Page 91

estamos indo. Não seria justo arrastá-lo com a gente. Você pode tomar conta dele pra gente? — Prrr — Saladin olhou para Dan com cara de Você só pode estar de brincadeira. O senhor Mclntyre fez mais ou menos a mesma cara que Saladin. — Não sei, meu bem. Eu não sou muito... bom com bichos. Tive um cachorro uma vez, o Oliver, mas.,. — Por favor — pediu Amy. — Ele pertencia à nossa avó. Preciso saber que ele está em segurança. O velho advogado parecia estar com vontade de sair correndo, mas respirou fundo. — Está bem. Só por um tempinho. — Obrigada! — Amy lhe entregou a gaiola. -— Ele só come peixe fresco. O favorito dele é salmão. O senhor Mclntyre piscou. — Salmão? Ah, bem... vou ver o que posso fazer. — Prrr — disse Saladin, o que provavelmente significava algo como Não acredito que vocês vão me deixar com um velho que não sabe que eu gosto de salmão. — Crianças, é melhor vocês irem. Sua au pair está ficando impaciente. Só não se esqueçam do que eu disse antes. Não confiem em ninguém! Dizendo isso, William Mclntyre saiu andando pela rua, segurando de lado a gaiola de Saladin corno se fosse uma caixa de material radioativo.

Quando os dois estavam voltando para o carro, Amy comunicou: — Vamos para Paris. Dan estava pensando em Saladin e seus ouvidos ainda zuniam por causa da explosão do museu, por isso não teve certeza de ter escutado direito o que Amy acabara de dizer. — Você disse Paris... tipo na França? Amy tirou do bolso o celular de Sinead Starling. A foto da carta de

Profile for Rafaela Dal Pontte

01 - 39 clues - O labirinto dos ossos - Rick Riordanr  

01 - 39 clues - O labirinto dos ossos - Rick Riordanr  

Advertisement