Page 1

edição 02

www.cidadeecultura.com.br

Nº16 - R$ 10,00 - BRasil

16

Bragança

Paulista

Sete Colinas e muitos encantos Seven Hills and many charming spots

história|arte|meio ambiente|arquitetura|gastronomia history |art|environment|architecture|gastronomy


Foto: Rubens Scheid


82 104

editorial

88

Word From The Editor

WE arE vEry much plEasEd To prEparE this second edition of Bragança paulista, about a city full of surprises for anyone researching deeply its history, culture, and potentials. From the unique richness of its churches to the modern tool-making manufacturers, the city shows all of its development potential as well its capacity to preserve and honor its past.

74 50

FOTOS marciO maSulinO, andré PraTa e diVulGaÇÃO

É com muito prazer que realizamos a segunda edição desta revista cultural sobre Bragança paulista. uma cidade que surpreende quando pesquisamos a fundo sua história, sua cultura e seus potenciais. Desde a riqueza ímpar de suas igrejas até a moderna indústria da ferramentaria, Bragança mostra capacidade de desenvolvimento e, ao mesmo tempo, preservação de seu passado.


114

Índice

Contents

08 Linha do Tempo Timeline

82 Turismo Rural Countryside Tourism Prazeres inigualáveis Unrivalled pleasure

88 Esportes Sports

A evolução da cidade The city’s evolution

Localização privilegiada Privileged location

10 Histórico History

100 Aeroclube Flying Club

O passado registrado The past recorded

Divisor de águas A watershed

18 Museus Museums

104 Gastronomia Gastronomy

A história conservada History is preserved

As várias influências Several influences

20 Turismo Religioso Religious Tourism

110 Tradição Tradition

Igrejas que sediam a fé Churches establishing faith

Linguiça de Bragança Paulista Bragança Paulista’s famous sausage

36 Imigração Immigration

114 Desenvolvimento Development

A mistura de um povo The people mix

Panorama do crescimento Panorama on growth

46 Câmara Municipal Municipal Chamber

120 Saúde Health

Tesouro histórico e cultural Historical and cultural treasures

Direito de todos Everyone’s right

50 Arquitetura Architecture

122 Estatísticas Statiscal Data

Riqueza perene nos casarios Houses displaying a rich past

Um raio X da cidade An X-ray into the city

54 Artes Arts

124 Não deixe de visitar Must Visit

Expressão que move a cidade Expressions that stir the city

Pontos históricos e interessantes Interesting and historical sites

74 Meio Ambiente Environment

130 Depoimento Statement

Consciência e preservação Awareness and preservation

Impressões de um povo querido Comments from people

Conselho Executivo Ana Lucia F. dos Santos, Eduardo Hentschel, Luigi Longo, Márcio Masulino e Thabata Alves Editora Renata Weber Neiva Reportagem Alice Neiva e Nathália Weber Assistente de produção Evellyn Alves Revisão e versão em inglês Silvia Mourão diretor Comercial Paulo Zuppa

Produção Gráfica Celso Andrade e Rogério Callamari Macadura Produção digital ONEPIXEL Produção Audiovisual Leo Longo Fotografias Marcio Masulino, Thabata Alves, Evellyn Alves, André Prata e Thiago Andrade Foto Capa André Prata Impressão Gráfica Silvamarts

CIdAdE & CULTURA BRAGANÇA PAULISTA é uma publicação anual da KM Marketing Cultural PARA ANUNCIAR (11) 97540-8331

CONHEÇA O NOSSO SITE www.cidadeecultura.com.br

Bragança Paulista 7


Cronologia

Chronology

Fundação do povoado denominado Conceição do Jaguary

1763 the hamlet is founded and named Conceição do Jaguary

8 Cidade&Cultura

Elevação do povoado à Vila Nova Bragança e Instalação da Câmara Municipal

1797 It is elevated to borough - Vila Nova Bragança. the Municipal Chamber is formed

Fundação da Sociedade Ítalo-Brasileira de Socorros Mútuos

1891 Foundation of the Sociedade ÍtaloBrasileira de Socorros Mútuos (Italian Brazilian Society for Mutual Help)

Fundação do Grupo Escolar Dr. Jorge Tibiriçá

Primeiro Registro de um japonês no município

1897

1937

Foundation of the Elementary School Dr. Jorge tibiriçá

Fisrt record of a Japanese citizen in town


Bragança

Paulista Linha do tempo fotos marcio masulino, anDrÉ Prata, acervo JosÉ vasconcellos e noÉ Hosokawa

Timeline

Recebe o título de Cidade Episcopal

1925 Bragança is considered an Episcopal Town

Recebe o nome de Bragança Paulista

1944 Changes name to Bragança Paulista

Torna-se Estância Climática

Primeira Festa da Linguiça

1964

2011

It becomes a Climate Station

First Sausage Festival

Polo Ferramenteiro do Estado de São Paulo

2014 The largest toolmaker hub in the State of Estado de São Paulo

Bragança Paulista 9


Hist贸rico

Historic

Bravura e coragem

Acervo Jos茅 vAsconcellos

Bravery and courage

10 Cidade&Cultura


Largo da Cadeia

{ Jailhouse Square }

LocaL estratĂŠgico

Strategic location

Bragança Paulista 11


Histórico

aCerVo José roberto VasConCellos

Historic

Com a desCoberta do ouro no atual estado de Goiás por bartolomeu bueno da silva, bandeirante apelidado de anhanguera, o interior paulista foi povoado em pontos estratégicos para o abastecimento das bandeiras exploratórias do século XVII. Foi nesse contexto que após a construção de uma capela em 1763, dedicada a nossa senhora da Conceição em cumprimento de promessa feita à santa por Ignácia da silva Pimentel para a cura de seu marido, antônio Pires Pimentel, se formou um povoado. dois anos depois, a localidade recebeu o nome de distrito de Paz e Freguesia de Conceição do Jaguary, pertencente ao município de são Paulo. em 1769, o distrito de Conceição do Jaguary passou a pertencer a são João de atibaia. Quando foi elevado a vila, recebeu o nome de Vila nova bragança em homenagem à rainha de Portugal, dona maria I, uma referência ao sobrenome real da dinastia de bragança. em 1856, a vila se emancipou e foi elevada à categoria de município. em 1944, bragança acrescenta “Paulista” ao nome para se distinguir de cidade homônima no estado do Pará. acompanhando o curso histórico da evolução do brasil, a cidade de bragança Paulista passa de abastecedora de exploradores à condição de uma das cidades com maior número de pés de café no ciclo do “ouro preto”. suas terras são de alta qualidade para esse cultivo, principalmente o café do tipo “arábica”, e com isso torna a região um polo exportador. 12 Cidade&Cultura

After BArtolomeu Bueno dA SilvA, an explorer also known as Anhanguera, discovered gold where today is the State of Goiás, the countryside of the State of São Paulo started to be settled at strategic sites to supply for the 17th century travelling caravans on their way to break land. this was the historical background where a hamlet wsa born in the wake of the construction of a chapel dedicated to our lady of Conception in 1763. it was commissioned by ignácia da Silva Pimentel who had promised to build it should her husband Antônio Pires Pimentel was cured. two years later the village was renamed distrito de Paz e freguesia de Conceição do Jaguary, belonging to São Paulo municipality. in 1769, Conceição do Jaguary district became part of the São João de Atibaia administrative region. elevated to borough, it was then called vila nova Bragança, as a tribute to the Queen of Portugal, dona maria i, a member of the Bragança’s royal dynasty. in 1856, the borough won its emancipation and was elevated to municipality. in 1944, Bragança adds “Paulista” to its name so as to distinguish it from a namesake city in the northern State of Pará. following the course of the Brazilian history, from its previous status as supplier town for the early inland explorers, Bragança Paulista turns into a city with the highest number of coffee plantations at the height of the Black Gold Cycle.With highly adequate soil for coffee tillage, mainly of the Arabic variety, Bragança and its neighboring area became an export hub.


Estrada de Ferro Bragantina Com o auge da produção cafeeira, era mais do que necessária a construção de ramais ferroviários que ligassem as regiões produtoras à São Paulo Railway, principal linha até o Porto de Santos. Assim, em 1884 foi inaugurada a Estrada de Ferro Bragantina, partindo da estação de Campo Limpo e chegando a Bragança. Em 1903, a São Paulo Railway comprou a Bragantina, desativada em 1967.

Bragantina Railway

Antônio Pires Pimentel - Largo Municipal e Centro Telefônico Locomotiva - Acervo José Vasconcellos

{ Antônio Pires Pimentel - Municipal Square and Telephone Center - Train Engine – José Vasconcellos Collection } MArciO MASulinO

JOS FOTOS AcErvO

é rOBErTO vAS

cOncEllOS

At the peak of coffee production, building railway branches was more than necessary to link the productive zones to the São Paulo Railway, then the main line towards the Santos harbor. Therefore, in 1884 Bragantina Railway was inaugurated with a departure station at Campo Limpo reaching Bragança. In 1903, São Paulo Railway bought Bragantina, shut down in 1967.


Histórico

acervo Museu Municipa l

oswaldo russoMano

Historic

revolução constitucionalista de 1932 Depois de deflagrada a revolução, Bragança Paulista efetivamente fez parte da defesa do território do Estado de São Paulo, no arco batizado de “Frente Mineira”, formado pelas cidades de Bragança Paulista, Campinas, Ribeirão Preto e São José do Rio Preto, delimitando uma enorme extensão de terra para repelir o inimigo. Grande parte do contingente revolucionário organizou suas tropas em Bragança. Porém, em 26 de agosto, foram obrigados a se retirar das fronteiras devido à falta de munição e à inferioridade de soldados.

1932 Constitution Revolution

Coleção do Museu Municipal Oswaldo Russomano - Capacete dos soldados da Revolução de 32

{ Oswaldo Russomano Municipal -Museum Collection - Soldier’s helmet 1932 Constitution Revolution } 14 Cidade&Cultura

fotos Marcio Masulino

When the Constitution Revolution started, Bragança Paulista effectively participated in the defense line of the State of São Paulo territory, as part of an arc called “Minas Front,” integrating cities such as Bragança Paulista, Campinas, Ribeirão Preto and São José do Rio Preto. It was a huge expanse to repel enemy forces. A large part of the rebel soldiers organized their platoons in Bragança. On August 26th though they were forced to retreat due to ammunition shortage and the smaller size of their troops.


Histórico

Acervo MuSeu MunicipAl oSwAldo ruSSoMAno

Historic

Segunda Guerra Mundial

World War II

É muito comum que nós, brasileiros, pensemos que a Segunda Guerra Mundial foi um capítulo da história alheio aos nossos interesses e envolvimento. Depois de deflagrada a guerra, o Brasil inicialmente indeciso quanto à posição a tomar, percebeu por forças maiores que a união aos países aliados (Estados Unidos, Rússia e Inglaterra) seria a melhor opção. Por aqui, as cidades litorâneas eram obrigadas a colocar panos pretos nas janelas durante a noite. Há relatos de submarinos alemães em nossa costa. Havia escassez de todo tipo de mercadoria, principalmente alimentos derivados do milho, que importávamos; havia filas enormes à procura de gêneros variados. Movimentos nacionalistas do governo federal intimidavam clubes e associações alemãs, italianas e japonesas. Muitos que viviam pacificamente por aqui foram levados para locais de trabalho forçado. E, culminando todas essas influências, tivemos de despachar soldados para linhas de frente em alguns pontos do conflito na Europa. Nossos soldados foram para a Itália e houve muitos feridos e mortos em combate. Esses soldados, oriundos de profissões em nada relativas ao exército, eram jovens lavradores, estudantes, ou seja, uma grande geração que podemos chamar de heroica pela bravura e pela honra. Na Região Bragantina, foram dezenas de intrépidos combatentes que deixaram suas casas e famílias para viver uma realidade atroz longe da pátria. São eles:

It is not uncommon for us Brazilians to think the World War II was a chapter in history alien to our local interests and engagement. After the war broke, Brazil took some time before deciding which side to take but in view of major events it became clear that siding with the Allied Countries (United States, Russia and England) would be better. In our coast cities people were ordered to cover windows with black cloth at night. There is evidence of German submarines in our waters. Goods of all sorts were scarce, mainly food items made from corn which was imported by then. Huge queues formed to obtain several items. Nationalist campaigns launched by the Federal Administration bullied German, Italian and Japanese clubs and associations. Many immigrants who till then were here living their lives in peace were taken to specific places for hard labor. Topping all those changes, we had to send troops to fight on European war zones around Italy. There were many casualties and wounded soldiers. These had come from professions and previous life styles that had nothing to do with Army practices. Mainly they were young farmers and students, making up a generation one can truly call heroic for their bravery and courage. From Bragança and surrounding cities many young men were drafted and had to leave their houses and families to face an atrocious reality far away from their homeland. Here are their names:

16 Cidade&Cultura

Adão de Camargo (1920–1976) – Nurse Corporal; Alfeu Ferreira – decorated for bravery;


fotos Marcio Masulino

Adão de Camargo (1920–1976) – Cabo enfermeiro; Alfeu Ferreira – condecorado por bravura; Alfredo Lino de Camargo (1943–?); Américo Soares Acedo (1921–1981); Antônio Esteves (1922–1965); Antônio Hunger de Oliveira (1922–1992) – Rádio-operador; Antônio La Salvia (1921–1990); Antônio Leite de Almeida (?–1990); Antônio da Silva Leme (1921–2000); Augusto Faustino Pinto (1915–?); Basílio Zecchin Júnior (1919–1945) – morto em combate; Christovam Lopes Herrera Filho (1920–1991); Dante Francisco Chiarioni (1921–2005); Décio Conceição dos Santos (1921–1948); Décio Daltrini (1920–1996) – Cabo enfermeiro; Demerval de Oliveira Leme Domingos Acedo Garcia (1920–1979) – Soldado enfermeiro; Francisco Sciola (1921–?); Genor Brajão ((1922–?); Geraldo Genésio dos Santos (1919–1991); Harry Fernandes (1920–?); João Duran Alonso (1920–1972) – 3° Sargento por merecimento; João Nogueira Gonçalves de Souza (1921–?); João Pereira da Silva Júnior (1921–?); José Antônio Di Próprio (1922–1991); José Capodeferro (1920–1985); José Franco de Macedo (1921–1965); José Lamartine Cintra (1916–2005) – 3° Sargento do Serviço de Transmissões; Lázaro Veroneze (?-?); Luiz Caetano de Moura (1921–?); Luiz Eufrálio Raimond (?–?); Luiz de Lima (?– ?); Moacyr Mendes de Oliveira (1919–1994) – Cabo enfermeiro; Moacyr Pinheiro (1921–?); Normando Bonventi (1919–2008); Olympio Ferreira Cintra (1917–1997); Otávio Pereira Leite (1920–1993); Raul Rosa (1921–2008); Ricieri Zadra Piniani (1921–1982); Sebastião Aparecido de Souza (?–?); Sylvio Ballestreri Júnior (1919–1998); Theodomiro Carlos de Oliveira (1921–1993); Vair Duarte (1921–1986) – Ferido em combate; Vicente Bernardi (1919–2000). Para saber mais sobre os eventos e os relatos a respeito, indicamos a leitura de A casa das laranjas, escrito por Márcio José Celestino Faria [(2009, edição independente. Pode ser encontrado em Bragança Paulista – Banca do Pardal (centro), Banca da Panificadora Estância e na Livraria da Praça (Praça Raul Leme). Na Internet: Estante Virtual (www. estantevirtual.com.br)]

Alfredo Lino de Camargo (1943–?); Américo Soares Acedo (1921–1981); Antônio Esteves (1922–1965); Antônio Hunger de Oliveira (1922–1992) – Radio Operator; Antônio La Salvia (1921–1990); Antônio Leite de Almeida (?–1990); Antônio da Silva Leme (1921–2000); Augusto Faustino Pinto (1915–?); Basílio Zecchin Júnior (1919–1945) – dead in action; Christovam Lopes Herrera Filho (1920–1991); Dante Francisco Chiarioni (1921–2005); Décio Conceição dos Santos (1921–1948); Décio Daltrini (1920–1996) – Nurse Corporal; Demerval de Oliveira Leme Domingos Acedo Garcia (1920–1979) – Nurse Soldier; Francisco Sciola (1921–?); Genor Brajão ((1922–?); Geraldo Genésio dos Santos (1919–1991); Harry Fernandes (1920–?); João Duran Alonso (1920–1972) – Sargent 3rd Class for merit; João Nogueira Gonçalves de Souza (1921–?); João Pereira da Silva Júnior (1921–?); José Antônio Di Próprio (1922–1991); José Capodeferro (1920–1985); José Franco de Macedo (1921–1965); José Lamartine Cintra (1916–2005) – Sargent 3rd Class, Communication Services; Lázaro Veroneze (?-?); Luiz Caetano de Moura (1921–?); Luiz Eufrálio Raimond (?–?); Luiz de Lima (?–?); Moacyr Mendes de Oliveira (1919–1994) – Nurse Corporal; Moacyr Pinheiro (1921–?); Normando Bonventi (1919–2008); Olympio Ferreira Cintra (1917–1997); Otávio Pereira Leite (1920–1993); Raul Rosa (1921–2008); Ricieri Zadra Piniani (1921–1982); Sebastião Aparecido de Souza (?–?); Sylvio Ballestreri Júnior (1919–1998);Theodomiro Carlos de Oliveira (1921–1993); Vair Duarte (1921–1986) – wounded in action; Vicente Bernardi (1919–2000). To know more about events and statements related to the Brazilians who fought at WW II, we suggest A casa das laranjas, written by Márcio José Celestino Faria [(2009, independent edition, available in Bragança Paulista at Pardal newsstand (downtown), at Estância Bakery newsstand, and at Livraria da Praça [Square Bookshop] (Raul Leme Sq.). On the Internet: Estante Virtual (www.estantevirtual.com.br)] Acessórios dos soldados da Segunda Guerra Mundial - homenagem aos combatentes da Força Expedicionária Brasileira

{ Soldiers’ accessories during World War II - tribute to the soldiers of "Força Expedicionária Brasileira } Bragança Paulista 17


Museus

Museums

ReGisTRos nunca esquecidos Records never forgotten

Muitas

histórias

Many stories

Museu do Telefone de Bragança Paulista

Bragança Paulista Telephone Museum

Fundado em 1976, no antigo prédio da sede da “Companhia Rede Telephonica Bragantina”, cuja edificação em pedra e tijolo foi projetada pelo arquiteto Henrique Mondelli, tem um acervo montado com peças doadas pela Fundação Telefônica que registram a evolução da tecnologia da comunicação através dos anos. Uma raridade pode ser observada bem de perto: um dos primeiros telefones fabricados por Graham Bell, em 1877. Praça José Bonifácio – Centro.

Founded in 1976 at the old headquar ters of the “Companhia Rede Telephonica Bragantina” [Bragantina Telephone Network Company], whose stone and brick structure was designed by architect Henrique Mondelli, this museum’s collection contains pieces donated by the Telefônica Foundation recording the evolution of the communication technology throughout time. One quite rare item can be seen at close range: one of the ver y first telephones manufactured by Graham Bell himself in 1877. José Bonifácio Sq. – Downtown.

18 Cidade&Cultura


Liteira

{ Litter }

Museu Municipal Oswaldo Russomano

Oswaldo Russomano Municipal Museum

O Museu Municipal de Bragança Paulista foi inaugurado em 1966 e é símbolo do patrimônio da cidade. Nele, encontramos peças desde o tempo da Colônia até os dias atuais. Sua sede é a antiga residência do coronel Afonso Olegário Ferreira Pinto e sua esposa D. Maria Salomé de Leme Ferreira, datada de 1896, em cuja fachada está estampada a riqueza dos “barões do café”, ciclo econômico que trouxe grande riqueza para Bragança. Atualmente o acervo do Museu corresponde a aproximadamente três mil peças incluindo objetos das mais variadas épocas retratando os vários momentos históricos não só da cidade, como do país. Rua Coronel João Leme, 520 – Centro.

The Bragança Paulista Municipal Museum, inaugurated in 1966, is a symbol of the city’s heritage. Displaying admirable pieces spanning from Brazilian colonial times to the present day, it was set up at the old house which once belonged to Colonel Afonso Olegário Ferreira Pinto and his wife, Maria Salomé de Leme Ferreira. Built in 1896, its façade shows distinctive elements of the “Coffee Barons” period, the economic cycle which meant significant prosperity for Bragança, among other places. Nowadays, the Museum’s collection contains some 3,000 pieces among which objects from several historical periods depicting meaningful events both for the city and the country. 520 Coronel João Leme St. – Downtown.

Modelo Pata de Elefante, fabricado nos Estados Unidos durante a Segunda Guerra Mundial, Geladeira início do século XX - para seu funcionamento, no comartimento superior, diariamente colocava-se uma barra de gelo e Um dos primeiros aparelhos feito por Grahan Bell usado para ouvir e falar no mesmo fone em 1877 FOTOS MarciO MaSulinO

{ Elephant Foot Model, manufactured in the USA during the II World War - Refrigerator, beginning 20th century. It required an ice bar to be stored in the upper compartment every day for its proper functioning - One of the first devices made by Graham Bell in 1877 allowed the person to listen and speak on the same phone }

Bragança Paulista 19


Religião

Religion

gRAnDes templos

Roteiro

Great churches

inesquecível Unforgettable tour

As pessoAs que fAzem RomARiAs e peRegRinAções e que participam de festas e espetáculos envolvendo a fé estão fazendo turismo religioso. Diferentemente de outras opções turísticas, o turismo religioso é motivado pelo conhecimento histórico e pela devoção. o primeiro registro de uma peregrinação religiosa vem de Helena, cujo pai era o imperador romano Constantino. Convertida ao cristianismo no ano de 313, Helena fez com que seu filho publicasse o edito de milão (edito da Tolerância), o qual estabelecia liberdade de culto aos cristãos. em sua ânsia e fervor, Helena percorreu a palestina em busca das relíquias de Jesus Cristo. ordenou a construção, em Belém, da igreja da natividade e, em Jerusalém, da igreja do santo sepulcro, acreditando que teria achado o local onde Cristo foi sepultado. faleceu com quase 80 oitenta anos, e seu corpo está no sarcófago santa Helena no recinto do museu pio-Clementino, no Vaticano. na maioria dos países católicos, o turismo religioso tem se mostrado uma vocação em crescimento. no Brasil, várias cidades apresentam essa característica e, em Bragança paulista, com suas magníficas igrejas, podemos perceber esse potencial. muitas delas estão em bairros afastados, mas há outras no centro. Devemos lembrar que foi nessa cidade que madre paulina morou e trabalhou, deixando como legado a formação de pessoas empenhadas em ajudar os necessitados. A vida de madre paulina é inspiradora e desperta fervor entre seus devotos. 20 Cidade&Cultura

Processions, PilGrimaGes, feasts and shows attracting people from many different places who come to know the religious event or to profess their belief are considered events of the religious tourism. the wish for more historical knowledge and for a heightened religious experience motivates these tourists, in a trend quite different from other kinds of tourism. The first recorded religious pilgrimage happened with helen, daughter of the roman emperor constantine. converted to christianism in 313 a.d., helen convincend her son to sign the milan edict (the tolerance edict), by means of which christians were granted freedom to worship as they saw fit. Next, fervorous helen travelled to Palestine in search of Jesus christ’s relics. she also ordered the nativity church to be built in Bethlehem, and the holy Grave temple, in Jerusalem, believing she had found the place where christ had been buried. helen passed away when she was almost 80 years old and her remains are in a stone-coffin in the Vatican, in Pio-clementino museum. Virtually in every catholic country religious tourism grew and became a rising trend. in Brazil, there are many cities where this movement is strong, and in Bragança Paulista its splendid churches whether downtown or at more distant districs attract continuous visitation by believers. the city is also famous for having been where mother Pauline lived and worked, leaving her legacy of commitment and dedication to help those in need.


ANDRÉ PRATA

Igreja do Rosário

{ The Rosary Church }

O município de Bragança Paulista está inserido no roteiro turístico como Rota Cultural. A CNBB também possui um projeto nacional que contempla as atividades da Pastoral do Turismo Religioso como um trabalho que atenda à comunidade durante os grandes eventos internacionais como a Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos, principalmente nas regiões onde estão as cidades-sedes e subsedes dos jogos. O Governo do estado de São Paulo também visa promover o turismo religioso em Bragança Paulista. A iniciativa pode resultar em muitos benefícios ao município, como a geração de emprego e renda, além de destacar os valores históricos e culturais de nossa cidade e região e buscar alternativas simples de preservação cultural.

Bragança Paulista municipality is a cultural route among tourism options. The National Confederation of the Brazilian Bishops also sponsors a nation-wide program with activities related to the Religious Tourism Pastoral, serving the community during big international events, such as the Soccer World Cup and the Olympic Games, particularly in the main and secondary cities where the games happen. The State of São Paulo government also aims at promoting the religious tourism in Bragança Paulista. The effor t may result in many different benefits for the city, namely rising income and employment levels. The initiative also highlights our municipality historical and cultural values as well as encourages simple ways of implementing a culture preser vation approach. Bragança Paulista 21


Religião

ANDRÉ PRATA

Religion

Cidade das Sete Colinas – Cidade Poesia Por José Roberto Vasconcellos

Bragança situa-se entre sete colinas, sombreando os vales e valorizando a expressão “Cidade Poesia”. Em cada colina ergue-se uma igreja ou uma capela: Nossa Senhora da Esperança (no Parque dos Estados); Santa Rita de Cássia, (na Hípica Jaguary), São Francisco de Assis (na Vila Santa Libânia) e a do

Diocese de Bragança Paulista

{ Bragança Paulista Diocese }

Coração Imaculado de Maria (na Vila Maria); Santa Terezinha (no bairro Matadouro), na colina principal, ladeada pela colina da Igreja de N. Sra. Aparecida, (na Vila Aparecida); a de N. Sra. da Conceição (Cat-

Diocese de Bragança Paulista EM 1925, o PAPA PIo XI, com a Bula Ad Sacram Petri Sedem, cria a Diocese de Bragança Paulista. Sua região, de 4.400 km², compreende o norte da Região Metropolitana de São Paulo e faz divisa com o Estado de Minas Gerais. São dezoito municípios (Bragança, Atibaia, Pedra Bela, Pinhalzinho, Socorro, Vargem, Tuiuti, Bom Jesus dos Perdões, Joanópolis, Nazaré Paulista, Piracaia, Itatiba, Jarinu, Morungaba, Mairiporã, Caieiras, Francisco Morato e Franco da Rocha), e 54 paróquias. o primeiro bispo diocesano foi Dom José Maurício da Rocha, de 1927 a 1969. Atualmente, à frente do trabalho, está Dom Sérgio Aparecido Colombo, que assumiu em 2010.

Bragança Paulista Diocese In 1925, wITH THe AD SACRAM PeTRI SeDeM eDICT, Pope Pio XI creates the Bragança Paulista Diocese. Its 4,400km² area comprises the north part of São Paulo Metropolitan Region up to the border with the State of Minas Gerais. In all it unites 18 cities—Bragança, Atibaia, Pedra Bela, Pinhalzinho, Socorro, Vargem, Tuiuti, Bom Jesus dos Perdões, Joanópolis, nazaré Paulista, Piracaia, Itatiba Jarinu, Morungaba, Mairiporã, Caieiras, Francisco Morato and Franco da Rocha, and 54 parishes. The first Diocesan Bishop was Dom José Maurício da Rocha (1927–1969). The work now is done by Dom Sérgio Aparecido Colombo, who took over in 2010. 22 Cidade&Cultura

edral Diocesana) e a de N. Sra. do Rosário; Santa Luzia (no bairro Santa Luzia) no alto da sexta colina, e por fim a sétima colina, onde fica a Capela de São José, no bairro do Taboão. Aí está Bragança Paulista, ajoelhada nas sete colinas das nove igrejas que lhe encimam os picos, testemunho de que a cidade nasceu à luz da fé católica de seu povo.

The Seven Hills City – Poem City By José Roberto Vasconcellos

Bragança spreads over seven hills, casting shadows on valleys and earning its nickname as Poem City. On each hill there is a church or a chapel—Our Lady of Hope (at the State Park); Santa Rita de Cássia (Jaguary Hippic), Saint Francis of Assisi (Vila Santa Libânia district), and the Mary of the Immaculte Heart (Vila Maria); Saint Terezinha (Matadouro district, on the main hill; by its side, the hill with Our Lady Aparecida Church (Vila Aparecida); Our Lady of Conception (Diocesan Cathedral), and Our Lady of the Rosary; Saint Luzia (Santa Luzia District) on top of the sixth hill, and on the seventh, the Saint Joseph Church, at Taboão district. There you have Bragança Paulista, kneeled before its seven hills and nine churches on their tops bearing witness that the city was inspired by the catholic faith of its people.


Religião

Religion

{ Our Lady of the Conception Parish}

Paróquia Nossa Senhora da Conceição ExatamEntE no dia 17 dE fEvEREiRo dE 1765, quando da instalação da freguesia de nossa Senhora da Conceição do Jaguary, o padre Hyeronimo de Camargo Bueno realizou o primeiro ato da nova igreja: o batizado de maria, filha de João Pais domingues e de Leonor Pedroza. a capela foi erguida por dona ignácia em cumprimento de uma promessa pela cura de seu marido, antônio Pires Pimentel. Sob o olhar da imagem de n. Sra. da Conceição, estavam todos celebrando o que seria o início da cidade de Bragança Paulista. Essa imagem do século xviii permaneceu no altar até o ano de 1899 e hoje está na Casa Paroquial. no século xix, a matriz possuía arquitetura colonial com uma torre à direita com campanário e, em 1915, foi iniciada a última reforma do templo, pronto afinal doze anos mais tarde, quando foi elevado a catedral. infelizmente, em 1960, um raio atingiu a torre e danificou a estrutura a tal ponto que precisou ser demolida. Com uma campanha empreendida pelos munícipes, formou-se um fundo para construir a nova catedral, mobilizando toda a cidade. o novo prédio foi executado por vicente Gregório conforme projeto do arquiteto antônio Carlos farias Pedrosa, em estilo barroco moderno, na cor branca e com formas arrojadas inspiradas no grande arquiteto franco-suíço Le Corbusier (Charles-Édouard Jeanneret-Gris), um dos mais importantes arquitetos do século xx e reconhecido como “o pai da arquitetura moderna”. 24 Cidade&Cultura

Exactly on FEbruary 17th, 1765, when the Parish of our lady of conception of Jaguary was established, father Hyeronimo de Camargo Bueno performed the first religious rite of the new church baptizing Maria, daugthter of João Pais Domingues and leonor Pedroza. the chapel had been commissioned by Dona Ignácia to fulfill a promise she had made to our lady if she helped heal Dona Ignácia’s husband, Mr. antônio Pires Pimentel. under the gaze of our lady of the conception’s image the crowd who had gathered for the cerimony was witnessing the very beginning of bragança Paulista. the 18th century image remained on the main altar until 1899. now it is at the Parish house. In the 19th century, the church displayed a typically colonial architecture, with a bell tower on the right side. In 1915 the building underwent its last renovation, at last finished twelve years later by the time it was elevated to catheral. unfortunately, in 1960 the bell tower was struck by a lightning bolt and its structure was so damaged it had to be demolished. In a campaign organized and led by the citizens themselves engaging the whole city, the amount needed for a new cathedral was put together, and the new church was built by Vicente Gregório following architect antônio carlos Farias Pedrosa’s project. now the style of choice was the all-white modern baroque, with a dashing profile inspired in the works of the great French-Swiss master le corbusier (charles-Édouard Jeanneret-Gris), one of the most important architects of the 20th century, considered the “father” of modern architecture.

MARCIO MASULINO

Paróquia Nossa Senhora da Conceição

ANDRÉ PRATA

Our Lady of the Conception Parish


Religião

Religion peças que constituem complemento de embelezamento da igreja do Rosário. a beleza interior apresenta uma rica, artística e soberba decoração, realizada na década de 1940 pelo pintor sacro salvador ligabue. a obra existente constitui verdadeiro e rico patrimônio artístico religioso da cidade e da diocese de bragança. as belas imagens de Nossa senhora do Rosário e de são benedito, patronos da igreja do Rosário foram ofertadas em 1933. a imagem primitiva de Nossa senhora do Rosário está exposta em nicho próprio na sacristia da igreja.duas majestosas torres de 41 metros, ostentam um relógio e o campanário com três sinos de notas “sol”, “si” e “Ré”, que se chamam: Nossa senhora do Rosário, santo antônio e são benedito, conforme inscrições em cada uma. a Capela do santíssimo possui afrescos e quadros pintados pelo artista sacro bruno de giusti.

Igreja do Rosário

{ The Rosary Church }

Igreja do Rosário Não há RegistRos sobRe a siNgela Capela de N. sRa. do RosáRio dos homens pretos e são benedito, porém sabe-se que foi erguida em 1821 no morro de acesso entre a várzea do ribeirão do lavapés e a igreja Matriz, hoje denominada Matriz do largo do Rosário. em 1872 a fachada do templo passou por reforma, surgindo novo frontispício em estilo colonial. No campanário instalaram um sino de 150 kg doado pelos irmãos da irmandade dos homens pretos, em 1903. em 1920, o prédio estava debilitado e apresentava perigo de ruir. então, em 1929, foi demolido e o novo e definitivo foi projetado pelo arquiteto amador Cintra do prado e construído por Francisco Rodrigues de gouvêia. Quando concluída, a igreja ostentava duas grandes torres, encimadas por uma cruz, e sua parte externa era toda em tijolo à vista. No interior do templo, o piso é todo ladrilhado; os ricos altares revestidos em mármore pérola ostentam belas imagens de seus santos padroeiros, e vitrais artísticos ofertados por famílias bragantinas e dos amigos de bragança são 26 Cidade&Cultura

ANDRÉ PRATA

The Rosary Church There are no records about the humble church in honor of Our Lady of the Rosary of the Black Men and Saint Benedict, but it is known it was built in 1821 on the access hill between the lowlands of the Lavapés Stream and the Main Church, now called Rosary Square. “In 1872 the church’s façade was refurbished and a new front in colonial style was added. In the bell tower was installed a 150kg bell donated by the members of the Black Men Fraternity in 1903. In 1920, the building showed dangerous structural flaws that might make it collapse. Thus, in 1929 it was demolished and a new and everlasting one was designed by architect Amador Cintra do Prado and built by Francisco Rodrigues de Gouvêia. Now the new church had two exposed-bricks big towers on top of which there was a cross. Inside, the floor is all tiled, and rich altars in pearl marble show beautiful images of its patron saints. The artistic stained-glass windows donated by Bragança’s families and friends prove to be a sizable complement to the beautiful interior design of the Rosary Church, finished in the late 1940s by the sacred painter Salvador Ligabue. The art works it contains are a true example of the rich artistic religious heritage of the city and of Bragança Diocese. The beautiful images of Our Lady of the Rosary and Saint Benedict, the church’s protectors, were donated in 1933.The original image of Our Lady of the Rosary is exhibited in its own niche in the sacristy.Two stately towers 41 meters high display a clock, and the bells in Sol, Si and Re notes are respectively called Our Lady of the Rosary, Saint Anthony and Saint Benedict, as per the inscriptions in each one. The Holy Sacrament Chapel has frescoes and pictures painted by sacred artist Bruno de Giusti.


A devoção a Nossa Senhora da Esperança começou na Espanha no ano de 656, durante o Concílio de Toledo. Nesse país é conhecida como Nossa Senhora do Ó, e significa a esperança da vinda de Cristo em sua gravidez. Essa devoção se espalhou pela Europa e a Virgem Santa se tornou a protetora dos navegantes. A esquadra de Pedro Álvares Cabral trouxe uma imagem para cá e com ela rezaram a primeira missa no Brasil. A imagem que aqui esteve está guardada na Quinta de Belmonte, em Portugal. O culto a Nossa Senhora da Esperança data de muitos séculos. Tornou-se mais intenso na época dos descobrimentos pela fé dos navegadores que, sob a proteção da Virgem Maria, aventuravam-se “por mares nunca d’antes navegados”. Em Belmonte, terra natal de Pedro Álvares Cabral, venerava-se Nossa Senhora da Esperança. A imagem, pesando 90Kg, é esculpida em pedra, tem o Menino Jesus no colo, olhando para uma pomba pousada no braço direito de Maria. Conta a história que o rei Dom Manuel, no dia 8 de Março de 1500, um domingo, após a missa celebrada pelo Bispo Dom Diogo Ortiz, vendo as caravelas prontas para zarpar entregou a Pedro Álvares Cabral o estandarte régio e a imagem de Nossa Senhora da Esperança. No dia 22 de abril, após a travessia do Oceano Atlântico, Cabral ancorava com sua frota em Porto Seguro. No dia seguinte, Frei Henrique Soares de Coimbra sob a invocação de Nossa Senhora da Esperança celebrava a Primeira Missa no Brasil. A Paróquia em Bragança vem ao encontro das necessidades do povo e traz consigo os sonhos e anseios de toda uma comunidade.

Our Lady of Hope [Nossa Senhora da Esperança] The devotion to Our Lady of Hope started in Spain in 656 a.C., during the Toledo Council. There she is called Nuestra Señora Del O, meaning hope for Christ’s coming during her pregnancy. The devotion spread throughout Europe and she became the seafarers’ protector. Pedro Álvares Cabral squadron brought an image of the Saint, and it was placed at the altar when the first Mass was celebrated on Brazilian soil. Now, this imagem is kept at Quinta de Belmonte, in Portugal. Our Lady of Hope has been worshipped for many centuries now. The cult intensified during the age of discoveries thanks to the faithful adventurers who asked for the Virgin Mary’s protection to get under sails and risk themselves “through seas never explored before”. In Belmonte, Pedro Álvares Cabral homeland, Our Lady of Hope was worshipped too, and her 90kg stone sculpture shows Baby Jesus in her arms looking at a dove resting on her right arm. History says that the Portuguese king Dom Manuel, on March 8th 1500, after the Sunday Mass celebrated by Bishop Dom Diogo Ortiz, watching the caravels ready to sail, handed to Pedro Álvares Cabral the royal flag and an image of Our Lady of Hope. On April 22nd, after crossing the Atlantic Ocean, Cabral arrives with his fleet at Porto Seguro. The next day, father Henrique Soares de Coimbra, invoking Our Lady of Hope, celebrated the First Mass on Brazilian soil. Bragança’s Parish dedicates itself to meeting the people’s needs and helping the whole community to fulfill their dreams.

FOTOS MARCIO MASULINO

Nossa Senhora da Esperança

Paróquia de Nossa Senhora da Esperança

{ Our Lady of Hope Parish }

Bragança Paulista 27


Religião

Religion Capela de Madre Paulina da Santa Casa de Misericórdia

celso padroeiro o Senhor Bom Jesus dos Passos. O hospital da Santa Casa de Bragança Paulista foi inaugurado em 1877, em prédio alugado, à Rua lavapés, atual Rua Barão de Juqueri.Frente à crescente necessidade de mais espaço, em 1896, iniciou-se a construção de instalações apropriadas. A obra foi inaugurada em 1900. graças aos esforços de seus administradores, a Santa Casa expandiu-se, construindo alguns pavilhões. em 21 de agosto de 1909 chegaram a Bragança às irmãzinhas da imaculada Conceição e ali permaneceram até 1974, local onde Madre Paulina doou seus esforços para ajudar mais e mais os que ali chegavam a procura de socorro. Segundo o padre luigi Maria Rossi, pároco de nova trento-SC e conselheiro de Madre Paulina, foram nove anos de prova, considerados “como clara permissão de deus para que Madre Paulina se tornasse vítima de amor e de reparação”. na Santa Casa temos o quarto preservado onde Madre Paulina dormia no seu primeiro ano na cidade e a Capela Madre Paulina.

{ Mather Paulina chapel of Mercy Hospital }

Fonte: Arquivos Santa Casa de Bragança Paulista

MARCIO MASULINO

The Rosary Church

Irmandade do Senhor Bom Jesus dos Passos da Santa Casa de Misericórdia de Bragança Paulista A SAntA CASA de BRAgAnçA PAuliStA teve início com a fundação da irmandade do Senhor Bom Jesus dos Passos, em 1874, com o objetivo de servir a deus pela observância do culto à religião Católica Apostólica Romana e o exercício das obras de misericórdia; e como princípio manter hospital de caridade e promover a devoção ao culto do seu ex28 Cidade&Cultura

Bragança Paulista Mercy HosPital began with the foundation of the sisterhood of good lord Jesus in 1874, dedicated to serve god after the roman catholic apostolic precepts, and to perform merciful work. its operational principle was to keep a charitable hospital and to enhance the devotion to good lord Jesus, its protector and inspiration. the Mercy Hospital in Bragança Paulista was inaugurated in 1877, in a rented building at lavapés st, today called Barão de Juqueri st. needing larger areas to treat the sick, in 1896 new wings began to be built.the new hospital was inaugurated in 1900. thanks to the work of its Board, the Mercy Hospital grew and new pavillions were added to the original compound. in august 21th, 1909 the sisters of the immaculate conception congregation come to Bragança where they remain until 1974. there Mother Pauline worked and provided unceasing support to the larger and larger groups of people coming for help. according to Father luigi Maria rossi, a priest in nova trento-sc and Mother Pauline’s councilor, there ensued nine demanding years considered “a clear permission of god for Mother Pauline to become a victim of love and reparation”. at the Mercy Hospital there is the Mother Pauline chapel, and the room where she used to sleep during her first year in town is kept as she knew it. Source: Files of the Bragança Paulista Mercy Hospital


Religião

Religion

Congregação das Irmãzinhas da Imaculada Conceição

MARCIO MASULINO

{ Congregation of the Sisters of the Immaculate Conception }

Congregação das Irmãzinhas da Imaculada Conceição AindA em novA TRenTo em SAnTA CATARinA, entre 1888 e 1890, Amábile sonha por três noites consecutivas com nossa Senhora de Lourdes, que lhe faz este pedido: “É meu ardente desejo que comeces uma obra; trabalharás pela salvação de minhas filhas!” então em 1890, junto com sua amiga virgínia nicolodi, sai de casa e vai cuidar de Ângela Lúcia viviane, que estava com câncer terminal. o desdobramento desse fato culminou na fundação da Congregação das irmãzinhas da imaculada Conceição. Uniu-se às duas a irmã Teresa maule, e a aprovação diocesana ocorreu em 1895. meses após, as irmãzinhas professam sua fé e tornam-se, respectivamente, irmã Paulina do Coração Agonizante de Jesus, irmã matilde da imaculada Conceição (virgínia), e irmã inês de São José (Tereza). em 1903, madre Paulina recebe o título de Superiora-Geral ad vitam. Plantando as sementes de seu trabalho caridoso, funda a Congregação na cidade de São Paulo e depois em Bragança Paulista. Hoje a Congregação em Bragança abriga as irmãzinhas que trouxeram, depois de um trabalho árduo, os 300 restos mortais de todas as outras que trabalharam nessa missão de misericórdia na cidade. os despojos estão todos reunidos no memorial dentro da Congregação, local de retiro agradável e clima harmonioso. Onde: Rua Viscondessa da Cunha Bueno, 430. 30 Cidade&Cultura

Congregation of the Sisters of the Immaculate Conception While still in nova trento in the state of santa Catarina, between 1888 and 1890, amábile dreamt three nights in a row with our lady of lourdes who asked something from her. the virgin told her, “it is my ardent desire that you begin this work for the salvation of my daughters!” so, in 1890, together with her friend virgínia nicolodi she leaves home to look after Ângela lúcia viviane, suffering from cancer in its last stage. this was the beginning of the Congregation of the sisters of the immaculate Conception. soon the two were joined by sister teresa Maule, and in 1895 they were granted the diocesan approval. a few months later, the sisters professed their faith and became, respectively, sister Pauline of the agonizing heart of Jesus, sister Matilda of the immaculate Conception, and sister inês of saint Joseph. in 1903, Mother Pauline becomes Mother superior General ad vitam. spreading the seeds of her charitable work, she opens the Congregation in são Paulo city and then in Bragança Paulista. nowadays, the Congregation in Bragança safeguards in its memorial, a pleasant and harmonious place for a retreat, the mortal remains of the 300 sisters who have completed their merciful mission in the city. Where: 430 Viscondessa da Cunha Bueno St.


Madre Paulina

work in a chapel at ipiranga district, lodging former slaves’s children, orphans and old people. she arrived in Bragança Paulista in 1909, expanding the work done by the sisters of the immaculate conception congregation where she lived until 1918, bringing love, comfort and christ’s message to everyone in need. then she came back to são Paulo and led a secluded life until her death on July 9th, 1942, having become blind and diabetic. Pope John Paul ii canonized her in 2002 by the name of saint Pauline of the Agonzing heart of Jesus. She is considered the first Brazilian saint. “Be humble, always trust in the Divine Providence. never ever give up even in face of great obstacles. once again i tell you, trust in God and the immaculate mary. remain steady and keep going!” – saint Pauline

AustríAcA de 1865, AmABile luciA VisintAiner, cresceu pobre. Aos 10 anos de idade mudou-se para o Brasil e junto com sua família foram morar no estado de santa catarinana cidade de nova trento.em 1887, ou seja aos 12 anos, Amabile já catequizava crianças da cidade e também da região, onde montou um grupo de mulheres com autorização do Bispo de curitiba, que recebeu o nome de “congregação Filhas da imaculada conceição”, no ano de 1895. este ano também foi o dos seus votos, quando recebeu o nome de madre Paulina do coração Agonizante de Jesus. O trabalho foi ampliado e a congregação passou a receber doentes e órfãos. com poucos recursos econômicos, as irmãs trabalhavam na roça e na indústria da seda. em 1903, mudou-se para são Paulo e começou o trabalho da sagrada Família em uma capela do bairro ipiranga, abrigando filhos de ex escravos, órfãos e idosos. chegou a Bragança Paulista no ano de 1909, ampliando o trabalho da congregação das irmãzinhas da imaculada conceição, onde viveu até 1918, levando amor, consolo e a palavra de cristo aos necessitados. depois, voltou para são Paulo e levou uma vida reservada. morreu com diabetes e cega, em 9 de julho de 1942. O Papa João Paulo ii canonizou-a em 2002, sob o nome de santa Paulina do coração Agonizante de Jesus, considerada a primeira santa brasileira. “sede bem humildes, confiai sempre e muito na divina Providência; nunca, jamais, desanimeis, embora venham ventos contrários. novamente vos digo: confiai em deus e em maria imaculada; permanecei firmes e adiante!”. santa Paulina

Born in AustriA in 1865,AmABile luciAVisintAiner was a poor child.When she was 10 years old the family moved to Brazil and went to the state of santa catarina where they settled in a city called nova trento. in 1887,the 12-years old Amabile already preached to children in the city and nearby where she assembled a women’s group, having granted the curitiba’s bishop permission.the group known as Daughters of the immaculate conception congregation started in 1895. the same year she took her vows and changed her name to mother Pauline of the Agonizing Heart of Jesus. the work expanded with the congregation welcoming sick people and orphans. With their scarce resources, the sisters worked the land and in the silk industry. in 1903, mother Pauline moved to são Paulo where she started the sacred Family

DIVULGAÇÃO

Mother Pauline

Madre Paulina

{ Mother Pauline }

Bragança Paulista 31


Religião

MARCIO MASULINO

Religion

Azilo São Vicente de Paulo e Construção do prédio atual do Asilo de Mendicidade

{ Saint Vincent de Paul Asylum and Construction of the present building }

De outubRo De 1909 a junho De 1952, o asilo funcionou em um modesto casarão que pertenceu ao Cel. olegário ernesto da Silva Leme. no prédio e chácara adquiridos em 1909, registros mostram que estava escrito na facha asylo de Mendicidade do Centro Catholico de bragança. Foi do “Centro Católico de bragança”, que partiu a ideia e a ação que se traduziu na realidade com a aquisição do imóvel e a criação do asilo de Mendicidade. ao passar dos anos, com poucos recursos e o prédio danificado, foi feita uma campanha pró-construção do novo asilo em 1947. em solenidade realizada em 11 de setembro de 1949, Dom josé Maurício da Rocha, bispo diocesano, procedia e bênção e lançamento da pedra fundamental do novo prédio. o novo prédio do asilo de Mendicidade São Vicente de Paulo foi festivamente inaugurado em 15 de junho de 1952; e em 1967 construiu-se o 2º pavilhão com dois pavimentos.atualmente, o asilo conta com recursos arrecadados de entidades públicas e privadas. Suas festas para arrecadação de fundos são grandes eventos onde a sociedade bragantina faz questão de participar. e o que vimos dentro desta instituição foi uma grande dedicação dos funcionários que, na maioria, também pregam a fé em Madre Paulina. 32 Cidade&Cultura

DIVULGAÇÃO

Asilo São Vicente de Paulo Saint Vincent de Paul Asylum From october 1909 to June 1952, othe asylum was in a simple house, though large, formerly belonging to cel. olegário ernesto da Silva Leme. About the house and orchard area bought in 1909, records show that the façade bopre the inscription “Asylo de mendicidade do centro catholico de bragança” [beggars Asylum of bragança’s catholic center]. From this bragança catholic center came the idea and the action translated into reality when the estate was bought and the beggars Asylum was founded. Lacking enough budget for maintenance the building deteriorated but in 1947 a successful campaign gathered resources for a new one. In a cerimony held in September 11th, 1949 the Diocesan bishop Dom José maurício da rocha blessed the new premises and its founding stone. the new house of the Saint Vincent de Paul beggars Asylum was happily inaugurated in Jne 15th, 1952, In 1967 a second two-storey pavilion was added. today the Asylum receives donations from public and private organizations. It also throws parties to gather more resources, large events in which bragança’s society is eager to participate.the institution is famous by its empolyees’s commitment and dedication, most of whom are also mother Pauline’s devotees.


Igreja dos Enforcados Templo singelo e emblemático do século XiX é a igreja dos enforcados, construída no local de uma

Primeiro milagre de Madre Paulina

árvore onde os negros cativos eram enforcados como castigo por tentarem fugir. Certa vez, um condenado resistiu ao enforcamento várias vezes, a corda não

O PrimeirO milagre de madre Paulina foi registrado em imbituba (SC). Foi reconhecido como cura instantânea, perfeita e duradoura de eluíza rosa de Souza que, estando grávida, sofria com a morte intrauterina do feto e sua retenção por alguns meses. eluíza passou pela remoção cirúrgica do feto e por uma revisão do útero, seguida porém de grande hemorragia e de um quadro de choque, aparentemente irreversível. após análise do caso conforme protocolos científicos e teológicos, foi comprovado o milagre que o Santo Padre ratificou, aprovando as conclusões da Congregação para as Causas dos Santos, e elevando madre Paulina à condição de beata em 1991 e o segundo milagre é datado de 5 de junho de 1992. iza Bruna Vieira de Souza nasce com um tumor da cabeça. Operada, sofre convulsões cerebrais e, aparentemente, sem chance de sobreviver. a avó coloca um retrato de madre Paulina perto da menina. em 24 horas, depois de ser batizada, a menina recupera a saúde.

o estrangulava. Tomados pelo assombro, resolveram absolvê-lo não só do castigo, mas também libertandoo. Como muitos atribuíam o fenômeno à providência divina, construíram a capela sob a invocação de nossa Senhora dos enforcados. Onde: Rua da Liberdade

The Church of the Hanged at the same time humble and representative of 19th religious architecture, the Church of the hanged was built on the same site where once there was a tree where black slaves used to be hanged as punishment for having tried to escape. This lasted until a slave miraculously survived several times the hanging he was sentenced to. They tried hard but the rope would not strangle him. overwhelmed, the authorities decided to free him. seeing in it the divine Providence interference, they built the chapel and dedicated it to our lady of the hanged.

Fonte: www.santuariosantapaulina.org.br

Mother Pauline’ first miracle

Source: www.santuariosantapaulina.org.br

Igreja dos Enforcados

{ The Church of the Hanged }

ANDRÉ PRATA

The firsT miracle was recorded in imbiTubasc, and acknowledged was a perfect, lating and instatantenous cure of eluíza rosa de souza. while she was pregnant, the phoetus died prematurely in hwer womb but her body kept it in there for a few months. after the problem was solved by a surgical removal of the dead matter, a huge bleeding ensued and she suffered an irreversible shock. after the case was analyzed both by doctors and the church, the miracle was acknowledged and endorsed by the Pope, approving the conclusions of the congregation for the cause of the saints, granting Mother Pauline beatified status in 1991 and the second miracle happened on June 5th, 1992. Iza Bruna Vieira de souza was born with a nasty brain tumor. after surgery, the baby suffered brain convulsive fits. Apparently death seemed imminent. her grandmother placed mother Pauline’s photo near the girl. Twenty four hours after being baptized, the baby was healthy again.

Bragança Paulista 33


Religião

Relig

ANDRÉ PRATA

+

ligioso o Rem Turisiom us Touris

ANDRÉ PRATA

Religion

{ Saint Francis of Assisi Church, Saint Terezinha Parish, Saint Terezinha Parish, Mary’s Immaculate Heart, Our Lady Aparecida Church, Saint Benedict Church, Saint Luzia Church, Santa Rita de Cássia Church - Paulo Pacitt St. and Saint Joseph Church } 34 Cidade&Cultura

FOTOS MARCIO MASULINO

Igreja de São Francisco, Paróquia de Santa Terezinha, Igreja de Santa Terezinha, Igreja Coração Imaculado de Maria, Igreja de Nossa Senhora da Aparecida, Igreja de São Benedito, Igreja Santa Luzia, Paróquia Santa Rita de Cássia - R. Paulo Pacitti e Igreja de São José


Imigração

Immigration

certa

Mistura

The right mix

36 Cidade&Cultura


Keirokai e Taiko

Valores aprendidos

Learned values

FOTOS MARCIO MASUILNO

o PoVo Brasileiro foi formado inicialmente Por índios e Portugueses que deram início a um povo de personalidade única. mais tarde, ainda no século XVi, chegaram os africanos com suas ricas tradições religiosas e sua música. com o advento da abolição da escravatura, entram os italianos com sua comida e o jeito amoroso no trato com as pessoas e, mais tarde, os japoneses, com técnicas e hábitos totalmente diferentes do que aqui encontraram. toda essa mistura de modos de vida e valores, objetivos e métodos de trabalhos poderia ter dado muito errado, mas o que poderia ter sido uma catástrofe se tornou um único povo internacionalmente reconhecido por sua alegria e tolerância.

At first, nAtive indiAns And the Portuguese immigrAnts formed the first generation of the Brazilian people, imparting us a unique personality. Later on, still on the 16th century, came the Africans and their rich music and religious beliefs. After the slavery abolition, Italians arrive in large groups, adding their passion, their affectionate way to treat people and their cooking to the mix. Then, Brazil welcomed three main immigrant waves of Japanese with quite peculiar techniques and style of life. So many ways of doing things, so many different objectives and work methods… chances were things could have turned out really complicated but what could have been catastrophic ended up being really one only homogeneous people, the Brazilians!

{ Keirokai e Taiko }

Colônia Japonesa data de 1937 o primeiro registro da presença nipônica em Bragança Paulista, com a chegada de rinzo aoki. a partir do final da década de 1940 e início da seguinte, a comunidade teve um crescimento significativo, atraída principalmente pelas terras férteis e pelo clima favorável. o crescimento da colônia, e consequentemente o aumento da produção agrícola, teve seu destaque maior na cultura da batata. além dos produtores desse tubérculo, muitos outros vieram para cultivar hortaliças, cereais, frutas e flores, assim como avicultores que aqui se instalaram. a criação da associação nipo-Brasileira, em 1955, se confunde com o início da cooperativa Pensionato de Bragança Paulista, que tinha um claro objetivo: preservar as tradições, os costumes e a língua japonesa, ao

The Japanese Colony The first recorded Japanese immigrant in Bragança Paulista dates back to 1937 with the arrival of Rinzo Aoki. Since the late 1940s and in the next few decades, the local Japanese community grew steadily mainly thanks to the favorable climate and fer tile land. The naturally greater production assured by a larger colony was mainly made of potato farmers but cereals, vegetable, fruits and flowers growers and poultr y raisers also came to settle in Bragança. In 1955 the Nipo Brazilian Association star ted side by side with the Bragança Paulista Boarding House Bragança Paulista 37


Imigração

FOTOS NOÉ HOSOkawa

Immigration

Colônia japonesa, Festival do Japão e Funjinkai (senhoras da Associação no preparo tradicional do Yakissoba)

{ Japanese Colony - Japan Festival - Funjikai (Association ladies’ group into preparing the delicious yakissoba }

mesmo tempo em que ajudava os filhos de agricultores, que muitas vezes moravam longe da cidade, a frequentar a escola em Bragança. Esse sonho dos pioneiros – a perpetuação da língua e dos costumes – foi e é cultivado pelas diretorias que se seguiram desde a década de 1950. Hoje, com o empenho do corpo docente, coordenado pela professora Uenishi, a escola mantém cerca de 50 alunos, muitos deles não descendentes, numa mostra clara do entrosamento nipo-brasileiro, além de demonstrar a admiração que a cultura japonesa desperta em muitos brasileiros. A união dos agricultores em torno da Nipo e do núcleo local da Cooperativa Agrícola de Cotia – Cooperativa Central tornou possível a realização da “1ª Festa da Batata”, em 1963, angariando fundos para a construção da sede social (kaikan). O patrimônio da Nipo hoje conta com dois bens: o kaikan e o campo de beisebol, ambos localizados no bairro Águas Claras, em Bragança Paulista. A associação, que em 2015 completará 60 anos, realizará durante o próximo ano vários eventos comemorativos, e estará trabalhando para que os eventos já consagrados de seu calendário anual sejam ainda mais especiais para celebrar essa data tão importante. 38 Cidade&Cultura

Cooperative, originally founded with a steady mission, i.e. to cultivate the Japanese language, traditions and habits. It also helped farmers’s children who lived far from town to attend schools in Bragança. The pioneers’ dream—to preser ve the language and their way of life—was and still is cared for ever y Board of Directors since the first one in the 1950s. Now, with a committed group of professionals under the coordination of teacher Uenishi, the Japanese school keeps around 50 students, many of which not Japanese descendents, clearly showing the adaptation among both peoples and the admiration felt by many Brazilian towards the Japanese culture. The farmers’ coalition around Nipo Brazilian Association and the local headquar ters of the Cotia Agricultural Cooperative – Central Cooperative made it possible to host the First Potato Feast in 1963. The proceeds were destined to build a kaikan , the headoffice. Today, Nipo Association’s estate comprises the kaikan and a baseball field, both at Águas Claras district in Bragança Paulista. In 2015 the association celebrates its 60th anniversar y and many special events will be held along the year to celebrate the date.


Gateball – Esporte coletivo de taco, similar ao críquete. Essa modalidade esportiva introduzida do Japão consiste em um jogo leve, com desgaste físico moderado, podendo assim ser realizado por pessoas de ambos os sexos e qualquer idade. O gateball tem sido benéfico para os sócios da terceira idade da Associação, por trabalhar seu condicionamento físico e social. O time treina três vezes por semana, no campo de Águas Claras. Beisebol – O beisebol é ainda hoje o esporte mais popular dos japoneses, praticado desde torneios colegiais até as ligas profissionais. O time composto dos jovens e dos idosos da Associação treina todos os domingos no campo de Águas Claras. Karaoke – Hobby de origem japonesa, no qual as pessoas cantam acompanhando versões instrumentais de músicas famosas legendadas na tela de um monitor. Ensaios são realizados todas as quartas feiras, na sede da Associação. Fujinkai – Esse é o grupo de senhoras da Associação. Elas são responsáveis pelo preparo do tradicional yakissoba em eventos como o Festival do Japão. Taiko – O grupo Aozora Daiko foi fundado em março de 2007 pelos jovens do Seinenkai de Bragança, e inicialmente se chamou Grupo de Taiko de Bragança Paulista. No início, os treinos eram apenas com bambus, porém aos poucos o grupo foi adquirindo os primeiros tambores e assim surgiram as primeiras apresentações. Em 2009 foi escolhido um novo nome para o grupo: Aozora Daiko, que significa “céu azul”, com a ideia de que o som dos tambores ecoe até os céus. Agora contando com cerca de 30 membros, o Aozora Daiko cresce cada vez mais, buscando sempre divulgar não só a cultura japonesa e o taiko, mas também a noção de que união e amizade importam mais que tudo. Escola de língua japonesa – Começou em 1951, como alojamento para os descendentes de japoneses, e ainda hoje continua funcionando como e uma escola de língua japonesa. Atualmente conta não somente com alunos nikkeis, mas muitos brasileiros que têm grande interesse na cultura japonesa.

Para aqueles que desejarem participar de alguma atividade da Associação, nossas portas estão abertas e todos são bem-vindos, não apenas descendentes de japoneses. Para maiores informações, entrar em contato pelo telefone 4033-2996 ou pelo e-mail: nipo.bp@uol.com.br. No Facebook: www.facebook.com/AssociacaoNipoBraganca

Gateball – This is a bat group sport similar to criquet. After it was introduced in Japan it became quite popular as a light game demanding moderate physical exertion. It can be played both by men and women of any age. Senior associates have benefitted a lot of playing gateball due to the social and physical fitness it offers. The Association’s team practices three times a week at Águas Claras Field. Baseball –This still is the most popular sport among the Japanese people who begin to play early in school and go all the way up to the professional leagues. Every Sunday one can see ready for practice on the field teams that assemble both elderly young players. Karaoke – Japanese in origin, this is the hobby for those who love to sing together with the instrumental played on screen with subtitles. Practice happens every Wednesday at the Association’s head-office. Fujinkai – That is the Association ladies’ group. They are in charge of preparing the delicious yakissoba at events such as the Japan Festival. Taiko – Group Aozora Daiko. Founded in March 2007 by the Young Seinenkai group of Bragança, its original name was Taiko Group of Bragança Paulista. At first they only practiced with bamboo sticks but gradually the group was able to buy the first drums—taikos, and soon started their public performances. In 2009 the group decided to chage its name for Aozora Daiko, meaning “blue sky” in the hope that the drumming echoes up through the skies. Now Aozora Daiko has 30 members and keeps growing, with the mission to spread Japanese culture and taiko significance among wider circles besides encouraging union and friendship which are the truly important things. Japanese Language School – It began in 1951 as a lodging place for Japanese descendents and today it still is a Japanese Language School. Nowadays, not only Nikkei students attend classes but also many Brazilian pupils want to know more about Japanese culture.

Our doors are open to anyone interested in our activities and we welcome all, Japanese descendents or not. For additional information, please call 4033-2996 or send an e-mail to nipo.bp@uol.com.br. It is also possible to get in touch through our Facebook page at www.facebook.com/AssociacaoNipoBraganca. Bragança Paulista 39


MARCIO MASUILNO

Imigração

Immigration

The Italian Colony

Colônia Italiana A mudança definitiva Construção com trabalho A partir da segunda metade do século XIX e no início do século XX, os italianos saíram em massa de sua terra natal, motivados por graves problemas econômicos impostos pela chegada da industrialização. Nesse cenário, os camponeses sofreram forte retração de mercado para seus produtos e não tiveram mais como sustentar a família. No Brasil, com o crescimento do movimento abolicionista, os cafeicultores estimularam a vinda de imigrantes para trabalhar em suas lavouras. Por nossas fronteiras chegaram mais de 1 milhão de italianos, depois de enfrentarem as condições mais adversas da travessia por mar. Assim que se instalaram, viram seus sonhos desmoronar tendo encontrado aqui condições de trabalho muito parecidas com as dos escravos. A notícia se espalhou e o governo italiano alertou que não ofereceria mais subsídios para passagens ao Brasil. Com a quebra da bolsa de Nova York em 1929, o preço do café despencou no mercado internacional. Isso causou a falência de muitos cafeicultores, que então venderam suas propriedades a preços baixos. Esse movimento permitiu a muitos italianos conquistar definitivamente seu lugar ao sol, fazendo dessa conquista uma arma para vencer e ao mesmo tempo promover o desenvolvimento de muitas cidades. Muitos dos que optaram por trabalhar na zona urbana tornaram-se donos de fábricas e pontos comerciais. Em 1938, Getúlio Vargas implantou a Campanha da 40 Cidade&Cultura

The final move Hard work and accompplishments Since middle 19th century and the first decades of the 20th, after becoming unable to overcome the difficulties imposed by the Industrial Revolution huge groups of Italians left their homeland. Suffering an implacable market retraction for produce, peasants had no more means to provide for their families. In Brazil, the growing anti slavery moviment inspired coffee plantation owners to stimulate immigration so as to have workers for their crops. Over one million Italian immigrants crossed our borders after overcoming terrible days through the seas. Soon upon arrival though their dreams were shattered when they found working conditions in the farms similar to slavery. The news reached back their native country and the Italian government decided to stop subsiding tickets for new immigrants. At the same time, with the 1929 New York Stock Exchange crash, coffee prices came to the lowest levels ever pushing many coffee growers into brankrupcy. Their properties were sold at sale prices. That was how the resilient Italian farmers were able to finally buy their dreamed-of piece of land. Their strenght spurred not only their own progress but also many cities developped at the time because of their tenacity. Many of those who had tried to make a living in bigger towns became owners of plants and business enterprises. In 1938, Getúlio Vargas implemented a Nationalizing Campaign, making it compulsory the use of Brazilian names in schools, where only Brazilian teachers could work. Foreign languages were banned.Vargas also closed foreign institutions and associations, made radio programs to be censored, and street names, outdoors etc. could not be displayed unless explicitly national in form and content. With the II World War it all turned much worse, when Italian assets were seized upon regularly.


In Bragança Paulista, the Società Democratica de Mutuo Socorso—the Italian-Brazilian Society for Mutual Help—was founded in February 2nd, 1891. With initial 129 contributing associates and Nicolau Asprino as their president, the organization came to be thanks to its president’s efforts and the help of democrats such as Samuel Saul, Captain Nicolau Barra, Francisco Barlette and Próspero Bertolotti. With its democratic and humanitarian purposes inscribed into its three-colored banner, it aimed at caring for and protecting its associates’ interests and also meeting the needs of every Italian in Brazilian soil. In 1893, the Society managed to send to Santos and Campinas a substantial financial help to assist yellow fever victims, and again in 1895, more money was sent to Red Cross to help Italian soldiers wounded in the African War. Also in 1895 the Society’s head-office began to be built at Coronel Leme St. During the II WW, when many families of Italian businessmen and manufacturers as well their clubs were discriminated against all over Brazil, donations were interrupted by obvious reasons. Presently, the Italian-Brazilian Society for Mutual Help in Bragança Paulista is among the biggest symbols of a memorable period in our nation’s development, when Brazil abolished slavery and moved towards democracy. During these times of values transformation, new habits, accepting what was different and mostly an increasingly evident races mingling became strong elements in the formation of the Brazilian people. Source: Sociedade Ítalo-Brasileira de Bragança Paulista. 176 Coronel Leme St. – Downtown. ACERVO MEMORIAL DO IMIGRANTE | wIkIpEDIA.ORG

Nacionalização, tornando obrigatório o uso de nomes brasileiros em estabelecimentos de ensino; os professores tinham de ser brasileiros e era proibido o uso de língua estrangeira. Vargas proibiu também instituições e associações estrangeiras, impôs censura a programas de rádio, nomes de ruas, cartazes, ou seja, nada que não fosse brasileiro poderia ser exibido. E a situação ficou muito pior com a Segunda Guerra Mundial, quando o confisco de bens dos italianos se tornou uma prática comum. Em Bragança Paulista, a Sociedade Ítalo-Brasileira foi fundada em 2 de fevereiro de 1891, com o nome de Società Democratica de Mutuo Socorso. Contava com 129 sócios-contribuintes e seu presidente era Nicolau Asprino. A entidade surgiu graças aos esforços de seu primeiro presidente e de democratas como Samuel Saul, o capitão Nicolau Barra, Francisco Barlette e Próspero Bertolotti, com um bem organizado regimento interno. Tinha fins democráticos e humanitários, como estava inscrito em seu estandarte tricolor, para zelo e defesa dos interesses dos associados e para atender às necessidades de todos os compatriotas. Em 1893, a Sociedade conseguiu enviar para Santos e Campinas a quantidade de 2 contos de reis para auxílio às vítimas da febre amarela; em 1895, um conto e cento e cinco mil reis para a Cruz Vermelha, em auxílio dos feridos na Guerra da África. Nesse mesmo ano, começou a construção de sua sede na Rua Coronel Leme. Durante a Segunda Guerra Mundial, época em que muitas famílias italianas de industriais e comerciantes e clubes de todo o Brasil sofreram discriminação, houve uma estagnação nas ações humanitárias, por motivos óbvios. Atualmente, a Sociedade Ítalo-Brasileira de Bragança Paulista é um dos maiores símbolos de um momento marcante do progresso nacional, quando o país deixou de ser escravagista e avançou rumo à democracia. Nesse período de transformação de valores, agregação de costumes, aceitação de diferenças e, principalmente, acentuação da miscigenação consolidou-se uma das bases da formação do povo brasileiro. Fonte: Sociedade Ítalo-Brasileira de Bragança Paulista. R. Coronel Leme, 176 – Centro.

Sociedade Ítalo-Brasileira de Bragança Paulista - Navio com imigrantes italianos no porto de Santos (1907)

{ Society Ítalo -Brasileria de Bragança Paulista - Ship with italians immigrants at por of Santos - Society “ìtalo Brasileira de Bragança Paulista } Bragança Paulista 41


Imigração

Immigration

MARCIO MASUILNO

Africanos Normalmente, quando nos referimos a imigração, não mencionamos um dos primeiros povos a vir para o Brasil, independentemente de ter sido por vontade própria ou por causa da escravidão: os africanos. Depois de subjugada, a raça negra foi a que mais deu sustentáculo ao desenvolvimento do país. Contando literalmente com seu suor e seu sangue, pudemos produzir primeiro a cana-de-açúcar e depois o café. Sem essas mãos e suas crenças, o Brasil não teria sua personalidade de molejo, cadência e força para superar obstáculos. Não nos cabe aqui dissertar sobre todas as influências africanas já enraizadas, mas daremos destaque a um ramo dos vários e inúmeros descendentes dos reinos que aqui deixaram seus herdeiros: a nação Nagô Omirere.

The Africans Máscaras africanas

{ African masks }

Afoxé Nação Nagô Mirere Afoxé, em yorubá, significa “a fala que faz” e não é apenas um bloco carnavalesco que geralmente abre desfiles de rua. É uma manifestação religiosa destinada a abençoar a festa. Maio cultural Passeata da caminhada da Consciência Negra Apresentação na escola EMABA Dia da Ação de Graça Feira das Nações O grande articulador de todos os eventos Tatalorixá Bil de Sángò do Ilê Soba da família Omirere

Afoxe Nago Mirere Nation In yoruba, “afoxé” means “the talk that does”. It is not just a Carnival parading group usually opening street parades. Afoxe is a religious manifestation designed to bless the festival. May in culture Public parade on foot to celebrate the Black Awareness Date Performance, EMABA School Thnaksgiving Day Nations Fair The great promoter of every event Tatalorixa Bil de Sango from Ile Soba of Omirere Family 42 Cidade&Cultura

When we talk about immigration we usually tend not to mention one of the first peoples to come to Brazil though not of their own will but under slave trade conditions— the Africans. They were our biggest support to build the country’s development. Compelled to submit, the Africans literally gave their blood and sweat so that first sugarcane and next coffee could grow in export amounts. Without their hands and their beliefs Brazil would not have the same personality characteristics—swaying, rhythmic, resilient before obstacles to be overcome.This is not the place for an extended analysis of all African influences deeply ingrained in our people, but here we will highlight a few things about one branch of the several and many other realms that gave us their descendants—the Nagô Omirere nation.

Festa do Orixá Oxossi e São Sebastião Realizada pela Associação Bragantina de Umbanda e Candomblé – ABUC, essa festa reúne rituais dedicados a Oxossi e a todos os orixás para promover a comunhão e a paz de todos.

Orixa Oxossi and Saint Sebastian Festival Held by the Associação Bragantina de Umbanda and Candomblé – ABUC, the festival brings together rituals dedicated to Oxossi and all the Orixas in communion and peace for everybody.


Imigração

Immigration

Nação Nagô Omirere Família Nagô Mirere da nação do rei Sángò. A família Mirere, de origem yorubá, surgiu no encontro do rio Osun com o rio Oba na antiga Oyo-Nigéria, na qual o patriarca era Baba Joko (o chefe, o pai que comanda sentado em seu trono). A palavra “Mirere” (Omirere) significa água que flui bem e belamente.

Nago Omirere Nation Mirere Nago Family of the King Sango Nation. The Mirere Family is from yoruba origin, originally from the Osun River meets the Oba River in the once called Oyo-Nigeria region.There reigned the patriarch Baba Joko (the chief, the father who commands sitting on his throne). The word “Mirere” (Omirere) means water that flows well and beautifully.

Nago Mirere Voodoo [Candomblé] in Brasil The Nago people were one of the last groups to come to Brazil since they resisted for a long time in Oyo, Africa. Good strategists, they had quite an organized army. The first Nago woman to arrive here was Ya Massu. She founded the first Nago Voodoo House at Baixa do Sapateiro in Salvador, Bahia. Mother Massu’s house was inherited by Father Joseph and Mother Mary. From that dynasty which spread all over Brazil, came to Bragança Paulista Casimiro Gomes de Oliveira, known as “Miro de Sobá”, initiated at Mané de Sango’s house in Caruaru, Pernambuco. Together with Yalorisa Elza de Yemonjá Ogunté and Asipa Nazareno de Yemonjá Parana, he founded the first voodoo of the Mirere Family in the State of São Paulo, back in 1970. The leader of the house now is Severino Ferreira da Silva, known as Bil de Sango (Grand Babalorisa). He is in charge of all activities, with the help of Baba Gabola (Nodawí) and Yalorisa Agela (Dariju). Branches of Miro de Soba: Sorocaba, Taipa, Brasília, Poços de Caldas, Uberaba, Sumaré, Barbacena e Extrema. Source: Sango Aira

Candomblé Nagô Mirere no Brasil O povo nagô foi um dos últimos a vir para o Brasil, pois resistiram por muito tempo em Oyo, na África. Eram estrategistas e tinham um exército bem organizado. A primeira negra Nagô Mirere que pisou em solo brasileiro foi Ya Massú, fundadora do primeiro candomblé Nagô Mirere na Baixa do Sapateiro em Salvador, Bahia. A casa de mãe Massú foi herdada por pai José e mãe Maria. E, dessa dinastia alastrada pelo Brasil, veio para Bragança Paulista Casimiro Gomes de Oliveira, conhecido como Miro de Sobá, iniciado na casa de Mané de Sángò em Caruaru, Pernambuco. Junto com a Yalorisa Elza de Yemonjá Ogunté e seu Asipa Nazareno de Yemonjá Paraná, fundou o primeiro candomblé da família Mirere no Estado de São Paulo, em 1970. Atualmente o herdeiro dessa casa é Severino Ferreira da Silva, conhecido como Pai Bil de Sángò (Grão Babalórisa), que comanda todas as atividades com Babá Gabola (Nodawí) e a Yalorisá Ângela (Daríju). Ramos de Miro de Sobá: Sorocaba, Taipa, Brasília, Poços de Caldas, Uberaba, Sumaré, Barbacena e Extrema.

Taking part in the preservation of African culture, their creeds and folklore are perhaps the best contribution to the history of Brazilian past that Omirere performs in lectures and celebrations. The activities usually engage the whole town in celebrations and festivities that bring back the past in substantial ways, transcending walls and occupying the streets.

Tatalorixa Bil de Sángô do Ilê Soba

Participar da preservação da cultura, da crença e do folclore africano é talvez a melhor contribuição histórica ao passado brasileiro que o Omirere registra em palestras e festas. Suas atividades envolvem toda a cidade em comemorações e festejos que revisitam o passado de forma substancial e, vencendo paredes, ganham as ruas. 44 Cidade&Cultura

MARCIO MASUILNO

Fonte: Sángò Airá


Câmara

Chamber

Marco de

Respeito à memória Respecting the Memory

democracia Democratic Milestone

DesDe 1797, quanDo a Câmara muniCipal foi instalaDa, ou seja, 34 anos após a fundação do povoado de Conceição do Jaguary, essa instituição vem confirmando os princípios da liberdade e da democracia. Já em seus primeiros momentos como Vila nova Bragança, foram nomeados – por meio do voto dos chamados “homens bons” (proprietários de terras ou os que tinham títulos honoríficos) –, para mandatos de um ano, dois juízes ordinários, três vereadores e um procurador. Com a Constituição de 1824, foi criado o cargo de presidente da Câmara, ocupado pelo vereador mais votado, e autorizado o aumento do legislativo para sete vereadores com mandato de quatro anos. em 1856, por conta do aumento da população e da elevação de Bragança à categoria de cidade, a Câmara passou a ter nove vereadores. Com o fim do império e a implantação da república, houve a necessidade de uma nova Constituição, redigida então por seus principais articuladores, prudente de morais e rui Barbosa. nela estão contidos conceitos estadunidenses, com parâmetros claros de descentralização dos poderes do estado-maior com a adoção de um modelo federalista, além de mais autonomia para estados e 46 Cidade&Cultura

Since 1797 when the Municipal chaMbeR waS eStabliShed, 34 years after conceição do Jaguary borough was founded, the institution still complies with the principles of freedom and democracy. In its very first moments after being elevated to Vila nova bragança, two common judges, three council-men and a public prosecutor were chosen by the then called “good men”, who were land owners or noblemen. these public servants were elected for one year mandates. after the 1824 constitution was ratified, a new Chamber President was chosen among the best voted council-men. legislative power now was in the hands of seven members elected for four years mandates. in 1856, to keep up with the population growth and the village having been elevated to town, the chamber raised to nine the number of its council-men. after the end of the empire and the establishment of the Republic, a new constitution was in order. its main champions were prudente de Morais and Rui barbosa who included in the new document north american concepts. there was a clear attempt at decentralizing the General Staff powers with a federalist model which allowed more freedom to States and Municipalities. the Moderating power was abolished to make place for new three ones, namely the executive, the legislative


Auditório “José Nantala Babue” Livro aberto no dia da Instalação da Câmara Municipal em dezembro 1797 - Livro de Ouro aberto no dia da Proclamação da República

FOTOS MARCIO MASULINO

{ Auditorium “José Nantala Bádue” - Book started the day the Municipal Chamber was appointed, in December 1797 - The Gold Book started at the Republic }

Municípios. Extinguiu-se o poder moderador e foram criados os três poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário). Com o golpe de 1930 que colocou Getúlio Vargas no comando do país, os Estados e os Municípios perderam a autonomia e o poder administrativo, agora nas mãos dos interventores. As circunstâncias políticas nacionais marcadas pela barbárie patrocinada pelo Governo Provisório de Vargas descontentavam várias vertentes idealistas e deram origem a muitas revoltas em todo o território nacional. Uma dessas foi a Revolução Constitucionalista de 1932 quando o Estado de São Paulo teve papel de protagonista e que, a duras penas, conquistou seu objetivo em 1934: a promulgação de uma nova Constituição. Porém, em 1937, com a desestabilização do governo de Vargas, seus defensores lançaram um boato de proporções nocivas à nação, boato esse denominado Plano Cohen, segundo o qual um complô comunista encabeçado pela então União Soviética daria outro golpe de Estado no país. Todos acreditaram no Plano Cohen e o Congresso Nacional deu carta branca a Getúlio para “caçar” os supostos conspiradores. Com to-

and the Judiciary. After the 1930 coup d’état that made Getúlio Vargas the country’s leader, States and Municipalities lost their autonomy and administrative power, now given to temporary governors (interventors). Aggressive political decisions implemented by Vargas’s Provisory Government gave rise to a strong discontentment among idealists of several ranks. All over the country rebellious demonstrations expressed the people resentment. In 1932 the Constitution Revolution spearheaded by the State of São Paulo fought hard and at a high cost but in the end achieved its purpose, namely a new Constitution finally ratified in 1934. Three years later though, with a destabilized government, Vargas’s partisans spread a nationwide devastating rumor called the Cohen Plan, by means of which an allegedly communist plot led by the then called Soviet Union would take over the country after another coup d’état. Everybody believed in the false information, and the National Congress gave full permission to Getúlio “to hunt” the fabled schemers. Having got rid of all his enemies, Vargas decreed the so called “Estado Novo” (New State), closed the Congress, and made Bragança Paulista 47


Câmara

Chamber

dos os inimigos políticos fora de seu caminho, Vargas implantou o Estado Novo, fechando o Congresso e anulando a Constituição de 1934. Ao mesmo tempo, impôs uma nova constituição – apelidada de Polaca – cujo teor tendencioso era favorável ao fascismo. A Câmara de Bragança Paulista funcionou até 1937, quando foi dissolvida nos termos do artigo 178 da Constituição promulgada nesse mesmo ano. Quando Getúlio Vargas saiu do poder, foi eleito como presidente o general Eurico Gaspar Dutra, que promoveu a retomada da democracia brasileira com a convocação de eleições para o Legislativo. Em 1948, a Câmara Municipal de Bragança voltou a funcionar com base na Lei Orgânica do Município até 1964, dirigida por uma mesa composta de presidente, vice-presidente e secretários eleitos pelos vereadores para mandato de um ano, posteriormente alterado para dois anos. A Constituição de 1988 transferiu a responsabilidade da Lei Orgânica aos Municípios, até então competência dos Estados. Promulgada em 2 de abril de 1990, a Lei Orgânica do Município de Bragança Paulista determinou o número de vereadores proporcional ao número de habitantes do município. Apesar de todas as intempéries históricas pelas quais a Câmara Municipal de Bragança Paulista passou, todos os que aqui legislaram em prol dos ideais da população mantiveram esta Casa de forma honrada e compromissada com suas obrigações. Hoje, o que vemos é uma estrutura pouco comum em outras localidades, com a responsabilidade inigualável de armazenar a história política do Município. Fontes: www.camarabp.sp.gov.br; www.infoescola.com.br; www.históriabrasileira.com.br; www.justicaeleitoral.jus.br

48 Cidade&Cultura

the 1934 Constitution void. In its place he ratified a new one, nicknamed “Polish”, strongly favorable to fascism. Bragança Paulista’s Chamber kept open until 1937 when it was dismantled as per Article 178 of the recently adopted Constitution. After Vargas left the government, General Eurico Gaspar Dutra was elected president, and became responsible to bring democracy back calling the election process for legislative mandates. In 1948 Bragança’s Municipal Chamber resumed its work based on the Municipal Organic Act, which remained valid until 1964. The Chamber’s Directing Board included a president, a vice president and secretaries elected by the council-men for one year mandates, then extended to two years. The 1988 Constitution turned to the Municipality the responsibility for the Organic Act, which until then was under State supervision. Announced on April 2nd, 1990, the Organic Act of Bragança Paulista Municipality decided the number of council-men should be proportional to the number of its citizens. Resilient throughout all the ups and downs, Bragança Paulista’s Municipal Chamber always housed representatives who fought hard to make up to everyone’s ideals, keeping the House honorable and faithfully committed to its mission. Today the city is proud to avail itself of a quite unique administrative structure, diligent in its responsibility to keep alive its great historical and political background. Sources:www.camarabp.sp.gov.br;www.infoescola.com.br;www. históriabrasileira.com.br; www.justicaeleitoral.jus.br


Acervo do Centro de Documentação e Informação da Câmara Municipal de Bragança Paulista. Arquivo deslizante que contém os processos que originaram as leis do Município desde 1948

Departamentos da Câmara Municipal A Câmara Municipal de Bragança Paulista tem oito departamentos: Jurídico, Gabinete da Presidência (GP), Administrativo (DEA), Legislativo (DEL), Informática (DEI), Comunicação Institucional (DCI), Financeiro (DEF) e Documentação e Assessoria Parlamentar (DDAP). Dentre os citados, o departamento que mais nos chamou a atenção foi o de Documentação e Assessoria Parlamentar (DDAP). Por sua organização documental é um verdadeiro guardião da história do Município de Bragança Paulista. Aberto ao público, seu acervo contém obras e atas desde a instalação da Câmara em 1797, com tesouros históricos que protagonizaram as mudanças regionais e do país. Com zelo e arquivos estruturados dentro das normas mais modernas de acondicionamento de livros, vídeos e documentos, o visitante ou o pesquisador tem ao seu alcance e de forma organizada um centro de documentação invejável. As principais funções culturais desse departamento são: acompanhar o processo de produção documental da Câmara; preservar a memória do Legislativo Municipal; desenvolver convênios, sobretudo os que visem a reconstituição da memória do Legislativo bragantino; processar tecnicamente o acervo bibliográfico de forma a possibilitar a recuperação de informações; reunir sob sua responsabilidade todos os conjuntos informativos, constituindo acervos bibliográficos, arquivísticos, cartográficos, audiovisuais e artísticos.

FOTOS MARCIO MASULINO

{ Collection of the Documents and Information Center of the Municipal Chamber in Bragança Paulista. The sliding collection contains the processes that gave birth to the municipal laws since 1948 }

Municipal Chamber Departments The Municipal Chamber in Bragança Paulista has eight depar tments, namely, Legal, the President’s Cabinet, Administrative, Legislative, Technology of Information, Institutional Communication, Finance, and Parliamentary Communication and Suppor t This last one was the depar tment we found most interesting. Its impressive organization of documents makes it the true guardian of Bragança’s municipal history. It is open to visitors but an appointment must be made in advance. Its collection contains works and acts since the Chamber’s foundation in 1797, revealing historical treasures about relevant local changes as well as national events. Books, videos and paper documents are filed and cared for according to the most modern techniques, creating a sizable and admirable collection for visitors and researchers. As a cultural depar tment its main tasks include following up the Chamber’s document production processes; keeping the city Legislative’s memor y; establishing par tnerships, par ticularly those designed to rescue the city legislative records; technically processing the librar y’s collection to make it easier to retrieve data; gathering in useful sets with per tinent technical precautions all relevant data to set up specific collections of books, files, maps, audio, visual and ar tistic materials, informing the council-men and the administrative units at regular inter vals of any new acquisition.

Bragança Paulista 49


Arquitetura

Architecture

Auge dA lAvourA e da riqueza Top cropping and wealth

O ciclo do Ouro

negro

The Black Gold Cycle 50 Cidade&Cultura


FOTOS MARCIO MASULINO

Casarão R. Coronel João Leme, 590, Palácio Santo Agostinho - Prefeitura Municipal e Associação de Escritores de Bragança Paulista - R Cel. Leme, 35

{ Manor house, 590 Coronel João Leme St. - Santo Agostinho Palace – Town Hall - ASES – Writers Association of Bragança Paulista – 35 Cel. Leme St }

Já em 1826, a região central do estado de são Paulo produzia uma quantidade significativa de café. ainda que menos do que o Vale do Paraíba, aos poucos os engenhos de cana-de-açúcar foram sendo substituídos pelo ouro negro. campinas registrou 8.081 arrobas; Piracicaba, 4.699 arrobas; Bragança Paulista, 2.400 arrobas; Jundiaí, 1.276 arrobas; itu, 1.052 arrobas e mogi mirim, 610 arrobas. na segunda metade do século XiX, os grandes cafeicultores tinham se tornado uma elite diferenciada. antes apenas proprietários de fazendas, transformaram-se então em pessoas que podiam viajar, estudar e possuir casas em outras regiões. ganhavam títulos de nobreza e faziam parte da corte brasileira. eram os “Barões do café”. suas opiniões eram relevantes para

Palacete do Barão de Itapema

{ Baron of Itapema’s manor house }

By 1826, the State of São Paulo central region showed significant coffee production.though at a slower pace than that issued by the Paraíba Valley, sugarcane mills gradually began to be replaced by the “black gold.” Some statistical data on coffee yield (in “arrobas”*): Campinas 8,081; Piracicaba 4,699, Bragança Paulista 2,400; Jundiaí 1,276; Itu 1,052 ande Mogi Mirim 610. During the later half of the 19th century, the biggest coffee growers had become an upper class of their own. Once mere farm owners, they now were people who could travel, study, have houses in other places. they were given nobility titles and became members of the Brazilian Court. This is when the Coffee Barons come to fore, men whose strong opinions greatly impacted decisions affecting the whole nation. Domineering political parties were founded that spurred the Bragança Paulista 51


Arquitetura

Architecture

Teatro Carlos Gomes Tendo sido o primeiro no interior do Estado de São Paulo, o Teatro Carlos Gomes foi construído entre 1892 e 1894 em estilo neoclássico e ficou em funcionamento por dez anos.

Carlos Gomes Theatre

ANDRÉ PRATA

was built between 1892 and 1894 in neoclassical style. Open for ten years, it was the first one in the State of São Paulo countryside.

Teatro Carlos Gomes

{ Carlos Gomes Theatre }

o destino do país. Fundaram partidos, dominaram a política, influenciaram a queda da monarquia. Enfim, meio século de forte predomínio. Muitos dos que passaram a vida dentro de suas fazendas, construíram casas no centro das vilas, os chamados “solares” ou “casarões”, que se tornaram a marca da riqueza que acumularam. O centro de Bragança Paulista é um exemplo clássico da elite formada pelos Barões do Café. Sua arquitetura demonstra claramente a ascensão do poder econômico permitido pelo grão. Na época colonial as casas não tinham adornos, brasões, varandas, andares superiores. Suas fachadas eram pacatas e sem cor, pois não havia condições de usar outra matéria-prima além do barro e da madeira. Com a vinda da família imperial para o nosso país e a abertura dos portos, outros materiais foram incorporados nas fachadas das antigas residências coloniais. O ferro, o ladrilho, as cores, o mármore, madeiras nobres e frontões triangulares entraram em cena com seu ecletismo e transformaram a paisagem monótona das ruas. 52 Cidade&Cultura

fall of monarchy. Such influence would last half a century. Many people who had spent their entire life living in the country also built a house in town on privileged sites in the hamlets. Manor-houses and mansions display the wealth they amassed. Downtown Bragança Paulista is a typical example of the elite formed by the so called Coffee Barons. Its architecture shows distintctive features of the economic power brought about by coffee crops. In colonial times, houses had no ornaments, no coat of arms, no balconies, no upper floor. Façades were monotonous and colorless since there were no raw materials other than mud and wood. After the Portuguese Royal Family moved to Brazil and ports were open, other finishing materials started to be used on old colonial houses façades. Iron, decorated tiles, colors, marble, higher quality wood and triangular gables became regular features in upper class homes, introducing ecleticism and forever changing the until then dull urban landscape. *Arroba – measure of weight equivalent to 15kg approximately.


Artes

Arts

Inspiração

e cores Inspiration and colors Milan Horvat O pintOr iugOslAvO MilAn HOrvArt veiO pArA O BrAsil e escolheu Bragança paulista para morar. Cubista, teve suas obras expostas no mundo todo. seguem aqui algumas palavras sobre o artista tiradas de texto de um grande incentivador das artes: “Formado pela universidade de Belgrado, sua arte pode ser inscrita na categoria que Ortega y gasset reservava os artífices que comunicam e são entendidos pelos apreciadores do figurativo. pintura rica de percepções que transparecem num conceber geométrico, pacatas colorações justamente apropriadas às composições. As paisagens reconstroem idealmente as arquiteturas, harmonizando-as, exaltando-as em singulares sínteses formais. usuário de uma técnica não gritante, Milan concilia uma visão, diria, normativa ao se manifestar, distinguida por uma imaginação que alegra suas telas. É um artista que não pretende surpreender por meio de extravagâncias, as quais são bem aceitas quando explodem naturalmente, e por outro lado, insuportáveis quando às vezes repetidas na poluição modística dos seguidores das maneiras alheias.”

The Yugoslavian painTer Milan horvarT caMe To Brazil and chose Bragança paulista to settle down. The cubist artist had works exhibited in several places around the world. next, check what a notorious arts sponsor had to say about horvart: having graduated from Belgrade university, his art can be included in that category ortega y gasset reserved to those who communicate with and are understood by people who enjoy the Figurative style. paintings rich in perceptions manifest through geometrical shapes peaceful colors finely adequate to the compositions. landscapes ideally rebuild architectures harmonizing them, exalting them in exquisite formal synthesis. Using a rather low-profile technique, Milan reconciles a normative vision in its expression with a vivid imagination which brings joy to its paintings. This is an artist whose intent is not to surprise through extravagant elements, which are welcome though when they happen naturally, and thoroughly unbearable when their repetition is sometimes confusedly taken as a fashionist pollution of followers of ways alien to their own”.

Fonte: Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand

Source: São Paulo Art Museum Assis Chateaubriand

54 Cidade&Cultura


Gilson Santos Gilson displays all over town his art work, mainly sculptures made from wire, fabric and paper but also collage pieces. the artist’s sculptures have already been exhibited in Brazil and abroad, such as the ants installation shown in France. while he was just a boy, Gilson made toys and music instruments, trying his early techniques to express his talent and creativity. For many years he worked as support instructor at Fesb art workshop. he was awarded in itatiba for his sculptures and two times got honorable Mention ar the art salon also in itatiba. his ants installation was the runner-up in atibaia. Mild-mannered Gilson is engaging an increasingly large group of fans extending well beyond Bragança, the state of São Paulo and finally got him a place of international reputation at Mont Marsan in the south of France when he was commissioned to design the trophy for the Contis Film Festival.

FOTOS MarciO MaSulinO

Gilson realiza manifestações de arte na cidade. suas obras e técnicas principais envolvem esculturas em arame, tecido, papel e muita criatividade para fazer colagens. Gilson já fez exposições no Brasil e no exterior, como a instalação sobre formigas exposta na frança. desde criança fazia brinquedos e instrumentos musicais, demonstrando grande talento e capacidade de criação. foi instrutor de apoio na oficina de arte da fesb por muitos anos. teve esculturas premiadas em itatiba e recebeu duas vezes menção Honrosa no salão de arte da mesma cidade. em atibaia, sua instalação das formigas também foi premiada. com sua simplicidade, Gilson vem cativando o público e se destacando tanto na região bragantina como no estado de são Paulo e também no cenário internacional. na cidade de mont de marsan no sul da frança, foi o idealizador dos troféus do festival de cinema de contis.

Formigas gigantes

{ Giant ants }

Bragança Paulista 55


Artes

Arts

Clube Literário e Recreativo de Bragança Paulista Literary and Recreational Club of Bragança Paulista Fundado em 1894, o Clube Literário ocupa o palacete no Largo da Matriz. Esse magnífico local é um testemunho admirável da época áurea dos Barões do Café e da elite bragantina. Desde seus primórdios, o Clube ajudou na educação, na recreação e no desenvolvimento cultural da cidade. Para se ter uma ideia, em 1909 sua biblioteca já era frequentada por cerca de 4 mil pessoas por ano. Assim que entramos em seu salão, nos sentimos transportados de volta ao século XIX. Em sua rica decoração, o passado segue preservado. Os famosos bailes, sempre concorridos, as festas de debutantes, os bailes de carnaval, todos os eventos sociais marcantes continuam ali vivos na memória bragantina. R. Dr. Cândido Rodrigues, 17

56 Cidade&Cultura

Founded in 1894, the Literary Club is set in the manor house at the Mother Church Square. The splendid palace bears live witness to the golden times of the Coffee Barons and Bragança’s local elite. Since its very beginning, the Literary Club sponsored education and recreation activities, and cultural development. To give the readers an idea, in 1909 its library was already visited by at least four thousand people a year. As soon as one enters the large hall, it is like going back to the past. The rich decoration is a memory preservation device. Famous balls and cotillions for a large crowd, unforgettable Carnival parties, everything is recorded for ever for the citizens. Where: 17 Dr. Cândido Rodrigues St.


José Bueno Pelas mãos desse oPerário da esPiritualidade saem imagens que enfeitam a cidade de Bragança Paulista. esses ícones sacros se tornaram símbolos da grande paixão cristã que envolve a comunidade bragantina. Com suas mãos calejadas pela lida com o cimento, José Bueno, de uma simplicidade ímpar, nos conta que em cada obra feita passo a passo são embutidos pedidos escritos em papel por fiéis que ali depositam suas esperanças de receber uma graça. Bueno é um exímio construtor em pedra, e um exemplo clássico de sua obra é a gruta da Paróquia de Nossa senhora da esperança. em meio ao calor escaldante do meio-dia, ao adentrarmos a gruta o prazer do frescor mais a emanação de bons fluidos oferecem um bálsamo para os visitantes. Fazer um circuito por suas obras vale a pena; afinal, a cidade é uma galeria a céu aberto. uma das peças mais queridas de Bueno é a imagem de Nossa senhora da esperança que está na paróquia de mesmo nome. Foi por meio dela que José pediu forças e intuição para sua construção. Para tanto caminhou até a cidade de aparecida em 1989 e, por isso, todos os anos formam-se grupos de romaria até a cidade santa do Brasil. obras: são Francisco de assis, Nossa senhora da Conceição, madre Paulina, santo agostinho, madre Cândida e Paróquia de Nossa senhora da esperança.

FOTOS MarciO MaSulinO

This handicrafTer creaTes spiriTualized images bedecking many places around Bragança paulista. his sacred icons became symbols of the strong christian passion that engajes virtually all of the local community. With hands hardened from dealing with cement, the extremely humble José Bueno reveals us that inside each piece of work step by step carefully executed he puts requests written in small pieces of paper by people who believe their calls will be heard and a grace will be received. Bueno is a masterful stone builder, and one masterful example of his work is at the cave at Our lade of hope [nossa senhora da esperança] parish. under the scorching midday sun, going inside the cove to feel its refreshing coolness and high vibrations is a true relief for visitors. it is a truly worthwhile experience to make a tour to know his works since the city is practically an open air gallery. One on Bueno’s most cherished pieces is the Our lady of hope image installed in the namesake church. in 1989 the artist travelled to the holy city of aparecida where he prayed to the Virgin asking for the necessary strength and intuition to make her a proper image. That is why since then every year pilgrimages groups are organized to pay the Virgin Mary a tribute. Besides that one, Buenos’s works include statues of saint francis of assisi, Our lady of conception, Mother paulina, saint augustine, and Mother cândida.

Bragança Paulista 57


Artes

Arts

Sérgio Prata Ao entrArmos no Ateliê de sérgio PrAtA, parece que pisamos em um santuário da arte. desde menino participava de concursos de escultura em areia, quando em 1981, aos 17 anos, recebeu o Prêmio nacional Air France e, com isso, ganhou uma viagem a Paris. deixou a UsP, embarcou para a França e lá foi aceito em duas escolas superiores de artes. optou pela école nationale supérieure des Beaux Arts, que freqüentou durante cinco anos e onde teve a oportunidade de estudar as obras dos grandes mestres. desde então, o artista plástico e sacro criou dezenas de painéis monumentais em mais de vinte igrejas e, como pesquisador, deu continuidade aos estudos técnicos com especialistas, restauradores, técnicos de pintura, industriais do setor artístico, iconógrafos e vitralistas. em 1996, desenvolveu a técnica trifásica, com a qual cria obras visíveis no escuro e sob luz ultravioleta. em 2008, foi ao monte Athos, na grécia, em busca dos conhecimentos dos monges iconógrafos. defensor ferrenho do estudo das técnicas empregadas pelos antepassados, explica que todo artista deve herdar o conhecimento dos grandes mestres da arte: “Aplicar as técnicas comprovadamente resistentes é a maneira de perpetuar sua obra”. e completa: “A cada descoberta em técnicas de pintura, a criatividade encontra novos meios de expressão”. Atualmente, sérgio também ministra cursos on-line, palestras e escreve livros sobre técnicas de pintura, anatomia e composição, enquanto pinta uma capela em Barbacena e faz os vitrais de uma capela em são José dos Campos. “A produção de arte não pode ser limitada por tendências temporais. o espírito criador é livre, libertário e libertador, por ser expressão pura. A arte é, portanto, diretamente ligada à liberdade, e o direito dos criadores não deve nem pode ser cerceado, cercado, adestrado, segundo uma vertente ideológica, estética ou de pensamento. logicamente, o bom senso, o bom gosto e o respeito ao sagrado devem ser o norte de todo artista sacro” Fonte: www.sergioprata.com.br

58 Cidade&Cultura

When We come inside sérgio Prata’s atelier, it seems we are going an art sanctuary. since he was a small boy, Prata took part in sand sculpting contests. in 1981, the 17 years-old was awarded the national air France Prize which meant a trip to Paris where he was accepted as a student at two art graduation courses. he chose the école nationale supérieure des Beaux ar ts where he graduated from after five years, having learned a lot about the great masters’ work. since then, the plastic and sacred artist has created several huge panels for 15 churches in many different cities. as a researcher, he kept on learning and improving his techniques with exper ts, industrial restoration professionals, painting technicians, iconographers, and stained glass artists among others. In 1996, Prata developed a three-phase technique that allows his works to be seen in dark rooms and under ultraviolet light. In 2008, he went up Athos Hill in Greece to search for the iconographer monks. A fierce champion of studying the technical legacy of the old masters, he says that the artist must know what has been done by the great ones who came before and made what ar t history is. He says that understanding every technique is to sublimate the work and to make it in such a way it lasts forever. Finally he adds, “At each technical discovery is the light of revelation that wakes up, is the creativity that finds a way to express itself.” nowadays sérgio teaches on-line, delivers lectures and writes books on painting techniques. “Art production must not be limited by periodical trends. The creative spirit is free and freeing, because it is pure expression. therefore, art is directly linked to freedom, and the creators’ right should not and it cannot be trimmed, constricted, or trained according to any specific way of thinking.” Source: www.sergioprata.com.br


Marcio Masulino

A abside tem como tema Cristo Pantocrátor abençoando os fiéis, ladeado por São José e Santa Terezinha, padroeiros da igreja. André Prata usou pigmentos fosforescentes na execução desta pintura. Com isso, quando as luzes estão apagadas, aparece a face de Cristo no Santo Sudário na região do peito de Cristo Pantocrátor.

{ The apse’s theme is Christ Pantocrator blessing the faithful. At His side, Saint Joseph and Saint Terezinha, the church protectors. André Prata used phosphoric pigments in this painting so, when lights are turned off, the Sacred Face on the Holy Handkerchief is visible on Christ Pantocrator’s chest (Art) } Bragança Paulista 59


Artes

Arts

Grupo Flor de Chitão Chitão Flower Group FormAdo pelos músiCos irmei liz, João santos, regis oliveira, marcos Caetano, luiz daniele, eurípedes liz, o Grupo Flor de Chitão homenageou em seu nome o tecido mais comum da vestimenta feminina caipira com seus alegres floridos, caracterizam atualmente os trajes e decoração de festas populares em todo Brasil. o grupo executam músicas que traduzem o colorido, a alegria, a diversão do povo brasileiro em uma miscelânea de ritmos que exibem o que o Brasil tem de mais rico: a mpB, canções folclóricas cantadas por lavadeiras e fiandeiras, folias e congadas, músicas regionais, e raiz, além de composições próprias. Contato: 55- (11) 4033-7774 Fonte: Irmei Menezes de Liz

With musicians irmei Liz (folcklore expert, violin player, fiddler, conductor), João Santos (percussionist), Regis Oliveira (bass player, composer), Marcos Caetano (violin player), Luiz Daniele (backing vocals), Eurípedes Liz (folclkore expert, singer, fiddler), the Chitão Flower Group chose its name as a tribute to the most common fabric used in country women’s garments, with its colourful and happy flower patterns, mostly used during our June/July folklore feasts. The group’s repertory translates the fun and the excitement of the Brazilian temperament into varied rhythms displaying the richest aspects of our popular music and folklore songs wellknown by washerwomen and spinnerwomen, together with “folias” and “congadas”, country lore and their own compositions. Phone number: 4033-7774

FOTOS DIVULGAÇÃO

Source: Irmei Menezes de Liz

60 Cidade&Cultura


Orquestra Violeiros do Rio Jaguari Rio Jaguari Fiddlers Orchestra SoB a regência de irmei menezeS de Liz, desde 2010 os violeiros encantam o público com repertório de músicas da cultura caipira e elementos folclóricos como a Folia de reis e São gonçalo. ao todo, são 35 pessoas de diversas faixas etárias, trabalhando pela divulgação da maestria sonora da viola caipira. este projeto é realizado pela oSciP SoS Vale do Jaguari em parceria com a Prefeitura municipal. através da Secretaria de cultura e Turismo, o projeto também mantem aulas gratuitas para violeiros iniciantes e crianças, propagando e divulgando a cultura caipira. os Violeiros emocionam a plateia e nos remete ao tempo em que a vida nos brindava com boas músicas e boas prosas ao lado de um fogão a lenha. Coordenadora / Regente: SOS Vale do Jaguari. Contato: 55-(11) 4033-7774

ConduCted by IrmeI menezes de LIz, in partnership with sos Vale do Jaguari social Organization and the Mayor’s Office, since 2010 the rio Jaguari Fiddlers orchestra delights audiences with performances of countryside culture and music, bringing in folklore elements from “Folia de reis”and the são Gonçalo Feast. the group is made of 35 artists of every age bracket working to spread the sound mastery of the country fiddle. At the IX minas and são Paulo Fiddlers orchestra meeting at Araxá (mG), rio Jaguari Fiddlers marvelled the audience with their interpretation of the Folia de reis. their performances are cultural event which takes us back to a time when life meant time to enjoy good music and good chatting by a charcoal oven. Music Coordinator, SOS Vale do Jaguari. Phone number: 4033-7774

Fonte: Irmei Menezes de Liz

Source: Irmei Menezes de Liz

Bragança Paulista 61


Artes

DIVULGAÇÃO

Arts

Grupo de Catireiros “Pisando em Brasa” “Pisando Em Brasa” Catira Group A SOS VAle dO JAguAri é umA OSCiP que conta com a parceria da Prefeitura de Bragança Paulista através da Secretaria de Cultura e Turismo. Juntas essas organizações trabalham com a missão de manter e divulgar elementos da tradicional cultura caipira em nossa cidade. Com o intuito de ampliar as atividades e agregar valor ao trabalho, criou em 2013 o grupo de catireiros “Pisando em Brasa”. O catira é uma dança brasileira típica, de influência indígena e africana, cuja data exata de criação é desconhecida. Sua propagação acontece em meio ao povo caipira que há muitos anos traz esse elemento cultural para o lazer e a alegria de suas festas e encontros. A dança chama atenção pela sincronia das batidas de pés e mãos ao som da viola caipira, nos intervalos dos versos em modas e recortados. O grupo “Pisando em Brasa” possui atualmente nove integrantes, entre homens e mulheres, adultos e crianças, que se encontram para estudar, cantar e coreografar músicas de raiz para representar Bragança. Responsável: Irmei Menezes de Liz. Contato: irmei@hotmail.com Fone : 55+11 957718789

62 Cidade&Cultura

SOS Vale dO Jaguari iS a SOcial OrganizatiOn in partnerShip with Bragança paulista city administration through its department of culture and tourism. Working together, the entities aim at helping to keep and promote our town’s cultural and country traditions. in order to expand its activities and add value to its work, in 2013 a few artists started a catira dance group called “pisando em Brasa” (Stepping on Burning coal, which pretty much describes the basic steps of such dance). “catira” is a typical Brazilian dance from indian and african origins whose creation date is not known for sure. countryside folks have kept it alive for a long time now. it is a happy and exciting set of movements that always meant a lot for the simple people living deep in the country, with its rhythmic and synchronic strong foot stomping followed by hands clapping loud during the breaks of fiddlers playing and singing their traditional verses. now the group has 9 members, among adults and children of both genders, who meet to study, sing and prepare choreographies for bluegrass music lore to perform in festivals and to represent Bragança. Manager: Irmei Menezes de Liz. Contact: irmei@hotmail.com


Artes

Arts

Laís Mei Since She waS 12 yearS old laís spent long periodsoftime drawing and painting. at 18 she started to teach painting and then went on to graduate from an arts college in São Paulo. Several of her works were shown at individual exhibitions, as in club homs in São Paulo, and at the 1st Theme exhibition of the Braganca Paulista Municipal chamber. after graduating from college, laís took courses on porcelain and pottery techniques, among others. now her work includes TV shows for several channels where she demonstrates how to make all kinds of pieces. Where: 203 San Marino St.

DIVULGAÇÃO

DesDe os 12 Anos De iDADe, Laís trabalha com desenho e pintura. Começou a dar aulas de pintura aos 18 anos e fez faculdade de educação Artística. Já realizou várias exposições, incluindo o Clube Homs, em são Paulo, e participou da Primeira exposição Temática na Câmara Municipal de Bragança Paulista. Além da faculdade, realizou em são Paulo capital estudos sobre técnicas de porcelana, cerâmica etc. Atualmente, demonstra a confecção de peças em programas de artesanato do Canal Rural, no programa “Arte com Vida” na TV Aparecida; no programa “Arte Brasil” da TV século 21; no programa “Ateliê” na TV Gazeta, além de se envolver em várias outras atividades para a divulgação de trabalhos manuais. Onde: Alameda San Marino, 203.

64 Cidade&Cultura


Artes

Arts

Maria Valéria Telles de Aguiar Born in SantoS But Bragantina at heart, former actress Valéria aguiar is now an arts teacher. her passion for teaching made her let the stage behind to fully dedicate herself to acting classes and its side activities in setting, costumes, make-up, sound technique, stage managing and so on. Between 2005 and 2006 she organized the arts festival of the school she worked at. as a result, the students asked to her to put a theater group together to rehearse after school hours, the same way the choir practices already in place. thus began the still active Fratri alatere group. to keep up with the students’ growth, Valéria went back to school to get her Master’s Degree in Stage arts. the group has already performed Victor hugo’s the hunchback of notre Dame, Dias gomes’s o Bem-amado, two comedies by Shakespeare – Midsummer night’s Dream and tempest – and two lively renditions of hamlet. For 2014 the group is preparing rafael Sabatini’s Scaramouche, adapted to stage by Valéria herself who also enrolled the group in the ademar guerra Project. establishing important partnerships, a few artistic guidances helped the group with their stage body, improvisation and voice techniques exercises, besides intense body and masks workshops with coach ewerton ribeiro, on Sunday meetings.the Scaramouche performance at the Casa da Cultura [Culture Center] in Bragança Paulista was met with an standing ovation. “i’m constantly dedicated to this dream called the stage. With engajing performances i work to help young people get to know texts that usually are available only far away, in São Paulo city. My project aims to study classical material so that they learn how gratifying it is to learn from them, how much freedom they allow us to have... the world turns and the work goes on.”

DIVULGAÇÃO

NAturAl de SANtoS e brAgANtiNA de CorAção, Valéria é professora de Arte e foi atriz. Sua paixão pelo magistério fez com que abandonasse os palcos e se dedicasse integralmente às aulas de teatro e suas vertentes: cenário, figurinos, maquiagem, sonoplastia, contrarregra etc. entre 2005 e 2006 realizou o festival da escola onde trabalhava. Como resultado, os alunos pediram para montar um grupo de teatro fora do período escolar, como o coral que já existia. iniciou-se então o Fratri Alatere (do latim “irmãos lado a lado”), grupo que está ativo. Para acompanhar o crescimento de aprendizagem dos alunos, Valéria voltou a estudar e fez pós-graduação em Artes Cênicas. o grupo encenou “o corcunda de Notre dame”, de Victor Hugo, “o bem-Amado” de dias gomes, “Sonho de uma Noite de Verão” e “A tempestade”, de Shakespeare, além de duas montagens muito dinâmicas de “Hamlet”. o trabalho de 2014 é “Scaramouche”, de rafael Sabatini, com adaptação para teatro da própria professora. Para essa peça, Valéria escreveu e inscreveu o grupo no Projeto Ademar guerra e, por meio de parcerias, conseguiu várias orientações artísticas: corpo teatral, improvisação, voz e exercícios intensos de corporalidade e máscara com o orientador ewerton ribeiro, sempre com encontros aos domingos. A apresentação de “Scaramouche” na Casa da Cultura em bragança Paulista foi aplaudida de pé. “Vivo constantemente a serviço desse sonho chamado teatro. Com montagens envolventes, levo toda uma geração a conhecer textos que só seriam possíveis bem longe, lá na capital, São Paulo. Meu projeto está voltado para o estudo desses textos, para que os jovens percebam como é gratificante é aprender com os clássicos, quanta liberdade se aprende com eles... e o mundo gira e o trabalho prossegue.”

66 Cidade&Cultura


Artes

DIVULGAÇÃO

Arts

Nando Fagundes NANdo FAguNdes, brAgANtiNo de CorAção desde 1999, leva a arte teatral de bragança Paulista para a região e vários estados brasileiros. Participa de muitas ações sociais em prol das crianças com câncer e em condição de vulnerabilidade social. É conhecido por sua criatividade, pela atuação em festas e espetáculos como ator e diretor e pelas ações sociais, motivacionais e culturais que realiza em todo o brasil. o artista representa bragança Paulista em shows, eventos e concursos, e conquistou a reputação de um dos melhores animadores do estado de sP. recentemente esteve na bahia, animando e se apresentando em um dos melhores palcos do shows: Axé Moi. Com a popularidade em expansão, Nando está recebendo convites para levar seu trabalho para a televisão e para fora do brasil.

68 Cidade&Cultura

Actor NANdo FAguNdes, BrAgANtiNo By choice since he is 14 years old, helps Bragança Paulista dramatic art to be known all over the place and beyond, also into other states around Brazil. Nando takes part in several social projects designed for the well-being of children with cancer and in underprivileged situations. Famous for his creativity and his social work both locally and in other cities in the state of são Paulo, Nando performs in shows, events and contests, and now is considered as one of the best cheering-crowd performers in são Paulo. A short time ago Nando accepted the invitation to work in Bahia to perform and act before an enthusiastic crowd at the Axé Moi show. increasingly popular, the artist is already being asked to participate in tVs shows.


Artes

DIVULGAÇÃO

Arts

70 Cidade&Cultura


Orquestra de Metais Lyra Bragança Lyra Bragança Brass Orchestra A OrquestrA de MetAis LyrA BrAgAnçA segue os padrões das bandas marciais e é o resultado de um Projeto Musical que surgiu em 2009 na ABrAA – Associação Bragantina Amigos das Artes, idealizado pelos músicos profissionais Kathia e Marcus Bonna e Luís Custódio (Babalu). esse Projeto tem como principal patrocinador a indústria MB, que, além de dar suporte financeiro ao Projeto, também cede suas instalações para que crianças e jovens entre 11 e 18 anos, provenientes da periferia da cidade, aprendam gratuitamente a linguagem musical e tenham aulas de teoria, solfejo, percepção, musicalização, canto coral, expressão corporal, apreciação musical, musica de câmara e prática de instrumento. em 2010, a Lyra Bragança participou do Festival de Bandas “Coreto Paulista” em tatuí e também fez parte da programação do Festival de inverno em serra negra, em 2010, 2011 e 2012. Foi campeã no 22º COFABAn (2011) e no 23º COFABAn (2012) – Concurso de Fanfarras e Bandas de Caieiras, uma das competições mais conceituadas do país, na categoria Banda Marcial Juvenil – Corpo Musical. Participou como banda convidada do ii Festival nacional de Bandas sinfônicas e Marciais na Faculdade Cantareira, em 2012. Apresentou-se recentemente na escola Americana em Campinas onde conheceu o maestro norte-americano John Fanning, especialista em drumband, que, impressionado com a qualidade do projeto, ofereceu aos integrantes mais adiantados da Lyra Bragança uma bolsa de estudos na universidade do Kentucky nos estados unidos. em 2012, o Projeto expandiu suas atividades criando um polo na escola estadual Luís roberto Pinheiro Alegretti com o apoio da diretora Marisa de Fátima estevam. Aí surgiu a Fanfarra Alegretti que, dois anos mais tarde, firmou convênio com a Prefeitura e pôde formar uma equipe de conceituados professores para que as aulas de música possam acontecer diariamente na escola Alegretti. em 2014, a Fanfarra Alegretti conquistou o 1º Lugar – Prêmio Corpo Musical (Categoria Banda Marcial infanto-Juvenil), o 1º lugar – Corpo Coreográfico, e o 3º lugar – Baliza, na cidade de Francisco Morato. em 2014, na cidade de Caieiras, sagrou-se novamente campeã no 25º COFABAn – Concurso de Bandas e Fanfarras, na categoria infanto-Juvenil – 1º lugar – Corpo Musical e 3º lugar – Corpo Coreográfico.

The Lyra Bragança Brass Orchestra follows the military bands framework and is a result from a successful 2009 Music Project from ABRAA – the Friends of Art Bragantina Association, designed by professional musicians Kathia and Marcus Bonna with collaboration by Luís Custódio (Babalu). Besides sponsoring the project, the Bonnas’ MB Cases enterprise provides a place where children and youngsters 11 to 18 years old from poor areas in the town outskirt can have free lessons to learn music through theory classes, music perception sessions, singing and instrument practices among many other activities. In 2010, Lyra Bragança participated in the Bands Festival “Coreto Paulista” in Tatuí, and also played at the Winter Festival in Serra Negra in 2010, 2011 and 2012. It won the 22nd (2011) and the 23rd Cofaban (2012) festivals, as well as the prestigious Fanfares and Bands Competition of Caieiras, in the Young Military Music Band category. Lyra Bragança also played as guest music group in the II Cantareira College National Festival of Symphonic and Military Bands in 2012. The Band has recently performed at the American School in Campinas where the American drumband expert conductor John Fanning marvelled at the young musicians presentation and offered to the advanced members a scholarship to study at the Kentucky University, USA. In 2012, the Project was expanded. With the support of principal Maria de Fátima Estevam it was inaugurated a new center at Escola Estadual Luís Roberto Pinheiro Alegretti. This became the beginning of the Alegretti Fanfare that two years later signed a partnership with the City administration to put together a team of teachers who provide daily music classes at the Alegretti School. In 2014 Alegretti Fanfare won several prizes—1st place for Music Group (Young Military Band Category), 1st place – Choreography Group, and 3rd place – Drum Majorette, at a competition in Francisco Morato city. Also in 2014, in Caieiras city, once more the band won the 25th Cofaban, the Bands and Fanfares Competition, one of the most prestigious events of this sort in Brazil, in the Music Group – Young Players Category. It also got 3rd place as Choreography Group.

Bragança Paulista 71


Exportação

export

exPorTação Para mais de 25 países exports to over 25 countries

Cases

A MB CAses foi fundAdA por Marcus Bonna e sua esposa, Kathia Bonna, em 1991. Marcus Bonna foi trompista da orquestra sinfônica do estado de são paulo, de 1982 a 2002. em 1990, após sofrer um acidente e ferir gravemente a coluna vertebral, projetou um estojo para si próprio, mais leve, compacto e com design totalmente novo, para facilitar o transporte de seu instrumento, pois os modelos que existiam no mercado eram grandes e pesados demais. para sua surpresa, o estojo fez tanto sucesso entre os colegas da orquestra que, em pouco tempo, eles também já possuíam o novo estojo confeccionado em fibra de vidro pelo próprio Marcus (modelo MB-1). em 1991, a orquestra filarmônica de Munique veio se apresentar em são paulo. Ao verem o novo modelo de estojo, os trompistas dessa orquestra ficaram muito impressionados e também bastante interessados em comprá-lo. Assim, para atender aos pedidos, não só no Brasil como no exterior, foi fundada em 72 Cidade&Cultura

MB Cases was founded By horn player Marcus Bonna and his wife, Kathia Bonna, in 1991. Bonna was a musician in the state of são Paulo symphonic orchestra from 1982 to 2002. In 1990, his spine was severely injured at an accident. unable to stand the weight of his old horn case, he designed a lighter and more compact model for himself to make it easier to carry his instrument since available options for sale were too big and too heavy. To his surprise, his new case became a major hit among his peers in the orchestra who in a short while started to order the new case handmade in fiberglass by Bonna himself (MB-1 model). In 1991, the Munich Philarmonic orchestra came to são Paulo for a few performances. when the Munich horn players saw Bonna’s new case they were favourably impressed and quite interested in buying it. To comply with the requests both from Brazilian and foreign musicians, Bonna and his wife founded MB Cases. nowadays their enterprise employs 54 people working in a plant of their own in Bragança Paulista, 80 km from são Paulo city. Besides the production area and the main offices, the company also provides a large dining- hall, leisure room, and an auditorium complete with a grand piano for classes


Publieditorial

1991 a MB Cases, que hoje conta com 54 funcionários trabalhando em sede própria, localizada em Bragança Paulista. Além da área de produção e da área administrativa, a empresa possui também um bom refeitório, salão de jogos e um auditório com piano de cauda, para aulas e apresentações de música de câmara. A empresa também apoia e patrocina o Projeto Lyra Bragança, importante programa social na cidade, que oferece ensino musical gratuito para crianças e jovens da periferia.

and chamber music performances. MB Cases also sponsors Lyra Bragança Project, a relevant local social program that provides free music classes to underprivileged children and youngsters.

A MB Cases exporta de 600 a 700 cases por mês para mais de 25 países. Todos os estojos e surdinas são confeccionados artesanalmente e a empresa é referência mundial nesse tipo de produto. Os modelos são exclusivos (alguns patenteados), todos desenhados e desenvolvidos pelo próprio Marcus Bonna.

MB Cases exports approximately 700 cases a month for more than 25 countries. Every one of them as well as the mutes are all hand-made. The company became worldly famous and a reference for this kind of product. The exclusive case models, some of which trademarked, are all designed and developed by Marcus Bonna himself.

Estojo para fagote modelo MB

FOTOS divulgaçãO

{ Bassoon case model MB }

Bragança Paulista 73


Meio ambiente

Environment

Estância

Climática Climate Station Cinturão Verde Green Belt

74 Cidade&Cultura


Braganรงa Paulista 75


Meio ambiente

Environment

Parque Petronilla Markowicz Percorrendo um corredor verde, chegamos a Bragança Paulista. Essa passagem pertence ao Parque Petronilla Markowicz, uma área pública que já recebeu outros nomes: Pinheiral Santa Helena e Mata do Shangrilá. A área foi doada pela família Markowicz, em 2006. Antigamente eram terras da Fazenda Santa Helena, produtora de café. shutterstock

Atualmente, é um local preservado e rico em fauna e flora, com destaque para a mata de araucária. Sua vegetação é típica da Mata Atlântica.

Petronilla Markowicz Park Through a green passageway we arrive at Bragança Paulista. The corridor belongs to the Petronilla Markowicz Park, a public area previsouly called Santa Helena Pinewoods and then Shangrila Woods. Markowicz family donated the land back in 2006. In olden times, it belonged to Santa Helena Farm, a coffee-growing enterprise. Nowadays it is a conservation area with rich fauna and flora, highliting araucaria and the typical vegetation of the Atlantic Rain Forest.

Taboa Planta aquática de brejos, manguezais e várzeas, atinge cerca de dois metros. Muito utilizada na confecção de peças de artesanato. Excelente depuradora de água. Também chamada de bucha, capim-de-esteira, erva-de-esteira, espadana, landim, paina, paina-de-flecha, paineira-do-brejo, pau-de-lagoa, tabebuia, tabua e tabuca.

Taboa Water plant common in swamps, mangroves and lowlands, usually it reaches 2 meters high. Good for handicrafting purposes. It is an excellent water filter.

Lago do Taboão Taboão Lake This city postcard was built in 1960. The welcoming Taboão Lake is the meeting point for people who also go there to walk and jog. Around the lake there also are a basketball court, a playground and many benches at nice spots. Until the 1950s, the lake area belonged to the Taboão Railway, occupying an area called Baixo Caetê.The lowland topography helped collect the rain water drained into rivers Caetê and Bocaina. Since the place was covered with “taboa”, the plant named the lake. André PrAtA

Cartão-postal da cidade, o Lago do Taboão foi construído em 1960. Convidativo, é o ponto de encontro de pessoas que fazem suas corridas e caminhadas. Além disso, o complexo do Lago possui quadra de basquete, playground e bancos dispostos agradavelmente. Até a década de 1950, a área do Lago era ocupada pela Estação Ferroviária Taboão, situada em uma região de baixada chamada Baixo Caetê. Essa baixada acumulava água das chuvas, trazidas pelo ribeirão Caetê e pelo ribeirão Bocaina. Como o local era repleto de pés de taboa, tornou-se conhecido como “Taboão”.


Hidrografria

Blessed with over 850 water springs, Bragança Paulista was once called “Springs City”. It belongs into the hydrographic basin of Cantareira System, and is one of the world’s largest damming systems covering 50km². It comprises six dams interconnected by tunnels and channels collecting water from Jaguari River in Minas Gerais, and River Jacareí in Joanópolis. The Jaguary-Jacareí dam area is known as Serrinha and its territory also includes a Natural Heritage Private Reservation, created to protect fountainheads and remnants of the Atlantic Rain Forest. Some town streams — Lavapés, Canivete, Toró and Anhumas — also flow there.

Com mais de 850 nascentes, Bragança Paulista já foi conhecida como “Cidade das Bicas” e está localizada na região hidrográfica Sistema Cantareira. Esse é um dos maiores sistemas de represamento de água do mundo, com 50 km² de área e seis barragens interligadas por túneis e canais que recebem água dos rios Jaguari – vindo de Minas Gerais – e Jacareí, vindo de Joanópolis. A represa Jaguary–Jacareí está na região conhecida por Serrinha, que abriga também em parte de seu território uma RPPN (Reserva Particular do Patrimônio Natural), para garantir a preservação de mananciais e fragmentos da Mata Atlântica. Há também os ribeirões da cidade: Lavapés, Canivete, Toró e Anhumas.

Montanha Leite Sol

{ Leite Sol Mountainl }

Relevo Espalhada sobre sete colinas, a topografia da cidade é cheia de altos e baixos. Pertence à Serra da Mantiqueira e suas serras alcançam aproximadamente 1.300 metros, com morros com 900 metros e regiões de planície.

Spread over seven hills, the city’s topography with its many ups and downs is part of the Mantiqueira Ridge. Its highest sections reach around 1,300 meters high, but usually the hills go up to 900 meters and there also are plains extending in many directions.

André PrAtA

Relief

Bragança Paulista 77

André PrAtA

Hydrography


Meio ambiente

Environment

Fauna

FOTOS ShuTTerSTOck

Bragança Paulista está em uma área de transição entre a mata atlântica e o cerrado. Portanto, encontramos espécies típicas dos dois sistemas, como caxinguelês (que espalham sementes de araucária, jerivá e palmito), ouriços, bugios, sauás, saguis-da-serra-escuros, onças-pardas, cachorros-do-mato, gatos-do-mato, pacas e capivaras. Os pássaros também são exuberantes, com 210 espécies, destacando-se canários-da-terra, seriemas, tucanos, jacupembas e beija-flores. Os anfíbios (ótimos indicadores de qualidade da água) ocorrem com freqüência, a exemplo do sapo-ferreiro.

Fauna Bragança Paulista spreads over a transition area between the Atlantic Rain Forest and drier woodsy pasture tracts. Therefore, it is possible to find native species typical of both systems such as the “caxinguelê” (that spreads seeds of araucaria, jerivá and palm trees), hedgehogs, several kinds of monkeys (bugio, sauá, sagui-da-serra-escuro), cougars, bush dogs, wild cats, pacas and capybaras. Its 210 different species of birds are also spectacular, among them “canários-da-terra”, “seriemas”, toucans, humming-birds and “jacupembas.” Amphibians, which make great indicators of pure water also come in great numbers, such as many kinds of frogs.

onça-parda, ouriço e canário-da-terra

{ Catamount, hedgehog and canary }

Parque Estação Ecológica Municipal do Caetê Com aproximadamente 540 km², essa área, regularizada em 2011, é coberta pela Mata Atlântica. A Estação Ecológica Caetê é destinada à preservação, à educação ambiental e à realização de pesquisas. Está localizada na antiga estrada Bragança–Socorro. Com flora exuberante e rica fauna, ali não é difícil avistar felinos como a onçaparda e a jaguatirica.

beija-flor

{ humming-bird }

Caetê Municipal Eco Station Park Officially created in 2011 with some 540km², the area is part of the Atlantic Rain Forest. The park was designed for preservation and environment teaching purposes, and it also sponsors research programs. One can reach it through the old Bragança–Socorro highway. Rich flora and fauna, cougars and “jaguatiricas” are not difficult to spot.

78 Cidade&Cultura


Meio ambiente

Environment

Laelia Purpurata, Neofinetia Falcata - raridade cultivada pelos Samurais em honra às suas famílias e antepassados e Dendrobium Thyrsiflorum { Laelia Purpurata, Neofinetia

Associação de Orquidófilos de Bragança Paulista Formada por amantes das orquídeas, esses apaixonados promovem não só a venda de espécies raras, mas também conseguem recompor a flora local com mudas e plantios nas matas. A maioria dos associados possui orquidário próprio e costuma expor seus espécimes nos festivais. A Associação de Orquidófilos de Bragança Paulista iniciou seus trabalhos em 2003 e hoje conta com 40 sócios de várias cidades da região. Em sua sede, todo terceiro domingo do mês promovem palestras e cursos sobre o tema. Av. Manoel José Vilela, 1135 – Jardim América. 80 Cidade&Cultura

FOTOS MARCIO MASULINO

Falcata - rare samurai item to honor the family and their ancestors and Dendobrium Thyrsiflorum }

Bragança Paulista Orchid Association Formed by orchid lovers, the association always has rare specimens available for sale but it mainly strives to renew local flora with seedlings and planting in the woods. Most of the associates have their own orchid house. Usually they exhibit their best species at festivals. The Bragança Orchid Association started in 2003 and its 40 members now come from cities around Bragança too. Every third Sunday there are lectures and courses in the Association headquarters. 1135 Manoel José Vilela Ave., Jardim América.


Turismo

Tourism

Puro e belo

Pure and lovelyl

Gado { cattle }

82 Cidade&Cultura


O prazer da terra Pleasures from the earth

Conhecer a vida do campo, sentar e prosear deixando as horas passarem, fugindo do estresse de engarrafamentos, e saborear comidas e doces frescos realmente não tem preço. A sabedoria dos homens que trabalham com a terra e lidam com a força da natureza é pura, simples e prática. Então, nada como um dia inteiro para desfrutar daquilo que está tão perto de nós e que muitas vezes esquecemos de aproveitar.

To get to know life in the countryside, sitting under a tree and chatting like there is such a thing as time, no stressful traffic jams, to savour fresh food and desserts—this is truly priceless. People who work the land and deal with nature and its rhythms are pure, simple, practical. Nothing could be better than to enjoy things so close to us but which we just seem to forget they are at an arm’s length.

Café Biriçá Café tipo arábica, proporciona visitação em suas áreas, desde o cultivo até a torrefação. “Café bom é o café pesado; quanto maior sua densidade, mais qualidade possui” diz o proprietário, Oscar. Você irá se surpreender com o aromo e o gosto da pureza desse café. Onde: Estrada Bragança–Itatiba, km 43, em frente ao trailer da Tenda do Mel.

Biriçá Coffee

FOTOS MARCIO MASULINO

Arabic beans are used here. It is possible to visit the entire plant, from the trees to the roasting process. “Good coffe is heavy. The denser it is, the highest its quality,’ teaches the owner. You will be surprised with this coffee’s pure aroma and taste. Where: Bragança–Itatiba Hgwy, km 43 in front of “Tnda do Mel” [Honey Stand].

Café arábica

{ arábica coffee }

Bragança Paulista 83


Turismo

Tourism

Equoterapia Pé de Pano Reconhecida desde 1997 pelo Conselho Federal de Medicina como método terapêutico, a equoterapia ganhou muitos adeptos e, na Pé de Pano, podemos encontrar toda a infraestrutura para isso. Interessante trabalho e bem gratificante. Onde: Av. São Francisco, 4.001 – Bairro Santa Helena.

“Pé de Pano” Horse Riding Therapy Acknowledged by our Federal Council of Medicine since 1997 as a therapeutic method, horse riding therapy acquired many followers. At “Pé de Pano” [Cloth Foot] one can find a complete infrastructure to put it into practice. Interesting and highly gratifying work. Where: 4001 São Francisco Ave, Santa Helena district.

Equoterapia Pé de Pano - tomates colhidos na hora - queijo fresco suinicultura - Cachaça 2 Porteiras

{ Pé de Pano" Horse Riding Therapy organic fresh tomatoes - fresh cheese - pig breeding - Sugarcane Brandy "2 Porteiras } 84 Cidade&Cultura


Suinicultura Em Bragança Paulista, a criação de porcos teve seu início principalmente com a chegada dos italianos os quais impulsionaram a fabricação de embutidos, como a linguiça e o salame. A cidade ainda é conhecida pelo grande número de suinocultores. Apesar da crise de 2012, os produtores seguem firmes na tradição de suas famílias, fornecendo carnes de primeira à população.

Pig Breeding In Bragança Paulista, pig breeding began mainly under the influence of the Italian immigrants. They had great experience in breeding the animals and also manufacturing deli meats such as sausage ands salami. The city is still famous for its large number of pig breeders. Despite the intense 2012 market crisis, producers hold tight to their family traditions and keep supplying their customers top quality goods.

Cachaça “2 Porteiras” Quem vai ao interior, tem de experimentar uma boa cachaça, produto tipicamente brasileiro e produzido artesanalmente na Cachaçaria “2 Porteiras”. Aproveite e prove os licores e os queijos. Onde: Rodovia Fernão Dias, km 16.

FOTOS MARCIO MASULINO

Sugarcane Brandy “2 Porteiras” Anyone visiting the countryside must try a good sugarcane brandy. Typical handmade Brazilian product, the Sugarcane Mill “2 Porteiras” offers one of the best. You should also try their liqueurs and several kinds of cheese. Where: Fernão Dias Highway, Km 16. Bragança Paulista 85


Turismo

MARCIO MASULINO

Tourism

Comitiva rancho tropeiro Falar em criação de muares é falar do primeiro meio de transporte brasileiro. Foram esses os animais que, desde a colonização, transportaram riquezas como o ouro, o açúcar e por muito tempo o café. Tanto é que, nessa época, a figura do tropeiro tinha a mesma importância que a do ferroviário. Foram eles que motivaram o surgimento de várias cidades, inicialmente assentadas com a instalação de armazéns para abastecer a comitiva viajante dos tropeiros. E, em Bragança Paulista, podemos conhecer de perto esses magníficos e fortes animais com toda sua desenvoltura no Rancho Tropeiro, local de venda de muares. Denominado muladeiro, pois comercializa muares, Álvaro Biazetto (Gigio) adestra os animais e os separa de acordo com a vocação de cada um. Corrige defeitos de andamento, colocação de sela, marcha, tosquia, rabo trançado (hábito dos antigos tropeiros) e crinas. Em seu plantel os valores variam de R$ 3 mil a R$ 40 mil. São preciosidades adaptadas também para concursos que se tornaram mais uma atração turística brasileira. Para saber mais, www.comitivaranchotropeiro.com.br

Muleteers’ Ranch Talking about mule breeding means referring to the very first Brazilian transportation means. Since the colonial times those animals carried valuable goods such as gold, sugar and coffee, and this for a long time. They were so important an asset that then the muleteer was as highly considered as rail workers. Muleteers were the biggest reason for hamlets to spring in many until then unexplored areas. Initially there were only warehouses to provide the necessary items for the travelling caravans. In Bragança Paulista, we can get a close look at those splendid and strong animals at “Rancho Tropeiro,” [Muleteers’ Ranch] where mules are sold. The driver Álvaro Biazetto (Gigio) both sells and tames the beasts, dividing them according to each one’s temperament and potential. He also trains them to march appropriately and to accept being saddled, and trims their mane and hairs. His special animals, some of which very expensive, are also trained for contests and became a typical Brazilian touristic attraction. To know more, access: www. comitivaranchotropeiro.com.br

rancho tropeiro

{ rancho tropeiro } 86 Cidade&Cultura


Esporte

sport

Saúde e

disposição Health and well-being Campeões mundiais

ANDRÉ PRATA

World champions

88 Cidade&Cultura


Pedra Visual das Águas

{ Visual das Águas Rock }

O ar da cidade de Bragança Paulista parece ter algo incomum, pois aqui nasceram muitos campeões nacionais e internacionais, com destaque nas mais variadas modalidades desportivas.

The air in Bragança PaulisTa must have something unusual since here were born so many national and international champions in several sports. Bragança Paulista 89


Esporte

Clube de Regatas Bandeirantes

{ Bandeirantes Boat Racing Club }

Clube de Regatas Bandeirantes

Bandeirantes Boat Racing Club

O COnvite partiu de BeneditO de Lima e foi aceito pelo dr. José de aguiar Leme, então prefeito municipal de Bragança paulista. nas cercanias da cidade, havia um belíssimo lago denominado tanque do moinho, que Benedito queria que o chefe do executivo conhecesse. esse lago estava localizado em suas terras e tinha grande potencial como atração e centro de práticas desportivas. O prefeito ficou realmente maravilhado com a beleza daquele manancial e, conhecedor da carência de atividades desportivas na cidade e desejando incrementá-las, o dr. aguiar Leme juntamente como o gerente do Banco Comercial, o sr. mascarenhas, e os parceiros Collaço veras, mucio de Lima Faria, Francisco Samuel Luchesi Filho, newton Barra, dorival toledo Leme, Benedito augusto de mello (o “dito Sapo”) e vários outros amigos decidiram

The inviTaTion came from BenediTo de Lima and was accepted by dr. José de aguiar Leme, mayor of Bragança Paulista at the time. at the city outskirts there was a beautiful lake called mill’s Tank which Benedito wanted the mayor to know. The lake was inside an estate with good leisure and sport potential for the community. mr. Leme was indeed stunned when he saw the beautiful moors. intent on compensating the lack of sport activities in town and decided to promote them the best possible way, the mayor became partner with the comercial Bank manager, mr. mascarenhas and associates collaço veras, mucio de Lima faria, francisco Samuel Luchesi filho, newton Barra, dorival Toledo Leme, Benedito augusto de mello (aka dito Sapo) along with several other friends to start a sports club. With much enthusiasm workers soon started to install the

90 Cidade&Cultura

FOTOS DIVULGAÇÃO

Sport


fundar um clube desportivo. O trabalho começou com muito entusiasmo e a primeira grande realização seria a montagem de uma piscina com estrutura de madeira, junto à beira do grande lago. A Indústria Carreteiro se encarregou da obra. O retângulo foi surgindo, assim como as obras do salão e os vestiários. Barcos para recreação foram adquiridos do Clube de Regatas Tietê, de São Paulo. Corria o ano de 1936 e o trabalho prosseguia em ritmo acelerado. No ano seguinte tudo estava pronto para a inauguração. A festa do dia 21 de fevereiro de 1937 foi inesquecível. Vários atletas do Clube de Regatas Tietê foram convidados para as competições iniciais, assim como a grande nadadora brasileira Maria Lenk. A elite da cidade começou a fazer do novo clube seu centro de reuniões sociais, piqueniques e competições esportivas. Muitas pessoas mostraram o desejo de aprender a nadar contagiadas pelo entusiasmo dos que participavam das competições organizadas. Então, foi contratado o professor e técnico Luiz Mendes Pereira, conhecido como Pará. As aquisições começaram a ser feitas para atender às necessidades de expansão do clube. Em 1940 uma “jardineira”, ônibus muito utilizado na época, foi comprado e logo ganhou dos sócios o carinhoso apelido de Nhá Rita. Ao volante, Benedito Augusto de Melo ia e

pillars of the first big accomplishment, building the wooden structure for a swimming pool next to the lake. The work was commissioned to Carreteiro Industry. The rectangle started to come to fore as well a big hall and the lockers premises. Recreation boats were purchased from Tiete Boat Racing Club in São Paulo. This was 1936 and the workers kept on steadily. The following year everything was ready for the inauguration. The party on February 21st, 1937 was memorable. Several athletes from Tiete Club were invited for the first competitions as well as the great Brazilian swimmer Maria Lenk. The cream of Bragança society started to gather at the club for their social meetings, picnics and sport competitions. Many were interested in learning to swim, influenced by the enthusiastic participants of sport challenges. Coach and teacher Luiz Mendes Pereira, aka Pará was then hired to fulfill the need. New improvements were made to keep pace with the club expansion. In 1940 a vehicle for transportation very much in use then, called “jardineira” was bought and soon was affectionately nicknamed Nhá Rita by associates who kept coming and going with the help of Benedito Augusto de Melo at the steering wheel. The swimming pool and its inevitable competitions brought about proeminent athletes among them champion Wilson Aguiar, and later on Lúcio Nicolatti e Milton Longo (Pixoxó).

Grupo reviver Memórias

{ Reviver Group Memories } Bragança Paulista 91


Esporte

Sport

vinha constantemente, transportando os sócios. Com a construção da piscina e as competições que eram organizadas, surgiram os destaques da natação, entre eles o campeão Wilson Aguiar e mais tarde Lúcio Nicolatti e Milton Longo (o Pixoxó). A ala feminina teve grandes nomes, como Gertrudes Effenberger, Sinhá Certain, Helena Luchesi, Silvia Peluso, Edmea Leme e Eleonor Leme. A diretoria sentiu que novas obras e novas metas precisavam ser atingidas para comportar a intensa movimentação dos associados. Alugaram então o prédio do Teatro Bragantino, localizado na esquina da rua Coronel João Leme com a Expedicionário Basílio Zecchin Júnior, onde hoje se localiza o edifício Santo Antônio. A sede se tornou o ponto de encontro dos associados com a promoção de festas e bailes, e seu rinque de patinação, além de quadra para a prática de bola ao cesto, modalidade na qual ganharam grande destaque o dr. Aguiar, Francisco Luchesi, Osvaldo e Ismael Assis, Ângelo Colombi, Moacyr Villaça, Geraldino de Oliveira, Antônio Ferrini, Normando de Mello, Milton Longo e Dinorah Ramos, entre outros. Atualmente o Clube de Regatas Bandeirantes tem uma infraestrutura moderna e ainda é o principal centro desportista da cidade, oferecendo opções para sócios de todas as idades, inclusive a terceira, com o Grupo Reviver CRB, fundado em 1999, e hoje com 58 integrantes envolvidos em diversas atividades, como bocha, ginástica, condicionamento físico, alongamento, hidroginástica, dança, jogos de salão, bailes, confraternizações, viagens, entre outras, compartilhando as experiências vividas em buscar de seu bem-estar e acreditando em um modo de vida saudável, cultivado com atitudes simples.

Among women, famous swimmers included Gertrudes Effenberger, Sinhá Certain, Helena Luchesi, Silvia Peluso, Edmea Leme and Eleonor Leme. The Board felt that new improvements and goals were needed to meet the needs of the increasing number of associates. To that end BRBC rented the building of the Bragantino Theatre, on the corner of Coronel João Leme St. and Expedicionário Basílio ZecchinJúnior, where today is Santo Antônio building. The new place became the meeting hub for parties and balls. There were also facilities for the associates to roller-skate and play basketball, sport with some excellent players, among them Dr. Aguiar, Francisco Luchesi, Osvaldo and Ismael Assis, Ângelo Colombi, Moacyr Villaça, Geraldino de Oliveira, Antônio Ferrini, Normando de Mello, Milton Longo and Dinorah Ramos to name just a few. Nowadays the Bandeirantes Racing Boat Club has a modern infrasctructure and still is the sports hub in town for people of all ages, senior citizens included. Their Reviver Group, founded in 1999, today has 58 members who engage in many different physical activities, such as boccie, gymnastics, fitness classes, stretching sessions, water gym, dance, card games, balls, confraternizations, trips and so one, sharing life experiences aimed at well-being, and believing in a healthy way of life based on simple habits. Source: Bandeirantes Boat Racing Club of Bragança Paulista. Av. Mal. Humberto de A. Castelo Branco, 500 – (11) 4035-1050.

Lembranças

{ Memories }

92 Cidade&Cultura

DIVULGAÇÃO

Fonte: Clube de Regatas Bandeirantes de Bragança Paulista. Av. Mal. Humberto de A. Castelo Branco, 500 – (11) 4035-1050.


Esporte

Sport

Montanhismo André Prata

{ André Prata: two days of climbing, with overnight stay in tents suspended }

PratiCante de montanhiSmo deSde 1980, andré Prata conta que sempre foi atraído pela natureza e em especial por montanhas. desejava muito subi-las, porém algumas delas só permitiam acesso mediante escalada em rocha. Por isso se interessou pelo esporte. Já desafiou os picos dedo de deus, dedinho de nossa Senhora, Cabeça do Peixe (teresópolis-rJ), agulhas negras e Prateleiras (itatiaia-rJ), Pão de açúcar, agulhinha da Gávea, Babilônia (rio de Janeiro), Pico marumbi, Pico anhangava (Paraná), Pico de alcatrazes (ilha de alcatrazes-SP – primeira ascensão), el Capitán e Cathedral rock (eUa), entre outros. os cuidados para a prática dessa modalidade esportiva são: utilizar corretamente equipamentos e técnicas de segurança; ter experiência para detectar, avaliar e controlar riscos; ter autocontrole e experiência para evitar ou sair de situações de risco. em Bragança Paulista, andré recomenda várias vias de estilos e dificuldades diferentes na montanha do Leite Sol e no conjunto de rochas Visual das Águas, na represa. a região também tem mais vias de escalada na montanha do Lopo (extrema), na montanha do Santuário e maria antônia (Pedra Bela), na Pedra Grande (atibaia), na Pedra do Segredo (nazaré Paulista) e no Pico de São domingos (Cambuí-mG).

André PrAtA PrActices mountAineering since 1980, and says he has always felt drawn to nature, particularly mountains. He wished very much to climb them but in some places the access was only possible through climbing rocks.that is why he developed an interest in the sport. He has already gone up some challenging peaks, such as dedo de deus, dedinho de nossa senhora, cabeça do Peixe (teresópolis-rJ), Agulhas negras e Prateleiras (itatiaia-rJ), Pão de Açúcar, Agulhinha da gávea, Babilônia (rio de Janeiro), marumbi, Anhangava (Paraná), Alcatrazes (ilha de Alcatrazes island in the state of são Paulo – 1st climb), el capitán and the cathedral rock (usA), among others. to properly enjoy mountaineering some precautions are in order, namely using correctly equipments and safety procedures, to know how to detect, assess and control risks, to keep self-control and gather experience to avoid or escape from risky situations. in Bragança Paulista, André recommends several climbing paths of different styles and degrees of difficulties on the Milk Sun ridge and on the rock site Visual das Águas [Waters Visual], by the dam. there also are other climbing spots around Bragança, such as Lopo mountain (in extrema), santuário and maria Antônia mountain (Pedra Bela), Pedra grande ([Big rock] Atibaia), Pedra do segredo ([secret rock] nazaré Paulista) and the são domingos Peak (cambuí-mg).

Fonte: www.montanhista.com.br

Source: www.montanhista.com.br

94 Cidade&Cultura

Mountaineering André Prata

ANDRÉ PRATA

André Prata: dois dias de escalada, com pernoite em barracas suspensas


Esporte

Sport

Skate Sandro Dias Aos 10 anos de idade, Sandro Dias já fazia manobras com a prancha e as quatro rodinhas. Ele conta que, quando pequeno, as dificuldades em praticar skate eram inúmeras, pois não havia locais apropriados para a prática, sem falar no preconceito, assim como foi no início de outros esportes – como o surfe. Hoje em dia, o skatista é respeitado e ganhou status, mas antes o jeito era improvisar. Hoje, esse esporte pegou de jeito a molecada e Sandro possui uma loja especializada – Sandro Dias Skateshop –, no centro da cidade, além de uma pista profissional no bairro do Lopo, em Vargem.

Sandro Dias

Off road – Equipe Bravo 4X4 Um grUpo DE AmigoS ContAnDo Com EmprESárioS, médicos, advogados e outros constituiu uma associação e atualmente se denominam “Equipe Bravo 4X4”. Quase todos os anos fazem o passeio Bravo, que é um roteiro cobrindo trilhas da região. toda a renda é revertida para entidades beneficentes de Bragança paulista. Em parceria com o rotary Club Bragança Estância nesses eventos, percorrem trilhas locais e participam de rallies e expedições. nos rallies, a Equipe Bravo 4X4 termina sempre entre os primeiros colocados. Este ano realizaram a expedição através da famosa transamazônica. o off road é considerado um esporte radical com muita adrenalina e contato direto com a natureza.

Skating Sandro Dias When Sandro was 10 years old he already rolled a lot with his four-wheeled skate. He said that at the time it was dificult do skate because there were no proper places to practice and prejudice was intense, the same as the first surfers had to endure. Nowadays, skaters are respected, they earned a muchdeserved status, but in old times the only way was to improvise. Now there is an almost uncountable number of skaters fully commitet to the sport, and Sandro has its own Sandro Dias Skateshop downtown as well as a professional practice area in Lopo district, in Vargem.

A group of friends made up by businessmen, doctors, lawyers and others formed an association now called Team Bravo 4X4. Almost every year they take the Bravo Cruise through tracks around the nearby area, and the proceedings are donated to charities in Bragança Paulista. As partners to Rotary Club Bragança Estância for these events, the adventurers cross local tracks and also participate in rallies and expeditions. On several rallies Team Bravo 4X4 finishes among the first three places. This year the group took part in the famous Transamazon Race. Off road cruises are considered an extreme sport with lots of adrenalin in intimate contact with nature. 96 Cidade&Cultura

Transamazônica

{ Transamazon }

FOTOS DIVULGAÇÃO

Off road – Team Bravo 4X4


Esporte

Sport

Fundado em 1928, o Clube atlétiCo bragantino, apelidado de massa bruta, teve sua primeira grande conquista em 1965, quando passou para a primeira divisão estadual (o jogador oceania foi o primeiro goleiro a fazer gol no futebol brasileiro). no ano seguinte foi rebaixado, mas não se curvou. mais estruturado, voltou à primeira divisão em 1988, quando começou sua fase de ouro ao vencer a Série b do Campeonato brasileiro. em 1990, foi campeão paulista da Primeira divisão, na época dirigido pelo técnico então novato Wanderlei luxemburgo. nessa fase, o time cedeu seis jogadores para a Seleção brasileira (gil baiano, mauro Silva, mazinho, alberto, João Santos e Sílvio). em 1991, já com Carlos alberto Parreira no comando da equipe, foi vice-campeão brasileiro e conquistou o direito de disputar a Conmebol (torneio sul-americano), o que fez novamente em 1992, 1993 e 1996. Com uma sequência consistente de presenças entre os times chamados “grandes” em termos de estrutura financeira, o bragantino permaneceu sólido durante todos esses anos. assim como todo time de renome já possuiu um elenco “imortal”, o bragantino teve o seu na década de 1990, entrando nessa galeria com: marcelo, gil baiano, Júnior, nei (Carlos augusto) e biro-biro; mauro Silva, ivair (Pintado) e mazinho (luís müller); tiba (Zé rubens), mário (Sílvio) e João Santos (alberto/ Franklin). muitos jogadores dessa época foram revelados pelo próprio bragantino. entre altos e baixos, em 2005 foi para a Primeira divisão do Campeonato Paulista (Série a-1). em 2006, foi vice-campeão da Copa Federação Paulista de Futebol, conseguindo vaga para a Copa do brasil. em 2007, foi campeão brasileiro da Série C, sendo promovido à Série b do Campeonato brasileiro. Foi ainda semifinalista do 98 Cidade&Cultura

DIVULGAÇÃO

Clube Atlético Bragantino

Bandeirantes Boat Racing Club The inviTaTion came from BenediTo de Lima and was accepted by dr. José de aguiar Leme, mayor of Bragança Paulista at the time. at the city outskirts there was a beautiful lake called mill’s Tank which Benedito wanted the mayor to know. The lake was inside an estate with good leisure and sport potential for the community. mr. Leme was indeed stunned when he saw the beautiful moors. intent on compensating the lack of sport activities in town and decided to promote them the best possible way, the mayor became partner with the comercial Bank manager, mr. mascarenhas and associates collaço veras, mucio de Lima faria, francisco Samuel Luchesi filho, newton Barra, dorival Toledo Leme, Benedito augusto de mello (aka dito Sapo) along with several other friends to start a sports club. With much enthusiasm workers soon started to install the pillars of the first big accomplishment, building the wooden structure for a swimming pool next to the lake. The work was commissioned to carreteiro industry. The rectangle started to come to fore as well a big hall and the lockers premises. recreation boats were purchased from Tiete Boat racing club in São Paulo. This was 1936 and the workers kept on steadily. The following year everything was ready for the inauguration. The party on february 21st, 1937 was memorable. Several athletes from Tiete club were invited for the first competitions as well as the great Brazilian swimmer maria Lenk. The cream of Bragança society started to gather at the club for their social meetings, picnics and sport competitions.


Memórias 1965 – Wilson Acedo, artilheiro: “O jogo de 1965 que garantiu ao time acesso à divisão especial foi histórico. A disputa foi no Estádio do Pacaembu, em São Paulo, contra o time de Barretos. O jogo estava tenso e foi decidido bem no final. Mas, dessa conquista, o que eu nunca esqueço, é a reação do torcedor. A cidade parou para nos receber e isso surpreendeu a todos. Houve uma carreata emocionante, com trânsito parado já na entrada da cidade, todas as ruas tomadas pela multidão, nunca alguém tinha visto coisa parecida em Bragança. Foi marcante, uma emoção que guardo viva na memória”.

Many were interested in learning to swim, influenced by the enthusiastic participants of sport challenges. Coach and teacher Luiz Mendes Pereira, aka Pará was then hired to fulfill the need. New improvements were made to keep pace with the club expansion. In 1940 a vehicle for transportation very much in use then, called “jardineira” was bought and soon was affectionately nicknamed Nhá Rita by associates who kept coming and going with the help of Benedito Augusto de Melo at the steering wheel. The swimming pool and its inevitable competitions brought about proeminent athletes among them champion Wilson Aguiar, and later on Lúcio Nicolatti e Milton Longo (Pixoxó).

Vista do Campo do Bragantino e Primeiro time a receber o Troféu Palácio dos Bandeirantes em 1990

{ View of Bragantino soccer team field and First soccer team to be awarded with the Palácio dos Bandeirantes Trophy in 1990 }

Leão – o mascote Na década de 1940, depois de vencer o rival local, o Bragança Futebol Clube, o então presidente do time, Cícero Marques, prestou uma homenagem aos atletas, fazendo um quadro com a imagem de um leão para simbolizar a “força” dos vencedores. Desde então, o animal é o mascote do time e os torcedores se referem a ele como “Massa Bruta” e “Leão”.

Lion – The Mascot In the 1940s, after defeating its local competitor— Bragança Futebol Clube [Bragança Soccer Club], Bragantino’s president, Mr. Cícero Marques wanted to pay a tribute to the athletes and commissioned a painting with a lion symbolizing the strength of the winning team. Since then the animal is the CAB’s mascot and our fans call us “Raw Force” or “Lion”.

DIVULGAÇÃO

Paulistão. Em 2012 classificou-se para as quartas de final do Paulistão, e, em 2014, chegou às quartas de final do Campeonato Paulista.

Bragança Paulista 99


Aeroclube

Flying Club

Nova esCola

André PrAtA

New school

Nossas

defesas Our defenses

A CAmpAnhA nACionAl de AviAção no governo de Getúlio vargas incentivou vários núcleos de aviação por todo o país com o objetivo de construir aeronaves, elevar o número de hangares e fundar aeroclubes para consolidar a aviação civil, formar novos pilotos e monitorar nosso espaço aéreo contra os aviões inimigos. 100 Cidade&Cultura

The NaTioNal aviaTioN CampaigN during getúlio vargas administration was responsible for several aviation centers all over the country to spring to life in order to build aircrafts, raise the number of hangars and start flying clubs. All these initiatives aimed at consolidating civil aviation, qualifying new pilots and monitoring our air space for enemy airplanes. The Bragança Flying Club [aero Club de Bragança] started


in1939 with the successful efforts of Jacintho osório de loci e silva and Dalmácio de souza Ferraz, together with the municipal government. arthur siqueira, a local coffee grower, owned a farm—Fazenda caeté—and donated the area needed to build the landing track. During the second World War, assis chateaubriand spearheaded the campaign “Give Wings to Brazil”. By 1942 Peixoto de castro donated the Flying club an airplane called “alcântara Machado.” Between 1943 and 1945, 24 pilots were trained and qualified. In 1952, the club grew and was given a larger tarmac, changing its name to Bragança Paulista Flying club. Nowadays several courses are regularly attended by large groups, such as Private Pilot (PP-a), commercial Pilot (Pca), Multimotor, Instrument Guided Flight (IFR) and Flight Instructor (INva). The planes used are P 56 – c, cherokee 140 and 180, Tupi, corisco, sêneca, cessna 172 and 152, as well as a simulator.The facilities also include accommodation and lodging for up to 30 people.

Aeroporto Arthur Siqueira Arthur Siqueira Airport Com condições de pouso e decolagem de aeronaves de pequeno e médio porte, o Aeroporto de Bragança Paulista é um apoio aos aeroportos de

Aeronave Paulistinha 56 B-1

Campinas, Guarulhos e São Paulo, para desafogar

{ Paulistinha 56 B-1 Aircraft }

metros, excelentes condições climáticas e uma infraestrutura completa. R. Arthur Siqueira, 651 – Bairro do Taboão For landing and take-off of small and medium-sized airplanes, Bragança Paulist airport gives support to campinas, Guarulhos and são Paulo larger airports to help them have more free areas. Its track is 1,100 meters long, weather conditions are usually excellent, and there is a full infrastructure Where: 651 arthur siqueira st, – Taboão District

Fachada Aeroporto Arthur Siqueira

{ Arthur Siqueira Airport facade} FOTOS MárciO MaSulinO

A fundação do “Aero Club de Bragança” ocorreu em 1939 por iniciativa de Jacintho Osório de Loci e Silva e Dalmácio de Souza Ferraz, junto com a Prefeitura Municipal. O cafeicultor Arthur Siqueira, proprietário da Fazenda Caeté, cedeu o terreno para a construção da pista de pouso. Durante a Segunda Guerra Mundial, Assis Chateaubriand comandou a campanha “Deem Asas ao Brasil” e, com isso, o aeroclube recebeu a aeronave “Alcântara Machado”, doada por Peixoto de Castro, em 1942. Entre 1943 e 1945, foram formados 24 pilotos. Em 1952, o local foi revitalizado com o aumento da pista quando passou a se chamar Aeroclube de Bragança Paulista. Atualmente oferece vários cursos: Piloto Privado PP-A, Piloto Comercial PC-A, Multimotor, Voo por Instrumento IFR e Instrutor de Voo – INVA, com as aeronaves P 56 – C, Cherokee 140 e 180, Tupi, Corisco, Sêneca, Cessna 172 e 152 e um simulador. O clube também conta com acomodações e alojamento para 30 pessoas.

seu intenso tráfego. Conta com um pista de 1.100

Bragança Paulista 101


Gastronomia

Gastronomy

Conhecendo os

sabores meeting bragança’s flavors

104 Cidade&Cultura


Parada oBrigatória todos os gostos e bolsos

FOTOS DIVULGAÇÃO

A Must-Do For every taste and pocket

Penne a la Putanesca - tradicional prato servido há 28 anos da Cantina Bella Itália e Caprese - tomate seco caseiro, fatias de mussarela de búfala com folhas frescas de rúcula e azeitonas pretas - Forneria Razera

{ Penne a La Putanesca – traditional dish for 28 years now on “Cantina Bella Italia” menu and Crapese – dried tomato, sliced buffalo mozzarella, fresh arugula leaves and black olives – “Forneria Razera” }

Por/By Chef Sérgio Zocchio

Passo a Passo, a Estância climática dE Bragança Paulista vem atraindo turistas e despertando interesse em quem visita a região. conhecida também como “capital nacional da linguiça”, devido à qualidade centenária dos embutidos produzidos na cidade, Bragança tem se tornado uma parada obrigatória para almoço, jantar ou mesmo para um sorvete, uma fatia de bolo ou para se apreciar um bom café. a gastronomia da cidade não para de crescer. Está sempre se atualizando, se modificando e oferecendo inúmeras opções em bares, restaurantes e pizzarias, com cardápios diversificados para todos os gostos e bolsos. nesse aspecto, aliás, a contribuição da associação de Bares e restaurantes sa-

GrADuAlly More AnD More viSitorS Are AttrACteD to BrAGAnçA PAuliStA CliMAte StAtion, also known as the national Sausage Capital thanks to the legendary quality of the deli meats manufactured in Bragança for centuries now. it is true to say the city became a must-do pit-stop for lunch, dinner or to enjoy a delicious icecream, a slice of cake or a cup of gourmet coffee. Bragança’s gastronomy grows non-stop. Always updating and changing, the city offers many options as bars, restaurants and pizza parlors are concerned, with creative and varied menus for all tastes and pockets. Since 2006 the invaluable contribution of the Bars and restaurants Bragança Flavors Association has been crucial to enhance the segment, while sponsoring qualifying courses and training programs for waiters and cook assistants. the organization also strives to keep all players united towards increasingly higher and innovative quality choices, able to Bragança Paulista 105


Gastronomia

bores de Bragança tem sido fundamental, atuando desde 2006 e promovendo capacitações, cursos para formação de garçons e auxiliares de cozinha, unindo todo o setor em prol da excelência em qualidade, com inovações e melhoria de atendimento. Certamente a forte influência nipônica em sua colonização fez com que mais de uma dezena de restaurantes japoneses surgissem em vários pontos da cidade, oferecendo desde os básicos sushis, sashimis e temakes até os mais completos rodízios. A influência japonesa é percebida inclusive nos restaurantes “por quilo”, que usam e abusam de combinações da culinária brasileira com a oriental. Outra forte influência perceptível é a da colônia italiana. A fusão do arroz e feijão com a macarronada nunca mais abandou nossas mesas. Lasanhas, nhoques, polentas e um bom prato de espaguete podem ser facilmente encontrados nos bons restaurantes tipicamente italianos da cidade. Além disso, tal como em São Paulo, em Bragança não faltam pizzarias. Tão atrativas quanto os restaurantes são as padarias da ci106 Cidade&Cultura

MARCIO MASULINO

FOTOS DIVULGAÇÃO

Gastronomy

Coxinha com catupiry do Café e Bobagem, Hamburger Wagyu - WineHouse Loung & Bar e Caeser Salad e suco verde - Restaurante Fresco Saladas e Sanduiches

{ Chicken Finger Food with melted cheese – “Café e Bobagem” , hamburger Wagyu - WineHouse Loung & Bar and Caeser Salad and Green Juice – “Fresco Salads and Sandwiches Restaurant” }

provide provide customers excellent service. The Japanese culinary tradition certainly has been a deep influence on local cooking too, and there are around a dozen Japanese restaurants over town selling sushis, sashimis and temakes, as well as full rotation buffets. Brazilian food places also have on their self-service restaurants several Japanese dishes where good eastern options mix with more traditional dishes of our own cooking.


Gastronomia

Gastronomy

dade que, além de produzir pães de primeira linha, funcionam como verdadeiros pontos de encontro, oferecendo deliciosos salgados e doces. E não podemos deixar de citar as lanchonetes que, muito antes da moda das hamburguerias importada das grandes cidades, já ofereciam uma grande variedade de lanches de altíssimo nível. Para terminar, falando em lanches, passando por aqui não deixe de experimentar o tradicional sanduíche de linguiça bragantina: o pão francês é recheado com um belo gomo de linguiça (picante ou não), alface e vinagrete, com queijo opcional. Já na primeira mordida você vai entender por que Bragança Paulista é sem dúvida a “Capital Nacional da Linguiça”.

The Italian colony is also quite a strong influence as far as the menu is concerned. Some time ago our basic rice-and-beans started to come to the table side by side with pasta dishes and this combination was never to be abandoned. Lasagna, gnocchi, polenta and a heartful dish of spaghetti can easily be ordered in good typical Italian restaurants around town. And as in São Paulo, good pizza parlors are not at all missing in Bragança. As attractive as the restaurants in our town are the bakeries. Besides selling top quality French rolls, they also are highly sought-after meeting points for friends who come in for a delicious snack with salty or sweet options. Besides those, diners have always been a must for sandwich lovers, providing them a wide variety of tasty choices long before modern expert hamburguer places became fashion destinations. Speaking of which, if you ever come by Bragança do not leave town before trying our traditional sausage sandwich with lettuce and barbecue sauce, spiced or not, cheese optional. At the very first bite you will totally understand why Bragança Paulista is beyond the shadow of a doubt our National Sausage Capital.

FOTOS DIVULGAÇÃO

Linguiça bragantina acebolada Restaurante do Rosário e Ossobuco moda de Milão - Restaurante Cantagallo

{ Local sausage with onion rings “Restaurante do Rosário” and Traditional dish made with marrow bone - “Osso Buco Milanese” - Cantagallo Restaurant. }

108 Cidade&Cultura


tradition

shutterstock

tradição

Linguiça de Paulista

Bragança também ConheCida Como “terra da Linguiça”, bragança Paulista recebeu o apelido graças à italiana Palmyra boldrini que, com sua receita do embutido, desde 1900 faz a festa nas mesas mais tradicionais da capital paulista. Sua fama alcançou todos os lugares e até o exterior. Com modéstia, começou a fabricar a linguiça, em sua casa, na antiga rua da Palha (hoje r. assis gonçalves). em 1949 mudou-se para a Praça José bonifácio e, junto com suas filhas, enviava cerca de 80 a 100kg do produto para São Paulo. dona Palmyra se foi, mas deixou sua marca que se tornou uma referência gastronômica em bragança Paulista. todos os anos a linguiça é comemorada com uma grande festa de sabores e entretenimento, a “Festa da Linguiça de bragança Paulista”.

Also known As the “sAusAge lAnd”, Bragança Paulista was given this nickname thanks to the Italian producer Palmyra Boldrini whose deli meat recipe is celebrated by the most traditional families in são Paulo since 1900. Its quality helped it reach quite a few tables abroad. humbly Palmyra started to manufacture sausages at home, at former straw st (rua da Palha), today Assis gonçalves st. In 1949, she moved to José Bonifácio sq. working with her daughters, she would ship around 100kg of sausages a month to são Paulo. she is now long gone but dona Palmyra’s trademark remained a faithful gastronomy standard in Bragança Paulista. every year the product is celebrated with a large feast offering many flavors and entertainment options at the “Bragança Paulista sausage Festival.” 110 Cidade&Cultura

Festa da Linguiça e Palmyra Boldrini Vasconcellos

{ Bragança Paulista Sausage Festival Palmyra Boldrini Vasconcellos }

Acervo JosÉ roberto vAsconcellos

AnDrÉ PrAtA

Bragança Paulista’s famous sausage


Negócios

Business

União com

objetivo Union and purpose

Marco Regulatório O prOjetO “InClusãO sOCIal, QualIfICaçãO, GeraçãO de renda e empreGaBIlIdade” oferece qualificação a pessoas que atuam no mercado de trabalho, ou que estão excluídas dele, para permitir que quem recebe benefícios sociais se torne gerador da própria renda. a parceria com diversas secretarias, com o sistema s (senai, senac, sebrae, senar) e com o Instituto federal de são de paulo (Ifsp) qualificou mais de cinco mil pessoas em 2013, em Bragança paulista. O marco regulatório é um conjunto de sete leis que buscam incentivar a instalação de empresas no município, garantindo crescimento econômico e promovendo a pesquisa e o desenvolvimento científico, a criação de um Centro de negócios com apoio e escritório virtual, entre outros benefícios. já o projeto Inclusão social, Qualificação, Geração de renda e empregabilidade e o arranjo produtivo local no Campo foram objeto de avaliação pelo sebrae, visando a implementação da lei Geral em favor de microempresas e empresas de pequeno porte e a premiação “prefeito empreendedor”, sendo concedido o selo de “prefeito empreendedor” ao prefeito fernão dias. Os projetos visam estabelecer condições para que pequenos e médios agricultores possam manter e ampliar sua produção, garantindo rentabilidade. alexandre terra, do sebrae informou que Bragança paulista se tornou o maior posto de atendimento do sebrae de todo o estado de são paulo e acrescenta: “esse trabalho não traz resultados da noite para o dia e nem depende de ações políticas, mas sim de grande força de vontade”. Fonte: www.braganca.sp.gov.br

114 Cidade&Cultura

Regulatory Milestone The Social incluSion, QualificaTion, income GeneraTion and employabiliTy projecT offers qualifying programs for people in the market or out of it so as to allow those under public wellfare programs to become their own source of income. The par tnership with several municipal Secretaries, the S System (Senai, Senac, Sebrae, Senar) and the São paulo federal institute (ifSp) has qualified over 5,000 citizens in 2013 in bragança paulista. The regulator y milestone is made up of seven laws designed to foster new companies to settle in bragança to promote local development, research and scientific progress, the creation of a business center, and suppor t and vir tual offices, among other benefits. The local productive agreement in the field (apl) were under assessment by Sebrae as regards the implementation of a General regulation favorable to micro and small-sized enterprises, and the “entrepreneurial mayor award”, this time granted to mayor fernão dias. both projects aims at providing means for small and medium-range farmers to keep and enlarge their production flow with ensured profitability. alexandre Terra from Sebrae told us that bragança paulista became the largest Sebrae’s toolmaker hub in the State of São paulo, and he added, “This is not a work that brings overnight results, nor it is dependent on political actions, only on a strong will power.” Source: www.braganca.sp.gov.br


CresCer sempre

marcio masulino

Always growing

Braganรงa Paulista 115


Negócios

Business

Polo Ferramenteiro Reunindo o fogo, o maRtelo, a água e o aR, a arte da forja dá testemunho da atividade humana desde os tempos mais remotos. Vestígios das civilizações grega, egípcia e da mesopotâmia mostram artefatos em metal para uso beligerante e diário que tornaram os humanos uma raça potente, capaz de enfrentar e sobreviver em seu meio ambiente. Superamos as leis naturais e a limitação de nossos corpos com a engenhosidade criativa materializada em alavancas, parafusos, porcas, rodas dentadas etc. era porém uma arte para poucos e, na idade média, criaram-se guildas (corporações), reunindo artesãos e seus discípulos que guardavam o segredo da criação dos moldes para engrenagens. depois de criado o torno e das sublevações da Revolução industrial, toda a civilização foi desenvolvida ao redor desses mecanismos e, com a criatividade de engenheiros de todos os ramos, foi possível colocar em prática idealizações que melhoraram nossas construções, utilidades domésticas e por fim os automóveis, ou seja, todo o nosso cotidiano hoje está repleto de dispositivos saídos originalmente das mãos de ferramenteiros. em nosso país, por muitos séculos fomos proibidos de manufaturar, forjar ou criar nossos próprios produtos, porém, com a vinda da família Real para o Brasil em 1808, essa realidade mudou e com ela o nosso desenvolvimento. atualmente, diante da necessidade de

Tool-Making Hub Initial kick for development Organization and professionalism The “blacksmiTh’s arT” bears wiTness of humans at work since ancient times, uniting fire, hammer, water and air. Traces and evidences from Greek, Egyptian and Mesopotamian civilizations indicate both warfare and utilitarian metallic devices that turned the civilized humans into a powerful race, skilled enough to manage their survival in a sometimes hostile environment. Humans have overcome natural laws and bodily limitations with the ingenious devices engineers designed, among them levers, bolts and nuts, gear-wheels and so on. It was though an art for just a few and during the Middle Ages guilds were formed to protect blacksmiths and their disciples and help them guard the secrets of the trade, particularly how to make gear molds. First the lathe was invented and then came the Industrial Revolution. Basically, society’s progress started there and then, around these mechanisms. Next, all kinds of enginnering expertises allowed for improved constructions, automobiles and home appliances. In short, our daily lifes are full of things designed and made by toolmakers. During the first three centuries after our country’s discovery it remained forbidden to manufacture, forge ou create our own tools but with the arrival of the Royal Family in 1808 the ban was suspended, and this fact spurred a new age of development for Brazil. Nowadays, given the need to organize the manufacturing sec-

Resumo do Protocolo Joinville

ações de capacitação profissional e em gestão no

Ferramentarias Brasileiras se Unem em Defesa do Setor

apoio governamental à solução de problemas

o prefeito fernão dias assinou Protocolo de intenções

referentes às Certidões tributárias.

entre as principais regiões produtoras de ferramentais

Vale notar que o setor de ferramentaria foi incluído no

do Brasil. importantes entidades como a abinfer, a

Regime automotivo inovar-auto (Programa de incentivo

abimaq, a aPl ferramentaria do grande aBC, a agência

à inovação tecnológica e adensamento da Cadeia

de desenvolvimento econômico do grande aBC, além

Produtiva de Veículos automotores), uma vez que

de subscreverem o protocolo são fortes apoiadores.

as montadoras podem obter benefícios fiscais nele

o evento ocorreu às 16 horas do dia 21/8/2014, em

definidos ao adquirir moldes e ferramentais no Brasil.

Joinville-SC, durante a euromold, feira internacional de

essa inclusão resultou de articulação da Prefeitura

moldes e ferramentais.

municipal de Bragança Paulista com o apoio da uSf e

os eixos principais desse Protocolo são:

de entidades como Sebrae, Senai, Ciesp, e empresas

defesa de restrições à importação de moldes

de ferramentais do aPl Bragança Paulista – núcleo de

e ferramentais;

excelência em ferramentaria.

116 Cidade&Cultura

setor de moldes e ferramentais;


FOTOS marciO maSulinO

organizar os setores industriais, principalmente para enfrentar a concorrência dos materiais importados, foram formados os Arranjos Produtivos Locais – APLs, que são “aglomerações de empresas, localizadas em um mesmo território, que apresentam especialização produtiva e mantêm vínculos de articulação, interação, cooperação e aprendizagem entre si e com outros atores locais, tais como governo, associações empresariais, instituições de crédito, ensino e pesquisa”. (Fonte: portalapl.ibict.br)

Na arte da ferramentaria, a história de Bragança Paulista tem origem na empresa AMP Brasil Conectores Elétrico Eletrônicos Ltda., hoje TE Electronics. Na década de 1990, ao se instalar na cidade, foi estimulada a terceirizar seus serviços de ferramentaria, e ferramenteiros de ponta passaram a exercer suas funções. Como Bragança Paulista conta com excelente localização e se encontra em uma região de fácil acesso aos Estados de Minas Gerais e do Rio de Janeiro, além de todo o interior do Estado de São Paulo, com rodovias até o porto de Santos onde o escoamento é facilitado, é uma cidade com toda a logística necessária ao desenvolvimento do polo de ferramentaria e a assumir a liderança do progresso da região. Além disso, o setor ferramenteiro tem bom nível salarial, com amplas oportunidades de aperfeiçoamento profissional, já que é um mercado envolvido no caminho crítico de desenvolvimento de qualquer novo produto ou processo de inovação. Por isso, a criação do

tors in our market, mainly to face competition from imported goods, Local Productive Agreements started to be set up. These are made of several companies operating in the same territory with specialized lines of production to link them to open channels of dialogue, interaction, cooperation and mutual learning among themselves and other local players such as the government, business associations, credit institutions and teaching and research programs. Source: portalapl.ibict.br

As far as tool-making operations are concerned Bragança Paulista’s history started when a company called AMP Brasil Conectores Elétrico Eletrônicos Ltda., now TE Electronics, was encouraged back in the 1990s to outsource its tool-making operation, providing top level professionals to meet the market’s needs. Since Bragança Paulista is located at quite a strategic site with easy access to the States of Minas Gerais and Rio de Janeiro, as well the State of São Paulo countryside, with roads leading to Santos harbor where products are speedly exported, the city’s logistic is all set to allow it to become an excellent center to develop into the Tool-Making Hub of the State and the source of the region’s progress. On top of that, the tool-making market offers goods salaries and opportunities for professional improvement, being as it is a sector engaged in the critical path to the development of any new product or innovative process. Bragança Paulista’s LPA – ToolBragança Paulista 117


Negócios

FOTOS marciO maSulinO

Business

Making Excellence Center was inaugurated in August 2014. Nowadays, there are 97 tool-making companies in Bragança Paulista, six of them certified by Finame, therefore offering top quality products. Besides those there also are several manufacturers with ISO 9000 certification, and a few others are structuring their processes to reach higher operational Standards. The top sale products in Bragança are plastic injection moldings, swages and machining. After LPA was implemented, there was a direct income and resources increase stimulating tax collecting, improving the quality of life and investments, and opening approximately one thousand direct jobs together with a few hundred supplementary service suppliers. With an organized sector it is possible to consider the manufacturing capacity will inevitably increase, together with management, technology, logistics, productivity and quality of life as well a share of the international market.

Resumo da 1ª Ata da Posse da Gestão do APL – Núcleo de Excelência em Ferramentaria de Bragança Paulista Empossada a Mesa Coordenadora do APL Bragança

APL Bragança Paulista – Núcleo de Excelência em Ferramentaria, em agosto de 2014. Atualmente, Bragança Paulista possui 97 ferramentarias, seis delas com inscrição no Finame, portanto com melhor qualidade em seus processos produtivos. Além dessas, existem diversas empresas certificadas com a ISO 9000 e mais algumas ainda em fase de estruturação. Os produtos mais desenvolvidos na cidade são: moldes para injeção plástica, estampos e usinagem. Com a implantação da APL, há mais geração de recursos e renda direta, o que incide no aumento da arrecadação, na exposição da cidade, em melhorias na qualidade de vida, mais investimentos, a criação de aproximadamente 1.000 empregos diretos e algumas centenas de prestadores de serviços. Com a organização do setor, o aumento da capacidade produtiva, o aperfeiçoamento da gestão, da tecnologia, da logística e da produtividade, a conquista do mercado internacional é inevitável. 118 Cidade&Cultura

Paulista – Núcleo de Excelência em Ferramentaria Na noite de 6 de novembro de 2014, tomaram posse os coordenadores do APL Bragança Paulista – Núcleo de Excelência em Ferramentaria, assumindo o Grupo de Coordenadores as seguintes empresas: 3G Ferramentaria de Precisão, ACG CAD Projetos de Moldes Plásticos, Amplimold Ferramentaria de Precisão, Beta Ferramentaria, Gaspartec Tecnologia em Retífica Óptica, Hartman Ind. e Com. de Moldes e Estampos Ltda., KLC Ferramentaria e Usinagem Ltda., LNR Industria Mecânica Ltda., MRD Tools, Parstech Ferramentaria de Precisão, Reibrag Ferramentaria de Precisão, Loject. Assumiram também as seguintes instituições: Ciesp, Sebrae, Senai, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico representando a Prefeitura Municipal de Bragança Paulista, e USF – Universidade São Francisco. www.aplbr.com.br


Saúde

Health

todos

shutterstock

Direito de

Everyone’s right

Pioneiro na imPlantação da gestão desCentralizada da saúde PúbliCa no brasil, o estado de são Paulo conta com municípios que aderiram a essa nova forma de gerenciamento. Por meio das organizações sociais em saúde Pública (osss), o setor da saúde pôde registrar um imenso progresso no atendimento, no acompanhamento de pacientes, na informatização de dados, na transparência quanto à prestação de contas e em um atendimento mais humano. bragança Paulista está entre esses municípios. gerido pela associação brasileira de beneficência Comunitária – abbC, organização sem fins lucrativos, além da área da saúde, também atua nas áreas social, educacional e tecnológica. seu corpo diretivo possui profissionais que atuam em vários segmentos: médicos, cirurgiões-dentistas, administradores, educadores, advogados, engenheiros e pesquisadores científicos. Com uma visão mais humana e também mais próxima do usuário da rede pública de saúde, esse sistema de gerenciamento vem preencher a lacuna do distanciamento entre a realidade local e a do estado, que ocorria com as unidades básicas médicas, ao mesmo tempo em que fortalece o relacionamento médico-paciente e cidade-munícipe. dados recentes do datasUs revelam que 35% dos hospitais geridos pelas osss tiveram mais altas hospitalares, aumentando para 85% (antes 63,2%) a rotatividade de pacientes. ou seja, mais pessoas atendidas, mais leitos vagos, mais otimização dos recursos e, o mais importante, menos mortalidade.

Edison Junior Diretor da ABBC

{ Edison Junior Director of ABBC } 120 Cidade&Cultura

atendimento mais humano a kinder assistance

Following the pioneer decentralized management strategy For Brazilian puBlic health in the state of são paulo, many other municipalities in our state also embrace the same model. By means of public health social organizations (osss), the sector was able to implement substantial improvement in crucial areas such as patients’ reception and referral, informatized data, transparent management and a kinder way of assisting people. Bragança Paulista is among those towns managed by the nonprofit Associação Brasileira de Beneficência Comunitária – ABBC [Brazilian association of community charity]. Besides public health, the organization also provides services for social, educational and technology programs. its Board of directors is made up of several different professionals, such as medical doctors, surgeons, dentists, managers, educators, lawyers, engineers and scientific researchers. Implementing a more humanitarian approach, becoming closer to the citizens who check in for help at public health units, the system helps bridge a gap between local reality and the state reality, a problem that compromised medical basic units in the past. the new model also promotes a stronger connection between doctors and patients, the city and its citizens. recent data from datasus show that 35% of hospitals managed by osss recorded higher patient discharge rates, rising to 85% (compared to previous 63,2%) the patients’ rotation. this means a larger number of treatments delivered, of available hospital beds, optimal use of resources and most importantly less mortality.


Estatísticas

ANDRÉ PRATA

Statiscal Data

Data da fundação 15 de dezembro de 1763

Foundation Date December 15th, 1763

Gentílico brangantino

Gentilic Bragantino

Localização geográfica Microrregião de bragança Paulista

Location Bragança Paulista micro region

Cidades-limites Atibaia, Itatiba, Jarinu, Morungaba, Pedra bela, Pinhalzinho, Piracaia, Amparo, Extrema, Tuiuti e Vargem.

Neighboring Cities Atibaia, Itatiba, Jarinu, Morungaba, Pedra Bela, Pinhalzinho, Piracaia, Amparo, Extrema, Tuiuti and Vargem

Localização geográfica Longitude: 46°32’30” O Latitude: 22°58’307” S Altitude: 850 metros

Coordinates Longitude: 46°32’30” W Latitude: 22°58’307” S Altitude: 850m

Área total 514,8 km²

Total Area 514,8km²

Pessoas residentes 146.744 (censo 2010)

Inhabitants 146,744 (2010 census)

Clima Tropical de altitude

Climate: Tropical of Altitude

Rodovias de acesso Fernão Dias – bR 381 Capitão barduíno – SP 008 (até Socorro) benevenutto Moretto – SP 095 (até Pinhalzinho) Alkindar Monteiro Junqueira – SP 063 (até Itatiba)

Highways to and from Fernão Dias – BR 381 Capitão Barduíno – SP 008 (up to Socorro) Benevenutto Moretto – SP 095 (up to Pinhalzinho) Alkindar Monteiro Junqueira – SP 063 (up to Itatiba)

Densidade demográfica (habitantes/km²) 286,26 hab/km² (censo 2010)

Demographic Density (inhabitants/km²) 286,26 (2010 census)

122 Cidade&Cultura


Roteiro

Guide

Parque luiz Gonzaga da silva leme Em homenagem ao engenheiro nascido na cidade em 1852, esse parque é um dos refúgios da cidade. Com sombras fornecidas por inúmeras árvores, há no local bicas, um playground, bancos e um centro de recepção de animais silvestres. Onde: R. Madre Paulina.

Luiz Gonzaga da Silva Leme Park As a tribute to the enginner born in Bragança Paulista in 1852, the park is a favorite refuge in the city. Heavily shaded, the place also has water fountains, a playground, benches at ideal spots, and a reception center for wild animals. Where: Madre Paulina St.

feira da amizade Popularmente conhecida como “feira do rolo”, acontece todos os domingos das 7 da manhã até as 2 horas da tarde. aqui você encontra quase de tudo. Do novo ao antigo, os produtos são intensamente comercializados. Essa feira nos remete aos antigos escambos. acontece no “ceasinha”, na Av. Imigrantes, no Centro de Abastecimento. 124 Cidade&Cultura

Also known as “Exchange Fair”, it happens every Sunday from 7 am to 2 pm. One can find almost everything at its many stands. From new to antique items, business here is quite dynamic, but the feel is the old trade habit of bartering. Where: at “Ceasinha”, Imigrantes Ave., Supply Center.

fotos marcio masulino

Friendship Fair


Roteiro

Guide

Posto de Monta O Parque de Exposições Dr. Fernando Costa, mais conhecido como Posto de Monta, é uma área 250 mil m² que recebe todos os anos a Festa do Peão de Boiadeiro (22°. Edição) e a ExpoAgro (49° edição), eventos conhecido no país inteiro com muitas atrações. Onde: Av. Dr. Fenando Costa, s/n°. (NDV)

The Dr. Fernando Costa Exhibition Park, mostly known as “Stud Farm”, is a 250 thou m² area that hosts the Drivers’ Cattle Festival every year, now for its 22nd time, as well as the ExpoAgro (49th edition). With lots of attractions, those events are famous all over the country. Where: Dr. Fenando Costa Ave.

DIVULGAÇÃO

Stud Farm

Cia. Razera de Cervejas Especiais Cervejas fabricadas a partir da Lei da Pureza Alemã de 1516, que permite ao consumidor apreciar o melhor em sabor e aroma. R. Teixeira, 763. (NDV)

Cia. Razera de Cervejas Especiais

ANDRÉ PRATA

Special beers manufactured according to the German Purity Act (from 1516) offer the best taste and aroma to the clients Where: 763 Teixeira St. (NDV)

1924 é a data da inauguração do novo Matadouro Municipal, em estilo eclético. Tombado pelo Condephac, atualmente funciona ali o Centro Cultural Geraldo Pereira, com exposições de artistas de todas as vertentes. Onde: Praça Cel. Jacinto Osório, 26.

126 Cidade&Cultura

Slaughter-house The Municipal Slaughter-house was opened in 1924 in a building of eccletic style. Now under the government trust CONDEPHAC, it houses the Cultural Center Geraldo Pereira with varied art exhibitions. Where: 26 Cel. Jacinto Osório Sq.

MARCIO MAsULINO

Matadouro


Depoimento

Statement

Bela

Bragança Beautiful Bragança

Willingness, attentiveness, passion for their land - this is the true nature of Bragança’s people, always ready to help, to improve and most of all to praise their beautiful land. these welcoming and diligent citizens will never give you reason to feel alone. More than historical riches, the highest valuable asset here is its people. 130 Cidade&Cultura

ANDRÉ PRATA

DiSpoSição, atenção e muito amor à Sua própria terra. esse é o bragantino, sempre disponível para ajudar, melhorar e, principalmente, enaltecer as belezas de sua cidade. Com tanta simpatia e solicitude, aqui você nunca vai se sentir sozinho. mais do que um patrimônio histórico, o tesouro deste local realmente é sua gente.


Profile for www.cidadeecultura.com.br

Bragança Paulista/SP - 2ª Edição  

Bragança Paulista/SP - 2ª Edição