Issuu on Google+

CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:50 Page 1

Lista Europeia de Categorias Padronizadas relativas a Papel e Cartão para Reciclar Guia de Orientação relativo à

EN 643 revista Revisão 2013 3|


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:51 Page 2

Cont

Objetivo

Nova ter

Definiçõ

Papel e

Materia

Materia

Papel e

Papel e

Requisito

Requisito

Trituraçã

Listas de Grupo Grupo Grupo

Grupo 4 Grupo

Anexo: T de 2002

© Todos os direitos reservados. CEPI 2013


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:52 Page 1

Conteúdo Objetivo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3 Nova terminologia . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3 Definições . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3 Papel e cartão para reciclar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3 Materiais proibidos. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4 Material indesejado (materiais para deitar fora) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4 Papel e cartão não conformes à definição da categoria. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4 Papel e cartão prejudiciais à produção. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5 Requisitos gerais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5 Requisitos específicos para categorias de destintagem . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6 Trituração . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6 Listas de categorias . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6 Grupo 1. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8 Grupo 2. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9 Grupo 3. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10 Grupo 4. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10 Grupo 5 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11 Anexo: Tabela com as diferenças entre as versões de 2002 e 2013 da EN 643, por Categoria. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 13


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:52 Page 2

Lista relat Obje

A EN 64 Reciclar do seu re

O prese vendedo 2002 par propagaรง

Nova

O termo para sali de papel similar a 2011-201

1 2

www.cen www.pap


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:52 Page 3

Lista Europeia de Categorias Padronizadas relativas a Papel e Cartão para Reciclar Objetivo A EN 643 é a lista Europeia de Categorias Padronizadas relativas a Papel e Cartão para Reciclar e foi revista em 2013. As partes interessadas deverão requerer a EN 643 através do seu respetivo organismo nacional de normalização.1 O presente documento de orientação foi criado para aconselhar os compradores e vendedores de papel para reciclar relativamente às alterações à EN 643, da sua versão de 2002 para a versão revista de 2013. Este documento deverá auxiliar o mercado e facilitar a propagação da EN 643 revista.

Nova terminologia O termo Papel e Cartão Recuperado foi substituído pelo termo Papel e Cartão para Reciclar, para salientar o uso pretendido desta matéria-prima secundária apenas para a reciclagem de papel. Além disso, o Conselho Europeu de Papel Recuperado também alterou de forma similar a sua terminologia, nos termos da nova Declaração sobre Reciclagem de Papel 2011-2015.2

1 2

www.cen.eu www.paperforrecycling.eu/publications/erpc-publications

3|


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:52 Page 4

Definições

Papel

Papel e cartão para reciclar

O papel forma: q específic deverão 643 ou p

O termo papel e cartão para reciclar é definido como “fibra natural baseada em papel e cartão adequados para reciclagem; consistindo em papel e cartão com qualquer forma ou num produto essencialmente feito de papel ou cartão, que poderá conter outros constituintes não removíveis através de triagem seca, tais como revestimentos, laminados, encadernações em espiral, etc.”

Papel Materiais proibidos A EN 643 revista define materiais proibidos como “quaisquer materiais que representem um perigo para a saúde, a segurança e o ambiente, tais como resíduos de índole médica, produtos de higiene pessoal contaminados, resíduos perigosos, resíduos orgânicos, incluindo géneros alimentícios, betume, pós tóxicos e materiais similares.”

Contrariamente aos materiais indesejados, para os quais foram introduzidos níveis máximos de tolerância, os materiais proibidos não são de todo permitidos. A sua presença deverá ser diretamente notificada ao fornecedor e a carga devolvida.

A definiç destinad consider

Requ

Existe ag de Identi cação do papel. O fábricas de papel no site: w

Neste sit códigos

Material indesejado (materiais para deitar fora)

A EN6 mater de um contid ser ac

A EN não é

A EN6 não a os dif deitar

O material indesejado (materiais para deitar fora) significa “material não apropriado para a produção de papel e cartão” e poderá compreender os seguintes elementos:

|4

Componentes não papel

Papel e cartão não conformes à definição da categoria

Papel e cartão prejudiciais à produção

Papel não apropriado para destintagem (se aplicável).


l e cartão m produto emovíveis iral, etc.”

ntem um produtos géneros

veis sua a.

CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:52 Page 5

Papel e cartão não conformes à definição da categoria O papel e o cartão não conformes à definição da categoria são caracterizados da seguinte forma: quando o papel e o cartão presentes na carga não correspondem à descrição específica da categoria de papel para reciclar da EN 463, o comprador e o vendedor da carga deverão acordar na devolução do material ou na reclassificação (para outra categoria da EN 643 ou para uma entrega não padronizada).

Papel e cartão prejudiciais à produção A definição de papel e cartão prejudiciais à produção especifica agora que: “para categorias destinadas a destintagem, todo o papel que contenha fibras castanhas, não branqueadas, é considerado prejudicial à produção.”

Requisitos gerais Existe agora uma recomendação constante da EN 643 para utilização do “Sistema Europeu de Identificação de Papel Recuperado” (RPID). Este sistema permite estabelecer a identificação do papel para reciclar comprado, recebido, armazenado e consumido em fábricas de papel. O objetivo último do RPID é o de melhorar a rastreabilidade do fornecimento às fábricas de papel, para melhorar os processos e os produtos provenientes de uma produção de papel segura. Este sistema e o seu funcionamento estão explicados em maior detalhe no site: www.recoveredpaper-id.eu Neste site, os fornecedores de papel para reciclar podem registar-se no sistema e obter códigos pessoais de fornecedores. ■

A EN643 continua a referir que “o papel para reciclar oriundo de sistemas de recolha multimaterial deverá ser especificamente marcado”. Isto pode ser feito, por exemplo, através de uma menção no documento de entrega ou através de uma adenda ao código EN 643 contido no Sistema de Identificação de Papel Recuperado. A forma de marcação deverá ser acordada bilateralmente entre o comprador e o vendedor.

A EN 643 continua a referir que “o papel retirado de recolhas de resíduos indiferenciados não é adequado para utilização na indústria de papel”.

A EN643 explica que o material indesejado (materiais para deitar fora) significa “o material não adequado para produção de papel e cartão” e clarifica que este poderá compreender os diferentes elementos delineados na definição de material indesejado (materiais para deitar fora).

do para a

5|


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:53 Page 6

Requisitos específicos para categorias de destintagem

Listas

A EN 643 contém especificamente novos requisitos para as categorias de papel para reciclar destinados a destintagem, estabelecendo uma lista das categorias que são maioritariamente utilizadas para destintagem. Nestas categorias, os produtos de papel que não são adequados para destintagem fazem parte da percentagem de material indesejado.

Uma alt tolerânc categori

As fábricas de papel deverão avisar os seus fornecedores de papel para reciclar quando as categorias adquiridas são destinadas a um processo de destintagem e dar-lhes conhecimento da “avaliação da reciclabilidade dos produtos impressos – pontuação relativa a destintagem”, disponível em www.paperforrecycling.eu

As listas definem relativam

Nota: A materiais percenta

O seu pe amostras

Se inde não

As categorias geralmente destinadas a destintagem são as seguintes: 1.06.00, 1.06.01, 1.06.02, 1.07.00, 1.09.00, 1.11.00, 2.01.00, 2.02.01, 2.03.00, 2.03.01, 2.04.00, 2.04.01, 2.05.00, 2.05.01, 2.06.00, 2.06.01, 2.07.00, 2.07.01, 2.08.00, 2.12.00, 2.13.00, 3.01.00, 3.02.00, 3.03.00, 3.03.01, 3.04.00, 3.05.00, 3.06.00, 3.08.00, 3.09.00, 3.10.00, 3.10.01, 3.11.00, 3.11.01, 3.12.00, 5.05.00, 5.05.01, 5.09.00, 5.10.00 e 5.10.01.

Trituração A EN 643 refere agora o problema crescente da trituração do papel para reciclar e aconselha a deixar os pedaços retalhados com o maior tamanho possível.

Orientaç de pape Uma out composi enquanto 3

Para orientar os fornecedores, estes deverão ser reportados para as normas pertinentes relativas à segurança de dados para especificação do tamanho mínimo dos pedaços de papel triturados.

|6

www.cep


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:53 Page 7

agem

a reciclar riamente equados

Listas de categorias Uma alteração importante na nova EN 643 é a introdução de níveis máximos de tolerância para componentes não papel (máximo de 1,5% para a maioria das categorias) e para materiais não desejáveis. As listas de categorias englobadas na EN 643 contêm agora duas colunas adicionais que definem os níveis máximos de tolerância em cada categoria de papel para reciclar relativamente a “componentes não papel” e a “materiais indesejados”.

clar em

Nota: A tolerância dos componentes não papel é incluída como parte da tolerância de materiais indesejados; não são exclusivos e não podem ser adicionados em conjunto. As percentagens referem-se a massa por massa. O seu peso no produto deverá ser testado através de um método acordado de recolha de amostras e medição.

Se o nível de “componentes que não são papel” e/ou de “materiais indesejados” exceder o nível de tolerância na lista de categorias, a carga não deverá ser aceite sob a designação da categoria indicada.

1.06.01, 2.05.00, 3.03.00, 3.11.01,

conselha

Orientações suplementares poderão ser obtidas nas “Linhas de orientação para as fábricas de papel para controlo do conteúdo de materiais não utilizáveis em papel recuperado”.3 Uma outra alteração de grande importância é a descrição das categorias em função da sua composição em vez da sua origem. Para algumas categorias, apenas o título foi alterado, enquanto a descrição se manteve idêntica. 3

www.cepi.org/topic/recycling/publication/guidelinesrecoveredpaperqualitycontrol

7|


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:53 Page 8

Grupo 1

Grupo

Fora 2.02

Foram introduzidas alterações nas categorias 1.04, 1.05, 1.06, 1.08, 1.09, 1.10, 1.11

des” ■

O Grupo 1 contém menos categorias do que na anterior EN 643, mas foram incluídas subcategorias para 1.04, 1.05, 1.06, facto que acompanha a forma como o mercado se tem desenvolvido nos últimos anos e especialmente o modo como as categorias a granel têm sido comercializadas.

As ca o seu flexog destin gem” A exis não é categ destin

A cat em ve papel A cat máxim nenhu

A cat isent

A cat mecâ

A ant

As ca são c

Quando medidas, as diferenças no conteúdo de cartão canelado nas subcategorias 1.04 e 1.05 deverão ser respeitadas. Existem soluções técnicas para determinar o nível exato do cartão canelado (p. ex., através de dispositivos de perfuração do núcleo). ■

|8

A categoria 1.04.00 corresponde à antiga categoria 1.04.1.04.01 e 1.04.02, e admite também material que não seja de embalagem na fração que não é cartão canelado. A categoria 1.06.02 considera o aumento da existência de amostras de produtos anexados a revistas. A capacidade de lidar com estes produtos difere consideravelmente entre as fábricas de papel e deverá ser acordada bilateralmente entre o comprador e o fornecedor. A percentagem permitida destes componentes não papel relacionados com o produto precisa de ser acordada entre o comprador e o vendedor, além das percentagens presentes nas colunas relativas aos componentes não papel e ao total de material indesejado. A categoria 1.09 substitui as anteriores categorias 1.08, 1.09 e 1.10. A categoria única não especifica as percentagens exatas de jornais ou revistas e este facto está relacionado com os diferentes hábitos de leitura nos países europeus. Apenas especifica percentagens mínimas de 30% cada. As percentagens exatas correspondentes a jornais e revistas acima de 30% deverão ser bilateralmente acordadas entre os compradores e os vendedores. A categoria 1.11 foi adaptada às alterações e diferenças existentes nos hábitos de leitura. Comparada com a categoria 1.11 anterior, a nova categoria 1.11.00 tem uma percentagem mínima inferior para jornais: 30% em vez de 40%. Os jornais e revistas têm ainda, no seu conjunto, de atingir uma percentagem mínima de 80%. As fábricas de papel que necessitem de percentagens mais elevadas de um ou de outro tipo deverão entrar em acordo com os fornecedores.


incluídas rcado se a granel

CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:53 Page 9

Grupo 2 Foram introduzidas alterações nas categorias 2.02, 2.05, 2.06, 2.07, 2.09, 2.13, 2.14

As categorias 2.02 (nova: 2.02.00) e 2.02.01 foram sujeitas a nova redação sem que o seu conteúdo tenha sido substancialmente alterado. Pela exclusão da impressão flexográfica, já a versão anterior de 2.02.01 indicava que a categoria se destinava a destintagem. A inclusão de 2.02.01 nas “categorias geralmente destinadas a destintagem” cumpre ainda melhor o objetivo de excluir os produtos de papel não destintáveis. A existência da “sub-categoria relativa a destintagem,” implica que a categoria principal não é necessariamente destinada a destintagem. Para tornar clara esta diferença, a categoria principal 2.02.00 é agora denominada “jornais não vendidos não destinados a destintagem”.

A categoria 2.05 tem agora uma descrição, com o objetivo de descrever a qualidade, em vez da origem. A distinção entre as subcategorias reside na percentagem mínima de papel isento de pasta mecânica e na percentagem máxima de fibras não branqueadas. A categoria encontra-se agora dividida em duas subcategorias: a 2.05.00 permite um máximo de 5% de papel de jornal e de embalagem, enquanto o 2.05.01 não contém nenhum destes itens.

A categoria 2.06 também foi dividida de acordo com o nível mínimo de papel isento de pasta mecânica.

A categoria 2.07 também foi dividida em duas subcategorias: isento de pasta mecânica e livros rejeitados à base de pastas mecânicas.

A anterior categoria 2.09 foi colocada no Grupo 5 (Categorias Especiais).

As categorias 2.13, 2.14 e 2.14.01 foram adicionadas à lista, uma vez que atualmente são comercializadas com estas especificações em quantidades consideráveis.

rias 1.04 vel exato

e admite anelado. produtos velmente rador e o dos com entagens material

categoria cto está specifica a jornais adores e

bitos de tem uma stas têm de papel ão entrar

9|


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:53 Page 10

Grupo 3

Grupo

Foram introduzidas alterações nas categorias 3.03, 3.05, 3.07, 3.10, 3.11, 3.16, 3.18, 3.20

A categoria 3.03, encadernações isentas de pasta mecânica, podem agora conter até 2% de papel com camadas de plástico.

A categoria 3.05 contém agora uma subcategoria para distinguir qualidades não impressas. 3.05.01 também abrange a anterior categoria 3.07.

O Grup complex essas ca de reduz

A categoria 3.10 contém agora uma subcategoria para distinguir o grau de impressão.

A 3.11 contém uma subcategoria para distinguir qualidades brancas das qualidades que contêm até 20% de telas (folhas) castanhas e cinzentas.

A 5.0 de co estes recolh

A 3.16 contém agora uma subcategoria. A 3.16 abrange apenas papel estucado isento de pasta mecânica, enquanto a 3.16.01 pode conter papel isento de pasta mecânica, estucado e não estucado.

A 3.18 contém agora dois tipos de subcategorias. Enquanto a 3.18 poderá conter até 5% de papel estucado, ambas as subcategorias não podem ter papel estucado. Enquanto a 3.18.01 não tem cola na sua composição, a 3.18.02 poderá conter alguma cola.

A 5.0 utiliza limite ao lim vezes corres

A 3.20 e a 3.20.01 foram acrescentadas, uma vez que o papel tissue branco e colorido na massa (integral) são atualmente comercializados em quantidades consideráveis.

A 5.0 inalte

A 5.0 à hum

As ca lista, acres qualid

paper.

05.01 also

m qualities

free paper,

5% coated ue, 3.18.02

tissue are

Grupo 4 Foram introduzidas alterações nas categorias 4.01, 4.04, 4.05

and 5.13).

| 10

Fora 5.01,

A anterior subcategoria 4.01.02 foi removida da lista de categorias.

As anteriores subcategorias 4.04.02 e 4.05.02 foram colocadas no Grupo 5 (5.12 e 5.13).


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:53 Page 11

Grupo 5 Foram introduzidas alterações nas categorias 5.01, 5.03, 5.05, 5.06, 5.07, 5.08, 5.09, 5.10, 5.11, 5.12, 5.13, 5.14

onter até

ades não

pressão.

O Grupo 5 também foi alargado: Reflete a existência de produtos de papel mais complexos mas também a melhoria dos processos de reciclagem que conseguem lidar com essas categorias. A sua inclusão nas categorias especiais do grupo 5 tem também o objetivo de reduzir a sua presença nos grupos 1 a 4. ■

A 5.01 (juntamente com a 5.03.00) são as únicas categorias com um nível máximo de componentes não papel superior a 1,5%. Esta circunstância deve-se ao facto de estes materiais não serem frequentemente submetidos a triagem adicional entre a recolha e a fábrica de papel.

A 5.03 tem agora uma subcategoria para cartão de embalagem de líquidos não utilizado, uma vez que este mercado aumentou significativamente. A 5.03.00 tem um limite máximo de 3% para componentes não papel. A diferença significativa em relação ao limite máximo habitual de 1,5% é devida à forma como o material é recolhido, muitas vezes em conjunto com outros materiais de embalagem que não papel. A 5.03.01 corresponde a cartão de embalagem de líquidos não utilizado.

A 5.05 tem agora três subcategorias adicionais além da 5.05.00, que permanece inalterada. A respetiva composição encontra-se descrita na EN 643.

A 5.06 e a 5.07 têm agora subcategorias para separar os papéis brancos resistentes à humidade dos coloridos.

As categorias 5.08 a 5.14 e as respetivas subcategorias foram acrescentadas à lista, quer provindo de outras categorias (tais como as 5.09, 5.12, 5.13) quer tendo sido acrescentadas de novo à lista devido à existência considerável de volumes destas qualidades e às oportunidades de reciclagem efetiva para criação de novos produtos.

ades que

do isento ecânica,

onter até quanto a

colorido eis.

5 (5.12 e

11 |


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:54 Page 12


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:54 Page 13

Tabela com as diferenças entre as versþes de 2002 e 2013 da EN 643, por Categoria


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:54 Page 14

Nota: Apenas se encontram listadas as categorias cujo título e/ou descrição foram alteradas. Foram introduzidos níveis de tolerância máxima para componentes não papel (máximo de 1,5% para a maioria das categorias) e para materiais não desejáveis, para todas as categorias.

Número Categor Anterio

Grupo 1 Número da Categoria Anterior

1.04

Título Anterior

Descrição Anterior

Embalagens usadas de papel e cartão, contendo um Papel e cartão mínimo de 70% de canelado de cartão canelado, supermercado sendo o restante cartão sólido e papéis de embrulho.

Novo Número da Categoria

1.04.00

Novo Título

Embalagens de papel e cartão canelado

Descrição da Nova Categoria

1.06.01

Embalagens usadas de papel e cartão, contendo um mínimo de 70% de cartão canelado, sendo o restante outros papéis e cartões de embalagens. 1.08

1.04.01

Papel e cartão canelado comum

Embalagens usadas de papel e cartão, contendo um mínimo de 70% de cartão canelado, sendo o restante outros papéis e cartões. 1.09

1.04.02

Papel e cartão canelado

Embalagens usadas de papel e cartão, contendo um mínimo de 80% de cartão canelado, sendo o restante outros papéis e cartões. 1.10

1.05

1.06

| 14

Recipientes canelados antigos

Revistas não vendidas

Caixas e folhas usadas de cartão canelado de diversas qualidades.

Revistas não vendidas, com ou sem cola

Cartão canelado comum

Caixas e folhas usadas de cartão canelado de diversas qualidades, podendo incluir 10% de outros papéis e cartões de embalagens.

1.05.01

Cartão canelado

Caixas e folhas usadas de cartão canelado de diversas qualidades, podendo incluir 5% de outros papéis e cartões de embalagens.

1.06.00

Revistas

Revistas, com ou sem cola

1.05.00

1.11


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:54 Page 15

s. Foram aioria das

o da goria

Grupo 1 Número da Categoria Anterior

Título Anterior

1.06.01

Revistas não vendidas sem cola

adas de contendo 70% de , sendo o papéis e alagens.

Revistas não vendidas, sem cola

Novo Número da Categoria

Revistas sem cola

1.06.02

Revistas com amostras de produtos

Revistas, com ou sem cola, podendo conter componentes não papel como amostras de produtos anexas.

Jornais e revistas

Mistura de jornais e revistas (predominantemente não vendidos); cada tipologia com um mínimo de 30 %.

Papel gráfico triado para destintagem

Papel gráfico triado, consistindo num mínimo de 80 % de jornais e revistas. Tem de conter pelo menos 30 % de jornais e 40 % de revistas. Os produtos impressos que não sejam, adequados para destintagem são limitados a 1,5 %.

1.09

Mistura de jornais e revistas

Uma mistura de jornais e revistas, contendo um mínimo de 60% de jornais, com ou sem cola

1.09.00

1.10

Mistura de revistas e jornais

Uma mistura de jornais e revistas, contendo um mínimo de 60% de revistas, com ou sem cola

Papel gráfico triado para destintagem

Papel gráfico triado, de proveniência doméstica, jornais e revistas, cada tipologia com um mínimo de 40%. A percentagem de papel e cartão não destintável deverá ser reduzida gradualmente para um nível máximo de 1.5%. A percentagem tem de ser negociada entre o comprador e o vendedor.

adas de contendo 80% de , sendo o papéis e

usadas ado de ades, r 10% de cartões .

1.11

Descrição da Nova Categoria

Revistas sem cola

Mistura de jornais and revistas

1.08

Novo Título

1.06.01

Uma mistura de jornais e revistas, contendo um mínimo de 50% de jornais, com ou sem cola.

adas de contendo 70% de , sendo o papéis e

usadas ado de ades, 5% de cartões

Descrição Anterior

1.11.00

15 |


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:54 Page 16

Grupo 2 Número da Categoria Anterior

2.02

2.02.01

2.05

Título Anterior

Jornais não vendidos

Jornais não vendidos, não é permitida impressão flexográfica

Papel de escritório triado

Descrição Anterior

Jornais diários não vendidos, sem inserções adicionais ou material ilustrado colorido na massa.

Jornais diários não vendidos, livres de inserções adicionais ou material ilustrado colorido na massa, sendo permitidos cordéis. Não é permitida material com impressão flexográfica.

Papel de escritório triado

Novo Número da Categoria

2.02.00

2.02.01

2.05.00

Novo Título

Jornais não vendidos, não destinados a destintagem

Descrição da Nova Categoria

Jornais não vendidos, podendo conter inserções originalmente circuladas com a publicação. Não são permitidas inserções adicionais. São permitidos produtos de papel não adequados para destintagem.

Jornais não vendidos

Jornais não vendidos que possam conter inserções originalmente circuladas com a publicação. Não são permitidas inserções adicionais.

papel de escritório triado comum

Papel, tipicamente proveniente de escritórios, retalhado ou não retalhado, impresso, podendo conter papéis coloridos, com um mínimo de 60 % de papel fino (isento de pasta mecânica), isento de carbono e principalmente papel autocopiativo (ccp)/sem necessidade de carbono (NCR), menos de 10 % de fibras não branqueadas, incluindo envelopes-pastas e capas de ficheiros, menos de 5 % de jornais e embalagens.

Papel de escritório triado

Papel, tipicamente proveniente de escritórios, retalhado ou não retalhado, impresso, podendo conter papéis coloridos, com um mínimo de 80 % de papel fino (isento de pasta mecânica), isento de carbono e principalmente papel autocopiativo (ccp)/sem necessidade de carbono (NCR), menos de 5 % de fibras não branqueadas, incluindo envelopes-pastas e capas de ficheiros.

Número da Categoria Anterior

2.06

2.07

2.05.01

| 16


da oria

dos, serções uladas Não são ões rmitidos não adentagem.

CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:54 Page 17

Grupo 2 Número da Categoria Anterior

2.06

Título Anterior

Papéis de carta coloridos

Descrição Anterior

Correspondência, em mistura de papéis coloridos na massa, com ou sem impressão, em papel para impressão ou para escrita. Isento de papel carbono (químico) e de capas duras.

Novo Número da Categoria

2.06.00

Novo Título

papéis de carta coloridos comuns, triados

Papel, tipicamente proveniente de escritórios, retalhado ou não retalhado, ligeiramente impresso, sendo permitido papel colorido na massa, mas não papéis intensamente coloridos, com um mínimo de 70 % de papel fino (isento de pasta mecânica), isento de carbono e principalmente papel autocopiativo (ccp)/sem necessidade de carbono (NCR), sem envelopes-pastas, capas de ficheiros, jornais e cartão.

Papéis de carta coloridos triados

Papel, tipicamente proveniente de escritórios, retalhado ou não retalhado, ligeiramente impresso, sendo permitido papel colorido na massa, mas não papéis intensamente coloridos, com um mínimo de 90 % de papel fino (isento de pasta mecânica), isento de carbono e principalmente papel autocopiativo (ccp)/sem necessidade de carbono (NCR), sem envelopespastas, capas de ficheiros, jornais e cartão.

dos r mente publicamitidas ais.

ritórios, etalhado, o conter om um e papel a mecâbono e el autoconecessiNCR), fibras não indo capas de e 5 % de ns.

critórios, etalhado, o conter com um de papel sta mecârbono e pel autom necessiNCR), fibras não uindo e capas de

2.06.01

2.07

Livros, incluindo livros com erros de impressão, sem capas Livros em papel duras, maioritariamente em papel branco, isento branco isento de de pasta pasta mecânica, só mecânica com impressão a preto, contendo um máximo de 10% de papel estucado.

2.07.00

2.07.01

Descrição da Nova Categoria

Livros rejeitados, de papel branco, isento de pasta mecânica

Livros rejeitados, à base de pasta mecânica branca

Livros ou as suas aparas, sem capas duras, maioritariamente em papel branco isento de pasta mecânica, maioritariamente com impressão a preto, contendo um máximo de 10 % de papel estucado.

Livros ou as suas aparas, maioritariamente em papel à base de pasta mecânica branca, sem capas duras, maioritariamente impressos a preto, contendo um máximo de 10 % de papel estucado.

17 |


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:54 Page 18

Grupo 2 Número da Categoria Anterior

2.09

Título Anterior

Papel autocopiativo

Descrição Anterior

Papel autocopiativo

Novo Número da Categoria

Novo Título

Descrição da Nova Categoria

Número da Categoria Anterior

3.03

2.13.00

Categoria múltipla

Uma mistura de papel de carta colorido e branco, revistas de papel colorido isento de pasta mecânica e outros papéis e aparas de papel fino (isento de pasta mecânica). Isento de papel de jornal, sendo permitidos 10% de outros papéis com madeira. Poderá conter 2 % de papel com camada de plástico. 3.05

2.14.00

Papel tissue colorido “log end”

Papel tissue colorido não utilizado, incluindo mandris macios. Poderá conter material impresso.

2.14.01

Papel tissue branco “log end”

Papel tissue branco não utilizado, incluindo mandris macios. Poderá conter material impresso.

3.07

3.10

| 18


da oria

CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:54 Page 19

Grupo 3 Número da Categoria Anterior

3.03

apel de anco, colorido ecânica e aras de de pasta de papel ermitidos péis com onter 2 % ada de 3.05

ido não o mandris onter

Título Anterior

Encadernações isentas de pasta mecânica

Papéis de carta brancos, isento de pasta mecânica

Descrição Anterior

Aparas de papel branco isento de pasta mecânica ligeiramente impresso, com cola, isento de papel colorido na massa. Poderá conter um máximo de 10% de pasta de papel mecânica.

Papéis para escrever triados, brancos, isento de pasta mecânica, provenientes de registos administrativos, isentos de livros-caixa, papel carbono (químico) e de adesivos não solúveis em água.

o não o mandris onter

3.07

3.10

Documentos impressos por via electrónica, em papel branco, isento de pasta mecânica

Documentos impressos por via electrónica, em papel branco, isento de pasta mecânica, isento de papel auto copiativo e de cola.

Impressão múltipla

Isento de pasta mecânica, revestida, ligeiramente impressa, isenta de papel resistente em meio húmido ou de papel colorido na massa.

Novo Número da Categoria

Novo Título

Descrição da Nova Categoria

3.03.00

Aparas de papel branco, isento de pasta mecânica, ligeiramente imEncadernações presso, com cola, isento de papel isentas de colorido na massa. Poderá conter pasta mecânica 2 % de papel com camada plástica e um máximo de 10 % de pasta de papel mecânica.

3.03.01

Encadernações especiais isentas de pasta mecânica

3.05.00

Papéis para escrever e imprimir, brancos, isento de pasta Papéis de carta mecânica, não estucados, brancos, isento triados, impressos, isentos de livros-caixa, papel carbono de pasta (químico) e adesivos não mecânica solúveis em água. Poderá conter 5 % de pasta de papel mecânica.

3.05.01

Papéis para escrever e imprimir, brancos, isento de pasta Papéis de carta mecânica, não estucados, isento de pasta triados, não impressos, isentos mecânica e de papel carbono (químico), sem impressão, papel autocopiativo, que não brancos papel carbono (químico), papel auto copiativo (NCR) e adesivos não solúveis em água.

Aparas de papel branco isento de pasta mecânica, ligeiramente impresso, com cola, isento de papel colorido na massa. Não são permitidos papéis com camadas de plástico e pastas de papel mecânicas.

-

3.10.00

3.10.01

Impressão múltipla

Impressão média Impressão múltipla

Papéis isento de pasta mecânica, estucados, ligeiramente impressos, em folhas ou cortado, isento de papel resistente em meio húmido ou de papel colorido na massa.

Papéis estucados, isento de pasta mecânica, medianamente ou fortemente impressos, em folhas ou cortados, isentos de papel resistente em meio húmido e de papel colorido na massa.

19 |


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:54 Page 20

Grupo 3 Número da Categoria Anterior

3.11

3.16

Título Anterior

Descrição Anterior

Novos cortes de cartão múltiplo branco forteCartão múlti- mente impresso, conplo branco, tendo telas de pasta (celulose), isento de fortemente pasta mecânica, mecâniimpresso cas ou termomecânicas, mas sem telas cinzentas.

Papel branco, estucado, isento de pasta mecânica, sem cola

Aparas e folhas de papel branco, não impresso, isento de pasta mecânica, estucado e sem cola

3.18

Aparas de papel branco, isento de pasta mecânica

Aparas e folhas de papel branco, isento de pasta mecânica, sem impressão, podendo conter um máximo de 5% de papel estucado. Sem cola.

3.18.01

Aparas de papel branco, isento de pasta mecânica, não estucado

Aparas e folhas de papel branco, isento de pasta mecânica, sem impressão, isento de papel estucado. Sem cola.

Novo Número da Categoria

Descrição da Nova Categoria

Número d Categoria Anterior

3.11.00

Cartão múltiplo branco fortemente impresso

Novos cortes de cartão múltiplo branco, fortemente impresso, contendo telas com ou isento de pasta mecânica, mas sem telas cinzentas e castanhas.

4.01.02

3.11.01

Cartão múltiplo misto, branco, fortemente impresso

Novos cortes de cartão múltiplo, branco, fortemente impresso, contendo telas com ou isento de pasta mecânica, com um máximo de 20 % de telas cinzentas e castanhas.

3.16.00

Papel branco, estucado, isento de pasta mecânica

Aparas e folhas de papel branco, não impresso, isento de pasta mecânica, estucado e sem cola.

3.16.01

Papéis brancos, isento de pasta mecânica

Aparas e folhas de papéis brancos, não impressos, isento de pasta mecânica, estucados e sem cola.

3.18.00

Aparas de papel branco isento de pasta mecânica

Aparas e folhas de papel, isento de pasta mecânica, sem impressão, podendo conter um máximo de 5% de papel estucado. Sem cola.

3.18.01

Aparas de papel branco, isento de pasta mecânica, não estucado.

Aparas e folhas de papel branco, isento de pasta mecânica, sem impressão, isento de papel estucado. Sem cola.

3.18.02

Envelopes brancos cortados

3.20.00

| 20

3.20.01

Novo Título

4.05.01

Aparas e folhas de papel branco, isento de pasta mecânica, sem impressão, isento de papel estucado. Poderá conter alguma cola. Papel tissue não utilizado, sem Papel tissue sem impressão, impressão, colorido na massa, colorido na isento de materiais de massa embalagem.

Papel tissue branco, sem impressão

4.04.01

Papel tissue não utilizado, sem impressão, isento de materiais de embalagem.


a ia

o múltiplo presso, u isento as sem nhas.

o emente elas com cânica, 0 % de nhas.

CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:54 Page 21

Grupo 4 Número da Categoria Anterior

Título Anterior

Descrição Anterior

Novo Número da Categoria

Material canelado não utilizado

Caixas, folhas e aparas de cartão canelado, não utilizado, com kraftliners (papéis ou cartões para cobertura) ou testliner.

-

4.04.01

Sacos de papel kraft, com papéis polirevestidos

Sacos de papel kraft usados, limpos. Resistentes e não resistentes em meio húmido. Poderão incluir papéis polirevestidos.

-

4.05.01

Sacos de papel kraft, com papéis polirevestidos

Sacos de papel kraft não utilizados.Resistentes e não resistentes em meio húmido, podendo incluir papéis polirevestidos.

-

4.01.02

pel isento tucado

péis os, isento tucados e

Novo Título

Descrição da Nova Categoria

pel, isento m imter um pel

pel a ssão, do.

pel a ssão, ado. cola. ado, sem a massa,

ado, sem materiais

21 |


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:54 Page 22

Grupo 5 Número da Categoria Anterior

Título Anterior

5.01

5.03

Descrição Anterior

Novo Número da Categoria

Mistura de papel e cartão recuperados

Papel e cartão não triados, separados na fonte.

5.01.01

Cartão para embalagem de líquidos

Embalagem de líquidos, usado, incluindo cartão para embalagem de líquidos revestido a PE (com ou sem teor de alumínio), contendo um mínimo de 50% em peso de fibras, e sendo o fator de equilíbrio o alumínio ou os revestimentos.

5.03.00

5.05

| 22

Etiquetas de colagem húmida

Mistura de papéis

Cartão para embalagem de líquidos, usado

Descrição da Nova Categoria

Uma mistura de várias categorias de papel que podem ser encontradas nos grupos 1 a 5.

Número da Categoria Anterior

5.06

Cartão para embalagem de líquidos, usado, com camada de plástico (com ou sem teor de alumínio), contendo um mínimo de 50% em peso de fibras. 5.07

Cartão para embalagem de líquidos, não utilizado

Aparas ou folhas de cartão para embalagem de líquidos, impresso ou sem impressão, (com ou sem alumínio e/ou camada de plástico), contendo um mínimo de 50 % em peso de fibras.

5.05.00

Etiquetas de colagem húmida

Etiquetas de colagem húmida, a partir de papéis resistentes em meio húmido, usadas, contendo um máximo de 1% de teor de vidro e um máximo de 50% de humidade, sem quaisquer outros materiais não utilizáveis.

5.05.01

Etiquetas secas

Etiquetas feitas de papéis resistentes em meio húmido.

5.05.02

Etiquetas com uma camada de base

Papel de etiquetagem, papel anti-adesivo e etiquetas, bem como provenientes da conversão e distribuição de etiquetas.

5.05.03

Películas de papel amovíveis para etiquetas auto-adesivas

Materiais para películas amovíveis provenientes da conversão e distribuição de etiquetas auto-adesivas. Os materiais devem estar isentos de etiquetas, mandris e outros contaminantes.

5.03.01

Etiquetas de colagem húmida, a partir de papéis resistentes em meio húmido, usadas, contendo um máximo de 1% de teor de vidro e um máximo de 50% de humidade, sem quaisquer outros materiais não utilizáveis.

Novo Título


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:54 Page 23

Grupo 5

da oria

árias el que radas

Número da Categoria Anterior

Título Anterior

Descrição Anterior

5.06

Papéis brancos resistentes em meio húmido, sem impressão e isento de pasta mecânica.

Papéis brancos, resistentes em meio húmido, sem impressão e isento de pasta mecânica.

agem de om cacom ou nio), mo de ibras. 5.07

de cartão e o ou sem ou sem mada de o um em peso

em e papéis o hútendo um teor de o de , sem materiais

Papéis brancos resistentes em meio húmido, impressos e isento de pasta mecânica.

Papéis brancos resistentes em meio húmido, impressos e isento de pasta mecânica.

Novo Número da Categoria

Novo Título

5.06.00

Papéis brancos, resistentes em meio húmido, sem impressão e isento de pasta mecânica

Papéis brancos, resistentes em meio húmido, sem impressão e isento de pasta mecânica

5.06.01

Papéis brancos e coloridos, resistentes em meio húmido, sem impressão.

Papéis brancos e coloridos na massa, resistentes em meio húmido, sem impressão.

5.07.00

Papéis brancos resistentes em meio húmido, impressos e finos (isentos de pasta mecânica).

Papéis brancos resistentes em meio húmido, impressos e finos (isentos de pasta mecânica).

5.07.01

Papéis brancos e coloridos, impressos, resistentes em meio húmido, finos (isentos de pasta mecânica).

Papéis brancos e coloridos na massa, impressos. Resistentes em meio húmido, finos (isentos de pasta mecânica).

5.08.00

Mandris

Mandris sólidos retalhados, não retalhados ou triturados, de bobinas de papel, sem extremidades metálicas.

5.09.00

Papel auto-copiador (NCR)

Folhas ou aparas de papel auto-copiador (NCR).

5.10.00

Envelopes brancos impressos

Envelopes brancos, impressos no interior, com ou sem cola solúvel em água ou de látex e janelas (em plástico ou papel cristal).

5.10.01

Mistura de envelopes brancos ou coloridos na massa, com ou sem cola Mistura de envelopes solúvel em água ou de látex e janelas (em plástico ou papel cristal).

em

em, papel uetas, ientes da buição de

ulas ntes da uição de ivas. Os ar isentos is e outros

Descrição da Nova Categoria

5.11.00

Embalagem protectora (blister)

Cartão para embalagem com uma parte plana ou moldada em plástico. Poderá ser cartão com camadas de plástico e inserções.

23 |


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:55 Page 24

Grupo 5 Número da Categoria Anterior

Título Anterior

Descrição Anterior

Novo Número da Categoria

5.12.00

5.12.01

5.13.00

5.13.01

5.14.00

5.14.01

| 24

Novo Título

Descrição da Nova Categoria

Sacos usados, em papel kraft

Sacos usados, limpos, em papel kraft. Poderão ser impressos ou sem impressão, ou poderão ser resistentes em meio húmido ou não. Poderão incluir papéis com camadas de plástico.

Sacos usados, em papel kraft, com camada de plástico

Sacos usados, limpos, em papel kraft, com camada de plástico. Poderão ser impressos ou sem impressão e poderão conter telas resistentes em meio húmido ou não.

Sacos não utilizados, em papel kraft

Sacos não utilizados, em papel kraft. Poderão ser impressos ou sem impressão e resistentes em meio húmido ou não, e poderão também incluir papéis com uma camada de plástico.

Sacos não utilizados, em papel kraft, com camada de plástico e poly liners

Sacos não utilizados, em papel kraft, com camada de plástico e poly liners. Poderão ser impressos ou não e conter telas resistentes em meio húmido ou não.

Copos e outros utensílios de mesa em papel, usados

Copos e outros utensílios de mesa em papel, usados, incluindo copos e loiça de mesa usados em papel com camadas de plástico, contendo um mínimo de 75% em peso de fibras.

Copos e outros utensílios de mesa em papel, não utilizados

Aparas ou folhas impressas ou sem impressão, resultantes da produção de copos e outros utensílios de mesas em papel, incluindo copos e loiça de mesa de papel com camadas de plástico, contendo um mínimo de 75% em peso de fibras.


da oria

pos, em ão ser immpressão, sistentes ou não. péis com co.

pos, em amada de ser immpressão elas io

os, em ão ser immpressão meio poderão péis com ástico.

os, em amada de ers. ssos ou

io

ensílios , usados, loiça de papel com co, conde 75%

mpressas , dução de ensílios el, loiça de m co, mo de ibras.

CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:55 Page 25


CEPI__EN 643_brochure_PT_v2_CEPI_brochure 17/01/14 00:55 Page 26

January 2014

Confederation of european paper industries

Associação Nacional de Recuperação e Reciclagem de Papel e Cartão

CEPI aisbl Avenue Louise 250, Box 80 B-1050 Brussels Belgium Tel: +32 2 627 4911 Fax: +32 2 646 8137

RECIPAC Av. Defensores de Chaves, nº23, 5º Dto 1000-110 Lisboa Portugal Telf: +351 21 799 85 26 Fax: +351 21 799 85 29

www.cepi.org Email: mail@cepi.org

www.recipac.pt Email: geral@recipac.pt

@EuropeanPaper

www.facebook.com/RecipacPortugal

CEPI

Cepi250

Cepiindustry

Printed on certified paper from sustainably managed sources


Guia de Orientação relativo à EN 643