Page 227

—Eu espero que sim. —Entrei no banheiro procurando algum lenço, sequei meus olhos e assoei meu nariz. Argh, eu estava uma bagunça. No espelho, vi Tucker aparecer na entrada do banheiro. —O que está errado? Por que as lágrimas? Eu franzi o cenho. —Como se você se importasse. —Eu me importo, Mia. Venha aqui, por favor. —Ele pegou meu braço e me tirou do banheiro e levou até o sofá, onde gesticulou para que eu me sentasse. Além das flores na mesa, havia chocolates e uma caixa preta com uma fita branca. A caixa dizia Chanel. Puta merda. O que diabos está acontecendo? Tucker sentou-se ao meu lado, mas puxei meu braço para trás e coloquei as duas mãos entre meus joelhos. —Ouça-me, Mia. Eu sei que você está com raiva e você tem todo o direito de estar, mas por favor me dê uma chance para falar. — Eu nunca tinha ouvido esse tipo de tom suplicante de Tucker antes, mas isso só me deixou mais irritada. —Por que eu deveria? Eu não quero nada de você, Tucker. Nem essas flores, nem presentes, nem uma desculpa. —Mas eu mantive meus olhos na caixa da Chanel. Porra, como não ficar curiosa com o que estava lá dentro. —Eu sei que você não quer nada, e eu não a culpo. O que fiz foi imperdoável. Mia, você pode pelo menos olhar pra mim? Eu recusei. Na verdade, cruzei meus braços e me afastei dele. Ele suspirou e saiu do sofá, caminhou ao redor da mesa e caiu de joelhos aos meus pés. Até na melhor das minhas lembranças, ele nunca esteve de joelhos na minha frente desde a sua proposta. E nem tem uma plateia aqui. —Eu entrei em pânico. —Ele fechou os olhos e levantou as mãos. —Eu sei que não é desculpa, mas é a verdade. Entrei em pânico com o pensamento de um compromisso tão permanente, e não pensei ser maduro o suficiente para lidar com isso.

Profile for Raquel Gois

01 frenched série frenched 01 melanie harlow  

01 frenched série frenched 01 melanie harlow  

Advertisement