Issuu on Google+

RP

Reação Popular O jornal que fala a sua língua

R$ 0,20

19 de janeiro de 2013 - Ano 5 - Edição 244

Banda Marcia se apresenta em Santos dia 26 com Disco Music PÁG. 4

Preço da passagem sofre reajuste PÁG. 3

Prefeitura faz reunião com moradores do Pilões PÁG. 2

Mudanças no trânsito no Jardim Casqueiro completam 1 ano PÁG. 3

Prefeitura de Cubatão tem cinco novos secretários PÁG. 2


2

Geral

19 de janeiro de 2013 - Ano 5 - Edição 244

CHUVAS

Reunião orienta moradores de Pilões sobre áreas de risco Secretários municipais e técnicos da Comdec participaram do encontro Uma reunião promovida pela Prefeitura de Cubatão reuniu secretários municipais, técnicos da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil (Comdec) e a comunidade do Caminho dos Pilões, no final da tarde desta terça-feira (15). O encontro aconteceu na capela do bairro e orientou a população sobre o risco de deslizamentos, definiu medidas preventivas e ações imediatas em caso de emergência nas áreas de encosta. Participaram os seguintes secretários municipais: Ricardo Soares Cretela (Habitação), Simone Aparecida dos Santos Lopes (Assistência Social), José Ronaldo Cardoso (Auditoria e

Controladoria Interna), Armando Campinas Reis Junior (Segurança Pública e Cidadania) e Rennè Castro Fernandes (Esportes e Lazer), além do vereador Ivan Hildebrando da Silva, técnicos e funcionários da Comdec. Durante o encontro, os munícipes receberam cartilhas preparadas pela Defesa Civil e ouviram atentamente os esclarecimentos dos técnicos sobre os perigos de continuar habitando áreas de risco iminente. A secretária de Assistência Social ressaltou que todas as famílias nesta situação já estão cadastradas em programas sociais e que a grande preocupação no momento é com a integridade física da população. De acordo com Ri-

cardo Cretela, o balanço da reunião foi bastante positivo. “Pudemos conversar com calma e orientar todos sobre nossas ações preventivas. Por determinação da prefeita Marcia Rosa, montamos equipes de plantão no bairro e já equipamos o Centro Esportivo Castelão para receber desabrigados em caso de emergência”. Equipes da Prefeitura continuam em esquema de plantão no posto montado no Programa de Saúde da Família (Caminho dos Pilões, 974). Em virtude da intensa pluviosidade dos últimos dias, Cubatão segue em nível de alerta e equipes da Comdec monitoram todas as regiões de risco da Cidade.

GOVERNO

Cubatão tem cinco novos secretários municipais Foram nomeados dentro da reorganização do governo Iniciando a reorganização de sua base de governo para o segundo mandato, a prefeita Marcia Rosa anunciou nesta segunda-feira (14/01) cinco novos secretários municipais. Assumiram nesta semana Ana Maria Rodrigues de Oliveira (Meio Ambiente), Armando Campinas Reis Junior (Segurança Pública), Paulo de Toledo Ribeiro e Simone Aparecida dos Santos Lopes (Assistência Social). José Agnaldo Beghini de Carvalho (Gestão) deverá assumir no dia 18/01, após se desincompatibilizar do cargo que ocupa na prefeitura de São Bernardo do Campo. Sobre as reformulações que está empreendendo, a prefeita explicou: “Estamos iniciando uma nova etapa do governo, dando sequência às transformações que iniciamos em 2009.

Como disse ao ser empossada no dia 1º, este é um governo de continuidade, mas não de continuísmo”. A Prefeita também agradeceu aos secretários que estão deixando os cargos, “por suas importantes colaborações nesse processo de mudança que estamos fazendo em Cubatão”, dizendo estar certa “de que todos continuarão colaborando com a cidade, de forma direta ou indireta”. Assistência Social Simone Aparecida dos Santos Lopes é fun-

Expediente O Reação Popular é uma publicação semanal da 2L Fábrica de Idéias Comunicação Social Ltda. CNPJ - 09.212.963/0001-02 Circula em toda a Região Metropolitana da Baixada Santista. Endereço: Rua 13 de Maio, 429, sala 21, Vila Nova, Cubatão. CEP: 11525-040 Telefones: (13) 3324-0313/ 3372-7348

E-mail: reacaopopular2@gmail.com Editora: Cristiane S. de Oliviera MTb 62737/SP Colaboração: Elisangela Bezerra Projeto gráfico: Feberti Todos os artigos assinados são de responsabilidade de seus autores e não representam, necessariamente, a opinião do jornal.

cionária de carreira da Prefeitura, com 28 anos de atividades. Nasceu em 20 de maio de 1958 na cidade de Nossa Senhora das Dores (Sergipe), e se radicou em Cubatão, na Vila Nova. Casada, tem três filhos e sete netas, todos cubatenses. Graduada em Serviço Social, a nova secretária possui pós-graduação em Atendimento Familiar. Assuntos Jurídicos Paulo de Toledo Ribeiro assume a Secretaria de Assuntos Jurídicos, para dar continuidade aos trabalhos ali realizados. Nascido em Santos em 22 de abril de 1975, radicado em Cubatão desde criança, Toledo (como é mais conhecido) é solteiro e se formou em Direito pela Universidade Católica de Santos (Unisantos), mantendo desde o ano 2000 um escritório de advocacia geral em Cubatão. Ele já foi chefe do setor jurídico da

Companhia Cubatense de Urbanização e Saneamento (Cursan) e coordenador especial de programas da Secretaria de Assuntos Jurídicos, além de diretor e secretário geral da subseção cubatense da Ordem dos Advogados do Brasil, onde também participou das comissões de Cidadania, Ética e Jovem Advogado.

bi Eventos, na capital paulista, onde também atuou no Instituto de Políticas Públicas, na Assembleia Legislativa de São Paulo e no Ceagesp. Também atuou na Prefeitura de Guarujá. Em São Bernardo do Campo, trabalhou na Fundação Criança, bem como nas secretarias de Finanças e de Administração daquela prefeitura.

Gestão José Agnaldo Beghini de Carvalho já atuou na Secretaria de Finanças de Cubatão (de junho a outubro de 2009). Nasceu na capital paulista em 31 de março de 1960. Transferiuse em 1989 para Santos para trabalhar no Banco de Crédito Real de Minas Gerais. Estudou no Rio de Janeiro e em São Paulo, formando-se em Economia e Administração, com MBA em Gestão Pública. Trabalhou na empresa pública Anhem-

Meio Ambiente Ana Maria Rodrigues de Oliveira é solteira e nasceu em 21 de março de 1957 em Cubatão, onde reside. Graduada em Direito, além de ser formada em Desenho Industrial, Educação Artística e Secretariado Executivo Bilingue, é a presidente da Executiva Municipal do Partido Verde em Cubatão. Na Prefeitura, onde é funcionária de carreira desde 16 de outubro de 1979, foi secretária de Administração Municipal de setembro de 2001 a março

de 2008. Foi a primeira presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, desde a fundação em março de 1989 até maio de 1996. Segurança Armando Campinas Reis Junior deixa a Ouvidoria Municipal para assumir a Secretaria Municipal de Segurança Pública. Nascido em 20 de maio de 1966, em Cubatão, onde continua residindo no Jardim Casqueiro, Armando é casado e tem dois filhos. Bacharel em Direito pela Unimes. Trabalhou na área de construção civil e foi vereador na década de 1980, atuando como vereador constituinte e presidente da Comissão de Defesa dos Interesses da Municipalidade. Foi o autor da lei que criou o primeiro Conselho Municipal de Entorpecentes.


Cidade 3

19 de janeiro de 2013 - Ano 5 - Edição 244

PASSAGEM

Transporte Público em Cubatão terá reajuste neste domingo O valor da passagem será R$ 3,10, tanto para o Transporte Coletivo como para o Alternativo A partir da zero hora deste domingo, dia 20, a tarifa da Viação TransLíder, empresa concessionária do Transporte Coletivo de Cubatão, será reajustada para R$ 3,10. A tarifa do Transporte Alternativo também será reajustada para o mesmo valor. Além disso, como medida para enfrentar a queda de arrecadação que o município sofre desde o ano passado, a Prefeitura está diminuindo o valor do subsídio que complementava a tarifa da concessionária, de R$ 0,75 para R$ 0,35. Para autorizar o reajuste, a Companhia Municipal de Trânsito (CMT) contratou auditoria especializada para analisar o pedido de aumento feito pela concessionária de transporte, a Viação TransLíder. O relatório dessa análise técnica concluiu que as tarifas já estavam defasadas, pois não sofreram qualquer reajuste desde março de 2011. “Neste ponto, começamos a negociar o valor do reajuste com a empresa e, por determinação da prefeita Marcia Rosa, chegamos a um valor menor que o proposto pela análise técnica e o solicitado pela empresa, que era de R$ 3,62. O valor final ficou R$ 3,45, sendo R$ 3,10 de tarifa para o usuário, mais os R$ 0,35 subsidiados pela Prefeitura”, explicou o superintendente da CMT, Marco Fernando Cruz. De acordo com

Marco Cruz, o Município conta com características que influenciam na melhoria do serviço do Transporte Público da cidade. “Cubatão tem diferenciais no serviço, como a presença do cobrador, que incide em 17% no valor da tarifa, a integração que permite ao passageiro usar mais de um veículo pagando apenas uma passagem, vida útil dos veículos, que em Cubatão é, no máximo, sete anos e em outros municípios chega a 10, e acessibilidade, que atinge a mais de 60% da frota”. Subsídio Marco Cruz explica que a manutenção do subsídio, em um valor menor do que o anterior, que era de R$ 0,75, foi uma forma de tentar equilibrar a qualidade do serviço sem ter que passar todo o valor para o passageiro. “Conseguimos, por quase dois anos, manter a mesma tarifa porque tínhamos um subsídio que mantinha o preço, mas a crise financeira que atinge o município, em virtude da queda de arrecadação do ICMS, nos obriga a diminuir o valor do subsídio. Porém, ao mesmo tempo, o Poder Público não poderia repassar todo esse ônus tarifário para o passageiro. Chegou-se ao consenso que o valor de R$ 0,35 de subsídio equilibraria toda esta conta e, o mais importante, manteria a qualidade

do transporte na cidade”. Qualidade O superintendente da CMT ressalta os avanços que o transporte coletivo em Cubatão teve nos últimos anos. “Já em junho de 2009, tivemos o retorno da função de cobrador, gerando mais de 200 novos postos de trabalho, principalmente para jovens e mulheres, vindo ao encontro da política do município, de aumentar os postos de trabalho, promovendo a inclusão social e melhorando qualidade de vida de famílias cubatenses, além de melhorar, também, as condições de trabalho do

motorista, que deixou de exercer dupla função”. Segundo Marco Cruz, as melhorias continuaram a ser implantadas durante os últimos anos. “Tivemos o aumento do número de veículos de 40 para 64; os veículos com acessibilidade passaram de apenas 1 para 39, com previsão da totalidade da frota acessível até 2014; a ampliação do número de viagens, que passa de 466 para 731 por dia; expansão de linhas e itinerários; e novos bairros atendidos, como Mantiqueira, Bolsões 7 e 9, Conjunto Rubens Lara e Vila Noel”. Além disso, Marco

Cruz explica que o usuário conta ainda com a integração “Esta era uma antiga reivindicação dos usuários, a integração pode ser feita em qualquer ponto da Cidade. Dentro de uma hora após desembarcar, o passageiro pode embarcar em outro veículo, no mesmo sentido”. Alternativo A tarifa do Transporte Alternativo também será reajustada para R$ 3,10. “Não há uma competição entre os sistemas de transporte e sim uma complementação do serviço, o que determina a igualdade da tarifa”, expli-

ca Marco Cruz. Ainda segundo o superintendente da CMT, tal medida também se faz necessária para manter o equilíbrio do sistema. “O preço foi equiparado para que não cause um desequilíbrio econômico financeiro em ambos os sistemas. A decisão foi baseada em Ações Judiciais, que causaram precatórios ao Poder Público Municipal, como no caso da Viação Piracicabana, em 2008, e da Viação SantosCubatão, no final da década de 80, sempre baseados na questão do desequilíbrio econômico financeiro e na concorrência desleal”.

TRÂNSITO

Mudanças no trânsito do Jardim Casqueiro completam um ano De acordo com a CMT, alterações trouxeram melhorias para o fluxo de trânsito do bairro As mudanças no trânsito do Jardim Casqueiro estão completando nesta terça-feira, dia 15, um ano de implantação. A avaliação da Companhia Municipal de Trânsito (CMT) é que as alterações nas ruas Estados Unidos, Maria do Carmo, Maria Graziela, Maria Cristina e Ana Maria, todas no Jardim Casqueiro, que passaram a ter sentido único de direção, trouxeram melhorias e ordenaram o trânsito do bairro. De acordo com o superintendente da CMT, Marco Fernando da Cruz, as alterações distribuíram o fluxo de veículos nas vias do

Jardim Casqueiro. “Antes, as ruas Maria do Carmo e Maria Graziela estavam saturadas. Agora, percebe-se um equilíbrio de fluxo entre as vias alteradas, além da diminuição de conflito de veículos”. Para realizar as alterações, a CMT ouviu a Sociedade de Melhoramentos do bairro e fez uma campanha de conscientização dos moradores do bairro de que a mudança era importante. “A equipe do Projeto Conhecer fez o trabalho no bairro, distribuindo panfletos e cartazes, além de tirar as dúvidas dos moradores”.

Vila Nova Ainda segundo Marco Cruz, a CMT pretende implantar mão única de direção em vias da Vila Nova. “O bairro também conta com problemas parecidos no trânsito que havia no Jardim Casqueiro antes da mudança. Os estudos já estão avançados e pretendemos fazer as alterações até o final do primeiro semestre”. Além disso, bairros com vias estreitas, como Jardim 31 de Março, Jardim Costa e Silva e Vila Natal, também passam por avaliação, para no futuro receber uma possível mudança.


4

Cidade

19 de janeiro de 2013 - Ano 5 - Edição 244

APRESENTAÇÃO

Cia de Dança da Sinfônica participa da Encenação em São Vicente Bailarinos da Cia foram convidados pelo diretor do espetáculo, por conta da qualidade técnica

Os bailarinos da Cia de Dança da Sinfônica de Cubatão aceitaram um desafio neste mês de janeiro: participar do espetáculo “Encenação da Fundação da Vila de São Vicente – O Musical”. O Grupo Artístico integra as apresentações, que acontecem de 19 a 22 de janeiro, às 20h, na Praia do Gonzaguinha, em São Vicente. Os artistas cubatenses compõem o corpo de bailarinos formado por 160 profissionais da Dança de diversas cidades da Baixada Santista. O con-

vite partiu do diretor do espetáculo, Amauri Alves, que conheceu o trabalho do Grupo Artístico em 2011. O coreógrafo da Cia, Zeca Rodrigues, também participa, sendo o responsável por toda a parte coreografada do musical. A Cia abre o espetáculo, aparecendo logo na 1ª cena, junto aos outros bailarinos e dançarinos. Em um segundo momento, 7 casais do Grupo de Cubatão interpretam marinheiros e suas esposas. Na 8ª cena, durante o casamento de João Ramalho e Índia Bartira, 10

artistas da Cia dançam. A Encenação de São Vicente é o maior espetáculo do mundo realizado em areia de praia, agregando 1200 pessoas este ano, entre atores principais, figurantes e bailarinos. A Cia praticamente não teve férias pois os bailarinos ensaiam desde dezembro para fazer bonito. “É muito importante a participação do Grupo neste evento porque podemos diversificar nosso trabalho, contribuindo para o crescimento de cada artista”, diz Vanessa Toledo, diretora artística da Cia.

MÚSICA

Banda Marcial de Cubatão entra no embalo da Disco Espetáculo faz parte das comemorações do aniversário da cidade de Santos. Apresentação gratuita acontece dia 26 A Banda Marcial de Cubatão mostra mais uma faceta de sua criatividade e estreia agora em janeiro um novo espetáculo. “Noite do Flash Back” traz, por meio da competente interpretação dos jovens músicos, canções da chamada Disco Music. A apresentação, gratuita, acontece dia 26/1, às 19h30, no Shopping Parque Balneário (Av. Ana Costa, 549, Gonzaga), com a reapresentação no domingo (27), nos mesmos local e horário. Os hits que emba-

ESPORTE

Alunos do Mestre Coelho agora conquistam vitórias também no futsal Depois de fazer sucesso na capoeira, Mestre Coelho (Marivaldo Souza Matos), morador da Vila Fabril, agora também está contribuindo para formar jovens atletas de futsal. E, apesar de sua Escolinha Raízes Cubatão existir há apenas seis meses, já vem conquistando bons resultados. Foi o que ocorreu no último domingo, dia 13, no Festival de Futsal Ano Novo 2013, competição realizada na quadra do Jabaquara, em Santos, onde as equipes Sub11, Sub-13 e Sub-15 da Raízes sagraram-se vice-campeãs, para a surpresa dos demais competidores, todos com muito mais tradição na mo-

dalidade. “O que me motivou a abrir essa escolinha de futsal foi a falta de opções de lazer para a molecada, principalmente na região onde moro, que abrange além da Fabril os bairros da Água Fria, Pinheiro do Miranda, Cota 95 e Vila Formosa, entre outros”, explica Coelho. Nesses bairros, ele ensina capoeira há 26 anos, formando centenas de jovens, muitos tendo alcançado resultados expressivos em competições importantes, como os Jogos Regionais. Hoje, a Associação de Capoeira Filhos de Deus-Cubatão conta com 72 alunos, com idades de 8 a 60 anos,

atuando na UME Alagoas (Fabril) - às quartas-feiras, a partir das 19h; UME São Paulo (Jardim Costa e Silva) – às sextas-feiras, a partir das 19h; e UME Anchieta (Jardim São Marcos) – sábados, a partir das 14h. A Escolinha Raízes Cubatão funciona na quadra da Escola Estadual Zenon (Fabril), hoje com 80 alunos nas categorias Sub-9, Sub-11, Sub-13 e Sub-15. Estão abertas inscrições para todas as idades, especialmente para a categoria Sub-7 (crianças com idades de 6 a 7 anos). As aulas acontecem às segundas e quintas-feiras, a cargo de Coelho e Turco (Khaled Hassan Abou Hania), que

atuam como preparadores físico e técnico. A escolinha conta com o apoio da Prefeitura, através das secretarias municipais de Esportes e de Educação, que fornece principalmente a merenda para as equipes nos dias de treino - em breve, uma nova unidade será instalada no Centro de Cubatão. Para ampliar e aprimorar o trabalho que vem fazendo, Mestre Coelho está sempre em busca de apoio e patrocínio – as empresas ou pessoas interessadas podem entrar em contato pelo telefone (13) 8841-8656, ou pelo e-mail coelho_capoeira30@hotmail.com.

laram jovens e adultos nas pistas das discotecas nos anos 70 e 80 receberam versões sinfônicas e a Marcial, por mais de dois meses, ensaia o repertório especial. Relembrando sucessos do ABBA, Michael Jackson, Village People, Bee Gees, Olívia Newton John, John Travolta, As Frenéticas, entre outros, a expectativa é de agradar várias gerações. O maestro Alexandre Felipe Gomes afirma que o programa representa um passo adiante na carreira do Grupo Artístico. “A maioria dos

arranjos foi importada da Bélgica pela Associação de Amigos da Banda Marcial de Cubatão. Ensaiamos com afinco para apresentar um belo espetáculo”, afirma o maestro e se alegra ao saber que a apresentação será uma ótima oportunidade para mostrar o talento da Marcial aos santistas e turistas. “Viva a Música” no mês que vem – A Marcial retorna a Santos para apresentar o espetáculo “Viva a Música”, no dia 3/2, às 18h, no Emissário Submarino.

AGUARDEM Em breve, um novo jornal para todos os cubatenses Um novo jornal, um novo formato, com nova periodicidade. Aguardem, em breve um novo jornal para os cubatenses.


Reação Popular 244