Issuu on Google+


Hoje em dia, e cada ve z mais o homem tem percebido o impacto que tem caus ado ao seu ambiente, a cada segundo torna-se mais urgent e a necessidade de ca da vez mais uma maior conscientização , a corrida pela sustent abilidade nunca foi tão necessária. O conteúdo a seguir trá s uma sugestão que o design pode agrega r para essa importantís sima discussão.

e rand g o erã corr ais foi o e m nd III o o nunca ia e sem X o v l u ti rg e séc o produ s de ene ivo da a m al i d r s t s o s e t a Indu m mead o proces as form o produ es, que t o ã ç e lu ov ior ue ess Revo começo ológicas cobriu n o proc vez ma o a s n t Tudo nças tec mem de ejamen calas cad n a o . s a mud mo, o h ole e pl ão em e lógicos o s ç r o me m cont e produ ciais e ec u d o h s nen ilidade micos, b i poss os econô x refle


coromo um do c o d i b e c tal per z: tu o ambien pode ser i de Lavoisier di A questã m que vivemos e lorou como a L ial o homem exp ae t a e m n e t la p is O str ms sciocorre u a revolução indu jamento ou con a. e po, onde om plan istem orma. C qualquer ente nosso ecoss zações m e s se transf is a i r o cruelm fazer e as organ sos natu d r u la c a e b r a s ão o e o que tem te muito para s ociedade ainda s , o ã ç a z i ent robalmen a da s oje há re grande problem ensidade que o p h a d n i A t se anha e in ebem es que perc omparadas a tam ec poucas s . stabelece lema se e

Biônica definição

Biônica éa que de m disciplina que su rg an soluções eira mais teóric iu em meados d a e meto o século para pro dológica XX blemas p Com a b v r is ojetuais iônica to a encont n r rar a n definição ou esse t natureza ipo de p . mais cor es r ções nat urais vis eta seria: “Estud quisa mais objet ivo o a n dos siste d estrutura mas e or , a is e form o analisar e recu ga p ais para humano aplicá-la erar soluções fu nizas através n s cionais, a d re a objetos e sistemas geração de tecno solução de prob lemas logias e c de objeto oncepçã s.” o de


Sépalas do Calice da corda

Estudos em biônica Animal e Planta Selecionados Vespa A vespa é inseto que pertence á ordem dos Himenópteros e suborder Apocrita aquele não é abelha nem formiga. O suborder Symphyta inclui vespões e vespas de madeira, que diferem dos membros de Apocrita tendo uma conexão mais larga entre mesosoma e metasoma. Além do que isto, Symphyta larvas seja na maior parte herbívoro. Neste Inseto foram encontrados três mecanismos interessantes: as asas, a mandíbula e as articulações das patas. Onde resolvemos trabalhar com os mecanismos das asas.

Asas Dois pares de assa, posteriores e interiores ligadas

Flores isoladas

Estrutura do Fruto

Invólucro de brácteas

Ponte do fruto

Pericarpo

Flor isolada zigmarfas Pétalas que formam a lingua

Papilas Grossas

Tubos Polícos

Mandíbula Mandibulas: Poderosas usadas para dilaserar e corta comida e assentar o material para os novos ninhos

Papus aquênio

Fundo da corola

Popus Interalo entre a papus e a fruta

Tubo de Base da pétala

Gineceu aonde estam as sementes

Dente de leão Conhecido popularmente como Dentede-leão, esta planta pertence a um grupo de várias espécies do gênero botânico Taraxacum das quais a mais disseminada é a Taraxacum officinale. Nesta planta encontrou-se os seguintes mecanismos: os emcaixes das sementes e a distribuição de peso das plumas que carregam a semente.


Produtos Similares

Dente de leão rte e tipo de espo Para quedas, ansderado um tr si n o c m é b tam coloa função de porte que tem s no chão. car as pessoa

Vespa Alicate Hidráulico, utilizado para trabalhos industriais manuais de impacto, corte e dobras.

e da ness a s n e p a foi adeira e a vesp A escav ovimento qu e nós m qu mesmo uas patas ou s s tem na braço. no temos

o super Produt e uma or inovad enciam na fer total re rata-se de ,t biônica lador da ti um ven esign que xd Phoeni te bate as en literalm asas.

Auto Rebites de Plástico, são usados em forros internos e agem exatamente como os pericarpos do fruto do dente de leão


A partir daqui o projeto surge com o desafio de se conceber uma cafeteira com caracteristicas bi么nicas tanto da vespa como tambem do Dente de Le茫o.

Alternativas:


Alternativas Escolhida Após uma boa avaliação a escolha foi devido a forma fora do comum e quanto a utilização dos mecãnismos biônicos observados.

A conceito da cafeteira conta tambem com bico retratíl que por sua vez tem um sensor onde se tem a possibilidade de usar a charra ou pegar o café diretamente no copo.

A tampa para colocar os ingredientes notoriamente é inspirada nas assa da vespa.

Ela ainda conta com um display TouchScreen onde se exibe informações importantes como a temperatura do café e até mesmo AlwaysCoffe, Aplicativo o qual pode ser instalado em celulares, computadores, notebooks, Tablet, Smartphones e MP3(Ipod), que permite preparar seu café sem precisar tocar na cafeteira.


A partir da década de 60 com a era hippie muitos jovens e principalmente os cientistas começaram um movimento que na época parecia tolo, mas com o tempo foi sendo assimilado e compreendido pelos poderes públicos e a indústria. Por volta dos anos 80 se constituiu o conceito do ecodesenvolvimento, que prega a prática do desenvolvimento sem destruir.

tra es u o as s, o em eir ávei lter nsarim nt e a pe A s s p ste qu ste as. po o a su e e re m çã ais nte oje s á ca pa m ie H ia ês cu os mb a. ar tr eo iv a et e v tre pr dut eio plan ting en a co ssa ro m o de s p s o e n já cifi to so no est o e pe en ces e n id es . c m im pro em vida ure nto ico o m ec ur os rid da ad p nô ad ar g o am um Eco m rn e a icl is o a ra to o qu l o c ma a em ial e a om pa ess íve di situ oc . C ias roc oss ada se o, S tég ja, p o p tá c ade ógic se ínim es ilid col m ento tab o E m sten tos: su stin di


O ponto de vista ecológico consiste em praticas de produção visando o mínimo de desperdício de energia e matéria prima, combinado a um processo de produção que não agrida a natureza e o mínimo de descarte de refugo, unindo ainda um produto ou serviço de longa durabilidade e no caso do produto um descarte eficiente. Na perspectiva social existe a importância da beneficiação da sociedade que a rodeia, seja na produção, os cliente e comunidades que de alguma forma tem contato com o ciclo de vida do produto e ainda as gerações futuras. Na Lado Econômico, se relaciona a empresa que também deve visar lucro.

Na História existem grandes designers que já abraçaram está causa e conseguiram influencias a sociedade, cabe aos futuros formadores de opiniões seguir este legado, dentre eles destacam-se, Victor Papanek que nasceu na Austrália, foi um visionário, um homem a frente do seu tempo, mas mesmo assim ridicularizado pelos colegas,que acreditavam que esta preocupação pela relação do design com o entorno artificial e natural era exagerado. E também gnacy Sachs que é um economista polonês, naturalizado francês. Também é referido como ecossocioeconomista, por sua concepção de desenvolvimento como uma combinação de crescimento econômico, aumento igualitário do bem-estar social e preservação ambiental. O termo ecossocioeconomia foi cunhado por Karl William Kapp, economista de origem alemã e um dos mais brilhantes inspiradores da ecologia política nos anos 1970.


Os Problemas Ecológicos e Sociais na Pré Produção A pré-produção é uma fase critica do processo de produção de um produto, é uma das mais impactantes, se não for a mais, O processo de extração geralmente é realizado sem um planejamento,

O que conseqüentemente causa impactos imprevisíveis aos ecossistemas das regiões, sem contar na falta de planejamento habitacional que não existe na região, resultando em moradias de condições precárias. Um bom exemplo desse problema foi o garimpo de Serra Pelada foi considera o maior garimpo do mundo e hoje é uma favela, ou seja foi uma região que cresceu rapidamente e afundo ainda mais rápido.


is íve a s s o n IA bre os ptilizar olhiR s so s u s esc E T esquisa eríamoteira, o A p d fe M varias que poa de ca : ós s inh Ap teriai da l intes u o ma duçã s seg O Plástico Verde pro são o s Como material sustentável, decidiu-se utilizar do o d plástico verde ou polímero verde, que se trata de polietileno fabricado a partir do etanol da cana de açúcar, e 100% baseado em matéria prima renovável. Essa tecnologia pode absorver o CO² da atmosfera e transformá-lo em plástico. o relogio da foto é um exemplo de produto ja produzido com este material.

Por se tratar de um material muito resistente, leve e de tempo de vida muito duradoura, a fibra de carbono além de apresentar sua beleza, dando um formato de um xadrez nas cores preto e cinza, dará um charme e requinte a mais na cafeteira, o que atraíra o público alvo que desejamos. Ela revestirá a cafeteira em torno de 40%, assim será então muito visível.

Analise de Ciclo de Vida do Produto

IS

vidro borossilicato muito utilizado em laboratórios químicos e utensílios de cozinha, este vidro é muito resistente a calor, produtos químicos e também contra choque térmicos. O vidro é fabricado igual ao vidros comuns, mas é adicionado o Boro. Por ele ser muito resistente a diversas variações que ocorrem com uma jarra de café foi o principal motivo da escolha desse material.


Transporte da Matéria Prima Para um meio de transporte correto, que seja o menos poluente possível, é viável que as fabricas sejam instaladas pertos das suas matérias primas para reduzir gastos, tempo, distâncias e assim colabora também o meio ambiente. O ideal é fazer fábricas e seu fornecedor no mesmo país e mais próximo possível. Se for nessa forma o meio de transporte dos materiais é viável via transportes terrestres. Para pequenas e médias distâncias o caminhão. Utilizando caminhões novos que seguem os padrões de diminuição de poluentes. Com sistema de diminuição de gases e usando combustíveis alternativos como o biodiesel presente nos dias atuais.

A

de éc.O ia l çar, ças r Injeção é uma t e em for e mater . e o p ã ç d é t o u o prod ção da Molde p or injeçã sicamen entrada rocesso p a a u p , Prod o verde ldagem onsiste b orosca), lde. Este e afetam o c o n u ic Plást sso de m em que ples (mo de um m riáveis q rocesso a g e e v m um p de deproc e molda rosca si cavidad ero de e s r a e a d m t nica s de uma nterior d ão do nú odo a ob a qualid etros i é m ç m atrav o para o em fun da. De m peças co os parâ lde e d e o a i o r t fund complex eça inje estável e íbrio ent ra do m po p u l m o o t i t a ã a i t u per alque, e mu lidade d or injeç um eq m e t c , r p a a qu ldagem rio have e injeção eção e re . j á o o d de m é necess tempo são de in l injetad o a s a i e d seja eção com tado, pr o mater d j je de in terial in , volume a o do m friament s de re


eob com ura. c t o on ordo estru s e b r c a a e c de a a da ecid o d e u s o r q od bra , tud da á ão a or t r fi p s to e te ca s d lmen em onos orme ar, fa a a lh a s b e st if ma anu fibra e car a un las d a ne s e c a o, das m retas ras d form rtícu ológi ício s s a d r e a b e c r roc icion as co de fi da d e as p ade e espe p a s s d as o rs go lid o d lon são p cação amad dispe inam sabi tand n i m i c m li é u epóx a ap , as ina é m eli respo te, ev o s r o uçã sina a pa ressã A re ambé eças. ocien d . o e p de r p ,t ac em pr A pela esqu e alta mol lado e das form s d ro o rta hado has d ro d cont ilida a de al ol o nt im ab det do b as de vácu dur ia pr ados. e g er an id ze Us prim vés d igide met s refu r ra da ai com ro at para ção ateri m ad te iza qu rtan util o os po da nd im vem iliza ut e fas re re p sem

Moldagem de Fibra de Carbono

uti a d un m de g e s ge ma a via duto u te ro ar lien ala p ra o p c i o r a ma m tro v to. a t u u li n ibi ia de o de prod s s o r o tã ir p ui se o. En ção a u q a te ut seg on estão prod al pro c e t g cia A su lar ao rá to n ê a i . gem tend agem a sim ue tr a l q a a l c mb ente emba esti olha E b a alm a com ico ra Atu e pa édio plást m ad lid nho m um a e tam lvido o env


Distribuição Devido aos grandes esforços da empresa para tornar o produto altamente sustentável, a cafeteira tornouse excessivamente durável, devido aos materiais no mínimo extraordinários o que acabou resultando em preço não muito acessível e dificultando a possibilidade de intermediários entre a indústria e o consumidor final. A medida tomada foi realizar a venda exclusivamente pela internet e utilizar este único meio para divulgação do produto.C

Uso e Descarte

Para atender um serviço correto e sustentável, o produto terá seu tempo de validade que é de no mínimo 15 anos de uso. Essa data será impressa e também programada no produto, o qual com um sistema de cadastramento feito na empresa relata quais os produtos que estão com suas validades vencidas para fazer a reciclagem do material já utilizados. Assim a empresa compromete quase que 100% de sustentabilidade do produto, podendo reciclar ou dar um fim em materiais que não podem ser reciclados de forma que não afete ao meio ambiente.

Após um longo período de uso e quando a troca dele for realmente necessária, a empresa recebera seu produto como parte de pagamento, formando assim um relacionamento solido com o cliente. aAs possíveis utilidades dos produtos recolhidos seriam de utilizar a peças em novos produtos e o que estiver ultrapassado utilizar em estudo e concurso culturais com os próprios com crianças carentes, em oficinas de personalização.


Fixa Técnica. Voltagem: bi volt automático Dimensões: 480 x 280 x 350 mm Características: : A cafeteira pode ser utilizada tanto para servir em jarra quanto em xícaras. - Tela LCD - Tela TouchScreen (Sensível ao toque) - Prepara café e Expresso. - Wi-Fi AlwaysConnect (conectado a internet, possui um sistema o qual funciona com aplicativos.) - AlwaysCoffe (Aplicativo o qual pode ser instalado em celulares, computadores, notebooks, Tablet, Smartphones e MP3(Ipod), que permite preparar seu café sem precisar tocar na cafeteira. ) - Sistema de aquecimento rápido - Manter a temperatura - Alerta luminoso e Alarme quando finalizado o produto - Alerta luminoso e alarme quando detecta o reservatório na reserva. - Reservatório de 1,5L - Reservatório pó de café 800g - Programador.

Outros exemplos De Sustentábilidade

Marca Corporativa

A construção civil é o segmento que mais consome matérias-primas e recursos naturais no planeta, além de ser o terceiro maior responsável pela emissão de gases poluentes à atmosfera. Assim está área é uma das que mais necessita de planejamento e que ainda por utilizar de vários materiais para funções variadas, sempre pode existir a possibilidade de utilizar uma matéria prima diferente as quais seriam apenas para demolição em outro seguimentos.


Cristopher Martins

Rafael Soares

Juliano Borschi Guilherme minoru


Ideia de Girico