Page 1


Comunidade em ação MÊS MARIANO Fiéis se reúnem para homenagear Nossa Senhora

Paróquia Santuário São Judas Tadeu Diocese de São José do Rio Preto

Às quartas-feiras, sob a orientação do padre Luiz Caputo, aconteceu a meditação dos Mistérios do Terço. Encontros continuarão a ser realizados todas as semanas.

Você vai ler... 03

Dom Tomé: “Odiar o pecado, não o pecador”

04

Pe. Luiz Caputo: Cidadão de São José do Rio Preto

06

Programação Pastoral para o mês de Junho

08

Igreja em Notícia: acompanhe a caminhada da Comunidade

10

Festa das Nações: um evento com sabor de solidariedade

Nossa Senhora também foi destacada aos sábados, nas Missas pelas Vocações. Famílias conduziram a imagem de Maria ao Altar. A Consagração foi realizada.

Em sintonia com Nossa Senhora de Fátima, os fiéis se reuniram na Praça da UBS da Vila Elvira. O momento de oração foi um sinal público de confiança na intercessão de Maria.

VOZ NO CAMINHO | Diretor Geral: Pe. Luiz Caputo | Jornalista Responsável: André Botelho - MTB 43.468 / SP Fundador: Pe. Bonomi Lodovico | Colaboradores: Dom Tomé Ferreira da Silva, Pe. Luiz Caputo e Renaldo Augusto Vieira | Paróquia Santuário São Judas Tadeu (Diocese de São José do Rio Preto) Rua José Bonifácio, 1598 - Jardim Roseiral - CEP 15070-400 - São José do Rio Preto - SP - Fone (17) 3215-9201 | paroquiasjt@hotmail.com | Tiragem: 1.500 exemplares

02 Voz no Caminho | Santuário São Judas (S. J. Rio Preto)

 Incertezas são encontradas por todo lado, de toda natureza e com profundidades diversas, provocando múltiplas consequências na sociedade e na vida de fé dos cidadãos e singularmente nos Cristãos Católicos Apostólicos Romanos. Vivemos uma diáspora de mentiras e interpretações falsas de fatos, ou pseudo-fatos, que geram confusão, insegurança e medo, comprometendo o presente e o futuro da sociedade e da Igreja. É neste contexto, com escuras nuvens, que celebramos o Mistério Pascal de Nosso Senhor Jesus Cristo, glorificado pela cruz e ressurreição.  Celebrar a glorificação de Nosso Senhor Jesus Cristo, pela sua morte na cruz e ressurreição, é reafirmar nosso sim cotidiano à vida plena, esta e a eterna, à verdade, que para nós é uma pessoa, à caridade, que se traduz em fraternidade e solidariedade. Contemplar Cristo Ressuscitado é tomar fôlego na fé para seguir adiante, apesar dos

instrumentos do mal. Devemos odiar o pecado, mas não o pecador, este deve ser corrigido, conforme o Evangelho, e reconhecido como pecador arrependido ser acolhido e reinserido em nossas igrejas e sociedade. Toda pessoa humana é recuperável, não devemos desistir de nenhuma, pois a graça salvadora de Deus em Nosso Senhor Jesus Cristo é vencedora e não vencida.  Em Cristo Ressuscitado, verdade e vida, devemos repelir as fake news, desconsiderar os boatos, as interpretações sensacionalistas que detonam as pessoas e suas famílias, que travam o dia a dia da sociedade na economia, na política e nas mais diversas dimensões constitutivas da sociedade. É preciso separar o joio do trigo, distinguir o bem e o mal, informar-se com critério sobre os fatos, em fontes fidedignas, ser capaz de emitir juízo crítico e sensato e não acolher as interpretações ideologizadas e tendenciosas que pululam por todos os lados, não

"Devemos odiar o pecado, mas não o pecador." percalços, ainda que a passos curtos, lutando contra o mal e a morte, frutos do pecado, hoje enraizado não só nas pessoas, mas também na sociedade e nas suas estruturas.  Em Nosso Senhor Jesus Cristo, crucificado e ressuscitado, não somos escravos do pecado, podemos com liberdade dizer não a ele e contribuir decisivamente para desmantelar o mal e a morte, em todas as suas manifestações, mesmo quando se apresentam disfarçados de falsa verdade e duvidosa bondade. A glória do Ressuscitado tem força própria, irradia por si só, pode e deve, com nossa adesão e ação, alastrar seus tentáculos por todas as pessoas, esferas e estruturas da Igreja e da sociedade.  No espírito da vida nova em Cristo, compreendemos que nenhuma pessoa é perfeita, mas nem todas são endemoninhadas e agem como

funde suas convicções a partir de um único meio de comunicação. A verdade de alguns pode não ser a verdade de fato. Quantos homens públicos estão sendo mortos antecipadamente sem a chance de aguardarem o florescer da justiça e da caridade? Para nós cristãos a caridade não dispensa a justiça, mas também a caridade supera a justiça.  Sejamos permeáveis à glória de Cristo Ressuscitado! Acreditemos na pessoa humana e nas nossas boas instituições que dão solidez ao Brasil e à Igreja Católica Apostólica Romana. Cultivemos uma esperança ativa. 

Amanhã será melhor! Amplexo e todo bem! + Tomé Ferreira da Silva Bispo Diocesano de São José do Rio Preto/SP Voz no Caminho | Santuário São Judas (S. J. Rio Preto) 03


IGREJA EM NOTÍCIA

Dizimistas Aniversariantes de JUNHo

SANTUÁRIO SERVIÇO SOCIAL DIOCESE VATICANO

Adolescentes preparados por Catequistas da Comunidade do Santuário São Judas Tadeu fizeram a sua Primeira Comunhão no domingo, 29 de abril. No contexto da alegria do Tempo Pascal, o padre Luiz Caputo presidiu a Eucaristia.

27 | ABR

04 | MAI

05 | MAI

06 | MAI

07 | MAI

09 | MAI

Marileila Garcia, acompanhada de seu esposo, visitou o Serviço Social São Judas Tadeu. Residindo atualmente nos Estados Unidos, ela se recordou dos primeiros anos da Entidade; época em que ainda aluna do Colégio Santo André, atuava como voluntária junto ao padre Ângelo Dell'Oro. O Apostolado da Oração se reuniu na primeira sexta-feira de Maio. O Grupo, sob a coordenação de Gil Jericó e Cida Andrade, participou da reunião mensal; rezando – em especial – pelas intenções do Papa Francisco. O Pe. Luiz Caputo se reuniu com a Equipe de Coordenação de Pastoral. O Grupo assumiu a missão de atualizar a formação catequética a partir do Documento 107, sobre a Iniciação à Vida Cristã. Também foi apresentado o cronograma de encontros em preparação aos 90 anos da Diocese de São José do Rio Preto. Catequistas do São Judas prepararam uma Manhã de Vivência para os Adolescentes que serão crismados no dia 8 de Junho. Durante o encontro, junto com a Comunidade, os Crismandos participaram da Missa; onde foram renovadas as Promessas do Batismo. O pessoal da Barraca Árabe, da Festa das Nações, colocou as panelas no fogo mais cedo esse ano; tudo para aumentar a quantidade de pratos a serem servidos. O Grupo também oferecerá novidades no cardápio. A Diocese de São José do Rio Preto realizou, à luz da Campanha da Fraternidade 2018, o 1º Simpósio de Segurança Pública. Cerca de 300 pessoas participaram da iniciativa. Dom Tomé Ferreira da Silva, bispo de São José do Rio Preto, acolheu os expositores do tema “Fraternidade e Violência”.

08 Voz no Caminho | Santuário São Judas (S. J. Rio Preto)

11 | MAI

12 | MAI

13 | MAI

13 | MAI

15 | MAI

20 | MAI

O padre Luiz Caputo criou o “Núcleo de Artes” do Serviço Social São Judas Tadeu ao aproximar três educadores e seus diversos talentos. O Grupo nasce com um desafio: preparar uma apresentação para o encerramento das atividades em 2018. A Pastoral do Batismo ofereceu formação aos pais e padrinhos de crianças que serão batizadas na Comunidade. O casal Carlos Alberto de Oliveira, candidato ao Diaconato Permanente, e Suzet, dialogaram com os presentes.

01 Lilian Galviolli dos Santos Rosimeiri T. Gonçalves Ramos 02 Antonio Carlos Cucolo Queila Aparecida da Silva 03 Regina Elza Guidotti Quirino Mari Lucia dos Santos Luciane Molina 04 Kleber dos Reis Delbone Maria Pia Giancristofano 05 João Bosco Quirino Espíndola Elidio Melegati Rita de C. Ferreira Mioranci 06 Maria de Lurdes Fernandes Garcia Adneu Ramin Aparecida Sassoli Bongiovani Antonio Tadashi Takemoto 07 Adriana Ap. da Silva Carvalhaes 08 Aparecida Donizeti M. Cassilhas Joel Botelho Maria Alice Muller Fabiano Modesto de Oliveira 09 Alzira de Oliveira e Silva Luiz Antonio Scandelai Junior Correa 10 Nadir Aparecida Tabarini Alves

Irma Vansan Fernandes 11 Ana Claudia Martos Permagnani Débora Raquel Conti da Silva Marta de Cassia Pascoal 13 Antonio Donizete Barrientos Antonia Aparecida Costa Campos Ismair Oliveira Lima 14 Cristiane Isilda Molina Bazerla 15 Aparecido Felício Sonia Antonieta G. S. Ferreira Carlos Antonio Moraes Marossi Marilu Zulmira Camargo 16 Maria Terezinha K. Sanches 17 Rafael Brites Martins 18 José Valeretto 19 Marciano Alves Vieira Antonia de Freitas Rodrigues Eva Aparecida dos Reis Camargo 20 Walter Afini Rosangela da Cruz Pereira Gleice Carla de Paula Favaron 21 Agda Maria Segantini Garbellini Sayoko Minami Morita Maria Orminda Ortiz Osvaldo Mamoru Morita

23 Aparecida da Silva Paranhos José Modesto Calsavara Ivan José Linhares Célia Cristina Desidério Marco Aurélio Hortencio 24 Alberto João de Queiroz 25 João Aparecido Carvalhaes 26 Maria Amélia Marques Pedro Maria Luzia Vilela Vicente Arlete Jane Ferreira Maria Vila Melegati Danilo Mantovani Junior Waldemar Alves de Souza 27 Joaquim Benedito Maniezo Marcela Camargo M. Carvalho Dezuita Ramos Santana Evandre Regina R. I. de Oliveira 28 Nilda Ferreira Melchiori 29 Luiz Carlos da Silva Francisca Parra Melegatti Ivonete Souza da Silva Elza Xavier Constância Pierina Araujo B. Bueno 30 Dejalma Vila Boas

O padre Luiz Caputo destacou os Meios de Comunicação Social na Solenidade da Ascensão do Senhor. Toda a comunicação visual da Comunidade foi atualizada, assumindo uma linguagem mais próxima da “instantaneidade” das Redes Sociais. As Mães foram homenageadas no segundo domingo de Maio; naquela ocasião a partir da figura de Nossa Senhora de Fátima. Os fiéis recordaram os 101 anos da manifestação da Mãe de Deus em Portugal. Marcelo Abrahão Bonan, Gestor Comercial do Grupo Diário da Região, recebeu o padre Luiz Caputo e Junior Villanova. A 24ª edição da Festa das Nações foi o tema do diálogo. A parceria será fortalecida a partir de novas ações. O Papa Francisco nomeou 14 novos Cardeais. O Consistório acontecerá no dia 29 de Junho. “A integração dos novos cardeais na Igreja de Roma manifesta também a relação indissolúvel entre a Sé de Pedro e as Igrejas particulares espalhadas nos mundo”, disse o Papa.

Liturgia: a vida celebrada!  Planejamento e formação foram os “pilares” das ações da Pastoral da Liturgia da Comunidade do Santuário São Judas Tadeu durante o mês de Maio. Em diálogo com as lideranças, o padre Luiz Caputo estabeleceu metas que, na sequência do ano, serão efetivadas.  Uma, em especial, merece destaque: serão adotados, a partir de Agosto, os subsídios litúrgicos orientados pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. O material está em plena sintonia com as orientações da Comissão de Liturgia da CNBB.

 Ainda durante o período, foi acertada a instituição da figura do “animador de celebrações” e a reformulação da Equipe responsável pelos Arranjos Celebrativos da Comunidade (foto). Em reunião com a Pastoral da Liturgia, sob a coordenação de Daniela Cavina Branco, Maria Inês Baffi e Marilu Camargo, ficou acertada a realização de um encontro de formação com Leitores, membros dos Ministérios de Música e Cruciferários. “É preciso criar uma unidade entre todos aqueles que estão a serviço nas Celebrações”, sintetizou o padre Luiz Caputo. Voz no Caminho | Santuário São Judas (S. J. Rio Preto) 09


24

i

Profile for Rede Santuário

Voz no Caminho (Junho / 2018)  

A edição de junho da Revista Voz no Caminho apresenta um guia completo da Festa das Nações. O "evento com sabor de solidariedade" tem renda...

Voz no Caminho (Junho / 2018)  

A edição de junho da Revista Voz no Caminho apresenta um guia completo da Festa das Nações. O "evento com sabor de solidariedade" tem renda...

Advertisement