Issuu on Google+

O Concessionarista

R e p r o d u ç ã o

Sindicato dos Empregados em Concessionárias e Distribuidoras de Veículos Automotores no Estado do RJ Edição 02 – fevereiro de 2013

Editorial Palavra do Presidente

JUSTIÇA CONFIRMA LEGALIDADE DE SISTEMA DE MONITORAMENTO DE ÁUDIO E VÍDEO DOS EXAMES PRÁTICOS DE DIREÇÃO

Cadê o seu “porquinho”? Está gordinho? Magrinho? Sumiu?

COMISSÃO APROVA AULAS EM SIMULADOR DE DIREÇÃO PARA QUEM QUER TIRAR CARTEIRA

Dalmo Malheiros Ramos Diretor – Presidente Pág.03

SINDCON-RJ Pág.02

Vendas de carros importados caem 31% em fevereiro de 2013

Carros mais vendidos em fevereiro de 2013

Pág.04

Pág.04 -06

TODAS AS IMAGENS DESTA EDIÇÃO SÃO REPRODUZIDAS

Espaço do leitor Já imaginou sua opinião publicada aqui? Você deseja enviar sugestões de matérias? Tem alguma dúvida ou algum assunto que gostaria de obter mais informações?

Envie um e-mail para: sindcon.rlk@terra.com.br Você poderá ter sua pergunta publicada e respondida na próxima edição!

E muito mais para você!


Editorial Palavra do Presidente

Cadê o seu “porquinho”? Está gordinho? Magrinho? Sumiu? Poupar... Economizar... Juntar... Essas palavrinhas nunca saem de moda e fazem parte do mundo ideal de qualquer ser humano. Separei algumas dicas, que não foram escritas por mim, mas, assim como me fizeram refletir, acredito que você também possa repensar o seu planejamento financeiro ou fazer um. Aproveite que ainda estamos no começo deste ano e dê um novo rumo ao seu dinheiro. Trace metas, controle-se... E... Engorde o seu porquinho... DICAS... Anote e tente fazer com que elas saiam do papel...

Dalmo Malheiros Ramos Diretor Presidente -SINDCON-RJ

1º) Decida-se, de verdade, a planejar sua vida financeira Para tornar essa empreitada mais saborosa, defina objetivos para esse esforço: aposentadoria, educação dos filhos, uma viagem espetacular, a compra da casa própria ou de um carro. Estabeleça as prioridades e prazos realistas para alcançar cada meta. 2º) Conheça as despesas e receitas de sua família Durante um mês anote rigorosamente todos os gastos e compare com os ganhos. Você vai se surpreender ao perceber quanto dinheiro está sendo desperdiçado. Lembre-se que, a partir de agora, cada centavo poupado vai deixá-lo mais próximo de alcançar seu objetivo. Por isso, não hesite em cortar pequenas despesas, como o aluguel de DVDs que ninguém assiste ou – coragem! – a cervejinha do fim de tarde. 3º) Faça (e agarre-se a ele) a um orçamento familiar Chame sua família a participar. Peça que façam sugestões de corte de gastos. Explique a necessidade de diminuir as despesas para que vocês construam uma poupança. Seduza-os contando o objetivo da tal poupança. Depois disso vai ficar muito mais fácil convencê-los a pensar duas, três, mil vezes, antes de adquirir um bem de consumo. Afinal, será que vocês realmente vão precisar dele? 4º) Livre-se das dívidas Os juros que você paga no cheque especial ou no crédito direto ao consumidor podem virar receita se, em vez de consumir, você aplicar o dinheiro para comprar à vista mais adiante. 5º) Todo mês reserve parte de sua renda para investimento Antes de fazer qualquer despesa, aplique o dinheiro. Guarde parte do 13° salário, para iniciar ou reforçar a poupança. 6º) Não seja ávido demais Não tente compensar de um dia para o outro anos e anos de gastança. Use a cabeça. Nem sempre a aplicação que oferece maior rendimento é a melhor para você. Lembre-se que quanto maior a chance de lucro, maiores também são os riscos. Portanto, seja sensato e avalie, cuidadosamente, a liquidez, rentabilidade e segurança da aplicação. 7º) Procure instituições financeiras de comprovada idoneidade Fuja daquelas que prometem lucros extraordinários em curto espaço de tempo. Milagres financeiros simplesmente não existem. Autora: Cássia D’Aquino – consultora financeira Disponível em: http://queroficarrico.com/blog/2008/12/24/como-poupar-dinheiro/


JUSTIÇA CONFIRMA LEGALIDADE DE SISTEMA DE MONITORAMENTO DE ÁUDIO E VÍDEO DOS EXAMES PRÁTICOS DE DIREÇÃO 20.02.22013

Foram julgados improcedentes pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro os pedidos de autoescolas que pretendiam afastar a aplicação da Portaria Pres-Detran/RJ nº 4.275/2012, que institui o sistema de monitoramento de áudio e vídeo dos exames práticos de direção veicular. Prevaleceu o entendimento de que o sistema serve para dar maior eficácia na aplicação dos exames práticos, em total consonância com os princípios constitucionais da moralidade e eficiência. Além disso, observou-se que o monitoramento por áudio e vídeo é uma atitude louvável e permite garantir maior higidez em todo o procedimento, tornando transparente todos os exames práticos de direção realizados. Fonte: www.detran.rj.gov.br

Comissão aprova aulas em simulador de direção para quem quer tirar carteira Conforme a proposta (PL 4449/12), do deputado Mauro Lopes (PMDB-MG), essas aulas serão ministradas antes do início das aulas de direção em via pública A Comissão de Viação e Transportes da Câmara aprovou proposta que estabelece a obrigatoriedade de aulas em simulador de direção para quem deseja tirar a carteira de motorista. Conforme a proposta (PL 4449/12), do deputado Mauro Lopes (PMDB-MG), essas aulas serão ministradas antes do início das aulas de direção em via pública. O relator, deputado Edinho Araújo (PMDB-SP), recomendou a aprovação da matéria. "Trata-se de ferramenta de imenso valor para auxiliar o aprendizado ao volante. O principiante pode experimentar vivências virtuais, inclusive de situações perigosas, que o capacitarão a melhor agir durante as aulas de prática de direção na via pública, provendo mais segurança ao aprendiz", avaliou o relator. O projeto foi aprovado com emenda que altera termos empregados, sem alterar o conteúdo do texto. Assim, conforme a proposta aprovada, caberá ao Conselho Nacional de Trânsito (Contran) definir a carga horária mínima a ser cumprida no simulador para obtenção da autorização para conduzir ciclomotores, da permissão para dirigir e da mudança de categoria da Carteira Nacional de Habilitação. O Contran deverá ainda definir os requisitos técnicos mínimos necessários à homologação de simulador de direção. A proposta acrescenta a medida ao Código de Trânsito Brasileiro (Lei 9.503/97). Se for aprovada, a lei entrará em vigor 180 dias após sua publicação. Tramitação O projeto tramita em caráter conclusivo e ainda será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. Caráter conclusivo é o rito de tramitação pelo qual o projeto é votado apenas pelas comissões designadas para analisá-lo, dispensada a deliberação do Plenário. O projeto perde o caráter conclusivo se houver decisão divergente entre as comissões ou se, independentemente de ser aprovado ou rejeitado, houver recurso assinado por 51 deputados para a apreciação da matéria no Plenário. Fonte: http://revista.pensecarros.com.br/especial/sc/editorial-veiculos/19,521,4093390,Comissao-aprovaaulas-em-simulador-de-direcao-para-quem-quer-tirar-carteira.html


Vendas de carros importados caem 31% em fevereiro de 2013 A queda em fevereiro, segundo a Associação Brasileira das Empresas Importadoras de Veículos Automotores (Abeiva), pode ser explicada pelo menor número de dias úteis A quantidade de carros importados vendidos no país em fevereiro de 2013 totalizou 7,18 mil unidades, 31,1% a menos do que o registrado no mesmo mês de 2012 do e 16,7% inferior à quantidade comercializada em janeiro de 2013. Os dados, divulgados nesta segunda-feira, 18 de março de 2013, são da Associação Brasileira das Empresas Importadoras de Veículos Automotores (Abeiva). A queda em fevereiro, segundo a entidade, pode ser explicada pelo menor número de dias úteis. "Podemos observar que apesar das vendas de fevereiro terem sido menores que as de janeiro de 2013 nos volumes totais, nossas médias diárias de emplacamentos subiram de 392 unidades por dia para 399 unidades por dia, ou seja, uma pequena reação de 1,8%", destacou o presidente da Abeiva, Flavio Padovan. No acumulado do primeiro bimestre de 2013, foram vendidas 15,8 mil unidades, redução de 27,5% ante igual período de 2012. "As cotas do Inovar-Auto [Programa de Incentivo à Inovação Tecnológica e Adensamento da Cadeia Produtiva de Veículos Automotores] aos veículos importados, que isentam os 30 pontos percentuais até o teto máximo de 4,8 mil unidades por ano deverão mostrar resultados mais favoráveis aos importadores, a partir de suas utilizações neste primeiro trimestre do ano", avaliou Padovan. Fonte: http://revista.pensecarros.com.br/especial/sc/editorial-veiculos/19,521,4079290,Vendas-de-carrosimportados-caem-31-em-fevereiro-de-2013.html

Carros mais vendidos em fevereiro de 2013 O ano começou bem para os novatos HB20 e Onix, que já estão na quarta e quinta posição do ranking de carros mais vendidos no país. Com exceção do aumento de vendas desses dois carros, o ranking dos mais comercializados traz um cenário bastante familiar. O Volkswagen Gol G4/G5 foi mais uma vez o grande campeão do mês. Com 15.715 unidades vendidas em fevereiro, o compacto da Volks continua sendo a maior preferência do brasileiro no momento de compra de carro. Em seguida, temos o Fiat Palio com 13.131 carros vendidos e o Uno com 11.109. Na quarta posição, o Hyundai HB20 surpreende com 10.179 unidades comercializadas no segundo mês do ano, seguido do Chevrolet Onix, em quinto, com 9.037 automóveis vendidos. Com a subida das novidades HB20 e Onix, quem perdeu lugar no ranking de mais vendidos foi o Volkswagen Fox/CrossFox. Durante todo o último mês foram 7.758 unidades vendidas. Para completar a lista, temos o Siena (6.820 carros vendidos), Celta (caindo para 5.421), Voyage (6.146) e Classic (4.581). Entretanto, o fechamento do ranking não mostra toda história por trás das vendas do último mês. Segundo análise de Car.blog.br , as mudanças pelas quais o mercado brasileiro de carros está passando ficam mais claras quando observamos as vendas quinzenais de cada modelo:


Imagem: Car.blog.br | Vendas quinzenais de automóveis Na última quinzena de fevereiro, vemos que o HB20 vendeu apenas 48 unidades a menos que o já tradicional Fiat Palio e apenas 25 unidades a menos que o Fiat Uno. Se a tendência observada se mantiver, o HB20 da Hyundai vai superar ambos os carros mais vendidos da Fiat e, assim, conquistar a posição de segundo carro mais vendido do Brasil. Sob uma análise mais profunda, é possível notar que tanto a situação dos carros da Fiat quanto do hatch compacto da Volkswagen não são das melhores. As vendas do Gol na segunda quinzena de fevereiro despencaram 47% em relação à primeira, enquanto que as vendas do Palio e do Uno caíram 54% e 41% respectivamente. Já a Chevrolet viu as vendas do seu Onix caírem 50% na segunda quinzena de fevereiro quando comparada com a primeira. O destaque fica para o HB20, que caiu “apenas” 36%, provando que o mercado inteiro caiu, mas o menor recuo do carro da Hyundai mostra que houve conquista de mercado. 20 carros mais vendidos – Fevereiro de 2013 1º VW Gol 15.715 2º Fiat Palio 13.131 3º Fiat Uno 11.109 4º Hyundai HB20 10.179 5º Chevrolet Onix 9.037 6º VW Fox / Cross Fox 8.595 7º Fiat Siena 6.820


8º VW Voyage 6.146 9º Ford Fiesta 5.550 10º Chevrolet Celta 5.421 11º Chevrolet Corsa Sedan 4.581 12º Renault Sandero 4.512 13º Honda Civic 3.978 14º Chevrolet Cobalt 3.852 15º Fiat Punto 3.313 16º Ford Ka 3.174 17º Toyota Corolla 3.038 18º Honda Fit 3.009 19º Citröen C3 2.651 20º Chevrolet Spin 2.456 20 comerciais leves mais vendidos – Fevereiro de 2013 1º Fiat Strada 8.220 2º VW Saveiro 4.990 3º Ford Ecosport 4.234 4º Chevrolet S10 3.748 5º Chevrolet Montana 2.902 6º Toyota Hilux 2.237 7º VW Kombi 1.657 8º Ford Ranger 1.615 9º VW Amarok 1.505 10º Hyundai Tucson 1.303


11º Mitsubishi L200 1.275 12º Renault Duster 1.232 13º Mitsubishi Pajero 1.103 14º Hyundai Ix35 915 15º Fiat Ducato 871 16º Fiat Fiorino 862 17º Nissan Frontier 822 18º Renault Master 790 19º Kia Sportage 746 20º Toyota Hilux SW4 914

Por que esta notícia é importante? O brasileiro tem uma relação muito singular com os carros. Muitos os veem como bens posicionais, enquanto que para outros a ideia é realmente ter conforto e ser apenas um meio de transporte. Observar a mudança no mercado, com a chegada de modelos mais modernos e sua consequente aceitação pela população reforça o desejo por novidades. O fundamental, cabe reforçar, é sempre realizar a compra de forma consciente e tendo em mente a cara estrutura de preços dos carros no Brasil. Educação financeira é importante para que o sonho de ter um carro zero não se transforme no pesadelo de não conseguir mantê-lo. Concorda? Fontes: Car.blog.br / R7. Foto de freedigitalphotos.net. Disponível em: fevereiro-2013/

http://dinheirama.com/blog/2013/03/04/carros-mais-vendidos-


Jornal do Sindcon Fevereiro