Page 1

DOURADOS MS ANO 68 | NÂş 13.248 R$ 2,00

O PROGRESSO ★★★★★

Pensamento e ação por uma vida melhor

Quarta-feira 6 de junho de 2018

Fundador WEIMAR TORRES Diretora-Presidente ADILES DO AMARAL TORRES

Artes Exposição da Semana do Meio Ambiente

Economia Produção industrial sobe 0,8% em abril ante março

Literatura Flip 2018 anuncia programação

PĂ G. B1

PĂ G. A5

PĂ G. B3

Armamento de guerra ĂŠ apreendido em MS

Aumenta nĂşmero de mortes contra mulheres no Estado

Um verdadeiro arsenal de guerra foi apreendido na tarde de segunda-feira em Três Lagoas em um veículo que seguia de Ponta Porã à Piracicaba (SP). Entre os itens encontrados, estava uma metralhadora .50, que de acordo com a polícia, Ê capaz de derrubar atÊ avião e Ê usada pela forças armadas. Pà G. A7

O Estado de Mato Grosso do Sul foi o que mais registrou aumento de casos de mortes violentas a esclarecer (101,6%) e homicídios contra as mulheres (37,9%), aponta o Atlas da Violência 2018, produzido pelo Instituto de Pesquisa Econômica e Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Pà G. D1

VICTOR CHILENO

Deputados aprovam redução da alíquota do diesel em MS A Assembleia Legislativa aprovou ontem, em sistema de urgência e com uma sessão extraordinåria, o projeto de lei do governo do Estado sobre a redução da alíquota do diesel. O projeto foi sancionado ontem mesmo, pelo governador Reinaldo Azambuja. O presidente da ALMS, Júnior Mochi, ressaltou que diferente da negociação do preço do ICMS realizada em 2015, desta vez a lei vigorarå por prazo indeterminado. O deputado acrescentou que tambÊm ficou acordado que a ALMS criarå uma comissão de acompanhamento de preço. Pà G. D3

Dourados ganha mais uma loja de decoração. Trata-se do Espaço Ziy, que serå inaugurado amanhã, às 19h, na Rua Firmino Vieira de Matos, nº 2020, na Vila Progresso. Com muitos itens diferentes, a loja terå diversos tipos de produtos de decoração, ambientação, acessórios, artesanatos, entre outros, alÊm de um espaço para Palestras e Workshops. O Espaço ZIY, não Ê apenas um espaço de comercio. É um ambiente focado em lifestyle e em agregar, um espaço autentico e local, e ao mesmo tempo cosmopolita, afirma a proprietåria Alessandra T. Fuziy Lorensini.

PĂ G. D2

Quem pagou gasolina mais cara deve ser ressarcido

5HXQLĂ‚RHQWUHJRYHUQDGRUGHSXWDGRVHUHSUHVHQWDQWHVGRVHWRUGHGHULYDGRVGHSHWUĂśOHRJDUDQWLXDFRUGRSDUDDSURYDĂ?Ă‚RGHSURMHWR

Prefeitura doa mudas no Dia do Meio Ambiente A FROTA

Espaço Ziy serå inaugurado amanhã em Dourados

PĂ G. A3 Lewandowski ĂŠ HOHLWRSUHVLGHQWHGD Segunda Turma do STF PĂ G. A3 Defesa pede OLEHUGDGHGH /XODDR67)H67PĂ G. A4

$3UHIHLWXUDGH'RXUDGRVGHVHQYROYHXRQWHPDWLYLGDGHTXHPDUFRXR'LD0XQGLDOGR0HLR$PELHQWHFRP IRFRHPFRQVFLHQWL]D�ÂRTXDQWR¿SUHVHUYD�ÂRGDVULTXH]DVQDWXUDLV2HYHQWRDFRQWHFHXQD3UD�D$QWáQLR -RÂRHHPSDUFHULDFRPLQVWLWXL�øHVFRPDGLVWULEXL�ÂRGHPXGDVGHÀUYRUHVIUXWâIHUDVHRUQDPHQWDLVPà G. D2

Loteria

Fonte: INMET

QUINA Concurso 4696 21 - 25 - 40 - 66 - 67

Parcialmente nublado a nublado com possibilidade de chuva em ĂĄreas isoladas. Ventos: fraco/moderado com rajadas. Umidade: mĂĄx. 95% Umidade: mĂ­n. 70%.

O consumidor que pagou mais caro no preço do combustível durante a greve dos caminhoneiros tem o direito de ser reembolsado pelos prejuízos. É o que defende o advogado especialista em Direito Constitucional, Agamenon Jorge Taborda. Em entrevista ao O PROGRESSO, ele diz que o aumento abusivo Ê considerado crime contra a economia popular, sendo passível de detenção de dois a dez anos e multa. Pà G. D4

Voto impresso esbarra em uma VĂ’ULHGHGLÄ&#x;FXOGDGHV operacionais

O tempo HOJE 20º 0À[_12º 0âQ

Escola mantÊm Muro da Solidariedade para doação

DUPLA-SENA Concurso 1796 1Âş sorteio: 06 - 08 - 28 - 31 - 39 - 46 2Âş sorteio: 08 - 12 - 16 - 21 - 41 - 49

LOTOMANIA Concurso 1872 03 - 06 - 10 - 11 - 18 - 38 - 50 - 52 - 60 - 62 65 - 70 - 72 - 74 - 81 - 83 - 84 - 90 - 92 - 95 TIMEMANIA Concurso 1188 25 - 41 - 53 - 61 - 67 - 76 - 78

MEGA-SENA A Mega-Sena pode pagar, hoje, o prêmio de R$ 5,5 milhþes ao apostador que acertar os seis números do concurso 2.047. Caso apenas um ganhador leve o prêmio da Mega-Sena e aplique todo o valor na Poupança da CAIXA, receberå aproximadamente R$ 20 mil em rendimentos mensais.

+RVSLWDOGH&LUXUJLDV nĂŁo funciona com a capacidade PĂ G. D2


2

Dourados, quarta-feira 6.6.2018 O PROGRESSO

OpiniĂŁo

Maternidade no cĂĄrcere

E

louvåvel a intenção do Conselho Nacional de Justiça de fazer um mapeamento das mulheres gråvidas e lactantes que estão nos presídios do Brasil. A iniciativa pode resultar em políticas que possam garantir melhores condiçþes de vida para esse grupo de encarceradas, evitando assim, erros que colocam em cheque ainda mais a proposta prisional executada no País e que precisa de adequaçþes, coibindo, tambÊm, desrespeito aos direitos humanos e à integridade das crianças geradas nesses ambientes. A criação de um protocolo específico por parte da Justiça cria condiçþes mais apropriadas e, ao mesmo tempo, facilita o acompanhamento do Poder Público. O levantamento feito pelo Conselho Nacional de Justiça, realizado atÊ o final do mês de abril revela que os estabelecimentos penais femininos do Brasil tinham 212 mulheres gråvidas e 179 lactantes. Os dados foram apurados atravÊs de visitas em 33 unidades e surgiram a partir da verificação das condiçþes das presas gestantes e que estão amamentando. Para conseguir rastrear as carências enfrentadas pelas encarceradas, foi aplicado um formulårio com 30 per-

O que ficou evidenciado Ê que guntas. Nesse levantamento, EDITORIAL a realidade contrastante vista os administradores tiveram que responder questionamentos a respeito da nas celas, reforçou a necessidade do Conselho existência ou não de acompanhamento mÊdico propor uma padronização dos cuidados mÊdiàs gråvidas, realização de prÊ-natal, cuidados cos às mulheres custodiadas pelo Estado, colocando algumas obrigatoriedades, entre as quais pós-parto e local de realização dos partos. Em termos da abrangência desse mapeamen- a de realização de prÊ-natal para as gråvidas. As to, o Conselho Nacional de Justiça esteve em sugestþes para uniformizar o tratamento a essas presídios femininos de 26 unidades da Federa- mulheres estão sendo formuladas e deverão ser ção. Ficou de fora apenas o Amapå pelo fato de concluídas atÊ agosto. Por outro lado, durante não ter sido constatado no Estado a existência as visitas feitas, foram encontrados estabelecimentos penais com boa estrude detentas gestantes ou que esEm algumas prisþes tura física e bem equipados, que tivessem amamentando. Com essa medida os responsåveis foram encontradas possuem brinquedoteca e carrinhos de nenê, mas nos quais procuraram destacar a caractebrinquedotecas e cresciam 14 bebês sem registro rística mais relevante da Política carrinhos de bebês de nascimento. Judiciåria Nacional de EnfrenA boa notícia Ê que, em outro tamento da Violência Contra a Mulher, e como Ê essa política, que imprime a caso, no Centro de Reeducação Feminino de perspectiva de gênero na atuação institucio- Ananindeua, no Parå, apesar da estrutura fínal do Judiciårio dentro de suas atribuiçþes. sica antiga e de haver cinco bebês sem regisAlÊm disso, a Justiça busca a implantação de tro, a unidade prisional possuía ambulância um protocolo de recomendaçþes ao sistema à disposição em tempo integral para as gråviprisional para cuidados padronizados à saúde das e lactantes e instalaçþes separadas para as das detentas gestantes, das lactantes e de seus gestantes e mulheres que estão amamentando. Em algumas prisþes, a equipe do Conselho recÊm-nascidos nas prisþes.

O NĂšMERO

33 estbelecimentos penais femininos, atĂŠ o final de abril, tinham 212 mulheres grĂĄvidas e 179 lactantes

Nacional de Justiça tambÊm constatou que os bebês permanecem com as mães e crescem em ambientes separados das demais detentas. AlÊm disso, tambÊm foi verificado, que em outras unidades prisionais, esses recÊm-nascidos passam o dia em berçårios aos cuidados de terceiros e são levados para as mães à noite para dormir em celas. Outro aspecto relevante do levantamento realizado pelo Conselho Nacional de Justiça e que chamou a atenção dos envolvidos no trabalho, Ê a necessidade da presença de um juiz da Vara da Infância e Juventude nos estabelecimentos penais em que houver filhos de presas. Isso porque os bebês ou crianças não têm qualquer relação com crimes e não devem, por isso, estar sob a responsabilidade das varas de execução penal.

O trĂ­plice aspecto do sujeito social '$9, 52% %$//2 52%$//2

*Jornalista, Especialista em Comunicação e Marketing / Especialista em Jornalismo Político.

D

e posse do livre pensar podemos deduzir que a fåbula de Adão, Eva e a Serpente levada ao pÊ da letra não pode ser considerada como algo sÊrio, mas no aspecto filosófico e psíquico podemos tirar dela o significado da queda e do fim do paraíso, que se trata da inocência ou a ausência do ego e não de um lugar circunscrito. É preciso levar a sÊrio os símbolos nela

apresentados. A maça sendo o conhecimento e a serpente a manifestação do ego. AdĂŁo e Eva perderam o paraĂ­so porque passaram a conhecer e com isso a comparar, medir e a desejar cada vez mais iludidos pelo ego enraizado no inconsciente humano. E bem provĂĄvel que o ego ao assaltar o comportamento humano o dividiu em um trĂ­plice aspecto na forma de agir nas interaçþes com o outro. Dado a isso, a convivĂŞncia seja no seio familiar, profissional e social tem ao longo do tempo nos impulsionado a representar no palco da vida, no qual a sinceridade estrita ĂŠ algo incabĂ­vel, visto que pode transformar-se em uma automutilação a respeito das interaçþes, como tambĂŠm o declĂ­nio da vida social. Nietzsche diz que “Nunca nos procuramos, como poderĂ­amos ter nos encontrado (...)â€?, isto ĂŠ,

nĂŁo nos conhecemos, tanto que colĂłgico de seus atores, ou seja: diuturnamente agimos total- a) o espectro da idealização do mente em contradição ao que que o sujeito imagina ser, que realmente somos, com exce- almeja e sonha encarnar; b) o ção dos lapsos inconscientes, reflexo do que a outra pessoa as atitudes classificadas co- pensa que ele ĂŠ, isto ĂŠ, a impresmo “atos falhosâ€? que segundo sĂŁo que causa no outro; c) e, por Freud apresentam fragmentos fim, a incĂłgnita daquilo que de nossa verdadeira persona- realmente o sujeito ĂŠ, ou seja, lidade. Trata-se nesse caso de tudo o que ele desconhece ser, saturação de nosso prĂłprio pois, vivemos conforme uma inconsciente, idealização, en“Nunca nos que como um quanto por devulcĂŁo lança baixo do vĂŠu de procuramos, como para fora todo poderĂ­amos ter nos nossa hipocrisia excesso daquirepousa nossa encontrado (...)â€? lo que se enverdadeira face contra sufocaque muitas vedo, recalcado e censurado ante zes nos assusta, principalmente as regras sociais, tradicionais e quando resolvemos nos avaliar culturais que delineiam nossa seriamente. vida no seio social. Desde que o ego coordena Para que a sociedade flua e nossos passos a vida vem se esestabeleça uma linha de esta- tabelecendo em um jogo que bilidade a respeito da convivĂŞn- nos obriga viver na defensiva cia entre seus participes, ela se em relação ao outro, e assim, sujeitou ao trĂ­plice aspecto psi- entrincheirados vamos prote-

gendo nossas faces, mĂĄscaras, como tambĂŠm tudo aquilo que nĂŁo conhecemos em nĂłs mesmos, e por tudo isso tememos um provĂĄvel demĂŠrito, pois uma incursĂŁo mais ofensiva pode quebrar a vidraça que nos protege do outro e de nĂłs mesmos. Nas palavras de JosĂŠ Saramago em o conto - Ilha desconhecida - â€œĂ‰ necessĂĄrio sair da ilha para ver a ilhaâ€?, isto ĂŠ, para nos vermos ĂŠ preciso olhar-nos como se fossemos um estranho. No entanto, fazendo isso, iremos esbarrar em alguĂŠm desconhecido, a outra parte que constantemente negamos a nĂłs mesmos, parte de nossa personalidade que ĂŠ exilada nas profundezas de nossa inconsciĂŞncia, algo que vez por outra, como dito in supra, emerge em nossos atos falhos. Para o mĂ­stico indiano Osho “Tudo o que sabemos sobre nĂłs

mesmos Ê a opinião dos outros.� Isso acontece porque o outro nos vê de uma forma pela qual não conseguimos nos ver, no entanto, o outro nos julga pela casca em detrimento ao conteúdo por debaixo dela. Eis o mundo comandado pelo ego, a vida pautada pelas aparências e pelo faz de conta em que estamos inseridos, pois nos Ê mais cômodo fugir de nós mesmos do que enfrentar a realidade daquilo que realmente somos, porquanto o processo de autoconhecimento Ê dolorido e vagaroso, tanto que se consolida de fato em apenas alguns sujeitos na maturidade e na velhice, quando atingem a plenitude da gratidão pela vida e a compaixão pelo outro ao sufocar o próprio ego.

micas fossem exploradas politicamente, pode explicar o recuo do governo no plano polĂ­tico. Geisel reagiu com a Lei FalcĂŁo (1976) – que emudeceu a propaganda na TV - e o Pacote de abril (1977) com o objetivo de desfavorecer a oposição nas prĂłximas eleiçþes (1978). Nessa ocasiĂŁo Geisel fechou o Congresso Nacional e baixou, por decreto, uma reforma constitucional que instituĂ­a eleiçþes indiretas para governadores e para 1/3 do Senado criando os famigerados “senadores biĂ´nicosâ€?. JĂĄ tendo sido derrotada a luta armada, quem eram entĂŁo os novos “subversivos mais perigososâ€? que deveriam ser executados? Eram aqueles que lutavam, sem armas, contra a ditadura. A linha adotada pelo Partido Comunista Brasileiro (PCB), de investir na luta pelas liberdades democrĂĄticas, era percebida, pelos ĂłrgĂŁos de repressĂŁo, como a mais “inteligenteâ€? e perigosa,

para o projeto do regime. O ano de 1974, após a derrota eleitoral do regime, foi especialmente duro para o PCB. Nesse período, foi assassinado um terço dos membros do seu Comitê Central. Diante desses fatos, pela primeira vez na sua história desde 1922, a direção do PCB teve que se exilar e dirigir o partido desde o Exterior. Mas a repressão atingiu tambÊm vårios dos seus militantes, entre os quais se podem citar o operårio Manoel Fiel Filho e o jornalista Vladmir Herzog, casos que tiveram grandes repercussþes e serviram para ampliar a luta contra a tortura e os assassinatos políticos. O documento da CIA, passado os anos, apenas veio confirmar o que jå se sabia, jogando luz sobre a lenda do general Geisel como ditador bonzinho.

daviroballo@gmail.com

A lenda do ditador bonzinho )$86720$772 *52 2662 *52662

*Engenheiro e professor da UFMS

O

relatório da CIA divulgado recentemente, pelo professor Matias Specktor (UFRJ), desmistificou a lenda de que o presidente Ernesto Geisel não endossou a tortura e assassinatos nos quartÊis. O documento Memorandum From Director of Central Intelligence Colby to Secretary of State Kissinger, pode ser encontrado no endereço eletrônico do Departamento de Estado dos EUA (https://history.state.gov/ historicaldocuments/frus1969-76ve11p2/d99). O documento da CIA, com da-

ta de 11 de abril de 1974, relata reuniĂŁo entre os responsĂĄveis pela segurança no governo MĂŠdici e a equipe que assumiu essa função no governo Geisel. Estavam presentes o Presidente Geisel e o general Figueiredo, este que assumira o Serviço Nacional de Informaçþes (SNI). Presentes ainda o general Milton Tavares que fora chefe de Centro de Informaçþes do ExĂŠrcito (CIE) no governo de MĂŠdici e o general ConfĂşcio Danton Avelino que estava assumindo essa função no Governo Geisel. O general Milton falou sobre suas atividades Ă frente do CIE e pediu entĂŁo que “mĂŠtodos extralegaisâ€? continuassem a ser empregados. Informou que, no Ăşltimo ano, 104 pessoas haviam sido sumariamente executadas pelo CIE. Figueiredo “apoiou a polĂ­tica de extermĂ­nio e pediu a sua continuidadeâ€?, diz o informe. No dia 1°de abril, apĂłs ter pedido tempo para pensar, Geisel

informou ao general Figueiredo lagre brasileiroâ€? tinha perdido o que a polĂ­tica de assassinatos de- seu impulso e o paĂ­s começara veria continuar, mas que “mais a conviver com o aumento da cuidados deveriam ser tomados dĂ­vida externa e com a inflação, para ter certeza de que apenas que era de 15,54% na sua posse e subversivos perigosos fossem no final do seu mandato atingiu executadosâ€? e que os assassina- 40,81%%. tos sĂł deveriam ser efetivados O descontentamento da podepois de autorizados pelo Ge- pulação começou a se manifesneral Figueiredo, do SNI. Assim tar. Nas eleiçþes de outubro de o Presidente centralizou a po- 1974, quando foi renovado um lĂ­tica da represterço do SenaO ano de 1974, sĂŁo e assumiu a do, o MDB obteresponsabilida- apĂłs a derrota eleitoral ve vitĂłria em 18 de pessoal sobre dos 22 estados. do regime, foi duro a repressĂŁo aos Foi a primeira para o PCB opositores do grande derrota regime. eleitoral do reMas, afinal, o que foi o Gover- gime. no Geisel, que assumiu o poder http://cpdoc.fgv.br/sites/deem 15 de março de 1974? fault/files/imagens/dossies/faGeisel chegou ao poder atra- tos_imagens/fotos/PacoteAbril/ vĂŠs de eleição indireta, no Co- EG_19.jpgO ano de 1977 se abriu lĂŠgio Eleitoral, onde conquistou com Geisel anunciando medi400 votos, enquanto seu opo- das de “arrochoâ€? na economia, sitor Ulisses GuimarĂŁes obteve indispensĂĄveis para a redução apenas 76 votos com a sua anti- da inflação e do endividamento cadidatura. externo. O temor de que as reaNo aspecto econĂ´mico, o “mi- çþes sociais Ă s restriçþes econĂ´-

faustomt@terra.com.br

EXPEDIENTE O PROGRESSO: O MAIS ANTIGO DO ESTADO E DE MAIOR CIRCULAĂ‡ĂƒO EM TODO O INTERIOR Este jornal expressa sua opiniĂŁo pelo Editorial. As demais opiniĂľes sĂŁo de responsabilidade de seus autores. “O PROGRESSOâ€? Registrado no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) sob o nÂş 812285964

Diretora-presidente ADILES DO AMARAL TORRES Diretora-superintendente BLANCHE TORRES Diretora Executiva JUNE ANGELA TORRES Editor-chefe VANDER VERĂƒO Fundador (1951-1969) WEIMAR TORRES Ex-diretor (1969-1985) VLADEMIRO DO AMARAL

(',725$-251$/2352*5(662/7'$

CGC 03.356.425/0001-26 Departamento Comercial, Administração, Redação e Parque Gråfico Av. Presidente Vargas, 447 CEP 79804-030 Dourados-MS. Telefones Redação (0xx) 67-3416-2627/2609 Depto. Comercial (0xx) 67-3416-2600 Serviço de Atendimento ao Assinante (0xx) 67-3416-2666 - 3416-2670 Fax: (0xx) 67-3421-1911 +20(3$*(www.progresso.com.br (0$,/progresso@progresso.com.br

oprogresso.jornal

@JORNALOPROGRESSO

ESPORTE/POLĂ?CIA Renato Giansante esporte@progresso.com.br policia@progresso.com.br DIA-A-DIA Maria Lucia Tolouei marialucia@progresso.com.br CADERNO B/DMAIS Hakeito Almeida hakeito@progresso.com.br

(VWHMRUQDOpÂżOLDGRj

CIDADES Departamento Regional cidades@progresso.com.br

$66,1$785$6

DOURADOS, INTERIOR E CAMPO GRANDE

COLUNA SOCIAL/ANĂšNCIOS Angela Santa Cruz comercial@progresso.com.br

$QXDO  R$ 240 6HPHVWUDO R$ 150 7ULPHVWUDO R$ 100 %LPHVWUDO R$ 70 0HQVDO R$ 45

CLASSIFICADOS Gleison Costa classificados@progresso.com.br

Pensamento e ação por uma vida melhor

VENDA AVULSA 'RXUDGRV,QWHULRU H&DPSR*UDQGHR$ 2 NĂšMEROS ATRASADOS 'RDQRR$ 2 'RDQRDQWHULRU R$ 4


3

Dourados, quarta-feira 6.6.2018 O PROGRESSO

Política

Voto impresso esbarra em uma série de dificuldades operacionais Na véspera de o STF julgar uma ação que questiona a implantação do voto impresso nas próximas eleições, ministro diz que medida precisa ser implantada com o ‘tempo adequado’ NELSON JR – SCO/STF

Rafael Moraes Moura e Amanda Pupo, Agência Estado De Brasília Na véspera de o Supremo Tribunal Federal (STF) julgar uma ação que questiona a implantação do voto impresso nas próximas eleições, o ministro Gilmar Mendes disse ontem (5), que a impressão não é “inconstitucional”, mas esbarra em uma série de dificuldades operacionais e precisa ser implantada com o “tempo adequado”. O uso do voto impresso para as eleições deste ano foi aprovado pelo Congresso em 2015, na minirreforma política. Na tarde desta quarta-feira (6), está previsto no STF o julgamento de uma ação da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, contra a adoção do voto impresso nas próximas eleições. Para

O uso do voto impresso para as eleições deste ano foi aprovado pelo Congresso em 2015, na minirreforma política a procuradora-geral da República, a reintrodução do voto impresso “caminha na contramão da proteção da garantia do anonimato do voto e significa verdadeiro retrocesso”. O relator da ação é o ministro Gilmar Mendes, que decidiu submeter o pedido de medida cautelar para barrar o voto impresso diretamente ao plenário da Corte. Na sessão, os ministros do STF discutirão se a impressão do voto ofende o direito ao sigilo de voto e coloca em risco

Gilmar considerou um “caos” a implantação do voto impresso no Distrito Federal em 2002 a confiabilidade do sistema eleitoral e a segurança jurídica. “Eu não vejo nenhum problema de pedir o voto impresso, não acho inconstitucional. Agora, temos uma série de dificuldades operacionais, inclusive a urna eletrônica é

um jipe. Funciona bem aqui, funciona bem nas aldeias indígenas, no Amazonas, e todo tipo. Se você acopla um módulo impressor, você passa a ter problemas”, ressaltou Gilmar Mendes na tarde de ontem, ao chegar para a sessão da Segunda Turma do STF.

Experiência Gilmar destacou em conversa com a imprensa que fez um levantamento sobre experiências passadas para embasar o voto que será lido nesta quarta-feira na sessão plenária do STF. O ministro considerou um “caos” a im-

ROSINEI COUTINHO – SCO/STF

Lewandowski é eleito presidente da Segunda Turma do STF A atribuição do presidente da Ş7XUPDÒGHGHğQLUDSDXWD de julgamentos Amanda Pupo e Rafael Moraes Moura, Agência Estado De Brasília O ministro Ricardo Lewandowski foi eleito ontem (5) para o cargo ded presidente da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), em substituição ao ministro Edson Fachin. A partir da próxima sessão, Lewandowski passa a presidir a turma que compõe junto de Gilmar Mendes, Celso de Mello, Dias Toffoli e Fachin.

A atribuição do presidente, que ocupa o cargo por um ano, é de definir a pauta de julgamentos. A Segunda Turma é responsável por julgar os casos da Lava Jato na Corte, que têm relatoria de Fachin. “Destaco todas as funções exercidas por vossa excelência nesta Corte, sempre com a serenidade que é exemplo de equação que se espera de um magistrado de uma corte constitucional. Portanto, ao cumprimentar como novo presidente da Segunda Turma, reitero meus agradecimentos a todos os ministros deste colegiado”, disse Fachin a Lewandowski no início da sessão de ontem,

plantação do voto impresso no Distrito Federal em 2002. Em 2002, o voto impresso foi implantado em 150 municípios brasileiros - no Distrito Federal e em Sergipe, todas as seções contaram com a reprodução em papel. Um relatório da Corte Eleitoral concluiu que a experiência “demonstrou vários inconvenientes”, “nada agregou em termos de segurança ou transparência” e o pior: criou problemas. O tribunal apontou que nas seções com voto impresso foram observados filas maiores e um maior porcentual de urnas com defeito. “Eu não acho que seja inconstitucional (o voto impresso), agora realmente exigir que se ponha de imediato na totalidade parece realmente impossível. Daqui a pouco alguém propõe a volta ao voto manual puro. De repente é a solução, né?”, ironizou Gilmar Para o ministro, com o acoplamento da impressora à urna eletrônica, você passa a ter um outro tipo de aparelho. “Ele regurgita, (há) os problemas que nós temos com as nossas impressoras nas nossas casas”, observou Gilmar. “Não é impossível (o voto impresso), mas é preciso que se faça com o tempo adequado. (Os parlamentares) Determinaram (a implantação do voto impresso) em 2015, o TSE começou a discutir isso, foi fazendo experimentos, há até uma urna acoplada que o próprio pessoal do TSE desenvolveu, mas isso tudo é muito experimental”, concluiu o ministro.

Agência Câmara, De Brasília A comissão especial da Câmara dos Deputados que analisa a redução da prerrogativa de foro para autoridades (PEC 333/17) discute novamente o assunto nesta quarta-feira (6). A audiência, proposta pelo

relator da proposta, deputado Efraim Filho (DEM-PB), e pelo deputado Cajar Nardes (Pode-RS). O chamado foro privilegiado é o direito que a autoridade tem de ser julgada pelas instâncias superiores, seja o STF, ou o Superior Tribunal de Justiça (STJ). Pela proposta em discussão na Câmara, o foro especial ficaria restrito aos presidentes da República, da Câmara, do Senado e do STF. Deixariam

CPI (1)

A Advocacia-Geral da União (AGU) informou pnt em (5), por meio de nota, que conseguiu suspender no Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) a decisão que determinou a criação de uma comissão no Congresso Nacional para auditar a dívida pública brasileira, conforme a Agência Estado. Na segunda-feira (4), o juiz da 14ª Vara do DF, Waldemar Cláudio de Carvalho, estabeleceu que a CPI fosse instaurada num prazo de até 30 dias, atendendo a um pedido da Associação Auditoria Cidadã da Dívida.

CPI (2)

O juiz ainda instituiu uma multa “pessoal” ao presidente do Congresso, senador Eunício Oliveira (MDB-CE), no montante de R$ 100 mil por dia em caso de descumprimento da decisão. Segundo a AGU, a decisão viola o princípio da separação dos poderes ao usurpar competência do Congresso, além de impor obrigação ao Tribunal de Contas da União (TCU), uma vez que a decisão estabelecia a necessidade de auxílio do tribunal.

Parlamentarismo (1)

A presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, retirou da pauta do plenário a ação que discute se é possível migrar do sistema presidencialista para o parlamentarista por meio de emenda constitucional, sem a realização de um plebiscito. O processo, de 1997, seria analisado no dia 20 de junho, mas registrou um pedido de desistência de seus autores, assinado pelo deputado federal Arlindo Chinaglia Júnior, pelo ex-ministro e ex-deputado Jacques Wagner, e pelo jurista Hélio Bicudo, segundo a Agência Estado.

Parlamentarismo (2) A solicitação de desistência, protocolada na segunda-feira (4), ainda não foi analisada pelo relator do processo, ministro Alexandre de Moraes. A ação foi apresentada contra ato da Câmara dos Deputados em relação a uma Proposta de Emenda à Constituição (nº 20-A/1995), de autoria do ex-deputado Eduardo Jorge, que procurava instituir o parlamentarismo no País.

Parlamentarismo (3)

Lewandowski é o novo presidente da Segunda Turma do STF ainda presidida pelo relator da Lava Jato. A presidência da turma, de acordo com as regras da Corte, cabe ao ministro mais antigo, mas é proibida a recondução “até que todos os seus integrantes hajam exercido a presidência, observada a

ordem decrescente de antiguidade”. Fachin, ao assumir no ano passado, era o único integrante que ainda não tinha ocupado a função. Ao agradecer os cumprimentos dos colegas sobre seu mandato, Fachin relatou que, durante a presidência,

a turma realizou 4.384 julgamentos. Foram analisados, em sessões presenciais, 147 habeas corpus, o que ocupou 30% do tempo em que os ministros se reuniram na turma. Em sessão virtual, foram julgados 258 habeas corpus, destacou Fachin.

Nova audiência debate PEC do foro privilegiado A audiência, proposta pelo relator da proposta, deputado Efraim Filho

CURTAS

de ter foro privilegiado os ministros de Estado, governadores, senadores, deputados federais e estaduais, entre outras autoridades. “O foro por prerrogativa de função é verdadeiro resquício aristocrático que ainda permanece no nosso ordenamento jurídico”, afirma Efraim Filho. Debatedores Foram convidados para discutir o assunto,: o presidente

da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra), Guilherme Guimarães Feliciano; o presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Jayme Martins de Oliveira Neto; o presidente da Associação dos Juízes Federais (Ajufe), Roberto Carvalho Veloso; Alexandre Vieira de Queiroz, advogado e conselheiro da OAB do Distrito Federal; e Flávio Werneck Meneguelli, representante da Federação

Nacional dos Policiais Federais (Fenapef ). A audiência será realizada no plenário 9 a partir das 14 horas. STF Outra discussão no STF também pode restringir o foro privilegiado. Enquanto a proposta em discussão no Congresso é mais restritiva e limita o foro apenas aos presidentes dos poderes, o STF discute apenas restrições ao foro de deputados federais e senadores.

Segundo os políticos, a proposta se mostrava ilegal porque a ideia do parlamentarismo já havia sido derrotada em plebiscito de 1993. Na época, a presidência da Casa era de Michel Temer, hoje presidente da República. Na semana passada, o ministro Gilmar Mendes, entusiasta do modelo parlamentarista, disse não saber se o momento de crise é adequado para a discussão. Na visão do ministro, apesar da questão fazer parte de uma evolução natural, o ideal é que o debate não seja feito “oportunisticamente em função de crises de governabilidade”.

COLONO - Cumpádri, e a crisi continua sorta em todo o nossu país...

ZÉ PINGA - ... ic, ic, ic... é, e pro nossu azar, tem muita genti brincadu de fazê pulítica... ic, ic, ic...


4

Dourados, quarta-feira 6.6.2018 O PROGRESSO

PolĂ­tica MARCELLO CASAL JR/AGĂŠNCIA BRASIL

C

INFORME C CĂ?CERO FARIA cicerolfaria@gmail.com

Trocando comissionados por concursados

2VSURPRWRUHV5LFDUGR5RWXQQRH/XL]*XVWDYR&DPDFKR Terçariol, recomendaram que a Prefeitura de Dourados exonere os servidores comissionados na Funsaud (Fundação de Serviços de SaĂşde de Dourados) e dos Centros de ReferĂŞncia da AssistĂŞncia Social (CRAS). Eles pedem que sejam convocados jĂĄ os candidatos aprovados no concurso pĂşblico de 2015/2016. No caso da Funsaud a 16ÂŞ PromoWRULDGH-XVWLĂ?DHVWDEHOHFHXSUD]RGHGH]GLDVÄŽWHLVSDUD levantamento das vagas existentes em todos os setores HVROLFLWHDUHDOL]DĂ?Ă‚RGHFRQFXUVRSDUDRVFDUJRVTXHQĂ‚R FRQWDPFRPFDGDVWURGHUHVHUYD2SUD]RSDUDSXEOLFDĂ?Ă‚R GRHGLWDOHQRPHDĂ?Ă‚RGRVDSURYDGRVGRUHVXOWDGRÄ&#x;QDO nĂŁo pode passar de 90 dias. Conforme o promotor Ricardo Rotunno, em fevereiro de 2017 foi instaurado um inquĂŠrito para apurar suposta irregularidade no processo seletivo VLPSOLÄ&#x;FDGRSDUDIRUPDĂ?Ă‚RGHFDGDVWURSDUDDFRQWUDWDĂ?Ă‚RWHPSRUĂ€ULDGHSURÄ&#x;VVLRQDLVGDVDÄŽGH(PDEULOGHVWH ano tambĂŠm foi instaurado um procedimento para apurar eventual irregularidade na nomeação de cargos de conÄ&#x;DQĂ?DSDUDH[HUFHUHPDIXQĂ?Ă‚RGHFRRUGHQDGRUHVQR&UDV

Lula quando chegava Ă sede da SuperintendĂŞncia da PF em Curitiba onde cumpre pena

Defesa pede liberdade de Lula ao STF e STJ Os recursos, contra a condenação que resultou na prisão de Lula, ainda precisam ser admitidos pelo TRF-4 Amanda Pupo e Rafael Moraes Moura, Agência Estado De Brasília A defesa do ex-presidente Luiz Inåcio Lula da Silva (PT), preso hå quase dois meses em Curitiba (PR), entrou com novo pedido de liberdade nos tribunais superiores, Supremo Tribunal Federal (STF) e Superior Tribunal de Justiça (STJ). A petição Ê para que as Cortes suspendam os efeitos

A defesa do ex-presidente da República volta a reclamar de execução antecipada da pena de Lula da condenação no caso do triplex no Guarujå atÊ que julguem no mÊrito os recursos extraordinårio (analisado no STF) e especial (do STJ). Os recursos, contra a condenação que resultou na prisão de Lula, ainda precisam ser admitidos pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), que, no início do mês, rejeitou a concessão de efeito suspensivo no caso.

“A matĂŠria posta Ă apreciação do Supremo Tribunal clama pela concessĂŁo do efeito suspensivo, haja vista que o cumprimento provisĂłrio da decisĂŁo recorrida que, inquestionavelmente, viola um dos direitos mais basilares do requerente (e tambĂŠm de qualquer cidadĂŁo brasileiro) - seu direito Ă  liberdadeâ€?, afirma a petição ao Supremo, assinada, entre outros, pelo ex-ministro da Corte e advogado de defesa de Lula, SepĂşlveda Pertence, e Cristiano Zanin. Segundo os advogados, como prĂŠ-candidato Ă  presidĂŞncia da RepĂşblica, Lula corre “sĂŠrios riscosâ€? de ter seus “direitos polĂ­ticosâ€? indevidamente cerceados, o que ĂŠ “gravĂ­ssimo e irreversĂ­velâ€? frente ao processo eleitoral em curso. A defesa do ex-presidente volta a reclamar de execução antecipada da pena de Lula, chamando-a de ilegal e inconstitucional. Para os advogados, ao autorizar a prisĂŁo apĂłs condenação em segunda instância, o STF

nĂŁo estabeleceu o encarceramento automĂĄtico, o que teria ocorrido no caso do ex-presidente, de acordo com os advogados. A argumentação de que o juiz Sergio Moro, da 13ÂŞ Vara Criminal de Curitiba, responsĂĄvel pela condenação de Lula na primeira instância, nĂŁo deveria conduzir o processo do petista tambĂŠm volta a aparecer na documentação entregue ao Supremo. Segundo os advogados, houve usurpação de competĂŞncia no caso e imparcialidade do magistrado durante a tramitação de sua ação penal. “No caso, consoante exaustivamente demonstrado, a imagem que a sociedade possui da relação entre o magistrado de primeira instância e o Requerente, ĂŠ de que se trata de rivais. SĂŁo vistos como inimigos, ocupando polos opostosâ€?, dizem os advogados. Entre outros pontos, a defesa do petista fala em violação Ă ampla defesa, ao princĂ­pio da nĂŁo culpabilidade, e ao princĂ­pio da legalidade.

Jair Bolsonaro nĂŁo vai para o segundo turno, diz Geraldo Alckmin REPRODUĂ‡ĂƒO

A eleição sĂł começa depois de GHÄ&#x;QLGRVRVFDQGLGDWRVGL] ex-governador Marcelo Osakabe, AgĂŞncia Estado De SĂŁo Paulo Apesar de estar na liderança de todas as pesquisas de intenção de voto nos cenĂĄrios em que o ex-presidente Luiz InĂĄcio Lula da Silva nĂŁo estĂĄ presente, o deputado Jair Bolsonaro (PSL) nĂŁo deve chegar ao segundo turno, afirmou ontem (5) o ex-governador de SĂŁo Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB). “Acho que ele (Bolsonaro) nĂŁo chega no segundo turno. VocĂŞs (jornalistas) se impressionam com pesquisa antes da horaâ€?, afirmou o prĂŠ-candidato tucano, que participou de um encontro da Associação Brasileira da Infraestrutura e IndĂşstria de Base (Abdib). Sem entrar em detalhes sobre as razĂľes pelas quais descarta o deputado fluminense na segunda etapa de votação,

Geraldo Alckmin ĂŠ prĂŠ-candidato Ă PresidĂŞncia da RepĂşblica Alckmin repetiu o mantra de que a eleição sĂł começa depois de definidos os candidatos. “Depois de acabar a Copa do Mundo e depois de umas duas semanas de (campanha na) televisĂŁo e rĂĄdio, aĂ­ vocĂŞ estĂĄ mais perto e a população estĂĄ interessada. AĂ­ ĂŠ que começa a corrida eleitoralâ€?, resumiu. A menos de duas

semanas da Copa, Alckmin continua estagnado nas pesquisas de intenção de voto, o que causa apreensão em seus aliados. Elogios a Marina Silva Geraldo Alckmin tambÊm teceu elogios à sua adversåria nas eleiçþes deste ano, a ex-senadora Marina Silva (Re-

Para a defesa de Lula, a justiça de Curitiba foi escolhida pelos Procuradores da Lava Jato para julgar a ação penal proposta contra o ex-presidente sem nenhuma comprovação de que recursos da Petrobras teriam sido direcionados ao ex-presidente. “A impossibilidade de aguardar o julgamento do mĂŠrito do recurso extraordinĂĄrio fica evidente no caso concreto, visto que o ilegal recolhimento do Requerente ao cĂĄrcere restou consumado na data apontada e a situação violadora ao seu status libertatis, Ă sua honra, imagem, nome, dignidade e bem estar, se agrava a cada diaâ€?, reforça a defesa. Lula, preso no dia 7 de abril, foi condenado pelo TRF-4 a 12 anos e um mĂŞs de prisĂŁo pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. O ex-presidente havia recorrido Ă  2ÂŞ instância contra a condenação de 9 anos e 6 meses determinada por Moro, mas, ao julgar o recurso, o TRF-4 resolveu aumentar a pena do ex-presidente.

de), dizendo que ela ĂŠ uma “pessoa de convicçþes, mas sem radicalismosâ€?. “Tenho grande respeito pela Marina desde a ĂŠpoca de ministra. Pessoa idealista, correta, tem espĂ­rito pĂşblicoâ€?, disse. Questionado sobre a possibilidade de uma eventual uniĂŁo com Marina Silva, em chapa Ăşnica, Alckmin manteve o seu estilo comedido. “NĂŁo posso cometer uma indelicadeza dessa com alguĂŠm que ĂŠ candidata. Mas independentemente de disputar ou nĂŁo, ĂŠ uma pessoa por quem tenho atĂŠ apreço pessoal. Gosto do estilo da Marinaâ€?, declarou. Segundo o ex-governador, a Ăşltima vez em que os dois estiveram juntos foi durante o FĂłrum da Liberdade, em Porto Alegre, no inĂ­cio de abril. Questionado sobre se acredita que a ex-senadora tem se mostrado mais disposta ao diĂĄlogo que nas eleiçþes anteriores, Alckmin disse achar que sim. Sobre a possibilidade de uniĂŁo de centro, Alckmin disse ser importante evitar uma fragmentação do centro polĂ­tico. “NĂŁo vai ter convergĂŞncia de todos, mas se tiver um mĂ­nimo de convergĂŞncia ĂŠ bom para todosâ€?.

FAZENDO BEICINHO Em entrevista ao site Poder 360, Jair Bolsonaro disse que nĂŁo pretende apoiar no 1° turno candidatos de outros partidos na disputa aos governos estaduais e que o PSL sĂł deve ter candidatura prĂłpria em cinco Estados. O GHSXWDGRDÄ&#x;UPDTXHRIRFR serĂĄ sua prĂłpria candidatura ao Planalto.“NĂŁo estou preocupado com governador. JĂĄ ĂŠ um tumulto [disputa pela PresidĂŞncia]. Vou ILFDUPHSUHRFXSDQGRFRP 27 Estados?â€?, queixou-se.O ex-deputado estadual Coronel David (PSL) disse que %ROVRQDURIRLPDOLQWHUSUHtado, ao dizer que deve evitar apoiar nomes de outros partidos nos Estados, atĂŠ SRUTXHĂ’PXLWRGLIâFLOEXVFDULQGHSHQGĂ“QFLDHYLDELOLzar uma candidatura pura. DUVIDOSO? O prĂŠ-candidato do PSL Ă PresidĂŞncia, deputado Jair Bolsonaro lidera a disputa eleitoral com apoio que varia de 21 a 25% dependendo do cenĂĄrio, tendo como rival mais prĂłximo Ciro Gomes (PDT) com 12%, enquanto o tucano Geraldo Alckmin apareceu cm 7%, de acordo com pesquisa DataPoder360 divulgada ontem. BolsonaURWDPEĂ’PYHQFHWRGRVRV adversĂĄrios nas simulaçþes de segundo turno. O deputado venceria Marina Silva (Rede) por 35 a 25% por dos votos, Ciro por 34 a 21 e tam-

EĂ’P$OFNPLQ D HRSHWLVWD Fernando Haddad (35 a 20), seJXQGROHYDQWDPHQWRIHLWRSRU WHOHIRQHRTXHJHUDFRQWURvĂŠrsia entre os grandes instituWRVGHSHVTXLVDSXEOLFDGRQR site Poder360, que entrevistou 10.500 pessoas em 349 cidades GDVFLQFRUHJLøHVGR3DâVGH a 31 de maio. LIXO 4XDWURHPFDGDGH]EUDVLOHLURV (39%) dizem nĂŁo separar o lixo orgânico do reciclĂĄvel e 76% nĂŁo ID]HPDVHSDUDĂ?Ă‚RSRUWLSRGH material, mostrou pesquisa do ,ERSHGLYXOJDGDRQWHP'LDGR 0HLR$PELHQWHQĂ‚RVDEHP LGHQWLÄ&#x;FDUSRUFRUHVDVOL[HLUDV para coleta seletiva. Apesar disVRFRQFRUGDPTXHDIRUma correta de descartar o lixo ĂŠ separando os materiais que podem ser reciclados; 95% acham que a reciclagem ĂŠ importante SDUDRIXWXURGRSODQHWD(P Dourados, a coleta seletiva do lixo domĂŠstico ĂŠ limitada a alJXQVEDLUURV FIO DA NAVALHA Seis governadores que disputarĂŁo a reeleição neste ano vĂŁo começar a campanha sem que a -XVWLĂ?D(OHLWRUDOWHQKDFRQFOXâGR o julgamento de açþes que poderiam cassar o atual mandato. Caso dos governadores de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT); de SĂŁo Paulo, MĂĄrcio FranĂ?D 36% GR3LDXâ:HOOLQJWRQ 'LDV 37 GR$PDSĂ€:DOGH] GĂłes (PDT); do ParanĂĄ, Cida Borguetti (PP); e de Sergipe, Belivaldo Chagas (PSD).

BATE REBATE A Justiça multou o ex-prefeito de São Paulo João Doria (PSDB) em R$ 200 mil pelo uso do slogan Acelera SP. O tucano estava desde março impedido de usar a marca. A italiana Enel se tornou líder em distribuição de energia no Brasil ao fechar a compra de 73% da Eletropaulo por R$ 5,552 bilhþes. A disputa pelas duas vagas no Senado em Minas Gerais na eleição irå ser uma reedição do segundo turno da campanha presidencial de 2014 e colocar, quatro anos depois, a presidente cassada Dilma Rousse (PT) e o senador AÊcio Neves (PSDB) novamente em uma disputa eleitoral. Com cerca de 20 mil servidores e, pelo menos, 1.200 comissionados, a Prefeitura de Campo Grande quer diminuir os gastos com a folha de pagamento. Atualmente, o gasto representa 49,84% da arrecadação, índice acima do limite de alerta, que Ê de 48,6%, porÊm, abaixo do prudencial, que Ê de 51,3%.

INFORME CURURU Dia dos Namorados chegando, e eu pensando em comprar um litro de gasolina prĂĄ namorada.


5

Dourados, quarta-feira 6.6.2018 O PROGRESSO

Economia

Produção industrial sobe 0,8% em abril ante março No ano, a indústria teve alta de 4,5%. No acumulado em 12 meses, a produção da indústria acumulou avanço de 3,9%, segundo pesquisa divulgada pelo IBGE FOTOS PÚBLICAS

Daniela Amorim, Agência Estado Do Rio de Janeiro A produção industrial subiu 0,8% em abril ante março, na sÊrie com ajuste sazonal, divulgou ontem (5) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado veio acima da mediana positiva de 0,3% e, portanto, dentro das expectativas dos analistas ouvidos pelo Projeçþes Broadcast, que esperavam desde uma queda de 0,9% a uma expansão de 1,3%. Em relação a abril de 2017, a produção aumentou 8,9%. Nessa comparação, sem ajuste, as estimativas variavam de um aumento de 3,5% a 9,1%, com mediana positiva de 7,6%. No ano, a indústria teve alta de 4,5%. No acumulado em 12 meses, a produção da indústria acumulou avanço de 3,9%. A produção da indústria de bens de capital teve alta de 1,4% em abril ante março, informou o IBGE. Na comparação com abril de 2017, o in-

Em relação aos bens de consumo, a pesquisa registrou avanço de 0,4% na passagem de março para abril dicador mostrou crescimento de 23,2%. Os dados fazem parte da Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física (PIM-PF). No ano, houve crescimento de 14,0% na produção de bens de capital. No acumulado em 12 meses, a taxa ficou positiva em 10,1%. Em relação aos bens de consumo, a pesquisa registrou avanço de 0,4% na passagem de março para abril. Na comparação com abril de 2017, houve aumento de 14,8%. No ano, a produção de bens de consumo subiu 6,5%. No acumulado em 12 meses, o avanço foi de 5,3%. Na categoria de bens de consumo duråveis, o mês de abril foi de alta de 2,8% ante março, alÊm de avanço de 36,2% em relação a abril de 2017. Entre os semiduråveis e os não duråveis, houve alta na produção de 0,5% em abril ante março, mas alta de 9,6% na comparação com abril do ano passado. Para os bens intermediårios, o IBGE informou que a produção subiu 1,0% em abril ante março. Em relação a abril do ano passado, hou-

INDICADORES ECONÔMICOS progresso@progresso.com.br

BOLSAS Ibovespa: Pontos: Måxima de Mínima de Volume: Variação em 2018: Variação no mês: Dow Jones: Pontos: Nasdaq: Pontos: Ibovespa Futuro: Pontos: Måxima (pontos): Mínima (pontos):

BLUE CHIPS -2,49% 76.641,72 78.892 pontos 76.412 pontos 12,22 bilhĂľes 0,31% -0,15% -0,06% 24.799,98 +0,41% 7.637,86 -2,47% 76.680 78.955 76.405

Preço Itau Unibanco PN Petrobras PN Bradesco PN Ambev ON Petrobras ON BRF SA ON Vale ON Itausa PN Cielo ON JBS ON

Cotação: Variação: 6,45% ao ano 9,81% ao ano 1,04% ao mês 6,39% ao ano 6,40%

DĂ?VIDA EM TR OU TRD

R$ 954,00

R$ 25,52

(APLICAĂ‡ĂƒOAPARTIRDE 04/05/12)

A produção industrial cresceu em 13 dos 26 ramos pesquisados na passagem de março para abril ve crescimento de 4,7%. No ano, os bens intermediårios tiveram aumento de 2,4%. Em 12 meses, houve elevação de 2,5% na produção. O índice de MÊdia Móvel Trimestral da indústria teve alta de 0,3% em abril. Biocombustíveis A produção industrial cresceu em 13 dos 26 ramos pesquisados na passagem de março para abril, segundo os dados da Pesquisa Industrial Mensal divulgados pelo IBGE. As principais influências positivas foram de coque,

produtos derivados do petróleo e biocombustíveis (5,2%) e de veículos automotores, reboques e carrocerias (4,7%). O segmento de derivados de petróleo intensificou o crescimento de 0,8% verificado no mês anterior, enquanto a atividade de veículos avançou pelo terceiro mês consecutivo, acumulando uma expansão de 8,7% no período. Segundo AndrÊ Macedo, gerente da Coordenação de Indústria do IBGE, o processamento da safra de cana para a produção de etanol impulsionou o setor de deri-

vados de petróleo e biocombustíveis em abril. No caso de veículos, o desempenho foi puxado pelos automóveis, com contribuição das exportaçþes. Entre os onze ramos que reduziram a produção em abril ante março, os desempenhos mais relevantes foram de perfumaria, sabþes, produtos de limpeza e de higiene pessoal (-7,3%), måquinas e equipamentos (-3,1%), equipamentos de informåtica, produtos eletrônicos e ópticos (-4,0%) e produtos de borracha e de material plåstico (-2,0%).

+1,55%

R$ 1,0641

POUPANÇA Junho 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17

Variação +0,38%

* 1 onça-troy equivale a 31,1035 gramas

UFERMS Abril

766,760 centavos de dĂłlar -0,11%

Cotação Ouro US$ 1.302,20 a onça-troy Ouro BM&F (à vista) 157,500

SALĂ RIO MĂ?NIMO Abril

-3,1% -5,36% -4,81% -1,4% -3% +0,74% +2,3% -4,96% -2,95% -4,01%

OURO

UFIR Novembro/2000

Variação

R$ 43,38 R$ 16,59 R$ 28,72 R$ 19,76 R$ 19,38 R$ 24,57 R$ 53,73 R$ 10,15 R$ 16,45 R$ 8,61

GLOBAL 40

JUROS - &'%SUHÄ&#x;[DGRGHGLDV - Capital de giro, - Hot money, - CDI, - Over a

em R$

0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715%

Dia do vencimento

Fatores de

Junho 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

6 0,013216242 6 0,013158459 6 0,013260852 6 0,013352756 6 0,013250235 6 0,013207091 6 0,013376489 6 0,013033462 6 0,013132681 6 0,013043368 6 0,013094683 6 0,013076802 6 0,013010817 6 0,013330210 6 0,013282984 6 0,013153902 6 0,013097471 6 0,013008515 6 0,013250996 6 0,013166506

(Multiplique a quantidade de TR ou TRD do carnê pelo fator de atualização da data do vencimento. A aplicação desse fator único atualiza a dívida pela TR do dia do aniversårio do contrato e converte o resultado para reais).

TBF

TR

Maio 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 Junho 01 02 03 04

Maio 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 Junho 01 02 03 04

0,4614% 0,4845% 0,5077% 0,5071% 0,5069% 0,4844% 0,4609% 0,4617% 0,4848% 0,5080% 0,5159% 0,5092% 0,4859% 0,4859% 0,4692% 0,4926% 0,5160%

0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000%

CĂ‚MBIO Saiba mais

Produção de veículos sobe 40,6%, diz IBGE Daniela Amorim, Agência Estado Do Rio de Janeiro

Outras contribuiçþes positivas relevantes sobre o total nacional em abril em relação a A produção de veĂ­culos auto- abril do ano anterior foram de motores subiu 40,6% em abril equipamentos de informĂĄtica, em relação a abril do ano pas- produtos eletrĂ´nicos e Ăłpticos sado, segundo os dados da (32,8%), de mĂĄquinas e equiPesquisa Industrial Mensal di- pamentos (9,6%), de metalurvulgados pelo Instituto Brasi- gia (7,4%), de bebidas (11,6%), OHLURGH*HRJUDÄ&#x;DH(VWDWâVWLFD de produtos de borracha e de (IBGE). Houve crescimento na material plĂĄstico (8,6%), de produção e automĂłveis e cami- produtos de metal (9,5%), de nhĂľes. celulose, papel e produtos de A atividade deu a principal papel (5,2%), de mĂĄquinas, contribuição positiva para o aparelhos e materiais elĂŠtricos avanço de 8,9% registrado (7,9%), de confecção de artipela indĂşstria brasileira no pe- gos do vestuĂĄrio e acessĂłrios rĂ­odo, junto com o segmento (8,6%), de outros equipamende produtos alimentĂ­cios, que tos de transporte (15,0%), de teve expansĂŁo de 12,0% impul- produtos de madeira (12,5%), sionada pela fabricação de açú- de mĂłveis (13,5%), de producar, derivados de soja e carnes tos farmoquĂ­micos e farmacĂŞuticos (5,6%), de outros de bovinos.

produtos químicos (2,6%), de produtos de minerais não-metålicos (3,7%) e de perfumaria, sabþes, produtos de limpeza e de higiene pessoal (7,2%). Na direção oposta, houve perdas nas atividades de produtos do fumo (-5,6%) e de impressão e reprodução de gravaçþes (-1,3%). Na comparação com o mês imediatamente anterior, na sÊrie com ajuste sazonal, a produção de veículos automotores cresceu 4,7% em abril. A maior fabricação de automóveis puxou a alta de 2,8% em bens de consumo duråveis no período, junto com as motocicletas. Jå os caminhþes ajudaram no avanço de 1,4% registrado pelos bens de capital em abril ante março.

DĂłlar comercial no balcĂŁo DĂłlar Paralelo DĂłlar Ptax DĂłlar Turismo DĂłlar Futuro (junho) Euro Euro comercial Euro turismo

Compra R$ 3,8096 R$ 3,88 R$ 3,7746 R$ 3,7130 R$ 3,8235 US$ 1,1715 (Ă s 17h31) R$ 4,4610 R$ 4,3770

Venda R$ 3,8101 R$ 3,98 R$ 3,7752 R$ 3,9500 US$ 1,1715 (Ă s 17h31) R$ 4,4630 R$ 4,6330

INFLAĂ‡ĂƒO

Variação +1,85% +1,7% +0,88% +1,73% +1,78% +0,16% +1,99% +1,67% ACUMULADO

Ă?NDICES

Fevereiro

Março

no ano

12 meses

INPC (IBGE) IGP-M (FGV) IGP-DI (FGV) IPC (FIPE) IPCA (IBGE) CUB (SINDUSCON) FIPEZAP-SP (FIPE)

0,18 0,07 0,15 -0,42 0,32 0,31 0,18

0,07 0,64 0,56 0,00 0,09 -0,02 0,17

0,48 1,47 1,30 0,05 0,70 0,71 0,51

1,56 0,20 0,76 1,93 2,68 3,10 1,54

IMPOSTO DE RENDA (DESCONTO NA FONTE) TABELA OFICIAL DA RECEITA FEDERAL Base de cĂĄlculo AtĂŠ R$ 1.903,98 De R$ 1.903,99 atĂŠ R$ 2.826,65 De R$ 2.826,66 atĂŠ R$ 3.751,05 De R$ 3.751,06 atĂŠ R$ 4.664,68 Acima de R$ 4.664,68

AlĂ­quota % 7,5 15 22,5 27,5

Deduzir-R$ Isento 142,80 354,80 636,13 869,36

Deduçþes: R$ 189,59 por dependente; pensão alimentícia integral; contribuição ao INSS. Aposentado com 65 anos ou mais tem direito a uma dedução extra de R$ 1.903,98 no benefício recebido da Previdência.

REAJUSTE DE ALUGUEL IGP-M (FGV) IGP-DI (FGV) IPC-FIPE

1,0020 1,0076 1,0193

ABRIL (2018)

IPCA (IBGE) INPC (IBGE) ICV-DIEESE

1,0268 1,0156 1,0257

Obs.: Fatores vĂĄlidos para contratos cujo Ăşltimo reajuste ocorreu hĂĄ um ano. Multiplique o valor pelo fator.

Porcentual de famílias endividadas cai para 59,1% em maio, diz CNC Os indicadores registraram queda tambÊm em relação a 2017 Vinicius Neder, Agência Estado Do Rio de Janeiro O porcentual de famílias com dívidas alcançou 59,1% em maio, ante 60,2% em abril, mostrou a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), divulgada ontem (5) pela Confederação Nacional do ComÊrcio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). A inadimplência tambÊm caiu, jå que a proporção das famílias com dívidas ou contas em atraso passou de 25,0% em maio para 24,2% em abril. Os dados foram antecipados na segunda-feira pela

Coluna do Broadcast. Os indicadores registraram queda tambĂŠm em relação a 2017. O porcentual de famĂ­lias com dĂ­vidas caiu 1,6 ponto porcentual ante maio do ano passado. JĂĄ a proporção das famĂ­lias com dĂ­vidas ou contas em atraso recuou 1,3 ponto porcentual. AlĂŠm disso, a proporção de famĂ­lias que declararam nĂŁo ter condiçþes de pagar as suas contas ou dĂ­vidas em atraso e que, portanto, tendem a permanecer inadimplentes, passou de 10,3% em abril para 9,9% em maio de 2018, apresentando queda tambĂŠm em relação aos 10,1% verificados em maio do ano passado. “A redução do endividamento observada nos Ăşltimos meses reflete um ritmo menor

de recuperação do consumo das famílias e uma maior cautela na contratação de novos emprÊstimos e financiamentos�, diz, em nota, Marianne Hanson, economista da CNC. A proporção das famílias que se declararam muito endividadas diminuiu em relação a abril, passando de 14,2% para 13,4% do total de entrevistadas. Na comparação anual, tambÊm houve queda de 0,9 ponto porcentual. Segundo a CNC, o resultado de maio de 2018 Ê o menor patamar para o endividamento excessivo desde novembro de 2015. Em mÊdia, o comprometimento com as dívidas foi de 7,1 meses, sendo que 32,5% das famílias possuem dívidas por mais de um ano. Entre aquelas endividadas, 19,5%

afirmam ter mais da metade da sua renda mensal comprometida com o pagamento de dĂ­vidas. Segundo a CNC, o tempo mĂŠdio de atraso para o pagamento de dĂ­vidas foi de 64,4 dias em maio, acima dos 62,6 de maio de 2017 A Peic ĂŠ apurada mensalmente pela CNC desde janeiro de 2010, com dados coletados em todas as capitais e no Distrito Federal, com cerca de 18 mil consumidores. SĂŁo notadas todas as modalidades de crĂŠdito para considerar o consumidor endividado. O cartĂŁo de crĂŠdito continua sendo o principal tipo de dĂ­vida, apontado por 75,7% das famĂ­lias entrevistadas. Em seguida, vĂŞm os carnĂŞs (16,3%) e, em terceiro lugar, o financiamento de carro (11,1%).

AGROPECUĂ RIA MILHO - disponĂ­vel SOJA - disponĂ­vel Boi gordo Vaca gorda FONTE: Grande FM RURAL

R$ 33,00 (Dourados) R$ 73,00 (Dourados) R$ 130,00 (Brasil Global/Guia Lopes - Ă vista) - (Friboi/PPorĂŁ - c/ 30 dias) R$ 120,00 (Brasil Global - Ă  vista) - R$ 121,00 (Friboi/PporĂŁ - c/ 30 dias)


6

Geral

Dourados, quarta-feira 6.6.2018 O PROGRESSO


7

Dourados, quarta-feira 6.6.2018 2352*5(662

Polícia DIVULGAÇÃO/POLÍCIA CIVIL

Armamento de guerra é apreendido em MS Uma metralhadora .50 que é capaz de derrubar avião estava entre os itens ĠDJUDGRVHPğVFDOL]DÍÂRDXPYHâFXORQD%5HP7UÓV/DJRDV DIVULGAÇÃO/PRF

Um verdadeiro arsenal de guerra foi apreendido na tarde de segunda-feira em Três Lagoas em um veículo que seguia de Ponta Porã à Piracicaba (SP). Entre os itens encontrados, estava uma metralhadora .50, que de acordo com a polícia, é capaz de derrubar até avião e é usada pela forças armadas. Em nota divulgada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), na tarde de segunda-feira, policiais faziam fiscalização de rotina na Unidade Operacional da PRF em Três Lagoas, que fica localizada na rodovia BR-262, quando abordaram um Fiat/Idea com placas de Curitiba (PR) conduzido por um homem de 42 anos.

Metralhadora também é capaz de transpassar FDUURVEOLQGDGRV-ÀR pode atingir o alvo a mais GHPHWURV O motorista apresentou bastante nervosismo e não soube explicar o destino e motivos da viagem. O fato alarmou a equipe policial que iniciou uma busca mais minuciosa no veículo e percebeu que o painel havia alterações. Ali, estavam escondidos uma metralhadora .50 com luneta e bipé; um fuzil 762; dois revólveres calibre 38 de seis tiros; uma pistola calibre 22; 80 munições calibre .50; 1,4 mil munições calibre 7.62; 200 munições 5.56; dois carrega-

2SHUDÍÂR/X]GD,QIÁQFLDSUHQGHXVHWHSHVVRDVHP06

Policial Civil preso por pornografia é solto e volta à função Armas e munições apreendidas foram encaminhadas à Polícia Federal que investigará o caso dores de 7.62 e dois carregadores de .50. O homem revelou que pegou o veículo com as armas já escondidas em Ponta Porã e levaria até Piracicaba (SP) onde receberia R$ 1 mil pelo transporte. Ele, o veículo, as armas e as munições foram encaminhados à Polícia Federal em Três Lagoas. Operação A Superintendência Regional da Polícia Federal no Mato Grosso do Sul deflagrou na manhã de ontem a Operação Fura 556 com objetivo de desestruturar uma Organização Criminosa que agia no tráfico internacional de drogas e

munições. O esquema criminoso consistia na obtenção de entorpecentes e armamentos em território paraguaio, a arregimentação de transportadores (também conhecidos por “mulas”) para o transporte dos produtos ilícitos para o Espírito Santo e a Região Nordeste. Aproximadamente 20 Policiais Federais cumpriram quatro mandados de prisão preventiva e quatro mandados de busca e apreensão, em Fátima do Sul, Dourados e Gurarapari (ES). Os crimes investigados e desarticulados são o tráfico internacional de armas e de

DIVULGAÇÃO/PRF

Ação conjunta da PRF, PF e Exército apreende carreta com maconha Motorista de 30 anos foi SUHVRHPĠDJUDQWHQD06 próximo ao trevo da Uems Uma ação conjunta da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Federal (PF) e Exército Brasileiro apreendeu na tarde de ontem uma carga de mais de meia tonelada de maconha na rodovia MS-164, próximo ao trevo da Uems, em Dourados. De acordo com informações da PRF, o motorista de 30 anos foi preso em flagrante e responderá pelo crime de tráfico de drogas. Aos policiais, ele confessou que levaria a droga até o estado de São Paulo onde receberia o valor de R$ 10 mil pelo transporte. A droga estava escondida em um fundo falso na carroceria de uma carreta Mercedes Benz, de cor vermelho. Após retirado do esconderijo, a maconha pesou 626,3 mil quilogramas.

Mais droga Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) prenderam na manhã de segunda-feira um homem de 43 anos transportando 500 gramas de cocaína e 115 gramas de haxixe. A prisão aconteceu após abordagem na rodovia MS-295policial a um ônibus que seguia de Ponta Porã a Umuarama (PR). O passageiro disse que comprou o entorpecente próximo da rodoviária de Amambai e levaria para a cidade de Capão da Canoa (RS). A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia de Polícia Civil de Eldorado para os procedimentos legais. Também na segunda-feira, mas na MS-164, policiais do DOF prenderam dois homens em um veículo GM Classic com placas de Florianópolis (SC) transportando 10,5 quilogramas de Skank “super maconha”. O condutor identificou-se como policial lotado no 4º Batalhão de Polícia Mi-

)ODJUDQWHDFRQWHFHXQDWDUGHGHRQWHPHGURJDVHULDOHYDGDD63 litar em Ponta Porã. Durante a vistoria veicular de rotina, os policiais encontraram o entorpecente no assoalho traseiro do veículo. A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron). O policial detido foi conduzido ao Presídio Militar Estadual em Campo Grande. 0DLVĠDJUDQWH Também na tarde de segunda-

SIG prende jovem e recupera veículo roubado em Dourados Assalto aconteceu no sábado quando um casal foi rendido em sua residência Policiais do Setor de Investigações Gerais (SIG) prenderam um dos envolvidos no assalto a uma família em uma residência na Vila Popular, em Dourados, no sábado. Em posse dele, estava o veículo

que foi levado durante a ação. De acordo com o SIG, o homem de 20 anos foi preso em sua residência no bairro Terra Roxa. Uma equipe visualizou o homem em posse do veículo Honda HR-V que foi levado durante o assalto. O suspeito disse que não ter participado do assalto e que ficou responsável por guardar o carro e negociá-lo. Ele também afirmou

entorpecentes, falsificação de documentos e formação de organização criminosa. No transcorrer das investigações foram apreendidos entorpecentes em Recife (PE). Já na Operação de ontem, foram apreendidos uma carabina semi-automática calibre .22, munições de diversos calibres, inclusive de fuzil 5.56mm e de pistola 9mm, uma prensa utilizada para a formação de tabletes de maconha e mais de setenta mil reais em espécie. O nome da Operação faz referência a forma como os integrantes da Organização Criminosa faziam referência aos fuzis 5.56, ou seja, “Fura 556”.

desconhecer quem realizou o assalto. Na residência do jovem, foram apreendidos pouco mais de um quilograma de Skank (super maconha), jóias, relógios, munições de arma de fogo e um dois celulares levados da residência. Ele foi encaminhado ao 1º Distrito Policial autuado em flagrante pelos crimes de receptação,

-feira, a PRF ordenou parada a um veículo na BR- 262, em Ribas do Rio Pardo e apreendeu um caminhão- trator e um semirreboque adulterados. Os documentos dos veículos apresentados pelo condutor de 37 anos eram falsos. Um rádio telecomunicador estava instalado, o que é proibido. O condutor declarou que recebeu R$ 2 mil para buscar o veículo Araxá (MG) e levar até Itaquirai. Ele foi preso em flagrante.

tráfico de drogas e posse de munição. Ainda não há mais informações sobre os outros envolvidos. O caso No sábado pela manhã, dois homens armados invadiram uma residência na Vila Popular e renderam um homem de 54 anos e a mulher dele, de 44. As vítimas estavam na varanda quando o marido saiu para levar o lixo e acabou abordado. O casal foi amarrado enquanto os bandidos levaram o veículo, dinheiro e os aparelhos de telefone celular.

Corregedoria revogou a decisão de afastar o investigador Preso na Operação Luz da Infancia 2 contra a pornografia infantil, o investigador da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul de 36 anos ganhou liberdade e foi reintegrado a corporação. Ela havia sido preso em flagrante no dia 17 de maio em Campo Grande e afastado de suas funções. As informações são do portal G1/MS e confirmados pelo O Progresso. Nesta segunda-feira, a portaria da Corregedoria da Polícia Civil do estado cancelou o afastamento em Diário Oficial. De acordo com o documento assinado pela delegada Rosely Aparecida Molina, o suspeito foi reintegrado após obter a liberdade provisória, concedida pelo juiz Marcelo Ivo de Oliveira, da 7ª Vara Criminal de Competência Especial da Comarca da capital. A corregedora apontou que o retorno do suspeito contaria a partir do dia 24 de maio e que deveriam ser restituídas a ele, sua arma, a carteira funcional e ainda o acesso aos bancos de dados da corporação. O policial estava afastado após ser autuado pelo crime previsto no artigo 241A, do Estatuto da Criança e Adolescente, que prevê pena de três a seis anos de prisão e multa, por: “Oferecer, trocar, disponibilizar, transmitir, distribuir, pu-

blicar ou divulgar por qualquer meio, inclusive por meio de sistema de informática ou telemático, fotografia, vídeo ou outro registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente”. O acusado sempre negou o envolvimento ao crime. “Disse [o suspeito] que não sabia, que deixou baixando [computador baixando arquivos] e entrou no programa para baixar música”, comentou a delegada Molina na época.

Policial recuperou a sua arma, a carteira funcional e o acesso ao banco de dados da corporação A Operação A “Luz da Infancia 2” foi deflagrada em todo país sendo a maior operação integrada de policiais com mais de 2,6 mil civis. Outras seis pessoas foram presas em Mato Grosso do Sul por suspeita de armazenar e compartilhar conteúdo pornográfico de menores de idade. Os alvos foram em Campo Grande, Naviraí, Glória de Dourados e Dourados. Houve mais de 500 mandados de busca e apreensão de arquivos com conteúdos relacionados a crimes de exploração sexual contra crianças e adolescentes. As investigações foram Diretoria de Inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública que apontou os alvos da Operação com base em elementos informativos coletados em ambientes virtuais.


8

Dourados, quarta-feira 6.6.2018 O PROGRESSO

Esportes DANIEL AUGUSTO JR/AG. CORINTHIANS

GrĂŞmio recebe Palmeiras em duelo direto na tabela Tricolor GaĂşcho pode se aproximar do lĂ­der Flamengo em caso de vitĂłria, PDV9HUGĂ‚RWHQWDHQWUDUQR*HYROWDUDGLVSXWDUDSRQWDGDFODVVLÄ&#x;FDĂ?Ă‚R LUCAS UEBEL/GRĂŠMIO

Renato Giansante esportes@progresso.com.br Com o líder Flamengo jogando apenas amanhã no clåssico com o Fluminense, Grêmio e Palmeiras duelam nesta noite, às 20h45 (de MS) em busca de se aproximar da ponta da tabela de classificação e pressionar o rival carioca. O Tricolor Gaúcho iniciou a rodada na terceira posição com 16 pontos, enquanto o Verdão Ê o sÊtimo com 14. O Flamengo tem 20 pontos. O tÊcnico do Grêmio, Renato Gaúcho, fechou boa

Meia se machucou na partida contra o Flamengo no domingo

Sem Jadson, Corinthians recebe o Santos

7Ă’FQLFRVIHFKDUDPRVWUHLQRVHFOLPDĂ’GHGHFLVĂ‚R entre as equipes que disputam a parte de cima da WDEHODGHFODVVLÄ&#x;FDĂ?Ă‚R parte do Ăşltimo treino e manteve o mistĂŠrio na escalação. A principal dĂşvida ĂŠ pela presença do volante Ramiro. Quando a imprensa pode entrar ao CT Luiz Carvalho apenas um recreativo era realizado. O volante, por sua vez, nĂŁo estava em campo, ao contrĂĄrio do restante dos titulares. Horas depois ele foi incluĂ­do na lista de relacionados para o jogo. Uma provĂĄvel escalação para hoje tem Marcelo Grohe, LĂŠo Moura, Bressan, Kannemann e Bruno Cortez, Maicon, Arthur, Lima, Luan e Everton e AndrĂŠ.

Meia sĂł deve voltar depois da Copa do Mundo e perderĂĄ prĂłximos trĂŞs jogos $UWKXUHVWĂ€FRQÄ&#x;UPDGRSDUDRGXHORGHVWDQRLWHQD$UHQDGR*UĂ“PLRSHODGĂ’FLPDURGDGDGR%UDVLOHLUĂ‚R

Da Agência Estado Novidade no Palmeiras Se Renato Gaúcho fechou o treino no Grêmio, o mesmo aconteceu com Roger Machado no Palmeiras. O clima Ê de jogo decisivo e a imprensa só pode acompanhar o começo da atividade de ontem. O zagueiro Edu Dracena não trabalhou com bola. Ele ficou na parte interna do CT, fazendo reforço muscular. Segundo o clube, não preocu-

pa e deve ser titular em Porto Alegre. A principal novidade poderĂĄ ser Hyoran que deve ser o escolhido para o lugar de Keno que tem um problema muscular na coxa direita e sĂł volta depois da Copa do Mundo. Diogo Barbosa, tambĂŠm lesionado, ĂŠ outra ausĂŞncia. “Estou imaginando um grande jogo, ĂŠ essa a expectativa de todos. AmanhĂŁ (quarta), todos vĂŁo querer assistir a

Da AgĂŞncia Estado O Manchester United confirmou ontem a contratação do meio-campista Fred, que estĂĄ com a seleção brasileira para a disputa da Copa do Mundo da RĂşssia. O jogador disputou a Ăşltima temporada pelo Shakhtar Donetsk e assinou contrato por cinco anos com o novo clube. A apresentação oficial acontecerĂĄ depois do Mundial. O anĂşncio do novo reforço foi feito pelas redes sociais. “O Manchester United tem o prazer de anunciar que chegou

a um acordo com o Shakhtar Donetsk para a transferência de Fred�, publicou em sua conta no Twitter e do Facebook. O clube inglês não confirmou o valor da transação. O time do tÊcnico JosÊ Mourinho estava disposto a pagar 55 milhþes de euros (aproximadamente R$ 243 milhþes) aos ucranianos pelos cinco anos de contrato. Em nota publicada no site, o Manchester United apenas informou que mais detalhes sobre a negociação seriam informados em breve. Fred estå com a seleção brasileira em Londres, onde se prepara para a Copa do Mundo da Rússia. O meio-campista entrou aos 35 mi-

este jogo pela qualidade das duas equipes. Os dois times chegam motivados e confiantes�, declarou o meia MoisÊs que deve seguir na equipe titular. O provåvel Palmeiras contra o Grêmio tem a seguinte escalação: Jailson, Marcos Rocha, Edu Dracena, Thiago Martins e Victor Luis; Felipe Melo, Bruno Henrique e MoisÊs; Hyoran, Willian e Dudu.

CBF

)UHGĂ’DQXQFLDGRQR Manchester United Volante foi negociado pelo Shakhtar Donetsk por cerca de R$ 243 milhĂľes

ir a campo com Walter; Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel e Maycon; Pedrinho, Rodriguinho e Romero (Mateus Vital); Roger.

-RJDGRUWUHLQRXFRPDVHOHĂ?Ă‚RDSĂśVVHUFRQÄ&#x;UPDGRQRWLPHLQJOĂ“V

nutos do segundo tempo na vitĂłria por 2 a 0 sobre a CroĂĄcia, em amistoso disputado em Liverpool. O Brasil ainda tem um amistoso antes do Mundial. No prĂłximo domingo, enfrentarĂĄ

EYWXVMEIQ:MIRE%IWXVIME na Copa do Mundo estå marcada para o dia 17, diante da Suíça, na cidade de Rostov. A equipe de Tite estå no Grupo E, que conta ainda com SÊrvia e Costa Rica.

Jadson Ê mais um desfalque no Corinthians para o tÊcnico Osmar Loss administrar atÊ a parada do Campeonato Brasileiro para a disputa da Copa do Mundo. O meia sofreu um estiramento muscular na coxa direita e só deve retornar aos gramados após o Mundial da Rússia. O Corinthians confirma que o jogador estå fora do clåssico contra o Santos, hoje, às 19h (de MS) na Arena Corinthians, em São Paulo, e que dificilmente terå condiçþes de atuar contra o Vitória, neste såbado, e o Bahia, na quarta que vem. Jadson sofreu a lesão aos 30 minutos do jogo contra o Flamengo, no domingo passado, no Rio de Janeiro. Antes do meia, o Corinthians jå tinha perdido Renê Júnior, Ralf e Clayson por lesão e o trio tambÊm só retorna após a Copa do Mundo. O atacante Romero, que ficou fora das últimas partidas, deve ser a novidade no clåssico contra o Santos. O paraguaio treinou normalmente ontem e Ê a única dúvida de Osmar Loss para a partida. O treinador comandou um treinamento tåtico e formou o time com 12 jogadores, revezando entre Romero e Mateus Vital. Assim, o Corinthians deve

Joia santista O atacante Rodrygo, de 17 anos, foi o principal responsĂĄvel por dar uma semana de tranquilidade ao Santos. Autor de trĂŞs gols no triunfo sobre o VitĂłria no Ăşltimo domingo, na Vila Belmiro, agora ele espera que a equipe mantenha o embalo e coloque logo um ponto final no princĂ­pio de crise que se formou no clube. E para acabar com a mĂĄ fase nada melhor do que vencer o clĂĄssico contra o Corinthians, hoje, na dĂŠcima rodada do Campeonato Brasileiro. De acordo com Rodrygo, bater o rival servirĂĄ tambĂŠm para calar os inĂşmeros crĂ­ticos. “Independentemente do adversĂĄrio, o Santos tem que sempre pensar em ganhar. Se ganhar do Corinthians jĂĄ para toda a falação, todo mundo falando besteiraâ€?, disse em coletiva nesta terça-feira. “O Corinthians vem de derrota, mas vai ser um adversĂĄrio muito difĂ­cil. Pela classificação, eles sĂŁo favoritos, mas a gente chega muito confianteâ€?, prosseguiu. O Corinthians despencou na tabela ao perder para o Flamengo por 1 a 0 no Ăşltimo domingo, no MaracanĂŁ, e ocupa atualmente a oitava colocação, com 14 pontos. O Santos deixou a zona de rebaixamento ao bater o VitĂłria e estĂĄ agora em 15 lugar, com nove pontos, a um de retornar Ă degola.


Dourados

Mato Grosso do Sul

Hospital não funciona com a capacidade

AL aprova projeto para reduzir alíquota do diesel

3»*

3»*

Entrevista/Agamenon Jorge Taborda, advogado

DIA A DIA Dourados, quarta-feira 6.6.2018

Consumidor que pagou mais caro na gasolina deve ser ressarcido 3»*

O PROGRESSO CIDO COSTA

MS foi o que mais registrou aumento de casos de homicídios a esclarescer

MS lidera crescimento de mortes violentas e de mulheres no País Dados são do Atlas da Violência 2018, publicado ontem pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública e IPEA Valéria Araújo valeria@progresso.com.br O Estado de Mato Grosso do Sul foi o que mais registrou aumento em casos de mortes violentas a esclarecer e homicídios contra mulheres

Mortes violentas não esclarecidas podem ser indicador de má qualidade dos sistemas de informação em ranking nacional. É o que mostra o Atlas da Violência 2018, produzido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública. O documento foi publicado ontem.

A pesquisa apontou que dentre os anos de 2015 e 2016 houve um crescimento de 101,6% no número de mortes violentas por causa indeterminada, ou seja, aquelas não esclarecidas. Em 2015 foram registrados 62 casos contra 125 no ano seguinte. Se levado em consideração os últimos 10 anos da pesquisa (2006 e 2016) o crescimento é de 64,5%. As mortes violentas são classificadas como acidentes fatais, inclusive mortes no trânsito; suicídios; homicídios (acrescido de latrocínios e lesão corporal dolosa seguida de morte); e mortes decorrentes de intervenção policial. O relatório aponta ainda

que se levado em conta a taxa de mortes a cada 100 mil habitantes, o Estado de MS também lidera o ranking nacional com variação de 90,2%. Isso quer dizer que em 2015, para cada 100 mil habitantes 3,1 se tornava vítima de mortes

Com relação a mortes de mulheres negras, MS registrou aumento de 17,3% entre os anos de 2015 e 2016 violentas. Em 2016 esse número saltou para uma taxa de 5,9 mortes violentas a esclarecer para cada grupo de 100 mil habitantes. Má qualidade A proporção de mortes vio-

lentas não esclarecidas em relação ao total de mortes violentas é um dos principais indicadores de qualidade dos sistemas de informação de mortalidade (da saúde). Nos países desenvolvidos, geralmente, as mortes violentas indeterminadas representam um resíduo inferior a 2% do total de mortes por causas externas. Isso ocorre porque, nesses lugares, se reconhece a importância de se descobrir as causas que levaram o indivíduo a óbito como elemento fundamental para evitar novas mortes futuras. Mortes de Mulheres O Atlas da Violência 2018 também mostra uma triste

Valéria Araújo valeria@progresso.com.br A pesquisadora Layla Oliveira Campos Leite Machado, lança hoje o livro: “O Ensino da Tanatologia para a Formação em Enfermagem”. O evento acontece às 17h no Bloco D da Universidade Estadual de Mato

Grosso do Sul (UEMS). O público-alvo é qualquer profissional que atue na área da Saúde. De acordo com a autora, trata-se de um material didático-pedagógico que possibilita a inserção da Tanalogia (estudo da morte) enquanto elemento importante para a formação do futuro profissional de enfermagem. A primeira parte do livro trabalha com questões históricas e sociais que são referentes ao processo de transformação da

mentalidade dos seres humanos em relação ao processo de morte e morrer. “Preocupamo-nos em tentar entender qual o momento da histíria, principalmente do Mundo Ocidental, nosso principal foco de abordagem, em que a morte passou a ser considerada uma inimiga. Na segunda parte chamada “As diretrizes Curriculares Nacionais e a Formação do Profissional Enfermeiro: O Silenciado em Relação a Tanato-

realidade para mato Grosso do Sul. O Estado foi o que mais registrou aumento de homicídios contra mulheres. De acordo com a pesquisa, foram 50 casos em 2015 contra 80 em 2016; uma variação de 37,9%. MS também registrou 4,3 homicídios contra mulheres

Armas de fogo MS também registrou o aumento do número de homicídios entre 2015 e 2016. Conforme o levantamento, o crescimento foi de 5,8%. No ano de 2015, o Estado contabilizou 634 mortes. Em 2016, foram 671 homicídios. Do total, quase metade (48,6%) foi por arma de fogo.

$80(172 O Estado foi o que mais registrou aumento de homicídios contra mulheres.

VALÉRIA ARAÚJO

Pesquisadora lança livro sobre estudo da morte na enfermagem Lançamento acontece hoje, às 17h no Bloco D da UEMS para SURğVVLRQDLVGD6DĎGH

1·0(526 Foram 50 casos em 2015 contra 80 em 2016; uma variação de 37,9%.

para cada grupo de 100 mil habitantes em 2015 e esse número saltou para 6,0 em 2016, totalizando um aumento de 38,8%; o maior do País. Com relação a mortes de mulheres negras, MS registrou aumento de 17,3%. Esse percentual é de elevação de 78,7% de mortes por mulheres não negras.

DESTAQUES

Layla Oliveira Campos Leite Machado, lança livro hoje

logia”, o olhar da pesquisadora direciona para as Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN)

voltadas para o curso de graduação em enfermagem. na terceira parte do livro, são tra-

tadas as as possibilidades e formas de trabalhar a inserção de Tanatologia como elemento que faça parte da formação dos profissionais. “Desejamos abarcar algumas possibilidades através das quais o assunto possa ser abordado e discutido, o objetivo é proporcionar uma melhor condição em relação ao profissional, que luta constantemente para salvar a vida de seus pacientes, porém nem sempre isso é possível, portanto, não se impute a culpa por tal processo”. O livro também leva as assinaturas das autoras: Márcia Maria de Medeiros e Márcia Regina Martins de Alvarenga. Martins de Alvarenga.


2

Dourados, quarta-feira 6.6.2018 O PROGRESSO

Dia a Dia A. FROTA

Hospital de Cirurgias não funciona com a capacidade A unidade entrou em atividade no início do mês passado, mas ainda não tem cumprido a meta de realizar pelo menos 200 procedimentos cirúrgicos por mês ACERVO

Flávio Verão flavio@progresso.com.br

Prefeitura doa mudas no Dia do Meio Ambiente

O Hospital Regional de Cirurgias da Grande Dourados, que entrou em atividade no dia 2 de maio, não tem funcionado dentro de sua capacidade. A expectativa era a de que fossem realizadas 220 cirurgias por mês, no entanto, problemas burocráticos têm emperrado a realização das atividades. O Hospital teria como objetivo desafogar a grande lista de espera de usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) que aguardam há anos por cirurgia. Voltado a cirurgias de baixa

Série de procedimentos que já deveriam ter sido cadastrados para realizar cirurgias ainda aguardam trâmites burocráticos e média complexidade, o hospital conta com 27 leitos e tem como proposta oferecer atendimento em sete especialidades: urologia, ortopedia, ginecologia, otorrinolaringologia, oftalmologia e cirurgia geral. Além disso, a unidade ainda dispõe de exames de raio-x, eletrocardiograma, ultrassom, endoscopia e colonoscopia. O agendamento das cirurgias eletivas é feita pelo SUS, através de sistema eletrônico onde os médicos cadastram os pacientes. O problema é que no município de Dourados e de outras cidades da região, os profissionais utilizam um determinado programa, diferentemente do Estado. Por

O evento aconteceu na Praça Antônio João em parceria com instituições De Dourados

Hospital deveria desafogar lista de espera de usuários do SUS que aguardam há anos por cirurgia conta disso, uma série de procedimentos que já deveriam ter sido cadastrados para realizar cirurgias ainda aguardam a resolução de trâmites burocráticos. O vereador Pedro Pepa, da Comissão de Saúde da Câmara Municipal de Dourados, participou de um encontro com representantes da Secretaria Estado de Saúde, há cerca de 20 dias, onde foi discutida a disponibilização de profissional médico para auxiliar no processo de cadastramento de pacientes no programa do Estado. Pouco mais de um mês se passou desde a abertura do hospital e as poucas cirurgias realizadas não têm sido vista como esperança de desafogar a saúde pública no sul do Estado.

Segundo Pepa, um dos maiores gargalos da saúde é a realização de cirurgias ortopédicas e oftalmológicas, procedimentos que, segundo ele, o Hospital de Cirurgias não deve cumprir. “O que mais precisa é de cirurgias de joelho, de ombro, do quadril, além de problemas relacionados à visão”, explica o vereador. “E o hospital tem como proposta realizar procedimentos simples, que qualquer outra unidade é capaz de fazer”, disse o vereador. “Isso precisa ser revisto”, alertou. O Hospital Regional de Cirurgias da Grande Dourados tem sido emblemático. Localizado na rua Coronel Ponciano com Avenida Weimar Gonçalves Torres, no antigo prédio do Hospital São Luiz, foi inaugu-

Carlito volta cobrar da CCRMS segurança na travessia de BR THIAGO MORAIS

2DXPHQWRGRĠX[RGH pedestres e condutores MXVWLğFDRSHGLGR De Dourados O vereador Carlito do Gás (PEN) voltou a cobrar da CCRMSVia medidas que garantam a segurança dos usuários da BR 163, assumida pela empresa através de concessão do Governo Federal. Em documento enviado ao diretor-presidente da empresa, Roberto Calixto, o vereador solicitou a realização de estudos para viabilizar a implantação de redutores de velocidade no formato “quebra-molas” na BR 163, nos trechos que antecedem o Trevo das Bandeiras e o trevo que separa a referida rodovia da Rua Gelci Teixeira Marcondes. “O surgimento de novos bairros e de empreendimentos à margem da BR 163 e o consequente aumento do tráfego de pedestres, ciclistas, motociclistas e condutores em geral, que

Imam distribuiu mudas na Praça Antônio João

Medidas propostas por Carlito podem trazer mais segurança precisam fazer diariamente a travessia da rodovia, demanda a adoção de instrumentos que induzam à redução de velocidade”, assinalou Carlito, lembrando que resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicada no dia 27 de maio de 2016 estabelece os critérios para instalações das ondulações transversais, popularmente conhecidos como “quebra-molas”, sendo o principal deles “o índice significativo ou risco potencial de aci-

dentes no local da instalação”, o que segundo ele é o caso desses dois trechos da BR. “Citamos esses dois locais e essa medida pontual, que é a instalação dos “quebra-molas”, mas o fato é que em toda a extensão dos trechos da rodovia que cruzam o perímetro urbano é necessário que a empresa cumpra os compromissos assumidos quando obteve a concessão”, pontuou Carlito, referindo-se a estruturas que constam no projeto inicial

rado em dezembro de 2015 e fechou em novembro de 2016 após infiltrações no forro. Na época foi administrado pelo Hospital Evangélico. Agora quem gerencia é a organização social Gamp (Grupo de Apoio à Medicina Preventiva e à Saúde Pública), contratada através de licitação pelo governo de Mato Grosso do Sul e que vai receber R$ 716 mil por mês para administrar a unidade. A reportagem entrou em contato com as assessorias do governo do estado e da empresa Gamp, para obter o número de procedimentos realizados até agora e quando o hospital funcionará em sua totalidade, mas até o fechamento deste material não obteve resposta.

apresentado pela CCR, como ciclovias, passarelas e viadutos, como parte de ações sociais voltadas aos moradores dos trechos urbanos que seriam duplicados e que garantiriam a segurança dos pedestres, ciclistas e demais usuários da rodovia. “Esses investimentos sociais não se concretizaram e mesmo com a falta de investimentos na duplicação da BR-163 em Mato Grosso do Sul em 2017, a empresa aumentou em 11,4% sua receita com pedágio, se comparados os primeiros três meses dos anos de 2017 e 2018. No ano passado, a arrecadação foi de R$ 64,4 milhões. Neste ano, subiu para R$ 71,7 milhões. A conclusão a que se chega é que os 845,4 quilômetros da BR-163 que cruzam nosso estado tornaram-se uma “mina de ouro” para a empresa. “A implantação de mecanismos que garantam a segurança dos usuários é uma determinação do Contran e precisa ser observada pela empresa. Se não implantou as ciclovias e passarelas, que pelo menos implante os quebra molas, garantindo a segurança dos moradores dos bairros que ladeiam a rodovia”, finalizou o vereador.

A Prefeitura de Dourados, por meio do Imam (Instituto do Meio Ambiente), desenvolveu ontem atividade que marca o Dia Mundial do Meio Ambiente com foco em conscientização quanto à preservação das riquezas naturais. O evento aconteceu na Praça Antônio João e, em parceria com instituições. Centenas de pessoas acompanharam a ação, que contou com panfletagem, exposições e dinâmicas para abordagem de temas que envolveram o assunto, como fauna e flora de Dourados, reciclagem, conservação e cuidado durante plantio, efeitos da poluição, entre outras. Mudas de árvores frutíferas e ornamentais variadas foram distribuídas à população, dentro do direcionamento da gestão municipal

em incentivar a arborização na região. Conforme o geógrafo do Imam, Ítalo Franco Ribeiro, a ação foi muito produtiva e os participantes acompanharam informações claras sobre o tema que impactam em atitudes positivas quanto ao meio ambiente. Ribeiro enfatiza que outras atividades acontecem nesta semana em continuidade à abordagem do tema. Para a quinta-feira, tem palestras

Ação prossegue nesta TXLQWDHVH[WDIHLUDFRP palestras e plantio de mudas no horto da Escola Tengatuí Marangatu e dinâmicas ocorrem na escola Tengatuí Marangatú, na aldeia Jaguapiru, nos períodos matutino e vespertino. Na sexta-feira, um plantio de mudas será realizado com a comunidade indígena, no horto da escola Tengatuí Marangatu. O curso de Engenharia Ambiental da UEMS, Vigilância Sanitária e o IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul) são parceiros das ações neste mês de junho.

Juarez pede obra na quadra da Guarda THIAGO MORAIS

Vereador solicita limpeza e troca de lâmpadas de reatores queimados De Dourados O vereador Juarez de Oliveira (MDB) requereu providências para viabilizar benfeitorias na quadra de esportes da sede da Guarda Mirim, localizada no Bairro João Paulo II. A solicitação foi encaminhada à prefeita Délia Razuk (PR) e aos secretários de Infraestrutura e Desenvolvimento, Tahan Sales Mustafá, e de Serviços Urbanos, Joaquim Soares. De acordo com Juarez, é necessária a realização de limpeza e troca de lâmpadas de reatores queimados, pois muitos moradores usam a área para a prática de atividades esportiva, sendo prejudicados pela falta de manutenção. “A prática esportiva é de extrema importância e de-

Juarez quer a revitalização ve ser incentivada à população, oferecendo um local seguro e agradável para os que querem praticar esportes e terem um momento de lazer, porém a quadra da guarda mirim se encontra em situação de abandono com as lâmpadas queimadas e necessitando de limpeza. Assim, solicito as autoridades competentes que realizem as benfeitorias requeridas, o que trará benefícios à população”, comentou o vereador.


3

Dourados, quarta-feira 6.6.2018 O PROGRESSO

Dia a Dia

Deputados aprovam projeto para reduzir alíquota do diesel em MS Votação em regime de urgência foi realizada depois da apresentação do projeto de lei pelo governador Azambuja Elvio Lopes elvio@progresso.com.br A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALMS) aprovou ontem, em sistema de urgência e com uma sessão extraordinária, o projeto de lei apresentado pela manhã pelo governador Reinaldo Azambuja aos deputados estaduais

A diminuição da tarifa pode impactar no preço de diversos produtos que chegam ao mercado por meio de caminhões e representantes de entidades ligadas aos derivados de petróleo, caminhoneiros autônomos ao setor econômico do Estado. O projeto foi encaminhado na tarde de ontem, pelo próprio presidente da Casa de Leis, deputado Júnior Mochi, ao governador, para sanção a partir desta quarta-feira.

Antes de colocar o projeto em pauta, o grupo discutiu previamente seus detalhes, o mais importante, que prevê a diminuição da alíquota do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual, Intermunicipal e de Comunicação (ICMS) cobrada pelo diesel. Junior Mochi destacou que o principal objetivo do encontro foi garantir que a redução do imposto, de 17% para 12% chegue ao consumidor. “Não adianta aprovar a lei se o preço não for alterado na bomba”, reforçou o deputado. O presidente da ALMS também ressaltou que diferente da negociação do preço do ICMS realizada em 2015, desta vez a lei vigorará por prazo indeterminado. O deputado acrescentou que durante a reunião também

CHICO RIBEIRO

Reunião entre governador, deputados e representantes garante acordo para aprovação de projeto

ficou acordado que a ALMS criará uma comissão de acompanhamento de preço. “Conversamos com a OAB, Procon e outras instituições para que juntos possamos fiscalizar a real redução dos preços”. Para agilizar a aprovação do Projeto de Lei do Executivo, os deputados se colocaram à disposição para que a inicia-

tiva pudesse tramitar em regime de urgência na sessão de ontem. Durante a reunião, um acordo entre as lideranças partidárias definiu que fosse realizada sessão extraordinária para a votação. “Os deputados presentes foram favoráveis e nós dispensamos todos os prazos regimentais para que o resultado venha o mais rápido

possível”, esclareceu o presidente da ALMS. Com os acordos feitos na reunião e a aprovação do Projeto de Lei, o governador, Reinaldo Azambuja, espera que o Estado volte à competitividade econômica. “A intenção é que a diminuição da arrecadação com o ICMS, de cerca de R$ 20 milhões por mês, seja

DIVULGAÇÃO

Saúde de Itaporã oferece ações preventivas Os trabalhos foram organizados pela Diretora de Atenção Básica – DAB De Itaporã Na ultima quarta feira (30), enfermeiras e farmacêutica da atenção básica da saúde de Itaporã, estiveram na concentração do movimento dos caminhoneiros ofertando serviços de aferição de pressão arterial, teste de glicemia capilar, testes rápidos de Sífilis, hepatite B, hepatite C e HIV.

Os trabalhos foram organizados pela Diretora de Atenção Básica (DAB), Fabiana Vicente de Paula durante a manhã desta quarta feira, no perímetro urbano da Rod MS 156 próximo à Rotatória do Peixe. Segundo Fabiana, o atendimento foi gratuito, com o intuito apenas de orientar e promover qualidade de vida aos manifestantes e simpatizantes ao movimento. A proposta a é orientar a população sobre a importância de medir a pressão arterial, e realizar exames periódicos

Naviraí realiza 5ª etapa do Mutirão de Limpeza Foram registrados um acumulo de muitas toneladas de lixos e entulhos De Naviraí A Gerência de Serviços Públicos de Naviraí, iniciará na próxima Quinta-Feira, dia 07 de Junho, a 5ª etapa do Mutirão de Limpeza. Nesta etapa serão beneficiados os Bairros, Residencial Portinari, Jardim Nova Era, Jardim Planalto, Jardim União e Bairro Morumbi. O Mutirão de Limpeza está programado para acontecer em 8 etapas; onde já foram beneficiados vários bairros e também o centro da cidade, e ainda continuam sendo contemplados vários locais que necessitam de manutenção e limpeza.

Ao finalizar a 4ª etapa a Gerência de Serviços Públicos registrou um acumulo de muitas toneladas de lixos e entulhos que foram recolhidos nos bairros já beneficiados, o que mostra a necessidade de se realizar está ação, para garantir uma cidade mais limpa e organizada. A Prefeitura solicita aos moradores dessas localidades que retirem lixos e entulhos de seus quintais e organizem do lado de fora de suas residências, nas calçadas e ruas, para agilizar os trabalhos de coleta das equipes do Núcleo de Limpeza. Quinta-Feira (07) começará a 5ª etapa do Mutirão de Limpeza, ajude a cuidar dos nossos bairros“Cidade limpa é um dever de todos” uma campanha da Administração Municipal de Naviraí.

a fim de prevenir doenças mais graves. Em Itaporã este trabalho de orientação e promoção de saúde preventiva, é realizado em todo sistema de saúde, compreendendo ESFs, Agentes comunitárias e profissionais que trabalham para reduzir a incidência de doenças que podem ser combatidas com ações desta natureza. Mais greve A gerente de educação Denise Pacco informou também que o transporte estudantil que estava parado devido à

escassez de combustível, retomou suas atividades normais segunda feria (04). No início da crise, a gerente estabeleceu que fosse suspenso o transporte gratuito de estudantes universitários, enquanto permanecesse a greve dos caminhoneiros. Hoje com o reabastecimento dando sinais que voltará a sua normalidade, a gerente Denise Pacco autorizou a retomada do transporte do ensino fundamental e médio das escolas da Rede Municipal e Estadual de Ensino.

Caravana traz melhorias para a malha viária Uma ação conjunta está realizando a manutenção nas vias de acesso De Amambai Além de atender milhares de pessoas no campo da saúde e da emissão de documentos, a Caravana da Saúde Indígena, que acontece entre os dias 15 e 17 de junho, vai deixar outro legado importante para a comunidade da aldeia Amambai, em Amambai. Uma ação conjunta entre a prefeitura local e o Governo do Estado, através da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimento), está realizando a manutenção, inclusive com cascalhamento, de vias de acesso e inclusive

várias estradas internas dentro da reserva indígena, que é a mais populosa do Cone Sul de MS. Segundo o secretário de obras da Prefeitura de Amambai, Eder Espíndola, com a aplicação de cascalho extraído da própria aldeia Amambai, várias linhas de acesso a reserva indígena já passaram por manutenção e outras frentes de trabalho ainda serão executadas. Essa semana as equipes de manutenção estão trabalhando com na implantação de cascalho na estrada de acesso a região do Sertãozinho, que margeia a aldeia e em seguida irá atuar na reestruturação da malha da aldeia Amambai que dá acesso a cidade pelas regiões da AABB e da MS-156 (entre Amambai e Caarapó), pelo frigorífico.

compensada com o aumento do consumo do combustível e a movimentação da economia de todo o MS. A gente espera que com a circulação de mercadorias a receita aumente”, explicou. Segundo o chefe do Executivo, haverá fiscalização dos preços pelos órgãos ligados à defesa do consumidor, mas ressaltou que o consumidor deverá ser o principal fiscal da redução. O representante dos caminhoneiros autônomos, Giuliano Rogério de Souza, avaliou que o acordo de redução foi visto de maneira positiva. “Já sentimos a diferença no bolso, pois os preços já estão mais competitivos. Agora vamos poder trabalhar com margem de lucro maior. O beneficio não é só para nós transportadores, mas a indústria também ganha, exportadores, importadores, até mesmo o consumidor final”, defendeu.

Enfermeira e farmacêutica durante a greve dos caminhoneiros

Sesi oferece três cursos de saúde e segurança Os treinamentos são obrigatórios e devem constar no registro De Corumbá O Sesi de Corumbá disponibiliza, durante este mês de junho, os cursos de NR 17, que trata da importância da ergonomia, NR 6, que aborda EPIs, R 5, que versa sobre CIPA, e NR 35, que discorre a respeito de trabalho em altura. As matrículas deverão ser realizadas com até três dias antes do início do curso na secretaria do Sesi de Corumbá, situado na Avenida Nossa Senhora da Candelária, 1.555, Bairro Maria Leite. Os treinamentos oferecidos são obrigatórios e,

conforme a legislação, devem constar no registro dos empregados para atender às determinações do eSocial. No caso do curso de NR 17, sobre a importância da ergonomia, a carga-horária é de 4 horas e está previsto para começar sexta-feira (08). A capacitação desenvolve conhecimentos sobre a necessidade e a importância de corrigir e buscar posturas corporais corretas durante a realização das atividades do ambiente de trabalho. Com carga-horária de 4 horas, o curso de NR 6, que trata de equipamentos de proteção individual, está previsto para o dia 22 de junho e desenvolve conhecimentos sobre a importância e a necessidade do uso correto e contínuo dos equipamentos de proteção individual.


4

Dourados, quarta-feira 6.6.2018 O PROGRESSO

Dia a Dia ENTREVISTA ¡ Agamenon Jorge Taborda Advogado

Greve: Consumidor que pagou mais caro na gasolina deve ser ressarcido ValĂŠria AraĂşjo Valeria@progresso.com.br O consumidor que pagou mais caro no preço do combustĂ­vel durante a greve dos caminhoneiros tem o direito de ser reembolsado pelos prejuĂ­zos. É o que defende o advogado especialista em Direito Constitucional, Agamenon Jorge Taborda. Em entrevista ao O PROGRESSO, ele diz que o aumento abusivo ĂŠ considerado crime contra a economia popular, sendo passĂ­vel de detenção de dois a dez anos e multa. De maneira geral, o advogado explica que embora o brasileiro seja um povo bastante consumista, ainda existem muitos direitos e deveres desconhecidos pelo consumidor. Isso porque as leis nem sempre parecem acessĂ­veis Ă boa parte da população, jĂĄ que muitas vezes os textos legislativos usam um vocabulĂĄrio nada comum no dia a dia. Agamenon ĂŠ graduado em Direito, pelo Centro UniversitĂĄrio da Grande Dourados, especialista em Direito Constitucional, pela Universidade Anhanguera/Uniderp. Atua como advogado e ĂŠ sĂłcio do EscritĂłrio BMT Advogados. $DOWDQRSUHĂ€RGRVFRP EXVW§YHLVGHYLGRDJUHYH GRVFDPLQKRQHLURVIRLMXV WLILFĂ˜YHO" De acordo com CĂłdigo de Defesa do Consumidor (CDC), essa prĂĄtica ĂŠ abusiva, pois o fornecedor nĂŁo pode aumentar o preço do produto sem motivo justificĂĄvel, ou seja, o aumento dos preços dos combustĂ­veis pelos postos em razĂŁo da greve ĂŠ ilegal. &RPRRFRQVXPLGRUSR GHDJLUVHMĂ˜SDJRXRSUHĂ€R DEXVLYR" O consumidor deve exigir a nota ou cupom fiscal e o mĂĄximo de informaçþes sobre o estabelecimento (nome, bandeira, endereço, fotos, etc.) e procurar os ĂłrgĂŁos de proteção e defesa do consumidor. O nĂŁo fornecimento da nota fiscal pelo fornecedor ou o fornecimento em desacordo com a lei, constitui crime contra a ordem tributĂĄria. O MinistĂŠrio PĂşblico Estadual, por intermĂŠdio da 10° Promotoria de Justiça, solicitou aos consumidores que se sentirem lesados com a alta dos combustĂ­veis em virtude da greve dos caminhoneiros, apresentem uma reclamação junto a ouvidoria (www.mpms. mp.br), anexando cĂłpia da nota ou cupom fiscal, para a adoção de providĂŞncias de âmbito coletivo e criminal. 4XDODSHQDOLGDGHSDUD RVSRVWRVGHFRPEXVW§YHLV TXHFRPHWHPDEXVRVQRV SUHĂ€RV" O aumento injustificado no preço dos combustĂ­veis pode resultar nas sançþes previstas no art. 56 do CDC, tais como multa, apreensĂŁo do produto, inutilização do produto, suspensĂŁo do fornecimento, suspensĂŁo temporĂĄria da atividade, revogação de concessĂŁo ou permissĂŁo de uso, cassação de licença do estabelecimento ou da atividade, interdição total ou parcial do estabelecimento ou atĂŠ mesmo intervenção administrativa. Segundo a Lei Federal n.Âş 8.137/1990, que define crimes contra a ordem tributĂĄria, econĂ´mica e contra as relaçþes de consumo, a prĂĄtica ĂŠ passĂ­vel de reclusĂŁo de dois a cinco anos e multa. O aumento abusivo ĂŠ ainda considerado crime contra a economia popular, de acordo com a Lei nÂş 1.521/51, sendo passĂ­vel de detenção de dois a dez anos e multa.

'HPDQHLUDJHUDORFRQ VXPLGRUEUDVLOHLURWHPQR ÀäRGHGLUHLWRVHGHYHUHV" Embora o brasileiro seja um povo bastante consumista, ainda existem muitos direitos e deveres desconhecidos pelo consumidor. Isso porque, as leis nem sempre parecem acessíveis à boa parte da população, jå que muitas vezes os textos legislativos usam um vocabulårio nada comum no dia a dia. No entanto, essa realidade vem mudando. Os consumidores estão cada vez mais interessados em conhecer seus direitos e deveres e como identificar e questionar os abusos cometidos pelos fornecedores. Atualmente, a internet possibilita que o consumidor tenha o acesso rapidamente ao texto da lei. É importante que o consumidor procure sites confiåveis para se informar. O Código de Defesa do Consumidor prevê que sejam garantidas a educação e a informação a consumidores e fornecedores, mas isso Ê negligenciado. Creio que as noçþes båsicas do Direito nas escolas de ensino mÊdio e fundamental iria contribuir de forma significativa para uma melhor noção dos diretos e deveres pelo cidadão brasileiro.

Quando a compra for realizada pelo comÊrcio eletrônico ou fora do estabelecimento comercial, deve-se verificar se hå reclamaçþes da empresa no site do PROCON, guardar os dados da compra, verificar se hå sede física da empresa, verificar o cadastro do CNPJ junto ao site da Receita Federal e sempre exigir a nota fiscal da compra.

ra amigåvel e houver demora persistente na solução, a pessoa lesionada poderå contratar um advogado para mover um processo judicial contra a empresa, onde tambÊm serå buscada a conciliação. Outro aspecto que merece atenção Ê quando o consumidor tambÊm Ê lesionado moralmente. Em casos como esse, somente poderå ingressar com a ação judicial para requerer os danos morais, uma vez que no PROCON não serå possível pleitear tal direito.

&RPUHODÀäRDRVFDOOFHQ WHUVDPDLRULDGHVLVWHSRU FRQWDGRVLVWHPDTXHGH VLQFHQWLYDDUHFODPDÀäR HPXLWRVSDJDPFDURSRU LVVR2TXHRVHQKRUDFRQ VHOKD" Uma das situaçþes que mais irritam os clientes em um $OÂŚPGR3URFRQH0LQLV atendimento de call center ĂŠ WÂŚULR3ÂĽEOLFRGR&RQVXPL o longo perĂ­odo de espera. GRUDTXDLVRXWURV›UJäRV O ideal ĂŠ que o atendente VHSRGHUHFRUUHU"žDFRQ mantenha um contato consVHOKDGRDUHJLVWUDUEROHWLP tante durante o atendimento, GHRFRUUĂŚQFLDSRUGDQRV reportando ao cliente sobre o andamento, minuto a minuPRUDLV" AlĂŠm do PROCON e MinistĂŠ- to. PorĂŠm, ĂŠ necessĂĄrio que rio PĂşblico do Consumidor, ĂŠ haja uma evolução na resopossĂ­vel que o cidadĂŁo registre lução do problema e a preouma queixa no Portal do Con- cupação em ser o mais breve sumidor, um recurso criado possĂ­vel — de nada adianta pelo MinistĂŠrio da Justiça co- manter contato a cada minumo parte do Sistema Nacio- to, sem mostrar que a solução nal de Defesa do Consumidor estĂĄ prĂłxima. (consumidor.gov.br). A pessoa Desde 2008, existe uma pode registrar uma queixa e a norma que regulamenta os empresa tem atĂŠ 10 dias para Serviços de Atendimento ao responder. PorĂŠm, esse proce- Consumidor (SAC), trata-se dimento sĂł ĂŠ vĂĄlido para aque- do Decreto n. 6.523/2008, seles fornecedores cadastrados gundo o qual, depois de selecionada a opção no menu, necedor e dos prestadores de LQWHUQHW)UHQWHDHVWDGH no site. AlĂŠm disso, existem as o tempo de espera deve ser serviços a nota fiscal e cupons PDQGDFUHVFHQWHSRUTXH fiscais, os quais sĂŁo de funda- HVVHVSUREOHPDVSHUVLVWHP AgĂŞncias Reguladoras dos de, no mĂĄximo, um minuto. respectivos serviços (Anatel, No caso dos bancos, a espera mental importância para a HSDUHFHPLQVROÂĽYHLV" garantia dos direitos. Guardar Realmente, esses problemas ANS, ANEE etc.), as quais ĂŠ reduzida para 45 segundos. Contudo, deveria existir nĂşmeros de protocolos e con- ainda persistem. No mundo disponibilizam auxĂ­lio aos 3RXFRVDSHODPĂ?MXVWLĂ€D firmaçþes de que a empresa foi em que vivemos hoje, o tempo consumidores que nĂŁo con- uma maior fiscalização dos SDUDID]HUYDOHUSRUTXĂŚ" cientificada pelo consumidor. ĂŠ algo precioso para qualquer seguem resolver problemas ĂłrgĂŁos competentes nesse Embora cada caso deva ser O envio de mensagens para os pessoa, inclusive para os con- diretamente com as empresas tipo de caso, uma vez que o fornecedoras. HĂĄ ainda os Jui- tempo gasto pelo consumidor analisado de acordo com sua endereços de e-mails constan- sumidores. peculiaridade, um dos prin- tes no site oficial da empresa ĂŠ O CDC e as leis sobre o tema zados Especiais CĂ­veis, onde para resolver um problema de cipais motivos que levam os uma Ăłtima ferramenta. Sempre prevĂŞem sançþes administra- as reclamaçþes tĂŞm limite de consumo jĂĄ ĂŠ tratado por decisĂľes judiciais como plenaconsumidores a nĂŁo optar pela tem que se ter em mente que tivas aos bancos que descum- atĂŠ 40 salĂĄrios mĂ­nimos. Embora seja aconselhĂĄvel mente indenizĂĄvel. via judicial ĂŠ a demora na reso- essas medidas poderĂŁo servir prem a legislação, desde adverAconselha-se ao consumilução do conflito. Celeridade e como provas em eventual ação tĂŞncias Ă imposição de multas o registro da ocorrĂŞncia, somente o boletim nĂŁo caracte- dor guardar o nĂşmero dos efetividade sĂŁo os maiores an- judicial. Assim, a relação entre severas. seios do cidadĂŁo ao procurar o consumidor e fornecedor torPermanecer horas em uma riza o dano moral. A indeni- protocolos de atendimento, Poder JudiciĂĄrio para resolver na-se mais equilibrada. fila de banco nĂŁo corresponde zação destina-se a amparar o nome do atendente, dia e hoo problema. Existe hoje uma sĂŠrie de apli- com expectativa do consumi- desconforto da vĂ­tima e tam- rĂĄrios das ligaçþes realizadas Contudo, ĂŠ importante que cativos que ajudam os consu- dor em pleno sĂŠculo XXI. Ho- bĂŠm possui cunho pedagĂłgi- aos serviços de atendimento, se esclareça que nĂŁo hĂĄ um midores a compreender me- je, o tempo ĂŠ um bem jurĂ­dico co, com a finalidade de obstar bem como tickets de filas em prazo exato para a duração do lhor seus direitos e atĂŠ facilitar e se o fornecedor se apropria o fornecedor a adotar medi- bancos, a fim de se produzir processo, pois nĂŁo depende, o que deve ser feito em uma desse bem, pode causar lesĂŁo das destinadas a preservar a prova para eventual ação juexclusivamente, do advogado. determinada situação. ao consumidor, dando lugar a integridade fĂ­sica/psĂ­quica do dicial. VĂĄrios fatores colaboram para irritação, violação do direito de consumidor. a morosidade das açþes judi&RPUHODÀäRDRFRPÂŚU paz e a prestação adequada do &RQVLGHUDÀ¸HVILQDLV ciais, a exemplo do acĂşmulo FLRLQFOXLQGRRGHFRPSUD serviço. 4XDORFDPLQKRPDLVUĂ˜ Gostaria de agradecer ao jorde processos, a burocracia em HYHQGDSHODLQWHUQHWRTXH Vem ganhando espaço no SLGR3URFRQRXDÀäRQD nal O Progresso pela entrevista, determinados procedimentos, SRGHVHUGHYROYLGRHPFD meio jurĂ­dico a indenização -XVWLĂ€D"3RUTXĂŚ" pois acredito que quanto mais etc. VRGHLQVDWLVIDÀäRHTXDOR pelo desperdĂ­cio do tempo Ăştil, Certamente o Procon ĂŠ o ca- informaçþes forem veiculadas SUD]R"2TXHÂŚXPDPHUFD pois o tempo perdido de forma minho mais rĂĄpido para se pelos meios de comunicação, 4XDLVVHWRUHVOLGHUDPR GRULDLQGHYROXWD" injusta e intolerĂĄvel ultrapassa tentar resolver o conflito, onde o consumidor saberĂĄ cada vez O direito de arrependimento as barreiras do mero aborreci- tenta-se chegar a um acordo mais identificar abusos por UDQNLQJGHUHFODPDÀ¸HV" Em uma rĂĄpida pesquisa no previsto no CĂłdigo de Defesa mento, violando o direito de para a solução do problema e parte dos fornecedores. site do IDEC – Instituto de De- do Consumidor ĂŠ o direito do liberdade, garantido em nossa nĂŁo existe juiz para julgar os Para os fornecedores, o ideal fesa do Consumidor, no topo consumidor de se arrepender Constituição Federal, pois ca- fatos. Quando um problema seria prever quais condutas podo levantamento em 2017, pelo das compras realizadas fora be ao titular do direito decidir ĂŠ levado atĂŠ o Procon, o ĂłrgĂŁo deriam lhe causar prejuĂ­zos nas sexto ano consecutivo, lideram do estabelecimento comer- onde melhor utiliza seu tempo. notifica a empresa e as ques- relaçþes de consumo, evitantĂľes podem ser solucionadas do-se futuras açþes judiciais os questionamentos relacio- cial, sem precisar apresentar nados a plano de saĂşde, com qualquer motivo, por exem(TXDQGRDRHFRPPHUFH de maneira mais rĂĄpida e com e coibindo gastos desneces23,4% dos registros, seguido plo, compras realizadas pela 4XDLVVäRDVSUHFDXÀ¸HVD menos burocracia. sĂĄrios. Em qualquer ramo do Entretanto, se o problema direito, a prevenção ĂŠ o melhor por produtos (que inclui bens internet, catĂĄlogos de venda, WRPDUSDUDQäRFRPSUDU nĂŁo for resolvido de manei- caminho para os empresĂĄrios. de consumo), com 17,8%, ser- por telefone, etc. JDWRSRUOHEUH" Nesses casos, a cobertura dos viços financeiros (16,7%) e telecomunicaçþes (15,8%). No ca- custos da devolução do produso do lĂ­der das queixas, a maior to, incluindo o frete, ĂŠ de inteira parte das reclamaçþes trata de responsabilidade do vendedor. aumentos da mensalidade dos O prazo para o consumidor planos de saĂşde considerados exercer o direito de arrependimento ĂŠ de 7 dias Ăşteis, a contar abusivos pelos clientes. da assinatura do contrato ou do $UHLQFLGĂŚQFLDÂŚURWLQDRX recebimento do produto. É importante que se entenda DPDLRULDGRVFDVRVWĂŚPVR que o direito de arrependimenOXÀ¸HVGHILQLWLYDV" Com certeza. A reincidĂŞncia de to nĂŁo pode ser exercido quanreclamação dos consumidores do a compra ĂŠ realizada diresobre as mesmas empresas no tamente no estabelecimento ranking apresentado pelo IDEC comercial. A troca do produto, ĂŠ preocupante. O Procon de nesses casos, depende da poCampinas, por exemplo, em lĂ­tica interna da loja, jĂĄ que ela parceria com demais ĂłrgĂŁos nĂŁo ĂŠ obrigada a trocar quando de amparo ao consumidor, este nĂŁo apresentar defeito ou estĂŁo mudando a estratĂŠgia a vĂ­cio. Contudo, independentecomeçando a exigir um plano de melhorias das empresas que mente de compras realizadas no estabelecimento comercial lideram o ranking. Inclusive, caso a empresa no- ou fora dele, caso o produto tificada nĂŁo apresente o referi- venha com defeito ou vĂ­cio, o do plano de melhorias no prazo consumidor poderĂĄ exercer de 60 dias, o Procon pode, alĂŠm seu direito de escolha, mediande multar, oficiar o MinistĂŠrio te trĂŞs alternativas: a troca do PĂşblico por crime de desobe- produto, a devolução do valor pago ou o conserto da mercadiĂŞncia. doria pela loja. &RPRID]HUYDOHUXPGL UHLWR"2TXHDSRSXODÀäR )LODVHPEDQFRVFRQWLQX SUHFLVDVDEHU" DPSHQDOL]DQGRRVXVXĂ˜ A orientação ĂŠ sempre que os ULRVDVVLPFRPRRVVHU consumidores exijam do for- YLĂ€RVGHWHOHIRQLDP›YHOH


Literatura

Flip 2018 anuncia programação. 3*

CADERNO B

Aniversariantes da Semana.

Dourados, quarta-feira 6.6.2018

Coluna da Adiles

O PROGRESSO BOLIVAR PORTO

A exposição coletiva de 16 fotógrafos de Mato Grosso do Sul retrata as aves da cidade, suas cores, formas, håbitos, cenas que muitas vezes passam despercebidas aos olhos das pessoas

Museu da Imagem e do Som realiza exposição sobre o Meio Ambiente AlĂŠm da mostra “Aves da Cidadeâ€? FRPWUDEDOKRVGHSURÄ&#x;VVLRQDLVHDPDGRUHVWDPEĂ’PVHUĂ‚RH[LELGRVHP &DPSR*UDQGHQDSUĂś[LPDVH[WDIHLUDRVFXUWDVĹƒ&HUUDGR%HUĂ?RGDVdJXDVĹ„HĹƒ&HUUDGR$OĂ’PGD1Ă’YRDĹ„ De Campo Grande Pelo terceiro ano consecutivo o Museu da Imagem e do Som (MIS), o Instituto Mamede e parceiros se reĂşnem para promover atividades na Semana do Meio Ambiente intitulada “Entre Imagens e Sons: o PatrimĂ´nio Natural Inspirando o PatrimĂ´nio HistĂłrico-Culturalâ€?. A abertura da exposição coletiva “Aves da Cidadeâ€? acontece na prĂłxima sexta-feira, Ă s 19h, onde tambĂŠm serĂŁo exibidos os curtas metragens l'IVVEHS&IVĂ€SHEWÂťKYEWzI “Cerrado AlĂŠm da NĂŠvoaâ€? e na ocasiĂŁo acontece o lança-

mento do Edital do concurso de filmes curtas intitulado “Por Que Campo Grande pode Ser a Capital do Turismo de Observação de Aves? â€?.

As cidades do MS se destacam por conterem biodiversidade urbana, demonstrando adoção de paisagismo funcional A exposição coletiva de 16 fotógrafos de Mato Grosso do Sul retrata as aves da cidade, suas cores, formas, håbitos, cenas que muitas vezes passam despercebidas aos olhos das pessoas. De forma singela e criativa

esses flagrantes foram registrados pelos olhos atentos desses amantes das aves da cidade. A exposição coletiva “Aves da Cidadeâ€? reĂşne profissionais e amadores do Mato Grosso do Sul, que dedicam parte de suas vidas Ă arte da fotografia de natureza, Ă  qual as aves estĂŁo incluĂ­das. As cidades do Mato Grosso Sul se destacam por conterem rica biodiversidade urbana demonstrando que a adoção de um paisagismo funcional faz toda a diferença na manutenção e ampliação das riquezas naturais com as quais convivemos e que sĂŁo dignas de admiração.

As aves, por sua vez, não apenas ocupam as cidades, mas tornam as åreas urbanas mais leves, belas e contribuem com a voz da paisagem que reverbera nas nossas manifestaçþes culturais.

essa riqueza estĂĄ ameaçada. Com direção de Christian Spencer, Marc Egger, Gibby Zobel, “Cerrado AlĂŠm da NĂŠvoaâ€? ĂŠ ganhador de sete prĂŞmios. O filme leva o espectador a um dos mais belos e menos conhecidos ecossisteSinopses mas do mundo, localizado no l'IVVEHS&IVĂ€SHEWÂťKYEWzÂŚ centro do Brasil. Como uma vĂ­deo produzido pelo WWF- pintura impressionista, exal-Brasil e aponta a relação en- tando a cor e luz desse lugar, tre o Cerrado e a ĂĄgua. a produção transcorre como Ele pode ser considerado um mito de criação passando uma grande caixa d’ågua pa- pelos elementos criadores cora o paĂ­s, pois os rios que nas- mo a ĂĄgua, a terra, o ar e o fogo, cem no Cerrado abastecem e as impressionantes criaturas seis das oito grandes bacias que habitam essas planĂ­cies. hidrogrĂĄficas brasileiras, alĂŠm O filme apresenta um novo de todo o Pantanal. Mas toda gĂŞnero de documentĂĄrio, on-

de a poderosa beleza natural e o mistĂŠrio do lugar aliados a visĂŁo artĂ­stica e a pulsante trilha sonora original constroem e ditam o roteiro. O Parque Nacional das Emas ĂŠ lar de alguns dos mais incrĂ­veis animais do mundo, como o tatu canastra, tamanduĂĄ bandeira e o lobo guarĂĄ, alĂŠm de fenĂ´menos naturais que sĂł ocorrem nesta especifica parte do Brasil, como a BioluminecĂŞncia e as milhares de aranhas comunitĂĄrias. O o curta ĂŠ uma incrĂ­vel explosĂŁo de vida, cores e mistĂŠrio, uma reverĂŞncia a natureza como sendo uma eterna e mais bela obra de arte jĂĄ criada.

Sesc Dourados promove Contação de Histórias As atividades ocorrem todas ås quartas e sextas-feiras ås 19h. A entrada Ê gratuita

Toda semana o Serviço Social do ComÊrcio (Sesc) Dourados tem programação infantil gratuita, em que a ludicidade e aprendizado dão o tom. As contaçþes de histórias ocorrem às quartas e sextas-feiras, a par-

tir das 19h. A entrada ĂŠ gratuita. Hoje e sexta-feira, a historinha que serĂĄ contada ĂŠ “O Rato do Campo e o Rato da Cidadeâ€?, de Ruth Rocha. Era uma vez uma famĂ­lia de ratos que morava no campo. Um dia eles receberam a visita de um primo da cidade, JĂ´ni Raturbano, que era grĂŁ-fino e, sem querer querendo, sempre dava um jeito de criticar a vida rural.

Dizia que na cidade Ê que era bom. Quando chegou a hora de ir embora, Jôni Raturbano convidou seu primo Rateco para ir com ele. Rateco gostou da ideia. Mas serå que a cidade grande trataria bem do nosso ratinho? As histórias infantis têm papel fundamental na formação do indivíduo tornando-o criativo, crítico e capaz de tomar

',98/*$qf2

“O Rato do Campo e o Rato da Cidadeâ€? ĂŠ a historinha da semana

decisþes com possibilidades infinitamente maiores de se tornar um leitor assíduo, alÊm de ser um instrumento de diversão garantida para as crianças e adultos. Serviço O Sesc Dourados estå localizado na rua Toshinobu Katayama, 178, centro, telefone (67) 3410-0700.


2

Dourados, quarta-feira 6.6.2018 O PROGRESSO

Variedades DIVULGAĂ‡ĂƒO

129(/$6

ORGULHO E PAIXĂƒO 17h Elisabeta e Darcy descobrem que foram enganados. OfĂŠlia GHVFRQÄ&#x;DGRVWUDMHVGH0DULDQD(GPXQGRUHYHODD(PDTXH ĂŠ apaixonado por outra mulher. OlegĂĄrio dĂĄ aulas de sedução D5DQGROIR2IĂ’OLD2WĂ€YLRH5DQGROIRRUJDQL]DPDIHVWDGH -XOLHWD%UDQGĂ‚RVHRIHUHFHSDUDWUHLQDUDRODGRGH0DULDQD 0Ă€ULR&HFâOLDFRPHQWDFRP)DQLTXHGHVFRQÄ&#x;DGHTXH7LEÄŽUFLR ĂŠ quem a assusta. Jane questiona os hematomas de Camilo. 2%DUĂ‚RFRQIURQWD(PDVREUHVHXQRLYDGRTXDQGR/XGPLOD FKHJD;DYLHULQYDGHDIHVWDGH-XOLHWD'DUF\YDLDWĂ’RMRUQDO atrĂĄs de Elisabeta.

DEUS SALVE O REI

Curso de FotograďŹ a em

Campo Grande “Iluminação e Linguagemâ€? vai VHUPLQLVWUDGRSRU$OH[DQGUH6RJDEH De Campo Grande O Centro Cultural JosĂŠ OctĂĄvio Guizzo de Campo Grande, por meio do Programa Educativo oferecerĂĄ o curso de Fotografia: “Iluminação e Linguagemâ€?, direcionado para pessoas a partir de 12 anos e serĂĄ ministrado pelo professor e fotĂłgrafo Alexandre Sogabe, as aulas acontecerĂŁo gratuitamente nos dias 12, 14 e 15 de junho, das 18h30 Ă s

21h30. As vagas são limitadas e as inscriçþes devem ser realizadas pessoalmente, das 8h às 22h. Esse módulo do curso Ê dirigido para pessoas que querem se aprofundar na linguagem da fotografia, abordando principais questionamentos sobre o fazer fotogråfico, a questão da representação numa perspectiva histórica, as categorias estÊticas e o uso das cores. A atividade oferece

ainda a oportunidade de produção com iluminação profissional e de alguns equipamentos de estúdio. O curso foi desenvolvido a partir de experiências de ensino de fotografia dos ministrantes desde 2008 e tem por objetivo introduzir o participante nos princípios da arte da fotografia. Os interessados deverão se dirigir ao Centro Cultural, que fica localizado na rua 26

+25˜6&232 TOURO

'HD

'HD

(VSHUDQ�DVEHPVXFHGLGDVGHVHMRV FRQFOXâGRVHH[DOWD�ÂRSURILVVLRQDOH VRFLDOHVWÂRSUHYLVWRVSDUDYRFÓDJRUD 0XLWRERDLQIOXÓQFLDWDPEÒPDRVDVsuntos pessoais e as artes de um modo JHUDO)DOHGHPRGRPDLVDJUHVVLYR SDUDFRQVHJXLURTXHSUHWHQGH

19h45 5LFDUGRYLVLWDDUHGD�ÂRGRWHOHMRUQDO%HQMDPLQFRQFOXL DJUDYD�ÂRGRYâGHR5LFDUGRÒHQWUHYLVWDSRU$UWKXUH%ÀUEDUD 'XGXDVVLVWHDRYâGHRIHLWRSRU%HQMDPLQ$UWKXUTXHVWLRQDD DXGÀFLDGH%ÀUEDUD'\ODQWHPHDIĎULDGH5LFDUGR$ODQGÀVDWLVID�ÂRDRYLOÂR'\ODQHVWUDQKDDSUHVHQ�DGH'LPLWULDRODGR GH8UL%ÀUEDUDQRWLFLDRIUDFDVVRGDVRQGDHDYLVDTXHKDYHUÀ XPDFKXYDGHPHWHRURV$QGUÒODPHQWDRRFRUULGR%ÀUEDUD GLVFXWHFRP$UWKXU5LFDUGRGÀXPDQRYDFKDQFHD$QGUÒHSHGH SDUDIDODUFRP8UL%HQMDPLQDFRPSDQKDDVQRWâFLDV5LFDUGR HVEUDYHMDFRP8UL+HQULTXHGLVFXWHFRP'XGX

'HD

LEĂƒO

VIRGEM

'HD

'HD

'HYHUÀWDPEÒPLPSRUVXDSHUsonalidade ao tratar com terceiros SDUDTXHVHXFUÒGLWRHUHSXWD�ÂR DXPHQWHP9RFÓVHVHQWLUÀLPSXOVLRQDGRDFXLGDUGDEHOH]DHGDVXD HVWÒWLFDQHVWHSHUâRGR6XFHVVR MXQWRDRVH[RRSRVWR

LIBRA

ESCORPIĂƒO

'HD

'HD

&RPRYRFÓQÂRDFHLWDGHUURWDGHQWUR de um plano mental elevado, deverå realizar o måximo neste dia a fim de FKHJDUDRDXJHGHVXDVSUHWHQVøHV 3RGHFRQWDUFRPRIDYRUGHWRGRV'Hdique seu tempo livre ao aumento do VHXFRQKHFLPHQWRHVXDFULDWLYLGDGH

Dia em que poderĂĄ lucrar pelos esIRUĂ?RVTXHÄ&#x;]HUQRWUDEDOKRHHP DWLYLGDGHVFRPHUFLDLVHLQGXVWULDLV dUHDGRV1HJĂśFLRVEHPIDYRUHFLGR EHPFRPRDVDÄŽGHHRDPRU6HXV desejos de vencer em tudo o que Ä&#x;]HUHVWDUĂ‚RPXLWRDJXĂ?DGRV SAGITĂ RIO 'HD

A ascensĂŁo social estarĂĄ favorecida neste perĂ­odo, com excelentes RSRUWXQLGDGHVGHYRFĂ“DWLQJLUVXFHVVRHUHFRQKHFLPHQWRMXQWRÂżV SHVVRDV0DVFXLGDGRSDUDTXHLVWR QĂ‚RUHSUHVHQWHPXGDQĂ?DHPVXD SHUVRQDOLGDGH

CAPRICĂ“RNIO

AQUĂ RIO

PEIXES

'HD

'HD

'HD

&HUWDVIDFLOLGDGHVSHUPLWLUÂRXP ERPHQWURVDPHQWRHQWUHYRFÓH DVSHVVRDVGHVHXFRQYâYLR3URcure apenas amenizar as críticas HGLPLQXLUDVH[LJÓQFLDVTXHFRVWXPDID]HU(YLWHTXHDEXVHPGH VXDERDIÒ

APOCALIPSE

7HQGÓQFLD¿WULVWH]DHDRSHVVLPLVPR'HYHUÀHYLWDUWDLVFRLVDVSDUD TXHWXGRSRVVDFRUUHUEHPSDUD YRFÓQHVWHGLD&XLGHGHVXDVDĎGH HWUDEDOKHSDUDVXDHOHYD�ÂRPHQtal, e compartilhe as conquistas e os SUREOHPDVFRPVXDIDPâOLD

CĂ‚NCER

AlguĂŠm poderĂĄ falar-lhe tentando WLUDUYDQWDJHPGHXPQHJĂśFLR Esteja mentalmente preparado para exigir mais de pessoas individualistas, que pensam unicamenWHHPVLPHVPDV6HMDSUĂ€WLFRH REMHWLYR

20h /X]LD$ULHOODFRQIRUWD0DQXHODTXHVHSUHRFXSDFRP(GJDU.DUHQH5RFKHOOH6HYHURMXUDYLQJDQĂ?DFRQWUD/DXUHWD9LDQD RULHQWD,RQDQH0DXUDDLQYHVWLJDU/DXUHWD'RGáGHVFREUHDSUHVHQĂ?DGH5HP\HPVXDFDVD/DXUHWDÄ DJUDÂ…FDURH5RVDMXQWRV,RQDQH0DXUDFKHJDPÂżFDVDGH/DXUHWD0DXUDGHVFREUHRVHJUHGR VREUHRWUDEDOKRGH5RVD/DXUHWDRIHQGH0DXUDTXHOKHGĂ€YR] GHSULVĂ‚R9DOHQWLPPRVWUDVXDQRYDPÄŽVLFDSDUD/X]LD$ULHOODHD FRQYLGDSDUDVXDDSUHVHQWDĂ?Ă‚RQRFDVDUĂ‚R/RXULYDOVHGHVHVSHUD TXDQGR6HOPDFRQÄ&#x;UPDDRPDULGRVHXDPRUSRU0DXUD/RXULYDO VRIUHXPDFLGHQWHHPVXDFDVD/X]LD$ULHOODHQFRQWUD.DURODQR casarĂŁo e descobre que ela ĂŠ mĂŁe de Valentim.

GĂŠMEOS

'HD

O sol lhe promete um dia dos mais IDYRUÀYHLV)DUÀERQVQHJÜFLRV ERQVSODQRVFRPUHOD�ÂRDRIXWXURFRQWDWRVSHVVRDLVÜWLPDV UHOD�øHVVRFLDLVVHQWLPHQWDLV $SURYHLWH&XLGHGDVDĎGHHGH VHXGLQKHLUR

SEGUNDO SOL

PALAVRAS-CRUZADAS DIRETAS

Ă RIES Uma paixĂŁo poderĂĄ lhe pegar de surpresa nesta fase O novo relacionamento serĂĄ marcado por romantismo e sensualidade Portanto cuide para nĂŁo descuidar dos outros compromissos, principalmente os SURÄ&#x;VVLRQDLV

de Agosto, 453 – centro, munidos de cópias do RG e CPF, no caso de menores de idade deverão ir acompanhados dos pais ou responsåveis e apresentar a mesma documentação. O curso terå certificado e oferecerå 20 vagas, excedendo o número de vagas serå criada uma lista de espera. Informaçþes podem ser obtidas pelo telefone (67) 33171795.

18h $PĂ€OLDÄ&#x;FDFKDWHDGDFRP$IRQVRSRUHOHQĂ‚RWHUFRQWDGRDYHUGDGH1DQĂ€HVSDOKDDQRWâFLDGHTXHRVUHLVGH&Ă€OLD QĂ‚RHPSUHVWDUDPGLQKHLURD0RQWHPRUSRUFDXVDGH$PĂ€OLD $IRQVRDYLVDD&DWDULQDTXHHODQĂ‚RLUĂ€PDLVSDUDR3DOĂ€FLRGH ,QYHUQRMĂ€TXHHOHWHUĂ€TXHYHQGĂ“OR&DWDULQDFRQWDD/XFâRODVHXSODQRGHXVDU9LUJâOLRSDUDWLUDU$XJXVWRGH/DVWULOKD /XFUĂ’FLDIODJUD5RGROIRH*OĂśULDDEUDĂ?DGRV$PĂ€OLDRXYHD FRQYHUVDHQWUH$IRQVRH*UHJĂśULR$PĂ€OLDTXHVWLRQD$IRQVR sobre a possibilidade de ele se casar com Catarina.

'LDIDYRUÀYHODVVXDVWUDQVD�øHVILnanceiras e para comprar ou vender EHQVPÜYHLVHLPÜYHLV7HUÀÓ[LWR WDPEÒPDRWUDWDUGHDVVXQWRVVRFLDLV HQRODQ�DPHQWRGHQRYDVLGHLDVSURILVVLRQDLV$VDĎGHQHVWDIDVHQHFHVVLWDGHPDLRUDWHQ�ÂR

Poderå lucrar inesperadamente DWUDYÒVGHVRUWHLRVHGDORWHULD 6HUÀIDYRUHFLGRQRFDPSRDPRURVR HIDPLOLDU3HUâRGRIDYRUÀYHOSDUD VHJXLUFDUUHLUDRXUHDOL]DUWUDEDOKR TXHH[LMDJUDQGHFRQFHQWUD�ÂRLQWHOHFWXDO

SOLUĂ‡ĂƒO DO NÂş ANTERIOR


3

Dourados, quarta-feira 6.6.2018 O PROGRESSO

Variedades

Feira LiterĂĄria Internacional 2018

anuncia programação (QWUHRVQRPHVFRQÄ&#x;UPDGRVSDUDHVWD edição 2018, estĂŁo Colson Whitehead, Alain Mabanckou, LeĂŻla 6OLPDQL'MDPLOD5LEHLUR6HOYD$OPDGD6Ă’UJLR6DQWĹ‚$QQDH6LPRQ6HEDJ0RQWHÄ&#x;RUHHQWUHRXWURV Da AgĂŞncia Estado Na primeira vez que o americano Colson Whitehead veio ao Brasil, e aquela era sua primeira viagem internacional, ele era um rapaz de 24 anos, deprimido e quebrado com um mochilĂŁo nas costas. Saiu daqui decidido a se tornar escritor. Agora, prestes a completar 50 anos e depois de lançar seis romances, ele volta ao paĂ­s como uma das atraçþes da Festa LiterĂĄria Internacional de Paraty, que serĂĄ realizada de 25 a 29 de julho.

A atriz Fernanda Montenegro e Jocy de Oliveira, pioneira na mĂşsica de vanguarda estarĂŁo juntas na mesa de abertura Autor do premiado “The Underground Railroad – Os Caminhos Para a Liberdadeâ€? (HarperCollins Brasil), vencedor do Pulitzer de ficção e do National Book Award e que vai virar sĂŠrie da Amazon com direção de Barry Jenkins (Moonlight), Whi-tehead vai dividir a mesa da Flip no sĂĄbado com Geovani Martins, morador do morro do Vidigal que acaba de estrear na literatura com “O Sol na Cabeçaâ€?, cujos direitos jĂĄ foram vendidos para diversos paĂ­ses e para o cinema - Karim AĂŻnouz

vai dirigir o filme. A programação foi anunciada na manhĂŁ de ontem em SĂŁo Paulo, e a Flip deste ano recebe 33 convidados - 17 mulheres e 16 homens. Hilda Hilst ĂŠ a autora convidada e serĂĄ lembrada em algumas das mesas da programação. No domingo, por exemplo, Eder Chiodetto, Iara Jamra e Zeca Baleiro, que fizeram obras baseadas no trabalho de Hilda, relembram seus encontros com a escritora. Em outros casos, uma performance inspirada em sua obra serĂĄ feita antes do inĂ­cio dos debates. Destaque tambĂŠm para a mesa Amada vida, com Djamila Ribeiro, pesquisadora de filosofia polĂ­tica e feminista e autora de “O Que ĂŠ o Lugar da Falaâ€? (Letramento) e “Quem Tem Medo do Feminismo Negroâ€? (Companhia das Letras, no prelo), e a escritora argentina Selva Almada, autora de “Garotas Mortasâ€? (Todavia). A atriz Fernanda Montenegro e Jocy de Oliveira, pioneira na mĂşsica de vanguarda e hoje dedicada Ă Ăłpera multimĂ­dia, estarĂŁo juntas na mesa de abertura. SĂŠrgio Sant’Anna, Juliano Garcia Pessanha e Laura Erber estĂŁo entre os convidados brasileiros. Entre os estrangeiros, participam LeĂŻla Slimani (Marrocos/França), vencedora

BRYANT PARK/EDITORA HARPERCOLLINS

Colson Whitehead ĂŠ autor do premiado e festejado “The Underground Railroadâ€? e vai marcar presença na Flip 2018 do Gouncourt com “Canção de Ninarâ€? (Tusquets); AndrĂŠ Aciman (Egito/EUA), autor de “Me Chame Pelo Seu Nomeâ€? (InstrĂ­nseca), que virou filme

recentemente; o historiador Simon Sebag Montefiore, biĂłgrafo de StĂĄlin, dos Ramanov, de Catarina, a Grande e de JerusalĂŠm, todos publica-

dos pela Compa-nhia das Letras; e Christopher de Hamel, especialista em manuscritos medievais. E ainda Liudmila PetruchĂŠvskaia (RĂşssia), Alain

Mabanckou (Congo/França), Isabela Figueiredo (Moçambique/Portugal) e o suíço Fabio Pusterla e a italiana Igiaba Scego, entre outros.

Artes CĂŞnicas da UFGD divulga oďŹ cinas para junho Capacitaçþes sĂŁo voltadas a estudantes e artistas de Dourados e regiĂŁo De Dourados Centro AcadĂŞmico de Artes CĂŞnicas da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), atravĂŠs do projeto de extensĂŁo “Açþes de ExtensĂŁo do Centro AcadĂŞmico Rubens Correiaâ€?, estĂĄ divulgado as Oficinas Culturais para o mĂŞs de junho, voltadas a estudantes e artistas de Dourados e regiĂŁo. SerĂŁo realizadas Oficinas de “Maquiagem Para Teatroâ€?; de “Produção Culturalâ€?; de “Elementos de Composição de Personagem: Sobrevoosâ€? e a Oficina de “Leitura de Textos DramĂĄticosâ€?. Todas sĂŁo abertas tambĂŠm Ă comunidade externa. As atividades extracurriculares sĂŁo para auxiliar a formação acadĂŞmica e pro-fissional, articulando com atividades de outros cursos

da Universidade. Os resultados obtidos nessas atividades serĂŁo levados para toda a comunidade, com apresentaçþes artĂ­sticas e cultu-rais, bate-papos, oficinas e workshops. AmanhĂŁ e sexta-feira, das 13h Ă s 17h, serĂĄ realiza-da a Oficina de “Maquiagem Para Teatroâ€? que serĂĄ ministrada por Karla Neves, na Sala do Piano do NĂşcleo de Artes CĂŞnicas – Unidade II da UFGD. SĂŁo 20 vagas disponĂ­veis e as inscriçþes sĂŁo gratuitas e abertas a toda comunidade, podendo ser feitas atĂŠ hoje atravĂŠs do blog http://centroacademicorubenscorreia. wordpress.com/ na aba Inscriçþes. Nos dias 17, 24 de junho e 1Âş de julho, das 13h as 17h, serĂĄ realizada a Oficina de “Produção Culturalâ€? ministrada por Thays Nogueira, no Sucata Cultural. SĂŁo 30 vagas e essa oficina tem uma taxa de R$15 que serĂĄ revertida para a manutenção do espaço. As inscriçþes

DIVULGAĂ‡ĂƒO

EspetĂĄculo “HĂĄ VĂłsâ€? foi elaborado pelos alunos do curso de Artes CĂŞnicas da UFGD podem ser feitas atĂŠ dia 15 de junho e sĂŁo abertas para toda a comunidade, com 30 vagas, e podem ser feitas pelo blog

http://centroacademicorubenscorreia.wordpress.com/ na aba Inscriçþes. Nos dias 11, 12 e 14 de ju-

nho, das 14h30 Ă s 18h, serĂĄ realizada a Oficina “Elementos de Composição de Personagem: Sobrevoosâ€? minis-

trada por Michel Mauch, na Sala de Corpo da Unidade II da UFGD. SĂŁo oito vagas gratuitas e abertas a toda comunidade, e as inscriçþes podem ser feitas atĂŠ sexta-feira, dia 8, pelo blog http://centroacademicorubenscorreia.wordpress.com/ na aba Inscriçþes. TambĂŠm estĂŁo abertas as inscriçþes para o projeto “ChĂĄ com Drama – Leitura de Textos DramĂĄticosâ€?. O texto estudado no mĂŞs de junho serĂĄ “Auto da Barca do Infernoâ€? de Gil Vicente e os encontros serĂŁo nos dias 7, 14, 21 e 28 de junho, das 14h Ă s 17h, na Caixa Preta do NĂşcleo de Artes CĂŞnicas. A apresentação da leitura serĂĄ dia 30 de junho, na RepĂşblica JoĂŁo (rua Monte Alegre, 979 – 1Âş Plano). SĂŁo 20 vagas disponĂ­veis com inscriçþes atĂŠ hoje, gratuitas e abertas a comunidade, podendo ser feitas pelo blog http://centroacademicorubenscorreia.wordpress. com/ na aba Inscriçþes.


Dourados, quarta-feira 6.6.2018 O PROGRESSO

COLUNA DA ADILES Adi Adiles do Amaral Torres

ANIVERSARIANTES DA SEMANA

adiles@progresso.com.br

â€œĂ€s vezes o que a gente procura, nĂŁo ĂŠ o que a gente procura. É o que a gente encontra.â€? Chico Buarque

Destaque a Thiago Pizzini, proprietårio do "Restaurante Barão", à rua General Ozório 2.415. Fone: 3032-1001 ParabÊns a Kauan Rafael, que estå completando hoje, 6 aninhos. Na foto, com seu pai Celso França Lima

Ao funcionĂĄrio deste jornal Rodrigo Vieira, que aniversaria nesta quinta-feira, dia 7, nossos parabĂŠns e votos de felicidades. Na foto, com a esposa DĂŠbora

Comemora aniversĂĄrio nesta quinta-feira, dia 7, Talisle Kaorama Machado de Lima, a ela desejamos tudo de bom

Em Ponta PorĂŁ O Progresso foi tido como destaque empresarial. Na foto, ClĂłvis moreno, do Roteiro de Compras, entrega o Certificado a esta colunista e a Angela Santa Cruz, deste jornal

Ao cel. Manfredini nossos cumprimentos pelo seu aniversĂĄrio nesta quinta-feira, extensivo a sua esposa Vera

A FĂĄtima Frota desejamos toda felicidade, ela aniversaria nesta quinta-feira, dia 7

ParabĂŠns a Eurico CharĂŁo Barbosa que comemora idade nova dia 7. Na foto, com a esposa Glaci

Bem vinda a mĂŠdica pneumologista Mariana Picolli Machado &DWKDUGÄ&#x;OKD do dr. Luiz Machado e Rosa Maria, de Dourados, que retorna a sua cidade natal LANÇAMENTO PRODUTIVO No dia 28 de julho acontecerĂĄ o lançamento do Programa Apoio Produtivo Associativismo Atuante em Dourados. SerĂĄ Ă s 8h30 na Unidade Senai Ă  rua 20 de dezembro, nÂş 2445. DIA DOS NAMORADOS 2NLNĂ‚R5HVWDXUDQWHYDLVHUYLUÄ&#x;QRMDQWDUQR Dia dos Namorados (12 de junho). Como sempre, oferecendo delĂ­cias! E terĂĄ mĂşsica ao vivo. Faça jĂĄ a sua reserva! Ligue, 3422-1618 ou 99962-9954.

A Joelson Gomes Garabini nossos cumprimentos e desejos de felicidades, extensivo a sua esposa Vânia

ParabĂŠns e felicidades a Mirce Menegazzi que aniversaria na sexta-feira dia 8

Muda de idade dia 8, MĂĄrcio de Camilo, a ele desejamos felicidades

GENTE QUE ACONTECE

Dr. Eduardo Machado Rocha, desembar- BioquĂ­mico dr. Mansor e sra. Silvia, progador e esposa Simone Depieri Rocha prietĂĄrio do LaborĂĄtĂłrio JP Mansor

Valter Castro, presidente do Sindcom e esposa Marlene

Robson Braga, gerente do Shopping Avenida Center

HOMENAGEIE SEU AMOR Faça sua homenagem a quem vocĂŞ ama atravĂŠs deste jornal com bela mensagem. Ligue 34162605 ou 998486610 e fale com a OvĂ­dia. PARABÉNS AOS ANIVERSARIANTES '( +2-(-81+2- DemĂŠtrio Pagliarini; Iroaldo Cabral; Francisco JosĂŠ dos Santos; Silvia ValĂŠria V. P. Cruz; Eduardo Matos Vieira; Alfredo Paes Sandim; JosĂŠ Luis Pereira Saldanha; Elisabete Bertoletti; Adi Nunes da Silva; Renato A. OnĂłrio; Rinaldo Santos DurĂľes; Jonatan Pereira; Beatriz de Lourenço Faquer; JosĂŠ Borges Santos Talles; Fagner GĂłes LibĂłrio; Ezael Souza Mamed. '($0$1+Ç -81+2- Maria Ines S.Torres; Geraldo AbraĂŁo Messa; Luiz Gamarra de Almeida; Iria Benitez da Silva; Constantina de Souza Benevides Massad; Leiva Saraiva Viana;Ana Paula Barbosa; Luiz AntĂ´nio Barreto Souza; Thiago Alencar; Eliane InĂŞs Borella; Cinthia Ferreira; Marcelo Riberio Batista; Sandra Regina Meira Leite; JĂşlio Cesar Pezzi. '(6(;7$-8 1+2- JosĂŠ Roberto Vieira; Nilson Luiz Pelegrini; PatrĂ­cia Souza Rodigues da Costa; Rosiley dos Santos Souza; Ivanilde Marques da Silva; Eliene Martins Ferraz; Edilon Machado dos Reis; Kesio Coelho; Nelson Luiz Pelegrini; CĂ­cero Marinho; Luiz Alberto Artuzi. MENSAGEM BĂ?BLICA "Por isso sejamos agradecidos, pois jĂĄ recebemos um Reino que nĂŁo pode ser abalado. Sejamos agradecidos e adoremos a Deus de um modo que o agrade, com respeito e temor" (Hebreus 12;28)


O PROGRESSO

Dourados, quarta-feira 6.6.2018

1

Imóveis

2

Apartamentos

3

CLASSIFICADOS 4

Veículos e utilitários

Veículos importados

1

5

6

Motos

79004

82350

Jd. Colibri, 3 peças.99908-7260- Luciano

03 qtos, sl, coz, 2 wc + edicula. 99628-3834

Sala em porcentagem, área da Saude. Tel:99971-6625

P a n a m b i - M S , R$2.000,000,00 em lavoura. Tel:(67)99933-6060

82409

02 CASA CRECI-9491 Jd. Agua Boa, R$150.000. VL. Ind. 350 mil reais. 98405-2947 82369

ÁGUA BOA W-4

Rua João Vicente Ferreira. sala, 01apto, 02 qts, coz, wc, A. 02 qtos, coz, coz, wc, a.s. gar. R$850,00 Creci-654-J 3421-4711

1 sala, 02 suite, gar, edicula. 99927-4730 82403

82404

ALUGA-SE KITINET Sla, qtos, coz, as, gar, JD. STO André. 98409-4323 82054

CASA DE LAJE 5 PEÇAS Próximo Atacadão, com garagem. Tel:99921-3737 82395

FIAT PALIO FIRE 2011/2012 ar, direção. Telefone para contato: 999727120 82352

IZIDRO PEDROSO Rua Raul Frost, 03 qtos, sala, 02 coz, wc, var. garagem. R$1.000,00 Creci-654-J. Telefone para contato: 3421-4711

CANAÃ 3 C/ EDICULA

82292

Ou troca por outra. 996409845

02 qtos, sl, coz. a. serviço, garagem, R$800,00 Tel:99612-1162

80406

JD. MONTE LIBANO

75246

KITINET

CASA VL SÃO PEDRO Proximo Posto de saude. 99947-8220 OU 99655-6399 60909

R. Adroaldo Pizzini, 647, 1qt, coz, wc, 99908-0766 82353

KITINET CENTRO

EDÍCULA ÁGUA BOA

R$ 60mil. 99996-4845/ 99210-5078 81462

Rua: Ediberto C. de Oliveira- prox. BB, qto, sala, coz, wc, Ár. Serviço. R$550,00, Creci-654-J 3421-4711 82068

82146

54 HECTARES

Casa-Venda

ALUGA CASA

82310

CLINICA ALUGA

67-99603-1571

82351

Empregos e oportunidades

TERRA ROCHA R$200MIL

PENSIONATO P/ MOÇAS.

Casa-Aluga

8

Telefones

KITINET R$400,00 82389

Imóveis

7

Diversos

JD. MÔNACO 380 MIL

Rua Anibal Pavão nº3.250 c/3 qts, esq. toda murada, linda. 99852-0770- Luiz Carlos 82282

KITINET JD.COLIBRI

RECEM CONSTRUIDA

Sla, coz, wc. c/ box, 02 qtos, garagem. Tel:996398364

R. Mohaued H. Najj, 1425, novo Pq. Alv. Imob. Gondim Creci-6862-J Fone:99971-1320

82144

TRES LAGOAS 150 MIL 2 casa no mesmo terreno, todo murado c/ grade, ótima localização, Bairro Quinta da Lagoa. Rua:Bruno Garcia nº3.740 á 50 mts do asfalto. Tel:3421-2708 / 99813-4867 ou 999484728. 82239

Comercial - Venda 82283

R.BALBINA MATOS 1062 Aceita carro. Imob. Gondim Creci-6862-J Fone:34210034 ou 99971-1320

Chácaras

82149

160 HECTARES Em Douradina-MS, R$4.200,000.00 em lavoura. Tel:99933-6060 82158

81626

ARRENDA: VILA VARGAS 1 chác. c/casa, barracão, pom. pisc. conf. leiteria. 99933-6060 82366

CHACÁRA ITAPORÃ 5 Hec. asfalto, c. nova água. facilitada. 99923-7660

Comercial - Aluga 82309

AL. SALÃO COMERCIAL Rua Monte Alegre nº1.900. 60 m², gar. c/3 vgs. Telefone para contato: 981852763

Em Nova Alvorada do Sul-MS, R$11.550,000,00 c/ plantio de cana. 999336060 81826

ARRENDA-SE 01 FAZ. Em Nova Alvorada do sul, 242 hectares. 99933-6060 ou 99628-5674

Fazendas

VENDO CASA R$200 MIL Próximo Jd. Maracanã, 159 m², na laje, terreno 12x50. Fone:99933-9955

82153

550 HECTARES

165 HECTARES Em Nova Alvorada do Sul-MS, R$2.500,000,00 em Pecuária.99933-6060 82151

36 HECTARES Em Itaporã-MS, R$15 mil sacas de soja. Tel:999336060 82148

37 HECTARES Vila Sapé-MS, R$800.000,00 em lavoura. Tel:99933-6060

82356

ARRENDA-SE P/LAVOURA Em Nova Alvorada do Sul. 360 Ha. Tel:99933-6060 82375

FAZENDAS -VARIAS Para vender , arrendar . Creci-7880. 99927-4730 82360

MATA NATIVA Reserva legal c/ certificação. 99817-5770 82358

VENDO OU ARRENDO 1.200 Ha. em Nova Alvorada do Sul p/ lavoura. 99933-6060

Sítios

82145

497 HECTARES V i l a Va r g a s M S , R $ 16.500,000,00 c/ plantio de cana. (67)99933-6060.

ARRENDA-SE

81822

30 hectares em Itaporã-MS. Telefone para contato: 99933-6060


CLASSIFICADOS

2

O PROGRESSO

Dourados, quarta-feira 6.6.2018

4

82362

COROLLA XEI 15/16 Completo, branco, impecavel. 99860-7519

Animais 82373

82342

Veículos importados

VENDE-SE HILLUX 2013 Cab. Dupla automática, branca. Fone:99233-5256

6

Honda

75 GARROTES De 02 anos , R$1.300,00. Fone:99933-6060 82347

BORDER COLLIE Femea Filhote c/ 90 dias. F.98121-6752

Diversos

Implementos Agrícolas

82390

CIVIC 05/06 AUTO Couro, R$21.000,00 Tel:99655-9983

82002

VENDE 3 PLANTADEIRAS

82264

01 semeato de 08 linhas plantio direto e 01 semeato de 05 linhas, 01 semeadeira 13 linhas Jumil. 99933-6060

HONDA FIT 04/05 ARRENDA-SE 60 HECT.

TERRENO COMERCIAL

PALIO ATRATIVE

LXL, automatico, 1.4, cinza. R$20.000,00. F.999957129

Em Sirdrolândia-MS. 999336060

Na Av. Weimar G. Torres nº 5000, próx. á Concessionária - JEEP. 17,50 x 40=700 m², Vlr. R$790 mil, Estuda proposta. Tel:99137-0524 / 99199-0646 ou 34227379.

2017, 5.000 km, 1.4 fire. 99848-1849

HONDA HRV EX 15/16

81823

82367

VENDE-SE 9 HA em Douradina 9 mil sacas de soja. 99933-6060

Terrenos

82098

82412

82349

SIENA 1.0 99/2000 04 por tas basico, vlr. R$7.500,00 Fone: 996236205

82391

82410

02 TERRENOS ÓTIMO 1 VL. Ind. e Mont Carlos, Creci-9491. Telefone para contato: 98405-2947 81418

12X44 BONANZA Murado. AV.Principal, 03 qd. BR-463. Telefone para contato: 99931-8858 82204

ALTO DO INDAIA 4.200 m², 08 terrenos continuos c/ 15x35m², cada. Rua Mario F. Rodrigues nº1940. Tel: (11)985457440 ou (81)99924-3003. 82284

AO LADO PARK HOTEL

UNO FINE 2005

Rua. Eulalia pires. R$220.000,00 reias. 99655-9983

2 por tas, básico. R$10.000,00 Fone: 996979099- Anderson

VENDO ÁREA NOBRE

Ford

230.000 m², própria para Loteamento perto do Jardim Mônaco. Tel: (47)999282326.

TROCA-SE 1 FORD KA

72531

VILA TOSCANA Área comercial 12x30, ac. carro 99121-4616

2

Próx. Avenida R$48. mil, aceito carro. 99954-2970. 82379

ECOVILLE (2) 15x35 m², área total 525 m². 99264-6604 82290

P/PREDIO 20X50=1000M RUA Gustavo A.Dalvel Creci-2645. 99971-1320 82336

PORTO ROYALE 130.MIL L-10, Q-04 ou R$45.mil+ parcelas. 99844-9534

JD. das Palmeiras, Imperdivel entrada + 84 parc. sem juros. Imob. Gondim Gondim, Creci-6862-J. Telefone para contato: 34210034/99971-1320

82222

PROMOÇÕES DE LOTES Terra Dourada entrada + 72 parcelas fixas em juros Imob. Gondim, Creci-6862- J . Te l : 3 4 2 1 - 0 0 3 4 o u 99971-1320 Mão do Braz. 82064

RES. MONTE CARLO 1.608,75m², 03 terrenos continuo c/ 16,5x32,5m² cada. Rua João A. Rocha á 48,75 mts da Rua MC-12. Tel:(11)98545-7440 ou (81)99924-3003

Troca por carro Creci-6862-J. Telefone para contato: 99971-1320

Completa, R$20.500,00 F.99911-4771. cabine simples.

STRADA C. SIMPLES

Apto-Venda 82338

AO LADO DA UNIGRAN Ed. Royal c/ elevador 2 garagem, Imob. Gondim Creci-6862-J Tel:999711320 82223

AO LADO UNIGRAN

82364

VENDO S-10 EXCUTIVE 2005/2006. otimo estado. 99953-4884

Volksvagem

ED. Royal c/elevador em const. Creci-6862-J Tel:34210034 ou 99971-1320 81503

OPORTUNIDADE R$160.000, 02 qtos, elevador próx. Unigran Creci-3055. Luiz Masson-99951-7641 82408

ÓTIMO APARTAMENTO Ed. D. Josefa, 02 qtos, R$235 mil reais, Creci-9491. 98405-2947

3

8

82386

L-200 VENDO Cor prata, ano 03/04, cabine dupla, ótimo estado. Fone. 99855-5354

Empregos e oportunidades

82413

CRUZE LT 13/13 Preto, sedam R$46.000. 99848-1849

99915-3204 ou 3423-4147

QUER VENDER Seu Consórcio? Fale conosco. contato:99924-3777 82377

SAVEIRO 97/79 Azul, reformado. 996065121 82405

VENDO CONSÓRCIO C o n t e m p l a d o : 1º Créd-21.800. Ent:8.950+28x650. 2 º C r e d . 5 5 . 4 4 0 Ent.26.500+42x1.025. contato: 99924-3777

O contratante deverá solicitar referências do contratado.

82414

ELANTRA 2015 2.0 Start, stop, prata+multm. R$62.000,00 F. 998481849 82415

TUCSON 2013 PRETA Automatica. R$39.900,00 F.99848-1849

Renault 82327

LOGAN 1.6 ANO 2008 4pts, basico, preto, R$ 12.800,00. (67)998826565

81744

1 GARAPEIRA MÓVEL Com cober tura. 999522313. 766

AR / ELETRICIDADE

Toyota

82344

BRASILIA 79 DOC. OK. 82406

82012

COROLLA 13/14 GLI Automatico, kit mult. câmara de rè, rabicho banco couro, farol de milha cor prata. 75 mkm. R$53.000,00. Telefone para contato: 998749813 82368

COROLLA ALTIS 11 Aut. couro kit. multimidia troco(+-). Telefone para contato: 99971-6355

82330

COROLLA XEI 11/12 Aut. prata, multimidia, couro, troco(-) vlr. Fone:999947375

Instalações e manutenções e elétrica. Tel. 9136-0018(CLARO) / 98319067(VIVO). C/ Edvaldo. 69231

AR CONDICIONADO Venda, instalação, manutenção. 99693-2844 82334

AULAS PARTICULAR Por tugues, e Redaação. 99641-8697 82343

BARCO CARRETINHA Ecarretinha. 15, doc.ok. 99915-2-3204 ou 34234147 81182

ELETRICISTA

Instalações, manutenções e montagem de padrão. Aceito Cartões. Tel: 99943-8856-Rodrigo. 82365

MONTADOR DE MÓVEIS

Veículos e utilitários

consertos em geral. 996371933. 82388

TRANS MUDANÇAS Rio Minas, paranã, Sta. Catarina e Sul. Telefone para contato: (67) 999624099- Cesar.

Fiat

82355

82337

STA FÉ ESQUINA

Utilitários

Fire 1.4, ar e vidro R$17.500,00. F. 999914995/99626-0423

82340

PROMOÇÕES DE LOTES

2012 por S-10 flex LTZ 2013. 99933-6060

82402

82380

BONANZA 1, 12X30

Mitsubishi

81824

82407

24x30=720 m², esq. AV. Guaicurus. Imob. Gondim Creci-6862-J Tel:3421— 0034 ou 99971-1320

Trator de Esteira. 7D. Fiataltis, ano 94 R$110.mil reais. Por Pá Carregadeira. 99933-6060

Outros

STRADA 2011

Apartamentos

82357

VENDE-SE OU TROCA

Aut. couro Impecável, part. 9 9803-7291

82325

TERRENO COM SALÃO

81721

82215

82394

FIAT UNO WAY 12/12 Modelo novo completo, 70 mkm. 99972-7120

VENDE-SE 60 VACAS Nelore.R$1.500,00. Telefone para contato: 999336060

FIQUE ATENTO Alguns oportunistas estão ofertando emprego por meio de anúncios nesse espaço, cobrando pelo cadastro e exigindo dados pessoais dos candidatos. Fique atento para os anúncios de oferta de emprego e, na dúvida, procure informação diretamente com o futuro empregador. Não pague por cadastro. Não caia em golpe! 82381

AUX. ADMINISTRATIVO Sexo Femenino exp. word excel.enviar curriculo p/ financeiro@buenoaires.com.br. 82393

CONTRATA-SE Babá com referências e disponibilidade para viajar. Babá p/ o final de semana. Chegada as 7:00 sábado e saida as 7:00 hs de seguna-feira. 3422-3171. 82392

CONTRATO CUIDADORA P/ idosa, periodo Noturno c/ exp. e ref. Tel: 992354470

Procura-se Emprego 82332

CONTRATA-SE Recepcionista com experiência. interessados levar curriculos:Rua João vicente Ferreira nº1223 ou Tel:(67)3016-1676. 82382

QUERO TRABALHAR Para sua empresa, residência pós mudanças, pós festas, limpeza em geral com confiança e profissionalismo que vc, espera, p/ manter sua casa ou empresa sempre limpa e organizada. 99680-4775 ou 99829-0462


CLASSIFICADOS

O contratante deverĂĄ solicitar referĂŞncias do contratado. ATENĂ‡ĂƒO LEITOR GOLPISTAS estĂŁo postando anĂşncio nesse espaço se oferecendo para trabalhar como diarista ou domĂŠstica e quando sĂŁo contratadas acabam praticando furtos em residĂŞncias ou empresas. Antes de contratar qualquer pessoa por meio de anĂşncio, procure se informar junto Ă PolĂ­cia Civil sobre os antecedentes da pessoa interessada na vaga. O jornal O PROGRESSO nĂŁo tem qualquer responsabilidade sobre o comportamento ĂŠtico das pessoas que anunciam em seu classiďŹ cado. 82411

QUERO TRABALHAR Diarista, dom´stica, serviços gerais. 99934-1796-Gisele. 82401

QUERO TRABALHAR DomĂŠstica ou diarista 3 x semana ou cozinheira p/ de forno e fogĂŁo p/ ďŹ rmas e residencia c/ pratica e referĂŞncia:99828-0650 82400

QUERO TRABALHAR Maria procuro trabalho em fazenda, domĂŠstica ou cozinheira e o ďŹ lho como tratorista ou serviços gerais. 99912-5222 82399

QUERO TRABALHAR Diarista, reside Jd. Agua Boa prox. ĂĄ Feira. 984676724 82398

QUERO TRABALHAR BabĂĄ, recepcionista, secretaria c/ ref. e experiĂŞnciaAndresa. 99824-2358 82397

QUERO TRABALHAR Diarista 1 ou 3x cozinha p/ festa e eventos. Juliana 99972-3179 ou 996336378

3

O PROGRESSO

Dourados, quarta-feira 6.6.2018

82384

1Âş TABELIONATO DE PROTESTO DE TĂ?TULOS DA COMARCA DE DOURADOS

QUERO TRABALHAR

EDITAL DE INTIMAĂ‡ĂƒO

Balcinista, balconista, vendedora ou domĂŠstica. (67)99891-8227

SÊrgio Julian Zanella Martinez Caro, Tabelião de Protesto da Comarca de Dourados - MS, FAZ SABER que se encontram para serem protestados os títulos abaixo descritos. Por não ter sido possível ou cabível a intimação pessoal no endereço fornecido pelo Apresentente, intima os devedores abaixo para pagar ou aceitar os títulos, sob pena de protesto.

82166

DATA LIMITE PARA PAGAMENTO 11/06/2018

QUERO TRABALHAR

1Âş TABELIONATO DE PROTESTO DA COMARCA DE DOURADOS - MS Av. Weimar G. Torres, 2077 - Centro - Telefones (67) 3422-0334 / (67) 99835-3467 (whatsapp) HorĂĄrio de atendimento: 08h Ă s 11h e das 13h Ă s 17h

DomĂŠstica, diarista, ou cuidar de idosos ou em fazendas. disponivel p/ morar no emprego. c/ exp. e ref.99844-9532

PROTOCOLO 231.412-01/06/2018 231.478-01/06/2018 231.443-01/06/2018 231.448-01/06/2018 231.634-04/06/2018 231.533-01/06/2018 231.424-01/06/2018 231.529-01/06/2018 231.530-01/06/2018 231.534-01/06/2018 231.462-01/06/2018

82263

QUERO TRABALHAR Serviços gerais em sitios, chacara ou fazenda, casal sem ďŹ lho. Ela cozinheira. 99831-0440 82359

QUERO TRABALHAR

DEVEDOR NATUREZA/TĂ?TULO DMI / NFE 238 ALEXEIA BARUFATTI GRISOLIA DSI / 6 CARLOS BORGES MARQUES DMI / 0001232/01 DOURATEC AUTOMACAO INDUSTRIAL DMI / 0001639/01 DOURATEC AUTOMACAO INDUSTRIAL DMI / 0001085453 JOSAIR RODRIGUES LEMES 95389733134 DMI / 00000012170 MARIA ELIANE LIMA CAVALCANTE DMI / 43134-3/5 PRIME SERVICOS, TRANSPORTES E COM DMI / 43134-3/5 PRIME SERVICOS, TRANSPORTES E COM DMI / 43317-2/5 PRIME SERVICOS, TRANSPORTES E COM DMI / 00000012188 RODRIGO VIEIRA TRAVARES DMI / 07011332/0 WALESKA FERNANDES DE OLIVEIRA

Dourados - MS,06 de junho de 2018

Cuidadora de idosos, diarista ou DomĂŠstica, babĂĄ.99974-9886 whats

QUERO TRABALHAR

 



 Concede fĂŠrias regulamentares aos servidores que menciona da outras providĂŞncias

QUERO TRABALHAR

QUERO TRABALHAR 82324

QUERO TRABALHAR Gerente de vendas c/ esperiĂŞncia de 10 anos em Carteira. 99910-7081 82346

QUERO TRABALHAR Aux. serralheiro ou ser viço gerais. 999071614/99661-7466 82385

QUERO TRABALHAR Casal procuro emprego em fazenda. Ela p/ domÊstica, cozinheira e ele serviços caseiro, tratorista campeiro. Telefone para contato: 99931-4397

VENCIMENTO 28/05/2018 25/05/2018 29/05/2018 29/05/2018 16/05/2018 10/04/2018 25/05/2018 25/05/2018 25/05/2018 10/04/2018 09/05/2018

MOTIVO Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento

AVISO DE NOVA DATA DE ABERTURA DO PREGĂƒO PROCESSO ADMINISTRATIVO N° 053/2018 PREGĂƒO PRESENCIAL N° 044/2018 O MunicĂ­pio de CaarapĂł, Estado de Mato Grosso do Sul, por intermĂŠdio da Pregoeira, faz saber aos interesados no certame em epĂ­grafe, cujo objeto ĂŠ Aquisição de diversos materiais de consumo (enxoval de bebĂŞ: fralda, cobertor, toalha e banheira), para o Projeto Vida Nova, conforme Anexo I do edital e solicitação do Fundo Municipal de AssistĂŞncia Social, que apĂłs o retorno das atividades na Prefeitura Municipal de CaarapĂłMS Ă partir de 04 de junho de 2018,ficam as empresas interessadas no certame, cientes da nova data. Local e Data do Credenciamento, da Entrega dos Envelopes e da Realização do PregĂŁo: O credenciamento e o recebimento dos envelopes de propostas de preços e de habilitação serĂŁo no dia: 21 de junho de 2018, Ă s 8horas na sala do Departamento de Licitaçþes do MunicĂ­pio, localizada Ă  Av. Presidente Vargas, nÂş 465, Centro – Caarapó– MS. Retirada do Edital: O Edital poderĂĄ ser obtido no site do Portal da TransparĂŞncia do MunicĂ­pio de CaarapĂł-MS, no seguinte endereço eletrĂ´nico: http://www.caarapo.ms.gov.br/transparencia/index_transp.html - link editais, ou no endereço supracitado, no horĂĄrio de expediente das 7h Ă s 13 horas de segunda a sextafeira.Na hipĂłtese de ocorrer feriado ou outros fatos impeditivos, que impeça a realização da sessĂŁo pĂşblica, fica a mesma adiada para o primeiro dia Ăştil que se seguir, no mesmo local e horĂĄrio. CaarapĂł-MS, em 05 de junho de 2018. Maria InĂŞs da Silva Pregoeira

3257$5,$1ž'('(-81+2'(

82304

DomĂŠstica ou diarista. 99853-7235- SilvĂŠria

EMISSĂƒO 21/05/2018 11/05/2018 28/05/2018 28/05/2018 06/04/2018 17/05/2017 13/04/2018 13/04/2018 20/04/2018 17/05/2017 25/04/2018

SĂŠrgio Julian Zanella MartĂ­nez Caro TabeliĂŁo de Protesto

(67$'2'(0$72*52662'268/ 35()(,785$081,&,3$/'()Ăˆ7,0$'268/ *$%,1(7('$35()(,7$ 

Odete- Diarista, domĂŠstica limpeza em geral. 998860531

82311

Ă€ PAGAR R$ 385,15 221,50 339,07 679,30 751,63 163,18 1.035,70 1.035,70 1.035,70 212,72 3.154,25



82303

Casal procura serviço em sitio ou fazendas, caseiro, campeiro, c/ exp. e ref. c/ På carregadeira, tratorista. Assis 99960-0186

VALOR R$ 315,00 150,00 294,32 611,60 663,93 110,58 980,00 980,00 980,00 154,72 2.985,55

  ,/'$ 6$/*$'2 0$&+$'2 3UHIHLWD 0XQLFLSDO GH )iWLPD GR 6XO (VWDGRGH0DWR*URVVRGR6XOQRXVRGDVDWULEXLo}HVTXHOKHFRQIHUHRLQFLVR9,, GR$UWLJRGD/HL2UJkQLFDGR0XQLFtSLR  

(GLWDOGH3URFODPDV 

/8,6$/%(572'(*$1,'(2/,9(,5$ 2),&,$/'25(*,6752&,9,/  

)$d26$%(5TXHKDELOLWDUDPSDUDILPGHFDVDPHQWR

5(62/9(



 RVFRQWUDHQWHV)Ăˆ%,2'$6,/9$027$H-8/,$1$)$5,$6'(628=$2 SUHWHQGHQWHQDVFHXHP'RXUDGRV(VWDGRGH0DWR*URVVRGR6XODRVYLQWHHXP  GH MDQHLUR  GHXPPLOHQRYHFHQWRVHQRYHQWDHTXDWUR  ERPEHLURPLOLWDUVROWHLUR ILOKR GH 5DXOLQR GH 2OLYHLUD 0RWD H 1HLGH %HQLWH] GD 6LOYD 2OLYHLUD GRPLFLOLDGR H UHVLGHQWH j 5XD :ODGHPLUR GR $PDUDO Qž  9LOD $PDUDO 'RXUDGRV06 $ SUHWHQGHQWH QDVFHX HP 'RXUDGRV (VWDGR GH 0DWR *URVVR GR 6XO DRV VHWH   GH RXWXEUR  GHXPPLOHQRYHFHQWRVHQRYHQWDHGRLV  ERPEHLURPLOLWDUVROWHLUD ILOKDGH-RmR5RGULJXHVGH6RX]DH/XFLD)DULDVGH6RX]DGRPLFLOLDGDHUHVLGHQWHj5XD :ODGHPLURGR$PDUDOQž9LOD$PDUDO'RXUDGRV06   RVFRQWUDHQWHV5$)$(/1$17(6+$5%H$1'5(=$)5(7(5$0$/+22 SUHWHQGHQWH QDVFHX HP 'RXUDGRV (VWDGR GH 0DWR *URVVR GR 6XO DRV VHWH   GH GH]HPEUR   GH XP PLO H QRYHFHQWRV H RLWHQWD H FLQFR   DQDOLVWD GH VLVWHPD GLYRUFLDGRILOKRGH-XUHG$ERX+DUEH,QrV1DQWHV+DUEGRPLFLOLDGRHUHVLGHQWHj5XD :DOGRPLURGH6RX]DQž$SWR9LOD,QGXVWULDO'RXUDGRV06$SUHWHQGHQWH QDVFHXHP'RXUDGRV(VWDGRGH0DWR*URVVRGR6XODRVGH]  GHDEULO  GHXPPLO H QRYHFHQWRV H QRYHQWD   SURIHVVRUD GLYRUFLDGD ILOKD GH 'DQLHO GH $UD~MR 5DPDOKRH0DULO]DGH6RX]D)UHWH5DPDOKRGRPLFLOLDGDHUHVLGHQWHj5XD:DOGRPLUR GH6RX]DQž$SWR9LOD,QGXVWULDO'RXUDGRV06   'RXUDGRV06GHMXQKRGH   'DQXWWD)HUUHLUD$OYHV0LUDQGD 6XEVWLWXWD





 $UWž &21&('(5   WULQWD  GLDV GH IpULDV DRV VHUYLGRUHV 3~EOLFRV

 

0XQLFLSDLV ORWDGRV QDV GLYHUVDV VHFUHWDULDV GHVWD PXQLFLSDOLGDGH UHODFLRQDGRVQRV$QH[RV,,,H,,,GHVWDQRVWHUPRVGRDUWLJRGD /HL&RPSOHPHQWDUQžGHGH6HWHPEURGH  $UWž (VWDSRUWDULDHQWUDHPYLJRUQDGDWDGHVXD3XEOLFDomR HRXDIL[DomR UHYRJDGDVDVGLVSRVLo}HVHPFRQWUDULR

(',7$/1ž  

(UPHVRQ &OHEHU 0HQGHV 3UHVLGHQWH GD &kPDUD 0XQLFLSDO GH )iWLPD GR 6XO (VWDGR GH 0DWR JURVVR GR 6XO QR XVR GH VXDV DWULEXLo}HV H FRQVLGHUDQGRDFODVVLILFDomRGR&RQFXUVR3~EOLFRKRPRORJDGRDWUDYpV GR (GLWDO  GH  H 5HVROXomR  GDWDGD GH  &RQYRFD QR DQH[R ~QLFR GHVWH (GLWDO SDUD TXH QR SUD]R Pi[LPR GH TXLQ]H GLDV GD SXEOLFDomR GR SUHVHQWH (GLWDO VH DSUHVHQWH FRP R SURSyVLWRGHSURFHGHUDVXDQRPHDomR 2&DQGLGDWRGHYHUiFRPSDUHFHUQD6HFUHWDULDGD&kPDUD0XQLFLSDOGH )iWLPDGR6XO5XD7HQHQWH$QW{QLR-RmRQHVWD&LGDGHPXQLGR GRVVHJXLQWHVGRFXPHQWRV D  )RWRFySLDGDFpGXODGH,GHQWLGDGH E  )RWRFySLDGR&3) F  )RWRFySLDGD&HUWLGmRGHFDVDPHQWRRXQDVFLPHQWRRXGHFODUDomR GHFRQYLYrQFLD G  )RWRFySLD GD &HUWLGmR GH QDVFLPHQWR GRV GHSHQGHQWHV VH SRVVXLU  H  )RWRFySLD GR 7tWXOR GH HOHLWRU FRP D SURYD GH TXLWDomR SHUDQWHD -XVWLoD(OHLWRUDO I  )RWRFySLD GR &HUWLILFDGR GH 5HVHUYLVWD RX GH GLVSHQVD GH LQFRUSRUDomRVHPDVFXOLQR J  )RWRFySLDGD&DUWHLUDGH0RWRULVWDTXDQGRH[LJLGRSDUDRFDUJR K  'HFODUDomRGHQmRDFXPXORGHFDUJR L  )RWRFySLDGRFDUWmRGHLQVFULomRQR3,63$6(3 VHMiLQVFULWR  M  )RWRFySLD GD FDUWHLUD GH UHJLVWUR QR Ă?UJmR GH &ODVVH Âą 2$% TXDQGRRFDUJRH[LJLU N  &RPSURYDQWH GH H[SHULrQFLD PtQLPD GH  GRLV  DQRV H[LJLGR SDUDRFDUJRGH$GYRJDGR O  &RPSURYDQWHGHHQGHUHoRDWXDOL]DGR P &RPSURYDQWHGHEHQVHYDORUHVTXHFRQVWLWXHPVHXSDWULP{QLR Q  1mR HVWDU LPSHGLGR GH H[HUFHU FDUJR S~EOLFR SRU GHFLVmR MXGLFLDO RXDGPLQLVWUDWLYDWUDQVLWDGDHPMXOJDGR R  &RPSURYDQWH GH HVFRODULGDGH H RV UHTXLVLWRV EiVLFRV SDUD R H[HUFtFLRGDVDWULEXLo}HVGRFDUJR S  ([DPHPpGLFRDWHVWDQGRDSWLGmRItVLFDHPHQWDO  2V GRFXPHQWRV GHYHUmR VHU DSUHVHQWDGRV HP IRWRFySLDV  DXWHQWLFDGDV RX MXQWR FRP RV RULJLQDLV TXH GHSRLV GH FRQIHULGRV  VHUmR GHYROYLGRV 6H R FRQYRFDGR QmR VH DSUHVHQWDU QR SUD]R  HVWDEHOHFLGRSDUDWRPDUSRVVHVHUiFRQVLGHUDGRGHVLVWHQWH    *DELQHWHGD3UHVLGrQFLDGD&kPDUD0XQLFLSDOGH)iWLPDGR6XOHP GHMXQKRGH      (50(621&/(%(50(1'(6 3UHVLGHQWH 

 *$%,1(7( '$ 35()(,7$ 081,&,3$/ '( )Ăˆ7,0$ '2

68/ Âą 06 DRV TXDWUR GLDV GR PrV GH MXQKR GR DQR GH GRLV PLO H GH]RLWR    

,/'$6$/*$'20$&+$'2 3UHIHLWD0XQLFLSDO  $1(;2, 3257$5,$1Â&#x17E;'('(-81+2'( 120( $/0$,5'(-(686/,0$'$6,/9$ $/7$,5$66,60$1&2(/+2 $1'(56219,/+$/9$0$&+$'2 $1721,2*20(6'$6,/9$ &,&(52$/(66$1'52'(628=$ &,&(529,&(17('$6,/9$ &,17,$'26$1-26 ',(*2$50$1'235$'2&$/'(521 (/$,1(6$1&+(6'(0285$ (/,(/)5$1&,6&252'5,*8(6 )(51$1'2'($558'$0$726 *$%5,(//<%$,55266$1726 *(1,9$/-(521,02'(628=$ *87(0%(5*'21$6&,0(172025$,6 

 &$5*2 3(5,2'2$48,6,7,92 3(5,2'2'(*2=2 $*(17(&'(6$Ă&#x2019;'( $ $ $*(17(6$Ă&#x2019;'(3Ă&#x2019;%/,&$,, $ $ 9,*,$ $ $ 02725,67$ $ $ 02725,67$ $ $ 02725,67$ $ $ $66,6'($'0,1,675$d­2 $ $ 0e',&2'2(6) $ $ 021,725'(362&,$,6 $ $ 02725,67$ $ $ 9,*,$ $ $ $66(625$66817*(5$,6 $ $ 0(&$1(63(&,$/,$=$'2 $ $ 6(59(17( $ $

,/'$6$/*$'20$&+$'2 3UHIHLWD0XQLFLSDO

$1(;2,, 3257$5,$1Â&#x17E;'('(-81+2'( 120( +$*7$0$5/<%$66$1, ,6$,$6)(,726$1(72 ,9$1,/'($352&+$'$6,/9$ -2,/6219,(,5$'(2/,9(,5$ -26()$62$5(6&267$ 0$5,$$3&$9$/&$17(6$17$1$ 0$5,$5$,081'$3(5(,5$ 0$5,$9$1,5'$6,/9$ 1$7+$/,$52'5,*8(6'(&$59$/+2 35,6&,/$$'(&$0$5*2&25'(,52 35,6&,/$%$7,67$'(628=$ 52'(&$5/263(,;272 521$/'2$*8(529,/,$/9$ 587<3,5(6'($1'5$'(6,/9$ 6,/9$1,$'(2/,9(,5$$5$Ă&#x2019;-2 6,021(&5,67,1$=0$&,(/&(=$5

ESTADO DO MATO GROSSO DOSUL CĂ&#x201A;MARA MUNICIPAL DE FĂ TIMA DO SUL

 &$5*2 3(5,2'2$48,6,7,92 3(5,2'2'(*2=2 0(',&29(7(5,1$5,2 $ $ 9,*,$ $ $ 7(/()21,67$ $ $ 683(59$'0,1,675$7,92 $ $ 6(59(17( $ $ 0(5(1'(,5$ $ $ $*(17(&'(6$Ă&#x2019;'( $ $ $*(17(&'(6$Ă&#x2019;'( $ $ ',5(725'(',9,6­2 $ $ &225'(1$'25 $ $ 021,725'(352*62&,$/ $ $ 36,&2/2*2 $ $ 9,*,$ $ $ 6(59(17( $ $ $8;'((1)(50$*(0(6) $ $ $66(6$66817*(5$,6 $ $



 ,/'$6$/*$'20$&+$'2 3UHIHLWD0XQLFLSDO

$1(;2,,,

$1(;2Ă&#x2019;1,&2'2(',7$/'(&2192&$d­21Â&#x17E; 

3257$5,$1Â&#x17E;'('(-81+2'( 120( 621,$$3$5(&,'$/,0$ 68(//(1&'(628=$;$9,(5 7$1,$9$/(5,$3(5(6 7+,$*2'(0(1(=(6/,0$ 9$*1(5%5$*$',21,=,2 9$/'20,523(5(,5$'$6,/9$

 &$5*2 $*(17(&'(6$Ă&#x2019;'( $*(17($'0,1,675$7,92 &225'(1$'25 02725,67$ 02725,67$ 23(5$'25'(0$48,1$6

 

3(5,2'2$48,6,7,92 3(5,2'2'(*2=2 $ $ $ $ $ $ $ $ $ $ $ $

 &$5*2&RQWtQXR6HUYHQWH   &ODVVLILFDomR &DQGLGDWD /8&,0$5$9(1&,*8(55$ Â? 

 ,/'$6$/*$'20$&+$'2 3UHIHLWD0XQLFLSDO

 

 

(67$'2'20$72*52662'268/ 35()(,785$081,&,3$/'()Ă&#x2C6;7,0$'268/ Gabinete da Prefeita

 

/(,1Â&#x17E;'('(-81+2'(  

DispĂľe sobre alteraçþes na extensĂŁo de ruas do bairro Cohab entre os Loteamentos: Jardim dos IpĂŞs e Nova MoriĂĄ.  $ 35()(,7$ 081,&,3$/ '( )Ă&#x2C6;7,0$ '2 68/ 06QR XVR GD DWULEXLomR TXHOKHFRQIHUHRLQFLVR,,,GRDUWLJRGD/HL2UJkQLFDGR0XQLFtSLRID]VDEHUTXHD &kPDUD0XQLFLSDODSURYRXHHODVDQFLRQDDVHJXLQWH/HL 

Ä&#x17E;Ä?ĹŻÄ&#x201A;Ć&#x152;Ä&#x201A;Ä&#x2022;Ä&#x2020;Ĺ˝Ä&#x161;Ä&#x17E;Ç&#x2020;Ć&#x161;Ć&#x152;Ä&#x201A;Ç&#x20AC;Ĺ?Ĺ˝ KĆ?Ä?Ä&#x201A;Ć&#x152;tÄ&#x201A;ĹŻÄ&#x17E;Ç&#x20AC;Ä&#x17E;Ĺ?Ĺś&Ĺ?ĹŻĹ&#x161;Ĺ˝Í&#x2022;Ć&#x2030;Ĺ˝Ć&#x152;Ć&#x161;Ä&#x201A;Ä&#x161;Ĺ˝Ć&#x152;Ä&#x161;Ĺ˝EW:Í&#x2014;ϭϯϭϲϳϾϰϳ͏ϏϏϏϭͲϯϯÍ&#x2022;Ä&#x161;Ä&#x17E;Ä?ĹŻÄ&#x201A;Ć&#x152;Ä&#x201A; Ć&#x2030;Ä&#x201A;Ć&#x152;Ä&#x201A;Ĺ˝Ć?Ä&#x161;Ä&#x17E;Ç&#x20AC;Ĺ?Ä&#x161;Ĺ˝Ć?ĨĹ?ĹśĆ?Ć&#x2039;ĆľÄ&#x17E;ĨŽĹ?Ä&#x17E;Ç&#x2020;Ć&#x161;Ć&#x152;Ä&#x201A;Ç&#x20AC;Ĺ?Ä&#x201A;Ä&#x161;Ä&#x201A;ƾžÄ&#x201A;ŜŽĆ&#x161;Ä&#x201A;ĨĹ?Ć?Ä?Ä&#x201A;ĹŻÄ&#x161;Ä&#x17E;Ć&#x2030;Ć&#x152;Ä&#x17E;Ć?Ć&#x161;Ä&#x201A;Ä&#x2022;Ä&#x2020;Ĺ˝ Ä&#x161;Ä&#x17E;Ć?Ä&#x17E;Ć&#x152;Ç&#x20AC;Ĺ?Ä&#x2022;Ĺ˝Ć?Ä Ć&#x152;Ĺ?Ä&#x17E;Ď­ĹśÇ&#x2018;ĎŽĎ°Ď°Í&#x2DC; WĹ˝Ć&#x152;Ć?Ä&#x17E;Ć&#x152;Ç&#x20AC;Ä&#x17E;Ć&#x152;Ä&#x161;Ä&#x201A;Ä&#x161;Ä&#x17E;Í&#x2022;ĨĹ?Ć&#x152;žŽÄ&#x201A;Ć&#x2030;Ć&#x152;Ä&#x17E;Ć?Ä&#x17E;ĹśĆ&#x161;Ä&#x17E;Í&#x2DC;

$UWÂ&#x17E; )LFDDOWHUDGDDH[WHQVmRGRVWUHFKRVGDVVHJXLQWHV5XDV   ,  D5XD-26e0,*8(/),/+2GHQRPLQDGDDWUDYpVGD/HLQÂ&#x17E;   GH  GH MXQKR GH  DQWLJD 5XD 3URMHWDGD , GR /RWHDPHQWR -DUGLP GRV ,SrV SDVVD D VHU HVWHQGLGD FRP D LQFRUSRUDomR GD 5XD 3URMHWDGD  GR /RWHDPHQWR 1RYD 0RULi SDVVDQGR D VXD H[WHQVmR FRPSUHHQGHU R VHJXLQWH WUHFKR HQWUH R FyUUHJR GD &RKDE QR /RWHDPHQWR -DUGLP 0RULiHD(VWUDGD,JXDVVXQR/RWHDPHQWR-DUGLPGRV,SrV  ,,  D5XD27$&Ă&#x2039;/,2628=$(6,/9$GHQRPLQDGDDWUDYpVGD  /HLQÂ&#x17E;GHGHMXQKRGHDQWLJD5XD3URMHWDGD ,, GR EDLUUR /RWHDPHQWR -DUGLP GRV ,SrV SDVVD D VHU HVWHQGLGD FRP D LQFRUSRUDomR GD 5XD 3URMHWDGD  GR /RWHDPHQWR 1RYD 0RULi SDVVDQGR D VXD H[WHQVmR FRPSUHHQGHURVHJXLQWHWUHFKRHQWUHD(VWUDGD,JXDVVXHD GLYLVD FRP SDUWH GR /RWH 5XUDO QÂ&#x17E;  GD 4XDGUD  GH SURSULHGDGHGH-DLURGD6LOYD6RX]D  $UWÂ&#x17E; $V GHVSHVDV GHFRUUHQWHV GD HGLomR GHVWD /HL FRUUHUmR j FRQWD GH GRWDo}HVFRQVLJQDGDVQRRUoDPHQWRGRYLJHQWHH[HUFtFLR  $UWÂ&#x17E; (VWD/HLHQWUDHPYLJRUQDGDWDGHVXDSXEOLFDomR    *$%,1(7('$35()(,7$081,&,3$/'()Ă&#x2C6;7,0$'268/06HPGHMXQKRGH 

  

,/'$6$/*$'20$&+$'2 3UHIHLWD0XQLFLSDO

 

*DELQHWHGD3UHVLGrQFLDGD&kPDUD0XQLFLSDOGH)iWLPDGR6XOHP GHMXQKRGH      (50(621&/(%(50(1'(6 3UHVLGHQWH

( (67$'2 2'(0$ $72*5 52662'268/ 35( ()(,785$081 1,&,3$/'('2 285$' ',1$ 6 6HFUHWD DULD0XQ QLFLSDO$ $GPLQLV VWUDomR R  7(502'(5 5$7,),&$d d­2'$,1(;,*,%,/ /,'$'(1 1Â&#x17E;  5HFR RQKHoR D LQH[LJLELOLG GDGH GH OLF FLWDomR IX XQGDPHQWD DGD QR $UW  ,,, GD D /HL   FRQIIRUPH VROLF FLWDomR MX XVWLILFDWLYD H SDUHFH HU MXUtGLFR FRQVWDQWH H QR SURF FHVVRDEDL[ [RWHQGR FRPRREMH HWRD&217 75$7$d­ ­2'$(0 035(6$) )587 352 2  6(59,d26 '( 620 6 /7' '$  0( 3$5$ 5($ $/,=$d­2 2 '( 6+2 2: $ 6(5 5 $35(6( (17$'2 3(/$ 3 %$1 1'$ )5872 352,% %,'2 1$ $ '$7$ '(  '($ $*2672'2&255 5(17($1 1212(9 9(172Âł Â?)(67$$ $*267,1$´ 5DWLIILFRDGHVS SHVDHPF FXPSULPHQ QWRjVGHWH HUPLQDo}HVFRQWLGDV VQRDUW GD /HLUUHWURPHQF FLRQDGD )$9 925(&,'2 2)58735 526(59 9,d26'(620/7' '$0( )81 1'$0(172/(*$/DUWLJRLQFLVR,,,GD/HL  9$/ /25'$&2 2175$7$ $d­25  GH]PLOH HTXLQKHQWR RVUHDLV  35$ $=2  'RXUDGLQDÂą0 06GHMXQKRGH  3UHIIHLWR0XQLF FLSDOGH'R RXUDGLQD0 06 -HDQ Q6pUJLR&ODYLVVR)RJDoD 

AVISO DE NOVA DATA DE ABERTURA DO PREGĂ&#x192;O PROCESSO ADMINISTRATIVO N° 052/2018-PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL N° 043/2018 O MunicĂ­pio de CaarapĂł, Estado de Mato Grosso do Sul, por intermĂŠdio da Pregoeira, faz saber aos interesados no certame em epĂ­grafe, cujo objeto ĂŠ Contratação de empresa especializada para prestação de serviços de anĂĄlises clĂ­nicas para atender os usuĂĄrios do Sistema Ă&#x161;nico de SaĂşde no MunicĂ­pio de CaarapĂł-MS, conforme Anexo I do edital e solicitação do Fundo Municipal de SaĂşde, que apĂłs o retorno das atividades na Prefeitura Municipal de CaarapĂł-MS Ă partir de 04 de junho de 2018, ficam as empresas interessadas no certame, cientes da nova data. Local e Data do Credenciamento, da Entrega dos Envelopes e da Realização do PregĂŁo: O credenciamento e o recebimento dos envelopes de propostas de preços e de habilitação serĂŁo no dia: 20 de junho de 2018, Ă s 8horas na sala do Departamento de Licitaçþes do MunicĂ­pio, localizada Ă  Av. Presidente Vargas, nÂş 465, Centro â&#x20AC;&#x201C; CaarapĂłâ&#x20AC;&#x201C; MS. Retirada do Edital: O Edital poderĂĄ ser obtido no site do Portal da TransparĂŞncia do MunicĂ­pio de CaarapĂł-MS, no seguinte endereço eletrĂ´nico: http://www.caarapo.ms.gov.br/transparencia/index_transp.html - link editais, ou no endereço supracitado, no horĂĄrio de expediente das 7h Ă s 13 horas de segunda a sexta-feira. Na hipĂłtese de ocorrer feriado ou outros fatos impeditivos, que impeça a realização da sessĂŁo pĂşblica, fica a mesma adiada para o primeiro dia Ăştil que se seguir, no mesmo local e horĂĄrio CaarapĂł-MS, em 05 de junho de 2018 Maria InĂŞs da Silva Pregoeira


ATOS OFICIAIS

4

O PROGRESSO

Dourados, quarta-feira 6.6.2018

EXTRATO DO CONTRATO NÂş 122/2018 â&#x20AC;&#x201C; â&#x20AC;&#x153;AQUISIĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LEITE EM PĂ&#x201C; E SUPLEMENTO ALIMENTAR PARA ACOMPANHAMENTO DOS SERVIĂ&#x2021;OS DE PEDIATRIA E NUTRIĂ&#x2021;Ă&#x192;O, CONFORME ANEXO I DO EDITAL E SOLICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DO FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE. â&#x20AC;?

EXTRATO DO CONTRATO NÂş 123/2018 â&#x20AC;&#x201C; â&#x20AC;&#x153;AQUISIĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LEITE EM PĂ&#x201C; E SUPLEMENTO ALIMENTAR PARA ACOMPANHAMENTO DOS SERVIĂ&#x2021;OS DE PEDIATRIA E NUTRIĂ&#x2021;Ă&#x192;O, CONFORME ANEXO I DO EDITAL E SOLICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DO FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE. â&#x20AC;?

PARTES:

PARTES:

FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE DE CAARAPĂ&#x201C;-MS CLĂ?NICA NUTRICIONAL LTDA â&#x20AC;&#x201C; EPP

FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE DE CAARAPĂ&#x201C;-MS JOVINA PINHEIRO HAMMUOD â&#x20AC;&#x201C; ME

OBJETO: O presente termo tem por objeto a AQUISIĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LEITE EM PĂ&#x201C; E SUPLEMENTO ALIMENTAR PARA ACOMPANHAMENTO DOS SERVIĂ&#x2021;OS DE PEDIATRIA E NUTRIĂ&#x2021;Ă&#x192;O, CONFORME ANEXO I DO EDITAL E SOLICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DO FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE, conforme especificaçþes no Anexo I do Processo Administrativo em epĂ­grafe, que integram este instrumento, independente de transcrição em conformidade com as propostas vencedoras da licitação na MODALIDADE PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL Nq 019/2018..

OBJETO: O presente termo tem por objeto a AQUISIĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LEITE EM PĂ&#x201C; E SUPLEMENTO ALIMENTAR PARA ACOMPANHAMENTO DOS SERVIĂ&#x2021;OS DE PEDIATRIA E NUTRIĂ&#x2021;Ă&#x192;O, CONFORME ANEXO I DO EDITAL E SOLICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DO FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE, conforme especificaçþes no Anexo I do Processo Administrativo em epĂ­grafe, que integram este instrumento, independente de transcrição em conformidade com as propostas vencedoras da licitação na MODALIDADE PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL Nq 019/2018..

VALOR: O valor global base do presente Contrato, importa em R$ 78.724,00 (setenta e oito mil, setecentos e vinte e quatro reais), de acordo com os itens nºs. 01, 02, 03, 05, 09, 10 e 11, conforme despacho de homologação e adjudicação.

VALOR: O valor global base do presente Contrato, importa em R$ 27.582,72 (vinte e sete mil, quinhentos e oitenta e dois reais e setenta e dois centavos), de acordo com o item nº 06, conforme despacho de homologação e adjudicação.

PRAZO: A vigĂŞncia do Contrato serĂĄ a partir de 18 de maio de 2018 com tĂŠrmino em 31 de dezembro de 2018, podendo ser prorrogado conforme Lei Federal nÂş 8.666/93.

PRAZO: A vigĂŞncia do Contrato serĂĄ a partir de 18 de maio de 2018 com tĂŠrmino em 31 de dezembro de 2018, podendo ser prorrogado conforme Lei Federal nÂş 8.666/93.

DOTAĂ&#x2021;Ă&#x192;O: As despesas decorrentes da contratação, objeto dessa licitação, correrĂŁo por conta das dotaçþes abaixo discriminadas e para o exercĂ­cio futuro correrĂŁo por conta das dotaçþes que as substituĂ­rem:

DOTAĂ&#x2021;Ă&#x192;O: As despesas decorrentes da contratação, objeto dessa licitação, correrĂŁo por conta das dotaçþes abaixo discriminadas e para o exercĂ­cio futuro correrĂŁo por conta das dotaçþes que as substituĂ­rem:

05.00 â&#x20AC;&#x201C; SECRETARIA MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE 05.01 â&#x20AC;&#x201C; FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE 10.122.010 â&#x20AC;&#x201C; PROGRAMA DE GESTĂ&#x192;O 2.056 â&#x20AC;&#x201C; MANUTENĂ&#x2021;Ă&#x192;O DAS ATIVIDADES DO PLANTĂ&#x192;O DE ATENDIMENTO EMERGENCIAL 33.90.32.00 â&#x20AC;&#x201C; MATERIAL DE DISTRIBUIĂ&#x2021;Ă&#x192;O GRATUITA FONTE â&#x20AC;&#x201C; 102000 â&#x20AC;&#x201C; REC. DE IMPOSTOS E TRANSF. DE IMP. â&#x20AC;&#x201C; SAĂ&#x161;DE FICHA â&#x20AC;&#x201C; 218

05.00 â&#x20AC;&#x201C; SECRETARIA MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE 05.01 â&#x20AC;&#x201C; FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE 10.122.010 â&#x20AC;&#x201C; PROGRAMA DE GESTĂ&#x192;O 2.056 â&#x20AC;&#x201C; MANUTENĂ&#x2021;Ă&#x192;O DAS ATIVIDADES DO PLANTĂ&#x192;O DE ATENDIMENTO EMERGENCIAL 33.90.32.00 â&#x20AC;&#x201C; MATERIAL DE DISTRIBUIĂ&#x2021;Ă&#x192;O GRATUITA FONTE â&#x20AC;&#x201C; 102000 â&#x20AC;&#x201C; REC. DE IMPOSTOS E TRANSF. DE IMP. â&#x20AC;&#x201C; SAĂ&#x161;DE FICHA â&#x20AC;&#x201C; 218

DATA DE ASSINATURA: 18 de maio de 2018

DATA DE ASSINATURA: 18 de maio de 2018

FORO: Comarca de CaarapĂł-MS.

FORO: Comarca de CaarapĂł-MS.

ASSINATURAS:

ASSINATURAS: VALBERTO FERREIRA COSTA GESTOR DO FMS Pelo CONTRATANTE

VALBERTO FERREIRA COSTA GESTOR DO FMS Pelo CONTRATANTE

JOĂ&#x192;O VICTOR PASCHOA SOLER CLĂ?NICA NUTRICIONAL LTDA â&#x20AC;&#x201C; EPP Pela CONTRATADA

JOVINA PINHEIRO HAMMUOD JOVINA PINHEIRO HAMMUOD â&#x20AC;&#x201C; ME Pela CONTRATADA

TESTEMUNHAS:

TESTEMUNHAS:

JosĂŠ Luiz Bariani Lucy Meire Duarte de Moura

JosĂŠ Luiz Bariani Lucy Meire Duarte de Moura

EXTRATO DO CONTRATO NÂş 124/2018 â&#x20AC;&#x201C; â&#x20AC;&#x153;AQUISIĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LEITE EM PĂ&#x201C; E SUPLEMENTO ALIMENTAR PARA ACOMPANHAMENTO DOS SERVIĂ&#x2021;OS DE PEDIATRIA E NUTRIĂ&#x2021;Ă&#x192;O, CONFORME ANEXO I DO EDITAL E SOLICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DO FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE. â&#x20AC;?

EXTRATO DO CONTRATO NÂş 126/2018 â&#x20AC;&#x201C; â&#x20AC;&#x153;CONTRATAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA PRESTAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE SERVIĂ&#x2021;OS DE MANUTENĂ&#x2021;Ă&#x192;O PREVENTIVA E CORRETIVA COM REPOSIĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE PEĂ&#x2021;AS NOS EQUIPAMENTOS ODONTOLĂ&#x201C;GICOS E AR COMPRIMIDOS INSTALADOS NA REDE MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE DO MUNICĂ?PIO DE CAARAPĂ&#x201C;-MS, SENDO 07 UNIDADES NA SEDE, 01 UNIDADE NO DISTRITO DE CRISTALINA E 01 UNIDADE NO DISTRITO DE NOVA AMĂ&#x2030;RICA, CONFORME MEMORIAL DESCRITIVO, ANEXO I DO EDITAL E SOLICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DO FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE. â&#x20AC;?

RESCISĂ&#x192;O AMIGĂ VEL DO CONTRATO NÂş 001/2018 PROCESSO ADMINISTRATIVO N° 109/2017 CONVITE NÂş 005/2017 O MUNICĂ?PIO DE CAARAPĂ&#x201C;-MS, entidade de direito pĂşblico interno, inscrito no CNPJ sob o n° 03.155.900/0001-04, com sede Ă Av. Presidente Vargas, n° 465 Centro, neste ato representado pelo Prefeito SR. MĂ RIO VALĂ&#x2030;RIO, brasileiro, casado, inscrito no CPF/MF sob n° 286.746.501-04 e portador do RG n° 139.250 SSP/MS, residente e domiciliado nesta cidade, sito Ă  Av. Duque de Caxias, n° 2420 â&#x20AC;&#x201C; Vila Planalto, denominado simplesmente de CONTRATANTE, e do outro lado a empresa SIGMA ASSESSORIA EM GESTĂ&#x192;O PĂ&#x161;BLICA LTDA â&#x20AC;&#x201C; EPP, inscrita no CNPJ/MF sob o n° 09.307.578/0001-60, com sede Ă  Rua Jornalista BelizĂĄrio Lima, nÂş 253, sala 23, 2Âş andar â&#x20AC;&#x201C; EdifĂ­cio Mirela â&#x20AC;&#x201C; Bairro Vila GlĂłria, na cidade de Campo Grande, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representada pela Sra. LUDMILLA CORRĂ&#x160;A DE SOUZA, brasileira, solteira, administradora de empresas, portadora da CĂŠdula de Identidade RG n° 11003120 SSP/MT e inscrita no CPF/MF sob n° 824.924.501-63, residente e domiciliado Ă  Rua Nabuco de AraĂşjo, nÂş 187, aptÂş 06, bloco RC1 â&#x20AC;&#x201C; Centro, na cidade de Campo Grande, Estado de Mato Grosso do Sul, doravante denominada CONTRATADA, RESOLVEM, DE COMUM ACORDO, RESCINDIR O PRESENTE CONTRATO, NOS TERMOS E PELOS MOTIVOS ABAIXO ESPECIFICADOS: CLĂ USULA PRIMEIRA â&#x20AC;&#x201C; OBJETO: O presente termo tem por escopo a rescisĂŁo do Contrato nÂş 001/2018, firmado em 08 de janeiro de 2018, que tem por objeto a â&#x20AC;&#x153;CONTRATAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE EMPRESA PARA PRESTAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE SERVIĂ&#x2021;OS ESPECIALIZADOS DE ELABORAĂ&#x2021;Ă&#x192;O, ORGANIZAĂ&#x2021;Ă&#x192;O E APLICAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE PROCESSO SELETIVO PARA CONVOCAĂ&#x2021;Ă&#x192;O TEMPORĂ RIA DE SERVIDORES DO QUADRO ADMINISTRATIVO E DO MAGISTĂ&#x2030;RIO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAARAPĂ&#x201C;-MS, CONFORME MEMORIAL DESCRITIVO, ANEXO I DO EDITAL E SOLICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DA SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAĂ&#x2021;Ă&#x192;O E FINANĂ&#x2021;ASâ&#x20AC;?. MOTIVAĂ&#x2021;Ă&#x192;O:

PARTES:

FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE DE CAARAPĂ&#x201C;-MS SOUZA COMĂ&#x2030;RCIO DE PRODUTOS NUTRICIONAIS E HOSPITALARES EIRELI â&#x20AC;&#x201C; ME

OBJETO: O presente termo tem por objeto a AQUISIĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LEITE EM PĂ&#x201C; E SUPLEMENTO ALIMENTAR PARA ACOMPANHAMENTO DOS SERVIĂ&#x2021;OS DE PEDIATRIA E NUTRIĂ&#x2021;Ă&#x192;O, CONFORME ANEXO I DO EDITAL E SOLICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DO FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE, conforme especificaçþes no Anexo I do Processo Administrativo em epĂ­grafe, que integram este instrumento, independente de transcrição em conformidade com as propostas vencedoras da licitação na MODALIDADE PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL Nq 019/2018.. VALOR: O valor global base do presente Contrato, importa em R$ 50.274,40 (cinquenta mil, duzentos e setenta e quatro reais e quarenta centavos), de acordo com os itens nÂşs. 04, 07 e 08, conforme despacho de homologação e adjudicação. PRAZO: A vigĂŞncia do Contrato serĂĄ a partir de 18 de maio de 2018 com tĂŠrmino em 31 de dezembro de 2018, podendo ser prorrogado conforme Lei Federal nÂş 8.666/93. DOTAĂ&#x2021;Ă&#x192;O: As despesas decorrentes da contratação, objeto dessa licitação, correrĂŁo por conta das dotaçþes abaixo discriminadas e para o exercĂ­cio futuro correrĂŁo por conta das dotaçþes que as substituĂ­rem: 05.00 â&#x20AC;&#x201C; SECRETARIA MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE 05.01 â&#x20AC;&#x201C; FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE 10.122.010 â&#x20AC;&#x201C; PROGRAMA DE GESTĂ&#x192;O 2.056 â&#x20AC;&#x201C; MANUTENĂ&#x2021;Ă&#x192;O DAS ATIVIDADES DO PLANTĂ&#x192;O DE ATENDIMENTO EMERGENCIAL 33.90.32.00 â&#x20AC;&#x201C; MATERIAL DE DISTRIBUIĂ&#x2021;Ă&#x192;O GRATUITA FONTE â&#x20AC;&#x201C; 102000 â&#x20AC;&#x201C; REC. DE IMPOSTOS E TRANSF. DE IMP. â&#x20AC;&#x201C; SAĂ&#x161;DE FICHA â&#x20AC;&#x201C; 218

PARTES:

FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE DE CAARAPĂ&#x201C;-MS JAIR MARANGONI JUNIOR 36819891172 MEI

OBJETO: Constitui objeto deste Contrato a ĂŠ CONTRATAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA PRESTAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE SERVIĂ&#x2021;OS DE MANUTENĂ&#x2021;Ă&#x192;O PREVENTIVA E CORRETIVA COM REPOSIĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE PEĂ&#x2021;AS NOS EQUIPAMENTOS ODONTOLĂ&#x201C;GICOS E AR COMPRIMIDOS INSTALADOS NA REDE MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE DO MUNICĂ?PIO DE CAARAPĂ&#x201C;-MS, SENDO 07 UNIDADES NA SEDE, 01 UNIDADE NO DISTRITO DE CRISTALINA E 01 UNIDADE NO DISTRITO DE NOVA AMĂ&#x2030;RICA, CONFORME MEMORIAL DESCRITIVO, ANEXO I DO EDITAL E SOLICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DO FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE, parte integrante do edital do Convite em epĂ­grafe.. VALOR: O valor global dos serviços, ora contratado ĂŠ de R$ 51.600,00 (cinquenta e um mil e seiscentos reais, em moeda corrente do paĂ­s. PRAZO: A vigĂŞncia do contrato serĂĄ a partir de 25 de maio de 2018 com tĂŠrmino em 25 de maio de 2019, podendo ser prorrogado de acordo com a Lei Federal nÂş 8.666/93. DOTAĂ&#x2021;Ă&#x192;O: As despesas decorrentes deste Contrato correrĂŁo por conta das dotaçþes abaixo discriminadas e no exercĂ­cio futuro as dotaçþes que as substituĂ­rem:

CLĂ USULA TERCEIRA â&#x20AC;&#x201C; FUNDAMENTO: O presente termo de rescisĂŁo amigĂĄvel tem por fundamento a clĂĄusula dĂŠcima do contrato firmado entre as partes bem como o art. 79, II, da Lei Federal n° 8.666/93. E, por ser a expressĂŁo da verdade, firmam as partes o presente termo em duas vias de igual teor e forma, que vai assinado tambĂŠm por duas testemunhas maiores e capazes. CAARAPĂ&#x201C;-MS, em 02 de maio de 2018.

05.00 â&#x20AC;&#x201C; SECRETARIA MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE 05.01 â&#x20AC;&#x201C; FUNDO MUNICIPAL DE SAĂ&#x161;DE 10.301.011 â&#x20AC;&#x201C; PROGRAMA DE ATENĂ&#x2021;Ă&#x192;O BĂ SICA 2.064 â&#x20AC;&#x201C; MANUTENĂ&#x2021;Ă&#x192;O DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA 339039 â&#x20AC;&#x201C; OUTROS SERVIĂ&#x2021;OS DE TERCEIROS â&#x20AC;&#x201C; PESSOA JURIDICA FONTE 114009 â&#x20AC;&#x201C; COMP. PISO ATENĂ&#x2021;Ă&#x192;O BĂ SICA VARIĂ VEL-PAB FICHA 558

DATA DE ASSINATURA: 18 de maio de 2018

_______________________ MUNICĂ?PIO DE CAARAPĂ&#x201C; MĂ RIO VALĂ&#x2030;RIO Pela CONTRATANTE

DATA DE ASSINATURA: 25 de maio de 2018

FORO: Comarca de CaarapĂł-MS.

CLĂ USULA SEGUNDA â&#x20AC;&#x201C; DA RESCISĂ&#x192;O, QUITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O E

As partes acima identificadas, atravÊs do presente instrumento, presente o interesse público, a conveniência administrativa e o convencimento mútuo, decidem rescindir todos os termos do presente Contrato, dando-o por terminado, nada mais tendo a reclamar uma da outra, a qualquer título e em qualquer Êpoca, relativamente às obrigaçþes assumidas no ajuste ora rescindido. A presente rescisão tem por fundamento o cancelamento do Processo Seletivo objeto da contratação, formalizado atravÊs do Decreto Municipal nº 014/2018, de 26 de janeiro de 2018.

FORO: Comarca de CaarapĂł-MS.

ASSINATURAS:

ASSINATURAS:

VALBERTO FERREIRA COSTA GESTOR DO FMS Pelo CONTRATANTE

VALBERTO FERREIRA COSTA GESTOR DO FMS Pelo CONTRATANTE

EDUARDO BARONE DE SOUZA SOUZA COMĂ&#x2030;RCIO DE PRODUTOS NUTRICIONAIS E HOSPITALARES EIRELI â&#x20AC;&#x201C; ME Pela CONTRATADA

JAIR MARANGONI JUNIOR JAIR MARANGONI JUNIOR 36819891172 MEI Pela CONTRATADA

TESTEMUNHAS:

TESTEMUNHAS:

JosĂŠ Luiz Bariani Lucy Meire Duarte de Moura

JosĂŠ Luiz Bariani Adalberto de Mello Favilla Junior

TERMO DE REVOGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O Revogo com fundamento no â&#x20AC;&#x153;caputâ&#x20AC;? do Art. 49 da Lei nÂş. 8.666/93, o Processo Administrativo nÂş 050/2018 - PregĂŁo Presencial nÂş 041/2018, por fatos supervenientes ocorrido posteriormente, conforme parecer jurĂ­dico, em anexo ao Processo. CaarapĂł-MS, 04 de junho de 2018 MĂĄrio ValĂŠrio Prefeito Municipal

Testemunhas: _____________________________ CPF:

MUNICĂ?PIO DE CAARAPĂ&#x201C;-MS MARGE HORTIFRUTI LTDA â&#x20AC;&#x201C; ME

OBJETO: O presente termo tem por objeto a AQUISIĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE GĂ&#x160;NEROS ALIMENTĂ?CIOS PARA ATENDER OS ALUNOS DA REDE MUNICIPAL E CMEIâ&#x20AC;&#x2122;s DA SEDE DO MUNICĂ?PIO DE CAARAPĂ&#x201C;/MS, DA RESERVA INDĂ?GENA TEâ&#x20AC;&#x2122;YIKUĂ&#x160; E DISTRITOS DE NOVA AMĂ&#x2030;RICA E CRISTALINA, CONFORME ANEXO I DO EDITAL E SOLICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAĂ&#x2021;Ă&#x192;O E ESPORTES, do Processo Administrativo em epĂ­grafe, que integram este instrumento independente de transcrição em conformidade com as propostas vencedoras da licitação na MODALIDADE PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL PMC Nq 036/2018..

MĂ&#x160;S: ABRIL ANO: 2018

_______________________________ CPF:

EXTRATO DO CONTRATO NÂş 125/2018 â&#x20AC;&#x201C; â&#x20AC;&#x153;AQUISIĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE GĂ&#x160;NEROS ALIMENTĂ?CIOS PARA ATENDER OS ALUNOS DA REDE MUNICIPAL E CMEIâ&#x20AC;&#x2122;s DA SEDE DO MUNICĂ?PIO DE CAARAPĂ&#x201C;/MS, DA RESERVA INDĂ?GENA TEâ&#x20AC;&#x2122;YIKUĂ&#x160; E DISTRITOS DE NOVA AMĂ&#x2030;RICA E CRISTALINA, CONFORME ANEXO I DO EDITAL E SOLICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAĂ&#x2021;Ă&#x192;O E ESPORTES. â&#x20AC;? PARTES:

CUSTOS UNITĂ RIOS BĂ SICOS DE CONSTRUĂ&#x2021;Ă&#x192;O

________________________________ LUDMILLA CORRĂ&#x160;A DE SOUZA SIGMA ASSESSORIA EM GESTĂ&#x192;O PĂ&#x161;BLICA LTDA â&#x20AC;&#x201C; EPP Pela CONTRATADA

I TERMO ADITIVO AO CONTRATO NÂş 331/2017 â&#x20AC;&#x201C; â&#x20AC;&#x153;CONTRATAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE EMPRESA ESPECILIZADA PARA LOCAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE 15 (QUINZE) RELĂ&#x201C;GIOS DE PONTO ELETRĂ&#x201D;NICO, INSUMOS E EQUIPAMENTOS PARA REGISTRO E CONTROLE DE FREQUĂ&#x160;NCIA DOS FUNCIONĂ RIOS, DESTINADOS A DIVERSAS SECRETARIAS MUNICIPAIS E FUNDOS DA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAARAPĂ&#x201C; â&#x20AC;&#x201C; MS, CONFORME TERMO DE REFERĂ&#x160;NCIA, ANEXO I DO EDITAL E SOLICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DA SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAĂ&#x2021;Ă&#x192;O E FINANĂ&#x2021;AS.â&#x20AC;?

(NBR 12.721:2006 - CUB 2006)

Os valores abaixo referem-se aos Custos Unitårios Båsicos de Construção (CUB/m²), calculados de acordo com a Lei Fed. nº. 4.591, de ABRIL DE 2018 "Estes custos unitårios foram calculados conforme disposto na ABNT NBR 12.721:2006, com base em novos projetos, novos memoriais descritivos e novos critÊrios de orçamentação e, portanto, constituem nova sÊrie histórica de custos unitårios, não comparåveis com a anterior, com a designação de CUB/2006". "Na formação destes custos unitårios båsicos não foram considerados os seguintes itens, que devem ser levados em conta na determinação dos preços por metro quadrado de construção, de acordo com o estabelecido no projeto e especificaçþes correspondentes a cada caso particular: fundaçþes, submuramentos, paredes-diafragma, tirantes, rebaixamento de lençol freåtico; elevador(es); equipamentos e instalaçþes, tais como: fogþes, aquecedores, bombas de recalque, incineração, ar-condicionado, calefação, ventilação e exaustão, outros; playground (quando não classificado como årea construída); obras e serviços complementares; urbanização, recreação (piscinas, campos de esporte), ajardinamento, instalação e regulamentação do condomínio; e outros serviços (que devem ser discriminados no Anexo A - quadro III); impostos, taxas e emolumentos cartoriais, projetos: projetos arquitetônicos, projeto estrutural, projeto de instalação, projetos especiais; remuneração do construtor; remuneração do incorporador."

PROJETOS - PADRĂ&#x192;O RESIDENCIAIS PADRĂ&#x192;O BAIXO Projeto

R$/m²

5 33 5 3,6

1.127,61 1.053,44 1.003,51 777,39

PADRĂ&#x192;O NORMAL

var.% mĂŞs

-0,01% -0,02% -0,02% -0,01%

PADRĂ&#x192;O ALTO

Projeto

R$/m²

var.% mĂŞs

Projeto

R$/m²

var.% mĂŞs

R-1 PP-4 R-8 R-16

1.323,47 1.267,08 1.112,63 1.079,72

-0,01% -0,02% -0,02% -0,02%

R-1 R-8 R-16

1.651,58 1.351,87 1.420,38

-0,01% -0,02% -0,02%

CUB/M² - R8-N = R$ 1.112,63 9$50(16$/ 0mRGHREUD 0DWHULDO 'HVSHVDV$GPLQLVWU (TXLSDPHQWRV

&8672727$/

    

    

0mRGHREUD HQFDUJRV

0DWHULDO 'HVSHVDV$GPLQLVWUDWLYDV (TXLSDPHQWRV

    

PROJETOS - PADRĂ&#x192;O COMERCIAIS CAL (Comercial Andares Livres) e CSL (Comercial Salas e Lojas) PADRĂ&#x192;O NORMAL

PADRĂ&#x192;O ALTO

Projeto

R$/m²

var.% mĂŞs

Projeto

R$/m²

var.% mĂŞs

CAL - 8 CSL - 8 CSL - 16

1.309,52 1.108,97 1.480,16

-0,02% -0,03% -0,03%

CAL - 8 CSL - 8 CSL - 16

1.409,98 1.217,11 1.620,51

-0,02% -0,02% -0,02%

PROJETOS - PADRĂ&#x192;O GALPĂ&#x192;O INDUSTRIAL (GI) E RESIDĂ&#x160;NCIA POPULAR (RP1Q)

SIGLAS R-1: PP-4: R-8: R-16: PIS:

ResidĂŞncia Unifamiliar PrĂŠdio Popular ResidĂŞncia Multifamiliar ResidĂŞncia Multifamiliar Projeto de Interesse Social

Projeto

R$/m²

var.% mĂŞs

RP1Q GI

1.137,88 608,74

-0,01% -0,03%

VALOR: O valor global base do presente Contrato, importa em R$ 41.182,80 (quarenta e um mil, cento e oitenta e dois reais e oitenta centavos), de acordo com os itens nÂşs. 01 a 06, conforme despacho de homologação e adjudicação. PRAZO: A vigĂŞncia do presente contrato serĂĄ a partir de 18 de maio de 2018 com tĂŠrmino em 15 de julho de 2018, podendo ser prorrogada conforme Lei Federal nÂş 8.666/93. DOTAĂ&#x2021;Ă&#x192;O: As despesas decorrentes da contratação, objeto dessa licitação, correrĂŁo por conta das dotaçþes orçamentĂĄrias abaixo discriminadas e para o exercĂ­cio futuro correrĂŁo por conta das dotaçþes que as substituĂ­rem: 04.00 â&#x20AC;&#x201C; SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAĂ&#x2021;Ă&#x192;O E ESPORTES 04.02 â&#x20AC;&#x201C; EDUCAĂ&#x2021;Ă&#x192;O A CRIANĂ&#x2021;A â&#x20AC;&#x201C; 00 A 05 ANOS 12.306.043 â&#x20AC;&#x201C; PROGRAMA DE DESENV. DA EDUCAĂ&#x2021;Ă&#x192;O INFANTIL â&#x20AC;&#x201C; CRECHE 0 A 03 ANOS 2.034 â&#x20AC;&#x201C; MANUTENĂ&#x2021;Ă&#x192;O DA MERENDA ESCOLAR â&#x20AC;&#x201C; CRECHES 33.90.30.00 â&#x20AC;&#x201C; MATERIAL DE CONSUMO FONTE â&#x20AC;&#x201C; 115051 â&#x20AC;&#x201C; TRANSF. REF. PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAĂ&#x2021;Ă&#x192;O ESCOLAR â&#x20AC;&#x201C; PNAE FICHA â&#x20AC;&#x201C; 490 04.00 â&#x20AC;&#x201C; SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAĂ&#x2021;Ă&#x192;O E ESPORTES 04.03 â&#x20AC;&#x201C; DEPARTAMENTO DE EDUCAĂ&#x2021;Ă&#x192;O BĂ SICA 12.306.006 â&#x20AC;&#x201C; PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DO ENSINO FUNDAMENTAL 2.027 â&#x20AC;&#x201C; MANUTENĂ&#x2021;Ă&#x192;O DA MERENDA ESCOLAR 33.90.30.00 â&#x20AC;&#x201C; MATERIAL DE CONSUMO FONTE â&#x20AC;&#x201C; 115051 â&#x20AC;&#x201C; TRANSF. REF. PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAĂ&#x2021;Ă&#x192;O ESCOLAR â&#x20AC;&#x201C; PNAE FICHA â&#x20AC;&#x201C; 521 DATA DE ASSINATURA: 18 de maio de 2018

FORO: Comarca de CaarapĂł-MS. ASSINATURAS:

SIGLAS RPQ1: CAL-8: CSL-8: CSL-16: GI:

ResidĂŞncia Popular Comercial Andares Livres Comercial Salas e Lojas Comercial Salas e Lojas GalpĂŁo Industrial

Rua Spipe Calarge, 1479 - Vila Morumbi - CEP: 79051-560 - Campo Grande-MS Telefone: (67) 3387-8884 - Fax: 3387-0909 - E-mail: sindusconms@sindusconms.com.br

MĂ RIO VALĂ&#x2030;RIO PREFEITO MUNICIPAL Pelo CONTRATANTE TESTEMUNHAS: JosĂŠ Luiz Bariani Jairo Pinheiro da Silva

RAFAEL GEDRO MARGE HORTIFRUTI LTDA â&#x20AC;&#x201C; ME Pela CONTRATADA

PROCESSO ADMINISTRATIVO N° 072/2017 PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL Nq 060/2017 Pelo presente instrumento, de um lado, o MUNICĂ?PIO DE CAARAPĂ&#x201C;/MS, entidade de direito pĂşblico interno, inscrita no CNPJ sob o n° 03.155.900/0001-04, com sede Ă Av. Presidente Vargas, n° 465, neste ato representado pelo Prefeito SR. MĂ RIO VALĂ&#x2030;RIO, brasileiro, casado, inscrito no CPF/MF sob n° 286.746.501-04 e portador do RG n° 139.250 SSP/MS, residente e domiciliado nesta cidade, sito Ă  Av. Duque de Caxias, n° 2420 â&#x20AC;&#x201C; Vila Planalto, denominado simplesmente de CONTRATANTE, e do outro lado a empresa GENESIS COMĂ&#x2030;RCIO E TECNOLOGIA EIRELI â&#x20AC;&#x201C; ME, inscrita no CNPJ/MF sob o n° 24.781.967/0001-16, com sede Ă  Rua Oliveira Marques, n° 2360 â&#x20AC;&#x201C; Jardim Central, na cidade de Dourados, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representada pela Sra. ELINE FILLA DA SILVA GALASSI, brasileira, casada, comerciante, portadora da CĂŠdula de Identidade RG n° 000.974.149 SSP/MS e inscrita no CPF/MF sob n° 865.788.711-87, residente e domiciliada na Rua Oliveira Marques, nÂş 3730, Bloco B, aptÂş 12 â&#x20AC;&#x201C; Vila Maxwel, na cidade de Dourados, Estado de Mato Grosso do Sul, doravante denominada CONTRATADA, ajustam o presente Termo Aditivo, que regerâ&#x20AC;&#x201C;seâ&#x20AC;&#x201C;Ă  conforme clausulas abaixo:

CLĂ USULA PRIMEIRA â&#x20AC;&#x201C; OBJETO DO ADITAMENTO: Incluir 02 (dois) equipamentos de relĂłgio ponto ao contrato, que equivalem a 13,34% (treze vĂ­rgula trinta e quatro por cento) do total contratado, perfazendo o valor mensal de R$ 533,33 (quinhentos e trinta e trĂŞs reais e trinta e trĂŞs centavos), em atendimento a solicitação do Gabinete do Prefeito, atravĂŠs do Memorando nÂş 087/2018/GAB, datado de 14 de maio de 2018. CLĂ USULA SEGUNDA â&#x20AC;&#x201C; Fundamento Legal: O presente termo aditivo tem por fundamento legal o Art. 65, § 1°, da Lei (Federal) n° 8.666/93 e posteriores alteraçþes. CLAĂ&#x161;SULA TERCEIRA â&#x20AC;&#x201C; Demais ClĂĄusulas: As demais disposiçþes constantes do contrato supramencionado permanecem inalteradas. E, por ser a expressĂŁo da verdade, firmam as partes o presente termo aditivo em duas vias de igual teor e forma, que vai assinado tambĂŠm por duas testemunhas maiores e capazes. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE CAARAPĂ&#x201C;-MS, em 18 de maio de 2018.

_________________________ MĂ RIO VALĂ&#x2030;RIO PREFEITO MUNICIPAL Pela CONTRATANTE

_______________________________ ELINE FILLA DA SILVA GALASSI GENESIS COMĂ&#x2030;RCIO E TECNOLOGIA EIRELI-ME

Pela CONTRATADA

Testemunhas: _______________________________ CPF:

_______________________________ CPF:

AVISO DE NOVA DATA DE ABERTURA DO PREGĂ&#x192;O PROCESSO ADMINISTRATIVO N° 051/2018 PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL N° 042/2018 O MunicĂ­pio de CaarapĂł, Estado de Mato Grosso do Sul, por intermĂŠdio da Pregoeira, faz saber aos interesados no certame em epĂ­grafe, cujo objeto ĂŠ Contratação de empresa especializada em Serviços de Fisioterapia, para atendimento aos usuĂĄrios do SUS, que deverĂŁo ser prestados em Clinica Particular na sede do MunicĂ­pio de CaarapĂł-MS, conforme Anexo I do edital e solicitação do Fundo Municipal de SaĂşde, que apĂłs o retorno das atividades na Prefeitura Municipal de CaarapĂł-MS Ă partir de 04 de junho de 2018,ficam as empresas interessadas no certame, cientes da nova data. Local e Data do Credenciamento, da Entrega dos Envelopes e da Realização do PregĂŁo: O credenciamento e o recebimento dos envelopes de propostas de preços e de habilitação serĂŁo no dia: 19 de junho de 2018, Ă s 8horas na sala do Departamento de Licitaçþes do MunicĂ­pio, localizada Ă  Av. Presidente Vargas, nÂş 465, Centro â&#x20AC;&#x201C; CaarapĂłâ&#x20AC;&#x201C; MS.Retirada do Edital: O Edital poderĂĄ ser obtido no site do Portal da TransparĂŞncia do MunicĂ­pio de CaarapĂł-MS, no seguinte endereço eletrĂ´nico: http://www.caarapo.ms.gov.br/transparencia/index_transp.html - link editais, ou no endereço supracitado, no horĂĄrio de expediente das 7h Ă s 13 horas de segunda a sexta-feira.Na hipĂłtese de ocorrer feriado ou outros fatos impeditivos, que impeça a realização da sessĂŁo pĂşblica, fica a mesma adiada para o primeiro dia Ăştil que se seguir, no mesmo local e horĂĄrio. CaarapĂł-MS, em 05 de junho de 2018. Maria InĂŞs da Silva Pregoeira

PREFEITURA MUNICIPAL DE DOURADINA AVISO DE LICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O PROCESSO ADMINISTRATIVO NÂş 70/2018 PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL NÂş 46/2018 A Prefeitura Municipal de Douradina, Estado de Mato Grosso do Sul, atravĂŠs da Pregoeira Oficial, torna pĂşblico para conhecimento dos interessados que farĂĄ realizar licitação na modalidade acima mencionada, do tipo Menor preço Global, conforme disposiçþes das Leis nÂş 10.520/02, Lei nÂş 8.666/93, de 21/06/93, e suas alteraçþes posteriores e pelo Edital, que tem como objeto: Seleção da proposta mais vantajosa visando a aquisição de 03 (trĂŞs) motonetas 125cc, injeção eletrĂ´nica, potĂŞncia 9,2 CV, a 7.500 RPM, 4 velocidades, sistema de partida elĂŠtrica/Pedal, freios a disco, com bagageiro porta capacete, cor branca, com a finalidade de auxiliar no transporte das equipes funcionais da Secretaria Municipal de SaĂşde do municĂ­pio de Douradina/MS, em conformidade especificaçþes contidas na proposta de preços Anexo I e no termo de referĂŞncia Anexo II, em sessĂŁo pĂşblica, Ă s 08:00 horas do dia 19 de junho de 2018, na sala de licitaçþes, localizada a Rua Domingos da Silva n.Âş 1250 â&#x20AC;&#x201C; Centro, Douradina â&#x20AC;&#x201C; MS, onde serĂŁo recebidos os envelopes de proposta comercial e documentos de habilitação. O Edital estarĂĄ Ă  disposição dos interessados a ser retirada na Prefeitura Municipal de Douradina, sito na Rua Domingos da Silva n. Âş 1250 - Centro, no horĂĄrio das 07:00 Ă s 13:00 horas e no site www.douradina.ms.gov.br Douradina â&#x20AC;&#x201C; MS, 10 de maio de 2018 LUCIANA COSTA OREJANA TRINDADE â&#x20AC;&#x201C; Pregoeira AVISO DE LICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O PROCESSO ADMINISTRATIVO NÂş 71/2018 PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL NÂş 47/2018 A Prefeitura Municipal de Douradina, Estado de Mato Grosso do Sul, atravĂŠs da Pregoeira Oficial, torna pĂşblico para conhecimento dos interessados que farĂĄ realizar licitação na modalidade acima mencionada, do tipo Menor preço por Item, conforme disposiçþes das Leis nÂş 10.520/02, Lei nÂş 8.666/93, de 21/06/93, e suas alteraçþes posteriores e pelo Edital, que tem como objeto: Seleção de proposta mais vantajosa para a Administração PĂşblica, aquisição perante Microempresas (ME), Empresas de Pequeno Porte (EPP) ou Microempreendedores Individuais (MEI), assim definidos pelo art. 3Âş e 18-A, §1Âş, da Lei Complementar 123/2006, de Equipamentos Permanentes (hospitalar, eletrĂ´nico e mĂłveis), tais como: esfigmomanĂ´metro, autoclave horizontal de mesa, seladora manual grau cirĂşrgico, geladeira, armĂĄrios e mesas entre outros materiais, destinados a atenção BĂĄsica, em atendimento a Secretaria Municipal de SaĂşde do MunicĂ­pio de Douradina â&#x20AC;&#x201C; MS, em conformidade especificaçþes contidas na proposta de preços Anexo I e no termo de referĂŞncia Anexo II, em sessĂŁo pĂşblica, Ă s 08:00 horas do dia 21 de junho de 2018, na sala de licitaçþes, localizada a Rua Domingos da Silva n.Âş 1250 â&#x20AC;&#x201C; Centro, Douradina â&#x20AC;&#x201C; MS, onde serĂŁo recebidos os envelopes de proposta comercial e documentos de habilitação. O Edital estarĂĄ Ă  disposição dos interessados a ser retirada na Prefeitura Municipal de Douradina, sito na Rua Domingos da Silva n. Âş 1250 - Centro, no horĂĄrio das 07:00 Ă s 13:00 horas e no site www.douradina.ms.gov.br Douradina â&#x20AC;&#x201C; MS, 10 de maio de 2018 LUCIANA COSTA OREJANA TRINDADE â&#x20AC;&#x201C; Pregoeira AVISO DE LICITAĂ&#x2021;Ă&#x192;O PROCESSO ADMINISTRATIVO NÂş 72/2018 PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL/SRP NÂş 48/2018 A Prefeitura Municipal de Douradina, Estado de Mato Grosso do Sul, atravĂŠs da Pregoeira Oficial, torna pĂşblico para conhecimento dos interessados que farĂĄ realizar licitação na modalidade acima mencionada, do tipo Menor preço por Item, conforme disposiçþes das Leis nÂş 10.520/02, Lei nÂş 8.666/93, de 21/06/93, e suas alteraçþes posteriores e pelo Edital, que tem como objeto: Seleção de proposta mais vantajosa para a Administração PĂşblica, perante Microempresas (ME), Empresas de Pequeno Porte (EPP) ou Microempreendedores Individuais (MEI), assim definidos pelo art. 3Âş e 18-A, §1Âş, da Lei Complementar 123/2006, objetivando a aquisição de MEDICAMENTOS CONTROLADOS DE ORDEM JUDICIAL E MEDICAMENTOS NĂ&#x192;O CONTEMPLADOS NA FARMĂ CIA BĂ SICA em atenção Ă s necessidades da Secretaria Municipal de SaĂşde de Douradina MS, em conformidade especificaçþes contidas na proposta de preços Anexo I e no termo de referĂŞncia Anexo II, em sessĂŁo pĂşblica, Ă s 10:30 horas do dia 19 de junho de 2018, na sala de licitaçþes, localizada a Rua Domingos da Silva n.Âş 1250 â&#x20AC;&#x201C; Centro, Douradina â&#x20AC;&#x201C; MS, onde serĂŁo recebidos os envelopes de proposta comercial e documentos de habilitação. O Edital estarĂĄ Ă  disposição dos interessados a ser retirada na Prefeitura Municipal de Douradina, sito na Rua Domingos da Silva n. Âş 1250 - Centro, no horĂĄrio das 07:00 Ă s 13:00 horas e no site www.douradina.ms.gov.br Douradina â&#x20AC;&#x201C; MS, 10 de maio de 2018 LUCIANA COSTA OREJANA TRINDADE â&#x20AC;&#x201C; Pregoeira

Edição de 06/junho de 2018  
Edição de 06/junho de 2018  
Advertisement