Issuu on Google+

w w w . p s d b s a n t o s . c o m . b r

M arço 2012 - A n o 2 - N º 4 DISTRIBUIÇ Ã O GR AT U ITA investimento estadual

Governo do Estado confirma início das obras do VLT Governador Geraldo Alckmin anunciou o início das obras do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) ainda este ano, no trecho que interligará Santos a São Vicente. A etapa incial terá custo de R$ 690 milhões, valor que será assumido integralmente pelo Governo do Estado. Págs. 3

CIETE SILVÉRIO

Sonho realizado: campus da USP em Santos inicia atividades Pág. 6

Governador Alckmin e Paulo Alexandre trouxeram a USP

Mercado de Peixe terá obras com emenda de Paulo Alexandre Pág. 5

Reforma vai tornar o mercado uma atração turística

Santa Casa recebe recurso para aparelho de combate ao câncer Pág. 16

Paulo Alexandre já liberou R$ 5 milhões para o hospital

Governo do Estado contribuiu para obras turísticas em Santos com recursos do Fundo Dade


w w w . p s d b s a n t o s . c o m . b r

M arço 2012 - A n o 2 - N º 4 DISTRIBUIÇ Ã O GR AT U ITA investimento estadual

Morros de Santos recebem cursos profissionalizantes do Estado O secretário de Desenvolvimento Econômico, Paulo Alexandre Barbosa, implantou cursos do Via Rápida Emprego no Morro Nova Cintra, em parceria com a Paróquia São João Batista. A capacitação também vai atender as comunidades do São Bento e Vila Progresso. Pág. 9

Novo Bom Prato vai atender morros e Zona Noroeste Pág. 14

Imagem ilustrativa da futura unidade do Bom Prato

Escola Técnica inicia atividades no Saboó com cursos portuários Pág. 8

Nova Etec vai capacitar profissionais para o Porto de Santos

Santa Casa recebe recurso para unidade de combate ao câncer Pág. 16

Paulo Alexandre já liberou R$ 5 milhões para o hospital

Governo do Estado financia mapeamento de áreas de risco dos morros santistas


w w w . p s d b s a n t o s . c o m . b r

M arço 2012 - A n o 2 - N º 4 DISTRIBUIÇÃ O GR AT U ITA investimento estadual

Bom Prato da Zona Noroeste já tem endereço definido Restaurante popular será instalado na Av. Nossa Senhora de Fátima, 517, e vai atender moradores da Zona Noroeste e morros, que terão café da manhã completo a R$ 0,50, almoço a R$ 1, cursos do Via Rápida Emprego e acesso gratuito à internet. Pág. 14

CIETE SILVÉRIO

Sonho realizado: campus da USP em Santos inicia atividades Pág. 6

Governador Alckmin e Paulo Alexandre trouxeram a USP

Escola Técnica começa a funcionar no Saboó com cursos portuários Pág. 8

Nova Etec vai capacitar profissionais para o Porto de Santos

Santa Casa recebe recurso para aparelho de combate ao câncer Pág. 16

Paulo Alexandre já liberou R$ 5 milhões para o hospital

Zona Noroeste é uma das regiões que mais crescem com investimentos do Governo do Estado


2

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

EDITORIAL

w w w. p s d b s a n t o s . c o m . b r

45 LIGAÇÃO METROPOLITANA

Santos cresce com obras e investimentos do Estado

Túnel Santos-Guarujá já tem verba para construção em 2013

Santos vive um dos seus melhores momentos econômicos. Nas ruas, grandes obras públicas e privadas confirmam que a cidade respira desenvolvimento. Os bons indicadores sociais do município reforçam a confiança do santista. Com Serra e Alckmin, a cidade obteve as suas maiores conquistas. Porém, sabemos que ainda há muito a ser feito para que Santos avance nos seus projetos e metas. O PSDB tem orgulho de contribuir com esse bom resultado. O partido participa diretamente das ações nas áreas habitacional (Cohab) e social (Secretaria de Assistência Social) do município. Um trabalho que tem o apoio dos quatro vereadores tucanos. Somos a 2ª maior bancada da Câmara e fazemos parte da base de apoio ao prefeito João Paulo Papa. O Governo do Estado, representado pelos santistas Paulo Alexandre Barbosa e Bruno Covas, é, indiscutivelmente, o maior colaborador de Santos. As principais realizações municipais contam com recursos estaduais. Hoje, seria praticamente impossível imaginar a cidade sem esses investimentos. Nesta edição, destacamos algumas dessas ações. Para 2012, temos novos desafios. Por isso, contamos com a sua confiança para vencê-los. Mais do que um parceiro, o PSDB é parte integrante de um projeto vitorioso que levará Santos a voos cada vez mais altos.

Governo do Estado abriu licitação do projeto executivo da obra que ligará as cidades de Santos e Guarujá. Previsão de entrega do túnel: dezembro de 2016

PSDB Notícias é produzido pelo Instituto Teotônio Vilela de Santos

R$

1,3 BILHÃO

Túnel imerso vai transpor o Canal do Estuário e interligar as duas cidades, com projeto prevendo o acesso para o VLT A Dersa já abriu a licitação do projeto executivo da obra do túnel Santos-Guarujá. O prazo de construção é de 18 meses, a partir da emissão da nota de serviço, o que deve ocorrer no 1º semestre de 2013.

A conclusão está prevista para 2016. O governador Geraldo Alckmin também reservou dinheiro no orçamento estadual para a execução do túnel, orçado em R$ 1,3 bilhão. Há mais de 60 anos,

o engenheiro Prestes Maia já defendia pelo menos três ligações entre as cidades. “Nenhum outro projeto lançado anteriormente chegou nesta fase. É mais uma demonstração de compromisso do Governo

do Estado com o desenvolvimento da Baixada”, disse Paulo Alexandre Barbosa, que criou a Frente Parlamentar em Defesa da Ligação Seca Santos-Guarujá, para discutir e viabilizar a ligação.

Ciclistas e pedestres terão faixas exclusivas no túnel O túnel será construído em concreto armado com profundidade mínima de 21 metros e 900 metros de extensão, com três faixas de rolagem por sentido. A passagem de veículos comportará automóveis, caminhões e até uma linha de

VLT (Veículo Leve sobre Trilhos). Em atendimento à reivindicação apresentada na audiência pública realizada pela comissão presidida por Paulo Alexandre, o projeto contempla uma faixa exclusiva para pedestres e ciclistas.

Deputado criou a Frente Parlamentar que acompanha a obra Diretório Municipal - Comissão Executiva: Presidente: Fábio Ferraz; 1º Vice Presidente: Edmon Atik Filho; 2º Vice Presidente: Felipe Lascane Neto; Secretária: Mirian Aparecida Della Casa; Tesoureiro: Andrea Regina Lobo; Tesoureiro Adjunto: Jeferson Novelli de Oliveira; Coordenador de Relações Institucionais: Maurício Queiroz Prado; Coordenador Jurídico: Mauro Haddad Nieri; Coordenador Comunicação: Paulo Roberto de Souza Schiff; Coordenador Secretariados: Rogério Plácido das Neves; Líder da bancada: Vereador José Lascane. Diretor ITV: Juan Manuel Villarnobo Filho - Mandy Jornalista responsável: Natália Monteiro; Programação Visual: F. Tatsubô. Fotos: Governo do Estado, CDHU, Sabesp, Andrea Lobo, Raimundo Rosa e Wendel Martins. Contato: psdb-santos@uol.com.br; Tiragem: 5 mil exemplares; Diretório: Rua Barão de Paranapiacaba, nº 159, Santos/SP - Tel: (13) 3326-1045. Site: www.psdbsantos.com.br. E-mail: psdb@psdb45santos.com.br. (Os artigos assinados são de total responsabilidade de seus autores, não expressando a opinião do jornal)


www.ps dbs a ntos.c om. b r

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

45

3

TRANSPORTE METROPOLITANO

Governo do Estado confirma início das obras do VLT ainda este ano Primeiro trecho do VLT entre Santos e São Vicente começa este ano. Previsão de conclusão é para novembro de 2013 Redução do tempo de viagem de 1 hora para 35 minutos; espera de apenas seis minutos na plataforma de embarque; e bilhete integrado que permite utilizar mais de um meio de transporte, pagando somente uma passagem. Tudo isso e muitas outras vantagens estão previstas no projeto do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT). No trecho entre o Porto de

R$ 690 MILHÕES

Santos e o Terminal Barreiros, em São Vicente, as obras serão iniciadas até o final do ano. Em novembro de 2013, o VLT estará pronto para testes. “O custo desta fase é de R$ 690 milhões e será assumido integralmente pelo Governo do Estado”, disse o deputado Paulo Alexandre Barbosa após se reunir com o governador Geraldo Alckmin para discutir o projeto.

Primeiro trecho do VLT (em laranja) será entre Santos-SV

Nas plataformas, os passageiros vão esperar, em média, seis minutos para a chegada do trem

CRONOGRAMA DO VLT Projeto executivo: julho de 2012 Pré-qualificação: abril de 2012 Início das obras: até o final de 2012 Edital para compra do trem: até o final de 2012

DESENVOLVIMENTO ESTRATÉGICO

Baixada se prepara para o futuro R$ 661 MIL

Boom imobiliário em Santos decorre das perspectivas geradas pela atividade petrolífera Como crescer e gerar riquezas para a população, sem aumentar as desigualdades sociais ou comprometer a qualidade de vida? É a partir des-

se questionamento que a Baixada Santista se prepara para os desafios urbanos dos próximos anos. O primeiro passo foi a elaboração do Plano Me-

tropolitano de Desenvolvimento Estratégico, contratado pela Agência de Desenvolvimento (Agem) mediante convênio com a Secretaria de Desenvolvi-

Paulo Alexandre e prefeito Papa: desenvolvimento integrado mento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado. Ao custo de R$ 661 mil, o estudo subsídiará ações de combate à especulação imobiliária e prevenção de

riscos ambientais. “É um trabalho que deve guiar os projetos dos atuais e próximos gestores municipais”, explicou o secretário Paulo Alexandre Barbosa.


4

w w w. p s d b s a n t o s . c o m . b r

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

45

RESTAURO

Museu de Pesca será acessível às pessoas com deficiência R$

1,5 MILHÃO

Prédio tombado pelo Condephaat ganhará nova pintura da fachada, acessibilidade para cadeirantes e outras obras que vão melhorar a infraestrutura

Deputado Paulo Alexandre Barbosa intercedeu junto ao governador e conseguiu a liberação de R$ 1,5 milhão para restauro do museu As pessoas com deficiência poderão exercer o direito de visitar o Museu de Pesca de Santos, sem qualquer tipo de constrangimento. A acessibilidade do prédio está prevista no projeto de restauro A verba de R$ 1,5 milhão para reforma foi liberada pelo governador Geraldo Alckmin, a pedido do deputado Paulo Alexandre Barbosa. Em março, serão concluídas a recuperação do telhado e a pintura da fachada.

“O governador tem um carinho especial pelo museu, pois o seu pai foi um dos seus administradores e fundadores quando morou em Santos. Com o restauro, o museu ficará muito mais interativo”, ressaltou Paulo Alexandre. Serviço O Museu de Pesca de Santos fica na Avenida na Bartolomeu de Gusmão, 192, na Ponta da Praia. Tel.: 3261-5995.

Alckmin tem um grande carinho pelo museu: seu pai administrou e foi um dos fundadores

INVESTIMENTOS COM DINHEIRO DO GOVERNO DO ESTADO POUPATEMPO R$ 56,2 MILHÕES

Capacidade para prestar 5,5 mil atendimentos diários, e 121 mil mensais. Oferece cerca de 250 serviços públicos, prestados por dez órgãos, além do Acessa São Paulo (acesso gratuito à Internet).

AME – Bairro Aparecida Ambulatório Médico de Especialidades

R$ 24,6 MILHÕES

(investimento/custeio (2007/2010)


www.ps dbs a ntos.c om. b r

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

45

REVITALIZAÇÃO

5

Paulo Alexandre consegue verba para obras no Mercado de Peixes R$ 700 MIL

Mercado da Ponta da Praia é um dos pontos mais visitados pelos santistas e, com as obras, será também um novo atrativo turístico para a cidade. Ao lado, a planta baixa do novo mercado

Inaugurado pelo ex-prefeito Paulo Gomes Barbosa, em 1982, prédio será revitalizado com dinheiro liberado pelo deputado A cidade ganhará um “novo” Mercado de Peixes com a reforma que será realizada com a verba de R$ 700 mil da emenda parlamentar do deputado Paulo Alexandre Barbosa. O dinheiro já foi liberado. Falta agora a Prefeitura licitar a obra. Além de serviços elétricos, hidráulicos e da recuperação estrutural do imóvel, está prevista a construção de lanchonete

para venda de petiscos do mar. Outra novidade será a montagem de um painel com motivos marinhos. O Mercado da Ponta da Praia foi inaugurado em 16 de janeiro de 1982 pelo saudoso prefeito Paulo Gomes Barbosa, pai de Paulo Alexandre. “É uma obra que está no coração dos santistas. Com a revitalização, o local também será uma atração turística”.

Em uma das suas visitas à região, Alckmin atendeu o deputado e liberou a verba para o mercado

INVESTIMENTOS COM DINHEIRO DO GOVERNO DO ESTADO BONDE TURÍSTICO R$ 5,9 MILHÕES

(restauro e ampliação de linha)

REURBANIZAÇÃO DO CENTRO HISTÓRICO R$ 1,1 MILHÃO

PROGRAMA ONDA LIMPA R$ 1,4 BILHÃO

(investimento em obras de saneamento ambiental com tratamento e coleta de esgoto em toda a Baixada Santista)


6

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

w w w. p s d b s a n t o s . c o m . b r

45

ENSINO SUPERIOR

O sonho foi realizado: USP já tem campus funcionando em Santos R$ 3,5 MILHÕES

Aulas do curso de Engenharia de Petróleo já são realizadas no prédio cedido pelo governador na antiga EE Cesário Bastos, na Vila Mathias

Com cursos de graduação, especialização e mestrado, a USP é vínculada à secretaria comandada pelo deputado Paulo Alexandre Por décadas, o santista sonhou em contar com uma das melhores universidades públicas do mundo. Com o início das aulas do curso de Engenharia de Petróleo, a conquista pode ser finalmente comemorada. A instalação do campus da USP na cidade teve a participação do deputado Paulo Alexandre Barbosa, no comando Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia. “A USP vai formar profissionais qualificados e

produzir pesquisas para o desenvolvimento sustentado da Baixada”, disse Paulo Alexandre, destacando também a implantação do Instituto Oceanográfico no Porto de Santos. O campus vai oferecer cursos de graduação, especialização e mestrado, no prédio da EE Cesário Bastos. O imóvel está sendo restaurado ao custo de R$ 3,5 mihões. A USP irá ainda construir mais uma sede no terreno da antiga garagem de bondes, ao lado da escola.

Paulo Alexandre participou das negociações que resultaram na conquista do campus da USP

INVESTIMENTOS COM DINHEIRO DO GOVERNO DO ESTADO REURBANIZAÇÃO E CICLOVIA DA ORLA DA PRAIA R$ 17,8 MILHÕES

COMPLEXO ESPORTIVO ARENA SANTOS R$ 13,1 MILHÕES


www.ps dbs a ntos.c om. b r

HOSPEDARIA DOS IMIGRANTES

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

45

7

Fatec da Hospedaria será uma das maiores e melhores do Estado R$

30 MILHÕES

9 em cada 10 ALUNOS das

Fatecs são

CONTRATADOS ainda no primeiro ano de formatura

Depois de vários anos de abandono, prédio da Hospedaria dos Imigrantes será totalmente restaurado, com obras ao custo de R$ 30 milhões

Paulo Alexandre confirmou as obras de restauro da Hospedaria para o mês de abril. E a criação do curso de Petróleo e gás A antiga Hospedaria dos Imigrantes vai abrigar uma das maiores e melhores Faculdades de Tecnologia (Fatec) do Centro Paula Souza, no Estado. O prédio da Rua Silva Jardim, 95, na Vila Mathias, será totalmente restaurado pelo Governo do Estado.

As obras serão concluídas em 2013, com investimento de R$ 30 milhões. A Fatec Rubens Lara ocupará o imóvel de 10 mil metros quadrados de área construída. “Teremos mais de 3 mil estudantes. Atualmente, atendemos 1.400 alunos no imóvel da Ponta

da Praia”, explicou o deputado Paulo Alexandre Barbosa, que viabilizou o restauro pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia. “Há anos, a área estava abandonada e degradada. Com o apoio do governador Geraldo Alckmin, retomamos o imóvel. Será uma intervenção que ajudará na revitalização da região e no desenvolvimento de nossa cidade”.

Paulo Alexandre: “prédio restaurado vai revitalizar a região”

INVESTIMENTOS COM DINHEIRO DO GOVERNO DO ESTADO POLIESPORTIVO DALE COUTINHO R$ 1,8 MILHÃO

(1ª etapa)

CENTRO TURÍSTICO CULTURAL E ESPORTIVO MORRO DO SÃO BENTO R$ 1,5 MILHÃO

(1ª etapa)


8

w w w. p s d b s a n t o s . c o m . b r

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

45

ESCOLA TÉCNICA

1ª Etec da Zona Noroeste inicia em março com cursos portuários Aulas serão realizadas na EE Bartolomeu de Gusmão, no Saboó, com cursos do Via Rápida Emprego. Em agosto, terá Técnico em Portos Os moradores da Zona Noroeste não vão precisar mais se deslocar até a Ponta da Praia para estudar em uma Escola Técnica de qualidade. A 1ª Etec da Zona Noroeste vai funcionar a partir de março na EE Bartolomeu de Gusmão, no Saboó. A escola continuará a oferecer os cursos do ensino fundamental da rede estadual. Inicialmente, a capacitação profissional da Etec será na área portuária pelo Via Rápida Emprego. O programa estadual concede auxílio transpor-

te e bolsa de estudo de R$ 330. Em agosto, começa o curso de Técnico em Portos. “Desde 2010, o Centro Paula Souza já oferece a formação técnica em Logística, em cada Secretariado ALUNOS das e AdminisEtecs são tração, na EMPREGADOS EE Zulmira logo no primeiro ano Campos, no de conclusão do curso Castelo”, explicou o deputado Paulo Alexandre Barbosa, que EE Zulmira Campos foi a primeira a receber cursos técnicos do Centro Paula Souza em 2010 viabilizou a Etec e os primeiros cursos na região. EM MARÇO, CURSO DE BELEZA NA Z. NOROESTE

4

Capacitação é fundamental na formação profissional

5

Quem sonha em aprender um oficio na área da beleza ou se especializar na profissão, com professores do Centro Paula Souza, terá uma ótima oportunidade em março. A carreta de Imagem Pessoal, do Via Rápida Emprego, estará na Zona Noroeste para oferecer cursos gratuitos de maquiagem, manicure, depilação e cabeleireiro. Mais informações: www.viarapida.sp.gov.br

INVESTIMENTOS COM DINHEIRO DO GOVERNO DO ESTADO REURBANIZAÇÃO DA PLATAFORMA DO EMISSÁRIO SUBMARINO R$ 5,7 MILHÕES

REURBANIZAÇÃO DO CALÇADÃO DA BASÍLICA DO EMBARÉ R$ 1,3 MILHÃO


www.ps dbs a ntos.c om. b r

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

45

via rápida emprego

9

Cursos do Via Rapido Emprego chegam à comunidade dos morros Governo do Estado vai oferecer cursos profissionalizantes que vão atender os moradores da Nova Cintra, São Bento e Vila Progresso A Nova Cintra vai contar com capacitações profissionais do Via Rápida Emprego. As aulas do curso de Soldagem serão na unidade móvel estacionada na Praça Guadalajara, em frente a Paróquia S. João Batista. O outro curso é o de Logística Portuária, que será ministrado em uma sala cedida pela paróquia. Também está em estudo a oferta de novos cursos nas áreas de prestação de serviço. “O padre Valfran dos Santos prontamente nos atendeu para viabilizar a parceria. Vamos assinar uma parceria com as associações que representam as empresas portuárias e retroportuárias para que os alunos

capacitados nos cursos tenham uma oportunidade de emprego. Os desempregados e os jovens em situação de vulnerabilidade social terão prioridade nas vagas”, explicou o deputado Paulo Alexandre Barbosa.

SAIBA MAIS O Via Rápida Emprego é o maior programa estadual de qualificação profissional do País. Os alunos têm direito a auxílio transporte e material didático. Desempregados também recebem bolsa de estudo, totalizando um benefício de R$ 330.

Paulo Alexandre quer ampliar capacitação nos morros

Serviço: Informações e inscrições para os cursos no site www.viarapida.sp.gov.br.

Padre Valfran dos Santos (detalhe) aprovou a parceria para oferta de cursos no morro

CoNvÊNio

IPT faz mapeamento de áreas de risco nos morros para prevenção de acidentes R$

330 MIL

Durante o período de chuvas, morros permanecem em estado de atenção

Estado repassou recurso para atualização do Plano Municipal de Redução de Riscos Vínculado à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado, o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) está mapeando áreas de riscos para prevenção de acidentes naturais nos morros de Santos. O estudo é financiado pelo Programa de Apoio Tecnológico aos Municípios (Patem), do Governo do Estado.

Ao custo de R$ 330 mil, o levantamento resulta do convênio assinado pelo secretário Paulo Alexandre Barbosa para que a Prefeitura atualize o Plano Municipal de Redução de Riscos da cidade. “É preciso agir com prevenção para garantir a segurança dos moradores e, acima de tudo, salvar vidas”, observou Paulo Alexandre.


10

w w w. p s d b s a n t o s . c o m . b r

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

45

MEIO AMBIENTE

“O grande desafio é estabelecer o equilíbrio” Na Secretaria de Estado do Meio Ambiente, o deputado Bruno Covas defende um novo modelo para o desenvolvimento, a Economia Verde Jornal PSDB Santos Considerando investimentos previstos para a região por causa do pré-sal, como conciliar desenvolvimento e meio ambiente? Bruno Covas - A agenda deste século será centrada na Economia Verde. Tema que o governo de São Paulo está na frente. Já temos até um banco voltado ao fomento da economia com menos carbono. E a possibilidade de instalação de novas empresas, a necessidade de aeroportos e de ampliação do Porto de Santos, o boom imobiliário que já se observa em várias cidades da Baixada, e ao mesmo tempo levando em conta os remanescentes de Mata Atlântica que a região abriga, manguezais, rios e praias deverão seguir esta agenda. Em sua opinião, o que é

importante para tornar o Desenvolvimento Sustentável uma realidade para os municípios brasileiros? Bruno Covas - O grande desafio do mundo moderno é o de estabelecer o equilíbrio entre crescimento econômico e sustentabilidade, ou seja, o desenvolvimento sustentável. Não há desenvolvimento sem respeito à agenda verde, ao cumprimento da legislação ambiental. O futuro que sonhamos, que pretendemos como nação, depende desse justo e necessário equilíbrio. Para alcançarmos esse sonho, precisamos adotar um novo modelo econômico, que é a Economia Verde. São Paulo tem fomentado essa novidade no planejamento de políticas públicas e no incentivo às empresas para adotarem cadeias produtivas sustentáveis. No mu-

nicípio é muito importante medidas de educação ambiental e conscientização. O desenvolvimento sustentável não será alcançado por meio de um projeto ou estratégia, mas por um conjunto de ações públicas e da iniciativa privada, com a participação efetiva da população. O que significa, para o senhor, conciliar desenvolvimento econômico com justiça social e gestão ambiental? Quais os exemplos/ideias que podem contribuir para alcançar essa meta? Bruno Covas - O modelo de desenvolvimento sustentável que estamos buscando prevê crescimento econômico, geração de emprego e renda com preservação ambiental. Com um crescimento sustentável vamos garantir acesso a esses recursos para as fu-

Bruno Covas: “não há desenvolvimento sem respeito à agenda verde” turas gerações, bem como melhorar a qualidade de vida da atual. São Paulo saiu na frente e entendeu que o Brasil é a grande potência ambiental do mundo hoje. Isso significa que devemos planejar e instituir cadeias de produção sustentáveis que respeitem o meio ambiente. Há grande responsabili-

dade de criação de novos empregos. São Paulo busca uma nova vocação na área de produção e tecnologia limpa. Apostar nisso é criar uma janela de oportunidades para que a planta industrial de São Paulo seja diferenciada das outras, porque é limpa. Isso significa agregar valor socioambiental ao produto.

HABITAÇÃO

Sonho cada vez mais próximo Com o apoio do Governo do Estado, Santos amplia seus projetos habitacionais. Para este ano, novas moradias serão entregues

Hélio Hamilton, do PSDB, preside a Cohab Santista

A Cohab Santista está finalizando a construção de 56 casas sobrepostas na Rua Flor Horácio Cirilo, na Zona Noroeste, que vai permitir a retirada dessas famílias que vivem hoje em palafitas do Caminho da Divisa, no Dique. A nova residência, com mais qualidade de vida, terá dois quartos, cozinha, banheiro, área de serviço, água e luz individualizados. Essas famílias, juntam-se a outras 480 que dei-

xaram as palafitas do Caminho São José para o Conjunto da Vila Pelé 2, em janeiro, realizando o sonho de conquistar a casa própria. Ao todo, cerca de 5 mil famílias deverão ser atendidas em projetos tocados pela Cohab Santista nos próximos anos, como parte do Programa Santos Novos Tempos, que vai beneficiar moradores das áreas de riscos na Zona Noroeste. Além dos trabalhos de

construção dos imóveis, a Cohab Santista preocupa-se e desenvolve um trabalho social com os moradores, permitindo uma mudança com segurança. “É importante dar toda a assistência para que essa transferência represente o começo de uma nova vida. Queremos levar qualidade de vida e estabilidade para todos”, explica o diretor-presidente da Cohab Santista, Hélio Hamilton Vieira Júnior.


www.psdbsantos .com . b r

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

45

11

ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA

Pelo 5º ano, Paulo Alexandre é o deputado que mais trouxe recursos Próximo ao governador Alckmin, Paulo Alexandre liberou R$ 25,2 milhões em emendas parlamentares. Para Santos, foram mais de R$ 12 milhões Paulo Alexandre Barbosa foi, pelo 5º ano consecutivo, o deputado que mais destinou verbas de emendas parlamentares para a Baixada Santista. Em cinco anos, foram R$ 25,2 milhões liberados no Estado. A lista inclui 254 entidades sem fins lucrativos atendidas, entre as quais o Cerex, Creche Eurípedes Barsanufo, Cruzada das Senhoras Católicas, Equoterapia, Lar Santo Expedito, Napne e Proeco. O deputado conseguiu

ainda recurso para o Teatro Municipal, Orquidário, Mercado de Peixes e Santa Casa de Santos. Todos os nove municípios da região tiveram emendas liberadas pelo parlamentar. “A interlocução direta com o governador Geraldo Alckmin ajuda no trabalho, que sempre procuro fazer com o apoio dos prefeitos, vereadores e presidentes de entidades sociais”, explicou Paulo Alexandre.

R$ 25,2 MILHÕES

(*)

Mais de 250 entidades assinaram convênios de emendas parlamentares de Paulo Alexandre

LIBERAÇÕES POR PAULO ALEXANDRE BARBOSA 2007 2008 2009 2010 2011

-

R$ R$ R$ R$ R$

3.775.000,00 5.998.400,00 3.658.240,00 4.978.240,00 2.715.000,00

Do total das emendas no Estado, Santos recebeu R$ 12.398,400 (*) valor indicado sujeito à confirmação

1,4 milhão

1,4 milhão

8,14 milhões

9,4

destinados ao Esporte

para o Terceiro Setor

4,1 milhões Imprensa registrou o trabalho e as conquistas do deputado Paulo Alexandre no Estado

2012 - R$ 4.115.000,00 (*) TOTAL: R$ 25.239.880,00

em repasses para a Saúde

aplicados na Cultura

milhões para realização de Obras

254

entidades atendidas

INVESTIMENTOS COM DINHEIRO DO GOVERNO DO ESTADO CONJUNTO HABITACIONAL CRUZEIRO DO SUL II - NOVA CINTRA

CICLOVIA DO CANAL 1 R$ 3,5 MILHÕES

R$ 6,5 MILHÕES

CICLOVIA AV. ANA COSTA R$ 3,2 MILHÕES


12

w w w. p s d b s a n t o s . c o m . b r

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

45

ética na política

Tucanos são destaques na Câmara

Vereadores do PSDB se destacam com projetos e ações para valorização da ética na política, incentivo ao esporte, fomento da economia solidária e defesa dos direitos do contribuinte santista. Conheça alguns desses trabalhos

Há um ano, Sadao Nakai luta pelo Ficha Limpa em Santos

Câmara aprova projeto de Fomento a Economia Solidária

O vereador Sadao Nakai luta há um ano para aprovar, na Câmara de Santos, projeto de lei inspirado na Lei Federal do Ficha Limpa, já em vigência após abaixo-assinado de apoio com 1,3 milhão de adesões. O PL de Sadao proíbe a nomeação, em cargos em comissão, de cidadãos condenados pela Justiça Eleitoral pelos crimes contra o patrimônio público e privado, a economia popular, o sistema financeiro, a administração pública, o meio ambiente, a saúde pública, entre outros. Também barra as pessoas condenadas por tráfico, estupro, assalto e por abuso de poder, racismo, tortura e escravidão. “Espero contar com o apoio dos outros parlamentares para a aprovação

O projeto de lei que cria o programa de Fomento a Economia Solidária foi aprovado em segunda discussão na Câmara de Santos. De autoria do vereador Arlindo Barros, a proposta visa estimular a produção e consumo solidário centrado na valorização do ser humano e não do capital. O projeto levou um ano para ser elaborado após visitas às incubadoras tecnológicas da USP e à Fundação Getúlio Vargas, além de contatos com a UNISOL Brasil (União e Solidariedade das Cooperativas Empreendimentos de Economia Social). Nesse período, foram realizados duas audiências públicas. A proposta teve participação e apoio do Conselho Municipal

Sadao Nakai deste PL, pois com certeza a população já deu o seu aval”, afirmou Sadao. O Ficha Limpa foi conduzido pelo Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) e a Articulação Brasileira contra a Corrupção e a Impunidade (ABRACCI).

www.sadaon ak ai.com .br

Enfiados goela abaixo Que é preciso gerar mais empregos não há dúvida, frente a uma população que se multiplica, à margem do consumo e da produção dos sem-renda. Eles se tornaram sem-casa, sem-comida, sem-escolas, sem hospitais e sem-nada. Porém, as medidas adotadas, de simples redução dos encargos sociais e trabalhistas, pouco indicam nesta direção. É inadmissível que os custos de uma empresa no Brasil sobre a hora trabalhada sejam acrescidos de aproximadamente 104%. Os encargos sociais oneram a produção e não podem ser considerados sua causa direta, desde que todas as empresas sejam administradas com um mínimo de racionalidade e planejamento estratégico. Qual seria a redução do preço dos produtos, e em quanto o empresário reduziria o preço de venda se não pagasse encargos? Nossos produtos adquiririam competitividade no mercado internacional? Haveria uma redução drástica

José Lascane de preço, compatível com a obtida nos encargos? E no mercado interno, essa redução beneficiaria os consumidores? É claro que sim! A carga tributária mostra a presença de um sócio majoritário e improdutivo, o governo, que leva: nos alimentos, 40,3%; nos sapatos, 37,3%; em produtos de higiene e limpeza, 48,7%; em produtos farmacêuticos, 40,2%. O leitor talvez pedisse: seja mais específico dê algum exemplos. Então vamos lá: a carga tributária: que incide no açúcar é de 40,4%, no leite, 33,6%; no arroz 18,1%. Tudo isso goela abaixo do povo brasileiro.

w w w.l as c ane.c om.br

Arlindo Barros do Emprego, Secretaria de Defesa da Cidadania, Fórum da Cidadania, Incubadora de Cooperativas da UniSantos e Cooperdique. “Toda essa costura foi necessária para que o projeto não tivesse falhas na sua execução’, explica Barros.

w w w . a r l in d ob a r r os . c om . b r

Esportistas podem ter isenção em transporte público O vereador Hugo Duppre trabalha para aprovar, ainda este ano, projeto de lei de sua autoria que concede, aos esportistas amadores, gratuidade ou pagamento parcial no transporte público municipal. Com parecer favorável da Comissão de Justiça e Redação, a proposta contempla atletas com renda mensal familiar de até dois salários mínimos. A maioria não tem patrocinador para custear o deslocamento até o local do treino e competições. “O transporte compromete, em média, 30% do salário, o que pode determinar o sucesso ou o fracasso de um jovem com potencial de se tornar um grande atleta”, ressaltou o vereador. Duppre levou ainda a proposta ao deputado Paulo Alexandre Barbosa, para que o Estado

Hugo Duppre possa conceder o benefício no transporte metropolitano e intermunicipal.

www.v e r e a d or h u g od u p p r e . b l og s p ot . c om


w ww.psdbsantos .com.b r

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

45

CALENDÁRIO PRÉ-ELEITORAL 5 de março – segunda-feira 1. Último dia para o Tribunal Superior Eleitoral expedir as instruções relativas às eleições de 2012 (Lei nº 9.504/97, art. 105, caput). 7 de abril – sábado 1. Data a partir da qual todos os programas de computador de propriedade do Tribunal Superior Eleitoral, desenvolvidos por ele ou sob sua encomenda, utilizados nas urnas eletrônicas e nos computadores da Justiça Eleitoral para os processos de votação, apuração e totalização, poderão ter suas fases de especificação e de desenvolvimento acompanhadas por técnicos indicados pelos partidos políticos, pela Ordem dos Advogados do Brasil e pelo Ministério Público (Lei nº 9.504/97, art. 66, § 1º). 9 de maio – quarta-feira 1. Último dia para o eleitor requerer inscrição eleitoral ou transferência de domicílio (Lei nº 9.504/97, art. 91, caput). 2. Último dia para o eleitor que mudou de residência dentro do Município pedir alteração no seu título eleitoral (Lei nº 9.504/97, art. 91, caput e Resolução nº 20.166/98). 3. Último dia para o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicitar sua transferência para Seção Eleitoral Especial (Lei nº 9.504/97, art. 91, caput e Resolução nº 21.008/2002, art. 2º). 26 de maio – sábado 1. Data a partir da qual é permitido ao postulante à candidatura a cargo eletivo realizar propaganda intrapardidária com vista à indicação de seu nome, vedado o uso de rádio, televisão e outdoor, observado o prazo de 15 dias que antecede a data definida pelo partido para a escolha dos candidatos (Lei nº 9.504/97, art. 36, § 1º). 5 de junho – terça-feira 1. Último dia para a Justiça Eleitoral enviar aos partidos políticos, na respectiva circunscrição, a relação de todos os devedores de multa eleitoral, a qual embasará a expedição das certidões de quitação eleitoral (Lei nº 9.504/97, art. 11, § 9º). Inst nº 93381.2011.6.00.0000/DF 5 10 de junho – domingo 1. Data a partir da qual é permitida a realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e escolher candidatos a Prefeito, a Vice-Prefeito e a Vereador (Lei nº 9.504/97, art. 8º, caput). 2. Data a partir da qual é vedado às emissoras de rádio e de televisão transmitir programa apresentado ou comentado por candidato escolhido em convenção (Lei nº 9.504/97, art. 45,§ 1º). 3. Data a partir da qual os feitos eleitorais terão prioridade para a participação do Ministério Público e dos Juízes de todas as justiças e instâncias, ressalvados os processos de habeas corpus e mandado de segurança (Lei nº 9.504/97, art. 94, caput). 4. Data a partir da qual é permitida a formalização de contratos que gerem despesas e gastos com a instalação física de comitês financeiros de candidatos e de partidos políticos, desde que só haja o efetivo desembolso financeiro após a obtenção do número de registro de CNPJ do candidato ou do comitê financeiro e a abertura de conta bancária específica para a movimentação financeira de campanha e emissão de recibos eleitorais. 30 de junho – sábado 1. Último dia para a realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e escolher candidatos a Prefeito, a Vice-Prefeito e a Vereador (Lei nº 9.504/97, art. 8º, caput). 1º de julho – domingo 1. Data a partir da qual não será veiculada a propaganda partidária gratuita prevista na Lei nº 9.096/95, nem será permitido nenhum tipo de propaganda política paga no rádio e na televisão (Lei nº 9.504/97, art. 36, § 2º). 2. Data a partir da qual é vedado às emissoras de rádio e de televisão, em

programação normal e em noticiário (Lei nº 9.504/97, art. 45, I a VI). 5 de julho – quinta-feira 1. Último dia para os partidos políticos e coligações apresentarem no Cartório Eleitoral competente, até as 19 horas, o requerimento de registro de candidatos a Prefeito, a Vice-Prefeito e a Vereador (Lei nº 9.504/97, art. 11, caput). 2. Data a partir da qual permanecerão abertos aos sábados, domingos e feriados os Cartórios Eleitorais e as Secretarias dos Tribunais Eleitorais, em regime de plantão (Lei Complementar nº 64/90, art. 16). 6 de julho – sexta-feira 1. Data a partir da qual será permitida a propaganda eleitoral (Lei nº 9.504/97, art. 36, caput). 2. Data a partir da qual os candidatos, os partidos ou as coligações podem fazer funcionar, das 8 às 22 horas, alto-falantes ou amplificadores de som, nas suas sedes ou em veículos (Lei nº 9.504/97, art. 39, § 3º). 3. Data a partir da qual os candidatos, os partidos políticos e as coligações poderão realizar comícios e utilizar aparelhagem de sonorização fixa, das 8 às 24 horas (Lei no 9.504/97, art. 39, § 4o). 4. Data a partir da qual será permitida a propaganda eleitoral na internet, vedada a veiculação de qualquer tipo de propaganda paga (Lei nº 9.504/97, art. 57-A e art. 57-C, caput). 5. Data a partir da qual, independentemente do critério de prioridade, os serviços telefônicos oficiais ou concedidos farão instalar, nas sedes dos diretórios devidamente registrados, telefones necessários, mediante requerimento do respectivo presidente e pagamento das taxas devidas (Código Eleitoral, art. 256, § 1o). 7 de julho – sábado 1. Data a partir da qual são vedadas aos agentes públicos as seguintes condutas (Lei nº 9.504/97, art. 73, V e VI, a): I - nomear, contratar ou de qualquer forma admitir, demitir sem justa causa, suprimir ou readaptar vantagens ou por outros meios dificultar ou Inst nº 93381.2011.6.00.0000/DF impedir o exercício funcional e, ainda, ex officio, remover, transferir ou exonerar servidor público, na circunscrição do pleito, até a posse dos eleitos, sob pena de nulidade de pleno direito, ressalvados os casos de: a) nomeação ou exoneração de cargos em comissão e designação ou dispensa de funções de confiança; b) nomeação para cargos do Poder Judiciário, do Ministério Público, dos Tribunais ou Conselhos de Contas e dos órgãos da Presidência da República; c) nomeação dos aprovados em concursos públicos homologados até 7 de julho de 2012; d) nomeação ou contratação necessária à instalação ou ao funcionamento inadiável de serviços públicos essenciais, com prévia e expressa autorização do chefe do Poder Executivo; e) transferência ou remoção ex officio de militares, de policiais civis e de agentes penitenciários; II realizar transferência voluntária de recursos da União aos Estados e Municípios, e dos Estados aos Municípios, sob pena de nulidade de pleno direito, ressalvados os recursos destinados a cumprir obrigação formal preexistente para execução de obra ou de serviço em andamento e com cronograma prefixado, e os destinados a atender situações de emergência e de calamidade pública. 8 de julho – domingo 1. Último dia para a Justiça Eleitoral publicar lista/edital dos pedidos de registro de candidatos apresentados pelos partidos políticos ou coligação (Código Eleitoral, art. 97 e Lei nº 9.504/97, art. 11, § 4º). 10 de julho – terça-feira 1. Último dia para os candidatos, escolhidos em convenção, requererem seus registros perante o Juízo Eleitoral competente, até as 19 horas, caso os partidos políticos ou as coligações não os tenham requerido (Lei nº 9.504/97, art. 11, § 4º).

13

PLENÁRIAS DO PSDB

PSDB nas ruas

Primeira plenária será realizada no dia 11 de março, às 10h da manhã, no Colégio Senior, na Av. Jovino de Melo, 358, no bairro Santa Maria

Edmur Mesquita, Bruno Covas, Marcos Adegas, Paulo Alexandre, Mourão e Raul Christiano O PSDB de Santos inicia no dia 11 de março, na Zona Noroeste, uma série de plenárias populares em regiões da cidade. O objetivo principal é discutir propostas que vão ajudar na elaboração do Plano de Governo que será apresentado para debate público nas próximas eleições municipais. Os nove eventos já confirmados vão fortalecer e ampliar a militância tucana, além de promover

ações de educação política. O PSDB é hoje o maior partido do município, com cerca de 10 mil filiados. A iniciativa tem o apoio do Instituto Teotônio Vilela. “Vamos envolver as principais lideranças tucanas da região, como deputados, prefeitos e os pré-candidatos à Câmara Municipal. Iremos fazer uma análise da conjuntura local e regional do PSDB para discutirmos os rumos que devemos tomar

para atender os anseios da sociedade”, justificou o presidente do PSDB/Santos, Fábio Ferraz.

Juan Manoel Vilaborno Filho (Mandy) presidente ITV

SECRETARIADOS

Grupos discutem políticas públicas Há pouco mais de seis meses, 18 secretariados constituídos pelo PSDB/ Santos discutem políticas públicas para a cidade. As reuniões envolvem militantes tucanos, simpatizantes e autoridades públicas convidadas, que juntos abordam assuntos relacionados a cada área dos secretariados. Diante dos excelen-

tes resultados já obtidos, o Diretório Municipal deverá publicar uma cartilha com o resumo das propostas deliberadas pelos secretariados. O material deverá subsidiar o Plano de Governo do PSDB, que contará com as sugestões discutidas nas plenárias populares nos bairros (veja matéria acima).

Presidente Fábio Ferraz: apoio aos secretários

CONHEÇA OS SECRETÁRIOS: AFRODESCENDENTES - TUCANAFRO: João Paulo da Silva CIDADANIA: Celia Pfeifer; COMUNICAÇÃO E JORNALISMO: Rafael Oliva CULTURA: Claudio Augusto Junior DESENVOLVIMENTO SOCIAL: Maria de Lourdes M. Coelho de Oliveira DIVERSIDADE SEXUAL: Marcia Atik

EDUCAÇÃO: Vera Raphaelli

MULHERES: Claudia Cassiano

ESPORTES: Gelásio Ayres

PORTUÁRIO: Mauro Incepi

HABITAÇÃO E URBANISMO: Helio Hamilton Vieira

SAÚDE: Ricardo Leite Hayden

JUSTIÇA: Ronaldo Justo JUVENTUDE: Murilo Neto MEIO AMBIENTE: Ernesto Donizete da Silva

TERCEIRA IDADE - TUCANIDADE: Ana Bianca TERCEIRO SETOR: Augusto Duarte TRABALHISTA E SINDICAL: José Luiz Fonseca “Zelão”


14

w w w. p s d b s a n t o s . c o m . b r

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

RESTAURANTE POPULAR

45

Bom Prato da ZN e morros será na Av. Nossa Senhora de Fátima, 517 Paulo Alexandre viabilizou a 2ª unidade do Bom Prato em Santos, em uma parceria do Governo do Estado com a Prefeitura O 2º Restaurante Bom Prato de Santos será um dos mais importantes equipamentos sociais da região, com 1.200 refeições fornecidas diariamente. A inauguração será feita após a Prefeitura concluir a reforma o prédio. O Bom Prato vai funcionar no prédio da Av. Nossa Senhora de Fátima, 517, oferecendo também café da manhã completo por 50 centavos, cursos profissionalizantes do Via Rápida Emprego e acesso gratuito à internet.

R$

“Desde 2007, lutamos por essa conquista, que beneficiará milhares de moradores dos morros e da Zona Noroeste”, ressaltou o deputado Paulo Alexandre Barbosa. Após convênio assinado por Paulo Alexandre, o Estado liberou R$ 240 mil para reforma do prédio e compra dos equipamentos do restaurante. Por ano, o Estado deve repassar cerca de R$ 855 mil para o custeio das refeições, garantindo, assim, o valor simbólico de R$ 1 para cada almoço.

O QUE O BOM PRATO VAI OFERECER

Almoço: R$ 1 Café da manhã com frutas: R$ 0,50 Cursos profissionalizantes: Gratuitos Acesso à internet: Gratuito

Atualmente, Santos conta com a unidade do Bom Prato no Mercado Municipal

1,1 MILHÃO

Imagem ilustrativa da futura unidade do Bom Prato na Av. Nossa Senhora de Fátima, 517

Padre Valdeci dos Santos (presidente da Apasem, entidade que vai administrar o Bom Prato da ZN); deputado Paulo Alexandre Barbosa, secretário estadual de Desenvolvimento Social, Rodrigo Garcia; e Carlos Teixeira, vice-prefeito de Santos. Todos assinaram o convênio para instalação do Bom Prato

ASSISTÊNCIA SOCIAL

Programa vai ajudar a erradicar a miséria em Santos Famílias que vivem na extrema pobreza, com renda inferior a R$ 70 por pessoa, vão receber auxílio financeiro do município O combate à miséria extrema ganhou um novo aliado na cidade. Trata-se do Programa Municipal de Erradicação da Extrema Pobreza e da Fome – Bolsa Santos, um programa de complementação de renda para famílias que estão na linha da extrema pobreza, ou seja, possuem renda inferior a R$ 70,00 por pessoa/mês.

Cerca de 2500 famílias serão atendidas no primeiro momento. Mesmo com a existência de outros programas, como Bolsa Família, Renda Cidadã e Nossa Família, eles ainda possuem renda inferior a mínima por pessoa. Em 2012, serão aplicados cerca de R$ 3 milhões para transferência de renda. O programa também vai

integrar essas famílias a outras áreas, como habitação, saúde, educação e capacitação profissional. “Santos é pioneira no combate à miséria. Precisamos expandir as ações para incluirmos famílias que ainda não estão inseridas em nenhum programa de transferência de renda”, justificou o secretário de Assistência Social, Carlos Teixeira Filho (Cacá).

Cacá Teixeira pediu apoio a Paulo Alexandre para priorizar famílias de baixa renda no programa Via Rápida Emprego


www.ps dbs a ntos.c om. b r

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

45

15

instituto oceanográfico

Novo navio oceanográfico vai pesquisar costa paulista e pré-sal Ao custo de R$ 17,8 milhões, a embarcação foi adquirida com recursos da USP e da Fapesp para realizar pesquisas que vão ajudar na preservação do meio ambiente e uso sustentável dos recursos naturais marinhos Com base operacional no Porto de Santos, um novo navio oceanográfico iniciará, nos próximos meses, pesquisas científicas em toda plataforma continental de São Paulo, incluindo a área do pré-sal. A embarcação tem capacidade para atravessar o Atlântico Sul e autonomia de pelo menos 45 dias em alto-mar. Batizado de “Alpha Crucis” - nome da estrela mais brilhante da constelação do Cruzeiro do Sul e que representa o Estado de São Paulo na bandeira nacional – o navio foi comprado e reformado ao custo de US$ 10,5 milhões (cerca de

R$ 17,8 milhões). O investimento teve recurso da Universidade de São Paulo (USP) e da Fundação de Amparo à Pesquisa (Fapesp). As duas instituições são vinculadas à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado (SDECT). “É mais uma contribuição do Governo do Estado ao desenvolvimento das pesquisas. Nenhuma outra embarcação civil, sem fins comerciais, consegue hoje fazer esse tipo de estudo na área do pré-sal”, observou o secretário Paulo Alexandre Barbosa.

Reitor da USP, João Grandino, ressaltou a importância do navio

R$ 17,8 MILHÕES

Alpha Crucis sairá de Seattle (EUA) e deverá chegar ao Porto de Santos em abril

Secretário confirma Museu Marítimo em Santos Com a compra do “Alpha Crucis”, o navio “Prof. W. Besnard” receberá a sua merecida aposentadoria. A antiga embarcação, que iniciou suas atividades científicas em 18 de agosto de 1966, será incorporada ao museu marítimo que será construído pela USP em Santos.

O navio será a principal atração do futuro museu santista. Sua finalidade é auxiliar na preservação da memória da navegação brasileira e ajudar nas ações educativas voltadas à proteção e ao uso sustentável dos recursos naturais do meio ambiente marinho.

“A ideia é que o navio reúna exposições fotográficas e materiais de pesquisa do acervo acumulado em mais de quatro décadas. A embarcação será também um novo ponto turístico para a cidade, que certamente atrairá milhares de visitantes”, explicou o secretário Paulo Alexandre.

DesenVoLViMento

Parque Tecnológico de Santos vai receber mais R$ 10 milhões Secretário Paulo Alexandre Barbosa autorizou a verba estadual para a construção da sede do Parque, mediante convênio com a Prefeitura

R$ 10 MILHÕES Pátio do antigo Colégio Santista vai abrigar a sede do Parque

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT) já autorizou o repasse de R$ 10 milhões em investimentos do tesouro estadual para as obras e instalações do núcleo do Parque Tecnológico de Santos. Os recursos estão previs-

tos em orçamento e o repasse será feito por meio de convênio, após a conclusão do processo de credenciamento definitivo da unidade. “O Governo do Estado tem oferecido todo suporte técnico necessário para que o município cumpra todas as exigências necessárias para

o credenciamento definitivo e liberação do dinheiro. É um trabalho feito em parceria”, destacou o secretário, Paulo Alexandre Barbosa. A secretaria já repassou R$ 260 mil para a produção do Plano de Marketing e Atração de Empresas e o Plano de Ciência e Tecnologia.


16

w w w. p s d b s a n t o s . c o m . b r

Março de 2012 - GOVERNO PRESENTE

45

INVESTIMENTO ESTADUAL

Estado na luta contra o câncer R$ 5 MILHÕES

VERBAS DE PAULO ALEXANDRE PARA SANTA CASA 2007: R$ 200 mil 2009: R$ 300 mil 2010: R$ 500 mil 2011: R$ 500 mil 2011: R$ 3 milhões 2012: R$ 500 mil Total: R$ 5 milhões

Mamógrafo Pastilha de Cobalto (Centro de Oncologia) Acelerador Linear (Centro de Oncologia) Equipamento de Medicina Nuclear (Centro de Oncologia) Construção da Casamata (Centro de Oncologia) Compra de 3 equipamentos: ultrasom (2) e microscópio

Neste ano, a Santa Casa de Santos recebeu R$ 3 milhões para a construir a casamata que irá abrigar o acelerador linear utilizado em radioterapia

Aparelho comprado pela Santa Casa com recurso estadual é do mesmo modelo do Hospital Sírio Libanês, de São Paulo Pacientes, familiares e amigos que vivem o dia a dia da luta contra o câncer vão ganhar um novo aliado este ano. A Santa Casa de Santos já iniciou a construção da casamata que irá receber o acelerador linear, comprado com recurso es-

tadual, após campanha liderada pelo deputado Paulo Alexandre Barbosa. O equipamento é o que há de mais avançado no tratamento de radioterapia. Ele pode ser utilizado em crianças e no câncer de próstata, em razão da

sua alta precisão na emissão de radiação. Os R$ 3 milhões para a obra foram liberados pelo governador Geraldo Alckmin, em atendimento à reivindicação de Paulo Alexandre Barbosa. “É um investimento que não tem preço diante das vidas que poderão ser salvas”, destacou o deputado, que já obteve R$ 5 milhões para a Santa Casa.

Provedor da Santa Casa, Manoel Lourenço das Neves, e Paulo Alexandre assinam convênios com o hospital

CRAVI

Vítimas de violência terão unidade de apoio O Centro de Referência e Apoio à Vítima (Cravi) será instalado em Santos em uma parceria da Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado e a Universidade Católica de Santos (UniSantos). Será a 2ª unidade do Estado.

Viabilizado pelo deputado Paulo Alexandre Barbosa, o Cravi vai priorizar vítimas e familiares que passaram por situações de violência, como homicídio, latrocínio, estupro, agressões, entre outras.

O atendimento estará disponível no campus da UniSantos, com o apoio de uma equipe multidisciplinar composta por assistentes sociais, psicólogos, defensores públicos e oficiais administrativos.

Em parceria com o Estado, Cravi irá funcionar na UniSantos

GESTÃO PAPA - 2005/2012

Governo do PSDB destina mais de R$ 2 bilhões para Santos

Papa, Alckmin e Paulo Alexandre assinaram vários convênios de liberação de recursos estaduais, que garantiram a melhoria da qualidade de vida da população


PSDB Notícias