Issuu on Google+

AGENDA

1 de Dezembro de 2016

Esta Câmara já gastou mais de um milhão e meio em avenças com amigos, ou seja, paga a pessoas para pouco ou nada fazerem, mas tem o concelho de igual forma como o recebeu com uma agravante, cidadãos de lugares apagados e fossas a correr a céu aberto. Crime ambiental.

CORREIO DO LEITOR

Na travessa do Alto do Castelo em Abrunhosa do Mato, rebentou uma conduta de água a 5 de novembro. A população desta localidade e demais não tolera e não entende porque é que a Câmara demorou 2 semanas a vir arranjar esta conduta, quando existe uma bomba que por este motivo trabalhou constantemente sujeita a ser queimada, sendo uma despesa enorme na compra de outra desnecessáriamente, não falando da energia. Sr. Presidente da Câmara, proceda em conformidade para que esta despesa de água, luz e bomba não volte a acontecer, porque os serviços tinham conhecimento desta fuga.

Depois de noticiarmos na edição 695, sobre paralelos e alcatrão Mangualde passou a ser igual aos países desenvolvidos e já funcionários da Câmara Municipal andam pela cidade a tirar a vergonha dos remendos e colocarem alcatrão, vá lá, haja Deus.

Estrada sem moradores com luzes acesas e em outros lugares com moradores de sem luzes apagadas. Aqui se vê o desnorte do Presidente da Câmara Municipal

Aqui é Mangualde e o cidadão procura pelos passeios. Quando alguém morrer nesta situação, depois o Presidente da Câmara manda fazê-los

AGENDA FESTA DA IMACULADA CONCEIÇÃO MOURILHE 8 DE DEZEMBRO - 15h30 JANTAR DE NATAL DA PARÓQUIA DE MESQUITELA 10 DE DEZEMBRO ALMOÇO DE NATAL DA PARÓQUIA DE CUNHA BAIXA 11 DE DEZEMBRO

POR UM SORRISO (ENTREGA DE BRINQUEDOS) 2 A 16 DE DEZEMBRO ÁTRIO DA CMM FESTIVAL DE NATAL NAS PISCINAS MUNICIPAIS DE MANGUALDE 18 DE DEZEMBRO BRINQUEDOS ENCANTADOS, O MUSICAL (FESTA DE NATAL PARA AS CRIANÇAS) 15 E 16 DE DEZEMBRO

Mangualde – Três detidos por furto Militares do Núcleo de Investigação Criminal de Viseu detiveram no passado dia 17 de

novembro, em Mangualde, três homens com idades compreendidas entre os 19 e os 22 anos por furto em interior de residência. No âmbito da investigação, foi efetuada uma busca domiciliária e uma não domiciliária, que culminaram com a recuperação de diverso material de informática e de várias ferramentas elétricas furtadas. Os detidos foram presentes a tribunal. Eventuais lesados, poderão deslocar-se às instalações do Núcleo de Investigação Criminal de Viseu, em Estrada Nacional 16 – Ribeira de Mide – Abraveses 3519-002 Viseu, a fim de reconhecer o material agora recuperado.


697-16