Page 1

Capa Mais Comunicação

ano XIII junho de 2012

REVISTA DE COMUNICAÇÃO E MARKETING DO NE

NORDESTE LUXUOSO. O CRESCIMENTO DE UM MERCADO COM GRANDES TRADIÇÕES.


DESDE 1999

ÍNDICE

Capa: Mais Comunicação (PE)

ano XIII nº 147 junho 2012

REVISTA DE COMUNICAÇÃO E MARKETING DO NE

revista de comunicação e marketing NE

CAPA ano XIII junho de 2012

A Revista PRONEWS é uma publicação mensal de Walter Lins Pinheiro Junior Editora - ME Empresarial Tacaruna - Av. Governador Agamenon Magalhães, 3341, Sls. 205/206. Torreão. CEP: 50.070-160. Fones: (81) 3426.6144 / 3034.6144

Capa Mais Comunicação

Especialistas revelam que há uma tendência para abertura de novas lojas do segmento de luxo no Brasil. 17

RECIFE•SALVADOR•FORTALEZA•NATAL JOÃO PESSOA•MACEIÓ•TERESINA ARACAJU•SÃO LUÍS • SÃO PAULO

NORDESTE LUXUOSO. O CRESCIMENTO DE UM MERCADO COM GRANDES TRADIÇÕES.

:: EDITOR Walter Lins Jr. walter@revistapronews.com.br :: REDAÇÃO Luciana Torreão - chefe de redação, Fabiana Constantino e Ivelise Buarque redacao@revistapronews.com.br :: COLABORADORES Adriana Ribeiro, Anderson Lima, Carlos Prado, Clarisse Souza, Joelli Azevedo e Joyce Warren

ENTREVISTA Rodrigo Rodrigues, da Aporte Comunicação, fala sobre carreira e mercado na entrevista deste mês. 14

GIRO 6 GIRO BRASIL 8 FICHA TÉCNICA 10 E 34 A VEZ DO CLIENTE 24 DE OLHO NA CAMPANHA 26 NA WEB 28 VITRINE 33 CLICK 37 EU RECOMENDO 40 Todo mês uma agência diferente produz a capa da Revista PRONEWS. Participe pelo e-mail: redacao@revistapronews.com.br 04

:: PRODUTOR GRÁFICO Bruno Regis producao@revistapronews.com.br :: DEPTº FINANCEIRO Nise Lins :: ASSINATURAS 81 3426.6144 / 3034.6144 producao@revistapronews.com.br :: REPRESENTANTES COMERCIAIS NS&A - CE - Aldamir Amaral (85 3264.0406/ 0576) - nsace@nsaonline.com.br RD Produções e Eventos - Ricardo Douglas (SE - 79 3044.7013/9972.2214) rdproducoes@infonet.com.br Omega Mídia - Renato (SP - 11 8403.0330) renato@omegamidia.com.br :: DISTRIBUIÇÃO Log (PE - 81 2123.1455) Jornal Correio - Rede Bahia (BA - 71 3533.3030) Sistema Verdes Mares (CE - 85 3266.9902) www.verdesmares.com.br Omega Mídia - Renato (SP - 11 8403.0330) renato@omegamidia.com.br :: DADOS TÉCNICOS Impressão: Gráfica FacForm (81 3339.6566) grafica@facform.com.br Tiragem: 7.000 exemplares Formato: 22x30cm Tipologia: Humanist 521 BT Papel: Couché brilho 150g/m² Número de páginas: 44 As matérias assinadas por nossos colaboradores não representam, necessariamente, a opinião da revista.

WWW.REVISTAPRONEWS.COM.BR


Deborah Ghelman

GIRO zos financeiros e operacionais de realizar queimadas, principalmente próximo a linhas de transmissão de energia elétrica. Lançada em 2009 e retomada em 2010, a campanha apostou no ritmo regional nordestino da embolada para conquistar o público - que se identificou de imediato com o jingle cantado pela mais famosa dupla de emboladores do país, Caju e Castanha.

PROJETO CONEXÃO NORDESTE Só é líder de mercado quem conquista o segmento regional e as classes emergentes. Com essa visão, foi lançado o Projeto Conexão Nordeste, estratégia de posicionamento da Marco Zero Comunicação para se firmar no setor e atrair clientes e parceiros. Comandada pelo publicitário Alexandre Oliveira, a agência tem sede no Recife (PE) e conta com representantes em todos os estados da região, além de um escritório de negócios na Avenida Paulista, centro financeiro de São Paulo. Segundo Alexandre Oliveira, a ideia é aproximar os anunciantes do mercado, mas respeitando as peculiaridades de cada região. BANDEIRANTES RECEBE HOMENAGEM Assinalando seus 56 anos de fundação, a Bandeirantes Mídia Exterior recebeu homenagens da Câmara Municipal do Recife, em sessão especial, por iniciativa do Vereador Marcos Menezes, autor de requerimento nesse sentido, aprovado por unanimidade pelo plenário da Casa. Em sua justificativa, o vereador afirma que ao completar 56 anos de existência, a Empresa atingiu um grau de excelência em qualidade e capacidade de inovação permanente, amplamente reconhecido pelos diversos segmentos públicos e privados de Pernambuco. Segundo o diretor regional Mauro Santos “a Bandeirantes é líder de mercado no segmento da Mídia Exterior no NE e também pioneira em projetos de sustentabilidade e de responsabilidade sócio-ambiental, divulgando espontaneamente inúmeras campanhas de interesse coletivo e da sociedade, no âmbito cultural, da saúde e educação”. MARTPET VENCE PRÊMIO A Martpet Comunicação venceu o 5º Prêmio Top Socioambiental e de RH 2012, promovido pela Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil (ADVB-PE). A campanha “Embolada” concorreu com outros 43 trabalhos inscritos e foi premiada na categoria Meio Ambiente. Entre as empresas vencedoras, a agência pernambucana é a única representante do setor publicitário. A ação, produzida para a Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), alerta para os prejuí06

ATMA+BIANCHI É DESTAQUE Seis trabalhos da Atma+Bianchi foram contemplados na 26ª edição do Prêmio Voto Popular, concurso de âmbito nacional promovido pela Revista About e pelo Portal da Propaganda, meios especializados em comunicação. As peças venceram nas categorias Varejo, Turismo, Serviços e Comércio Especializado e foram julgadas por um grupo de 24 consumidores. Cinco clientes da agência tiveram trabalhos premiados. Foram eles: Shopping Tacaruna, que obteve ouro na categoria Varejo, para o jingle “Tá no coração da gente” e prata para o comercial “Manhê”, criado para o Dia das Mães; ouro na categoria Turismo para a série de anúncios “O melhor turismo num só lugar”, produzida para a Prefeitura do Cabo; prata na categoria Serviços para a série de outdoors “Mostre a sua cara”, da Bandeirantes Mídia Exterior; bronze na categoria Comércio Especializado para o comercial “Caruaru”, das Farmácias Guararapes; bronze na categoria Serviços para a série de anúncios “Quem melhor”, da Gráfica Flamar. REDE BAHIA APRESENTA NOVOS SÓCIOS A Rede Bahia, maior grupo de comunicação do Norte e Nordeste, acaba de concluir um amplo processo de reorganização societária. A nova composição empresarial foi apresentada ao mercado em almoço no Restaurante Amado, em Salvador. Os novos acionistas, que também são sócios do grupo EPTV (SP) adquiriram 33% das ações da Rede Bahia. A entrada da EPTV fortalece a vocação de comunicação e mídia da Rede Bahia, que agora tem como acionistas: Família Antonio Carlos Magalhães Junior (33%), Família Luis Eduardo Magalhães Filho (33%) e o Grupo EPTV (33%). Em função de cláusula contratual de sigilo, o valor da operação não poderá ser divulgado. ESQUADRÃO VERDE TANG NO NORDESTE A Kraft Foods investiu em estratégias de comunicação integrada para a campanha Reciclar é Transformar, do Esquadrão Verde Tang no Nordeste, com ações em Pernambuco, Ceará e Bahia. Além do plano de mídia tradicional com peças espalhadas pela cidade, a marca Tang prepara ações diretas com seu público-alvo através da gincana de educação ambiental em escolas públicas e particulares das capitais dos três estados. Umas das plataformas de comunicação da campanha é o site: www.esquadraoverdetang.com.br.


Que o futuro já chegou todos já sabem, mas será que também sabemos como aproveitar dele da melhor forma possível? Todos falam constantemente sobre internet, redes sociais e outras formas de comunicação, mas será que sabemos como utilizá-las para evidenciar nossa empresa nesse mercado cada vez mais competitivo? Foi pensando nisso que o Dalí Cocina entrou nas redes sociais... No começo, de uma forma discreta, feito sem muita organização e planejamento, somente com a vontade de “aparecer”, interagir e procurando se introduzir nesse grande mercado gastronômico de Pernambuco. Pouco a pouco, as pessoas começaram a se comunicar, querer saber quem éramos. Primeiro o twitter, depois facebook, foursquare, kekanto, instagram e tantos mais quanto vocês imaginarem. O mais incrível é que as redes sociais nunca se esgotam! Quando você pensa que conhece todas, vem uma nova pra surpreender você. Nessa era moderna conhecemos várias pessoas que se dizem “gurus”, que acham que sabem tudo sobre tecnologia e, melhor, como vender o SEU negócio. Acredite em mim quando digo: não existe fórmula mágica onde você soma 2+2 e o resultado é igual a 4. Muitas coisas podem dar certo para alguns e muito errado para outros. Tudo bem, então como devo, finalmente, utilizar essas redes sociais e internet na promoção do meu negócio? Eu respondo: Com o coração! Antes até do planejamento, é preciso dar um toque pessoal na sua divulgação. E quem melhor pra fazer isso do que você mesmo que conhece seu negócio como ninguém? Não, não estou dizendo para fazer tudo sozinho e esquecer as equipes de marketing, assessorias de imprensa, etc. Estou dizendo que eles sem você não são nada. Ou você se envolve ou então toda aquela divulgação linda e maravilhosa, aquela arte perfeita ficam sem alma, sem essência. Após o envolvimento do dono a coisa torna-se mais clara e mais fácil. Você sabe os objetivos que quer atingir, a imagem que quer passar do seu estabelecimento para os clientes e inclusive quem é o seu público-alvo. Isso facilita muito

chefcrisleite.blogspot.com.br

o trabalho das equipes terceirizadas vinculadas na divulgação do seu negócio. Eles sim devem montar um planejamento de como será a interação, qual a forma de abordagem, quais as melhores promoções e até o tipo de linguagem para se utilizar. Alguns lembretes para atuar melhor nas redes sociais: Timing é tudo! Se você está nas redes sociais e demora demais para responder, as pessoas vão questionar e se chatear; •Não esqueça que seu consumidor é um indivíduo e que cada um gosta de ser tratado de uma forma diferenciada; •Redes sociais ainda não atingem a todos, elas podem sim estimular as pessoas a sentirem curiosidade para conhecer o seu produto, mas associadas às mídias tradicionais é que temos um impulso bem maior; •Lidar com críticas não é fácil, mas você estando ou não nas redes elas irão aparecer então melhor estar por lá pra pelo menos saber o que está acontecendo de ruim e no que você pode melhorar; •Procure não imitar ninguém e tente diversificar a forma de interação para que não fique na mesmice, as pessoas gostam de novidades; •Promoções são excelentes, mas muitas vezes mais importante do que isso é conteúdo interessante para manter os seus clientes interessados no que você fala; •Não se preocupe tanto com os números, é melhor ter poucos seguidores ou curtidores, mas que interagem constantemente com você do que ter milhares e ninguém lê ou percebe o que você está dizendo; •Divirta-se! Da mesma forma que quando atendemos um telefone as pessoas percebem quando estamos sorrindo do outro lado, quando algo é muito mecanizado e sem graça elas também notam nas redes sociais. Quando você interage porque gosta tudo fica mais gostoso. =) 07

Christina Nunes christina@dalicocina.com.br

CASE DE GASTRONOMIA E COMUNICAÇÃO NAS REDES SOCIAIS


GIRO BRASIL FEDEX E RAPIDÃO COMETA A norte-americana FedEx Corp anunciou a assinatura de um acordo para aquisição da empresa brasileira de transporte e logística Rapidão Cometa Logística e Transportes S.A. A FedEx espera que essa transação, que está sujeita ao cumprimento das condições habituais para este tipo de negociação, seja concluída no terceiro trimestre de 2012. A aquisição dará aos seus clientes acesso à rede nacional de logística e transportes do Rapidão Cometa. Representante autorizado da FedEx no Brasil nos últimos 11 anos, vem para completar o portfólio de serviços da empresa americana no país e continuar sua expansão na América Latina por meio de investimentos estratégicos. MARCAS GLOBAIS MAIS VALIOSAS As maiores marcas do mundo continuam a crescer em valor neste momento de incerteza econômica, de acordo com o estudo anual BrandZTM Top 100 de Marcas Globais Mais Valiosas da Millward Brown, empresa do grupo WPP. A marca n. 1 pelo segundo ano consecutivo, a Apple, cresceu 19% e agora vale US$ 182,9 bilhões. A IBM cresceu 15% com US$ 115,9 bilhões, superando o Google, que caiu para terceiro lugar no ranking e vale agora US$ 107,8 bilhões. Pouco antes do seu IPO, o Facebook, empresa com oito anos de existência, cresceu 74% em valor e é a marca com crescimento mais rápido do ranking. A rede social vale US$ 33,2 bilhões e subiu da posição 35 para a 19. A Petrobrás é a única marca brasileira presente no ranking, ocupando atualmente a 61ª posição.

COMPARTILHE SE PUDER Mentos, uma das mais tradicionais marcas de bala produzida pela Perfetti Van Melle, estreia nova campanha publicitária focada na descontração, na diversão e em seus momentos de consumos sociáveis e individuais. A campanha “Mentos. Compartilhe se puder” está sendo veiculada na internet e na MTV, além das inserções em revistas. Desenvolvida pela NEOGAMA/BBH, a campanha explora a dificuldade que as pessoas têm em compartilhar Mentos. O próprio título da campanha desafia o consumidor, com ironia e provocação, a compartilhar Mentos. São três filmes irreverentes que apresentam pessoas em ambientes coletivos. Os filmes estão sendo veiculados na TV e internet. A campanha em revistas, com quatro anúncios diferentes, segue o mesmo posicionamento dos filmes. 08

“SALTOS” OLYMPIKUS Para lançar o TubeJet3, que tem como principal característica o sistema de amortecimento, a Olympikus, marca genuinamente brasileira, apresenta o filme “Saltos”. Desenvolvido pela DM9Sul, o filme marca o lançamento dos três produtos desta tecnologia: Tecknus, Essence e Unity. Os novos modelos evidenciam o lifestyle esportivo aliado ao que há de mais moderno em tecnologia de amortecimento. Através de atletas e acrobatas, o filme exibe uma performance com diferentes tipos de pulos e saltos em diversos cenários urbanos, com muito ritmo e animação. Para caracterizar ainda mais esse universo, além dos cenários brasileiros, o comercial conta com cenas gravadas em Venice e Santa Mônica, na Califórnia. MUITO ALÉM DO PAPEL DE UM JORNAL Com uma campanha composta por filme, anúncios para jornal e revista e peças diversas para internet, a F/Nazca divulga as três modalidades de assinatura do jornal O Globo. Apresenta a versão impressa, a digital e a Premium (combo com as duas) e mostra que o assinante pode estar informado quando, como e onde quiser em diversas plataformas. O filme “Tapete” retrata uma situação cotidiana e muito verdadeira. Um homem fecha a porta do apartamento e sai de casa para o trabalho. Ele se dirige ao elevador. Na porta ao lado do elevador, ele olha para um exemplar do Globo na porta do vizinho. E fica ali, em pé, lendo a capa. O elevador chega e ele continua ali, lendo. A locução completa explicando que a partir de R$ 29,90 é possível ter O Globo onde, quando, como e sempre que quiser. Finaliza com a assinatura “O Globo. Muito além do papel de um jornal”. MARKETING PROMOCIONAL GANHA PUBLICAÇÃO INÉDITA O marketing promocional vive o seu melhor momento no Brasil, com indicadores de crescimento em alta. Mas, apesar de sua representatividade, o setor ressentia-se da falta de uma publicação que retratasse o estágio atual da disciplina, o seu padrão de qualidade, um estudo completo da atividade tão utilizada para a ativação de marcas, produtos e serviços. Para preencher essa lacuna, o Promoview, site pioneiro na divulgação das atividades promo no país, lançou o I Anuário Brasileiro de Marketing Promocional com a chancela da Associação de Marketing Promocional - Ampro. A publicação de 124 páginas, dez mil exemplares, começa a ser distribuída para um mailing que inclui presidentes, diretores, gerentes e analistas das áreas de marketing, trade marketing e compras das principais empresas do Brasil; universidades e centros de estudos. O Anuário também será disponibilizado aos interessados por intermédio de versões digitais.


Ivelise Buarque

Carlos Pantaleão

Não é de hoje que se discute o poder da internet e a marca ou empresa como para a vida profissional. Mas, é preciforça das mídias sociais, que conta atualmente com cerca de so saber como usá-las. “É importante se ter bem claro que 50 milhões de usuários do Facebook e 33,3 milhões no Twitnada pode ser tratado como uma receita de sucesso nas míditer. Mas, apesar de ter maior alcance entre os usuários ativos as sociais, porque estamos tratando de pessoas. Desta forma, de internet, os brasileiros ainda aproveitam muito pouco o o ideal é experimentar as mídias, monitorar e analisar o que potencial das ferramentas para converter funciona”, lembra Damasceno, que indica seus relacionamentos em negócios, alega o que tudo deve partir de um primeiro e publicitário e fundador do Melhor do Marimportante detalhe: a definição dos objetiketing, André Damasceno. “Costumo semvos. Ao se determinar a principal expectatipre dizer: re-des sociais são canais de relaciva, pode-se levantar seus próprios questioonamentos. E relacionamentos são negócinamentos, que devem ser respondidos na os disfarçados”, diz o coach executivo pela criação do seu projeto: Qual o meu desejo? Academia Brasileira de Coaching. Quais as prioridades? Quem devo impactar Contudo, como em qualquer negóe como farei isso? cio, é necessário ter planejamento estratéTudo isto respondido, pode-se gico, definir valores e o tempo disponível, determinar as metas e apostar nas ferrapor exemplo, pontua ele que esteve no mentas a disposição para alcançar o objetivo Recife para ministrar workshop. A iniciativa, principal, investindo, inclusive, no que há de Shirleide Lima, relações públicas e desenvolvida no auditório do Grupo Roval blogueira novo. “Apostar nas mídias sociais novas são de Farmácias de Manipulação, partiu da uma oportunidade para se sobressair. Quannecessidade pessoal da relações públicas e do se faz o novo e o diferente sempre se blogueira Shirleide Lima (http://blogdachama mais a atenção. Mas o importante é shirleide.blogspot.com.br/). Apesar da buscar conhecer e se comprometer com as experiência já bem sucedida com o blog ferramentas e as pessoas com quem vai se (que já conta com 10 mil acessos), a profissimantendo relacionamento nessas redes”, onal deseja melhorar sua performance e destaca Damasceno, que sugere entre as almeja novos projetos. “Partiu da necessidanovas apostas o Pinterest (rede social amede de estar presente nas maiores redes ricana, criada em 2010, que funciona quase sociais do mercado - de forma correta e como uma revista personalizada). “Muitos eficaz. Já tinha participado de outros workprofissionais ainda têm receio de se exposhops com ele e admiro o seu posicionarem nas redes sociais, simplesmente pormento como profissional. E diante de seus André Damasceno, Academia que não sabem como. Com esse curso eu conhecimentos cheguei a conclusão que era Brasileira de Coaching tive a oportunidade de aprender o 'como o que no momento atendia as minhas expectativas, por ser fazer'. Qual a maneira certa de divulgar e ao mesmo tempo um profissional qualificado, com nome forte nesse nicho”, proteger a minha marca e a minha imagem pessoal, além de comenta Lima que tem MBA em Marketing e Especialização me dar a oportunidade de ouvir e interagir mais com meus em eventos e Gestão de Imagem e se prepara para atuar leitores, seguidores, consumidores e clientes. Tudo isso de como consultora. forma mais clara, rápida e de forma bacana agradando a todos A proposta não podia ser mais oportuna. Afinal, através dessas redes sociais”, acrescenta Shirleide Lima, que somente o Facebook hoje tem mais de 3,2 bilhões de curtir e já vinha utilizando algumas ferramentas de busca, monitoracomentários por dia, enquanto o Twitter tem margem de um mento e marketing. Mas, agora usará os ensinamentos para bilhão de posts por mês. O que faz muita diferença para uma concretizar e expandir negócios em seu blog. 09

Ivelise Buarque

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO É FUNDAMENTAL


FICHA TÉCNICA

SÃO JOÃO MAIS GOSTOSO Para festejar a data mais comemorada no Nordeste a Tambaú Alimentos lançou a Campanha de São João criada pela agência MV2. “Com Tambaú, todo São João é mais gostoso” é o mote da campanha que está sendo veiculada nos estados de Pernambuco e Paraíba. O plano de mídia integra backbus, outbus, material de ponto de venda, anúncios para revistas e jornais, além do TV de 15 segundos animado por um teatro de mamulengos com os personagens de noivo e noiva em 3D, que apresentam as delícias que podem ser preparadas com os produtos da marca. Agência: MV2 (PE) Cliente: Tambaú Alimentos Atendimento: Luciana Gagliano Diretor de Criação: Leonardo Vasconcelos Direção de Arte: Tiago Andrade Redação: Carol Barbosa Mídia: Dedé Produção: Alessandra Melo

ARRAIAL DE OFERTAS Grande Arraial de Ofertas é o mote da Campanha de São João que o Home Center Ferreira Costa lançou para apresentar a imperdível oportunidade de comprar móveis, eletro, cerâmicas, revestimentos e porcelanatos em até 10X sem juros em todos os cartões.Assinada pela agência Ampla em Pernambuco e na Bahia pela agência Morya, a campanha está sendo veiculada em TVs com comercial de 30”, rádios, anúncios de jornais, tabloides e internet. As ofertas são válidas para as lojas de Recife, Garanhuns e Salvador. Agência: Ampla Comunicação (PE) Cliente: Ferreira Costa Atendimento: Mariana Fernandes e Wanessa Melo Dir. de Criação: Humberto Montenegro e Juliana Lisboa Criação: Marcel Leimig e Ciro Viegas VP Criação: Manuel Cavalcanti Mídia: Nilson Samico e Raquel Torres RTVC: Fabiana Stefani, Larissa Bione, Laís Leleu e Mariana Bandeira Cliente/Aprovação: Guilherme Ferreira Costa, Conrado Costa e Filipe Vaz

MUITO MAIS RECONHECIMENTO A Faculdade Maurício de Nassau acaba de se tornar UniNassau. Para marcar este novo momento da instituição e frisar a imagem positiva que os alunos Nassau têm no mercado de trabalho, a AgênciaUM criou uma campanha com o mote “Muito mais reconhecimento para você”. A UniNassau estará presente na TV, rádio, jornal, cinema, entre outras mídias. Agência: AgênciaUM (PE) Cliente: UniNassau Atendimento: Juliana Godoy Diretora de Atendimento: Ludmila Canto Planejamento: Daniela Aragão Criação: Rafael Oliveira e André Melo Diretor de Criação: Ricardo Santiago RTV: Fabiana Araújo Aprovação: Bruno Burgos e Jânyo Diniz

10


QUEDA DOS JUROS NA INDIANA VEÍCULOS A Viamídia criou anúncio para a Indiana Veículos que foi veiculado no jornal A Tarde. Seu formato foge do modelo blocado, que é tão comum, e interage com a forma das colunas de texto, o que traz uma experiência visual bem bacana e diferente. O conceito criativo é claramente percebido: a queda de juros alavanca as ofertas. E tudo isso foi organizado em um layout ousado e direto que facilita a leitura, inteligibilidade e eficácia da peça. Agência: Viamídia (BA) Cliente: Indiana Veículos Dir. de Atendimento: Americo Neto Atendimento: Milena Tapioca Dir. de Criação: Neca Boullosa Redação: Érica Mendoza Diretor de Arte: Marcelo Antonioli (Morotoh) Dir. de Mídia: Alan Abreu

DESCARTE DE LATINHAS NO MAR Em celebração à Semana do Meio Ambiente, a Bahia Marina, através de um outdoor criado pela agência Engenhonovo, alerta para o impacto do hábito de descartar latinhas de alumínio no mar. A Engenhonovo dramatizou o tamanho desse problema planejando um outdoor inusitado: as placas foram preenchidas com um aplique de cerca de duas mil latinhas de refrigerante e cerveja. Agência: Engenhonovo (BA) Cliente: Bahia Marina Atendimento: Carolina Lima Planejamento: Ana Carolina Monteiro e Sabrina Alves Coor. de Criação: Rodrigo Soares Criação: Luciano Pimentel, Luisa Chequer e Rodrigo Soares Mídia: Fernanda Domiciano Produção: Hamilton Pereira Aprovação: Silvia Ferreira VIVA A NATUREZA A SLA desenvolveu para a Fortcasa, empresa cearense do ramo imobiliário, a campanha que reflete o seu novo posicionamento. Neste primeiro momento, um dos principais desafios da agência é fazer uma comunicação para atrair as classes A e B. Visando este público, foram lançados loteamentos fechados que incluem infraestrutura completa de lazer e conceito de sustentabilidade. Foram utilizados anúncios em jornal e revista, peças para internet, spot para rádio, mídia extensiva e outdoor, além de ações de relacionamento com clientes, prospects e corretores. Agência: SLA Comunicação (BA) Cliente: Fortcasa Atendimento: Monique Helen Planejamento: Isis Noguti Dir. de Criação: Lívia Diamantino Mídia: Carina Spinola e Leonardo Ribeiro Produção: Úrsula Jordão, Lídice Torres e Cecília Corrêa Arte-final: Francillon Gomes Aprovação: Priya Bianchi 11


RECIFE RECEBEU A BRAZIL PROMOTION ROAD SHOW Fabiana Constantino

A segunda edição recifense da maior feira de marketing promocional do país atraiu grande público interessado em aprender, discutir e entender o setor De acordo com pesquisas, o marketing promocional tem se tornado uma ferramenta cada vez mais importante nas empresas. Uma pesquisa do Ibope Inteligência encomendada pela Associação de Marketing Promocional (Ampro), aponta que o planejamento de ações de marketing promocional foi confirmado por 82% das empresas em 2011, representando um crescimento de 9% em relação a 2009. Mostrando essa evolução, foi realizada em Recife, a Brazil Promotion Road Show, versão itinerante da maior feira de marketing promocional do país realizada em São Paulo. Por acontecer em um único dia e ter formato reduzido em relação à versão nacional, o Road Show permite uma relação mais próxima e direta entre os visitantes e expositores, facilitando aos profissionais a realização de todo o planejamento promocional durante o evento. A segunda edição recifense aconteceu no Mar Hotel, em Boa Viagem e atraiu grande público interessado em aprender, discutir e entender o marketing promocional, o mercado local e as tendências do setor.

O evento, que acontece desde 2010 na regional Nordeste tem a proposta de apresentar as principais novidades, inovações e últimos lançamentos do segmento. De acordo com Willian Medeiros, um dos organizadores da feira, o encontro dá uma grande contribuição para o aumento de atividades relacionadas ao marketing promocional na região. “Nosso principal objetivo é aproximar os compradores e fornecedores das diversas regiões em um só lugar”, afirma. Cerca de 30 expositores trouxeram os principais lançamentos das suas marcas para comercializar na cidade. Um deles foi a Imagem Promocional, de São Paulo. A empresa fabrica produtos costuráveis como mochilas, bolsas, nécessaires, ecobags e ainda oferece serviços de gravação em bordado, silkscreen (tampografia e serigrafia) e laser. A linha ecológica da Imagem Promocional ganha destaque entre os produtos. Guilherme Montoro, gerente operacional da Imagem Promocional na Brazil Promotion Road Show em Recife fala da importância da feira para o mercado. “É uma grande

A Brazil Promotion Road Show, em Recife, versão itinerante da maior feira de marketing promocional do país realizada em São Paulo. A segunda edição recifense aconteceu no Mar Hotel, em Boa Viagem e atraiu grande público

12


chance de descobrir novas oportunidades no mercado e entender a cultura local”, destaca. Outras importantes empresas estiveram presentes como a Pombo Lediberg, que atua no segmento de varejo e no mercado corporativo. A Faber Castell inovou e apresentou canetas de bambu, com design moderno e arrojado. A Raizler Promocional esteve presente no evento com seus magnetos promocionais. Já a Funclink atraiu os visitantes com suas fotos instantâneas que podem ser utilizadas em diversos tipos de eventos. Paralelamente ao início da feira, a Mileris Consultoria & Treinamento, em parceria com a Forma Editora (organizadora do evento) promoveram uma palestra beneficente para os visitantes, com o tema “O click do êxito - Uma vida melhor, com metas definidas”, ministrada pelo diretor da Mileris Consultoria & Treinamentos, Wilson Mileris. Visando provocar mudanças comportamentais, a palestra sustenta que a equação do sucesso humano está apoiada em dois fatores: a postura mental e um plano de ação pessoal consistente. Sua abordagem é a motivação de forma dinâmica e divertida. Um bom instrumento motivacional para desenvolver atitudes e formar novos hábitos. Em seguida, os visitantes puderam conhecer os produtos expostos na feira e os itens desenvolvidos pela Ong Oscip Diálogos, que desenvolve trabalhos de inclusão social nas comunidades e bairros periféricos de Olinda. Entre os projetos da Diálogos, destacam-se ações com música, artesanato, palestras e uma série de intercâmbios artísticos. À tarde, com um fluxo maior de pessoas, teve início o Seminário Promo Tendências, ministrado por três profissionais conceituados e experientes da área: Wilson Mileris, diretor da Mileris Consultoria & Treinamentos e expert em com- portamento humano, Kito Mansano, presidente nacional da Ampro e Cleber Paradela, diretor de criação da Agência Tudo, do Grupo ABC de Comunicação, que exploraram o tema “Tendências do Marketing Promocional”. Em suas abordagens, concordaram sobre o momento de grande expansão do Marketing Promocional no Brasil. Avaliaram como um período em que as agências precisam planejar e pensar rapidamente e de forma estratégica, avançando junto com o mercado. MARKETING PROMOCIONAL GANHA O PRIMEIRO ANUÁRIO BRASILEIRO Por falar em promoção, o marketing promocional

Wilson Mileris, diretor da Mileris Consultoria & Treinamentos

ganhou uma publicação que retrata o estágio atual da disciplina, o seu padrão de qualidade e um estudo completo da atividade. O Promoview, site pioneiro na divulgação das atividades promo no país, lançou e já está distribuindo o I Anuário Brasileiro de Marketing Promocional com a chancela da AmproAssociação de Marketing Promocional. A publicação de 124 páginas e dez mil exemplares está sendo distribuída para um mailing que inclui presidentes, diretores, gerentes e analistas das áreas de marketing, trade marketing e compras das principais empresas do Brasil além de universidades e centros de estudos. O Anuário também será disponibilizado aos interessados por intermédio de versões digitais em todas as plataformas, com atualização permanente por meio da convergência do conteúdo impresso com o que será publicado nos sites e blogs das agências promocionais participantes da publicação, ao longo do ano. O I Anuário Brasileiro de Marketing Promocional reúne 100 empresas do setor com competências em ações promocionais, no ponto de venda e na realização de eventos corporativos e promocionais, dezesseis delas atuando na região Norte e Nordeste. A publicação mostra o perfil de cada empresa, imagens de ações promocionais realizadas pelas agências promo, sua especialização e competências, dentre outras informações. Segundo o estudo realizado por Promoview, o mercado Promo no Nordeste corresponde a 6,68% do total de empresas e profissionais do Brasil em atividade.

13


ENTREVISTA

Anderson Lima

A HORA DOS GRANDES ANUNCIANTES Conhecido no mercado simplesmente como Rod, Rodrigo Rodrigues é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), possuindo especialização em Marketing e Propaganda. Atualmente, é coordenador de Mídia da agência Aporte Comunicação, mas soma passagens de oito meses como superintendente Comercial do Grupo SBNC (Rádio Jovem Pan, Antena 1 e MTV), além de ter atuado como coordenador de Mídia da agência Marta Lima e vivenciado uma experiência no mercado de São Paulo. “Atualmente, divido meu dia entre a agência e a faculdade, onde leciono para alunos de Publicidade e Propaganda na Escola Superior de Marketing (Fama), aqui no Recife, e para alunos de Marketing e Propaganda na Faculdade de Timbaúba”, conta Rodrigo, que também lecionou no curso de Publicidade da Faculdade Maurício de Nassau, passou pela direção de mídia da Italo Bianchi Comunicação e foi presidente por quatro anos do Grupo de Mídia de Pernambuco. Na entrevista a seguir, Rodrigo Rodrigues fala sobre carreira, mercado e os ensinamentos que aprendeu em 12 anos de profissão.

REVISTA PRONEWS – Você está completando 12 anos de mercado. Qual foi a maior lição que aprendeu com essa vivência que traz para seu dia a dia? RODRIGO RODRIGUES – É mesmo! No final do ano chego aos 12 anos nessa vida de publicitário, onde comecei como estagiário de produção, passei para mídia, já fui pelo atendimento, na última experiência estive do outro lado como veículo e agora retorno para a área de mídia. O melhor disso tudo é que consegui absorver um pouco de cada área e, com isso, ter uma visão mais ampla de toda comunicação para os nossos clientes. REVISTA PRONEWS – Mas você também atua do outro lado, lecionando. Que ensinamentos busca passar para seus alunos? ROD – Fora toda a correria da agência, eu ainda arrumo tempo para a vida acadêmica. Tudo começou com algumas palestras e logo depois surgiu o convite em 2006 para ensinar algumas disciplinas dentro do curso de publicidade e estou nessa até hoje. O que consigo destacar como diferencial é a questão de mostrar em sala de aula a propaganda na prática. Tudo o que acontece no nosso dia a dia, sempre levo como assunto para a sala de aula. REVISTA PRONEWS – Você foi presidente do Grupo de Mídia por quatro anos. Como tem sido a atuação da entidade junto ao mercado local? ROD – Fui presidente durante dois mandatos, onde na medida do possível realizamos alguns eventos, já que somos uma instituição sem fins lucrativos, sempre precisamos de patrocínio para a realização de todas as nossas atividades. Hoje, já podemos considerar o trabalho da entidade como algo de destaque junto às outras entidades e ao mercado. REVISTA PRONEWS – Qual a importância da entidade para os profissionais e que retorno ela recebe do mercado? ROD – O trabalho do Grupo tem sido cada vez mais presente nos últimos anos, sempre buscando capacitação para os mídias e tornando um caminho de troca de experiência com a realidade dos outros mercados. Sei que temos muito a avançar para consolidar o trabalho do Grupo de forma mais presente na realidade do nosso mercado.

14


Rodrigo foi presidente por quatro anos do Grupo de Mídia de Pernambuco

REVISTA PRONEWS – Falando em mercado, temos visto algumas mudanças no cenário de agências em Pernambuco, com fusões e novos nomes. Estamos vivendo um momento aquecido para a publicidade pernambucana? ROD – Percebo que o mercado hoje está cada dia mais se profissionalizando e, com isso, exigindo investimentos em tecnologia e, principalmente, no quadro de profissionais. No entanto, as fusões e as novas agências já chegam com grande força para competir de forma saudável para o crescimento do nosso mercado e, principalmente, ter o reconhecimento da qualidade do trabalho feito localmente para grandes marcas. REVISTA PRONEWS – O Produto Interno Bruto (PIB) de Pernambuco foi superior ao do Brasil nos três primeiros meses de 2012 em relação ao mesmo período do ano passado – enquanto o estado cresceu 4,6%, o País registrou alto de 0,28%. Como esse desenvolvimento tem se refletido em investimentos no setor? ROD – Já é assunto de todos os meios de comunicação que “Pernambuco é a bola da vez”. Com todos os investimentos que estão

sendo realizados em nosso estado, o mercado de comunicação também tende a seguir esse crescimento. Observamos que as empresas que estão chegando serão grandes anunciantes e temos exemplos de empresas que já estão instaladas aqui e que já começam a despontar como grandes anunciantes. Chegou a hora de absorvermos essas contas. REVISTA PRONEWS – Como você avalia o momento atual para o profissional de mídia dentro das agências? ROD – Na época da faculdade, quase toda a minha turma queria fazer o curso para seguir na área de criação. Poucos eram os que já tinham a mídia como área definida a seguir. Naquela época, o trabalho era bem diferente. Sei que peguei um momento de muita transição por conta da tecnologia, só que hoje em dia podemos perceber que cada dia mais o papel do profissional de mídia tem um grande reconhecimento do dono da agência e até mesmo do cliente. Antigamente, as campanhas eram sempre apresentadas ao cliente com a participação do diretor de criação e o atendimento. Hoje, a história é outra. O mídia vai junto e é ele a pessoa mais capacitada da agência para defender os meios escolhidos para a campanha. 15


A IMPORTÂNCIA DA COMUNICAÇÃO INTERNA NAS EMPRESAS Fabiana Constantino

De olho na informação e integração dos colaboradores, diversos meios estão sendo utilizados pelas empresas no desenvolvimento da comunicação interna Responsável por fazer circular as informações e os conhecimentos dentro de uma empresa ou instituição, a comunicação interna se tornou um fator essencial para o sucesso das corporações. O uso de ferramentas de comunicação interna nas empresas, que durante muitos anos foi colocada em segundo plano, está crescendo no Brasil. As organizações de todos os portes estão percebendo que a circulação interna de informações é essencial para o bom desempenho dos negócios e integração dos funcionários. Desenvolver a comunicação interna nas empresas traz diversos resultados positivos para a organização. Um deles é o engajamento dos colaboradores da empresa. Quanto mais bem informados eles estiverem, mais envolvidos com aquela empresa, sua missão e seu negócio, eles estarão. Além disso, os empregados são os melhores porta-vozes da instituição em que trabalha. Informados e satisfeitos com a empresa, eles vão se tornar ótimos propagandistas. Ou seja, investir na comunicação interna é investir no clima organizacional e em marketing também. De olho em todos esses benefícios, empresas como a MCE Engenharia vem investindo alto em comunicação interna. A matriz da MCE é localizada na Bahia, a fábrica em Pernambuco e os escritórios em São Paulo e Rio de Janeiro. Com um quadro de mais de cinco mil funcionários, o setor de Comunicação e Marketing vem desenvolvendo diversas ações de Comunicação Interna para manter o grupo informado, coeso e a par das ações da empresa. Diversos meios são utilizados para se comunicar com os funcionários. Um deles é o Jornal Mural impresso com periodicidade semanal para funcionários operacionais e administrativos. Nele as informações são colocadas em diversas editorias como Classificados, Acontece, Segurança, Saúde, Aniversariantes da Semana e RH Informa. A empresa também faz uso de comunicados eletrônicos através do e-mail corporativo, desenvolve e distribui o Jornal MCE em Foco para funcionários e clientes, faz campanhas e ações internas, produz a comunicação visual interna da empresa e planeja, executa e apoia as demandas internas de 16

Laise Caldas, supervisora de comunicação e marketing da MCE Engenharia eventos. De acordo com a supervisora de comunicação e marketing da MCE Engenharia, Laise Caldas, a meta da empresa é fazer com que todos os funcionários, em qualquer lugar do Brasil, tenham sempre as mesmas informações, no mesmo espaço de tempo, com a mesma linguagem e identidade corporativa. “Um bom trabalho de comunicação interna estreita os laços entre a empresa e os funcionários, minimiza os ruídos internos, contribui para um bom clima organizacional e acima de tudo para a gestão transparente, que por sua vez traz como resultado a confiança na organização”, afirma. Com o trabalho desenvolvido pela empresa, Laise Caldas afirma que o resultado está sendo satisfatório com o alcance do nivelamento das informações corporativas nas operações e o fortalecimento da marca MCE para os funcionários. Outra instituição que desenvolve diversos trabalhos de comunicação interna é Fachesf - Fundação Chesf de Assistência e Seguridade Social. Laura Lima, assessora de comunicação da Fachesf enfatiza a importância desse tipo de comunicação dentro de uma empresa. “Os dirigentes e gestores precisam entender que a comunicação interna é tão importante


Teresa Maciel, diretora executiva da Multi Comunicação

Vivianne Guimarães, gerente de comunicação corporativa da Coca-Cola Guararapes quanto a institucional e/ou mercadológica. Dessa forma, é preciso investir permanentemente numa comunicação interna eficaz, estruturada e de qualidade. O colaborador satisfeito, valorizado e bem informado desenvolve suas atividades com muito mais profissionalismo, eficiência e paixão. Além disso, não podemos esquecer que ele é um importante portavoz da empresa, principalmente nessa época de popularização das redes sociais”, analisa. A Fachesf possui vários produtos de sucessos. Laura Lima destaca o mais recente, que foi desenvolvido para atender a uma demanda da Assessoria de Recursos Humanos da Fachesf. Através de uma campanha interna criativa, elaborada numa linguagem lúdica, interativa e bastante participativa a ação conseguiu que 92% dos empregados participassem espontaneamente e com muito entusiasmo de uma pesquisa de clima organizacional. “O case 'O zum zum zum vai começar' superou todas as nossas expectativas tendo sido, inclusive, vencedor do Prêmio Aberje Brasil, na concorrida categoria 'Comunicação e Relacionamento com o Público Interno', demonstrando que é possível fazer comunicação com pouco

dinheiro, desde que as pessoas atuem como parceiros e multiplicadores da ideia”, destaca Laura. Bons resultados também vão sendo alcançados pela Coca-Cola Guararapes. De acordo com a gerente de comunicação corporativa da empresa, Vivianne Guimarães, os trabalhos de comunicação interna estão sendo desenvolvidos visando o máximo de engajamento de líderes e liderados na busca de resultados vencedores. “Não basta ter uma equipe talentosa e motivada se ela não estiver bem informada, se seus integrantes não se comunicarem e não houver um discurso coerente com a estratégia corporativa da empresa. E é este discurso que potencializará a força da empresa entre seus líderes e liderados, direcionando-os num contexto estratégico único a fim de obter os resultados”. Hoje, a Coca-Cola Guararapes utiliza murais de comunicação, e-mail, jornal interno mensal, wallpaper, intranet, ações promocionais internas, TV corporativa, mensagens de texto no celular, celebrações internas, stand upmeeting, programas de voluntariado, entre outros meios. “Para a Guararapes ações como o lançamento do Projeto Voluntariado e a Campanha de Implantação da Coleta Seletiva no novo escritório foram de grande relevância, pois conseguimos resultados na prática em pouquíssimo tempo”, pontua Vivianne. Tendo a comunicação interna como um de seus fortes, a Multi Comunicação desenvolve vários trabalhos nesse segmento para seus clientes. A empresa faz pesquisa e diagnóstico, conteúdo e diagramação de produtos editoriais, cria campanhas e outras peças, mantêm os veículos internos atualizados e mede os resultados. Um de seus cases mais relevantes é o da Compesa. Para eles, a Multi atualiza blog corporativo, faz jornal on-line, campanhas de endomarketing, cartilhas, comunicados, cartões comemorativos e a TV Compesa, a TV corporativa da companhia. Em formato de telejornal, com apresentador em estúdio e duração de cerca de seis minutos, vai ao ar toda semana com uma média de quatro reportagens por programa, gravadas na Região Metropolitana do Recife e cidades do interior. Teresa Maciel, diretora executiva da Multi Comunicação destaca o crescimento das opções de meios utilizados nos trabalhos de comunicação interna das empresas. “Além de jornal interno e jornal mural, que são os mais comuns, estão crescendo os veículos digitais como newsletter, blog, intranet, TV corporativa, dentre outros recursos todos com o mesmo objetivo de integrar os colaboradores à filosofia e às metas da empresa aumentando o envolvimento com o trabalho, melhorando o clima organizacional e, consequentemente, os resultados”. 17


CAPA

CADA VEZ MAIS ACESSÍVEL Há 51 anos o cineasta Blake Edwards trazia às telas uma obra de Truman Capote que virou clássico e incorpora até hoje a ânsia por se diferenciar pelo estilo e pela posse de um artigo “único”: o filme Bonequinha de Luxo (Breakfast at Tiffany's). Estrelado por Audrey Hepburn, o mesmo imortalizou a personagem Holly Golightly, uma garota de programa nova-iorquina com ares de socialite e apaixonada pelas joias da Tiffany's. A história, que ainda emociona gerações, destaca o desejo de consumo diferenciado e a força de uma marca com um padrão que a define pelo requinte máximo. “O mercado de luxo sempre existiu. O que aconteceu nos últimos anos foi a vinda de marcas internacionais para o país devido ao nosso crescimento econômico. Um outro aspecto importante no Brasil é que, como temos uma das piores distribuições de renda do mundo, a classe mais favorecida economicamente fica cada vez mais rica e, consequentemente, consome ainda mais”, diz Paulo Al-Assal, diretor-geral da Voltage (SP) – agência de pesquisa especializada em tendências – e coordenador da pesquisa Brand Personality, que mostra a clara tendência de repensar o consumo. O verbete luxo faz referência ao “modo de vida caracterizado por grandes despesas supérfluas e pelo gosto da ostentação e do prazer”, de acordo com o dicionário Aurélio. E isto pode até soar fútil, mas a verdade é que este novo padrão social reflete uma mudança não somente socioeconômica e comportamental, como também numa nova ordem comercial que representa cerca de US$ 18 bilhões no país, no último ano. É o que mostra estudo sobre o setor no Brasil, realizado pela MCF Consultoria & Conhecimento, em parce-

Paulo Al-Assal, Voltage (SP)

18

ria com o instituto de pesquisa GfK Indicator. Um indicador bastante plausível para um país que já conta com 18 bilionários na lista anual da Forbes. Esse mercado está em alta e isso tem a ver com o crescimento de uma classe, o que é muito bom. Mas também o conceito do mercado de luxo mudou bastante e não é mera ostentação que essas marcas oferecem. “Hoje, luxo está ligado à autenticidade, ao caráter artesanal, a um produto único. A definição seria: raro. Longe de ostentação. Isto quer dizer também se diferenciar pelo estilo. As marcas que querem se estabelecer, tem que se diferenciar pelo que oferecem. Em suma, tudo o que define hoje o mercado de luxo, identifica uma clientela muito mais exigente, com acesso a informação”, destaca a empresária Juliana Santos, sócia-diretora da Dona Santa|Santo Homem (PE), inaugurada em 1995 com a mãe Lilia Santos, considerada uma multimarcas feminina referência de primeira linha. Serviços de qualidade e personalizados são uma experiência de consumo atrelada a este consumidor exigente que, segundo especialistas, mantém renda média entre R$ 4,5 mil e R$ 10 mil, está em grandes capitais - como Brasília, Belo Horizonte, Recife e Curitiba - e não quer sair de sua cidade para ter acesso a estes produtos de primeira linha. “No Brasil, pesquisas comprovaram que existe uma tendência para abertura de novas lojas do segmento de luxo, em cidades cuja população situa-se entre um a quatro milhões de pessoas. Já o Nordeste apresenta crescimento econômico acima da média nacional e


Juliana Santos e Lilia Santos, Dona Santa|Santo Homem (PE)

Pernambuco é o estado com o segundo maior número de milionários no Norte/Nordeste. E ainda, Recife é a cidade com maior PIB Per Capta do Nordeste, segundo o IBGE. É a sexta cidade mais promissora para investimento no mercado de luxo no Brasil e a mais promissora no Norte/Nordeste. Não íamos investir em terreno que não fosse promissor!”, ressalta Juliana Santos. Somente este ano, mais de 30 marcas de luxo e "luxo acessível" estão se instalando no país como, por exemplo, a Miu Miu, Lanvin, Tory Bursh, Coach e uma Gucci para o público masculino (que se instalaram no novo Shopping JK Iguatemi), em São Paulo. A explicação para a crescente demanda de artigos de alto padrão é realmente este aumento das classes A e B, que devem crescer ainda 29% entre 2012 e 2014. “O crescimento da economia nacional fez com que mais brasileiros viajassem para fora do Brasil e conhecessem as marcas premium. Além disso, o brasileiro tem disponível mais informações sobre as marcas e produtos; um marketing que cria uma mítica sobre os produtos, tornando-os verdadeiros 'objetos do desejo'. Embora o país tenha altas taxas de importação, há a possibilidade de parcelamento do pagamento – o que permite que as classes A e B tenham acesso aos produtos, não somente a classe A. Uma outra consideração é o alto

custo das mercadorias de luxo nacionais – que indiretamente incentiva o consumo do luxo internacional”, comenta Stella Kochen Susskind, presidente da Shopper Experience (SP) e coordenadora da pesquisa Objetos de Desejo. O consumo de itens de luxo cresce progressivamente em todo mundo, tendo os países do Bric (como são chamados os emergentes) entre os estratégicos para este segmento: China 83%; Brasil 43%; Índia 37% e Rússia 30%, de acordo com a pesquisa da MCF Consultoria & Conhecimento/ GfK Custom Research Brasil. NO BOOM DO MERCADO – Na rota das marcas de Luxo, Brasília lidera o ranking e Belo Horizonte também desponta entre as cidades, embora ainda entrem neste cenário Salvador, Recife, Curitiba e Porto Alegre. “Aqui no Brasil existem produtos de marca de luxo, praticamente desenvolvidos unicamente para o nosso mercado. São produtos mais simples e mais baratos, no entanto, com a marca de luxo que todos desejam”, diz Americo Neto, diretor de Atendimento da Viamídia Publicidade (BA), para quem o público que consome tanto produtos de luxo busca diferenciais concretos. “Quem compra, quer qualidade em primeiro lugar, e busca por produtos teoricamente melhores. Depois, pelos valores agregados às marcas como: estilo, status, ascensão social. E, principalmente: pelo sonho!”. Hoje, as marcas de luxo estão descobrindo novos clientes para seus produtos no Brasil, oferecendo a estes consumidores com poder aquisitivo alto a oportunidade de adquirir produtos de primeira linha sem sair do país ou mesmo do seu estado. “O mercado do Luxo está crescendo em todas as regiões. São Paulo ainda domina o mercado, mas não é o único local onde se acessa o luxo, como já chegou a Stella Kochen Susskind, Shopper Experience (SP)

19


Carlos Ferreirinha, MCF Consultoria & Conhecimento (SP)

ser. Não que o mercado em São Paulo tenha diminuído, pelo contrário, mas há clientes em todas as regiões do Brasil, e as marcas perceberam isso. O Nordeste teve crescimento muito significativo nos últimos anos, com investimentos públicos e privados que impulsionaram o consumo na região”, comenta o consultor Carlos Ferreirinha, diretor da MCF Consultoria & Conhecimento (SP), que atua em todo o Brasil. Este mercado está ainda muito concentrado, normalmente, em regiões mais desenvolvidas, como Rio de Janeiro e São Paulo, representando um setor importante de crescimento e rentabilidade. Mas as empresas estão em busca de novos públicos e enxergam, no Nordeste, um mercado bastante promissor, tendo Recife como um dos principais focos por sua força cultural. “A busca por novos mercados, a crise Européia, a identificação do Brasil como um dos maiores consumidores de luxo intensificou a vinda dos principais grupos para o Brasil. Tal desenvolvimento de novos mercados reflete no crescimento geral da região e coloca o Nordeste numa vitrine importante de valorização e desejo”, pontua a diretora Comercial e proprietária da loja de moda Maison Adom (PE), Juliana Machado. Realmente, é na virada desta onda que os negócios em especial no Nordeste estão cada vez mais se internacionalizando. Um exemplo disto é a instalação recente na capital pernambucana de diversas marcas de conceito na nova etapa do Shopping Recife entre as 56 novas lojas que aportaram naquele mall, como a M.A.C. (a gigante canadense de maquiagem), Adom Invités (moda masculina e feminina), Granado (cosméticos), Accessorize (a londrina de acessórios), Bobô, Carlos Miele e Constança Basto, além do projeto inovador da 20

ChiliBeans Concept, que comercializa guitarras, mochilas, tênis, sandálias e bicicletas, somados à sua linha de óculos e relógios. O novo Rio MarShopping (PE), previsto para ser inaugurado em outubro, recebeu investimento de R$ 600 milhões e quer se posicionar como o maior centro de compras do Nordeste. Embora não seja um empreendimento de luxo, terá marcas como Cavendish, Spa Loccitane e a Companhia Athletica, nova academia de luxo entre suas 476 lojas. Contudo, muitos outros negócios estão prosperando com uma marca própria com alto padrão, que traz conceitos elevados para os consumidores. “Posso intuir que o mercado de luxo aqui no Nordeste é restrito às classes mais abastadas, direcionada para um público que ascendeu socialmente, são empreendedores que cresceram junto com a economia brasileira nesses últimos dez anos de pujança financeira e que nos consagra como nação economicamente emergente. Empresários, comerciantes, médicos, advogados, publicitários, designers, dentistas e engenheiros; eu digo que é nova classe B, uma vez que a classe média foi dissecada em quatro subclasses e deixou de existir informalmente. A classe A e AA sempre fizeram parte disso. São consumidores que anualmente viajam para o exterior, conhecem muito bem os produtos, as marcas e querem melhorar sua qualidade de vida, buscando conforto e privacidade; muito diferente do consumidor do luxo de 40 anos atrás que queria exaltação e prestígio”, destaca Rodrigo Stéfani Correa, coordenador do grupo de pesquisas em Marketing de Luxo da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e professor adjunto do Departamento de Comunicação. Rodrigo Stéfani, que é também especialista em Gestão de Marketing e da Comunicação, define quatro fatores determinantes para o crescimento deste segmento atualmente: a economia em desenvolvimento; as facilidades proporcionadas pelas linhas de créditos, que são uma característica única e exclusiva do país; a estabilidade econômica que é uma segurança para investimentos exteriores; e a mudança de foco das marcas internacionais que começaram a enxergar no Brasil um nicho interessante de possibilidades. “As grifes de Luxo não conseguem expandir seus negócios na Europa que, apesar de ser um mercado maduro, sofre com os reflexos da crise econômica deixando os consumidores em estado de alerta. A classe média tem maior acesso aos produtos de luxo que, simbolicamente, demarcam sua ascensão social”, comenta Rodrigo.


UM NOVO CENÁRIO - É um fato. A situação da economia brasileira transformou os consumidores. Eles demandam um grau de complexidade maior por parte das marcas em suas estratégias. “É um público mais exigente e com mais dinheiro para gastar, formado por pessoas que estão encontrando o luxo ao alcance das mãos. Esse público consome produtos de luxo exatamente porque passou a ter facilidade de acesso a eles. Se luxo é sinônimo de bom gosto, a nova classe consumidora tem bom gosto e quer usufruir disso”, lembra Alessandra Nutels, diretora de Marketing e Comercial da Flu Look (AL), que sempre apostou em diferenciais e, por isso, tem sido pioneira em muitas iniciativas. A Flu Look foi a primeira ótica no Brasil a receber a certificação ISO 9001. Montou um dos melhores laboratórios ópticos do Nordeste. Oferece seguro gratuito contra quebra, perda e roubo de óculos e relógios, e mantém equipe de consultores/vendedores técnicos ópticos, formados na própria empresa, para atender com excelência. O consumidor de luxo, no Brasil, está disposto a pagar por seus objetos de desejo, mesmo que seja pago em parcelas, o que realmente importa é a realização de consumir um produto de qualidade. “O brasileiro também gosta de novidades e de mostrar que conhece os produtos mais recentes no mercado, por isso não acho que seja futilidade e sim um investimento em satisfação pessoal e inserção social”, comenta Andreia Alves, supervisora Operacional da Oculum (PE). A Oculum funciona desde 1998 e é a primeira empresa do ramo de óticas a trabalhar só com grifes de luxo, num universo com 26 mil empresas no país, de acordo com pesquisa feita pela New Sense, da Associação Brasileira da Indústria Óptica (Abióptica), em 2010. Para ela, o luxo é um estilo mais do que uma maneira de “viver” que, neste início do século XXI, serve finalidades distintas há um público relativamente heterogêneo, pois, no fundo, sua variedade de oferta e formas de consumo reflete a própria diversidade da sociedade. “A exigência de padrões de qualidade e de produtos de excelência eleva o nível da prestação de serviço do mercado de uma maneira geral. Aumenta a informação de cultura, de moda, do público, e consolida o crescimento econômico da região, modificando o olhar de fornecedores e empresários de maneira geral para uma região que só cresce e que tem potencial consumidor muito grande”, afirma a Andreia Alves. Atraídas pelo crescimento do mercado brasileiro as marcas internacionais desembarcam no país com muitas expectativas, mas lojas regionais também investem forte de

olho neste potencial e com vista a este consumidor ávido, buscando estratégias adequadas para se firmar e conquistar o consumidor nordestino. “O consumidor cada vez mais surge de diferentes classes sociais que estão emergindo e ganhando muito dinheiro com os seus negócios. Acho que o mercado de luxo, acima de tudo é como se fosse um prêmio e um status que o consumidor se dá por ter trabalhado e conseguindo comprar um sonho. Por isto, atendemos ao cliente desde o momento em que ele entra na loja, até a instalação das luminárias. Sempre junto para o que o cliente precisar”, diz Maria Pimentel, sócia da La Lampe (PE), fundada em 1987, que introduziu novo olhar para a iluminação residencial. “Hoje sabemos que esse mercado movimenta considerável quantia, e que corresponde a uma fatia que não pode ser desprezada pelos governantes do País. Aqui no Nordeste a importância deste mercado é crescente, vários empresários estão apostando neste mercado, quem ainda estiver vendo o nordeste como região de abandono está enganado aqui em Recife, por exemplo. O crescimento é muito superior a média do País e isso é uma realidade visível seja na construção civil com edificações acima de cinco milhões de reais ou até mesmo nas revendas de automóveis importados que sempre apresentam seus melhores exemplares”, aponta Alan Santos Pedrosa, diretor do Studio Premium, empresa da área de decoração que nasceu direcionada ao público AA, oferecendo peças exclusivas de renomados designers do mundo. O negócio surgiu a partir de várias pesquisas de mercado e conversas com arquitetos locais, que ajudaram a identificar a necessidade de algo novo no segmento em Recife. Recém-inaugurado, o projeto atende um público oriundo dos

Juliana Machado, Maison Adom (PE)

21


Lulu Pinheiro

Maria Pimentel, La Lampe (PE)

bairros nobres da cidade pernambucana, na faixa de 30 a 55 anos, formado por empresários e admiradores de arte, impactados por matérias em revistas especializadas e eventos de gastronomia com chefs renomados, realizados na loja, a partir de convite pelo mailling (um cadastro de mais de 1000 profissionais e 5000 clientes potenciais). De olho neste potencial, outro empreendimento diferenciado também surgiu com o propósito de atender exclusivamente a este nicho, com foco na personalização e exclusividade: a Dreams By Lead! (PE), agência especializada em eventos privados, criada por Carla Bensoussan da Lead Assessoria e as irmãs Denise e Jamine Tinoco da Party & Co. Nascida a partir da união de duas empresas, transformaram seus respectivos mercados de atuação em Pernambuco, conceituada na excelência, qualidade, organização, profissionalismo e bom gosto em festas particulares. “O segmento de luxo teve crescimento de 60% nos últimos cinco anos. As pessoas estão cada vez mais focadas em seus compromissos. Sendo bem sucedidas, tem pouco tempo. Por esse mesmo motivo, podem delegar a organização de suas datas festivas a uma empresa séria e comprometida, que vai realizar este sonho nos mínimos detalhes, com o plus de transformar o anfitrião em convidado da própria festa”, diz a sócia Carla Bensoussan. Para Carla Bensoussan, o mercado de luxo cresce exponencialmente, assim como as oportunidades neste nicho. Desta forma, a demanda exigiu o surgimento de uma cobertura operacional e de estrutura de fornecedores e outros produtos e serviços que atendessem a necessidade desta área de negócios. “Hoje, é seguro que temos profissionais, equipamentos e fornecedores com capacidade competitiva para produzir qualquer evento, tanto no âmbito corporativo, quanto privado. Talvez ainda falte para alguns consumidores entenderem que internamente pode-se encontrar soluções sem ter que procurar o Sudeste”, frisa.

22

SOB AS LENTES – Quem consome o luxo não só está numa faixa social de alta renda, como também aspira uma relação mais estreita com as marcas (pautado pela transparência, honestidade, confiança, integridade, respeito e ética), espera ser constantemente surpreendida com ações de relacionamento e busca a valorização da qualidade de vida e do bemestar. Por isto, da mesma forma quer consome produtos, consume mais informação em conversa com amigos e nas mídias convencionais e digitais. “Historicamente, o luxo sempre foi relacionado à ostentação, futilidade e excentricidade. Hoje é totalmente diferente. Na hipermodernidade, o luxo está intimamente ligado a qualidade de vida, ao bem estar, a educação e a novas experiências (sensações). Parece ser um equívoco focar o luxo nos atributos do produto apenas, como raridade, qualidade e desempenho”, coloca Rodrigo Stefáni Correia, que realizou diversos estudos. Para ele, a comunicação, a estrutura e os serviços atrelados à marca (consultoria, ações de entretenimento e acesso a culinária, artes, vinhos e literatura) são mais fortes do que a oferta de produtos diferenciados. É esta relação mais intima e de amizade que conquista e fideliza 51% dos consumidores de São Paulo e Recife e 45% do Rio de Janeiro, Porto Alegre e Brasília, de acordo com a pesquisa inédita Brand ID, conduzida pela Voltage, em parceria com a Bridge Research, inspirada no estudo britânico Brand Personality, do The Future Laboratory, que mapeou o comportamento do consumidor brasileiro contemporâneo e detectou a tendência global brandtocracies (democracia das marcas). “Desenvolvemos um atendimento individualizado servimos uma torta exclusiva, Nespresso e outras iguarias para que o cliente se sinta confortável e relaxado. A idéia é fazer com que se sinta em casa. Também fazemos os atendimentos em casa, para os clientes já fidelizados sem tempo de vir na loja ou que estão mais distantes. Comemoramos o aniversário do cliente na loja de forma personalizada. Contatos são efetuados via mailing, telefone e mídias sociais (twitter e facebook)”, comenta Juliana Machado ao falar das estratégias para manter sua relação sempre viva com sua clientela. No Brasil, há assessorias de imprensa especializadas no segmento, e agências que estão se capacitando para atender empresas deste mercado. Mas, o modo de se comunicar para atingir resultado neste novo cenário econômico, em meio à comunicação das mídias sociais ainda não está escrito num manual pré-definido, segundo o especialista Carlos Ferreirinha. “A forma certa de se comunicar varia para cada


Bosco Lacerda

Dreams By Lead! (PE), criada por Carla Bensoussan da Lead Assessoria e as irmãs Denise e Jamine Tinoco da Party & Co.

segmento de atuação da empresa. Mas é fato que as mídias sociais são uma realidade para as empresas do Luxo. Exemplo disso é a Burberry, que tem um trabalho destacado nas redes sociais. A internet ainda é um desafio para as marcas de Luxo, uma vez que é totalmente democrática, e as marcas precisam equalizar a melhor forma de se manterem exclusivas em um ambiente de acesso irrestrito”, lembra. MAIS DO QUE LUXO - Não é novidade que os consumidores estão cada vez mais exigentes. Como público diferenciado, eles necessitam de atenção especial e demandam um grau de complexidade maior que vai além da busca por viagens, cosméticos, novos restaurantes, spas, roupas e acessórios. “Definitivamente, o luxo é negócio principalmente, quando falamos de imóveis. Cerca de 80% dos meus clientes ganham muito dinheiro no mercado imobiliário e alguns costumam investir na bolsa, mas não abrem mão de colocar seu dinheiro em imóveis de alto padrão. E quem quer investir, mas não sabe bem como, deve procurar um consultor, que vai saber bem onde estão as tendências, o que naquele momento é um projeto, mas depois vai significar lucro”, diz a consultora imobiliária, Maria de Jesus (PE), que atende um público em ascensão, destacando-se empresários, profissionais liberais bem sucedidos e estrangeiros. E a capital pernambucana, inclusive, vem crescendo neste cenário em virtude dos recentes investimentos público e privado (Complexo Industrial Portuário de Suape e a nova fábrica da Fiat), que atraem profissionais com renda mais elevada e impulsionou maiores capitais para uma fatia da população. “O desenvolvimento econômico mudou o comportamento do público. O caso de Pernambuco ilustra bem. São empresas de grande porte chegando, como é o exemplo da

Fiat, Emobras, o Porto de Suape, que está a todo vapor com a Petroquímica, Estaleiro etc. O mercado de alto padrão do Recife está se beneficiando mais do que a média brasileira em função desse desenvolvimento econômico que estamos passando”, lembra Maria de Jesus. O mercado de imóveis de alto padrão realmente está aquecido no Estado e congrega muitos empreendimentos, que não saem por menos de R$ 1 milhão e, na maioria dos casos, contam com serviços exclusivos e diferenciados. “Temos demanda de um público seleto, acima dos 40 anos, com estabilidade econômica e pronto para investir em apartamentos mais refinados. A diferenciação de um imóvel aliada à localização do empreendimento fazem com que o preço do metro quadrado possa atingir R$ 12 mil, por exemplo, no caso de apartamentos na Avenida Boa Viagem”, explica Carol Boxwell, superintendente Comercial e de Marketing da Queiroz Galvão Desenvolvimento Imobiliário (PE), sinônimo de excelência e qualidade. Apesar do mercado de serviços e produtos brasileiro e nordestino estar em condições de atender a demanda deste público AA, algumas coisas ainda precisam ser concretizadas para alcançar a excelência neste setor. “Atender plenamente as demandas desta parcela do público é algo que nenhum mercado, isoladamente, consegue. No caso do Brasil, no qual o nordeste se insere, aumentar a quantidade de demandas atendidas só será possível com a melhoria na educação formal dos profissionais que atendem este grupo”, frisa Alexandre Foss, diretor da Foss & Consultores (RN), que atua desde 1994 com o cliente AA e hoje é responsável pelo projeto Riserva Alhandra.

Carol Boxwell, Queiroz Galvão Desenvolvimento Imobiliário (PE)

23


A VEZ DO CLIENTE

SABOR E PRATICIDADE DA NISSIN AJINOMOTO

Fabiana Constantino

Empresa de macarrão instantâneo se expande e investe no mercado nordestino e em campanhas publicitárias Desde sua fundação, a Nissin Ajinomoto tem contribuído para a expansão do mercado de macarrão instantâneo brasileiro. Em 2011 atingiu aproximadamente 60% de market share de mercado. Para esse ano, a Nissin Ajinomoto Alimentos, uma joint venture brasileira formada pela Ajinomoto Co. Inc. e a Nissin Foods Holdings, anunciou a construção de uma nova fábrica localizada na cidade de Glória do Goitá, em Pernambuco. A empresa planeja investir aproximadamente R$ 46 milhões na construção da nova fábrica. A expectativa de empregados é de aproximadamente 200 e o produto fabricado será o macarrão instantâneo em pacotes. O objetivo é iniciar a operação em outubro de 2012. Segundo o gerente-geral de marketing da Nissin Ajinomoto, Toru Okazaki, a Nissin Ajinomoto Alimentos está buscando um crescimento rápido na Região Nordeste que é uma área de prioridade estratégica para a empresa. “Ter uma nova fábrica nesta região, permitirá expandir a capacidade de produção e melhorar a eficiência na distribuição. Além disso, estudos realizados pela empresa mostram que a região Nordeste poderá se tornar um dos maiores mercados de consumo de macarrão instantâneo em um futuro próximo”, afirma.

“Ter uma nova fábrica nesta região, permitirá expandir a capacidade de produção e melhorar a eficiência na distribuição” Toru Okazaki, gerente-geral de marketing da Nissin Ajinomoto 24


O tamanho do mercado brasileiro de macarrão instantâneo é de aproximadamente dois bilhões de porções por ano, ocupando o 10º lugar de consumo no mundo e há uma projeção de aumento em 5% ao ano. “A empresa tem o objetivo de expandir ainda mais os negócios de macarrão instantâneo no mercado brasileiro, reforçando a nova estratégia de produção e medidas de comercialização regionais”, projeta Toru Okazaki. Outros fatores importantes, para a decisão da empresa em investir na construção de uma nova fábrica, foram o crescimento da economia brasileira e a aceitação do consumidor brasileiro por uma refeição de fácil preparo. E é justamente essa praticidade o principal diferencial do produto, como aponta a gerente de comunicação e SAC da empresa, Mirella Marchi. “O produto é prático, rápido, alimenta, e ainda por cima é uma delícia. Não tinha como não ser sucesso. Os produtos Nissin são apreciados por públicos de diversas idades e de todas as classes sociais, do Norte ao Sul do país. Não há um brasileiro que nunca tenha comido um Miojo na vida”, ressalta. HISTÓRIA DA NISSIN – A Nissin Food Products Co. Ltd foi fundada no Japão, em 1948 por Momofuku Ando. A empresa se especializou na fabricação de macarrão instantâneo. Em 1958, foi lançado o “Chikin Ramen”, o primeiro lámen instantâneo. A produção e a venda do macarrão instantâneo com a marca 'Miojo' começaram em 1965, na cidade de São Paulo. Hoje, os investimentos realizados pela jointventure Nissin Foods Products Co. Ltd. e Ajinomoto Co. Inc. consolidaram a linha de produtos como líder de segmento de macarrão instantâneo. A posição da Nissin como líder na manufatura de Lámens aconteceu principalmente devido ao sucesso contínuo da marca Cup Noodles. Introduzido nos Estados Unidos durante o início dos anos 1970, o Cup Noodles é um macarrão instantâneo em copo. Em 1997, a Nissin passou a comercializar Cup Noodles em todo o Brasil importado da Nissin norteamericana. A fábrica da Nissin em Ibiúna, São Paulo, foi inaugurada em 1981 e é responsável pela produção de Nissin Lámen, Espaguete Nissin, Yakissoba Nissin e Talharim Nissin, além da linha infantil Nissin Turma da Mônica. MARKETING - A Nisssin Ajinomoto procura sempre investir em campanhas de marketing na divulgação de seus produtos. Em uma delas, o filme “Contagem” ganhou em 2009 o prêmio de melhor propaganda em TV pela WINA (World Instant Noodles Association). Outro destaque foi a ação no ano passado para o Dia do Miojo, comemorado no dia 25 de agosto. Foram selecionadas três renomadas chefs de cozinha (Carla Pernambuco, Morena Leite e Tatiana Szeles) que desenvolveram receitas

especialmente elaboradas com o produto Miojo. E no dia 25 essas receitas fizeram parte do cardápio de seus respectivos restaurantes. Com um trabalho de assessoria de imprensa, a campanha conseguiu ampla repercussão na mídia. No Twitter entrou nos TTs (Trend Topics) mundial. Foram mais de 12 mil menções à hashtag #diadomiojo alcançando mais de 9, 5 milhões de seguidores dessa rede social. CAMPANHA PUBLICITÁRIA PARA O NORDESTE - A Nissin Ajinomoto estreou uma nova campanha publicitária direcionada para a região Nordeste. O objetivo desta campanha é posicionar a marca como a amiga/companheira da mulher batalhadora, que trabalha fora, que cuida dos filhos, e que se dedica a sua família. Tendo como foco mulheres de 20 a 49 anos, a campanha estreou no último dia 20 de maio com um filme de 30 segundos, desenvolvido pela agência Dentsu. A mensagem principal deste filme é mostrar que o macarrão instantâneo é um aliado no dia a dia corrido, pois facilita a alimentação de forma rápida, prática e saborosa. Além do filme, a campanha utilizará outras estratégias de comunicação que estão sendo definidas, tendo como base o slogan: “Nissin miojo sempre com você”. “Todas as formas de comunicação são extremamente importantes no momento de divulgação de um produto ou marca. A Nissin Miojo sabe muito bem que a vida da mulher que trabalha fora, que cuida dos filhos e se dedica totalmente à sua família não é nada fácil. A mensagem que queremos comunicar é que Nissin Miojo é uma marca companheira dessa mulher batalhadora, que se dedica, e que quer ter um futuro melhor”, explica Mirella Marchi. A campanha vem de encontro com a estratégia atual de crescimento da empresa na região Nordeste, que se iniciou em janeiro de 2012, com a construção da sua nova fábrica em Glória do Goitá. 25


DE OLHO NA CAMPANHA

A HISTÓRIA QUE TODA CAPITAL GOSTARIA DE TER A Guadalupe Filmes (MA) produziu filme que celebra o aniversário de 400 anos de São Luís, capital do Maranhão. A ação, idealizada pelo núcleo de criação da Secretaria de Comunicação do Governo do Estado do Maranhão (Secom), com o mote “A história que toda capital gostaria de ter”, retrata a essência dos habitantes e as particularidades culturais da cidade. O filme evita lugares comuns, bastante utilizados para exprimir a região Nordeste, fugindo do genérico. As cenas captadas e a escolha da trilha sonora ajudaram a compor uma criação única para marcar a data. o filme destaca as boas características dos cidadãos da capital maranhense, a luz interior dos habitantes, projetada nas particularidades culturais da cidade, desde sua fundação, pelo Francês Daniel de La Touche, até o inesperado e surpreendente apreço popular pelo reggae.

RELAÇÃO ENTRE MÃES E FILHOS A Pepsi apresenta filme inédito, parte da nova fase na comunicação da marca, voltado também às mães modernas, que querem o melhor para seus filhos e que entendem suas escolhas. O comercial “Boletim” dá continuidade, de forma divertida, a comunicação iniciada com o filme “Empilhadeira”, lançado em maio, com Rodrigo Faro e sua mãe. No filme, a marca valoriza a imagem dessa mãe, compradora inteligente, e sua relação com seus filhos, tudo com a personalidade Pepsi e com a ideia criativa de “Pode Ser Pepsi”. No novo comercial, criado pela AlmapBBDO, a Pepsi surpreende mais uma vez quando, numa conversa com o filho, a mãe cobra mais dedicação ao surf, já que o garoto quer se dedicar profissionalmente a esse esporte. E como não poderia faltar um carinho materno para estimulá-lo a treinar, ela apresenta uma surpresa: a linda professora particular. É aí que entra a assinatura da campanha “Pode ser muito bom. Pode ser Pepsi®”.

26


A agência de publicidade Ampla (PE) adquiriu nova ferramenta para planejamento de mídia, o Compose. Desenvolvido pela Pointlogic, multinacional especializada em Return On Investiment (ROI), o Compose traz um diferencial competitivo para a agência, uma vez que utiliza uma base de dados capaz de indicar o grau de influência da mensagem no consumidor e quais os canais mais adequados para o envio dessa mensagem. Para apresentar a nova ferramenta, a Ampla reuniu clientes, formadores de opinião, jornalistas, e fornecedores da agência em um café da manhã no Spettus Boa Viagem, no Recife. No encontro, o vice-presidente executivo da Pointlogic no Brasil, David Eastman, apresentou e mostrou o funcionamento da ferramenta para os convidados. “Hoje, o imporSeverino Queiroz, fundador e Queiroz Filho, presidente da Ampla

Fernando Lima, diretor de Planejamento e Novos Negócios da Ampla

12ª edição da Revista da AMPLA

tante é saber como influenciar o consumidor e não apenas alcançá-los. A ferramenta do Compose traz esse diferencial para a agência”, ressaltou David Eastman. O diretor de Planejamento e Novos Negócios da Ampla, Fernando Lima também falou sobre os benefícios que o Compose vai trazer para os anunciantes e para a agência. “A nova ferramenta traz um maior envolvimento do cliente na construção do briefing, maior integração entre os departamentos da agência dentre outros diferenciais”, pontua. REVISTA AMPLA – Após a apresentação do Compose, o presidente da Ampla, Queiroz Filho, e o fundador da agência, Severino Queiroz, lançaram a 12ª edição da Revista da AMPLA, que foi distribuída entre os convidados. A revista é anual, com tiragem de 2.500 exemplares e conteúdo distribuído em 35 páginas. A publicação deste ano traz nove seções, entre as quais a Brainstorm, fruto de um bate-papo com cinco grandes empreendedores brasileiros que dão dicas sobre como transformar sonhos em realidade. Na seção Making Of, os bastidores da ação Penteadeira Natura Una nos Aeroportos que rendeu para a Ampla o ouro nas categorias Melhor Ideia ou Conceito Inovador e Melhor Campanha de Percepção de Marca e Experimentação no Prêmio Ampro Globes Awards 2012 – Região Norte-Nordeste. A seção Portfólio traz uma seleção dos trabalhos da Ampla nas áreas de Publicidade, Promocional e Criação Digital e a seção Short List traz uma retrospectiva do que aconteceu na Ampla no último ano. David Eastman, vice-presidente executivo da Pointlogic no Brasil

27

Fabiana Constantino

AMPLA APRESENTA NOVA FERRAMENTA DE PLANEJAMENTO


NA WEB HTTP://MUNDODASMARCAS.BLOGSPOT.COM.BR/ Desde 2006, o Blog Mundo das Marcas é dedicado a temas como marcas, cases de marketing, design, logos e slogans. O Blog já tem postagens sobre cerca de 1517 marcas de diversos segmentos . Os textos falam sobre todos os aspectos da marca como sua história, slogans, dados corporativos, características da marca no Brasil e no mundo, curiosidades, evolução visual, entre outras características. Além disso, no decorrer dos textos, o blog mostra imagens da marca e de seus principais produtos.

WWW.CRIACAOBAHIA.COM.BR/ O Criação@Bahia é o espaço da publicidade e do publicitário baiano. Um canal de integração e comunicação para criativos, profissionais de agência e fornecedores, que podem compartilhar peças, contatos, endereços de redes sociais e portfólios. O site também traz matérias e notícias sobre o mercado sempre abrindo as portas para sugestões e participações dos usuários. Quer mostrar e trocar ideias? Encontrar bons nomes para uma vaga? Saber o que andam fazendo as agências e os colegas de trabalho? É baiano? Esse é o lugar.

Joelli Azevedo

UMA NOVA REDE SOCIAL PARA EMPRESAS Para você que tinha fotolog, não desconectava do Orkut, migrou para o Facebook e está sempre no Twitter, procurando novas oportunidades de onde investir, não pode deixar de conhecer a nova rede social Mimbo. A nova rede de compartilhamento das empresas incentiva os empreendedores informais buscarem a formalização de seus negócios e amplia as oportunidades do mercado na internet. Além disso, não deixa de lado a preocupação ecológica de salvar o planeta. A Mimbo foi lançada em abril deste ano, na Escola Superior de Propaganda e Marketing de São Paulo (ESPM-SP), onde a idealizadora do produto, Alessandra Saigali - advogada, empreendedora e sócio-diretora da empresa Certifica Marcas e Patentes – resolveu investir na ideia porque acredita que o futuro dos negócios são os investimentos no empreendedorismo ligado ao comércio eletrônico, ou seja, ao ecommercio. A iniciativa, portanto, está focada no relacionamento empresarial, na integração com o mercado, na divulgação de produtos e serviços sem gasto algum (principalmente as empresas que não possuem e-commerce ou um site), além disso, o acesso a conteúdos para qualificação profissional por meio de parcerias com Instituições de ensino. A nova rede também se preocupa com a orientação socioambiental, consciência ecológica e networking. Uma vez que os colaboradores e gestores das empresas cadastradas são motivados a ori28

entar seus usuários a buscarem certificações ecológicas. “Os usuários do Mimbo são profissionais antenados á um novo tempo, uma nova forma de realizar negócios, o social commerce. Estamos vivendo a era da economia criativa, de uma sociedade em rede, e o empresário que não estiver atento a estas transformações perderá espaço no mercado. A rede Mimbo tem utilizado estratégias para quebrar todos os tabús e aproximar os profissionais” afirmou Saigali. Outra inovação é que a Mimbo vai contar com sistema de gamification, onde o internauta poderá receber gratificações em forma de créditos para gastar em publicidade ou mesmo incentivar o plantio de mudas. E para auxiliar na busca de empresas, sistema de banco de oportunidades, com canais exclusivos para divulgação de currículos, sistema de vendas, entretenimento e educação a rede vai fornecer ao usuário a geolocalização. A Mimbo ainda permite a participação de até cinco membros por empresa para otimizar as oportunidades de negócios. Além disso, é muito simples participar da rede, basta cadastrar a empresa especificando as áreas de atuação com produtos e serviços, encontrar outras empresas e convidá-las para ser parceiras. A partir do cadastro as empresas poderão trocar idéias, experiências, fechar negócios e parcerias com empresas de todo o Brasil. A Mimbo pode ser acessada pelo site www.mimbo.com.br/


FICHA TÉCNICA

ADOTE UMA ÁRVORE O Hospital Memorial Guararapes lançou comemorativa para a Semana Mundial do Meio Ambiente. A ação, desenvolvida pela agência Nova Trupe consiste em peças impressas e virtuais para o público interno que irão realçar o trabalho do hospital em relação a atitudes conscientes, como a de adoção de árvores através da ideia de poder transformar as mudas em bebês, que desta forma recebem o sobrenome de nomes de árvores como: Carvalho, Oliveira, Jatobá, Pereira, Pinheiro. Agência: Nova Trupe (PE) Cliente: Hospital Memorial Guararapes Executiva de Contas: Manoela Brasil Direção de Criação: Stanley Araújo Criação: Tomm Nascimento e Vallécia Carvalho Mídia e produção: Elaine Rocha Aprovação: Kelly Lee

JORGE AMADO E ZÉLIA GATTAI INSPIRA NAMORADOS Verdadeiro, puro e para toda a vida. É assim que se define o amor dos escritores Zélia Gattai e Jorge Amado. E para homenagear esse casal que construiu a maior história de amor que a Bahia já viu e inspirar todos os outros casais apaixonados a seguirem seu exemplo de vida, o Shopping Iguatemi lançou campanha para o Dia dos Namorados. O comercial mostra de forma alternada mãos digitando em uma máquina de datilografar. Ora mãos masculinas, ora mãos femininas. Os textos são ilustrados com fotos do arquivo de Jorge Amado e Zélia Gattai nos mais diversos momentos da vida. Também foram distribuídos cartões postais em mais de 50 bares e restaurantes, cinemas, teatros, escolas e universidades da cidade e um concurso cultural no Facebook. Agência: Ideia3 (BA) Cliente: Shopping Iguatemi Dir. de Atendimento e Planejamento: Renata Schubach Atendimento: Vânia Pina e Tâmera Luiza Dir. de Criação: Wilton Oliveira Dir. de Arte: Jan Hlavnicka Redação: Wilton Oliveira, David Franco e Paulo Sales. Mídia: Ana Maria Almeida, Eva Figueiredo e Marcus Gomes RTVC: Lívia Utsch e Clarissa Mattos

30 ANOS DE ZÉ GOTINHA A Propeg criou para o Ministério da Saúde uma campanha nacional que convoca os pais e responsáveis por crianças menores de cinco anos a levá-las em um posto de vacinação para receber a dose da vacina contra a paralisia infantil. O conceito da campanha é a super proteção que as gotinhas oferecem às crianças. O comercial de TV explora esta idéia mostrando meninos e meninas fantasiadas de super-heróis brincando e sendo levados aos postos de saúde para tomarem a vacina contra a polimielite. A assinatura do comercial vem com o símbolo da campanha há 30 anos, o Zé Gotinha, e os logos do SUS e Ministério da Saúde. Além do filme e do jingle, também foram criados anúncios de jornal e revista, mobiliário urbano, cartaz, banners online e fanpage em redes sociais. Agência: Propeg (BA) Cliente: Ministério da Saúde Atendimento: Renata Sanchez, Adriana Mercadante e Nathalia Cássia Planejamento: Melina Romariz, Mylene Alves Dir. de Criação: Ana Luisa Almeida e Cláudio Leite Mídia: Neide dos Santos, Milena Lima e Guilherme Franco RTV: Márcia Chini, Dani Noronha e Henrique Ulhoa Prod. Gráfica: Marcia Loiola e André Souza Aprovação: Sergio Correa, Isabel Aoki e Nathalia Gardini 30


O SHOPPING DO CORAÇÃO A Mart Pet está à frente da campanha do Dia dos Namorados do Shopping Boa Vista. Com o mote “O shopping da cidade e do coração dos namorados”, a ação irá seguir a linha institucional adotada em 2012, inspirada no gesto popular, que representa o carinho de todos os clientes: o S2, um coração feito com as duas mãos. Nas peças, foram utilizados Vários casais de diferentes idades reproduzindo o gesto. A ação é composta de anúncio de jornal, jingle, peças para a TV e material interno de divulgação. Agência: Mart Pet (PE) Cliente: Shopping Boa Vista Atendimento: Felipe Pachêco e Renata Dias Direção de Criação e Redação: Diego Curvêlo Direção de Arte: Almir Moura RTVC: Bárbara Vilella Aprovação: José Luiz Muniz, Tarcia Galvão

RESPEITO E CUIDADO É da Link Comunicação & Propaganda o anúncio dos Correios em ocasião da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio +20. A peça publicitária, que será veiculada nas principais revistas nacionais, reforça o compromisso sócioambiental do órgão, um dos patrocinadores do evento. “Ruas diferentes, CEPs diferentes, cidades diferentes, mas um endereço único que precisa de respeito e cuidado”. Seguindo esse conceito, o anúncio ressalta que a preservação do planeta depende da consciência de todos. A ação da Link destaca também a importância dos projetos sustentáveis desenvolvidos pelos Correios, que têm como um dos pilares a responsabilidade social e ambiental. Agência: Link Comunicação (BA) Cliente: Correios Atendimento: Frederico Melo e Fabiano Costa Planejamento: Angela Chaves Direção Criação: Antonio Meireles Direção Arte: Marcelo Barreto Redação: Raoni Leão Finalização: PedroLex Produção: Telma Rocha e Fernanda Damasceno Mídia: Humberto Montemurro e Gege Xavier Aprovação: Graziela Cavaggioni, Lenize Baseggio e Maria Laurência Mendonça.

DESCARTE CORRETO DE MEDICAMENTOS VENCIDOS A Farmácia Roval aproveitou o Dia Mundial do Meio Ambiente para lançar o projeto Compromisso Ambiental Roval. As unidades da farmácia contam com coletores especiais para recolhimento de medicamentos inutilizados e embalagens vazias de clientes e de não clientes (pessoas físicas). O projeto da Farmácia Roval tem caráter educativo e visa reduzir o impacto do lixo produzido no meio ambiente, além de alertar para os riscos da automedicação pela quantidade de remédios que as pessoas mantêm em casa. Todo o material utilizado na campanha (banners, folhetos e coletores) são feitos de material reutilizado. Agência: Lunes Comunicação (PE) Cliente: Farmácia Roval Atendimento: Fabíola Karla e Aline Lima Diretor de Criação: Rodrigo Maia Direção de Arte: Rodrigo Maia e Pedro Araújo. Redação: Camila Lima e Emília

31


Ivelise Buarque

MARKETING NA ERA DIGITAL O atual cenário tecnológico e de comunicação transformou o mercado digital numa realidade e, ao mesmo tempo, tendência ao mesmo tempo no mundo dos negócios e da informação. Um fator importante em especial num país onde oito em cada dez pessoas participam de algum tipo de rede social online como Brasil. O que faz com que as mídias sociais adquiram um papel central no mercado. Desta forma, estar inserido neste contexto é necessário e é fundamental para estudantes, empresários e profissionais, das mais diversas áreas, que precisam se capacitar para desenvolver e executar um plano de marketing digital, de maneira completa e eficiente. Identificando esta necessidade, a Quartel Digital (CE) e Psiu Produções (PE) tem realizado diversas atividades e a mais nova investida é o curso “Marketing na Era Digital: Estratégias, Planejamento e Métricas” com a CEO da NMD New Media Developers, Martha Gabriel, nos dias 18 e 19 de agosto, no Recife. “A nossa missão é possibilitar que profissionais e empresas consigam se destacar no mercado e que nós tenhamos uma parcela de contribuição em várias histórias e cases de sucesso”, diz Martha Gabriel, da New Ney Lins, consultor de marMedia Developers (SP) keting digital e sócio-diretor da PSIU Produções (PE). Com uma carga horária de 16h, o curso traçará um panorama do novo cenário de marketing que as tecnologias digitais proporcionam hoje para a sociedade, modificando como as pessoas se relacionam e interagem com o mercado. “A ideia é formar um profissional completo que esteja apto para lidar com diversas situações no ambiente corporativo. Apesar de parecer que são discussões distintas, o aluno, no decorrer do curso, entenderá que todo o conteúdo é interligado e necessário para que ele possa entender o marketing 32

digital como um todo, que vai muito além de redes sociais apenas”, destaca Lins, que aponta que as diversas plataformas que vem surgindo mostram que o mercado está em constante crescimento e que a concorrência vai ser pesada. Para isto, as duas empresas idealizadoras do curso montaram um programa que aborda diversos tópicos como os conceitos e tipos de redes e mídias sociais, as transformações dos novos tempos, do comportamento do consumidor, as plataformas digitais e estratégias de marketing em mídias sociais, marketing viral, gestão de crises e mensuração e controle, entre outros. “O mercado digital, apesar de não ser tão recente, teve uma explosão nos últimos quatro ou cinco anos e encontrou certa resistência de alguns profissionais mais conservadores. Mas isso já mudou bastante, e a maioria dos profissionais perceberam a necessidade e estão buscando uma capacitação, que agora está mais perto e mais barato que antes, quando tinham que sair do estado em busca destes cursos. A ampliação de negócios neste setor é algo iminente para todas as agências tradicionais, e boa parte delas já tem um departamento especializado no ambiente Ney Lins, da PSIU digital. O desafio é encontrar Produções (PE) profissionais qualificados para as vagas que estão sobrando no mercado, mas no que depender da PSIU e do Quartel Digital estas vagas serão rapidamente preenchidas”, frisa Lins. As inscrições do curso “Marketing na Era Digital: Estratégias, Planejamento e Métricas” custam R$ 399,90 e traz facilidade de pagamento com parcelamento em até 4x sem juros e possibilidade de pagamento pelo PagSeguro na página do Quartel Digital (http://quarteldigital.com.br/), empresa cearense, promotora desta iniciativa juntamente com a Psiu (www.fb.com/psiucomunicacao).


VITRINE

Em 1992, ocorreu o impeachment do então presidente brasileiro Fernando Collor. Para resgatar esse período da política brasileira e avaliar os seus desdobramentos hoje, exatamente 20 anos depois, a jornalista Gabriela Bezerra concluiu sua graduação no curso de jornalismo da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) com a série de reportagem 'De presidente-réu a senador: 20 anos do impeachment de Collor'. O orientador do trabalho foi o professor Rodrigo Carreiro, que desde o primeiro instante comprou a ideia da série. Gabriela conta que sempre gostou do jornalismo impresso e durante o curso surgiu o interesse pela política. A ideia de fazer o trabalho de conclusão de curso sobre o impeachment de Collor surgiu a partir de uma lembrança de um amigo. “Nascida em 1988, o processo do impeachment de Collor passou despercebido por mim na época, mas sempre tive consciência da importância dele para o país. Com a lembrança de um amigo - o repórter Paulo Augusto, do Jornal do Commercio - de que 2012 marcaria os 20 anos da saída do presidente, achei oportuno me debruçar sobre aquele capítulo da histó- Gabriela Bezerra ria. O que mais me chamou atenção nesse tema foi o fato de que hoje Collor ocupa uma vaga no Senado, sendo, inclusive, integrante importante de comissões. Há 20 anos, aquela casa legislativa decidiu pela sua saída da presidência. Meu objetivo com a série de reportagens era entender e explicar como se deu essa reviravolta”, relata Gabriela. Para o resgate e estudo de um fato marcante da história política brasileira, o trabalho de apuração foi primordial e de extrema importância na construção do trabalho. Segundo Gabriela, o levantamento do material documental do processo, como atas de votação e discursos na Câmara e no Senado,

marcou o início do trabalho. “Com aqueles registros em mãos, passei a selecionar as fontes. A tentativa de contato com o ex-presidente Fernando Collor também fez parte do ponta-pé inicial da apuração, até porque conseguir espaço na sua agenda não seria fácil. Isso caso ele concordasse em ceder uma entrevista, algo que eu, desde a concepção do trabalho, achava pouco provável acontecer”, confessa. Uma dificuldade encontrada por Gabriela na realização do trabalho foi o fato de Fernando Collor estar no poder outra vez. “Eu senti que, apesar do impeachment ter ocorrido há 20 anos, a presença de Collor na política inibiu algumas declarações de entrevistados”, conta. Devido a esse fato de Collor ainda estar presente na política brasileira, Gabriela teve o cuidado de não restringir as reportagens ao passado, mas possibilitar o diálogo com o presente. Outro cuidado estabelecido foi a busca por personagens pernambucanos que pudessem narrar essa trajetória de Collor, de presidenteréu a senador. “Essa escolha foi por uma questão de recorte e de proximidade com o leitor de Pernambuco, alvo da série. Isso, claro, sem desprezar nomes nacionais, políticos ou especialistas, que pudessem enriquecer o trabalho”. Como forma de possibilitar a contribuição desse trabalho para a sociedade, Gabriela pensa em publicá-lo. “Acredito que ele pode ser útil como forma de conhecimento de um dos fatos políticos mais importantes das últimas décadas, além de fornecer importante reflexão sobre a volta de Collor ao poder e sobre o papel da juventude na cena política, através dos depoimentos de ex-caras pintadas”. O trabalho está disponível na biblioteca do Departamento de Comunicação da UFPE.

33

Fabiana Constantino

AVALIANDO OS 20 ANOS DO IMPEACHMENT DE COLLOR


NOVA FERRAMENTA PARA MEDIR MERCHANDISING

Joyce Warren

O serviço vai acompanhar os programas nacionais em cinco redes de TV aberta Com o intuito de proporcionar avanço no mercado publicitário, bem como na indústria de comunicação, chega ao mercado a MerchanView, nova ferramenta capaz de medir o merchandising usado nas mídias. “O Ibope foi convidado pelo Grupo de Mídia para desenvolver um serviço para monitoramento de ações de merchandising em TV e medição dos resultados. A partir daí foi criado um comitê composto por agências de publicidade e emissoras de televisão com objetivo de alinhar conceitos e critérios de classificação de formatos e valoração das ações, resultando em uma nova métrica”, explica a diretora de Marketing da unidade Monitor do Ibope Media, Melissa Vogel. Com o intuito de ajudar as agências publicitárias e anunciantes do mercado publicitário, expondo um critério único para o merchandising, “a ferramenta permite a análise estratégica de ações de merchandising levando em consideração o investimento publicitário e a audiência nacional para os diferentes formatos apresentados, programas veiculados, categorias de produtos, anunciantes e análise da concorrência”, afirma. Como atualmente é quase impossível fazer planejamento comercial que não esteja incluso o merchandising, o principal objetivo desse lançamento é atender os anunciantes que querem ter uma abrangência maior e atingir seu público alvo facilmente, errando menos e acertando nas estratégias de marketing. “Estamos 34

lançando dois serviços. O primeiro permitirá o acesso online aos vídeos contendo às ações de merchandising. Já o segundo permitirá a análise estratégica das ações através de relatórios com volume de investimento, inserções, GRP nacional, entre outros”, destaca Melissa. Ela acredita ainda que o merchandising ganha cada vez mais importância dentro do planejamento de mídia de agências e anunciantes; entendendo que o objetivo é acompanhar o merchandising em produções nacionais e nos meios já monitorados pelo Ibope. Com a novidade, será possível fazer uma análise rápida, mas criteriosa do que está sendo feito pelas empresas. Para os interessados nessa nova empreitada do Ibope Media, estará disponível a visualização da imagem estratégica, relatórios com volume de investimento, GRP (Gross Rating Points) – que são ou pontos de audiência bruta – com comparações e táticas empregadas. Também haverá medição de alcance e frequência das campanhas. Além do MerchanView, no segundo semestre, a instituição começa a trabalhar também com o Monitor Evolution, que “permitirá ao mercado avaliá-lo em conjunto com os diferentes meios de comunicação e na análise da estratégia de mídia das diferentes categorias de produtos e anunciantes”, conclui Melissa Vogel. Do início do ano até 30 de abril foram contabilizadas 7.860 ações. No total, foram 625 anunciantes, em 112 programas. Ao longo do período analisado foram expostos 1.112 produtos. O Merchanview mostrou que 50% das inserções foram em programas femininos e de auditório. Os reality shows tiveram 315 inserções, que corresponderam a 10% dos investimentos totais e 18% do GRP (Gross Rating Points, ou pontos de audiência bruta). Já as novelas tiveram 164 inserções, com 6% do investimento e 15% do GRP do período.


Pão, manteiga e leite sempre fizeram parte do café da ferro, cálcio, já adoçado e pronto para misturar em um copo manhã dos brasileiros, mas sempre faltava algo para adoçar as de leite, como é até hoje. Porém, só em 1955 que o produto manhãs dos cidadãos. Foi quanrecebeu o nome Nescau. Já na década de 60, o do na década de 30 a Nestlé Nescau passou a ser instantâlançou o achocolatado Nescau neo e enriquecido com vitamique conseguiu um espaço na nas. Em 1972, tornar-se mais dieta da população e hoje é solúvel e receber novo comindispensável para muitas pesposto vitamínico. Mas o destasoas. É neste ano de 2012 que a que foi para a década de 70 empresa referência em produquando o slogan “Nescau, enertos alimentícios comemora os gia que dá gosto” tornou-se 80 anos da marca Nescau, que O primeiro achocolatado levava o nome de NESCÁO, inesquecível e conseguiu alcanse destaca pelas embalagens em 1932. Só apartir de 1955 passa a se chamar NESCAU çar a liderança na venda de inovadoras, preocupação com a achocolatados, estando presente em mais da metade dos saúde do consumidor e leva diversão para as crianças. A princípio o produto só era encontrado em pó, lares brasileiros. Entretanto, só em porém com o aumento da demanda e visando atrair 2007, que o produto passou por todas as idades, a Nestlé passou a inogrande renovação e lançou, na var, seja com embalagens novas, linha de achocolatados em pó, a promoções imperdíveis e praticiversão 2.0 e a opção Light. Assim, com o sucesso da dade do produto. Só na versão em marca, a Nestlé resolveu juntar a pó, o consumidor pode escolher se marca à bebidas lácteas, foi quando em 2010 surgiu deseja o chocolate em pó tradicioa linha Fast, que visava atender o público que não tem nal, o light ou o 2.0. Por isso, a mais tanto tempo para se alimentar e precisa de uma bebimedida que a marca ficou mais da saudável e pronta para beber, são os consumidores que popular, passou a tomar conta da possuem um dia-a-dia dinâmico e cheio de atividade, público prateleira de cereais com o cereal matinal, tamadulto. Foi lançado, portanto, a linha Fast, além do Neston bém com o Nescau Pronto pra beber e o Nescau Fast. Sem Fast, Alpino Fast, Molico Fast Frutas Vermelhas e Molico Fast esquecer o público infantil a marca também foi integrada a Frutas Amarelas, o Nescau Fast faz parte deste time. São os produtos como os biscoitos Nescau e o chocolate Nescau Ball produtos que contam com – que são bolinhas de cereal garrafas plásticas e tampas de revestidas com o delicioso chorosca. colate Nestlé. A lista de produtos não O achocolatado tradicipára de crescer e em comemoonal foi lançado em 1932. O ração ao aniversário de oito produto foi desenvolvido como décadas do Nescau, a Nestlé um chocolate em pó para ser lança Nescau Dou. Envolvido degustado junto ao leite. Lançaem uma embalagem ilustrada do como “Nescáo”, como uma pela logomarca em comemoraforma de união entre Nestlé e ção aos 80 anos do produto, o cacáu, referindo se à matéria Na década de 60 o Nescau passou a ser instantãneo e primeiro cereal matinal do merprima do chocolate. Era com- enriquecido com vitaminas. Em 1972 tornou-se mais solúvel e recebe novo composto vitamínico cado brasileiro que mistura dois posto por Actigen-E, vitaminas, 35

Joelli Azevedo

80 ANOS DA ENERGIA QUE DÁ GOSTO


sabores de chocolate na mesma embalagem. São as conhecidas bolinhas crocantes de Nescau Cereal combinadas com bolinhas de chocolate branco. O cereal Duo chega às prateleiras de todo o Brasil na embalagem de 270g. A marca Nescau, portanto, desde seu lançamento, sempre foi destaque pela inovação e sabor inconfundível. A prova disso é que atualmente já conquistou 65% dos lares brasileiros. São 80 anos de mudanças, promoções e lança-mentos, sempre com o objetivo de atender os anseios dos consumidores. CAMPANHA DE ANIVERSÁRIO – A Nescau estreou em abril o novo filme publicitário criado para a promoção “Nescau Rei da Torcida”, na qual os consumidores poderão concorrer a 10 viagens para Londres, com direito a três acompanhantes e aproximadamente 2 mil prêmios instantâneos. Com linguagem dinâmica e bem-humorada, o filme utiliza 36

elementos de histórias em quadrinhos sobrepostos às imagens filmadas para reforçar a comunicação com o público jovem e apresentar os detalhes da promoção. A campanha ainda traz um clima de suspense porque começa com a imagem de uma sósia da rainha da Inglaterra entregando uma maleta secreta a um homem. Este tem a missão de escolher dez reis ou rainhas que irão para Londres torcer pelo Brasil. Ao longo do filme, o telespectador descobre que o homem é, na verdade, um árbitro de futebol que veio ao Brasil para cumprir sua missão. Ao chegar a um pequeno campo de futebol, ele encontra um garoto, ganhador da promoção, e abre a maleta misteriosa presenteando-o com um boné-coroa, ícone da promoção “Nescau Rei da Torcida”. O filme foi criado pela JWT e produzido pela Wetie, teve sua veiculação iniciada no mês de abril, em tv aberta. A promoção segue até o dia três de julho. Mais informações sobre “Nescau Rei da Torcida” podem ser obtidas por meio do site www.nescau.com.br.


Desde que comecei a me envolver com fotografia, uma temática que me chamava atenção eram os ensaios sensuais. Não aqueles comumente vistos em playboys e garotas recém saídas dos BBB da vida. Mas sim, algo que vai, além disso. Que valoriza as formas humanas de forma sutil e ao mesmo tempo impactante, de forma leve, suave, envolvente e sedutora. Entre sombras e luzes que transparecem a anatomia, a leveza de ser mulher. Então comecei a “me jogar” nesta área, mas como projeto pessoal que segue há menos de um ano e me seduz cada vez mais pare esse universo. Há várias formas de iluminar a cena, às vezes uso até três flashes dedicados, mas neste ensaio usei apenas um. Queria valorizar o corpo através das sombras causadas por um flash unidirecional. Cada ensaio é pensado a partir de uma temática e estética pessoal, que pode ir de acordo com a personalidade de cada um. Esta foto foi feita em um casarão na cidade de Recife/PE. Foi o primeiro ensaio do mês de junho. Neste resolvi fazer em horário diferente e não usar a luz natural do sol como faço na maioria das vezes e sim os flashes dedicados. Depois de certo tempo, a modelo já fica mais à vontade de posar para minhas lentes e a nudez surge de forma natural, quase sem perceber. O resultado foi esse! Descontraído, leve e sedutor. Para ver o ensaio completo e outros trabalhos sobre esta temática acesse: www.deborahghelman.com

ENSAIOS SENSUAIS CÂMERA: Nikon D-90 VALOR DE ABERTURA: f/22,0 VALOR MAX. DE ABERTURA: f/3,5 TEMPO DE EXPOSIÇÃO: 1/60 ISO: 200

Deborah Ghelman deborah.ghelman@hotmail.com

CLICK


EU RECOMENDO CENÁRIO DE CAOS, de Bob Garfield, 304 páginas, Editora Cultrix A mídia digital, cada vez mais, está conquistando espaço no mundo, desbancando as mídias tradicionais. Por conta disso, as empresas precisam estar atentas a este novo cenário e tentar se adaptar à Era Digital. Caso contrário, correm o risco de não existirem mais. Bob Garfield, editor da Advertising Age e coapresentador do programa de rádio “On the Media”, da NPR, sabe bem disso e ligou os pontos de uma realidade cuja existência muita gente do marketing e da mídia se negava a admitir. Todas essas descobertas são reveladas em seu livro Cenário de Caos, da Editora Cultrix. Garfield não se limita a mostrar a desintegração da mídia e do marketing tradicionais, mas também apresenta soluções. O autor percorre cinco continentes em busca de respostas e suas viagens começam nas pastagens da Dinamarca e vão da Estônia à Austrália, de Israel à Inglaterra, de Montenegro ao Brasil, de Los Angeles, na Califórnia e a Conshohocken, na Filadélfia. “O livro viaja pelos cinco continentes numa busca por exemplos de adaptações a algo que representa, literalmente, uma nova era das realizações humanas”, comenta Bob Garfield. DESIGN THINKING BRASIL, de Tennyson Pinheiro e Luis Alt, 248 páginas, Elsevier Editora O conceito de design thinking vem ganhando espaço no atual campo de discussões sobre gestão e estratégias corporativas. Sua visão mais 'humana', centrada no usuário, com foco na inovação e na criatividade como forma de resolver problemas tem chamado a atenção tanto de estudiosos quanto de gestores, particularmente no Brasil - cada vez mais no centro das atenções mundiais. Para discutir melhor o assunto em um contexto próprio da cultura de gestão brasileira, o livro Design thinking Brasil: empatia, colaboração e experimentação para pessoas, negócios e sociedade apresenta diversos casos de aplicação no Brasil e contém ainda um 'kit de ferramentas', desenvolvido para ajudar o leitor a começar a aplicar o design thinking em seus projetos e no seu dia a dia. Trata-se do primeiro livro sobre Design Thinking escrito por autores locais, que também são professores, palestrantes e empresários. "O LÍDER TERRÍVEL – COMO SE TORNAR UM GRANDE LÍDER", de Dan White, Editora Planeta, 272 páginas Irreverente, divertido, desafiador e, por vezes, com um cáustico olhar sobre liderança, Dan White cria a figura de um anti-líder de maneira a forjar um retrato do pior chefe ou gerente que o leitor poderia imaginar – e, possivelmente, encontrar - em seu local de trabalho. É aquele tipo de chefe autocrático, que deixa os funcionários se sentindo péssimos dia após dia, que abusa de seu poder, que gosta de julgamentos e tribunais e que aprecia uma “cultura da culpa”, sempre em busca dos responsáveis pelas falhas da empresa. Criar o pior cenário imaginável de liderança, na verdade, não é uma tarefa difícil (e muitas vezes esse cenário é mais claro e real do que um ambiente considerado saudável). Mas é exatamente aí, olhando para o lado perverso do cotidiano de uma empresa, que o autor e seus leitores conseguem examinar com clareza o oposto de um líder odioso, e o que fazer para não ser como um deles. PUBLICIDADE NA TV DIGITAL, Rafael Gonçalez Carneiro, 288 páginas, Editora Aleph Chega às livrarias Publicidade na TV Digital, de Rafael Gonçalez Carneiro, obra que discute o advento da TV Digital e temas relacionados a essa nova tecnologia, como produção, distribuição, comercialização e consumo de conteúdo, interatividade, mobilidade, convergência de dispositivos e muito mais. A digitalização da TV traz benefícios importantes para usuários, anunciantes, agências e emissoras, representando mudanças profundas em modelos de negócios já amadurecidos. Por isso, o livro contempla não só aspectos técnicos da TV Digital, mas também seu impacto na sociedade e no mercado publicitário. Em seu livro, Rafael Gonçalez Carneiro explica o que é TV digital e cita seus benefícios, revelando que essa tecnologia não está limitada aos sistemas de transmissão de TV aberta. Dividido em duas partes, o livro apresenta e discute as vantagens dessa nova tecnologia, bem como os impactos provocados por ela na sociedade em geral e no mercado publicitário em particular. 38


Revista pronews147  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you