Issuu on Google+

TAREFA 1 - INTRODU„…O

Turma: a, b e c

r Tr t P ia D l F

Escola: ETEC DE SAPOPEMBA Nome completo: Rafael Vitor Mor€es Alves Professor (a): CLAYTON MARCELO BARONE E-mail: claytonesp@gmail.com Disciplina: L•ngua Portuguesa T•tulo do Roteiro: Odisseia: o her‚i no sƒculo XXI Compartilhar com outros professores (sim/n€o): N€o Data de in•cio da atividade (dd/mm/xxxx 11:22:33): 25/05/2013 Data de tƒrmino da atividade (dd/mm/xxxx 11:22:33): 27/05/2013 Alunos alocados: 1A, 1B e 1C Ano: 2013

Quando ouvimos falar de um filme ƒpico, imediatamente visualizando cenas de batalhas grandiosas, com a presen†a de her‚is destemidos, defendendo valores como a honra e a justi†a. Por sua vez, quando se trata de um filme rom‡ntico, sabemos que provavelmente veremos cenas l•ricas, em que as emo†ˆes estar€o presentes. Por que fazemos essas liga†ˆes? O que nos leva a associar o ƒpico a cenas de luta espetaculares e o l•rico aos sentimentos?

Pe

Responda : ‰ por causa do censo comum , desde de pequenos somos ensinados que ƒpico sempre vai ser lutas e l•rico sempre vai ser romance e drama .Mas tambƒm tem a rela†€o com nossas memorias pois estamos acostumados a ver esses estilo ligados a esses elemento de caracteriza†€o de linguagens. Apresentados em filmes, textos, imagens ... enfim estamos cercados por conceitos impostos .Mesmo que n€o queira pensar assim vocŠ vai pensar assim.

eX

TAREFA 2 - LEITURA DE IMAGEM

Fonte: http://www.google.pt/imgres? 1) A foto nos mostra o momento em que Frodo, o her‚i de O Senhor dos anƒis, chega ao topo da Montanha da Perdi†€o. L‹ ele deve destruir o Um anel e livrar a terra-mƒdia da amea†a de


ser dominada por Sauron, o Senhor das Trevas. Qual ƒ a aparŠncia do her‚i nesse momento? O que essa aparŠncia sugere sobre a jornada de Frodo? Resposta: Sua aparŠncia e de cansa†o e satisfa†€o pois finalmente conseguiu por fim a sua jornada por terra-mƒdia , ap‚s ter passado por varias lutas e dificuldades .

2) Leia uma defini†€o de her‚i:

r Tr t P ia D l F

[...] individuo notabilizado por seus feitos guerreiros, sua coragem, tenacidade, abnega†€o, magnanimidade, etc. Dicion‹rio Houaiss da l•ngua portuguesa. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001. (Fragmento)

eX

Pe

Agora observe as imagens e responda a quest€o a seguir:

a) Que caracter•sticas em comum unem esses her‚is a Frodo?

Resposta: Todos eles tiveram de lutar por ideal durante bom tempo para poder vencer seu oponente . E desenvolve-se em v‹rios aspectos como autoconfian†a , maturidade ,astucia e lideran†a ,mais n€o foi conquistado do dia para noite ,um exemplo, e o de Harry Potter a serie come†a quando ele ainda tem dez anos e tem fim aos dezoito anos , quando se torna um homem .Isso ƒ ,temos de compara tais feitos com a vida real, para termos exemplos de for†a e garra, de modo que obtenhamos que visamos em nossas vidas.

TAREFA 3 - LEITURA DA IMAGEM PARA O TEXTO 3) Observe o v•deo, o trecho selecionado e o questionamento abaixo: Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=CRdX3pQpFXQ IRA! RECEITA PARA SE FAZER UM HERŒI (Psicoac•stica)


Toma-se um homem Feito de nada como n‚s Em tamanho natural Toma-se um homem Feito de nada como n‚s Em tamanho natural Embebe-se-lhe a carne De um jeito irracional Como a fome, como o ‚dio Embebe-se-lhe a carne De um jeito irracional Como a fome, como o ‚dio Depois, perto do fim Levanta-se o pend€o E toca-se o clarim E toca-se o clarim Fonte: http://letras.mus.br/ira/46411/

r Tr t P ia D l F

No disco Psicoac•stica (1988), o grupo Ira! Musicou o poema de Reinaldo Ferreira, “Receita para se fazer um her‚i”, com algumas modifica†ˆes na letra. Nele, questiona-se a vis€o da guerra como o espa†o de consagra†€o dos her‚is. Estas caracter•sticas de questionamento seriam poss•veis na ƒpoca em que a Il•ada e a Odisseia foram escritas?

4) Se vocŠ fosse um super-her‚i ou uma super-hero•na, quais seriam os seus poderes especiais? Resposta : Intangibilidade, invulnerabilidade ,imortalidade , regenera†€o instant‡nea

Pe

TAREFA 4 - DO TEXTO PARA PESQUISA

eX

5) Agora a nossa jornada pelo conhecimento Liter‹rio vai ampliar. Leia estes textos nos links abaixo do portal Click-ideia (fa†a pesquisas) sobre Grƒcia Antiga, promovendo uma grande reflex€o/investiga†€o sobre: organiza†€o econ•mica, pol•tica e social dessa sociedade e integrar esses aspectos ‘ vida religiosa, cultural e produza um texto argumentando sobre os seguintes questionamentos: Qual ƒ a origem da palavra mitologia? Em que per•odo surgiu ‘ mitologia grega? Qual era a finalidade dessas hist‚rias? Como eram transmitidas? Quais suas principais caracter•sticas? E seus principais personagens? Como se comportam os deuses nessas hist‚rias? O que aprendemos com elas? Links: Cultura Grega: http://www.clickideia.com.br/portal/mostrarConteudo.php?idPagina=1957 Os deuses gregos: http://www.clickideia.com.br/portal/mostrarConteudo.php?idPagina=2855 Os gregos e sua cultura: http://www.clickideia.com.br/portal/mostrarConteudo.php?idPagina=20782


Mitologia

r Tr t P ia D l F

Os gregos criaram v‹rios mitos para poder passar mensagens para as pessoas e tambƒm com o objetivo de preservar a mem‚ria hist‚rica de seu povo. H‹ trŠs mil anos, n€o havia explica†ˆes cient•ficas para grande parte dos fen•menos da natureza ou para os acontecimentos hist‚ricos. Portanto, para buscar um significado para os fatos pol•ticos, econ•micos e sociais, os gregos criaram uma sƒrie de hist‚rias, de origem imaginativa, que eram transmitidas, principalmente, atravƒs da literatura oral. Grande parte destas lendas e mitos chegou atƒ os dias de hoje e s€o importantes fontes de informa†ˆes para entendermos a hist‚ria da civiliza†€o da Grƒcia Antiga. S€o hist‚rias riqu•ssimas em dados psicol‚gicos, econ•micos, materiais, art•sticos, pol•ticos e culturais.

Entendendo a Mitologia Grega.

eX

Pe

Os gregos antigos enxergavam vida em quase tudo que os cercavam, e buscavam explica†ˆes para tudo. A imagina†€o fƒrtil deste povo criou personagens e figuras mitol‚gicas das mais diversas. Her‚is, deuses, ninfas, tit€s e centauros habitavam o mundo material, influenciando em suas vidas. Bastava ler os sinais da natureza, para conseguir atingir seus objetivos. A pitonisa, espƒcie de sacerdotisa, era uma importante personagem neste contexto. Os gregos a consultavam em seus or‹culos para saber sobre as coisas que estavam acontecendo e tambƒm sobre o futuro. Quase sempre, a pitonisa buscava explica†ˆes mitol‚gicas para tais acontecimentos. Agradar uma divindade era condi†€o fundamental para atingir bons resultados na vida material. Um trabalhador do comƒrcio, por exemplo, deveria deixar o deus Hermes sempre satisfeito, para conseguir bons resultados em seu trabalho. TAREFA 5 - A OBRA: ODISSEIA O texto que vocŠ leu ƒ uma adapta†€o da obra cl‹ssica Odisseia, escrita em versos por Homero com base em mitos e lendas contados oralmente entre os povos gregos antigos. Hoje em dia, os her‚is da fic†€o, isto ƒ, criados pela imagina†€o, est€o na TV, nas hist‚rias em quadrinhos, no cinema, nos jogos de v•deo game. Vamos montar um HQ com alguns trechos da obra Odisseia. VocŠ dever‹ eleger um trecho da obra e organizar as ideias deste trecho, n€o precisa ser igual ao fato da narrativa, mas trabalhar a essŠncia com contextos na atualidade. Fa†a seu gibi pelo Word, depois fa†a a convers€o para PDF, publique no site ISSUU (http://issuu.com/home) e por •ltimo passe para o click ideia pela linguagem HTML (apenas copie o c‚digo HTML) clicando na seguinte pasta e copiando o c‚digo, ele vai aparecer automaticamente. Para ajudar segue um endere†o do tutorial sobre o site ISSUU: http://redebibsintra.wikispaces.com/file/view/Tutorial_Issuu.pdf


eX

Pe

r Tr t P ia D l F

Obs.: esta parte deve estar no pr‚prio roteiro de atividades. Deixo claro sobre o processo, pois este aprendizado deve ser todo online. N₏o aceitarei nada impresso


odisseia documento