Page 1

ENERGIA ELÉTRICA A demanda por energia no Brasil continua crescendo de maneira significativa, exigindo continuamente novos investimentos. Os maiores volumes desses investimentos vão para as hidrelétricas, mas continuam também importantes em termelétricas e significativamente crescentes em fontes alternativas, impulsionados pelo progressivo aumento da preocupação com o meio ambiente. Dentre as fontes alternativas, as principais são as já conhecidas em 2010 (biomassa, eólica, PCHs), mas a lista de energias alternativas viáveis (ex. solar) se expande com os avanços tecnológicos e a atuação do governo. A Promon tem um expressivo currículo de realizações em empreendimentos de geração e transmissão de energia elétrica no Brasil e no

Usina Hidrelétrica Itaipu

Caldeira e casa de força Raízen

exterior. Até hoje, participou da implantação de, aproximadamente, 1.780 MW de potência em usinas térmicas a gás natural. Hoje, a Promon Engenharia domina de maneira completa o ciclo de negócios de energia, desde os estudos de viabilidade, passando pela engenharia básica de unidades geradoras, sua construção e montagem, até a plena operação, incluindo, ainda, relevantes estudos de sistemas e planejamento energético. A empresa tem uma visão ampla e diferenciada de todo o modelo institucional do setor energético brasileiro e de sua dinâmica de evolução, com atuação marcante em empreendimentos de usinas termelétricas, hidrelétricas e termonucleares e sistemas de transmissão.


ALGUMAS

REALIZAÇÕES USINAS TERMELÉTRICAS Usina Termelétrica Norte Fluminense

Usina Termelétrica Termopernambuco

Cliente: Electricité de France – EDF Período: 2001 – 2004

Cliente: Guaraniana S.A. Período: 2001 – 2004

A Termelétrica Norte Fluminense em ciclo combinado é o maior projeto de geração térmica do Brasil, com três turbinas a gás e uma a vapor, capazes de gerar 780 MW.

A usina, com capacidade para gerar 520 MW, tem condições de atender 33% do consumo de energia de Pernambuco. A vazão de captação da água do mar para resfriamento do sistema chega a 20 m3 por segundo, o que corresponde a metade do consumo de água da cidade de Recife. Entretanto, cuidados especiais foram tomados em relação à devolução ao mar da água utilizada a fim de não desequilibrar o ecossistema local.

COGERAÇÃO Planta de cogeração Ciente: Suzano Papel e Celulose Período: 2005 – 2008 Contrato no modelo EPC para a implantação de dois novos turbogeradores, com potência de 61 MW cada, para a expansão da fábrica de celulose de Mucuri, BA. O parque de geração instalado mais a planta de São Paulo atingem, aproximadamente, 135 MW.

www.promon.com.br São Paulo | Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 1830 | 04543-900 | São Paulo – SP Rio de Janeiro | Praia do Flamengo, 154 | 22210-906 | Rio de Janeiro – RJ

BIOENERGIA Cogeração de planta de álcool Cliente: Raízen Período: 2008 – 2010 A unidade termoelétrica tem capacidade total de 136 MW, o que faz dela uma das maiores termelétricas do mundo alimentadas por fonte de matéria-prima renovável. Com essa capacidade, é possível abastecer uma cidade de 1,2 milhões de habitantes.

Folheto | Energia Elétrica  

Folheto | Energia Elétrica

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you