Issuu on Google+

RP

Reação Popular

Entrevista

Vereador Dinho (com o irmão Wendeel) afirma compromisso com Marcia Rosa

O jornal que fala a sua língua

PÁG. 4

17 de junho de 2011 - Ano 3 - Edição 168

R$: 0,20

Cubatão é destaque no Mega Polo Industrial Fórum realizado na cidade trouxe representantes dos governos Estadual e Federal. Foram cobradas soluções e firmadas parcerias PÁG. 3

Equipe da prefeitura vistoria obras de ampliação de escola no Vale Verde PÁG. 5

Arraial Pé de Serra começa nesta semana com programação intensa PÁG. 5

Cadeq completa 10 anos de apoio a dependentes químicos PÁG. 8

Servidores públicos de Cubatão tem salário reajustado PÁG. 5

Ministro Aloízio Mercadante anunciou instalação de Centro Vocacional Tecnógico e Cidade Digital


2

Serviço

17 de junho de 2011 - Ano 3 - Edição 168

CONVERSE COM A PRESIDENTA

COLUNA DO EUZÉBIO

Só não enxerga quem não quer ver

Por Dilma Vana Roussef f Bruno Henrique Santos, 9 anos, estudante de Cidade Gaúcha (PR) – O que a senhora acha da educação integral do 1º ao 5º ano do ensino fundamental? Há intenção de implantá-la nas cidades brasileiras? Presidenta Dilma - Bruno, mais de 15 mil escolas públicas do ensino fundamental já estão oferecendo educação integral, por meio do programa Mais Educação. Desde 2007, quando o programa foi criado, o número de escolas participantes cresce sem parar – mais de um terço começou a participar este ano. Nossa meta é aumentar gradativamente até chegar a 32 mil escolas em 2014. Este programa permite que os alunos tenham atividades nos turnos em que não há aulas regulares. O Mais Educação oferece atividades organizadas em dez grandes campos: acompanhamento pedagógico; educação ambiental; esportes e lazer; direitos humanos em educação; cultura e artes; cultura digital; promoção da saúde; comunicação e uso de mídias; investigação no campo das ciências da natureza; e educação econômica. Por enquanto, as escolas participantes são de capitais e grandes cidades, de lugares atendidos pelo Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci) e de áreas de risco social. Mas o programa vai ser ampliado para mais localidades. Considero a educação integral indispensável para oferecer mais oportunidades de aprendizado aos estudantes da educação básica. Perguntas para a seção “Converse com a Presidenta” podem ser enviados para o e-mail redacaorp@yahoo.br com nome completo, idade, profissão, bairro e cidade. Serão enviadas para a assessoria da presidenta os e-mails encaminhados até a próxima segunda-feira (20/6).

Mostra de dança no Castelão A Associação de Pais e Mestres (APM) da Escola Técnica de Música e Dança (ETMD) Ivanildo Rebouças da Silva realiza neste domingo, 19, a partir das 18 horas, a XI Mostra de Dança Palco & Cia. As 70 coreografias de 26 grupos da Baixada Santista serão apresentadas no Centro Esportivo Humberto de

Alencar Castelo Branco, o Castelão. O Festival tem a participação de cerca de 100 bailarinos, divididos nas categorias infantil, juvenil e adulto. As coreografias serão nas modalidades: Clássico Livre, Classico de Repertório, Jazz, Moderno/Contemporâneo, sapateado, dança de salão e Estilo Livre.

Como meu amigo Dave Randon, sempre fiquei intrigado com a Turma do Não quando eles afirmam que a cidade está abandonada, sem investimento, sem obras etc. Mas, lendo um gibi do Super-homem, descobri porque eles falam isto. Explico: um dos inimigos do Super-homem é o Bizarro, um Super-Homem ao contrário que vive num mundo paralelo, mas totalmente oposto ao nosso. Ou seja, tudo neste mundo é oposto à Terra. O que ocorre aqui de uma forma, lá ocorre de forma contrária. Está aí a explicação para as críticas da Turma do Não. Eles vivem num mundo paralelo, onde as escolas não foram reformadas, o Parque Anilinas não está sendo re-

formado, as avenidas Ferroviária I e II não estão sendo pavimentadas, a Praça da Cidadania não está sendo construída, as UBSs não estão sendo reformadas, as vilas Esperança edos Pescadores não vão ser urbanizadas, as calçadas da cidade não estão sendo reformadas e dotadas de acessibilidade, a Educação não está recebendo vários investimentos, o Hospital Municipal não é um dos melhores da região, a qualificação de trabalhadores não teve um grande avanço, o comércio não recebeu um grande incentivo etc etc etc... Pobre Turma do Não e seus blogs e jornais de oposição! Vivem num mundo paralelo do passado. Não enxergam porque não querem ver.

Pa rabéns ao companheiro Dinho, pela manutenção da consciência e da coerência política. Dinho, após ensaiar uma suposta divergência com o governo, deu provas de sua firmeza ideológica e de sua capacidade de superar divergências pontuais em prol de um projeto infinitamente maior do que os pessoais. Dinho compõe o governo que ele ajudou muito a edificar. Sem dúvidas, sabíamos que ele retornaria à casa que jamais deixou de fato. Àqueles que apostavam no contrário, um abraço. Dinho, Marcia Rosa, o PT e o governo estão coesos, como sempre estiveram.

Aviso aos navegantes

Com a chegada do século XXI, novas tecnologais surgiram e são constantemente renovadas, aprimoradas, com uma velocidade só comparada ao próprio avanço tecnológico. Por isso, a reserva pura e simples daquela mão de obra barata, sem qualquer especialização, já não se mostra interessante nem mesmo para o sistema capitalista, que é o patrocinador dessas tecnologias. Hoje, o ingresso no mercado de trabalho exige cada vez mais qualificação, por menores que sejam as exigências do cargo. Abordarei este assunto de forma mais aprofundada na próxima coluna, por sua importência.

ALIMENTAÇÃO

Comunidades recebem feijão doado pelo Fome Zero Programa beneficia 182 famílias de Cubatão. Governo Federal destinou 48 toneladas do produto

Mudança na direção de rua no Casqueiro Com a intenção de melhorar o sistema de trânsito da região do Jardim Casqueiro, a Rua Maria do Carmo, no trecho entre a Rua São Pedro e a Avenida Brasil, terá mão única de direção. Seguirá apenas no sentido para a Avenida Brasil, a partir da próxima segunda-feira, dia 20. A alteração foi analisada pelo setor de Engenharia da Companhia Municipal de Trânsito (CMT), após solicita-

De volta pra casa

ção da Sociedade de Melhoramentos do bairro. “A mudança tem a intenção de diminuir o fluxo de veículos e pedestres, principalmente no cruzamento da Rua Maria do Carmo com a Avenida Brasil. Vale ressaltar também que neste trecho citado há vários comércios, igreja e escola, com o trânsito de pedestres intenso, conflitando com o de veículos”, afirma o assessor de Engenharia da CMT, Valtemir Ribeiro.

Os alimentos doados pelo Programa Fome Zero beneficiou 182 famílias em Cubatão. A entrega de feijão (tipo carioca) doado pelo programa do Governo Federal destinou 48 toneladas do produto para a cidade. Os donativos foram repassados para as entidades de assistência social e sociedades de melhoramentos cadastrados no Fundo Social. Cada entidade recebeu 6 sacas com 60kg de feijão e realizaram a distribuição em suas comunidades. Na Vila dos Pescadores, o repasse foi feito em conjunto entre as associações Educativa, Comunitária e o líder comunitário do bairro, distribuindo em um

único dia mil e 80kg de feijão (18 sacas). A entrega aconteceu na última sexta-feira, 10, no Centro Comunitário do bairro. Desempregada, a babá Maria Socorro Souza de Jesus, 50 anos, considera a iniciativa muito boa. “Podemos comprar outra coisa, uma mistura, um arroz, um café”. De acordo com o presidente da Associação Educativa da Vila dos Pescadores, José Arnaldo dos Santos, além de ser de boa qualidade, o feijão ajudará muito a comunidade dele, já que no bairro há muitas famílias carentes. “Isso aqui significa muito pra gente. Gostaria de agradecer, em nome de toda a comunidade e implorar para que aumente a doação no ano que vem”, diz. O objetivo do Fome Zero, um programa do Governo Federal, é assegurar o direito de alimentação adequada às pessoas.

Vagas disponíveis no PAT em 10/06 Função

Expediente O Reação Popular é uma publicação semanal da 2L Fábrica de Idéias Comunicação Social Ltda. CNPJ - 09.142.963/0001-02 Circula em toda a Região Metropolitana da Baixada Santista. Endereço: Rua 13 de Maio, 429, sala 21, Vila Nova, Cubatão. CEP: 11525-040 Telefones: (13) 3324-0313/ 3372-7348 E-mail: reacaopopular2@gmail.com

Tiragem: 10 mil exemplares Editora: Luciana Lane Valiengo MTb 30.758/SP Departamento Comercial: Paulo Ricardo Hourneaux de Mendonça Colaboração: Elisangela Bezerra Projeto gráfico: Feberti Diagramação: Luciana Lane Vailengo Todos os artigos assinados são de responsabilidade de seus autores e não representam, necessariamente, a opinião do jornal.

Vagas

Função

Vagas

Função

Vagas

Ajudante de calçamento ................. 6

Encanador - PNE ............................... 3

Motorista Carreteiro ...................... 10

Analista fiscal pleno ........................ 1

Encar. tubulação ............................ 10

Motorista Caminhão ...................... 10

Analista júnior de adm ..................... 1 de vendas internacional .................. 1

Engenheiro agrônomo júnior........... 1

Motorista de ônibus ...................... 10

Engenheiro de produção.................. 2

Oper. maq. operatrizes..................... 2

Analista pleno de negócios de TI PM.... 1

Especialista de risco........................ 1

Oper. ponte rolante ........................ 20

Analista pleno negócios TI Web-HR ..... 1

Esp. relações trabalhistas .................. 1

Operador produção ........................ 52

Armador ........................................... 15

Operador utilidades ......................... 1

Armador - PNE ................................... 5

Especialista de processo pleno ......... 1 Feitor de armação ................................ 1

Auxiliar de serviços gerais PNE ...... 1

Feitor de armação ................................ 1

Pedreiro - PNE ................................ 10

Carpinteiro ...................................... 10

Gerente .................................................. 1

Professor de judô ............................. 1

Carpinteiro - PNE .............................. 5

Laboratorista mecânico .................. 1

Servente - PNE ................................ 10

Conferente portuário ....................... 2

Marteleiro ............................................. 5

Soldador manutenção...................... 1

Cozinheiro ......................................... 2

Mecânico ajustador ......................... 2

Supervisor de turno ..................................3

Eletricista - PNE................................ 3

Mecânico Manutenção .................... 7

Técnico em nutrição......................... 2

Encanador ....................................... 60

Montador do andaimes .................. 70

Técnico contábil ............................... 1

Pedreiro ........................................... 20


Cidade 3

17 de junho de 2011 - Ano 3 - Edição 168

ENCONTRO

Mega Polo busca soluções para Baixada

Fórum discute alternativas para emissão de gases e firma parcerias com Prefeitura, empresas e Governo Federal Tecnologia e Sustentabilidade foram os temas principais do Mega Polo 2011 - Forum para o Desenvolvimento do Polo Industrial de Cubatão, organizado pelo Sistema A Tribuna de Comunicações, com apoio da Prefeitura de Cubatão, que aconteceu no Bloco Cultural. Na solenidade de abertura, o principal assunto foi sobre os problemas da estrutura rodoviária local. Marcia Rosa lembrou que os congestionamentos contribuem para o aumento na emissão de gases. Para a prefeita, isso não deixa de ser uma ironia histórica. A prefeita defendeu a revisão do Plano Diretor de Logística do Estado, elaborado em 2000 e com previsão de redução dos principais gargalos rodoviários em 2020.” O que observamos é que as rodovias continuam sendo a base de nosso sistema de transportes, 93,4%, quando o Plano Diretor de Logística previra uma redução para 60,4%”, lembrou. Segundo Marcia, não houve qualquer planejamento quanto

ao aproveitamento das diversas hidrovias da Baixada Santista. Também presente no encontro, o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloízio Mercadante anunciou a instalação do Centro Vocacional Tecnológico e a implantação do projeto Cidade Digital, complementando iniciativas municipais de inclusão As rodovias digital. Também adiantou a continuam realização do Fórum de Ciênsendo a base cias e Tecnologia no próximo do nosso semestre, em Cubatão. sistema de Ao anunciar o CVT, o mitransporte, nistro disse ter conhecimento de que a Prefeitura já conta precisamos com instalações próprias, que rever o Plano serão readaptadas com apoio Diretor de da Usiminas, e prometeu ten- Logística tar acompanhar o “cronogra- do Estado ma apertado” de instalação da Prefeita unidade em Cubatão, elabo- Marcia Rosa rado pela prefeita. Em seu discurso, falou das ações do ministério, principalmente em termos de formação profissional, como o Pronatec, programa destinado a atender oito milhões de jovens através do reforço das redes de ensino existentes; de um agressivo

programa de criação de 75 mil bolsas de estudo para brasileiros no exterior e repatriamento de 1.200 cientistas: “O futuro do Brasil é investir em recursos humanos”. Destacou também as muitas oportunidades que estão surgindo e a possibilidade de atração de grandes empresas, como as indústrias de computadores tablets, setor que se espera em três anos tenha 80% de nacionalização: “Cubatão deve disputar esse mercado, e se preparar também para produzir software. O governo vai investir na área, que gera muito emprego e renda. Vamos ver se no fórum de setembro avançamos nessa direção”.

Mulheres

Durante o ato de abertura do Mega Polo, a prefeita Marcia Rosa, o presidente da Usiminas, Wilsom Brumer, e o diretor regional do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo - Ciesp, Marco Paulo Penna Cabral, assinaram o protocolo de implantação do Programa de Qualificação de Mulheres para a construção civil. Trata-se da parceria entre a siderúrgica, o Serviço

Nacional de Aprendizagem Industrial - Senai e a Prefeitura. O programa começa 4 de julho, com 100 alunas. Cada uma receberá, de ajuda de custo, meio salário mínimo, mais um cartão, igual ao Servidor Cidadão, com crédito mensal de R$ 500 reais para que possam fazer compras no comércio de Cubatão. Participaram da mesa principal de abertura do Mega Polo: prefeita Marcia Rosa; Marcos Clemente Santini, diretor-presidente do jornal A Tribuna; Paulo Alexandre Barbosa, secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia; Márcio França, secretario Estadual de Turismo; Paulo Skaf, presidente da Federação das Indústias do Estado de São Paulo; Marco Paulo Penna Cabral, diretor regional do Centro das Indústiras do Estado de São Paulo- Ciesp; deputado federal Alberto Mourão; deputada estadual Telma de Souza; Maria Antonieta de Brito, prefeita de Guarujá e presidente do Conselho de Desenvolvimento da Baixada-Condesb;vereador Donizete Tavares do Nascimento, presidente da Câmara Municipal de Cubatão.

Empresário cobra ações do Governo Estadual Durante o painel sobre os gargalos logísticos da Baixada Santista, o empresário Luiz Antonio Veiga Mesquita, diretor Comercial e de Marketing da Vale, cobrou as datas prometidas para solucionar os problemas viários. Apoiado por outros empresários e autoridades, destacou que, no meio de um congestionamento, não há a menor condição de ser acionado o Plano de Auxílio Mútuo (PAM), que é o melhor do gênero no setor: “Estou segurando uma ação no Ministério Público quanto a isso, tenho pedido crédito ao governo paulista, queiram levar esse recado”. Propôs que sejam realizadas reuniões urgentes com os empresários, pois soluções existem. “A palavra exceção é para ser usada. Este é um caso excepcional, uma emergência de extrema gravidade. Licitação, sabemos o tempo que leva, e ainda há pelo menos 3 anos d e obras. Então, queremos que Dersa e Secretaria de Segurança Pública enviem representantes a Cubatão para debater com o Ciesp as soluções necessárias. Vivemos um caos de segurança e transportes. A Prefeitura já ofereceu área, as indústrias oferecem a instalação do posto policial, falta o governo estadual designar um efetivo para ficar permanentemente na região”. Mesquita lembrou que em janeiro o governo havia anunciado para o dia 7 de junho a conclusão do projeto de duplicação do Viaduto Rubens Paiva (ex-31 de Março), e fez três perguntas: qual a verdadeira data; se a licitação será feita neste ano, e se há verba prevista no orçamento estadual.

CHÁ DA TARDE

Encontro tira dúvidas Prefeita se reúne na Vila dos Pescadores e esclarece população Moradoras da Vila dos Pescadores promoveu um encontro de política de participação com Marcia Rosa e secretários municipais. Chamado de “Chá da Tarde com a Prefeita”, o evento aconteceu na sede do Grupo de Apoio a Criança (GAC), na segunda-feira, 13, e reuniu 30 mulheres. As moradoras mostraram as principais necessidades do bairro e discutiram temas como questões sobre drogas e gravidez na adolescência. As participantes também questionaram sobre a remoção dos moradores que vivem em frente da linha férrea.

Márcia Rosa explicou que a remoção de algumas moradias será necessária por causa do projeto de urbanização da Vila dos Pescadores, onde estão programadas vias de acesso para o bairro.”Na frente está tudo fechado e será preciso construir ruas para a passagem dos ônibus, por exemplo. O projeto prevê a construção de mais moradias, expandindo o bairro em direção a Vila São José”, explicou a prefeita. Essas moradias serão ocupadas pelas pessoas removidas da linha férrea e pelos que vivem nas palafitas.

A iniciativa de criação da Associação de Mulheres da Vila dos Pescadores com objetivo de reunir as necessidades do bairro e levar para o conhecimento das autoridades, foi apoiada pela prefeita, que sugeriu ter cada bairro a sua associação e que todas juntas formem a ONG das Mulheres de Cubatão. Para a professora Fernanda Alves, de 33 anos, Márcia Rosa esclareceu muitas dúvidas. “Principalmente sobre a ferroviária 2, se vão sair ou não. As pessoas estavam assustadas”, diz.


4

Entrevista

17 de junho de 2011 - Ano 3 - Edição 168

Dinho não deixa dúvidas EU FICO!

Vereador provoca polêmica em pronunciamento na Câmara, afirma seu apoio à prefeita e nega saída do PT Contrariando as expectativas daqueles que apostavam em um racha definitivo com a prefeita Marcia Rosa, em sua saída do PT e na possibilidade dele se lançar candidato a prefeito em 2012, o vereador Adeildo Heliodoro (Dinho), em seu pronunciamento na Câmara, no dia 14, surpreendeu os oposicionistas e anunciou seu retorno à base governista, pondo fim às especulações sobre sua suposta ida para a oposição. E, como é seu hábito, foi para cima da oposição e a sessão terminou com forte bate-boca com o vereador Doda, que havia ficado muito irritado com suas declarações. Ao lado do irmão e fiel escudeiro político, o também advogado Wendeel Heliodoro dos Santos, Dinho revela qual será sua trajetória política.

a prefeita Marcia Rosa pode contar comigo como vereador e como amigo.

Reação Popular - Você aguardou os momentos finais para anunciar sua decisão, que foi iniciada em tom de suposta despedida?

RP – Foi muito comentada sua possível ida para a oposição, você chegou a cogitar isso?

Dinho - Sim, é porque diziam que eu batia forte no peito na campanha de 2008. Batia e vou continuar batendo sempre! Estou compondo a base de sustentação do governo e

Cubatão é mais negócio! A força industrial de Cubatão você já conhece. O que você talvez não conheça é sua força e diversidade comercial, além de uma grande oferta de serviços. Você, empresário e administrador de empresas em Cubatão, não pode deixar seus funcionários alheios a estas oportunidades. A Planvale tem a maior e melhor rede credenciada no comércio e na prestação de serviços da cidade.

Venha com a gente!

0800 770 4072

11

100%

Brasileira

Mais benefícios para o trabalhador. Menor custo para o empregador!

planinvesti.com.br

planvale.com.br

RP – Depois de se afastar do governo, você passou a atuar de forma independente na Câmara. O que motivou sua volta a base governista? Dinho – Ainda assim, continuei a apontar o que achava ser os melhores caminhos para o governo, pois sempre acreditei que ele estava no rumo certo, apesar de ter divergências sobre as linhas de alguns setores. As crises são naturais, mas podem ser superadas. Ocorre que percebi que a melhor forma de ajudar Cubatão é estando próximo do governo, até porque ajudei a construí-lo e tenho muito orgulho de ter ajudado na eleição da prefeita Marcia Rosa.

Dinho – Jamais pensei em me tornar oposicionista. As críticas sempre foram dirigidas a certos setores. Nunca ataquei diretamente a prefeita ou o governo como um todo. Até porque, de todos que vi, este é disparado

o melhor. E, infelizmente, a maioria da oposição na cidade é adepta do “quanto pior, melhor”, enquanto eu sempre torci pelo sucesso desse governo. A ideologia continua a mesma, e firme.

Jamais pensei em me tornar oposicionista. As minhas críticas sempre foram dirigidas RP – Sendo assim, durante a certos setores” seu distanciamento com o governo, qual foi sua postura política?

Dinho – Nesse tempo, me dediquei mais a minha profissão (a advocacia) e voltei a ter maior contato com meus amigos e clientes, papel que o meu irmão vinha fazendo sozinho. Então tive a exata noção do alcance desse tra-

balho, pois até cogitaram que eu saísse candidato a prefeito. RP – E o que você tem a dizer sobre isso? Dinho – Que não sou candidato a prefeito. Minha candidata é a prefeita Marcia Rosa, pois entendo que o trabalho do atual governo está sendo muito positivo. Na eleição, vou pedir para que meus amigos, clientes do escritório e todos que confiam em mim votem pela reeleição da prefeita. Temos um projeto coletivo de governo que precisa ter continuidade para consolidar a construção de uma cidade mais justa e com menos desigualdades sociais.


Reação Popular

Cidade 5

8 de abril de 2011 - Ano 3 - Edição 158

17 de junho de 2011 - Ano 3 - Edição 168

PULA FOGUEIRA

VISTORIA

Arraial Pé da Serra promete Prefeita visita obras no esquentar esse inverno Vale Verde Com diversas atrações, arraial começa dia 23 de junho e vai até 31 de julho

Com uma programação diversificada e completa estrutura, o Arraial Pé da Serra promete animar o inverno dos cubatenses. A festa começará na próxima quinta-feira, 23, a partir das 19 horas, no kartódromo municipal, localizado na Rua Embaixador Pedro de Toledo, s/ nº, no Centro (atrás da prefeitura). Até 31 de julho artistas de renome

marcarão presença na festa, entre eles, a cantora Adriana, Grupo Pixote, Cupim na Mesa, Art Popular, Quintessência, Nuwance e Jeito Moleque. O palco da festa também terá artistas da Cidade, que abrirão os shows principais. Anderson Borges, Da Hui, Jackson Carvalho e Camarão do Forró são alguns dos nomes já confirmados.

A festa contará com a mesma estrutura do ano passado, que agradou muito os visitantes: praça de alimentação (em um galpão de 90 m de comprimento por 30 m de largura); tendas para exposição e vendas de artesanatos (de artesãos cadastrados no Sutaco e da Fábrica da Comunidade); parque de diversões e tendas

Festa do ano passado lotou o Kartódromo todas as noites

de jogos. Além do palco para os shows (com equipamentos de som e luz) e banheiros. Na praça de alimentação, 14 barracas, pertencentes a entidades assistenciais do Município, comercializarão alimentos e bebidas, variando do tradicional caldo verde e churrasco, até comida japonesa. O show de abertura será do cantor Rodriguinho que cantará sucessos como Para de Falar tanta Besteira, entre outros. Na sexta-feira, 24, Henrique Marx promete agitar o público. No sábado, 25, Adriana Ribeiro traz seu balanço gostoso e música romântica para o arraial. E fechando o primeiro final de semana da festa, Pixote promete não deixar ninguém parado. O Arraial Pé da Serra é uma realização da Prefeitura Municipal de Cubatão.

AUMENTO SALARIAL

Prefeitura e Sindicato fecham acordo salarial de servidores Além do reajuste de 6,5% retroativo a 1º de maio, e um prêmio de R$ 500, que será depositado em agosto, várias reivindicações do Sindicato dos Funcionários e Servidores Públicos de Cubatão (Sispuc) foram aceitas. A reunião aconteceu na tarde desta terça-feira, 14, na Prefeitura. Também serão pagos vale refeição e vale transporte nos serviços extraordinários, será enviado projeto à Câmara para a criação da cesta natalina; o pagamento de licença-prêmio por adesão, considerando anuênio e sexta-parte, a partir do próximo dia 1º de julho; e a Prefeitura se empenhará para apresentar o Plano Participativo de Cargos e Salários (PPCS) à comissão no dia 4 de julho, para envio à Câmara no dia 11 de julho. Segundo a prefeita, “o sin-

Reajuste de 6,5% é superior à inflação dicato, representando a categoria de 5.700 servidores ativos ou inativos, fez o papel de uma entidade responsável, que apresentou as necessidades dos servidores. Não esgotamos as negociações, o PPCS está em construção, é uma bandeira dos servidores que o governo municipal abraçou”. No encontro, com a presença do

secretário chefe de Gabinete José Carlos Ribeiro dos Santos, foi confirmado que a primeira parcela do 13º salário será depositada no dia 20 de junho, e a diferença retroativa do salário de maio será calculada e incluída no pagamento de junho. O acordo representa reajuste acima da inflação, sendo que no atual governo fo-

ram concedidos reajustes de 4,16% no primeiro ano e 5% no segundo ano. Considere-se que no período já haviam sido iniciados os pagamentos do vale transporte e vale refeição referentes aos dias regulares de trabalho, sendo também criado um benefício adicional, representado pelo Cartão Servidor Cidadão.

A prefeita de Cubatão, Marcia Rosa, fez vistorias nas obras de ampliação da UME Mário de Oliveira Moreira, no Vale Verde, na tarde da última segunda-feira, dia 13. Acompanhada de uma comitiva de técnicos e secretários municipais, conferiu de perto detalhes das obras, que tem prazo de entrega para outubro. “Essa rotina de visitas é importante para que possamos ter a exata noção do estágio em que as obras se encontram, conferir todos os detalhes e até saber se estão dentro do cronograma previsto”, avaliou Marcia Rosa. A ampliação da Mario de Oliveira Moreira totalizará mais 1.400 m2 de área construída, contará com sete novas salas de aulas, sendo que quatro delas projetadas para atender a demanda de Educação Infantil (creche e pré-escola). A escola terá um auditório e mais quatro salas: de leitura, de artes, de informática e de professores, além de novos banheiros totalmente adaptados, mais refeitório, cozinha, lactário, lavanderia, pátio coberto e plauground. E ainda terá creche, com três salas. A escola será dividida para separar

Ampliação da UME Mário Moreira terá mais 1.400 m² de área construída e abrigará uma creche o atendimento do Ensino Fundamental da Educação Infantil. “Com a reforma e ampliação da UME Mário Moreira estará sanado o problema de vagas no Vale Verde e todos vão ganhar com isso. A população vai ter uma escola de qualidade perto de casa, sem a necessidade da Prefeitura deslocar estes estudantes do bairro para escolas do Centro”, destacou o secretário municipal de Educação, Fábio Oliveira Inácio. A ampliação da escola integra o Plano de Atenção à Educação (PAE), lançado em novembro de 2009 pela prefeita Marcia Rosa, que prevê a reforma dos prédios escolares para a melhoria da qualidade


2 6

Cultura

8 de abril de 2011 - Ano 3 - Edição 158

Reação Popular

17 de junho de 2011 - Ano 3 - Edição 168

LITERATURA

Começa “Viagem Literária” em Cubatão Parceria entre Municípios e Estado tem sucesso no incentivo à leitura A Viagem Literária 2011 começou nesta terça-feira, na Biblioteca Municipal de Cubatão, com a presença do escritor e historiador Clóvis Bulcão, conhecido por seus livros com personagens da História do Brasil, abordou os temas “Padre Antonio Vieira” e “Leopoldina”, num bate-papo descontraído com o público. Esses encontros acontecerão uma vez por mês, de junho a dezembro, nas biblioteca públicas de 72 cidades que fazem

parte do projeto Viagem Literária, realizado pela Secretaria de Estado da Cultura em parceria com a Secretaria de Cultura de Cubatão. Na 4ª edição, esse programa se consolida como um dos mais amplos e diversificados voltados ao livro e ao incentivo à leitura. De junho a novembro, bibliotecas públicas dos municípios participantes recebem uma atração mensal voltada ao mundo das Letras. A Biblioteca Municipal fica na avenida Nove de Abril, 1977. A entrada gratuita.

Social

Espaço animal Cerca de 100 pessoas estiveram no ‘Pagode Solidário’, na última sexta-feira (10), no ‘Cantinho Solidário’, do Fundo Social de Solidariedade, na Praça Portugal, no Centro. O Cantinho contou com a presença do grupo

Bota Pra Kebrar, do bairro Vila Nova. Além de cubatenses de diferentes bairros de Cubatão, o pagode contou também com cariocas, que se divertiram ao som de novos e antigos sucessos do estilo musical

Ana Clara Teófilo com amiguinhos e o avô Manoel na sua festa de quatro anos

MI-AU BOOK & CIA Um Livro Pet-Solidário O MI-AU BOOK reúne mais de 200 fotos coloridas, meigas e divertidas de pets de todo o Brasil e também do Exterior. A segunda edição do livro (2010), que contou com a participação de bichinhos de Santos e Guarujá, continua à venda pelo site www.miaubook.com , mas quem deseja

Débora Moraes Sarmento, com o Xicão, seu novo amigo, que havia sido abandonado há seis meses por ter cinomose. Obrigada aos padrinhos por toda assitência.

Ana Clara Teófilo com seus pais Wagner Santos e Kátia Teófilo

O escritor e historiador Clóvis Bulcão abordou os temas dos livros Leopoldina e Padre Antônio Vieira, durante batepapo na Biblioteca Municipal

Ariane Lopes Ribeiro faz 23 anos no próximo dia 19. Na foto com as tias Elza e Angela

O organizador do Baile do Flask Back, Patrice, com amigos que foram prestigiar o sucesso do evento no último sábado, no Street Point, em Cubatão

Karen Cristina completou 23 anos no último dia 13.

Lucas Fernandes que completou 15 anos no último dia 09

ter uma linda recordação do seu cachorro ou gato já pode se inscrever para a terceira edição pelo email jornalista. fatima@uol.com.br . De autoria da jornalista ambientalista Fátima Chuecco, o livro tem renda revertida para mais de dez ONGs de proteção animal. Preço R$ 25.


Reação Popular

Esportes 7

8 de abril de 2011 - Ano 3 - Edição 158

17 de junho de 2011 - Ano 3 - Edição 168

Cubatão leva seis atletas pra Brasileiro de Karate

VESTINDO A CAMISA

Decisão de Libertadores fica para jogo final

Que o Santos seja campeão e que todos os brasileiros e brasileiras, torcedores do Corinthians ou de qualquer outro time brasileiro, vista a camisa do Brasil, porque os brasileiros e as brasileiras, hoje, são Santos”

Torcedores ilustres se preparam para vibrar na disputa da próxima semana

Como a regra muda na fase final da Taça Libertadores, gol na casa do adversário não vale mais do que no próprio Estádio. Por isso o 0x0 na noite de quarta-feira, no Centenário de Montevidéu, deixou a grande decisão para o jogo final. Claro que o empate é vantajoso para o time do Santos, que contará com o apoio da torcida na próxima teça-feira, dia 21, no estádio do Pacaembu, em São Paulo. A torcida do Peñarol pressionou muito e chegou a vaiar o atacante Neymar por suas tentativas de cavar faltas, o

que lhe rendeu, inclusive, um cartão amarelo. Em noite de pouca inspiração de Neymar e Elano, ficou evidente a ausência do meia Paulo Henrique Ganso, que encontra-se em fase de recuperação. Mesmo assim, o Peixe teve boas oportunidades de abrir o placar, ambas com Zé Eduardo, que desperdiçou duas grandes chances. O momento mais tenso da partida aconteceu aos 40 minutos do segundo tempo, quando o jogador Alonso balançou a rede santista. Mas o árbitro anulou o gol, após seu assistente

Prefeita Marcia Rosa

confirmar o impedimento do atacante do Peñarol. Alívio para a torcida santista e fim da euforia auri negra. Finais - A última vez que o Santos disputou uma final de Libertadores foi em 2003, quando perdeu para o argentino Boca Juniors. Já o Peñarol teve sua última final em 1983, quando perdeu para o Grêmio. O jogo final da semana que vem, se terminar em empate, terá prorrogação de 30 minutos, dividida em dois tempos de 15 minutos. Se persistir o resultado, o jogo vai para pênaltis.

“Nós estamos aguardando o grande sucesso do Santos, como sempre. Estamos otimistas, acreditando, torcendo. Estou muito confiante na vitória. O título já é nosso!”

“Com certeza o Santos será campeão. Acho que agora é a hora daqueles jovens, que não tiveram a oportunidade de curtir a vitória em 62. Acredito que a decisão vai ser em casa”

Vereador Aguinaldo Araújo (PDT) (segundo secretário da Mesa Diretora da Câmara)

Sérgio Balula- Comerciante, ex-presidente da ACIC

A expectativa dessa nova geração é ver o Santos tricampeão da Libertadores. Meu sonho é também o Mundial. É a consagração de um grande time que começou em 2002, com Robinho e Diego, e que hoje consolida com Neymar, Ganso e Elano. Merece ser campeão!”

Acho que o Brasil inteiro vai torcer, acho que vamos ter todo um pensamento positivo para o Santos. Tenho certeza absoluta. A certeza de quem nasceu na Vila Belmiro. Santista sempre, para toda a vida!”

Neymar diz que não foi atigido na barriga, mas em “um lugar que dói muito”.

ius nos consequam hitatistis que nonsed molupid quiatur? Ipsumquiasi volo dent, susame volest, quiam,

3 x 1 para o Santos. O título já é nosso. Sou santista de coração”

Wagner Moura- Secretário Municipal de Habitação

José Carlos Ribeiro dos SantosChefe de Gabinete da Prefeita

Horóscopo

17 a 24 de junho

Serena Santiago Siga sua intuição e não desperdice energia em projetos em que não esÁries teja totalmente envolvido.

Touro

Tenha mais paciência e não seja tão teimoso quando der suas opiniões. Abra-se para o novo.

Muito trabalho pela frente. E oportunidades continuarão surgindo, mas não Gêmeos tente fazer tudo de uma vez. Descance.

Mantenha a serenidade que o sucesso virá, novo amor a caminho. Se você Cancer já tem um par, prepare-se para mudanças no relacionamento.

Leão

Libra

Cuide de suas energias para manter sempre o seu equilíbrio, para que períodos de agitação não sejam Capricórnio enfadonhos, o segredo é se expor na hora certa

Você não precisa de muiConfusão no trabalho. Não acumule tarefas, to para ser o centro das senão poderá não dar atenções. Então seja um pouco mais modesto. Mas Escorpião conta de todas as decontinue com a visão posimandas. tiva de você mesmo.

Passeios em família e reencontros com amigos é o que acontecerá nessa Sagitário Virgem semana.

Alegrias inesperadas em todos os setores: família, trabalho e amor. Aproveite a boa fase para demonstrar o que sente.

Aquário

Peixes

Deixe o tempo resolver o que não pode ter solução agora. Mas faça tudo que estiver ao seu alcance.

Você tem muito talento e passa por fase em que seu brilho está mais aparente. Aproveite para realizar antigos desejos.

Sempre otimista, será requisitado para novos projetos. As tendência é ser chamado também para viagens.

Adalberto Ferreira da SilvaSecretário Municipal de Planejamento Urbano

Começou ontem e segue até dia 20 de junho o Campeonato Brasileiro de Karate, na cidade de Camburiú, em Santa Catarina. A equipe cubatense Associação Unidos/Semes, participa com seis atletas. Segundo o responsável pela equipe, Luis Antonio Alexandre dos Santos, há possibilidade de conquista de medalhas. O grupo conta com a estreante no Brasileiro, Cristiane Rodrigues Silva, 17 anos, Juvenil menos de 47kg; Jéssica Santos Sampaio, 17 anos, Juvenil abaixo de 57 kg; Erick dos Santos, 21 anos, categoria sub 21, abaixo de 78 kg. Irão também, Fiama Almeida dos Santos, 19 anos, categoria sub 21 até 53 kg; Wallan Martins da Paz, 18 anos, categoria sub 21 acima de 78 kg;e Joshua Friso Lima, 18 anos, categoria sub 21,

Daniel Damásio vence prova em Bertioga A equipe Semes/Cubatão de Pedestrianismo recuperou a liderança geral do Circuito das Praias durante os 10 Km By Night/Bertioga, 3ª etapa da competição, no último dia 11. O destaque foi Daniel Damásio (Usiminas Mecânica), vencedor da elite, com 32 minutos e 27 segundos. Em 2º chegou Tiago Juliano Sampaio, de Jundiaí, com 32m43s; e em 3º , o cubatense, Jonas Alves da Silva, com 42m52s. Na classificação por equipes, em 1º lugar no masculino está a Semes/Cubatão. No feminino, o Semes/Cubatão está em 3º. Neste domingo, dia 19, a equipe Semes/Cubatão de pedestrianismo terá como desafio a 3ª Etapa do Campeonato Santista da modalidade, com a prova 10 Km Bombeiros.


4 8

Especial

8 de abril de 2011 - Ano 3 - Edição 158

Reação Popular

17 de junho de 2011 - Ano 3 - Edição 168

Quebrando preconceitos

Cadeq completa 10 anos, tratando e orientando dependentes e familiares

“Existe vida depois das drogas” Quem vê a alegria da aposentada Josefa da Silva, de 53 anos, não imagina o que há por trás do sorriso fácil. Nascida em Pernambuco, aos 12 anos saiu de casa. O vício começou com a bebida. Em Juazeiro do Norte, Josefa chegou a ficar um ano sem usar nada. A recaída veio com a visita de uma amiga, que ofereceu maconha. A cocaína e o crack entraram em sua vida quando veio para Cubatão. Por 38 anos Josefa usou diversas drogas. De segunda a sexta trabalhava em uma empresa e nos finais de semana fazia “um bico”. “Tirava apenas o dinheiro da comida e o restante era para comprar drogas”, diz. A mudança na vida de Josefa veio quando uma das filhas pediu para um colega levar a mãe para um bar por alguns momentos, enquanto ela e a irmã preparavam a festa surpresa de aniversário. Ela só retornou no dia seguinte. Foi a partir desse dia que realmente decidiu largar as drogas. Hoje, é com alegria que conta que são 7 anos e 8 meses limpa. “Se não fosse o Cadeq eu não existiria mais, porque quanto mais eu usava, mais eu queria, eu era compulsiva. Hoje sei que é uma doença progressiva, incurável e fatal, e o remédio é evitar”, afirma Josefa, que vai semanalmente aos encontros no Cadeq. “Nunca fui no velório de ninguém que tenha morrido de vontade de usar drogas, agora por causa delas sim. É preciso persistir, mas há vida depois das drogas. Graças a Deus, hoje ando de cabeça erguida, não tenho vergonha de estar em lugar algum ou fico me escondendo”.

Criado com o objetivo de quebrar mitos, preconceitos e estigmas, o Centro Ambulatorial à Dependência Química (Cadeq) oferece atendimento não apenas para os dependentes químicos, mas também para as famílias, chamadas de co-dependentes. Até maio deste ano o Centro Ambulatorial já atendeu 1971 dependentes químicos e 1472 co-dependentes, entre moradores de Cubatão e região. O Cadeq surgiu com a união de 5 ex-dependentes químicos. Após reencontros em processo de recuperação, foi formado um grupo de 15 pessoas que contavam suas experiências. “Desses, cinco levaram adiante”, lembra Severino Correia, diretor-presidente do Cadeq. A fundação foi inaugurada em 26 de junho de 2001. Motivados pela própria experiência, os idealizadores desejavam um tratamento específico para o dependente. “Costumo dizer que tenho uma dependência química, eu sou um doente. Eu admito. Passei por um processo de recuperação, tive quatro internações. Não escondo

de ninguém. Fui dado como louco. Em 1992 tive três internações psiquiátricas”, fala Severino, explicando o porquê da necessidade de um atendimento voltado apenas para o dependente químico. Mantido pela Prefeitura de Cubatão, por meio de convênio com a Secretaria de Cidadania e Inclusão Social, o Cadeq oferece atendimento gratuito. “A prefeitura é a nossa maior mantenedora. Agradeço por te abraçado esta causa”, diz Severino. Composto por uma equipe multidisciplinar, com conselheiros familiar e em dependência, psiquiatra e psicólogo, o Cadeq também oferece diversos serviços, como terapias a dependentes químicos, em grupo (feminino), co-dependentes; atendimento social e psicológico; abordagem, visita e orientação domiciliar e local, além dos encaminhamentos as comunidades terapêuticas, redes especializadas e realização de palestras em escolas e indústrias. O Cadeq também possui profissionais específicos para o atendimento de menores, com acompanhamento individual.

Semana Municipal de Combate às Drogas

A programação começa segunda-feira, 20, às 8h, no Bloco Cultural, com a palestra do pedagogo Ricardo Galhardo Blanco “Dependência Química: Mitos, Verdades e Desafios”. Também promove o VIII Concurso Municipal de Prevenção ao Uso Indevido de Drogas, com o tema “Sou vivo, não uso drogas”, o concurso premiará os três melhores cartazes das turmas dos 6º e 7º anos e as três melhores redações dos 8° e 9º anos, para alunos da rede municipal . Na terça-feira, 21, às 14h, uma equipe multidisciplinar estará na UME Dr. Ulysses Guimarães fará uma roda com estudantes sobre consumo de bebidas alcóolicas e drogas. No dia 30, também às 14h, a mesma programação será levada para a UME Padre Manoel da Nóbrega. Será exibido o filme “As melhores coisas do mundo”, produção brasileira de 2010. A programação reúne as secretarias de Educação, Saúde e a de Cidadania e Inclusão Social e tem o apoio do Cadeq e também da Abrapred (Associação Brasileira de Apoio de Prevenção às Drogas). O Cadeq fica na avenida Pedro José Cardoso, nº 267, Bloco B, salas 11 e 12, Centro, tel 3362-5331.

Fé, amor e persistência Há pelo menos 3 anos, a vida de Maria Leci dos Santos, 46 anos, tem sido fazer com que o irmão reconheça que tem uma doença e que precisa de ajuda. Seu irmão, Manoel Lino dos Santos, 48 anos, já teve emprego fixo e fez diversos serviços como pedreiro e pintor, até que a bebida mudou seu caminho, que passou a ser vivido em bares e não raro, caído pelas ruas da Cidade. Hoje está em sua segunda internação. Além dos machucados causados pelos tombos e algumas brigas, a má alimentação e falta de cuidados com a higiene facilitaram o surgimento de tuberculose e hepatite. Manuel chegou a ter convulsões. Mesmo o irmão não levando os tratamentos a sério, Leci e alguns familiares não desistiram dele. Vinda de Pernambuco, Leci tem 14 irmãos vivos, espalhados em Cubatão, cidades do Estado e em Pernambuco. Mas nem todos têm a mesma paciência e persistência. Ela explica que é preciso ouvir mais e respeitar para poder ajudar as pessoas nessa situação. Leci tem encontrado forças nas terapias para os co-dependentes do Cadeq, encontros destinados aos familiares, que ajudam a entender o tratamento. “É preciso lutar, porque um dia aquela pessoa se levanta. Se não é hoje, é amanhã. Enquanto há vida, há esperança!”, enfatiza. Ela não aceita que digam “que não há uma solução” para seu irmão, “que ela deveria desistir dele”. “É complicado você ver uma pessoa que era dona de si ficar desse jeito. Por quê? Você quer entender. Mas uma hora ele vai acordar”, fala confiante.


Reação Popular 168