Page 50

não o vi lá, mas não podia estar certo. Eu puxei a minha câmera e tirei algumas fotos antes de descer novamente os degraus, pela passagem subterrânea e voltar para o café. Lucas estava exatamente onde o deixei, uma xícara de café vazia na mesa. Ele estava checando o seu telefone, mas rapidamente o enfiou no bolso quando me viu, algo mais que Tucker nunca teria feito. Ele estava colado a essa coisa. —Então? Como foi? —Lucas puxou a cadeira do outro lado da mesa para mim. —Foi fantástico. Foi de tirar o fôlego. Foi... —Eu me sentei na cadeira e soquei o ar. —Triunfante. Lucas riu e levantou a mão para o garçom. —Que bom, hein? —Bem, não vi ninguém se beijando ou se comprometendo, o que automaticamente é melhor do que a minha visita à Torre Eiffel ontem. —Bom. Você gostaria de café? —Perguntou enquanto o garçom se aproximava. —Claro, obrigada. Lucas ergueu dois dedos. —Deux cafés. —O garçom pegou a xícara vazia e recuou, e eu me inclinei em meus cotovelos. —Então, Lucas... espere, qual é o seu sobrenome? —Fournier. —Então, Lucas Fournier. Você se especializou em psicologia e música, você é um barman e tem medo de alturas. Diga-me outra coisa sobre você. —Eu não disse que tinha medo de altura. Eu pisquei. —Sim, você disse. —Eu disse que não gostava. Há uma diferença. Um sorriso puxou um canto da minha boca. —Claro. Pardonnez-moi, me perdoe.

Profile for Raquel Gois

01 frenched série frenched 01 melanie harlow  

01 frenched série frenched 01 melanie harlow  

Advertisement