Page 36

a vida é bela Por Kevin Werder.

A Vida é Bela e o filme também! O filme A Vida é Bela, mostra a difícil tarefa de um pai que basicamente fará seu filho não enxergue a maldade vivida ao seu redor durante o holocausto na segunda guerra mundial (1939- 1945). Basicamente o filme é divido em duas partes: Vida simples e alegre no começo do filme e ao decorrer mostra o lado dos campos de concentração. Em Toscana, Itália, (Roberto Benigni) interpreta Guido, um judeu simpático e criativo que recentemente chega a cidade. Novo na cidade de Toscana, Guido conhece a professora Dora (Nicoletta Braschi) e por ela se apaixona, porém, Dora, está prestes a se casar com funcionário da cidade. Por ser bastante obstinado e criativo, Guido não mede esforços para ficar próximo à Dora e tentar conquistá-la. Posteriormente Guido, acaba conquistando o coração de Dora, e um filho nasce desta relação, o pequeno Giosuè (Giorgio Cantarini). Ao decorrer da trama percebemos que muitos judeus não têm permissão de entrar em alguns comércios da cidade, os direitos e acessos aos judeus são limitados e progressivos. Guido é dono de uma pequena livraria, e até certo momento vive uma vida tranquila e alegre com sua família. Certo dia militares adentram em sua loja e acabam levando Guido e seu filho Giosuè para um campo de concentração nazista. 36

Revista Código #7 | 2019 | Univeridade Cruzeiro do Sul | www.codigo.inf.br

Profile for Rede Código

Revista Código #7 - Jan/2019  

Edição Especial - Filmes e Séries

Revista Código #7 - Jan/2019  

Edição Especial - Filmes e Séries

Advertisement