Page 1

3

Edição 0 dinamizada no âmbito do Dia do Perfil dos Alunos, uma iniciativa promovida pelo Ministério da Educação que visa a análise, reflexão e colaboração de todos, num dos temas pilares da nossa sociedade – a Educação.

Número 0 | Segunda-feira, 15 de janeiro 2018 EDITORIAL O exemplo do Real Colégio de Portugal

“Sou apenas um ser consciente e curioso, que procura sempre entender o porquê das coisas!” DRolim

Teresa do Rosário Damásio | Administradora do Real Colégio de Portugal 1

http://www.dge.mec.pt/sites/default/files/Legislacao/2017_despacho_64.pdf http://dge.mec.pt/sites/default/files/Curriculo/Projeto_Autonomia_e_Flexibilidade/perfil_dos_alunos.pdf 3 https://www.oecd.org/education/Global-competency-for-an-inclusive-world.pdf 4 http://www.oecd.org/pisa/ 5 http://www.oecd.org/pisa/pisa-2018-global-competence.htm 6 http://www.dge.mec.pt/noticias/dia-do-perfil-dos-alunos 2

“O trabalho em equipa é mais rico, forte e, por isso, capaz de alcançar as metas mais difíceis!” Anónimo

“Criatividade é inventar, experimentar, crescer, correr riscos, quebrar regras, cometer erros, e se divertir.” Mary Lou Cook

“Sê plural como o universo!” Fernando Pessoa

Eric Loque Magalhães Xavier

1

“Equipa é um grupo de pessoas comprometidas com um sonho coletivo.”

Página

O Despacho n.º 6478/2017, de 26 de julho1, homologou o Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória2, que é um dos documentos estratégicos para as Instituições de Ensino Não Superior em Portugal. Num mundo global, o papel das Escolas é cada vez mais relevante na criação e consolidação do Perfil dos Alunos, procurando corresponder aos desafios da Sociedade Atual. A OCDE fala-nos disso em “Global competency for an inclusive world”3 onde revela que as competências globais são as mais importantes nas aprendizagens dos alunos a frequentarem a escolaridade obrigatória. Assim, o PISA4 irá avaliar estas competências em todos os sistemas educativos dos países membros5. A OCDE apresentou o OECD PISA Global Competence Framework, na Harvard Graduate School of Education, no passado mês de dezembro. O Real Colégio de Portugal é uma das Escolas Portuguesas que participa no Projeto Piloto da Autonomia e Flexibilidade Curricular e que respondeu positivamente ao convite que nos foi dirigido pela Direção Geral de Educação/Ministério da Educação, para celebramos o Dia do Perfil dos Alunos6. Entendemos ser essencial definir o Nosso Perfil de Aluno à Saída da Escolaridade Obrigatória e desde o início do ano letivo que temos vindo a trabalhar nesse Perfil e iremos fazê-lo de forma sucessiva e sistemática ao longo dos próximos dois anos. Para isso, consideramos que é fundamental medir os impactos junto das alunas e dos alunos, cooperarmos com os nossos stakeholders, pois entendemos que há responsabilidades que devem ser partilhadas. Assim, conseguiremos ir ajustando a estratégia e o percurso a seguir junto da Comunidade Educativa e poderemos responder positivamente aos desafios para os quais a Sociedade nos convoca. Os Valores são aquilo que enquadram as competências adquiridas pelas Nossas Alunas e pelos Nossos Alunos e é isso que circunda as Aprendizagens. Celebramos o Dia de hoje imbuídos da certeza que a Comunidade Colaborativa que queremos passa necessariamente pelas atividades que foram planeadas e organizadas e pela respetiva disseminação e divulgação. O Dia de hoje ficará na Nossa História individual e colaborativa e parabenizo de forma penhorada os organizadores e dinamizadores da mesma! Um grande Viva à Nossa Comunidade!


E O MÁGICO SOU EU!!!

OUTRAS ALTERNATIVAS

Foi com magia que o dia do Perfil do Aluno começou no Colégio. Sob olhar infantil, Miguel Domingues dinamizou vários truques de magia no RCP. De forma lúdica e didática, o nosso mágico conseguiu captar e envolver nas atividades todas as crianças que estavam na plateia.

A paixão pela costura trouxe Joana Garcia ao RCP para partilhar connosco o verdadeiro conceito de criatividade. A atividade teve como objetivo a elaboração de um novo uniforme, ao gosto de cada um, libertando a faceta artística dos alunos do 5º ano. Durante a atividade os alunos mostraram-se muito empenhados.

[Entrevista com supressões]

Página

Joana Lopes e Sara Barata, jogadoras de Basquetebol do CAR JAMOR (Centro de Alto Rendimento), pertencentes à Seleção Portuguesa Feminina, vieram ao Real Colégio de Portugal, com mais elementos da sua equipa, para dinamizarem o workshop designado Vem jogar com a Seleção Nacional, promovendo o desporto e a igualdade de géneros. Assim, as atletas, em entrevista, revelaram o seu dia-a-dia, os seus gostos e interesses e as suas ambições. Para vocês, qual foi a melhor menção que receberam no âmbito do basquetebol? Joana: Acho que ir a seleção nacional foi o nosso expoente máximo na modalidade. Com tantos treinos e jogos, como conseguem conciliar estudos e responsabilidades desportivas? Joana: Há tempo para tudo, basta ser responsável e organizarmos o nosso tempo. Por exemplo, nós entramos às 8:30 e saímos às 17:30, temos treinos das 18:00 às 21:00 e, depois de jantar, há sempre aquele tempo para estudar. Sara: Em vez de estarmos ao telemóvel, estudamos. Também temos uma quarta-feira livre e aproveitamos ao máximo para estudar. Ao fim de semana, temos jogos também. Há sempre uma tarde ou uma manhã...há sempre tempo para tudo. Têm alguma superstição antes de entrarem nos jogos? Joana: Eu tenho, gosto de ser sempre a última a entrar e tenho de entrar com o pé direito. Sara: Eu, quando vou jogar no pavilhão, o primeiro lançamento tem de entrar sempre, senão corre mal e tem de ser com o braço esquerdo. Desde que estão no Car Jamor, os vossos hábitos alimentares modificaram-se? Joana: Sim, nós, no refeitório do Alto Rendimento, temos uma ementa feita por nutricionistas. Já nos habituamos! Num desporto que é maioritariamente masculino, já se sentiram, nalgum momento, discriminadas? Joana: Não, não é bem discriminação. É o facto de darem mais valor aos rapazes, mas acho que ultimamente, as raparigas têm tido mais resultados. Então, começam a dar mais valor às raparigas. Já há mais igualdade… Sara: Há uns anos, os ordenados da Liga Masculina em Portugal comparados com a Liga Feminina era o triplo, mas agora as femininas têm alcançado melhores resultados…Ainda este ano, as Séniores foram a Taipé, às Olimpíadas. Expliquem a experiência que tiveram ao realizar o workshop “Vem jogar com a Seleção Nacional”. Consideram importante este tipo de iniciativa? Joana: Foi giro! Nós estarmos a jogar com eles, mostrarmos aquilo que fazemos e ainda explicarmos como vivemos. Sara: Sim, sem dúvida! Algum conselho que vos tenha marcado na vida e que queiram partilhar com os leitores? Joana: “Não é o físico que conta é a inteligência”. Uma pessoa que tenha mais físico que outra não quer dizer que seja melhor, pois a outra se tiver mais inteligência a jogar safa-se melhor. São muitas leituras. O que gostam mais de fazer no vosso tempo livre? Joana: Jogar basket e estar com os amigos. Sara: Ou se estuda ou se está com a família e os amigos. Como gostariam que vos recordassem no futuro? Joana: Como uma referência no basquetebol. Sara: Como boa pessoa, como boa amiga.

2

UMA ENTREVISTA COM…


QUEM SOU EU?

HINO DO REAL COLÉGIO DE PORTUGAL

Isaura Lourenço, psicóloga de profissão, esteve à conversa com os alunos do secundário do RCP sobre o tema: “Quem sou eu?”. O autoconhecimento e a autoestima são pilares na construção do perfil de cada aluna e aluno do Colégio. Neste sentido, Isaura Lourenço, desenvolveu uma reflexão com os intervenientes do discurso de modo a potenciar a consciência das capacidades de cada um. E com sábias palavras fechou a sessão afirmando que “De todos os juízos que fazemos na vida nenhum é tão importante como o que fazemos sobre a nossa vida”.

Sempre fomos e seremos um colégio especial, Construindo a nossa história num mundo vasto e global, De olhos postos no futuro, caminhamos com ambição, Traçando um novo rumo no ensino e educação. Orgulhosos, partilhamos o saber a cada dia, Aprendendo com vontade, amor e sabedoria. Encontramos na amizade o respeito, a energia, Educando com afeto, em harmonia. No Real Colégio de Portugal, Construímos a história de um ensino excecional, Instruídos na verdade, aprendemos com vontade, Descobrindo um percurso sem igual, Somos o Real Colégio de Portugal. Preservando as memórias em prol da lusofonia, Abraçamos todo o mundo, partilhando a alegria, Foi aqui que nós crescemos e com brio aprendemos, Que os sonhos são feitos para alcançar. No Real Colégio de Portugal, Construímos a história de um ensino excecional, Instruídos na verdade, aprendemos com vontade, Descobrindo um percurso sem igual, Somos o Real Colégio de Portugal.

TRÊS MURAIS, MILHARES DE IDEIAS E UM MAR DE CRIATIVIDADE Papel de cenário, diferentes riscadores e mentes iluminadas foram suficientes para que os alunos da pré-escolar e do 1º, 2º e 3º ciclos criassem três murais. Com o tema “Ser + Feliz” e ao som de uma das sinfonias de Beethoven, as/os pequenas/os artistas de 3 e 4 anos expressaram os seus sentimentos e pensamentos através da arte do desenho. As alunas e os alunos do 1º, 2º e 3º ciclos, sob o tema “Eu sou…”, autorretrataram-se e escreveram palavras, exprimindo a forma como se veem, pois “Eu sou do tamanho/daquilo que vejo, e/ não do tamanho/ da minha altura” (Fernando Pessoa).

E as atividades prolongaram-se pela tarde! O 2º ciclo e as turmas do 7º e 8º anos participaram nos Jogos de Equipa, promovendo o espírito cooperativo e a boa disposição!

No final do dia, alguns alunos surpreenderam-nos com um flashmob!

O MEU PERFIL É… Os professores do 1º Ciclo criaram e ilustraram os 5 C’s (Criativo; Consciente; Compassivo; Competente e Comprometido).

CHOVERAM CORES NO RCP… O festival de música e dança mais alegre e colorido do planeta chegou ao Real Colégio de Portugal. Inspirado no Holi - Festival das Cores, realizado, na Índia, com o intuito de celebrar a transição do inverno para a primavera, o RCP recebeu esta manhã a primeira edição do Happy Holi. A atividade proporcionou uma manhã de celebração, alegria e movimento. As alunas e os alunos do 3º Ciclo foram abrilhantados pelas tonalidades vibrantes do lançamento do Gulal (pó colorido).

3

E QUANDO MENOS ESPERAS…

Página

JUNTOS SOMOS MAIS FORTES


AO SABOR DO RITMO… Um batuque, um movimento, uma onda criativa. Foi com a arte da dança que se iniciou a manhã de hoje. Débora Leitão, apresentadora e instrutora de dança rítmica, e Carlos Mendes, finalista do programa Portugal Got Talent com o seu grupo de dança Funky Munkies, foram os dinamizadores do workshop de dança. Kuduro, Funaná e Afro House foram alguns dos ritmos africanos com os quais as alunas e os alunos se expressaram corporalmente, superando, assim, a sua timidez. Vamos nesse “mambo”?

O MUNDO EM PAPEL Papel, papel e mais papel. Assim começou o dia do Perfil dos Alunos no colégio. Dobra a seguir a dobra, o origami foi a arte tradicional e secular japonesa desenvolvida pelas alunas e pelos alunos do 1º e 2º ciclos com a construção de barcos, estojos, cães e pássaros. Com entusiasmo e excitação, as alunas e os alunos foram os que mais se destacaram na atividade. 学习努力每天都在提 高 (estuda muito e torna-te melhor a cada dia)! 纸的世界 RCP小学第一和第二阶段的同学们,学习了中国传统的折纸艺术。 本校学生在这一天,学习制作了中国的折纸艺术。他们尝试折了纸船,铅笔套 ,小动物。 我们小记者团都十分兴奋地对他们进行了采访。小学部的同学们,在活动中表 现极为突出,展现了极高的热情。同学们尤其对折小纸船感兴趣。 祝愿他们从少做起,积土成山, 好好学习,天天向上!

Agradecimento às alunas e aos alunos Estimados alunas e alunos, Cada vez que nos propomos a concretizar algo que acreditamos, somos envolvidos por sentimentos de ambição, dedicação, medo, preocupação, vontade de superação, enfim, uma montanha-russa de emoções. Quando no final se atingem com sucesso os objetivos que nos propusemos, temos orgulhosamente que tomar a nós o sentimento de dever cumprido e ao mesmo tempo partilhar com os nossos companheiros as alegrias e os sucessos. O que aconteceu hoje neste Dia do Perfil do Aluno merece o nosso reconhecimento e gratidão. Principalmente por ser uma demonstração de trabalho em equipa, mas também por ter sido o resultado do esforço e dedicação de cada um na vontade de alcançar um objetivo de todos. É com orgulho que a Equipa Pedagógica deixa um enorme agradecimento a todos os que participaram neste projeto, na esperança que novos desafios surjam e sejam de igual modo abraçados. Bem-haja pela Dia fantástico e pelo Trabalho realizado!

Nota à redação Este jornal chegou às suas mãos graças ao empenho, à dedicação e ao trabalho das alunas, alunos e professoras que o sonharam e lhe deram vida. A todas e todos o nosso muito obrigada. Juntas/os vamos mais longe!

Página

4

Sandra Cunha | Direção Pedagógica

Capaz nº0  

Jornal mensal do Real Colégio de Portugal, uma instituição de ensino privado com valências desde a creche ao 12º ano, em Lisboa.

Capaz nº0  

Jornal mensal do Real Colégio de Portugal, uma instituição de ensino privado com valências desde a creche ao 12º ano, em Lisboa.

Advertisement