Issuu on Google+

Coleção

Turismo de Natureza Brasil coleção Guias Regionais

Sudeste CHARME E ENCANTO ENTRE SERRAS E MONTANHAS Campos do Jordão, São Bento do Sapucaí e Santo Antônio do Pinhal, três destinos encantadores PEDAL Curta um pedal na região serrana do Espírito Santo

ÁGUAS CARIOCAS Um mergulho pelos melhores points de Rio de Janeiro

MONTANHAS MINEIRAS Uma aventura pelos mais altos picos de Minas

São Paulo І Rio de Janeiro І Minas Gerais І Espírito Santo Guia de Aventura | 1


140

Espírito Santo

68

São Paulo

Sumário

2 | Guia de Aventura


Guia de Aventura | 3

Minas Gerais

128

Rio de Janeiro

43


Reunindo paisagens serranas diversas, o Estado de São Paulo tem muito a oferecer pra quem quer conhecer a diversidade brasileira. No litoral, exibe 622 km pontilhados por praias dos mais diversos tipos e tamanhos, paraíso de surfistas, velejadores, mergulhadores e outros aventureiros. No litoral sul, em torno das cidades de Iguape e Cananéia, também estão algumas áreas naturais mais importantes do planeta, como a Estação Ecológica Juréia-Itatins. No interior do Estado, a diversidade de opções turísticas é também enorme: montanhas, cachoeiras, rios, campos, frutas, flores, artesanato e estâncias hidrominerais abrem um imenso leque de opções aos visitantes. As cidades de Socorro e Brotas, na Serra da Mantiqueira, oferecem as mais diversas atividades de aventura, como rafting, trekking, escalada e voo livre. Já a charmwosa Campos do Jordão propicia charme, requinte e muita natureza.

4 | Guia de Aventura


Brotas, 10 Ilhabela, 16 Polo do Lagamar, 22 Socorro, 26 Atibaia, 34 Campos do Jordão, 40 Ubatuba, 46 Petar, 52 São Bento do Sapucaí, 60 Guia de Aventura | 5


Sudeste

BROTAS

6 | Guia de Aventura


Texto: Kauan Lima

Represa do Patrimônio Guia de Aventura | 7

São Paulo

acqua ride e ducking, indicado para quem está começando a se aventurar em suas águas. Fora d’água, há atividades diversas como rapel, trekking, mountain bike e off road por trilhas de mata nativa, além e tirolesas gigantes em parques da cidade. O acesso à maioria dos atrativos é feito por estradas em condições razoáveis. Para quem está com crianças, uma boa opção são as trilhas fáceis do Recanto da Cachoeira e do Poço do Escorregador. Uma nascente em chão de areia de quartzo, que produz um som semelhante ao da cuíca quando esfregada com as mãos, é uma atração bem peculiar da cidade, que foi nomeada carinhosamente como “areia que canta”. Parte de seu território integra a APA de Corumbataí, uma Área de Preservação Ambiental do município de Itirapina, protegida com a assistência do governo estadual.

Foto: Carlos Zaith

No centro do Estado de São Paulo, a cidadezinha está a 248 km da capital. Repleto de belezas e riquezas naturais, com grande potencial hídrico e relevo acidentado, o destino consolidou-se como referência no segmento de turismo de aventura. O grande protagonista da paisagem local é o Rio Jacaré-Pepria, que nasce na Serra de Itaqueri, a 960 m de altitude e, depois de percorrer 174 km, deságua no Rio Tietê, no município de Ibitinga. Muitos afluentes são responsáveis pelo fluxo das águas e corredeiras nervosas do Rio Jacaré; dentre eles, os ribeirões dos Pintos, Tamanduá, do Lobo, dos Bicudos e Pinheirinho. Os esportes aquáticos ganham destaque nas mais de 30 cachoeiras do rio. O trecho do Pepira conhecido como “Baixo Jacaré”, apresenta corredeiras e quedas de classes III e IV, que garantem a adrenalina dos praticantes de rafting. Na parte mais calma do rio, conhecida como “Alto Jacaré”, os visitantes divertem-se com a prática de boia-cross,


re Cappi Foto: Alexand

Atrativos Cachoeira do Saltão (70 m)

Turismo Brotas

É a mais alta da região e tem pouco volume de água. Na mesma área, há tirolesa e rapel, que funcionam somente com hora marcada. Também é muito procurada por praticantes experientes de canionismo. O acesso se dá através de escada íngreme e pedras lisas.

Foto: Divulgação/Secretaria de

Cachoeira do Cassorova (60 m)

Fica em um vale fechado por mata preservada e tem grande volume de água. É a cachoeira preferida para a prática de canionismo na região. Na mesma fazenda, há trilhas para a Cachoeira dos Quatis (46 m), com tirolesa e um cânion. O acesso é feito pelo distrito de Patrimônio.

Cachoeira do Astor (26 m)

Formada pelo Ribeirão do Pinheirinho, é uma das mais baixas, mas possui poço para banho com bom volume de água e é indicada para a prática de canionismo. Dali para a Cachoeira da Esperanza (35 m) são 40 minutos de caminhada.

Cachoeira do martelo (55 m)

Trilhas suaves ligam duas cachoeiras. Com 25 minutos de caminhada, chega-se à primeira; dali até a da Primavera (30 m) são 15 minutos.

Cachoeira do Escorregador Rio Jacaré-Pepira

A inclinação da cachoeira forma um escorregador natural, com poço para banho Canionismo no Eco-Parque de Patrimônio

Foto: Alexandre Cappi

Sudeste

Parque dos Saltos, Rio Jacaré-Pepira

Recanto das Cachoeiras

As cachoeiras Santo Antônio (18 m) e Roseira (55 m) possuem acesso por trilhas fáceis, piscina, mirante, arvorismo com rapel, tirolesa, cavalgadas e a trilha para a Pedra Branca, com bom poço para saltos.

8 | Guia de Aventura


Boia-Cross

É o esporte pioneiro da cidade. Sobre câmaras de pneu de caminhão, os aventureiros descem o Rio Jacaré-Pepira, no trecho do “Alto Jacaré”, parte mais calma do rio.

Instruções antes de cavalgada pelo EcoParque de Patrimônio

Boia-cross no Rio Jacaré-Pepira

Sítio 7 Quedas

Voo de ultraleve

O passeio pode ser feito sobre a cidade ou sobre as principais cachoeiras. Os voos individuais dependem das condições atmosféricas.

o/Território Sel

Texto: Kauan Lima

É a atividade mais procurada pelos visitantes em busca de aventura. A descida em botes é feita na parte mais agitada do Rio Jacaré-Pepira, o famoso rio que corta a cidade, com corredeiras de nível III e IV (em uma escala onde o nível máximo de dificuldade é VI).

Foto: Divulgaçã

Rafting

vagem

Tem trilhas íngremes para a Cachoeira dos Quatis e o conjunto de cachoeiras Bela Vista.

Rafting no rio Jacaré Pepira

Guia de Aventura | 9

ppi andre Ca Foto: Alex

São Paulo O Parque da Agência Alaya exibe boa estrutura para atividades de aventura como o Voo do Falcão, com cinco tirolesas que passam por cima de três cachoeiras, a 60 m do chão. O Voo da Coruja é a versão noturna, realizado em noites de lua cheia. A cavalgada que passa por duas cachoeiras, a trilha de nível médio com vista para três quedas d’água e o canionismo com rapel nas cachoeiras São Sebastião (25 m) e Jacaré (30 m) também são boas pedidas.

Foto: Alexandre Cappi

Ecoparque

Foto: Alexandre Cappi

Tirolesa no Eco-Parque de Patrimônio


Alaya Expedições (Ecoparque) www.alaya.com.br (14) 3653-5656 Av. Mário Pinotti, 230 - Centro – Brotas

Fotos: Alexandre Cappi

Sudeste

Serviços Quem leva

Território Selvagem Canoar www.territorioselvagem.com.br (14) 3653-3248/ (11) 3717-3648 Avenida Mário Pinotti 337 – Centro - Brotas

Turista relaxa no olho d’água na Fazenda Areia que Canta

Onde ficar Areia que canta – Fazenda Hotel e Ecoturismo www.areiaquecanta.com.br (14) 3653-1382/ (11) 3711-4301 Rodovia Eng. Paulo Nilo Romano (SP 225), Km 124,5

Hotel Pousada Natural www.hotelnatural.com.br (11) 7305-2130/ 3459-4642 Av. Lorival Jaubert da Silva Braga, 1750

Pousada Kampai www.pousadakampai.com.br (14) 3653-2832/ 8172-9680 Estrada Municipal BRO 050 km 2 – Brotas

Corredor de trepadeiras em fazenda na região de Brotas 10 | Guia de Aventura

Eco Ação www.ecoacao.com.br (14) 3653-9140/ 9109-6466 Avenida Mário Pinotti, 205 Centro – Brotas


Minas São Paulo Gerais Recanto Alvorada, Eco-Resort

Como chegar De São Paulo (242 km), seguir pela via dos Bandeirantes ou Anhanguera até Limeira. Depois do terceiro pedágio, pegar a via Washington Luís (SP 310). No Km 205, entrar na SP 225 (via Eng. João Batista Renno) e seguir para o centro de Brotas.

DOIS CÓRREGOS

BROTAS SP 225

Alaya Centro de Aventura SP 197

Escorregador Cassorova Texto: Kauan Lima

Martello Ecoparque

Rio Jacaré Pepira

Recanto das Cachoeiras 3 Quedas

Guia de Aventura | 11


Sudeste 12 | Guia de Aventura


Texto: Camila Fróis

A 20 minutos de balsa de São Sebastião, no litoral norte de São Paulo, a maior ilha oceânica do Brasil exibe os típicos encantos do litoral norte paulista: areia muito branca, mar muito azul e farta Mata Atlântica. O diferencial é a abundância de natureza e de sossego que só o isolamento de uma ilha pode propiciar. Ao todo, são 86% de mata virgem guardada pelo Parque Estadual de Ilhabela. Do lado do continente, a vila oferece boa infraestrutura turística, praias pequenas, adornadas por castanheiras e um mar tranquilo, ótimo para a navegação, o que confere à ilha o título de capital da vela. Além dos esportes náuticos, é possível remar de caiaque, encarar um cascading na Cachoeira Três Tombos, explorar trilhas rumo a estratégicos mirantes, investir em um mergulho autônomo ou livre na Ilha das Cabras. Outro destaque é a prática do kitesurfe. Alguns dos maiores campeões do esporte no Brasil vivem na ilha e oferecem aulas nas praias. Outra atração são os roteiros de barco para a face sul ou norte, alguns seguindo até o lado oceânico da ilha. Nessa face, bem mais selvagem, só há algumas rústicas comunidades de pescadores e poucas pousadas em praias paradisíacas, a melhor pedida para o público mais aventureiro. Dá pra ir de jipe ou bike em uma estrada de más condições de 26 km para a Praia de Castelhanos (à leste), ou ainda de barco ou a pé para a Praia do Bonete (na face sul), em uma trilha tranquila de 15km.

Do Lado Oceânico Castelhanos

É considerada uma das praias mais bonitas do Brasil, e é também uma das mais isoladas da ilha, exibindo 1,5 km de extensão. As águas são claras, boas para surfe e há estrutura de camping. Ainda conserva a paisagem original, com poucas casas de pescadores e muita Mata Atlântica. No canto direito, um riozinho deságua e forma uma lagoa; do outro, o Rio Castelhanos marca o início da trilha para a Cachoeira do Gato (40 minutos de caminhada fácil). O acesso pela estrada de terra leva aproximadamente duas horas de jipe ou caminhonete.

Bonete

Com uma vila acolhedora, dezenas de canoas coloridas e ainda com ótimas ondas para o surfe é alcançada apenas de barco ou pela trilha de quatro horas que começa na Praia de Sepituba. No final da costa, não muito longa, o Rio Nema, que corta boa parte da ilha com suas águas cristalinas, deságua graciosamente no Atlântico. Sua foz abriga uma marina em que ficam as canoas caiçaras dos moradores. Os belos tons da paisagem por ali são ressaltados pelo silêncio e o clima de sossego típico de uma rústica colônia de pescadores. Trata-se da maior das 18 comunidades tradicionais da ilha, que vivem ao ritmo dos ventos, das marés, do amanhecer e do entardecer, sem telefone, asfalto ou postes de iluminação.

Esportista pratica kitesurf (praias de frente para o continente próxima ao centro) Guia de Aventura | 13

São Paulo Foto: Alexandre Cappi

ILHABELA


Foto: Pedro

Cattony

Sudeste

Atrativos Trilha Sepituba – Bonete

Já entrando em área de preservação do Parque Estadual de Ilhabela, a estrada que corta a ilha exibe 15 km de muita Mata Atlântica, três cachoeiras, centenas de espécies de árvores e plantas nativas, pássaros, lagartos em um clima propício para uma boa caminhada. O grau de dificuldade é leve a moderado, pois a trilha é aberta, mas o peso da mochila faz a diferença na hora dos trechos de sobe-e-desces. As cachoeiras, porém, são a grande recompensa. A média de tempo para completar o percurso é de três horas a quatro horas e meia, sem parar. Foto: Divulgação

Rio Nema

Travessia de bike Vila - Castelhanos

A trilha que vai de um lado ao outro da Ilha, da parte central até a Praia de Castelhanos possui 26 km, com um desnível de 600 metros numa subida de 10 km. Depois, é só descer, curtir uma praia e voltar, curtindo o barulho das cachoeiras.

Trilha Bonete – Castelhanos Foto: Otávio Lin

o

Praia de Castelhanos

A travessia de Bonete até Castelhanos, apesar da rusticidade, proporciona diferentes e interessantes paisagens: montanha, costeira, mata bastante fechada, praias deslumbrantes e cachoeiras. O nível dos 18 km de extensão é difícil e o tempo médio para percorrê-la é de oito horas. Nessa trilha, é preciso experiência em caminhadas. Além da prática, é essencial conhecimentos de mapa, bússola e GPS. Passa-se pelas praias desertas de Enchovas, Indaiaúba, Praia Vermelha, Mansa e, finalmente, Castelhanos.

Cachoeira dos Gatos

Do canto da Praia de Castelhanos, tem início uma trilha a ser completada em cerca de 20 minutos até a Cachoeira dos Gatos, uma belíssima queda d’água de 70 metros, onde é possível realizar um cascading.

Foto: Christian Fuchs

Mirante na trilha do Bonete

Trilha do Pico do Baepi

Muito procurada por caminhantes mais experientes, propicia uma excelente vista do canal de São Sebastião, Caraguatatuba e parte sul de Ubatuba, além das montanhas que ficam atrás do Pico. É uma trilha considerada de nível difícil. São 7.600 m de ida e volta, percorridos em média em cinco horas.

Caiaque oceânico Caiaque

14 | Guia de Aventura

A operadora Aroeira Outdoor opera um roteiro de canoagem de três dias na ilha, saindo da Praia Jabaquara, passando por regiões ainda desabitadas e sem acesso, cheias de baías recortadas, mar aberto e pernoites praias desertas. O roteiro inclui a Ponta Grossa, Praia das Caveiras e Castelhanos.


Texto: Camila Frรณis

Vista da Praia de Castelhanos

Guia de Aventura | 15

Foto: Mรกrcio Bortolusso

Sรฃo Paulo


Sudeste Fotos: Alexandre Cappi

Serviรงos Quem leva Passeios de barco e jipe, trilhas e cascading Ecoway (12) 3896-7222/ 3896-7333 www.ecowaypasseios.com.br

Ilha Adventure (12) 3896-5399 www.ilhaadventure.com.br

Ilha Adventure (12) 3896-5399 www.ilhaadventure.com.br

Aventura Bicho Solto Nino (12) 9109-0407

Turista encara tiroleza no Ecoparque

Caiรงara Turismo Possui guias preparados para fazer as trilhas mais exigentes da ilha (12) 3896-4019

Escola de Vela Colonial Mergulho (12) 3894-9459 www.colonialdiver.com.br

Caiaque Aroeira Outdoor www.aroeiraoutdoor.com.br (11) 4402-1541 16 | Guia de Aventura

Mergulho Colonial Mergulho (12) 3894-9459 www.colonialdiver.com.br

Kitesurfe www.ilhabelakitehouse.com.br

Entardecer na praia de Castelhanos


São Paulo

Onde ficar Vila

Fotos: Otávio Lino

Pousada Ilhabela (12) 3896-2124/ (11)7167-0954 www.pousadailhabela.com

Bonete Pousada Ilhabela (12) 3896-2124/ (11)7167-0954 www.pousadailhabela.com

Pousada da Rosa www.pousadadarosa.com

Lado oceânico da Ilha

Como chegar De São Paulo: Pela Via Dutra, Rodovia dos Trabalhadores (SP-170) e Rodovia Carvalho Pinto até São José dos Campos, Rodovia dos Tamoios (SP-99) até Caraguatatuba. Seguir rumo a São Sebastião pela Rodovia Rio-Santos (BR-101). Pegar a balsa para atravessar o canal com destino a Ilhabela. Vindo de São Paulo ou Rio de Janeiro pela Rio-Santos, o visitante chega direto a São Sebastião. Parque Estadual da Ilha Bela

SÃO SEBASTIÃO

Praia de Santa Tereza

MARESIAS

Praia Jabaquara Praia Ponta Grossa

Pico do Baepi

Praia Perequé Balsa Cachoeira do Gato Praia dos Castelhanos

Texto: Camila Fróis

Praia Mansa Praia Vermelha

Praia do Bonete

Praia das Enchovas

Trilha do Bonete

Guia de Aventura | 17


Sudeste

Polo do Lagamar

18 | Guia de Aventura


Texto: Camila Fróis

do Atlântico” pela grande quantidade de peixes e crustáceos que nascem na região. A cidade de Iguape possui ainda o maior número de edificações tombadas pelo Patrimônio Histórico Nacional no Estado de São Paulo, num total de 62 construções coloniais. Grande parte das comunidades caiçaras da região também conseguiu manter intactos seus costumes tradicionais, seja nos cercos de pesca, na culinária ou nas festas típicas. Entre as opções de atividades ecoturísticas e de aventura estão as caminhadas por praias desertas ou matas, passeios de canoa, trilhas de bicicleta, visitas à patrimônios histórico-culturais, observação de aves, visitas à criadouros de ostras, viveiros de plantas nativas, sítios arqueológicos e até passeio pela baía onde os golfinhos se reproduzem.

Uma pequena casa solitária em uma ilha da região Guia de Aventura 19 | 19

São Paulo

O Polo Ecoturístico do Lagamar está inserido no Vale do Ribeira e compreende as cidades de Iguape, Ilha Comprida, Pariquera-Açu e Cananéia, no litoral sul de São Paulo. Em sua extensão, exibe lagunas à beira-mar com vegetação de restingas e Mata Atlântica quase intocada, ostentando uma rica fauna e flora, além de sítios arqueológicos, onde estão sambaquis deixados por populações de mais de cinco mil anos, compondo um dos mais ricos e diversificados conjunto de ecossistemas do mundo. O polo foi estruturado com a proposta de valorizar o turismo sustentável na região para a conservação dos recursos naturais e culturais, desta região que conserva a maior parcela contínua da Mata Atlântica do País. As águas calmas e protegidas dos 14 rios que compreendem o Lagamar são consideradas o “berçário


Sudeste

Atrativos Ilha Comprida

Rio Ribeira de Iguape

A ilha estreita e alongada é separada de Cananéia pelo Mar Pequeno. Possui 74 km de praias, com dunas, restinga e piscinas naturais de água salgada, sendo a segunda maior praia continua do Brasil. Em toda sua extensão, integra a Área de Proteção Ambiental da Ilha Comprida, responsável pela proteção de um viveiro natural de espécies marinhas e terrestres do Atlântico Sul e também como base de apoio utilizada por mais de 30 espécies de aves migratórias. Para explorar o destino, é só optar por algumas das trilhas para diversas praias consideradas desertas. Em toda sua extensão, é possível praticar a observação de aves (a ilha é considerada pela BirdLife International como importante área para conservação de aves do Brasil). Também tem potencial para os esportes náuticos e para passeios de jipe.

Cananéia

Imagem da região de mangue

Na ilha, encontraram-se vestígios arqueológicos de populações de mais de cinco mil anos. Cananéia foi uma das primeiras cidades do Brasil e é também o ponto de partida para a Ilha do Cardoso a três horas de escuna. A economia gira em torno da pesca tradicional. Uma dica é conhecer a pesca de cerco (pesca artesanal de pouco impacto ambiental) e ainda passar pela Baía de Trapandé, onde os golfinhos se reproduzem.

Iguape

Em Iguape, além do rico patrimônio histórico, estão dois terços da Reserva da Juréia com uma intocada flora e fauna, montanhas cobertas de florestas, manguezais, sambaquis pré-históricos, rios, córregos e cachoeiras.

Barco com jornalistas fazendo a cobertura da região

Botos durante uma manhã ensolarada

20 | Guia de Aventura

Ilha do Cardoso

Com 17 mil km2, divididos em vários núcleos, entre eles o Núcleo Pereque e Marujá, possui uma superfície constituída por um maciço de rochas cristalinas, com várias trilhas para praias desertas (como a do Marujá e a da Laje), cachoeiras (como a Cachoeira Grande) e picos proeminentes, chegando até a 900 m de altitude. Abriga mata de encosta, manguezal e restinga incluindo uma grande riqueza de espécies, como os botos, sempre presentes na baía de Cananéia, papagaios de cara roxa (chauá), jacaré de papo amarelo, macacos mono carvoeiro e aves como o guará, entre tantas outras. O acesso a ilha é feito somente por barco e a ilha não possui energia elétrica, sendo habitada por poucas comunidades tradicionais de caiçaras. No Sul da Ilha, encontra-se a Cachoeira Grande com 15 m de altura, em várias quedas que terminam em uma piscina natural. O acesso é por trilha moderada de cerca de 800 m em Mata Atlântica preservada. A ilha também tem um grande potencial para a canoagem. Remada em condições sempre calmas de mar, com praias totalmente preservadas, trilha e remada pela região de mangue.


Bioaventura (11) 5595-8787/ 9598-9056 www.bioventura.com.br Aroeira Outdoor Opera um roteiro de canoagem de dois dias na Ilha do Cardoso. www.aroeiraoutdoor.com.br (11) 4402-1541

Caminhos do Sertão A operadora possui um roteiro que inclui pedaladas à beira-mar no Parque Estadual da Ilha do Cardoso e Parque Nacional do Superagüi (no Lagamar paranaense) www.caminhosdosertao.com.br (48) 8412-8854/ 9633-4007

Embarcação regional durante rotina

Como chegar Até Iguape 200 km Pegue Rodovia Mario Covas, siga até a Rodovia Federal Régis Bittencourt – BR 11 e pegue a saída para a Rodovia Estadual Prefeito Casimiro Teixeira – SP 222, permanecendo nela até Iguape. IGUAPÉ

PARIQUEIRA - AÇÚ

BR 116

ILHA COMPRIDA

SP 193

Mar Pequeno

SP 226 SP 101

SP 222

SP 193

SP 226

CANANÉIA

Guia de Aventura | 21

São Paulo

Serviços Quem leva


22 | Guia de Aventura

Foto: Anderson Florencio

Sudeste


Texto: Camila Fróis

Na encosta da Serra da Mantiqueira, fronteira com Minas Gerais, as paisagens às margens do Rio do Peixe tem consagrado a cidade de Socorro como um dos principais circuitos de ecoturismo do País. Além da diversidade de atividades de aventura, o destino se destaca pela organização do turismo e o empenho pela recuperação e preservação da paisagem local. Outra conquista de Socorro é a democratização dos esportes de aventura, através de um projeto pioneiro de acessibilidade aos portadores de necessidades especiais, que se tornou referência para o turismo nacional. A hospitalidade da população, a proximidade da capital paulista (132 km de distância) e boa infraestrutura contam a favor da cidade, que exibe um relevo monta-

nhoso, recortado por vários rios e cachoeiras. Muitos trechos de Mata Atlântica têm se recuperado após um longo período de devastação graças à substituição da atividade de cafeicultura pelo turismo na região. A principal atração do destino são os esportes aquáticos, praticados no Rio do Peixe: rafting, acquaride e boiacross. Além desses, a geografia local propicia a prática de voo livre, mountain bike, moto cross, off road, canionimo, cascading, rapel, trekking e outros. Para quem prefere sossego e contemplação, a Estância, que integra o Circuito das Águas, reserva belos parques arborizados, águas medicinais, pescaria e cavalgadas, além de clima ameno, ar puro e interessantes vistas da Mantiqueira.

Rapel na Pedra da Bela Vista Guia de Aventura 23 | 23

São Paulo

SOCORRO


Sudeste

Rafting no Rio dos Peixes

Parque no Monjolinho

Localizado a 6 km do centro da cidade, no corredor turístico do Rio do Peixe, o Parque oferece diversas atividades como tirolesa, arvorismo, duck, boia-cross e off Road. O destaque fica por conta da operação de rafting, conduzida pela empresa Rios de Aventura em um circuito de 7 km. As corredeiras propiciam boas doses de adrenalina, alternando-se com trechos tranquilos, em que é possível contemplar capivaras, macacos e uma variedade de aves que habitam as margens do rio. Há também circuito de quadriciclo que parte do Parque, que oferece hospedagem em casas, chalés, restaurante e camping em sua área.

Cavalgada na propriedade do Campos dos Sonhos

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Atrativos

Hotel Fazenda Campo dos Sonhos

Foto: Divulgação

Em uma área de 250.000 m2, a 6 km do centro da cidade, é uma autêntica fazenda que começou a trabalhar com turismo rural e se transformou em um confortável Hotel Fazenda. Oferece um típico dia a dia do campo, aliando o contato com a natureza a atividades culturais e de aventura, como rodas de moda de viola ao redor do alambique, festas típicas e cavalgadas pela propriedade. Também há trilhas, em que é possível contemplar árvores pau-brasil, ipê, jequitibá e cerca de 200 espécies frutíferas e muitas atividades voltadas para crianças.

Tirolesa do Gavião no Parque dos Sonhos 24 | Guia de Aventura

Hotel Fazenda Parque dos Sonhos

Na divisa com Minas Gerais, o Parque fica às margens do Rio Cachoeirinha, um dos afluentes do Rio do Peixe, concentrando cachoeiras, trilhas ecológicas, grutas e diversas atividades de aventura em meio a bastante verde. O principal atrativo é a Cachoeira dos Sonhos, onde há formação de uma praia de água doce. No rio, é operado aquaride, boia-cross, canoagem e mini-rafting. Outra atração é o Circuito Radical de Tirolesas, interligando o Estado de São Paulo ao de Minas Gerais. O Parque oferece ainda arvorismo, off road, trekking e exploração de grutas. Possui apartamentos, chalés e restaurante.


São Paulo

Foto: Divulgação

Pedra da Bela Vista

Trata-se de uma formação no alto da cidade, em que se tem uma visão panorâmica de quase 360 graus de Socorro. Além de ponto de contemplação, a pedra que também exibe um bom restaurante/bar, funciona como pico de voo livre, recebendo diversos esportistas e inclusive algumas competições da modalidade, devido às características técnicas do local. A Pedra propicia ainda o maior rapel da região. São quase 100 metros de descida. Voo livre na Pedra da Bela Vista

Gruta do Anjo

Proveniente de uma antiga mineração que funcionou de 1995, é inundada por água de tom esverdeado e exibe galerias de formas peculiares. Há pedalinhos no atrativo, que possibilitam ao visitante uma viagem pelos salões da gruta.

Foto: Daniel Rosa

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Socorro Acessível

Pedra da Bela Vista

Visual da Serra da Mantiqueira

Das mais de 20 atividades de aventura oferecidas hoje na cidade de Socorro, 10 já podem ser praticadas por pessoas com deficiência e restrição de mobilidade, inclusive cadeirantes. Para isso, operadores trabalharam em parceria com uma ONG (Aventura Especial) que ajudou as empresas e lideranças políticas a adaptarem suas atividades e os espaços públicos e capacitou instrutores e monitores para atenderem o novo público.

Guia de Aventura | 25


Sudeste 26 | Guia de Aventura


São Paulo Foto: Divulgação/Base55

Operação com quadriciclos com agência Base 55 Guia de Aventura | 27


Sudeste Foto: Daniel Rosa

Serviços Onde ficar

Hotel Fazenda Campo dos Sonhos www.campodossonhos.com.br (19) 3895-6388 Estrada dos Sonhos, km 6

Pousada Gruta do Anjo www.pousadagrutadoanjo.com.br (19) 3895-1357/ 9741-9797 Estrada Socorro/Munhoz Km 1

Gastronomia com influência mineira

Hotel Fazenda Parque dos Sonhos www.parquedossonhos.com.br (19) 3855-2833 Estrada da Varginha, km 7 Bairro do Limoeiro

Foto: Daniel Rosa

Mirante da Pedra da Bela Vista www.pedrabelavista.com.br (19) 8142-4201/ 9610-4582

Parque do Monjolinho www.parquedomonjolinho.com.br (19) 3895-7346/ 3855-7002 Estrada Socorro - Munhoz, Km 06

Arvorismo no Parque dos Sonhos 28 | Guia de Aventura

Foto: Divulgação/Base 55

Foto: Divulgação/Parque dos Sonhos

Acqua Ride

Base 55 (off road) www.base55.com.br (19) 3855-2050 Rua Dr. Alfredo de Oliveira Santos, 117 - Centro

Quadriciclo no entorno da cidade


Minas São Paulo Gerais BRAGANÇA PAULISTA Parque do Monjolinho

SOCORRO

LINDÓIA

Gruta do Anjo Guia de Aventura | 29

Foto: Divulgação

Como chegar


Sudeste 30 | Guia de Aventura


São Paulo

ATIBAIA

Texto e fotos: Daniel Cotellessa

O clima tropical de altitude (considerado pela Unesco o segundo melhor do mundo) é agradável em todas as estações do ano, com temperatura média de 20°C. Além disso, a região é banhada pelo Rio Atibaia, formado pela junção dos rios Atibainha e Cachoeira, que cortam trechos de Mata Atlântica, ricos em plantas medicinais. A grande atração da cidade é a Pedra Grande, que conta com 600 milhões de anos e está localizada na Serra do Itapetinga, exibindo uma superfície de aproximadamente 200 mil metros. O lugar atrai um público interessado em atividades como trekking, escalada, mountain bike e, especialmente, voo livre, a aventura-

símbolo da cidade. Com 600 metros de altura (1.450 metros acima do nível do mar), a formação rochosa é palco de diversos campeonatos de asa-delta, parapente e outras modalidades. Há três opções de rotas para se alcançar o ponto mais alto da Pedra Grande, a partir do condomínio Arco-Íris (com acesso pelo pouso de asa-delta): a trilha da Minha Deusa (2,5 km), da Mangueira (2,6 km) e a dos Monges (3 km). Tratam-se de trilhas íngremes e de muito visual. Existe também uma rota para carros com acesso pela Rodovia Dom Pedro I, km 65. A estrada é de terra, com subidas fortes.

Vista da Pedra Grande Guia de Aventura 31 | 31


Sudeste

Atrativos Nonononono nononononono

Escalada

Uma boa opção para alcançar o cume da Pedra Grande é a escalada em rocha. Além dela, há muitos blocos perfeitos para a prática de boulder espalhados na região. A rocha é famosa pela abrasão, verdadeiro teste de resistência. As vias localizadas na rampa de voo variam de 5º sup até um possível 10º C, somando um total de oito vias. Já na parte superior da pedra conhecida como Bico do Papagaio ou região dos blocos, é possível escalar mais quatro vias fortes e igualmente abrasivas. Há chapeletas espalhadas no topo de alguns blocos. As paradas funcionam para quem quer rapelar e até para escaladas em top rope, Embora ainda com poucas vias, a diversidade de estilos e graus é grande. Há fenda para escalada artificial, regletes fortes para escalada esportiva e boulders ainda nem catalogados. Voo-duplo na Pedra Grande

Voo Livre

Os bons ventos da região propiciam o voo duplo de asa-delta ou paraglider com durante cerca de 4 km a partir da Pedra Grande até o pouso oficial no bairro Flamboyant. Há possibilidades de voo o ano inteiro, apesar da melhor época para a atividade ser o mês de setembro. É comum a ocorrência de ventos de até 50 km/h.

Circuito com 12 obstáculos, Portal dos Pinheiros

Parque Ecológico do Vuna

Cercado de uma natureza preservada, é um dos melhores lugares para prática do mountain bike, em Atibaia. Fica localizado em uma fazenda privada, onde funciona a Pousada Vale Encantado. Ao todo, são cinco opções de trilhas demarcadas tanto para bicicleta, como para caminhadas, em uma área de 330 hectares de Mata Atlântica. Além de uma grande variedade de espécies arbóreas, é possível observar de perto orquídeas, bromélias, tanto epífitas quanto de solo e vários tipos de samambaia.

Arvorismo

O Recanto dos Pinheiros, localizado no bairro do Rosário, possui um circuito de arvorismo com 12 obstáculos. O clímax do circuito está na tirolesa que finaliza o arvorismo. São 150 metros de extensão e 50 de altura.com a Pedra Grande ao fundo. Há também uma parede de escalada de 10 metros instalada no recanto. 32 | Guia de Aventura 32 | Guia de Aventura


São Paulo

Trilhas para a Pedra Grande

Trilhas

Laranja - Lajes Altas (3h) Trilha moderada com percurso de 11 km e altitudes que chegam a 1.322 metros, passando por três lajes de pedra com visão para as cidades de Atibaia, Franco da Rocha, Mairiporã e Guarulhos.

Circuito para jipeiros, Fazenda Santa Rosa

Verde - Lago do Vuna (2h) Trilha fácil a moderada que leva até o Lago do Vuna, a 4,5 km da sede, seguindo ao longo do vale formado pelas serras do Itapetinga e Pedra Vermelha, até um lago de aproximadamente 45 mil m2, todo rodeado de mata preservada. Vermelha - Castelo de Pedra (3h) Trilha de moderada a difícil, com percurso de 9 km em meio à mata nativa (esta é a trilha menos visitada, portanto, com maior probabilidade de se avistar animais). No meio do percurso, está a rocha que dá nome à trilha, Castelo de Pedra, um afloramento rochoso de mais de 30 metros de altura, que propicia um belo rapel para os escaladores mais experientes (classificação 7 sup/A2).

Texto e fotos: Daniel Cotellessa

Rosa - Trilha da Jacudica (1h30) Trilha fácil com 5,5 km de comprimento, é usada para projetos de educação ambiental. Além das mais de 85 espécies vegetais já catalogadas em uma área bastante preservada, a rota passa pela "Gruta da Jacudica".

Cavalgada

Uma das opções mais lights na cidade é fazer uma cavalgada pela região. A Hípica Laredo, além de alugar baias, oferece aulas de equitação e faz passeios ecológicos.Há duas trilhas oferecidas: a trilha da Gruta, que tem duração média de três horas, e a trilha da Cachoeira da Pedra do Coração, esta para quem já tem um pouco de prática na atividade, pois tem duração média de seis horas.

Trilha, Atibaia Campo

Guia de Aventura | 33


Sudeste

Serviços Quem leva Atibaia Campo www.atibaiacampo.com.br nonononononono (11) 4412-2022

Vista para o vale atrás da Pedra Grande

Fazenda Vale Encantado www.fazendavaleencantado.com.br Nononononon (11) 4416-8606/ 4416-3560

Diversos tipos de plantas e flores são encontradas em Atibaia

Onde ficar

Slackline

Carcará (Polyborus plancus)

Atibaia Turismo www.atibaiaturismo.com.br Nonononon (11) 4413-4498

Fazenda Santa Rosa Off Road www.fazendasantarosa.com.br nononononono (19) 9765-5211

FlyHigh www.flyhigh.com.br Nonononono (11) 4413-3937

Portal dos Pinheiros Arvorismo, rapel e tirolesa nonononon (11) 9694-8327

Clube de Montanha www.atibaiaclubedemontanha.com.br Nonononono (11) 3256-0256

Hípica Laredo Cavalgada nonononon (11) 4413-1012

34 | Guia de Aventura

Vista para a Pedra Grande


São Paulo Reserva do Vuna

Como chegar Para quem sai de São Paulo, basta seguir pela BR-381 (Fernão Dias) até Atibaia. Quem sai do Rio de Janeiro, deve seguir até São Paulo pela Dutra (BR-116). A partir daí, o caminho é o mesmo dos paulistas.

Rio Atibaia

ATIBAIA

Pedra Grande

Texto e fotos: Daniel Cotellessa

Portal dos Pinheiros Parque Ecológico do Vuna

SÃO PAULO

Guia de Aventura | 35


Sudeste 36 | Guia de Aventura


Texto: Camila Fróis

Popular destino de inverno na Serra da Mantiqueira, Campos atrai jovens casais e famílias por sua bela infraestrutura turística, arquitetura enxaimel, deliciosas chocolaterias, adegas e clima europeu. Embora um dos principais atrativos da cidade seja a badalada Vila de Capivari, centro gastronômico que exibe bons restaurantes e cervejarias com inspiração alemã, para quem tem fôlego para subir os morros da Serra da Mantiqueira, o destino guarda excelentes roteiros outdoor. A sugestão é preparar os pulmões para respirar muito ar puro e aproveitar o visual do entorno da cidade para cavalgar, caminhar, pedalar, escalar, encarar um circuito de canionismo ou levar as crianças para se “aventurarem” em ótimos circuitos de arvorismo. Da copa das árvores, é possível contemplar, com um ângulo privilegiado, os belos bosques de araucária, suas cachoeiras e trilhas.

Parques

O Parque Estadual Horto Florestal e o Bosque do Silêncio são boas opções para caminhadas leves. O Horto Florestal é ideal também para a prática do mountain bike. O Parque oferece trilhas curtas e fáceis, adornadas por cachoeiras, para quem pretende apenas experimentar a atividade, ou mais difíceis, como a de São José dos Alpes, que dura por volta de 2h30. O Parque oferece ainda uma atividade relativamente nova no Brasil, o tree climb ou escalada em árvore.

Off Road

Alguns dos mais belos cenários da região de Campos do Jordão encontram-se distantes das estradas asfaltadas. Por isso, vale a pena agendar um passeio a bordo de um veículo 4X4, em que é possível ultrapassar obstáculos naturais, como erosões, rios ou atoleiros, percorrendo trilhas quase inexploradas até montanhas, vales, bosques e cachoeiras.

Trilhas na Mantiqueira Guia de Aventura | 37

São Paulo Foto: Alexandre Cappi

CAMPOS DO JORDÃO


Foto: Divulga

ção

Sudeste

Atrativos

Horto Florestal, que exibe várias trilhas e lagos

Horto Florestal Foto: Famíli Müller

Arvorismo no Bosque do Silêncio

São aproximadamente 86 km2 de área de preservação ambiental, com excelentes opções para caminhadas de diversos níveis e outras atrações como: roda d'água, capelinha, bosque vermelho, além de lagos, mirantes, viveiros de plantas e vários atrativos.

Bosque do Silêncio

Foto: Thiago Carneiro

Sede da empresa Altus Ecoturismo, abriga um bosque de mata nativa, a 15 minutos de caminhada do centro turístico, com grandes araucárias, riachos, lagos e possibilidade de se avistar esquilos e diversos pássaros. O principal atrativo do parque são os cinco circuitos diferentes de arvorismo, incluindo rapel guiado, vários tipos de pontes, falsa baiana, bondinho e tirolesa.

Casal de Sanhaço Cinzento 38 | Guia de Aventura

Birdwatching (Observação de Pássaros)

A Serra da Mantiqueira é um local perfeito para a atividade, pois conta com uma vegetação muito diversificada, o que se reflete na concentração de aproximadamente 300 espécies de pássaros nesta região. O Horto Florestal é um ótimo point para os observadores, assim como o Parque Amantikir (www.amantikir.com.br), outra excelente opção que oferece um acervo de jardins de várias partes do mundo. O lugar ainda proporciona um passeio por entre as mais de 800 espécies de plantas cultivadas que convivem em harmonia com as plantas nativas. Tal flora serve de habitat para 84 espécies de pássaros que vivem dentro dos 35.000 m2 do Parque.


Canionismo

A atividade operada pela Altus Ecoturismo visa percorrer cânions e leitos de rios em desnível, usando técnicas de “desescalada”, flutuação e caminhada. No Cânion do Itapeva, cercado por uma bela paisagem natural, os visitantes se aventuram em rapéis, tobogã natural, “desescaladas”, caminhadas no rio, flutuação e tirolesa.

São Paulo Escalada em pinheiro australiano

Foto: Alexandre Cappi

A empresa Zoom Aventura opera a atividade que consiste na subida de árvores com técnicas verticais, no Horto Florestal. Acomodados em um dos galhos de grandes pinheiros, os aventureiros podem agregar a experiência do birdwatching, observando com um binóculo as aves que habitam ao redor. Na descida, mais aventura em um rapel guiado ou tirolesa, dependendo da árvore e do local escolhido.

Foto: Famíli Müller

Tree Climb

Existem muitas trilhas próprias para a prática do Mountain Biking, e com grau de dificuldade e distância variados . Para quem quiser fazer passeios mais longos, o ideal é procurar um guia especializado.Entre as opções estão:

Texto: Camila Fróis

Trilha das Três Matas: Distância: 8,3 km. Nível de dificuldade: médio. Trata-se de um single track, com vários trechos de descida técnica. Suba a estrada de asfalto que dá acesso ao Morro do Elefante, no final da subida, siga em frente pela estrada de terra. A entrada da trilha está cerca de 400 m após a entrada do SPA, do lado direito da estrada e começa subindo. O ponto mais alto é o visual das pedras, a 1.750 m de altitude Trilha da Casa Redonda (Alto do Capivari) Distância: 16 km. Nível de dificuldade: fácil. Características: subida em estradas de terra e asfalto, single track em campo aberto. Subir para o Alto do Capivari pela estrada principal de asfalto, quase no final da subida, entrar à esquerda na Rua da Casa Redonda. A entrada da trilha virou uma estradinha de terra subindo, ao terminar a subida, fica fácil ver a trilha principal seguindo para a esquerda. A trilha segue até uma altitude de 1.730 m e termina na Represa do Fojo.

Foto: Alexandre

Mountain Bike

Cappi

Bosque de araucárias

Pedalada na área urbana Guia de Aventura Guia de Aventura | 39 | 39


Altus Ecoturismo www.altus.tur.br (12) 3663-4122 Av. Roberto Simonsen, 1724 Zoom Aventura www.zoomaventura.com.br (12) 3663-3746 Horto Florestal Cavalgada no Espaço "Aventura no Rancho"

Fotos: Alexandre Cappi

Sudeste Foto: Luciano Corrêa

Serviços Quem leva

Onde ficar Chalés do Rancho Santo Antonio www.chalescamposdojordao.com.br (12) 3663-4481/ (12) 9727-3678

Pousada da Pedra www.pousadadapedra.com.br (12) 3663-6262/ 3663-6608

Pousada La Toscana www.pousadalatoscana.com.br (12) 3663-6650

Garça no Horto Florestal 40 | Guia de Aventura

Estação de trem

Luar visto entre folhas canadenses


Minas São Paulo Gerais Fotos: Vandeir Rodrigues

Vila de Capívari

Como chegar A partir de São Paulo, siga pela SP-070 (Rodovia Ayrton Senna), pegue a Rodovia Carvalho Pinto, de onde sai a SP-123, Rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro, que leva até Campos do Jordão.

Horto Florestal Pico do Imbiri

Vila de Capivari

Bosque do Silêncio CAMPOS DO JORDÃO SP 050

Texto: Camila Fróis

SP 030

SP 123

PINHALZINHO

Guia de Aventura | 41


Foto: Daniel Cotellessa

Ubatuba

42 | Guia de Aventura

Sudeste


São Paulo Para explorar os mais especiais trechos de sua extensa costa, vale a pena avaliar as boas opções de trekkings de muito visual nas várias trilhas que cortam as paisagens costeiras, como a das Sete Praias, a Trilha do Cedro ou da Brava, da Almada, entre outras. Há também muitas opções para a prática de esportes de aventura como mergulho, rapel, boulder, voo livre, mountain bike ou off road. Além disso, a Praia de Itamanduca sedia um dos principais campeonatos de surfe do País. Outra ótima opção é remar pelas águas azul-turquesa até algumas das ilhotas mais preservadas de Ubatuba e ainda aproveitar o mergulho livre que propicia o avistamento de tartarugas, estrelas do mar e golfinhos.

Texto: Camila Fróis

Com fácil acesso, mar cristalino e uma orla extensa, de areias claras, Ubatuba é um dos destinos de veraneio mais frequentados do litoral sudeste do Brasil. A 250 km da capital paulista, o balneário exibe mais de 100 km de costa, divididos em cerca de 80 praias, além de 16 ilhas, 7 ilhotas, 28 cachoeiras catalogadas, 17 rios, 38 pontos de trekking, 30 pontos de mergulho, 11 rotas de observação de aves e 25 praias excelentes para a prática de surfe. Longe do agito das praias mais centrais, a Mata Atlântica debruça-se sobre o mar e proporciona os mais coloridos contrastes, atraindo aves raras para a chamada “Costa Verde”. Os cenários, ainda pouco explorados, abrigam comunidades tradicionais que vivem do turismo, da pesca e do artesanato.

Guia de Aventura 43 | 43


Sudeste

Foto:Camila Fró

is

Atrativos

Cachoeira do Prumirim

Praia do Prumirim

A 25 km do centro de Ubatuba, a praia com aproximadamente 1 km de extensão, em alguns pontos, é boa para o surfe e apresenta vários atrativos. Além de uma Aldeia Guarani, que pode ser visitada após se percorrer uma curta trilha em meio a um belo trecho de Mata Atlântica, o lugar exibe uma cachoeira de águas esverdeadas que desemboca em um amplo poço perfeito para banho e forma um rio que deságua no canto esquerdo da praia. Logo em frente à praia, fica a Ilha do Prumirim, ponto de mergulho, que pode ser acessado de caiaque ou de barco.

Foto: Otávio Lino

Trekking

Ubatuba oferece várias opções de trekking em belas trilhas que serpenteiam o mar e levam os visitantes a praias mais selvagens, cercadas por muita Mata Atlântica.

Trilha da Brava da Almada

Uma das opções de acesso é pela Praia do Engenho, em que se leva 20 minutos para atravessar o morro, no início bastante íngreme, mas com uma descida tranquila que vai direto à praia. Esse trecho pode ser feito sem a presença de um guia, pois há placas de sinalização. O outro acesso é através da Praia da Fazenda, já dentro do Parque Estadual da Serra do Mar em 1h30 de caminhada. A fauna e flora da Mata Atlântica se arranjam por ali em um percurso bastante agradável. É possível avistar árvores de grande porte como o Araçá Piranga, Canelas, Uricuranas e Guapuruvus, que servem de habitat para diversas aves e animais raros que dão graça ao caminho.

Foto: Camila Fróis

Praia do Felix

Trilha das Sete Praias

O percurso de cerca de três horas é feito em um braço de Mata Atlântica que costeia o mar passando pelas praias mais desertas da orla. A trilha começa na Lagoinha do Sul e, alguns morros e várias praias depois, chega-se à Fortaleza, a maior de todas, com águas calmas e um “pontão”, onde se exibem várias formações rochosas.

Trilha da Lagoinha Rapel da Lagoinha, com 60 m

44 | Guia de Aventura

A trilha de cerca de 40 minutos (ida), considerada de nível médio, começa nas Ruínas do Bairro Lagoinha, no lado sul de Ubatuba, e segue até a Cachoeira da Lagoinha, de 50 metros, onde é possível realizar um cascading.


São Paulo

A Praia da Fortaleza, a 27 km do centro de Ubatuba, exibe um pontão, no canto direito da praia, com enormes pedras e formações rochosas ideais para a prática do boulder. Há vias com vários níveis de dificuldade, desde o nível zero – para quem está iniciando, até o nível 12 que exige bastante esforço.

Foto: Daniel Cotellessa

Boulder

Boulder de no Pontão da Fortaleza

Uma ótima opção para desvendar a região e aproveitar os mares de águas cristalinas e, na maior parte das vezes, tranquilas, para remar de uma praia a outra, ou mesmo até ilhas como a Ilha de Prumirim, a Ilha das Couves, ou a Ilha Anchieta, onde se encontram ruínas do famoso Presídio de 1902.

Foto: Otávio Lino

Canoagem

Mergulho

Ubatuba abriga alguns dos melhores pontos de mergulho do Litoral Norte, reunindo as características de águas calmas, claras e de temperatura agradável tanto para o mergulho livre, como autônomo. A visibilidade é de 8 a 15 metros. As Ilhas das Couves, Anchieta, Palmas e Vitória abrigam os melhores points.

Travessia de caiaque até Ilha de Prumirim

Foto: Carlo

Em Ubatuba, existe uma grande concentração de aves tão raras quanto exóticas, o que a torna um excelente ponto para o birdwatching (observação de aves). É possível observar no município, 520 espécies diferentes de aves, o que representa 65% da avifauna do Estado de São Paulo, 26% das aves do Brasil e 5% de todas as aves do planeta.

s Rizzo

Birdwatching

Saíra-verde Chlorophanes spiza macho

Texto: Camila Fróis

Há mais de 20 praias ideais para a prática do esporte em Ubatuba. Entre os destaques estão a do Felix, praia de tombo com ondas fortes quebrando no canto esquerdo; a Vermelhinha do Centro, com uma correnteza bem forte e areias de tom avermelhado, cercada por abricós, e a Brava do Norte, localizada na Ponta do Espia do Farol, também de quebradas intensas. O grande point dos surfistas em Ubatuba, porém, é Itamambuca. A 15 km ao norte do centro da cidade, a praia exibe ondas de direita perfeitas, que fazem do lugar palco para diversos campeonatos nacionais e internacionais. Para os iniciantes, a Escola de Surf do Zecão conta com instrutores capacitados e uma metodologia própria.

Rapel

Ubatuba possui um relevo ideal e diversos pontos para a prática da atividade, entre eles está Cachoeira da Lagoinha, de 60 metros, excelente para os iniciantes.

Foto: Divulgação/Escola de Surf do Zecão

Capital do Surfe

Escola de Surf do Zecão, em Itamambuca

Guia de Aventura | 45


Foto: Carlos Rizzo

Sudeste

Serviços Quem leva

Agência Mar e Serra Trekking e turismo comunitário www.mareserra.com.br (12) 3833-2175 (12) 7813-7453

Omnimare Mergulho www.omnimare.com.br (12) 3832-2005

Poço da Fazenda

Foto: Adriana Faria

Aroeira Outdoor Canoagem www.aroeiraoutdoor.com.br (11) 4402-1541

Tucano de bico verde flagrado nas trilhas de Ubatuba

Onde ficar Itamumbuca Eco Resort www.itamambuca.com.br (12) 3834-3000 Rodovia Rio Santos, Km 36

Pousada Caminho do Mar www.pousadacaminhodomar.com (12) 3832-3201 Rua Basilio Cavalheiro, 60

Foto: Otávio Lino

Ecotrip Hostel Ubatuba www.ecotriphostel.com.br (12) 3833-3555 Hans Staden 712

Praiado Prumirim 46 | Guia de Aventura


São Paulo Foto: Daniel Cotellessa

Praiado Brava da Almada

Como chegar De São Paulo (265 km) Uma das opções é seguir pela Rodovia Dutra ou Ayrton Senna/Carvalho Pinto até São José dos Campos, Rodovia dos Tamoios até Caraguá e Rodovia Rio-Santos (sentido Rio de Janeiro) até Ubatuba. Outra opção é Rodovia Dutra ou Ayrton Senna/Carvalho Pinto até Taubaté e Rodovia Osvaldo Cruz direto até Ubatuba.

Engenho Praia de Prumirim

Taubaté

Ilha de Prumirim

Félix Praia de Itamambuca Cruzeiro

Vermelha do Sol Praia de Fortaleza

PerequêMirim

Ilha do Anchieta

Guia de Aventura | 47


Guia Turismo de Natureza Sudeste