Page 1

RP

Parabéns às mães: mulheres de garra e de luta. Um abraço fraterno da prefeita Marcia Rosa

Reação Popular O jornal que fala a sua língua

11 de maio de 2012 - Ano 4 - Edição 214

R$ 0,20

Melhorias que já beneficiam toda a cidade Serviços de drenagem, recolocação de bloquetes sextavados, reformas e manutenção de praças, melhorias de iluminação, limpeza de canais e manuten-

ção de comportas são alguns dos trabalhos realizados pela Prefeitura em todos os bairros de Cubatão.

Pág. 8

Poesia no céu de Cubatão

Neste sábado (dia 12), a partir das 15h30, no Novo Parque Anilinas, crianças do projeto‘Limeriques no Ar’ soltarão bexigas que contém poemas. Iniciativa é coordenada pela escritora Viviane Távora (foto).

Pág. 6

Santos quer conhecer Cartão Servidor

Estudantes conhecem xxxxxx história xxxxxxx cubatense xxxxx Alunos da UME Luiz Gusxxxx tavo de Lima, na Vila Natal,

conheceram diversos espaços importantes da cidade, como o Largo do Sapo e o Cruzeiro Quinhentista, dentro da programação do projeto Roteiro Histórico

Pág. 5

Pág. 3


2

Serviço

11 de maio de 2012 - Ano 4 - Edição 214

CONVERSE COM A PRESIDENTA

Coluna do Euzébio www.

blogdoeuzebio.com.br

Sobre servir a um senhor... Já disse, em 20 de outubro de 2011, por meio de uma crônica que só postei no Blog do Euzébio, que “Cada um serve ao seu senhor”. Disse-o para deixar claro que todos temos um lado a defender, o lado no qual cremos – no caso de quem o faz por ideologia – ou o lado que melhor se adapte aos nossos próprios interesses, no caso daqueles que agem por ‘afinidade’ ou conveniência. E não é diferente com jornalistas, blogs, veículos de comunicação... Todos servem aos seus senhores, por ideologia ou conveniência. E isto é lícito! Em qualquer dos casos, todos têm direito a expor suas opiniões, a se manifestarem livremente... Só não podem enterrar a ética, só não podem “fabricar” a verdade... Ou, se valendo das prerrogativas do jornalismo ou mesmo da facilidade de acesso à veiculação da produção literária, sob a máscara de uma isenção inverídica, travestir uma inverdade de “fato incontestável”; transformar uma opinião própria ou um “fato plantado” em notícia “jornalística”. De resto, criticar, opinar, palpitar – e até “achar” – desde que seja “de cara aberta”, pode. ...e sobre ‘corruptos não corruptores’... E o recente episódio envolvendo a relação – até onde se pode supor do ponto de vista ético, promíscua – entre a Revista Veja e Carlinhos Cachoeira é a prova cabal de que, por maiores e mais “isentos” que queira parecer der, mesmo os veículos de comunicação de grande circulação ou penetração – caso das TVs, ou de uma TV: a Globo – defendem interesses próprios e “propagam” sua ideologia como se fosse “verdade absoluta”. Por que aqui seria diferente? A Veja (a exemplo da Globo na eleição Lula x Collor, que praticamente destruiu a campanha do candidato do PT com falsas denúncias e edições direcionadas de matérias e falas) como todos sabem, é, de um lado, a grande “denunciadora de escândalos petistas”, e, de outro, a criadora de grandes “paladinos da justiça”, dos “verdadeiros defensores da ética na política”, como fez com o senador Demóstenes Torres em uma de suas edições. Agora, após a descoberta do envolvimento “íntimo” entre Veja, Cachoeira e Demóstenes, está comprovada a existência de um “triângulo imoral”, com incontáveis ramificações, com intuito de criar mitos e fatos falsos. Mas, para a Veja, “ter um corrupto como informante não nos corrompe”. Ah, vá! Mas, mesmo que assim o fosse, neste caso, não o seria e não o é. Até porque a Veja, como todos sabem, sempre foi avessa e parcial com os governos do PT. Afinal, ela serve a outro senhor, a outros propósitos. Talvez a um senhor de bico longo, quem sabe? Mas o fato é que a versão da relação entre fonte corrupta e veículo não corrompido cai por terra quando fica claro que o uso das informações “ criminosamente privilegiadas” tinha o objetivo maquiavélico de desestabilizar – para não dizer: destruir – um governo legítimo e de “legitimar” os que ela queria colocar no poder. E tudo sob o escudo de “imprensa isenta”. Seria por ideologia ou por interesse próprio? Em qualquer um dos casos, não dá para dizer que seja lícito, legítimo. É apenas vergonhoso! Não chegaria – jamais!!! – ao ponto de dizer que qualquer veículo de nossa região ou de nossa cidade fosse capaz de adotar tal expediente, em qualquer situação. Mas, que todos servimos a um senhor, isto é certo. De minha parte, continuo a defender o que penso e a servir ao meu senhor... De cara aberta, sem corruptos ou corruptores intermediando as minhas opiniões. De volta ao “futuro indesejável”? Como disse em minha coluna da semana anterior, gosto de certas comparações entre Cubatão e grandes obras literárias. Hoje. vou mais longe: adoro certas crônicas que circulam pela Internet. Uma, intitulada “Crônica de um futuro indesejável”, me despertou a atenção e me aguçou os sentidos. Muito bem escrita, por sinal. Fala sobre um possível resultado das próximas eleições que o conduziria a “um futuro indesejável”, na sua concepção. Com bons olhos vejo um posicionamento político ser bem defendido com os melhores recursos literários, utilizando, para tanto, a licença poética sem perder o foco central. Mas, a meu ver, o conteúdo, a par de toda “melodia” harmoniosa do texto, deixa subentendido que a única opção ou “força contrária” ao seu futuro indesejável seria a ressurreição de um passado indesejado para a maioria que nos traria de volta “a um futura mais indesejável ainda”. Mas, por falta de espaço, falo sobre isso na próxima semana. Um Florêncio nunca se vai...

Expediente O Reação Popular é uma publicação semanal da 2L Fábrica de Idéias Comunicação Social Ltda. CNPJ - 09.212.963/0001-02 Circula em toda a Região Metropolitana da Baixada Santista. Endereço: Rua 13 de Maio, 429, sala 21, Vila Nova, Cubatão. CEP: 11525-040 Telefones: (13) 3324-0313/ 3372-7348 E-mail: reacaopopular2@gmail.com

Por Dilma Vana Roussef f Roberto M. Ferreira, 44 anos, vendedor em Cuiabá (MT) – É verdade que o governo brasileiro, antes mesmo de cumprir as metas do Luz para Todos no Brasil, está implantando o programa em outros países? Presidenta Dilma – Roberto, o governo brasileiro não só cumpriu como ultrapassou em muito a meta estabelecida para o Luz para Todos. O programa foi lançado em 2003 com o propósito de levar energia elétrica para 2 milhões de famílias, o que foi alcançado em junho de 2009. Mesmo

Todos os artigos assinados são de responsabilidade de seus autores e não representam, necessariamente, a opinião do jornal.

referência para estender às populações mais pobres de todos os países do mundo o acesso aos serviços de eletricidade. O Luz para Todos não serve apenas para iluminar os domicílios, mas também possibilita a utilização de diversos aparelhos eletroeletrônicos e impulsiona o trabalho no meio rural. A produção se multiplica e permite a comercialização dos excedentes. É essa revolução no campo que está encantando outros países, o que é motivo de orgulho para todos nós, brasileiros.

Perguntas para a seção “Converse com a Presidenta” podem ser enviados para o e-mail redacaorp@ yahoo.br com nome completo, idade, profissão, bairro e cidade. Serão enviadas para a assessoria da presidenta os e-mails encaminhados até a próxima segunda-feira (28/4).

Internet

Serviços online facilitam vida dos contribuintes Departamento da Receita Municipal aprimora atendimento pela página da Prefeitura Em Cubatão, o munícipe pode obter certidão sobre o valor venal de seu imóvel, cadastrar-se como contribuinte do Imposto Sobre Serviços (ISS), conseguir segundas vias de boletos de pagamentos de tributos, entre outros serviços, sem precisar sair de casa. O Departamento de Receita, da Secretaria Municipal de Finanças, coloca à disposição dos cidadãos diversos serviços a que o contribuinte tem acesso direto por computador. A utilização desse benefícios ficou mais fácil ainda, com a nova página oficial da Prefeitura (www.cubatao. sp.gov.br), que possibilita melhor leitura nos espaços do vídeo. O contribuinte pode imprimir a segunda via do IPTU direto do site, por exemplo. Basta ter em mãos o carnê do ano anterior, onde estão os dados do imóvel a serem solicitados pelo programa. É possível imprimir o carnê do atual exercício e de anos

anteriores que estiverem em débito. Neste caso, existe um campo específico, denominado “pesquisas de débito de imóvel”. A obtenção da segunda via do alvará de funcionamento de uma empresa também é simples. Para ter acesso, é preciso digitar os números do registro do estabelecimento no

Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica-CNPJ e da inscrição.

Parcelamento

O contribuinte que tenha feito acordo com a Prefeitura, objetivando o parcelamento de débitos, pode obter no site todas as informações sobre as parcelas, com as datas dos respectivos vencimentos, entre

outros dados.Para isso,basta ter o número do acordo firmado com a administração municipal. O site da Prefeitura tem ainda o link para a página da Câmara Municipal (www.camaracubatao.sp.gov.br), que direciona os contribuintes para a legislação tributária da cidade.

Dia das Mães

Feira Artesanal oferece diversas opções de presentes Quem ainda não comprou o presente não pode deixar de conferir os produtos que estão à venda na Feira Artesanal do Dia das Mães, realizada pela Fábrica da Comunidade e o Fundo Social de Solidariedade de Cubatão. A mostra, que termina

nesta sexta-feira (dia 11), funciona das 8h às 17h, no saguão do Paço Municipal (Praça dos Emancipadores, s/ nº, Centro). Entre as opões estão camisetas e bolsas com aplicações artesanais, peças decorativas, principalmente de

madeira, e acessórios para o cabelo. Os interessados em participar dos cursos de artesanato da Fábrica da Comunidade devem ficar atentos: novas turmas deverão ser formadas neste mês. A data de abertura das inscrições será divulgada em breve.

Vagas disponíveis no PAT em 10/05 Função

Editora: Cristiane S. de Oliviera MTb 62737/SP Departamento Comercial: Paulo Ricardo Hourneaux de Mendonça Colaboração: Elisangela Bezerra Projeto gráfico: Feberti Diagramação e tratamento de imagens: Paulo Roberto - MTb 35751

com as metas atingidas, decidimos prorrogar o programa – até agora, já levamos luz elétrica a 2,9 milhões de famílias. A boa experiência do Luz para Todos chamou a atenção de diversos países da América Latina, África e Ásia e assinamos acordo de cooperação com quatro países e estamos negociando com outros catorze. Nós damos assistência técnica para os governos implantarem programas similares ao Luz para Todos, sem descuidar das nossas metas. O Luz para Todos foi escolhido pela ONU como

Vagas

Função

Vagas

Função

Vagas

Aux. Eletricista Veículos.................................... 4

Eletricista Veículos Pesados............................. 2

Motorista Carreteiro........................................... 4

Aux. Enfermagem............................................... 1

Enfermeiro............................................................ 1

Oper. Pá Carregadeira - masc. e fem............... 5

Aux. Manut. Equip. Refrigeração..................... 5

Enfermeiro............................................................ 2

Oper. Ponte Rolante........................................... 10

Auxl Lubrificação................................................ 1

Funileiro Traçador............................................... 1

Operador "Bob Cat"............................................ 1

Carpinteiro........................................................... 10

Mecânico Diesel................................................. 1

Pedreiro................................................................ 10

(*) PNE – Portador de Necessidades Especiais. Documentos necessários para a realização do Cadastro. Carteira de Trabalho, Certificado dos cursos de qualificação profissional, Comprovante de escolaridade, Comprovante de residência em nome do candidato ou dos pais (recente) RG e CPF, Título de eleitor, Todos os documentos devem ser originais e o candidato deve manter seus dados (end. e telefone) atualizados.


Cidade 3

11 de maio de 2012 - Ano 4 - Edição 214

Projeto Escola Legal

UME Luiz Gustavo de Lima participa do Roteiro Histórico Estudantes conheceram pontos turísticos e históricos da Cidade Uma tarde diferente e com muita animação. Foi o que aconteceu na última quinta-feira (dia 10), no Roteiro Histórico, que contou com 22 estudantes do segundo e terceiro ano da UME Luiz Gustavo de Lima, na Vila Natal. Os pequenos estavam pra lá de animados com a possibilidade de visitar locais

que fazem parte da história de Cubatão, acompanhados pelas estagiárias de pedagogia, Cristina Cascardi e Maria Aparecida Rocha. O primeiro local visitado foi o Novo Parque Anilinas, mais precisamente, a locomotiva da marca Henchel e Sohm, prefixo 915, fabricada em 1916, que se encontra no local. De acordo com o guia da Secretaria de Turismo, Arnaldo Dias de Mello, que acompanhou a turma, a locomotiva pertencia ao exército alemão e estava em um navio que se dirigia às colônias ale-

mãs na África. A máquina foi apreendida pelo Brasil na Primeira Guerra Mundial e o vagão, na verdade, é um bonde originalmente puxado por burros na cidade de Santos. Outro fato curioso: possui um dispositivo especial na sua chaminé, que não permite o lançamento de brasas e fumaça. No parque, os alunos conheceram ainda uma das casas que fazia parte da Cia. Anilinas e Produtos Chímicos do Brasil, uma das primeiras indústrias da região, fundada em 1916, no Centro.

Igreja e Largo

A parada seguinte foi na Igreja Matriz Nossa Senhora da Lapa, onde os estudantes ouviram a história da imagem da Santa que dá nome a igreja. No Largo do Sapo, o guia Arnaldo falou aos estudantes sobre a importância do lugar. “O Largo do Sapo é onde teria sido o início do processo de povoamento da cidade e espaço que abrigou também o Porto Geral de Cubatão. Na época do Império, as mercadorias eram embaladas e subiam a Serra”, explicou. Para o aluno Kauan Al-

meida de Lira, 8 anos, o passeio foi muito legal. “Aprendi muita coisa sobre os monumentos, o Anilinas e a his-

tória de Cubatão. Mas o que eu mais gostei foi de conhecer a história da Igreja Matriz”, comenta.

José Mário Alves

Educação

Sucesso

ETEC recebe inscrições para vestibulinho

Encontro Regional de Contadores de Histórias agita Cubatão

Termina na próxima quinta-feira (17), o prazo de inscrição no vestibulinho da Escola Técnica de Cubatão (ETEC). Para fazer a prova de seleção para os cursos técnicos de Administração, Contabilidade, Informática, Logística ou Meio Ambiente, basta acessar o site www.vestibulinhoetec.com.br. A taxa de inscrição custa R$ 25,00 e deve ser paga na rede bancária. As aulas, gratuitas, começam no segundo semestre.

Cubatão é o ponto de encontro de centenas de pessoas que gostam de contar e ouvir histórias. O 2º Encontro Regional de Contadores de Histórias, que termina nesta sexta-feira (dia 11), oferece uma vasta programação, totalmente gratuita. O objetivo é capacitar professores, arte-educadores, artistas e demais pessoas interessadas nesta forma de expressão milenar, que mantém vivos

os laços com a literatura e os bons exemplos. A abertura do evento ocorreu no Bloco Cultural, no último dia 9, e contou com a apresentação do Grupo Rinascita de Música Antiga. Os instrumentistas encantaram o público com um repertório das épocas barroca, renascentista e medieval, transportando a todos para os grandes salões de baile dos palácios europeus. O que mais

chamou a atenção foram os instrumentos musicais, réplicas dos originais usados entre os séculos XIV e XVIII. O Encontro ta mbém oferece material de apoio para os participantes com expositores que comercializam livros, fantoches de espuma, dedoches de feltro, mamulengos de papel machê e reprodução de obras históricas e escudos medievais.

Escolas

Nesta sexta-feira, além dos inúmeros espetáculos e performances que serão realizados tanto no Bloco Cultural quanto na Biblioteca Municipal, a partir das 9h, os participantes poderão contar histórias para as crianças. Às 10h, três grupos saem do Bloco Cultural em direção à Escola Estadual “Júlio Conceição”, e UMEs “Lucy Montoro” (bairro Vila Couto) e “Estado do Amazonas” (bairro Santa Rosa). Nos três locais, pelo menos 500 crianças devem passar bons momentos ouvindo as histórias que seus avós já conheciam.


4

Gente de Cubatão

11 de maio de 2012 - Ano 4 - Edição 214

Parque São Luís

Líder comunitário critica promessas não-cumpridas pelo Governo do Estado

Elisangela Bezerra

Ademir Ribeiro da Silveira, o Cosipinha, relata as dificuldades dos moradores do Conjunto Habitacional Rubens Lara Nascido em Cubatão, Ademir Ribeiro da Silveira, mais conhecido como Cosipinha, é um incansável líder comunitário que não mede esforços quando o assunto é ajudar o próximo. Seja uma informação sobre inscrições em escolas, creches, oportunidades de emprego e até mesmo entidades assistenciais, ele está sempre pronto a auxiliar. “São coisas que ficamos sabendo sobre inscrições de creches, onde retirar um documento, onde tem um serviço que atenda, por exemplo, pessoas com problemas com drogas e até mesmo alguns lugares onde sabemos que estão contratando pessoas”, explica Cosipinha. Ele ganhou o apelido de amigos, que sempre o encontravam com o uniforme da siderúrgica, atual Usiminas, onde trabalhou durante quatro anos. Síndico dos blocos que compõem o número 34 do Conjunto Habitacional Rubens Lara, no Parque São Luís, construído pela CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano), ele está preocupado com os problemas do local e o não-cumprimento de promessas feitas pelo Governo do Estado. Apenas um ano e quatro meses após a inauguração, muitos imóveis apresentam rachaduras. As portas dos abrigos onde estão os relógios de água e gás, em sua maioria, estão quebradas. O governo estadual havia prometido que todas as casas

Nome: Ademir Ribeiro da Silveira Naturalidade: Cubatense Nascimento: 11/03/74 Filho de: Argemiro Ribeiro Fernandes Jovenilia Silveira Fernandes Irmãos: 13 Casamento: terceira união Filhos: 8 Morou até os 10 anos de idade na Vila Nova, depois foi para as Cotas, onde ficou até se mudar para o Conjunto Rubens Lara. teriam relógios individuais para aferição da água, o que só aconteceu depois de muita luta. “Tivemos de entrar no MP (Ministério Público) para conseguirmos isso, porque eles diziam que não estava contemplado no contrato. Após a ação do MP, fizeram um aditamento e hoje cada um paga a sua conta, que é cobrada com base na taxa social, outra conquista nossa”, conta Cosipinha.

Mais transtornos

O líder revela ainda que, em dias de chuva, a parte interna do Conjunto enche de água, cerca de um palmo. Já na rua, em alguns pontos, o alagamento chega a atingir a altura do joelho. “O Governo do Estado diz que o sistema receptivo do Parque São Luiz não é adequado para suportar todos os novos moradores, por isso acontecem os alaga-

Ademir Silveira, síndico, apontando para as casas no segundo pavimento, onde muitas sofrem com goteiras em dias de chuva

mentos. Mas os técnicos que fizeram a fundação e a terraplanagem não deveriam ter visto isso?”, indaga. Outro problema constante é o fato de os moradores não receberem correspondência, apesar de o bairro ser regularizado e possuir quatro CEPs. Para saber se há alguma carta ou até mesmo contas a pagar, os mutuários do Rubens Lara devem ir até a agência dos Correios para verificar se há alguma comunicação. O jornal Reação Popular entrou em contato, por e-mail, com a assessoria de imprensa da CDHU e dos Correios, que até o fechamento desta edição não se manifestaram.


Cidade 5

11 de maio de 2012 - Ano 4 - Edição 214

Exemplo

Santos realiza audiência pública para conhecer Cartão Servidor Projeto inspirado na ideia cubatense foi apresentado pelo vereador petista Adilson Junior O funcionalismo e o comércio santistas já mostram interesse em repetir na cidade o projeto Cartão Servidor Cidadão, criado pela Prefeitura de Cubatão. Autor de projeto de lei que defende a proposta, o vereador Adilson Junior (PT) promoveu, no último dia 8, uma audiência pública na Câmara de Santos para debater os pormenores do funcionamento do cartão. O secretário municipal de Gestão de Cubatão, Haroldo de Oliveira Souza Filho, fez uma apresentação sobre o tema no auditório Ulysses Guimarães, com a participação também de Rafael Ferreira de Abreu (di-

retor de Recursos Humanos) e Gilmar Balbino dos Santos (da Secretaria de Emprego e Desenvolvimento Sustentável). Haroldo citou o Cartão, que oferece R$ 500 mensais para os funcionários municipais gastarem exclusivamente no comércio local, como exemplo de medida bem-sucedida adotada pela prefeita Marcia Rosa. "A grande sacada é ser uma política que fortalece o desenvolvimento do município, gerando efeitos multiplicadores", explicou o secretário. Desde sua implantação, em 2010, o programa contabiliza 1.007.140 operações realizadas, 762 empresas ca-

dastradas e R$ 77.263.586,02 em valores comercializados. A iniciativa também alavancou a arrecadação de tributos como o ISS (R$ 90,6 milhões, em 2009, ante R$ 128,4 nos primeiros 11 meses de 2011) e o IPVA (R$ 11,7 milhões, no ano passado).

Outros municípios da região, como Guarujá e Peruíbe, também já se interessaram pelo projeto.

municipais, "entes que movem esta máquina pública". Ele ponderou ainda que, em Santos, já estão definidas as rubricas para o Orçamento Orçamento Municipal de 2013 e a imO vereador Adilson Jú- plantação do cartão santista nior destacou a importância só poderá ocorrer a partir de de se valorizar os servidores janeiro de 2014.

Projeto concorre a prêmio nacional Nesta terça-feira (dia 15), às 19 horas, prefeitos de todo o Brasil saberão, na sede nacional do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), em Brasília, os nomes dos vencedores do Prêmio Nacional Sebrae Prefeito Emprendedor. Cubatão é um dos destaques escolhidos para representar o Estado de São Paulo, com Cartão Servidor Cidadão. O evento integra a programação da XV Marcha a Brasília em Defesa

dos Municípios, que será aberta na segunda-feira (credenciamento) e prossegue até o dia 17, na capital federal, organizada pela Confederação Nacional de Municípios. A escolha dos representantes paulistas foi divulgada no dia 29 de março em São Paulo, com a participação de 199 municípios, sendo Cubatão o único da Baixada Santista a conquistar um dos destaques estaduais, na categoria de Compras Públicas nos Pequenos Negócios Locais.

O programa prevê ainda que 2% dos recursos movimentados pela empresa administradora do cartão sejam repassados para obras sociais mantidas pela Prefeitura, o que já permitiu empregar cerca de R$ 1,5 milhão no fomento de atividades como o Cubatão Solidariedade (cantinas e cafés solidários, oficina de costura, Artesanato Anilinas e cooperativa de reciclagem ABC Marbas) e a complementação municipal do Bolsa Família, iniciada

em dezembro passado. O secretário de Emprego e Desenvolvimento Sustentável, Benito Santiago Martinez Gonzalez, comentou, citando o prêmio recebido: "Desenvolvimento sustentável é isso, respeitar o capital mas também as pessoas". A prefeita Marcia Rosa arrematou: "Indicador social tem nome, RG, são pessoas que têm suas vidas e esperanças, e estamos construindo políticas para atender a todas elas".

Núcleo municipal

Defensoria Pública busca apoios para instalação Para tratar de aspectos relacionados à instalação de um núcleo cubatense da Defensoria Pública do Estado de São Paulo, foram realizados na última quinta-feira (dia 10), em Cubatão, encontros com representantes da Câmara de Vereadores, da Prefeitura e de entidades ligadas aos direitos humanos, ficando definido que uma moção de apoio será apresentada na próxima sessão da Câmara, no dia 15. Já a Prefeitura, que está finalizando detalhes relacionados a um convênio de assistência jurídica gratuita com a Ordem dos Advogados do Brasil (OA B-Cubatão), deverá estudar a proposta de inclusão da Defensoria do Estado nesse convênio. Os contatos foram solicitados pelo coordenador regional das Defensorias Públicas da Baixada Santista, Thiago Santos de Souza, que está percorrendo os municípios da região no sentido de motivar campanhas para que sejam instalados ou ampliados os núcleos locais desse trabalho. Ele recordou que, em função de recente concurso público, espera-se a nomeação de vários defensores para a Baixada Santista, sendo entretanto necessária a mobilização das cidades para a conquista desse benefício. Particularmente em Cubatão, onde há uma forte demanda por esse trabalho. O secretário de Assuntos Jurídicos Mário Gochi lembrou que está tramitando na Prefeitura um convênio com a OAB-Cubatão para criar um trabalho de assistência jurídica gratuita.


6

Cultura

11 de maio de 2012 - Ano 4 - Edição 214

Criatividade

Poesia no céu da cidade

Crianças do projeto ‘Limeriques no Ar’ soltam bexigas com poemas durante atividade no Novo Parque Anilinas A poesia cubatense chegará ao céu da cidade neste sábado (dia 12), a partir das 15h30, no Novo Parque Anilinas, quando 120 crianças do projeto ‘Limeriques no Ar’ soltarem bexigas que contém poemas. A ideia é que a pessoa que receber os versos, no quintal de casa, em um banco de praça ou no ponto de ônibus, tenha curiosidade de saber mais sobre essa forma de expressão

artística, caracterizada por cinco frases rimando entre si e temática non sense. A atividade é mais uma ação do Prêmio Tatiana Belinky de Limeriques, que tem como objetivo incentivar a leitura e a produção literária entre as crianças. Durante a tarde haverá, ainda, roda de poesia com o Grupo Zabelê. A idealizadora do Prêmio, escritora Viviane Veiga Távora,

escolheu o dia 12 de maio por ser a data de aniversário do inglês Edward Lear, considerado o criador dos limeriques, que completaria 200 anos. “Lear é uma referência. A data é simbólica, mas a ação quer despertar as pessoas para a novidade da poesia. Tanto a criança que vai soltar o poema no ar, quanto os que irão receber a surpresa”, comentou Viviane.

próprias poesias. As inscrições estão abertas e seguem até 2 de junho, somente pelo site www. portalpanapana.com.br/premio. O resultado sai em agosto. Os autores mirins dos cinco melhores limeriques recebem computador (1º lugar), notebook (2º lugar), netbook (3º), troféus e kit de livros, sendo que os professores e colégios desses estudantes ganham publicações infantis. Prêmio Os alunos escritores dos 100 Voltada para crianças de 6 a primeiros limeriques levam 11 anos (Ensino Fundamental o livro “Mareliques da PraiaI e II), a premiação incentiva -Louca” e um broche do proos pequeninos a criarem suas jeto “Eu amo Limeriques!”.

Social

O jornal Reação Popular parabeniza por meio dessas fotos todas as mães por sua data. Sabemos que o Dia das Mães é todos os dias, mas este domingo é uma data especial. Que todas as avós e mães cubatenses se sintam homenageadas diante desses registros. Parabéns AVÓS E MÃES

Isaac com Jordana, que completou mais uma primavera no dia 10


Esportes 7

11 de maio de 2012 - Ano 4 - Edição 214

Pedestrianismo

Cubatenses dominam primeira etapa do Campeonato Santista da modalidade

Atleta Maria dos Remédios venceu entre as mulheres. Geovane Santos obteve segundo lugar no masculino A equipe Semes/Cubatão de Pedestrianismo dominou a prova 10 km Cidade-Porto, válida pela primeira etapa da 27ª edição do Campeonato Santista de Pedestrianismo, realizada no último dia 6. A atleta Maria dos Remédios Castro (Semes-Cubatão/ Ao Fiel Barateiro) sagrou-se campeã entre as mulheres e Geovane de Jesus Santos ficou em segundo lugar no geral masculino. Maria completou a prova em 37 minutos e 30 segundos, deixando para trás a campeã na edição de 2011, Angelina das Graças Rafael, da equipe Semes/Santos. Geovane realizou o percurso em 31 minutos e 12 segundos, atrás apenas do corredor santista, José Uiton do Nascimento (30 minutos e seis segundos).

Velocista completou a prova em 37 minutos e 30 segundos A equipe cubatense contou com 54 velocistas. Outros corredores da cidade venceram em suas categorias, caso de Jonas Alves Silva (35/39 anos); José Adilson Santos (40/44 anos); Daniel Ricardo Damasio (30/34 anos); e Severo Salustiano dos Santos (70/74 anos). Luiz Carlos dos Santos (45/49 anos) e Joaldo Costa Pinto obtiveram o segundo lugar (40/44).

orgulho

Jiu-Jitsu

Fiama é convocada para seleção brasileira

A karateca cubatense Fiama Almeida dos Santos foi convocada para integrar a seleção que disputará o Campeonato Panamericano Sênior de Karatê, de 28 de maio a 3 de junho, na cidade de Manágua, capital da Nicarágua. Atleta adotada pela Prefeitura de Cubatão, Fiama dividirá com

a mineira Jéssica Candido a responsabilidade de representar o País no Kumite Feminino, categoria até 50 kg. Aos 19 anos de idade, 15 deles dedicados ao esporte, a atleta já conquistou importantes títulos nos âmbitos estadual, nacional e até internacional. Entre as principais conquistas

destacam-se o tri-campeonato no Mundialito da Shorin, e o vice-campeonato sul-americano do Wuko, no Chile. Além de competir, Fiama ministra aulas de karatê para

Danilo Benedetti vence 1ª Copa Lutando para o Bem jovens participantes do projeto do Corpo de Bombeiros e na Associação Unidos, dando sua contribuição para o fortalecimento da modalidade no município.

Integrante da equipe Alliance Pernalonga/Semes Cubatão, Danilo Benedetti foi o grande destaque da 1ª Copa Lutando para o Bem de Jiu-Jitsu, realizada no último dia 6, no Colégio Castro Alves, em São Paulo. O atleta conquistou dois títulos, pela categoria Adulto Médio Azul, e pelo Absoluto, que envolve todas as categorias participantes. Para o treinador Beto Pernalonga, Benedetti vem se destacando como o grande nome da temporada, tendo vencido três das quatro competições realizadas neste ano. "Em três etapas do Circuito Paulista de Jiu Jitsu, venceu duas, garantindo desta forma o título do Circuito, o que

mostra seu valor", afirma o treinador, que destaca ainda o valor da equipe montada em 2006, que melhora a cada ano. Além de Benedetti, também se destacaram no grupo: Gustavo G. Fernandes, vice-campeão infantil B/ peso pluma/branca; Gleisson Ricardo, terceiro lugar adulto, peso pluma/azul; Willians S. Oliveira, quarto lugar absoluto faixa azul e quinto lugar médio faixa azul; Danilo Macedo, quarto lugar adulto peso- pesado faixa azul; Fábio César do C. Silva, 4º lugar adulto peso-pesado faixa azul; Geovane Alves, 4º colocado adulto, pés- pena azul; e Thiago Santos Silva, 5º lugar adulto, peso-médio faixa branca.


8

Especial

11 de maio de 2012 - Ano 4 - Edição 214

Trabalho reconhecido

Melhorias são realizadas em todos os bairros da cidade Administração adota visão ampla do município, solucionando antigos problemas de cada região

Serviços de drenagem, recolocação de bloquetes sextavados, reformas e manutenção de praças, melhorias de iluminação, limpeza de canais e manutenção de comportas são alguns dos trabalhos realizados pela Prefeitura em todos os bairros de Cubatão. Nos bairros distantes da região central, como Vila Natal, Vila Esperança, Vila dos Pescadores, Bolsões, Ilha Caraguatá e Fabril, por exemplo, muitas ações foram promovidas, como a ampliação de linhas do transporte público municipal e o serviço de ambulância 24 horas. Na Vila Natal e Vila Esperança, problemas antigos, como a limpeza do canal e os buracos na Avenida Principal, respectivamente, já não incomodam mais os moradores. Na última semana, a via passou por manutenção, um trabalho de rotina que permite que esteja sempre em ótimas condições. O canal da Vila Natal está sendo limpo e as comportas estão passando por manutenção. O canal da Vila São José também está recebendo os mesmos serviços. Recentemente a Rodovia Bandeirantes, na Vila dos Pescadores, ganhou uma nova iluminação pública, com lâmpadas de vapor de sódio branca que trouxeram mais claridade e segurança.

Após a limpeza do canal e a manutenção das comportas vai ficar muito bom. A prefeita veio aqui e falou com a gente. Estamos satisfeitos com os trabalhos no bairro. Não vejo a hora de começarem também a urbanização da Vila Esperança Luísa Gomes Pereira, 67 anos, também sobre a limpeza do canal no bairro.

Benefícios

Outros pontos da cidade já foram beneficiados com serviços de iluminação, como a Avenida Marginal Direita da Anchieta, a entrada do Parque São Luiz até a entrada do Jardim Nova República e a Marginal da Anchieta, entre a Vila Nova e a Vila Natal. Além dos serviços de manutenção e obras, os bairros também são atendidos com programas culturais e de cidadania, como o Recreação Comunitária, que reúne cultura e esporte em um único evento, realizado periodicamente nos núcleos. Há ainda as reformas das escolas, como a Elza dos Santos, na Vila Esperança, e a implantação do Centro de Referência de Assistência Social na Vila Natal, Jardim Real, Fabril, Ilha Caraguatá e Bolsões. “Os bairros periféricos têm sido as regiões de maior atuação devido às características e necessidades. Sempre estamos realizando melhorias, serviços de manutenção, mas temos atendido regiões que nunca haviam recebido qualquer melhoria, como o canal da Vila Natal, que começou a ser limpo nesta administração”, explica o secretário municipal de Manutenção Urbana e Serviços Públicos, Alberto Sarabando.

Está ficando muito bom. Eles estão fazendo muitas coisas aqui na Vila Esperança. Antes, éramos esquecidos, agora não. Eles olham pra gente e estão melhorando muitas coisas aqui no bairro

Osmira de Paula Freitas, 49 anos, sobre a limpeza do canal e manutenção das comportas.

Josevaldo Batista, 39 anos, carpinteiro.

Osmira de Paula Freitas

Ela fez a coisa certa. Agora

aqui vai ficar muito bom", fala

a moradora da Vila Esperança,

Ela está fazendo um bom trabalho. Se compararmos com os outros governos, está ainda melhor porque ninguém nunca fez nada pela gente Onélia Pereira, 32 anos, moradora da Vila Esperança

Reação Popular 214  

Jornal Reação Popular

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you