Page 1

DOURADOS MS ANO 68 | Nº 13.223 R$ 2,00

O PROGRESSO ★★★★★

Pensamento e ação por uma vida melhor

Quarta-feira 2 de maio de 2018

Fundador WEIMAR TORRES Diretora-Presidente ADILES DO AMARAL TORRES

Vestibular Emmanuel Marinho está no rol dos escritores

Mostra Galeria interage com artistas na Grollis & Prosa

Venda online ECT não pode cobrar mais de 8% para e-commerce

PÁG. B1

PÁG. B3

PÁG. A5

Em MS, mais de 35 mil deixam de declarar o Imposto de Renda Multa para quem perdeu o prazo vai de R$ 165,74 até 20% do imposto. Em Dourados, 37 mil declarações foram entregues; 4,7 mil em 1 dia. Neste ano, está obrigado a declarar quem recebeu rendimentos tributáveis, em 2017, superiores a R$ 28.559,70. O pagamento das restituições começa em 15 de junho e segue até 17 de dezembro. PÁG. D1

Prédio em chamas desaba e MP reabre inquérito ROVENA ROSA/AGÊNCIA BRASIL

Geraldo cobra início de obras de asfalto na Rua Natal

Deputado Geraldo Resende

O deputado federal Geraldo Resende cobra agilidade no início das obras de pavimentação da Rua Natal e transversais, no Jardim Monte Líbano, em Dourados. O parlamentar garantiu os recursos necessários para a obra por meio de uma emenda individual no valor de R$ 1,2 milhão. Os recursos estão autorizados desde maio de 2016 e não podem ser redirecionados para outra finalidade. De acordo com Geraldo o projeto precisa ser liberado. PÁG. D3

PGR denuncia Palocci, Lula, Gleisi e Bernardo A procuradora Raquel Dodge denunciou o ex-presidente Lula, a senadora Gleisi Hoffmann e os ex-ministros Antonio Palocci e Paulo Bernardo, por corrupção passiva, e Marcelo Odebrecht por corrupção ativa.“Lula foi parte integral de organização criminosa”, diz. PÁG. A3

Francês é preso em Dourados com maconha hidropônica Um francês foi preso em Dourados por tráfico de drogas. Ele transportava maconha hidropônica no estepe de um veículo. O homem está com o passaporte vencido. PÁG. A7

Prédio de 24 andares no centro de São Paulo pegou fogo e veio ao chão, durante a madrugada de ontem. Os Bombeiros procuram vítimas em meio aos escombros. A Promotoria de Habitação e Urbanismo reabriu o inquérito arquivado em março que apurava riscos de segurança no Edifício Wilton Paes de Almeida. PÁG. A6

ELVIO LOPES

Festa e protesto marcam Dia do Trabalhador em MS

Prefeitura prepara 14ª Festa do Milho com Circuito do Laço em Jateí PÁG. C1

Atos chamam atanção para o recorde de desemprego que desestabiliza o País

O Dia Internacional do Trabalhador, celebrado ontem em todo o mundo, teve diversas atividades em Campo Grande, na Esplanada Ferroviária, onde aconteceram comemorações festivas e de protestos que continuaram ontem o dia todo, com um passeio ciclístico, pagode na sede de sindicato e ato político na área central, terminando

com um show musical e de prêmios, com o sorteio de um carro zero quilômetro e duas motocicletas, na Praça do Rádio. O presidente da Fetems, Jaime Teixeira, destacou o manifesto que reuniu diversos representantes sindicais, não somente para comemorar o Dia do Trabalhador, mas, também, chamar a atenção para o desemprego que vem batendo recordes no País a cada mês, que reflete na economia, tanto em Mato Grosso do Sul, quanto em todo o Brasil. PÁG.C 3

O tempo

Opinião

Fonte: INMET

Para recomeçar o Brasil (LXXII)

HOJE 30º Máx | 20º Mín Claro períodos de parcialmente nublado. Ventos: Fraco/Moderado com Rajadas. Umidade: máx. 50%. Umidade: mín. 25%.

Carlos Alberto Vittorati

A identidade do ladrão de sonhos Davi Roballo

PÁG. A2

Escola Barão de Douradina é pioneira em compostagem PÁG. C2 Bataguassu entrega veículos para a Nova Porto XV PÁG. C2 Sicredi Centro-Sul MS realiza reunião em Anaurilândia Festa do Trabalhador reune grande público em shows musicais, sorteios de carro e motocicletas

PÁG. C3


2

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

OpiniĂŁo

Desemprego e discriminação

E

m recente mapeamento sobre a taxa de desemprego no Brasil, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) aponta que, dos 13 milhþes de brasileiros desempregados no terceiro trimestre deste ano, 8,3 milhþes, que correspondem a 63,7%, eram negros ou pardos. O resultado faz parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua e representa um cenårio nenhum pouco favoråvel ao simbolismo do Dia do Trabalho, comomemorado ontem. De acordo com o Instituto, o dado indica que a taxa de desocupação dessa parcela da população ficou em 14,6%, enquanto a da população branca ficou em 9,9%. Na avaliação de especialistas, as estatísticas deixam evidências de que a desigualdade ainda Ê expressiva no Brasil. AlÊm disso, os dados preocupam porque são referentes a uma população que tem origem afrodescendente e que entrou no país atravÊs da escravidão. Para os pesquisadores, a raiz histórica dessa parte da população Ê a responsåvel pela geração desse contexto de falta de oportunidade. Na realidade, segundo eles, dentre as pesso-

ambulante, totalizando 66,7% as ouvidas, muitos não têm EDITORIAL dessa ocupação. acesso a escola, educação, Embora a frieza dos números seja assuse isso tem consequências diversas, como a presença em postos de trabalho que exigem tadora quando se trata das questþes relaciopouca formação e em grupamentos de ativi- nadas às diferenças entre negros brancos no Brasil, em outros países, como nos Estados dade com menor remuneração. O contraste racial no mercado de trabalho Unidos, por exemplo, a situação não Ê muito se estende, tambÊm, à remuneração. Na ava- diferente. Em 1970, a taxa de pobreza entre liação do Instituto Brasileiro de Geografia e os cidadãos negros era de 33,6%. Em 2012, Estatísticas, pretos e pardos recebem, em mÊ- de 35%. Entre os brancos tambÊm ocorreu dia, R$ 1.531. Esse valor Ê quase a metade do um leve aumento ao longo desses 42 anos de 10% para 13%-, mas o que rendimento mÊdio dos brancos, que Ê de R$ 2.757. A situ- O resultado faz parte mais chama a atenção Ê que ação Ê parecida em relação ao da Pesquisa Nacional a desigualdade entre ambos se manteve intacta. Enquanto percentual de trabalhadores por Amostra de isso, os latinos experimentacom carteira assinada no país. Negros e pardos nesta condi- Domicílios Contínua ram um acrÊscimo ainda mais grave, de 24,3% para 33%. Esse ção somavam 71,3%, abaixo do padrão racial respinga no desemprego: desde observado no total do setor (75,3%). A Pesquisa Nacional por Amostra de Do- 1972, quando teve início as estatísticas de dimicílios Contínua mostrou, ainda, que, no ferenciação, a taxa entre os negros foi sempre Brasil, somente 33% dos empregados eram 60% mais alta que a dos brancos. Em março, negros ou pardos. Jå entre os trabalhadores a taxa total foi de 6,7; a dos brancos, de 5,8%; por conta própria, essa população represen- e a dos negros, de 12,4%. O que tambÊm chama a atenção Ê que o tava 55,1% do total. Mais de um milhão de trabalhadores negros ou pardos atuavam como fim do túnel parece estar bem longe, jå que

O NĂšMERO

13 milhĂľes

de brasileiros estĂŁo desempregados. Desse total, 8,3, que correspondem a 63,7%, sĂŁo negros ou pardos, segundo o IBGE

as questĂľes que envolvem a discriminação racial sĂŁo bem mais profundas. Para a Organização das Naçþes Unidas, essa situação ainda afeta a capacidade da população negra em ter acesso nĂŁo somente ao mercado de trabalho, mas tambĂŠm Ă Justiça. A negação da sociedade da existĂŞncia do racismo ainda continua sendo uma barreira Ă  Justiça. Em relação ao Brasil, o racismo ainda ĂŠ considerado como um fator estrutural e institucionalizado e que e que permeia todas as ĂĄreas da vida. A conclusĂŁo ĂŠ da Organização das Naçþes Unidas. Em documento sobre o assunto, os peritos concluĂ­ram que o “mito da democracia racialâ€? ainda existe na sociedade brasileira e que parte substancial dela ainda nega a existĂŞncia do racismo.

Para recomeçar o Brasil (LXXII) &$5/26$/%(572 9 9,7725$7,

*Graduado e pĂłs graduado em CiĂŞncias EconĂ´micas

E

, chegou o primeiro de maio: dia do Trabalho. É dia internacional de comemoraçþes pelo trabalho industrial, formalizado a partir da Revolução do mesmo nome (Revolução Industrial). No entretanto, a pergunta que fica Ê: para o trabalhador brasileiro, hå algum motivo para comemoração? Não, não hå. O Governo fez um alarde danado em cima da chamada Reforma Trabalhista, dizendo que ela iria gerar empregos, e atÊ agora, nada. Ao contrårio, o desemprego atÊ aumentou. O Governo fez

uma propaganda efetiva da nova medida, dizendo que ela iria modernizar as relaçþes de trabalho. Mas, atÊ a que o que se viu foi um total e completo estado de desinformação. NinguÊm mais sabe o que vale e o que não vale. A tal da Reforma conseguiu produzir bem mais insegurança jurídica do que aquilo que existia antes dela. Então, comemorar o quê? A única coisa a ser comemorada Ê que ainda existem trabalhadores. Hoje, ainda com este status, mas caminhando para a escravidão moderna. E, o pior, Ê que hoje o escravo moderno não ganha casa e comida, como acontecia antes. O escravo dos dias atuais tem que se virar com as suas condiçþes de sobrevivência. É o mundo estå ficando cada vez mais hostil para quem não se encaixa nele: para os pobres. A pobreza Ê a grande condição de guerras e revoluçþes que paira sobre o sÊculo XXI. Eu, realmente, tenho muito medo do que estå por vir. Não då para ficar tranquilo com 1 bi-

lhĂŁo de excluĂ­dos econĂ´micos de serem pagos. E, o Governo no mundo. O risco de uma con- tem como fazer isto. O Banco vulsĂŁo social ĂŠ cada vez maior e, do Brasil e a Caixa EconĂ´mica sĂł nĂŁo enxerga quem quer ver. Federal poderia ser “obrigaMas, hĂĄ algo que pode ser fei- dosâ€? a conceder os mencionato, em especial, no caso brasi- dos crĂŠditos e financiamentos leiro, para se minimizar os ris- a juros mais baratos, obrigando os demais bancos do Sistema cos de uma convulsĂŁo social? Sim, hĂĄ. É preciso, com ur- Financeiro Nacional – SFN a gĂŞncia urgentĂ­ssima, destravar fazerem o mesmo. E, com isto, crĂŠdito de capital de giro para as fazer com que a indĂşstria nacional recupere empresas. Mas, ‘A tal da Reforma a capacidade de nĂŁo a juros de 7 0 % a o a n o, conseguiu produzir produção que que nenhuma bem mais insegurança possuĂ­a antes de 2012, voltanempresa conjurĂ­dicaâ€? do a gerar emsegue pagar espregos. E, isto ĂŠ te absurdo que se tem nos dias atuais. É preciso importante para que renasça a conceder emprĂŠstimos e finan- confiança perdida; para que as ciamentos a empresas com ju- pessoas voltem a ter esperanças ros de 15%, 18% ao ano e, com de um futuro melhor. O que mais preocupa, nos prazos suficientes para que as empresas respiram. É preciso dias atuais, ĂŠ a falta de visĂŁo dar condiçþes de financiamen- clara de que um paĂ­s sĂł cresce to de consumo para as pessoas e aparece quando possui um e para as famĂ­lias. É preciso in- mercado interno forte e cavestir na reconstrução do mer- paz de demandar uma grancado interno brasileiro. Mas, de parcela de sua produção de forma sĂŠria e responsĂĄvel, industrial. Mas, nĂŁo dĂĄ para com juros que sĂŁo passĂ­veis imaginar que o Brasil consi-

ga superar suas dificuldades apenas com mercado o interno reampliado e com a produção industrial retomada. É preciso criar condiçþes para que exista uma situação de economia de interior, votada para a produção alimentar e para a produção de pequena escala nas pequenas cidades do interior do país. É preciso que o Governo reconheça que existem mais de 2.000 municípios que sobrevivem de aposentadorias e de programas sociais. E, com alguns candidatos ameaçando cortar a oferta de programas sociais, existem municípios pequenos do interior que simplesmente podem falir. É hora de se acordar para a proximidade de um grande desastre: o Brasil caminha para uma condição de paralisação de seu mercado interno. Basta que se converse com qualquer dos comerciantes, seja de Dourados, seja de qualquer outro lugar do país e todos irão dizer que estão vendendo, hoje, a metade do que vendiam no

ano passado. E, olha que 2017 foi um ano especialmente ruim para a economia do país. E, Ê bom que se considere que estamos a menos de 120 dias da Copa do Mundo e, não hå promoção alguma de incremento de vendas para o evento. E, não hå porque os comerciantes sabem que não adiante investir dinheiro em propagandas e promoçþes, pois, o brasileiro comum, o seu comprador, não tem dinheiro para comprar. Então, vender para quem? É preciso considerar que ainda då tempo. E, voltamos a aproveitar o espaço para lembrar que, possivelmente, neste ano de 2018, teremos as previstas novas eleiçþes, das quais falamos acima. E, Ê importante lembrar que: quem vota em político mequetrefe Ê mequetrefe, tambÊm. Pense bem, caro leitor, para que no futuro não tenhamos que conviver com coisas tão tristes e tão humilhantes, como as atuais. (vittorati.econ@ bol.com.br)

a minha confiança e a esperança que saltavam de meus olhos que agora parecem nublados com meus próprios desenganos? Quem roubou a leveza de meus passos e a graça suave de meu olhar? Sofremos e fazemos sofrer por muitas vezes nos negar amadurecer, pois para isso Ê necessårio parar de nos vitimarmos com a vida ao nos convencermos não saber quem roubou nossos encantos e nossa vontade, agimos assim, para esconder a identidade do verdadeiro ladrão que escondemos atrås de nossos próprios olhos. NinguÊm mais, a não ser nós mesmos conhece melhor a identidade do ladrão que aponta dedos procurando culpados pelo próprio roubo. Esse rosto Ê nosso, pois o ladrão somos nós mesmos, um

ladrão que rouba a si próprio por não ter coragem de dar um passo a mais em direção a si mesmo. Para nos conhecermos torna-se imprescindível olhar nosso rosto quantas vezes for necessårio no espelho para sentir a criança que dentro de nós se debate a procura de nossos sonhos. Não hå como fugir de nossas lutas, alÊm do mais, a vida prossegue independentemente de nossa vontade, pois o timoneiro do barco do viver Ê o tempo, e ele Ê inclemente, não vai nos esperar chorar as mågoas e derrotas apontando culpados sem olhar para dentro de nós mesmos, principalmente quando conhecemos muito bem a identidade do ladrão e sabotador de nossos projetos e sonhos... (daviroballo@gmail. com)

A identidade do ladrĂŁo de sonhos '$9, 52% %$//2 52%$//2

*Jornalista, Especialista em Comunicação e Marketing / Especialista em Jornalismo Político.

O

uantas vezes sentados nas quinas das calçadas da vida jå nos julgamos cansados, injustiçados e oprimidos? Quantas vezes apontamos nossos dedos procurando culpados por nossas eventuais desgraças? Não são poucas as vezes em que desacreditamos de nossa própria divindade e capacidade de su-

peração. Nos julgamos assim, por possuirmos certa propensão acentuada à preguiça e ao vitimismo, pois nos dói ir de encontro a imagem falsa que temos de nós mesmos. Diante dos desafios impostos pela vida, nos sentimos cansados e amedrontados desejando mais que tudo encontrar um refúgio que se pareça com o paraíso que fora o útero de nossa mãe, pois a marcha parece longa e no trajeto de nossa vida nos sentimos em mil combates para nos manter de pÊ ante os obståculos, que vez por outra aparecem para testar nossa perseverança e nossa fÊ. Por nos julgarmos vítimas de nossos problemas, muitas vezes nos avaliamos como sendo os únicos a sofrer os reveses e os desafios que surgem. Com os olhos fixos ao nosso próprio

umbigo não percebemos que Acordar para a vida se faz todos nós estamos no mesmo necessårio para abandonar a barco. Na verdade, nos falta a letargia que nos toma muitas consciência de que a vida não vezes de assalto. Para isso, mais Ê um passeio, mas uma viagem do que a consciência de nospara dentro de nós mesmos em sos erros e acertos, devemos busca de aflorarmos nossa al- diante do espelho olhar proma, nos transformando de den- fundamente em nossos olhos e tro para fora. perguntar a nós mesmos: quem Falta-nos roubou minha Quantas vezes olhar m o-nos coragem, mipor mais vezes apontamos nossos dedos nhas perspectiem um espelho procurando culpados vas, meus propara perceber jetos juvenis e que por baixo por nossas desgraças? meus sonhos de nossa face de infância? abandonada na descura ainSe desejamos mesmo idenda existe sonhos, graça e a ale- tificar a identidade do ladrão gria. Por debaixo dessa casca de que nos ataca em meio as trevas desleixo sobrevive uma criatura de nossa falta de hombridade, formidåvel capaz de se reinven- devemos ante ao espelho, pertar, se transformar, no entan- guntar a esse espectro que vez to, muitas vezes comporta-se por outra nos fita com os olhos como um derrotado, um Titan amargurados e com gosto de com aparência de um pigmeu. derrota: aonde Ê que foi parar

EXPEDIENTE O PROGRESSO: O MAIS ANTIGO DO ESTADO E DE MAIOR CIRCULAĂ‡ĂƒO EM TODO O INTERIOR Este jornal expressa sua opiniĂŁo pelo Editorial. As demais opiniĂľes sĂŁo de responsabilidade de seus autores. “O PROGRESSOâ€? Registrado no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) sob o nÂş 812285964

Diretora-presidente ADILES DO AMARAL TORRES Diretora-superintendente BLANCHE TORRES Diretora Executiva JUNE ANGELA TORRES Editor-chefe VANDER VERĂƒO Fundador (1951-1969) WEIMAR TORRES Ex-diretor (1969-1985) VLADEMIRO DO AMARAL

(',725$-251$/2352*5(662/7'$

CGC 03.356.425/0001-26 Departamento Comercial, Administração, Redação e Parque Gråfico Av. Presidente Vargas, 447 CEP 79804-030 Dourados-MS. Telefones Redação (0xx) 67-3416-2627/2609 Depto. Comercial (0xx) 67-3416-2600 Serviço de Atendimento ao Assinante (0xx) 67-3416-2666 - 3416-2670 Fax: (0xx) 67-3421-1911 +20(3$*(www.progresso.com.br (0$,/progresso@progresso.com.br

oprogresso.jornal

@JORNALOPROGRESSO

ESPORTE/POLĂ?CIA Luiz Radai esporte@progresso.com.br policia@progresso.com.br DIA-A-DIA Maria Lucia Tolouei marialucia@progresso.com.br CADERNO B/DMAIS Hakeito Almeida hakeito@progresso.com.br

(VWHMRUQDOpÂżOLDGRj

CIDADES Departamento Regional cidades@progresso.com.br

$66,1$785$6

DOURADOS, INTERIOR E CAMPO GRANDE

COLUNA SOCIAL/ANĂšNCIOS Angela Santa Cruz comercial@progresso.com.br

$QXDO  R$ 240 6HPHVWUDO R$ 150 7ULPHVWUDO R$ 100 %LPHVWUDO R$ 70 0HQVDO R$ 45

CLASSIFICADOS Gleison Costa classificados@progresso.com.br

Pensamento e ação por uma vida melhor

VENDA AVULSA 'RXUDGRV,QWHULRU H&DPSR*UDQGHR$ 2 NĂšMEROS ATRASADOS 'RDQRR$ 2 'RDQRDQWHULRU R$ 4


3

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Política

PGR denuncia Palocci, Lula, Gleisi e Bernardo por corrupção ativa Segundo a Procuradoria Geral da República, há suspeitas de que a construtora Odebrecht fez repasses ao PT em troca de decisões políticas que favorecessem a empresa ADEM AUT VELIQUE NECUM ID

Rafael Moraes Moura, Luiz Vassallo e Julia Lindner;Agência Estado A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, denunciou anteontem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) e os ex-ministros Antonio Palocci e Paulo Bernardo, por corrupção passiva, e o empresário Marcelo Odebrecht por corrupção ativa. A denúncia, encaminhada ao ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), trata das suspeitas de que a construtora Odebrecht fez repasses ao PT em troca de decisões políticas que favorecessem a empresa. Segundo a PGR, o PT teria à disposição US$ 40 milhões - equivalente a R$ 64 milhões na época dos fatos - em uma conta mantida pela Odebrecht, para cobrir uma série de

Entre as decisões políticas está o aumento de uma linha de crédito do BNDES em prol da construtora despesas indicadas pelos petistas, como a campanha de Gleisi ao governo do Paraná em 2014. A senadora, presidente nacional do PT, também foi denunciada por lavagem de dinheiro. Gleisi já é ré em outro caso da Lava Jato em que é acusada por corrupção e lavagem de dinheiro. O caso envolve o suposto recebimento de R$ 1 milhão do esquema de propinas da Petrobrás para sua campanha de 2010. Entre as decisões políticas que teriam beneficiaram os interesses do grupo Odebrecht, segundo o Ministério Público Federal, está o aumento

Fundo eleitoral

O pré-candidato do PSL a presidente da República, deputado Jair Bolsonaro (RJ), disse ao Estado que abrirá mão de gastar os recursos públicos a que tem direito vindos do novo Fundo Especial de Financiamento de Campanha, criado na reforma política no ano passado. Ele afirmou que, como votou contra o “fundão”, dispensará a parcela que receberia por meio do PSL para a campanha presidencial. Ele calcula a renúncia em cerca de R$ 3 milhões. “Eu votei contra esse fundo extra, não seria justo pedir”, disse o deputado. Bolsonaro tenta convencer a bancada federal do partido a não gastar sua parcela “por coerência”. O PSL deve receber entre R$ 9 milhões e R$ 10 milhões, segundo estimativas de parlamentares do partido.

Inconstitucional

Raquel Dodge (foto) denunciou o ex-presidente Lula, a senadora Gleisi Hoffmann e os ex-ministros Antonio Palocci e Paulo Bernardo

de uma linha de crédito do BNDES entre Brasil e Angola voltada para o financiamento da exportação de bens e serviços entre os dois países. A PGR sustenta que Marcelo Odebrecht pediu ajuda a seu pai, o empresário Emílio Odebrecht, para que o então presidente Lula intercedesse pela ampliação da linha de crédito para a empreiteira. Segundo Raquel, Lula foi “determinante” para o BNDES aumentar para US$ 1 bilhão a linha de financiamento que beneficiou a Odebrecht e outras empresas. Raquel aponta que a ampliação da linha de crédito “teve seu preço ilícito pago sob a forma de vantagem indevida” a inte-

grantes do PT, em uma conta corrente criada em 2008 para arrecadação de “vantagens indevidas” da sigla - inicialmente gerenciada por Antonio Palocci; depois, por Guido Mantega. Campanha

Ainda de acordo com a denúncia, Gleisi, seu marido, o ex-ministro Paulo Bernardo, e um auxiliar da senadora, Leones Dall’agnol, pediram a Marcelo Odebrecht “vantagem indevida” no valor de R$ 5 milhões para despesas da campanha da petista ao governo do Paraná “via caixa 2”. Desse valor, o trio teria comprovadamente recebido pelo menos R$ 3 milhões, em parte por interme-

“Lula foi parte integral de organização criminosa” DIVULGAÇÃO

PRF diz que ele foi parte integral GDŃRUJDQL]DÍÂRFULPLQRVD que atuou entre 2002 e 2016”

diários, diz a denúncia. Gleisi teria ocultado e dissimulado os valores recebidos. A procuradora pede a “condenação solidária” de Lula, Paulo Bernardo e Palocci, para pagar ao erário o equivalente a US$ 40 milhões, além de R$ 10 milhões a título de indenização por dano moral coletivo. Já para Gleisi, Paulo Bernardo, Leones e Marcelo Odebrecht, os valores são respectivamente R$ 3 milhões e R$ 500 mil, também em “condenação solidária”. Defesa

Em nota, Gleisi afirmou que a PGR atua de “maneira irresponsável” ao formalizar denúncia contra ela e o marido

“sem provas, a partir de delações negociadas com criminosos em troca de benefícios penais e financeiros”. A defesa de Antonio Palocci informou que só se manifestará após ter acesso à denúncia. A defesa de Lula disse que analisará o caso antes de se pronunciar. A defesa de Marcelo Odebrecht reafirmou “o seu compromisso contínuo no esclarecimento dos fatos já relatados em seu acordo de colaboração e permanece à disposição da Justiça para ajudar no que for necessário”. A Odebrecht reiterou que está colaborando com a Justiça no Brasil e nos países em que atua. A reportagem não localizou Leones.

Delator da Galvão diz que pagou R$ 1 mi a Gilberto Kassab Kassab é investigado por suspeita de receber vantagens da Odebrech Luiz Vassallo, Rafael Moraes Moura e Amanda Pupo Agência Estado

$3URFXUDGRULD*HUDOGD5HSĎEOLFDDğUPDDLQGDTXHRHQWÂR Lula sabia das negociações ilícitas em 2008 e 2009 “Os pagamentos foram operacionalizados por Antonio Ferreira, pelo lado da Odebrecht, e recebidos pelo tesoureiro da campanha de Lula, Delúbio Soares, sendo que parte dos valores foram repassados diretamente para Duda Mendonça, marqueteiro da campanha. Com a ascensão ao poder de Lula, os ora denunciados estruturam no âmbito do governo federal um modus operandi que consistia em cobrar propina a partir de ajustes ilícitos com as empresas que tinham interesse em firmar negócios no âmbito do governo federal e na aprovação de determinadas medidas legislativa (denúncia nos autos do Inquérito n° 4.325)”, traz a denúncia.

Para Raquel, o grupo concentrou as ações criminosas para a “arrecadação de valores ilícitos por meio da lesão ao patrimônio e à moral administrativa de diversos entes e órgãos públicos da Administração Pública direta e indireta, tais como a Petróleo Brasileiro S.A. (Petrobras), o Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) e o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG)”. A PGR afirma ainda que Lula sabia das negociações ilícitas em 2008 e 2009, “o que bastaria para que pudesse e devesse cessar estas condutas ilícitas, na condição de Presidente da República”, além de ter participado pessoalmente delas.

O executivo Dario de Queiroz Galvão Filho disse em delação premiada que o então prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (PSD, ex-DEM), atuou no direcionamento de licitação da obra do túnel Sena Madureira para que a Galvão Engenharia saísse vencedora. Em contrapartida, a empreiteira teria doado R$ 1 milhão para o diretório nacional do DEM, numa estratégia considerada pelos investigadores como “pagamento de propina via doação eleitoral”. O termo de colaboração do executivo foi anexado aos autos de inquérito contra o ex-prefeito e hoje ministro que tramita no Supremo Tribunal Federal. Kassab é investigado por suspeita de recebimento de vantagens indevidas da Odebrecht em 2008 e 2009 que teriam sido desviadas de contratos de obras viárias no Estado de São Paulo. Dario relatou ao Ministério Público Federal que, em 2008, foi procurado por um sócio do grupo Galvão, que o informou de um encontro com Kassab. No encontro, teria sido discutida uma obra a ser

O PSL é autor de ação no Supremo Tribunal Federal para tentar suspender a lei que criou o fundo eleitoral, alegando sua inconstitucionalidade pela existência anterior do Fundo Partidário. Ainda não houve decisão. Depois, o partido consultou a Justiça Eleitoral sobre como seriam divididos os recursos, se com base na bancada existente até agosto do ano passado, quando o PSL tinha dois parlamentares apenas, ou se após a janela de migração de março, quando passou a ter oito deputados.

Intimidação

A Associação Nacional de Jornais (ANJ), a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert) e outras entidades divulgaram notas de repúdio ao que foi considerado um ato de intimidação ao jornalista Marc Sousa, da Ric TV, afiliada da Record TV. Em vídeo divulgado nas redes sociais, o presidente do Sindicato dos Jornalistas do Rio Grande do Sul, Milton Simas Júnior, aparece “aconselhando” o repórter a não se aproximar do acampamento de militantes pró-Lula, em Curitiba.

Liberdade DIVULGAÇÃO

Luiz Fernando Teixeira Agência Estado O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, acusado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) de corrupção passiva por causa das suspeitas de que a Odebrecht repassou R$ 40 milhões ao PT em troca de decisões políticas que favorecessem a empreiteira, teria dado “aval presidencial” para a operação. A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, em denúncia encaminhada ao ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), disse que ele foi parte integral da “organização criminosa” que atuou entre 2002 e 2016. Raquel discorre que Lula e o ex-ministro Antonio Palocci se associaram a executivos da Odebrecht em 2002 para financiar a campanha dele “em troca do compromisso assumido pelo então candidato de atender a interesses privados lícitos e ilícitos daqueles conglomerados”. A partir da negociação “espúria”, a Odebrecht teria repassado cerca de R$ 20 milhões, e a campanha também teria recebido “aproximadamente R$ 39 milhões mediante doações eleitorais oficiais provenientes especialmente da OAS e de empresas do grupo Odebrecht, todas elas posteriormente beneficiadas com esquema instituído pela organização criminosa”

CURTAS

Gilberto Kassab (PSD) licitada pela Prefeitura e “oferecido o direcionamento do certame em favor da Galvão Engenharia”, em contrapartida a valores a serem repassados mediante doação para a campanha de Kassab, que concorria à reeleição. Dario disse que, após a publicação do edital da obra, “a empresa entendeu que deveria cumprir com o compromisso, sendo autorizado o pagamento de R$ 1 milhão em favor do Diretório Nacional do DEM”. Defesa A assessoria de Kassab informou que “a licitação, realizada pela Prefeitura, ocorreu de forma lícita e transparente, obedecendo a todas as disposições legais”. Segundo a assessoria, “as doações recebidas seguiram a legislação vigente”. O DEM não se manifestou. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

A ANJ se pronunciou em defesa da liberdade de expressão. “O dirigente sindical agiu como militante intolerante e não como representante dos jornalistas”, declarou o diretor executivo da ANJ, Ricardo Pedreira. O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná emitiu nota reiterando que qualquer tipo de intimidação é inaceitável. A Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) destacou que o jornalista estava em um espaço público e que deveria ter total liberdade para trabalhar.

COLONO - Lula tá preso e a gleisi denunciada com paloci e uns otro...

ZÉ PINGA - Vai fartá lugár prá tantos petista acampá em protesto contra a justiça!!!


4

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

PolĂ­tica

MDB e PSDB devem ser C adversårios em ao menos 16 Estados nas eleiçþes As disputas locais têm sido colocadas como um complicador na formação de chapa única no pleito presidencial deste ano CIETE SILVÉRIO/ASCOM

INFORME C CĂ?CERO FARIA cicerolfaria@gmail.com

Primeira revoada de presidenciĂĄvel

O prĂŠ-candidato a presidente, senador Ă lvaro Dias (Podemos) estarĂĄ em Mato Grosso do Sul pela segunda vez este ano: a convite do presidente estadual do partido, ClĂĄudio 6HUWĂ‚RRVHQDGRUSDUDQDHQVHYHPD'RXUDGRVSDUDRÄ&#x;cializar o lançamento do Podemos local presidido pelo jornalista LupĂŠrcio Marques. Ă lvaro Dias chegarĂĄ a DouraGRVQRÄ&#x;QDOGDWDUGHGDTXLQWDIHLUDGLDQRDHURSRUWR PXQLFLSDOGHOĂ€VHJXHGLUHWRSDUDHQWUHYLVWDVÂżVKIDUĂ€ uma palestra na Loja Maçônica 20 de agosto; em seguiGDVHUHXQLUĂ€FRPR3RGHPRV'RXUDGRVSDUDRÄ&#x;FLDOL]DUR partido na cidade e tambĂŠm conhecer os prĂŠ-candidatos a deputado. Ainda na noite de quinta encerra sua visita no Parque de Exposiçþes conhecendo a Expoagro. OPĂ‡ĂƒO O vereador Elias Ishy (PT) estĂĄ tendo o nome colocado como candidato a deputado federal. O seu companheiro JoĂŁo GrandĂŁo vai Ă reeleição a deputado estadual, depois de ter sido especulado de disputar a Câmara dos Deputados.

Apesar da retomada das negociaçþes que envolveriam Alckmin e Meirelles os dois partidos devem se colocar em campos opostos Renan TruďŹƒ e Igor Gadelha AgĂŞncia Estado A formação de uma eventual chapa entre PSDB e MDB para a eleição presidencial seria uma parceria replicada em poucos Estados em campanhas para governador. Apesar da retomada das negociaçþes no plano federal, que envolveriam o tucano Geraldo Alckmin como candi-

Quarto maior colÊgio eleitoral, Bahia Ê símbolo das divergências entre tucanos e emedebistas dato ao Palåcio do Planalto e o emedebista Henrique Meirelles como possível vice, os dois partidos devem se colocar em campos opostos em pelo 16 unidades da Federação. AtÊ o momento, em apenas três Estados ensaia-se um projeto único entre as duas siglas, e em outros oito a situação Ê incerta. Levantamento do Estadão/ Broadcast feito nas prÊ-can-

didaturas estaduais de MDB e PSDB aponta que, das 16 unidades em que os dois partidos devem estar em palanques diferentes, em quatro delas tucanos e emedebistas deve ter candidato para liderar a chapa - Maranhão, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. Nas outras 12, serão coadjuvantes em chapas distintas. São elas: Alagoas, Amapå, Cearå, Distrito Federal, Goiås, Mato Grosso, Paraíba, Paranå, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Rondônia e Sergipe. As duas siglas estariam juntas no Acre, no Rio de Janeiro e em Tocantins. Neste último Estado, o candidato tucano deve ser o senador Ataídes Oliveira, que jå conta com o apoio do MBD após a Justiça Eleitoral cassar o mandato do governador, Marcelo Miranda (MDB-TO). No Rio, emedebistas e tucanos devem apoiar a candidatura do ex-prefeito da capital Eduardo Paes, que se filiou ao DEM para disputar o cargo de governador. Jå o Acre poderå

ter os dois partidos apoiando a candidatura do senador Gladson Cameli (PP-AC) ao governo. Negociaçþes As disputas locais têm sido colocadas como um complicador na formação de chapa única no pleito presidencial. Na semana passada, o Estado mostrou que o PSDB admite negociar aliança eleitoral com o MDB do presidente Michel Temer. Alckmin sinalizou ao partido que estå disposto a defender pontos do legado econômico do governo que sejam compatíveis com o programa de governo tucano. A discussão conta com o esforço do ex-prefeito João Dória (PSDB), que tem conversado com Temer sobre o assunto. Quarto maior colÊgio eleitoral do País, a Bahia Ê um símbolo das divergências entre tucanos e emedebistas. Hå algumas semanas, PSDB e MDB indicavam apoiar a candidatura do prefeito de Salvador, Antonio Carlos Magalhães

SĂŠrgio Cabral recebia ‘prĂŞmios’ de atĂŠ R$ 90 milhĂľes, diz delator Deputados recebiam atĂŠ R$ 1 milhĂŁo/mĂŞs, quando Cabral presidia a Casa Constança Rezende AgĂŞncia Estado Amigo do ex-governador do Rio SĂŠrgio Cabral (MDB), o economista Carlos Miranda afirmou em seu acordo de delação premiada que a propina paga pela Federação das Empresas de Transportes do Rio (Fetranspor) a deputados da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) era repartida por Cabral, conforme o “grau de influĂŞnciaâ€? e “importânciaâ€? de cada parlamentar na Casa A federação, segundo Miranda, abasteceu mensalmente os deputados de R$ 500 mil a R$ 1 milhĂŁo, de 1995 a 2002, quando Cabral presidia a Casa. Apontado como “homem da malaâ€? do ex-governador, o economista faz esse relato no anexo n.Âş 48 de sua delação, obtida pelo Estado. O delator afirmou que Cabral e o hoje presidente afastado da Alerj, Jorge Picciani

(MDB), “que eram os principais lĂ­deres da Alerj Ă ĂŠpocaâ€?, conduziam “as negociaçþesâ€?. Ele nĂŁo citou os nomes dos deputados beneficiados, mas contou que Cabral ficava com a maior parcela “por ser presidente do ĂłrgĂŁoâ€?. “Os valores eram colocados em envelopes e distribuĂ­dos dentro da Alerj, na sala da presidĂŞncia ou, eventualmente, nos gabinetes dos deputados beneficiadosâ€?, diz o trecho da delação fechada com o MinistĂŠrio PĂşblico Federal (MPF). Em troca da mensalidade paga pela Fetranspor, a Casa Legislativa garantia apoio aos interesses da entidade, que congrega dez sindicatos, como o Rio Ă”nibus. Estes sindicatos reĂşnem mais de 200 empresas de transporte por Ă´nibus, que respondem por 81% do transporte pĂşblico regular no estado do Rio. Miranda afirmou que teve um contato mais prĂłximo com os pagamentos em 1997, quando Cabral o chamou para trabalhar na Consultoria de Orçamento e Finanças da presidĂŞncia da Alerj. O contato

de Cabral era feito por meio de JosĂŠ Carlos Lavouras, ex-presidente do Conselho de Administração da Fetranspor, denunciado na Operação Ponto Final Recomeço Miranda afirmou tambĂŠm que o esquema recomeçou em 2007, quando Cabral assumiu o governo do Rio. O ajuste, no entanto, foi de R$ 5 milhĂľes anuais, pagos em parcelas de R$ 420 mil e R$ 380 mil. AlĂŠm do valor anual acertado, tambĂŠm havia o pagamento de “prĂŞmiosâ€? para Cabral em razĂľes de negociaçþes do governo a respeito de tarifas, gratuidades e IPVA. Anualmente, os prĂŞmios giravam, em regra, de R$ 15 milhĂľes a R$ 20 milhĂľes, segundo o delator. Em 2014 essa cifra disparou e chegou a uma bonificação de R$ 90 milhĂľes depois de fechada uma nova prorrogação da concessĂŁo das linhas de Ă´nibus. O valor foi dividido em 12 vezes, com parcelas aproximadas de R$ 1,5 milhĂľes. Os

Neto (DEM-BA), ao governo. ACM Neto, no entanto, desistiu da candidatura e o cenårio se embaralhou. Agora o PSDB quer lançar o deputado federal João Gualberto para enfrentar o atual governador Rui Costa (PT-BA). O tucano, no entanto, rejeita aliança com o MDB baiano, comandado pelos irmãos Geddel e Lúcio Vieira Lima, ambos investigados na Lava Jato. Geddel estå preso em Brasília. Em Minas Gerais, a situação Ê ainda mais complicada. O MDB estava próximo do governador Fernando Pimentel (PT), que vai tentar a reeleição, mas o partido rachou. Uma ala, liderada pelo atual vice-governador e presidente regional do partido, Toninho Andrade, passou a defender candidatura própria. Jå os tucanos indicavam apoio a Rodrigo Pacheco (DEM), mas, agora, decidiram lançar a prÊ-candidatura do senador Antonio Anastasia (PSDB) ao governo. As informaçþes são do jornal O Estado de S. Paulo.

pagamentos foram feitos atĂŠ o dia 17 de novembro de 2016, quando Cabral e Miranda foram presos. Por causa do sucesso da negociação da Fetranspor com o governador em 2014, alĂŠm dos R$ 90 milhĂľes para Cabral, tambĂŠm teria havido a destinação de R$ 6,5 milhĂľes Ă Alerj e R$ 4 milhĂľes para o Tribunal de Contas do Estado do Rio (TCE-RJ). Miranda afirmou que em razĂŁo das negociatas frequentou a sede da Fetranspor, no Centro do Rio, de duas a trĂŞs vezes ao ano, de 2007 atĂŠ o inĂ­cio de 2014. Em 2014, as idas começaram a ser mais frequentes, chegando a ser semanais em 2015 e 2016. Numa das idas, Miranda revelou que Lavouras chegou a perguntar se ele havia desabilitado a função localização via GPS de seu celular, “uma vez que estaria preocupado com a presença do colaborador na sede da Fetransporâ€?. Miranda tambĂŠm revelou que Cabral tentou, em 2014, que o valor da propina fosse pago em contas na Suíça, mas o seu doleiro, Renato Chebar, desaconselhou a ação “uma vez que isso daria publicidade Ă s contas secretas que Cabral possuĂ­a naquele paĂ­sâ€?. As informaçþes sĂŁo do jornal O Estado de S. Paulo.

BAGUNÇA O leitor JosĂŠ Luiz da Silva se disse “indignadoâ€? ao ver “as moças do parquĂ­metro cobrando estacionamento dos veĂ­culos nos lugares, que pela recuperação do asfalto, foi tirado aqueles sensores que coliga com os carros. Penso que, nos lugares que as obras jĂĄ foram feitas, a empresa responsĂĄvel jĂĄ deveria colocar novamente estes sensores. Por que ao estacionar, nĂŁo conseguimos localizar as moças e com o aparelho no veĂ­culo eliminamos este trabalhoâ€?. LISTA NĂŁo perca as contas dos prĂŠ-candidatos Ă s duas vagas de senador: Pedro Chaves (PSL), Waldemir Moka (MDB), Marcelo Miglioli (PSDB) ou Geraldo Resende (PSDB), Zeca do PT, Dorival Betini (PR); Sergio Harfouche (PSC) sem contar nomes de partidos nanicos, como o JosĂŠ Roberto(Psol), de Dourados. MIMIMI Gleisi Hoffmann apelou para o Google Tradutor e estĂĄ tuitando em inglĂŞs. Em maiĂşsculas, ela escreveu que negar atendimento mĂŠdico a Lula ĂŠ um “crime contra a humanidadeâ€?, segundo o site O Antagonista. A presidente do PT esperneia porque a juĂ­za Carolina Lebbos vetou a visita

de mĂŠdicos ao presidiĂĄrio ilustre da PF em Curitiba, argumentando que nĂŁo havia alegação de urgĂŞncia. HĂĄ apenas seis meses, Lula estava dizendo no Twitter que fazia musculação duas horas por dia e tinha “72 anos, energia de 30 e tesĂŁo de 20â€?. Agora, pelo visto, resolveu fazer como Paulo Maluf preso. SĂł falta solicitar a bengala. UNIDOS A Assembleia Legislativa vai encaminhar ao MinistĂŠrio da Educação ao Senado e Ă Câmara dos Deputados carta com objetivo de evitar que o curso de Licenciatura Educação no Campo da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) seja transformado na modalidade Ă  distância e atĂŠ encerrado. Alunos, professores e deputados discutiram o assunto. Com a carta, que deve ser encaminhada pelo deputado JoĂŁo GrandĂŁo (PT), o grupo quer chamar atenção para o problema e evitar que o curso seja fechado. VAQUINHA O Tribunal Superior Eleitoral abriu na segunda-feira o cadastramento de empresas e entidades com interesse em prestar o VHUYLĂ?RGHÄ&#x;QDQFLDPHQWRFROHtivo de campanhas eleitorais. O cadastramento ĂŠ etapa obrigatĂłria e deve ser feito exclusivamente por meio do preenchimento do formulĂĄrio eletrĂ´nico. BOLSA Na segunda-feira, por conta do Dia do Trabalhado, c o presidente Michel Temer fez um pronunciamento em rede nacional, no qual anunciou o reajuste do programa Bolsa FamĂ­lia. Segundo o MinistĂŠrio do Desenvolvimento Social, o valor subiu de R$ 177,71 para R$ 187,79, com reajuste de 5,67%. O reajuste autorizado ĂŠ PDLRUTXHDLQÄ DĂ?Ă‚R

BATE REBATE A AgĂŞncia Nacional de Energia ElĂŠtrica (Aneel) informou que a bandeira tarifĂĄria serĂĄ amarela em maio. Isso signiďŹ ca que, as contas de energia voltam a ter a cobrança extra que, neste caso, serĂĄ de R$ 1 a cada 100 quilowatts-hora consumidos. ApĂłs delatar Lula e Dilma, ex-ministro AntĂ´nio Palocci ganhou direito a circular livremente e atĂŠ a cultivar um jardim na carceragem da PolĂ­cia Federal em Curitiba. Foi inaugurado o sistema de abastecimento de ĂĄgua no Distrito Nova Itamarati, em Ponta PorĂŁ, pela Sanesul. Um reservatĂłrio para 300 mil litros de ĂĄgua proporcionarĂĄ 738 ligaçþes domiciliares e 32.055 metros de rede de distribuição. O presidente Michel Temer assinou medida provisĂłria prorrogando para 30 de maio o prazo de adesĂŁo ao Programa de Regularização TributĂĄria Rural. O programa visa renegociar dĂ­vidas com o Funrural.

INFORME CURURU JĂĄ que ĂŠ pra visitar, tira da cadeia e pĂľe no zoolĂłgico...


5

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Economia

Inação para 2019 sobe de 4,00% para 4,03% HĂĄ duas semanas, o Ă?ndice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - IPCA15- indicou alta de 0,21% em abril e elevação de 1,08% no acumulado do ano DIVULGAĂ‡ĂƒO

Eduardo Rodrigues/AgĂŞncia Estado De BrasĂ­lia

A projeção dos economistas para a inflação em 2018 estå próxima do piso da meta deste ano, cujo centro estå em 4,5%, com margem de tolerância de 1,5 ponto porcentual (índice de 3,0% a 6,0%). Para 2019, a meta Ê de 4,25%, com margem de 1,5 ponto (de 2,75% a 5,75%). Hå três semanas, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) havia informado que o IPCA de março foi de 0,09%. No acumulado do primeiro trimestre, o índice atingiu 0,70%. Hå duas semanas, o IPCA-15 indicou alta de 0,21% em abril e elevação de 1,08% no acumulado do ano. Entre as instituiçþes que mais se aproximam do resultado efetivo do IPCA no mÊdio prazo, denominadas Top 5, a mediana das projeçþes para 2018 no Focus continuou em 3,56% ao ano. Para 2019, a es-

Luiz Fernando Teixeira AgĂŞncia Estado De SĂŁo Paulo O juiz federal Leonardo Safi de Melo, da 21ÂŞ Vara Federal CĂ­vel de SĂŁo Paulo, deferiu uma liminar que proĂ­be a Empresa Brasileira de Correios e TelĂŠgrafos (ECT) de reajustar valores acima de 8% para empresas de comĂŠrcio eletrĂ´nico. A decisĂŁo foi favorĂĄvel Ă Associação Brasileira de ComĂŠrcio EletrĂ´nico, que alegou que a ECT aumentava os valores de forma abusiva. Dessa forma, as vendas realizadas pelos membros eram prejudicadas, pois “a maior parte das empresas de e-commerces depende dos Correios para a entrega das mercado-

BOLSAS ,ERYHVSD 3RQWRV Måxima de Mínima de 9ROXPH 9DULD�ÂRHP 9DULD�ÂRQRPÓV 'RZ-RQHV 3RQWRV 1DVGDT 3RQWRV ,ERYHVSD)XWXUR 3RQWRV 0À[LPD SRQWRV  0âQLPD SRQWRV 

BLUE CHIPS +1,57% 86.383,19 +1,57%: 86.383 pts +0,01%: 85.051 pts 10,41 bilhĂľes 13,06% 1,19% +0,99% 24.322,34 +1,64% 7.118,68 +1,4% 87.190 87.220 85.815

6,32% ao ano 9,39% ao ano 1,08% ao mĂŞs 6,39% ao ano 6,40%

1RYHPEUR

3UHĂ?R

timativa do Top 5 se manteve em 4,00%. Quatro semanas atrås, as expectativas eram de 3,41% e 3,70%, respectivamente. Tanto na ata da última reunião do Comitê de Política Monetåria (Copom) quanto no Relatório Trimestral de Inflação (RTI), divulgados em março, o BC projetou o IPCA em 3,8% ao fim de 2018 e em 4,1% ao final de 2019, considerando o cenårio de mercado. A inflação suavizada para os próximos 12 meses passou de 4,06% para 4,08% de uma semana para outra - hå um mês, estava em 3,95% Entre os índices mensais mais próximos, a estimativa para abril de 2018 passou de 0,32% para 0,31%. Um mês antes, estava em 0,33%. No caso de maio, a projeção foi de 0,31% para 0,32%, ante os mesmos 0,32% de quatro semanas antes.

3UH�RVDGPLQLVWUDGRV O Focus indicou ontem manutenção na projeção para os preços administrados em 2018. A mediana das previsþes do mercado financeiro para o indicador este ano seguiu em 5,00%. Para 2019, a mediana foi de 4,48% para 4,44%. Hå um mês, o mercado projetava aumento de 4,80% para os preços administrados neste ano e elevação de 4,50% no próximo ano. As projeçþes atuais do BC para os preços administrados indicam elevaçþes de 4,8% em 2018, 3,8% em 2019 e 4,0% em 2020. Estes porcentuais foram atualizados no RTI, divulgado no fim de março. Selic Os economistas do mercado financeiro mantiveram suas projeçþes para a Selic (a taxa båsica da economia) para

o fim de 2018 e de 2019. O Relatório de Mercado Focus trouxe ontem que a mediana das previsþes para a Selic este ano seguiu em 6,25% ao ano. Hå um mês, jå estava em 6,25%. Jå a projeção para a Selic em 2019 seguiu em 8,00% ao ano, pela dÊcima quinta semana consecutiva. No Focus, a Selic mÊdia de 2018 permaneceu em 6,34% ao ano, mesmo patamar em que estava quatro semanas atrås. A taxa båsica mÊdia de 2019 foi de 7,08% para 7,10%, ante 7,27% de um mês atrås. Para o grupo dos analistas consultados que mais acertam as projeçþes (Top 5) de mÊdio prazo, a projeção da taxa båsica em 2018 seguiu em 6,25% ao ano, mesmo valor de um mês antes. No caso de 2019, a projeção do Top 5 para a Selic seguiu em 7,50%, ante 8,00% de um mês atrås.

rias adquiridas pelo pĂşblico consumidorâ€?. A ECT “noticiou o aumento do custo dos referidos serviços de entrega, sobre os quais incidiria reajuste de 8% sobre os valores praticados, bem como a cobrança de taxa adicional de R$ 20,00 por objetos nĂŁo quadrados e R$ 3,00 sobre remessas para locais considerados como sendo ĂĄreas de risco, a exemplo da regiĂŁo metropolitana do Rio de Janeiroâ€?. Como duas empresas associadas Ă autora (Mercado Livre e Netshoes) jĂĄ haviam ingressado com açþes individualmente, essa decisĂŁo liminar vale somente para as demais associadas. “Nesse ponto, defende a Autora que o aumento nos serviços de Sedex e PAC supera, em muito, o reajuste noticiado, chegando a Ă­ndices superiores a 50% (cinquenta por cento) a depender da localidade, sa-

lientando-se que, em regiþes metropolitanas, onde a RÊ enfrenta certo nível de concorrência, o aumento registrado foi menor que em åreas mais remotas do território nacional, onde sua atuação Ê quase exclusiva. O custo extra de R$ 20,00 (vinte reais) decorrente do formato não quadrado dos objetos postados onera ainda mais os associados da Autora. A cobrança de R$ 3,00 (três) reais para envio de encomendas para åreas de risco demonstram transferência da responsabilidade do Poder Público para com a execução de políticas que garantam a segurança pública dos indivíduos e efetividade da prestação dos serviços dirigidos à sociedade�, traz a decisão. Leonardo de Melo mencionou o Código de Defesa do Consumidor, que dispþe que Ê vedado ao fornecedor de serviços exigir do consu-

midor vantagem manifestamente excessiva, bem como elevar sem justa causa o preço de seu serviço. “Diante de tais destaques, vĂŞ-se, claramente, que o ordenamento jurĂ­dico nĂŁo concede respaldo ao aumento dos preços nos patamares pretendidos pela rĂŠ, que sobrepuja a inflação acumulada no mesmo perĂ­odo, configurando-se aumento excessivo e abusivo, em franco prejuĂ­zo ao objeto social daqueles que se dedicam ao comĂŠrcio eletrĂ´nico de bens e, por isso, dependem da Empresa PĂşblica no desempenho de suas atividadesâ€?, escreveu o magistrado. Defesa “Os Correios adotarĂŁo as medidas cabĂ­veis quanto Ă decisĂŁo liminar proferida em favor dos associados da ABCOMM - Associação Brasileira de ComĂŠrcio EletrĂ´nico.â€?

9DULDĂ?Ă‚R -0,65% -0,47%

* 1 onça-troy equivale a 31,1035 gramas

R$ 1,0641

DĂ?VIDA EM TR OU TRD 'LDGRYHQFLPHQWR )DWRUHVGH

R$ 954,00

$EULO 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30

R$ 25,52

(APLICAĂ‡ĂƒOAPARTIRDE 04/05/12)

,QÄ DĂ?Ă‚RLPSDFWDRFRQVXPRGRPĂ’VWLFRHQWUHRXWURVVHWRUHVGDHFRQRPLDEUDVLOHLUD

805,015 centavos de dĂłlar +0,18%

 &RWD�ÂR Ouro US$ 1.317,90 a onça-troyy 2XUR%0 ) (à vista) 148,500

3283$1q$ $EULO 27 28 29 30 Maio 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11

+2,32% +4,14% estĂĄvel +0,6% +4,04% +0,58% +1,56% +3,25% +1,04% +2,79%

OURO

8)(506 $EULO

9DULDĂ?Ă‚R

R$ 51,60 R$ 22,63 R$ 34,73 R$ 23,31 R$ 24,45 R$ 25,97 R$ 48,70 R$ 13,67 R$ 19,40 R$ 9,22

GLOBAL 40

SALĂ RIO MĂ?NIMO $EULO

em R$

,WDX8QLEDQFR31 3HWUREUDV31 Bradesco PN $PEHY21 3HWUREUDV21 %5)6$21 Vale ON Itausa PN Cielo ON JBS ON

&RWDĂ?Ă‚R 9DULDĂ?Ă‚R

JUROS

8),5

ECT nĂŁo pode cobrar mais de 8% para e-commerce Como a maior parte das YHQGDVGHSHQGHGRV&RUUHLRV RVQHJĂśFLRVVĂ‚RSUHMXGLFDGRV

progresso@progresso.com.br

- &'%SUHÄ&#x;[DGRGHGLDV - Capital de giro, - Hot money, - CDI, 2YHUD

Os economistas do mercado financeiro mantiveram a previsão para a inflação de 2018 e elevaram levemente a estimativa para o próximo ano. O Relatório de Mercado Focus, divulgado ano último de abril pelo Banco Central (BC), mostra que a mediana para o IPCA este ano se manteve em 3,49%. Hå um mês, estava em 3,54%. Jå a projeção para o índice em 2019 subiu de 4,00% para 4,03%. Quatro semanas atrås, estava em 4,08%.

$LQÄ DĂ?Ă‚RVXDYL]DGD para os prĂłximos 12 meses passou de 4,06% para 4,08% de uma semana para outra

INDICADORES ECONÔMICOS

0,3715% 0,3715% --0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715% 0,3715%

0,01307680 0,01301082 0,01333021 0,01328298 0,01315390 0,01309747 0,01300851 0,01325100 0,01316651 0,01317106 0,01286854 0,01273231 0,01285938 0,01290034 0,01338616 0,01324232 0,01324706 0,01319710 0,01334021 0,01324654

(Multiplique a quantidade de TR ou TRD do carnê pelo fator de atualização da data do vencimento. A aplicação desse fator único atualiza a dívida pela TR do dia do aniversårio do contrato e converte o resultado para reais).

7%)

TR

$EULO 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25

$EULO 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25

0,4467% 0,4691% 0,4682% 0,4687% 0,4694% 0,4466% 0,4242% 0,4465% 0,4689% 0,4678% 0,4682% 0,4667% 0,4421% 0,4207% 0,4428% 0,4650% 0,4644% 0,4545%

0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000%

CĂ‚MBIO 'ĂśODUFRPHUFLDOQREDOFĂ‚R DĂłlar Paralelo DĂłlar Ptax DĂłlar Turismo 'ĂśODU)XWXUR(maio) Euro Euro comercial Euro turismo

Compra R$ 3,4764 R$ 3,55 R$ 3,4971 R$ 3,4600 R$ 3,4770 US$ 1,2105 R$ 4,2060 R$ 4,1870

Venda R$ 3,4769 R$ 3,65 R$ 3,4977 R$ 3,6200 US$ 1,2105 R$ 4,2080 R$ 4,3800

9DULDĂ?Ă‚R -0,26% -0,37% -0,18% -0,36% -0,24% -0,47% -0,85% -0,9%

,1)/$qf2

ACUMULADO

Ă?NDICES

)HYHUHLUR 0DUĂ?R

QRDQR

PHVHV

INPC (IBGE) ,*30 )*9  ,*3', )*9  ,3& ),3(  IPCA (IBGE) CUB (SINDUSCON) ),3(=$363 ),3(

0,18 0,07 0,15 -0,42 0,32 0,31 0,18

0,48 1,47 1,30 0,05 0,70 0,71 0,51

1,56 0,20 0,76 1,93 2,68 3,10 1,54

0,07 0,64 0,56 0,00 0,09 -0,02 0,17

IMPOSTO DE RENDA (DESCONTO NA FONTE) 7$%(/$2),&,$/'$5(&(,7$)('(5$/ %DVHGHFĂ€OFXOR  $WĂ’5  'H5DWĂ’5 'H5DWĂ’5 'H5DWĂ’5 $FLPDGH5 

$OâTXRWD 7,5 15 22,5 27,5

'HGX]LU5 Isento 142,80 354,80 636,13 869,36

Deduçþes: R$ 189,59 por dependente; pensão alimentícia integral; contribuição ao INSS. Aposentado com 65 anos ou mais tem direito a uma dedução extra de R$ 1.903,98 no benefício recebido da Previdência.

REAJUSTE DE ALUGUEL ,*30 )*9  ,*3', )*9  ,3&),3( 

ABRIL (2018)

1,0020 1,0076 1,0193

IPCA (IBGE) INPC (IBGE) ICV-DIEESE

1,0268 1,0156 1,0257

Obs.: Fatores vĂĄlidos para contratos cujo Ăşltimo reajuste ocorreu hĂĄ um ano. Multiplique o valor pelo fator.

AGROPECUà RIA 0,/+2GLVSRQâYHO 62-$GLVSRQâYHO Boi gordo Vaca gorda FONTE: Grande FM RURAL

R$ 32,00 (Dourados) R$ 72,50 (Dourados) R$ 132,00 (Brasil Global - Ă vista) - R$ 136,00 (Friboi/PPorĂŁ - c/ 30 dias) R$ 123,00 (Brasil Global - Ă  vista) - R$ 126,00 (Friboi/PPorĂŁ - c/ 30 dias)


6

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Brasil

PrÊdio pega fogo e desaba em SP; bombeiros buscam vítimas Corpo de Bombeiros jå havia relatado as pÊssimas condiçþes do edifício às autoridades do município ROVENA ROSA/AGÊNCIA BRASIL

Agência Estado De São Paulo Um prÊdio de 24 andares desabou durante um incêndio de grandes proporçþes no Largo do Paissandu, no centro de São Paulo, na madrugada de ontem. Um edifício vizinho tambÊm pegou fogo, mas não corre risco de colapso. Uma pessoa morreu e pelo menos outras duas estão desaparecidas. Bombeiros buscam por vítimas nos escombros. Segundo o Corpo de Bombeiros, a pessoa que morreu estava sendo resgatada por corda pelos militares quando a estrutura do prÊdio desabou. Os militares abriram um acesso pelo edifício vizinho e a vítima jå estava pronta para sair quando toda a estrutura colapsou. A corda que a prendia se rompeu e ela caiu. Um bombeiro tambÊm ficou ferido durante o desabamento. O prÊdio que desabou era uma antiga instalação da Po-

Homem que trabalhava como carregador morreu antes de ser salvo; ele foi ‘sugado’ pelos escombros lĂ­cia Federal. Segundo comerciantes do entorno, o local era ocupado ilegalmente. Antes de ruir, algumas pessoas pediam socorro no Ăşltimo andar. As chamas começaram no quinto andar, se alastrando rapidamente para os nĂ­veis superiores. Ao todo, 160 militares atuam no combate ao incĂŞndio e no resgate das vĂ­timas. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o prĂŠdio jĂĄ havia passado por vistoria, na qual foram relatadas as pĂŠssimas condiçþes do local Ă s autoridades do municĂ­pio. De acordo com a corporação, os compartimentos entre os andares eram divididos por madeira, o que ajudou a propagar as chamas. A Defesa Civil Estadual realiza cadastramento de todas as famĂ­lias que poderiam estar no prĂŠdio no momento do incĂŞndio. Um edifĂ­cio vizinho tambĂŠm foi atingido e as chamas

SĂŁo dois ou trĂŞs dias de trabalho manual, resfriamento e retirada dos escombros, trabalhando com possĂ­veis vĂ­timas se espalharam por dois andares. Ele foi esvaziado e interditado. Segundo o Corpo de Bombeiros, o risco de colapso ĂŠ mĂ­nimo e nĂŁo hĂĄ vĂ­timas deste incĂŞndio. Comerciantes da regiĂŁo relatam correria nas ruas, com clientes deixando hoteis vizinhos Ă s pressas. As testemunhas dizem que quebraram vidraças, se espalhando rapidamente pelos andares e atingindo os prĂŠdios vizinhos. “Eu estava em horĂĄrio de serviço e escutei vĂĄrias pessoas gritando, barulho de vidros caindo. Quando fui ver o que era, as ruas, que estavam desertas, ficaram cheias de pessoas desesperadasâ€?, disse o recepcionista FlĂĄvio Gabia, que trabalha em um hotel no Largo do Paissandu. Um hotel ao lado dos edifĂ­cios em chamas tambĂŠm foi esvaziado e interditado. AtĂŠ o final da tarde de ontem, havia pelo menos trĂŞs versĂľes para o inĂ­cio do incĂŞndio de prĂŠdio em SP. No local, pessoas contaram que houve uma briga entre dois moradores no 5Âş andar. JĂĄ o pastor da Igreja EvangĂŠlica Luterana, Frederico Carlos Ludwig, disse que a zeladora da entidade foi acordada por uma violenta explosĂŁo. Algumas pessoas relataram que o incĂŞndio pode

ter sido causado pela explosĂŁo de uma panela de pressĂŁo ou de botijĂŁo de gĂĄs. Outro prĂŠdio e uma igreja tambĂŠm foram afetados. CĂŁes farejadores chegaram a ser colocados no local, mas foram retirados, porque os escombros ainda estavam quentes. No trabalho de rescaldo, grupos de bombeiros trabalharam no ponto do desabamento em turnos de meia hora e voltavam para uma base montada no Largo do Paissandu, onde se hidratam e descansam. Carregador morto O homem que morreu antes de ser salvo, chamado Ricardo, trabalhava como carregador na Rua 25 de Março. Os relatos dĂŁo conta de que ele saiu do edifĂ­cio, mas voltou para ajudar outros moradores a saĂ­rem do local. O porta-voz dos bombeiros informou que a corporação trabalha com a perspectiva mĂ­nima de uma semana para fazer o trabalho de rescaldo no local do incĂŞndio. “SĂŁo dois ou trĂŞs dias de trabalho manual, resfriamento e retirada dos escombros, trabalhando com possĂ­veis vĂ­timas, para depois trabalhar com o maquinĂĄrio pesadoâ€?, disse.

União diz que edifício estava cedido à prefeitura paulistana Imóvel em nome da Caixa, desde 68, foi sede da Polícia Federal e posto do INSS Priscila Mengue Agência Estado O presidente Michel Temer confirmou ontem que o prÊdio que pegou fogo e desabou no centro de São Paulo era da União. Segundo o governo federal, a última invasão no local aconteceu quando o edifício estava cedido à Prefeitura. Pouco depois, o prefeito Bruno Covas (PSDB) afirmou que o Município fez tudo o que pode em relação ao prÊdio - diversas reuniþes com moradores, para negociar uma saída pacífica, e tambÊm

com a UniĂŁo, na tentativa de assumir o edifĂ­cio e encaminhar uma resolução. “A Prefeitura nĂŁo pode ser acusada de se furtar Ă responsabilidade. SĂł neste ano, desde fevereiro, fizemos seis reuniĂľes com os moradores. O nĂşcleo de intermediação com ĂĄreas invadidas fez seis reuniĂľes com eles alertando destes riscosâ€?, disse Covas. O prefeito afirmou que como a Prefeitura nĂŁo tem a posse do imĂłvel nĂŁo poderia ter entrado com pedido de reintegração. Segundo o superintendente de patrimĂ´nio da UniĂŁo no Estado de SĂŁo Paulo, Robson Tuma, o imĂłvel estĂĄ no nome da Caixa EconĂ´mica Federal desde 1968 e foi sede da PolĂ­cia Federal e de um posto do

INSS. O prÊdio foi repassado pela Caixa à União, mas um conflito sobre pagamento de taxas levou o caso à Justiça. Ou seja, ele Ê da União, mas estå no nome da Caixa. Em julho de 2014, a União obteve uma reintegração de posse da årea, mas o imóvel foi novamente invadido cerca de dois meses depois, quando jå havia sido cedido à Prefeitura de São Paulo. De acordo com Tuma, no fim da gestão Fernando Haddad (PT ), a Prefeitura teria manifestado a intenção de encerrar o termo de cessão, mas na gestão João Doria (PSDB) foi fechado novamente acordo para que o espaço fosse utilizado pelas Secretarias Municipais de Educação e de Cultura.

Moradores do prÊdio pagavam aluguel Agência Estado De São Paulo Moradores que pertencem ao Movimento Luta por Moradia Digna (LMD) relataram à reportagem do Estadão que pagavam aluguel para morar no prÊdio que desabou na madrugada de ontem, no centro de São Paulo. Ao menos 120 famílias viviam irregularmente no imóvel, segundo informaçþes do Corpo de Bombeiros. Segundo relatos de moradores ligados ao Movimento por Moradia Digna, o custo de viver no local era entre R$ 350 e R$ 500. O imóvel era uma antiga instalação da Polícia Federal e depois foi ocupado por imigrantes e brasileiros. A Secretaria Municipal de Habitação atuava na ocupação do edifício por meio do grupo de Mediação de Conflitos, uma vez que no local estava previsto haver a reintegração de posse, movida pela Secretaria de Patrimônio da União. Uma vez desocupado, o imóvel seria cedido à Prefeitura. A Secretaria de Habitação realizou seis reuniþes com as lideranças da ocupação, entre fevereiro e abril, para esclarecer a necessidade de desocupação do prÊdio, por conta do risco e da ação judicial. No dia 10 de março, a secretaria cadastrou cerca de 150 famílias, com 400 pessoas, ocupantes do prÊdio. Desse total, 25% são famílias estrangeiras. Esse cadastro foi realizado para identificar a quantidade de famílias, o grau de vulnerabilidade social e a necessidade de encaminhamento das famílias à rede socioassistencial.

SP tem 70 prĂŠdios em situação semelhante AgĂŞncia Estado De SĂŁo Paulo O prefeito de SĂŁo Paulo, Bruno Covas, disse ontem que a cidade tem atualmente 70 prĂŠdios ocupados, em situação similar ao edifĂ­cio que desabou apĂłs ser atingido por um incĂŞndio. De acordo com ele, a prefeitura chegou a fazer seis reuniĂľes com os moradores do local, alertando-os sobre os riscos. “NĂłs temos 70 prĂŠdios em situação semelhante a esse. SĂŁo 200 ĂĄreas invadidas na cidade de SĂŁo Paulo, uma situação preocupante. Mas hoje a preocupação zero da prefeitura de SĂŁo Paulo ĂŠ o bom atendimento a essas famĂ­liasâ€?, disse. “O nĂşcleo de intermediação da Secretaria da Habitação para ĂĄreas invadidas fez seis reuniĂľes com eles, alertando desses riscos. A gente tinha uma ação em andamento com o governo federal para receber essa propriedade. A prefeitura nĂŁo pode ser acusada de se furtar da responsabilidadeâ€?, disse. O prefeito ressaltou ainda que o governo do estado irĂĄ fornecer um auxĂ­lio-aluguel para os moradores do prĂŠdio. AtĂŠ a liberação dos recursos, os moradores poderĂŁo ficar em albergues da prefeitura. A orientação, segundo Covas, ĂŠ que as famĂ­lias permaneçam juntas.

MP reabre o inquĂŠrito que apurava riscos de prĂŠdio que caiu Investigação foi arquivada em março sem chegar a nenhuma conclusĂŁo Bruno Ribeiro e Priscila Mengue AgĂŞncia Estado A Promotoria de Habitação e Urbanismo do MinistĂŠrio PĂşblico de SĂŁo Paulo decidiu reabrir ontem um inquĂŠrito arquivado em março que apurava eventuais riscos de segurança no EdifĂ­cio Wilton Paes de Almeida, que desabou na madrugada de ontem. A nota publicada pelo ĂłrgĂŁo confirma que as investigaçþes foram reabertas devido ao desabamento do prĂŠdio. A investigação foi arquivada em março deste ano sem chegar a nenhuma conclusĂŁo nem determinar medidas para melhorar a segurança do local. O inquĂŠrito civil havia sido aberto apĂłs uma representação feita ao MPE com base em informaçþes colhidas junto Ă Ouvidoria Geral do MunicĂ­pio e Prefeitura Regional da SĂŠ em agosto de 2015. A representação foi assinada por um morador vizinho do prĂŠdio, RogĂŠrio Baleki. “Da minha janela, era possĂ­vel ver

uma fenda de 40 centĂ­metros no prĂŠdio que desabou hojeâ€?, disse ele ao jornal O Estado de S. Paulo. “O que eu vejo aqui ĂŠ uma tragĂŠdia anunciada. Isso nĂŁo ĂŠ um acidente, ĂŠ um crimeâ€?, disse. A investigação tambĂŠm apurou que o local jĂĄ havia sido alvo de uma ação de despejo, movida pela UniĂŁo, mas foi reocupado apĂłs a primeira reintegração de posse. Ainda em 2015, o MPE requisitou informaçþes Ă Prefeitura e pediu que o Corpo de Bombeiros fizesse uma vistoria “com o objetivo de verificar as condiçþes de segurança e se realmente existia algum risco para quem mora no local ou o frequenta, inclusive a possibilidade de desabamentoâ€?. A investigação teve seu prazo de conclusĂŁo prorrogado por quatro vezes, trocou de promotor e foi finalizada apenas em março deste ano, sem nenhuma conclusĂŁo. A recomendação foi pelo arquivamento Atualmente, o processo estĂĄ no Conselho Superior do MP, que pode aceitar o arquivamento ou devolver o processo para a promotoria de Habitação. O MinistĂŠrio PĂşblico deve se pronunciar sobre o arquivamento.

PresidenciĂĄveis divergem sobre reforma trabalhista que a perda de direitos trabalhistas contribui para a recessĂŁo, Rabello de Castro disse que nĂŁo tinha relação. “Direito trabalhista ĂŠ a moldura de uma relação sadia de trabaPaula Reverbel lho. NĂŁo existe direito trabaDa AgĂŞncia Estado lhista em uma moldura sem A comemoração do 1Âş de quadro. Agora nĂŁo temos o maio da Força Sindical em quadro, porque o quadro nĂŁo SĂŁo Paulo deu espaço pa- ĂŠ de emprego, ĂŠ de desemprera trĂŞs presidenciĂĄveis de goâ€?, argumentou. A visĂŁo do presidenciĂĄvel diferentes posiçþes do espectro polĂ­tico: Aldo Rebe- ĂŠ oposta da maioria dos prelo - do Solidariedade, par- sentes no evento. Aldo Rebelo tido que nasceu a partir da afirmou que a defesa dos diForça Sindical e integra a reitos sociais ĂŠ uma questĂŁo base do governo Michel de princĂ­pios para sua legen8IQIV1ERYIPE( ÂťZMPE da. “Mas o Solidariedade ĂŠ um (PCdoB, de oposição) e partido aberto, conversa com Paulo Rabello de Castro todo mundoâ€?, afirmou. Perguntado se sua legenda (que deixou a presidĂŞncia do BNDES para disputar o vai passar a fazer oposição ao governo por conta da reforma Planalto pelo PSC). Enquanto Aldo e Manue- trabalhista, o presidenciĂĄvel la criticaram a reforma tra- respondeu que nĂŁo, mas que balhista por causa da perda a relação com o Planalto ĂŠ de de direitos, Rabello de Cas- conflito. “O Solidariedade tem tro seguiu a linha de que a sido muito crĂ­tico ao governo. recessĂŁo econĂ´mica foi a Foi crĂ­tico na questĂŁo trabagrande vilĂŁ dos trabalha- lhista, foi crĂ­tico na questĂŁo dores. “Eu sou professor de da PrevidĂŞncia, foi crĂ­tico na economia do trabalho, for- questĂŁo sindical, na reforma mado pelos maiores pro- sindical. EntĂŁo a relação com fessores da Universidade o governo tem sido tambĂŠm de Chicago. Hoje ĂŠ a reces- uma relação de conflitoâ€?, consĂŁo que faz o desemprego, cluiu. a perda do direito. A precaĂšnica presidenciĂĄvel de rização realizada por essa oposição presente, Manuela meia reforma, essa meia disse que hĂĄ um esforço pasola, ela apenas acentuou ra que o 1Âş de Maio desse ano as caracterĂ­sticas da reces- seja mais politizado que os sĂŁoâ€?, disse o ex-presidente anteriores devido Ă reforma do Banco Nacional de De- trabalhista e Ă  prisĂŁo do exsenvolvimento EconĂ´mico -presidente Luiz InĂĄcio Lue Social (BNDES) Ă  repor- la da Silva. “Ele ĂŠ o primeiro tagem. operĂĄrio presidente do Brasil. Ele adotou uma posição Isso aumenta a responsabilicrĂ­tica ao governo Temer. dade para que os atos sejam “Os Ăşltimos dados de dimi- mais politizadosâ€?, disse Ă  renuição, atĂŠ acentuada, da portagem, a caminho do ato carteira de trabalho assina- da CUT. da, vocĂŞ verifica o quanto Ela e Aldo Rebelo tambĂŠm que houve uma precariza- vĂŁo participar da celebração ção da relação. A gente saiu unificada da CUT e da Força de uma realidade comple- Sindical em Curitiba. A orgaxa que ĂŠ o contrato de tra- nização da festa da Força Sinbalho dos anos 1940 e fo- dical disse que a presença de mos para uma relação de outro candidato ao Planalto, precariedade sem pensar Ciro Gomes (PDT), era espeum minuto nas consequ- rada, mas ele nĂŁo compareĂŞncias do que podia acon- ceu Procurada, sua assessoria tecer. Que ĂŠ bem a cara do de imprensa afirmou que ele governo que eu conheciâ€?, cumpre agenda fechada e que acrescentou. nunca confirmou sua particiPerguntado se acreditava pação no ato. A visĂŁo do presidenciĂĄvel ĂŠ oposta da maioria dos presentes no evento


7

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Polícia

Francês é preso em Dourados com maconha hidropônica Estrangeiro estava com passaporte vencido e a droga escondida no estepe do veículo que apresentou problemas mecânicos durante o transporte e foi abandonado no centro do município CIDO COSTA/DOURADOS AGORA

Renato Giansante policia@progresso.com.br Um francês, de 37 anos, foi preso em flagrante na tarde de segunda-feira em Dourados pelo tráfico de drogas. Ele transportava maconha hidropônica no estepe de um veículo e seu passaporte também estava vencido. De acordo com o boletim de ocorrência, policiais militares da Força Tática receberam a denúncia que um veículo Peugeot 206, com características suspeitas, estava estacionado na Avenida Weimar

(OHWDPEÒPFRQğUPRX que estava alguns meses no Brasil de forma irregular já que havia vencido o prazo para estadia no país Gonçalves Torres e em sua primeira vitoria nada foi encontrado, porém, com auxílio do canil, foram detectadas as drogas no pneu estepe. A Polícia Militar (PM) então levou o estepe para uma borracharia e ao esvaziar o mesmo foram encontrados 21 envelopes de maconha embalada a vácuo que totalizaram 5,25 quilogramas. Populares relataram que viram o motorista caminhar sentido à rodoviária de Dourados e diante das características do suspeito, a PM en-

Canil do 3º Batalhãoda Polícia Militar auxiliou para descobrir a droga escondida em Dourados controu o francês morador de Cagnes Sur Mer, que fica próximo à Nice. O estrangeiro foi encaminhado ao 1° Distrito Policial, realizou depoimento e relatou que pegou a droga já preparada no estepe em Ponta Porã e que levaria até a capital de São Paulo onde receberia a quantia de R$ 8 mil, mas o veículo apresentou problemas mecânicos e a solução foi abandoná-lo no local encontrado pela PM. Devido os fatos, o francês foi preso em flagrante. Mais Dourados Também no município, mais na manhã de ontem, um ho-

Maconha hidropônica foi encontrada no estepe do veículo

mem de 33 anos, morador no Jardim Canaã I, foi preso por tráfico de drogas ao tentar transportar pasta base de cocaína no interior de uma garrafa térmica. De acordo com a ocorrência, o rapaz seguia de bicicleta pela Rua Antônio do Amaral, próximo a escola Sócrates Câmara, no Jardim Carisma, quando se deparou com uma equipe da Polícia Militar do Grupo Especializado Tático de Motos (Getam). Ele demonstrou espanto que alarmou os policiais. Neste

Garrafa térmica foi usada como esconderijo da pasta base de cocaína que tem valor estipulada de R$ 5 mil momento, foi realizada abordagem e foram encontradas 100 pedras da droga dentro da garrafa térmica que totalizaram 183 gramas. Aos policiais, disse que pegou a droga de outro homem, apelidado de “Gordo” e que entregaria para um terceiro onde receberia R$ 500 e duas porções da cocaína. Para os policiais, a droga encontrada na garrafa térmica está avaliada em R$ 5 mil. O rapaz foi levado pela Guarda Municipal ao 1º Distrito Policial e autuado pelo tráfico de drogas.

SENAD

Operação acabou com local

Acampamento é destruído com 6 t de maconha De Dourados A Secretaria Nacional Anti-Drogas (Senar) acabou com um acampamento mantido por traficantes na tarde de segunda-feira durante a operação contra o narcotráfico na região de fronteira com o estado de Mato Grosso do Sul. Ao todo, foram incineradas seis toneladas de maconha picada, 500 quilogramas de maconha prensada e 50 quilogramas de semente da droga que estavam armazenadas no local. Também foram destruídas duas áreas de plantio de maconha em etapa de crescimento. A operação foi realizada na colônia Santa Clara situada a 80 quilômetros da fronteira, no departamento de Amambay. Na ação, também foram apreendidos 25 peneiras, seis macacos hidráulicos, três prensadoras artesanais e três motocicletas utilizadas pelos integrantes do narcotráfico que eram responsáveis pelo preparo da droga para a sua comercialização possivelmente em território brasileiro. Os policiais calculam que esta operação tenha causado prejuízo milionário ao narcotráfico que atua na região.


8

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Esportes GILVAN DE SOUZA / FLAMENGO

Corinthians recebe Independiente na Arena Alvinegros recebem argentinos, hoje, às 20h45 (de MS) para seguir na liderança do Grupo 7 da Libertadores; duelo de brasileiros movimenta Grupo 5 DIVULGAÇÃO/CORINTHIANS

Renato Giansante esportes@progresso.com.br O primeiro confronto entre Corinthians e Independiente, vencido pelos brasileiros no dia 18 de abril, foi marcado por muita reclamação dos argentinos após o gol anulado do time da casa nos minutos finais e que poderia dar o empate naquele jogo. Duas semanas depois, os times voltam a se enfrentar nesta noite, às 20h45 (de MS), desta vez na Arena Corinthians, e pode definir os destinos de ambos na competição.

Diego desfalca o Flamengo hoje na Copa do Brasil Meio-campista não estará em campo diante da Ponte Preta em Campinas Da Agência Estado Do Rio de Janeiro

Poupado no domingo contra o Atlético-MG, o meia Jadson pode ser a novidade contra os argentinos, hoje, na Libertadores Líder do Grupo 7 com sete pontos, o Timão pode se aproximar da classificação nesta abertura do returno. Em caso de triunfo, o time paulista abrirá seis pontos para o terceiro colocado Milionários-COL que já atuou na rodada, restando apenas seis pontos em disputa. Já os argentinos amargam a lanterna com três pontos e uma derrota pode afastar o time da disputa pela segunda fase. Se a situação é favorável na tabela de classificação, no campo, o técnico Fábio Carille tem problemas para definir

Meia sentiu no domingo, mas lesão foi detectada na segunda

Torcida garantiu 33 mil ingressos de forma antecipada e Arena deve receber bom público novamente

a escalação. A lista de desfalques certos tem: Renê Jr (lesão no joelho direito), Ralf (lesão no ombro esquerdo), Fagner (lesão na coxa direita), Vilson (lesão muscular) e Léo Santos (tendinite no joelho). Além desses, alguns atletas apresentam desgastes físicos e são dúvidas. Nesta situação está o atacante Clayson que não foi a campo no treino de ontem,

fazendo apenas trabalhos na parte interna do CT. O provável time titular deve ter: Cássio, Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel e Maycon; Romero, Rodriguinho, Jadson e Clayson (Mateus Vital). Mais Libertadores No Grupo 5, Vasco e Cruzeiro se enfrentam hoje em São

Januário e o time carioca joga a “vida” na competição. Lanterna com dois pontos, uma derrota significa eliminação logo na quarta rodada. Já os mineiros sonham com a liderança do grupo, mas focam na permanência da zona de classificação para as oitavas de final. O duelo de hoje acontece às 20h45 (de MS).

O técnico Maurício Barbieri sofreu ontem uma importante baixa no time do Flamengo. O meia Diego teve constatada lesão no joelho direito e virou desfalque certo para o jogo contra a Ponte Preta, na noite de hoje, em Campinas. Será o jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. O jogador começou a sentir dores no local durante a partida contra o Ceará, domingo, na Arena Castelão. Segundo o clube, o desconforto teve início ainda na etapa inicial do jogo. Mesmo assim, Diego jogou os 90 minutos da partida. Na segunda, ele foi submetido a exames, que confirmaram a lesão no ligamento colateral medial. O meia já iniciou tratamento. O clube não estimou um

prazo de retorno do atleta aos gramados. Há um ano, Diego passou por cirurgia no mesmo joelho por conta de uma lesão no mesmo ligamento e também no menisco. Sem poder contar com Diego, Barbieri testou ontem Geuvânio na posição. O treinador deve escalar o time rubro-negro com Diego Alves; Rodinei, Léo Duarte, Rever e Renê; Cuéllar, Paquetá, Éverton Ribeiro, Geuvânio e Vinicius; Henrique Dourado. Boletim de Ocorrência A diretoria do Flamengo vai fazer um boletim de ocorrência na Polícia Civil, hoje, para evitar novos atos violentos por parte de sua torcida, como aconteceu na sexta, no embarque da delegação rubro-negra rumo à Fortaleza. O clube também vai acionar o Ministério Público através do envio de um ofício ao Procurador Geral de Justiça do Estado do Rio de Janeiro. A meta da diretoria é alertar as autoridades sobre os protestos recentes da torcida que envolveram atos de violência.


Educação

Sucatas

Af Afeto ajuda na au autonomia dos bebês be

Sanesul leiloa veículos no próximo dia 8

3»* 3»*

3»*

Câmara Federal Câ

DIA A DIA Dourados, quarta-feira 2.5.2018

Ge Geraldo cobra início de obras de asfalto na Rua Natal, em Dourados 3»*

O PROGRESSO HÉDIO FAZAN

Contador de Dourados explica que a partir de hoje é possível fazer a declaração, mas contribuinte pagará multa

Em MS, mais de 35 mil deixaram de declarar o Imposto de Renda Multa para quem perdeu o prazo vai de R$ 165,74 até 20% do imposto. Em Dourados, 4.7 mil declarações foram feitas em 1 dia Valéria Araújo valeria@progresso.com.br Mais de 35 mil sul-mato-grossenses deixaram de entregar a Declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF). Segundo a Receita, a estimativa era de receber 400 mil declarações no estado, mas apenas 364.843 foram entregues, até às 13h do dia 30 de abril, data limite para acertar as contas com o “leão”. O número exato de contribuintes que não declararam foi 35.157 em MS. No Brasil, o total de contribuintes que entregaram o documento foi 29.269.987, crescimento de 1,63% em relação ao ano pas-

sado, contra estimativa de 28,8 milhões de declarações. Em 2017, 28.524.560 contribuintes entregaram o documento dentro do prazo. Em Dourados, o número de declarações entregues supe-

No Brasil, o total de contribuintes que entregaram o documento foi 29.269.987, crescimento de 1,63% rou as expectativas. De acordo com o delegado Elvis Caiçara, da Delegacia da Receita Federal, foram entregues 37.196 declarações, sendo que a expectativa era de 36.5 mil. Levando

em consideração que até o dia 29 apenas 32.466 haviam apresentado a declaração, cerca de 4.7 mil pessoas deixaram para o último dia. Para o delegado, o fator econômico foi motivador para o aumento. “Quando nós falamos da declaração entregue este ano nos referimos a fatos ocorridos em 2017. A melhora da economia é fator preponderante. Com a aproximação do fim do prazo, as empresas especializadas registraram forte aumento na procura. É o que afirma o contador Dilson Franca Lange, da Contalex Triunfo – Organização Contábil. Segundo ele, quem perdeu a data limite poderá enviar a

Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física a partir das 8h de hoje (2). Neste ano, está obrigado a declarar quem recebeu rendimentos tributáveis, em 2017, em valores superiores a R$ 28.559,70. No caso da atividade rural, deve declarar quem teve receita bruta acima R$ 142.798,50. Multa O contribuinte que perdeu o prazo será multado em 1% do imposto devido por mês de atraso (limitado a 20% do imposto total) ou em R$ 165,74, prevalecendo o maior valor. Não será preciso baixar um

DESTAQUES 5(67,78,ßÇ2 O pagamento das restituições começa em 15 de junho e vai até 17 de dezembro 5(66$5&,0(172 Quanto antes o contribuinte tiver entregado a declaração, mais cedo será ressarcido novo programa. O próprio sistema fará a atualização dos valores na hora de imprimir a guia. O programa de preenchimento da declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física de 2018, ano base 2017,

está disponível no site da Receita Federal. Também é possível preencher e enviar o documento por meio do aplicativo Meu Imposto de Renda para tablets e celulares. Restituições O pagamento das restituições começa em 15 de junho e vai até 17 de dezembro, em sete lotes mensais. Quanto antes o contribuinte tiver entregado a declaração com os dados corretos à Receita, mais cedo será ressarcido. Têm prioridade no recebimento pessoas com mais de 60 anos, contribuintes com deficiência física ou mental e os que têm doença grave.


2

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Dia a Dia DIVULGAĂ‡ĂƒO

Poeira atormenta moradores dos JequitibĂĄs DIVULGAĂ‡ĂƒO

6HJXQGRRSUHVLGHQWHGD),(06RVEHQHIâFLRVÄ&#x;VFDLVWURX[HUDPRSRUWXQLGDGHVGHGHVHQYROYLPHQWRSDUD0DWR*URVVRGR6XO

Incentivos ajudam na industrialização de MS 'XUDQWHHQFRQWURUHDOL]DGRem Bonito, presidente da Fiems destacou os incentivos concedidos pelo Governo De Dourados progresso@progresso.com.br Ao participar em Bonito (MS), do 7Âş Encontro Estadual dos Auditores Fiscais da Receita Estadual, realizada pelo Sindifisco-MS (Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Estadual de Mato Grosso do Sul), o presidente da Fiems, SĂŠrgio Longen, destaca a importância dos incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado para o processo de industrialização e desenvolvimento regional sul-mato-grossense. “Os incentivos fiscais garantem a competitividade dos produtos industrializados em Mato Grosso do Sul. Hoje, 70% da nossa produção ĂŠ comercializada para outros Estados e sem esses benefĂ­cios

nĂŁo terĂ­amos como competir com as mercadorias das indĂşstrias dos grandes centros do PaĂ­sâ€?, destacou SĂŠrgio Longen, acrescentando ainda que tentam passar para a sociedade que a concessĂŁo dos incentivos fiscais ĂŠ um equĂ­voco do Governo, o que nĂŁo ĂŠ verdade. “Pessoas mal informadas gostam de falar que os bene-

2VLQFHQWLYRVÄ&#x;VFDLVJDUDQWHPDFRPSHWLWLYLGDGH dos produtos industriaOL]DGRVHP0DWR*URVVR GR6XO fĂ­cios sĂŁo uma renĂşncia fiscal por parte do Governo, que o Estado deixa de arrecadar impostos quando fazem essa concessĂŁo. PorĂŠm, essas pessoas nĂŁo compreendem que nĂŁo se pode renunciar a algo

que nĂŁo se contava, portanto, na verdade, o Estado estĂĄ obtendo uma receita a qual nĂŁo estava previstaâ€?, explicou o presidente da Fiems, reforçando que os incentivos trouxeram oportunidades de desenvolvimento para Mato Grosso do Sul. JĂĄ o secretĂĄrio-adjunto de Governo e GestĂŁo EstratĂŠgica de Mato Grosso do Sul, Jader Rieffe Julianelli Afonso, ressalta que, em 10 anos, a concessĂŁo de incentivos por parte do governo estadual contribuiu de forma decisiva na industrialização. “Mato Grosso do Sul foi o Estado brasileiro que mais avançou na industrialização e isso trouxe mais desenvolvimento regional. Nos Ăşltimos 5 anos, nĂłs recebemos mais de R$ 36 bilhĂľes de investimentos privados e

RegiĂŁo Sul-Fronteira recebe investimentos de R$ 43 milhĂľes DIVULGAĂ‡ĂƒO

$VREUDVDQXQFLDGDVSHOR *RYHUQRLUĂ‚REHQHÄ&#x;FLDU GLYHUVDVFLGDGHV De Dourados progresso@progresso.com.br O Governo do Estado ratificou esta semana sua atuação estruturante nos 79 municĂ­pios de Mato Grosso do Sul. Em uma agenda intensa pela regiĂŁo Sul-Fronteira do Estado entre entregas, anĂşncios, autorizaçþes, visitas e ordens de serviço, o Governo divulgou cerca de R$ 43,9 milhĂľes em investimentos para quatro municĂ­pios. “O governador Reinaldo Azambuja mostrou na prĂĄtica que temos um governo municipalista. Inauguramos vias urbanas, pontes, demos ordem de serviço para casas, pavimentos, obras de restauração, levamos mais saĂşde com novas estaçþes de tratamento de esgoto. Enfim, isso resume

(PXPDDJHQGDLQWHQVDR*RYHUQRGLYXOJRXRVLQYHVWLPHQWRV o lema do governo presente, responsåvel e transparente que quer melhorar a vida das pessoas� disse o secretårio de Estado de Infraestrutura, Helianey Silva. Ele acompanhou o governador durante às visitas aos municípios de Coronel Sapucaia, Aral Moreira, Sete Quedas e Ponta Porã. Em Coronel Sapucaia o

grande destaque foram as obras de saneamento. O municĂ­pio recebeu a ampliação do sistema de esgotamento sanitĂĄrio no valor de R$ 3,5 milhĂľes e o anĂşncio de mais R$ 2,4 milhĂľes para a perfuração de um novo poço tubular profundo para o municĂ­pio. “Mato Grosso do Sul realiza o maior volume de investimen-

o Estado jĂĄ ĂŠ o 5Âş Estado em investimento no PaĂ­sâ€?, informou, garantindo que sem os incentivos Mato Grosso do Sul ficaria estagnado. Sobre a palestra do presidente da Fiems, Jader Julianelli pontua que foi enriquecedora, principalmente, para os auditores fiscais da Receita do Estado. “O presidente SĂŠrgio Longen demonstrou aos auditores fiscais a visĂŁo do empresĂĄrio quanto aos benefĂ­cios dos incentivos fiscais. Ele deixou claro a importância da utilização desses incentivos para a atração e manutenção das indĂşstrias em Mato Grosso do Sul e o corpo fiscal do Estado soube captar essas informaçþesâ€?, afirmou. Para o presidente do Sindifisco-MS, Ronaldo Vielmo Monteiro, o assunto ĂŠ de interesse de todos. “Enquanto o secretĂĄrio-adjunto de Governo e GestĂŁo EstratĂŠgica de Mato Grosso do Sul, Jader Julianelli, detalhou como ficou a concessĂŁo de incentivos fiscais com a convalidação, o presidente da Fiems, SĂŠrgio Longen, falou sobre como os empresĂĄrios estĂŁo transformando esses benefĂ­cios em mais empregos para os trabalhadores do Estadoâ€?, analisou.

tos em saneamento dentre todos os estados brasileiros�, pontuou Reinaldo Azambuja. Jå em Aral Moreira, alÊm da ponte sobre o rio GuaimbÊ, na rodovia MS-379, que custou mais de R$ 1 milhão, o governador tambÊm autorizou a licitação para pavimentação de diversas ruas do município que poderão receber atÊ R$ 1,8 milhão de investimentos. O governador tambÊm autorizou o início das obras de pavimentação de outras ruas no município, com investimentos de R$ 890 mil. Sete Quedas foi o terceiro município visitado e o que recebeu o maior montante em investimentos. São R$ 15,8 milhþes frutos de recursos próprios do Governo e de parcerias com o Governo Federal e o Município. Entre as principais obras, a gestão estadual entregou mais uma ponte no valor de R$ 1,1 milhão, autorizou a licitação da pavimentação de diversas ruas – R$ 1,3 milhão -, e visitou as obras das 100 unidades habitacionais dos residenciais Itaporã I e II que estão em construção e recebem um maciço investimento de R$ 8.207.306,13.

$3HGUR/HLWH)DULDVĂ’XPH[HPSORGRSUREOHPDHQIUHQWDGR 3DUDPRUDGRUHVFQVWUXĂ?Ă‚R GHTXHEUDPRODVPLQLPL]D VRIULPHQWR De Dourados O Parque dos JequitibĂĄs, um dos mais antigos da cidade, com 20 anos de criação e onde estĂĄ localizada a Prefeitura de Dourados, praticamente nĂŁo possui ruas asfaltadas. Por causa disso, os moradores sofrem diariamente com a poeira em perĂ­odos de estiagem e lama em perĂ­odos chuvosos. Atualmente, os moradores estĂŁo sofrendo com a poeira. O que os moradores estĂŁo reivindicando, nĂŁo ĂŠ tĂŁo difĂ­cil assim, eles querem que a prefeitura construa alguns quebras-molas nas principais ruas, para evitar que os carros abusem da velocidade e com isso, levante tanta poeira. “Aqui moram crianças, idosos que sofrem com rinite alĂŠrgica e a poeira piora a

situação�, descreve Gilmar. Para a população do bairro, enquanto não vem asfalto, a única solução para minimizar a poeira Ê construindo quebra-molas e disponibilizando um caminhão pipa algumas vezes por semana. Gilmar informou que jå foi protocolado um ofício na Agetran (Agência de Transportes e Trânsito de Dourados), solicitando quebra-molas. TambÊm foi protocolado um ofício solicitando caminhão pipa a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur). Gilmar comenta que a população estå descrente de que o asfalto seja feito em curto prazo, embora jå se tenha parte dos recursos empenhados para esse objetivo. Recentemente, as principais ruas foram revitalizadas pela prefeitura e por estarem em boas condiçþes de tråfego, os motoristas abusam na velocidade e como jå faz um tempo que não chove, a poeira Ê o principal problema. Jå em outras ruas mais afastadas, a situação Ê caótica.

Lar do Idoso promove a 1ÂŞ Porca Ă Paraguaia MARCOS RIBEIRO

2HYHQWRVHUÀUHDOL]DGRHP 'RXUDGRVQRGLDGHPDLR das 11h às 14h De Dourados Lar do Idoso vai promover a 1ª Porca à Paraguaia de Dourados. O evento serå realizado no dia 5 de maio, das 11h às 14h. O almoço serå disponibilizado em marmitex para a pessoa levar. Não haverå consumo no local. A pessoa que adquirir o convite poderå buscar no próprio Lar do Idoso, localizado na Rua Major CapilÊ, no Jardim Caramuru. A promoção tem objetivo de arrecadar fundos para custeio e manutenção da entidade que estå passando por reformas. Atualmente o Lar do Idoso de Dourados mantÊm 35 idosos, sendo 28 homens e 7 mulheres. Segundo o presidente JosÊ Bento e o vice-presi-

2HYHQWRĂ’Ä&#x;ODQWUĂśSLFR dente, Edilmar Mafredini, nĂŁo hĂĄ previsĂŁo de conclusĂŁo das obras tendo em vista que depende de doaçþes. Para esse evento, a previsĂŁo ĂŠ de que pelo menos 700 pessoas adquiram convites. O preço ĂŠ de R$ 35,00 AlĂŠm de 1ÂŞ Porca Ă Paraguaia, o Lar do Idoso tambĂŠm vai promover, em parceria com a Rede Feminina de Combate ao Câncer, mais uma edição da Expoflor, que serĂĄ realizada na Praça Antonio JoĂŁo, em maio, alusivo ao Dia das MĂŁes.


3

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Dia a Dia

Geraldo cobra início de obras de asfalto na Rua Natal em Dourados Projeto está na Caixa Econômica para ser aprovado e enviado para a Agesuliniciar as obras. Deputado garantiu os recursos ELIEL OLIVEIRA

ação precária da via tem trazido grandes transtornos para os moradores”, saliena, observando que a pavimentação na Rua Natal é um compromisso que ele assumiu com os moradores e com os vereadores durante as diversas reuniões no bairro em janeiro 2016. Ainda de acordo com Geraldo, nos dias de chuva as famílias ficam ilhadas, sem sair de casa, e no calor a poeira castiga. “Coloquei minha equipe para acompanhar ainda mais de perto essas etapas com a expectativa de que possamos auxiliar a superar eventuais entraves. Quero ver essa obra iniciada o quanto antes porque eu sei as dificuldades que os moradores estão passando. Assim como eles, já morei em rua sem asfalto. Essa morosidade também me incomoda”, reclama o parlamentar, observando que a

Geraldo Resende garantiu os recursos de 1,2 milhão para asfaltar o bairro e pede agilidade nos processos

Situação precária da Rua Natal gera transtornos aos moradores que aguardam pela pavimentação

De Dourados progresso@progresso.com.br O deputado federal Geraldo Resende está cobrando agilidade no processo de início das obras de pavimentação asfáltica da Rua Natal e transversais, no Jardim Monte Líbano. O parlamentar garantiu os recursos necessários para a obra por meio de uma emenda individual no valor de R$ 1,2 milhão. Os recursos estão autorizados desde maio de 2016 (empenho nº801648 –

Ministério das Cidades) e não podem ser redirecionados para outra finalidade. De acordo com Geraldo o projeto precisa ser liberado. “A Caixa Econômica analisou o projeto da Agesul, fez diligências, pediu correções que foram feitas pelo Estado e agora analisa se elas foram feitas. Assim que a Caixa autorizar, a Agesul realiza o processo de licitação e contrata a empresa que fará as obras. Essa etapa dura em média 45 dias se não houver disputas judiciais das

Meta de MS é vacinar 21 mi bovinos contra aftosa

concorrentes. Finalizada essa fase, a Agesul autoriza o início das obras”, explica Geraldo. Segundo o parlamentar, os recursos autorizados há exatos dois anos, a morosidade no início das obras tem gerado inquietação e revolta por parte dos moradores. “A Rua Natal é uma das mais problemáticas de Dourados e fizemos de tudo para conseguir os recursos assim que nos reunimos com os moradores há dois anos. Infelizmente os processos burocráticos estão morosos e a situ-

Rua Natal está tomada por valetas, crateras e voçorocas. Para ele, a drenagem e pavimentação trarão alívio para as famílias e coroam uma luta do parlamentar por aquela região. Além desta frente, Geraldo garantiu asfalto para o Jardim dos Estados, parte do Piratininga, todo o jardim Porto Belo, Estrela Hory, parte do Jardim Carisma e parte do Jardim Guanabara, todos já concluídos. Ao longo dos mandatos, o deputado já viabilizou recursos para 80 frentes de asfalto em Dourados. Transversais Os recursos garantidos por Geraldo vão possibilitar o asfalto na Rua Natal, entre as ruas Ponta Grossa e Continental, envolvendo as travessas: Ponta Grossa, Ivinhema, João Paulo Garcete, Clóvis Cerzósimo de Souza, Olinda Pires de Almeida e Manoel Santiago.

Desmatamento em MS gera R$ 1 mi de multa

DIVULGAÇÃO

MP de MS abre processo seletivo para estagiários DIVULGAÇÃO

A carga horária para os estagiários do será de 30 horas As inscrições vão até o dia 23 deste mês no site da FaPEC De Dourados Estão abertas as inscrições para o XXI Processo de Seleção de Estagiários do Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul. As inscrições encerram no dia 23 desse mês. As vagas são destinadas aos bacharéis em Direito, Administração, »VIE%QFMIRXEP 'MäRGMEW Biológicas, Engenharia Agronômica, Engenharia Ambiental ou Sanitária, Engenharia Florestal, Geografia (Bacharelado), Geologia, Gestão Ambiental), Desenvolvimento de Sistemas, Economia, Psicologia e Serviço Social; Nível Superior/Graduação em Administração, Arquitetura e Urbanismo, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Ciências da Computação, Ciências Econômicas, Jornalismo, Engenharia Agro-

PMA

Análise de Sistemas – Bacharelado; Engenharia de Software; Sistemas de Informação; Tecnologia em Sistemas para Internet; Análise e Desenvolvimento de Sistemas), Tecnologia em Produção Multimídia, Serviço Social, Segurança do Trabalho. Para mais informações acesse os portais do Ministério Público Estadual (www. mpms.mp.br), Diário Oficial do Ministério Público - DOMP e da FAPEC (www.fapec.org/ concursos).

DIVULGAÇÃO

Operação da Polícia Militar Ambiental aconteceu na Bacia do Rio Paraná

Medida da Justiça vale apenas para serviço militar temporário

De Dourados progresso@progresso.com.br

De Dourados

De Dourados

progresso@progresso.com.br

progresso@progresso.com.br

A vacinação contra a febre aftosa começou em Mato Grosso do Sul com meta de imunizar 21 milhões de bovinos. No Planalto e na Fronteira a vacinação acontecerá até 31 de maio, e o registro deve ser feito até 15 de junho. Os proprietários da região do Pantanal que optarem pela vacinação de todo o rebanho em maio, deverão vacinar até 15 de junho e o registro até 2 de julho. A Iagro publicou instrução de serviço em que orienta produtores da região do Pantanal que em caso de enchente na propriedade, a retirada dos animais deve ser requerida junto ao órgão. Caso o destino seja informado previamente, será feita a emissão de GTA, caso não informe o local o serviço oficial deve controlar e acompanhar a movimentação

Desmatamentos ilegais geraram multa de R$ 1 milhão em Mato Grosso do Sul em operação da Polícia Militar Ambiental (PMA) com a finalidade de reprimir e prevenir o crime. A operação foi denominada como Cervo-do-Pantanal, em parceria com o Ministério Público Estadual (MPE). Foram feitas vistorias de possíveis desmatamentos ilegais levantados por imagem de satélites pelo Núcleo de Geoprocessamento (NUGEO) daquela instituição, no final do ano passado, na bacia do Rio Paraguai e Paraná. No início deste ano, equipes da PMA das 25 subunidades iniciaram as vistorias relativas à operação nas propriedades rurais dos municípios sob suas

A Justiça Federal acolheu pedido do Ministério Público Federal (MPF) para impedir que a União fixe idade máxima em seus concursos de recrutamento para serviço militar temporário. A sentença, válida para todo o território nacional, deve ser mantida até a criação de lei que regulamente a matéria. A medida decorre de ação civil pública ajuizada pela Procuradoria da República no Amapá. Para proferir a sentença, que mantém a decisão de tutela de urgência emitida no ano passado, a Justiça Federal seguiu entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF). Segundo o STF, o limite etário para ingresso na carreira militar só pode ocorrer por meio

dos animais. O presidente do Sindicato Rural de Corumbá, Luciano Aguilar Rodrigues Leite, aponta que a entidade pode pedir a Iagro a ampliação do prazo de vacinação em razão da antecipação da cheia no Pantanal, que está fazendo com cerca de 1 milhão de cabeças que estão nas áreas mais baixas, sejam removidas para locais mais altos. Luciano diz que a entidade já possui, inclusive, laudos técnicos da Embrapa Pantanal e Famasul, que podem embasar o pedido, se necessário.

A carga horária para os estagiários do nível Superior/Pós-Graduação será de 30 horas semanais

Concursos não podem exigir idade máxima

Campanha começou ontem e vai até o dia 31 de maio. O registro é até 15 de junho

Campanha começou ontem

nômica, Engenharia Ambiental ou Sanitária, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Geografia, Letras, Publicidade e Propaganda, Tecnologia de Desenvolvimento de Sistemas ou Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas (Análise e Desenvolvimento de Sistemas – Tecnológico;

30$ĠDJUDGHVPDWDPHQWR

responsabilidades. Em cada local, a PMA verifica toda documentação dos desmatamentos. Não havendo as licenças, é procedida a autuação administrativa, que é a multa aplicada e julgada pelo órgão ambiental (Imasul), depois da defesa do autuado. A multa é de R$ 1.000,00 por hectare ou fração e R$5.000,00 se for em área protegida de Preservação Permanente, ou Reserva Legal. Se não se caracterizar desmatamento a corte raso, a multa é por exploração ilegal da flora, com multa de R$ 300,00 por hectare ou fração.

Serviço militar exigia idade

de lei em sentido estrito. Diferentemente do que ocorre no Comando da 8ª Região Militar – integrada por Amapá, Pará e Maranhão – em que o limite de idade foi fixado por portaria. No último concurso, o Exército limitou a 37 anos a idade dos candidatos ao cargo de sargento temporário. Antes de ajuizar ação contra a norma, o MPF emitiu recomendação para que o Comando se abstivesse de fixar idade máxima para ingresso no serviço temporário. O órgão questionou a medida e o MPF recorreu ao Judiciário.


4

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Educação HEDIO FAZAN

RELAÇÃO AFETUOSA AUXILIA NA CONSTRUÇÃO DA AUTONOMIA DOS BEBÊS Atividades simultâneas colaboram na criação de vínculos entre o HGXFDGRUHTXHUHĠHWHGLUHWDPHQWHQDHVWDELOLGDGHHPRFLRQDOGDVFULDQÍDV FOTOS: HÉDIO FAZAN

Fátima Frota Na hora do cochilo, às 9h, o silêncio é envolvido por uma música de ninar na sala do berçário I, no Centro de Educação Infantil Clarinda de Mattos e Souza, no bairro Estrela Porã. A professora embala o sono na rede e, no colchão, o pequeno Heitor Donato Domingos dorme esparramado. No lado de fora, Ashley Isabela Lopes deitada num berço colorido, sente os raios nublados e observa tudo à sua volta enquanto que João Felipe Dias se descobre no reflexo do espelho. Esses momentos educativos e muito mais visam auxiliar no desenvolvimento afetivo, cognitivo e autônomo dos bebês de quatro a 18 meses.

A metodologia realizada na turma do berçário I é inspirada no modelo adotado pela pediatra húngara Emmy Pikler O diferencial na forma de ensinar das professoras do berçário I está apoiado na criatividade, no afeto e no respeito ao momento individual de cada bebê. As salas foram adaptadas para atender as necessidades da faixa etária. “O espaço físico é o terceiro educador e por isso criamos o circuito exploratório onde as crianças têm acesso aos materiais e autonomia para escolher e selecionar aquilo que deseja ou não. Nesse modelo não é o adulto que pega e entrega os objetos e brinquedos pra criança, mas ela própria”, explica a professora Roberta Martins de Araujo que planejou o espaço de aula obedecendo à altura das crianças que podem engatinhar ou andar até o lugar onde estão os materiais. Ainda segundo a professora que atende os bebês, “se a demanda agora é a comuni-

Os estímulos são acompanhados de falas com voz suave

EDUCAR EXIGE SENSIBILIDADE E DELICADEZA O contato com a criança pequena precisa ser delicado e atencioso

Professora Roberta Martins investe na relação afetuosa com as crianças cação emocional e sensorial é isso que a gente vai trabalhar no espaço exploratório. Se a apropriação de conhecimentos se dá pela mente e corpo, e a criança para aprender precisa pegar, olhar, cheirar, levar na boca, vamos oferecer condições para que desfrute o máximo possível desse momento. O cuidar, educar e brincar ocorrem de forma simultânea e são momentos fundamentais para a criação de vínculos, afeto, segurança e estabilidade emocional”, disse Roberta. Outro recurso existente na sala é o “cantinho da identidade”, momento em que a criança faz importantes descobertas ao se olhar no espelho. “Quando instalamos o espelho as crianças ficaram maravilhadas ao se descobrirem. Nesse momento estão construindo a própria identidade e a relação do adulto/criança, da criança/criança e do espaço/criança. Aprendem a reconhecer a si próprias e ao outro”, esclarece a professora Roberta, que tem como apoio as estagiárias Jussara dos Santos Mendes, da Anhanguera e Janiele Ribeiro dos Santos Ortega, da Unigran , além da coordenadora do Ceim, pe-

A pequena Ashey sob o olhar atento e observador da professora em formação, Janiele Ribeiro

O pequenino João se descobrindo no espelho com a estagiária Jussara dos Santos dagoga Gislaine Venciguera. A metodologia realizada na turma do berçário I é inspirada no modelo adotado pela pediatra e médica da família, a húngara Emmy Pikler (19021984) que dirigiu um abrigo de crianças órfãs de pais que morreram na Segunda Guerra Mundial. Dentre os conceitos

de Pikler o bebê é um ser capaz desde o nascimento e pode ser um parceiro ativo se o adulto de referência espera e percebe os sinais de reciprocidade e que brincar livre em ambiente seguro, desenvolve iniciativa e autonomia e provoca flexibilidade, equilíbrio e alegria.

Nestes tempos de aceleração, onde a ansiedade está cada vez mais presente no mundo dos adultos e, consequentemente, atropelando de frente o ritmo orgânico da criança pequena, é preciso refletir sobre o que fazer para modificar este quadro. Afinal, esta fase dos três primeiros anos, conhecida como primeiríssima infância, é fundamental para o desenvolvimento global harmonioso do ser humano. O contato com a criança pequena precisa ser delicado e ao mesmo tempo atencioso. Por meio de uma observação cuidadosa, é possível perceber algumas reações aos cuidados, mesmo em bebês muito pequenos. São sinais sutis perceptíveis por meio de movimentos corporais, crispações da pele, expressões do rosto, expressões sonoras, que trazem informações de como o bebê está recebendo os cuidados e, mais do que isso, de que forma ele consegue participar destes momentos. Além de muita calma é preciso fazer pausas na ação de cuidar, para que estas reações apareçam. Segundo a médica húngara EmmiPikler, que desenvolveu uma abordagem específica para a educação de crianças de 0 a 3 anos, os momentos de cuidar são excelentes oportunidades para a construção do vínculo afetivo. Para que isso ocorra, as tarefas de cuidar

não podem ser realizadas de maneira rápida e mecânica, ao contrário do que acontece em muitos espaços coletivos de bebês. A constância nos cuidados, assim como a regularidade de tempo e espaço criam o clima de confiança necessário para que a criança sinta segurança e possa participar desta relação e aproveitar a experiência. Os estímulos táteis são acompanhados de falas com voz suave, explicando de forma clara e simples o que está se passando e antecipando o que vai acontecer a seguir. Quando o adulto educador fala sobre a parte do corpo que está sendo tocada, ajuda o bebê a construir seu esquema corporal, que é a experiência imediata da unidade dos segmentos do corpo e a posição que se ocupa no espaço. O esquema corporal é resultado da organização cognitiva e afetiva de cada pessoa e é construído e reconstruído pelas contínuas alterações da posição do corpo no espaço. EmmiPikler e sua equipe ensinam, também, a importância de realizar gestos delicados, não interromper uma atividade de cuidado, considerar as necessidades individuais e reagir a cada manifestação das crianças. As diferentes sequências de cada atividade de atenção pessoal se realizam sempre de forma igual, como uma “coreografia dos cuidados”, mas o fato do adulto se manter sempre presente na atividade impede que o ato se torne mecãnico. *Suzana Macedo Soares é Graduada em Comunicação Social pela PUC-SP e pós-graduada pela ECA-USP. É especialista em Educação Infantil pelo Instituto Vera Cruz


Douradina

Capital

3»*

3»*

Escola Barão é pioneira em metodo UFSC

CIDADES

Dia do Trabalhador é celebrado com vários atos Social da Região

Dourados, quarta-feira 2.5.2018

&RQğUDRVGHVWDTXHVGD região na Coluna Social 3»*

O PROGRESSO

LUCAS

A Festa do Milho já é tradição no município de Jateí e toda a renda arrecada é revertida para as entidades da cidade

TRADIÇÃO Prefeitura prepara 14ª Festa do Milho A prefeitura de Jateí prepara a 14ª Festa do Milho, uma das mais saborosas da região, que para esta edição será realizada nos dias 25, 26 e 27 de maio, com o Circuito do Laço Intermunicipal (CLI) e entrada franca todos os dias no Parque da Fogueira. O marco da festa gastronômica será dia 26 de maio no sábado, onde haverá diversos estandes com grupos de entidades de Jateí servindo variados pratos à base de milho, como pamonha, cural, bolos, tapioca, pastéis, canjica, milho cozido, assado, sopa paraguaia, jantar dentre muitas outras guloseimas, como co-

O marco da festa gastronômica será sábado (26), onde haverá diversos estandes com grupos de entidades midas regionais e tradicionais no município, como churrasco, tapiocas, porções e lanches. A renda será revertida totalmente às entidades. A comissão organizadora já em alguns meses esta na ativa com trabalhos constantes, visando principalmente à qualidade dos produtos e bom atendimento. No local, além a oportunidade de se deliciar com variados pratos típicos a base de milho, a tradicional festa terá área de brinquedos e será animada por diversos shows totalmente gratuitos, sediando também a 1ª Etapa do Circuito de Laço Intermunicipal com premiação de mais de

R$10 mil.No dia 25 terá abertura da CLI e show com Paulo Sérgio & Renan no Salão de Festas;Sábado dia 26 terá as barracas de comidas a base de milho e tradicionais,show com a dupla João Haroldo &Betinho e Bailão com o Grupo Postal Sul no palco principal; Já no domingo 27 acontece a final da Festa do Laço e Show com Pedro & Evandro no palco principal. O prefeito Eraldo Jorge Leite satisfeito em realizar mais esta edição do evento, garante que este ano irá superar as edições anteriores, assim expandindo cada vez mais a tradicional Festa do Milho de Jateí. As entidades não irão se preocupar com o milho para confecção dos pratos típicos, pois a administração municipal estará disponibilizando conforme a

PREVI

Município de Jateí sedia Audiência Pública Jateí sediou Audiência sobre o Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema (PREVI): Indutor do turismo na região. O evento reuniu um grande público e foi realizada no Centro Cultural, dando o pontapé inicial em mais uma luta, que é a abertura do PREVI ao público, assim discutindo projetos de potencialização da cadeia turística do parque, com o objetivo de discutir, implementar e apresentar as potencialidades turísticas com responsabilidade ambiental, visando o desenvolvimento regional.

SAIBA MAIS )(67$

A festa será realizada nos dias 25, 26 e 27 de maio, com o Circuito do Laço Intermunicipal (CLI) e entrada franca todos os dias; &20,66Ç2

A comissão está na ativa com trabalhos constantes, visando à qualidade e bom atendimento; *5$78,72

A tradicional festa terá área de brinquedos e será animada por diversos shows totalmente gratuitos;

demanda. “Será um grandioso evento, que você de Jateí e região traga sua família e venha comemorar conosco esta tradicional Festa do Milho” convida o prefeito.

O deputado Renato Câmara um dos mentores desta iniciativa garantiu que amparado neste tema tão nobre, irá propor na Assembleia já na próxima semana a criação de uma frente parlamentar, reunindo instituições públicas e privadas e representantes da cadeia turística de MS, para desenvolver políticas públicas para organizar a exploração sustentável dos parques. No ato esteve Secretários, 1ª dama Neres Leite, funcionários, diretor-presidente do Imasul Ricardo Ebole, prefeito de Taquarussu Roberto Tavares, alunos da UEMS de Ivinhema, diversos representantes de entidades, Imasul e ICMBIO dos municípios.


2

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Cidades DIVULGAÇÃO

Governador inaugura obras em três municípios DIVULGAÇÃO

Governador no ato de inauguração de obra em Aral Moreira Alunos do Clube de Ciências da Escola Estadual Barão do Rio Branco, acompanhandos por acadêmicos do curso de Agronomia da UFGD

Escola é pioneira no MS em método UFSC Na oportunidade os alunos puderam conhecer o histórico desse método bastante utilizado em pátios de compostagem no município de Florianópolis De Douradina Alunos do Clube de Ciências da Escola Estadual Barão do Rio Branco, acompanhandos por acadêmicos do curso de Agronomia da UFGD, professora cientista de solos da UFGD Carla Carducci, merendeiras da escola, professores e direção escolar, acompanharam nessa sexta, 27 o pesquisador e Agrônomo Felipe

“O método UFSC de compostagem de resíduos orgânicos é um trabalho de pesquisa de mais de 20 anos” Scarsanella de Santa Catarina a abertura de uma nova leira na composteira da horta escolar. Nessa atividade foi realizado a montagem de uma leira de compostagem e finalizado com a prática da “virada das bombonas”, operação realizado para despejar os resíduos orgânicos. Na oportunidade

os alunos puderam conhecer o histórico desse método bastante utilizado em pátios de compostagem no município de Florianópolis. “O Clube de Ciências da Escola Barão possui atualmente quarenta alunos, das turmas do sexto ano do ensino fundamental ao terceiro ano do ensino médio e tem como objetivo a divulgação da ciência. Esse projeto escolar é coordenado pelas professoras Juliana Zanata Palombo e Joyce Monteiro Sampaio e conta com o apoio dos professores Vanderlei Narciso e Kelismar Pires Caminha”, informou a Diretora Adjunta Janaina Spessoto Sais. Segundo o engenheiro Agrônomo Felipe Scarsanella, Agrônomo da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) o método UFSC de compostagem de resíduos orgânicos é um trabalho de pesquisa de mais de 20 anos do professor Paul Richard Momsen Miller, do departamento

ALUNOS

40 “O Clube de Ciências da Escola Barão possui atualmente quarenta alunos”

de Engenharia Rural da Universidade Federal de Santa Catarina. Consiste na adaptação do método de compostagem termofílica em leiras estáticas com aeração passiva à realidade brasileira, de forma a otimizar o processo de transformação da matéria orgânica em fertilizante natural. “Não se tem conhecimento no estado de MS da utilização desse método UFSC de compostagem, e sua aplicação em horta escolar é muito pouco conhecido em escolas públicas e particulares no pais, pois o método de compostagem mais difundido no pais é o tradicional” informa pesqui-

sador Felipe. “Estamos felizes em vê a nossa escola, sendo considerada pioneira na difusão dessa metodologia”, disse a diretora Ana Celia Gerotti. O método caracteriza-se por ser um modelo simples e de fácil operação, não havendo maiores exigências quanto ao uso de equipamentos e podendo ser aplicado em diferentes escalas de geração de resíduos, desde doméstica até municipal. A compostagem é feita com a separação dos resíduos na fonte, desviando os orgânicos que iriam para o aterro sanitário e gerariam metano e transformando o material orgânico em um adubo de alta qualidade. Esse metodo tem baixo custo, reduzindo gastos, além de utilizar materiais encontrados como grama a, maravalha de podas da jardinagem e restos de alimentos da merenda escolar e residências, sendo um método adaptável a diversas realidades.

Prefeito de Bataguassu Caravina, faz entrega de veículos para Subprefeitura de Nova Porto XV DIVULGAÇÃO

A Prefeitura prossegue com as entregas de novos veículos adquiridos recentemente

O governador inaugurou pontes de concreto, lançou obras de pavimentação De Amambai O governador do Estado, Reinado Azambuja realizou uma verdadeira maratona trazendo ações de governo para os municípios da região Cone Sul de Mato Grosso do Sul no decorrer do mês de abril. Além de obras de pavimentação, recuperação de ruas e investimentos no setor de saúde com o anúncio da reforma do Hospital Regional local, em Amambai ele inaugurou a total restauração dos 77 quilômetros da Rodovia MS156 entre Amambai e Caarapó, obra de fundamental importância que

Em Amambai ele inaugurou a restauração dos 77 quilômetros da Rodovia MS156 entre Amambai e Caarapó beneficia vários municípios da região. Em Laguna Carapã no final de semana passado, entre outras ações de governo, Reinaldo anunciou a pavimentação dos mais de 40 quilômetros da Rodovia MS-379 que liga a cidade de Laguna Carapã a MS-386 (Amambai a Ponta Porã), passando pelas regiões do Bocajá e Bonfim, entre outras localidades, rodovia esta também classificada como de grande

importância para o desenvolvimento de toda a região, e nessa quinta-feira, 26 de abril o governador trouxe mais benefícios para outros três municípios da região, Sete Quedas, Coronel Sapucaia e Aral Moreira. Em todos eles o governador inaugurou pontes de concreto, lançou obras de pavimentação e restauração asfáltica e anunciou novas ações de governo. Em Aral Moreira, acompanhado pelo prefeito Alexandrino Garcia, o governador assinou a total restauração do Hospital Municipal local, ordem de serviço para asfalto, anunciou a retomada da pavimentação da Sul-Fronteira até Vila Marques e também um show com a dupla Jads & Jadson, para as festividades alusivas ao aniversário do município neste mês de maio, entre outras ações. Em Coronel Sapucaia, ao lado do prefeito Rudi Paetzold, o prefeito fez inaugurações, assinou ordem de serviços para obras e anunciou a recuperação da Rodovia MS289 trecho que liga Coronel Sapucaia a Amambai. Na cidade de Sete Quedas o governador, acompanhado pelo prefeito Chico Piroli e autoridades locais, também assinou ordem de serviço para novas obras, fez inaugurações e conheceu a localidade onde serão implantadas cem novas moradias para famílias que não dispõe da casa própria no município da fronteira, entre anúncios de outras ações de governo em parceria com a prefeitura local.

Sesi e TV Morena alinham estratégias para evento DIVULGAÇÃO

O evento será no próximo dia 26 de maio, na Praça da Nova Corumbá De Corumbá

De Bataguassu Com objetivo de auxiliar o atendimento voltado à população, a Prefeitura de Bataguassu prossegue com as entregas de novos veículos adquiridos recentemente pelo município. Desta vez, a Subprefeitura do Distrito de Nova Porto XV foi beneficiada com um veículo Strada zero quilômetro. Conforme já informado anteriormente, no início deste ano, também foram encaminhados dois veículos para o Distrito, sendo um caminhão carga seca zero quilômetro e um caminhão caçamba seminovo. Durante a entrega, o prefeito de Bataguassu, Pedro Arlei Caravina (PSDB) relembrou que ao assumir o primeiro mandato em 2013, a frota de veículos encontrava-se sucateada, gerando prejuízo aos cofres públicos no que se refere aos serviços de manutenção. Caravina frisou que os novos veículos, além de proporcionar economia, oferecem mais agilidade e segurança à popu-

A entrega deste veículo para a subprefeitura visa auxiliar o atendimento voltado à população

lação que utilizará o transporte, além de garantir melhores condições de trabalho aos servidores. “A renovação da frota em atendimento as Secretarias Municipais tem a intenção de manter os serviços públicos ofertados com qualidade e proporcionar condições dignas de trabalho aos servidores”, pontuou o gestor, que é presidente da Assomasul. Acompanharam o ato, os vereadores municipais Maurício do XV e Cleyton Rodrigo da Silva, representantes da lo-

calidade; além do subprefeito do Distrito de Nova Porto XV, Jaime Aragão e demais servidores da Subprefeitura. Investimentos A administração Caravina entregou no início deste ano, três caminhões tipo caçamba basculante e dois caminhões tipo carga seca; além de uma máquina pá carregadeira para a Secretaria Municipal de Infraestrutura. Foram entregues ainda dois veículos de passeio – um Co-

rolla e um Siena - em atendimento as Secretarias Municipais de Administração e Assistência Social respectivamente; três veículos tipo Strada para as Secretarias Municipais de Infraestrutura, Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente e Subprefeitura de Nova Porto XV; um caminhão pipa para Secretaria Municipal de Infraestrutura; e uma Sprinter adaptada tipo ambulância em atendimento à Secretaria Municipal de Saúde.

A gerente do Sesi de Corumbá, Silvana Barros, e a gerente da TV Cidade Branca, afiliada da TV Morena, Marlene Azarias Evarini, participaram, sexta-feira (27), de videoconferência realizada pelo Sesi Nacional e Rede Globo para alinhar as estratégias de atividades para a Ação Global 2018. O evento será realizada no próximo dia 26 de maio. Em Mato Grosso do Sul, o evento será em Corumbá, na Praça da Nova Corumbá, e faz parte da programação de “Maio – Mês da Indústria 2018”. Segundo a gerente do Sesi de Corumbá, Silvana Barros, a reunião serviu para esclarecer os envolvidos no projeto sobre as ações que devem ser tomadas para o sucesso do evento. “Pudemos alinhar as ações em conjunto e para darmos início à divulgação sobre esse importante evento, que esteve ano tem

$UHXQLÂRVHUYLXSDUDGHğQLU estratégias da Ação Global

o tema ‘Educar para Transformar”, afirmou. Já para a gerente da TV Cidade Branca, Marlene Azarias Evarini, destaca que a parceria entre o Sesi e a Rede Globo com certeza trará benefícios para a população do município de Corumbá. “É uma ação que contribuirá de forma positiva para a vida de milhares de pessoas por meio de ações que visam a cidadania, saúde, educação, lazer e cultura. Como afiliada local, estamos extremamente motivados para o sucesso do evento”, destacou.


3

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Cidades PAULO FRANCIS/CGNEWS

Sicredi realiza reunião em Anaurilândia DIVULGAÇÃO

Show em comemoração ao Dia do trabalhador realizado na noite de segunda-feira (30) na Esplanada Ferroviária, em Campo Grande

Dia do Trabalhador na Capital é celebrado com vários atos O Dia Internacional do Trabalhador, teve diversas atividades na Capital, com início na segunda-feira (30), onde aconteceram comemorações festivas Elvio Lopes elvio@progresso.com.br O Dia Internacional do Trabalhador, celebrado ontem em todo o mundo, teve diversas atividades na Capital, com início na segunda-feira (30), na Esplanada Ferroviária, onde aconteceram comemorações festivas e de protesto e continuaram na terça-feira, o dia todo, com um passeio ciclístico, almoço com pagode em sede de sindicato, feijoada e um protesto político na

As atividades na Praça começaram às 14h, com ORQJDVğODVQRVSRVWRV de troca de um quilo de alimento não perecível área central da cidade, terminando com um show musical e de prêmios, com o sorteio de um carro zero Km e duas motocicletas na Praça da República (do Rádio), no centro de Campo Grande. As comemorações começaram com o ato unificado Trabalhador@as na Rua, com o tema em defesa dos direitos das trabalhadoras e da democracia, na Esplanada Ferroviária, em shows com bandas e artistas sul-mato-grossenses, que animaram o público na véspera do feriado, numa realização das centrais

sindicais e organizações ligadas ao trabalhador. O presidente da Fetems, Jaime Teixeira, destacou o ato, que reuniu diversos representantes sindicais, não somente para comemorar o dia do trabalhador, mas, também, chamar a atenção para o desemprego que vem batendo recordes no País a cada mês, que reflete na economia, tanto no Estado, quanto em todo o Brasil. “Éssa festa é uma forma de valorizar o trabalhador”, destacou Teixeira. O ato público contou com apresentações da banda Os Muchileiros, da dupla João Lucas & Walter Filho; do Grupo Ecos do Pantanal; de Jucy Ibanez, Los Divinos, Zezinho do Forró e do Grupo Teatral Maracangalha. Passeio ciclístico Sem nenhuma ligação com as centrais sindicais ou organismos de defesa do trabalhador, o 28º Passeio Ciclístico do Trabalhador, organizado anualmente pelo empresário Clemêncio Frutuoso Ribeiro, da Ciclo Ribeiro, reuniu cerca de 5 mil ciclistas para um passeio que teve largada na Avenida das Bandeiras, na Vila Progresso, com chegada no Parque das Nações Indígenas, nos altos da Afonso Pena. “A

melhor forma de homenagear o trabalhador é realizar um evento relacionado à sua atividade de trabalho e por isso estamos com o passeio há 28 anos”, afirmou o comerciante. O passeio ciclístico, além do sorteio de 40 bicicletas entre os participantes, contou com a presença de ciclistas que já fizeram história do evento, como o aposentado Clodib Rocha Fernandes, de 69 anos, que trouxe para o passeio uma bicicleta modelo antigo, que atraiu a atenção do público pela sua originalidade. Clodib participa do passeio há 25 anos. O Sindicato dos Bancários de Campo Grande realizou, em sua sede de campo, no bairro Copharádio, o Pagode dos Bancários, com almoço e muita música, das 8 às 13h e um grupo de amigos se reuniu no Bar da Valu, no Bairro São Francisco, para a Feijoada do Trabalhador. Às 17h, no cruzamento da Avenida Afonso Pena com a Rua 14 de Julho foi realizado um ato político de protesto contra a prisão do ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. Principal Porém, a principal atração do Dia do Trabalhador foi o show realizado na tarde-noite

Cuidados com a saúde bucal foi tema de palestra no projeto AABB JOÃO CLÁUDIO

100 crianças de 6 a 14 anos participaram da atividade de prevenção e higiene bucal De Nova Andradina Os cuidados com a saúde bucal das crianças e adolescentes de 6 a 14 anos também fazem parte do dia a dia do Projeto AABB Comunidade, desenvolvido pelo Banco do Brasil em parceria com a Prefeitura Municipal de Nova Andradina. Por isso, nesta quarta-feira (25) os educandos participaram de uma palestra ministrada pela dentista Michela JaretaFabri. A palestrante orientou os alunos sobre a importância da escovação correta dos dentes, a alimentação e outros detalhes fundamentais para manter a saúde bucal. Este trabalho de prevenção é feito periodicamente com as 100 crianças que integram o projeto social. Para a dentista, manter dentes e gengivas saudáveis é fundamental para o bem-estar geral das pessoas. “A prevenção é a maneira mais econômica e menos dolorosa

A palestrante orientou os alunos sobre a escovação correta

de se cuidar da saúde bucal. Os cuidados diários como uma boa escovação e o uso correto do fio dental, ajudam a evitar que problemas dentários se tornem mais graves”, afirmou Michela. Todos ficaram extremamente envolvidos e participaram tirando dúvidas e contando suas experiências pessoais relacionadas ao tema. “O dentista ensinou o que pode acontecer se não fizermos a escovação dos dentes de forma correta”, dis-

se uma aluna de 8 anos. Outro garoto de 9 anos também aprovou a atividade: “Achei interessante como devemos escovar os dentes e isso pode ajudar a nossa saúde”. Ivani Bilk Yano, coordenadora do projeto, avaliou que a ação desenvolvida pela dentista foi extremamente relevante para o aprendizado dos atendidos. “Ele transmitiu de forma muito didática os cuidados com a higiene bucal, os participantes se divertiram e aprenderam muito durante a

de ontem, na Praça do Rádio, com apresentações de duplas consagradas, como Alex & Ivan e Munhoz & Mariano e o sorteio de um veículo Hunday B20, zero KM, duas motocicletas e diversas outras premiações, doados à organização. As atividades na Praça do Rádio começaram às 14h, com a recepção ao público, que fez longas filas nos postos de troca de um quilo de alimento não perecível por cupons para concorrer aos três prêmios da tarde-noite e, depois, com a expectativa dos resultados da premiação e o show de Munhoz & Mariano, que estão comemorando 10 anos de carreira. Além da Fetems, participaram da organização do show do dia do trabalhador a Associação dos Docentes da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (Adufms); Caixa de Assistência dos Servidores de MS (Cassems); Central Única dos Trabalhadores (CUT); Central dos Trabalhadores do Brasil (CTB); Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST); Nova Central dos Trabalhadores; Sindicato dos Policiais Civis do MS (Sinpol-MS) e União Geral dos Trabalhadores (UGT).

Sicredi realiza encontro com autoridades em Anaurilândia

O encontro teve como objetivo apresentar os diferenciais da instituição A Sicredi realizou um encontro com autoridades, empresários, produtores rurais e lideranças de Anaurilândia, com o objetivo de apresentar os diferenciais da instituição financeira cooperativa, estreitar o relacionamento e avaliar o interesse da comunidade na implantação deuma agência do Sicredi no município. De acordo com o presidente da Sicredi Centro-Sul MS, Sadi Masiero, com a realização do encontro a Cooperativa pôde ficar ainda mais próxima da comunidade. Neste momento, conforme Masiero, o intuito foi mostrar a comunidade os diferenciais que uma instituição financeira cooperativa traz para a localidade em que está presente. Economia A Sicredi Pantanal MS, que atua nas cidades de Maracaju, Sidrolândia, Jardim, Bonito, Aquidauana, Miranda e entornos, depositou nesta segunda-feira (30) mais de R$3,5 milhões de reais nas contas correntes de seus associados. O valor é referente à distribuição do resultado alcançado pela cooperativa no ano de 2017 e foi distribuído de acordo com a movimentação de cada associado. Perosa lembra que, mais do que devolver ao associado uma participação nos

resultados, a cooperativa injeta esse valor na economia local, contribuindo para o fortalecimento do comércio e, consequentemente, o desenvolvimento das comunidades. Em 2017, a Sicredi Pantanal MS teve R$18 milhões em resultados. Após as deduções legais e previstas em estatuto, R$3,5 milhões ficaram disponíveis para a decisão dos associados em assembleia, o dobro do que foi disponibilizado no ano anterior. Em votação, a proposta que destinava 100% dos resultados em conta corrente foi a escolhida pelos associados da cooperativa. Carteira de crédito O Sicredi registrou aumento de 21,1% na carteira de crédito em 2017, um incremento de R$ 7,7 milhões em relação ao ano anterior, totalizando R$ 43,9 milhões de crédito total concedido. No período, foi aprovado de cerca de R$ 12 bilhões em limite de crédito junto com o BNDES. Crescimento O Sicredi trabalha junto com os associados para promover o crescimento sistêmico e gerar solidez financeira às cooperativas. Em 2017, o Sicredi conquistou resultados positivos para disponibilizar localmente recursos que apoiam o desenvolvimento dos associados e das comunidades. No ano passado, registrou um patrimônio líquido – que representa a fonte interna de recursos e o quanto os associados investiram nas cooperativas – de R$ 12,8 bilhões, um crescimento de 18,2% em relação ao mesmo período anterior.

palestra”, afirmou Ivani, que também agradeceu a parceria com o governo municipal, através da Secretaria de Saúde de Nova Andradina.

Itaporã ganha mais de 8 mi em obras para esgoto

Centro de Leitura Em reforma desde o começo do ano letivo, o Centro de Leitura da Escola Municipal “Efantina de Quadros”, localizada no Bairro Durval Andrade Filho foi reaberto para a comunidade escolar na tarde da última sexta-feira (20). O prédio recebeu adaptações internas, pinturas e texturas, novas prateleiras e atualização do acervo de obras literárias. A reestruturação da biblioteca foi realizada através do trabalho das professoras Noeli Torres Marques, Valdirene Cáceres Menezes (diretora-adjunta), Ana Gabriela Lorenzini Rodrigues e Elmira Carmen Ojeda. O esforço das educadoras proporcionou o reaproveitamento de móveis, a reforma de prateleiras antigas e a disponibilidade de um ambiente lúdico, ajustes que elevam a curiosidade e o aprendizado do aluno. Segundo o diretor da Escola a autonomia dada pela Secretaria de Educação e o apoio somada ao engajamento da comunidade escolar, está proporcionando melhorias à estrutura escolar.

“A expansão da rede de esgoto, é uma obra VLJQLğFDWLYDSDUD,WDSRUÂń

DIVULGAÇÃO

De Ivinhema O Prefeito Marcos Pacco, se reuniu na tarde desta quarta-feira (25), com diretor-presidente da Sanesul, Luiz Rocha, ultimando os preparativos para que Itaporã tenha aprovação no projeto de saneamento Avançar Cidades, numa parceria município governo do estado e União. Na ocasião Pacco foi informado que Itaporã está incluído no num convênio, que disponibiliza oito milhões de reais para a implantação de rede de esgoto em 80% da cidade, através de uma parceria estado/Sanesul e união. O prefeito disse que agora aguarda os trâmites legais para que em breve as obras tenham inicio. “Esta ação é mais uma grande conquista para Itaporã, sobretudo, pela importância do esgoto para a população, pois uma cidade saneada, fica mais limpa, com

Pacco em visita ao diretorpresidente Luiz Rocha

menos doenças e consequentemente ganha na melhoria da qualidade de vida”, disse o prefeito que reiterou que continua surtindo efeito a parceria união e estado, e Itaporã não fica fora de alinhamento. “A expansão da rede de esgoto, é uma obra significativa para Itaporã, e isso nos deixa muito feliz e gratificados, sobretudo, por saber que o governo do estado tem demonstrando uma grande atenção com nosso município, e desta forma mais uma vez a população é diretamente beneficiada com melhoria na qualidade de vida”, disse Pacco.


4

Dourados, quinta-feira 15.3.2018 O PROGRESSO

SOCIAL CIDADES MARACAJU

Assine O PROGRESSO entrando em contato pelo telefone (67) 3416-2667

GESSICA SOUZA contato@maracajuemfoco.com.br

FESTA DA LINGUIÇA Rotary Club de Maracaju e parceiros realizam 24ÂŞ Festa da Linguiça de Maracaju e evento ĂŠ VXFHVVRGHSÄŽEOLFR&RQÄ&#x;UDRVFOLTXHV

Nego do Povo com sua esposa Dani, Deputado Felipe Orro e Caetano Munaretto

Vereadoras Marinice e Eliane SimĂľes e Reinaldo Azambuja

$OLQH$PDUâOLRFRPVHXÄ&#x;OKR/XFDVH3DWUâFLD0DUWLQVFRPVHXÄ&#x;OKR-RDTXLP

Nego do Povo, SecretĂĄrio Lenilso e Presidente HĂŠlio Albarello

Edio AntĂ´nio e Vereador Laudo Sorrilha

Josi Ortiz e esposo o vice pref. Joares Sanches 9HUHDGRUDV(OLDQHH0DULQLFH3ULPHLUD'DPD/HLOD$]DPEXMDHVXDÄ&#x;OKD$PDQGD

LAGUNA CARAPĂƒ

SecretĂĄrio Frederico Felini com sua esposa e CecĂ­lio AmarĂ­la

Assine O PROGRESSO entrando em contato pelo telefone (67) 3416-2667

SIMONE BURIN laguna_news@hotmail.com

OESTE VERDE/MASTER A Oeste Verde e a Master estiveram presentes na 21ÂŞ Festa do PĂŠ de Soja Solteiro com uma estrutura completa para receber os clientes e amigos, um ambiente agradĂĄvel e acolhedor, onde o objetivo, DOĂ’PGHIHFKDUQHJĂśFLRVHUDFRQIUDWHUQL]DU&RQÄ&#x;UDPDOJXQVFOLTXHV

DESTAQUE AOS PARCEIROS FĂ TIMA DO SUL

BATAGUASSU

CAARAPĂ“

DOURADINA

ITAPORĂƒ

ITAQUIRAĂ?

JATEĂ?

Prefeita Ilda Salgado Machado Prefeito Pedro Arlei Caravina

Prefeito MĂĄrio ValĂŠrio

Prefeito Jean Fogaça

Prefeito Marcos Pacco

Prefeito Ricardo FĂĄvaro

Prefeito Eraldo Leite

MARACAJU

NOVA ALVORADA DO SUL

NOVA ANDRADINA

RIO BRILHANTE

IVINHEMA

DOURADINA

DEODĂ POLIS

Prefeito MaurĂ­lio Azambuja

Prefeito Arlei Barbosa

Prefeito Gilberto Garcia

Prefeito Donato Lopes

Prefeito Eder França (Tuta)

Presidente da Camara Vereador JosĂŠ Caminha

Presidente da Câmara Vereador Mårcio Teles


Grollis & Prosa

Capital

Galeria interage com artistas em exposição

Cia Teatral OFIT estreia espetáculo

3»*

3»*

Fotos dos vereadores de Dourados

CADERNO B Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Coluna Destaque

ELVIO LOPES

EMMANUEL MARINHO: A consagração de um poeta em vida

Poeta douradense, Emmanuel Marinho acaba de ser incluído no rol dos escritores cujas obras serão objeto de questões do vestibular da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS)

Rita Pacheco Limberti * Como se não bastasse o fato de ter quatro de suas obras indicadas para as provas do Vestibular da Universidade Federal da Grande Dourados -UFGD (2016-2019), Emanuel Marinho acaba de ser incluído no rol dos escritores cujas obras serão objeto de questões do Vestibular 2019 da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - UFMS. Entre os monstros sagrados da Literatura Brasileira, como Castro Alves, Manoel Bandeira, Guimarães Rosa, Visconde de Taunay, Ligia Fagundes Telles e Clarice Lispector, cintila o nome do Poeta Emmanuel na lista de obras do Edital do processo seletivo da instituição. Tal fato é o coroamento de um processo de consagração de que o artista vem sendo objeto,

por meio de notório reconhecimento da crítica especializada e pela evidente e cada vez mais crescente admiração popular. Seu talento de ator permite-lhe dar som e forma às suas poesias, sendo capaz de levá-las aos mais remotos e improváveis lugares, como feiras livres, prisões, lares, esquinas e saguões públicos, atingindo os mais diversos tipos de público e todas as faixas etárias. “Com a palavra, o Poeta!”, um de seus projetos mais bem sucedidos, Emmanuel deu forma, recentemente, à sua prática primordial, que veio sendo desenvolvida ao longo de toda a sua vida artístico-literária: levar poesia às escolas, às crianças e jovens. Assim, dando vida própria aos seus poemas alguns já de domínio público, como “Índia velha” e “Geno-

cíndio” (“tem pão velho?”) e sua máxima lapidar “Poesia não compra sapatos, mas como andar sem poesia?” – o poeta desenvolve senão o mais sublime de seus dons: o de arte-educador.

O ápice de sua trajetória artística, que ele atinge agora em sua maturidade, é o resultado dessa despojada, porém fértil, semeadura Dessa forma, gerações de fãs e admiradores foram sendo criadas, tornando-o um ícone artístico e poético do estado de Mato Grosso do Sul. Aonde quer que ele vá, mesmo caminhando pelas ruas, sempre é abordado por alguém que relata um caso, uma experiência, uma vivência da forma como a poesia emmanuelina entrou em

suas vidas. Invariavelmente são episódios de afeto e de desprendimento do poeta, como dançar uma ciranda com as crianças da escola indígena, dar um livro de presente a um gari, fazer uma apresentação calorosa no meio da manhã numa escola da periferia ou do centro da cidade. Todos o amam, todos o curtem e lhe são gratos, cada um o tem em lugar especial de sua história. Interessante é notar que, a partir do início espontâneo de suas apresentações nas escolas, formou-se um círculo virtuoso de incentivo à leitura. Precursor desses eventos, Emmanuel recebe inúmeros convites para participar de projetos culturais e literários, de arte e de educação, por todo o país. Com seus espetáculos participou de diversos Festivais de Teatro do Brasil, como

Porto Alegre em Cena, Festival Internacional de Teatro de Londrina, Cena Contemporânea/Brasília, Mercado Cultural, /Salvador/BA, Campina Grande/PB, assim como em várias cidades da América Latina e Europa. Como poeta é convidado para participar dos maiores eventos de literatura do país: FLIP/ Festa Literária de Parati, Bienal do Livro/Brasília-DF, Jornada Literária de Passo Fundo, COLE/Congresso de Leitura – UNICAMP-SP, Simpósio Internacional de Contadores de História/Rio de Janeiro-RJ, I Bienal do Livro de Brasília, entre muitos outros. O ápice de sua trajetória artística, que ele atinge agora em sua maturidade, é o resultado dessa despojada, porém fértil, semeadura. Emmanuel Marinho foi se instalando no imaginário da cidade e, como

imaginário, expandiu-se na abstração de sua poesia. Mesmo um analfabeto encanta-se com os poemas... com a sonoridade, com o acolhedor abraço que o poeta lhe dá com o olhar, convidando-o a cantar seus versos... timidamente, no balbucio, aquele que não tem voz começa a desempoeirar sua garganta presa e a sentir expandido aos pulos seu coração oprimido ... Toda essa popularidade e reconhecimento fazem dele uma instituição cultural de referência, com vida própria, um bem imaterial público: o Poeta Emmanuel e evoque-se por esse nome o conjunto de sua obra artística (performances e espetáculos) e literária. Prescinde-se de seu sobrenome, sublima-se sua missão: deixa de ser o homem para ser simplesmente O Poeta! *semioticista e crítica de arte


2

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Variedades

Vingadores: Guerra Infinita se torna a maior estreia da histĂłria 2Ä&#x;OPHĂ’UHFRUGHGHSÄŽEOLFRQRVEstados Unidos e a maior estreia no Brasil DIVULGAĂ‡ĂƒO

2Ä&#x;OPHFKRFRXDXGLĂ“QFLDVSHORPXQGRLQWHLURFRPXPÄ&#x;QDOLQHVSHUDGR

Superando todas as expectativas, Vingadores: Guerra Infinita teve uma estreia arrasadora no mundo todo. O filme dirigido pelos Irmãos Russo arrecadou US$ 250 milhþes nos EUA e mais US$ 380 milhþes nos outros países do globo — totalizando US$ 630 milhþes e superando as projeçþes que indicavam uma receita de meio bilhão de dólares nesse primeiro final de semana. Com isso, o filme se tornou a maior estreia global, a maior

da história dos Estados Unidos e, tambÊm, a maior estreia no Brasil. O antigo recordista mundial era Velozes e Furiosos 8, que arrecadou US$ 543 milhþes em 2017. Nos EUA, o detentor da marca era Star Wars: O Despertar da Força, que, em 2015, gerou US$ 247 milhþes em apenas um final de semana de bilheteria. Por fim, no Brasil, o recorde pertencia a Liga da Justiça, com R$ 46 milhþes. AlÊm destes dois enormes recordes, o novo filme da

Marvel tambÊm desbancou gigantes em outros âmbitos. Guerra Infinita colocou seu nome na história do cinema com outros três feitos: foi a maior prÊ-estreia do subgênero de super-heróis (e a quarta maior no geral), foi a segunda maior bilheteria em um dia da história dos EUA, com US$ 105 milhþes (atrås apenas de O Despertar da Força), e, por último, foi o longa-metragem que mais gerou receita em um dia de såbado, ao arrecadar

HORĂ“SCOPO TOURO

De 21/03 a 20/04

De 21/04 a 20/05

Se ainda nĂŁo tĂŞm a sua casa prĂłpria, saiba que esta ĂŠ a fase mais favorĂĄvel para conseguir uma. Aproveite. Por outro lado, terĂĄ sucesso no comĂŠrcio, na indĂşstria e nos negĂłcios relacionados com terras.

18h Otåvio ironiza o pedido de Catarina. Tiago consegue pegar uma faca com o cozinheiro e avisa a Cåssio. Afonso e Ibrahim colhem plantas venenosas. Otåvio decide avançar, com sua tropa, pelas terras de Artena. Agnes lê a mente de Elói e avisa a Selena que ele compartilha um segredo com Virgílio. Catarina instrui o marquês a aconselhar Rodolfo contra o exÊrcito de Montemor. O feitor encontra Afonso caído e leva Constantino para o cårcere. Rodolfo aceita o conselho de Virgílio e suspende a remuneração dos soldados. Afonso Ê dado como morto e atirado em uma vala.

O OUTRO LADO DO PARAĂ?SO 20h Patrick promete cumprir a vingança de Clara. Miro procura Leandra e lhe declara seu amor. Johnny pede que Leandra retribua o favor que lhe fez em relação a Miro. Johnny dorme FRP(ORĂ€H0LURÄ DJUDDÄ&#x;OKD*UHJĂśULRDFHLWDGHIHQGHU/âYLD QRSURFHVVRGHJXDUGDGH7RPD]*DHOSHGHTXH/âYLDUHVJDWHR EULQFRGH0DULDQRTXHHVWĂ€QRFRIUHGDPĂ‚H/HDQGUDFRQÄ&#x;UPD a Miro que Johnny ĂŠ um bom rapaz. MaĂ­ra se desespera com a partida de Johnny. Chega o dia do julgamento de Sophia, e Mercedes abençoa Clara e XodĂł.

APOCALIPSE 19h45 Muitos civis seguem para a entrada de um tĂşnel subterrâneo. Alguns helicĂłpteros sĂŁo atingidos, mas conseguem bombardear todo o entorno da cidade. Os containers se abrem e androides começam a sair do interior. Com a Marca da Besta, um YHUGDGHLURH[Ă’UFLWRGHUREáVDWDFD-HUXVDOĂ’P7LDWLUDH6DXORVH DVVXVWDP2VUREáVH[SORGHPRVPXURVGDFLGDGH1RDKHRXWURV soldados sĂŁo atingidos com as explosĂľes. Os androides começam a invadir JerusalĂŠm. Saulo manda seus homens recuarem. 8PRÄ&#x;FLDOĂ’DWLQJLGR'RFHQWURGHFRQWUROHQD1RYD%DELOáQLD $QGUĂ’FRQWURODXPUREáTXHDWLUD7LDWLUDĂ’DWLQJLGD1RDK Saulo e Hanna a protegem. Eles conseguem entrar no tĂşnel subterrâneo. Ricardo diz que JerusalĂŠm agora ĂŠ dele.

De 21/05 a 20/06

LEĂƒO

VIRGEM

De 22/07 a 22/08

De 23/08 a 22/09

Fale pouco e escute mais hoje. Seja cauteloso no campo dos negĂłcios, e nĂŁo revele suas ideias a ninguĂŠm. Bom, contudo, para tratar de questĂľes legais e de escritos de modo geral. Procure descansar mais, principalmente dormindo as horas suficientes.

LIBRA

ESCORPIĂƒO

De 23/09 a 21/10

De 23/10 a 21/11

Faça o que puder para aumentar suas amizades ou então, conservar as que você jå fez no passado. Evite atritos com quem quer que seja a fim de não criar inimigos, declarados ou ocultos. Fluxo favoråvel para o romance, o trabalho, o amor, o lar e a família.

Alguma prudĂŞncia serĂĄ bastante aconselhĂĄvel, uma vez que afastarĂĄ a possibilidade de se perder em pequenos negĂłcios ou outros DVVXQWRV,QÄ XĂ“QFLDVEHQĂ’Ä&#x;FDV SaĂşde, dinheiro e amor com bons Ä X[RVDVWUDLV SAGITĂ RIO De 22/11 a 21/12

Acautele- se um pouco diante das notĂ­cias que ouvir falsas ou favorĂĄveis. Momento excepcional para a vida amorosa e conjugal. Fator de benefĂ­cio real. Controle suas despesas e cuidado com as viagens.

CAPRICĂ“RNIO

AQUĂ RIO

PEIXES

De 22/12 a 20/01

De 21/01 a 19/02

De 20/02 a 20/03

Período feliz com muitas novidades e atraçþes, principalmente nos assuntos sentimentais e pessoais. O seu trabalho trarå bons resultados bem como os negócios e novas amizades.

DEUS SALVE O REI

VocĂŞ agora terĂĄ maiores chances de lucrar inesperadamente atravĂŠs de jogos, sorteios e da loteria. Felicidade amorosa, conjugal e familiar. Ainda sua vida amorosa e sexual estarĂĄ recebendo influĂŞncias astrais positivas.

CĂ‚NCER

Indicaçþes de que conseguirĂĄ obter os mais propĂ­cios resultados, no WUDEDOKRQRVHWRUÄ&#x;QDQFHLURVRFLDO e amoroso. Aproveite. Paz Ă­ntima. O convĂ­vio com novos amigos deverĂĄ fazer vocĂŞ mudar alguns de seus hĂĄbitos para melhor.

no próximo dia 11 de maio. Outros mercados globais de grande importância tambÊm receberão filme com atraso, o que pode provocar um crescimento ainda maior nestes números. A Rússia, por exemplo, receberå o filme no dia 4 de maio.

17h Ema discute com Ernesto. Darcy conta em sua carta para Elisabeta o mau comportamento de Uirapuru com Charlotte. Uirapuru dorme com Mariana. Agatha vĂŞ as roupas do falso Motoqueiro Vermelho entre os pertences de Uirapuru. Mariana se desespera ao perceber que Uirapuru a abandonou. Xavier e a patrulha detĂŞm Uirapuru, acreditando se tratar do 0RWRTXHLUR9HUPHOKR&HFâOLDDÄ&#x;UPDD5áPXORTXHYLXXPD assombração. Fani incentiva CecĂ­lia a crer que o fantasma de Josephine assombra a mansĂŁo. Decepcionada, Mariana se atira no lago.

GĂŠMEOS

De 21/06 a 21/07

Felicidade amorosa sentimental e bastante sucesso em diversĂľes e nas festividades onde comparecer, estĂŁo previstos para vocĂŞ. Bom relacionamento com os familiares e amigos. Hoje ĂŠ um dia favorĂĄvel para jogar na loto.

(QWUHRVPHUFDGRVLQWHUQDFLRQDLVGDSURGX�ÂR R%UDVLOIRLRTXDUWRPDLV UHQWÀYHOFRPXPDUHFHLWD GH86PLOKøHV

ORGULHO E PAIXĂƒO

PALAVRAS-CRUZADAS DIRETAS

à RIES Hoje Ê um dia que terå, certamente, algumas perturbaçþes, inclusive o cônjuge estarå descontente com você. Tome cuidado se realizar negócios e se lidar com fogo e eletricidade. Amanhã serå um dia melhor.

US$ 80 milhþes nos EUA. Entre os mercados internacionais da produção, o Brasil foi o quarto mais rentåvel com uma receita de US$ 18,8 milhþes (mais ou menos R$ 65 milhþes). Ficamos atrås de Reino Unido (US$ 42,2 milhþes), Coreia (US$ 39,2 milhþes), MÊxico (US$ 25,1 milhþes) e Austrålia (US$23 milhþes). Mesmo batendo recordes globais, Vingadores: Guerra Infinita ainda não estreou na China — país que Ê considerado o segundo maior mercado cinematogråfico, atrås apenas dos EUA. Por lå, o filme estreia

129(/$6

Indícios de êxito nas questþes que demandem jogos, esportes e casamento. Momento excelente para resolver um problema financeiro. A badalação deve continuar neste período. Aguarde um convite de uma pessoa influente em sua årea profissional.

Sentimentalmente, este serå um grande dia. Procure aproveitar do melhor modo possível. Vida afetiva e conjugal, favorecida. No que tange aos negócios, alguma melhora. Evite açþes judiciais e discussþes por dívidas ou crÊditos.

SOLUĂ‡ĂƒO DO NÂş ANTERIOR


3

Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

Variedades

Galeria interage com artistas na

mostra Grollis & Prosa Exposição será aberta na sexta-feira em Campo Grande, com participação de artistas visuais convidados a dialogar com a arte de Marilena Grolli; o objetivo é promover a interação entre os artistas Elvio Lopes elvio@progresso.com.br Ao completar dois meses de sua inauguração, a Grolli Galeria realiza sua terceira exposição, desta vez inovando na forma em que apresentará os trabalhos que serão expostos à disposição do público, com a interação entre artistas convidados de vários estados do País, com um diálogo visual de cada artista com a arte de Marilena Grolli, artista visual e grafiteira, idealizadora do novo espaço na Capital.

A exposição é uma intenção de Marilena abrir o espaço do seu ateliê para artistas plásticos que fazem parte de sua trajetória Segundo Marilena, a exposição Grollis & Prosa surge a partir da intenção da artista de abrir o espaço do seu ateliê de artes para que artistas plásticos que de alguma maneira fazem parte de sua tra-

jetória de vida artística e pessoa possam apresentar seus trabalhos sob a inspiração de suas criações. “O objetivo principal é que os artistas se integrem e tenham momentos agradáveis com diálogos, criação, música, teatro e poesia em um ambiente de arte e com arte”, afirma Grolli. Ela explica que cada artista recebe uma tela de 60 x 120cm e a proposta, de estabelecer uma prosa visual de sua arte com a arte de Grolli no suporte específico. Marilena Grolli destaca também que o projeto expositivo Grolli & Prosa teve sua primeira edição em 2014 na Morada dos Baís, quando artistas convidados expressaram seus talentos sob a ótica das obras da artista. “É um evento cultural importante para Campo Grande, por receber artistas não apenas das artes visuais, mas de outras áreas artísticas”, ressalta. O acervo, resultado de vários encontros, hoje conta com 23 obras com artistas

DIVULGAÇÃO

Paulista Gejo O Maldito participa de Grollis & Prosa com trabalho inspirado na fauna de Marilena representantes de vários estados como São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul e o objetivo é que chegue a 30 obras e que a mostra seja levada a várias galerias, em outros estados e

até mesmo países vizinhos. “A prosa não verbal, não escrita, apenas desenhada e pintada, prova que a arte é uma linguagem universal que une as pessoas”, acrescenta Marilena.

Os artistas Participam da mostra Grollis & Prosa os artistas Alvaro Azzan (SP), Anelise Godoy (MS), Apres (MS), Benedito Nunes (MT), Cecílio Vera (MS), Dalva de Barros (MT), Deneir Ma-

tins (RJ), Edson Feitosa (SP), Galvão Pretto (MS), Gejo O Maldito (SP), Gervane de Paula (MT), Gilberto Porto (MS), Giu Beto (MS), Jonas Eduardo (MS), Jonas Rocha (MT), Jonir Figueiredo (MS), Lúcio Laranjeira (MS), Monique Merlone (MS), Patrícia Helney (MS), Paulo Mendes (RJ), Telma Cordeiro (MS), Brunno De Paula (MS), Zilá Soares (MS) Serviço A exposição Grollis & Prosa terá abertura na sexta-feira (04), às 20h, com apresentação musical de Jamir Caldas e conta com a parceria de FreeArt Agency (SP); União Brasileira de Escitores – Seção de Mato Grosso do Sul (Ube/ MS); do projeto Dê Um Sorriso e Ganhe Um Livro e da Universo em Couro. A Grolli Galeria está aberta diariamente, de segunda a sexta-feira,das 8 às 12h e das 14 às 18h e fica na Rua 26 de Agosto, 210, centro. Telefones para mais informações (67) 99210-9921; 992003730 e 3042-5637.

Cia Teatral OFIT estreia novo espetáculo no Centro Cultural A Cia Teatral OFIT estreia na amanhã, em Campo Grande, o espetáculo “Pedra Bruta” – Ensaio para colher o provisório das coisas”, às 20 horas e segue com apresentações até domingo (6) no Centro Cultural José Octávio Guizzo, unidade da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul. O espetáculo tem duração aproximada de 45 minutos, classificação indicativa de 14 anos, entrada gratuita e ingressos limitados. O novo espetáculo da Cia. OFIT é uma mistura de arte e vida, de emoção e entrega, de gatilhos e pulsões. A peça revela um caleidoscópio de situações e angústias que promovem uma exposição direta, engraçada e sensível sobre a intolerância, a juventude e a intensidade dos tempos de agora. Enquanto a natureza de um grito coletivo é lapidada, o teatro desponta para iluminar a superfície dos olhos e aquele açúcar que fica no fundo. O estado bruto se torna a ma-

HELTON PÉREZ

(VSHWÀFXORWUD]GLYHUVDVUHIHUÓQFLDVDXWRELRJUÀğFDVGRVLQWHJUDQWHVID]XPDDQDORJLDHQWUHğFÍÂRHUHDOLGDGH

téria tanto das pequenas violências cotidianas quanto da capacidade de moldar o tempo que resta. Pedra Bruta é um encontro que estreita a distância entre ator e personagem, entre os silêncios coagidos e as explosões que pairam quando o palco se transfor-

ma no instante incontornável para se falar sobre tudo o que poderíamos ser, se o mundo soubesse colher a brutalidade das pedras. Com direção de Nill Amaral e escrito pelo dramaturgo e colaborador da OFIT há mais de cinco anos, Éder Rodrigues,

a peça é originária do projeto “AMADORES – O que você gostaria de dizer através do teatro e não teve oportunidade?” que no começo deste ano, teve sua desenvoltura através do Edital do Fundo de Apoio ao Teatro de Campo Grande (FOMTEATRO) por meio da Secretaria

de Cultura e Turismo da Prefeitura de Campo Grande (SECTUR) com apoio da Secretaria Estadual de Cultura e Cidadania (SECC), Fundação de Cultura (FCMS), Centro Cultural José Octávio Guizzo (CCJOG) e UFGD – FACALE Curso de Artes Cênicas. “Durante o processo de ensaios e preparação do projeto, muitos recortes foram surgindo, inspirados na polarização e nos contextos sociais bastante discutidos na atualidade, como a falta de comunicação, a intolerância, o preconceito. O projeto não teve a conotação de realizar oficina para formar atores, mas o de buscar um diálogo cênico que atravessasse o seu pensamento na construção de uma identidade teatral que só a arte permite”, afirma o diretor Nill Amaral. Sobre o espetáculo, o diretor complementa que “No palco os atores encenam situações que vai da violência ao processo de questionar o

próprio estar em cena, em outras palavras, discutir o fazer teatral na nossa atualidade. As cenas se desenrolam a poucos metros do público, no “foyer” do teatro, pretendendo uma identificação imediata”. Todo o processo teve mais de quatro profissionais renomados orientando cada passo, desde o figurino aos vídeos/depoimentos elaborados para o espetáculo partiram da premissa inicial: ”O que você gostaria de dizer através do teatro e não teve oportunidade? Serviço Apresentações gratuitas de quinta a sábado (03 a 05) às 20 horas e no domingo (06) às 18 e 20 horas. Os ingressos devem ser retirados com 30 minutos de antecedência. O Centro Cultural José Octávio Guizzo está localizado na rua 26 de agosto, 453 – centro, entre a avenida Calógeras e rua 14 de Julho. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3317-1795.


Dourados, quarta-feira 2.5.2018 O PROGRESSO

COLUNA DESTAQUE

Eleonor Roosevelt

VEREADORES DE DOURADOS

Angela Santa Cruz A angelasantacruz@progresso.com.br

Daniela Weiler Wagner Hall - Presidente da Câmara

"O futuro pertence Ă queles que acreditam na beleza de seus sonhos"

SĂŠrgio Nogueira - Vice Presidente

Pedro Alves de Lima - 1Âş secretĂĄrio

Cirilo RamĂŁo Ruis Cardoso - 2Âş secretĂĄrio

Marçal Gonçalves Leite Filho

Braz Melo

Alan Aquino Guedes de Mendonça

Alberto Alves dos Santos

Alcirio Zanata

Aparecido Medeiros da Silva

Carlito Heleno de Paula

Elias Ishy de Mattos

Idenor Machado

Jânio Colman Miguel

Juarez de Oliveira

Madson Roberto Pereira Valente

Olavo Henrique dos Santos

Rodrigo Junior de Morais Rodrigues

Romualdo Rodrigues da Silva

PARABÉNS

PORCA À PARAGUAIA O Lar do Idoso estå promovendo a 1ª Porca à Paraguaia que acontecerå no próximo såbado, dia 05. Os convites estão a venda na Banca do Jaime e no Lar do Idoso, com a Suely, e deve ser retirado na sede do Lar, das 11h às 14h30. Informaçþes: 3424-5859 e 98406-3560.

AOS ANIVERSARIANTES

EXPOFLOR $SDUWLUGHDPDQKĂ‚GLDFRPHĂ?DD([SRÄ RUHP'RXUDGRVQD Praça AntĂ´nio JoĂŁo. A Feira de Flores, Plantas Ornamentais e OrquĂ­deas acontecerĂĄ atĂŠ o dia 12 de maio, das 8h Ă s 20h. O evento ĂŠ uma realização do Lar do Idoso e da Rede Feminina de Combate ao Câncer Hoje (02/05) 0DULDQD=DXLWK

Quinta-feira (03/05) (OL]DEHWK3XFFLQHOOL Na foto, com o esposo, ex-governador AndrĂŠ Puccinelli

Sexta-feira (04/05) *HQLYDOGR3GH$QGUDGH1DIRWRFRPRVÄ&#x;OKRV1LFROH e Willian e a esposa Renata

Sexta-feira (04/05) Azonil Martins. Na foto, com a esposa Eneida

Sexta-feira (04/05) Quinta-feira (03/05) Vereador Braz Melo. Na foto, com a esposa Anete Wildenes Santos de Oliveira

PARABÉNS AOS ANIVERSARIANTES '(+2-(0$,2 - Denise V. Enne; Robert S. de Souza; Aparecida P. de Farias; Sidinei Ferreira da Mata; Vagner S. Martins; João C. Tokunaga; Paulo CÊsar Gomes; Regina A. Cavalheiro; Walcenir Pereira; Edson A. de S. Albertini; Hamilton G. da Silva; Joarez F. da Silva; Izaias F. Mendes. '($0$ 1+Ç0$,2- JosÊ B. de Carvalho; Washinton Wagner Gonçalves; Fabiana Almeida Faker; Hayel Faker Neto; Paulo C. Branquinho; Maria A. Moreira; Maria das M. Ribeiro; Onofre L. da Silva; Cyro Azambuja; Marcos A. de Almeida; Darci P. de Lima; Vera O. F. Batista; Francisco dos Santos; Robson Molina Marques; Eduardo Fortuna; SÊrgio Almir Wachfer; Fernando Caetano Rodrigues; Eduardo Martins da Silva; DÊbora Farias de Aguiar Lima; Amanda Freitas Santos. '(6(;7$ 0$,2- Ercílio Vallin Palma; Fernando J. C. Cunha; Antônio Braz Mello; Maria F. Picolli; Josiane Martins do Nascimento; Luiz A. Zanatta; Noemia Albrechet; Carlos R. J. Franco; Aline Souza Mota; João L. G. da Silva.


O PROGRESSO

Dourados, quarta-feira 2.5.2018

1

Imóveis

2

Apartamentos

3

CLASSIFICADOS 4

Veículos e utilitários

1

Veículos importados

5

82044

CASA PQ. DO LAGO

C/ 03 dormitórios, sala, cozinha, area de ser viço, despensa, wc social, 02 vagas garagem, c/ edicula 01 qto, 01 wc, R$750,00 Creci-779-J: 3423-2255/99956-6319. Imob. Athenas

Imóveis

82043

Casa-Aluga 81921

ALUGA-SE KITINET

Rua Palmeiras nº1310 JD. Santo André. Telefone para contato: 996529300 82041

CASA C/ PISCINA PQ. A lvorada c/ 01 suite simples, 02 quar tos, sala de estar, sala de tv, 01 cozinha planejada, area de ser viço, 02 wc, cerca, por tão eletronico, 02 vagas R$2.400,00 C r e c i - 7 7 9 - J . Te l e f o n e para contato: 3423-2255. Imob.Athenas 82038

CASA CAMPO DOURADO 03 qtos, sala de estar, sala de jantar, cozinha, área de ser viço, wc. R$850,00 Creci-779-J. Telefone para contato: 3423-2255/99956-6319. Imob. Athenas

CASA VILA ALBA

Próx. mercado São Francisco, 02 qtos, sala, cozinha, área de ser viço, wc, R$620,00 Creci-779-J: 3423-2255/99956-6319. Imob. Athenas 81985

KITINET 05 PEÇAS

99952-1008 ou 981343027 82039

KITINET CENTRO

c/ 01 qto, sala, cozinha, área de serviço, wc, próx. a ponto de onibus R$450,00 Creci-779-J: 3423-2255/99956-6319 Imob. Athenas. 81977

KITINET FLORIDA 2

R$390,00 conjugada, livre de água. 99956-7789 79004

KITINET R$400,00

Jd. Colibri, 3 peças.99908-7260- Luciano 81988

KITINET STO ANDRÉ

Sla, qto, coz, wc, gar, Tel:98409-4323 ou 34221786

6

Motos

82042

7

Diversos

8

Telefones

80406

Empregos e oportunidades

81902

82009

PQ NOVA DOURADOS

CASA VL SÃO PEDRO

PQ ALVORADA 550 MIL

TERRENO C/ 02 CASAS

Sobrados c/ 02 qtos, sala, cozinha, área de serviço, wc c/ box, 01 vaga de garagem. R$780,00 Creci-779-J:3423-2255. Imob. Athenas

Proximo Posto de saude. 99947-8220 OU 996556399

C/ 03 suites, coz, salas, esc. A. Ser v. todos com moveis planejados. Imob. Gondim Creci-6862-J Tel: 3421-0034 ou 99971-1320

JD. Água Boa, R$150 mil, Creci-9491. F.98485-2947

81982

EDICULA ÁGUA BOA

QUARTO FAMILIAR

Próx. Hayel Bom faker / Bela Vista Dina, Creci-4510 99672-0801

Av.Pres. Vargas nº40. Próx. a Feira, centro. 99640-1513.

JD NOVO HORIZONTE

22988

82040

RESD. ALIANÇA Casa c/ 03 dormitorios, sala, cozinha, área de serviço, banheiro,01 vaga garagem, R$650,00 Creci-779-J: 3423-2255/99956-6319. Imob. Athenas

Casa-Venda 81998

CAMPO DOURADO 90M²

02 qtos, edicula nos fundos, R$170 mil reais. trt. 99942-5855 81952

CASA 03 QUARTOS Sala, coz. área e a.serviço, perto Pref. F.99644-6928. 81989

CASA C/ 05 PEÇAS

R$105.000,00 á negociar. 99829-0033 ou 998366896 81909

CASA FINANCIADA PQ. Alvorada Creci-6862-J Tel:3421-0034 ou 99971-1320

81763

Terr. 6x30 ac. carro no negocio, 85 mil, parcela. 99925-6470 81462

JD. MÔNACO 380 MIL Rua Anibal Pavão nº3.250 c/3 qts, esq. toda murada, linda. 99852-0770- Luiz Carlos 81895

MINHA CASA M. VIDA Jd. Pelicano, Creci-6862-J Tel:3421-0034 82023

PARQUE NOVA DOURADOS Excelente casa individual c/01 quar to, sala, cozinha, área, de ser viço, banheiro, garagem coberta, R$580.000. Creci-779-J Tel:3423-2255 ou 999566319- Imob. Athenas. 82007

PQ ALVORADA 03 QTOS 170 m², moveis planej., garagem p/dois carros, 03 anos de construção. Telefone para contato: 999994933

81951

PQ. DO LAGO II 12X30 Construção 130 m² c/ piscina. 2,5x5,5. imperdivel, motivo mudança. 99658-5436 82013

PRÓX. COL. IMACULADA R. Fermino V. de Matos esq. R. Ipiranga, 03 suites, coz, todos os moveis c/ planejados, 03 slas, A.S. espaço gourmet, piscina garagem. Imob. Gondim Creci-6862-J Tel:99971-1320 81911

R. BENJAMI CONST. Imob. Gondim Creci-6862-J Tel: 3421-0034 81984

SOBRADO PRÓX CASSEMS

E São Francisco, R$600 mil. Dina Creci-4510 Tel:996720801 81903

SOBRADO SANTA FÊ

R. Benjamim Oshiro nº385 esquina c/ R. Eduardo C. Souza, c/ moveis planejado parte. Imob. Gondim Creci-6862-J Tel:3421-0034 81853

TERRA ROCHA

03 qtos, sl, coz, 02 wc + edic. R$210 mil. 996283834

81983

VILA TOSCANA 02 QTOS D+ dep. R$160 mil. Dina Creci-4510 Tel: 996720801

Chácaras 81626

ARRENDA: VILA VARGAS 1 chác. c/casa, barracão, pom. pisc. conf. leiteria. 99933-6060 81854

CHÁCARA BARREIRINHO Km1.2 á esquerda, área 38.620 mts, c/ casa energia, poço, 03 tanques. ótimo p/ eventos. 99607-8936 81961

CHÁCARA DOS SONHOS Rod. Dourados/Itaporã. Creci-8675. Fone: 99953-2850 81725

CHÁCRINHAS 3.325M² Próximo Trevo de Indapolis, R$120,000,00 Tel: 996021508


CLASSIFICADOS

2

O PROGRESSO

Dourados, quarta-feira 2.5.2018

81825

Comercial - Aluga 82032

COMERCIAL CENTRO Salas novas bem localizadas c/ +-52 m², banheiro, copa, area de ser viço, R$3.000,00 Creci-779-J: 3423-2255/99956-6319Imob. Athenas

JARDIM TROPICAL

No Municipio de Dourados-MS, R$800 mil reais. 99933-6060

Santa Fê imperdivel. Entrada + 72 parcelas fixas sem juros. Imob. Gondim Creci-6862-J Tel:3421-0034 ou 99665-0492

Excelente apto c/ 02 qtos, sala c/ sacada, cozinha, wc, c/ box, área de serviço, garagem coberta, portão eletronico R$750,00 Creci-779-J: 3423-2255/99956-6319. Imob. Athenas

Terrenos

82016

PROMOÇÃO DE LOTES Jd. das Palmeiras imperdivel, entrada+ 84 parc. fixas sem juros. Imob. Gondim Creci-6862-J Tel:3421-0034 ou 99971-1320

SALA C/ 40 M² Sala centro c/ 01 banheiro, R$1.100,00-Creci-779-J: 3423-2255/99956-6319. Imob. Athenas

81893

PROMOÇÃO DE LOTES Novo Parque Alvorada. Entrada + 72 parcelas fixas sem juros. Imob. Gondim Creci-6862-J Tel:3421-0034 ou 99971-1320

82036

SALA IZIDRO PEDROSO Salas próx. á Rua Coronel Ponciano, c/40 m², 01 copa, 01 banheiro R$450,00 Creci-779-J: 3423-2255-99956-6319. Imob. Athenas

81573

SITIÒCA BELA VISTA 1000 m² a 100 mts do asf. R$80 mil. (67)99996-8923 82051

82035

SITIOCA OURO FINO

SALAS CENTRO C/20 M²

Comercial - Venda

Vendo 1000 m². 999225966 ou 99965-8396 81832 81889

16.750M² ATRÁS DO Ecoville- prolongamento da albino torraca. Entrada+ 35 parcelas, pagamento facilitado. Guilherme-99627-2476 81896

82049

IMOVEL COMERCIAL AV. Weimar torres, centro, 360 m² terreno, 450 mil a/c proposta. Opção Imoveis Creci-9485. Tel:999033313/98403-4728 81912

SALÃO COMERCIAL AV. Joaquim T. Alves Creci-2645 Tel: 3421-0034

Fazendas 81581

2 MIL HECTARES VENDA Em Ribas do Rio Pardo-MS, R$15 milhões. 99933-6060 81826

ARRENDA-SE 01 FAZ. Em Nova Alvorada do sul, 242 hectares. 99933-6060 ou 99628-5674 81769

ARRENDA-SE 300 HECT. De Lavoura em Nova Alvorada do Sul. (67)99933-6060 ou (67)99628-5674 82018

FAZENDA EM CARACOL 250 hectares e 180 hectares. Tel:99817-5770 81880

MATA NATIVA P/ reserva legal c/ certificação. 99817-5770 81580

VENDE-SE 02 FAZENDAS Em Maracajú de 700 hectares e 242 hectares. 999336060 e 99615-3144

AO LADO MÃO DO BRAZ Terra Dourada Creci-6862-J Tel:99971-1320 81907

AO LADO SAMANBAIA. 20x50 Imob. Gondim Creci-6862-J Tel:3421-0034 81917

AV. MARCELINO PIRES 20x64=1.280m², grande opor tunidade unica, Imob. Gondim Creci-6862-J Tel:3421-0034 plantão-99971-1320 81997

BONANZA I 12X30 Aceita carro. 99954-2970

81999

CAMPO DOURADO 200M² 10x20 vendo urgente R$50 mil reais. trt. 99942-5855

AV. Weimar G. Tor r es nº5000- próxima concessionaria Jeep-17,50x40=700 m² , Pr e ç o : R : 790 mil. Tel:99137-0524/991990646/ 3422-7379 81585

ECOVILLE I 420 M² Ecoville i 18x23,29. Fone: 99967-7814 81898

JARDIM PELICANO Lotes c/ 450m², R$65 mil Creci-6862-J Tel:3421-0034 81901

JD. DAS PALMEIRAS Ao lado do Ecoville Creci-6862-J. Telefone para contato: 3421-0034

JD. GIRASSOL 1.800M²

01 ESTÂNCIA 36 HA

Imob. Gondim Creci-6862-J Tel:3421-0034 ou 999711320

Montada em Itapora, 15 mil sacas de soja. 99933-6060

MÔNACO A. PAINEIRAS

ARRENDA-SE 30 hectares em Itaporã-MS. 99933-6060 81823

ARRENDA-SE 60 HECT. Em Sirdrolândia-MS. 999336060 81713

SITIO DE 30 HECTARES Em Douradina, R$500 mil reais. 99933-6060 ou 99647-8866

82015

TERRENO C/E 1015M² R. Benjamin Constant, próx. Colégio Imaculada. Imob. Gondim Creci-6862-J Tel:99971-1320

230.000 m², própria para Loteamento perto do Jardim Mônaco. Tel: (47)999282326. 82006

VENDO TERRENO Em Cruzaltina 12x30 c/ água e energia, R$25.000,00. Trtr. 99214-8234

2

81960

Excelente terreno! Creci-8675 Tel:99953-2850

81981

MONTE CARLO ESQUINA R$160 mil 1/2 qd. R$85 mil. Dina Creci-4510 Tel: 99675-0801 81915

PARQUE ALVORADA Troca por carro. Imob. Gondim Creci-6862-J. Telefone para contato: 3421-0034 ou 99654-1615

Apto c/ 02 qtos, sala, cozinha, area de ser viço, banheiro, excelente p/ estudante. R$700,00 Creci-779-J: 3423-2255 ou 99956-6319 82030

PRÓX. Á UNIGRAN Apto, c/02 qtos, sala, cozinha, area wc, R$800,00 Creci-779-J 3423-2255 /99956-6319 iMOB. Athenas. 82034

RESD. ALBERTO MAXWEL Apto, c/ 1 sala, coz, c/ pia, A.E, balcão, wc c/ box, área de serviço, 1 vaga garagem. R$600,00 Creci-779-J: 3423-2255/99956-6319 82027

RESD. AREZZO apt. c/ 02 qtos, sala, cozinha, area de serviço portão eletronico. R$480,00 Creci-779-J:3423-2255 ou 99956-6319 Imob. Athenas

Apto-Venda 82010

APARTAMENTO BARATO 02 qtos, Resd. Sta Catarina, Creci-9491. Telefone para contato: 98405-2947 82048

APTO COBERTURA Ed. São Judas Tadeu, duplex com area de 500 m², piscina, espaço gourmet: Opção Imoveis Creci-9485 Tel:99903-3313/984034728

APTO. VILA BELA

APARTAMENTO CENTRO C/01 qto, sala, cozinha, area de serviço, wc, 1 vaga de garagem. R$600,00 Creci-779-J. Telefone para contato: 3423-2255 ou 99956-6319-Imob. Athenas 82028

APARTAMENTOS CENTRO Excelente para estudante, 01 qto, sala, cozinha c/ pi, banheiro c/ box, 01 vaga garagem coberta, portaria, elevador, salão p/ festa, R$550,00 Creci-779-J. Telefone para contato: 34232255 ou 99956-6319 Imob. Athenas 81942

APTO EM PONTA PORÃ Aluga próx. ao China c/ prop. Telefone para contato: 99988-7307 82025

JARDIM AMERICA Apartamento c/ 01 suite simples, 02 qtos, sala c/ sacada, cozinha planejada, wc social c/ box, area de serviço, garagem coberta, R$1.300,00 Creci-779-J :3423-2255 ou 999566319

81969

TOYOTA SW4 16/17 Flex, cor prata, 5 lugares. (67)99959-0779 81955

Ve n d o A p t o 1 º a n dar, aceito carro. cont. 98132-4161-Helio

Imob. Gondim Creci-6862-J. Telefone para contato: 3421-0034 81900

ED. PLAZA R. Humberto de Campos nº1215 c/ elevador Creci-6862-J. Telefone para contato: 3421-0034 ou 99971-1320 81913

ED. SÃO MICHAEL Imob. Gondim Creci-6862-J. Telefone para contato: 3421-0034 81910

ED. SÃO SEBASTIÃO Imob. Gondim Creci-6862-J Tel: 3421-0034 ou 999711320 82050

EDIFICIO PADDOCK Apto Alto Padrão 390 m² areaa total. Opção Imoveis Creci-9485.Telefone para contato: 999033313/98403-4728 81897

EDIFICIO PADDOCK Imob. Gondim Creci-6862-J Tel:3421-0034 ou 999711320 81503

OPORTUNIDADE

Hillux 2013 flex- SR, branca. Fone:99233-5256

Ford 81824

TROCA-SE 1 FORD KA 2012 por S-10 flex LTZ 2013. 99933-6060

R$160.000, 02 qtos, elevador próx. Unigran Creci-3055. Luiz Masson. Telefone para contato: 999517641

6

Diversos

Utilitários 81427

81963

VENDO OU ARRENDO

F-250 XLT 2009 CS

Espetaria montada tudo novo, bem localizada próximo á Unigran. (67) 999129472

Top, prata, 1º dono, só venda. 99999-0402 81948

FORD F-350 10/11 TOP

81613

Revisada 04 pneus novos. 99971-1970

VENDO PONTO DE ESQ. Bar e Petiscaria Centro de Dourados, montado pronto p/ trabalhar. Contato: 99680-0176

81701

S10 EXECUTIVE CD 10 Prata Diesel 4x4, top. Troco p/ Saveiro CD. F. 99971-6355 82008

Implementos Agrícolas

STRADA ADVENTURE 14/15 cd R$65 mil km, branca, 03 portas. 99636-5138 81954

81947

VENDE OU TROCA

82047

S-10 flex 10/11, preta, completa. whats. 99689-1095

02 CAMAS METAL

Volksvagem

Valor 170,00 reais cada, Tel: 99952-5959

81968

GOL 1.000 11/12 Branco, 02 ptas, 60 mkm, básico. R$13.500,00 F.99628-3508 81139

GOL GERAÇÃO 06 1.0 R$ 29 mil. 2014 branco, controle volante. 996641202

82000

ED. ILHA GREGAS

82026

Veículos e utilitários

VENDE-SE HILLUX

81908

Apto-Aluga

Automático, preto completo, R$24.000,00. (67)996201873

82029

81990

Apartamentos

3

82019

COROLLAXEI 04/04

PRÓX. Á UNIGRAN

81721

VENDO ÁREA NOBRE

81800

Sítios

81822

TERRENO C/ SALÃO Kitinet 420 m², em frente a Coab. R. Eulalia Pires. R$220.000,00. F. 996559983

COMERCIAL

81906

80650

82033

PROMOÇÃO DE LOTES

82037

Excelente p/ clinica, sala c/ banheiro c/ a.e, recepção coletiva, sala de espera coletiva, copa coletiva. R$850,00 Creci-779-J: 3423-2255/99956-6319 Imob. Athenas

81894

VENDE-SE 15,5 ALQUE.

GOL TREND LAND 14/15 completo. tr t. 99971-1525

4

81744

1 GARAPEIRA MÓVEL Com cober tura. 999522313. 81858

70 MURÕES Sendo 5 mestre, 300mts de arame, R$800,00 Tel:99985-5248 655

ALUGA CAMA ELÁSTICA Cama elástica e mesas, 99604-3056/ 99967-8993

Instalações e manutenções e elétrica. Tel. 9136-0018(CLARO) / 98319067(VIVO). C/ Edvaldo.

Instalação, manutenção. 99655-3780 81973

ELÉTRICA EM GERAL Residencial predial, industrial, instalação, manutenção. 99655-3780 81182 82011

CIVIC 05/06 AUT. Motor novo, ótimo carro. 99655-9983 81991

FIT HONDA EXL 15/15 Aut. + couro, impecavel, part. 99803-7291

Mitsubishi 81884

PAJERO DAKAR 15/16

ELETRICISTA Instalações, manutenções e montagem de padrão. Aceito Cartões. Tel: 99943-8856-Rodrigo.

ELETRICISTA Venda de motor de portão. 99862-5430 56019

FRETE E MUDANÇA Erisvaldo. Telefone para contato: 99699-4974 ou 3424-0386 81971

MOTOR PARA PORTÃO

Toyota

Instalação, manutenção. 99655-3780 81949

COROLLA 13/14 GLI Automatico, kit mult. câmara de rè, rabicho banco couro, farol de milha cor prata. 75 mkm. R$55.000,00 Tel:99874-9813

01 semeato de 08 linhas plantio direto e 01 semeato de 05 linhas, 01 semeadeira 13 linhas Jumil. 99933-6060

8

SOLICITANDO De Doação de fogão e tv. 99676-1474 81967

TRATOR MF-265 86 Vendo trator MF-265. Telefone para contato: 992908812

O contratante deverá solicitar referências do contratado. ATENÇÃO LEITOR GOLPISTAS estão postando anúncio nesse espaço se oferecendo para trabalhar como diarista ou doméstica e quando são contratadas acabam praticando furtos em residências ou empresas. Antes de contratar qualquer pessoa por meio de anúncio, procure se informar junto à Polícia Civil sobre os antecedentes da pessoa interessada na vaga. O jornal O PROGRESSO não tem qualquer responsabilidade sobre o comportamento ético das pessoas que anunciam em seu classificado. 81966

QUERO TRABALHAR Para Passar roupas. 999297638 81892

Empregos e oportunidades

QUERO TRABALHAR Passa-se roupas e limpa apar tamentos ou casas, tem referência. 996135854 81891

QUERO TRABALHAR O contratante deverá solicitar referências do contratado. FIQUE ATENTO Alguns oportunistas estão ofertando emprego por meio de anúncios nesse espaço, cobrando pelo cadastro e exigindo dados pessoais dos candidatos. Fique atento para os anúncios de oferta de emprego e, na dúvida, procure informação diretamente com o futuro empregador. Não pague por cadastro. Não caia em golpe!

81727

07 lugares, Diesiel, unico dono. 99654-0976

82012

82002

VENDE 3 PLANTADEIRAS

766

CERCA ELÉTRICA

Honda

4x4 Hidro c/ 30 metros de barra. 99971-1970

AR / ELETRICIDADE

81972

Veículos importados

PULVERIZADOR STARA

Procura-se Emprego

81962

CONTRA-SE CASAL

Ela Secretária em Escritório c/ exp. e Ele em serviços gerais. 99655-4076 ou 99675-6462-Gaucho. 81975

CONTRATA

Sexo Femenino p/ Financeiro c/ experiência. Curriculos p/ curriculos.multicorestintas@gmail.com

82021

CONTRATA-SE

Auxiliar de mecânico com experiência. Tratar-99936-8024 82045

PRECISA-SE

De Motorista c/ Curso MOPE. Tratar R.Hayel B. Faker, 1110. Esq. W-7

Motorista particular, idade 25 anos solteiro tem experiência c/ qualquer tipo de veiculo, tem disponibilidade de horário, tem referência. 99874-7436- Alex Souza 81950

QUERO TRABALHAR Diarista todos os dias. 99676-1474 82020

QUERO TRABALHAR Diaria, passo roupas de segunda á sexta-fei ra. 3 4 2 5 -8 5 4 7 ou 99828-0992-whats. 81759

QUERO TRABALHAR Casal procuro serviço em sitio, chacara ou fazenda caseiro e campeiro com boas referências. contato:99960-0186 Assis. 82005

QUERO TRABALHAR Auxiliar de serralheiro ou serviços. 99907-1614 82004

QUERO TRABALHAR Cuidar de idosos com exp. em acamados, alimentação atraves de sonda colostomia etc. tel:99940-2706Kelli Regina Semeler 81970

QUERO TRABALHAR Ser viços gerais, babá, diarias c/ exp. e ref. 99854-0123-Fabiana


CLASSIFICADOS

3

O PROGRESSO

Dourados, quarta-feira 2.5.2018

81986

QUERO TRABALHAR

Em Restaurante ou diarista para todo os serviços. Tel: 99631-6963/99995-2256Rosilene c/ ref. 81980

QUERO TRABALHAR

Em fazendas c/ exp. trab. c/ gado campo. 996839287- Nilton 81789

QUERO TRABALHAR

BabĂĄ. Gabriela-99932-5557/ 99200-6056 81940

QUERO TRABALHAR

Casal sem ďŹ lho se oferece p/ trabalhar em sitio ou chĂĄcara c/ exp. e ref. bovinos suinos e aves. 99931-2327 81978

QUERO TRABALHAR

De auxiliar de cozinha, atendente, diarista, babĂĄ ou passar roupas para familia. moro no Parque Alvorada. Rosi-99658-8799

1Âş TABELIONATO DE PROTESTO DE TĂ?TULOS DA COMARCA DE DOURADOS EDITAL DE INTIMAĂ‡ĂƒO SĂŠrgio Julian Zanella Martinez Caro, TabeliĂŁo de Protesto da Comarca de Dourados - MS, FAZ SABER que se encontram para serem protestados os tĂ­tulos abaixo descritos. Por nĂŁo ter sido possĂ­vel ou cabĂ­vel a intimação pessoal no endereço fornecido pelo Apresentente, intima os devedores abaixo para pagar ou aceitar os tĂ­tulos, sob pena de protesto.

81965

DATA LIMITE PARA PAGAMENTO 07/05/2018

QUERO TRABALHAR

1Âş TABELIONATO DE PROTESTO DA COMARCA DE DOURADOS - MS Av. Weimar G. Torres, 2077 - Centro - Telefones (67) 3422-0334 / (67) 99835-3467 (whatsapp) HorĂĄrio de atendimento: 08h Ă s 11h e das 13h Ă s 17h

Diarista 2 x ou 3 x por semana. 99619-9791-Renata

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO 11Âş REGIMENTO DE CAVALARIA MECANIZADO (11Âş Regimento de Cavalaria Independente / 1919) “REGIMENTO MARECHAL DUTRAâ€? AVISO DE LICITAĂ‡ĂƒO O 11Âş Regimento de Cavalaria Mecanizado, situado na Praça Duque de Caxias, s/nÂş, Centro, Ponta PorĂŁ-MS, torna pĂşblico por meio de seu Pregoeiro que realizarĂĄ licitação para Registro de Preços, na modalidade PregĂŁo EletrĂ´nico, tipo menor preço, tendo como objeto Serviço de Confecção e Instalação de DivisĂłrias a fim de atender necessidades do 11Âş Regimento de Cavalaria Mecanizado (Ponta PorĂŁ-MS) e ĂłrgĂŁos participantes. O total de itens licitados ĂŠ de 16 (dezesseis) itens. O edital do PregĂŁo 04/2018 estarĂĄ disponĂ­vel na Seção de Aquisiçþes, Licitaçþes e Contratos do 11Âş R C Mec, de segunda a sexta-feira, das 10:00 Ă s 12:00 e das 14:00 Ă s 16:00 horas, no endereço supracitado ou por e-mail: salc.11rcmec@hotmail.com. A entrega das propostas poderĂĄ ser feita atravĂŠs do site www.comprasgovernamentais.gov.br a partir do dia 02 de Maio de 2018. A abertura do PregĂŁo estĂĄ prevista para o dia 21 de Maio de 2018, Ă s 09:00 horas (horĂĄrio de BrasĂ­lia-DF).

CUSTOS UNITĂ RIOS BĂ SICOS DE CONSTRUĂ‡ĂƒO MĂŠS: MARÇO ANO: 2018 (NBR 12.721:2006 - CUB 2006)

Os valores abaixo referem-se aos Custos Unitårios Båsicos de Construção (CUB/m²), calculados de acordo com a Lei Fed. nº. 4.591, de MARÇO DE 2018 "Estes custos unitårios foram calculados conforme disposto na ABNT NBR 12.721:2006, com base em novos projetos, novos memoriais descritivos e novos critÊrios de orçamentação e, portanto, constituem nova sÊrie histórica de custos unitårios, não comparåveis com a anterior, com a designação de CUB/2006". "Na formação destes custos unitårios båsicos não foram considerados os seguintes itens, que devem ser levados em conta na determinação dos preços por metro quadrado de construção, de acordo com o estabelecido no projeto e especificaçþes correspondentes a cada caso particular: fundaçþes, submuramentos, paredes-diafragma, tirantes, rebaixamento de lençol freåtico; elevador(es); equipamentos e instalaçþes, tais como: fogþes, aquecedores, bombas de recalque, incineração, ar-condicionado, calefação, ventilação e exaustão, outros; playground (quando não classificado como årea construída); obras e serviços complementares; urbanização, recreação (piscinas, campos de esporte), ajardinamento, instalação e regulamentação do condomínio; e outros serviços (que devem ser discriminados no Anexo A - quadro III); impostos, taxas e emolumentos cartoriais, projetos: projetos arquitetônicos, projeto estrutural, projeto de instalação, projetos especiais; remuneração do construtor; remuneração do incorporador."

PROJETOS - PADRĂƒO RESIDENCIAIS PADRĂƒO BAIXO Projeto

R$/m²

5 33 5 3,6

1.127,75 1.053,63 1.003,75 777,47

PADRĂƒO NORMAL

var.% mĂŞs

0,09% 0,12% 0,12% 0,17%

PADRĂƒO ALTO

Projeto

R$/m²

var.% mĂŞs

Projeto

R$/m²

var.% mĂŞs

R-1 PP-4 R-8 R-16

1.323,60 1.267,31 1.112,85 1.079,93

0,09% 0,09% 0,10% 0,08%

R-1 R-8 R-16

1.651,71 1.352,11 1.420,72

0,09% 0,08% 0,14%

CUB/M² - R8-N = R$ 1.112,85 9$50(16$/ 0mRGHREUD 0DWHULDO 'HVSHVDV$GPLQLVWU (TXLSDPHQWRV

&8672727$/

    

    

0mRGHREUD HQFDUJRV

0DWHULDO 'HVSHVDV$GPLQLVWUDWLYDV (TXLSDPHQWRV

    

PROJETOS - PADRĂƒO COMERCIAIS CAL (Comercial Andares Livres) e CSL (Comercial Salas e Lojas) PADRĂƒO NORMAL

PADRĂƒO ALTO

Projeto

R$/m²

var.% mĂŞs

Projeto

R$/m²

var.% mĂŞs

CAL - 8 CSL - 8 CSL - 16

1.309,84 1.109,27 1.480,55

0,09% 0,09% 0,11%

CAL - 8 CSL - 8 CSL - 16

1.410,31 1.217,41 1.620,91

0,07% 0,10% 0,11%

PROJETOS - PADRĂƒO GALPĂƒO INDUSTRIAL (GI) E RESIDĂŠNCIA POPULAR (RP1Q)

SIGLAS R-1: PP-4: R-8: R-16: PIS:

ResidĂŞncia Unifamiliar PrĂŠdio Popular ResidĂŞncia Multifamiliar ResidĂŞncia Multifamiliar Projeto de Interesse Social

Projeto

R$/m²

var.% mĂŞs

RP1Q GI

1.137,95 608,91

0,18% 0,10% SIGLAS RPQ1: CAL-8: CSL-8: CSL-16: GI:

ResidĂŞncia Popular Comercial Andares Livres Comercial Salas e Lojas Comercial Salas e Lojas GalpĂŁo Industrial

Rua Spipe Calarge, 1479 - Vila Morumbi - CEP: 79051-560 - Campo Grande-MS Telefone: (67) 3387-8884 - Fax: 3387-0909 - E-mail: sindusconms@sindusconms.com.br

PROTOCOLO 228.431-26/04/2018 228.457-26/04/2018 228.423-26/04/2018 228.516-27/04/2018 228.311-25/04/2018 228.464-26/04/2018 228.341-25/04/2018 228.448-26/04/2018 228.465-26/04/2018 228.447-26/04/2018 228.286-25/04/2018 228.313-25/04/2018 228.329-25/04/2018 228.368-26/04/2018 228.285-25/04/2018 228.330-25/04/2018 228.284-25/04/2018 228.337-25/04/2018 228.369-26/04/2018 228.432-26/04/2018 228.349-26/04/2018

DEVEDOR NATUREZA/TĂ?TULO DMI / 00000084031 ALLAN NIELSON ALVARES DE ALCANTAR DMI / F015060/07 ALTAIR GONZAGA DE SOUZA DMI / NF621902 ANDERSON MARQUES CAETANO (MAX M DMI / 31146-0 BEATRIZ ALMEIDA SOUTO DMI / 308939 CHIQ DOG ESTETICA ANI (1487-3) DMI / RGM10373 CLECIANE BEZERRA DE SOUZA NUNES V CH / 850007 DENISE DE MELO GONCALVES DMI / 3871 GILSON ESQUIVEL MARQUES DMI / 11406 JAQUELINE BRESOLIN P/ ACAI CLUB DEL DSI / 0018210026 JENIFER RIBEIRO BEZERRA DMI / 00555402 JOAO MARCOS LEANDRO COSTA DMI / 007398/C JONATAN DIEGO DE OLIVEIRA MORE DMI / 9563-2/3 JORGE BAUR NETO DMI / 105512 MARCIA MARIA BARBOSA DMI / 6001 MARLENE DE FATIMA ESTOPA DMI / MENSAL 17 NICACIA MANFRE FERREIRA DMI / 556/2 PORTICO ENGENHARIA LTDA ME CH / UA-000005 RONIVALDO DA SILVA DE OLIVEIRA DMI / 135 SOSSOLOTI PRICINATO LTDA ME CBI / 00363498400 VALDEMIR DIAS DE OLIVEIRA DMI / 079/01 VANESSA MARIANA SOARES

Dourados - MS,02 de maio de 2018

Ă€ PAGAR R$ VALOR R$ 4.425,00 4.677,40 341,00 433,12 170,00 228,00 2.086,92 2.255,62 827,78 915,48 500,00 599,35 465,00 548,65 594,20 711,48 730,00 846,70 175,00 233,00 770,60 858,30 856,00 943,70 335,00 405,15 2.500,00 2.668,70 2.900,00 3.068,70 765,55 875,16 3.330,00 3.540,55 4.700,00 4.952,40 268,51 333,26 15.894,00 2.562,84 500,00 583,65

EMISSĂƒO 17/01/2018 23/08/2017 19/02/2018 17/04/2018 17/04/2018 17/01/2018 16/01/2018 06/02/2018 13/04/2018 20/05/2016 08/02/2018 22/12/2017 16/02/2018 02/02/2018 17/01/2018 18/11/2016 28/12/2017 30/03/2018 20/03/2018 30/11/2017 07/02/2018

VENCIMENTO 16/02/2018 10/04/2018 19/04/2018 20/04/2018 23/04/2018 15/04/2018 22/03/2018 20/04/2018 20/04/2018 10/04/2018 19/04/2018 22/03/2018 17/04/2018 10/04/2018 01/03/2018 25/03/2018 15/03/2018 02/04/2018 20/04/2018 A VISTA 16/04/2018

SĂŠrgio Julian Zanella MartĂ­nez Caro TabeliĂŁo de Protesto

MOTIVO Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento


4

O PROGRESSO

Dourados, quarta-feira 2.5.2018

ESPAÇO ECUMÊNICO

Maior Dádiva de Deus ao Homem )ž%$+»jÜ

A maior de todas as dádivas de Deus ao homem é a do intelecto, ou entendimento. O entendimento é o poder pelo qual o homem adquire conhecimento dos diversos reinos da criação e dos vários períodos da existência, assim como de grande parte do que é invisível. Possuindo esse dom, ele é, em si mesmo, a soma das primeiras criaturas; pode entrar em contato com esses reinos e, por meio desse dom, pode, freqüentemente, através do seu conhecimen-

to científico, discorrer com visão profética. O intelecto é, na verdade, o dom mais precioso concedido ao homem pela Generosidade Divina. Somente o homem, entre os seres criados, tem este maravilhoso poder. Toda a criação anterior ao Homem está ligada à severa lei da natureza. O grande sol, a multidão de estrelas, os oceanos e os mares, as montanhas, os rios, as árvores e todos os animais grandes ou pequenos - nenhum deles pode fugir da obediência à lei da natureza. Unicamente o homem tem liberdade e, pelo seu entendimento ou intelecto, tem

sido capaz de controlar e adaptar algumas dessas leis naturais às suas próprias necessidades. Com o poder do intelecto, tem descoberto meios pelos quais não só atravessa grandes continentes em trens expressos e cruza vastos oceanos em navios, como, semelhante ao peixe, viaja debaixo d’água em submarinos e, imitando os pássaros, voa através do ar em aviões. O homem tem conseguido usar a eletricidade de várias maneiras - para luz, para força motriz, para enviar mensagens de uma à outra extremidade da terra - e, com a eletricidade, pode até ouvir uma voz a mui-

tas milhas de distância! Por meio desse dom de entendimento ou inteligência, tem podido usar os raios do sol para retratar pessoas e coisas e até para captar a forma de corpos celestes distantes. Percebemos de que numerosas maneiras o homem tem conseguido subjugar as forças da natureza à sua vontade. Quão doloroso é verificar que esse dom que Deus lhe deu o homem tem utilizado para construir instrumentos de guerra, quebrando o Mandamento de Deus “Não matarás” e afrontando a recomendação de Cristo

“Amai-vos uns aos outros”. Deus deu este poder ao homem a fim de que fosse usado para o progresso da civilização, para o bem da humanidade, para aumentar o amor, a concórdia e a paz. Mas o homem prefere usar este dom para destruir em vez de construir, para a injustiça e a opressão, para o ódio, a discórdia e a devastação, para a destruição dos seus semelhantes, aos quais Cristo recomendou que ele amasse como a si próprio! Espero que vosso entendimento seja usado para promover a união e a tranqüilidade do gênero humano, para dar esclarecimento

e civilização ao povo, para produzir amor em todos ao redor de vós e para realizar a paz universal. Estudai as ciências, adquiri cada vez mais conhecimento. Seguramente pode-se aprender até o fim da vida! Usai sempre vosso conhecimento para beneficio do próximo, a fim de que a guerra cesse na face desta bela terra e um glorioso edifício de paz e concórdia seja levantado. Esforçai-vos para que vossos altos ideais sejam realizados no Reino de Deus sobre a terra, como serão no Céu.” (Palestra de ‘Abdu’l-Bahá em Paris, 1911). Visite o site oficial: www. bahai.org.br

alteração do quadro. A frequência ao templo religioso, com as práticas próprias de cada religião e mesmo a prece em casa, são recursos preciosos para acalmar esses ímpetos desagradáveis que ocorrem com nossas crianças. E, claro, a mudança para melhor no comportamento dos adultos. O fato final é que pais e educadores não podem ignorar tais ocorrências. As crianças trazem consigo seus traumas e dificuldades e precisam da orientação e ajuda dos adultos. Nem sempre conseguem entender e superar os enfrentamentos que a vida vai trazendo. Como ignorar isso? Por omissão desse quadro é que estamos tendo tantos adultos e jovens desequilibrados promovendo tantas tragédias no cotidiano da vida humana. É pela nossa indiferença

em casa também que muitos de nossos jovens adentram o perigoso caminho das drogas e se deixam arrastar pela violência. Existem, é claro, outras causas e também não podemos generalizar, mas os filhos precisam do carinho dos pais e seus educadores e o grande desafio é que esse carinho não pode ser castrador nem liberal demais. O equilíbrio entre os dois pontos é o grande desafio para os pais. Falar para eles, desde tenra idade, da bondade de Deus para conosco, do respeito aos animais, ao patrimônio público, aos mais velhos, às instituições, aos professores; ensinar-lhes a orar, falar-lhes diretamente ao coração – com exemplos – do Evangelho do Cristo é vacina certa e indicada que evita o adulto ou o jovem desequilibrado dos anos futuros. Essa semeadura prudente

evita o egoísmo feroz que caracteriza a sociedade moderna, geradora de tanta violência e desrespeito ou indiferença para com a vida. A gratidão, a alegria de viver, a honestidade, a coragem, a determinação e a fé são valores que os pais e educadores nunca devem desistir de transmitir às novas gerações. Basta pensar que nunca esquecemos as lições de honestidade que recebemos de nossos pais. Nunca esqueceremos os exemplos de dignidade, perseverança e trabalho que semearam no ambiente doméstico e da fé ardente que nos transmitiram. Isso faz o adulto consciente. As bagagens do adulto se formam na infância, sob influência direta do adulto. Estejamos, pois, atentos, com nosso dever de educar! *Orson Peter Carrara - Palestrante e escritor espírita – www.vozesespiritas.com.br

Um menino de dez anos (63,5,7,602

E

nquanto os pais assistiam ao show musical, acomodados no grande salão do belo teatro, o garoto de apenas dez anos estava no banheiro “aprontando”. Ele simplesmente “socou” vários rolos de papel higiênico nos vasos sanitários, entupiu os ralos do chão e das pias com o mesmo papel picadinho e saiu deixando todas as torneiras abertas. O resultado não se fez esperar. Em breve tempo a água invadiu o espaço todo que dava acesso aos sanitários, surpreendendo o público e funcionários na saída do show. O autor da “arte” não foi descoberto no momento. A mãe veio me contar posteriormente porque o garoto, ouvindo minha palestra sobre

minha timidez na infância e adolescência, quis conversar comigo. Disse-me ele do enfrentamento com os colegas na sala de aula, que o atormentam – segundo sua versão –, razão pela qual identificou-se com a minha fala. Durante nossa conversa, transmiti-lhe otimismo, pedi-lhe que não reagisse às provocações, abracei-o e o estimulei ao bom comportamento. Mas eu ainda não sabia do episódio do teatro. Depois juntei as peças. O garoto, como qualquer criança da sua idade, ainda não tem noção exata, nem maturidade para muitas situações, embora saibam bem as crianças dessa idade o que é certo e o que é errado. Mas o episódio do banheiro, ainda que sendo uma aventura irresponsável com evidentes prejuízos, é também uma explosão de agressão às dificuldades próprias dos embates da idade

nos confrontos com colegas da mesma faixa etária. Sentindo-se acuado, pressionado, a reação vai se apresentar de alguma forma, até para chamar a atenção. Os psicólogos tem melhores condições do que eu para bem definir tais situações e até sugestões para atenuar essas crises e reações internas que não estão apenas na infância, mas também na idade adulta. Quantos adultos que agem como crianças mimadas! Mas o fato é que, percebendo os pais tais dificuldades, a ajuda e apoio precisam aparecer, para não piorar a situação. O diálogo, a presença carinhosa ao invés de punitiva, o exemplo de companheirismo e compreensão e as orientações de pais e educadores e até mesmo a terapia psicológica são de grande valia para

Compromisso pode causar muita dor ,*5(-$/87(5$1$

O

lá, bom dia amados por Jesus Cristo. Quero saudá-los /com as palavras Bíblicas de Efésios 1.4, onde interpretando lemos: “Este é o milagre dos milagres: que o amor de Deus veio a nós e construiu uma ponte, Jesus, antes de qualquer tentativa nossa de ir ao encontro Dele”. Vivemos tempos em que as palavras não valem muito.

Foi-se o tempo em que o “fio de Bigode” era uma questão de honra. Hoje palavras são ditas e desditas, promessas são feitas e não cumpridas. Votos são feitos e depois quebrados. Enfim, vivemos um tempo em que a confiança e o comprometimento passam a anos luz de muitos seres humanos. Parece que as pessoas tem medo de se comprometer com algo ou alguém, medo de assumir um compromisso. É verdade que a fidelidade, o compromisso pode causar muita dor. Mesmo sob as

mais favoráveis circunstâncias, compromissos podem vir a ser algo doloroso. Na realidade, é a possibilidade da dor que faz com que o compromisso se torne ainda muito mais significativo na sua essência e relevância. Qual seria o valor de um compromisso se não trouxesse consigo um preço a ser pago? Qual seria a recompensa se a luta estivesse ausente? Como a vida é feita de escolhas e compromissos, meu conselho hoje é que você es-

colha os seus compromissos com cuidado, mas não os evite. Uma vez que um compromisso é assumido, pode estar certo de que, eventualmente, algumas dores e aflições surgirão em meio à sua jornada. Esteja preparado para certos desconfortos e pronto a fazer certos sacrifícios. Mas existe um outro lado da moeda. Sendo assim, os compromissos podem trazer coisas valiosíssimas às nossas vidas; e, no desenrolar do processo, você experi-

menta um precioso crescimento. Acredite que o compromisso com o seu cônjuge, com os seus filhos, com a sua comunidade, com a sua igreja, com os seus amigos, com a sua fé, com o seu trabalho, com o seu futuro irão trazer-lhe benefícios duradouros. Um fato inquestionável é que, nesta vida, ninguém vai muito longe sem a presença do compromisso. Vá em frente, faça o compromisso que você sente que pode e deve fazer, assuma as dificuldades e construa algo valioso em

sua vida. Com esta certeza e comprometido com ela. Faça isto, examine as possibilidades, experimente a amar e se importar com as pessoas e verás como tua vida também será melhor e com maior sentido, pois pais e mães intercedem por nós. Tenham uma abençoada semana. Nosso endereço: Rua Benjamim Constant esquina com a Rua Lúcio Nunes Stein. *Erivelton Demari – Pastor na IECLB – eriveltonsdemari@yahoo.com.br - www. luteranos.com.br

preço da obediência do nosso Senhor. Na obediência ao Pai, divino Agricultor, Jesus deu para nós fruto de vida eterna. Morreu, mas está vivo para sempre! Bendito seja o Senhor! A Ele a glória. Essa Videira viva e verdadeira (Cf. Evangelho de Jo 15,1-8), plena do Santo Espírito, que é a vida do Pai, nos vivifica. Foi por nós que Jesus, a Videira, morreu; foi por nossa causa que ele ressuscitou! Escutemo-Lo ainda: Todo ramo que em mim não dá fruto o Pai o corta; e todo ramo que dá fruto, ele o poda, para que dê mais fruto ainda. “Permaneci em mim e eu permanecerei em vós. Como não pode dá fruto por si mesmo, se não permanecer na videira, assim também vós, se não permanecerdes em mim. Eu sou a videira e vós sois os ramos”. Fomos enxertados na videira verdadeira: em Jesus, somos a Igreja, o novo Israel, a vinha eleita do Senhor. Somo-lo, porque, pelo batismo, fomos enxertados em Cristo e, agora,

vivemos da sua seiva bendita, que é o Santo Espírito. São João nos diz na segunda leitura, que sabemos que Deus permanece conosco e nós nele porque temos o seu Espírito. Estamos unidos a Cristo de verdade, de verdade vivemos a sua vida nova, vida que ele adquiriu na ressurreição. O que o Senhor espera de nós? Ele espera bons frutos; doces da doçura do Cristo que, por nosso amor, fez-se obediente até a morte e morte de cruz! São João nos diz na segunda leitura (Cf. 1Jo 3,18-24) que o fruto que podemos produzir é crer no Filho amado e nos amar uns aos outros, como ele nos mandou. Compreendamos que ser cristão é viver enxertados em Cristo e nos tornamos ramos da mesma videira. Podemos dizer a mesma coisa de outro modo, usando as palavras de São Paulo: Cristo é a Cabeça, nós somos os membros do corpo que é a Igreja. Os membros vivem da vida da Cabeça como os ramos vivem

da seiva que brota do tronco. A Igreja nasce de Cristo, ela nos é anterior; e nós, pela graça de Deus, somos nela enxertados pelo batismo e alimentados pela eucaristia. Ser cristão é ser Igreja; e ser Igreja é estar profundamente unido a Cristo e, em Cristo, unidos uns aos outros. Vivemos a mesma vida, nutrimo-nos da mesma seiva: esta vida, esta seiva é o Santo Espírito do Ressuscitado! Fora de Cristo, que fruto daríamos? Separados do tronco, fora da videira, como permaneceríamos vivos da vida divina? Como poderíamos produzir frutos de vida eterna? É permanecendo em Cristo, cabeça e tronco da Igreja, que viveremos da sua energia, da sua seiva, isto é, do seu Espírito Santo. Mas, isso não nos livra das dificuldades. Desde os inícios, a vida dos cristãos é marcada por provações interiores e exteriores; desde as origens há dificuldades mesmo entre os irmãos na fé. Meditemos na situação da primeira lei-

tura deste domingo (Cf. At 9,26-31): a desconfiança da comunidade em relação a São Paulo: tribulações exteriores, tribulações interiores; momentos de dor, momentos de escuridão. Não estamos seguros em Cristo? Sim! Mas, não seguros de seguranças humanas! Jesus nos previne no Evangelho de hoje para as podas da vida, podas que o Pai consente, para que demos fruto de vida eterna, fruto de uma vida totalmente enxertada em Cristo e, com Cristo, em Deus: “Todo ramo que em mim não dá fruto o Pai o corta; e todo ramo que dá fruto, ele o limpa, para que dê mais fruto ainda”. Batizados em Cristo, n’Ele permaneçamos enxertados; alimentemo-nos da Sua seiva na eucaristia; suportemos com absoluta confiança nele as podas e purificações da vida. Se o fizermos, produziremos verdadeiro fruto, fruto de vida eterna. Amém! *Cardeal Orani João Tempesta - Arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro (RJ)

Eu sou a videira ,*5(-$&$7Í/,&$

N

o Domingo passado escutamos o Senhor Jesus, vencedor da morte, Autor da Vida, que nos revelava com doçura e profundidade: “Eu sou o Bom Pastor” (Jo 10,11). Neste 5º Domingo da Páscoa, novamente, voltamos nosso olhar para o Senhor, imolado por nós e, por nós, ressuscitado; escutemo-lo mais uma vez: “Eu sou a videira verdadeira e meu Pai é o agricultor!” Para compreender esta palavra de Jesus é necessário recordar o povo de Israel, a vinha eleita de Deus, vinha que o Senhor arrancou do Egito e plantou na terra santa; vinha que o Senhor cercou de cuidados e de carinho. Vinha que, no entanto, não deu os frutos esperados! Escutemos as queixas do Senhor pela boca do Profeta Isaías: “Que me restava fazer à minha vinha que eu não tenha feito? Por que, quando eu esperava

que ela desse uvas boas, deu apenas uvas azedas? Agora vos farei saber o que vou fazer da minha vinha! Arrancarei a sua cerca para que sirva de pasto, derrubarei seu muro para que seja pisada”. “A vinha do Senhor dos Exércitos é a casa de Israel; e os homens de Judá são a sua plantação preciosa. Deles esperava o direito, mas o que produziram foi transgressão; esperava a justiça, mas o que apareceu foram gritos de desespero” (Is 5,4-5.7). Agora surge Aquele que é o novo Israel, a verdadeira videira que dá o bom fruto, o fruto doce da obediência ao Pai até a morte e morte de cruz! Jesus é o Israel fidelíssimo, a verdadeira vinha plantada pelo Pai. Na obediência e na fidelidade, ele deu fruto de vida eterna. O salmo de meditação da Missa deste domingo, um trecho do Salmo 21, aquele mesmo que Jesus rezou na cruz e que começa com a súplica “Meu Deus, meu Deus, por que me abandonaste?” – o Salmo recorda bem o

Edição de 02/maio de 2018  
Edição de 02/maio de 2018  
Advertisement