Issuu on Google+

Você pode colaborar com o acervo da 1ª biblioteca infanto-juvenil multilingue da América Latina PÁGINA 06

ESPORTE

PÁGINA 07

Beto Art, o gamense que se apaixonou pelas ondas MAIS...

GamaCULT

Miss Gama 2012 Ações da Administração Futebol infantil PÁGINA 02

·

www.gamacult.com.br Distrito Federal, março de 2012 - Nº 07

Acesse o portal GamaCULT, curta nosso facebook e siga-nos no twitter. Você fica mais informado e ainda participa das nossas promoções e sorteios

ARQUIVO PESSOAL

ADMINISTRAÇÃO DO GAMA

Conheça um pouco da história do administrador interino

O charme e encanto de uma cidade que fica «logo alí», Pirenópolis PÁGINA 03

Saúde da Mulher PÁGINA 05

PÁGINA 04

Cinema para mamães, papais e bebês!

ARQUIVO PESSOAL

A G E N D A PÁGINAS 09 E 10 Confira a programação cultural, shows, e apresentações.

Você já tem personal stylist? PÁGINA 08

Destaque para o show de Junior Johns (foto) acompanhado d e b a n d a .

Já ouviu falar na «turma do bem»?

E também show do Criolina, da Blitz, exposição de Arte Radical, Festival de vídeo Minuto do Terror, festa das águas e f e s t i v a l d a s á g u a s . F i q u e por dentro acessando w w w. g a m a c u l t . c o m . b r

na

PÁGINA 08 DIVULGAÇÃO

OFICINAS GRATUITAS P Á G I N A 0 9 Projeto da Cia Lábios da Lua oferece oficinas de teatro, canto, coral, violão, cinema, DJ e vídeo para w e b . As oficinas são gratuitas e as inscrições podem ser feitas a partir da segunda quinzena de março.

PÁGINA 12

A importância de um site para o seu negócio. PÁGINA 12

Lillac

GamaShopping


02 ·

Março de 2012

GC FUTEBOL INFANTIL

Operação retira cavalos das ruas

Começa no dia 10 de março uma das mais importantes competições infantis da cidade

Órgãos públicos atuaram em conjunto para apreender cavalos de carroceiros que estavam soltos nas ruas do Gama. A operação realizada em 16 de fevereiro pela Coordenadoria das Cidades, junto com a Administração Regional do Gama, o Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran/DF), a Polícia Militar Ambiental, a Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento Rural (Seagri/DF), o Instituto Brasília Ambiental (Ibram) e o Serviço de Limpeza Urbana (SLU), terminou com o recolhimento de cinco animais, que foram levados para a Secretaria de Estado de Agricultura e Desenvolvimento Rural - SEAGRI. Na Seagri, os cavalos serão

submetidos a exames, vacinação e chipagem. A chipagem trata-se de um método imparcial de identificação do animal, o microchip é um transponder constituído de um código de barras exclusivo e inalterável, gravado a laser, encapsulado em vidro cirúrgico, microrrevestido em capa de polipropileno biocompatível e antimigratório. Quando o código de barras é escaneado, o transponder envia o número de identificação como um sinal de rádio de volta ao escanner que o decodifica e mostra os dados numa pequena tela similar à de uma calculadora. Além dos dados como nome, idade, sexo, pelagem e marcas próprias do cavalo, alguns chips já permitem a inclusão

DIVULGAÇÃO - ASCOM ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO GAMA

GAMA

da ficha clínica, raio X, ultrassom, vacinas, etc. Em relação aos cavalos apreendidos apenas os donos podem retirá-los, para tanto também deverão regularizar sua situação pessoal como condutores de veículos de tração animal. A Diretoria Social da Administração do Gama informou, por meio de material divulgado pela Assessoria de Comunicação que os carroceiros que ainda não estiverem cadastrados devem procurar a Regional para regularizar a situação e realizar o curso de Formação de Condutores de Veículos de Tração Animal (VTA). O curso é obrigatório e será ministrado na própria Regional, entre os dias 23 a 27 de abril, às 14h. No treinamento os condutores

A entrada é franca. receberão aulas de Relações Humanas, Legislação de Trânsito, Direção Defensiva, Educação Ambiental e palestras sobre Prevenção de Doenças, Alimentação e Dicas Básicas de Cuidado com o Animal. Cavalos soltos nas ruas

PUB

CONCURSO Miss Gama 2012 As jovens inscritas para o concurso Miss Gama 2012 se apresentam, desfilando, no dia 17 de março no Centro Olímpico do Gama. Prêmios - A primeira colocada, com título de Miss Gama 2012 concorre ao Miss DF e recebe três mil reais, um Book, academia e produção. Os segundo e terceiro lugar recebem hum mil reais de prêmio e um book fotográfico. Candidatas - Inscreveram-se garotas com idade entre 18 e 24 anos.

A abertura das Competições Oficiais de 2012, da Fundação Criança Gama de Futebol que reúne mais de dez escolinhas de futebol, acontecerá no dia 10 de março, das 8h às 14h, no Estádio Bezerrão. Segundo os organizadores do evento, a expectativa é de que estejam presentes mais de duas mil crianças.

TRANSPORTE

representam grande risco à população, já que podem causar acidentes a proprietários de veículos, ciclistas e pedestres. S e r v i ç o - M a i s informações: 3484-9943/ 9917.

MORADIA

EDUCAÇÃO

Mais faixas Programa Senai investe R$ Morar Bem exclusivas para 3 bilhões em ônibus no DF GDF lança novo edital para educação profisconstrução de mais 5 mil Agência Brasília unidades habitacionais no sional até 2014 Além da Estrada Parque Núcleo Bandeirante (EPNB) e da Estrada Parque Taguatinga (EPTG), outras seis vias do Distrito Federal ganharão corredores exclusivos para ônibus nos próximos meses. Também contarão com a faixa destinada aos coletivos a W3 Sul, as avenidas Hélio Prates e Elmo Serejo, o Eixo Monumental, a Via Estrutural e a BR 020. A medida faz parte das ações do Governo do Distrito Federal, desenvolvidas desde o início da gestão Agnelo Queiroz, para incentivar o uso do transporte coletivo e melhorar o sistema de trânsito do DF. O próximo corredor exclusivo a entrar em operação será o da W3 Sul. A faixa da direita, ao longo dos sete quilômetros e nos dois sentidos da via, será utilizada apenas pelos ônibus a partir de 15 de março.

Paranoá. Objetivo é atender famílias com renda mensal de até R$ 1,6 mil O Diário Oficial do Distrito Federal de 23 de fevereiro publicou o Aviso de Chamamento nº01/2012 para seleção de empresas da construção civil interessadas e m i m p l a n t a r e m p r e e n d i m e n t o habitacional no Paranoá, com cerca de 5 mil unidades habitacionais. O objetivo é atender famílias com renda mensal de até R$ 1,6 mil e que satisfaçam aos critérios da Lei Distrital nº 3.877/2006, no âmbito do Programa Minha Casa Minha Vi d a ( P M C M V ) , a s e r contratado junto a agentes financeiros autorizados, com participação do Distrito Federal na cessão do terreno ao Fundo de Arrendamento Residencial (FAR) e subsídio financeiro para implantação da infraestrutura, nos termos da Lei Federal nº 11.977, de 7 de julho de 2009. Fonte: Companhia de Desenvolvimento Habitacional do DF

Agência Brasil

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) pretende investir R$ 3 bilhões até 2014 na expansão de sua rede de educação profissional, que oferece atualmente 3 mil cursos de aprendizagem, qualificação e aperfeiçoamento técnico nas 471 unidades fixas e 326 unidades móveis espalhadas pelo país. Metade do dinheiro sairá de empréstimo do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O diretor-geral do Senai, Rafael Esmeraldo Lucchesi Ramacciotti, ex-secretário de C i ê n c i a , Te c n o l o g i a e Inovação da Bahia, adiantou que a maior parte do investimento será concentrada nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, em razão da nova geografia econômica do Brasil, provocada pela melhor distribuição territorial da indústria.


PUB

Março de 2012 · 03

Educação

Marcos Vieira

LOGO ALÍ

Karênina Viana - karenmichelll@gmail.com Professora de Inglês e Português

Pirenópolis Redação GAMACULT redacao@gamacult.com.br

A cerca de 150 quilômetros de Brasília uma cidade encantadora abriga uma atmosfera sem igual. Apelidada pelos que já se apaixonaram por ela, como Piri, Pirenópolis é uma cidade única, com suas belas ruas de pedras, suas inúmeras cachoeiras, seus antigos casarões e uma noite que transpira cultura. Um fim de semana por lá é garantia certa de recarga de todas as baterias e energias. A cidade foi fundada em 1727 por Manoel Rodrigues Tomás, um minerador português, e batizada de Minas de Nossa Senhora do Rosário de Meia Ponte, por causa de uma enchente que derrubou parte da ponte do Rio das Almas. Em 1890 a cidade foi oficialmente chamada de Pirenópolis, em homenagem à Serra dos Pirineus que cerca toda a região. Um século mais tarde 1988 - a cidade foi tombada como Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e já era tida como uma das princesinha do Goiás, apelidade de “Capital da Prata” e até mesmo “Paris-nópolis”. A Piri dos tempos de hoje - Ao fazer uma caminhada pelo centro da cidade tem-se a impressão de estar no meio de um filme antigo decorado pelos preservados casarões do século 18, período em que era explorado o ouro na região e quando foi construído, por e x e m p l o , o Te a t r o d e Pirenópolis. As casas mais simples, com diversas cores, tem molduras

em suas janelas, e parecem casinhas da “vovó”, com um ar acolhedor e encantador. O comércio local abriga incontáveis ateliês de arte, não simplesmente arte mas arte genuinamente goiana, com um tempero da mistura de culturas que Pirenópolis abriga. É que a c i d a d e f o i “redescoberta” na década de setenta, com a migração da Capital Federal para Brasília, quando os mais espertos captaram rapidamente a excelente energia do local e se instalaram alí mesmo, desses podemos dizer que a maioria composta por artesãos, artistas plásticos e mais r e c e n t e m e n t e gastrônomos. É óbvio aos visitantes que sua economia é baseada no artesanato e no turismo, mas outro ponto forte em suas atividades econômicas é a extração da “pedra de pirenópolis”, comercializada para todos os pontos do país para ser utilizada como revestimento e piso. Folclore – Estar em Pirenópolis é esbarrar em cultura a cada esquina, reflexo da sobrevivência do folclore local, que é certamente um dos mais representativos do Centro-Oeste, com destaque para a festa do divino, as cavalhadas, as

pastorinhas e a festa do Morro. Festa do Divino – Doze dias da festa folclórica mais importante de toda a região. Comemorada desde 1819, a festa do Divino Espírito Santo reúne desfiles de bandas, congadas, bailes e queima de fogos. Um dos destaques da festa é o Imperador, figura eleita por meio de sorteio realizado uma semana antes do início dos festejos. Qualquer um pode concorrer ao “cargo” de imperador que representa simbólicamente a Família Real e Corte portuguesas, distribuindo alimentos para a população e libertando, também simbólicamente, os presos da cidade, como acontecia antigamente. A Festa do Espírito Santo, com quase duas semanas de duração, é iniciada cinqüenta dias após a Páscoa, mesmo momento das comemorações de Pentecostes pelas igrejas.

Nos primórdios da Idade Média, a Educação era vista como um meio para alcançar a Sabedoria, e a Ciência representava a nobre busca por orientar o estudante e fazê-lo considerar o conhecimento adquirido como um todo. Ao professor cabia acender a centelha a fim de que o aluno atingisse a “elevação do espírito”. Nas escolas de hoje em dia, o fundamental é a instrução técnica, voltada para uma política de mercado, que se compromete apenas com a formação de um indivíduo c o m p e t e n t e e m determinada função. O que quero dizer é que, na atual conjuntura, o ser humano tem dissociado a educação da busca espiritual – causa principal da inveterada crise ética a qual temos enfrentado. Enquanto conquista grandioso conhecimento intelectual, despreza sua condição de ser superior ao rejeitar a relevância de suas atitudes e virtudes. Protagonistas de escândalos que envolvem corrupção, os governantes pouco têm feito para remediar os problemas da Educação no Brasil, mas a mesma sociedade que vê a educação como essência da transformação, age passivamente, indócil, quase omissa e, de forma paradoxal, alardeia que a educação é a base para o crescimento cultural da sociedade, e que seu financiamento é a questão que mais precisa avançar no país. Nos últimos anos, foi liberado em torno de 4% a 7% do PIB para o Setor Bancário no Brasil, contra 4,6% para a Educação. Atualmente, 16 milhões de brasileiros com idade acima de 15 anos são analfabetos. O Acre lidera a taxa de nãoletrados com 60,7% e a cidade de São João do Oeste, em Santa Catarina, tem a menor taxa do país: 0,9%. De fato, precisamos de mais investimento na educação brasileira. O capital empregado na educação em países como Bélgica, Alemanha, Reino Unido, Estados Unidos e Japão ultrapassa os US$ 94 mil por aluno, enquanto o gasto médio brasileiro por aluno fica a cerca de US$ 19

mil, ou seja, são cinco vezes mais que o montante investido aqui. Com certeza, qualquer veículo de mídia é capaz de trazer com precisão tais informações, e os números estão aí para que todos vejam. A receita todos conhecem e concordam: está na formação de uma conduta cidadã que priorize a qualidade do ensino no país. No Brasil, muito se fala sobre níveis escolares, taxas de analfabetismo, projetos governamentais e rankings mundiais para a educação, contudo, o brasileiro anda mesmo reprovado é no que diz respeito a sua educação como cidadão e enquanto aponta as omissões e erros perpetrados por governantes, deixa para trás uma série de deveres. A discussão transcende fronteiras, e, a meu ver, os números são irrelevantes. Ao refletir, inúmeras perguntas me vêem à mente, e uma delas é: “Somente a instrução intelectual compõe a Educação de um país?” Em dez anos, o índice de escolaridade do brasileiro aumentou, o número de crianças estudando cresceu e o analfabetismo caiu. Mesmo com tantas questões a serem resolvidas, embora tímidos, tudo indica que os avanços começaram, porém, m e s m o c o m o c r e s c i m e n t o e investimentos na educação para o trânsito, a média de acidentes no país aumentou cerca de 8%. Desta forma, pode-se dizer que está na Educação Escolar a resposta para a falta de compostura dos que são indiferentes às leis de trânsito pelo Brasil afora? Na Europa, mesmo sem placas e/ou avisos, mulheres e idosos têm lugar garantido dentro do transporte público coletivo. Embora sejam fumantes em potencial, os europeus não deixam suas cinzas espalhadas pelas ruas; e não jogam papel de bala pelo chão,

nem desfazem dos objetos pelas janelas dos veículos. Conscientes de que estarão infringindo as leis e muito pouco por conta da multa que terão que pagar, os europeus não estacionam seus carros em vagas para idosos ou deficientes. Esperava-se que, em pleno século XXI, as pessoas fossem além de empreendedoras, mais solidárias, mas no mercado de trabalho, por exemplo, somente sobressai aquele q u e d o m i n a o conhecimento – é aqui onde as relações humanas cessam. “Na empresa onde trabalho, percebo que raramente as pessoas têm interesse em sanar a dúvida de um colega, alegam sempre a desculpa da falta de tempo”, diz o arquiteto brasiliense Gustavo Leonardo, 30 anos. Para ele, hoje em dia, devido ao grau de exigência d o m e r c a d o , o companheirismo dentro das empresas tornou-se obsoleto e para grande maioria o que importa realmente é manter o contracheque pomposo no final do mês. Como se pode ver, na sociedade moderna brasileira, a educação em sala-de-aula adquiriu a posição “privilegiada” de ser a única a fomentar o desenvolvimento e a socialização das pessoas, o que a limitou na responsabilidade por todo o processo educativo. No entanto, do outro lado, está o cidadão brasileiro que abdica da obrigação de contribuir para a construção d e u m p a í s m e l h o r. Enquanto grita e xinga o governo, polui as cidades, os rios e o ar, dirige acima dos limites permitidos, compactua com o aumento da violência nas escolas, no estádios de futebol e no trânsito, estimula o preconceito entre raças, religião e opção sexual, e por fim, omite-se diante das necessidades dos menos privilegiados. A verdade é que o Estado é apenas um dos agentes; e muito mais que se graduar, é preciso que o brasileiro moralize seus costumes.


04 ·

Março de 2012

GC Cidade CIDADE

EDITORIAL ARQUIVO PESSOAL

Alan Valim

O tempo não para Enquanto alguns dizem que o ano no Brasil só começa agora, em março, pós festas e carnaval, no calendário estamos na verdade no último mês do primeiro de quatro trimestres. O chamado mês da mulher é o que conclui um quarto do ano, olhando com a perspectiva de quem já acha que o tempo está passando cada vez mais rápido, deve-se avaliar o que foi feito neste primeiro pedaço do bolo, nesta fatia grande da pizza que para alguns é desperdiçada, apenas em pizza mesmo.

Redação GAMACULT

Aqui no GamaCULT os primeiros três meses foram bem proveitosos, observamos que a vida cultural da cidade muito ganhou neste período. Além de circuitos de verão com teatro para a criançada, as casas noturnas mantiveram-se cheias, de público e de atrações. Estamos torcendo que as coisas continuem assim.

redacao@gamacult.com.br

Formado em Ciências Contábeis, pós-graduado em Economia e Ciência Política, e cursando mestrado em Ciência Política, o Sargento do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal Alan Valim é o Administrador Interino do Gama.

Nesta edição destacamos um projeto de oficinas gratuitas de arte, que resultarão em espetáculos e exposições, fato celebrante, afinal «a gente não quer só comida. A gente quer comida, diversão e arte» já

Jovem, Alan José Valim Maia, tem 36 anos, é primeiro sargento do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal, mergulhador de resgate desde 1995. Valim mora no Gama desde que nasceu, com um breve intervalo quando aos 28 anos se mudou com a família, retornando há alguns meses atrás à cidade.

O ensino médio e fundamental também foram feitos no Gama, e uma de suas primeiras referências políticas foi a mãe, professora, considerada uma liderança na cidade. "Estudei na Escola Adventista, no CEF 10 (Oeste), e durante oito anos no CG, onde me formei Técnico em Administração. Frequentei a Paróquia São Sebastião, local em que participei de vários encontros de jovens (Movimento de Amizade Cristã, Escolinha da Fé e Encontro de Jovens com Cristo). Fiz o curso de Eletricista no SENAI (Setor Sul) em 1990. Minha Mãe

(Prof. Vera Mariotini) foi , durante muito tempo uma liderança na cidade, já que foi professora da antiga Fundação Educacional durante quase vinte e cinco anos e Diretora de várias escolas (Centro de Ensino Fundamental 10, Centro de Ensino Fundamental 04 e Escola Classe Nº 01)". Se especializando cada vez mais em Ciência Política, o atual administrador pretende atuar na administração regional em prol da qualidade de vida do morador do Gama, entre outras prioridades, "Minha tarefa na Administração Regional será aproximar a comunidade dos serviços prestados por esse órgão administrativo e, de forma multidisciplinar organizar os órgãos do governo para que haja a melhoria constante da qualidade de vida dos moradores da nossa cidade» explicou. Acompanhe as ações da administração regional em www.quemamagama.blogspot.com

ARQUIVO PESSOAL

Em sua trajetória política foi administrador regional da cidade de São Sebastião (o mais jovem do DF) de janeiro de 2009 a dezembro de 2010 (dois anos), de onde saiu, segunda pesquisa interna do GDF, com 87% de aprovação da comunidade. Alan voltou a morar no Gama no começo de 2012, antes mesmo de ser convidado para o cargo na administração regional. "Na cidade, eu morei na quadra 19 do Setor Leste até 1980, depois mudamos para a quadra 20 até 1985 e, quando adquirimos nosso primeiro imóvel, passamos a morar na quadra 24, onde retornei a viver recentemente" conta.

Renata Nogueira Batt editorial@gamacult.com.br

diziam os “titãs” que neste mês celebram trinta anos e retornam aos palcos com o show “cabeça dinossauro”, também falamos de um projeto social chamado de «turma do bem» coordenado em todo o Brasil por dentistas e damos dias como a importância de uma website para as empresas e como funciona o serviço de um personal stylist... Noutras esferas, como a político-administrativa, comemoramos um gamense à frente da administração regional do Gama, o que nos leva a crer que conhece bem os problemas da nossa cidade e há de trabalhar para saná-los ou minimizá-los, assim, boa sorte Alan Valim. E para não dizer que não falei das flores, é neste mês que vamos conhecer a nova miss da cidade, aquela que vai nos representar em outros concursos, então que seja a mais bela, a de mais carisma! Fechamos essa edição cheios de expectativas para a próxima, esperamos voltar em abril cheios de boas notícias, falando da páscoa e da semana santa com suas delícias, chocolates e bacalhaus...

Boa leitura!

PUB

Exclusiva para meninos Banana Danger- Olha Quem Está Falando Ferrovie- By Tilly- Tulye e Charpey 3384.1888


www.gamacult.com.br · 05

MÊS DA MULHER

Primeiro semestre de 2011 teve 705 óbitos relacionados a causas obstétricas, o que representa queda de 19% em relação ao mesmo período de 2010.

Ministério da Saúde prevê que 2011 terá a maior redução da mortalidade materna nos últimos 10 anos Tinna Oliveira e Débora Pinheiro Agência Saúde Primeiro semestre de 2011 teve 705 óbitos relacionados a causas obstétricas, o que representa queda de 19% em relação ao mesmo período de 2010. O Brasil deve registrar, com base nos dados de 2011, a maior redução na mortalidade materna dos últimos dez anos. No primeiro semestre do ano passado, foram notificados 705 óbitos por causas obstétricas, o que representa queda de 19% em relação ao mesmo período de 2010, quando foram registradas 870 mortes. O balanço foi apresentado pelo ministro da Saúde, Alexandre Padilha, durante entrevista coletiva no dia 23 de fevereiro. O avanço na redução do indicador em 2011 reforça a forte tendência de queda apurada ao longo dos últimos 20 anos. De 1990 a 2010, a mortalidade materna no Brasil caiu pela metade - de 141 para 68 óbitos para cada 100 mil nascidos vivos (NV). “Essa intensificação na redução da mortalidade materna vai servir como estímulo para continuarmos melhorando o atendimento às gestantes no Brasil, sobretudo nas regiões Norte e Nordeste, onde ainda a proporção de óbitos é maior”, avaliou Padilha. A redução foi puxada pela melhoria no atendimento às gestantes, que implicou diminuição em todas as causas diretas de mortalidade materna: hipertensão arterial (66,1%); hemorragia (69,2%); infecções pós-parto (60,3%); aborto (81,9%); e doenças do aparelho circulatório complicadas pela gravidez, parto ou puerpério (42,7%). Em 2010, as principais causas de óbito materno foram hipertensão na gravidez, hemorragia, infecção puerperal, doenças do aparelho circulatório complicadas pela gravidez, parto e puerpério e aborto. Reforço à vigilância – A partir de março, o Ministério da Saúde terá videoconferências mensais entre o ministro e os secretários estaduais de saúde para monitorar a investigação dos óbitos maternos e acompanhar a evolução dos índices. Desde 2008, as mortes de mulheres em idade fértil são investigadas por equipes de vigilância dos estados e dos municípios. Todas as informações são repassadas ao Ministério da Saúde, que estabelece as diretrizes da investigação. O monitoramento feito pelo Ministério da Saúde envolve a investigação de todo óbito em mulheres em idade fértil – entre 10 e 49 anos – e cujas causas possam ocultar um óbito materno. Neste grupo, são identificadas causas e circunstâncias da morte e registrados os casos que não se relacionam à mortalidade materna. A notificação também está sendo aperfeiçoada com o novo Sistema Nacional de Cadastro, Vigilância e Acompanhamento da Gestante e Puérpera para Prevenção da Mortalidade Materna. A ferramenta vai melhorar o acesso, a cobertura e a qualidade da atenção à saúde materna, principalmente às gestantes de risco. “A OMS (Organização Mundial da Saúde) já trata os dados apresentados do Brasil sem aplicar nenhum tipo de ajuste. Isso comprova a credibilidade da investigação e da vigilância de todos os óbitos de mulheres em idade fértil”, destacou o ministro.

Além disso, serão criadas, nos hospitais, as comissões de Cadastro, Vigilância e Acompanhamento das Gestantes e Puérperas de Risco, responsáveis por manter atualizadas as informações cadastrais de todas as gestantes atendidas pela referida unidade de saúde. Atendimento no SUS - Os dados do ministério demonstram que a redução das mortes por complicações durante a gravidez, parto e puerpério se devem à ampliação do acesso aos cuidados hospitalares, com acompanhamento das mulheres antes, durante e após o parto. Hoje, 98% dos partos no Brasil são realizados em hospitais e 89% por médicos. O resultado é reflexo do maior acesso ao pré-natal e acompanhamento médico por meio da Estratégia Saúde da Família (ESF), além da melhora na infraestrutura hospitalar. Em 2011, foram realizadas cerca de 20 milhões de consultas pré-natais pelo Sistema Único de Saúde (SUS), o que equivale a alta de 133% em relação aos 8,6 milhões de procedimentos de 2003. Rede Cegonha– Na coletiva, também foi anunciada a celebração do contrato com a Caixa Econômica Federal, que pagará às gestantes atendidas pelo SUS auxílio financeiro para deslocamento às consultas de pré-natal e à unidade de saúde onde será realizado o parto. Esse auxílio visa incentivar a gestante a realizar o pré-natal completo e o mais cedo possível. O pagamento do valor de até R$50 reais será feito por meio de um cartão magnético emitido pela Caixa a partir do mês de abril. O benefício será pago em até duas parcelas. Para receber o valor integral, a gestante deve fazer o requerimento até a 16ª semana de gestação e realizar uma consulta. A partir daí, recebe R$ 25 no mês seguinte ao pedido. A segunda parcela será paga após a 30ª semana. As que solicitarem o benefício após a 16ª semana de gestação só terão direito a uma parcela de R$ 25. Para que as gestantes tenham acesso a esse auxílio elas devem ser cadastradas no Sistema de Monitoramento e Avaliação do Pré-Natal, Parto, Puerpério e Criança, denominado SISPRENATAL, que a partir de março ganha uma nova versão online. A nova versão do sistema já está em fase de teste e deve ser implantada gradativamente em todo país, começando pelas regiões dos estados e municípios aderidas à Rede Cegonha. O SISPRENATAL Web foi reformulado para se tornar mais ágil e facilitar o uso pelas equipes de saúde de todo o Brasil no acompanhamento da assistência prestada às gestantes, parturientes e puérperas. Com esse sistema, os municípios informarão mensalmente ao Ministério da Saúde as gestantes acompanhadas e permitirá informar à Caixa Econômica Federal as gestantes que estão aptas a receber o auxílio. Neste sistema serão cadastradas todas as gestantes, antes e após o parto, para o adequado acompanhamento e avaliação da assistência prestada às mulheres durante o pré-natal, parto e puerpério. Essas e outras ações estão inseridas na estratégia Rede Cegonha, lançada pelo governo federal no começo de 2011, cujo principal objetivo é reduzir as mortes maternas por meio de uma rede de cuidados de assistência à mulher e ao bebê. Até janeiro de 2012, 17 estados e 1.542 municípios já aderiram à rede, totalizando 930 mil gestantes acompanhadas.

SAÙDE DA MULHER MUTIRÃO

PRIORIDADE

NÚMEROS

O Governo do Distrito Federal realizará 3º mutirão para reconstruir mamas de mulheres que p a s s a r a m p o r mastectomia(retirada do seio), em decorrência do câncer. Meta é receber 60 pacientes de uma vez e zerar fila ainda em 2012

Segundo Secretaria de Comunicação Social a atenção às mulheres que precisam da cirurgia é uma das prioridades em Saúde, na gestão Agnelo Queiroz. No ano passado, foram realizados dois mutirões pela Secretaria de Saúde em parceira com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).

Em 2011, 165 mulheres passaram pelo procedimento cirúrgico na rede pública de saúde do DF. O mutirão contou com a participação de 120 cirurgiões plásticos, especialistas em reconstrução mamária 32 anestesiologistas e 90 profissionais de enfermagem.

Governo Federal avaliará qualidade de serviços prestados a gestantes no SUS

A partir de abril, o Ministério da Saúde vai entrar em contato, por telefone, com mulheres que tiveram filhos em unidades do Sistema Único de Saúde (SUS), para avaliar a qualidade dos serviços prestados

às gestantes, incluindo o pré-natal, o parto e o pósp a r t o . O s a g e n t e s pesquisadores, da Ouvidoria Nacional do SUS, utilizarão os números de telefones

constantes nos prontuários médicos das pacientes. A estratégia inédita de avaliar a qualidade dos serviços prestados às gestantes integra as ações do Rede Cegonha, lançado pelo governo federal no ano passado.


Março de 2012

EMPREGO

arte esporte entretenimento saúde cultura cidade política educação saúde dicas shows espetáculos teatro cinema exposições opiniões críticas e publicidade com as melhores marcas e empresas da cidade Tudo isso e + um tanto AQUI !!! www. gamacult. com. br

GC

Empregadores podem consultar ficha de candidatos no SPC e na Justiça antes de contratar

DÉBORA ZAMPIER AGÊNCIA BRASIL

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) divulgou no dia 23 de fevereiro, decisão tomada por unanimidade no dia 8, que as empresas podem fazer consultas no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), na Centralização dos Serviços dos Bancos (Serasa) e em órgãos policiais e do Poder Judiciário antes de contratar empregados. A ação havia sido movida pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), que entendeu que a p e s q u i s a e r a discriminatória. O caso começou a ser apurado em 2002, por meio

de denúncia anônima, que informava que uma rede de lojas sergipana fazia a pesquisa durante o processo seletivo. A empresa se recusou a mudar a conduta e o MPT decidiu abrir uma ação civil pública. A primeira instância da Justiça condenou a empresa a abandonar a prática, sob pena de ser multada em R$ 10 mil a cada consulta. A rede lojista também foi condenada a pagar indenização de R$ 200 mil por dano moral coletivo. A empresa recorreu à corte trabalhista local, que reverteu a primeira decisão. Para o Tribunal Regional do Trabalho de Sergipe os concursos públicos também fazem

exigências rigorosas na contratação de candidatos e que no caso só seria configurada discriminação se houvesse critérios em relação a sexo, origem, raça, cor, estado civil, situação familiar ou idade. A Segunda Turma do TST concordou com o tribunal sergipano e ainda defendeu que os cadastros em questão são públicos e que não há violação da intimidade ao acessá-los. Para os ministros, o empregador tem o direito de consultar os antecedentes dos candidatos para garantir que estão fazendo uma boa escolha.

DIREITO

Reflexo da corrupção será tema de palestra na Seccional da OAB do Distrito Federal A Comissão de Direitos Humanos da OAB/DF realizará a palestra “O Reflexo da Corrupção nos Direitos Humanos no Brasil”, no dia 14 de março, às 19h. O tema será abordado pela ministra do Superior Tribunal de Justiça, Eliana Calmon, no auditório do edifício-sede da Seccional, na 516 Norte.

O presidente da comissão, Emens Pereira, disse que o objetivo é “despertar a consciência da advocacia e da sociedade sobre os males que a corrupção vem promovendo na sociedade brasileira na questão da saúde, das drogas, da educação e da segurança. O Brasil é um dos campeões no ranking de corrupção no mundo e compete à Ordem, por obrigação institucional, através

da sua Comissão de Direitos Humanos, promover esse debate. Cada participante deverá levar uma lata de leite em pó a ser entregue na recepção da palestra. Serão conferidos certificados de 4 horas aula aos presentes. Informações para inscrições: 3 0 3 5 - 7 2 0 3 o u eventos@oabdf.com

São Paulo sediará a primeira Biblioteca Infanto-Juvenil Multilíngüe da América Latina Iniciativa de Duda Porto de Souza, biblioteca reunirá livros infantis em diversas línguas e promoverá workshops para crianças; sessões em Braille e Maternidade também estarão à disposição. A primeira Biblioteca no Brasil que abrirá de Domingo a Domingo, com transporte especial para crianças de família de baixa renda. O Centro Universitário Belas Artes d e S ã o Pa u l o , c u j a biblioteca é a primeira no Brasil a receber da ABNT e do INMETRO a certificação da norma ISO 9001:2000 pela excelência dos serviços prestados, lança no mês de maio seu projeto de expansão com a Biblioteca Infantil, concebida inteiramente por Eduarda Porto de Souza e com abertura prevista para 2012. O objetivo dos envolvidos é valorizar a infância e dar às crianças uma das mais importantes ferramentas de conscientização do mundo que as cercam. Para que as crianças possam ter a liberdade de buscar aquilo que as interessa – sejam livros, gibis, DVDs ou revistas – o projeto inclui uma equipe de funcionários treinados especialmente para atender a este público, além de espaço e mobiliário adaptados às diferentes necessidades, inclusive para crianças com deficiência. A intenção é criar um ambiente lúdico, um universo com referências ao alcance do seu público e que nele estimule o interesse pelas obras. A Biblioteca Infantil não oferecerá somente seu acervo, mas pretende ser uma experiência completa, inclusive sensorial, de mediação e com o mundo. Para isso, também contará com

eventos diversos, como leitura de livros, exposições, etc. Desde seu lançamento em 2010, editoras e parceiros ao redor do mundo vem fazendo doações, acreditando no poder do projeto de transformar a vida de inúmeros cidadãos brasileiros. Muitas das obras do acervo são resultado de uma vasta pesquisa de livros raros, como “A Galinha Preta”, escrito por Antoni Pogorelski para seu sobrinho, que ao crescer se tornaria um dos mais importantes escritores de sua época: Tolstoi. O objetivo é que a Biblioteca Infantil conte com mais de 20 mil obras na sua inauguração nos mais diversos idiomas. O Centro Universitário Belas Artes de São Paulo manterá a visita aberta ao público para consulta e fará gratuitamente cadastro de escolas associadas para que seus alunos possam emprestar obras. FA Ç A PA R T E D E S S A HISTÓRIA! Interessados em parcerias devem entrar em contado p e l o e m a i l bibliotecainfantil@belas artes.br. Quem quiser doar livros pode enviar às bibliotecas do Centro Universitário Belas Artes de São Paulo (rua Dr. Álvaro Alvim, 76 e rua José Antônio Coelho, 879, na Vila Mariana). Mensagens assinadas e datadas na folha de rosto são bem vindas e estimuladas. Livros que não estão em bom estado também são aceitos, e serão restaurados.


Março de 2012

· 07

LITORAL Salgado nesta vida, só o mar...

Foto:SHIF

Doce vida de surfista

SOM

GC INDICA CD

EPA

A curva da cintura Arnaldo Antunes, Edgard Scandurra e Toumani Diabaté

Roses Cramberries Beto pegando onda na Costa Rica Por BETO PATRÃO betoartedf@yahoo.com.br

algumas marcas 100% candangas. No momento em que tudo isso estava acontecendo a banda Natiroots explode no cenário nacional com uma musica que virou sucesso chamada Surfista do Lago Paranoá. Contagiado com todo esse movimento praiano em pleno cerrado, comecei a viajar para o litoral com o objetivo de aprender a surfar, só em 1998 durante uma viagem à Itacaré, no sul da Bahia, que eu realmente comecei a pegar onda. Essa experiência me fez ficar morando definitivamente no litoral, onde acabei virando artista plástico para me sustentar (www.betoarte.spaceblog. com.br) e aperfeiçoar minha performance sobre as ondas. Alguns anos depois, já com alguma experiência comecei a fazer minhas primeiras viagens explorando de norte a sul a costa brasileira, a fim de ampliar meu conhecimento, fazer novos amigos e surfar ondas diferentes. Não demorou muito e já estava

viajando para o exterior em busca das perfeitas ondas do pacifico. Peru, Panamá, Costa Rica, Nicarágua, El Salvador são alguns dos países em que encontrei ondas de alto nível. Sempre levo meu material de pintura o que me permite ganhar um dinheiro em qualquer lugar por onde eu passe. Pinto Paredes de restaurante, telas p decoração de casas e pousadas, sempre deixando minha marca... Surfar é uma experiência mágica onde se pode interagir com a natureza de uma forma especial. O verdadeiro surfista esta sempre em busca da onda perfeita, e como todo lugar tem uma temporada especifica essa busca é eterna e é isso que me move e me faz feliz...Surfe, arte e liberdade....Pura Vidaaa.

Foto:SHIF

Eu nasci no Gama, onde vivi os primeiros vinte anos da minha vida. Me chamo Roberto Gonzaga Patrão e tenho 33 anos. Sempre fui muito ligado aos esportes, dos muitos que pratiquei o Bicicross foi marcante na minha vida, foram 12 anos de dedicação e alguns títulos conquistado, entre eles o de campeão brasiliense. Mesmo sabendo que poderia ter uma boa carreira no Bicicross, alguma coisa sempre me chamou a atenção para outro esporte, o surf. Ainda que morando em Brasília, a 1200 quilômetros do litoral, eu sempre sonhei em pegar onda. Em 1994 com a ajuda da mídia, o surf começou a se alastrar fazendo com que a industria de surfwer (roupas e acessórios de surf) chegasse a lugares como Brasília, que apesar de não ter praia, é uma das cidades que mais consome produtos do gênero. Isso fez com que um grande numero de brasilienses não só absorvessem a moda surf como também admirassem o esporte e sua filosofia. Logo começaram a surgir as primeiras surfshops na capital federal e também

Depois de onze anos sem gravações originais, a banda irlandesa volta com um pop cheio de estilo, como de costume.

EXPOSIÇÃO Mestres da Gravura

Vai até o dia 22 de abril a exposição Mestres da Gravura, com 171 obras de quatro séculos de gravuras de artistas como Hogarth e Rembrandt. Sob a curadoria de F e r n a n d a Te r r a (realização da Fundação Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro) a mostra pode ser visitada de terça a domingo, das 10h às 19 horas no Museu Nacional dos Correios. Mais informações: 3426.2955 O novo Museu Nacional dos Correios fica no SCS Quadra 04

Titãs comemora 30 anos voltando aos palcos Os amantes do rock nacional do DF estão ansiosos para saber quando a nova turnê dos “Titãs” passa por aqui. Sim, os roqueiros voltaram aos palcos neste mês, com uma reapresentação do álbum “cabeça dinossauro” gravado em 1986 no estúdio “nas nuvens”, no Rio de Janeiro. No show a banda toca as 13 faixas do disco, entre elas algumas que se tornaram grandes hits do rock, como "AA UU", "Polícia", "Bichos Escrotos" e "Homem Primata". Não se trata de uma releitura do álbum, os arranjos serão originais e as músicas tocadas na sequência, também não haverão convidados especiais. O show faz parte das comemorações da banda por trinta anos de carreira, “cabeça dinossauro” é um dos melhores álbuns da banda e rendeu ao titãs seu primeiro disco de ouro, quando ultrapassou no mesmo ano de lançamento 40 mil cópias vendidas. Depois, o álbum se tornou disco de platina, pulando para 80 mil unidades.


08 ·

Março de 2012

GC

EXPOGAMA

30 de maio a 03 de junho de 2012 A Associação dos Criadores e Produtores Rurais do Gama realiza, a partir de 30 de maio, a VIII ExpoGama. Diversas atrações animam as noites, além da exposição de animais, de produções do agronegócio e de artesanato. A festa conta ainda com o concurso «Rainha do Rodeio», voltado para meninas que tenham entre 15 e 22 anos de idade. Mais informações no site oficial da E x p o G a m a : www.expogamarodeio. com.br

GC

GamaCULT FICHA TÉCNICA / EXPEDIENTE

O Jornal GamaCult é uma p u b l i c a ç ã o d e responsabilidade da agência Dois Eixos comunicação LTDA. Jornalista responsável: Renata Nogueira Batt MTB 7160 - DF Projeto, diagramação e redação: Dois Eixos comunicação. Gráfica: Primeira Impressão Tiragem: 10.000 exemplares Dois Eixos LTDA E n d e r e ç o p a r a correspondência: Quadra 29 Nº 92 Setor Leste - Gama / DF 72460-290 Evento:agenda@gamacult.com.br Anúncio: publicidade@gamacult.com.br Sugestões de reportagens e entrevistas: redacao@gamacult.com.br

***Conteúdos, artigos, anúncios e cartas são de inteira responsabilidade de seus autores.

MATERNIDADE E PATERNIDADE

PERSONAL STYLIST

Lugar de mãe é no cinema

Sabe quando você está com o guarda-roupa cheio e não encontra nada para vestir? Ou quando sai às compras e não encontra nada? Pois é, o personal stylist resolve todos esses problemas e ainda te dá dicas importantes... Já pensou em ter uma pessoa ao seu lado para dizer que roupa vestir e qual combina com você? O personal stylist é o profissional apto à analisar não apenas seu tipo físico, mais também seu estilo, e principalmente a sua rotina, ou seja, trabalho, hobbies, tempo que passa com a família, e definir assim um guarda-roupa que realmente combina com você, conseguindo transformar muita gata borralheira em princesa. O método de trabalho consiste em fazer uma avaliação do perfil do cliente, conhecer e organizar o guarda-roupa, sugerir combinações entre as peças existentes e ajudar a comprar novas. O trabalho age diretamente na melhoria da imagem do cliente, e afeta positivamente a autoestima. Quem utiliza uma vez a consultoria de um personal stylist não se arrepende, e hoje em dia não se trata de um luxo mas de uma necessidade, especialmente para pessoas que tem dificuldades em se vestir adequadamente, ou comprar corretamente. Os preços variam, o cliente pode contratar um pacote ou simplesmente utilizar a consultoria por um dia. Normalmente o contratante acaba aprendendo a conhecer melhor o que combina com seu estilo de vida. Uma das primeiras ações do Personal Stylist é conhecer e organizar o guarda-roupa, selecionei dicas especiais para você: Primeiro é preciso de tempo e disposição, pois você vai retirar

Deborah Trevisan Quem é mãe sabe da revolução que acontece na vida de quem acaba de ter um bebê. Choro, fraldas, amamentação a toda hora, noites e dias que se confundem. A mulher passa, nestes primeiros meses, a não ter mais vida própria, tudo gira em torno do bebê. Passeios sociais, culturais, são deixados, sempre, em um segundo plano. Quando Irene Nagashima, de São Paulo, teve seu primeiro filho, o Max, o que mais a incomodava era não poder ir ao cinema. Cinéfila de carteirinha, sofria muito pois ir com um bebê ao cinema rendia olhares “tortos” de quem não quer ter seu filme interrompido por choro e nem com uma mães tendo que sair desesperada para conseguir amamentar em um lugar mais claro, menos frio ou então ter que trocar uma fralda que ficou suja fora da hora. Mas Irene não se conformava em ter que deixar de fazer o que, até então, era uma de suas principais diversões, e junto com algumas amigas que sentiam a mesma dificuldade, conhecidas em uma lista de discussão na internet sobre maternidade, começaram a invadir uma sessão de cinema, em um horário no início da tarde quando não havia um público tão grande assim para reclamar. O que era uma informalidade, um encontro entre amigas começou a crescer e virou uma confraria de mães. Isto foi em 2008. A ideia deu tão certo que Irene e mais duas mães, Tais Viana e Alexandra Swerts, resolveram procurar o cinema para organizar oficialmente as sessões junto às redes de cinemas. As sessões ganharam nome: CineMaterna e as mães, seus bebês e apetrechos, puderam invadir as sessões de maneira um pouco mais tranqüila. O projeto virou Ong e depois uma Oscip. Ganhou também uma grande parceira: a Natura Mamãe e Bebê que possibilita que a cada mês uma nova sala de cinema receba as sessões. Hoje, 14 cidades fazem parte da CineMaterna: São Paulo. Santos, Santo André, Campinas, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte, Salvador, Curitiba, Recife,

Florianópolis, Fortaleza, Vitória e Brasília.. O lançamento por aqui foi há dois anos e as sessões acontecem regularmente, de quinze em quinze dias, sempre às terças, às 14h, na Cinemark do Pier 21. O programa também conta com uma sessão mensal aos sábados, às 11h. Entre uma mamada e outra, os bebês que ficam ainda só no colo revezam resmungos, gritinhos e boas cochiladas. Os maiores, que já querem o chão, dão um pouquinho mais de trabalho, mas quem frequenta as sessões garante: sentados ou andando atrás de bebês que começam a descobrir o mundo, a experiência é inesquecível. O diferencial das sessões do CineMaterna é que o ambiente é preparado para este público tão especial, com luzes ligeiramente acesas, trocadores na sala - o que faz toda a diferença - ar condicionado mais ameno e, é claro, a possibilidade de estar entre iguais. Mas não pense que com tanta criança as sessões são uma bagunça... Há até regras de etiqueta que costumam ser respeitadas: se o bebê se agitar e não quiser mamar, a mamãe deve sair para tomar ar e volte quando o bebê estiver mais calmo. O celular precisa ser desligado. Os brinquedos para os bebês se distrairem , devem ser sem luz e sem som e a foto de recordação, se for durante a sessão, tem que ser sem flash. Em respeito às normas de segurança das salas de cinema, os carrinhos de bebês são estacionados em locais apropriados para não bloquear corredores e saídas. O estacionamento de carrinhos. carinhosamente batizado assim, já virou uma atração à parte e já é famoso nas sessões. Outra cena comum é ver bebês pendurados nas mamães e papais, em slings, os carregadores de bebês, que, assim como o CineMaterna é uma maneira dos bebês ficarem pertinho, pertinho de seus cuidadores. E também é tradição em todas as cidades por onde passa o CineMaterna que depois de cada sessão as mamães se reunam em um café próximo às salas de cinema para fecharem com chave de ouro a tarde especial, um bate papo onde as mães aproveitam para trocar impressões, angústias, dúvidas, alegrias desta fase tão única e especial. Para quem ainda não foi, é só se cadastrar no site cinematerna.org.br para saber qual será a próxima sessão. Os filmes são sempre escolhidos por meio de enquete.

Por TATIANA ROSSINI tatiana.rossini@hotmail.com

tudo de dentro do guardaroupa e armários e provar em frente ao espelho para selecionar as peças em três categorias: 1ª - roupas que você não vai mais usar e que devem ser doadas 2ª - roupas que você vai reformar, encaminhar para a costureira 3ª - roupas que voltam para os cabides e gavetas Para armazenar as roupas utilize com método a estação do ano, se estiver num período de mais calor deixe as mais fresquinhas num lugar à mão e guarde as malhas e as de lã, no inverno inverta a posição das roupas. Depois disso, organize as roupas por ordem cromática, pela cor, começando com o branco seguido de tons médio, cores vivas e por último as estampas. É muito mais fácil pensar em combinações quando conseguimos visualizar o que temos dentro do nosso guarda-roupa, por isso pendure suas roupas por categorias, comece com as blusas, depois as camisas depois saias e calças. Blazers e paletós vem em seguida e por último os vestidos que, se forem muitos compridos, devem

ser dobrados ao meio. As roupas das gavetas e prateleiras também devem estar separadas por estação. Armazene as malhas e os tricôs em sacos individuais, facilitando a

«Quem utiliza uma vez a consultoria de um personal stylist não se arrepende, e hoje em dia não se trata de um luxo mas de uma necessidade, especialmente para pessoas que tem dificuldade em se vestir adequadamente, ou em comprar corretamente»

organização e acomodação. Os lenços e echarpes podem ocupar uma prateleira, mas se o espaço é pequeno pendure-os em algum lugar fora do guarda–roupa, pode até dar um colorido interessante para seu quarto, só tome cuidado com a bagunça. Separe as bolsas de acordo com o uso diário. Com os sapatos é a mesma coisa, organize de acordo com seu uso deixe sempre à vista. Prontinho, você vai perceber que agora ficará bem mais fácil se arrumar e ter novos looks!

Ed. Central - sala 713 - St Central - Gama (ao lado do BRB)

Vendas e Avaliação Gama e Santa Maria Tiramos habite-se Assessoria Jurídica

Telefones: (61) 3384-7611 / 9965-0505 www.jnogueiraimoveis.com.br jnogueiraimoveis@gmail.com


Criolina em Cine Tropical Com Alê Muniz e Luciana Simões – MA Data: 10 e 12 de Março, Sábado e segunda. Local: Bar do Calaf

CULT

AGENDA

Março de 2012

Mais Informações: Telefones: (61) 3327-0732 (Balaio Café) 3325-7408 (Bar do Calaf) Classificação: 18 anos.

Projeto oferece oficinas gratuitas

Junior Johns se apresenta em festa show Data: 17 de março Horário: 21 horas Local: Galpãozinho A Cia Lábios da Lua realiza, a partir de março, oficinas em diversas modalidades: teatro, canto, coral, violão, cinema, DJ e vídeo para web (internet). Gratuitas, as oficinas beneficiarão diretamente cerca de duzentas pessoas, que produzirão exercícios práticos e apresentações (espetáculos ou exposições) ao fim de cada oficina. Além disso a Companhia promoverá no decorrer do ano oito espetáculos teatrais, com duração de quatro dia cada um deles (de quinta a domingo) e entrada franca, e ainda dez 10 exposições de artes plásticas com vinte dias de duração cada uma delas.

Os ingressos custam R$ 10,00 e são limitados Mais informações: juniojohns@gmail.c om e pelo telefone: 8153-8618

Programação Oficina de DJ, com DJ Brother 10 vagas Cinema e vídeo pra Web, com Gleisson Cardozo 10 vagas Iniciação Teatral , com Jura Camilo 20 vagas Data: 17 de Março Local: Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade Atrações: Asa de Águia, Tomate e Psirico CAMAROTES ( OPEN BAR DE ÁGUA, REFRI,VODKA NACIONAL E CERVEJA) EVENTO 100% CAMISETA , 100% PALCO

EXPOSIÇÃO

*** As informações são de responsabilidade dos realizadores dos eventos

Violão Básico, com Gilmar Batista 10 vagas Iniciação ao Canto e Canto Genivaldo Gomes 40 vagas cada

Minuto do terror

Mais de quarenta artistas expõem sob a curadoria de Karla Osório Netto.

A edição 2012 do Festival do Minuto tem como temática o estilo «terror». Podem participar vídeos de um minuto gravados em qualquer formato: celular, animação, HD; desde que obedeçam à temática do terror.

Um dos destaques da exposição é a rampa de skate localizada no centro do salão.

As inscrições podem ser feitas até o dia 30 de junho e o vencedor ganha R$ 1.000,00.

A visitação tem entrada franca, de Terça a domingom das 9h às 19h. Indicação Livre. Mais informações: 3367-6303

Mais informações: www.festivaldominuto.com.br

DIVULGAÇÃO

coral, com Professor

Local de inscrição Quadra 04 lote 16 lojas 01/02 Comercial - Setor Sul Gama - DF Mais informações: 3384-7802 cialabiosdalua@yahoo.com.br

PELÍCULA

Arte Radical no Ecco O Espaço Cultural Contemporâneo expõe até 19 de abril uma mostra para quem curte cultura urbana.

Interpretação Teatral, com Wilton Oliveira 20 vagas

FEIRA

Bsb Mix Conhecida como uma das melhores feiras de moda e acessórios do DF, a BSB MIX acontece duas vezes em março: Dias 10 e 11 no Gilberto Salomão (Lago Sul) e dias 24 e 25 no Pontão do Lago Sul. A feira foi criada em 1996, conta com cerca de 80 expositores e costuma receber mais de dez mil consumidores em cada edição. O blog BsbMix também traz dicas. http://blog.bsbmix.com.br/


Março de 2012

BANDA ETNO

DESTAQUE cinema

Dia 07/03 Horário: 20hs Atração: ETNO + LIVE WIRE Local: O’Rilley Irish Pub, 409 sul. Discotecagem: ALF e GUSTAVO SÁ (PROGRAMA PDR – TRANSAMÉRICA) Indicação: 18 anos

ROCAN INTIMA

GC

Dia 08/03 Horário: 22h Local: Arena Futebol Clube Informações: 7819-4866 / 8111-4627 Convidados: - Banda Di Boresti - Lauro Farias (O Rappa) - Digão (Raimundos) - Marceleza (Maskavo) - Fernando Baía e Egypcio (Tihuana) - Alf (Rumbora) - Ahoto Skcrew (Calango Pensante) Circo Carioca com BLITZ E MELANINA CARIOCA Dia 09/03 Horário 22h Local: Clube do Servidor Informações: 3347-6763 – 3425-3300

Festa das Águas 2012 Dias 24 e 25 de março na Torre de TV, com entrada franca. Horário: 9h. Local: Torre de TV - Eixo Monumental Dia 24 de Março (MANJAHRO, DI BOREST, SURF SESSIONS, FAMÍLIA LIMA, RIO SAMBA’N ROLL, MUNDO LIVRE SA, BICHO DE PÉ) Dia 25 de Março (CHIMARRUTS, DETONAUTAS, RAIMUNDOS, HOMEM DE PEDRA, DUDU AIRE, MASKAVO, NAÇÃO ZUMBI

A primeira edição do Festival das Águas será na Concha Acústica do Lago Paranoá de 2 a 5 de junho em celebração ao Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho) e traz atrações como Alceu Valença, Zeca Baleiro, Jorge Aragão, CPM22, NX Zero, Titãs, Pitty, Skank, MV Bill, Ponto de Equilíbrio e Planta e Raiz com entrada franca. Serão três palcos: o Palco Principal, o Palco Alternativo e o Palco Feira Ambiental. O evento aborda a importância da educação ambiental e relaciona a música destas feras em quatro dias de intercâmbio e arte sintetizados em uma programação com atividades ambientais, culturais e esportivas. Shows musicais; exposição Oportunidades Ambientais Sustentabilidades, Emprego e Renda; esportes náuticos; balonismo; vôlei de praia; futevôlei; bungee Jumping; skate; motor bike; 8º Corrida “Volta ao Lago”; brinquedos infláveis; artistas de rua; apresentações circenses; oficinas; fóruns; seminários e conferências; praça de alimentação; pára-quedismo; show room; projeto educação ambiental “Mar de Brasília”. Modalidades Esportivas: Tr a v e s s i a d e N a t a ç ã o , Maratona de Canoagem, Festival Internacional de Jet s k y, w a k e b o a r d , p á r a quedismo, stand up, Wind surf, balonismo, futevôlei, vôlei de praia, 8º Corrida “Volta ao Lago”, frescobol, Bungee jumping, skate e bike. Serviço: Festival das Águas – Dia Nacional do Meio Ambiente Data: De 2 a 5 de junho de 2011 Local: Concha Acústica Entrada Franca Informações: (61)3532-6900/3535-8233

O filme se passa na Hollywood de 1927 e conta a história do astro de cinema George Valentin, que, enquanto se preocupa com o futuro de sua carreira com a chegada do cinema falado, se apaixona por Peppy Miller, uma jovem dançarina que busca o sucesso. Elenco: Jean Dujardin, Bérénice Bejo, John Goodman Direção: Michel Hazanavicius Gênero: Drama Duração: 100 min. Distribuidora: Paris Filmes Classificação: 12 Anos


Março de 2012

Nossas noites gamenses A flexibilidade inovadora e socioeconômicas da cidade do Gama traz novas perspectivas sonoras que relacionam cultura com eficiência econômica. Diante deste contexto algumas casas “culturais” e bares souberam se reinventar e assim têm se destacado a partir da criatividade, desenvolvendo uma economia que se move em função de atrativos musicais, p ro mo ve n d o a rti sta s e bandas do Gama ou de fora dele. Atualmente, a cidade vem passando por forte crescimento urbano e melhoria significativa na qualidade de vida. Neste rumo, um ótimo exemplo é a proposta de inovação acerca do potencial criativo do bar Bafafá Cultural Gama. Voltado para a turma do rock e da MPB, frente à sua realidade intercultural, buscando destacar suas atrações com banda e artista local ou não. O bar já virou ponto de encontro, nos finais de semana é comum ver os mesmos grupos de amigos dançando e se divertindo ao embalo das atrações, embora o bar ainda precise lutar constantemente para manter a proposta inicial da sua inauguração que é a de promover cultura e ser referência neste segmento na cidade. Criativa, a Villa Sertaneja não é exclusiva para os amantes do sertanejo, como direciona seu nome. A casa dispõe de uma variedade de atrações e um espaço amplo, prova disso é a programação das quintas-feiras, quando rolam rock e MPB de boa qualidade, atraindo jovens não apaixonados pela proposta inicial da casa, o sertanejo. Sua contribuição no mercado de casas que dispõe de musica ao vivo foi bem vinda pelo público, que até então contava apenas com Canecão, que em seu cardápio musical adere samba, pagode e o seu carrochefe, sertanejo. A casa tem sua rotatividade de público na mesmice, é fácil encontrar as mesmas pessoas por lá pelo menos duas ou três vezes no mês. Não, não é ponto de encontro, a casa concentra um número considerável de pessoas bonitas e com 'cash' para gastar, tendo em vista que a

choperia seleciona seu público pela bilheteria e cardápio ligeiramente salgado. A Choperia Empório Caseiro trouxe já em 2012 um dos músicos mais irreverentes dos anos 80, o cantor Ovelha, como parte de sua programação musical. A casa costuma receber um público familiar, suas atrações são inteiramente voltadas à MPB e pop rock, mas sem bandas, apenas voz e violão. A Empório aposta nesta linha musical, e suas noites caem na rede, ou melhor internet, já que fotos são postadas no facebook em tempo-quasereal.

Outra choperia, a Gamboa, aposta suas fichas nas duplas sertanejas e nos grupos de pagode aos domingos, junto com o futebol. O público é bem diversificado, mudando de dia para dia (de acordo com a sua atração). A Choperia é bem freqüentada pelos e amantes de um espaço mais reservado, bem decorado e aconchegante. Com mais de dez anos o Meu Bem Drink´s bar é a casa de forró mais antiga da cidade, dispõe de um espaço bem amplo e seguro para seus freqüentadores. O seu público alvo são pessoas que não gastam muito numa bilheteria, mas que não abrem mão de boas atrações estilo que da casa. Recentemente a galera do rock mais pesado ganhou uma casa pequena e forte, o Blood Brothers é referência na cidade quando se trata de Heavy Metal e Classic Rock. Sem espaço interno para apresentações de bandas, o bar organiza pelo menos uma vez por mês um evento no estilo da casa, em sua área externa. É o ponto de encontro de muitos motoqueiros. Não se pode esquecer o Galpãozinho , que não é um bar e nem casa noturna , mas definitivamente um dos espaço mais culturais do Gama ao se falar de música. Sempre rolam atrações interessantes, shows,

Por Zack Senna artista plástico e fotografo

projetos culturais, exposições e alguns direcionamentos de ações públicas e privadas capazes de promover melhorias sócio-políticas e econômicas para a cidade do Gama.

O Gama ainda está em desvantagem com as opções noturno-culturais como as de Taguatinga e do Plano Piloto, mas é notável o quanto os bares e casas noturnas gamenses vêm se adaptando e qualificando para oferecer o melhor, cativar mais público e clientela e vencer o descaso que a cidade (politicamente falando) ainda sofre. Uma cidade, estado ou nação, é construída por suas manifestações e realizações. Na ordem primária, a informação, a comunicação e a cultura andam de mãos dadas. Este imenso campo do saber e da atividade humana formam as representações ideológicas, os vínculos com nossa própria história; a trajetória coletiva é individualizada através dos seus acontecimentos. Não existiria regra se não houvesse quem a cumprisse, assim como não há civilização sem escrita e sem ações. O Gama precisa de uma política pública cultural incentivadora, para que os estabelecimentos que ofereçam entretenimento e invistam em cultura mantenham-se motivados, possam crescer, melhorar, e participar conseqüentemente do atual desenvolvimento urbano da cidade. Caso contrário, teremos de nos contentar com o “perfil” cultural vendido na maioria dos bares e casas noturnas da cidade, sem leis de incentivos e funcionando a base de projetinhos, até porque a população não quer só comer, também quer lazer digno.

18ª CAMINHADA DA PAZ A tradicional Caminha da Paz, realizada anualmente pelo Rotary Clube do Gama, teve sua décima oitava edição realizada no dia 04 de março. Centenas de pessoas participaram, entre autoridades como os deputados Patrício e Agaciel M a i a e o administrador regional do Gama interino Alan Valim. Pelo calçadão de caminhada os c a m i n h a n t e s realizaram algumas manifestações em favor da paz, contra a violência contra a m u l h e r, c o n t r a o preconceito racial e contra as drogas.

GDF lança licitação para trocar mais de 80% da frota de ônibus Empresas e consórcios têm até o dia 10 de abril para enviar propostas, resultado sai no mês de julho. O Governo do Distrito Federal lançou no dia 02 de março edital de licitação que substituirá quase 90% da frota de ônibus que compõem o transporte público no DF. Hoje cerca de quatro mil veículos compõem a frota atual, desses três mil e quinhentos devem ser substituídos por novos veículos. O sistema de licitação será dividido por áreas, são cinco regiões e cada uma será explorada por uma empresa ou consórcio, por dez anos renováveis pelo mesmo período. Mais informações de como participar e todo o edital podem ser encontrados no site da Secretaria de Transporte do GDF.

CLICHÊ com Lúcio Mauro Filho Datas: 16, 17 e 18 de março Sexta e Sábado às 21h. Domingo às 20h. Local: Teatro Nacional – Sala Villa Lobos Ingressos: R$60,00 (inteira) R$30,00 (meia) Informações: (61) 3225-6256 / 3225-6239 Não recomendado para menores de 14 anos.

Projeto Nada O Centro Cultural Banco do Brasil - CCBB - apresenta o projeto NADA, que discute a relação entre a palavra e a imagem a partir da obra do poeta Manoel de Barros. Curadoria: Adriano e Fernando Guimarães Telefone: (61) 3108-7600


· 12

Março de 2012

GCMix

Turma do Bem

Dentistas fazem trabalho social em favor de mais sorrisos REDAÇÃO GAMACULT redacao@gamacult.com.br

O nome parece até de um desenho animado, mas a Turma do Bem é na verdade uma ONG, criada a sete anos no Estado de São Paulo pelo dentista Fábio Bibancos, empreendedor social e fundador do Instituto Bibancos. Um dos seus projetos, chamado «Dentistas do Bem» tem como finalidade prestar

a s s i s tê n c i a odontológica gratuita à crianças e adolescentes, a partir de 11 anos de idade, que precisem de tratamento e que não possam custear o mesmo. Os profissionais de saúde bucal que participam do projeto "adotam" uma criança e cuidam de todo o tratamento da mesma até seus dezoito anos. Assim, se a criança assistida precisar de cirurgia-bucal, uso de aparelhos

ortodônticos ou qualquer outro procedimento relacionado à sua saúde bucal, aquele dentistaadotante é responsável pela execução e custeio do tratamento.

Turma do Bem explicando detalhes sobre o início do tratamento e até mesmo como agir com os assistidos e suas famílias. O objetivo do programa é a s s i s t i r o s adolescentes, favorecendo sua saúde bucal, inclusive estéticamente já que encontram-se numa faixa etária delicada, em que os mesmos estão mais atentos à v a i d a d e e s e aproximando do momento da busca pelo "Primeiro emprego". Também priorizamos c r i a n ç a s e adolescentes que tem casos bucais mais complicados.», explica a dentista.

O projeto acontece no Gama há cerca de dois anos e é coordenado pela dentista Roberta Nogueira Dalcól, que convidou dentistas da cidade para integrarem a equipe local da Turma do Bem. Roberta fez a pré-seleção de crianças moradoras da Ponte Alta Norte e em novembro de 2010 alguns dentistas toparam participar do projeto, eles receberam uma carta da

Sobre a Turma do Bem A Turma do Bem é uma OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) que coordena e viabiliza t r a t a m e n t o odontológico gratuito a jovens carentes. Dentistas voluntários trabalham em todo o Brasil e em mais nove países da América Latina e Europa. O projeto pretende mudar a percepção da sociedade quanto à importância da saúde bucal e ainda orientar a classe odontológica em relação ao impacto socioambiental de suas ações.

Estética Reabilitação Oral Implantodontia Dra. Roberta Nogueira Dra. Simone Broetto

PEDRO VENTURA

Telefone: 3042-3007 Quadra 01 Conjunto i Nº 415 Setor Norte - Gama

Para saber mais sobre a Turma do Bem, seus projeto e até descobrir se o seu dentista faz parte dessa equipe acesse o portal www.turmadobem.com .br

MUNDOWEB Sua empresa ainda não tem um site? Num mundo globalizado como o de hoje ter um site na internet não é mais um luxo para grandes marcas e grandes empresas mas sim uma necessidade para pequenas, médias e grandes empresas. Hoje em dia uma empresa que ainda não possua um site, um blog, um twitter ou algum perfil em uma rede social está ficando cada vez mais para trás. A internet hoje além de ser uma realidade é também a forma mais fácil e mais barata de se alcançar diversos tipos de públicos. Vamos pegar como exemplo a evolução dos outros dois principais meios de comunicação, o rádio levou 38 anos para atingir uma audiência de 50 milhões de pessoas, a TV levou 13 anos, enquanto a internet levou apenas 4 anos. Levando em consideração essas informações, será que vale a pena ter um site na internet? Será que eu terei algum retorno com um site? Será que investir em propaganda na internet vale a pena? Bom são essas perguntas que as vezes ficam na cabeça de um empresário ou uma pessoa que queira criar um site, e que as vezes não são respondidas de forma clara e objetiva. Agora não adianta apenas registrar um domínio, contratar uma empresa de hospedagem e contratar o sobrinho para fazer o site, é necessário ter um planejamento, verificar primeiro qual será o objetivo do seu site. ´Na construção de um site nós temos duas abordagens a serem seguidas: Na primeira a empresa usará o site como um meio, ou seja, o site será uma extensão da empresa, onde o cliente poderá obter informações sobre a empresa, conhecer os produtos ou os serviços prestados e aí decidir em ir a loja para comprar um produto ou contratar a empresa para prestar algum tipo de serviço. E a segunda abordagem é quando o site será um fim, onde o cliente poderá comprar um produto, se inscrever em um curso, ou contratar um serviço. E são coisas simples que influenciam na hora do resultado final. É nessa hora

Por LUCIANO CARVALHO

lm_carvalho@ yahoo.com.br que vale a pena contratar uma empresa séria para desenvolver o site, pois não é um site com apenas um visual bonito que lhe trará retorno, mas algumas coisas importantes como usabilidade, uso de ferramentas de marketing digital para dar destaque do site nos sites de busca como o Google, uso de Redes Sociais em conjunto com o site, entre outros detalhes. E por falar em Redes Sociais, essas sim estão cada vez mais presentes na vida do internauta, para você ter uma idéia 55 milhões de brasileiros fazem parte das redes e as empresas não podem ficar de fora dessas. Foi se o tempo em que o Orkut era coisa de adolescente que não tinha o que fazer. Para se ter uma idéia 85% dos internautas brasileiros possuem um perfil no Orkut, o Twitter cresceu mais de 1000% nos últimos dois anos, e o Facebook já está quase atingindo a mesma audiência do Facebook. Mas como uma empresa pode usar as Redes Sociais para divulgar a sua marca ou os seus produtos? Criando um perfil em uma das redes sociais a empresa já estará atingindo uma audiência enorme, no seu perfil a empresa poderá divulgar promoções, oferecer uma prévia de um lançamento de um produto novo no mercado, poderá interagir com os visitantes, pegando opiniões, vendo o que o cliente quer, o que ele está comentando sobre você e o mais importante espalhar a sua marca para o mundo. Levando em consideração que 70 milhões de brasileiros possuem internet, isso representa que a cada 3 brasileiros 1 possui internet e que esses brasileiros passam em média 23 horas por mês conectados, será que não vale a pena entrar nessa onda?


GamaCULT - Nº 07 - março de 2012