeito com os trabalhadores e a entidade sindical é imensa. Estamos tentando também nos reunirmos com a Servitec para discutir o aumento salarial referente ao dissídio de janeiro. Como não estamos obtendo respostas, o Sindilimpeza está tomando as medidas cabíveis para defender os direitos dos trabalhadores.

ISS (área da Usiminas) A ISS entrou na Usiminas no lugar da LSI, mas até o momento os trabalhadores não têm convênio médico, o que desrespeita o acordo anterior. O Sindicato está no encalço da ISS para garantir os direitos de nossos representados.

Os trabalhadores da empresa Vetor estão unidos por melhores condições de trabalho. No último mês, 570 funcionários participaram de uma paralisação organizada pelo Sindilimpeza. Os motivos do protesto foram irregularidades por parte da empresa como o atraso do pagamento do PLR e do Vale Refeição. Há também denúncias sobre péssimas condições de trabalho e atitudes antissindicais. Após a assembleia, a proposta dos trabalhadores era que a empresa pagasse, a título de perda do VR, R$ 300,00 e não

os 10% do salário normativo. Posteriormente, houve uma reunião entre os trabalhadores, representantes da empresa e do Sindilimpeza. No encontro foi acordado que todos os funcionários irão receber R$ 230,00. Porém, no dia seguinte, a Vetor demitiu 9 trabalhadores, sob a alegação de que a atitude foi tomada a pedido da Usiminas, gestora do contrato. O Sindilimpeza está investigando o caso e não aceitará qualquer atitude ilegal, imoral, antissindical e que firam os direitos dos trabalhadores do asseio e conservação.

Sindilimpeza consegue na Justiça

garantir direitos dos trabalhadores da Top Clean A Justiça do Trabalho determinou a retenção dos créditos da empresa Top Clean Com. De Produtos de Limpeza e Sevs. e Limpadora Top Clean Ltda. Para garantir o pagamento de dívidas trabalhistas com os funcionários que atuavam nos contratos da empresa com as lojas Carrefour de São Vicente. A decisão da Justiça foi tomada após o Sindilimpeza ingressar com um pedido de medida cautelar provisória para garantir o

pagamento de dívidas trabalhista dos funcionários. Na ação, o sindicato apresentou uma série de irregularidades cometida pelas empresas como o não pagamento de salários, vale-transporte, férias, depósitos do FGTS e recolhimento do INSS. Após a apresentação do pedido do Sindilimpeza, a juíza do Trabalho Alcina M.F. Beres deferiu a medida cautelar determinação retenção dos créditos das empresas Top Clean.

Atenção Trabalhadores!! Estão abertas as negociações do dissídio coletivo de maio dos trabalhadores da limpeza urbana e predial. O Simdilimpeza está lutando por melhores salários e condições de trabalho para vocês.


4

Baixada Santista | Março de 2014

MONTE AZUL

Sindilimpeza renova CORPO JURÍDICO

ESTÁ PISANDO NA BOLA

O Sindilimpeza renovou o corpo jurídico para melhor atender os associados. O objetivo da mudança é fortalecer o setor da entidade e propiciar maior amparo na defesa dos interesses dos trabalhadores. O novo departamento jurídico do Sindicato está sob os cuidados dos advogados Douglas Martins de Souza, Jean Rodrigues Teixeira e Mário Campos da Silva Netto. Em pouco tempo, o novo corpo jurídico já obteve êxito em medidas urgentes, como a Cautelar interposta em face da Top Clean, destinada a assegurar a retenção de créditos da empresa, decorrentes da prestação de serviços junto ao Carrefour, em São Vicente, de modo a tentar garantir o pagamento de débitos trabalhistas (veja matéria página 3).

Apurando denúncias dos trabalhadores, o Sindilimpeza visitou os postos de trabalho da empresa Monte Azul e constatou que os funcionários da limpeza urbana estão trabalhando em desvio de função. O problema é que a maioria deles é registrada como varredores, mas muitos estão atuando como operadores de roçadeira e de máquinas, sem receber insalubridade e participação nos lucros.

Reajuste salarial 2014

trabalho deveria ser feito pelas auxiliares de limpeza. Segundo a presidenta do sindicato, a diretora da creche disse que está seguindo uma orientação da própria Monte Azul. O Sindilimpeza alerta que as auxiliares de limpeza não devem fazer o serviço que originariamente é realizado por máquina e garante que irá tomar as providências necessárias para impedir que a ocorrência de abusos contra as trabalhadoras.

0C4=38<4=C>9DA±382>

Veja abaixo os pisos salariais dos trabalhadores da limpeza ambiental dos setores públicos e privados Piso salarial mínimo ....................................R$ 820,00 Copeira ...............................................................R$ 843,90 Limpador de vidros .............................................R$ 927,56 Recepcionista .....................................................R$ 918,87 Porteiro/controlador de acesso...........................R$ 995,93 Aux. de departamento pessoal ............................R$ 918,87 Zeladoria em próprios públicos ...........................R$1.082,75 Dedetizadora/assemelhado ...............................R$ 980,78 Técnico em desentupimento ..............................R$ 1.106,17 Aux. em desentupimento ....................................R$820,00 Aux. de manutenção ...........................................R$ 870,71 Demais funções ..................................................R$ 870,51 Hidrojatista (pressão acima de 4.000 PSI)..........R$1.060,68 Operador de varredeira motorizada ...................R$ 1.174,81 Operador de vácuo .............................................R$ 1.210,19

Na Creche O Sindilimpeza também visitou a creche Rio da Praia e a presidente do sindicato, Paloma Santos, constatou que as trabalhadoras estavam lavando roupas de banho e de cama. Contudo, além de lavar tinham de torcer as roupas com as mãos. Paloma cobrou informações da diretora da creche e foi informada que a máquina de lavar da entidade está quebrada e que, por isso, o

Aux. de limpeza em área portuária ......................R$ 910,56 Aux. de limpeza pólo industrial ...........................R$ 910,56 Cesta Básica - ano 2014 .....................................R$ 81,33 Tíquete Refeição ano 2014 .................................R$ 9,10 Desconto ............................................................R$ 0,13 Valor PPR 2014 ...................................................R$ 205,00 A 1ª parcela em julho/2014 .................................R$ 102,50 A 2ª parcela em janeiro/2015 ............................R$ 102,50 Salário Família 2014 EP[^aSPR^cPS^bP[ÅaX^UP\Ñ[XP (por filho ou equiparado) Até R$ 682,50.....................................................R$ 35,00 De R$ 682,51 a R$ 1.025,81 ...............................R$ 24,66

Sempre das 15 às 17 horas. Com horário marcado antecipadamente por telefone ou pessoalmente. 2D10C§>CTaËPUTXaP~B§>E824=C4@dPacPUTXaP 6D0AD9¥@dX]cPUTXaP

HORÁRIO DE ATENDIMENTO DO SINDICATO: 8 ÀS 17 HORAS, DE SEGUNDA A SEXTA-FEIRA ~2D10C§>) Sede nova: Av. Dr. Fernando Costa, 389 - Fone: 3361-3390 ~6D0AD9¥) Av. Oswaldo Cruz, 1386 – Paecará – Fone: 13.33413495 ~B§>E824=C4) Av. Antonio Emmerich, 1646 - Centro - Fone: 13.3221-6300 ATENDIMENTO ODONTOLÓGICO: ~ PAULIDENT CUBATÃO: Rua Embaixador Pedro de toledo, 380 – Centro - Fone: 13. 3372-3144 ~?0D;834=CB§>E824=C4) Rua João ramalho, 803 – Centro - Fone: 13.3568-1870 ~?0D;834=C?A0806A0=34)Av. Costa e Silva 609 – sala 106 – Boqueirão - Fone: 13.3473-3633 ~?0D;834=C6D0AD9¥) Av. Thiago Ferreira, 352 – Vicente de Carvalho - Fone: 13.3341-3373 ~ PAULIDENT BERTIOGA – AV. Anchieta, 1352 – Jd. Lido - Fone: 13. 3317-5142

FALE COM A DIRETORIA:

PALOMA SANTOS Presidenta  7813-2400 - 113*1954

CLEIDE DOS SANTOS BARBOSA Coordenadora da Subsede de São Vicente  7815-3252 - 113*82215

LINDINALVA PEREIRA Diretora de Relações Trabalhistas 7813-8868 - 113*1956

DULCINEA MOREIRA Tesoureira  7813-5556 - 113*2967

RAFAEL PEREIRA Diretor da área social  7813-2481 - 113*1955

JOSÉ JOAQUIM Secretário Geral  7815-9934 - 113*58222

EDERSON CARLOS (Deco) Coordenador da Subsede de Guarujá  7815-1130 - 113*70890


Sindilimpeza Ed. 3